ÍNDICE PAULISTA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL IPRS 2008

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ÍNDICE PAULISTA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL IPRS 2008"

Transcrição

1 ÍNDICE PAULISTA DE RESPONSABILIDADE SOCIAL IPRS 2008 Fevereiro 2011 SECRETARIA DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO REGIONAL

2 IPRS 2008 versão : Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo solicitou à Fundação Seade a construção de indicadores que acompanhassem o paradigma do desenvolvimento humano: pressupõe que a renda é insuficiente como único indicador das condições de vida de uma população e propõe a inclusão de outras dimensões necessárias a sua mensuração, tais como as condições de saúde e de educação das populações 2011: O Índice Paulista de Responsabilidade Social IPRS consolida-se a cada nova edição como ferramenta para identificar o perfil dos municípios paulistas e projetar, ainda, a visão da região administrativa onde estão inseridos e a sua posição em relação ao desempenho médio do Estado

3 IPRS 2008 Potencialidades Ótica municipal Disponibiliza informações socioeconômicas padronizadas juntamente com um sistema de indicadores consistente e atualizado Ótica regional Permite às administrações municipais identificar seus pontos fortes e seus problemas, confrontando-se com municípios semelhantes A análise das informações dos municípios bem posicionados no IPRS incentiva a busca de soluções, por meio de parcerias regionais ou da adoção de práticas bem-sucedidas nesses municípios Propicia a competição saudável entre municípios no intuito de melhorar as condições de vida de suas populações

4 IPRS 2008 Características Indicador sintético: combina as condições atuais, em termos de renda, escolaridade e longevidade, e caracteriza de forma mais rica e completa determinadas situações que afetam indivíduos e famílias residentes nos municípios paulistas Registros administrativos: possibilitam a atualização com periodicidade bienal Indicadores de curto prazo: por exemplo, a redução expressiva da mortalidade infantil é automaticamente captada pelo indicador associado à dimensão longevidade Tipologia de municípios: os governos locais precisam conhecer o significado de cada componente do indicador para avaliar a dimensão a ser mais substantivamente trabalhada. Isso implica a identificação de tipos de municípios

5 IPRS 2008 Características Grupo 1: Municípios com índice elevado de riqueza e bons níveis nos indicadores sociais (longevidade e escolaridade médio/alto) Grupo 2: Municípios com níveis de riqueza elevados, mas indicadores sociais insatisfatórios (longevidade e/ou escolaridade baixo) Grupo 3: Municípios com baixos níveis de riqueza, mas bons indicadores sociais (longevidade e escolaridade médio/alto) Grupo 4: Municípios com baixos níveis de riqueza e indicadores intermediários de longevidade e/ou escolaridade (níveis baixos) Grupo 5: Municípios mais desfavorecidos do Estado, tanto em riqueza como nos indicadores sociais (longevidade e escolaridade baixo)

6 IPRS 2008 Componentes Riqueza Consumo residencial de energia elétrica (44%) Consumo de energia elétrica na agricultura, no comércio e nos serviços (23%) Remuneração média dos empregados com carteira assinada (19%) Valor adicionado fiscal per capita (14%) Produto municipal per capita e renda pessoal municipal per capita Longevidade Taxa de mortalidade infantil (30%) Taxa de mortalidade perinatal (30%) Taxa de mortalidade das pessoas de 15 a 39 anos (20%) Taxa de mortalidade das pessoas de 60 anos e mais (20%) Saúde e segurança Escolaridade % de jovens de 15 a 17 anos com ensino fundamental completo (36%) % de jovens de 15 a 17 anos com pelo menos quatro anos de estudo (8%) % de jovens de 18 a 19 anos com ensino médio completo (36%) % de crianças de 5 a 6 anos que freqüentam pré-escola (20%) Conclusão do ensino básico e analfabetismo funcional

7 IPRS 2008 O caráter relativo Os parâmetros norteadores do IPRS são definidos a partir dos próprios dados que lhe dão origem. Em outras palavras, as categorias baixa, média e alta que caracterizam os grupos de municípios são estabelecidas segundo a realidade dos 645 municípios, no ano em análise Por exemplo: 2004: para um município ser classificado como de alta escolaridade, em 2004, a configuração dos componentes do indicador sintético de escolaridade minimamente desejável era representada pelo escore : para um município ser classificado como de alta escolaridade, em 2006, a configuração dos componentes do indicador sintético de escolaridade minimamente desejável era representada pelo escore 68

8 IPRS 2008 Grupo 1 Reúne 61 municípios com elevado nível de riqueza e bons indicadores sociais Os 61 municípios que compunham o grupo abrigavam 20 milhões de pessoas, ou aproximadamente 50% da população estadual, tornando-o o maior dos cinco grupos em população 7 dos 10 maiores municípios paulistas faziam parte dele (São Paulo, Osasco, Santo André, São José dos Campos, Sorocaba, Ribeirão Preto e Santos), além de importantes polos regionais como São José do Rio Preto, Taubaté, Araraquara e Bauru

9 IPRS 2008 Grupo 2 Engloba 83 localidades com bons níveis de riqueza, que não se refletem nos indicadores sociais, os quais se situam aquém dos registrados pelos municípios pertencentes ao Grupo 1 Entre 2006 e 2008, aumentou de 78 para 83 o número de municípios classificados nesse grupo. Tal fato decorreu da relativa estabilidade, no período, do indicador de longevidade nos municípios que o compõem, quando comparados com os demais municípios do Estado Em 2008, essas cidades representavam 28% da população estadual, totalizando mais de 11 milhões de habitantes. Campinas é o maior município desse grupo

10 IPRS 2008 Grupo municípios com nível de riqueza baixo, mas com bons indicadores nas dimensões escolaridade e longevidade Caracterizado por englobar pequenos municípios Totalizava menos de 10% da população estadual, 3,2 milhões de pessoas em 2008, equivalendo à média de 18 mil habitantes por município Apenas 12 municípios do grupo possuem mais de 50 mil habitantes. Somente Franca, Marília, Jaú, Poá e Birigüi registram população superior a 100 mil pessoas

11 IPRS 2008 Grupo 4 Com 204 municípios, esse grupo apresenta baixa riqueza e níveis intermediários de longevidade e/ou escolaridade 4,3 milhões de habitantes (10% da população estadual), em 2008 Composto por municípios dispersos em quase todas as regiões do Estado, com destaque para as regiões administrativas de Presidente Prudente, Marília, Araçatuba, São José do Rio Preto e Sorocaba

12 IPRS 2008 Grupo 5 Composto 114 por localidades tradicionalmente pobres, com baixos níveis de riqueza, longevidade e escolaridade Em 2008, apresentava população de aproximadamente 2,4 milhões de pessoas (pouco mais de 5% do total estadual) As regiões administrativas de Campinas, Sorocaba, São José dos Campos, Bauru, Franca e Registro compreendem 93 das localidades classificadas no Grupo 5, ou seja, aproximadamente 82%

13 IPRS 2008 Grupo 1 Grupo 2 Grupo 3 Grupo 4 Grupo 5 Fonte: Fundação Seade. Índice Paulista de Responsabilidade Social IPRS.

14 IPRS 2008 Os 30 municípios mais bem posicionados em Riqueza, Longevidade e Escolaridade Ranking Riqueza Longevidade Escolaridade 1 São Sebastião Nova Canaã Paulista São Caetano do Sul 2 Barueri Parisi Holambra 3 Bertioga Nova Castilho Poloni 4 Santana de Parnaíba Emilianópolis Nhandeara 5 Guarujá Ribeirão dos Índios Auriflama 6 Vinhedo Cássia dos Coqueiros Santa Rita d'oeste 7 Santos Dolcinópolis Águas de São Pedro 8 Ilhabela Óleo Valinhos 9 São Caetano do Sul São João de Iracema Pedrinhas Paulista 10 Paulínia Santa Rita d'oeste Urupês 11 Ibiúna Piquerobi Americana 12 Campos do Jordão Embaúba Adamantina 13 São Paulo Caiuá Jundiaí 14 São Bernardo do Campo São João do Pau d'alho Tupi Paulista 15 Louveira Trabiju Rincão 16 Cotia Rubinéia Santa Adélia 17 Itu Oscar Bressane Dirce Reis 18 Praia Grande Narandiba Alumínio 19 Alumínio Aspásia Vitória Brasil 20 Jaguariúna Mirante do Paranapanema Estrela d'oeste 21 Valinhos São Luís do Paraitinga Dolcinópolis 22 Ubatuba Alfredo Marcondes Iepê 23 Araçariguama Mendonça Jaguariúna 24 Itapecerica da Serra Coroados Inúbia Paulista 25 Jundiaí Turiúba Mira Estrela 26 Osasco Nova Luzitânia Osvaldo Cruz 27 Ilha Solteira Bananal Jales 28 Campinas Vitória Brasil Valparaíso 29 Águas de São Pedro Taguaí Lourdes 30 Cubatão Dirce Reis Caiabu

15 IPRS 2008 Evolução no período de 2000 a 2008 dos indicadores de longevidade e escolaridade 2008 padrão Níveis de longevidade e escolaridade médios ou altos Níveis de longevidade e escolaridade baixos Ao longo da década, a quase totalidade dos 645 municípios do Estado (589) avançou substantivamente nas dimensões sociais, com o aumento da longevidade e escolaridade da população ali residente 66 localidades, ainda não conseguiram atingir os níveis satisfatórios estabelecidos no início da década para essas dimensões

16 IPRS 2008 Evolução no período de 2000 a 2008 do indicador de riqueza municipal 2008 padrão Nível de riqueza alto Nível de riqueza baixo A dimensão riqueza municipal mantém-se concentrada nos históricos eixos de desenvolvimento do Estado no entorno da Região Metropolitana de São Paulo e ao longo das Rodovias Anhangüera e Presidente Dutra. Nas regiões que abrigam municípios com nível de riqueza alto, não ocorreram mudanças significativas, isto é, não tem havido desconcentração da riqueza para outros municípios

17 IPRS 2008 Evolução no período de 2000 a padrão 2000 IPRS08_00 1 (124) 3 (455) 4 (65) 5 (1) Kilometers Grupo 1 Grupo 2 Grupo 3 Grupo 4 Grupo 5

18 IPRS 2008 Considerações finais A constatação de que, em 2008, praticamente todos os municípios paulistas superaram os desafios propostos em 2000 nas dimensões sociais do IPRS, independentemente de seus níveis de riqueza, valida e reforça o paradigma do desenvolvimento humano, o qual pressupõe que a renda é insuficiente como único indicador das condições de vida de uma população Legitima-se a opção pela construção do IPRS baseado em parâmetros relativos, que considera em sua elaboração os avanços alcançados pelos municípios para melhorar as condições de vida de suas populações

Módulo: Indicadores Sintéticos: IPRS e IPVS Parte 2 Palestrante: Maria Paula Ferreira

Módulo: Indicadores Sintéticos: IPRS e IPVS Parte 2 Palestrante: Maria Paula Ferreira Módulo: Indicadores Sintéticos: IPRS e IPVS Parte 2 Palestrante: Maria Paula Ferreira Roteiro da Apresentação Nova Forma de Atuação do Setor Público O papel das Estatísticas e Indicadores Indicadores O

Leia mais

ÍNDICE PAULISTA DE VULNERABILIDADE SOCIAL

ÍNDICE PAULISTA DE VULNERABILIDADE SOCIAL ÍNDICE PAULISTA DE VULNERABILIDADE SOCIAL O Estado de São Paulo, especialmente nos grandes centros urbanos, apresenta enormes desigualdades sociais, com áreas de alto padrão de qualidade de vida e outras

Leia mais

O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR

O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR INTERIOR DE SÃO PAULO Flavio Amary Vice-presidente do Interior do Secovi-SP e Diretor Regional em Sorocaba e Região PARTICIPAÇÃO % DO

Leia mais

ANEXO I - Edital 001/2013 VAGAS PREVISTAS PARA NÍVEL SUPERIOR

ANEXO I - Edital 001/2013 VAGAS PREVISTAS PARA NÍVEL SUPERIOR ANEXO I - Edital 001/2013 VAGAS PREVISTAS PARA NÍVEL SUPERIOR NÍVEL MUNICÍPIO ÁREA DO CURSO PARA ESTUDANTES CURSANDO DO 1º AO PENÚLTIMO SEMESTRE DO CURSO SOMENTE PARA ESTUDANTES CURSANDO OS 2 ÚLTIMOS ANOS

Leia mais

Nova Política Comercial

Nova Política Comercial A Cultura já tem grade de programação diferenciada. Agora também com proposta comercial diferenciada. O cálculo da tabela de preços da TV Cultura deixou de ser baseado no IPC - Índice Potencial de Consumo

Leia mais

Vendas de imóveis usados crescem no Estado pelo 3º mês consecutivo; aluguel de imóveis tem nova queda

Vendas de imóveis usados crescem no Estado pelo 3º mês consecutivo; aluguel de imóveis tem nova queda São Paulo, dezembro de 2004 Pesquisa CRECI-SP Imóveis usados/aluguel residencial Estado de São Paulo Outubro de 2004 Vendas de imóveis usados crescem no Estado pelo 3º mês consecutivo; aluguel de imóveis

Leia mais

Guia da internet 2013

Guia da internet 2013 Guia da internet 2013 Guia da internet 2013 1 2 Guia da internet 2013 Guia da internet 2013 3 Região Metropolitana de São Paulo Cajamar Santana de Parnaíba Carapicuíba Presidente Prudente Embu Teodoro

Leia mais

Fernandópolis-SP, setembro/2010.

Fernandópolis-SP, setembro/2010. Síntese de Pesquisa Comparativa das condições Sócioeconômicas e de Desenvolvimento Humano entre as Regiões Administrativas do Estado de São Paulo e entre as 05 cidades mais populosas da R.A. de São José

Leia mais

População do Estado de São Paulo atingirá 43 milhões de residentes em maio de 2015

População do Estado de São Paulo atingirá 43 milhões de residentes em maio de 2015 Resenha de Estatísticas Vitais do Estado de São Paulo Ano 15 n o 3 Maio 2015 População do Estado de São Paulo atingirá 43 milhões de residentes em maio de 2015 Monica La Porte Teixeira Mestre em Saúde

Leia mais

O Estado de São Paulo no Censo 2010. Elaboração : Suzana Pasternak

O Estado de São Paulo no Censo 2010. Elaboração : Suzana Pasternak O Estado de São Paulo no Censo 2010 Elaboração : Suzana Pasternak Colaboraram Lucia Maria Machado Bógus e Eliana Rodrigues Introdução O Estado de São Paulo atinge, em 2010, uma população de 41.252.162

Leia mais

Ranking da criminalidade nos maiores municípios Paulistas

Ranking da criminalidade nos maiores municípios Paulistas Ranking da criminalidade nos maiores municípios Paulistas Este trabalho desenvolvido pelo pesquisador estatístico José Peres Netto, cria um ranking de criminalidade nos 60 maiores municípios de São Paulo

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE AGRICULTURA E ABASTECIMENTO AGÊNCIA PAULISTA DE TECNOLOGIA DOS AGRONEGÓCIOS INSTITUTO AGRONÔMICO IAC

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE AGRICULTURA E ABASTECIMENTO AGÊNCIA PAULISTA DE TECNOLOGIA DOS AGRONEGÓCIOS INSTITUTO AGRONÔMICO IAC GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE AGRICULTURA E ABASTECIMENTO AGÊNCIA PAULISTA DE TECNOLOGIA DOS AGRONEGÓCIOS INSTITUTO AGRONÔMICO IAC CENTRO DE MONITORAMENTO E MITIGAÇÃO DE SECA E ADVERSIDADES

Leia mais

PLANO DE SERVIÇO DO SERVIÇO DE COMUNICAÇÃO MULTIMÍDIA DENOMINADO NET VÍRTUA 512Kbps Internet Popular

PLANO DE SERVIÇO DO SERVIÇO DE COMUNICAÇÃO MULTIMÍDIA DENOMINADO NET VÍRTUA 512Kbps Internet Popular PLANO DE SERVIÇO DO SERVIÇO DE COMUNICAÇÃO MULTIMÍDIA DENOMINADO NET VÍRTUA 512Kbps Internet Popular Plano (Denominação do Plano de Serviço) 1. Aplicação Este Plano de Serviço do Serviço de Comunicação

Leia mais

AUMENTA A CONCENTRAÇÃO DE MÉDICOS NO ESTADO DE SÃO PAULO

AUMENTA A CONCENTRAÇÃO DE MÉDICOS NO ESTADO DE SÃO PAULO AUMENTA A CONCENTRAÇÃO DE MÉDICOS NO ESTADO DE SÃO PAULO Com um médico para 410 habitantes, taxa cresceu 33% em dez anos, revela levantamento do Cremesp realizado em março de 2010 Aconcentração de médicos

Leia mais

ANEXO I NÍVEL SUPERIOR

ANEXO I NÍVEL SUPERIOR ÁREA DO CURSO MUNICÍPIO ANEXO I NÍVEL SUPERIOR PARA ESTUDANTES CURSANDO DO 1º AO PENÚLTIMO SEMESTRE DO CURSO VAGAS PREVISTAS SOMENTE PARA ESTUDANTES CURSANDO OS 2 ÚLTIMOS ANOS DO CURSO Administração ADAMANTINA

Leia mais

Distribuição das Instituições Espíritas no Estado de São Paulo

Distribuição das Instituições Espíritas no Estado de São Paulo Distribuição das Instituições Espíritas no Estado de São Paulo Uma análise geo-política-social Ivan Franzolim Dezembro 2006 Associação de Divulgadores do Espiritismo de São Paulo Índice Introdução...

Leia mais

O IPRS E A GESTÃO DA POLÍTICA PÚBLICA, DIMENSÕES E ESPACIALIZAÇÃO DO INDICADOR e ANÁLISE DA TIPOLOGIA

O IPRS E A GESTÃO DA POLÍTICA PÚBLICA, DIMENSÕES E ESPACIALIZAÇÃO DO INDICADOR e ANÁLISE DA TIPOLOGIA ISSN 2317-9953 SEADE n os 30, 31 e 32, set./out./nov. 2015 O IPRS E A GESTÃO DA POLÍTICA PÚBLICA, DIMENSÕES E ESPACIALIZAÇÃO DO INDICADOR e ANÁLISE DA TIPOLOGIA Autores deste número Carlos Roberto Almeida

Leia mais

Pesquisa Conjuntural do Comércio Eletrônico

Pesquisa Conjuntural do Comércio Eletrônico Pesquisa Conjuntural do Comércio Eletrônico Fecomercio-SP/E-bit apresentação A Pesquisa Conjuntural do Comércio Eletrônico para o Estado de São Paulo (Pesquisa Fecomercio-SP/E-bit) é realizada com dados

Leia mais

Onde Estão as Micro e Pequenas Empresas em São Paulo. Observatório das MPEs SEBRAE-SP 2007

Onde Estão as Micro e Pequenas Empresas em São Paulo. Observatório das MPEs SEBRAE-SP 2007 Onde Estão as Micro e Pequenas Empresas em São Paulo Observatório das MPEs SEBRAE-SP 2007 1 Características do estudo OBJETIVO: Elaborar um mapeamento das MPEs no Estado de São Paulo: - por setores e segmentos

Leia mais

Onde Estão as Micro e Pequenas Empresas em São Paulo. Observatório das MPEs SEBRAE-SP 2007

Onde Estão as Micro e Pequenas Empresas em São Paulo. Observatório das MPEs SEBRAE-SP 2007 Onde Estão as Micro e Pequenas Empresas em São Paulo Observatório das MPEs SEBRAE-SP 2007 1 Características do estudo OBJETIVO: Elaborar um mapeamento das MPEs no Estado de São Paulo: - por setores e segmentos

Leia mais

Aprendizes Disponíveis para Contratação - Fonte: SENAI-DTI - 4.368 alunos sem emprego em Maio de 2014

Aprendizes Disponíveis para Contratação - Fonte: SENAI-DTI - 4.368 alunos sem emprego em Maio de 2014 Americana Prof. João Baptista Salles da Silva Americana Eletricista de Manutenção 1.600 1 3 Americana Prof. João Baptista Salles da Silva Americana Eletricista de Manutenção 1.600 3 1 Americana Prof. João

Leia mais

Entenda o Índice Paulista de Responsabilidade

Entenda o Índice Paulista de Responsabilidade Entenda o Índice aulista de esponsabilidade ocial O acompanha o paradigma que sustenta o Índice de Desenvolvimento Humano (DH), do rograma das Nações Unidas para o Desenvolvimento (NUD). Esse modelo pressupõe

Leia mais

15ª. Região Ano 2014. Resíduo em Dez/2014 1.159 1.310 1.944 2.259 1.901 2.399 965 1.923 813 2.265 297 270 798 890 1.370 1.435 1.202 1.261 1.375 1.

15ª. Região Ano 2014. Resíduo em Dez/2014 1.159 1.310 1.944 2.259 1.901 2.399 965 1.923 813 2.265 297 270 798 890 1.370 1.435 1.202 1.261 1.375 1. 1ª de Adamantina 1ª de Americana 2ª de Americana Américo Brasiliense - Posto Avançado 1ª de Amparo 1ª de Andradina 1ª de Aparecida 1ª de Araçatuba 2ª de Araçatuba 3ª de Araçatuba 1ª de Araraquara 2ª de

Leia mais

Fundação Seade. www.seade.gov.br

Fundação Seade. www.seade.gov.br Janeiro de 0 N o 3 PIB municipal: dos 30 maiores municípios do país, localizam-se no Estado de São Paulo Região Metropolitana de São Paulo concentra a metade do PIB do Estado, e a capital paulista responde,

Leia mais

REGIÃO ADMINISTRATIVA MUNICÍPIO

REGIÃO ADMINISTRATIVA MUNICÍPIO Programa Via Rápida Emprego (Governo do Estado de SP: Secretaria E stadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia - SDECT ) Curso: Assistente Administrativo - período de execução: entre agosto

Leia mais

São Manuel. Anhembi. Botucatu. Pardinho. Itatinga. Pedra Quadra. Guareí. Angatuba. Campina do Monte Alegre. Itapetininga. Buri. São Miguel Arcanjo

São Manuel. Anhembi. Botucatu. Pardinho. Itatinga. Pedra Quadra. Guareí. Angatuba. Campina do Monte Alegre. Itapetininga. Buri. São Miguel Arcanjo Areiópolis Barão de Antonina Piraju Sarutaiá Fartura Itaporanga Riversul Águas de Santa Bárbara Iaras Mandurí Cerqueira César Taguaí Itararé Tejupá Taquarituba Coronel Macedo Itaberá Arandu Itaí Avaré

Leia mais

Mercado Imobiliário PIRACICABA - SP

Mercado Imobiliário PIRACICABA - SP Mercado Imobiliário PIRACICABA - SP Fonte: SEADE PIRACICABA CARACTERÍSTICAS ECONÔMICAS Território e População Área: 1.378,501 km² População (estimativa IBGE 2013): 385.287 mil habitantes Densidade Demográfica

Leia mais

AGOSTO DE 2014 * Taxa de desemprego em relativa estabilidade

AGOSTO DE 2014 * Taxa de desemprego em relativa estabilidade MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO AGOSTO DE 2014 * Taxa de desemprego em relativa estabilidade Nível de ocupação aumenta na Indústria de Transformação, mantém-se relativamente estável

Leia mais

Acidentes fatais com motocicleta param de crescer no Estado de São Paulo

Acidentes fatais com motocicleta param de crescer no Estado de São Paulo Resenha de Estatísticas Vitais do Estado de São Paulo Ano 11 nº 4 Maio 2011 Acidentes fatais com motocicleta param de crescer no Estado de São Paulo O número de mortes por acidentes de motocicleta manteve-se

Leia mais

Sciesp. Clipping 07.06. A s s e s s o r i a d e I m p r e n s a i m p r e n s a @ s c i e s p. c o m. b r ( 1 1 ) 3 8 8 9-5 8 9 9 Página 1

Sciesp. Clipping 07.06. A s s e s s o r i a d e I m p r e n s a i m p r e n s a @ s c i e s p. c o m. b r ( 1 1 ) 3 8 8 9-5 8 9 9 Página 1 Sciesp Clipping 07.06 A s s e s s o r i a d e I m p r e n s a i m p r e n s a @ s c i e s p. c o m. b r ( 1 1 ) 3 8 8 9-5 8 9 9 Página 1 BAGARAI Mercado imobiliário brasileiro deve vender ainda mais neste

Leia mais

ZARA S EXPRESS TABELA DE PONTOS - SERVIÇOS AVULSOS MOTO FRETE FONE: 11 2606-9330 / NEXTEL: 11 94759-1121 /94707-8867 RÁDIO: 35*22*75829 / 35*1*28443

ZARA S EXPRESS TABELA DE PONTOS - SERVIÇOS AVULSOS MOTO FRETE FONE: 11 2606-9330 / NEXTEL: 11 94759-1121 /94707-8867 RÁDIO: 35*22*75829 / 35*1*28443 ZARA S EXPRESS TABELA DE PONTOS - SERVIÇOS AVULSOS MOTO FRETE FONE: 11 2606-9330 / NEXTEL: 11 94759-1121 /94707-8867 RÁDIO: 35*22*75829 / 35*1*28443 LOCALIDADES/REGIÃO SERVIÇO MÍNIMO LOCALIDADE CENTRO

Leia mais

A agenda demográfica e de políticas públicas do Estado de São Paulo

A agenda demográfica e de políticas públicas do Estado de São Paulo A agenda demográfica e de políticas públicas do Estado de São Paulo Projeções da Fundação Seade para a trajetória até 2050 indicam que o grupo populacional com mais de 60 anos será triplicado e o com mais

Leia mais

MORTALIDADE INFANTIL Níveis e Tendências

MORTALIDADE INFANTIL Níveis e Tendências Resenha de Estatísticas Vitais do Ano 6 nº 2 Julho 2005 MORTALIDADE INFANTIL Níveis e Tendências A taxa de mortalidade infantil a razão entre o número de óbitos de crianças no primeiro ano de vida e o

Leia mais

Novos Padrões de Qualidade do Ar. Estado de São Paulo

Novos Padrões de Qualidade do Ar. Estado de São Paulo Novos Padrões de Qualidade do Ar Estado de São Paulo GT - Revisão da Resolução CONAMA nº3/90 19/11/2013 Maria Helena Martins Divisão de Qualidade do Ar CETESB eqq_cetesb@sp.gov.br Histórico - RECOMENDAÇÃO

Leia mais

Confira a lista de instituições conveniadas: Universidade Bandeirante De São Paulo. Centro Universitário Claretiano

Confira a lista de instituições conveniadas: Universidade Bandeirante De São Paulo. Centro Universitário Claretiano Confira a lista de instituições conveniadas: Universidade Bandeirante De São Paulo Centro Universitário Claretiano Batatais Faculdades Integradas Claretianas Rio Claro Faculdade Bertioga Bertioga UNIVERSIDADE

Leia mais

O Futuro das Megacidades. São Paulo março de 2012

O Futuro das Megacidades. São Paulo março de 2012 São Paulo março de 2012 Rede Urbana Paulista Rede Urbana Paulista O território do Estado de São Paulo caracteriza-se pela presença de várias formas espaciais e de distintas escalas de urbanização. Rede

Leia mais

Tabela 1 - Preços da gasolina nos municípios do Estado de São Paulo

Tabela 1 - Preços da gasolina nos municípios do Estado de São Paulo Tabela 1 - Preços da gasolina nos municípios do Estado de São Paulo Nº DE POSTOS PREÇO AO CONSUMIDOR MARGEM DO PREÇO DE VENDA DA DISTRIBUIDORA AMOSTRADOS PREÇO MÉDIO PREÇO MÍNIMO PREÇO MÁXIMO POSTO PREÇO

Leia mais

MORTALIDADE POR CÂNCER COLORRETAL NO ESTADO: 2º ENTRE AS MULHERES E 4º ENTRE OS HOMENS

MORTALIDADE POR CÂNCER COLORRETAL NO ESTADO: 2º ENTRE AS MULHERES E 4º ENTRE OS HOMENS Resenha de Estatísticas Vitais do Estado de São Paulo Ano 7 nº 1 Março 2006 MORTALIDADE POR CÂNCER COLORRETAL NO ESTADO: 2º ENTRE AS MULHERES E 4º ENTRE OS HOMENS Com o aumento da expectativa de vida,

Leia mais

CONTRATOS TV POR ASSINATURA

CONTRATOS TV POR ASSINATURA CONTRATOS TV POR ASSINATURA CIDADE LOCAL DE Nº DE DATA DE AMERICANA SP Oficial de Registro de Títulos e Documentos de Americana - SP 233339 28/12/2007 ANAPOLIS GO 2º Ofício de Registro de Títulos e Documentos

Leia mais

Vendas têm maior crescimento do ano em outubro

Vendas têm maior crescimento do ano em outubro Pesquisa CRECI-SP Imóveis usados/aluguel residencial Estado de São Paulo Outubro de 2006 Vendas têm maior crescimento do ano em outubro Outubro foi o melhor mês do ano para as imobiliárias paulistas por

Leia mais

Mudanças no Padrão da Mortalidade por Aids no Estado de São Paulo *

Mudanças no Padrão da Mortalidade por Aids no Estado de São Paulo * Mudanças no Padrão da Mortalidade por Aids no Estado de São Paulo * Bernadette Cunha Waldvogel Fundação Seade Lilian Cristina Correia Morais Fundação Seade Palavras-chave: mortalidade, Aids, distribuição

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Peruíbe, SP 30/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 323,17 km² IDHM 2010 0,749 Faixa do IDHM Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799) (Censo 2010) 59773 hab. Densidade

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de São José do Rio Claro, MT 02/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 5074,56 km² IDHM 2010 0,682 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 17124 hab.

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Cabo Verde, MG 29/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 368,15 km² IDHM 2010 0,674 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 13823 hab. Densidade

Leia mais

Taxa de desemprego se eleva

Taxa de desemprego se eleva MERCADO DE TRABALHO NA REGIÃO DO ABC 1 Taxa de desemprego se eleva 1. As informações da Pesquisa de Emprego e Desemprego - PED, realizada pela Fundação Seade e pelo Dieese, em parceria com o Consórcio

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Guaranésia, MG 29/07/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 294,28 km² IDHM 2010 0,701 Faixa do IDHM Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799) (Censo 2010) 18714 hab. Densidade

Leia mais

Os equipamentos são ocultados no veículo, não necessitando nem mesmo de antenas externas ou algo que possa indicar que o equipamento está instalado.

Os equipamentos são ocultados no veículo, não necessitando nem mesmo de antenas externas ou algo que possa indicar que o equipamento está instalado. Manual do Cliente A Empresa A Ituran é uma multinacional israelense que atua na Argentina, Brasil, Estados Unidos e Israel. Desde o início das suas operações no Brasil, em 2000, a empresa se destaca como

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO PAESP 2007-2027

CLASSIFICAÇÃO PAESP 2007-2027 1 AEROPORTO REGIONAL CLASSIFICAÇÃO PAESP 27-227 São os aeroportos destinados a atender as áreas de interesse regional e/ou estadual que apresentam demanda por transporte aéreo regular, em ligações com

Leia mais

A POSIÇÃO DO MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS (SP) EM RELAÇÃO AO ÍNDICE DE DESENVOLVIMENTO HUMANO (IDH) E AO ÍNDICE DE GINI

A POSIÇÃO DO MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS (SP) EM RELAÇÃO AO ÍNDICE DE DESENVOLVIMENTO HUMANO (IDH) E AO ÍNDICE DE GINI A POSIÇÃO DO MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS (SP) EM RELAÇÃO AO ÍNDICE DE DESENVOLVIMENTO HUMANO (IDH) E AO ÍNDICE DE GINI Roland Anton Zottele 1, Friedhilde M. K. Manulescu 2 1, 2 Faculdade de Ciências

Leia mais

Data de Fim do Treinamento Presencial* Data de Inicio do Treinamento EaD*

Data de Fim do Treinamento Presencial* Data de Inicio do Treinamento EaD* Foros Cide Sede Ciclo Inicio Inicio Início de Início Guarulhos e Osasco GUARULHOS 1.4 14/01/2013 25/01/2013 28/01/2013 08/02/2013 11/02/2013 12/02/2013 27/02/2013 Angatuba, Apiaí, Fartura, Itaberá, Itaí,

Leia mais

O Poupatempo e sua nova forma de gestão

O Poupatempo e sua nova forma de gestão Fórum Internacional das Centrais de Atendimento Integrado 1 a 3 de junho de 2009 - Brasília - DF O Poupatempo e sua nova forma de gestão Alexandre Araújo Diretor de Serviços ao Cidadão Prodesp Tecnologia

Leia mais

Secretaria de Desenvolvimento Social lança Selo Amigo do Idoso e anuncia a construção de novos equipamentos para idosos

Secretaria de Desenvolvimento Social lança Selo Amigo do Idoso e anuncia a construção de novos equipamentos para idosos PRESS RELEASE ~""rl.d.r:oo.:i'nfimt'1~ ~,..jit lança Selo Amigo do Idoso e anuncia a construção de novos equipamentos para idosos Para obtenção do Selo Pleno, o município terá que desenvolver ações voltadas

Leia mais

PDE Plano de Desenvolvimento da Educação

PDE Plano de Desenvolvimento da Educação PDE Plano de Desenvolvimento da Educação Secretaria de Educação Básica Ministério da Educação Foto: João Bittar Garantir o direito de aprender, para todos e para cada um. PLANO DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO

Leia mais

CAMPEONATO PAULISTA DE FUTEBOL SUB 15-2015 ASSOCIAÇÕES PARTICIPANTES

CAMPEONATO PAULISTA DE FUTEBOL SUB 15-2015 ASSOCIAÇÕES PARTICIPANTES CAMPEONATO PAULISTA DE FUTEBOL SUB 15-2015 ASSOCIAÇÕES PARTICIPANTES GRUPO 01 BANDEIRANTE ESPORTE CLUBE CLUBE ATLÉTICO ASSISENSE CLUBE ATLÉTICO LINENSE CLUBE ATLÉTICO PENAPOLENSE GRÊMIO DESPORTIVO PRUDENTE

Leia mais

PAUTA COMPLEMENTAR DA SESSÃO PLENÁRIA N 1944 DE 15 DE DEZEMBRO DE 2011 (ORDINÁRIA) ORDEM DO DIA ITEM 1 JULGAMENTO DOS PROCESSOS I PROCESSOS DE ORDEM C

PAUTA COMPLEMENTAR DA SESSÃO PLENÁRIA N 1944 DE 15 DE DEZEMBRO DE 2011 (ORDINÁRIA) ORDEM DO DIA ITEM 1 JULGAMENTO DOS PROCESSOS I PROCESSOS DE ORDEM C 1 PAUTA COMPLEMENTAR DA SESSÃO PLENÁRIA N 1944 DE 15 DE DEZEMBRO DE 2011 (ORDINÁRIA) DO DIA ITEM 1 JULGAMENTO DOS PROCESSOS I PROCESSOS DE C N DE RELATOR PROPOSTA 54 C-0381/07 Crea-SP Termo de Cooperação

Leia mais

SP duplica alcance do São Paulo pela Primeiríssima Infância e atinge 101 municípios

SP duplica alcance do São Paulo pela Primeiríssima Infância e atinge 101 municípios SP duplica alcance do São Paulo pela Primeiríssima Infância e atinge 101 municípios Programa estadual é focado no desenvolvimento da primeiríssima infância (da gestação aos 3 anos) em aspectos emocionais

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Novo Mundo, MT 02/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 5826,18 km² IDHM 2010 0,674 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 7332 hab. Densidade

Leia mais

CONCILIAÇÃO É A SOLUÇÃO RÁPIDA E EFICAZ PARA O ATENDIMENTO DA POPULAÇÃO

CONCILIAÇÃO É A SOLUÇÃO RÁPIDA E EFICAZ PARA O ATENDIMENTO DA POPULAÇÃO 1 CONCILIAÇÃO É A SOLUÇÃO RÁPIDA E EFICAZ PARA O ATENDIMENTO DA POPULAÇÃO Desembargador José Roberto Neves Amorim Coordenador do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos NUPEMEC

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Vera, MT 02/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 2962,4 km² IDHM 2010 0,680 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 10235 hab. Densidade demográfica

Leia mais

Orientações Gerais para Inscrição e Participação nos Cursos 2012-2ª EDIÇÃO

Orientações Gerais para Inscrição e Participação nos Cursos 2012-2ª EDIÇÃO Orientações Gerais para Inscrição e Participação nos Cursos 2012-2ª EDIÇÃO JUNHO DE 2012 SUMÁRIO 1 Apresentação... 3 2 Quem pode se inscrever em cursos da RETEC... 3 3 Em quais cursos o aluno poderá se

Leia mais

CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PAULA SOUZA RELAÇÃO CANDIDATO/VAGA 2015 CIDADE CURSOS TURNO INSCRITO VAGA C/V

CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PAULA SOUZA RELAÇÃO CANDIDATO/VAGA 2015 CIDADE CURSOS TURNO INSCRITO VAGA C/V FATECs CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PAULA SOUZA RELAÇÃO CANDIDATO/VAGA 2015 CIDADE CURSOS TURNO INSCRITO VAGA C/V Análise e Desenvolvimento de Sistemas Manhã 130 40 3,25 Análise e Desenvolvimento

Leia mais

Caracterização do território

Caracterização do território Perfil do Município de Porto Alegre do Norte, MT 02/08/2013 - Pág 1 de 14 Caracterização do território Área 3994,51 km² IDHM 2010 0,673 Faixa do IDHM Médio (IDHM entre 0,6 e 0,699) (Censo 2010) 10748 hab.

Leia mais

SABESP - Cia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo

SABESP - Cia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo Janeiro Águas de Santa Bárbara Águas de Sta. Bárbara Coliformes Totais 2824 22/01/2015 Presente - - Janeiro Águas de Santa Bárbara Águas de Sta. Bárbara Coliformes Totais - - - (R) 5116 Ausente Janeiro

Leia mais

GOVERNANÇA METROPOLITANA. As cidades e os desafios da Mobilidade Urbana

GOVERNANÇA METROPOLITANA. As cidades e os desafios da Mobilidade Urbana As cidades e os desafios da Mobilidade Urbana Março / 2012 Mobilidade é o deslocamento de pessoas e bens nas cidades. É sustentável quando: Valoriza o deslocamento do pedestre. Proporciona mobilidade às

Leia mais

Ata e Lista de presença da reunião do Colegiado de Esporte e Cultura da FEAPAES/SP realizada na cidade de TAQUARITUBA. Dia 31 de Outubro de 2014.

Ata e Lista de presença da reunião do Colegiado de Esporte e Cultura da FEAPAES/SP realizada na cidade de TAQUARITUBA. Dia 31 de Outubro de 2014. Ata e Lista de presença da reunião do da FEAPAES/SP realizada na cidade de TAQUARITUBA. Dia 31 de Outubro de 2014. No dia 31 de Outubro na cidade de Taquarituba ás 9h teve início a reunião do da FEAPAES.SP.

Leia mais

No HÁ creación creación 1º CICLO 2 Ciclo CAMPAÑA PROVINCIA Nº de Perfiles de Perfiles Auto-evaluación Auto-evaluación

No HÁ creación creación 1º CICLO 2 Ciclo CAMPAÑA PROVINCIA Nº de Perfiles de Perfiles Auto-evaluación Auto-evaluación 5/07/204 INSCRITOS EM LA No HÁ creación creación º CICLO 2 Ciclo CAMPAÑA PROVINCIA Nº de Perfiles de Perfiles Auto-evaluación Auto-evaluación Angra dos Reis RJ Duque de Caxias RJ Macaé RJ Magé RJ Nova

Leia mais

FORUM REGIONAL DE CAMPINAS LIDE GRUPO DE LÍDERES EMPRESARIAIS

FORUM REGIONAL DE CAMPINAS LIDE GRUPO DE LÍDERES EMPRESARIAIS FORUM REGIONAL DE CAMPINAS LIDE GRUPO DE LÍDERES EMPRESARIAIS 11 DE AGOSTO DE 2012 EDSON APARECIDO DEPUTADO FEDERAL MACROMETRÓPOLE PAULISTA EM NÚMEROS PIB MM PAULISTA PIB da MM Paulista - 2009 (R$ bilhões)

Leia mais

Ato Normativo nº 579/2009 - PGJ, de 12 de março de 2009

Ato Normativo nº 579/2009 - PGJ, de 12 de março de 2009 Ato Normativo nº 579/2009 - PGJ, de 12 de março de 2009 Não consta revogação expressa VIDE Ato (N) nº 831/2014 PGJ, de 11/09/2014. Dispõe sobre a atuação das Áreas Regionais, redefinindo as Promotorias

Leia mais

PIB DOS MUNICÍPIOS PAULISTAS 2011

PIB DOS MUNICÍPIOS PAULISTAS 2011 PIB DOS MUNICÍPIOS PAULISTAS 2011 Dezembro de 2013 PIB DOS MUNICÍPIOS PAULISTAS 2011 Principais resultados O balanço do PIB municipal na década de 2000 mostra mudanças importantes na distribuição do produto

Leia mais

MAIOR POPULAÇÃO NEGRA DO PAÍS

MAIOR POPULAÇÃO NEGRA DO PAÍS MAIOR POPULAÇÃO NEGRA DO PAÍS A população brasileira foi estimada em 184,4 milhões de habitantes, em 2005, segundo a PNAD, sendo que 91 milhões de pessoas se declararam de cor/raça parda ou preta, aproximando-se

Leia mais

REFORMAS ESTATUTÁRIAS

REFORMAS ESTATUTÁRIAS REFORMAS ESTATUTÁRIAS Dar nova redação a aliena k do artigo 2º k) elaborar e imprimir em gráfica própria ou de terceiros, jornais, revistas e periódicos de interesse da categoria e do público em geral,

Leia mais

Sessão 2. Marcos Aberto Martinelli. Secretário Municipal de Desenvolvimento Sustentável, Ciência e Tecnologia

Sessão 2. Marcos Aberto Martinelli. Secretário Municipal de Desenvolvimento Sustentável, Ciência e Tecnologia Sessão 2 Marcos Aberto Martinelli Secretário Municipal de Desenvolvimento Sustentável, Ciência e Tecnologia América Latina precisa melhorar produtividade, diz Banco Mundial Brasil Econômico - Por AFP 14/09/10

Leia mais

Manual de Renovação do Certificado Digital OAB

Manual de Renovação do Certificado Digital OAB 1 Manual de Renovação do Certificado Digital OAB Caro(a) Advogado(a), Renove sua certificação digital OAB antes que complete (três) anos. A renovação do certificado, enquanto não expirado, poderá ser realizada

Leia mais

Repasses mensais do Programa Pró-Santas Casas

Repasses mensais do Programa Pró-Santas Casas Repasses mensais do Programa Pró-Santas Casas GRANDE S. PAULO MOGI DAS CRUZES HOSP N SENHORA APARECIDA SUZANO 175.000,00 2 ARAÇATUBA ANDRADINA 35.000,00 HOSPITAL DE BASE ILHA SOLTEIRA 35.000,00 ARACATUBA

Leia mais

Uma fonte inédita de informação

Uma fonte inédita de informação Mensagem do Presidente Uma fonte inédita de informação Este trabalho, patrocinado pelo Sincor-SP, corresponde a uma expectativa do setor quanto aos dados relativos às corretoras de seguros, em um momento

Leia mais

SECRETARIA DA JUSTIÇA E DA DEFESA DA CIDADANIA FUNDAÇÃO DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR Diretoria de Relações Institucionais

SECRETARIA DA JUSTIÇA E DA DEFESA DA CIDADANIA FUNDAÇÃO DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR Diretoria de Relações Institucionais OF/FP/DRI/CIRCULAR/74/10 São Paulo, 15 de junho de 2010. Assunto: Relatórios de Atividades de Procons Municipais Dezembro/09 - RETIFICAÇÃO Senhor(a) Coordenador(a), Senhor(a) Representante Regional Reiteramos

Leia mais

Instituições de ensino participantes

Instituições de ensino participantes Instituições de ensino participantes Nome Fantasia Município de sede Universidade Bandeirante de Centro Universitário Claretiano Batatais Faculdades Integradas Claretianas Rio Claro Faculdade Bertioga

Leia mais

Análise do perfil dos empreendedores. Novembro/2013

Análise do perfil dos empreendedores. Novembro/2013 Análise do perfil dos empreendedores Novembro/2013 2 SUMÁRIO Como chegamos nos números? O Estado de São Paulo e as deficiências Perfil do empreendedores com deficiência Como é no meu Escritório Regional

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO 7º CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS PARA OUTORGA DE DELEGAÇÕES DE NOTAS E DE REGISTRO DO ESTADO DE SÃO PAULO EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES

Leia mais

Dados da Nossa Região Projetos 2013-2014

Dados da Nossa Região Projetos 2013-2014 Dados da Nossa Região Projetos 2013-2014 { Rotary Club São Paulo Morumbi Comp. Antonio Limongi Presidente Comp. Claudio Moysés Governador D.4610 Ano rotário 2013-2014 Comp. Helen de Montille Ferreira RCSP

Leia mais

Taxa de analfabetismo

Taxa de analfabetismo B Taxa de analfabetismo B.1................................ 92 Níveis de escolaridade B.2................................ 94 Produto Interno Bruto (PIB) per capita B.3....................... 96 Razão de

Leia mais

TERRITÓRIO DA CIDADANIA DO PONTAL PARANAPANEMA

TERRITÓRIO DA CIDADANIA DO PONTAL PARANAPANEMA COLEGIADO DE DESENVOLVIMETNO TERRITORIAL (CODETER) TERRITÓRIO DA CIDADANIA DO PONTAL PARANAPANEMA 09 de agosto de 2012 Águas de Lindóia - SP Os Territórios Rurais no Estado de São Paulo. LOCALIZAÇÃO DO

Leia mais

MUDANÇA NO PROCESSO DE TRANSMISSÃO DE PROPOSTA - AUTOMÓVEL

MUDANÇA NO PROCESSO DE TRANSMISSÃO DE PROPOSTA - AUTOMÓVEL 1 Kit de Cálculo 0111K1 Prezado Corretor, Você está recebendo a nova versão do Kit de Cálculo 0111K1, com novidades importantes. Leia atentamente este Informe Técnico para entender o que muda nos seguros

Leia mais

OS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2012

OS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2012 OS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2012 (Estudo Técnico nº 175) François E. J. de Bremaeker Salvador, julho de 2012 2 OS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2012 François E. J. de Bremaeker Economista e Geógrafo Associação

Leia mais

Cidade de Prova - 01 ADAMANTINA. Cidade de Prova - 02 AMERICANA. Cidade de Prova - 03 ANDRADINA. Cidade de Prova - 04 APIAI

Cidade de Prova - 01 ADAMANTINA. Cidade de Prova - 02 AMERICANA. Cidade de Prova - 03 ANDRADINA. Cidade de Prova - 04 APIAI Cidade de Prova - 01 ADAMANTINA 001-029 - Agente de Organização Escolar - Adamantina 2.195 Total na Cidade 2.195 Cidade de Prova - 02 AMERICANA 001-030 - Agente de Organização Escolar - Americana 1.115

Leia mais

ANEXO I - Edital 01/2012 VAGAS PREVISTAS PARA NÍVEL EDUCAÇÃO PROFISSIONAL DE NÍVEL MÉDIO

ANEXO I - Edital 01/2012 VAGAS PREVISTAS PARA NÍVEL EDUCAÇÃO PROFISSIONAL DE NÍVEL MÉDIO ANEXO I - Edital 01/2012 PARA NÍVEL EDUCAÇÃO PROFISSIONAL DE NÍVEL MÉDIO ÁREA DO CURSO Técnico em Administração ADAMANTINA 1 Técnico em Administração ARARAQUARA 1 Técnico em Administração ATIBAIA 4 Técnico

Leia mais

CNPJ NOME FAVORECIDO VALORES PROJETO ASSOCIACAO DE PAIS E AMIGOS DOS EXCEPCIONAIS 5.440,00 J A M MANTENEDORA JACAREI AMPARA MENORES 13.

CNPJ NOME FAVORECIDO VALORES PROJETO ASSOCIACAO DE PAIS E AMIGOS DOS EXCEPCIONAIS 5.440,00 J A M MANTENEDORA JACAREI AMPARA MENORES 13. UNIDADE GESTORA ORDEM BANCÁRIA DATA EMISSÃO CNPJ NOME FAVORECIDO VALORES PROJETO 441001 25/06/2014 52382264000150 5.440,00 ESPECIAL - 2014 441002 25/06/2014 45214137000187 J A M MANTENEDORA JACAREI AMPARA

Leia mais

ASSOCIACAO DE PAIS E AMIGOS DOS EXCEPCIONAIS J A M MANTENEDORA JACAREI AMPARA MENORES ASSOCIACAO DE PAIS E AMIGOS DOS EXCEPCIONAIS DE SUZANAP

ASSOCIACAO DE PAIS E AMIGOS DOS EXCEPCIONAIS J A M MANTENEDORA JACAREI AMPARA MENORES ASSOCIACAO DE PAIS E AMIGOS DOS EXCEPCIONAIS DE SUZANAP EXERCÍCIO ORDEM BANCÁRIA DATA EMISSÃO CNPJ NOME FAVORECIDO VALORES PROJETO 2014 441001 25/06/2014 52382264000150 5.440,00 2014 441002 25/06/2014 45214137000187 J A M MANTENEDORA JACAREI AMPARA MENORES

Leia mais

Desenvolvimento Econômico, Ciência e Inovação

Desenvolvimento Econômico, Ciência e Inovação Desenvolvimento Econômico, Ciência e Inovação Rodrigo Garcia Secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência,Tecnologia e Inovação do Estado de São Paulo www.desenvolvimento.sp.gov.br Brasil Contexto

Leia mais

CIRCUNSCRIÇÕES JUDICIÁRIAS SEDE, COMARCAS E FOROS DISTRITAIS

CIRCUNSCRIÇÕES JUDICIÁRIAS SEDE, COMARCAS E FOROS DISTRITAIS CIRCUNSCRIÇÕES JUDICIÁRIAS SEDE, COMARCAS E FOROS DISTRITAIS 1 1ª. CIRCUNSCRIÇÃO JUDICIÁRIA - SEDE: SANTOS Cubatão Guarujá Praia grande São Vicente FD. Bertioga 2ª. CIRCUNSCRIÇÃO JUDICIÁRIA - SEDE: SÃO

Leia mais

Nível de Emprego Regional - CIESP

Nível de Emprego Regional - CIESP Diretorias Regionais do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo CIESP Indústria de Transformação Setembro de 2005 Nota metodológica: Pesquisa mensal, realizada pelo CIESP/Sede entre suas Diretorias

Leia mais

PLANO DE AÇÕES DE COMUNICAÇÃO E SERVIÇOS

PLANO DE AÇÕES DE COMUNICAÇÃO E SERVIÇOS PLANO DE AÇÕES DE COMUNICAÇÃO E SERVIÇOS Prezado Expositor, Estamos na reta final para a realização da EXPOLAZER 2015 e queremos compartilhar com você tudo que preparamos para fazer uma grande feira. Aqui

Leia mais

Tendências Recentes da Migração nas Regiões Administrativas do Estado de São Paulo

Tendências Recentes da Migração nas Regiões Administrativas do Estado de São Paulo Resenha de Estatísticas Vitais do Estado de São Paulo Ano 11 nº 7 Novembro 2011 Tendências Recentes da Migração nas Regiões Administrativas do Estado de São Paulo Esta edição do SP Demográfico, que complementa

Leia mais

V CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE DIREITO

V CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE DIREITO A Defensoria Pública do Estado de São Paulo comunica que a prova do V CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS PARA SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS DE DIREITO será aplicada no dia 19/06/2011, das 9:00 às 12:30 horas,

Leia mais

CONFIGURAÇÃO DE UM EIXO DE DESENVOLVIMENTO NAS RODOVIAS ANHANGUERA (SP 330) E WASHINGTON LUIZ (SP 310)

CONFIGURAÇÃO DE UM EIXO DE DESENVOLVIMENTO NAS RODOVIAS ANHANGUERA (SP 330) E WASHINGTON LUIZ (SP 310) 1 CONFIGURAÇÃO DE UM EIXO DE DESENVOLVIMENTO NAS RODOVIAS ANHANGUERA (SP 330) E WASHINGTON LUIZ (SP 310) Adilson Aparecido Bordo 1 Uni-FACEF Introdução Os eixos de desenvolvimento podem ser compreendidos

Leia mais

População e PIB das cidades médias crescem mais que no resto do Brasil

População e PIB das cidades médias crescem mais que no resto do Brasil RELEASE 17 de JULHO de 2008. População e PIB das cidades médias crescem mais que no resto do Brasil Aumentos de riquezas e de habitantes nas cidades com 100 mil a 500 mil, neste século, superam a média

Leia mais

A inserção das mulheres nos mercados de trabalho metropolitanos e a desigualdade nos rendimentos

A inserção das mulheres nos mercados de trabalho metropolitanos e a desigualdade nos rendimentos A INSERÇÃO DA MULHER NO MERCADO DE TRABALHO MARÇO 2013 A inserção das mulheres nos mercados de trabalho metropolitanos e a desigualdade nos rendimentos De maneira geral, as mulheres enfrentam grandes dificuldades

Leia mais

REPASSE DE RECURSOS REFERENTES AOS NOVOS EXAMES DO COMPONENTE PRÉ-NATAL E TESTE RÁPIDO DE GRAVIDEZ DA REDE CEGONHA

REPASSE DE RECURSOS REFERENTES AOS NOVOS EXAMES DO COMPONENTE PRÉ-NATAL E TESTE RÁPIDO DE GRAVIDEZ DA REDE CEGONHA Circular 597/2013 São Paulo, 04 de Dezembro de 2013. PROVEDOR(A) ADMINISTRADOR(A) REPASSE DE RECURSOS REFERENTES AOS NOVOS EXAMES DO COMPONENTE PRÉ-NATAL E TESTE RÁPIDO DE GRAVIDEZ DA REDE CEGONHA Diário

Leia mais

Estratégias de Desenvolvimento Regional

Estratégias de Desenvolvimento Regional Estratégias de Desenvolvimento Regional Mesa Redonda sobre Desenvolvimento Regional nos Estados Brasileiros Marcelo Sacenco Asquino Coordenador da Área Regional Secretaria de Economia e Planejamento do

Leia mais

PLANO DE DESCONTO LDN - Bem vindo à Alpha Nobilis- PD02

PLANO DE DESCONTO LDN - Bem vindo à Alpha Nobilis- PD02 PLANO DE DEONTO LDN - Bem vindo à Alpha Nobilis- PD02 Município de Biritiba-mirim 1. E ALPHA NOBILIS CONSULTORIA E SERVIÇOS LTDA. 2. NOME DO PLANO PD02 - Plano de desconto LDN - Bem vindo à Alpha Nobilis.

Leia mais