UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS DEPARTAMENTO DE COMPUTAÇÃO GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS DEPARTAMENTO DE COMPUTAÇÃO GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO"

Transcrição

1 UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS DEPARTAMENTO DE COMPUTAÇÃO GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO GOVERNANÇA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO GUSTAVO FRANCO PORTO GOIÂNIA 2007

2 UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS DEPARTAMENTO DE COMPUTAÇÃO GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO GOVERNANÇA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Trabalho de Projeto Final de Curso apresentado por Gustavo Franco Porto à Universidade Católica de Goiás, como parte dos requisitos para a obtenção do título de Bacharel em Ciência da Computação aprovado em / / pela Banca examinadora: Professora Adriana Silveira, Msc. UCG Orientadora Professor André Luiz Alves, Esp. UCG Professor Vicente Paulo de Camargo, Msc. UCG i

3 GOVERNANÇA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO GUSTAVO FRANCO PORTO Trabalho de Projeto Final de Curso apresentado por Gustavo Franco Porto à Universidade Católica de Goiás, como parte dos requisitos para obtenção do título de Bacharel em Ciência da Computação. Professora Adriana Silveira de Souza Orientadora Professor, MsC. Coordenador de Projeto Final de Curso ii

4 AGRADECIMENTOS Primeiramente a Deus, o autor da existência, pois sem ele nada é possível. À minha família, por serem as pessoas mais importantes da minha vida. À professora Adriana Silveira, orientadora acadêmica, pelo apoio e auxílio no aprendizado e desenvolvimento do projeto. A todos os professores e colegas de graduação, por terem feito parte da minha vida durante todos esses anos. iii

5 (DEDICATÓRIA) Aos meus pais pela educação, amor e carinho. Aos meus irmãos e amigos. iv

6 RESUMO O trabalho de pesquisa executado teve como objetivo o conhecimento e entendimento do conceito de Governança de Tecnologia da Informação (TI). Foi realizado o estudo sobre uma estrutura de controle de Governança de TI, o CobiT, e uma estrutura de processos para Gerência de Serviços de TI, o ITIL. Posteriormente, foi realizado um alinhamento dessas duas estruturas de forma a aperfeiçoar a implementação da Governança de TI. O objetivo principal é demonstrar que diante das várias opções de estruturas de Governança de TI que temos disponíveis no mercado, nós podemos realizar uma combinação entre elas, criando uma estrutura de Governança de TI mais consistente e eficaz. Palavras-Chave: Governança Corporativa, Governança de TI, CobiT, ITIL. v

7 ABSTRACT The main objective of this research is the knowing and comprehensionship of the concept of Information Technology (IT) Governance. The study about a control structure of IT Governance, the CobiT, and a process structure of IT Service Management, the ITIL, was realized. Thereafter, an align between CobiT and ITIL was made in order to improve the implementation of IT Governance. The main objective is to recognize that we can use the many structures of IT Governance existents in combination in order to create an IT Governance structure more consistent and powerful. Key Words: Corporation Governance, IT Governance, CobiT, ITIL. vi

8 GOVERNANÇA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SUMÁRIO LISTA DE FIGURAS x LISTA DE TABELAS xi LISTA DE ABREVIATURAS E SIGLAS xii 1. INTRODUÇÃO CARACTERIZAÇÃO DO PROBLEMA OBJETIVOS DO PROJETO ESTRUTURA E CONTEÚDO DO TRABALHO 2 2. GOVERNANÇA GOVERNANÇA CORPORATIVA GOVERNANÇA DE TI Framework de Governança de TI Fatores que justificam uma boa Governança de TI COBIT FOCO NO NEGÓCIO Critérios de informação Recursos de TI ORIENTADO A PROCESSOS 20 vii

9 PO Planejar e Organizar (Plan and Organization) AI Adquirir e Implementar (Acquire and Implement) DS Entregar e Apoiar (Delivery and Suport) ME Monitorar e Avaliar (Monitor and Evaluate) BASEADO EM CONTROLES GUIADO POR MEDIÇÕES Modelos de maturidade Medidas de desempenho ITIL ORGANIZAÇÕES ENVOLVIDAS OGC (CCTA) ITSMF EXIN e ISEB A ESTRUTURA DO ITIL A Perspectiva do Negócio Gerenciamento da Aplicação Gerência da Infra-estrutura da Tecnologia de Informação e Comunicações (TIC) Entrega do Serviço Gerência de Nível de Serviço Gerência Financeira de Serviços de TI Gerência de Capacidade Gerência de Continuidade de Serviço de TI Gerência de Disponibilidade Suporte do Serviço Central de Serviços (Service Desk) Gerência de Incidente Gerência de Problema Gerência de Configuração Gerência de Mudança 46 viii

10 Gerência de Liberação ALINHAMENTO ENTRE COBIT E ITIL CONCLUSÃO REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS BIBLIOGRAFIA 57 ix

11 LISTA DE FIGURAS Figura 1 Framework básico de Governança de TI 8 Figura 2 Matriz de Arranjo de Governança 9 Figura 3 Matriz de Arranjo de Governança na UPS 12 Figura 4 Framework básico de Governança de TI da JP Morgan Chase 13 Figura 5 Visão geral do framework do CobiT 18 Figura 6 Modelo de controle 23 Figura 7 A estrutura do ITIL 30 Figura 8 Pessoas, processos, tecnologia e fornecedores 33 Figura 9 Gerência de aplicação 35 Figura 10 Desenvolvimento da Gerência de TIC 36 Figura 11 Aumento dos custos de gerenciamento 37 Figura 12 Relacionamento da Gerência de Nível de Serviço / Cliente 39 Figura 13 Gerência de capacidade Equilíbrio 42 x

12 LISTA DE TABELAS Tabela 1 Objetivos de Controle de Alto-nível do CobiT x Processos do ITIL 48 Tabela 2 Processos do ITIL x Objetivos de Controle Detalhados do Cobit 53 xi

13 LISTA DE ABREVIATURAS E SIGLAS AICPA CCTA CMDB CICA CobiT COSO DTI EDIFACT ESF EXIN GAO IC ICT IFAC IIA ISACA ISACF ISEB American Institute of Certified Public Accountants Central Computer and Telecommunications Agency Configuration Management DataBase Canadian Institute of Chartered Accountants Control Objective for Information and related Tecnology Committee of Sponsoring Organizations of the Treadway Commission Department of Trade and Industry Electronic Data Interchange For Administration Commerce And Transport European Social Forum Exameninstituut voor Informatica Government Auditing Standards Itens de Configuração Information and Communications Technology International Federation of Accountants Institute of Internal Auditors Information Systems Audit and Control Association Information Systems Audit and Control Fundation Information Systems Examination Board xii

14 ISO ITIL ITIMF ITSCM ITSEC ITSMF KGI KPI NIST OECD OGC PI RFC ROA SLA SLM SOX TCO TCSEC TI TIC UPS International Standard Organization Information Technology Infrastructure Library. Information Technology Infrastructure Management Forum IT Service Continuity Management Information Technology Security Evaluation Criteria Information Technology Service Management Forum Key Goal Indicator Key Performace Indicator National Institute of Standards and Technology Organization for Economic Cooperation and Development Office of Government Commerce Propriedade Intelectual Request For Change Return on Assets Service Level Agreement Service Level Management Sarbanes-Oxley Total Cost of Ownership Trusted Computer System Evaluation Criteria Tecnologia da Informação Tecnologia de Informação e Comunicações United Parcel Service xiii

15 1 GOVERNANÇA DE TI 1. INTRODUÇÃO O termo governança tem ganhado bastante destaque no mundo corporativo. Cada vez mais as empresas estão investindo em formas para tirar o máximo de proveito de seus ativos. Através da governança as empresas conseguem ter mais controle sobre as suas decisões, identificando quais são as decisões que devem ser tomadas, quem são as pessoas mais capacitadas e as formas mais viáveis para tomá-las. A Governança Corporativa é uma área que trata da gestão da organização como um todo, através de um relacionamento entre todos os responsáveis pela organização, utilizandose processos e estruturas organizacionais. Atualmente, a Tecnologia da Informação está cada vez mais presente nas organizações, consequentemente, aumentando a complexidade da sua gestão. Dentro do escopo da Governança Corporativa, encontramos a Governança de Tecnologia da Informação, que irá tratar de formas de governança específicas para o que estiver relacionado com a TI. [1] 1.1. CARACTERIZAÇÃO DO PROBLEMA Através de uma Governança da TI eficaz podemos solucionar vários problemas relacionados com a gestão da Tecnologia da Informação, como por exemplo, o alinhamento dos objetivos da TI com os objetivos do negócio. É muito importante que a TI esteja presente na organização de forma a atender ao negócio de uma forma eficiente e com o menor custo possível. Os investimentos em Tecnologia da Informação são caros e muitas vezes a organização não consegue enxergar o quanto um investimento em TI foi importante para o negócio, em se tratando de valores monetários. Devido a isso muitas vezes a organização perde por investir muito em TI de uma forma desnecessária, ou então por não realizar investimentos de TI que poderiam dar um bom retorno para o seu negócio. [1]

16 OBJETIVOS DO PROJETO O objetivo deste trabalho é abordar os conceitos de guias que vêm ganhando bastante espaço na área da Governança de TI, o CobiT e o ITIL. O CobiT e o ITIL são guias formulados em uma estrutura de documentos (framework), onde são descritos os recursos que cada uma oferece. Posteriormente fazer um alinhamento entre esses dois guias, mostrando como uma pode dar suporte à outra de forma a obter uma melhor Governança de TI ESTRUTURA E CONTEÚDO DO TRABALHO No capítulo 2 deste trabalho são tratados conceitos de Governança, com uma pequena abordagem sobre a Governança Corporativa e um foco maior na Governança de TI. No capítulo 3 é feito uma abordagem sobre o CobiT. O CobiT é um guia para a Governança de TI baseado em processos de controle. Ele não trata de regras e procedimentos, mas estabelece objetivos de controles que cada processo deverá alcançar. No capítulo 4 é feito uma abordagem sobre o ITIL, que é uma biblioteca de boas práticas de Gerência de Serviços de TI. O ITIL especifica várias práticas baseadas em experiências e conhecimentos de pessoas e organizações que atuam na área de TI. Pode-se dizer que ele está um nível abaixo do CobiT, especificando regras e práticas para os processos de Gerência de Serviços de TI. No capítulo 5 é realizado um alinhamento entre o ITIL e o CobiT. O CobiT como uma estrutura de controle pode oferecer um suporte para os processos do ITIL através de seus objetivos de controle, podendo dessa forma criar uma Governança de TI mais consistente e eficaz.

17 4 2. GOVERNANÇA 2.1. GOVERNANÇA CORPORATIVA O termo Governança Corporativa passou a ser mais conhecido no mundo dos negócios após os vários escândalos que ocorreram em meados de 2002, em grandes empresas como a Enron, WorldCom, Tyco, onde foram descobertas fraudes que tiveram grandes impactos financeiros afetando diretamente a confiança dos investidores. Como uma tentativa de recuperar essa confiança perdida e atrair investimentos, as empresas passaram a dar mais atenção à Governança Corporativa. Atualmente, grandes instituições consideram a Governança Corporativa tão importante quanto os indicadores financeiros na hora de tomar decisões sobre investimentos. A Governança Corporativa é o meio pelo qual uma empresa é gerida e controlada através de um relacionamento entre acionistas, conselhos, diretores e auditores independentes, através de processos e estruturas organizacionais. Uma empresa possui vários ativos que necessitam de governança para que haja uma coerência entre o negócio e as suas estratégias. Dentre esses vários ativos, podemos citar:

18 5 - Ativos humanos: pessoas, habilidades, planos de carreira, treinamento, relatório, mentoring, competências etc; etc; - Ativos financeiros: dinheiro, investimentos, passivo, fluxo de caixa, contas a receber - Ativos físicos: prédios, fábricas, equipamentos, manutenção, segurança, utilização etc; - Ativos de PI: Propriedade Intelectual (PI), incluindo o know-how de produtos, serviços e processos devidamente patenteado, registrando ou embutindo nas pessoas e nos sistemas da empresa; - Ativos de TI (Tecnologia da Informação): dados digitalizados, informações e conhecimentos sobre clientes, desempenho de processos, finanças, sistemas de informação; - Ativos de relacionamento: relacionamentos dentro da empresa, bem como relacionamentos, marca e reputação junto a clientes, fornecedores, unidades de negócio, órgãos reguladores, concorrentes, revendas autorizadas etc GOVERNANÇA DE TI A Governança de Tecnologia da Informação refere-se aos aspectos da Governança Corporativa que diz respeito aos processos de TI. De uma forma geral, ela visa orientar os processos de TI de forma a atender corretamente os objetivos do negócio. A Governança de TI representa uma grande parcela da Governança Corporativa, uma vez que a TI está presente em praticamente todas as áreas da corporação. De todos os ativos que uma corporação administra, a Tecnologia da Informação pode ser considerada um dos mais complexos. Existem vários problemas que uma empresa enfrenta ao administrar a TI, como por exemplo:

19 6 - as dificuldades de fazer com que os sistemas de TI acompanhem as constantes mudanças que acontecem nos negócios; - a dificuldade de se medir o retorno dos investimentos da TI, que acaba gerando certa desconfiança nas decisões de investimentos da direção da empresa, podendo fazer com que boas oportunidades sejam perdidas; - a falta de compreensão do papel que a TI assume na empresa; empresa. - a dificuldade de criar um alinhamento das decisões de TI com o plano estratégico da A Governança da TI é uma prática poderosa para dar suporte a uma boa administração da TI e tem crescido nas empresas que têm necessidades de mostrar transparência nos processos, principalmente após a edição de legislações e normas como a Sarbanes-Oxley e Basiléia II. A Sarbanes-Oxley, também conhecida atualmente como SOX, é uma lei americana, assinada em 30 de julho de 2002, pelos senadores Paul Sarbanes (Democrata de Maryland) e Michael Oxley (Republicano de Ohio). Ela foi criada com a finalidade de garantir a confiabilidade dos mecanismos de auditoria e segurança nas empresas, para que se possa diminuir os riscos ao negócio, evitar a ocorrência de fraudes ou oferecer formas de identificá-las quando ocorrem. De uma forma geral, ela visa garantir a transparência na gestão das empresas. O Novo Acordo de Capital da Basiléia, ou Basiléia II, estabelece todas as diretrizes para que os bancos gerenciem seus riscos de crédito. O Basiléia II não afeta apenas os bancos, mas todas as organizações. Especificamente, o acordo determina que as organizações demonstrem sua capacidade de cumprir com suas obrigações de pagamento. Uma boa estrutura de Governança permite que as empresas entendam melhor qual o papel da TI na corporação e possam trabalhar a TI de forma que ela esteja voltada para atingir os seus objetivos estratégicos. Ela também é fundamental no processo decisório da TI, permitindo

20 7 que as decisões sejam distribuídas em toda a corporação, e não só entre a alta gerência, e ao mesmo tempo mantendo-o coerente com as estratégias da empresa. É possível obter uma melhor gerência e medição dos investimentos e do retorno da TI através de algumas métricas. A cada implementação da Governança de TI ela ganha maturidade tornando-se cada vez mais eficaz e trazendo maiores retornos para a empresa. Entende-se por Governança de TI: a especificação dos direitos decisórios e do framework de responsabilidades para estimular comportamentos desejáveis. [1] É importante ressaltar a diferença entre Governança e Administração, a Governança vai determinar quem são os responsáveis pelas tomadas de decisões, enquanto a Administração é o processo de tomar e implementar essas decisões. Uma Governança de TI eficaz deve tratar no mínimo três questões: 1 Quais decisões devem ser tomadas para garantir a gestão e o uso eficazes da TI? 2 Quem são os responsáveis por tomar essas decisões? 3 De que forma essas decisões são tomadas e monitoradas? Existem várias formas de aplicar o conceito de Governança de TI. Essas formas são denominadas framework de governança. Um framework, ou seja, uma estrutura de suporte definida, é algo como o caminho das pedras, o lugar por onde, ao caminharmos, estaremos predestinados a atingir o nosso objetivo, simplesmente por ele existir baseado em experiências, testes, fatos e comprovação da excelência de sua qualidade Framework de Governança de TI A seguir é descrito um framework de Governança de TI simples que se pode utilizar para alcançar respostas para essas três perguntas básicas da Governança de TI.

21 8 Figura 1 Framework básico de Governança de TI. [10] Basicamente, a estratégia e organização da empresa definem os comportamentos desejáveis da TI. Os arranjos de governança são criados com a finalidade de dar suporte às estratégias. Os arranjos definem direitos decisórios para as decisões-chaves de TI. A eficácia das estratégias e de sua combinação de arranjos de governança reflete-se em sua capacidade de atingir as metas de desempenho de negócio declaradas, que por sua vez, são avaliadas através de métricas e responsabilidades que são atribuídas à TI Matriz de Arranjo de Governança A Matriz de Arranjo de Governança, figura 2, é um guia fornecido pelo framework para que possamos responder às duas primeiras questões da Governança de TI. A Matriz de Arranjos de Governança especifica cinco decisões chaves que possuem uma ligação forte entre si. A arquitetura de TI é estruturada com base nos princípios da TI definidos pela organização e leva à construção de uma infra-estrutura de TI. A Infra-estrutura capacita o desenvolvimento de aplicações com base nas necessidades do negócio, e os investimentos de TI devem ser motivados por todas as outras quatro decisões.

22 9 Figura 2 Matriz de Arranjo de Governança. [10] Os princípios de TI são declarações de alto-nível sobre como a TI é utilizada no negócio. Eles estabelecem uma postura empresarial. Como exemplos de princípios de TI: Assegurar a integridade das informações, Utilizar as normas da empresa, Reutilizar antes de comprar, comprar antes de desenvolver. A arquitetura de TI é a organização lógica dos dados, aplicações e infra-estruturas, definidas a partir de um conjunto de políticas, relacionamentos e opções técnicas adotadas para obter a padronização e a integração técnica e de negócio desejadas. A infra-estrutura de TI são os serviços de TI coordenados de maneira centralizada e compartilhados, que provêm a base para a capacidade de TI da empresa. As decisões sobre necessidade de aplicações de negócio dizem respeito à necessidade de aplicações de TI, adquirida no mercado ou desenvolvida internamente para dar suporte ao negócio. As decisões sobre Priorização e Investimentos da TI determinam quanto e onde investir em TI, incluindo a aprovação de projetos e as técnicas de justificação.

23 10 Para cada uma dessas questões existe uma pessoa ou um grupo de pessoas que são responsáveis por tomá-las. A Governança de TI especifica além de quem tomará as decisões, quem contribuirá para que elas sejam tomadas. A Matriz de Arranjos de Governança utiliza seis modelos para definir os responsáveis pelas tomadas de decisões de cada uma das cinco decisões chaves de TI. Quanto mais se desce nas linhas da Matriz de Governança, mais descentralizadas serão as tomadas de decisões. Esses modelos são baseados em modelos políticos, os executivos das empresas se identificam bastante com eles. - Monarquia de negócio: refere-se aos altos executivos de negócio da corporação. Inclui comitês de executivos seniores de negócio; - Monarquia de TI: pessoas ou grupos de executivos de TI; - Feudalismo: cada uma das unidades de negócio tomam decisões independentes, pode ser formado pelos líderes das unidades de negócio ou detentores de processos-chave; - Federalismo: combinação entre o centro corporativo e as unidades de negócio, com ou sem participação do pessoal de TI; - Duopólio de TI: o grupo de TI e mais algum outro grupo (por exemplo, a alta gerência ou os líderes das unidades de negócio); - Anarquia: tomadas de decisões individuais ou por pequenos grupos de forma isolada. A Matriz de Arranjos de Governança deve ser construída levando-se em consideração os objetivos estratégicos da corporação, pois dependendo da forma que ela for elaborada irá produzir comportamentos diferentes. Portanto não existe um jeito certo de se construir a Matriz de Arranjos, o processo de tomada de decisões varia de empresa para empresa. Estudos de caso constataram que existem arranjos que são mais utilizados e que proporcionam bons desempenhos nas corporações, porém existem empresas que utilizam arranjos bem diferentes dos arranjos mais usados, e também possuem bons desempenhos na Governança, e às vezes até melhores do que as

24 11 empresas que utilizam os arranjos mais comuns. O segredo para o bom desempenho é elaborar a matriz de acordo com as metas estratégicas da empresa Mecanismos de Governança Com a Matriz de Arranjos de Governança solucionam-se as duas primeiras questões referentes à Governança de TI. Para solucionar a terceira questão como essas decisões são tomadas e monitoradas é necessário definir e implementar mecanismos de governança. Uma governança de TI eficaz adota três tipos diferentes de mecanismos: - Estruturas de tomadas de decisões: são estruturas que definem papéis organizacionais responsáveis por tomar decisões de TI, como por exemplo, comitês, equipes executivas e gerentes de relacionamento entre negócios e TI; - Processos de alinhamento: processos formais que garantem que os comportamentos cotidianos sejam consistentes com as políticas de TI e contribuam com as decisões. Incluem processos de avaliação e proposta de investimentos em TI, processos de exceções de arquitetura, acordos de nível de serviço, cobrança reversa e métricas; - Abordagens de comunicação: Comunicados, porta-vozes, canais e esforços de educação que disseminam os princípios e as políticas da Governança de TI e os resultados dos processos decisórios Estrutura de Governança na UPS Segundo a UPS (United Parcel Service), uma multinacional americana especializada no ramo de logística, tornar a TI um ativo competitivo requer a liderança da alta gerência. As estruturas de Governança da TI da UPS criam um controle estratégico no topo da corporação, ao mesmo tempo em que fortalece a tomada de decisões em vários níveis organizacionais. A alta gerência torna transparente a Governança de TI, fazendo com que todos compreendam o processo de propor, implementar e utilizar a Tecnologia da Informação. Através disso, a UPS

25 12 consegue gerar comportamentos desejáveis no que diz respeito à administração e à utilização interna da TI, e isso transparece nos lucros da empresa. [10] A Figura 3 mostra o arranjo de governança da UPS, em uma versão simples de Matriz de Arranjos de Governança. A empresa gerou minuciosamente sua Governança de TI procurando torná-la transparente para todos os executivos graças a seus mecanismos coordenados. Segundo a UPS, as decisões de princípios de TI e de investimentos de TI são delegadas aos altos gerentes da corporação, pelo fato de estarem mais fortemente relacionadas ao negócio. As decisões mais técnicas como a arquitetura de TI e a infra-estrutura de Ti são direcionadas aos altos líderes de TI. Já as decisões sobre aplicações de negócio são tomadas pelos líderes das unidades de negócio da corporação. É bom lembrar que não existe uma distribuição correta de direitos decisórios, esse arranjo de governança foi criado pela UPS de forma a atender às suas estratégias de negócio, portanto cada empresa deverá adaptá-lo às suas necessidades. Figura 3 Matriz de Arranjo de Governança na UPS.

26 A Governança de TI da JP Morgan Chase no Framework Básico A JP Morgan Chase & Co. é uma sociedade gestora de participações sociais incorporada sob a lei de Delaware em 1968 e sediada em Nova Iorque, é a firma líder mundial em serviços financeiros e uma das maiores instituições bancárias dos Estados Unidos da América. Atualmente, ela opera em mais de cinqüenta países. O framework de Governança de TI da JP Morgan Chase é descrito na figura 4. [10] Estratégias e Organização da Empresa - Construir excelência em linhas de negócios individuais; - Prover soluções integradas aos clientes; - Melhorar a eficiência; - Beneficiar-se de economias de escala; - Desenvolver a cultura uma firma uma equipe ; - Aumentar a transparência e a responsabilidade. Organização de TI e comportamentos desejáveis - Desenvolver aplicações únicas para as unidades de negócio; - Criar uma infra-estrutura compartilhada; - Simplificar a arquitetura geral da firma para facilitar o compartilhamento, a integração e reutilização; - Implementar padrões técnicos e de gestão de projetos, incluindo six sigma. Arranjos de Governança de TI O Comitê Executivo de Tecnologia e o Conselho de Tecnologia decide: - Princípios de TI; - Investimentos de TI; O Conselho de Tecnologia e os parceiros de negócios decidem; - Estratégias e prioridades de TI; - Padrões de TI; Os negócios decidem; - Necessidades de aplicações. Mecanismos de Governança de TI - CIO no Comitê Executivo; - Vice-chairs no Comitê Executivo de Tecnologia; - CIOs das unidades de negócio e líderes de infra-estrutura formam o conselho de Tecnologia; - Conselhos de Arquitetura e Engenharia definem os padrões de tecnologia. Metas de Desempenho do Negócio - Métricas distintas para cada unidade de negócio; - Nova linguagem e cultura (e.g., comprar-mantervender ); - Retenção de clientes, venda cruzada, recrutamento. Métricas e Responsabilidades de TI - Processo orçamentário do encolher para crescer ; - Métricas distintas para cada unidade de negócio; - ROI para investimentos; - Número reduzido de produtos de TI utilizados e eliminação de produtos não aprovados; - Certificação na metodologia padrão de projetos. Figura 4 Framework básico de Governança de TI da JP Morgan Chase. Um dos grandes problemas na implementação da Governança de TI é que nem todos os altos executivos conseguem explicar a Governança. Isso é um problema porque se eles não conseguem explicar como funciona a Governança na sua corporação, também não conseguem segui-la corretamente. Estudos demonstram que uma das formas mais eficaz de analisar o

27 14 desempenho da Governança de TI em uma corporação é a porcentagem de administradores em cargos de liderança que conseguem descrevê-la precisamente. Uma Governança de TI eficaz exige tempo e comprometimento da administração da corporação. Cada vez mais cresce a dependência da TI pelas empresas, por isso, é preciso estruturas bem definidas de Governança para manter o alinhamento entre os negócios e a TI. É muito importante que todos na organização tenham conhecimento das estruturas de Governança de TI da empresa, principalmente a alta gerência Fatores que justificam uma boa Governança de TI Existem vários motivos para que as corporações se comprometam em implementar uma Governança de TI eficaz. Estudos feitos em empresas que seguiam uma mesma estratégia de negócios mostram que, as empresas que tinham um desempenho de Governança de TI acima da média, tinham um Retorno Sobre Ativo (ROA Return On Assets) superior em até 20 %. Investimentos em Tecnologia da Informação são caros. Investimentos empresariais médios em TI excedem hoje 4,2% da receita bruta e continuam subindo. É preciso cada vez mais um controle e gerência maior para garantir que esse investimento não seja feito em vão. A Governança de TI pode auxiliar bastante as corporações à direcionar melhor seus gastos com a TI. A TI está se tornando cada vez mais pervasiva, ou seja, está em todo lugar e a todo o momento. Antigamente solicitações de gastos com TI vinham apenas do grupo de TI, hoje em dia os gastos com a TI originam-se de todas as partes da empresa. Além disso, não é só o grupo de TI que entendem da área, existem outros cargos que precisam ter um conhecimento adequado da plataforma tecnológica adotada pela empresa. Toda a empresa está envolvida com decisões e resultados da TI. Arranjos bem elaborados de TI ajudam a distribuir os processos decisórios para as pessoas certas.

28 15 É preciso estar sempre atento, pois novas tecnologias da informação, incluindo os serviços WEB, as tecnologias móveis e os sistemas empresariais, estão surgindo a todo instante, trazendo novas oportunidades de negócio para a corporação e podendo também gerar ameaças à competitividade da mesma. A Governança de TI ensina sobre o valor da TI. É difícil de dizer qual o valor de iniciativas ligadas a TI, pois não é algo que se consiga ver no fluxo de caixa da empresa. Esse valor vem através de melhorias nos processos ou aumento da competitividade da empresa, por exemplo. Através de uma Governança de TI eficaz as empresas podem discutir sobre o valor potencial da TI. O valor da TI depende mais do que boa tecnologia, grandes investimentos em TI não significam a solução para a melhoria do tratamento da TI na empresa, é necessário que as pessoas certas estejam envolvidas nas decisões de TI, caso contrário, por maior que seja o investimento, não valerá de nada. A alta gerência tem uma capacidade de atendimento limitada. Se todas as decisões de investimentos tiverem que ser tomadas pela alta gerência, isso pode gerar um gargalo. Porém, as decisões de TI devem ser coerentes com as metas que a alta gerência definiu para a corporação. Uma Governança de TI eficaz torna os processos decisórios mais claros e transparentes.

29 16 3. COBIT - Control Objectives for Information and related Technology O CobiT (Controle de Objetivos para Informação e Tecnologia Relacionada) é um guia para a governança de TI recomendado pela ISACF (Information Systems Audit and Control Fundation, Dentre os recursos que o CobiT oferece encontram-se um framework, mapas de auditoria, sumário executivo, controle de objetivos, um guia com técnicas de gerenciamento e ferramentas de implementação. A primeira publicação do CobiT foi feita em 1996 com foco no controle e análise dos sistemas de informação. Sua segunda edição em 1998 aumentou os recursos adicionando o guia prático de implementação e execução. A edição atual, já coordenada pelo IT Governance Institute, introduz as recomendações de gerenciamento de ambientes de TI dentro do modelo de maturidade de governança. Uma importante característica do CobiT é o fato de ele ser projetado para ser utilizado não apenas pelos responsáveis pela TI, usuários e auditores, mas também, pelos altos gerentes e responsáveis por processos. O CobiT fornece boas práticas definidas por profissionais especializados na área de TI. Essas práticas auxiliam a otimização dos investimentos de TI e fornece meios para medir os resultados alcançados. Elas estão distribuídas através de uma estrutura de domínios tendo como foco o controle dos processos da governança de TI e pouco foco na execução, ou seja, o CobiT é uma estrutura de controle, o seu foco está no que a organização necessita fazer e não em como é preciso ser feito.

GESTÃO DE T.I. COBIT. José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com

GESTÃO DE T.I. COBIT. José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com GESTÃO DE T.I. COBIT José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com COBIT Control Objectives for Information and Related Technology Copyright 1996, 1998, 2000 Information Systems Audit and Control Foundation. Information

Leia mais

Sistemas de Informação Empresarial

Sistemas de Informação Empresarial Sistemas de Informação Empresarial Governança de Tecnologia da Informação parte 2 Fonte: Mônica C. Rodrigues Padrões e Gestão de TI ISO,COBIT, ITIL 3 International Organization for Standardization d -

Leia mais

COBIT Um kit de ferramentas para a excelência na gestão de TI. Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com

COBIT Um kit de ferramentas para a excelência na gestão de TI. Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com COBIT Um kit de ferramentas para a excelência na gestão de TI Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com Introdução Atualmente, é impossível imaginar uma empresa sem uma forte área de sistemas

Leia mais

Unidade V GOVERNANÇA DE TI

Unidade V GOVERNANÇA DE TI GOVERNANÇA DE TI Unidade V CONTROL OBJECTIVES FOR INFORMATION AND RELATED TECHNOLOGY (COBIT) 1 O CobiT é um guia para a gestão de TI recomendado pelo Information Systems Audit and Control Foundation (ISACF)

Leia mais

SENAC GO. Gestão da Tecnologia da Informação. Tópicos especiais em administração. Professor Itair Pereira da Silva. Alunos: Eduardo Vaz

SENAC GO. Gestão da Tecnologia da Informação. Tópicos especiais em administração. Professor Itair Pereira da Silva. Alunos: Eduardo Vaz SENAC GO Gestão da Tecnologia da Informação Tópicos especiais em administração Professor Itair Pereira da Silva Alunos: Eduardo Vaz Jalles Gonçalves COBIT COBIT (CONTROL OBJETIVES FOR INFORMATION AND RELATED

Leia mais

COBIT (CONTROL OBJECTIVES FOR INFORMATION AND RELATED TECHNOLOGY)

COBIT (CONTROL OBJECTIVES FOR INFORMATION AND RELATED TECHNOLOGY) Universidade Federal de Santa Catarina Departamento de Informática e Estatística INE Curso: Sistemas de Informação Disciplina: Projetos I Professor: Renato Cislaghi Aluno: Fausto Vetter Orientadora: Maria

Leia mais

COBIT FOUNDATION - APOSTILA DE RESUMO

COBIT FOUNDATION - APOSTILA DE RESUMO COBIT FOUNDATION - APOSTILA DE RESUMO GOVERNANÇA DE TI O QUE É GOVERNANÇA DE TI É um conjunto de estruturas e processos que visa garantir que a TI suporte e maximize adequadamente os objetivos e estratégias

Leia mais

Proposta. COBIT Fundamentos. Apresentação Executiva. COBIT - Fundamentos

Proposta. COBIT Fundamentos. Apresentação Executiva. COBIT - Fundamentos COBIT Fundamentos Apresentação Executiva 1 O treinamento de Cobit Fundamentos tem como premissa capacitar o participante a compreender e controlar os riscos associados, mantendo o equilíbrio entre os investimentos

Leia mais

COBIT. Governança de TI. Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br

COBIT. Governança de TI. Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br COBIT Governança de TI Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br Sobre mim Juvenal Santana Gerente de Projetos PMP; Cobit Certified; ITIL Certified; OOAD Certified; 9+ anos de experiência em TI; Especialista

Leia mais

Unidade V GOVERNANÇA DE TI. Profa. Gislaine Stachissini

Unidade V GOVERNANÇA DE TI. Profa. Gislaine Stachissini Unidade V GOVERNANÇA DE TI Profa. Gislaine Stachissini Control Objectives for Information and Related Technology - Cobit O CobiT é um guia para a gestão de TI recomendado pelo Information Systems Audit

Leia mais

Governança de TI com COBIT, ITIL e BSC

Governança de TI com COBIT, ITIL e BSC {aula #2} Parte 1 Governança de TI com melhores práticas COBIT, ITIL e BSC www.etcnologia.com.br Rildo F Santos rildo.santos@etecnologia.com.br twitter: @rildosan (11) 9123-5358 skype: rildo.f.santos (11)

Leia mais

Governança de TIC. CobiT 4.1

Governança de TIC. CobiT 4.1 Governança de TIC CobiT 4.1 Conceitos Governança: A expressão governar tem origem na expressão navegar... E o que quem navega faz? Ele faz um mapa, dá a direção, faz as regras de convivência. Tomáz de

Leia mais

Governança e Qualidade em Serviços de TI COBIT Governança de TI

Governança e Qualidade em Serviços de TI COBIT Governança de TI Governança e Qualidade em Serviços de TI COBIT Governança de TI COBIT Processos de TI Aplicativos Informações Infraestrutura Pessoas O que é o CObIT? CObIT = Control Objectives for Information and Related

Leia mais

CobiT 4.01 OBJETIVOS DE CONTROLE PARA INFORMAÇÃO E TECNOLOGIAS RELACIONADAS

CobiT 4.01 OBJETIVOS DE CONTROLE PARA INFORMAÇÃO E TECNOLOGIAS RELACIONADAS CobiT 4.01 OBJETIVOS DE CONTROLE PARA INFORMAÇÃO E TECNOLOGIAS RELACIONADAS METODOLOGIA DE AUDITORIA PARA AVALIAÇÃO DE CONTROLES E CUMPRIMENTO DE PROCESSOS DE TI NARDON, NASI AUDITORES E CONSULTORES CobiT

Leia mais

Cobit e ITIL. Cobit. Planejamento e organização; Aquisição e implementação; Entrega e suporte; Monitoração.

Cobit e ITIL. Cobit. Planejamento e organização; Aquisição e implementação; Entrega e suporte; Monitoração. Cobit e ITIL GOVERNANÇA, GP - RISCO, GP PROJETOS - PMP, SEGURANÇA DAIANA BUENO OUTUBRO 20, 2010 AT 8:00 3.496 visualizações Atualmente, as empresas estão com seus processos internos cada vez mais dependentes

Leia mais

Gestão de T.I. GESTÃO DE T.I. ITIL. José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com

Gestão de T.I. GESTÃO DE T.I. ITIL. José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com GESTÃO DE T.I. José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com 1 Information Technology Infrastructure Library 2 O que é o? Information Technology Infrastructure Library é uma biblioteca composta por sete livros

Leia mais

SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO NBR ISO/IEC 27002: 2005 (antiga NBR ISO/IEC 17799) NBR ISO/IEC 27002:2005 (Antiga NBR ISO/IEC 17799); 27002:2013. Metodologias e Melhores Práticas em SI CobiT; Prof. Me. Marcel

Leia mais

GOVERNANÇA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO: UM ESTUDO DE CASO EM MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NA CIDADE DE APUCARANA

GOVERNANÇA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO: UM ESTUDO DE CASO EM MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NA CIDADE DE APUCARANA Revista F@pciência, Apucarana-PR, ISSN 1984-2333, v.3, n. 9, p. 89 98, 2009. GOVERNANÇA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO: UM ESTUDO DE CASO EM MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NA CIDADE DE APUCARANA Márcia Cristina

Leia mais

Café da Manhã Corporativo

Café da Manhã Corporativo Café da Manhã Corporativo O ITIL como ferramenta de Governança de TI Palestrante: Julio Cesar R. S. Avila Palestrante: Julio Cesar R. S. Avila Especialista Newtrend em Governança de TI, é um profissional

Leia mais

Módulo 4. Visão geral dos controles do COBIT aplicáveis para implantação da Sarbanes, o papel de TI, a importância dos softwares e exercícios

Módulo 4. Visão geral dos controles do COBIT aplicáveis para implantação da Sarbanes, o papel de TI, a importância dos softwares e exercícios Módulo 4 Visão geral dos controles do COBIT aplicáveis para implantação da Sarbanes, o papel de TI, a importância dos softwares e exercícios Estruturas e Metodologias de controle adotadas na Sarbanes COBIT

Leia mais

CobIT. Eduardo Mayer Fagundes. Um framework para a eficiência das organizações de Tecnologia da Informação e Telecomunicações

CobIT. Eduardo Mayer Fagundes. Um framework para a eficiência das organizações de Tecnologia da Informação e Telecomunicações CobIT Um framework para a eficiência das organizações de Tecnologia da Informação e Telecomunicações Eduardo Mayer Fagundes Copyright(c)2008 por Eduardo Mayer Fagundes 1 Agenda 1. Princípio de Gestão Empresarial

Leia mais

Melhores Práticas em TI

Melhores Práticas em TI Melhores Práticas em TI Referências Implantando a Governança de TI - Da Estratégia à Gestão de Processos e Serviços - 2ª Edição Edição - AGUINALDO ARAGON FERNANDES, VLADIMIR FERRAZ DE ABREU. An Introductory

Leia mais

Unidade IV GERENCIAMENTO DE. Prof. Victor Halla

Unidade IV GERENCIAMENTO DE. Prof. Victor Halla Unidade IV GERENCIAMENTO DE INFRAESTRUTURA Prof. Victor Halla O que é governança corporativa? É o sistema pelo qual as sociedades empresariais são dirigidas e monitoradas pelo mercado de capitais através

Leia mais

Gestão de Sistemas de Informação II Introdução ao COBIT

Gestão de Sistemas de Informação II Introdução ao COBIT Gestão de Sistemas de Informação II Introdução ao COBIT Professor Samuel Graeff prof.samuel@uniuv.edu.br COBIT O que e? COBIT significa Control Objectives for Information and related Technology - Objetivos

Leia mais

C O B I T. Gerenciamento dos Riscos Mitigação. Aceitação. Transferência. Evitar/Eliminar.

C O B I T. Gerenciamento dos Riscos Mitigação. Aceitação. Transferência. Evitar/Eliminar. C O B I T Evolução Estratégica A) Provedor de Tecnologia Gerenciamento de Infra-estrutura de TI (ITIM) B) Provedor de Serviços Gerenciamento de Serviços de TI (ITSM) C) Parceiro Estratégico Governança

Leia mais

Introdução A GOVERNANÇA DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Introdução A GOVERNANÇA DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Introdução A GOVERNANÇA DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Referências Gerenciamento Estratégico da Informação. Aumente a Competitividade e a eficiência de sua empresa utilizando a informação como ferramenta

Leia mais

Gerenciamento de Serviços em TI com ITIL. Gerenciamento de Serviços de TI com ITIL

Gerenciamento de Serviços em TI com ITIL. Gerenciamento de Serviços de TI com ITIL Gerenciamento de Serviços de TI com ITIL A Filosofia do Gerenciamento de Serviços em TI Avanços tecnológicos; Negócios totalmente dependentes da TI; Qualidade, quantidade e a disponibilidade (infra-estrutura

Leia mais

ITIL. Information Technology Infrastructure Library

ITIL. Information Technology Infrastructure Library Information Technology Infrastructure Library 34929 - Daniel Aquere de Oliveira 34771 - Daniel Tornieri 34490 - Edson Gonçalves Rodrigues 34831 - Fernando Túlio 34908 - Luiz Gustavo de Mendonça Janjacomo

Leia mais

CobiT. MBA em Sistemas de Informação. Conteúdo. 1. Sumário Executivo. 2. Estrutura. 3. Objetivos de Controle. 4. Diretrizes de Gerenciamento

CobiT. MBA em Sistemas de Informação. Conteúdo. 1. Sumário Executivo. 2. Estrutura. 3. Objetivos de Controle. 4. Diretrizes de Gerenciamento MBA em Sistemas de Informação CobiT Conteúdo 1. Sumário Executivo 2. Estrutura 3. Objetivos de Controle 4. Diretrizes de Gerenciamento 5. Modelo de Maturidade 6. Guia de Certificação de TI 7. Implementação

Leia mais

Como obter resultados em TI com gestão e governança efetivas direcionadas a estratégia do negócio?

Como obter resultados em TI com gestão e governança efetivas direcionadas a estratégia do negócio? Como obter resultados em TI com gestão e governança efetivas direcionadas a estratégia do negócio? A Tecnologia da Informação vem evoluindo constantemente, e as empresas seja qual for seu porte estão cada

Leia mais

Processos Técnicos - Aulas 1 a 3

Processos Técnicos - Aulas 1 a 3 Gerenciamento de Serviços de TI Processos Técnicos - Aulas 1 a 3 A Informática, ou Tecnologia da Informação, antigamente era vista como apenas mais um departamento, como um apoio à empresa. Hoje, qualquer

Leia mais

Lista de Exercícios - COBIT 5

Lista de Exercícios - COBIT 5 Lista de Exercícios - COBIT 5 1. O COBIT 5 possui: a) 3 volumes, 7 habilitadores, 5 princípios b) 3 volumes, 5 habilitadores, 7 princípios c) 5 volumes, 7 habilitadores, 5 princípios d) 5 volumes, 5 habilitadores,

Leia mais

Carlos Henrique Santos da Silva

Carlos Henrique Santos da Silva GOVERNANÇA DE TI Carlos Henrique Santos da Silva Mestre em Informática em Sistemas de Informação UFRJ/IM Certificado em Project Management Professional (PMP) PMI Certificado em IT Services Management ITIL

Leia mais

CobiT: Visão Geral e domínio Monitorar e Avaliar. Daniel Baptista Dias Ernando Eduardo da Silva Leandro Kaoru Sakamoto Paolo Victor Leite e Posso

CobiT: Visão Geral e domínio Monitorar e Avaliar. Daniel Baptista Dias Ernando Eduardo da Silva Leandro Kaoru Sakamoto Paolo Victor Leite e Posso CobiT: Visão Geral e domínio Monitorar e Avaliar Daniel Baptista Dias Ernando Eduardo da Silva Leandro Kaoru Sakamoto Paolo Victor Leite e Posso CobiT O que é? Um framework contendo boas práticas para

Leia mais

Unidade IV. A governança está relacionada com a possibilidade de se ter controle e sucesso nas operações e nos trabalhos de uma organização.

Unidade IV. A governança está relacionada com a possibilidade de se ter controle e sucesso nas operações e nos trabalhos de uma organização. GERENCIAMENTO DE INFRAESTRUTURA Unidade IV 4 A GOVERNANÇA DE TI A governança está relacionada com a possibilidade de se ter controle e sucesso nas operações e nos trabalhos de uma organização. 4.1 A governança

Leia mais

ITIL Overview. Gestão de Serviços de TI

ITIL Overview. Gestão de Serviços de TI ITIL Overview Gestão de Serviços de TI Sobre a ILUMNA Atuando na área Gerenciamento de Serviços em TI (ITSM) desde 1997, a ILUMNA presta serviços de Consultoria, Educação e Tecnologia, com o objetivo de

Leia mais

Alinhamento Estratégico da TI com o Modelo de Negócios da Empresa: um estudo sobre as melhores práticas da biblioteca ITIL

Alinhamento Estratégico da TI com o Modelo de Negócios da Empresa: um estudo sobre as melhores práticas da biblioteca ITIL Alinhamento Estratégico da TI com o Modelo de Negócios da Empresa: um estudo sobre as melhores práticas da biblioteca ITIL Fernando Riquelme i Resumo. A necessidade por criar processos mais eficientes,

Leia mais

ITIL (INFORMATION TECHNOLOGY INFRASTRUCTURE LIBRARY)

ITIL (INFORMATION TECHNOLOGY INFRASTRUCTURE LIBRARY) Universidade Federal de Santa Catarina Departamento de Informática e Estatística INE Curso: Sistemas de Informação Disciplina: Projetos I Professor: Renato Cislaghi Aluno: Fausto Vetter Orientadora: Maria

Leia mais

Metodologias COBIT e ITIL e as perspectivas do Modelo de Alinhamento Estratégico de TI

Metodologias COBIT e ITIL e as perspectivas do Modelo de Alinhamento Estratégico de TI Metodologias COBIT e ITIL e as perspectivas do Modelo de Alinhamento Estratégico de TI Gilberto Zorello (USP) gilberto.zorello@poli.usp.br Resumo Este artigo apresenta o Modelo de Alinhamento Estratégico

Leia mais

MBA em Gestão de Tecnologia da Informação. Governança de TI. Lincoln Herbert Teixeira lincolnherbert@gmail.com

MBA em Gestão de Tecnologia da Informação. Governança de TI. Lincoln Herbert Teixeira lincolnherbert@gmail.com MBA em Gestão de Tecnologia da Informação Governança de TI Lincoln Herbert Teixeira lincolnherbert@gmail.com Governança de TI Ementa: Relacionar a governança de TI com a governança corporativa. Boas práticas

Leia mais

GOVERNANÇA DE T.I. - CONCEITOS. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza

GOVERNANÇA DE T.I. - CONCEITOS. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza GOVERNANÇA DE T.I. - CONCEITOS Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza GOVERNANÇA CORPORATIVA GOVERNANÇA CORPORATIVA Também conhecida como Governança Empresarial " os mecanismos ou

Leia mais

Correlação entre CobiT e ITIL e norma ISO 17799

Correlação entre CobiT e ITIL e norma ISO 17799 Correlação entre CobiT e ITIL e norma ISO 17799 1. Resumo A dependência atual das organizações da sua infra-estrutura de TI (Tecnologia da Informação), associado às oportunidades, benefícios e riscos inerentes

Leia mais

Governança de TI: O que é COBIT?

Governança de TI: O que é COBIT? Governança de TI: O que é COBIT? Agenda Governança de TI Metodologia COBIT Relacionamento do COBIT com os modelos de melhores práticas Governança de TI em 2006 Estudo de Caso Referências Governança de

Leia mais

Atividade: COBIT : Entendendo seus principais fundamentos

Atividade: COBIT : Entendendo seus principais fundamentos SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DO PIAUÍ CAMPUS FLORIANO EIXO TECNOLÓGICO: INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO CURSO: TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS PERÍODO

Leia mais

1.3 Governança de Tecnologia da Informação Modelos de Referência

1.3 Governança de Tecnologia da Informação Modelos de Referência 1 1.3 Governança de Tecnologia da Informação Modelos de Referência Princípios Ciclo de Deming Os passos são os seguintes: Plan (planejamento) : estabelecer uma meta ou identificar o problema (um problema

Leia mais

ITIL. Conteúdo. 1. Introdução. 2. Suporte de Serviços. 3. Entrega de Serviços. 4. CobIT X ITIL. 5. Considerações Finais

ITIL. Conteúdo. 1. Introdução. 2. Suporte de Serviços. 3. Entrega de Serviços. 4. CobIT X ITIL. 5. Considerações Finais ITIL Conteúdo 1. Introdução 2. Suporte de Serviços 3. Entrega de Serviços 4. CobIT X ITIL 5. Considerações Finais Introdução Introdução Information Technology Infrastructure Library O ITIL foi desenvolvido,

Leia mais

Diretrizes para Governança de T.I.

Diretrizes para Governança de T.I. Diretrizes para Governança de T.I. Karina Campos da Silva 1, Luís Augusto Mattos Mendes (Orientador) 1 1 Departamento de Ciências da Computação Universidade Presidente Antônio Carlos UNIPAC Barbacena,

Leia mais

Governança de TI com melhores práticas COBIT, ITIL e BSC

Governança de TI com melhores práticas COBIT, ITIL e BSC {aula #1} com melhores práticas COBIT, ITIL e BSC www.etcnologia.com.br Rildo F Santos rildo.santos@etecnologia.com.br twitter: @rildosan (11) 9123-5358 skype: rildo.f.santos (11) 9962-4260 http://rildosan.blogspot.com/

Leia mais

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc PMP, PMI-RMP, PMI-ACP, CSM, ITIL & CobiT Certified Carlos Henrique Santos da Silva, MSc Mestre em Informática na área de Sistemas de Informação

Leia mais

ITIL. Fundamentos do Gerenciamento de Serviços de TI. Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br

ITIL. Fundamentos do Gerenciamento de Serviços de TI. Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br ITIL Fundamentos do Gerenciamento de Serviços de TI Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br Objetivo Prover uma visão geral sobre Gerenciamento de Serviços de TI: Conceito; Desafios; Estrutura; Benefícios;

Leia mais

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc PMP, PMI-RMP, PMI-ACP, CSM, CSPO, ITIL & CobiT Certified Carlos Henrique Santos da Silva, MSc, PMP Especializações Certificações Mestre em Informática

Leia mais

Governança de TI. Importância para as áreas de Auditoria e Compliance. Maio de 2011. IT Governance Discussion

Governança de TI. Importância para as áreas de Auditoria e Compliance. Maio de 2011. IT Governance Discussion Governança de TI Importância para as áreas de Auditoria e Compliance Maio de 2011 Page 1 É esperado de TI mais do que deixar o sistema no ar. Page 2 O que mudou o Papel de TI? Aumento de riscos e de expectativas

Leia mais

GERENCIAMENTO E PROCESSO Porque adotá-los? Onivaldo Roncatti e Leonardo Noshi

GERENCIAMENTO E PROCESSO Porque adotá-los? Onivaldo Roncatti e Leonardo Noshi GERENCIAMENTO E PROCESSO Porque adotá-los? Onivaldo Roncatti e Leonardo Noshi 1 Sobre a empresa A Business Station é uma provedora de soluções de tecnologia. Possui 5 filiais: São Paulo (matriz), Campinas,

Leia mais

Utilizando o CobiT e o Balanced Scorecard como instrumentos para o. Gerenciamento de Níveis de Serviço

Utilizando o CobiT e o Balanced Scorecard como instrumentos para o. Gerenciamento de Níveis de Serviço Utilizando o CobiT e o Balanced Scorecard como instrumentos para o Gerenciamento de Níveis de Serviço Win Van Grembergen, http://www/isaca.org Tradução de Fátima Pires (fatima@ccuec.unicamp.br) Na economia

Leia mais

Gerenciamento de Serviços de TI ITIL v2 Módulo 1 Conceitos básicos

Gerenciamento de Serviços de TI ITIL v2 Módulo 1 Conceitos básicos Gerenciamento de Serviços de TI ITIL v2 Módulo 1 Conceitos básicos Referência: An Introductory Overview of ITIL v2 Livros ITIL v2 Cenário de TI nas organizações Aumento da dependência da TI para alcance

Leia mais

Governança. Sistemas de Informação 8º Período Prof: Mafran Oliveira

Governança. Sistemas de Informação 8º Período Prof: Mafran Oliveira Governança Sistemas de Informação 8º Período Prof: Mafran Oliveira 1 Definição de Governança Governança Corporativa: É a Estrutura que identifica os objetivos de uma organização e de que forma pode-se

Leia mais

Porquê na ITIL nas empresas? o Para termos uma resposta efetiva é preciso entender o porque da governança; o Entender gerenciamento de riscos.

Porquê na ITIL nas empresas? o Para termos uma resposta efetiva é preciso entender o porque da governança; o Entender gerenciamento de riscos. ITIL V3 Porquê na ITIL nas empresas? o Para termos uma resposta efetiva é preciso entender o porque da governança; o Entender o gerenciamento de riscos. Porquê Governança? Porque suas ações e seus requisitos

Leia mais

ISO/IEC 20000:2005. Introdução da Norma ISO/IEC 20000 no Mercado Brasileiro Versão 1.1, 15.09.2006

ISO/IEC 20000:2005. Introdução da Norma ISO/IEC 20000 no Mercado Brasileiro Versão 1.1, 15.09.2006 ISO/IEC 20000:2005 Introdução da Norma ISO/IEC 20000 no Mercado Brasileiro Versão 1.1, 15.09.2006 André Jacobucci andre.jacobucci@ilumna.com +55 11 5087 8829 www.ilumna.com Objetivos desta Apresentação

Leia mais

Software para Gestão Integrada de T.I. Armazenamento Infra-estrutura Segurança Serviços de T.I.

Software para Gestão Integrada de T.I. Armazenamento Infra-estrutura Segurança Serviços de T.I. Software para Gestão Integrada de T.I. Armazenamento Infra-estrutura Segurança Serviços de T.I. Para mais informações participe dos seminários online sobre compliance, acesse www.ca.com/br/compliance ou

Leia mais

Profa. Celia Corigliano. Unidade IV GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE TI

Profa. Celia Corigliano. Unidade IV GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE TI Profa. Celia Corigliano Unidade IV GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE TI Agenda da disciplina Unidade I Gestão de Projetos Unidade II Ferramentas para Gestão de Projetos Unidade III Gestão de Riscos em TI Unidade

Leia mais

Grupo de Estudos ITIL. Gerenciamento de Serviços de TI - ITSM Rodrigo Pementa, ITIL Certified Daniel Andrade, ITIL Certified

Grupo de Estudos ITIL. Gerenciamento de Serviços de TI - ITSM Rodrigo Pementa, ITIL Certified Daniel Andrade, ITIL Certified Grupo de Estudos ITIL Gerenciamento de Serviços de TI - ITSM Rodrigo Pementa, ITIL Certified Daniel Andrade, ITIL Certified Desafios das Organizações de TI Participar na solução dos problemas de negócio;

Leia mais

Curso preparatório para exame de Certificação do ITIL V3.

Curso preparatório para exame de Certificação do ITIL V3. Curso preparatório para exame de Certificação do ITIL V3. Dentro do enfoque geral em conhecer e discutir os fundamentos, conceitos e as definições de Governança de TI - Tecnologia da Informação, bem como

Leia mais

Gestão da TI. É proibida a cópia deste conteúdo, no todo ou em parte, sem autorização prévia do autor.

Gestão da TI. É proibida a cópia deste conteúdo, no todo ou em parte, sem autorização prévia do autor. Este material foi desenvolvido especialmente para a disciplina Gestão da TI ministrada no curso de graduação em Sistemas de Informação da AES (Academia de Ensino Superior). Algumas imagens são de domínio

Leia mais

Ciência da Computação. Gestão da Tecnologia da Informação ITIL Information Technology Infrastructure Library

Ciência da Computação. Gestão da Tecnologia da Informação ITIL Information Technology Infrastructure Library Ciência da Computação Gestão da Tecnologia da Informação ITIL Information Technology Infrastructure Library Agenda Histórico Conceitos básicos Objetivos Visão Geral do Modelo Publicações: Estratégia de

Leia mais

Tópicos Especiais. Núcleo de Pós Graduação Pitágoras

Tópicos Especiais. Núcleo de Pós Graduação Pitágoras Núcleo de Pós Graduação Pitágoras Professor: Fernando Zaidan Disciplina: Arquitetura da Informática e Automação MBA Gestão em Tecnologia da Informaçao 1 Tópicos Especiais Novembro - 2008 2 Referências

Leia mais

Governança de TI utilizando o modelo do COBIT

Governança de TI utilizando o modelo do COBIT Curso e- Learning Governança de TI utilizando o modelo do COBIT O conteúdo deste curso contem marcas registradas de outras organizações nas quais as propriedades são citadas ao logo do curso sem infringir

Leia mais

Implantação da Governança a de TI na CGU

Implantação da Governança a de TI na CGU Implantação da Governança a de TI na CGU José Geraldo Loureiro Rodrigues Diretor de Sistemas e Informação Controladoria-Geral da União I Workshop de Governança de TI da Embrapa Estratégia utilizada para

Leia mais

Por que conhecer o COBIT 5

Por que conhecer o COBIT 5 10Minutos Tecnologia da Informação Saiba quais são as novidades da versão 5 do COBIT Por que conhecer o COBIT 5 Destaques A utilização do COBIT 5 como guia de melhores práticas permite alinhar de modo

Leia mais

Governança de TI. O alinhamento da TI ao negócio da organização - diferencial competitivo

Governança de TI. O alinhamento da TI ao negócio da organização - diferencial competitivo Governança de TI O alinhamento da TI ao negócio da organização - diferencial competitivo Fabio Marzullo Carlos Henrique de Azevedo Moreira Jose Roberto Blaschek Créditos Este trabalho foi desenvolvido

Leia mais

Estratégias em Tecnologia da Informação. Políticas Empresariais Governança de TI Visão Geral sobre Framework CobiT

Estratégias em Tecnologia da Informação. Políticas Empresariais Governança de TI Visão Geral sobre Framework CobiT Estratégias em Tecnologia da Informação Capítulo 13 Políticas Empresariais Governança de TI Visão Geral sobre Framework CobiT Material de apoio 2 Esclarecimentos Esse material é de apoio para as aulas

Leia mais

Curso Online. www.tiexames.com.br. Introdução a Governança de TI

Curso Online. www.tiexames.com.br. Introdução a Governança de TI Módulo 1 Introdução a Governança de TI Curso Online Todos os direitos de cópia reservados. Não é permitida a distribuição física ou eletrônica deste material sem a permissão expressa do autor. www.tiexames.com.br

Leia mais

Plano de Governança de Tecnologia de Informação

Plano de Governança de Tecnologia de Informação Plano de Governança de Tecnologia de Informação Julho/2012 Junho/2014 1 Universidade Federal Fluminense Superintendência de Tecnologia da Informação Fernando Cesar Cunha Gonçalves Superintendência de Tecnologia

Leia mais

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc PMP, PMI-RMP, PMI-ACP, CSM, CSPO, ITIL & CobiT Certified Carlos Henrique Santos da Silva, MSc, PMP Especializações Certificações Mestre em Informática

Leia mais

Estudo sobre a Implantação de um Modelo de Governança de Tecnologia da Informação com COBIT e ITIL

Estudo sobre a Implantação de um Modelo de Governança de Tecnologia da Informação com COBIT e ITIL Estudo sobre a Implantação de um Modelo de Governança de Tecnologia da Informação com COBIT e ITIL Ana Clara Peixoto de Castro Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO) Goiânia GO - Brasil ac.anaclara@gmail.com

Leia mais

L I U S@GAR A C R I C A. A PRO R.BR

L I U S@GAR A C R I C A. A PRO R.BR v2 Prof. Luís Fernando Garcia LUIS@GARCIA.PRO.BR Cobit Control Objectives for Information and related Technology ISACF Information Systems Audit and Control Foundation ISACA www.isaca.org 1 1 - versões

Leia mais

Gestão da Tecnologia da Informação

Gestão da Tecnologia da Informação TLCne-051027-P0 Gestão da Tecnologia da Informação Disciplina: Governança de TI São Paulo, Outubro de 2012 0 Sumário TLCne-051027-P1 Conteúdo desta Aula Abordar o domínio Adquirir e Implementar e todos

Leia mais

Proposta ITIL V3 HAND S ON. Apresentação Executiva. ITIL V3 Hand s ON

Proposta ITIL V3 HAND S ON. Apresentação Executiva. ITIL V3 Hand s ON ITIL V3 HAND S ON Apresentação Executiva 1 Os treinamentos de ITIL Hand s On, abordam os processos da gestão de serviços de TI do ITIL v3 e são recomendados e necessários, para quem quer ser tornar um

Leia mais

Sumário. Gerenciamento de serviços de TI terceirizados usando ITIL e ITSM. Boletim técnico

Sumário. Gerenciamento de serviços de TI terceirizados usando ITIL e ITSM. Boletim técnico Gerenciamento de serviços de TI terceirizados usando ITIL e ITSM Boletim técnico Sumário Resumo executivo...................................................2 A oportunidade do Gerenciamento de Serviços

Leia mais

Núcleo de Pós Graduação Pitágoras. Tópicos Especiais

Núcleo de Pós Graduação Pitágoras. Tópicos Especiais Núcleo de Pós Graduação Pitágoras Professor: Fernando Zaidan Disciplina: Arquitetura da Informática e Automação MBA Gestão em Tecnologia da Informaçao Tópicos Especiais Junho - 2008 Referências Acessos

Leia mais

ISO/IEC 20000. Curso e-learning. Sistema de Gerenciamento de Serviços da Tecnologia da Informação

ISO/IEC 20000. Curso e-learning. Sistema de Gerenciamento de Serviços da Tecnologia da Informação Curso e-learning ISO/IEC 20000 Sistema de Gerenciamento de Serviços da Tecnologia da Informação Este é um curso independente desenvolvido pelo TI.exames em parceria com a CONÊXITO CONSULTORIA que tem grande

Leia mais

Capítulo 2 Governança de TIC

Capítulo 2 Governança de TIC Sistema de Informação e Tecnologia FEQ 0411 Prof Luciel Henrique de Oliveira luciel@uol.com.br Capítulo 2 Governança de TIC PRADO, Edmir P.V.; SOUZA, Cesar A. de. (org). Fundamentos de Sistemas de Informação.

Leia mais

24/09/2013. COBIT5: Novas perspectivas e desafios para a Auditoria Interna

24/09/2013. COBIT5: Novas perspectivas e desafios para a Auditoria Interna 24/09/2013 COBIT5: Novas perspectivas e desafios para a Auditoria Interna Luiz Claudio Diogo Reis, MTech, CISA, CRISC, COBIT (F), MCSO Luiz.reis@caixa.gov.br Auditor Sênior Caixa Econômica Federal Currículo

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DE GOVERNANÇA DE TI

IMPLANTAÇÃO DE GOVERNANÇA DE TI 1 IMPLANTAÇÃO DE GOVERNANÇA DE TI André Luiz Guimarães dos Reis 1 1 João Souza Neto 2 1 Tomas Roberto C. Orlandi 3 1 andrer@correios.com.br szneto@correios.com.br tomasroberto@correios.com.br 1 Empresa

Leia mais

Governança em TI ITIL, COBIT e ISO 20000

Governança em TI ITIL, COBIT e ISO 20000 ESADE ESCOLA SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO, DIREITO E ECONOMIA. CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Governança em TI ITIL, COBIT e ISO 20000 Camila Madeira Camila Pinto Daniel Mendes Elias Sarantopoulos Evandro Colpo Janaina

Leia mais

Governança de TI através do COBIT

Governança de TI através do COBIT 4.0 COBIT III Congresso de Gestão de TI Governança de TI através do COBIT GOVERNANÇA CORPORATIVA Mercado e Empresa - Relacionamentos SOCIEDADE AGENTES FINANCEIROS PROFISSIONAIS MEIO AMBIENTE GOVERNO CLIENTES

Leia mais

Unidade I PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Prof. Daniel Arthur Gennari Junior

Unidade I PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Prof. Daniel Arthur Gennari Junior Unidade I PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Prof. Daniel Arthur Gennari Junior A disciplina Nossa disciplina se divide em 4 unidades de aprendizagem: 1. Conceitos e contexto empresarial

Leia mais

Apresentação do Treinamento

Apresentação do Treinamento Apresentação do Treinamento COBIT 5 Foundation 1 O COBIT 5 fornece um framework completo que ajuda as organizações a alcançar seus objetivos para a Governança e Gestão da TI Empresarial. Em outras palavras,

Leia mais

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc PMP, PMI-RMP, PMI-ACP, CSM, CSPO, ITIL & CobiT Certified Carlos Henrique Santos da Silva, MSc, PMP Especializações Certificações Mestre em Informática

Leia mais

Responsáveis. Conceito. COBIT Control objectives for information and related technology (Controle e governança de TI)

Responsáveis. Conceito. COBIT Control objectives for information and related technology (Controle e governança de TI) COBIT Control objectives for information and related technology (Controle e governança de TI) Responsáveis Information system audit and control association IT Governance Institute Conceito Um conjunto

Leia mais

Information Technology Infrastructure Library (ITIL)

Information Technology Infrastructure Library (ITIL) Information Technology Infrastructure Library (ITIL) Metodologias de Sistemas 1 Profa. Rosângela Penteado Grupo Guilherme Leme Janito V. Ferreira Filho João Victor Martins Patrícia Inoue Nakagawa Rafael

Leia mais

Curso preparatório para a certificação COBIT 4.1 Fundation

Curso preparatório para a certificação COBIT 4.1 Fundation Curso preparatório para a certificação COBIT 4.1 Fundation Dentro do enfoque geral em conhecer e discutir os fundamentos, conceitos e as definições de Governança de TI - tecnologia da informação, bem como

Leia mais

ROTEIRO DA APRESENTAÇÃO Introdução Objetivos Fundamentação Teórica. Desenvolvimento do sistema Resultados e discussões Conclusões Extensões

ROTEIRO DA APRESENTAÇÃO Introdução Objetivos Fundamentação Teórica. Desenvolvimento do sistema Resultados e discussões Conclusões Extensões SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE MUDANÇAS BASEADO NAS MELHORES PRÁTICAS DA ITIL Karin Schoenfelder Orientador: Wilson Pedro Carli ROTEIRO DA APRESENTAÇÃO Introdução Objetivos Fundamentação Teórica Sistema Atual

Leia mais

IT Service Management Foundation Bridge based on ISO/IEC 20000

IT Service Management Foundation Bridge based on ISO/IEC 20000 Exame simulado IT Service Management Foundation Bridge based on ISO/IEC 20000 Edição outubro 2011 Copyright 2011 EXIN All rights reserved. No part of this publication may be published, reproduced, copied

Leia mais

www.projetode redes.co m.br www.redesde com p uta dores. com. br

www.projetode redes.co m.br www.redesde com p uta dores. com. br Outras Apostilas em: www.projetode redes.co m.br www.redesde com p uta dores. com. br Centro Universitário Geraldo di Biase 1. Enterprise Resouce Planning ERP O ERP, Sistema de Planejamento de Recursos

Leia mais

A relação da Governança de TI (COBIT), Gerenciamento de Serviços (ITIL) e Gerenciamento de Projetos (PMI)

A relação da Governança de TI (COBIT), Gerenciamento de Serviços (ITIL) e Gerenciamento de Projetos (PMI) A relação da Governança de TI (COBIT), Gerenciamento de Serviços (ITIL) e Gerenciamento de Projetos (PMI) Os principais modelos de melhores práticas em TI Carlos Henrique Santos da Silva, MSc, PMP, ITIL

Leia mais

Guia de Estudo para Exame de Certificação do Cobit Foundation

Guia de Estudo para Exame de Certificação do Cobit Foundation Guia de Estudo para o Exame Certificação do Cobit Foundation 4.1 autor: Rildo Santos rildo.santos@etecnologia.com.br rildo.santos@companyweb.comb.r www.companyweb.com.br www.rildosan.blogspot.com Todos

Leia mais

Certificações ITIL voltam a ganhar destaque

Certificações ITIL voltam a ganhar destaque Certificações ITIL voltam a ganhar destaque Certificações em Information Technology Infrastructure Library, ou ITIL, voltou ao topo de muitas listas de contratação de TI. Métodos ITIL são projetados para

Leia mais

ivirtua Solutions 4 ITIL

ivirtua Solutions 4 ITIL ivirtua Solutions 4 ITIL ivirtua Solutions ITIL WHITEPAPER ITIL INTRODUÇÃO O ITIL é o modelo de referência para endereçar estruturas de processos e procedimentos à gestão de TI, organizado em disciplinas

Leia mais

Por que utilizar o modelo ITIL

Por que utilizar o modelo ITIL Por que utilizar o modelo ITIL... O que não é definido não pode ser controlado... O que não é controlado não pode ser medido... O que não é medido não pode ser melhorado Empregado para definir, controlar,

Leia mais