PURP 62 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO SETOR DE HABITAÇÕES COLETIVAS SUDOESTE - QUADRAS MISTAS QMSW E CENTRO COMERCIAL - CCSW

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PURP 62 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO SETOR DE HABITAÇÕES COLETIVAS SUDOESTE - QUADRAS MISTAS QMSW E CENTRO COMERCIAL - CCSW"

Transcrição

1 Folha 1 / 19

2 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO Folha 2 / 19

3 DISPOSITIVOS DE USO E OCUPAÇÃO DO SOLO VALOR PATRIMONIAL PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO A ATRIBUTOS DE CONFIGURAÇÃO URBANA: TECIDO (MALHA / PARCELAMENTO DO SOLO / CHEIOS E VAZIOS) A UP é composta por quadras adjacentes ao lote do Inmet, localizadas em sua maioria entre a 2ª e a 3ª Avenida. ESPAÇOS ABERTOS (DESENHO URBANO / VEGETAÇÃO / PAVIMENTAÇÃO / CAMINHOS DE PEDESTRES / MOBILIÁRIO / ESCULTURA / ADORNO / USOS) A QMSW 2 apresenta duas pequenas praças, em torno das quais organiza-se as atividades de oficinas. No restante do setor, o tratamento do espaço público é precário. EDIFICAÇÕES (VOLUMETRIA / LINGUAGEM / COMPOSIÇÃO / VALOR HISTÓRICO / USOS) A UP não apresenta prédios inventariados pelo PPCUB. B PATRIMÔNIO CULTURAL: Nome/Objeto Endereço Tipo Esfera Situação (Material / Imaterial) (Distrital e/ou Federal) C QUESTÕES PARA MONITORAMENTO: Uso misto, incluindo residencial, comercial, prestação de serviços e institucional. D CARACTERÍSTICAS MORFOLÓGICAS DA ÁREA: Presença de edificações de pequeno e médio porte de 2 e 3 pavimentos na QMSW e 5 e 6 pavimentos na CCSW. E REGIME DE USOS E ATIVIDADES: Uso misto, residencial com atividades comerciais e de prestação de serviços gerais. Presença de comércio e prestação de serviço especializado em manutenção e reparação de veículos automotores e motocicletas na QMSW 2. ATIVIDADES PERMITIDAS QMSW 0 Lote D Eletricidade, gás e outras utilidades, apenas: 35.1 Geração, transmissão e distribuição de energia elétrica; Folha 3 / 19

4 QMSW 2 Conjunto A Lotes 1 a 27 Conjunto B Lotes 1 a 16 Conjunto C Lotes 1 a R Atividades esportivas e de recreação e lazer; 59-J Atividades cinematográfica, produção de vídeos e de programas de televisão, gravação de som e edição de música; 60-J Atividades de rádio e de televisão; 61-J Telecomunicações; 90-R Atividades artísticas, criativas e de espetáculos; 91-R Atividades ligadas ao patrimônio cultural e ambiental. COMERCIAL 45-G Comércio e reparação de veículos automotores e motocicletas; 47-G Comércio varejista, exceto: Comércio varejista de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios - hipermercados e supermercados, 47.3 Comércio varejista de combustíveis para veículos automotores, Comércio varejista de gás liquefeito de petróleo (GLP); PRESTAÇÃO DE SERVIÇO 32-C Fabricação de produtos diversos; 33-C Manutenção, reparação e instalação de máquinas e equipamentos; 41-F Construção de edifícios; 42-F Obras de infraestrutura; 43-F Serviços especializados para construção; 45-G Comércio e reparação de veículos automotores e motocicletas; 49-H Transporte terrestre, apenas: Transporte rodoviário de táxi e Transporte escolar; 53-H Correio e outras atividades de entrega; 56-I Alimentação; 65-K Seguros, resseguros, previdência complementar e planos de saúde; 66-K Atividades auxiliares dos serviços financeiros, seguros, previdência complementar e planos de saúde; 68-L Atividades imobiliárias; 69-M Atividades jurídicas, de contabilidade e de auditoria; 70-M Atividades de sedes de empresas e de consultoria em gestão empresarial; 71-M Serviços de arquitetura e engenharia, testes e análises técnicas; 74-M Outras atividades profissionais, científicas e técnicas; 77-N Aluguéis não-imobiliários e gestão de ativos intangíveis não-financeiros; 78-N Seleção, agenciamento e locação de mão-de-obra; Folha 4 / 19

5 80-N Atividades de vigilância, segurança e investigação; 81-N Serviços para edifícios e atividades paisagísticas; 95-S Reparação e manutenção de equipamentos de informática e comunicação e de objetos pessoais e domésticos; 96-S Outras atividades de serviços pessoais; 97-T Serviços Domésticos. QMSW 4 Lotes 1 e 3 a 10 QMSW 6 Lotes 1 a 8 94-S Atividades de Organizações Associativas. COMERCIAL 47-G Comércio varejista, exceto: Comércio varejista de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios - hipermercados e supermercados, 47.3 Comércio varejista de combustíveis para veículos automotores, Comércio varejista de gás liquefeito de petróleo (GLP); PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS 33-C Manutenção, reparação e instalação de máquinas e equipamentos; 41-F Construção de edifícios; 49-H Transporte terrestre, apenas: Transporte rodoviário de táxi; 53-H Correio e outras atividades de entrega; 56-I Alimentação; 58-J Edição e edição integrada à impressão; 59-J Atividades cinematográficas, produção de vídeos e de programas de televisão; gravação de som e edição de música; -J Atividades dos serviços de tecnologia da informação; 63-J Atividades de prestação de serviços de informação; 64-K Atividades de serviços financeiros; 65-K Seguros, resseguros, previdência complementar e planos de saúde; 66-K Atividades auxiliares dos serviços financeiros, seguros, previdência complementar e planos de saúde; 68-L Atividades imobiliárias; 69-M Atividades jurídicas, de contabilidade e de auditoria; 70-M Atividades de sedes de empresas e de consultoria em gestão empresarial; 71-M Serviços de arquitetura e engenharia; testes e análises técnicas; 72-M Pesquisa e desenvolvimento científico; 73-M Publicidade e pesquisa de mercado; Folha 5 / 19

6 74-M Outras atividades profissionais, científicas e técnicas; 75-M Atividades veterinárias; 77-N Aluguéis não-imobiliários e gestão de ativos intangíveis não-financeiros, apenas: 77.2 Aluguel de objetos pessoais e domésticos; 78-N Seleção, agenciamento e locação de mão-de-obra; 79-N Agências de viagens, operadores turísticos e serviços de reservas; 80-N Atividades de vigilância, segurança e investigação; 81-N Serviços para edifícios e atividades paisagísticas; 82-N Serviços de escritório, de apoio administrativo e outros serviços prestados principalmente às empresas; 92-R Atividades de exploração de jogos de azar e apostas; 95-S Reparação e manutenção de equipamentos de informática e comunicação e de objetos pessoais e domésticos; 96-S Outras atividades de serviços pessoais, exceto: atividades funerárias e serviços relacionados manipulação de cadáver; 97-T Serviços domésticos. INDUSTRIAL 10-C Fabricação de produtos alimentícios, apenas: Fabricação de outros produtos alimentícios; 14- C Confecção de artigos do vestuário e acessórios 15-C Preparação de couros e fabricação de artefatos de couro, artigos para viagem e calçados, exceto Curtimento e outras preparações de couro; 32-C Fabricação de produtos diversos; 84-O Administração Pública, Defesa e Seguridade Social 85-P Educação, apenas: 85.1 Educação infantil e ensino fundamental, 85.2 Ensino médio, 85.5 Atividades de apoio à educação, 85.9 Atividades de ensino não especificadas anteriormente; 86-Q Atividades de Atenção à Saúde Humana, apenas: Atividades de serviços de complementação diagnóstica e terapêutica, 86.5 Atividades de profissionais da área de saúde, exceto médicos e odontólogos, 86.6 Atividades de apoio à gestão de saúde; 90-R- Atividades artísticas, criativas e de espetáculos; 91-R- Atividades ligadas ao patrimônio cultural e ambiental, exceto: Folha 6 / 19

7 Atividades de jardins botânicos, zoológicos, parques nacionais, reservas ecológicas e áreas de proteção ambiental. 94-S Atividades de Organizações Associativas. QMSW 4 Lote 2 QMSW 5 Lotes 1 a 10 RESIDENCIAL Residencial Multifamiliar 84-O Administração Pública, Defesa e Seguridade Social COMERCIAL 47-G Comércio varejista, exceto: Comércio varejista de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios - hipermercados e supermercados, 47.3 Comércio varejista de combustíveis para veículos automotores, Comércio varejista de gás liquefeito de petróleo (GLP); PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS 33-C Manutenção, reparação e instalação de máquinas e equipamentos; 41-F Construção de edifícios; 49-H Transporte terrestre, apenas: Transporte rodoviário de táxi; 53-H Correio e outras atividades de entrega; 56-I Alimentação; 58-J Edição e edição integrada à impressão; 59-J Atividades cinematográficas, produção de vídeos e de programas de televisão; gravação de som e edição de música; -J Atividades dos serviços de tecnologia da informação; 63-J Atividades de prestação de serviços de informação; 64-K Atividades de serviços financeiros; 65-K Seguros, resseguros, previdência complementar e planos de saúde; 66-K Atividades auxiliares dos serviços financeiros, seguros, previdência complementar e planos de saúde; 68-L Atividades imobiliárias; 69-M Atividades jurídicas, de contabilidade e de auditoria; 70-M Atividades de sedes de empresas e de consultoria em gestão empresarial; 71-M Serviços de arquitetura e engenharia; testes e análises técnicas; 72-M Pesquisa e desenvolvimento científico; 73-M Publicidade e pesquisa de mercado; 74-M Outras atividades profissionais, científicas e técnicas; Folha 7 / 19

8 75-M Atividades veterinárias; 77-N Aluguéis não-imobiliários e gestão de ativos intangíveis não-financeiros, apenas: 77.2 Aluguel de objetos pessoais e domésticos; 78-N Seleção, agenciamento e locação de mão-de-obra; 79-N Agências de viagens, operadores turísticos e serviços de reservas; 80-N Atividades de vigilância, segurança e investigação; 81-N Serviços para edifícios e atividades paisagísticas; 82-N Serviços de escritório, de apoio administrativo e outros serviços prestados principalmente às empresas; 92-R Atividades de exploração de jogos de azar e apostas; 95-S Reparação e manutenção de equipamentos de informática e comunicação e de objetos pessoais e domésticos; 96-S Outras atividades de serviços pessoais, exceto: atividades funerárias e serviços relacionados manipulação de cadáver; 97-T Serviços domésticos. INDUSTRIAL 10-C Fabricação de produtos alimentícios, apenas: Fabricação de outros produtos alimentícios; 14- C Confecção de artigos do vestuário e acessórios 15-C Preparação de couros e fabricação de artefatos de couro, artigos para viagem e calçados, exceto Curtimento e outras preparações de couro; 32-C Fabricação de produtos diversos; 84-O Administração Pública, Defesa e Seguridade Social 85-P Educação, apenas: 85.1 Educação infantil e ensino fundamental, 85.2 Ensino médio, 85.5 Atividades de apoio à educação, 85.9 Atividades de ensino não especificadas anteriormente; 86-Q Atividades de Atenção à Saúde Humana, apenas: Atividades de serviços de complementação diagnóstica e terapêutica, 86.5 Atividades de profissionais da área de saúde, exceto médicos e odontólogos, 86.6 Atividades de apoio à gestão de saúde; 90-R- Atividades artísticas, criativas e de espetáculos; 91-R- Atividades ligadas ao patrimônio cultural e ambiental, exceto: Atividades de jardins botânicos, zoológicos, parques nacionais, reservas ecológicas e áreas de proteção ambiental. Folha 8 / 19

9 94-S Atividades de Organizações Associativas. QMSW 6 Lotes 9 a 13 RESIDENCIAL Residencial Multifamiliar COMERCIAL 47-G Comércio varejista, exceto: Comércio varejista de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios - hipermercados e supermercados, 47.3 Comércio varejista de combustíveis para veículos automotores, Comércio varejista de gás liquefeito de petróleo (GLP); PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS 33-C Manutenção, reparação e instalação de máquinas e equipamentos; 41-F Construção de edifícios; 49-H Transporte terrestre, apenas: Transporte rodoviário de táxi; 53-H Correio e outras atividades de entrega; 56-I Alimentação; 58-J Edição e edição integrada à impressão; 59-J Atividades cinematográficas, produção de vídeos e de programas de televisão; gravação de som e edição de música; -J Atividades dos serviços de tecnologia da informação; 63-J Atividades de prestação de serviços de informação; 65-K Seguros, resseguros, previdência complementar e planos de saúde; 66-K Atividades auxiliares dos serviços financeiros, seguros, previdência complementar e planos de saúde; 68-L Atividades imobiliárias; 69-M Atividades jurídicas, de contabilidade e de auditoria; 70-M Atividades de sedes de empresas e de consultoria em gestão empresarial; 71-M Serviços de arquitetura e engenharia; testes e análises técnicas; 72-M Pesquisa e desenvolvimento científico; 73-M Publicidade e pesquisa de mercado; 74-M Outras atividades profissionais, científicas e técnicas; 75-M Atividades veterinárias; 77-N Aluguéis não-imobiliários e gestão de ativos intangíveis não-financeiros, apenas: 77.2 Aluguel de objetos pessoais e domésticos; 78-N Seleção, agenciamento e locação de mão-de-obra; 79-N Agências de viagens, operadores turísticos e serviços de reservas; 80-N Atividades de vigilância, segurança e investigação; Folha 9 / 19

10 81-N Serviços para edifícios e atividades paisagísticas; 82-N Serviços de escritório, de apoio administrativo e outros serviços prestados principalmente às empresas; 92-R Atividades de exploração de jogos de azar e apostas; 95-S Reparação e manutenção de equipamentos de informática e comunicação e de objetos pessoais e domésticos; 96-S Outras atividades de serviços pessoais, exceto: atividades funerárias e serviços relacionados manipulação de cadáver; 97-T Serviços domésticos. INDUSTRIAL 10-C Fabricação de produtos alimentícios, apenas: Fabricação de outros produtos alimentícios; 14- C Confecção de artigos do vestuário e acessórios 15-C Preparação de couros e fabricação de artefatos de couro, artigos para viagem e calçados, exceto Curtimento e outras preparações de couro; 32-C Fabricação de produtos diversos; 85-P Educação, apenas: 85.5 Atividades de apoio à educação, 85.9 Atividades de ensino não especificadas anteriormente; 90-R- Atividades artísticas, criativas e de espetáculos; 91-R- Atividades ligadas ao patrimônio cultural e ambiental, exceto: Atividades de jardins botânicos, zoológicos, parques nacionais, reservas ecológicas e áreas de proteção ambiental. 94-S Atividades de Organizações Associativas. QMSW 6 Lote 14 QMSW 6 Lote 15 RESIDENCIAL Residencial Multifamiliar PRESTAÇÃO DE SERVIÇO 61-J Telecomunicações; 84-O Administração Pública, Defesa e Seguridade Social. 35-D Eletricidade, gás e outras utilidades, apenas: 35.1 Geração, transmissão e distribuição de energia elétrica; Folha 10 / 19

11 CCSW 1, 2, 3 e 4 Lotes 1 a 3 CCSW 1, 2, 3 e 4 Lote 4 RESIDENCIAL Residencial Multifamiliar Os pilotis destinam-se ao trânsito de pessoas e à áreas de uso comum; Os subsolos destinam-se à garagens. As coberturas destinam-se às atividades de recreação e lazer e instalações técnicas, podendo ser aproveitadas para o uso coletivo, individual ou misto, sendo vedada a utilização como unidade autônoma. COMERCIAL 47-G Comércio varejista,exceto: hipermercado e supermercado, Comércio varejista de combustíveis para veículos automotores, Comércio varejista de material de construção, Comércio varejista de gás liquefeito de petróleo (GLP). PRESTAÇÃO DE SERVIÇO 32-C Fabricação de produtos diversos; 33-C Manutenção, Reparação e Instalação de máquinas e equipamentos; 41-F Construção de Edifícios; 42-F Obras de infra-estrutura; 43-F Serviços Especializados para construção; 49-H Transporte Terrestre, apenas: Transporte Escolar; 51-H Transporte aéreo; 53-H Correio e outras atividades de entrega; 56-I Alimentação, exceto: 56.2 Serviços de catering, bufê e outros serviços de comida preparada; 58-J Edição e edição integrada à impressão; 59-J Atividades cinematográficas, produção de vídeos e de programas de televisão; gravação de som e edição de música; 60-J Atividades de rádio e televisão; -J Atividades dos serviços de tecnologia da informação; 63-J Atividades de prestação de serviços de informação; 64-K Atividades de serviços financeiros, exceto: 64.1 Banco Central e 64.2 Intermediação monetária; 65-K Seguros, resseguros, previdência complementar e planos de saúde; 66-K Atividades auxiliares dos serviços financeiros, seguros, previdência complementar e planos de saúde; 68-L Atividades Imobiliárias; 69-M Atividades jurídicas, de contabilidade e de auditoria; 70-M Atividades de sedes de empresas e de consultoria em gestão empresarial; Folha 11 / 19

12 71-M Serviços de arquitetura e engenharia; testes e análises técnicas; 72-M Pesquisa e desenvolvimento científico; 73-M Publicidade e pesquisa de mercado; 74-M Outras atividades profissionais, científicas e técnicas; 75-M Atividades veterinárias; 77-N Aluguéis não-imobiliários e gestão de ativos intangíveis não-financeiros, exceto: 77.1 Locação de meios de transporte sem condutor; 78-N Seleção, agenciamento e locação de mão-de-obra; 79-N Agências de viagens, operadores turísticos e serviços de reservas; 80-N Atividades de vigilância, segurança e investigação; 81-N Serviços para edifícios e atividades paisagísticas; 82-N Serviços de escritório, de apoio administrativo e outros serviços prestados principalmente às empresas; 92-R Atividade de exploração de jogos de azar e apostas; 93-R Atividades Esportivas e de Recreação e Lazer; 95-S Reparação e Manutenção de equipamentos de informática e comunicação e de objetos pessoais domésticos; 96-S Outras atividades de serviços pessoais, exceto: Atividades funerárias e serviços relacionados; 97-T Serviços Domésticos. 85-P Educação, apenas: 85.5 Atividades de apoio à educação, 85.9 Outras atividades de ensino; 86-Q Atividades de Atenção à Saúde Humana, apenas: 86.4 Atividades de serviços de complementação diagnóstica e terapêutica, 86.5 Atividades de profissionais da área de saúde, exceto médicos e odontólogos, 86.6 Atividades de apoio à gestão de saúde; 90-R Atividades artísticas, criativas e de espetáculos; 91-R Atividades ligadas ao patrimônio cultural e ambiental; 93-R Atividades Esportivas e de Recreação e Lazer; 94-S Atividades de Organizações Associativas. RESIDENCIAL Residencial Multifamiliar (em pavimentos exclusivos com acesso independente) Folha 12 / 19

13 CCSW 1, 2, 3 e 4 Lotes 5 RESIDENCIAL Residencial Multifamiliar (em pavimentos exclusivos com acesso independente) COMERCIAL 47-G Comércio varejista,exceto: hipermercado e supermercado, Comércio varejista de combustíveis para veículos automotores, Comércio varejista de material de construção, Comércio varejista de gás liquefeito de petróleo (GLP). PRESTAÇÃO DE SERVIÇO 49-H Transporte Terrestre, apenas: Transporte Escolar; 51-H Transporte aéreo; 55-I Alojamento, apenas: /02 Apart-hotéis; 56-I Alimentação, exceto: 56.2 Serviços de catering, bufê e outros serviços de comida preparada; 64-K Atividades de serviços financeiros, apenas: 64.2 Intermediação monetária; CCSW 5 Lotes 1 a 4 CCSW 6 Lotes 1 a 5 94-S Atividades de Organizações Associativas. COMERCIAL 47-G Comércio varejista,exceto: hipermercado e supermercado, Comércio varejista de combustíveis para veículos automotores, Comércio varejista de material de construção, Comércio varejista de gás liquefeito de petróleo (GLP). PRESTAÇÃO DE SERVIÇO 32-C Fabricação de produtos diversos; 33-C Manutenção, Reparação e Instalação de máquinas e equipamentos; 41-F Construção de Edifícios; 42-F Obras de infra-estrutura; 43-F Serviços Especializados para construção; 49-H Transporte Terrestre, apenas: Transporte Escolar; Folha 13 / 19

14 51-H Transporte aéreo; 53-H Correio e outras atividades de entrega; 56-I Alimentação, exceto: 56.2 Serviços de catering, bufê e outros serviços de comida preparada; 58-J Edição e edição integrada à impressão; 59-J Atividades cinematográficas, produção de vídeos e de programas de televisão; gravação de som e edição de música; 60-J Atividades de rádio e televisão; -J Atividades dos serviços de tecnologia da informação; 63-J Atividades de prestação de serviços de informação; 64-K Atividades de serviços financeiros, exceto: 64.1 Banco Central e 64.2 Intermediação monetária; 65-K Seguros, resseguros, previdência complementar e planos de saúde; 66-K Atividades auxiliares dos serviços financeiros, seguros, previdência complementar e planos de saúde; 68-L Atividades Imobiliárias; 69-M Atividades jurídicas, de contabilidade e de auditoria; 70-M Atividades de sedes de empresas e de consultoria em gestão empresarial; 71-M Serviços de arquitetura e engenharia; testes e análises técnicas; 72-M Pesquisa e desenvolvimento científico; 73-M Publicidade e pesquisa de mercado; 74-M Outras atividades profissionais, científicas e técnicas; 75-M Atividades veterinárias; 77-N Aluguéis não-imobiliários e gestão de ativos intangíveis não-financeiros, exceto: 77.1 Locação de meios de transporte sem condutor; 78-N Seleção, agenciamento e locação de mão-de-obra; 79-N Agências de viagens, operadores turísticos e serviços de reservas; 80-N Atividades de vigilância, segurança e investigação; 81-N Serviços para edifícios e atividades paisagísticas; 82-N Serviços de escritório, de apoio administrativo e outros serviços prestados principalmente às empresas; 92-R Atividade de exploração de jogos de azar e apostas; 93-R Atividades Esportivas e de Recreação e Lazer; 95-S Reparação e Manutenção de equipamentos de informática e comunicação e de objetos pessoais domésticos; 96-S Outras atividades de serviços pessoais, exceto: Atividades funerárias e serviços relacionados; 97-T Serviços Domésticos. 85-P Educação, apenas: Folha 14 / 19

15 85.5 Atividades de apoio à educação, 85.9 Outras atividades de ensino; 86-Q Atividades de Atenção à Saúde Humana, apenas: 86.4 Atividades de serviços de complementação diagnóstica e terapêutica, 86.5 Atividades de profissionais da área de saúde, exceto médicos e odontólogos, 86.6 Atividades de apoio à gestão de saúde; 90-R Atividades artísticas, criativas e de espetáculos; 91-R Atividades ligadas ao patrimônio cultural e ambiental; 93-R Atividades Esportivas e de Recreação e Lazer; 94-S Atividades de Organizações Associativas. RESIDENCIAL Residencial Multifamiliar (em pavimentos exclusivos com acesso independente) F DISPOSITIVOS DE CONTROLE MORFOLÓGICO: Manutenção das características morfológicas atuais, com edificações de pequeno e médio porte de 2 e 3 pavimentos. Setor/Lote QMSW 00 Lote 1 QMSW 02 Conjuntos A, B, C QMSW 04 Lote 1 e Lotes 3 a 10 Taxa de Ocupação - TO Afastamentos e Recuos AF TO=60% Frente: 10,00m Fundos: 7,00m TO=100% (Obs. 1) TO=60% Subsolo: 100% (Obs. 4) Coeficiente de Altura Máxima da Taxa de Aproveitamento CA Edificação - H Permeabilidade - TP 1,00 9,00m 20% - 1,80 7,00m (incluindo cx.dágua) 2Pav + Ss (Obs. 2 e 3) - 3,80 (incluídos os 2 subsolos) 9,00m 3Pav + 2Ss 15% - QMSW 06 Lotes 1 a 8 Folha 15 / 19

16 QMSW 04 Lote 2 TO=80% - 1,60 O subsolo quando não utilizado para garagem será computado no CA 11,00m (incluindo cx. dágua) 2Pav + Ss 10% QMSW 05 lotes 1 a 10 TO= 50% Subsolo: 70% (Obs. 5) Lotes 3 a 8 Fundos: 5,00m Lotes 1 e 10 Lateral direita: 5,00m Lotes 2 e 9 Lateral esquerda: 5,00m 1,50 11,00m 3Pav + Ss 15% QMSW 06 Lotes 9 a 13 QMSW 06 Lote 14 QMSW 06 Lote 15 CCSW 1, 2, 3 e 4 (Obs.7, 8, 9, 10 e 11) TO=100% Subsolo: 100% (Obs. 4) TO= 40% Subsolo: 40% Acessos: Lotes ímpares pela Rua E Lotes pares pela Rua C - 3,00 7,00m 10,00m de todas as divisas, inclusive para subsolo. É permitida construção de alambrado ou cerca viva no perímetro do lote com H max=1,80m. 0,80 (não computada a área do subsolo) 2Pav + Ss 7,50m 2Pav + Ss TO=100% - - 3,60m - Lotes 1, 2, 3 e 5 (Obs.6) TO=50% Subsolo=100% Corpo=50% Cobertura=40% Lote 4 CCSW 1 Subsolo=100% Lotes 1 e 3 Divisa com lote 2: 7,00m (quando a fachada voltada para o lote 2 for cega ou contiver vãos de iluminação/aeração de compartimentos de Lotes 1, 2, 3 e 5 (Obs.6) 3,20 (excluido pilotis) Lote 4 CCSW 1 3,2971% Lotes 1, 2, 3 e 5 21,00m Lotes 4 17,50m - 30% - Folha 16 / 19

17 CCSW 5 Lotes 1 a 4 CCSW 6 Lotes 1 a 5 Embasamento=79,81% Mezanino=39,90% 1 Pavimento=60,00% Corpo=50% Lote 4 CCSW 2 Subsolo=100% Embasamento=73,79% Mezanino=36,89% 1 Pavimento=60,00% Corpo=50% Lote 4 CCSW 3 Subsolo=100% Embasamento=71,35% Mezanino=35,78% 1 Pavimento=60,00% Corpo=50% Lote 4 CCSW 4 Subsolo=100% Embasamento=78,63% Mezanino=39,31% 1 Pavimento=60,00% Corpo=50% Lotes 5 Embasamento=75,00% Mezanino=37,50% Corpo=50% Cobertura=40% TO=50% Subsolo=50% (Obs.12) Embasamento=50,00% (Obs.13) Corpo=50% (Obs.14) permanência transitória, o afastamento=3,00m) Lotes 2 Divisas com os lotes 1 e 3: 3,00m Lotes 4 ver croqui NGB 38/99 Lotes 5 sem afastamentos Lote 4 CCSW 2 3,2068% Lote 4 CCSW 3 3,1713% Lote 4 CCSW 4 3,2794% Lotes 5 4,00 (incluídos mezanino e cobertura) - 1,75 7,00m 2Pav + Ss - Folha 17 / 19

18 OBSERVAÇÕES: 1) Será permitida a construção de marquise para proteção do pavimento térreo, desde que a distância de seu limite (beiral) à divisa do lote seja igual a 1,50m, com altura mínima de 2,60m; 2) O pé-direito mínimo do térreo será de 3,00m e do 1 pavimento será de 2,60m; 3) Não será permitido o uso de garagem no subsolo; 4) São permitidos dois subsolos destinados a garagem, depósitos e/ou outras atividades relacionadas com a destinação do lote, desde que asseguradas as condições necessárias de iluminação e ventilação previstas no Código de Edificações do DF. As rampas de acesso aos subsolos e os poços de ventilação deverão ocorrer dentro dos limites do lote. Os subsolos serão computados no coeficiente de aproveitamento. 5) É permitido subsolo destinado a garagem, depósitos e/ou outras atividades relacionadas com a destinação do lote, desde que asseguradas as condições necessárias de iluminação e ventilação previstas no Código de Edificações do DF. As rampas de acesso aos subsolos e os poços de ventilação deverão ocorrer dentro dos limites do lote. Os subsolos serão computados no coeficiente de aproveitamento, exceto no caso dos lotes de uso Institucional. 6) Quando o lote 5 optar pelo uso exclusivamente residencial. 7) Em todos os lotes da CCSW 1, 2, 3 e 4, não serão computados no coeficiente de aproveitamento as áreas de estacionamento em subsolo, as áreas destinadas a circulação de pedestres previstas nos lotes 4 e as varandas de até 1,00m de avanço, observando, no entanto, que a área destas varandas será computada na área total de construção. 8) Nos lotes 1, 2, 3 e 5 das CCSW 1, 2, 3 e 4 será permitida a construção de apartamento de zelador de acordo com o Código de Edificações do DF. 9) Nos lotes 4 da CCSW 1 e 4, será permitida, ao nível da cobertura do primeiro pavimento, a instalação de toldos e elementos decorativos removíveis com avanço de no máximo 6,00m. Os avanços só serão permitidos nas divisas do lote voltadas à praça central. 10) As rampas de acesso aos subsolos deverão ocorrer dentro dos limites do lote. Os patamares de espera deverão, obrigatoriamente, estar contidos, no mínimo 2,00m no interior do lote. 11) Os lotes 1, 2, 3 e 5 das CCSW 1, 2, 3 e 4 deverão ter hall de acesso aos pavimentos superiores voltados obrigatoriamente para as ruas G, I, 2ª ou 4ª Avenidas. Os acessos aos subsolos nos lotes 1, 2 e 3 deverão de dar pelas vias de serviço internas aos pátios dos quarteirões ou pelo estacionamento. 12) O 2 Subsolo destina-se unicamente a garagem enquanto o 1 Subsolo é permitida destinação a garagem, depósitos e/ou outras atividades relacionadas com a destinação do lote, desde que asseguradas as condições necessárias de iluminação e ventilação previstas no Código de Edificações do DF. As rampas de acesso aos subsolos deverão ocorrer dentro dos limites do lote. 13) Nas lojas do pavimento térreo é permitida a construção de mezanino, desde que o pé-direito total (pavimento térreo + mezanino) não ultrapasse 5,50m e sua área de construção não ultrapasse 50% da área do pavimento térreo. 14) Todos os elementos de composição das fachadas (brises, marquises, pilares, beirais, varandas, etc...) deverão estar inteiramente contidos no interior do lote. Folha 18 / 19

19 DISPOSITIVOS DE PARCELAMENTO E QUALIFICAÇÃO URBANA PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO G PARÂMETROS DE PARCELAMENTO DO SOLO: Padrões previstos de parcelamento urbano Permitido (S/N) Lote mínimo (m²) Lote máximo (m²) Novos parcelamentos N - - Desmembramentos N - - Remembramentos N - - H ESPAÇO PÚBLICO: Observações I ESTACIONAMENTOS: J PLANOS E PROJETOS / RECOMENDAÇÕES / OBSERVAÇÕES: Folha 19 / 19

PURP 54 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP9 UP3 SETOR DE RECREAÇÃO PÚBLICA NORTE ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA

PURP 54 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP9 UP3 SETOR DE RECREAÇÃO PÚBLICA NORTE ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA AP9 UP3 Folha 1 / 7 AP9 UP3 Folha 2 / 7 VALOR PATRIMONIAL PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO A ATRIBUTOS DE CONFIGURAÇÃO URBANA: TECIDO (MALHA / PARCELAMENTO DO SOLO / CHEIOS E VAZIOS)

Leia mais

PURP 37 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP7 UP8 SETOR DE CLUBES ESPORTIVOS NORTE SCEN ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA

PURP 37 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP7 UP8 SETOR DE CLUBES ESPORTIVOS NORTE SCEN ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA AP7 UP8 Folha 1 / 11 AP7 UP8 Folha 2 / 11 VALOR PATRIMONIAL PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO A ATRIBUTOS DE CONFIGURAÇÃO URBANA: TECIDO (MALHA / PARCELAMENTO DO SOLO / CHEIOS E VAZIOS)

Leia mais

PURP 33 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP7 UP4 SETOR DE CLUBES ESPORTIVOS SUL SCES ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA

PURP 33 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP7 UP4 SETOR DE CLUBES ESPORTIVOS SUL SCES ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA AP7 UP4 Folha 1 / 14 AP7 AP7 UP4 UP4 SETOR DE CLUBES ESPORTIVOS SUL SCES ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA Folha 2 / 14 VALOR PATRIMONIAL A ATRIBUTOS DE CONFIGURAÇÃO URBANA: TECIDO (MALHA / PARCELAMENTO DO

Leia mais

PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP1 UP3 ESPLANADA DA TORRE DE TV ESCALA PREDOMINANTE: MONUMENTAL PURP 03. AP1 UP3 Folha 1 / 5

PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP1 UP3 ESPLANADA DA TORRE DE TV ESCALA PREDOMINANTE: MONUMENTAL PURP 03. AP1 UP3 Folha 1 / 5 AP1 UP3 Folha 1 / 5 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP1 UP3 AP1 UP3 ESPLANADA DA TORRE DE TV ESCALA PREDOMINANTE: MONUMENTAL Folha 2 / 5 VALOR PATRIMONIAL DISPOSITIVOS DE USO E OCUPAÇÃO

Leia mais

PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP4 UP2 SUPERQUADRAS 400 ESCALA PREDOMINANTE: RESIDENCIAL PURP 16. AP4 UP2 Folha 1 / 12

PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP4 UP2 SUPERQUADRAS 400 ESCALA PREDOMINANTE: RESIDENCIAL PURP 16. AP4 UP2 Folha 1 / 12 AP4 UP2 Folha 1 / 12 AP4 UP2 Folha 2 / 12 AP4 UP2 Folha 3 / 12 AP4 UP2 Folha 4 / 12 AP4 UP2 Folha 5 / 12 VALOR PATRIMONIAL PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO A ATRIBUTOS DE CONFIGURAÇÃO

Leia mais

PURP 36 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP7 UP7 SETOR DE HOTÉIS DE TURISMO - SHT ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA

PURP 36 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP7 UP7 SETOR DE HOTÉIS DE TURISMO - SHT ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA AP7 UP7 Folha 1 / 7 AP7 UP7 Folha 2 / 7 VALOR PATRIMONIAL A ATRIBUTOS DE CONFIGURAÇÃO URBANA: TECIDO (MALHA / PARCELAMENTO DO SOLO / CHEIOS E VAZIOS) A orla foi idealizada por Lucio Costa, em consonância

Leia mais

PURP 15. PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP4 UP1 SUPERQUADRAS 100, 200 e 300 ESCALA PREDOMINANTE: RESIDENCIAL

PURP 15. PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP4 UP1 SUPERQUADRAS 100, 200 e 300 ESCALA PREDOMINANTE: RESIDENCIAL AP4 UP1 Folha 1 / 13 AP4 UP1 Folha 2 / 13 AP4 UP1 Folha 3 / 13 AP4 UP1 Folha 4 / 13 AP4 UP1 Folha 5 / 13 VALOR PATRIMONIAL PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO A ATRIBUTOS DE CONFIGURAÇÃO

Leia mais

AS MELHORES OPORTUNIDADES DE EMPREGO NO SETOR DE SERVIÇOS

AS MELHORES OPORTUNIDADES DE EMPREGO NO SETOR DE SERVIÇOS AS MELHORES OPORTUNIDADES DE EMPREGO NO SETOR DE SERVIÇOS O setor de serviços é, tradicionalmente, a principal porta de entrada no mercado de trabalho. Responsável por aproximadamente 60% do produto interno

Leia mais

ANEXO V-D Usos e Atividades. Enquadramento das atividades nos usos do solo, obedecendo a Legislação Federal, Estadual e Municipal pertinente

ANEXO V-D Usos e Atividades. Enquadramento das atividades nos usos do solo, obedecendo a Legislação Federal, Estadual e Municipal pertinente ANEXO V-D Usos e Atividades Quadro Enquadramento das atividades nos usos do solo, obedecendo a Legislação Federal, Estadual e Municipal pertinente Usos CORRESPONDÊNCIA COM A CLASSIFICAÇÃO NACIONAL DE Instalações

Leia mais

PROCEDIMENTO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE ARQUITETURA

PROCEDIMENTO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE ARQUITETURA 1. PROCEDIMENTO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE Para primeira análise: I. Levantamento Planialtimétrico; II. Projeto de Arquitetura 1 via; III. Memorial de Cálculo de Área Construída e Memorial de Cálculo

Leia mais

PROCEDIMENTO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE ARQUITETURA

PROCEDIMENTO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE ARQUITETURA 1. PROCEDIMENTO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE Para primeira análise: I. Levantamento Planialtimétrico; II. Projeto de Arquitetura via física e via digital; III. Memorial de Cálculo de Área Construída e

Leia mais

Quadro 1 - Intercâmbio Comercial de Serviços por Setor CNAE - Brasil e Argentina

Quadro 1 - Intercâmbio Comercial de Serviços por Setor CNAE - Brasil e Argentina Ficha 02 - Estatísticas de Comércio Exterior de - Argentina Quadro 1 - Intercâmbio Comercial de por Setor CNAE - e Argentina CORRENTE DE COMÉRCIO ENTRE O BRASIL E A ARGENTINA SALDO Argentina Argentina

Leia mais

Unidade de Gestão Estratégica. Perfil Socioeconômico. Regional Noroeste

Unidade de Gestão Estratégica. Perfil Socioeconômico. Regional Noroeste Unidade de Gestão Estratégica Perfil Socioeconômico Regional Noroeste Sebrae em Goiás Conselho Deliberativo Pedro Alves de Oliveira Presidente Diretoria Executiva Igor Montenegro Diretor Superintendente

Leia mais

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS NO LOTEAMENTO ALPHAVILLE MOSSORÓ

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS NO LOTEAMENTO ALPHAVILLE MOSSORÓ MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS NO LOTEAMENTO ALPHAVILLE MOSSORÓ Associação Alphaville Mossoró Janeiro- 2014 ORIENTAÇÕES PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS 1. PROJETOS DE REMEMBRAMENTO E / OU DESMEBRAMENTO

Leia mais

PURP 63 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA. AP 10 UP 8 INSTITUTO DE METEOROLOGIA (INMET), CEB e CAESB

PURP 63 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA. AP 10 UP 8 INSTITUTO DE METEOROLOGIA (INMET), CEB e CAESB AP 10 UP 8 Folha 1 / 6 AP 10 UP 8 Folha 2 / 6 DISPOSITIVOS DE USO E OCUPAÇÃO DO SOLO VALOR PATRIMONIAL PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO A ATRIBUTOS DE CONFIGURAÇÃO URBANA: TECIDO (MALHA

Leia mais

Revisão da Legislação das Áreas Industriais na AP-3 e AP-5

Revisão da Legislação das Áreas Industriais na AP-3 e AP-5 Avenida Brasil HISTÓRICO A partir de 1935 foram definidas zonas de ocupação mais específicas dentre as quais a Zona Industrial. A primeira zona industrial efetivamente delimitada foi a de São Cristóvão.

Leia mais

REGULAMENTO DO LOTEAMENTO ALPHAVILLE GRAVATAÍ

REGULAMENTO DO LOTEAMENTO ALPHAVILLE GRAVATAÍ Anexo B REGULAMENTO DO LOTEAMENTO ALPHAVILLE GRAVATAÍ ÍNDICE I. DEFINIÇÕES...4 II. DISPOSIÇÕES GERAIS...7 III. III.1. III.2. III.2.1 PROJETOS...8 APROVAÇÃO DE PROJETOS E FISCALIZAÇÃO...8 PROJETO DE REMEMBRAMENTO

Leia mais

Prefeitura Municipal de Campinas. Lei de Uso e Ocupação do Solo

Prefeitura Municipal de Campinas. Lei de Uso e Ocupação do Solo Prefeitura Municipal de Campinas Lei de Uso e Ocupação do Solo 1988 PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINAS Lei de Uso e Ocupação do Solo compilação 4º. edição de atualização 2011 concluída em Março/2011 sob

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 755, DE 28 DE JANEIRO DE 2008. (Autoria do Projeto: Poder Executivo)

LEI COMPLEMENTAR Nº 755, DE 28 DE JANEIRO DE 2008. (Autoria do Projeto: Poder Executivo) Publicado no DODF Nº 20, terça-feira, 29 de janeiro de 2008, pág. 2 a 4. LEI COMPLEMENTAR Nº 755, DE 28 DE JANEIRO DE 2008. (Autoria do Projeto: Poder Executivo) Define critérios para ocupação de área

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 019, DE 09 DE AGOSTO DE 2006. ESTABELECE NORMAS SOBRE EDIFICAÇÕES NO CONDOMÍNIO BOSQUES DE ATLÂNTIDA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

LEI COMPLEMENTAR Nº 019, DE 09 DE AGOSTO DE 2006. ESTABELECE NORMAS SOBRE EDIFICAÇÕES NO CONDOMÍNIO BOSQUES DE ATLÂNTIDA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. ESTABELECE NORMAS SOBRE EDIFICAÇÕES NO CONDOMÍNIO BOSQUES DE ATLÂNTIDA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. CELSO BASSANI BARBOSA, Prefeito Municipal de Xangri-Lá, FAÇO SABER que a Câmara Municipal de Vereadores

Leia mais

Material preliminar sujeito a alteração e exclusivo para uso interno da Even. Proibida a divulgação. As unidades só poderão ser comercializadas

Material preliminar sujeito a alteração e exclusivo para uso interno da Even. Proibida a divulgação. As unidades só poderão ser comercializadas Campanha Material preliminar sujeito a alteração e exclusivo para uso interno da Even. Proibida a divulgação. As unidades só poderão ser comercializadas mediante Registro de Incorporação Levar potenciais

Leia mais

3,7 km do Shopping Paulista 4,2 km da Avenida Paulista 3,5 km do Centro Cultural SP

3,7 km do Shopping Paulista 4,2 km da Avenida Paulista 3,5 km do Centro Cultural SP Localização Localização ] 3,7 km do Shopping Paulista 4,2 km da Avenida Paulista 3,5 km do Centro Cultural SP A Vila Mariana é um bairro desejado pelos paulistanos que valorizam a qualidade de vida, traduzida

Leia mais

Subclasse CNAE 2.0 DENOMINAÇÃO

Subclasse CNAE 2.0 DENOMINAÇÃO Anexo I da Resolução CGSN nº 6, de 18 de junho de 2007 - Códigos previstos na CNAE impeditivos ao Simples Nacional (Vigência a partir de 1º de dezembro de 2010) Subclasse CNAE 2.0 DENOMINAÇÃO 0910-6/00

Leia mais

Projetistas Arquitetura e Paisagismo Idea Arquitetura e Design A Idea atua no Ceará na área de projetos de arquitetura desde 2007. Sob a direção dos arquitetos Fabián Salles e Geraldo Duarte, coordenação

Leia mais

Tabela de Honorários Profissionais (fev/09) TABELA DE PREÇOS DE PROJETOS RESIDENCIAIS UNIFAMILIARES (Com as aprovações necessárias)

Tabela de Honorários Profissionais (fev/09) TABELA DE PREÇOS DE PROJETOS RESIDENCIAIS UNIFAMILIARES (Com as aprovações necessárias) PROJETOS Mínimo de R$/m 2 Média a R$/m² Arquitetura R$ 14,00 R$ 32,00 Cálculo Estrutural R$ 8,00 R$ 18,00 Instalações Elétricas e Telefônicas R$ 6,00 R$ 14,00 Instalações Hidro-sanitárias R$ 6,00 R$ 14,00

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VENDA NOVA DO IMIGRANTE ESTADO DO ESPÍRITO SANTO

PREFEITURA MUNICIPAL DE VENDA NOVA DO IMIGRANTE ESTADO DO ESPÍRITO SANTO PREFEITURA MUNICIPAL DE VENDA NOVA DO IMIGRANTE ESTADO DO ESPÍRITO SANTO LEI Nº668/2005 DISPÕE SOBRE ALTERAÇÃO NO CÓDIGO TRIBUTÁRIO MUNICIPAL - LEI Nº513/2001. O Prefeito Municipal de Venda Nova do Imigrante,

Leia mais

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO / NOTURNO PROGRAMA DE DISCIPLINA

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO / NOTURNO PROGRAMA DE DISCIPLINA CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO / NOTURNO PROGRAMA DE DISCIPLINA DISCIPLINA: Oficina Temática de Habitação Verticalizada CÓDIGO: PRJ 061 CLASSIFICAÇÃO: Optativa PRÉ-REQUISITO: não tem CARGA HORÁRIA: TÉORICA

Leia mais

ATIVIDADES IMPEDITIVAS AO SIMPLES NACIONAL

ATIVIDADES IMPEDITIVAS AO SIMPLES NACIONAL CNAE ATIVIDADES IMPEDITIVAS AO Para verificar se a ME ou EPP atende aos requisitos pertinentes quando da opção ao Simples Nacional, serão utilizados os códigos de atividades econômicas previstos na Classificação

Leia mais

11 3159 1970 www.apiacasarquitetos.com.br IGREJA PRESBITERIANA UNIDA COREANA DE SÃO PAULO. São Paulo - SP - 2007

11 3159 1970 www.apiacasarquitetos.com.br IGREJA PRESBITERIANA UNIDA COREANA DE SÃO PAULO. São Paulo - SP - 2007 IGREJA PRESBITERIANA UNIDA COREANA DE SÃO PAULO São Paulo - SP - 2007 MEMORIAL Sítio e Programa. Linha, Cubo, Praça e Árvore O projeto arquitetônico para o Complexo Unida parte de duas condicionantes

Leia mais

ANEXO 02 Tabela de Atividades dos Usos do Solo.

ANEXO 02 Tabela de Atividades dos Usos do Solo. Residencial, Comercial, Serviços, Atividades Especiais e Atividades Primárias USO RESIDENCIAL R.1 Residencial Tipo I Residencial unifamiliar R.2 Residencial Tipo II Residencial multifamiliar horizontal

Leia mais

LOTEAMENTO VILLAGGIO DI FIRENZE Av. Dr. Armando Sales de Oliveira Nº 400 Franca - SP

LOTEAMENTO VILLAGGIO DI FIRENZE Av. Dr. Armando Sales de Oliveira Nº 400 Franca - SP LOTEAMENTO VILLAGGIO DI FIRENZE Av. Dr. Armando Sales de Oliveira Nº 400 Franca - SP CARTILHA DE CONSTRUÇÃO Seguem especificações para as construções nos lotes do Loteamento Villaggio Di Firenze: A) Conforme

Leia mais

ORIENTAÇÕES BÁSICAS Lei Complementar 06/2013

ORIENTAÇÕES BÁSICAS Lei Complementar 06/2013 ORIENTAÇÕES BÁSICAS Lei Complementar 06/2013 Secretaria Municipal do Planejamento, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia A Prefeitura de Araguaína desenvolveu esta Cartilha para orientar a população sobre

Leia mais

RESIDENCIAL CENTRAL PARK RIO VERDE

RESIDENCIAL CENTRAL PARK RIO VERDE MEMORIAL DE INCORPORAÇÃO 01 - SITUAÇÃO O empreendimento, situar-seá Avenida I (Direita), Quadra 12, Lotes 04, 05 e 06, Parque dos Buritis e Rua Onze, Quadra 01, Lote 14, Parque Solar do Agreste, Gleba

Leia mais

PROJETO DE LEI CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES. Art. 1º - Esta Lei dispõe sobre o Código de Obras e Edificações do Município

PROJETO DE LEI CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES. Art. 1º - Esta Lei dispõe sobre o Código de Obras e Edificações do Município PROJETO DE LEI Dispõe sobre o Código de Obras e Edificações do Município de Toledo. O POVO DO MUNICÍPIO DE TOLEDO, por seus representantes na Câmara Municipal, aprovou e o Prefeito Municipal, em seu nome,

Leia mais

REGULAMENTO DE HONORÁRIOS PARA PROJETOS, ASSESSORIA TÉCNICA E CONSULTORIA EM SISTEMAS DE AR CONDICIONADO, AQUECIMENTO E VENTILAÇÃO MECÂNICA

REGULAMENTO DE HONORÁRIOS PARA PROJETOS, ASSESSORIA TÉCNICA E CONSULTORIA EM SISTEMAS DE AR CONDICIONADO, AQUECIMENTO E VENTILAÇÃO MECÂNICA REGULAMENTO DE HONORÁRIOS PARA PROJETOS, ASSESSORIA TÉCNICA E CONSULTORIA EM SISTEMAS DE AR CONDICIONADO, AQUECIMENTO E VENTILAÇÃO MECÂNICA Rev.02(2011) ÍNDICE ITEM 1. APRESENTAÇÃO 2. ATRIBUIÇÕES DOS PROJETISTAS

Leia mais

R E S I D E N C I A L

R E S I D E N C I A L Caderno técnico Águas claras em poucos minutos Olhe ao seu redor e pense em tudo o que você precisa para morar bem. Supermercados, metrô, instituições de ensino superior, bancos e shoppings centers. No

Leia mais

D.O. Ano IV nº 245 Terça-feira, 12 de março de 1991 DECRETO Nº 10.040, DE 11 DE MARÇO DE 1991. Estabelece as condições relativas ao Regulamento de

D.O. Ano IV nº 245 Terça-feira, 12 de março de 1991 DECRETO Nº 10.040, DE 11 DE MARÇO DE 1991. Estabelece as condições relativas ao Regulamento de D.O. Ano IV nº 245 Terça-feira, 12 de março de 1991 DECRETO Nº 10.040, DE 11 DE MARÇO DE 1991 Estabelece as condições relativas ao Regulamento de Zoneamento para a Zona Especial 8 (ZE-8) Cidade Nova, na

Leia mais

NORMAS APLICÁVEIS A PROJETO DE EDIFICAÇÃO MULTIRESIDENCIAL 2ª Versão 22/11/2005 (Por tipo de planta)

NORMAS APLICÁVEIS A PROJETO DE EDIFICAÇÃO MULTIRESIDENCIAL 2ª Versão 22/11/2005 (Por tipo de planta) 1/7 COORDENADORIA DE CONTROLE URBANO DEPARTAMENTO DE LICENCIAMENTO DIVISÃO DE LICENCIAMENTO MULTIRESIDENCIAL NORMAS APLICÁVEIS A PROJETO DE EDIFICAÇÃO MULTIRESIDENCIAL 2ª Versão 22/11/2005 (Por tipo de

Leia mais

VOTAÇÃO VOTAÇÃO. 152 Sinduscon-RS III suprimido. Atendimento de casos usuais presentes na cidade. VOTAÇÃO. PDDUA - Lei 434/99.

VOTAÇÃO VOTAÇÃO. 152 Sinduscon-RS III suprimido. Atendimento de casos usuais presentes na cidade. VOTAÇÃO. PDDUA - Lei 434/99. Art. 107. As áreas construídas não-adensáveis são as áreas destinadas a atividades complementares à atividade principal e as destinadas aos serviços gerais e de apoio à edificação, relacionadas no 1º deste

Leia mais

PLANO DE PRESERVAÇÃO DO CONJUNTO URBANÍSTICO DE BRASÍLIA PPCUB - PLC 078/2013 PRINCIPAIS ALTERAÇÕES PROPOSTAS

PLANO DE PRESERVAÇÃO DO CONJUNTO URBANÍSTICO DE BRASÍLIA PPCUB - PLC 078/2013 PRINCIPAIS ALTERAÇÕES PROPOSTAS PLANO DE PRESERVAÇÃO DO CONJUNTO URBANÍSTICO DE BRASÍLIA PPCUB - PLC 078/2013 PRINCIPAIS ALTERAÇÕES PROPOSTAS Vera Ramos - Arquiteta e Urbanista Diretora de Patrimônio Cultural Instituto Histórico e Geográfico

Leia mais

Art. 6º - As edificações residenciais, segundo o tipo de utilização de suas unidades, poderão ser privativas ou coletivas.

Art. 6º - As edificações residenciais, segundo o tipo de utilização de suas unidades, poderão ser privativas ou coletivas. Código de Obras - REGULAMENTO DE CONSTRUÇÕES E EDIFICAÇÕES CAPÍTULO I CONCEITOS GERAIS Art. 1º - Para efeito de aplicação das normas deste Regulamento, uma edificação é caracterizada pela existência do

Leia mais

CORREDOR TRANSCARIOCA

CORREDOR TRANSCARIOCA P R E F E I T U R A DA C I D A D E DO R IO DE J A N E I R O S E C R E TA R I A M U N I C I PA L DE U R B A N I S M O C O O R D E N A D O R I A G E R A L DE P L A N E J A M E N T O URBANO C O O R D E N

Leia mais

DECRETO Nº 56.089, DE 30 DE ABRIL DE 2015

DECRETO Nº 56.089, DE 30 DE ABRIL DE 2015 Secretaria Geral Parlamentar Secretaria de Documentação Equipe de Documentação do Legislativo DECRETO Nº 56.089, DE 30 DE ABRIL DE 2015 Regulamenta dispositivos da Lei nº 16.050, de 31 de julho de 2014,

Leia mais

Perfil Econômico Municipal

Perfil Econômico Municipal indústria Extração de carvão mineral Extração de petróleo e gás natural Extração de minerais metálicos Extração de minerais não-metálicos Fabricação de alimentos e bebidas Fabricação de produtos do fumo

Leia mais

Neste item estão relacionados os seguintes edifícios: Ficha 24 Edifício Jardim Buenos Aires 1962. Ficha 28 Edifício Vera Maria - década de 1960

Neste item estão relacionados os seguintes edifícios: Ficha 24 Edifício Jardim Buenos Aires 1962. Ficha 28 Edifício Vera Maria - década de 1960 4.3 Disseminação do Moderno: década de 1960 Neste item estão relacionados os seguintes edifícios: Ficha 23 Edifício Arabá 1960-1962 Ficha 24 Edifício Jardim Buenos Aires 1962 Ficha 25 Edifício Pernambuco

Leia mais

REGULAMENTO DE EDIFICAÇÕES (Consta da Ata de Constituição da Associação Residencial Morada do Engenho, registrada sob n 51.758 )

REGULAMENTO DE EDIFICAÇÕES (Consta da Ata de Constituição da Associação Residencial Morada do Engenho, registrada sob n 51.758 ) REGULAMENTO DE EDIFICAÇÕES (Consta da Ata de Constituição da Associação Residencial Morada do Engenho, registrada sob n 51.758 ) Este regulamento sem prejuízo das Restrições Convencionais, tem como objetivo

Leia mais

ORIENTAÇÕES INICIAIS PARA PROPRIETÁRIOS E ARQUITETOS

ORIENTAÇÕES INICIAIS PARA PROPRIETÁRIOS E ARQUITETOS 1. ROTEIRO PARA APROVAÇÃO E LIBERAÇÃO DE PROJETOS E OBRAS: PROJETOS A. Aprovação do Projetos pelo Depto. Técnico da Associação B. Aprovação do Projeto e Solicitação de Alvará de Construção na Prefeitura

Leia mais

ESTABELECIMENTOS NO MUNICÍPIO DE PIRACICABA POR SUBSETOR DO COMÉRCIO VAREJISTA - 2000

ESTABELECIMENTOS NO MUNICÍPIO DE PIRACICABA POR SUBSETOR DO COMÉRCIO VAREJISTA - 2000 ESTABELECIMENTOS NO MUNICÍPIO DE PIRACICABA POR SUBSETOR DO COMÉRCIO VAREJISTA - 2000 Comércio Varejista 2000 Comércio a Varejo e por Atacado de VeículosAutomotores 50 Manutenção e Reparação de VeículosAutomotores

Leia mais

NORMAS TÉCNICAS Para implantação de empresas em áreas e Distritos Industriais da CODEMIG

NORMAS TÉCNICAS Para implantação de empresas em áreas e Distritos Industriais da CODEMIG NORMAS TÉCNICAS Para implantação de empresas em áreas e Distritos Industriais da CODEMIG 1 S U M Á R I O CAPÍTULO APRESENTAÇÃO PÁGINA I Disposições Preliminares 02 II Uso e Ocupação do Solo 03 III Projetos

Leia mais

O PREFEITO DE SÃO LUÍS, Capital do Estado do Maranhão.

O PREFEITO DE SÃO LUÍS, Capital do Estado do Maranhão. Lei 4.052, de 13 de março de 2002 Define condições para a instalação de pólos geradores de tráfego, estabelecendo-lhes exigências; critérios para quantidade de vagas de carga e descarga, embarque e desembarque,

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES. Art. 1.º Esta lei complementar estabelece as exigências quanto a:

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES. Art. 1.º Esta lei complementar estabelece as exigências quanto a: Atualizada até LC 610/2007. LEI COMPLEMENTAR N.º 528 DE 18 DE ABRIL DE 2005 ESTABELECE A OBRIGATORIEDADE DE VAGAS PARA ESTACIONAMENTO PARA EDIFICAÇÕES EM GERAL E A ADOÇÃO DE MEDIDAS MITIGADORAS ÀS ATIVIDADES

Leia mais

Viamprom Construções Ltda. (Sociedade de Propósito Específico SPE). Tetto Empreendimentos Imobiliário e Paulo Baeta Empreendimentos.

Viamprom Construções Ltda. (Sociedade de Propósito Específico SPE). Tetto Empreendimentos Imobiliário e Paulo Baeta Empreendimentos. 1) Incorporação: Viamprom Construções Ltda. (Sociedade de Propósito Específico SPE). 2) Autoria dos Projetos: Crosara Arquitetura e Consultoria Ltda. CREA nº 7950/RF-DF 3) Planejamento e Vendas: Tetto

Leia mais

DESENHO ARQUITETÔNICO CEPREVI 2012

DESENHO ARQUITETÔNICO CEPREVI 2012 DESENHO ARQUITETÔNICO CEPREVI 2012 OBJETIVO: Tornar o aluno apto a interpretação do desenho técnico e das simbologias utilizadas em projetos de segurança contra incêndio e pânico; Identificar e compreender

Leia mais

PURP 53 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP9 UP2 PARQUE DA CIDADE SARAH KUBITSCHEK ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA

PURP 53 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO AP9 UP2 PARQUE DA CIDADE SARAH KUBITSCHEK ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA AP9 UP2 Folha 1 / 6 AP9 AP9 UP2 UP2 PARQUE DA CIDADE SARAH KUBITSCHEK ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA Folha 2 / 6 VALOR PATRIMONIAL A ATRIBUTOS DE CONFIGURAÇÃO URBANA: TECIDO (MALHA / PARCELAMENTO DO SOLO

Leia mais

UNIVERSIDADE COMUNITÁRIA DA REGIÃO DE CHAPECÓ ÁREA DE CIÊNCIAS EXATAS E AMBIENTAIS CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO

UNIVERSIDADE COMUNITÁRIA DA REGIÃO DE CHAPECÓ ÁREA DE CIÊNCIAS EXATAS E AMBIENTAIS CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO UNIVERSIDADE COMUNITÁRIA DA REGIÃO DE CHAPECÓ ÁREA DE CIÊNCIAS EXATAS E AMBIENTAIS CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO Projeto Arquitetônico I 2015/01 Representação de projetos de arquitetura - NBR 6492 Arquitetura

Leia mais

ZONAS ESPECIAIS DE INTERESSE SOCIAL ZEIS

ZONAS ESPECIAIS DE INTERESSE SOCIAL ZEIS ZONAS ESPECIAIS DE INTERESSE SOCIAL ZEIS De acordo com o Plano Diretor as ZONAS ESPECIAIS DE INTERESSE SOCIAL ZEIS são porções do território destinadas, prioritariamente, à recuperação urbanística, à regularização

Leia mais

BRASÍLIA - PATRIMÔNIO CULTURAL DA HUMANIDADE

BRASÍLIA - PATRIMÔNIO CULTURAL DA HUMANIDADE GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL SECRETARIA DE ESTADO DE GOVERNO COORDENADORIA DAS CIDADES ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO SUDOESTE/OCTOGONAL Alvarás Emitidos 30/10/2013 00409/2013 302.000.475/2013 Nova Indeterminado

Leia mais

ANEXO 5 - TABELA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS TABELA DE CONTROLE URBANÍSTICO

ANEXO 5 - TABELA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS TABELA DE CONTROLE URBANÍSTICO ANEXO 5.1 - ZONA COMERCIAL 1 ZC1 mínimo básico máximo (1) ocupação permeabilidade frente fundo Residencial Unifamiliar qualquer via, as atividades classificadas em G2 nas vias coletoras e superiores e

Leia mais

Prepare-se para ter vida nova.

Prepare-se para ter vida nova. Prepare-se para ter vida nova. O abrigo da família. Um lugar pra chamar de seu. Para receber os amigos. Para ter sossego a todo instante. Pra viver intensamente. Esse empreendimento tem a garantia da Perspectiva

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO NORTE SUL TOWER. Apresentação:

MEMORIAL DESCRITIVO NORTE SUL TOWER. Apresentação: Apresentação: A GS Construtora é uma empresa que atua no ramo da construção civil desde 1994. Empresa sólida e conceituada no mercado, certificada pela norma NBR ISO 9001 E PBQPH Nível A (Programa Brasileiro

Leia mais

http://www.portaldaindustria.com.br/senai/iniciativas/programas/educacao-a-distancia/2012/09/1,5682/lista-de-cursos.html

http://www.portaldaindustria.com.br/senai/iniciativas/programas/educacao-a-distancia/2012/09/1,5682/lista-de-cursos.html www.cni.org.br http://www.portaldaindustria.com.br/senai/iniciativas/programas/educacao-a-distancia/2012/09/1,5682/lista-de-cursos.html Lista de cursos Atualmente, do total de cursos a distância ofertados

Leia mais

Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2013

Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2013 Programa 2117 - Programa de Gestão e Manutenção do Ministério das Comunicações Número de Ações 18 Tipo: Operações Especiais 09HB - Contribuição da União, de suas Autarquias e Fundações para o Custeio do

Leia mais

A CÂMARA MUNICIPAL DE NITERÓI DECRETA E EU SANCIONO E PROMULGO A SEGUINTE LEI: TÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

A CÂMARA MUNICIPAL DE NITERÓI DECRETA E EU SANCIONO E PROMULGO A SEGUINTE LEI: TÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Lei nº 1.470/95 Publicada no D.O. de 12/12/1995 COM AS ALTERAÇÕES FEITAS PELAS LEIS 1563/96 E 1594/97 Dispõe sobre as condições para uso e ocupação do solo e conceitua parâmetros cujo detalhamento se dá

Leia mais

II Desenho na escala de 1:100 (uma para cem); III Cotas necessárias à perfeita compreensão do projeto; 1º - O projeto simplificado deverá apresentar:

II Desenho na escala de 1:100 (uma para cem); III Cotas necessárias à perfeita compreensão do projeto; 1º - O projeto simplificado deverá apresentar: Institui Projeto Simplificado e dispõe sobre a forma de apresentação de projetos de construção de edificações residenciais unifamiliares, e dá outras providências. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE GUARATINGUETÁ

Leia mais

Projetistas Interiores Débora Aguiar Arquitetura idea! Arquitetura + Design A Idea! atua no Ceará na área de projetos de arquitetura desde 2007. Sob a direção dos arquitetos Fabián Salles e Geraldo Duarte,

Leia mais

Material sujeito a alteração e exclusivo para uso interno da Even. Proibida a divulgação.

Material sujeito a alteração e exclusivo para uso interno da Even. Proibida a divulgação. TRANQUILIDADE PARA FAZER TUDO A PÉ INCLUSIVE PASSEAR COM O MEU FILHO LOCALIZAÇÃO Macroregião Hípica Paulista MOEMA Pte. Estaiada Shopping D&D BROOKLIN Shopping Ibirapuera Etna Rede Globo Hyatt C&C Futura

Leia mais

ANEXO 6 ENQUADRAMENTO DAS ATIVIDADES NOS USOS NÍVEL 1 USOS DE BAIXÍSSIMO IMPACTO E INCOMODIDADE

ANEXO 6 ENQUADRAMENTO DAS ATIVIDADES NOS USOS NÍVEL 1 USOS DE BAIXÍSSIMO IMPACTO E INCOMODIDADE ANEXO 6 ENQUADRAMENTO DAS ATIVIDADES NOS USOS NÍVEL 1 USOS DE BAIXÍSSIMO IMPACTO E INCOMODIDADE Serviços profissionais domiciliares: serviços profissionais liberais, técnicos ou universitários e outras

Leia mais

O Champagnat 2340 Office & Residence tem localização privilegiada e prática.

O Champagnat 2340 Office & Residence tem localização privilegiada e prática. LOCALIZAÇÃO LOCALIZAÇÃO O Champagnat 2340 Office & Residence tem localização privilegiada e prática. Ao lado de serviços e lazer como: supermercados, farmácias, bancos, shoppings, academias, transporte,

Leia mais

WWW.FAENGE.COM.BR/MONUMENTAL

WWW.FAENGE.COM.BR/MONUMENTAL SUDOESTE UNIDADES A PARTIR DE 30M 2 E COM PÉ-DIREITO DUPLO. UNINDO OS ESPAÇOS VOCÊ AINDA PODE ATINGIR TAMANHOS SUPERIORES A 200M 2. QUEM QUER INVESTIR NO MELHOR EMPREENDIMENTO INSTITUCIONAL DA CIDADE JÁ

Leia mais

CRITÉRIOS DE EDIFICAÇÃO

CRITÉRIOS DE EDIFICAÇÃO CRITÉRIOS DE EDIFICAÇÃO São os seguintes os Critérios de Edificação para o Condomínio Quintas do Sol, aprovados na Assembléia Geral Extraordinária realizada em 08.12.2002 e complementados na AGE de 17.10.2004.

Leia mais

Infraestrura. Comodidade de serviços: Restaurantes, academias, Correio, bancos, concessionárias de carros, escolas, faculdades

Infraestrura. Comodidade de serviços: Restaurantes, academias, Correio, bancos, concessionárias de carros, escolas, faculdades Localização Infraestrura Próximo aos principais acessos: Marginais, Praça Panamericana Centros de compras: Shopping Villa Lobos, Cobasi, Ceagesp, Supermercados, lojas de materiais de construção Comodidade

Leia mais

3.6.4 As inscrições dos alunos far-se-ão de acordo com as seguintes regras:

3.6.4 As inscrições dos alunos far-se-ão de acordo com as seguintes regras: Tabela de precedências de Inscrição para efeitos de inscrição Extraordinária (aplicação do 3.6.5. do Regulamento Pedagógico) 3.6.4 As inscrições dos alunos far-se-ão de acordo com as seguintes regras:

Leia mais

PARECER TÉCNICO nº 001/13

PARECER TÉCNICO nº 001/13 PARECER TÉCNICO 00/3 Cliente XU FU HENG AV. DA CATANHEIRA, LT 3350, TORRE J, APTO 306. R.A ÁGUA CLARA BRAÍLIA 747.323.8234 4 IMÓVEL Área (m²) Edificação Apto. 306 Tipo de Imóvel Apartamento Terreno F.

Leia mais

no uso de suas atribuições legais e tendo em vista o que consta do processo n.º 14/978/88,

no uso de suas atribuições legais e tendo em vista o que consta do processo n.º 14/978/88, Decreto n.º 7914 de 03 de agosto de 1988 stabelece condições de uso e ocupação do solo para a 50a. Unidade spacial de Planejamento(UP), que corresponde aos bairros de BANGU, PADR MIGUL e SNADOR CAMARÁ,

Leia mais

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DOS PROJETOS

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DOS PROJETOS MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DOS PROJETOS 1 1. AUTORIZAÇÕES E CADASTRAMENTO: Para entrada de profissionais e execução de serviços como LEVANTAMENTO PLANIALTIMÉTRICO e SONDAGEM, será necessária a autorização

Leia mais

NORTE 2020 Sistemas de Incentivos às Empresas. Eunice Silva Castelo de Paiva, 18.02.2016

NORTE 2020 Sistemas de Incentivos às Empresas. Eunice Silva Castelo de Paiva, 18.02.2016 NORTE 2020 Sistemas de Incentivos às Empresas Eunice Silva Castelo de Paiva, 18.02.2016 SISTEMAS DE INCENTIVOS ÀS EMPRESAS INOVAÇÃO EMPRESARIAL EMPREENDEDORISMO QUALIFICAÇÃO DE PME INTERNACIONALIZAÇÃO

Leia mais

Sistema Integrado de Normas Jurídicas do Distrito Federal SINJ-DF

Sistema Integrado de Normas Jurídicas do Distrito Federal SINJ-DF Sistema Integrado de Normas Jurídicas do Distrito Federal SINJ-DF DECRETO N 29.590, DE 09 DE OUTUBRO DE 2008. Regulamenta a Lei Complementar n 755, de 28 de janeiro de 2008, no que se refere à Concessão

Leia mais

Prefeitura Municipal de Lagoa Santa

Prefeitura Municipal de Lagoa Santa CEP 33400-000 - ESTADO DE MINAS GERAIS LEI Nº 3.318, DE 12 DE SETEMBRO DE 2012 Dispõe sobre a implantação do Programa "Minha Casa, Minha Vida" - para famílias com renda entre 3 (três)e 6 (seis) salários

Leia mais

PROCEDIMENTO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE ARQUITETURA

PROCEDIMENTO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE ARQUITETURA 1. PROCEDIMENTO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE Para primeira análise: I. Levantamento Planialtimétrico; II. Projeto de Arquitetura III. Memorial de Cálculo de Área Construída e Memorial de Cálculo de Área

Leia mais

Material preliminar sujeito a alteração. Uso exclusivo da Lopes.

Material preliminar sujeito a alteração. Uso exclusivo da Lopes. LOCALIZAÇÃO QUIZ SHOPPING PRODUTO TRANSPORTE MERCADO MICROREGIÃO STORY OPÇÕES DE SERVIÇOS AO LADO DO EMPREENDIMENTO STORY ACESSO FÁCIL PARA MARGINAL PINHEIROS PELA AV. ALEXANDRE MACKENZIE APENAS 1KM LIGANDO

Leia mais

PROGRAMA DE COOPERAÇÃO TRANSNACIONAL

PROGRAMA DE COOPERAÇÃO TRANSNACIONAL PROGRAMA DE COOPERAÇÃO TRANSNACIONAL MADEIRA-AÇORES-CANÁRIAS 2014-2020 Angra do Heroísmo, 29 janeiro 2016 ASPECTOS PRÁTICOS DA EXECUÇÃO DE PROJETOS (REGULAMENTO DELEGADO (UE) N.º 481/2014 ) NORMAS DE ELEGIBILIDADE

Leia mais

Unidade de Gestão Estratégica. Perfil Socioeconômico. Regional Centro

Unidade de Gestão Estratégica. Perfil Socioeconômico. Regional Centro Unidade de Gestão Estratégica Perfil Socioeconômico Regional Centro Sebrae em Conselho Deliberativo Pedro Alves de Oliveira Presidente Diretoria Executiva Igor Montenegro Diretor Superintendente Wanderson

Leia mais

Correspondência entre a CNAE e a CNAE 1.0 (sintética)

Correspondência entre a CNAE e a CNAE 1.0 (sintética) Correspondência entre a CNAE e a CNAE 1.0 (sintética) A tabela de correspondência, a seguir, indica apenas os códigos que sofreram alterações na CNAE 1.0. Todas as classes não listadas têm o mesmo conteúdo

Leia mais

TABELA DE REFERÊNCIA DE HONORÁRIOS PROFISSIONAIS. Registrada no CREA-PR Sessão Plenária n.º 741, de 10/06/1.997

TABELA DE REFERÊNCIA DE HONORÁRIOS PROFISSIONAIS. Registrada no CREA-PR Sessão Plenária n.º 741, de 10/06/1.997 TABELA DE REFERÊNCIA DE HONORÁRIOS PROFISSIONAIS Registrada no CREA-PR Sessão Plenária n.º 741, de 10/06/1.997 INTRODUÇÃO Há muito tempo o C.E.A.L. - Clube de Engenharia e Arquitetura de Londrina, pretende

Leia mais

Fabricação de artigos do vestuário, produzidos em malharias e tricotagens, exceto meias

Fabricação de artigos do vestuário, produzidos em malharias e tricotagens, exceto meias CNAE Grupo CNAE Descrição CNAE Grau de risco 4.-8 4 Confecção de roupas íntimas 4.-6 4 Confecção de peças do vestuário, exceto roupas íntimas 4.3-4 4 Confecção de roupas profissionais 4.4-4 Fabricação

Leia mais

TERMINAL DE CARGAS. Profª Janaína Araújo, MSc.

TERMINAL DE CARGAS. Profª Janaína Araújo, MSc. TERMINAL DE CARGAS Profª Janaína Araújo, MSc. Carga Aérea Generalidades Carga aérea : conjunto de bens transportados por via aérea que geram receita; material transportado por meio de aeronaves cujos valores

Leia mais

M E M O R I A L D E S C R I T I V O

M E M O R I A L D E S C R I T I V O A. O EMPREENDIMENTO Serão construídas 03 (três) torres de apartamentos de arquitetura contemporânea compostos por 2 (dois) subsolos, térreo e 13 (treze) pavimentos tipo, com amplos espaços de convívio

Leia mais

FOTO DO LOCAL Já em operação

FOTO DO LOCAL Já em operação O Aquiraz Riviera Toda a infraestrutura do AQUIRAZ RIVIERA, O maior complexo de lazer e turismo de padrão internacional no ceará, à sua disposição. FOTO DO LOCAL Já em operação Campo de Golfe Foto do local

Leia mais

DESTAQUE ADEMI PRÊMIO MASTER IMOBILIÁRIO 2010 - RIO DE JANEIRO REGULAMENTO DO CONCURSO

DESTAQUE ADEMI PRÊMIO MASTER IMOBILIÁRIO 2010 - RIO DE JANEIRO REGULAMENTO DO CONCURSO DESTAQUE ADEMI PRÊMIO MASTER IMOBILIÁRIO 2010 - RIO DE JANEIRO REGULAMENTO DO CONCURSO 1. Objetivo do prêmio 1.1. O DESTAQUE ADEMI PRÊMIO MASTER IMOBILIÁRIO 2010 RIO DE JANEIRO tem como objetivo reconhecer

Leia mais

Índices Urbanísticos. Prof. Dr. Eduardo A. C. Nobre. FAUUSP AUP 0573 Desenho Urbano: da teoria ao projeto

Índices Urbanísticos. Prof. Dr. Eduardo A. C. Nobre. FAUUSP AUP 0573 Desenho Urbano: da teoria ao projeto Índices Urbanísticos Prof. Dr. Eduardo A. C. Nobre FAUUSP AUP 0573 Desenho Urbano: da teoria ao projeto 1. Densidade Demográfica Densidade Demográfica é a relação entre a população e uma determinada área.

Leia mais

LEGISLAÇÃO DE ORDENAMENTO DO USO E OCUPAÇÃO DO SOLO

LEGISLAÇÃO DE ORDENAMENTO DO USO E OCUPAÇÃO DO SOLO LEGISLAÇÃO DE ORDENAMENTO DO USO E OCUPAÇÃO DO SOLO ANEXO IX TEXTO ATUALIZADO DA LEI MUNICIPAL N o 2.683/82 ATÉ 24/02/14 (NÃO SUBSTITUI O TEXTO ORIGINAL) ANEXO IX - RESTRIÇÕES APLICÁVEIS ÀS ÁREAS SUJEITAS

Leia mais

ATELIÊ DE PROJETO 2 PROGRAMA DE NECESSIDADES E INFORMAÇÕES SOBRE O TERRENO

ATELIÊ DE PROJETO 2 PROGRAMA DE NECESSIDADES E INFORMAÇÕES SOBRE O TERRENO PROGRAMA DE NECESSIDADES E INFORMAÇÕES SOBRE O TERRENO Prof: Andréa Dall Olio ANÁLISE DO ARQUITETO EXIGÊNCIAS DO USUÁRIO PROGRAMA DE NECESSIDADES Etapa destinada à determinação das exigências de caráter

Leia mais

Material preliminar sujeito à alteração e exclusivo para uso interno.

Material preliminar sujeito à alteração e exclusivo para uso interno. Projeto em aprovação sujeito a alterações. O empreendimento só será comercializado após o registro do Memorial de Incorporação no Cartório de Registro de Imóveis na forma da Lei nº 4.591/64. Material preliminar

Leia mais

ANEXO 1 TABELA DO TIPO, PADRÃO E VALOR UNITÁRIO DE METRO QUADRADO DE CONSTRUÇÃO

ANEXO 1 TABELA DO TIPO, PADRÃO E VALOR UNITÁRIO DE METRO QUADRADO DE CONSTRUÇÃO ANEXO 1 TABELA DO TIPO, PADRÃO E VALOR UNITÁRIO DE METRO QUADRADO DE CONSTRUÇÃO TIPO 10 - EDIFICAÇÕES RESIDENCIAIS TÉRREAS E ASSOBRADADAS, COM OU SEM SUBSOLO 10.1 - Padrão Rústico Arquitetura: Construídas

Leia mais

TIPO 1 - RESIDENCIAL / COMERCIAL HORIZONTAL DE ALVENARIA OU CONCRETO Residências térreas e assobradadas, com ou sem subsolo

TIPO 1 - RESIDENCIAL / COMERCIAL HORIZONTAL DE ALVENARIA OU CONCRETO Residências térreas e assobradadas, com ou sem subsolo TABELA VIII - TIPOS E PADRÕES DAS CONSTRUÇÕES TIPO 1 - RESIDENCIAL / COMERCIAL HORIZONTAL DE ALVENARIA OU CONCRETO Padrão alto - 10,70 VRM por metro quadrado. Prédios com um ou dois pavimentos; estrutura

Leia mais

Adolf Franz Heep: edifícios residenciais

Adolf Franz Heep: edifícios residenciais 211 Perspectiva do Guaporé - vista da rua Nestor Pestana 212 Fachadas O edifício Guaporé, por não possuir recuos laterais, possui duas faces passíveis de tratamento arquitetônico; a frontal, orientada

Leia mais

CONVÊNIO Nº 002/87 1.0 - GENERALIDADES.

CONVÊNIO Nº 002/87 1.0 - GENERALIDADES. 1 CONVÊNIO Nº 002/87 TERMO DE CONVÊNIO QUE ENTRE SI CELEBRAM DE UM LADO A PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE BARUERI E, DE OUTRO, A SOCIEDADE ALDEIA DA SERRA RESIDENCIAL MORADA DOS PÁSSAROS, PARA A APLICAÇÃO DE

Leia mais

DEPARTAMENTO DE PROJETO DE ARQUITETURA

DEPARTAMENTO DE PROJETO DE ARQUITETURA Disciplina: PROJETO DE ARQUITETURA III FAP 355 Professores: MÓDULO 3 1 o. Período Letivo 2009 Cristiane Rose Duarte, Joacir Esteves, Luciana Andrade, Maria Ligia Sanches, Paulo Afonso Rheingantz e Vera

Leia mais

Material preliminar sujeito a alteração e exclusivo para uso interno da Even. Proibida a divulgação. As unidades só poderão ser

Material preliminar sujeito a alteração e exclusivo para uso interno da Even. Proibida a divulgação. As unidades só poderão ser poderão ser comercializadas mediante Registro de Incorporação SESC Pompéia Estádio Palestra Itália Shopping West Plaza Estação Barra Funda Bourbon Shopping Parque da Água Branca Hospital São Camillo Centro

Leia mais

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS 1 AUTORIZAÇÕES E CADASTRAMENTO Para entrada de profissionais e execução de serviços como LEVANTAMENTO PLANIALTIMÉTRICO e SONDAGEM, será necessária a autorização por

Leia mais