RISCOS NA INTERNET: COMO NEGOCIAR SEU IMÓVEL COM SEGURANÇA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RISCOS NA INTERNET: COMO NEGOCIAR SEU IMÓVEL COM SEGURANÇA"

Transcrição

1 RISCOS NA INTERNET: COMO NEGOCIAR SEU IMÓVEL COM SEGURANÇA

2 Apresentamos nas folhas a seguir, a cartilha da campanha RISCOS NA INTERNET: COMO NEGOCIAR SEU IMÓVEL COM SEGURANÇA, que traz sugestões de como negociar com maior segurança através da mídia virtual, seja na hora de realizar a compra, venda, permuta ou na locação de bens imóveis. A principal preocupação do Conselho Regional de Corretores de Imóveis de Pernambuco CRECI-PE é com o falso corretor, ou com o falso proprietário do imóvel, que, maliciosamente, transmitem informações inverídicas, induzindo o consumidor a erro com propostas vantajosas, causando grandes prejuízos na sociedade. Por essa razão, o CRECI-PE com as principais entidades da corretagem imobiliária de Pernambuco, o SECOVI-PE, o SINDIMÓVEIS-PE, a REDE IMÓVEIS-PE e o PORTAL IMOBILIÁRIO, vêm, conjuntamente, com o DISQUE-DENÚNCIA, o PROCON, a POLÍCIA CIVIL e o MPPE MINISTÉRIO PÚBLICO de PERNAMBUCO, orientar a sociedade sobre a importância da presença de um corretor de imóveis, ou de uma imobiliária, devidamente credenciados, intermediando as negociações, com o objetivo de proporcionar maior segurança técnico-jurídica nas transações imobiliárias. Petrus L. S. Mendonça Presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis de Pernambuco

3 CRECI -PE CONSELHO REGIONAL DE CORRETORES DE IMÓVEIS Presidente Dr. Petrus Mendonça DISQUE-DENÚNCIA PERNAMBUCO Superintendente Carmela Galindo SECOVI SINDICATO DA HABITAÇÃO Presidente Dr. Elisio Cruz SINDIMÓVEIS DOS CORRETORES DE IMÓVEIS Presidente Dr. Paulo Santos PORTAL IMOBILIÁRIO Presidente Lourenço Novaes REDE IMÓVEIS Presidente André Rocha MINISTÉRIO PÚBLICO Procurador Dr. Maviael Souza DELEGACIA DO CONSUMIDOR Delegado Roberto Wanderlei

4 INTRODUÇÃO Comprar a casa própria não é nada fácil. Certos cuidados são fundamentais na hora de realizar o negócio. Entretanto, algumas pessoas costumam realizar suas transações através da internet, não só pela facilidade de comunicação ou pela quantidade de informações disponíveis, como também pela falta de tempo em se deslocar de seus lares e locais de trabalho. A busca pela facilidade, somada a falta de informações, faz com que erros sejam cometidos, trazendo constantes prejuízos a sociedade. Pensando nisso, seguem algumas sugestões de como realizar as transações através da internet, na presença de um Corretor de Imóveis ou de uma Imobiliária, para diminuir os riscos na hora de fechar o negócio. 4

5 NÃO ACREDITE EM OFERTAS MUITO VANTAJOSAS Promessas fáceis ou ofertas exageradamente vantajosas costumam vir com algum tipo de problema. Por isso toda cautela é pouco. Informe-se sobre as vantagens que o negócio pode lhe trazer, e as razões de seu valor estar abaixo do preço de mercado. Lembre-se do ditado popular: Zé, laranja madura na beira da estrada, ou está podre ou tem maribondo no pé... 5

6 VERIFIQUE SE EXISTE UM CORRETOR DE IMÓVEIS OU UMA IMOBILIÁRIA INTERMEDIANDO A TRANSAÇÃO O Corretor de Imóveis é o profissional legalmente capacitado para intermediar transações de Compra, Venda, Permuta e Locações de Imóveis, não apenas por seus conhecimentos técnicos, mas por saber opinar se o valor do imóvel está dentro do praticado no mercado. (art.3º da Lei nº 6.530/78). Art.3º da Lei nº 6.530/78 Compete ao Corretor de Imóveis exercer a intermediação na compra, venda, permuta e locação de imóveis, podendo, ainda, opinar quanto à comercialização imobiliária. Inclusive, no Brasil, a profissão do Corretor de Imóveis é regulamentada pela Lei nº de 12 de maio de 1978 e pelo Decreto nº de 29 de junho de 1978, tornando um dos poucos países do mundo com tanta estrutura organizacional. Para se tornar um Corretor de Imóveis faz-se necessário a diplomação no Curso Técnico de Transações Imobiliárias (T.T.I.) ou no Curso de 6

7 Gestão Imobiliária, reconhecidos pela Secretaria de Educação e pelo Sistema Cofeci-Creci, objetivando maior qualificação profissional. Além do mais, o Código Civil brasileiro, em seu artigo 723, e o Código de Ética Profissional da categoria, obrigam o Corretor de Imóveis a apresentar aos seus clientes todas as informações do negócio, ainda que não tenha conhecimento, sob pena de responder por perdas e danos. Art.723 do Código Civil - O Corretor é obrigado a executar a mediação com diligência e prudência, e a prestar ao cliente, espontaneamente, todas as informações sobre o andamento do negócio. Parágrafo único Sob pena de responder por perdas e danos, o corretor prestará ao cliente todos os esclarecimentos acerda da segurança ou do risco do negócio, das alterações de valores e de outros fatores que possam influir nos resultados da incubêmbia. 7

8 O Corretor de Imóveis deve acompanhar todas as etapas do negócio, que vão desde a divulgação de ofertas através da internet, até a assinatura do título que transmite a propriedade imobiliária. Os serviços dos Corretores de Imóveis e das Imobiliárias são fiscalizados pelo Conselho Regional de Pernambuco e pelo Sistema Cofeci-Creci, órgãos disciplinadores e regulamentadores do exercício da profissão. Caso haja alguma falha na prestação dos serviços, poderão responder a processo éticodisciplinar, sem prejuízo de outras penalidades legais. (art.5º da Lei nº 6.530/78) Art.5º da Lei nº 6.530/78 - O Conselho Federal e os Conselhos Regionais são órgãos de disciplina e fiscalização do exercício da profissão de Corretor de Imóveis, constituída em autarquia, dotada de personalidade jurídica de direito público, vinculada ao Ministério do Trabalho, com autonomia administrativa, operacional e financeira. 8

9 VERIFIQUE SE O IMÓVEL POSSUI MATRÍCULA OU HABITE-SE NO CARTÓRIO DE IMÓVEIS Se o imóvel estiver pronto, solicite ao Corretor de Imóveis uma Certidão de Propriedade e Ônus Reais do Cartório de Imóveis, para conhecer as averbações e registros de seus atos constitutivos; se ainda em construção, confirme se existe o Memorial de Incorporação registrado no Cartório de Imóveis, antes de realizar a transação imobiliária, já que nenhum imóvel pode ser comercializado sem o seu prévio registro. Caso o imóvel seja novo, exija cópia do Habitese. É a certeza de que a edificação foi construída atendendo todos os requisitos impostos pelos órgãos públicos, inclusive respeitado o projeto inicial aprovado pela Prefeitura da sua cidade. Nas certidões podem vir constando eventuais restrições gravando o imóvel, que dificultem ou impeçam a sua compra; bem como os dados do verdadeiro proprietário do imóvel. Estes documentos estão disponíveis a qualquer pessoa, basta solicitar ao Cartório de Serviços Registrais onde se localiza o imóvel. 9

10 10 O prazo de validade das certidões é de 30 (trinta) dias. Caso contrário poderão vir com informações incompletas e desatualizadas.

11 EMBORA O ANÚNCIO SEJA VIRTUAL, O IMÓVEL NÃO É Por isso visite-o antes de assinar o contrato. Realize previamente a vistoria, de preferência na presença do Corretor de Imóveis. Na vistoria você poderá verificar o verdadeiro estado de conservação do imóvel, se há infiltrações ou riscos na sua estrutura; o funcionamento de suas instalações elétricas e hidráulicas, sua vizinhança, sua localização e proximidades com padarias, farmácias, escolas, supermercados etc, já que as fotos postadas na internet podem não apresentar a verdadeira situação do negócio. Visite a região em dias e horários diferentes. Converse com os moradores e empresários da região. Constate se o local possui a infraestrutura e as características que você deseja, inclusive verifique as condições do transporte público. Às vezes os gastos com deslocamento podem não compensar o investimento. 11

12 MANTENHA CONTATO PESSOAL, NÃO APENAS VIRTUAL OU POR TELEFONE. CONHEÇA O ESCRITÓRIO DO CORRETOR OU A IMOBILIÁRIA O contato pessoal no escritório do Corretor de Imóveis ou na Imobiliária trará maior segurança na hora de realizar o negócio. Por isso, nada de assinar o contrato imobiliário em locais públicos, ou pagar quantias em dinheiro, sem recibo, sem presença de testemunhas ou fora do escritório do Corretor de Imóveis. 12

13 EXIJA O CONTRATO DE CORRETAGEM E A CARTEIRA PROFISSIONAL DO CORRETOR Antes de realizar o negócio, exija a carteira de identificação profissional do Corretor e o Contrato de Corretagem assinado pelo proprietário do imóvel. Se houver dúvida, consulte o CRECI-PE. Corretor de Imóveis só existe um, o credenciado no Conselho de Corretores de Imóveis. Além do mais, a Lei nº 6.530/78, o Decreto nº /78 e as Resoluções do Sistema Cofeci-Creci obrigam o Corretor de Imóveis a só anunciar transações imobiliárias quando contratado por escrito, respeitada a Tabela de Honorários profissionais da categoria. Anunciar sem contrato escrito é crime. Exija a apresentação do Contrato de Corretagem. Denuncie ao CRECI-PE. Art.20, incisos I, II, III, V da Lei nº 6.530/78 Ao Corretor de Imóveis e à pessoa jurídica inscrita nos órgãos de que trata a presente Lei é vedado: 13

14 I prejudicar por dolo ou culpa, os interesses que lhe forem confiados; II auxiliar, ou por qualquer meio facilitar, o exercício da profissão aos não inscritos; III anunciar publicamente proposta de transação a que não esteja autorizado através de documento escrito; V anunciar imóvel loteado ou em condomínio sem mencionar o número do registro do loteamento ou da incorporação no Registro de Imóveis. A cobrança de over price (ganho adicional superior aos honorários contratados) é crime. Os honorários do Corretor de Imóveis estão previstos na Tabela de Honorários da categoria. 14

15 Na locação, por exemplo, esse valor não pode ser inferior, nem superior ao primeiro mês de aluguel. Na compra e venda o percentual mínimo é de 5% (cinco por cento) sobre o preço total do imóvel (novo ou usado), incluindo o saldo devedor, há hipótese de ser financiado ou parcelado. E essa obrigação do pagamento de honorários é sempre de quem o contrata. Por isso exija a apresentação do contrato de corretagem do Corretor de Imóveis. Como o Contrato de Corretagem é contrato acessório (só se completa quando o negócio se realiza), os honorários profissionais do Corretor de Imóveis apenas são devidos no momento da assinatura dos contratos de Promessa de Compra e Venda, Cessão de Direitos, Permuta ou de Locação de Imóveis. 15

16 PEÇA REFERÊNCIAS DE OUTROS NEGÓCIOS REALIZADOS ATRAVÉS DA INTERNET Antes de fechar o negócio, peça referências de outras pessoas que já realizaram negócios com o Corretor de Imóveis ou com a Imobiliária através da Internet. A referência de serviços prestados anteriormente é necessária para se verificar se o Corretor intermediou outras transações de modo satisfatório. 16

17 PROCURE OFERTAS EM SITES, CUJAS INFORMAÇÕES SÃO FORNECIDAS EXCLUSIVAMENTE POR CORRETOR DE IMÓVEIS A certeza de que apenas Corretores de Imóveis divulgam suas ofertas em determinados Sites ou Portais Imobiliário, é mais uma possibilidade para se realizar o negócio com maior segurança, pois além da fiscalização do Conselho de Corretores de Imóveis, existe a responsabilidade do administrador do site pelas informações fornecidas. O exercício habitual da corretagem imobiliária é privativo do Corretor de Imóveis. Por isso, quando pessoas não inscritas no Conselho Regional de Corretor de Imóveis (pseudocorretores) passam a intermediar transações imobiliárias, estão cometendo crime previsto como exercício ilegal da profissão, infringindo o Art.47 do Decreto-Lei nº de 03/10/1941 (Lei das Contravenções Penais). 17

18 DENUNCIE Caso você tenha sido vítima de um golpe, entre em contato com a Ouvidoria do CRECI, (81) ou (81) , e pelo Disque- Denúncia Pernambuco. Você podetelefonar para , na Região Metropolitana do Recife e Zona da Mata Norte, ou (81) , no interior do Estado. Também é possível repassar informações através do que permite o envio de fotos e vídeos. O serviço funciona durante 24h, todos os dias da semana. O anonimato é garantido. 18

19 19

20

CUIDADOS NA LOCAÇÃO POR TEMPORADA.

CUIDADOS NA LOCAÇÃO POR TEMPORADA. CUIDADOS NA LOCAÇÃO POR TEMPORADA. Apresentamos nas folhas a seguir, a cartilha da campanha CUIDADOS NA LOCAÇÃO POR TEMPORADA, que traz sugestões de como alugar ímóveis com maior segurança. A principal

Leia mais

EBRAE. UNISciesp UNIVERSIDADE CORPORATIVA SCIESP. Escola Brasileira de Ensino a Distância

EBRAE. UNISciesp UNIVERSIDADE CORPORATIVA SCIESP. Escola Brasileira de Ensino a Distância UNISciesp UNIVERSIDADE CORPORATIVA SCIESP EBRAE Escola Brasileira de Ensino a Distância Vantagens da Exclusividade para o Corretor de Imóveis Devemos observar que a atividade do corretor de imóveis é formal

Leia mais

Um guia rápido e prático para seu imóvel ser vendido ou locado mais rapidamente.

Um guia rápido e prático para seu imóvel ser vendido ou locado mais rapidamente. Um guia rápido e prático para seu imóvel ser vendido ou locado mais rapidamente. Orientações Prezado cliente, este guia irá ajudá-lo a preparar sua residência para os futuros clientes interessados. Para

Leia mais

Os honorários serão sempre pagos pelo vendedor; Nas locações, os honorários previstos acima serão pagos 50% pelo locador e 50% pelo locatário.

Os honorários serão sempre pagos pelo vendedor; Nas locações, os honorários previstos acima serão pagos 50% pelo locador e 50% pelo locatário. TABELA DE HONORÁRIOS TABELA MÍNIMA DE HONORÁRIOS LITORAL NORTE a) Intermediação de Lotes 10% b) Intermediação de Casas e Apartamentos 8% c) Intermediação na Locação por Temporada 20% Os honorários serão

Leia mais

CORRETOR DE IMÓVEIS REGULAMENTAÇÃO, CONTRATO E RESPONSABILIDADE.

CORRETOR DE IMÓVEIS REGULAMENTAÇÃO, CONTRATO E RESPONSABILIDADE. CORRETOR DE IMÓVEIS REGULAMENTAÇÃO, CONTRATO E RESPONSABILIDADE. Curso de Técnico em Transações Imobiliárias Curso Total CONTRATOS REGULAMENTAÇÃO DOS CORRETORES E DO CONTRATO DE CORRETAGEM DO CORRETOR

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2015

PROJETO DE LEI Nº, DE 2015 PROJETO DE LEI Nº, DE 2015 (Do Sr. Ronaldo Fonseca) Fixa o piso salarial e tabela de honorários dos corretores de imóveis e dá outras providências. O Congresso Nacional decreta: Art. 1º O piso salarial

Leia mais

Informativo sobre Feirão de imóveis

Informativo sobre Feirão de imóveis Informativo sobre Feirão de imóveis 2013 Realização: PROCON Campinas - DICAS DE AQUISIÇÃO DE IMÓVEIS: 1- Pesquise o preço do imóvel Se for o caso, procure outros imóveis à venda no mesmo prédio, condomínio

Leia mais

TERMO DE AJUSTAMENTO DE CONDUTA

TERMO DE AJUSTAMENTO DE CONDUTA MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO PIAUÍ PROGRAMA DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR-PROCON Rua Álvaro Mendes, 2294, Centro Teresina PI, CEP: 64000-060 Fones: (86)3221-5848 (86) 3216-4550 TERMO DE AJUSTAMENTO

Leia mais

FAQ Perguntas Frequentes

FAQ Perguntas Frequentes FAQ Perguntas Frequentes Índice 01. Incorporação Imobiliária...3 02. Contrato...4 03. Pagamento e Boletos...5 04. Financiamento...6 05. Distrato e Transferência...8 06. Documentações...9 07. Instalação

Leia mais

Palavras que você precisa conhecer

Palavras que você precisa conhecer Guia do Comprador NOVOLAR, um nome cada vez mais forte no mercado de construção civil. A NOVOLAR vem consolidando uma reputação de alta qualidade, graças aos seus diferenciais nas execuções das obras e

Leia mais

Associação entre Corretor de Imóvel e Imobiliária

Associação entre Corretor de Imóvel e Imobiliária Associação entre Corretor de Imóvel e Imobiliária Local: Hotel Majestic-Florianópolis-SC Evento: 18º CONAMI-Congresso Nacional do Mercado Imobiliário Data: 30/09/2015 Apresentação: Marcos Augusto Netto

Leia mais

Guia do Proprietario. Um guia rápido e prático para seu imóvel ser vendido ou locado mais rapidamente. Apoio

Guia do Proprietario. Um guia rápido e prático para seu imóvel ser vendido ou locado mais rapidamente. Apoio Guia do Proprietario Um guia rápido e prático para seu imóvel ser vendido ou locado mais rapidamente. Introdução Acompanhe as dicas que preparamos para você vender ou locar seu imóvel mais rapidamente.

Leia mais

Contrato de Corretagem. Profª. MSc. Maria Bernadete Miranda

Contrato de Corretagem. Profª. MSc. Maria Bernadete Miranda Contrato de Corretagem Corretagem O vocábulo "corretor", vem do verbo correr, em seu significado semântico quer dizer: O que anda, procura, agencia negócios comerciais ou civis, serve de intermediário

Leia mais

Incorporação Imobiliária

Incorporação Imobiliária Incorporação Imobiliária Lei nº 4.591, de 16 de dezembro de 1964 Incorporação Imobiliária Incorporação imobiliária é a atividade exercida pela pessoa física ou jurídica, empresário ou não que se compromete

Leia mais

Como comprar o seu imóvel. Um jeito único de vender.

Como comprar o seu imóvel. Um jeito único de vender. Como comprar o seu imóvel Um jeito único de vender. NOSSA MISSÃO A Impacto Engenharia investe constantemente em um relacionamento mais estreito com seus clientes e assim oferece um jeito único de servir,

Leia mais

Anexo à Política de Investimentos 2010 a 2014

Anexo à Política de Investimentos 2010 a 2014 Anexo à Política de Investimentos 2010 a 2014 Diretrizes para Investimentos em Imóveis (aprovadas pelo CDE em sua 18ª reunião realizada nos dias 14 a 16 de dezembro de 2009 Índice Anexo à Política de Investimentos...1

Leia mais

Guia Rápido do Cliente

Guia Rápido do Cliente Guia Rápido do Cliente Seja bem-vindo! Está chegando a hora de viver a vida em Alphaville. Para nós, é um grande prazer recebê-lo e poder compartilhar esse momento de realização com você. Nesse Guia Rápido,

Leia mais

GUIA PRÁTICO COMO FINANCIAR SUA CASA PRÓPRIA PELO PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA

GUIA PRÁTICO COMO FINANCIAR SUA CASA PRÓPRIA PELO PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA GUIA PRÁTICO COMO FINANCIAR SUA CASA PRÓPRIA PELO PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA INTRODUÇÃO O que você vai encontrar neste guia Todos os anos, milhões de brasileiros realizam o sonho da casa própria graças

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa DECRETO Nº 49.377, DE 16 DE JULHO DE 2012. (publicado no DOE n.º 137, de 17 de julho de 2012) Institui o Programa

Leia mais

Cartilha Entrega de Chaves

Cartilha Entrega de Chaves Cartilha Entrega de Chaves Plano Associativo Você que optou pelo Plano de Financiamento Associativo irá percorrer o seguinte caminho até receber suas chaves: Aquisição do Imóvel com o Banco Pagamento de

Leia mais

1 de 5 03/12/2012 14:32

1 de 5 03/12/2012 14:32 1 de 5 03/12/2012 14:32 Este documento foi gerado em 29/11/2012 às 18h:32min. DECRETO Nº 49.377, DE 16 DE JULHO DE 2012. Institui o Programa de Gestão do Patrimônio do Estado do Rio Grande do Sul - Otimizar,

Leia mais

Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição Pessoa Jurídica

Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição Pessoa Jurídica Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição Pessoa Jurídica AS CÓPIAS DOS DOCUMENTOS APRESENTADOS DEVERÃO ESTAR AUTENTICADAS OU ACOMPANHADAS DOS ORIGINAIS. 1. Preencher o requerimento, que deverá ser

Leia mais

PORTARIA Nº 98 DE 11/06/2010 (Estadual - Minas Gerais) Data D.O.: 12/06/2010

PORTARIA Nº 98 DE 11/06/2010 (Estadual - Minas Gerais) Data D.O.: 12/06/2010 PORTARIA Nº 98 DE 11/06/2010 (Estadual - Minas Gerais) Data D.O.: 12/06/2010 Dispõe sobre a autorização para recebimento e homologação de laudos técnico-ambientais e plantas georreferenciadas, elaborados

Leia mais

ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA

ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE TERESINA DECRETO Nº 13.346, DE 24 DE JUNHO DE 2013. Regulamenta a Lei Complementar nº 4.403, de 5 de junho de 2013, que Estabelece obrigação de uso do sistema ITBI

Leia mais

5) COMPROMISSO PARTICULAR DE VENDA E COMPRA E OUTRAS COMPROMISSÁRIO VENDEDOR:..., brasileiro, solteiro, produtor rural, inscrito no CPF sob o

5) COMPROMISSO PARTICULAR DE VENDA E COMPRA E OUTRAS COMPROMISSÁRIO VENDEDOR:..., brasileiro, solteiro, produtor rural, inscrito no CPF sob o 5) COMPROMISSO PARTICULAR DE VENDA E COMPRA E OUTRAS AVENÇAS PARTES CONTRATANTES COMPROMISSÁRIO VENDEDOR:..., brasileiro, solteiro, produtor rural, inscrito no CPF sob o n.... e no RG sob o n...., residente

Leia mais

Investimentos em imóveis de forma moderna e inteligente.

Investimentos em imóveis de forma moderna e inteligente. Investimentos em imóveis de forma moderna e inteligente. A possibilidade de diversificar o investimento e se tornar sócio dos maiores empreendimentos imobiliários do Brasil. Este material tem o objetivo

Leia mais

Esta é a tela em que você assistirá as palestras ;-)

Esta é a tela em que você assistirá as palestras ;-) Denis Levati Corretor de imóveis com ampla experiência. É historiador e atua como coordenador de conteúdo no blog Guru do Corretor, veículo de relevância nacional, especializado no mercado imobiliário.

Leia mais

Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição de Estagiário sob Responsabilidade de Pessoa Jurídica

Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição de Estagiário sob Responsabilidade de Pessoa Jurídica Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição de Estagiário sob Responsabilidade de Pessoa Jurídica AS CÓPIAS DOS DOCUMENTOS APRESENTADOS DEVERÃO ESTAR AUTENTICADAS OU ACOMPANHADAS DOS ORIGINAIS. 1. Preencher

Leia mais

PORTFÓLIO CURSOS 2015

PORTFÓLIO CURSOS 2015 PORTFÓLIO CURSOS 2015 MARÇO Professor: Edemar Zimmermann (Curitiba) Data: 24, 25 e 26/03 CONTEÚDO PROGRAMÁTICO O Corretor no papel de demonstrador de imóveis; Características básicas do demonstrador de

Leia mais

W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R

W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R 8 DICAS ESSENCIAIS PARA ESCOLHER SUA CORRETORA W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R Aviso Importante O autor não tem nenhum vínculo com as pessoas, instituições financeiras e produtos, citados, utilizando-os

Leia mais

O Prefeito Municipal de Resende, no exercício das atribuições, que lhe são conferidas pela Lei Orgânica do Município, em seu artigo 74, inciso XV,

O Prefeito Municipal de Resende, no exercício das atribuições, que lhe são conferidas pela Lei Orgânica do Município, em seu artigo 74, inciso XV, DECRETO Nº 5218 DE 09 DE NOVEMBRO DE 2011. EMENTA: Regulamenta os procedimentos de declaração, avaliação, emissão de guias de recolhimento, processo de arbitramento e a instauração do contencioso fiscal

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA DENÚNCIAS

INSTRUÇÕES PARA DENÚNCIAS CONSELHO REGIONAL DE CORRETORES DE IMÓVEIS DA 2 REGIÃO INSTRUÇÕES PARA DENÚNCIAS IMPRIMIR E PREENCHER COM LETRA LEGÍVEL (OU COMPLETAR NO PRÓPRIO SITE) O FORMULÁRIO ANEXO EM TRÊS VIAS DEVIDAMENTE ASSINADAS,

Leia mais

RESPONSABILIDADE CIVIL DOS OPERADORES DE NEGÓCIOS IMOBILIÁRIOS

RESPONSABILIDADE CIVIL DOS OPERADORES DE NEGÓCIOS IMOBILIÁRIOS RESPONSABILIDADE CIVIL DOS OPERADORES DE NEGÓCIOS IMOBILIÁRIOS Atividade de intermediação de negócios imobiliários relativos à compra e venda e locação Moira de Toledo Alkessuani Mercado Imobiliário Importância

Leia mais

MANUAL DE PRÁTICAS COMERCIAIS

MANUAL DE PRÁTICAS COMERCIAIS MANUAL DE PRÁTICAS COMERCIAIS 1 Joaçaba SC, 30 de setembro de 2013. Esta é a primeira versão do Manual de Práticas Comerciais da Paludo Incorporadora, visando descrever os requisitos necessários para a

Leia mais

O Feirão DA SUA CASA.

O Feirão DA SUA CASA. O Feirão DA SUA CASA. Tudo o que você queria saber sobre o financiamento da CAIXA para comprar, construir ou reformar sua casa. E tudo sobre o Programa Minha Casa Minha Vida para quem ganha até R$ 4.900,00.

Leia mais

Regulamento n.º 1/2008, de 12 de Maio de 2008

Regulamento n.º 1/2008, de 12 de Maio de 2008 Regulamento n.º 1/2008, de 12 de Maio de 2008 Fundos de Investimento Imobiliário Registo e Autorização de Peritos Avaliadores B.O n.º 18 - I Série Regulamento nº 1/2008 12 de Maio Fundos de Investimento

Leia mais

Diretrizes para Investimentos em Imóveis

Diretrizes para Investimentos em Imóveis Diretrizes para Investimentos em Imóveis 21ª reunião do CAP - 15/12/2010 11ª reunião ordinária do CDE - 16/12/2010 Anexo à Política de Investimentos 2011 a 2015 Índice 1. Contratação de Corretores, Avaliadores

Leia mais

Prezado (a) Consorciado (a), Parabéns pela contemplação!

Prezado (a) Consorciado (a), Parabéns pela contemplação! Prezado (a) Consorciado (a), Parabéns pela contemplação! Para realizar sua contemplação providenciar a documentação solicitada abaixo e levar até uma loja do Magazine Luiza ou representação autorizada

Leia mais

Anexo à Política de Investimentos 2009 a 2013

Anexo à Política de Investimentos 2009 a 2013 Anexo à Política de Investimentos 2009 a 2013 Diretrizes para Investimentos em Imóveis Índice 1. Contratação de Corretores, Avaliadores e Consultores Imobiliários... 3 2. Critérios para Aquisições e Alienações...

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA UTILIZAÇÃO DO FGTS (Check list) Modalidade: AQUISIÇÃO À VISTA (DAMP 1)

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA UTILIZAÇÃO DO FGTS (Check list) Modalidade: AQUISIÇÃO À VISTA (DAMP 1) (I) DO COMPRADOR ( ) Ficha Cadastral do Proponente (Original, preenchida, datada e assinada) ( ) Documento de Identidade de todos os compradores e seus respectivos cônjuges, se for o caso ( ) CPF de todos

Leia mais

Aluguel O que é preciso saber sobre aluguel Residencial

Aluguel O que é preciso saber sobre aluguel Residencial Aluguel O que é preciso saber sobre aluguel Residencial Ao alugar um imóvel é necessário documentar a negociação por meio de um contrato, de preferência, escrito. O inquilino deve ler atentamente todas

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE AQUIRAZ Secretaria de Finanças e Execução Orçamentária

PREFEITURA MUNICIPAL DE AQUIRAZ Secretaria de Finanças e Execução Orçamentária INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 003/ 2013 Dispõe sobre a criação e funcionamento da comissão de avaliação de imóveis para fins de calculo do Imposto sobre transmissão inter-vivos de bens imóveis, e dá outras providências.

Leia mais

Venha fazer negócios conosco e saia Feliz a Bessa e tenha a irmandade que você pode escolher.

Venha fazer negócios conosco e saia Feliz a Bessa e tenha a irmandade que você pode escolher. A empresa, com larga experiência no setor imobiliário, tem infra-estrutura e equipe especializada pronta para atendê-lo. Firma fundada em 1975 registrada pelo PJ: 183. Corretor Responsável com CRECI: 669

Leia mais

RESOLUÇÃO-COFECI Nº 1.168/2010 (Publicada no D.O.U nº 77, de 26/04/10, fls. 103, Seção 1)

RESOLUÇÃO-COFECI Nº 1.168/2010 (Publicada no D.O.U nº 77, de 26/04/10, fls. 103, Seção 1) RESOLUÇÃO-COFECI Nº 1.168/2010 (Publicada no D.O.U nº 77, de 26/04/10, fls. 103, Seção 1) 1 Dispõe sobre os procedimentos a serem observados pelas pessoas jurídicas que exerçam atividades de promoção imobiliária

Leia mais

CÓDIGO SITE: CORRETOR:

CÓDIGO SITE: CORRETOR: 1 PROPOSTA DE LOCAÇÃO CÓDIGO SITE: CORRETOR: Dados do Interessado: Nome: RG: CPF: Endereço: Fone: Endereço do Imóvel a ser Locado: Autorizo(amos) a empresa TECAD TÉCNICA EM ADMINISTRAÇÃO LTDA, a propor

Leia mais

REGULAMENTO. Presenteador: É a pessoa física ou jurídica que adquire o VALE-VIAGEM CVC, mediante a compra direta de cargas de valores.

REGULAMENTO. Presenteador: É a pessoa física ou jurídica que adquire o VALE-VIAGEM CVC, mediante a compra direta de cargas de valores. REGULAMENTO A CVC BRASIL OPERADORA E AGÊNCIA DE VIAGENS S.A., o Presenteador e o Presenteado do VALE-VIAGEM CVC, a primeira, na qualidade de prestadora de serviços de turismo, e o segundo, aderindo às

Leia mais

DECRETO Nº 37426 DE 11 DE JULHO DE 2013. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais, e

DECRETO Nº 37426 DE 11 DE JULHO DE 2013. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais, e DECRETO Nº 37426 DE 11 DE JULHO DE 2013 Regulamenta a aplicação da Lei Complementar nº 126/13 e da Lei nº 6400/13, que instituem, por AUTOVISTORIA, a obrigatoriedade de realização de vistorias técnicas

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 09/2011 CAD/UENP

RESOLUÇÃO Nº 09/2011 CAD/UENP RESOLUÇÃO Nº 09/2011 CAD/UENP Súmula: Estabelece critérios para a concessão de isenção ou desconto no preço público da inscrição no Processo Seletivo de Inverno. CONSIDERANDO a necessidade de estabelecer

Leia mais

INCORPORAÇÃO IMOBILIÁRIA

INCORPORAÇÃO IMOBILIÁRIA INCORPORAÇÃO IMOBILIÁRIA Segundo o SINDUSCON-SP (Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado de São Paulo) a construção civil brasileira deve registrar uma expansão de 8,8% no PIB (Produto Interno

Leia mais

CADASTRE-SE E TENHA UM DESCONTO DE R$ 1.000,00, AO ADQUIRIR UMA UNIDADE DO LOTEAMENTO JARDIM DOS IPÊS

CADASTRE-SE E TENHA UM DESCONTO DE R$ 1.000,00, AO ADQUIRIR UMA UNIDADE DO LOTEAMENTO JARDIM DOS IPÊS CADASTRE-SE E TENHA UM DESCONTO DE R$ 1.000,00, AO ADQUIRIR UMA UNIDADE DO LOTEAMENTO JARDIM DOS IPÊS O interessado que se cadastrar junto ao corretor credenciado pela TERRANO EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS

Leia mais

TRIBUTAÇÃO PELO IPTU: GEOINFORMAÇÃO E ATUALIZAÇÃO CADASTRAL

TRIBUTAÇÃO PELO IPTU: GEOINFORMAÇÃO E ATUALIZAÇÃO CADASTRAL TRIBUTAÇÃO PELO IPTU: GEOINFORMAÇÃO E ATUALIZAÇÃO CADASTRAL Lauro Marino Wollmann Agente Fiscal da Receita Municipal Secretaria da Fazenda - Porto Alegre Porto Alegre, 20 de novembro de 2014. Para exigir

Leia mais

Declaração de Prestadores de Outros Municípios - Protocolo de Inscrição

Declaração de Prestadores de Outros Municípios - Protocolo de Inscrição Dados da Empresa CNPJ: Razão Social: CEP do Estabelecimento: Data de Início das Atividades neste Endereço: Logradouro: Número: Complemento Bairro: Município: Estado: Inscrição do ISS no município de origem

Leia mais

CONSÓRCIO DE IMÓVEIS MODELOS DE DECLARAÇÃO

CONSÓRCIO DE IMÓVEIS MODELOS DE DECLARAÇÃO MODELOS DE DECLARAÇÃO Preencha as declarações necessárias de acordo com o seu perfil e o da operação. Elas devem ser enviadas à Administradora junto com os outros documentos e formulários solicitados nessa

Leia mais

GUIA DO COMPRADOR. Rua Irineu Ferlin, 301 Marau RS Fone (54) 3342 3448 www.marodimimoveis.com.br. Pag 1

GUIA DO COMPRADOR. Rua Irineu Ferlin, 301 Marau RS Fone (54) 3342 3448 www.marodimimoveis.com.br. Pag 1 Pag 1 CRECI J 23 004 Rua Irineu Ferlin, 301 Marau RS Fone (54) 3342 3448 www.marodimimoveis.com.br 1 - QUAL A VANTAGEM DE SE COMPRAR UM IMÓVEL NO SEU LANÇAMENTO? 2 - O QUE SIGNIFICA COMPRAR UM IMÓVEL NA

Leia mais

ASSESPRO ASSOCIAÇÃO DAS EMPRESAS BRASILEIRAS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, SOFTWARE E Internet - RS

ASSESPRO ASSOCIAÇÃO DAS EMPRESAS BRASILEIRAS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, SOFTWARE E Internet - RS ASSESPRO ASSOCIAÇÃO DAS EMPRESAS BRASILEIRAS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, SOFTWARE E Internet - RS DESTAQUE E PROPOSTAS DE ALTERAÇÃO PARA O PROJETO DE LEI 993/07. Artigo 1º, 1º constante no PL 993: CAPITULO

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO

CÂMARA MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO DESPACHO 2007 N O PROJETO DE LEI Nº 1310/2007 INSTITUI O SERVIÇO E COLETA DE PEQUENAS CARGAS, MEDIANTE UTILIZAÇÃO DE MOTOCICLETAS, NO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO, DENOMINADO MOTO-FRETE, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Leia mais

DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS. Curso de Técnico em Transações Imobiliárias Curso Total

DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS. Curso de Técnico em Transações Imobiliárias Curso Total DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS Curso de Técnico em Transações Imobiliárias Curso Total DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS DO CARTÓRIO DE REGISTRO DE IMÓVEIS. FINALIDADE. DOS TÍTULOS REGISTRÁVEIS: ESCRITURA

Leia mais

Seu maior bem é o seu nome. Cuide dele.

Seu maior bem é o seu nome. Cuide dele. Seu maior bem é o seu nome. Cuide dele. Saiba como limpar o nome. E mantê-lo limpo. Todos sabemos como é precioso o nosso nome e que dificuldades aparecem para todo mundo. Em muitos momentos da vida nos

Leia mais

CONSTUIR E GANHAR É SÓ COMEÇAR

CONSTUIR E GANHAR É SÓ COMEÇAR CONSTUIR E GANHAR É SÓ COMEÇAR O CLIENTE que começar a construir sua casa no empreendimento Jardins Veneza até OUTUBRO de 2014, será premiado com até 01 (um) ano de taxa de condomínio pagas pela FGR, conforme

Leia mais

Cartilha. Ourocap Fiador

Cartilha. Ourocap Fiador Faz diferença ter Ourocap Fiador na hora de alugar um imóvel. Cartilha Ourocap Fiador O Ourocap Fiador* é o título de capitalização que funciona como uma garantia de aluguel, facilitando sua vida na hora

Leia mais

COTAS DE RESERVA AMBIENTAL. O que são, como cria-las e como negocia-las

COTAS DE RESERVA AMBIENTAL. O que são, como cria-las e como negocia-las COTAS DE RESERVA AMBIENTAL O que são, como cria-las e como negocia-las COTAS DE RESERVA AMBIENTAL O que são, como cria-las e como negocia-las! 3 Olá! Você já ouviu falar das Cotas de Reserva Ambiental

Leia mais

Regulamento Estágio Curricular Obrigatório

Regulamento Estágio Curricular Obrigatório Regulamento Estágio Curricular Obrigatório CST em Fabricação Mecânica CST em Gestão de Recursos Humanos CST em Mecatrônica Industrial 1 CAPÍTULO I DA JUSTIFICATIVA E FINALIDADES Art. 1º - O programa de

Leia mais

Rio de Janeiro: Decreto Regulamentador de Autovistoria

Rio de Janeiro: Decreto Regulamentador de Autovistoria Rio de Janeiro: Decreto Regulamentador de Autovistoria Regulamenta a aplicação da Lei Complementar 126 de 26 de março de 2013 e da Lei 6400 de 05 de março de 2013, que instituem a obrigatoriedade de realização

Leia mais

4.9 PROJETO DE LEI DO DIREITO DE PREEMPÇÃO

4.9 PROJETO DE LEI DO DIREITO DE PREEMPÇÃO 302 4.9 PROJETO DE LEI DO DIREITO DE PREEMPÇÃO Regulamento o exercício do direito de preempção pelo Poder Público Municipal de acordo com a Lei de Revisão do Plano Diretor, e dá outras providências. A

Leia mais

COTAS DE RESERVA AMBIENTAL

COTAS DE RESERVA AMBIENTAL ASA Paragominas Agência de Serviços Ambientais de Paragominas COTAS DE RESERVA AMBIENTAL O que são, como criá-las e como negociá-las ASA Paragominas Agência de Serviços Ambientais de Paragominas COTAS

Leia mais

Em caso de dúvidas, entre em contato com nossa Central Especializada:

Em caso de dúvidas, entre em contato com nossa Central Especializada: MODELOS DE DECLARAÇÃO Preencha as declarações necessárias de acordo com o seu perfil e o da operação. Elas devem ser enviadas à Administradora junto com os outros documentos e formulários solicitados nessa

Leia mais

DECRETO Nº 23581. De 09 de janeiro de 2006

DECRETO Nº 23581. De 09 de janeiro de 2006 DECRETO Nº 23581 De 09 de janeiro de 2006 Cria a Comissão de Locação de Imóveis e estabelece procedimentos para celebração, prorrogação e rescisão de contratos de locação. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE GUARULHOS,

Leia mais

Coordenação-Geral de Tributação

Coordenação-Geral de Tributação Fls. 1 0 Coordenação-Geral de Tributação Solução de Consulta nº 31 - Data 30 de janeiro de 2014 Processo Interessado CNPJ/CPF Assunto: IMPOSTO SOBRE A RENDA DE PESSOA FÍSICA - IRPF Ementa: ALIENAÇÃO DE

Leia mais

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO DO EMPREENDIMENTO SPOT IPIRANGA "Comprou, Ganhou

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO DO EMPREENDIMENTO SPOT IPIRANGA Comprou, Ganhou REGULAMENTO DA PROMOÇÃO DO EMPREENDIMENTO SPOT IPIRANGA "Comprou, Ganhou REGULAMENTO EMPREENDIMENTO SPOT IPIRANGA ( Empreendimento Participante ) 1. A presente promoção ( Promoção ) é uma iniciativa da

Leia mais

DECRETO Nº 9.795, DE 14 DE SETEMBRO DE 2012.

DECRETO Nº 9.795, DE 14 DE SETEMBRO DE 2012. Publicado no DOM de 15 de setembro de 2012. DECRETO Nº 9.795, DE 14 DE SETEMBRO DE 2012. Aprova o Regulamento Do Imposto de Transmissão Inter Vivos de Bens Imóveis ITIV. A PREFEITA DO MUNICÍPIO DE NATAL,

Leia mais

CONTRATO DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA. PROMITENTES VENDEDORES:

CONTRATO DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA. PROMITENTES VENDEDORES: <identificação dos vendedores, nome endereço cpf cgc etc> CONTRATO DE PROMESSA DE COMPRA E VENDA PROMITENTES VENDEDORES: PROMITENTES COMPRADORES:

Leia mais

CRÉDITO IMOBILIÁRIO HSBC Novembro 2010. 2010 Brasil Brokers Todos os Direitos Reservados

CRÉDITO IMOBILIÁRIO HSBC Novembro 2010. 2010 Brasil Brokers Todos os Direitos Reservados CRÉDITO IMOBILIÁRIO HSBC Novembro 2010 2010 Brasil Brokers Todos os Direitos Reservados Crédito Imobiliário O Crédito Imobiliário é uma modalidade de financiamento que viabiliza a compra de um imóvel usado

Leia mais

EXCELENTÍSSIMO SENHOR JUIZ DE DIREITO DA VARA CRIMINAL DA COMARCA DE GOIÂNIA - GO

EXCELENTÍSSIMO SENHOR JUIZ DE DIREITO DA VARA CRIMINAL DA COMARCA DE GOIÂNIA - GO EXCELENTÍSSIMO SENHOR JUIZ DE DIREITO DA VARA CRIMINAL DA COMARCA DE GOIÂNIA - GO Inquérito Policial n.º: 234/2005 Vítima: Administração Pública Réu: Honestino Guimarães Rosa O MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO

Leia mais

PROCURADORIA GERAL DA FAZENDA NACIONAL - PGFN

PROCURADORIA GERAL DA FAZENDA NACIONAL - PGFN PROCURADORIA GERAL DA FAZENDA NACIONAL - PGFN PORTARIA N.º 3 DE 22 /11 /2005 Dispõe sobre a prova de regularidade fiscal perante a Fazenda Nacional e dá outras providências. O PROCURADOR-GERAL DA FAZENDA

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAVATÁ Secretaria de Planejamento e Orçamento Secretaria Executiva de Planejamento Urbano

PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAVATÁ Secretaria de Planejamento e Orçamento Secretaria Executiva de Planejamento Urbano PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAVATÁ Secretaria de Planejamento e Orçamento Secretaria Executiva de Planejamento Urbano 2014 CONCEITOS GERAIS DOS SERVIÇOS E Lei nº 3401/06 ( Plano Diretor), Lei nº 3420/07 (Código

Leia mais

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO INDIQUE UM AMIGO

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO INDIQUE UM AMIGO REGULAMENTO DA PROMOÇÃO INDIQUE UM AMIGO 1. DAS EMPRESAS PROMOTORAS ATUA PROJETO IMOBILIÁRIO V LTDA., com sede na Capital do Estado de São Paulo, à Rua Olimpíadas, 66, 11º andar, sala 7-B, Vila Olímpia,

Leia mais

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO INDICAÇÃO PREMIADA URBAMAIS

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO INDICAÇÃO PREMIADA URBAMAIS REGULAMENTO DA PROMOÇÃO INDICAÇÃO PREMIADA URBAMAIS URBAMAIS PROPERTIES E PARTICIPAÇÕES S.A., sociedade por ações, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 10.571.175/0001-02, com sede na Av. Raja Gabaglia, nº 2720,

Leia mais

Boletim de Proteção do Consumidor/Investidor CVM/Senacon

Boletim de Proteção do Consumidor/Investidor CVM/Senacon Boletim de Proteção do Consumidor/Investidor CVM/Senacon Fundo 157 Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor Secretaria Nacional do Consumidor Ministério da Justiça Apresentação Com frequência são

Leia mais

(Do Sr. Julio Lopes) O Congresso Nacional decreta:

(Do Sr. Julio Lopes) O Congresso Nacional decreta: PROJETO DE LEI N o, DE 2006 (Do Sr. Julio Lopes) Institui a consignação em folha de pagamento de aluguéis residenciais. O Congresso Nacional decreta: Art. 1º Os servidores públicos e os empregados regidos

Leia mais

Os recursos da conta vinculada do FGTS podem ser utilizados pelos Consorciados nas seguintes operações:

Os recursos da conta vinculada do FGTS podem ser utilizados pelos Consorciados nas seguintes operações: REGRAS DE UTILIZAÇÃO DO FGTS Utilização O Consorciado e o Imóvel devem atender a todas as condições normativas previstas no Manual do FGTS instituído pela Caixa Econômica Federal, na qualidade de Agente

Leia mais

ANEXO 2 - LISTA DE DOCUMENTOS

ANEXO 2 - LISTA DE DOCUMENTOS ANEXO 2 - LISTA DE DOCUMENTOS 1. DOCUMENTOS ESSENCIAIS: ( ) Declaração de matrícula 1.2 Documentos de identificação do estudante: ( ) RG ou documento oficial com foto. ( ) CPF 1.3 Documentação civil: (

Leia mais

1º ADITIVO AO CONTRATO DE FILIAÇÃO E ADESÃO DE ESTABELECIMENTO AO SISTEMA FORTBRASIL DE CARTÃO DE CRÉDITO

1º ADITIVO AO CONTRATO DE FILIAÇÃO E ADESÃO DE ESTABELECIMENTO AO SISTEMA FORTBRASIL DE CARTÃO DE CRÉDITO 1º ADITIVO AO CONTRATO DE FILIAÇÃO E ADESÃO DE ESTABELECIMENTO AO SISTEMA FORTBRASIL DE CARTÃO DE CRÉDITO FORTBRASIL ADMINISTRADORA DE CARTÕES DE CRÉDITO S/A, inscrita no CNPJ/MF sob o nº. 02.732.968/0001-38,

Leia mais

CAPÍTULO I INFORMAÇÕES INTRODUTÓRIAS

CAPÍTULO I INFORMAÇÕES INTRODUTÓRIAS Tabela de honorários CAPÍTULO NFORMAÇÕES NTRODUTÓRAS A prestação de serviço profissional é assegurada ao Corretor de móveis, com fulcro no artigo 3º da Lei nº 6.530, de 12 de maio de 1978, podendo exercer

Leia mais

FINVEST - FUNDO NACIONAL PARA INVESTIMENTOS REGULAMENTO. 2. Para efeito deste regulamento consideram-se investimentos:

FINVEST - FUNDO NACIONAL PARA INVESTIMENTOS REGULAMENTO. 2. Para efeito deste regulamento consideram-se investimentos: 1 FINVEST - FUNDO NACIONAL PARA INVESTIMENTOS REGULAMENTO OBJETIVO 1. O Fundo FINVEST, objetiva o suprimento parcial de recursos a FUNDO PERDIDO, conforme definido no presente regulamento, nos casos de

Leia mais

Apresentação Parceria Fiança Locatícia.

Apresentação Parceria Fiança Locatícia. Apresentação Parceria Fiança Locatícia. Fiança Locatícia. O seguro de fiança locatícia facilita a vida dos proprietários dos imóveis, das imobiliárias e inquilinos, substituindo com vantagens o fiador.

Leia mais

A QUEM PODE DAR ORDENS PARA INVESTIMENTO COMO E ONDE SÃO EXECUTADAS

A QUEM PODE DAR ORDENS PARA INVESTIMENTO COMO E ONDE SÃO EXECUTADAS COMISSÃO DO MERCADO DE VALORES MOBILIÁRIOS COMISSÃO DO MERCADO DE VALORES MOBILIÁRIOS A QUEM PODE DAR ORDENS PARA INVESTIMENTO COMO E ONDE SÃO EXECUTADAS NOVEMBRO DE 2007 CMVM A 1 de Novembro de 2007 o

Leia mais

Pesquisa de Mercado Carreira Corretor de Imóveis

Pesquisa de Mercado Carreira Corretor de Imóveis Pesquisa de Mercado Carreira Corretor de Imóveis Índice Motivador da Pesquisa e Metodologia Resultado Geral Resultados por Pergunta Entenda o Projeto (Solucionando os problemas) Slide 2 Mercado Imobiliário

Leia mais

EDITAL ESAF/CEEAD Nº 01/2013 CURSO SOBRE O IMPOSTO TERRITORIAL RURAL PARA MUNICÍPIOS CONVENIADOS

EDITAL ESAF/CEEAD Nº 01/2013 CURSO SOBRE O IMPOSTO TERRITORIAL RURAL PARA MUNICÍPIOS CONVENIADOS EDITAL ESAF/CEEAD Nº 01/2013 CURSO SOBRE O IMPOSTO TERRITORIAL RURAL PARA MUNICÍPIOS CONVENIADOS A Escola de Administração Fazendária - ESAF torna público que estão abertas as inscrições para o Curso sobre

Leia mais

REGULAMENTO DA CAMPANHA COMPROU, GANHOU

REGULAMENTO DA CAMPANHA COMPROU, GANHOU REGULAMENTO DA CAMPANHA COMPROU, GANHOU 1. DAS EMPRESAS PROMOTORAS ATUA PROJETO IMOBILIÁRIO 21 LTDA., com sede na Capital do Estado de São Paulo, à Rua Olimpíadas, 66, 11º andar, sala 22-B, Vila Olímpia,

Leia mais

REGULAMENTO DE PREMIAÇÃO

REGULAMENTO DE PREMIAÇÃO A Odebrecht Realizações Imobiliárias e Participações S/A, estabelecida na Avenida A, número 4165, sala 101 Torre 4, no bairro da Praia do Paiva, Cabo de Santo Agostinho-PE, CEP 54.522-005, inscrita no

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DE ASSISTÊNCIA PROTEÇÃO A CARTÕES PLANO 1

CONDIÇÕES GERAIS DE ASSISTÊNCIA PROTEÇÃO A CARTÕES PLANO 1 CONDIÇÕES GERAIS DE ASSISTÊNCIA PROTEÇÃO A CARTÕES PLANO 1 1. QUADRO RESUMO DE SERVIÇOS ITEM SERVIÇOS LIMITES DO SERVIÇO 1 Assistência Global de Proteção a Cartões e Serviço de Solicitação de Cartão Substituto

Leia mais

O Sr. Prefeito Municipal de Volta Redonda, no uso das atribuições que lhe são conferidas por lei;

O Sr. Prefeito Municipal de Volta Redonda, no uso das atribuições que lhe são conferidas por lei; DECRETO N.º 9185 EMENTA: Institui o DCU SIMPLES, um conjunto de Programas de Ação do Departamento de Controle Urbanístico da Secretaria Municipal de Planejamento, para aprovação de projetos e licenciamento

Leia mais

O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições legais e regimentais,

O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições legais e regimentais, RESOLUÇÃO CFC N.º 821/97 Aprova a NBC P 1 Normas Profissionais de Auditor Independente com alterações e dá outras providências. O CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE, no exercício de suas atribuições legais

Leia mais

RESOLUÇÃO SMF Nº 2835 DE 05 DE FEVEREIRO DE 2015

RESOLUÇÃO SMF Nº 2835 DE 05 DE FEVEREIRO DE 2015 RESOLUÇÃO SMF Nº 2835 DE 05 DE FEVEREIRO DE 2015 Disciplina os procedimentos referentes aos benefícios fiscais instituídos pela Lei nº 5.780, de 22 de julho de 2014. O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE FAZENDA,

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE CORRETORES DE IMÓVEIS. CRECI 2ª Região

CONSELHO REGIONAL DE CORRETORES DE IMÓVEIS. CRECI 2ª Região DEFINE A FUNÇÃO DOS CONSELHOS PROFISSIONAIS E A OBRIGATORIEDADE DE INSCRIÇÃO NO CRECI DE JURÍDICA COM COMPRA E VENDA DE IMÓVEIS Ilmos. Srs.. OPTIO ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA. Rua Sete de Setembro n

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, CORRETAGEM DE VEÍCULOS, COMISSÃO E DEMAIS AVENÇAS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, CORRETAGEM DE VEÍCULOS, COMISSÃO E DEMAIS AVENÇAS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, CORRETAGEM DE VEÍCULOS, COMISSÃO E DEMAIS AVENÇAS IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES CONTRATANTES CONTRATANTE: A empresa/pessoa física que tem interesse na alienação de veículo

Leia mais

PORTARIA Nº 061/2006

PORTARIA Nº 061/2006 DOM 03.07.06 PORTARIA Nº 061/2006 Estabelece procedimentos para recolhimento do Imposto sobre a Transmissão Inter Vivos de Bens Imóveis ITIV conforme o Decreto nº 16.419, de 31 de março de 2006, e dá outras

Leia mais

ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 05/2015 CREMEB

ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 05/2015 CREMEB ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 05/2015 CREMEB 1 -DO OBJETO O objeto do Pregão Presencial é a contratação de empresa especializada para prestação de serviços de rádio-táxi

Leia mais

REGRAS APLICÁVEIS AOS AGENTES AUTONOMOS DE INVESTIMENTOS NA LEROSA

REGRAS APLICÁVEIS AOS AGENTES AUTONOMOS DE INVESTIMENTOS NA LEROSA Este documento vem em atendimento a Instrução CVM 497, de 03 de junho de 2011 e tem a finalidade de regular as atividades entre os agentes autônomos de investimentos e a LEROSA (ESCRITÓRIO LEROSA S/A CORRETORES

Leia mais

Agência de Propaganda

Agência de Propaganda Agência de Propaganda Um assinante do Consultor Municipal fez a seguinte consulta: As empresas de propaganda e marketing são consideradas agências? E qual seria a base de cálculo do ISS? Por ser um assunto

Leia mais