Conheça algumas doenças tipicamente femininas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Conheça algumas doenças tipicamente femininas"

Transcrição

1 Uol - SP 03/12/ :51 Conheça algumas doenças tipicamente femininas Da Redação ANSIEDADE: este transtorno mental é caracterizado por preocupações, tensões ou medos exagerados, sensação contínua de que algo ruim vai acontecer, medo extremo de alguma situação em particular, falta de controle sobre pensamentos, imagens ou atitudes, que ARTRITE REUMATOIDE: doença crônica caracterizada pela inflamação das articulações, causando um inchaço doloroso que pode, eventualmente, resultar em erosão óssea e deformidade articular, levando à incapacitação funcional. A doença atinge quatro mulheres p CÂNCER DE COLO DE ÚTERO: é o terceiro tipo de câncer mais comum entre as mulheres, sendo responsável pela morte de 275 mil mulheres por ano, de acordo com o Inca (Instituto Nacional de Câncer). O maior fator de risco para o desenvolvimento da doença é a i CÂNCER DE MAMA: não é exclusiva do sexo feminino, apesar de muitos acreditarem nisso. Essa confusão surge porque o câncer de mama é muito mais comum em mulheres: apenas 1% dos

2 comum em mulheres: apenas 1% dos casos é no sexo masculino. Além disso, é o segundo tipo de câncer mais frequent DEPRESSÃO: considerada um dos maiores males da modernidade, a depressão atinge 5% da população mundial, aproximadamente 350 milhões de pessoas, de acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde). Para cada homem com depressão no mundo, duas mulheres sofre ENDOMETRIOSE: doença caracterizada pela presença de células do endométrio (camada interna do útero que é expelida durante a menstruação) fora da cavidade uterina, desencadeando um processo inflamatório. "Afeta mulheres e meninas em idade fértil e que caus ENXAQUECA: diferente da dor de cabeça comum (cefaleia tensional), a enxaqueca é latejante, tem intensidade moderada a forte, é geralmente incapacitante e frequentemente acompanhada por náusea, vômito e sensibilidade à luz. Segundo o Ministério da Saúde, d ESCLEROSE MÚLTIPLA: doença autoimune (quando o sistema imunológico ataca e destrói tecidos saudáveis do corpo por engano). A doença é causada por dano à bainha de

3 doença é causada por dano à bainha de mielina, cobertura protetora que envolve as células nervosas que, quando danificada, acarret FIBROMIALGIA: também conhecida como síndrome de Joanina Dognini, causa dores por todo o corpo, além de distúrbios do sono, parestesias (sensação de ardor ou picada geralmente sentida nas mãos, braços, pernas ou pés), inchaço e sensibilidade nas articulaçõ MIOMA UTERINO: também conhecido como fibrose uterina, é caracterizado pela presença de um ou mais tumores benignos no útero. "Apesar de benignos, podem causar hemorragias e até infertilidade, dependendo da sua localização", explica a ginecologista e obste HPV: apesar de a prevalência de infecção por HPV ser praticamente igual entre homens e mulheres, elas devem ter atenção especial ao problema. Isso porque, nelas, as lesões causadas pelo vírus podem espalhar-se por todo o trato genital e alcançar o colo do LÚPUS: lúpus eritematoso é uma doença autoimune, ou seja, o sistema imunológico ataca as próprias células e tecidos do corpo. Isso pode acarretar

4 tecidos do corpo. Isso pode acarretar problemas musculares, renais, cardíacos, sanguíneos e dermatológicos. Segundo a Sociedade Brasileira de Reuma SÍNDROME DO CORAÇÃO PARTIDO: também chamado da cardiomiopatia de Takotsubo, acomete principalmente mulheres na meia idade e está relacionada, na maioria das vezes, à perda do cônjuge ou parceiro, seja por morte ou separação. Ela afeta 7,5 vezes mais as mu SÍNDROME DOS OVÁRIOS POLICÍSTICOS: caracterizada pela presença de pequenos cistos nos ovários, e pode causar alterações menstruais, aumento de pelos no corpo, ganho de peso, acne e até infertilidade. Atinge até 10% das mulheres em idade fértil SÍNDROME DO NINHO VAZIO: quadro depressivo desencadeado após a saída dos filhos de casa. Apesar de não haver estimativas a respeito da síndrome, especialistas afirmam que atingem muito mais as mulheres do que os homens. "As mulheres se sentem sós, com sen VULVOVAGINITE: inflamação ou infecção da vulva e vagina causada por bactérias, fungos, vírus e outros parasitas. Estima-se que cerca de 75% das mulheres

5 que cerca de 75% das mulheres experimentarão pelo menos um episódio de candidíase vulvovaginal durante suas vidas. "A vulvovaginite

CIÊNCIAS EJA 5ª FASE PROF.ª SARAH DOS SANTOS PROF. SILONE GUIMARÃES

CIÊNCIAS EJA 5ª FASE PROF.ª SARAH DOS SANTOS PROF. SILONE GUIMARÃES CIÊNCIAS EJA 5ª FASE PROF.ª SARAH DOS SANTOS PROF. SILONE GUIMARÃES CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade II Ser Humano e Saúde 2 CONTEÚDOS E HABILIDADES Aula 11.2 Conteúdo Doenças Sexualmente Transmissíveis

Leia mais

Com o apoio científico da Secção Regional do Norte da ORDEM DOS MÉDICOS. Compreender a Enxaqueca. e outras Cefaleias. Anne MacGregor.

Com o apoio científico da Secção Regional do Norte da ORDEM DOS MÉDICOS. Compreender a Enxaqueca. e outras Cefaleias. Anne MacGregor. Com o apoio científico da Secção Regional do Norte da ORDEM DOS MÉDICOS Compreender a Enxaqueca e outras Cefaleias Anne MacGregor Oo Guia de Saúde Introdução às cefaleias comuns Apercentagem da população

Leia mais

CIÊNCIAS EJA 5ª FASE PROF.ª SARAH DOS SANTOS PROF. SILONE GUIMARÃES

CIÊNCIAS EJA 5ª FASE PROF.ª SARAH DOS SANTOS PROF. SILONE GUIMARÃES CIÊNCIAS EJA 5ª FASE PROF.ª SARAH DOS SANTOS PROF. SILONE GUIMARÃES REVISÃO DOS CONTEÚDOS Unidade II Ser Humano e Saúde 2 REVISÃO DOS CONTEÚDOS Aula 13 Revisão e Avaliação 3 REVISÃO 1 O sistema reprodutor

Leia mais

ODONTOLOGIA PREVENTIVA. Saúde Bucal. Dores na mandíbula e na face.

ODONTOLOGIA PREVENTIVA. Saúde Bucal. Dores na mandíbula e na face. ODONTOLOGIA PREVENTIVA Saúde Bucal Dores na mandíbula e na face. O que é ATM? ATM significa articulação temporomandibular, que é a articulação entre a mandíbula e o crânio. Portanto, temos duas ATM, cada

Leia mais

Prevenção do cancro do colo do útero

Prevenção do cancro do colo do útero Prevenção do cancro do colo do útero http:// Iechyd Cyhoeddus Cymru Public Health Wales Este folheto pretende dar informações que podem ajudar na prevenção do cancro do colo do útero. Ao realizar testes

Leia mais

AIDS e HPV Cuide-se e previna-se!

AIDS e HPV Cuide-se e previna-se! AIDS e HPV Cuide-se e previna-se! O que é AIDS? Existem várias doenças que são transmissíveis através das relações sexuais e por isso são chamadas DSTs (doenças sexualmente transmissíveis). As mais conhecidas

Leia mais

2) Observe o esquema. Depois, seguindo a numeração, responda às questões. C) Onde a urina é armazenada antes de ser eliminada do corpo?.

2) Observe o esquema. Depois, seguindo a numeração, responda às questões. C) Onde a urina é armazenada antes de ser eliminada do corpo?. Professor: Altemar Santos. Exercícios sobre os sistemas urinário (excretor), reprodutores masculino e feminino e fecundação para o 8º ano do ensino fundamental. 1) Analise o esquema: Identifica-se pelas

Leia mais

Ano Lectivo 2009/2010

Ano Lectivo 2009/2010 Ano Lectivo 2009/2010 Feito por: Carlos Grilo Caracteres sexuais primários e secundários.3 Sistema reprodutor masculino.4 Sistema reprodutor feminino.5 Ciclo ovário.5 Ciclo uterino.7 Fecundação 9 Caracteres

Leia mais

Sylvia Cavalcanti. Dispareunia e vaginismo:qual a diferença e como fazer este diagnóstico?

Sylvia Cavalcanti. Dispareunia e vaginismo:qual a diferença e como fazer este diagnóstico? Sylvia Cavalcanti Dispareunia e vaginismo:qual a diferença e como fazer este diagnóstico? PRINCÍPIOS DA ESPÉCIE HUMANA ROGER X BUSCA DO PRAZER FUGA DA DOR Disfunções sexuais Disfunção do desejo Estímulo

Leia mais

Tumores Ginecológicos. Enfª Sabrina Rosa de Lima Departamento de Radioterapia Hospital Israelita Albert Einstein

Tumores Ginecológicos. Enfª Sabrina Rosa de Lima Departamento de Radioterapia Hospital Israelita Albert Einstein Tumores Ginecológicos Enfª Sabrina Rosa de Lima Departamento de Radioterapia Hospital Israelita Albert Einstein Tumores Ginecológicos Colo de útero Endométrio Ovário Sarcomas do corpo uterino Câncer de

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS CIÊNCIAS

LISTA DE EXERCÍCIOS CIÊNCIAS LISTA DE EXERCÍCIOS CIÊNCIAS P1-4º BIMESTRE 8º ANO FUNDAMENTAL II Aluno (a): Turno: Turma: Unidade Data: / /2016 HABILIDADES E COMPETÊNCIAS Identificar as principais mudanças pelas quais o indivíduo passa

Leia mais

APRESENTAÇÃO E-PÔSTER DATA: 19/10/16 LOCAL: SALAS PRÉDIO IV

APRESENTAÇÃO E-PÔSTER DATA: 19/10/16 LOCAL: SALAS PRÉDIO IV APRESENTAÇÃO E-PÔSTER DATA: 19/10/16 LOCAL: SALAS PRÉDIO IV TÍTULO E-PÔSTER SALA PRÉDIO IV HORÁRIO RESISTÊNCIA A MÚLTIPLAS DROGAS NA TERAPIA ANTICÂNCER E O POTENCIAL EFEITO DE FLAVONOIDES NA RECUPERAÇÃO

Leia mais

DOR E CEFALEIA. Profa. Dra. Fabíola Dach. Divisão de Neurologia FMRP-USP

DOR E CEFALEIA. Profa. Dra. Fabíola Dach. Divisão de Neurologia FMRP-USP DOR E CEFALEIA Profa. Dra. Fabíola Dach Divisão de Neurologia FMRP-USP Dor Experiência sensitiva e emocional desagradável associada ou relacionada a lesão real ou potencial dos tecidos. Cada indivíduo

Leia mais

[ERLICHIOSE CANINA]

[ERLICHIOSE CANINA] [ERLICHIOSE CANINA] 2 Erlichiose Canina A Erlichiose Canina é uma hemoparasitose causada pela bactéria Erlichia sp. Essa bactéria parasita, geralmente, os glóbulos brancos (neste caso, Erlichia canis)

Leia mais

Mente Sã Corpo São! Abanar o Esqueleto - Os factores que influenciam as doenças osteoarticulares. Workshop 1

Mente Sã Corpo São! Abanar o Esqueleto - Os factores que influenciam as doenças osteoarticulares. Workshop 1 Abanar o Esqueleto - Os factores que influenciam as doenças osteoarticulares. Workshop 1 Mente Sã Corpo São! Unidade de Cuidados na Comunidade Centro de Saúde de Alfândega da Fé Elaborado por: Rosa Correia

Leia mais

Virologia Doenças. Prof.: Anderson Marques de Souza Juiz de Fora 2º ano EM- 2016

Virologia Doenças. Prof.: Anderson Marques de Souza Juiz de Fora 2º ano EM- 2016 Virologia Doenças Prof.: Anderson Marques de Souza Juiz de Fora 2º ano EM- 2016 Existem vírus que infectam animais, plantas, protozoários, fungos e bactérias. Exigência viral - ligação específica à célula

Leia mais

26ª Reunião, Extraordinária Comissão de Assuntos Sociais

26ª Reunião, Extraordinária Comissão de Assuntos Sociais 26ª Reunião, Extraordinária Comissão de Assuntos Sociais Dr. Sandro José Martins Coordenador Geral de Atenção às Pessoas com Doenças Crônicas Diretoria de Atenção Especializada e Temática Secretaria de

Leia mais

Pare. na primeira. primeira fratura seja a sua última. Faça acom que a sua.

Pare. na primeira. primeira fratura seja a sua última. Faça acom que a sua. Pare na primeira Faça acom que a sua primeira fratura seja a sua última www.iofbonehealth.org O QUE É A OSTEOPOROSE? A osteoporose é uma doença na qual os ossos ficam mais frágeis e fracos, levando a um

Leia mais

Doença de Addison DOENÇA DE ADDISON

Doença de Addison DOENÇA DE ADDISON Enfermagem em Clínica Médica Doença de Addison Enfermeiro: Elton Chaves email: eltonchaves76@hotmail.com DOENÇA DE ADDISON A insuficiência adrenal (IA) primária, também denominada doença de Addison, geralmente

Leia mais

MATERIAL COMPLEMENTAR. Teste Seus Chakras

MATERIAL COMPLEMENTAR. Teste Seus Chakras MATERIAL COMPLEMENTAR Teste Seus Chakras IMPORTANTE: Este teste tem como objetivo a percepção de si mesmo e o autoconhecimento. FUNCIONAMENTO A seguir você verá uma tabela com os principais sintomas de

Leia mais

GUIA PARA PACIENTES. Anotações

GUIA PARA PACIENTES. Anotações Anotações ENTENDENDO DO OS MIOMAS MAS UTERINOS GUIA PARA PACIENTES 1620641 - Produzido em maio/2010 AstraZeneca do Brasil Ltda. Rodovia Raposo Tavares, km 26,9 CEP 06707-000 - Cotia/SP ACCESS net/sac 0800

Leia mais

PADRÃO DE HERANÇA LIGADA AO CROMOSSOMO X

PADRÃO DE HERANÇA LIGADA AO CROMOSSOMO X PADRÃO DE HERANÇA LIGADA AO CROMOSSOMO X HOMENS: apresenta um X e um Y XY sexo heterogamético o seus gametas serão metade com cromossomo X e metade com cromossomo Y MULHER: apresenta dois X XX sexo homogamético

Leia mais

ESCLEROSE MÚLTIPLA. Prof. Fernando Ramos Gonçalves

ESCLEROSE MÚLTIPLA. Prof. Fernando Ramos Gonçalves ESCLEROSE MÚLTIPLA Prof. Fernando Ramos Gonçalves Unidade anatômica e funcional do SNC ESCLEROSE MÚLTIPLA Sinonímia: Esclerose em placas Esclerose insular Esclerose disseminada Conceito É uma doença crônica,

Leia mais

Minha filha está ficando uma moça!

Minha filha está ficando uma moça! Minha filha está ficando uma moça! A UU L AL A O que faz as meninas se transformarem em mulheres? O que acontece com seu corpo? Em geral, todos nós, homens e mulheres, somos capazes de lembrar muito bem

Leia mais

Métodos Anticoncepcionais

Métodos Anticoncepcionais Métodos Anticoncepcionais Métodos Anticoncepcionais Chamamos de método contraceptivo (ou método anticoncepcional) toda ação cujo objetivo é impedir ou, pelo menos, reduzir substancialmente a chance de

Leia mais

Abordagem da Criança com Cefaléia. Leticia Nabuco de O. Madeira Maio / 2013

Abordagem da Criança com Cefaléia. Leticia Nabuco de O. Madeira Maio / 2013 Abordagem da Criança com Cefaléia Leticia Nabuco de O. Madeira Maio / 2013 Introdução Epidemiologia: Queixa comum em crianças e adolescentes Elevação da frequência com o aumento da idade Até 12 anos prevalência

Leia mais

Para: Geral AR Âmbito: Outro Nome: Joana Filipa Santos Mensagem: Petição em defesa de todos os doentes portadores de Fibromialgia

Para: Geral AR Âmbito: Outro Nome: Joana Filipa Santos Mensagem: Petição em defesa de todos os doentes portadores de Fibromialgia De: noreply@ar.parlamento.pt [mailto:noreply@ar.parlamento.pt] Enviada: segunda-feira, 21 de Março de 2016 21:11 Para: www Team Assunto: Correio do Cidadão - Petição pública

Leia mais

Brochura de informação para o doente sobre KEYTRUDA. (pembrolizumab)

Brochura de informação para o doente sobre KEYTRUDA. (pembrolizumab) Brochura de informação para o doente sobre KEYTRUDA (pembrolizumab) Este medicamento está sujeito a monitorização adicional. Isto irá permitir a rápida identificação de nova informação de segurança. Poderá

Leia mais

APRESENTAÇÕES Comprimidos com 1,25 mg de tibolona. Embalagens contendo 28 comprimidos.

APRESENTAÇÕES Comprimidos com 1,25 mg de tibolona. Embalagens contendo 28 comprimidos. LIBIAM tibolona APRESENTAÇÕES Comprimidos com 1,25 mg de tibolona. Embalagens contendo 28 comprimidos. USO ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO Cada comprimido contém 1,25 mg de tibolona. Excipientes: amido, palmitato

Leia mais

Aspectos atuais da endometriose e o desafio do diagnóstico precoce

Aspectos atuais da endometriose e o desafio do diagnóstico precoce Aspectos atuais da endometriose e o desafio do diagnóstico precoce Seminário de lançamento da Frente Parlamentar Mista de Luta Contra a Endometriose Congresso Nacional do Brasil Alysson Zanatta Doutor

Leia mais

REDUCLIM. Farmoquímica S/A Comprimidos 1,25 mg. Reduclim_AR060114_Bula Paciente

REDUCLIM. Farmoquímica S/A Comprimidos 1,25 mg. Reduclim_AR060114_Bula Paciente REDUCLIM Farmoquímica S/A Comprimidos 1,25 mg BULA PACIENTE REDUCLIM tibolona APRESENTAÇÃO: Comprimidos tibolona 1,25 mg - embalagem contendo 35 comprimidos. VIA ORAL USO ADULTO COMPOSIÇÃO: Cada comprimido

Leia mais

O QUE VOCÊ DEVE SABER SOBRE DOENÇA METABÓLICA

O QUE VOCÊ DEVE SABER SOBRE DOENÇA METABÓLICA O QUE VOCÊ DEVE SABER SOBRE DOENÇA METABÓLICA ENTENDENDO a doença metabólica A doença metabólica, também chamada de síndrome metabólica ou ainda de plurimetabólica, em geral faz parte de um conjunto de

Leia mais

Curso Teórico Prático para Profissionais de Saúde em Ações de Prevenção do Câncer de Colo Uterino e de Mama

Curso Teórico Prático para Profissionais de Saúde em Ações de Prevenção do Câncer de Colo Uterino e de Mama SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE COORDENADORIA REGIONAL DE SAÚDE LESTE RH / DESENVOLVIMENTO 1 DENOMINAÇÃO Curso Teórico Prático para Profissionais de Saúde em Ações de Prevenção do Câncer de Colo Uterino

Leia mais

ODONTOLOGIA PREVENTIVA. Saúde Bucal. Periodontite. Sua saúde começa pela boca!

ODONTOLOGIA PREVENTIVA. Saúde Bucal. Periodontite. Sua saúde começa pela boca! ODONTOLOGIA PREVENTIVA Saúde Bucal Periodontite. Sua saúde começa pela boca! O que é doença periodontal ou periodontite? ESMALTE DENTINA GENGIVAS POLPA PERIODONTITE OSSO ALVEOLAR CEMENTO NERVOS E VASOS

Leia mais

Sustentação do corpo Proteção dos órgãos nobres Cérebro Pulmões Coração.

Sustentação do corpo Proteção dos órgãos nobres Cérebro Pulmões Coração. ESQUELETO ARTICULAÇÃO LESÕES MUSCULARES, ESQUELÉTICAS E ARTICULARES Sustentação do corpo Proteção dos órgãos nobres Cérebro Pulmões Coração. Junção de ossos (dois ou mais) Estruturas Ligamentos Ligar ossos

Leia mais

União das Associações de Portadores de Psoríase do Brasil. Cenário da Psoríase no Brasil: Uma revisão necessária

União das Associações de Portadores de Psoríase do Brasil. Cenário da Psoríase no Brasil: Uma revisão necessária União das Associações de Portadores de Psoríase do Brasil Cenário da Psoríase no Brasil: Uma revisão necessária Comissão de Assuntos Sociais Senado Federal Brasília, 03 de Junho de 2015 PSORÍASE BRASIL:

Leia mais

Ex-Presidente da Sociedade Goiana de Ginecologia e Obstetrícia. Mestre em Doenças Infecciosas e Parasitárias pelo IPTESP UFG

Ex-Presidente da Sociedade Goiana de Ginecologia e Obstetrícia. Mestre em Doenças Infecciosas e Parasitárias pelo IPTESP UFG Ex-Presidente da Sociedade Goiana de Ginecologia e Obstetrícia Mestre em Doenças Infecciosas e Parasitárias pelo IPTESP UFG Professor da Faculdade de Medicina da UFG. Sociedade Goiana de Ginecologia e

Leia mais

SISTEMA REPRODUTOR. Profª Talita Silva Pereira

SISTEMA REPRODUTOR. Profª Talita Silva Pereira SISTEMA REPRODUTOR Profª Talita Silva Pereira O sistema reprodutor masculino é formado: Testículos Vias espermáticas: epidídimo, canal deferente, uretra. Pênis e Escroto Glândulas anexas: próstata, vesículas

Leia mais

Estresse: Teu Gênero é Feminino... Dr. Renato M.E. Sabbatini Faculdade de Ciências Médicas UNICAMP

Estresse: Teu Gênero é Feminino... Dr. Renato M.E. Sabbatini Faculdade de Ciências Médicas UNICAMP Estresse: Teu Gênero é Feminino... Dr. Renato M.E. Sabbatini Faculdade de Ciências Médicas UNICAMP O nosso amiguinho do dia a dia: Estresse Você é estressada? 1. Sim, muito estressada, sou ansiosa e reajo

Leia mais

Artrite Idiopática Juvenil

Artrite Idiopática Juvenil www.printo.it/pediatric-rheumatology/br/intro Artrite Idiopática Juvenil Versão de 2016 2. DIFERENTES TIPOS DE AIJ 2.1 Existem tipos diferentes da doença? Existem várias formas de AIJ. Distinguem-se principalmente

Leia mais

Profº André Montillo

Profº André Montillo Profº André Montillo www.montillo.com.br Definição: É a causa mais comum de dor musculoesquelética generalizada. É a enfermidade reumática mais frequente Os primeiros relatos datam de 1850, onde os pacientes

Leia mais

LESÃO POR ESFORÇO REPETITIVO (LER)

LESÃO POR ESFORÇO REPETITIVO (LER) LESÃO POR ESFORÇO REPETITIVO (LER) AUTORES LEANDRO FERRO BORGES THIAGO MATHEUS GOMES PACHECO GLAUCIA AVELINA DOS SANTOS MAGNA DE JESUS LEAL ANANDA LIMA HASSAN 1 - Que é LER? O termo LER refere-se a um

Leia mais

FRAQUEZA MUSCULAR. Diagnóstico

FRAQUEZA MUSCULAR. Diagnóstico FRAQUEZA MUSCULAR Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade Física Adaptada e Saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira A fraqueza muscular é um problema comum, mas, freqüentemente, tem significados diferentes

Leia mais

Neurociência e Saúde Mental

Neurociência e Saúde Mental 1 DOR DE CABEÇA, TONTURAS, ENJOO... http://www.atm.hostmidia.com.br/enxaqueca_cefaleia_dor_cabeca.htm O que causa sintomas como, dor de cabeça e a tontura forte e constante, enjoo, a luz incomoda e a vista

Leia mais

19/04/2016. Profª. Drª. Andréa Fontes Garcia E -mail:

19/04/2016. Profª. Drª. Andréa Fontes Garcia E -mail: Profª. Drª. Andréa Fontes Garcia E -mail: andrea@salesiano-ata.br 1 A Obesidade Definida como doença crônica caracterizada pelo excesso de peso corporal Decorre na maior parte dos casos de um desequilíbrio

Leia mais

O QUE VOCÊ DEVE SABER SOBRE ATIVIDADE FÍSICA

O QUE VOCÊ DEVE SABER SOBRE ATIVIDADE FÍSICA O QUE VOCÊ DEVE SABER SOBRE ATIVIDADE FÍSICA 1 a Atividade Física 2013.indd 1 09/03/15 16 SEDENTARISMO é a falta de atividade física suficiente e pode afetar a saúde da pessoa. A falta de atividade física

Leia mais

9º ano em AÇÃO. Assunção contra o mosquito!

9º ano em AÇÃO. Assunção contra o mosquito! Paz e Bem 9º ano em AÇÃO Assunção contra o mosquito! Informações sobre o mosquito Mosquito doméstico Hábitos Reprodução Transmissão vertical DENGUE Transmissão: principalmente pela picada do mosquito

Leia mais

Enfermagem 7º Semestre. Saúde da Mulher. Prof.ª Ludmila Balancieri.

Enfermagem 7º Semestre. Saúde da Mulher. Prof.ª Ludmila Balancieri. Enfermagem 7º Semestre. Saúde da Mulher. Prof.ª Ludmila Balancieri. Menstruação. É a perda periódica que se origina na mucosa uterina, caracterizada por sangramento uterino, que ocorre na mulher desde

Leia mais

Sistema Reprodutor Feminino Isadora Signorini de Souza, Flávia Rios, Thiago Broduk Teixeira, Márcia Helena Mendonça, Ruth Janice Guse Schadeck

Sistema Reprodutor Feminino Isadora Signorini de Souza, Flávia Rios, Thiago Broduk Teixeira, Márcia Helena Mendonça, Ruth Janice Guse Schadeck Sistema Reprodutor Feminino Isadora Signorini de Souza, Flávia Rios, Thiago Broduk Teixeira, Márcia Helena Mendonça, Ruth Janice Guse Schadeck A mídia começa com uma tela inicial com a figura humana feminina

Leia mais

Tensão Pré-menstrual. Sensação que o mundo vai acabar antes da menstruação: é isso que a maioria das mulheres que sofrem de TPM descreve.

Tensão Pré-menstrual. Sensação que o mundo vai acabar antes da menstruação: é isso que a maioria das mulheres que sofrem de TPM descreve. Saúde da Mulher Tensão Pré-menstrual Sensação que o mundo vai acabar antes da menstruação: é isso que a maioria das mulheres que sofrem de TPM descreve. A TPM atinge aproximadamente 75% das mulheres, no

Leia mais

Métodos contracetivos ou anticoncecionais são meios utilizados para evitar uma gravidez não desejada. A contraceção atua de três formas:

Métodos contracetivos ou anticoncecionais são meios utilizados para evitar uma gravidez não desejada. A contraceção atua de três formas: O tema do nosso trabalho é Métodos Contracetivos. Foi-nos proposto pelo professor de Ciências Naturais a propósito dos assuntos leccionados nas aulas, referentes à Sexualidade. O que se pretende com o

Leia mais

Câncer de Colo Uterino

Câncer de Colo Uterino Câncer de Colo Uterino Câncer de Colo Uterino Aspectos conceituais Câncer é o crescimento desordenado (maligno) de células que invadem tecidos e órgãos, podendo espalhar-se (metástase) para outras regiões

Leia mais

Ana Maria da Silva Curado Lins, M.Sc.

Ana Maria da Silva Curado Lins, M.Sc. Ana Maria da Silva Curado Lins, M.Sc. A pele é constituída por inúmeras estruturas que dotam os indivíduos com a sensação do tacto, da pressão, do calor, do frio e da dor. Estes receptores encontram-se

Leia mais

Síndromes de dor nos membros

Síndromes de dor nos membros www.printo.it/pediatric-rheumatology/br/intro Síndromes de dor nos membros Versão de 2016 10. Osteocondrose (sinônimos: osteonecrose, necrose avascular) 10.1 O que é? A palavra "osteocondrite" significa

Leia mais

Curiosidade. Vídeo. Teste. + Saúde. Porque você deve tomar café da manhã. O que você quer ser quando crescer? Qual o seu nível de ansiedade?

Curiosidade. Vídeo. Teste. + Saúde. Porque você deve tomar café da manhã. O que você quer ser quando crescer? Qual o seu nível de ansiedade? Edicão Novembro 2013 Pág. 03 + Saúde Porque você deve tomar café da manhã Teste Qual o seu nível de ansiedade? Vídeo O que você quer ser quando crescer? Curiosidade Guarde seus exames! Pág. 04 Pág. 06

Leia mais

Bom, além disso, existem algumas doenças que são um tanto bizarras e tem alguns

Bom, além disso, existem algumas doenças que são um tanto bizarras e tem alguns 8 sintomas terríveis de doenças mortais A cada ano de vida que nós temos, o nosso corpo nos impressiona cada vez mais, a cada dia que passa nós descobrimos novas coisas sobre o nosso corpo que as vezes

Leia mais

1. Identificação Nome: Está interessado(a) em receber as nossas Newsletters? ( ) Sim ( ) Não Como ficou a conhecer a nossa clínica?

1. Identificação Nome: Está interessado(a) em receber as nossas Newsletters? ( ) Sim ( ) Não Como ficou a conhecer a nossa clínica? Preparação 1ª consulta Anti-envelhecimento Responda ao seu questionário o mais rigorosamente possível porque da exatidão das suas respostas depende a eficácia da nossa consulta e melhor será orientado

Leia mais

Vacina anual. Informação sobre a vacina anual contra a gripe 2010 contra a gripe

Vacina anual. Informação sobre a vacina anual contra a gripe 2010 contra a gripe Vacina anual Informação sobre a vacina anual contra a gripe 2010 contra a gripe Gripe No Inverno aproximadamente uma em cada dez pessoas contraem a gripe. A gripe é causada pelo vírus da gripe, também

Leia mais

EDUCAÇÃO FÍSICA FUNDAMENTAL PROF.ª FRANCISCA AGUIAR 7 ANO PROF.ª JUCIMARA BRITO

EDUCAÇÃO FÍSICA FUNDAMENTAL PROF.ª FRANCISCA AGUIAR 7 ANO PROF.ª JUCIMARA BRITO EDUCAÇÃO FÍSICA 7 ANO PROF.ª JUCIMARA BRITO FUNDAMENTAL PROF.ª FRANCISCA AGUIAR CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade I Tecnologia: Corpo, Movimento e Linguagem na Era da Informação 2 CONTEÚDOS E HABILIDADES

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2009

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2009 PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2009 Altera a Lei nº 11.664, de 29 de abril de 2008, para incluir a pesquisa de biomarcadores entre as ações destinadas à detecção precoce das neoplasias malignas de mama

Leia mais

GRAVE. DEPRESSAo O QUE É A DEPRESSAO GRAVE? A depressão grave é uma condição médica comum e afeta 121 MILHÕES de pessoas em todo o mundo.

GRAVE. DEPRESSAo O QUE É A DEPRESSAO GRAVE? A depressão grave é uma condição médica comum e afeta 121 MILHÕES de pessoas em todo o mundo. APRESENTA GRAVE DEPRESSAo O QUE É A DEPRESSAO GRAVE? Indivíduos com depressão grave geralmente apresentam pelo menos 4 destes sintomas por pelo menos 2 semanas: Estado de ânimo depressivo; * Movimento,

Leia mais

DOS TECIDOS BUCAIS. Periodontopatias. Pulpopatias. Periapicopatias TIPOS: -INCIPIENTE -CRÔNICA -HIPERPLÁSICA. Causada pelo biofilme bacteriano

DOS TECIDOS BUCAIS. Periodontopatias. Pulpopatias. Periapicopatias TIPOS: -INCIPIENTE -CRÔNICA -HIPERPLÁSICA. Causada pelo biofilme bacteriano LESÕES INFLAMATÓRIAS DOS TECIDOS BUCAIS PERIODONTOPATIAS PERIODONTOPATIAS DOENÇAS DO PERIODONTO Periodontopatias Pulpopatias Periapicopatias Inflamação limitada aos tecidos moles que circundam os dentes(tec.peridentais).

Leia mais

VIVER BEM ÂNGELA HELENA E A PREVENÇÃO DO CÂNCER NEOPLASIAS

VIVER BEM ÂNGELA HELENA E A PREVENÇÃO DO CÂNCER NEOPLASIAS 1 VIVER BEM ÂNGELA HELENA E A PREVENÇÃO DO CÂNCER NEOPLASIAS 2 3 Como muitas mulheres, Ângela Helena tem uma vida corrida. Ela trabalha, cuida da família, faz cursos e também reserva um tempo para cuidar

Leia mais

Associação entre síndrome pré-menstrual e transtornos mentais Celene Maria Longo da Silva Gicele Costa Minten Rosângela de Leon Veleda de Souza

Associação entre síndrome pré-menstrual e transtornos mentais Celene Maria Longo da Silva Gicele Costa Minten Rosângela de Leon Veleda de Souza Associação entre síndrome pré-menstrual e transtornos mentais Celene Maria Longo da Silva Gicele Costa Minten Rosângela de Leon Veleda de Souza Denise Petrucci Gigante 1 Síndrome pré-menstrual (SPM) Conjunto

Leia mais

Diapositivo 1. RL1 Raquel Lopes;

Diapositivo 1. RL1 Raquel Lopes; Biologia Humana 11º ano Escola Secundária Júlio Dinis Ovar BIOLOGIA HUMANA 11º ano TD Reprodução Humana??? raquelopes 09 raquelopes15@gmail.com RL1 Diapositivo 1 RL1 Raquel Lopes; 05-01-2009 Biologia Humana

Leia mais

GOIÂNIA, / / PROFESSOR: Mário Neto. DISCIPLINA: Ciências da Natureza SÉRIE: 8º

GOIÂNIA, / / PROFESSOR: Mário Neto. DISCIPLINA: Ciências da Natureza SÉRIE: 8º GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: Mário Neto DISCIPLINA: Ciências da Natureza SÉRIE: 8º ALUNO(a): No Anhanguera você é + Enem Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações:

Leia mais

Veja as respostas do Dr. Maurício Simões Abrão sobre endometriose:

Veja as respostas do Dr. Maurício Simões Abrão sobre endometriose: Fonte: www.atmosferafeminina.com.br Veja as respostas do Dr. Maurício Simões Abrão sobre endometriose: 1 - Sempre menstruei normalmente, tinha um fluxo médio em tono de 5 dias. Desde que parei de tomar

Leia mais

INSTITUIÇÃO: CENTRO UNIVERSITÁRIO DAS FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS

INSTITUIÇÃO: CENTRO UNIVERSITÁRIO DAS FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS 16 TÍTULO: REVISÃO DE CONCEITO CITOMORFOLÓGICO PARA DIAGNÓSTICO DE ADENOCARCINOMA CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: BIOMEDICINA INSTITUIÇÃO: CENTRO UNIVERSITÁRIO DAS FACULDADES

Leia mais

CERTIFICADOS DE QUALIDADE Suplementos Alimentares

CERTIFICADOS DE QUALIDADE Suplementos Alimentares CERTIFICADOS DE QUALIDADE Suplementos Alimentares TÜV O que é um produto certificado? Um produto certificado é aquele que superou com êxito os testes específicos do Grupo TÜV Rheinland em matéria de Segurança

Leia mais

PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS MÉDICO GENERALISTA. Os distúrbios da somatização são caracterizados por, EXCETO:

PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS MÉDICO GENERALISTA. Os distúrbios da somatização são caracterizados por, EXCETO: 12 PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS MÉDICO GENERALISTA QUESTÃO 21 Os distúrbios da somatização são caracterizados por, EXCETO: a) Queixas somáticas recorrentes. b) Duração de queixas por muitos anos.

Leia mais

Profª LETICIA PEDROSO

Profª LETICIA PEDROSO Profª LETICIA PEDROSO É composto por : Dois ovários Sistema reprodutor Duas tubas uterinas Útero Vagina Vulva (órgão genital externo). Tem como função secretar o óvulo (célula sexual) e abrigar e fornecer

Leia mais

24 Afecções do útero, Trompas e Ovários: 25 - Cervites. 26 - Câncer. 27 - Endometriose. 28 - Metropatias não infecciosas. 29 - Fibroma.

24 Afecções do útero, Trompas e Ovários: 25 - Cervites. 26 - Câncer. 27 - Endometriose. 28 - Metropatias não infecciosas. 29 - Fibroma. SISTEMA EDUCACIONAL INTEGRADO CENTRO DE ESTUDOS UNIVERSITÁRIOS DE COLIDER Av. Senador Julio Campos, Lote 13, Loteamento Trevo Colider/MT Site: www.sei-cesucol.edu.br e-mail: sei-cesu@vsp.com.br FACULDADE

Leia mais

Fumo Benefícios para quem deixa de fumar

Fumo Benefícios para quem deixa de fumar Fumo Benefícios para quem deixa de fumar Tabagismo: uma doença Atualmente, o tabagismo é reconhecido como uma doença causada pela dependência de uma droga, a nicotina. O fumante expõe-se a mais de 4.700

Leia mais

A. Ossos B. Articulações. 2 Letícia C. L. Moura

A. Ossos B. Articulações. 2 Letícia C. L. Moura Ossos e Articulações Profa. Letícia Coutinho Lopes Moura Tópicos da aula A. Ossos B. Articulações 2 B. Articulações Artrites 3 Osteoartrite Doença articular degenerativa mais comum Degeneração cartilagem

Leia mais

Hemangiomas: Quando operar e quando observar Orlando Jorge M.Torres Nucleo de Estudos do Fígado F - UFMA

Hemangiomas: Quando operar e quando observar Orlando Jorge M.Torres Nucleo de Estudos do Fígado F - UFMA Hemangiomas: Quando operar e quando observar Orlando Jorge M.Torres Nucleo de Estudos do Fígado F - UFMA Lesões Benignas do FígadoF Tumores Epiteliais Hepatocelular Hiperplasia nodular focal Hiperplasia

Leia mais

Doença de Crohn. Grupo: Bruno Melo Eduarda Melo Jéssica Roberta Juliana Jordão Luan França Luiz Bonner Pedro Henrique

Doença de Crohn. Grupo: Bruno Melo Eduarda Melo Jéssica Roberta Juliana Jordão Luan França Luiz Bonner Pedro Henrique Doença de Crohn Grupo: Bruno Melo Eduarda Melo Jéssica Roberta Juliana Jordão Luan França Luiz Bonner Pedro Henrique A doença de Crohn (DC) é considerada doença inflamatória intestinal (DII) sem etiopatogenia

Leia mais

EXAMES LABORATORIAIS PROF. DR. CARLOS CEZAR I. S. OVALLE

EXAMES LABORATORIAIS PROF. DR. CARLOS CEZAR I. S. OVALLE EXAMES LABORATORIAIS PROF. DR. CARLOS CEZAR I. S. OVALLE EXAMES LABORATORIAIS Coerências das solicitações; Associar a fisiopatologia; Correlacionar os diversos tipos de exames; A clínica é a observação

Leia mais

Minha Saúde Análise Detalhada

Minha Saúde Análise Detalhada MODELO DE RELATÓRIO / Identificação de cliente: 1980M32 Data: 07/03/2016 Seu Peso = 79,0 kg Minha Saúde Análise Detalhada Seu peso está na categoria: Saudável sua altura é 180 cm, você tem 35 anos de idade

Leia mais

LIBIAM (tibolona) Comprimidos 2,5 mg. Libbs Farmacêutica Ltda.

LIBIAM (tibolona) Comprimidos 2,5 mg. Libbs Farmacêutica Ltda. LIBIAM (tibolona) Comprimidos 2,5 mg Libbs Farmacêutica Ltda. 1 LIBIAM tibolona MEDICAMENTO SIMILAR EQUIVALENTE AO MEDICAMENTO DE REFERÊNCIA APRESENTAÇÕES Comprimidos contendo 2,5 mg de tibolona. Embalagem

Leia mais

CENÁRIO DO CÂNCER DE MAMA

CENÁRIO DO CÂNCER DE MAMA OUTUBRO ROSA Outubro Rosa é uma campanha de conscientização que tem como objetivo principal alertar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama.

Leia mais

SISTEMA CARDIOVASCULAR. Prof. Jair

SISTEMA CARDIOVASCULAR. Prof. Jair SISTEMA CARDIOVASCULAR Prof. Jair FUNÇÕES Transporte de gases dos pulmões aos tecidos e dos tecidos aos pulmões Transporte dos nutrientes das vias digestivas aos tecidos Transporte de toxinas Distribuição

Leia mais

Depressão em mulheres

Depressão em mulheres Depressão em mulheres Por que a depressão é maior em mulheres? O que é depressão? A depressão é um distúrbio de alteração do humor sério e por vezes incapacitante. Causa sentimentos de tristeza, desespero,

Leia mais

O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE A "SÍNDROME DE FADIGA CRÔNICA"

O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE A SÍNDROME DE FADIGA CRÔNICA Texto de apoio ao curso de Especialização Atividade física adaptada e saúde Prof. Dr. Luzimar Teixeira O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE A "SÍNDROME DE FADIGA CRÔNICA" Se você vem, nos últimos meses, sendo

Leia mais

NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO DOS SERES VIVOS E PRINCIPAIS TIPOS DE TECIDOS

NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO DOS SERES VIVOS E PRINCIPAIS TIPOS DE TECIDOS NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO DOS SERES VIVOS E PRINCIPAIS TIPOS DE TECIDOS Profª MSc Monyke Lucena Átomos Compostos químicos Célula Tecidos Órgão Sistema Organismo Os animais apresentam diferentes tipos de tecidos,

Leia mais

Recente estudo realizado na Universidade de Alberta (Canadá), dirigido pela cientista

Recente estudo realizado na Universidade de Alberta (Canadá), dirigido pela cientista Fazer sexo oral dá sensação de poder às mulheres, diz estudo \"Nos resultados da pesquisa o sexo oral foi associado a emoções positivas. Macalad cita em seu estudo que cerca de 30% das mulheres acham que

Leia mais

Vacinação contra o HPV

Vacinação contra o HPV Vacinação contra o HPV Meleiro, março de 2014 Enfermeira Cristiane Sec Mun Saúde de Meleiro. ESF Papiloma Vírus Humano - HPV O HPV é um vírus (papilomavírus humano) transmitido pelo contato direto com

Leia mais

Níveis estruturais do corpo humano

Níveis estruturais do corpo humano Níveis estruturais do corpo humano O corpo humano como um sistema aberto SISTEMA Conjunto de componentes que funcionam de forma coordenada. ISOLADO FECHADO ABERTO Não ocorrem trocas de matéria nem energia

Leia mais

ANEXO 01 (Conteúdo do EXIN Fisioterapia - Campus Mossoró) 3ª série

ANEXO 01 (Conteúdo do EXIN Fisioterapia - Campus Mossoró) 3ª série - Semiologia Geral ANEXO 01 (Conteúdo do EXIN 2016.1 Fisioterapia - Campus Mossoró) 3ª série - Generalidades sobre diagnóstico e avaliação AVALIAÇÃO DIAGNOSTICA EM II - Avaliação da coluna (postura) -

Leia mais

Tipos de Anticoncepcionais

Tipos de Anticoncepcionais Tipos de Anticoncepcionais Dr. Orlando de Castro Neto Métodos anticoncepcionais ou métodos contraceptivos são maneiras, medicamentos e dispositivos usados para evitar a gravidez. Muitas vezes o método

Leia mais

MODELO DE DIZERES DE BULA. IMOXY imiquimode

MODELO DE DIZERES DE BULA. IMOXY imiquimode MODELO DE DIZERES DE BULA IMOXY imiquimode FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO Creme dermatológico embalagem contendo 6 ou 12 sachês com 250 mg. USO ADULTO USO TÓPICO COMPOSIÇÃO Cada g do creme dermatológico

Leia mais

Carteira de VETPRADO. Hospital Veterinário 24h.

Carteira de VETPRADO. Hospital Veterinário 24h. Carteira de Carteira de VETPRADO Hospital Veterinário 24h www.vetprado.com.br Esquema de VacinaçãoGatos V5 Panleucopenia - Rinotraqueíte - Calicivirose Clamidiose - Leucemia Felina 90Dias 111Dias Raiva

Leia mais

Temporária - PIT concedidos pela ASAGOL no período de Janeiro/2013 à Julho/2014

Temporária - PIT concedidos pela ASAGOL no período de Janeiro/2013 à Julho/2014 Planos por Incapacidade Temporária - PIT concedidos pela ASAGOL no período de Janeiro/2013 à Julho/2014 1 Ana Paula Pereira Este estudo tem como objetivo apresentar ao grupo os principais acometimentos

Leia mais

I SIMPÓSIO DE ATUAÇÃO MULTIDISCIPLINAR EM OBESIDADE, CIRURGIA BARIÁTRICA E METABÓLICA

I SIMPÓSIO DE ATUAÇÃO MULTIDISCIPLINAR EM OBESIDADE, CIRURGIA BARIÁTRICA E METABÓLICA I SIMPÓSIO DE ATUAÇÃO MULTIDISCIPLINAR EM OBESIDADE, CIRURGIA BARIÁTRICA E METABÓLICA Avaliação, diagnóstico e acompanhamento do paciente no pré e pós operatório REALIZAÇÃO APOIO JUSTIFICATIVA É crescente

Leia mais

Código Inquérito sobre efeitos adversos de medicamentos usados na enxaqueca

Código Inquérito sobre efeitos adversos de medicamentos usados na enxaqueca ANEXO Código Inquérito sobre efeitos adversos de medicamentos usados na enxaqueca Laboratório de Farmacologia Consultas externas de Cefaleias Faculdade de Farmácia de Coimbra Hospitais da Universidade

Leia mais

TÍTULO: ASSISTÊNCIA BÁSICA NA PREVENÇÃO DE DOENÇAS CRÔNICAS ATRAVÉS DO PAPANICOLAU

TÍTULO: ASSISTÊNCIA BÁSICA NA PREVENÇÃO DE DOENÇAS CRÔNICAS ATRAVÉS DO PAPANICOLAU Anais do Conic-Semesp. Volume 1, 2013 - Faculdade Anhanguera de Campinas - Unidade 3. ISSN 2357-8904 TÍTULO: ASSISTÊNCIA BÁSICA NA PREVENÇÃO DE DOENÇAS CRÔNICAS ATRAVÉS DO PAPANICOLAU CATEGORIA: EM ANDAMENTO

Leia mais