AULA AÇÃO RESCISÓRIA 8OS SMESTRES. É rescindível a sentença de mérito, transitada em julgado quando atendidas as hipóteses previstas no CPC, art. 485.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "AULA AÇÃO RESCISÓRIA 8OS SMESTRES. É rescindível a sentença de mérito, transitada em julgado quando atendidas as hipóteses previstas no CPC, art. 485."

Transcrição

1 Profa Daniela Perez Unicid Processo Civil 1 AULA AÇÃO RESCISÓRIA 8OS SMESTRES É rescindível a sentença de mérito, transitada em julgado quando atendidas as hipóteses previstas no CPC, art A sentença transita em julgado é aquela que não está mais sujeita a recurso, por transcurso do prazo ou por esgotadas as vias recursais. Segundo Jose Carlos Barbosa Moreira: Chama-se rescisória a ação por meio da qual se pede a DESCONSTITUIÇÃO da sentença trânsita em julgado, com eventual rejulgamento, a seguir, da matéria nela julgada. TRATA-SE MEIO AUTONOMO DE IMPUGNAÇÃO DAS DECISÕES JUDICIAIS Por meio da ação rescisória, pode-se destruir a coisa julgada material não há incompatibilidade com a Constituição Federal, que estabelece que a lei não prejudicará o direito adquirido, o ato jurídico perfeito e a coisa julgada (art. 5º, XXXVI). Resolve-se facilmente a questão, observando-se que a mesma Constituição se refere, expressamente, à ação rescisória, nos artigos 102, I, j, e 105, I, e. De acordo com o conceito trazido por Barbosa Moreira, extraímos que a AÇAO RESCISÓRIA trará dois pedidos: a) JUÍZO RESCIDENDO: O AUTOR PEDE, LITERALMENTE, A DESCONSTITUIÇÃO, RESCISÃO, PORTANTO, DO JULGADO ATACADO. b) JUÍZO RESCISÓRIO: PEDIDO DE NOVO JULGAMENTO, OU SEJA, PARA QUE SE PROFIRA NOVA DECISÃO QUE SUBSTITUA A RESCINDIDA. PRESSUPOSTOS: Não cabe ação rescisória, se extinto o processo sem exame do mérito. Assim, por exemplo, se o juiz o extinguiu por falta de pressuposto processual ou por falta de condição da ação. A razão, aí, é bastante clara. A extinção do processo, sem exame do mérito, não obsta a que o autor intente de novo ação (CPC, art. 268).

2 Profa Daniela Perez Unicid Processo Civil 2 Daí se tem tirado a ilação de que a ação rescisória se destina a desconstituir a coisa julgada material. Assim temos: NÃO HÁ COISA JULGADA MATERIAL A AÇÃO RESCISÓRIA É DESNECESSÁRIA NÃO CABE, FALTARIA O REQUISITO DO INTERESSE. MÉRITO - dispõe o artigo 269 do CPC. Não examinam o mérito: a) a sentença que extingue o processo por falta de pressuposto processual (sentença meramente processual), b) a que decreta a carência de ação, por não concorrer qualquer das condições da ação, como a possibilidade jurídica, a legitimidade das partes e o interesse processual (CPC, art. 267). É meramente processual a sentença que anula o processo. Daí se opera tão somente a COISA JULGADA FORMAL ENDO-AUTOS. INCABÍVEL AÇÃO RESCISÓRIA EM SE TRATANDO DE: (Segundo Sálvio de Figueiredo Teixeira) A) as decisões interlocutórias; B) as decisões terminativas (que apenas terminam o processo, sem apreciação do mérito art. 267); C) as proferidas em procedimentos de jurisdição voluntária; D) as proferidas em processo cautelar, com exceção do disposto no art. 810, in fine (haja vista que não há coisa julgada material no processo cautelar); E) os atos judiciais que independem de sentença (arrematação e adjudicação, por exemplo) ou em que há equívoca referência à sentença (v. g., remição); F) as sentenças proferidas nos procedimentos perante os Juizados Especiais - Lei 9.099/95, art. 59.

3 Profa Daniela Perez Unicid Processo Civil 3 Questao para debate: Cabe ação rescisória de sentença proferida em processo cautelar ou de jurisdição voluntária? FUNDAMENTOS PARA AÇÃO RESCISÓRIA ARTIGO 485 ROL TAXATIVO, PORTANTO, NÃO CABE AMPLIAÇÃO POR ANALOGIA I- PREVARICAÇÃO, CONCUSSÃO OU CORRUPÇÃO DO JUIZ; Hipóteses de crime praticado pelo magistrado (crimes praticados contra a Administração Pública or funcionário público) Não exige: processo criminal instaurado, nem sentença condenatória transitada. Pode-se aplicar o artigo 110 do CPC suspensividade facultativa ao julgador. Ainda que haja absolvição no criminal, pode haver rescisão da sentença proferida pelo juiz acusado do delito. II- JUIZ IMPEDIDO OU ABSOLUTAMENTE INCOMPETENTE; Pressupostos processuais de validade Impedimento é questão objetiva está na lei é defeso...

4 Profa Daniela Perez Unicid Processo Civil 4 Nas outras hipóteses necessidade arguição em separado pelo Réu. Atenção: acórdão o voto do juiz impedido deve ter influência na decisão final (se por maioria de votos) III- SENTENÇA DECORRER DE DOLO DA PARTE VENCEDORA EM DETRIMENTO DA PARTE VENCIDA, OU DE COLUSAO ENTRE AS PARTES A FIM DE FRAUDAR A LEI; Nexo de causalidade entre o dolo (vencedor) e o teor da decisão atacada. Ex. revelia do réu forçada, óbice a que o mesmo conhecesse da demanda. Litisconsortes basta o dolo de um dos vencedores, salvo se se tratar de litisconsorte simples. (capítulos #) Colusão- processo como instrumento de fraude, é bilateral. Artigo 129 SIMULAÇÃO OBTENÇÃO DE FIM INDEVIDO Ex. anulação de matrimônio IV- OFENSA A COISA JULGADA; Qual coisa julgada : a operada no processo cuja decisão será atacada via rescisória? Ou a anterior a este? Qual prevalece?

5 Profa Daniela Perez Unicid Processo Civil 5 02 CORRENTES: VALIDADE DA SEGUNDA COMO SE FOSSE LEI QUE REVOGA ANALOGIA CONSTITUCIONAL. V- VIOLAÇÃO DE LITERAL DISPOSIÇÃO DE LEI; Qualquer norma jurídica amplitude do conceito de LEI Independe de qual natureza é a lei, a norma PROCESSUAL OU MATERIAL. Sumula 353 STF- Se se trata de lei cuja interpretação for controvertida, no âmbito dos tribunais, à época da prolação da decisão, não se pode intentar a rescisória As infrações deverão conduzir a uma nulidade e não anulabilidade. REGRA DAS NULIDADES PROCESSUAIS art. 244 do CPC, "Quando a lei descrever determinada forma, sem cominação de nulidade, o juiz considerará válido o ato se, realizado de outro modo, lhe alcançar a finalidade". Como afirma TERESA ARRUDA ALVIM WAMBIER:"O sistema de nulidades do direito processual civil brasileiro encaixa-se nas categorias intermediários, ou seja, na categoria daqueles sistemas em que se confere razoável liberdade ao juiz para tratar das hipóteses concretas. É essa, de fato, a tendência do processo civil moderno". VI- FALSIDADE DE PROVA APURADA EM PROCESSO CRIMINAL OU PROVADA NA PRÓPRIA RESCISÓRIA;

6 Profa Daniela Perez Unicid Processo Civil 6 VII- OBTENÇÃO DE DOCUMENTO NOVO, CUJA EXISTÊNCIA IGNORAVA, OU DE QUE NÃO PÔDE FAZER USO, CAPAZ, POR SI SÓ, DE LHE ASSEGURAR PRONUNCIAMENTO FAVORÁVEL; No caso de rescisória procedente por haver o autor obtido documento novo, cuja existência ignorava, ou de que não pôde fazer uso, capaz, por si só, de lhe assegurar pronunciamento favorável (CPC, art. 485, VII), a sentença rescindenda não é apenas válida, como até mesmo correta, à luz dos elementos constantes dos autos. VIII- FUNDAMENTO PARA INVALIDAR CONFISSÃO, DESISTÊNCIA, TRANSAÇÃO QUE SE BASEOU A SENTENÇA ATACADA; IX- FUNDADA EM ERRO DE FATO, RESULTANTE DE ATOS OU DOCUMENTOS; Rescindir não é anular e, menos ainda, o mesmo que declarar a existência de nulidade. Embora haja casos de rescisória, por vícios que afetam a validade da sentença:

7 Profa Daniela Perez Unicid Processo Civil 7 A incompetência absoluta do juiz que a proferiu, (CPC, art. 485, II) Outros há que, nitidamente, supõem sentença válida, ainda que errada. Tal é o caso, por exemplo, da sentença que haja violado literal disposição de lei (CPC, art. 485, V). O motivo para a rescisão é superveniente, e não contemporâneo à data do ato, como o exigiria a idéia de nulidade. O vício que torna rescindível a sentença é, via de regra, imputável ao juiz, como se verifica, por exemplo, nas hipóteses de sentença proferida por prevaricação, concussão ou corrupção do juiz; por juiz impedido ou absolutamente incompetente e por violação de literal disposição de lei (CPC, art. 485, I, II e V). Não faltam hipóteses, contudo, em que o defeito apontado na sentença, em vez de ser imputável ao juiz, se relaciona com o comportamento de alguma das partes, ou de mais de uma. (...). Assim ocorre, v.g., nos casos de dolo do vencedor e de colusão entre as partes (inciso III), no da invalidade de ato de parte que haja servido de base à sentença (inciso VIII). (BARBOSA MOREIRA).

8 Profa Daniela Perez Unicid Processo Civil 8 Legislação - Constituição Federal: Art. 5º, XXXVI - a lei não prejudicará o direito adquirido, o ato jurídico perfeito e a coisa julgada. Art Compete ao Supremo Tribunal Federal, precipuamente, a guarda da Constituição, cabendo-lhe: I - processar e julgar, originariamente:... j) a revisão criminal e a ação rescisória de seus julgados. Art Compete ao Superior Tribunal de Justiça: I - processar e julgar, originariamente:... e) as revisões criminais e as ações rescisórias de seus julgados.

Aula 11 de Processo do trabalho II Procedimentos especiais na Justiça do Trabalho.

Aula 11 de Processo do trabalho II Procedimentos especiais na Justiça do Trabalho. Aula 11 de Processo do trabalho II Procedimentos especiais na Justiça do Trabalho. O artigo 114 da Constituição Federal traz que o Poder Judiciário Trabalhista também deve julgar...outras controvérsias

Leia mais

AÇÃO RESCISÓRIA NO JEF. ESTER MORENO DE MIRANDA VIEIRA

AÇÃO RESCISÓRIA NO JEF. ESTER MORENO DE MIRANDA VIEIRA AÇÃO RESCISÓRIA NO JEF ESTER MORENO DE MIRANDA VIEIRA Ester.vieira@globo.com POSSIBILIDADE DE AÇÃO RESCISÓRIA EM RELAÇÃO AS AÇÕES TRAMITARAM PERANTE O JUIZADOS ESPECIAIS FEDERAIS? A CONSTITUIÇÃO FEDERAL

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL CIVIL. Sentença e coisa julgada. Prof. Luiz Dellore

DIREITO PROCESSUAL CIVIL. Sentença e coisa julgada. Prof. Luiz Dellore DIREITO PROCESSUAL CIVIL Sentença e coisa julgada Prof. Luiz Dellore 1. Providências preliminares Após a inicial e contestação, pode ser que uma destas ocorram no processo: - especificação de provas, caso

Leia mais

Ação Rescisória. Leonel Falcão.

Ação Rescisória. Leonel Falcão. Ação Rescisória. Leonel Falcão. A Ação Rescisória vem disciplinada nos nove incisos e dois parágrafos que compõem o artigo 485, do Código de Processo Civil. É através dela que a parte postula a rescisão

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO Acórdão Seção Especializada em Dissídios Individuais AÇÃO RESCISÓRIA. PROVA FALSA. DEPOIMENTO. TESTEMUNHA SUSPEITA. A suspeição ou impedimento de testemunha deve argüida em sede de ação rescisória deve

Leia mais

Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Revisão Criminal. Gustavo Badaró aula de

Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Revisão Criminal. Gustavo Badaró aula de Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo Revisão Criminal Gustavo Badaró aula de 10.11.2015 PLANO DA AULA 1. Noções gerais 2. Condições da ação 3. Pressupostos processuais 4. Procedimento 1. NOÇÕES

Leia mais

AÇÃO RESCISÓRIA. MOACIR SOUZA FILHO. Resumo de Direito Processual Civil. Assunto: Autor:

AÇÃO RESCISÓRIA.  MOACIR SOUZA FILHO. Resumo de Direito Processual Civil. Assunto: Autor: Resumo de Direito Processual Civil Assunto: AÇÃO RESCISÓRIA Autor: MOACIR SOUZA FILHO 2 AÇÃO RESCISÓRIA 1. INTRODUÇÃO A sentença proferida em um processo poderá ser atacada de duas formas: pelos recursos

Leia mais

Aula 14. EMBARGOS INFRINGENTES E DE NULIDADE (art. 609, parágrafo único, CPP)

Aula 14. EMBARGOS INFRINGENTES E DE NULIDADE (art. 609, parágrafo único, CPP) Turma e Ano: Regular 2015 / Master B Matéria / Aula: Direito Processual Penal / Aula 14 Professor: Elisa Pittaro Monitora: Kelly Soraia Aula 14 EMBARGOS INFRINGENTES E DE NULIDADE (art. 609, parágrafo

Leia mais

COISA JULGADA E PRONUNCIAMENTOS DO STF NO CPC 15. Eduardo Talamini

COISA JULGADA E PRONUNCIAMENTOS DO STF NO CPC 15. Eduardo Talamini COISA JULGADA E PRONUNCIAMENTOS DO STF NO CPC 15 Eduardo Talamini VALOR CONSTITUCIONAL DA COISA JULGADA (CF, art. 5, XXXVI) Relevância da menção na Constituição. É possível a (re)modelação legislativa

Leia mais

NOTAS DOS AUTORES À DÉCIMA SEGUNDA EDIÇÃO... 15

NOTAS DOS AUTORES À DÉCIMA SEGUNDA EDIÇÃO... 15 S NOTAS DOS AUTORES À DÉCIMA SEGUNDA EDIÇÃO... 15 Capítulo I TEORIA DOS RECURSOS... 17 1. Conceito de recurso... 17 2. O princípio do duplo grau de jurisdição... 18 3. O recurso no sistema dos meios de

Leia mais

Juizados Especiais. Aula 8 ( ) Vinicius Pedrosa Santos (magistrado e professor)

Juizados Especiais. Aula 8 ( ) Vinicius Pedrosa Santos (magistrado e professor) Juizados Especiais Aula 8 (09.04.13) Vinicius Pedrosa Santos (magistrado e professor) e-mail: vinipedrosa@uol.com.br Ementa da aula Recursos e embargos de declaração Mandado de segurança, habeas corpus

Leia mais

Prática Civil 2ª Fase OAB Junho/2013. Ação Rescisória

Prática Civil 2ª Fase OAB Junho/2013. Ação Rescisória CONCEITO Ação Rescisória A sentença pode ser atacada por dois remédios processuais distintos: pelos recursos e pela ação rescisória observando sempre o momento processual. A ação rescisória não se confunde

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.456.632 - MG (2014/0127080-6) RELATORA : MINISTRA NANCY ANDRIGHI ADVOGADO : FABRÍCIO MADUREIRA GONÇALVES E OUTRO(S) - MG080890 EMENTA DIREITO PROCESSUAL CIVIL. AÇÃO RESCISÓRIA. EMBARGOS

Leia mais

REVISÃO CRIMINAL À LUZ DO NOVO CPC.

REVISÃO CRIMINAL À LUZ DO NOVO CPC. REVISÃO CRIMINAL À LUZ DO NOVO CPC. Robson Souto - Advogado Criminalista. Professor de Direito Penal e Processo Penal. Autor de e-books e artigos jurídicos. Colunista do Portal MegaJurídico. Nada obstante

Leia mais

Capítulo I TEORIA DOS PRECEDENTES JUDICIAIS E SUA INCIDÊNCIA NO PROCESSO DO TRABALHO

Capítulo I TEORIA DOS PRECEDENTES JUDICIAIS E SUA INCIDÊNCIA NO PROCESSO DO TRABALHO SUMÁRIO Capítulo I TEORIA DOS PRECEDENTES JUDICIAIS E SUA INCIDÊNCIA NO PROCESSO DO TRABALHO 1. Introdução... 17 2. Famílias jurídicas... 18 2.1. Civil law (família romano-germânica)... 18 2.2. Common

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS UFAM FACULDADE DE DIREITO FD DEPARTAMENTO DE DIREITO APLICADO. PLANO DE AULA i

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS UFAM FACULDADE DE DIREITO FD DEPARTAMENTO DE DIREITO APLICADO. PLANO DE AULA i PLANO DE AULA i INSTITUIÇÃO DE ENSINO: UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS UFAM CURSO: DIREITO PROFESSOR: Especialista Rafael da Silva Menezes NÍVEL DE ENSINO: SUPERIOR PERÍODO: 7º TURNO: DIURNO/NOTURNO DATA:

Leia mais

Sumário Capítulo 1 Prazos Capítulo 2 Incompetência: principais mudanças

Sumário Capítulo 1 Prazos Capítulo 2 Incompetência: principais mudanças Sumário Capítulo 1 Prazos 1.1. Forma de contagem: somente em dias úteis 1.2. Prática do ato processual antes da publicação 1.3. Uniformização dos prazos para recursos 1.4. Prazos para os pronunciamentos

Leia mais

Aula 101. Julgamento conforme o estado do processo (Parte II):

Aula 101. Julgamento conforme o estado do processo (Parte II): Turma e Ano: Direito Processual Civil - NCPC (2016) Matéria / Aula: Julgamento conforme o Estado do Processo (Parte II) / 101 Professor: Edward Carlyle Monitora: Laryssa Marques Aula 101 Julgamento conforme

Leia mais

Súmario APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO REVISAÇO CAPÍTULO I HISTÓRICO, FONTES E INTEGRAÇÃO... 13

Súmario APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO REVISAÇO CAPÍTULO I HISTÓRICO, FONTES E INTEGRAÇÃO... 13 Súmario 5 Súmario APRESENTAÇÃO DA COLEÇÃO REVISAÇO... 11 CAPÍTULO I HISTÓRICO, FONTES E INTEGRAÇÃO... 13 QUESTÕES... 13 1. Histórico, Fontes e Integração... 13 2. Princípios... 19 DICAS... 29 1. Fontes

Leia mais

SUMÁRIO. Capítulo 1 INTRODUÇÃO AO DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO. Capítulo 2 JUSTIÇA DO TRABALHO E MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO

SUMÁRIO. Capítulo 1 INTRODUÇÃO AO DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO. Capítulo 2 JUSTIÇA DO TRABALHO E MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO SUMÁRIO Capítulo 1 INTRODUÇÃO AO DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO 1.1 Evolução histórica... 19 1.2 Direito estrangeiro... 22 1.3 Denominação... 25 1.4 Conceito... 25 1.5 Abrangência... 26 1.6 Autonomia...

Leia mais

Gustavo Filipe Barbosa Garcia CPC. Novo. e Processo do Trabalho. Atualizado com as Instruções Normativas 39 e 40 de 2016 do TST

Gustavo Filipe Barbosa Garcia CPC. Novo. e Processo do Trabalho. Atualizado com as Instruções Normativas 39 e 40 de 2016 do TST Gustavo Filipe Barbosa Garcia Novo CPC e Processo do Trabalho Atualizado com as Instruções Normativas 39 e 40 de 2016 do TST 2016 NOVO CPC E PROCESSO DO TRABALHO Gustavo Filipe Barbosa Garcia havendo retratação,

Leia mais

SUMÁRIO. Capítulo 2 JUSTIÇA DO TRABALHO E MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO 2.1 Organização da Justiça do Trabalho... 59

SUMÁRIO. Capítulo 2 JUSTIÇA DO TRABALHO E MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO 2.1 Organização da Justiça do Trabalho... 59 SUMÁRIO Capítulo 1 INTRODUÇÃO AO DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO 1.1 Evolução histórica... 19 1.2 Direito estrangeiro... 22 1.3 Denominação... 25 1.4 Conceito... 25 1.5 Abrangência... 26 1.6 Autonomia...

Leia mais

4. AÇÃO CIVIL EX DELICTO 4.1 Questões

4. AÇÃO CIVIL EX DELICTO 4.1 Questões SUMÁRIO 1. APLICAÇÃO DO DIREITO PROCESSUAL PENAL 1.1 A lei processual no espaço 1.2 A lei processual no tempo (irretroatividade) 1.3 A lei processual em relação às pessoas 1.3.1 Imunidades 1.3.2 Imunidade

Leia mais

AÇÃO RESCISÓRIA NO PROCESSO DO TRABALHO. PROF. IVANI CONTINI BRAMANTE Facebook Ivani Contini Bramante

AÇÃO RESCISÓRIA NO PROCESSO DO TRABALHO. PROF. IVANI CONTINI BRAMANTE  Facebook Ivani Contini Bramante NO PROCESSO DO TRABALHO PROF. IVANI CONTINI BRAMANTE E-mail ivanibramante @hotmail.com Facebook Ivani Contini Bramante CLT Art. 836. É vedado aos órgãos da Justiça do Trabalho conhecer de questões já decididas,

Leia mais

Título I PETIÇÃO INICIAL Capítulo I PETIÇÃO INICIAL EM DISSÍDIO INDIVIDUAL Fundamento legal Cabimento Espécies de ritos do processo do

Título I PETIÇÃO INICIAL Capítulo I PETIÇÃO INICIAL EM DISSÍDIO INDIVIDUAL Fundamento legal Cabimento Espécies de ritos do processo do Sumário Manual de Prática Trabalhista Título I PETIÇÃO INICIAL PETIÇÃO INICIAL EM DISSÍDIO INDIVIDUAL Fundamento legal... 19 Cabimento... 19 Espécies de ritos do processo do trabalho... 19 Rito sumário...

Leia mais

Curso Preparatório para o Concurso Público do TRT 12. Noções de Direito Processual Civil Aula 5 Prof. Esp Daniel Teske Corrêa

Curso Preparatório para o Concurso Público do TRT 12. Noções de Direito Processual Civil Aula 5 Prof. Esp Daniel Teske Corrêa Curso Preparatório para o Concurso Público do TRT 12 Noções de Direito Processual Civil Aula 5 Prof. Esp Daniel Teske Corrêa Sumário Antecipação dos Efeitos da Tutela Teoria Geral da Execução Execução

Leia mais

Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Sujeitos Processuais. Gustavo Badaró aula de

Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Sujeitos Processuais. Gustavo Badaró aula de Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo Sujeitos Processuais Gustavo Badaró aula de 11.10.2016 1. Noções Gerais 2. Juiz PLANO DA AULA Peritos, interpretes e auxiliares da justiça 3. Ministério

Leia mais

A Ciência tem uma missão grave: o estudo racional das formas vigentes, sem o qual o legislador vagará na incereza e no erro

A Ciência tem uma missão grave: o estudo racional das formas vigentes, sem o qual o legislador vagará na incereza e no erro PLANO DE AULA i INSTITUIÇÃO DE ENSINO: UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS UFAM CURSO: DIREITO PROFESSOR: Especialista Rafael da Silva Menezes NÍVEL DE ENSINO: SUPERIOR PERÍODO: 5º TURNO: NOTURNO DATA: 10/07/2013

Leia mais

REINALDO ROSSANO LÉO MATOS INFORMÁTICA EXERCÍCIOS QUADRIX LINUX DIREITO PROCESSUAL PENAL

REINALDO ROSSANO LÉO MATOS INFORMÁTICA EXERCÍCIOS QUADRIX LINUX DIREITO PROCESSUAL PENAL REINALDO ROSSANO LÉO MATOS INFORMÁTICA EXERCÍCIOS QUADRIX LINUX DIREITO PROCESSUAL PENAL CARGOS: OFICIAL DE JUSTIÇA E ANALISTA JUDICIÁRIO FUNÇÃO JUDICIÁRIA PROVA OBJETIVA: 9.1.3. A Prova Objetiva será

Leia mais

TST. de A a Z. Súmulas e Orientações Jurisprudenciais do TST organizadas alfabeticamente por tema. Kelly Amorim. 1ª edição Recife PE

TST. de A a Z. Súmulas e Orientações Jurisprudenciais do TST organizadas alfabeticamente por tema. Kelly Amorim. 1ª edição Recife PE TST de A a Z Súmulas e Orientações Jurisprudenciais do TST organizadas alfabeticamente por tema Kelly Amorim 1ª edição Recife PE 2016 TST de A a Z - miolo.indd 3 22/12/2015 17:06:12 SÚMULAS E ORIENTAÇÕES

Leia mais

O PRINCÍPIO DO CONTRADITÓRIO E A GARANTIA DA NÃO SURPRESA NA APLICAÇÃO DA IMPROCEDÊNCIA LIMINAR DO PEDIDO PARA JUÍZOS PRIMA FACIE DE PRECEDENTES

O PRINCÍPIO DO CONTRADITÓRIO E A GARANTIA DA NÃO SURPRESA NA APLICAÇÃO DA IMPROCEDÊNCIA LIMINAR DO PEDIDO PARA JUÍZOS PRIMA FACIE DE PRECEDENTES O PRINCÍPIO DO CONTRADITÓRIO E A GARANTIA DA NÃO SURPRESA NA APLICAÇÃO DA IMPROCEDÊNCIA LIMINAR DO PEDIDO PARA JUÍZOS PRIMA FACIE DE PRECEDENTES Juliana Provedel Cardoso 1 PALAVRAS-CHAVE: Processo Civil.

Leia mais

Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Correlação entre acusação e sentença. Gustavo Badaró aula de

Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Correlação entre acusação e sentença. Gustavo Badaró aula de Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo Correlação entre acusação e sentença Gustavo Badaró aula de 11.08.2015 1. Noções Gerais PLANO DA AULA 2. Distinção entre fato penal e fato processual penal

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br Súmula 122 do Superior Tribunal de Justiça e competência para o julgamento de contravenções penais: uma análise à luz da jurisprudência dos Tribunais Superiores Alexandre Piccoli

Leia mais

LEGALE - PÓS GRADUAÇÃO DIREITO ACIDENTÁRIO

LEGALE - PÓS GRADUAÇÃO DIREITO ACIDENTÁRIO LEGALE - PÓS GRADUAÇÃO DIREITO ACIDENTÁRIO Recurso Ordinário / Contrarrazões / Recurso Adesivo Professor: Rogério Martir Doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais, Advogado militante e especializado em

Leia mais

Eva Lúcia Braga Fontes Gomes PECULIARIDADES DA AÇÃO RESCISÓRIA NO DIREITO PROCESSUAL CIVIL

Eva Lúcia Braga Fontes Gomes PECULIARIDADES DA AÇÃO RESCISÓRIA NO DIREITO PROCESSUAL CIVIL 1 Eva Lúcia Braga Fontes Gomes PECULIARIDADES DA AÇÃO RESCISÓRIA NO DIREITO PROCESSUAL CIVIL 2 RESUMO O presente trabalho fundamenta-se na quebra de paradigma ao uso da ação rescisória pelos profissionais

Leia mais

Processo Civil aula 1

Processo Civil aula 1 Processo Civil aula 1 * Conteúdo da aula: - Jurisdição: conceito, modalidades, estrutura jurisdicional brasileira. - Competência: conceito, espécies, argüição de incompetência, regras de fixação. - Processo:

Leia mais

Formação, suspensão e extinção do processo

Formação, suspensão e extinção do processo Formação, suspensão e extinção do processo Direito Processual Civil I Prof. Leandro Gobbo 1 Princípios norteadores da formação do processo Art. 2 o O processo começa por iniciativa da parte e se desenvolve

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU PROJETO A VEZ DO MESTRE

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU PROJETO A VEZ DO MESTRE UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU PROJETO A VEZ DO MESTRE AÇÃO RESCISÓRIA Por: Cynthia Pereira Caldas Neves Orientador Prof. Dr. Jean Alves Almeida Rio de Janeiro 2007 2 UNIVERSIDADE

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL CIVIL. Cumprimento de sentença II. Prof. Luiz Dellore

DIREITO PROCESSUAL CIVIL. Cumprimento de sentença II. Prof. Luiz Dellore DIREITO PROCESSUAL CIVIL Cumprimento de sentença II Prof. Luiz Dellore 1. Liquidação de sentença: cabível quando o título não determinar exatamente o valor devido pela condenação. Enquanto estiver pendente

Leia mais

PI juízo de admissibilidade (negativo) sentença 485, I, CPC (sem a citação).

PI juízo de admissibilidade (negativo) sentença 485, I, CPC (sem a citação). 1) Juca propôs ação de cobrança, pelo procedimento comum, em face de Marcio. Ocorre que, de plano, a ação foi extinta sem resolução de mérito, nos termos do artigo 485 do Código de Processo Civil, sem

Leia mais

Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Coisa julgada penal. Gustavo Badaró aula de

Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Coisa julgada penal. Gustavo Badaró aula de Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo Coisa julgada penal Gustavo Badaró aula de 18.08.2015 1. Noções Gerais PLANO DA AULA 2. Coisa julgada formal 3. Coisa julgada material 4. Limites objetivos

Leia mais

(Não)Cabimento da Ação Rescisória

(Não)Cabimento da Ação Rescisória (Não)Cabimento da Ação Rescisória Dra. Fiorella Ignacio Bartalo Advogada Especialista Mestranda em Direito Previdenciário Recife, 12 de Março de 2016 INTRODUÇÃO Apesar de uma aparente simplicidade, o rol

Leia mais

Sumário CAPÍTULO I CAPÍTULO II

Sumário CAPÍTULO I CAPÍTULO II Sumário CAPÍTULO I Introdução ao processo penal... 17 1. Conceito e função do processo penal... 17 2. Ação. Processo. Procedimento... 18 3. Princípios do processo penal... 19 3.1. Devido processo legal...

Leia mais

Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Sentença Penal. Gustavo Badaró aula de

Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Sentença Penal. Gustavo Badaró aula de Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo Sentença Penal Gustavo Badaró aula de 04.08.2015 1. Conceito PLANO DA AULA 2. Classificação e denominações 3. Elementos da sentença 4. Sentença penal absolutória

Leia mais

Autoritarismo do Código de Processo Penal de 1941 vs. Constituição Federal de Processo Penal...8. Sistema Acusatório...

Autoritarismo do Código de Processo Penal de 1941 vs. Constituição Federal de Processo Penal...8. Sistema Acusatório... Sumário Autoritarismo do Código de Processo Penal de 1941 vs. Constituição Federal de 1988...2 Contexto Político e Histórico... 2 Características da Constituição de 1937... 4 Código de Processo Penal de

Leia mais

Curso de férias: Atualidades em Processo do Trabalho

Curso de férias: Atualidades em Processo do Trabalho Curso de férias: Atualidades em Processo do Trabalho FRANCISCO FERREIRA JORGE NETO Desembargador do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região; Mestre pela PUC/SP; Professor na Escola Paulista de Direito

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL CIVIL. Coisa Julgada. Professor Rafael Menezes

DIREITO PROCESSUAL CIVIL. Coisa Julgada. Professor Rafael Menezes DIREITO PROCESSUAL CIVIL Coisa Julgada Professor Rafael Menezes Conceitos Gerais Substantivista (Kolher) Processualista (Stein) Carnelutti Imperatividade Liebman Imutabilidade Art. 467. Denomina-se coisa

Leia mais

DA AÇÃO RESCISÓRIA EM DIREITO ELEITORAL

DA AÇÃO RESCISÓRIA EM DIREITO ELEITORAL DA AÇÃO RESCISÓRIA EM DIREITO ELEITORAL 1 Leland Barroso de Souza Sumário: 1. Conceito; 2. Pressupostos; 3. Procedimento; 4. Admissibilidade em Direito Eleitoral; 5. Conclusão; 6. Referências. 1 CONCEITO

Leia mais

AÇÃO RESCISÓRIA: UMA ANÁLISE À LUZ DO PROCESSO DO TRABALHO

AÇÃO RESCISÓRIA: UMA ANÁLISE À LUZ DO PROCESSO DO TRABALHO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA PRÓ-REITORIA DE ENSINO E GRADUAÇÃO INSTITUTO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS CURSO DE DIREITO BRUNO FLÁVIO ESPINOSA MARIO COUQUITI KITAMURA JUNIOR WILSON MORAES

Leia mais

Juizado Especial Cível (lei nº 9.099/1995). DIVISÃO. PRINCÍPIOS 1 - Princípio da Oralidade (art. 2º)

Juizado Especial Cível (lei nº 9.099/1995). DIVISÃO. PRINCÍPIOS 1 - Princípio da Oralidade (art. 2º) Curso Escrevente SP Juizado Especial Cível (lei nº 9.099/1995). Código de Processo Civil - dos Atos Processuais (Livro IV): da Forma, do Tempo e do Lugar dos Atos Processuais (Título I), da Comunicação

Leia mais

AULA 12 RECURSOS TRABALHISTAS DISCIPLINA: DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO PROFª KILMA GALINDO DO NASCIMENTO

AULA 12 RECURSOS TRABALHISTAS DISCIPLINA: DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO PROFª KILMA GALINDO DO NASCIMENTO AULA 12 RECURSOS TRABALHISTAS DISCIPLINA: DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO PROFª KILMA GALINDO DO NASCIMENTO RECURSO ORDINÁRIO Art. 895, CLT - Cabe recurso ordinário para a instância superior: I - das decisões

Leia mais

AULA 9 AÇÃO TRABALHISTA Elementos da Resposta do Réu DISCIPLINA: DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO PROFª KILMA GALINDO DO NASCIMENTO

AULA 9 AÇÃO TRABALHISTA Elementos da Resposta do Réu DISCIPLINA: DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO PROFª KILMA GALINDO DO NASCIMENTO AULA 9 AÇÃO TRABALHISTA Elementos da Resposta do Réu DISCIPLINA: DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO PROFª KILMA GALINDO DO NASCIMENTO RESPOSTAS DO RÉU CONTESTAÇÃO; EXCEÇÃO (Incompetência relativa, suspeição

Leia mais

- Procedimento Juizados Especiais (Lei 9.099) Qual o recurso cabível da decisão que não homologa a transação penal?

- Procedimento Juizados Especiais (Lei 9.099) Qual o recurso cabível da decisão que não homologa a transação penal? Turma e Ano: Flex A (2014) Matéria / Aula: Processo Penal / Aula 16 Professor: Elisa Pittaro Conteúdo: Lei 9.099: Audiência Preliminar; Audiência de Instrução e Julgamento; Recursos; Suspensão Condicional

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL CIVIL

DIREITO PROCESSUAL CIVIL DIREITO PROCESSUAL CIVIL Reinaldo Branco de Moraes (Juiz do Trabalho do TRT12) -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

SUMÁRIO AGRADECIMENTOS APRESENTAÇÃO... 21

SUMÁRIO AGRADECIMENTOS APRESENTAÇÃO... 21 SUMÁRIO AGRADECIMENTOS... 19 APRESENTAÇÃO... 21 PARTE 1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS... 25 1.1. Arbitragem como instrumento facultativo e de plena realização do devido processo legal... 29 1.2. Arbitragem e

Leia mais

1. A Evolução do MS no Sistema Constitucional Direito Líquido e Certo a Evolução Conceitual... 24

1. A Evolução do MS no Sistema Constitucional Direito Líquido e Certo a Evolução Conceitual... 24 XXSUMÁRIO Nota Á 4ª Edição... 13 Nota à 3ª Edição... 15 Nota à 2ª Edição... 17 Nota à 1ª Edição... 19 Abreviaturas e Siglas... 21 01 Notícia Histórica Utilização do MS no Ordenamento Jurídico Brasileiro

Leia mais

Por iniciativa das partes (art. 262 Regra Geral). Princípio da Inércia. Princípio Dispositivo. Desenvolvimento por impulso oficial.

Por iniciativa das partes (art. 262 Regra Geral). Princípio da Inércia. Princípio Dispositivo. Desenvolvimento por impulso oficial. Direito Processual Civil I EXERCÍCIOS - 2º BIMESTRE Professor: Francisco Henrique J. M. Bomfim 1. a) Explique como ocorre a formação da relação jurídica processual: R. Início do Processo: Por iniciativa

Leia mais

Reunião Técnica ANEFAC. Execução e Anulação de Sentença Arbitral. Palestrante: Elis Wendpap

Reunião Técnica ANEFAC. Execução e Anulação de Sentença Arbitral. Palestrante: Elis Wendpap Reunião Técnica ANEFAC Execução e Anulação de Sentença Arbitral Palestrante: Elis Wendpap elis.wendpap@veirano.com.br Arbitragem Marco legal no Brasil: Lei n. 9.307/1996 Supremo Tribunal Federal, 2001:

Leia mais

RECURSO DE APELAÇÃO. Pode ser interposto contra qualquer sentença, seja ou não de mérito;

RECURSO DE APELAÇÃO. Pode ser interposto contra qualquer sentença, seja ou não de mérito; RECURSO DE APELAÇÃO O recurso de apelação é a modalidade recursal mais importante no sistema jurídico brasileiro. Através dele se atua o princípio do duplo grau de jurisdição. O Código de Processo Civil

Leia mais

06/02/2017 AÇÃO DISTRIBUIÇÃO DESPACHO CITAÇÃO CONTESTAÇÃO

06/02/2017 AÇÃO DISTRIBUIÇÃO DESPACHO CITAÇÃO CONTESTAÇÃO Professor: Joaquim Estevam de Araújo Neto Fone: (95) 99112-3636 - netobv@hotmail.com Protegido pela Lei nº 9.610/98 - Lei de Direitos Autorais 1 PROCESSO AÇÃO DISTRIBUIÇÃO DESPACHO CITAÇÃO CONTESTAÇÃO

Leia mais

ATOS PROCESSUAIS. 2 - Forma dos atos processuais - CPC, art. 188/211

ATOS PROCESSUAIS. 2 - Forma dos atos processuais - CPC, art. 188/211 Curso Escrevente SP Atos processuais Código de Processo Civil - dos Atos Processuais (Livro IV): da Forma, do Tempo e do Lugar dos Atos Processuais (Título I), da Comunicação dos Atos Processuais (Título

Leia mais

RECURSOS NOÇÕES GERAIS

RECURSOS NOÇÕES GERAIS RECURSOS NOÇÕES GERAIS Rosinete Cavalcante da costa Mestre em Direito: Relações Privadas e Constituição Profa. da Faculdade de Direito de Linhares (FACELI) Profa. da Faculdade Batista de Vitória (FABAVI)

Leia mais

Teoria Geral do Processo

Teoria Geral do Processo Arno Melo Schlichting Teoria Geral do Processo Concreta - Objetiva - Atual Livro 2 3 a Edição SUMÁRIO Apresentação 9 Identificação 11 Natureza... 13 Objetivo... 13 1 Teoria Geral das Ações 15 1.1 Ação,

Leia mais

Pós Penal e Processo Penal. Legale

Pós Penal e Processo Penal. Legale Pós Penal e Processo Penal Legale EMBARGOS DE DECLARAÇÃO Recursos embargos de declaração Cabem embargos de declaração (ou declaratórios) da sentença ou acórdão omisso, contraditório, ambíguo, obscuro Recursos

Leia mais

EQUIPE DE PROFESSORES DE TRABALHO DO DAMÁSIO CURSO DE 2ª FASE DA OAB EXAME PLANO DE ESTUDOS PROCESSO DO TRABALHO

EQUIPE DE PROFESSORES DE TRABALHO DO DAMÁSIO CURSO DE 2ª FASE DA OAB EXAME PLANO DE ESTUDOS PROCESSO DO TRABALHO EQUIPE DE PROFESSORES DE TRABALHO DO DAMÁSIO CURSO DE 2ª FASE DA OAB EXAME 2011.2 PLANO DE ESTUDOS PROCESSO DO TRABALHO 1ª SEMANA Princípios 1. Princípios 1.1 Princípio protecionista 1.2 Princípio conciliatório

Leia mais

Professor Rogerio Licastro Torres de Mello

Professor Rogerio Licastro Torres de Mello Professor Rogerio Licastro Torres de Mello Doutor e Mestre em Direito Direito Processual Civil pela PUC / SP Facebook: Rogerio Licastro NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL Recurso de apelação, agravo e outros

Leia mais

Sistema Recursal no Novo Código de Processo Civil

Sistema Recursal no Novo Código de Processo Civil Sistema Recursal no Novo Código de Processo Civil Prof. Ms. Gabriel Bressan gabriel.bressan@aglaw.com.br ALMEIDA GUILHERME Advogados Associados www.aglaw.com.br PARTE GERAL www.aglaw.com.br PARTE GERAL

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal MANDADO DE SEGURANÇA 33.121 SÃO PAULO RELATORA IMPTE.(S) ADV.(A/S) IMPDO.(A/S) ADV.(A/S) : MIN. ROSA WEBER :DONISETE GIMENES ANGELO :ELIANE MARTINS DE OLIVEIRA :PRESIDENTE DA 2ª TURMA RECURSAL DOS JUIZADOS

Leia mais

Índice Geral. Índice Sistemático do Código de Processo Penal

Índice Geral. Índice Sistemático do Código de Processo Penal Índice Geral Código de Processo Penal Decreto-lei 3.689, de 3 de outubro de 1941... 13 Súmulas Criminais do STF e do STJ Comentadas... 1645 Índice Alfabético-Remissivo... 1905 Bibliografia... 1923 Índice

Leia mais

Direito Constitucional

Direito Constitucional Barbara Rosa Direito Constitucional Recurso Especial e Extraordinário RECURSO ESPECIAL: Competência do STJ. Art. 104, III da CF. RECURSO EXTRAORDINÁRIO: Competência do STF. Art. 102, III da CF. RECURSO

Leia mais

Ação civil ex delicto

Ação civil ex delicto Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo Ação civil ex delicto Gustavo Badaró aula de 02.08.2016 1. Noções Gerais PLANO DA AULA 2. Formas de satisfação do dano causado pelo crime 3. Sistemas de

Leia mais

CAPÍTULO 1 Jurisdição... 1 CAPÍTULO 2 AÇÃO... 23

CAPÍTULO 1 Jurisdição... 1 CAPÍTULO 2 AÇÃO... 23 CAPÍTULO 1 Jurisdição... 1 1. Origem... 1 2. A Jurisdição: poder, função ou atividade?... 2 3. A Trilogia Estrutural do Processo Civil... 3 4. O Conceito de Jurisdição... 4 4.1. Teoria Unitária do Ordenamento

Leia mais

OAB 2º Fase Tributário Prof. Lucas Morais TEORIA GERAL DOS RECURSOS. Recurso Ordinário Constitucional. Recurso Especial. Recurso Extraordinário

OAB 2º Fase Tributário Prof. Lucas Morais TEORIA GERAL DOS RECURSOS. Recurso Ordinário Constitucional. Recurso Especial. Recurso Extraordinário OAB 2º Fase Tributário Prof. Lucas Morais TEORIA GERAL DOS RECURSOS Recurso Ordinário Constitucional Recurso Especial Recurso Extraordinário RECURSOS - CARACTERÍSTICAS Interposição na mesma relação processual

Leia mais

TST altera súmulas e orientações jurisprudenciais em função do novo CPC

TST altera súmulas e orientações jurisprudenciais em função do novo CPC TST altera súmulas e orientações jurisprudenciais em função do novo CPC TST altera súmulas e orientações jurisprudenciais em função do novo CPC TST 19/04/2016 O Pleno do Tribunal Superior do Trabalho aprovou,

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça CONFLITO DE COMPETÊNCIA Nº 122.253 - AL (2012/0083837-6) RELATORA SUSCITANTE SUSCITADO INTERES. INTERES. : MINISTRA NANCY ANDRIGHI : TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5A REGIÃO : TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO

Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO 1) IDENTIFICAÇÃO DA DISCIPLINA Disciplina Processo Penal I Código

Leia mais

SUMÁRIO SUMÁRIO. 1. A evolução do MS no sistema constitucional Direito líquido e certo a evolução conceitual... 27

SUMÁRIO SUMÁRIO. 1. A evolução do MS no sistema constitucional Direito líquido e certo a evolução conceitual... 27 SUMÁRIO SUMÁRIO..................... 1. A evolução do MS no sistema constitucional... 25 2. Direito líquido e certo a evolução conceitual... 27... 1. MS como tutela jurisdicional diferenciada com cognição

Leia mais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0035.12.011240-0/001 Númeração 1041280- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Pedro Bernardes Des.(a) Pedro Bernardes 30/04/2013 06/05/2013 EMENTA: AGRAVO

Leia mais

RECURSOS EM ESPÉCIE RECURSOS ESPECIAL E EXTRAORDINÁRIO PARTE 1. Prof. ANA PAULA LEIKO SAKAUIE - DPC III 1

RECURSOS EM ESPÉCIE RECURSOS ESPECIAL E EXTRAORDINÁRIO PARTE 1. Prof. ANA PAULA LEIKO SAKAUIE - DPC III 1 RECURSOS EM ESPÉCIE RECURSOS ESPECIAL E EXTRAORDINÁRIO PARTE 1 Prof. ANA PAULA LEIKO SAKAUIE - DPC III 1 RECURSO EXTRAORDINÁRIO E RECURSO ESPECIAL FINALIDADE: IMPEDIR QUE AS DECISÕES JUDICIAIS CONTRARIEM

Leia mais

AULA 13. Espécies de Intervenção de terceiro no novo CPC. d) Incidente de desconsideração da personalidade jurídica

AULA 13. Espécies de Intervenção de terceiro no novo CPC. d) Incidente de desconsideração da personalidade jurídica Turma e Ano: Master A (2015) 11/05/2015 Matéria / Aula: Direito Processual Civil / Aula 13 Professor: Edward Carlyle Silva Monitor: Alexandre Paiol AULA 13 CONTEÚDO DA AULA: assistência: simples e litisconsorcial

Leia mais

índice INTRODUÇÃO Abreviaturas... 9 Nota à 5ª edição Nota à 4" edição Nota à 3" edição Nota à 2" edição e sumário)...

índice INTRODUÇÃO Abreviaturas... 9 Nota à 5ª edição Nota à 4 edição Nota à 3 edição Nota à 2 edição e sumário)... índice Abreviaturas... 9 Nota à 5ª edição...... 25 Nota à 4" edição... 27 Nota à 3" edição......... 31 Nota à 2" edição... 33 INTRODUÇÃO 1. O chamado "processo de conhecimento"... 35 2. Do "processo de

Leia mais

1ª PARTE PREMISSAS DO ESTUDO

1ª PARTE PREMISSAS DO ESTUDO SUMÁRIO 1ª PARTE PREMISSAS DO ESTUDO Capítulo 1 O FENÔMENO JURÍDICO À LUZ DA TEORIA DO FATO JU- RÍDICO... 25 1.1. Perspectiva Normativa... 25 1.2. Dogmática jurídica (= ciência do direito stricto sensu)

Leia mais

SUMÁRIO A ESSÊNCIA DO CPC DE 2015 E AS NOVAS

SUMÁRIO A ESSÊNCIA DO CPC DE 2015 E AS NOVAS Sumário SUMÁRIO A ESSÊNCIA DO CPC DE 2015 E AS NOVAS TENDÊNCIAS PARA OS CONCURSOS PÚBLICOS... 15 CÓDIGO PROCESSUAL CIVIL... 37 PARTE GERAL LIVRO I DAS NORMAS PROCESSUAIS CIVIS... 37 TÍTULO ÚNICO DAS NORMAS

Leia mais

AULA 1 10/02/11 A FASE RECURSAL

AULA 1 10/02/11 A FASE RECURSAL AULA 1 10/02/11 A FASE RECURSAL 1 AS FASES DO PROCESSO O processo é composto por uma sucessão de atos reunidos em diversas fases que se sucedem: fase postulatória, fase saneadora, fase instrutória ou probatória,

Leia mais

O agravo de instrumento no novo CPC

O agravo de instrumento no novo CPC O agravo de instrumento no novo CPC Advogado; GILBERTO GOMES BRUSCHI Mestre e Doutor em Processo Civil pela PUC/SP; Sócio efetivo do Instituto Brasileiro de Direito Processual (IBDP); Membro do Centro

Leia mais

Apresentação Capítulo I

Apresentação Capítulo I Su m á r i o Apresentação... 13 Capítulo I Premissas Fundamentais e aspectos introdutórios... 15 1. A importância do exame da competência criminal... 15 2. Jurisdição e competência... 19 3. Princípio do

Leia mais

LÚCIO SANTORO DE CONSTANTINO Advogado criminalista. Professor de Direito

LÚCIO SANTORO DE CONSTANTINO Advogado criminalista. Professor de Direito STJ00065953 LÚCIO SANTORO DE CONSTANTINO Advogado criminalista. Professor de Direito NULIDADES NO PROCESSO PENAL Editora Verbo Jurídico Porto Alegre, 2006 CATALOGAÇÃO NA FONTE Constantino, Lucio Santoro

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.104.392 - MG (2008/0255449-3) RECORRENTE RECORRIDO : COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MÚTUO DOS MÉDICOS E DEMAIS PROFISSIONAIS DA ÁREA DE SAÚDE DE BELO HORIZONTE E CIDADES PÓLO DE

Leia mais

DIREITO PENAL Retroatividade da lei Ultratividade da lei

DIREITO PENAL Retroatividade da lei Ultratividade da lei 1 -Aplicação da Lei Penal no Tempo ART. 1o do CP PRINCÍPIO DA LEGALIDADE PRINCÍPIO DA ANTERIORIDADE PRINCÍPIO DA RESERVA LEGAL 2 - PRINCÍPIO DA LEGALIDADE Funções do Princípio da Legalidade: Proibir a

Leia mais

A AÇÃO RESCISÓRIA E A JURISPRUDÊNCIA DO TST (PARTE FINAL)

A AÇÃO RESCISÓRIA E A JURISPRUDÊNCIA DO TST (PARTE FINAL) A AÇÃO RESCISÓRIA E A JURISPRUDÊNCIA DO TST (PARTE FINAL) Ives Gandra da Silva Martins Filho Ministro do Tribunal Superior do Trabalho. Mestre em Direito Público pela Universidade de Brasília (UnB) e Professor

Leia mais

Aula 91. Contestação (Parte IV): Art Incumbe ao réu, antes de discutir o mérito, alegar: II - incompetência absoluta e relativa.

Aula 91. Contestação (Parte IV): Art Incumbe ao réu, antes de discutir o mérito, alegar: II - incompetência absoluta e relativa. Turma e Ano: Direito Processual Civil - NCPC (2016) Matéria / Aula: Contestação. Defesas processuais Artigo 337, II a VII / 91 Professor: Edward Carlyle Monitora: Laryssa Marques Aula 91 Contestação (Parte

Leia mais

Sumário. Capítulo 1 Introdução Capítulo 2 Processo Penal Capítulo 3 Ação Penal... 5

Sumário. Capítulo 1 Introdução Capítulo 2 Processo Penal Capítulo 3 Ação Penal... 5 Sumário Capítulo 1 Introdução... 1 Capítulo 2 Processo Penal... 3 Capítulo 3 Ação Penal... 5 3.1. Considerações Gerais...5 3.1.1. Ação penal pública incondicionada...5 3.1.2. Ação penal pública condicionada

Leia mais

DA FORMAÇÃO, SUSPENSÃO E EXTINÇÃO DO PROCESSO. Des. ANA MARIA DUARTE AMARANTE BRITO

DA FORMAÇÃO, SUSPENSÃO E EXTINÇÃO DO PROCESSO. Des. ANA MARIA DUARTE AMARANTE BRITO DA FORMAÇÃO, SUSPENSÃO E EXTINÇÃO DO PROCESSO Des. ANA MARIA DUARTE AMARANTE BRITO Formação do processo ETAPAS DA ESTABILIZAÇÃO DO PROCESSO DA FORMAÇÃO DO PROCESSO Art. 262. O processo civil começa por

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO EM MANDADO DE SEGURANÇA Nº 21.205 - SP (2006/0009180-5) RELATOR : MINISTRO TEORI ALBINO ZAVASCKI IMPETRADO : JUIZ FEDERAL DA 13A VARA CÍVEL DA SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESTADO DE SÃO PAULO EMENTA PROCESSUAL

Leia mais

CPC adota TEORIA ECLÉTICA DA AÇÃO. Que parte de outras duas teorias: b) concreta: sentença favorável. Chiovenda: direito potestativo.

CPC adota TEORIA ECLÉTICA DA AÇÃO. Que parte de outras duas teorias: b) concreta: sentença favorável. Chiovenda: direito potestativo. 1 PROCESSO CIVIL PONTO 1: CONDIÇÕES DA AÇÃO PONTO 2: CÓDIGO REFORMADO - TEORIA DA AÇÃO DOUTRINA PROCESSUAL CONTEMPORÂNEA PONTO 3: RESPOSTA DO RÉU PONTO 4: CONTESTAÇÃO 1. CONDIÇÕES DA AÇÃO ELEMENTOS CONSTITUTIVOS

Leia mais

O recurso de apelação está previsto nos arts a do CPC/2015.

O recurso de apelação está previsto nos arts a do CPC/2015. APELAÇÃO RESUMO BASE LEGAL O recurso de apelação está previsto nos arts. 1.009 a 1.014 do CPC/2015. CABIMENTO A apelação é cabível contra sentença e decisão interlocutória não recorrível em separado (art.

Leia mais

ÍNDICE GERAL ÍNDICE SISTEMÁTICO

ÍNDICE GERAL ÍNDICE SISTEMÁTICO ÍNDICE GERAL Lei 13.105, de 16 de março de 2015 Código de Processo Civil... 19 Referências bibliográficas... 1853 Índice Alfabético-Remissivo do Código de Processo Civil (Lei 13.105/2015)... 1877 ÍNDICE

Leia mais

Textos, filmes e outros materiais. Habilidades e Competências. Conteúdos/ Matéria. Categorias/ Questões. Tipo de aula. Semana

Textos, filmes e outros materiais. Habilidades e Competências. Conteúdos/ Matéria. Categorias/ Questões. Tipo de aula. Semana PLANO DE CURSO DISCIPLINA: RECURSOS CÍVEIS (CÓD.: ENEX 60128) ETAPA: 5ª TOTAL DE ENCONTROS: 15 SEMANAS Semana Conteúdos/ Matéria Categorias/ Questões Tipo de aula Habilidades e Competências Textos, filmes

Leia mais

PROCESSO Nº TST-RO A C Ó R D Ã O SBDI-2 EMP/ds

PROCESSO Nº TST-RO A C Ó R D Ã O SBDI-2 EMP/ds A C Ó R D Ã O SBDI-2 EMP/ds RECURSO ORDINÁRIO. AÇÃO RESCISÓRIA. DESCONSTITUIÇÃO DE SENTENÇA HOMOLOGATÓRIA DE ACORDO. 1. COLUSÃO. ARTIGO 485, INCISO III, DO CPC. INVIABILIDADE. A colusão a que alude o inciso

Leia mais

TEORIA GERAL DOS RECURSOS

TEORIA GERAL DOS RECURSOS TEORIA GERAL DOS RECURSOS FUNDAMENTO, CONCEITO E NATUREZA JURIDICA Fundamentos: A necessidade psicológica do vencido irresignação natural da parte A falibidade humana do julgador Razões históricas do próprio

Leia mais