REDAÇÃO AULA 3 TIPOS DE INTRODUÇÃO PROF.: MÁRIO VICTOR

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REDAÇÃO AULA 3 TIPOS DE INTRODUÇÃO PROF.: MÁRIO VICTOR"

Transcrição

1 REDAÇÃO AULA 3 TIPOS DE INTRODUÇÃO PROF.: MÁRIO VICTOR

2 NORMA 1: 1) Domínio da norma padrão da língua portuguesa; Concordância verbo-nominal; Regência verbo-nominal; Acentuação; Ortografia; Pontuação; Flexão de nomes e verbos; Colocação de pronomes oblíquos; Divisão silábica.

3 NORMA 2: 2) Compreensão da proposta de redação; Estrutura; Adequação temática; Coerência; Utilização de informações relativas ao Tema Provas Concretas

4 NORMA 3: 3) Seleção e organização das informações; Investimento em Análise Crítica e Social; Coerência;

5 NORMA 4: 4) Demonstração de conhecimento da língua necessária para argumentação do texto; Coesão Elementos e recursos coesivos; Língua culta; Utilização de modalizadores;

6 NORMA 5: 5) Elaboração de uma proposta de solução para os problemas abordados, respeitando os valores e considerando as diversidades socioculturais. Presença de proposta x ausência de proposta; Proposta com detalhamento dos meios para a sua realização x proposta sem o detalhamento dos meios para a sua realização.

7 No Enem, cada uma das redações são avaliadas por dois corretores que têm a função de atribuir uma nota de 0 a 200 pontos em cada uma das cinco competências, com variação de 40 pontos;

8 A nota final da redação do Enem é a média aritmética da pontuação total dada pelos dois corretores, exceto em casos em que há discrepância entre as duas notas.

9 Se em uma ou mais competências a diferença entre as notas dos dois avaliadores for maior que 80 pontos, um terceiro corretor dá a nota daquela competência. Esse terceiro avaliador também é acionado se a diferença da soma total das cinco competências for superior a 100 pontos. Nesse último caso, a nota final do participante será a média aritmética entre as duas notas totais que mais se aproximarem.

10 Se o terceiro corretor não chegar a um acordo com os outros dois avaliadores, a redação será corrigida por uma banca composta por três corretores, presidida por um doutor. Essa banca também é acionada para examinar as redações com nota máxima (1.000).

11 O Edital do Enem prevê sete situações em que a redação do participante pode ser zerada ou anulada. São elas: 1) Fuga total ao tema; 2) Não obediência à estrutura dissertativo-argumentativa; 3) Texto com até 7 linhas; 4) Impropérios, desenhos e outras formas propositais de anulação ou parte do texto deliberadamente desconectada do tema proposto; 5) Desrespeito aos direitos humanos; 6) Redação em branco, mesmo com texto em rascunho. 7) Cópia do texto motivador

12 VAMOS CORRIGIR UM TEXTO Chegou a hora de aplicarmos as normas e competências.

13

14 TIPOS DE INTRODUÇÃO Introdução Básica; Introdução Básica com Enumeração; Introdução Básica com Interrogação; Introdução básica por Definição.

15 INTRODUÇÃO BÁSICA Apresenta-se a Tese a ser defendida e o assunto sobre o qual o texto será desenvolvido de forma direta (Concisa, clara e objetiva); O preconceito racial é tema recorrente de discussão. Embora não se possa comparar na magnitude ao observado em outras regiões do globo, tais como nos Estados Unidos e na África do Sul do período do Apartheid, tal vício ainda persiste no Brasil, disfarçado, algumas vezes, sob a forma da desigualdade social.

16 INTRODUÇÃO BÁSICA COM ENUMERAÇÃO Apresentação da Tese, do assunto e a posterior enumeração dos fatos, motivos ou efeitos que nortearão a argumentação do seu texto. Espera-se que seja feito o detalhamento dos exemplos na Argumentação do texto. O Aquecimento Global e as consequentes catástrofes climáticas têm gerado preocupação não só entre cientistas, mas também entre cidadãos comuns. Ações afirmativas de concessão de incentivos fiscais e a substituição gradual da matriz energética constituem duas importantes frentes de atuação a serem trabalhadas pelos países.

17 INTRODUÇÃO BÁSICA COM INTERROGAÇÃO Apresenta-se a Tese, o assunto e são feitas uma ou mais perguntas, que devem ser respondidas na Argumentação. A sociedade mundial mostra-se dependente da internet em diversas tarefas diárias, como buscar informações ou contactar familiares e colegas. Será, no entanto, que todas as pessoas têm utilizado esse meio de comunicação e entretenimento de maneira inteiramente correta e segura?

18 INTRODUÇÃO BÁSICA COM DEFINIÇÃO O primeiro ponto é a determinação de uma palavra-chave, de modo a contextualizar ou definir o assunto previamente à exposição da tese e do tema. A globalização promove a integração mundial graças à agilização dos meios de comunicação, aos investimentos na ciência e ao fluxo de capital, pessoas e mercadorias. É a fase atual do sistema capitalista, que invade os países por meio dos avanços tecnológicos, padronizando as economias e modificando as culturas.

Redação Profa. Raquel

Redação Profa. Raquel Aula Enem 2016 Redação Profa. Raquel O que sua dissertação deve apresentar: DISSERTAÇÃO Como você que será avaliado(a)? Competência 1 NORMA Demonstrar CULTA domínio da modalidade escrita formal da Língua

Leia mais

Tipos e técnicas de introdução. Paragrafação de início de texto dissertativo argumentativo

Tipos e técnicas de introdução. Paragrafação de início de texto dissertativo argumentativo Tipos e técnicas de introdução Paragrafação de início de texto dissertativo argumentativo Introdução A primeira parte do texto dissertativo é a introdução. Nela, são apresentados o tema e, normalmente,

Leia mais

A REDAÇÃO NO ENEM INSTITUTO SANTA LUZIA COMPONENTE CURRICULAR: REDAÇÃO PROFESSOR: EDUARDO BELMONTE 2º ANO ENSINO MÉDIO

A REDAÇÃO NO ENEM INSTITUTO SANTA LUZIA COMPONENTE CURRICULAR: REDAÇÃO PROFESSOR: EDUARDO BELMONTE 2º ANO ENSINO MÉDIO A REDAÇÃO NO ENEM INSTITUTO SANTA LUZIA COMPONENTE CURRICULAR: REDAÇÃO PROFESSOR: EDUARDO BELMONTE 2º ANO ENSINO MÉDIO FATOS SOBRE A PROVA DE REDAÇÃO Todas as redações desenvolvidas no ENEM são avaliadas;

Leia mais

PALESTRA SOBRE REDAÇÃO DO ENEM

PALESTRA SOBRE REDAÇÃO DO ENEM PALESTRA SOBRE REDAÇÃO DO ENEM Profa. Íris Cristine Odízio - O EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO. - REDAÇÃO. HISTÓRIA DO EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO. O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi criado

Leia mais

Profª Rebecca Amor APRESENTAÇÃO

Profª Rebecca Amor APRESENTAÇÃO APRESENTAÇÃO Profª Rebecca Amor Atua no magistério há 19 anos; Formada em Letras pela Universidade da Região de Joinville UNIVILLE - (SC); Mestrado em Letras UNIR (RO); Vice-coordenadora do projeto de

Leia mais

1ª PROVA DE REDAÇÃO MODELO ENEM

1ª PROVA DE REDAÇÃO MODELO ENEM 1ª PROVA DE REDAÇÃO MODELO ENEM - 2016 3ª SÉRIE e PRÉ-VESTIBULAR NOTA: Nome completo: Matrícula: Unidade: Turma: Corretor: Exame Nacional do Ensino Médio EDUCANDO PARA SEMPRE INSTRUÇÕES 1. A REDAÇÃO SERÁ

Leia mais

REDAÇÃO PARA O ENEM. PROFESSOR Pablo Jamilk. LIVRO REDAÇÃO PARA O ENEM.indd 1 15/04/ :58:37

REDAÇÃO PARA O ENEM. PROFESSOR Pablo Jamilk. LIVRO REDAÇÃO PARA O ENEM.indd 1 15/04/ :58:37 REDAÇÃO PARA O ENEM PROFESSOR Pablo Jamilk LIVRO REDAÇÃO PARA O ENEM.indd 1 15/04/2016 16:58:37 LIVRO REDAÇÃO PARA O ENEM.indd 2 15/04/2016 16:58:37 O AUTOR Pablo Jamilk é professor e escritor. O prof.

Leia mais

3º SIMULADO MODELO ENEM

3º SIMULADO MODELO ENEM 3º SIMULADO MODELO ENEM - 2016 3ª SÉRIE e PRÉ-VESTIBULAR REDAÇÃO 2º DIA NOTA: Nome completo: Matrícula: Unidade: Turma: Corretor: Exame Nacional do Ensino Médio EDUCANDO PARA SEMPRE INSTRUÇÕES 1. A REDAÇÃO

Leia mais

apresenta: REDAÇÃO Receita de Bolo

apresenta: REDAÇÃO Receita de Bolo apresenta: REDAÇÃO Receita de Bolo Seus estão a um passo da sua. A importância da Redação no ENEM É a única área cuja nota varia entre 0 e 1000. A importância da Redação no ENEM É a única área cuja nota

Leia mais

ENEM e Métodos de Estudos. Prof. Franco

ENEM e Métodos de Estudos. Prof. Franco ENEM e Métodos de Estudos Prof. Franco Enem 2014 Perfil dos participantes Total de Inscritos: 8.721.946 Participantes com nota em pelo menos uma área: 6.193.565 Faltosos: 2.528.381 Situação escolar Concluintes

Leia mais

ENEM PROVA DE REDAÇÃO

ENEM PROVA DE REDAÇÃO ENEM PROVA DE REDAÇÃO EVOLUÇÃO DE TEMAS 1998 VIVER E APRENDER 1999 - CIDADANIA E PARTICIPAÇÃO SOCIAL 2000 DIRETIOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE: COMO ENFRENTAR ESSE DESAFIIO NACIONAL? 2001 DESENVOLVIMENTO

Leia mais

1. Objeto de avaliação

1. Objeto de avaliação Informação Prova de Equivalência à Frequência Espanhol 9º ano 3º ciclo do Ensino Básico Prova 15 2015 1. Objeto de avaliação A prova tem por referência o Programa de Espanhol para o 3º Ciclo Língua estrangeira

Leia mais

Onde se lê: O processo classificatório será constituído por uma prova de Redação.

Onde se lê: O processo classificatório será constituído por uma prova de Redação. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROCESSO SELETIVO CONCURSO VESTIBULAR EAD - UAB/UFSM (2º Semestre) EDITAL N. 042/2016 RETIFICAÇÃO DO EDITAL 040/2016

Leia mais

PORTUGUÊS com DUDA NOGUEIRA ANATEL / julho 2014

PORTUGUÊS com DUDA NOGUEIRA ANATEL / julho 2014 1 Edital SISTEMATIZADO ANATEL - Língua Portuguesa Edital: http://www.cespe.unb.br/concursos/anatel_14/arquivos/ed_1_abertura.pdf Olá, guerreiros! Em primeiro lugar, vamos aos tópicos exigidos nas últimas

Leia mais

ESPANHOL INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA. Prova º Ciclo do Ensino Básico AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VERGÍLIO FERREIRA

ESPANHOL INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA. Prova º Ciclo do Ensino Básico AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VERGÍLIO FERREIRA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VERGÍLIO FERREIRA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA ESPANHOL Prova 15 2014 Tipo de prova: Escrita / Oral 1ª e 2ª Fases 3º Ciclo do Ensino Básico O presente documento

Leia mais

Módulo: 1ª fase C-H: 36 h-a Ano: Professora: Karoliny Correia. ESTRATÉGIAS DE ENSINO 4 h-a Aula expositivodialogada;

Módulo: 1ª fase C-H: 36 h-a Ano: Professora: Karoliny Correia. ESTRATÉGIAS DE ENSINO 4 h-a Aula expositivodialogada; IDENTIFICAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA CÂMPUS ITAJAÍ PLANO DE ENSINO Unidade Curricular:

Leia mais

PORTUGUÊS CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DE ALUNOS. ENSINO BÁSICO (2.º e 3.º CICLOS) ENSINO SECUNDÁRIO

PORTUGUÊS CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DE ALUNOS. ENSINO BÁSICO (2.º e 3.º CICLOS) ENSINO SECUNDÁRIO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS Nº 4 DE ÉVORA SEDE: ESCOLA SECUNDÁRIA ANDRÉ DE GOUVEIA CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DE ALUNOS PORTUGUÊS ENSINO BÁSICO (2.º e 3.º CICLOS) ENSINO SECUNDÁRIO outubro

Leia mais

REDAÇÃO 1º SIMULADO MODELO ENEM ª SÉRIE e PRÉ-VESTIBULAR 2º NOTA: Nome completo: Matrícula: Unidade: Turma: Corretor:

REDAÇÃO 1º SIMULADO MODELO ENEM ª SÉRIE e PRÉ-VESTIBULAR 2º NOTA: Nome completo: Matrícula: Unidade: Turma: Corretor: 1º SIMULADO MODELO ENEM - 2015 3ª SÉRIE e PRÉ-VESTIBULAR 2º DIA REDAÇÃO EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO NOTA: Nome completo: Matrícula: Unidade: Turma: Corretor: INSTRUÇÕES 1. A REDAÇÃO SERÁ AVALIADA DE

Leia mais

TÉCNICO DE GESTÃO DA SAÚDE

TÉCNICO DE GESTÃO DA SAÚDE CONCURSO PÚBLICO Edital n. 01/2007 SES-MG TÉCNICO DE GESTÃO DA SAÚDE Código 101 PROVA DE REDAÇÃO CADERNO 1 ORIENTAÇÕES GERAIS 1. Para a elaboração da Prova de Redação, você está recebendo dois cadernos.

Leia mais

Gabarito - Objetivas. Padrão de Resposta Biologia Discursiva

Gabarito - Objetivas. Padrão de Resposta Biologia Discursiva 1- D 2- B 3- D 4- D 5- B 6- A 7- C 8- C 9- D 10- A 11- E 12- B 13- B 14- A 15- D 16- C 17- E 18- C 19- C 20- A Gabarito - Objetivas 21- B 22- C 23- E 24- C 25- E 26- A 27- B 28- B 29- C 30- C 31- A 32-

Leia mais

RESULTADOS RECURSOS IMPETRADOS CLASSIFICAÇÃO PRÉVIA DO VESTIBULAR

RESULTADOS RECURSOS IMPETRADOS CLASSIFICAÇÃO PRÉVIA DO VESTIBULAR RESULTADOS RECURSOS IMPETRADOS CLASSIFICAÇÃO PRÉVIA DO VESTIBULAR 2013.1 CURSO CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO: Recurso 1 PARA A INSCRIÇÃO DO CANDIDATO 33100786 - CPF 399.369.608-58 -11/01/13 às 15:50. RECURSO INDEFERIDO:

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 1 o SEMESTRE 2013

PROCESSO SELETIVO 1 o SEMESTRE 2013 PROCESSO SELETIVO 1 o SEMESTRE 2013 CADERNO 1 PROVA DE REDAÇÃO ATENÇÃO Leia as instruções deste Caderno. Elas fazem parte da sua prova 1. Este caderno contém as instruções para a Prova de Redação em Língua

Leia mais

PORTUGUÊS. Relação aula x conteúdo

PORTUGUÊS. Relação aula x conteúdo CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DAS AULAS CURSO: UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ (UFCCE) - ASSISTENTE ADMINISTRATIVO - REGULAR Poderá haver substituições de professores, ficando a critério da coordenação pedagógica

Leia mais

CONTROLE DE CONTEÚDO SENADO FEDERAL ANALISTA LEGISLATIVO PROCESSO LEGISLATIVO

CONTROLE DE CONTEÚDO SENADO FEDERAL ANALISTA LEGISLATIVO PROCESSO LEGISLATIVO CONTROLE DE CONTEÚDO SENADO FEDERAL ANALISTA LEGISLATIVO PROCESSO LEGISLATIVO PORTUGUÊS 1 Leitura, compreensão e análise de textos. Inferência (informações explícitas e implícitas). Tipologia textual:

Leia mais

JUSTIFICATIVAS PARA MANUTENÇÃO OU PARA ALTERAÇÃO DE NOTAS DE REDAÇÃO PROTOCOLO:

JUSTIFICATIVAS PARA MANUTENÇÃO OU PARA ALTERAÇÃO DE NOTAS DE REDAÇÃO PROTOCOLO: JUSTIFICATIVAS PARA MANUTENÇÃO OU PARA ALTERAÇÃO DE NOTAS DE REDAÇÃO PROTOCOLO: 22924028436-3 PROTOCOLO: 22924028436-3 MANTIDA A NOTA DIVULGADA. A prova de redação do concurso público do Os textos foram

Leia mais

ENEM PERGUNTAS E RESPOSTAS

ENEM PERGUNTAS E RESPOSTAS ENEM PERGUNTAS E RESPOSTAS DICAS: PASSO A PASSO Na data da prova: Os portões de acesso abrem às 12h e fecham às 13h. Recomenda-se que todos os participantes cheguem ao local de prova até as 12h (horário

Leia mais

Objectivos / Competências Conteúdos Descrição dos Domínios de referência: Unidades temáticas

Objectivos / Competências Conteúdos Descrição dos Domínios de referência: Unidades temáticas MATRIZ DA PROVA DE EXAME A NÍVEL DE ESCOLA AO ABRIGO DO DECRETO-LEI Nº 357/07, DE 29 DE OUTUBRO ESPANHOL NÍVEL DE INICIAÇÃO 10º ANO (Cursos Científicos- Humanísticos Decreto Lei nº 74/04, de 26 de Março)

Leia mais

PERFIS DE SAÍDA DOS ESTUDANTES DA 5ª SÉRIE DO ENSINO FUNDAMENTAL, COMPONENTE CURRICULAR LÍNGUA PORTUGUESA

PERFIS DE SAÍDA DOS ESTUDANTES DA 5ª SÉRIE DO ENSINO FUNDAMENTAL, COMPONENTE CURRICULAR LÍNGUA PORTUGUESA PERFIS DE SAÍDA DOS ESTUDANTES DA 5ª SÉRIE DO ENSINO FUNDAMENTAL, COMPONENTE CURRICULAR LÍNGUA PORTUGUESA CONTEÚDOS EIXO TEMÁTICO COMPETÊNCIAS ESPERADAS Variedades lingüísticas; Diálogo; Turnos. Gênero

Leia mais

EDITAL DO II SIMULADO DE DIREITO DA FACULDADE CATÓLICA DE RONDÔNIA

EDITAL DO II SIMULADO DE DIREITO DA FACULDADE CATÓLICA DE RONDÔNIA EDITAL DO II SIMULADO DE DIREITO DA FACULDADE CATÓLICA DE RONDÔNIA O Núcleo Docente Estruturante do Curso de Direito e a Coordenação de Direito da Faculdade Católica de Rondônia - FCR RESOLVEM: Estabelecer

Leia mais

Processo de seleção para alunos novos. 6º e 7º ano do Ensino Fundamental

Processo de seleção para alunos novos. 6º e 7º ano do Ensino Fundamental Processo de seleção para alunos novos 6º e 7º ano do Ensino Fundamental 2017 Unidade Barra da Tijuca I ORIENTAÇÕES GERAIS a) As famílias que desejarem conhecer nossa proposta e inscrever seus filhos para

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico ETEC PROFESSOR MASSUYUKI KAWANO EXTENSÃO E. E. INDIA VANUÍRE Código: 9136 Município: Estância Turística de Tupã Eixo Tecnológico: Gestão e Negócio Habilitação

Leia mais

Admissão de alunos 2017

Admissão de alunos 2017 Tradição em Excelência Admissão de alunos 2017 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 1ª SÉRIE ENSINO MÉDIO CIÊNCIAS 1. CINEMÁTICA 1.1. Estudo dos movimentos e referenciais. 1.2. Movimentos uniformes. 2. PROPRIEDADES

Leia mais

CONTROLE DE CONTEÚDO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL 1ª REGIÃO ANALISTA JUDICIÁRIO ÁREA: ADMINISTRATIVA

CONTROLE DE CONTEÚDO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL 1ª REGIÃO ANALISTA JUDICIÁRIO ÁREA: ADMINISTRATIVA CONTROLE DE CONTEÚDO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL 1ª REGIÃO ANALISTA JUDICIÁRIO ÁREA: ADMINISTRATIVA REGIMENTO INTERNO 1 Organização e composição do TRF 1ª Região: órgãos jurisdicionais, Corregedoria-Regional,

Leia mais

SELEÇÃO PARA NOVOS ALUNOS TURMAS SÃO PAULO

SELEÇÃO PARA NOVOS ALUNOS TURMAS SÃO PAULO SELEÇÃO PARA NOVOS ALUNOS TURMAS SÃO PAULO 2 0 15 CONTEÚDOS DOS TESTES DE SELEÇÃO Para o 1º Ano do Ensino Médio LINGUAGENS, CÓDIGOS E SUAS TECNOLOGIAS LÍNGUA PORTUGUESA Norma ortográfica Grafia de vocábulos

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BELO HORIZONTE CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL EDITAL 03/2015

PREFEITURA MUNICIPAL DE BELO HORIZONTE CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL EDITAL 03/2015 Este caderno contém o Tema da Redação, conforme o conteúdo programático estabelecido no Edital 03/2015. Use como rascunho o modelo reproduzido ao final deste caderno. Ao receber a FOLHA DEFINITIVA DE REDAÇÃO

Leia mais

Escola Básica 2,3 de Miragaia Informação Prova de Equivalência à Frequência

Escola Básica 2,3 de Miragaia Informação Prova de Equivalência à Frequência Escola Básica 2,3 de Miragaia Informação Prova de Equivalência à Frequência Francês - 9. º Ano - Código 1 201 1- Introdução O presente documento visa divulgar as características da prova de equivalência

Leia mais

GRUPO DISCIPLINAR DE HISTÓRIA - Ano Letivo 2016/ º ciclo do Ensino Básico

GRUPO DISCIPLINAR DE HISTÓRIA - Ano Letivo 2016/ º ciclo do Ensino Básico DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS GRUPO DISCIPLINAR DE HISTÓRIA - Ano Letivo 2016/2017 CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DA DISCIPLINA DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL 1. A avaliação é contínua e sistemática.

Leia mais

PORTUGUÊS. Relação aula x conteúdo

PORTUGUÊS. Relação aula x conteúdo CURSO: CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DAS AULAS (IFCE) - ASSISTENTE EM ADM. - REGULAR Poderá haver substituições de professores, ficando a critério da coordenação pedagógica do curso quaisquer alterações. PORTUGUÊS

Leia mais

Regulamento do IV Concurso de Redação Colégio Santa Dorotéia de Porto Alegre

Regulamento do IV Concurso de Redação Colégio Santa Dorotéia de Porto Alegre Art. 1 Apresentação Com o objetivo de estimular em seus alunos o prazer e o hábito da escrita, além de proporcionar espaço para a revelação de jovens talentos, o Colégio Santa Doroteia de Porto Alegre

Leia mais

REGULAMENTO BEST PRACTICES TOOLBOX

REGULAMENTO BEST PRACTICES TOOLBOX REGULAMENTO BEST PRACTICES TOOLBOX A atividade BEST PRACTICES TOOLBOX está sujeita a este regulamento e, ao se inscrever, o participante automaticamente declara sua concordância com todas as condições

Leia mais

Processo de Admissão de Novos Estudantes Conteúdos programáticos para candidatos que ingressarão no. 3º ano do Ensino Médio MATEMÁTICA

Processo de Admissão de Novos Estudantes Conteúdos programáticos para candidatos que ingressarão no. 3º ano do Ensino Médio MATEMÁTICA Processo de Admissão de Novos Estudantes 2017 Conteúdos programáticos para candidatos que ingressarão no 3º ano do Ensino Médio MATEMÁTICA HABILIDADES CONTEÚDOS Identificar padrões numéricos ou princípios

Leia mais

Dicas para Provas. TRE-SP e TRE-PE Professora Soraia Alves. Author or Company YOUR LOGO

Dicas para Provas. TRE-SP e TRE-PE Professora Soraia Alves. Author or Company YOUR LOGO Dicas para Provas Discursivas TRE-SP e TRE-PE Professora Soraia Alves Author or Company YOUR LOGO Conteúdo Uma breve apresentação Interpretando os editais 3 4 14 Agora vamos produzir Espelho de correção

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio

Ensino Técnico Integrado ao Médio Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL Ensino Médio ETEC Mairiporã Etec: Mairiporã Código: 27 Município: Mairiporã Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Nível Médio de

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA ANEXO III

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA ANEXO III SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA ANEXO III Fichas de Avaliação das Provas: Escrita, Didática e/ou Prática e de Títulos Porto Velho -RO SERVIÇO PÚBLICO

Leia mais

PROFESSORA: CLAUDIA ROSA

PROFESSORA: CLAUDIA ROSA PROFESSORA: CLAUDIA ROSA 1- DEMONSTRAR DOMÍNIO DA MODALIDADE ESCRITA DA LÍNGUA PORTUGUESA; Usar linguagem coloquial não rola Tipo assim, use a norma culta da gramática! 2 COMPREENDER A PROPOSTA DE REDAÇÃO

Leia mais

REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DA OPERAÇÃO AVISO Nº ALT Sistema de apoio à Modernização e Capacitação da Administração Pública

REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DA OPERAÇÃO AVISO Nº ALT Sistema de apoio à Modernização e Capacitação da Administração Pública REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DA OPERAÇÃO AVISO Nº ALT20 62 2015 10 Sistema de apoio à Modernização e Capacitação da Administração Pública (SAMA2020) DOMÍNIO DA COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO

Leia mais

Deve ainda ser tida em consideração a Portaria n.º 243/2012, de 10 de agosto.

Deve ainda ser tida em consideração a Portaria n.º 243/2012, de 10 de agosto. INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Economia C Maio de 2015 Prova 312 Escrita Ensino Secundário (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) 1 Introdução O presente documento visa divulgar as caraterísticas

Leia mais

CRONOGRAMA DO ENEM 2012 Início das inscrições. 28/05 (10h) 15/06 (23h59) inscrições Pagamento incrições. Até 20/06. Divulgação gabarito 07/11

CRONOGRAMA DO ENEM 2012 Início das inscrições. 28/05 (10h) 15/06 (23h59) inscrições Pagamento incrições. Até 20/06. Divulgação gabarito 07/11 ENEM - 2012 O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) publicou na edição desta sexta-feira (25) do "Diário Oficial da União" o edital com as regras do Exame Nacional

Leia mais

desafia, não te transforma Semestre

desafia, não te transforma Semestre O que não te 1 desafia, não te transforma Semestre 2015.2 1 Nossos encontros www.admvital.com 2 2 Nossos encontros www.admvital.com 3 AULÃO 3 4 Materiais da aula www.admvital.com/aulas 4 5 Critérios AV

Leia mais

BOLSÃO 2017 / 6º ANO

BOLSÃO 2017 / 6º ANO Você que se inscreveu no Bolsão do Colégio Futuro Vip para cursar o 6º ano do Ensino Fundamental está BOLSÃO 2017 / 6º ANO Fonética Fonema distinção entre FONEMA e LETRA Sílaba número de sílabas / divisão

Leia mais

847- ESPANHOL (NÍVEL- CONTINUAÇÃO 10.º/ 11.º ANO)

847- ESPANHOL (NÍVEL- CONTINUAÇÃO 10.º/ 11.º ANO) 847- ESPANHOL (NÍVEL- CONTINUAÇÃO 10.º/ 11.º ANO) FORMAÇÃO ESPECÍFICA 1ª/2ª FASE 1.INTRODUÇÃO O presente documento visa divulgar as características do Exame de Espanhol a nível de escola a realizar em

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Turismo, Hospitalidade e Lazer CURSO: Técnico em Eventos FORMA/GRAU:( x )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( ) tecnólogo

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO MARANHÃO

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO MARANHÃO CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO MARANHÃO DECISÃO DOS RECURSOS (INFRARRELACIONADOS) I DOS RECURSOS Trata-se de recursos interpostos pelos candidatos infrarrelacionados concorrentes aos cargos disponibilizados,

Leia mais

SUMÁRIO. Língua Portuguesa. Pronomes: emprego, formas de tratamento e colocação... 40

SUMÁRIO. Língua Portuguesa. Pronomes: emprego, formas de tratamento e colocação... 40 Língua Portuguesa Ortografia oficial... 19 Acentuação gráfica... 29 Flexão nominal e verbal... 32 Pronomes: emprego, formas de tratamento e colocação... 40 Emprego de tempos, modos e aspectos verbais...

Leia mais

Prova dia 19/11 BOLSÃO CIAC Excelência de ensino: portas abertas para grandes conquistas! ENSINO MÉDIO

Prova dia 19/11 BOLSÃO CIAC Excelência de ensino: portas abertas para grandes conquistas! ENSINO MÉDIO Excelência de ensino: portas abertas para grandes conquistas! Prova dia 19/11 BOLSÃO CIAC 2017 ENSINO MÉDIO Manual do Candidato 1, 2 e 3 ano Ensino Médio Mensagem da Direção Caro candidato, Ao escolher

Leia mais

SIMULADO 3º Ano G2 PROPOSTA DE REDAÇÃO. Status e amadurecimento. Um jovem morre vítima de álcool a cada 36 horas no Brasil

SIMULADO 3º Ano G2 PROPOSTA DE REDAÇÃO. Status e amadurecimento. Um jovem morre vítima de álcool a cada 36 horas no Brasil º Ano G2 PROPOSTA DE A partir da leitura dos textos motivadores seguintes e com base nos conhecimentos construídos ao longo da sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo em norma padrão da língua

Leia mais

Introdução. 3 º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 3/2008, de 7 de janeiro)

Introdução. 3 º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 3/2008, de 7 de janeiro) INFORMAÇÃO PROVA LÍNGUA ESTRANGEIRA I INGLÊS Escrita e Oral 2016 Prova 21 3 º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 3/2008, de 7 de janeiro) Introdução O presente documento divulga informação relativa

Leia mais

CONCURSOS NO BRASIL PMPE 2016: VAGAS DE SOLDADO QUADRO VERTICALIZADO DOS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

CONCURSOS NO BRASIL PMPE 2016: VAGAS DE SOLDADO QUADRO VERTICALIZADO DOS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS CONCURSOS NO BRASIL PMPE 2016: 1.500 VAGAS DE SOLDADO QUADRO VERTICALIZADO DOS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS Roteiro de estudos verticalizado para SOLDADO Apostila completa para SOLDADO DA PM - Concurso Polícia

Leia mais

Regulamento do Concurso de Fotografia

Regulamento do Concurso de Fotografia Regulamento do Concurso de Fotografia 1 - Tema: Ser Aluno do IFPI 2 - Objetivo: Proporcionar aos amantes da fotografia oportunidade de registrar as diversidades atrativas do IFPI. 3 - Disposições Gerais

Leia mais

Ensino Secundário (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho)

Ensino Secundário (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Inglês Maio de 2015 Prova 358 12º Ano (continuação) Escrita e Oral Ensino Secundário (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) 1. Introdução O presente documento

Leia mais

DOCENTE: MICAEL ALVES

DOCENTE: MICAEL ALVES Planificação anual Curso Vocacional de Ensino Básico Ano letivo 2015 / 2016 CURSO VOCACIONAL DE INFORMÁTICA E MULTIMÉDIA ANO: 9.º DISCIPLINA: APLICAÇÕES DE ESCRITÓRIO DOCENTE: MICAEL ALVES COMPETÊNCIAS

Leia mais

CADERNO 1 REDAÇÃO. ATENÇÃO Leia as instruções deste Caderno. Elas fazem parte da sua prova

CADERNO 1 REDAÇÃO. ATENÇÃO Leia as instruções deste Caderno. Elas fazem parte da sua prova CONCURSO PÚBLICO Edital 02/2012 CADERNO 1 REDAÇÃO ATENÇÃO Leia as instruções deste Caderno. Elas fazem parte da sua prova 1. Este caderno contém as instruções para a Prova de Redação em Língua Portuguesa

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DO EXÉRCITO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO PREPARATÓRIA E ASSISTENCIAL

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DO EXÉRCITO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO PREPARATÓRIA E ASSISTENCIAL MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DO EXÉRCITO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO PREPARATÓRIA E ASSISTENCIAL 6º ANO Ensino Fundamental Língua Portuguesa 2) Inferir o sentido

Leia mais

INFORMAÇÃO-PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA

INFORMAÇÃO-PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INFORMAÇÃO-PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Ciências Naturais 2016 3.º CICLO DO ENSINO BÁSICO O presente documento visa divulgar as características da prova de equivalência à frequência do 3.º Ciclo

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BELO HORIZONTE CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL EDITAL 03/2015

PREFEITURA MUNICIPAL DE BELO HORIZONTE CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL EDITAL 03/2015 Este caderno contém o Tema da Redação, conforme o conteúdo programático estabelecido no Edital 03/2015. Use como rascunho o modelo reproduzido ao final deste caderno. Ao receber a FOLHA DEFINITIVA DE REDAÇÃO

Leia mais

PROPOSTA DE REDAÇÃO. Onda de Refugiados na Europa

PROPOSTA DE REDAÇÃO. Onda de Refugiados na Europa MARATONA DE ESTUDOS PROPOSTA DE REDAÇÃO Onda de Refugiados na Europa Refugiado é toda a pessoa que, em razão de fundados temores de perseguição devido a sua raça, religião, nacionalidade, associação a

Leia mais

Conteúdo Programático. Cursos Técnicos Subsequentes

Conteúdo Programático. Cursos Técnicos Subsequentes Conteúdo Programático Cursos Técnicos Subsequentes Especificações das Provas Disciplinas da prova objetiva Nº questões Pesos Total de pontos Língua Portuguesa 15 2 30 Matemática 15 2 30 Total 30-60 Prova

Leia mais

INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Inglês LE I (2 anos) 2016

INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Inglês LE I (2 anos) 2016 INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Inglês LE I (2 anos) 2016 Prova 06 --------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VIZELA VIZELA Escola sede: ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS DE VIZELA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE SOCIOLOGIA

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VIZELA VIZELA Escola sede: ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS DE VIZELA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE SOCIOLOGIA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VIZELA VIZELA Escola sede: ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS DE VIZELA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE SOCIOLOGIA Prova: 344 / 2015 12.º Ano de Escolaridade Formação

Leia mais

ESPANHOL 1ª e 2ª fase de 2014

ESPANHOL 1ª e 2ª fase de 2014 INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA ESPANHOL 1ª e 2ª fase de 2014 Prova 15 2014 9ºano de Escolaridade - 3.º Ciclo do Ensino Básico PROVA ESCRITA 50% 1. Objeto de avaliação, características e

Leia mais

Conteúdo para concurso de bolsa 9º ano

Conteúdo para concurso de bolsa 9º ano Conteúdo para concurso de bolsa 9º ano Língua Portuguesa: - Interpretação de texto; - Revisão Análise morfossintática; - Revisão de período composto por subordinação (subordinadas substantivas); - Período

Leia mais

OLIMPÍADA CATARINENSE DE REDAÇÃO. 1 a Edição

OLIMPÍADA CATARINENSE DE REDAÇÃO. 1 a Edição OLIMPÍADA CATARINENSE DE REDAÇÃO 1 a Edição 1. Responsabilidade: A 1ª Olimpíada Catarinense de Redação (OCR 2016) é um projeto, sem fins lucrativos, realizado pela Secretaria de Educação do Estado, em

Leia mais

INSTITUTO EDUCACIONAL MANOEL PINHEIRO PROGRAMA DE ATIVIDADES DIAGNÓSTICAS PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS 2017

INSTITUTO EDUCACIONAL MANOEL PINHEIRO PROGRAMA DE ATIVIDADES DIAGNÓSTICAS PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS 2017 INSTITUTO EDUCACIONAL MANOEL PINHEIRO PROGRAMA DE ATIVIDADES DIAGNÓSTICAS PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS 2017 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO 1. Compreensão de textos diversos: Textos verbais e não verbais;

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ MARIA DOS SANTOS

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ MARIA DOS SANTOS AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOSÉ MARIA DOS SANTOS INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA ESPANHOL LE II ---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

ANEXO I ATESTADO PARA CARACTERIZAÇÃO DE PESSOA PORTADORA DE DEFICIÊNCIA

ANEXO I ATESTADO PARA CARACTERIZAÇÃO DE PESSOA PORTADORA DE DEFICIÊNCIA ANEXO I ATESTADO PARA CARACTERIZAÇÃO DE PESSOA PORTADORA DE DEFICIÊNCIA Atesto, em cumprimento a Lei n 7853, de 24 de outubro de 1989 e do Decreto n 3298/99 de 20 de dezembro de 1999, que o(a) Sr.(a) portador

Leia mais

Cursos Profissionais Disciplina: PORTUGUÊS Anos: 10º; 11º e 12º

Cursos Profissionais Disciplina: PORTUGUÊS Anos: 10º; 11º e 12º PARÂMETROS GERAIS DE AVALIAÇÃO Integração escolar e profissionalizante Intervenções e Atividades na sala de aula: PESOS PARÂMETROS ESPECÍFICOS INSTRUMENTOS Peso 2 Peso 5 Comportamento-assiduidade-pontualidadecumprimento

Leia mais

CONCURSO OFICIAL ESCREVENTE

CONCURSO OFICIAL ESCREVENTE CONCURSO OFICIAL ESCREVENTE Início: 05 /11/13 Previsão de término: 20/12/2013 Período de: 7Semanas Cargos: Oficial Escrevente Horário das aulas segunda à sexta: 19h às 23:00h e possíveis finais de semana.

Leia mais

Processo de Admissão de Novos Estudantes Conteúdos programáticos para candidatos que ingressarão no. 1º ano do Ensino Médio MATEMÁTICA

Processo de Admissão de Novos Estudantes Conteúdos programáticos para candidatos que ingressarão no. 1º ano do Ensino Médio MATEMÁTICA Processo de Admissão de Novos Estudantes 2016 Conteúdos programáticos para candidatos que ingressarão no 1º ano do Ensino Médio MATEMÁTICA CONTEÚDOS Efetuar cálculos com números reais envolvendo as operações

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BELO HORIZONTE CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL EDITAL 05/2015

PREFEITURA MUNICIPAL DE BELO HORIZONTE CONCURSO PÚBLICO MUNICIPAL EDITAL 05/2015 Este caderno contém o Tema da Redação, conforme o conteúdo programático estabelecido no Edital 05/2015. Use como rascunho o modelo reproduzido ao final deste caderno. Ao receber a FOLHA DEFINITIVA DE REDAÇÃO

Leia mais

Redação: critérios de correção dos exames da Fuvest, Unicamp, Unesp e Enem. FUVEST e UNESP

Redação: critérios de correção dos exames da Fuvest, Unicamp, Unesp e Enem. FUVEST e UNESP Singular-Anglo Vestibulares Professora Natália Sanches Redação: critérios de correção dos exames da Fuvest, Unicamp, Unesp e Enem. Retirado do site oficial do vestibular. FUVEST e UNESP Na correção, três

Leia mais

Planejamento Anual 2015 Disciplina: Língua Portuguesa: Ação Série: 3º ano Ensino: Médio Professor: André

Planejamento Anual 2015 Disciplina: Língua Portuguesa: Ação Série: 3º ano Ensino: Médio Professor: André Objetivos Gerais: Planejamento Anual 2015 Disciplina: Língua Portuguesa: Ação Série: 3º ano Ensino: Médio Professor: André # Promover as competências necessárias para as práticas de leitura e escrita autônomas

Leia mais

PORTUGUÊS. Relação aula x conteúdo

PORTUGUÊS. Relação aula x conteúdo CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DAS AULAS CURSO: UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ (UECE) - ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO - REGULAR Poderá haver substituições de professores, ficando a critério da coordenação pedagógica

Leia mais

Informação - Prova de Equivalência à Frequência. Espanhol Prova 15 / Ciclo do Ensino Básico

Informação - Prova de Equivalência à Frequência. Espanhol Prova 15 / Ciclo do Ensino Básico AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VIEIRA DE ARAÚJO ESCOLA EB/S VIEIRA DE ARAÚJO VIEIRA DO MINHO Espanhol Prova 15 / 2015 3 Ciclo do Ensino Básico INTRODUÇÃO O presente documento dá a conhecer os seguintes aspetos

Leia mais

1. OBJETO DE AVALIAÇÃO

1. OBJETO DE AVALIAÇÃO Informação Prova Prova código 06 de Inglês Prova de Equivalência à Frequência do 2º Ciclo do Ensino Básico Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho Despacho normativo n.º 1-G/2016, de 6 de abril O presente

Leia mais

3. O Cronograma válido é o constante no Anexo II da presente Deliberação.

3. O Cronograma válido é o constante no Anexo II da presente Deliberação. PREFEITURA MUNICIPAL DE PRESIDENTE PRUDENTE SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE PRESIDENTE PRUDENTE DELIBERAÇÃO CMDCA Nº 024/2012 O

Leia mais

OS CRITÉRIOS DE CORREÇÃO para a REDAÇÃO do ENEM

OS CRITÉRIOS DE CORREÇÃO para a REDAÇÃO do ENEM Disciplina Curso Profª Série REDACÃO Ensino Médio Silvia Zanutto 3º Lembre-se: ESTUDO APROVAÇÃO SUCESSO OS CRITÉRIOS DE CORREÇÃO para a REDAÇÃO do ENEM Aluno,LEIA COM ATENÇÃO! Na redação, o ENEM avalia

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE Informação Prova de Equivalência à Frequência 3º Ciclo do Ensino Básico 2015/2016 Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 julho Decreto -Lei nº 17/2016, de 4 de abril Aprovado

Leia mais

2.8. Alusão histórica 3. A afirmação da tese e a impessoalização do discurso 4. Exercícios 5. Atividade de produção textual

2.8. Alusão histórica 3. A afirmação da tese e a impessoalização do discurso 4. Exercícios 5. Atividade de produção textual SUMÁRIO CAPÍTULO I NOÇÕES GERAIS DE TIPOLOGIA TEXTUAL 1. A definição de tipo textual 1.1. Texto narrativo 1.2. Texto descritivo 1.3. Texto injuntivo 1.4. Texto dialogal 1.5. Texto dissertativo 2. Elaborando

Leia mais

Objectivos / Competências Conteúdos Descrição dos itens

Objectivos / Competências Conteúdos Descrição dos itens MATRIZ DA PROVA DE EXAME A NÍVEL DE ESCOLA AO ABRIGO DO DECRETO-LEI Nº 357/07, DE 29 DE OUTUBRO ESPANHOL NÍVEL DE INICIAÇÃO 10º e 11º ANOS (Cursos Científicos- Humanísticos Decreto Lei nº 74/04, de 26

Leia mais

Informação - Prova de equivalência à Frequência

Informação - Prova de equivalência à Frequência Informação - Prova de equivalência à Frequência 1.º Ciclo PORTUGUÊS Ano de escolaridade 4.º ano INTRODUÇÃO O presente documento divulga informação relativa à prova final do 1.º Ciclo da disciplina de Português,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO CAMPUS CUBA TÃO. EDITAL No 8/2014

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO CAMPUS CUBA TÃO. EDITAL No 8/2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS REMANESCENTES - ENSINO SUPERIOR 2 SEMESTRE de 2014 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo- Campus Cubatão, situado

Leia mais

ÍNDICE curso CAIXA. Edital Sistematizado CAIXA Tópicos mais exigidos pela banca em ordem decrescente CRONOGRAMA do Curso...

ÍNDICE curso CAIXA. Edital Sistematizado CAIXA Tópicos mais exigidos pela banca em ordem decrescente CRONOGRAMA do Curso... ÍNDICE curso CAIXA Edital Sistematizado CAIXA...02 Tópicos mais exigidos pela banca em ordem decrescente...03 CRONOGRAMA do Curso...03 MÓDULO 1: Acentuação e Ortografia...04 Acentuação...04 Questões...10

Leia mais

2.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 17/2016, de 4 de abril)

2.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 17/2016, de 4 de abril) INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA CIÊNCIAS NATURAIS 2016 Prova 02 / 2016 1ª e 2ª fase 2.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 17/2016, de 4 de abril) O presente documento divulga informação

Leia mais

- CPF: AULA INAUGURAL 1. APRESENTAÇÃO INICIAL ORIENTAÇÕES GERAIS CONSIDERAÇÕES FINAIS... 6

- CPF: AULA INAUGURAL 1. APRESENTAÇÃO INICIAL ORIENTAÇÕES GERAIS CONSIDERAÇÕES FINAIS... 6 AULA INAUGURAL 1. APRESENTAÇÃO INICIAL... 2 2. ORIENTAÇÕES GERAIS... 4 3. CONSIDERAÇÕES FINAIS... 6 Concurso: Cargo: Agente da Polícia Federal Matéria: Redação Professor: Del Lima Este curso é protegido

Leia mais

MATRIZ DE REFERÊNCIA LÍNGUA PORTUGUESA SADEAM 3º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

MATRIZ DE REFERÊNCIA LÍNGUA PORTUGUESA SADEAM 3º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL MATRIZ DE REFERÊNCIA LÍNGUA PORTUGUESA SADEAM 3º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL DOMÍNIOS COMPETÊNCIAS DESCRITORES D01 Distinguir letras de outros sinais gráficos. Reconhecer as convenções da escrita. D02 Reconhecer

Leia mais

PROPOSTA DE REESTRUTURAÇÃO DO PROCESSO DE AVALIAÇÃO PARA O CURSO DE ODONTOLOGIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE

PROPOSTA DE REESTRUTURAÇÃO DO PROCESSO DE AVALIAÇÃO PARA O CURSO DE ODONTOLOGIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE PROPOSTA DE REESTRUTURAÇÃO DO PROCESSO DE AVALIAÇÃO PARA O CURSO DE ODONTOLOGIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE Euler Maciel Dantas * Hallissa Simplício Gomes Pereira ** Isabelita Duarte

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL 2016

PLANEJAMENTO ANUAL 2016 PLANEJAMENTO ANUAL 2016 Professor Joabe Bernardo dos Santos Língua Portuguesa 9º ano Colégio Nossa Senhora da Piedade Referências: -SAE, 9º ano: Língua Portuguesa. Livro do professor: livro 1 / IESDE BRASIL

Leia mais

Plano de Ensino. Meses Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Aulas Regulares Aulas de

Plano de Ensino. Meses Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Aulas Regulares Aulas de Identificação Plano de Ensino Curso: Direito Disciplina: Língua Portuguesa Ano/semestre: 2012/01 Carga horária: Total: 80h Semanal: 4h Professor: Michelle Teixeira da Silva Período/turno: matutino e noturno

Leia mais

XVIII SEPEX SEMANA DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

XVIII SEPEX SEMANA DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO XVIII SEPEX SEMANA DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO EDITAL DE CHAMADA DE TRABALHOS 1 APRESENTAÇÃO - A Faculdade Católica Salesiana do Espírito Santo promoverá, entre os dias 12 e 13 de julho de 2016, a XVIII

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Habilitação Profissional: Técnico em Segurança do Trabalho. Qualificação: Sem Certificação Módulo: 1

Plano de Trabalho Docente Habilitação Profissional: Técnico em Segurança do Trabalho. Qualificação: Sem Certificação Módulo: 1 Plano de Trabalho Docente 2013 ETEC Dr. Francisco Nogueira de Lima Ensino Técnico Código: 059 Município: Casa Branca Área Profissional: Saúde Habilitação Profissional: Técnico em Segurança do Trabalho

Leia mais