RESPOSTA A IMPUGNAÇÃO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RESPOSTA A IMPUGNAÇÃO"

Transcrição

1 RESPOSTA A IMPUGNAÇÃO Recebida impugnação da Empresa VIVO, a mesma foi submetida a Coordenadoria Jurídica desta Companhia Docas do Ceará, que manifestou-se mediante Parecer nº 152/2012, nos seguintes termos: COORDENADORIA JURÍDICA PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº PARECER JURÍDICO 152/2012 Srs. Diretores, Segue resposta da Codjur da Impugnação feita pela empresa Telefônica / Vivo da Licitação Modalidade Pregão eletrônico n. 15/2012 cujo objeto consiste registr o de preço para contratação de serviço de telefonia fixo e móvel para a CDC. Da Análise da Impugnação Preliminarmente cumpre esclarecer, desde logo, que as decisões tomadas no contexto deste processo licitatório, cujo instrumento convocatório é o edital nº 015/2012, estão em perfeita consonância com o que manda a lei, tendo sido observada a submissão aos princípios da Legalidade, da Razoabilidade, Celeridade e Eficiência. Partindo do entendimento de que a Administração deve atuar primando não somente pela Legalidade como também pela celeridade em todos os seus cometimentos, neles incluídos os processos licitatórios. O interesse público demanda a eficiência da Administração, a qual deve mostrar-se pronta

2 tanto para acudir as demandas da sociedade como para suprir as próprias necessidades. Julgamento: Passando ao mérito, vejamos as alegações do Ponto 1: A licitante vem, através da presente impugnação, solicitar a separação do objeto em lotes. Entretanto, faz-se necessário que este único lote assim permaneça. Nesse sentido, cumpre trazer à colação o art. 23, 1º, da Lei n.º 8.666/1993, o qual permite a divisão do objeto: 1o As obras, serviços e compras efetuadas pela administração serão divididas em tantas parcelas quantas se comprovarem técnica e economicamente viáveis, procedendo-se à licitação com vistas ao melhor aproveitamento dos recursos disponíveis no mercado e à ampliação da competitividade, sem perda da economia de escala. Como se vê, o mencionado artigo prevê o fracionamento do objeto em diversos lotes ou parcelas, na hipótese em que essa divisão se mostre técnica e economicamente viável, de forma a atingir a satisfação integral da necessidade pública. As contratações devem ser programadas na sua integralidade, sendo indesejável a execução parcelada, na qual a Administração executa certo objeto em etapas, o que significa uma dissociação temporal na execução do objeto. 2

3 decidiu: Por sua vez, o Tribunal de Contas da União já 1º do art. 23 da Lei n /93 estabelece a possibilidade de a Administração fracionar o objeto em lotes e parcelas desde que haja viabilidade técnica e econômica. (Acórdão n.º 2.393/2006, Plenário, rel. Min. Benjamin Zymler). No presente caso a divisão em lotes não se justifica, pois, consiste na ampliação das vantagens econômicas para a Administração. Adota-se o lote único como instrumento de redução de despesas administrativas. Importante ressaltar, ainda, que a obrigatoriedade do fracionamento respeita os limites de ordem técnica e econômica. Logo, a permanência do lote único, nas atuais condições, respeita tanto a integridade qualitativa do objeto a ser executado quanto a econômica, posto contribuirá para a redução dos custos. Ressalte-se que cabe ao Administrador, analisando o caso concreto, realizar juízo de discricionariedade para optar, ou não, pelo parcelamento do objeto licitado, tendo sempre como norte os contornos e limites legais. Nesse caso, cabe ao administrador demonstrar cabalmente que o parcelamento não consiste na melhor opção técnica e econômica. 3

4 Restou demonstrado que a manutenção do objeto na forma em que se encontra ampliará significativamente as vantagens econômicas para a Administração. Diante do exposto, entendemos que, no caso concreto, a separação em lotes distintos não se consubstancia na melhor opção a ser adotada, permanecendo, assim, inalteradas as disposições do Edital. Ponto 2: A Cia. Docas através de consultas prévias ao mercado constatou que em certames realizados com objeto semelhante foi constatada disputa entre mais de um fornecedor que reuniram-se em consórcio para atender as exigências impostas. Desta forma entendemos que as empresas: Vivo e Telefônica, Oi e Telemar, Claro e Embratel possuem condições técnicas para atender as exigências deste certame desde que façam os investimentos necessários para o provimento do serviço a ser prestado. Ponto 3: Onde se lê: velocidade mínima de 1Mbps, entenda-se por velocidade nominal de 1Mbps. Ponto 4: O produto a ser cotado deve seguir as especificações descritas no Edital e Termo de Referência, uma vez que a Cia 4

5 Docas entende que o modelo proposto será o mais vantajoso para esta administração. abaixo: Não obstante Edital especifica o serviço conforme Transmissão de dados através de rede de telefonia móvel 3G: 51(cinquenta e um)[81] planos de dados, com velocidade mínima de 1Mbps, e com franquia mínima de dados de 10Gb, ou ilimitado. franquia de 10Gb. Ficando claro que é permitido a oferta de planos com Ponto 5: A responsabilidade fica a cargo da CONTRATADA devendo a garantia ser de no mínimo a fornecida pelo fabricante. Ponto 6: A Lei nº 8.666/93 autoriza a Administração a instaurar procedimento licitatório prévio não com a finalidade de selecionar uma proposta e um particular para firmar contrato específico, mas para celebrar diversos contratos, de acordo com o surgimento posterior de necessidade em torno da obtenção do objeto licitado. Trata-se do Sistema de Registro de Preços, previsto no art. 15, inc. II, da Lei nº 8.666/93 e que, regra geral, terá cabimento quando haja a necessidade de contratações 5

6 frequentes de um mesmo objeto, mas a Administração não possua meios para estabelecer previamente com precisão o seu quantitativo ou então o momento exato em que essas contratações serão necessárias. É importante frisar que o beneficiário da ata de registro de preços não tem direito adquirido à contratação. E mais, mesmo existindo uma ata em vigor, a Administração não está obrigada a contratar pelo Sistema de Registro de Preços. Essa garantia está prevista no 4º do art. 15 da Lei nº 8.666/93, que assegura ao particular, unicamente, o direito de preferência em igualdade de condições. Assim, tanto a Administração poderá não contratar os objetos registrados se não houver necessidade quanto poderá obtê-los por meio de outra licitação, por exemplo. A razão para a disciplina do art. 15, 4º, assegurar a possibilidade de a Administração realizar outra licitação para realizar a contratação pretendida e não se valer da ata de registro de preços em vigor é simples: evitar constranger a Administração a celebrar uma contratação desvantajosa, haja vista a existência de preços mais interessantes no mercado no momento da formação desse ajuste. Como a ata de registro de preços tem duração de doze meses, no curso da sua vigência, as condições de mercado podem sofrer alteração, de sorte que os preços de objetos similares àquele que teve seu preço registrado pela Administração sejam reduzidos. Nesse caso, ao contratar com o beneficiário da ata, a Administração deixaria de obter melhores condições para a satisfação da sua necessidade, o que violaria 6

7 os princípios da indisponibilidade do interesse público e da economicidade. Sendo assim, antes de convocar o beneficiário da ata de registro de preços para celebrar o contrato, revela-se indispensável apurar os preços praticados no mercado de modo a viabilizar a análise de vantajosidade em torno dessa convocação ou justificar a instauração de procedimento licitatório. Exatamente nesse sentido forma-se a orientação contida no art. 3º, 4º, do Decreto nº 3.931/01, que regulamenta o Sistema de Registro de Preços no âmbito federal e impõe o dever ao órgão participante de assegurar-se, quando do uso da Ata de Registro de Preços, que a contratação a ser procedida atenda aos seus interesses, sobretudo quanto aos valores praticados, informando ao órgão gerenciador eventual desvantagem, quanto à sua utilização. No Acórdão nº 2.091/2010, a 1ª Câmara do Tribunal de Contas da União também se manifestou sobre o assunto de modo a determinar à entidade jurisdicionada que proceda, na oportunidade do efetivo fornecimento dos itens e nas quantidades necessárias, à verificação da conformidade dos preços registrados nas atas de Registro de Preços com os correntes no mercado. (TCU, Acórdão nº 2.091/2010, 1ª Câmara, Rel. Min. Augusto Nardes, julgado em ) Diante dessas razões, responde-se pela necessidade de a Administração, ao convocar o beneficiário da ata de registro de preços para contratação, realizar pesquisa de preços de 7

8 mercado com o objetivo de justificar a vantajosidade em torno da convocação. Ponto 7: A Cia. Docas entende que por prestar um serviço crítico faz-se necessária uma reserva técnica de equipamentos para garantir a não descontinuidade das comunicações necessárias para suas atividades. Desta forma, este custo deve ser considerado pela proponente em suas propostas de cálculos de rentabilidade. Ponto 8: Fica a CDC proibida de solicitar fornecimento em quantidade inferior a 10%, no caso em tela inicialmente a CDC irá solicitar 50% (cinquenta por cento) do estimado na Ata. Conclusão: Por força dos princípios basilares da legalidade e eficiência, não pode esta Sociedade de Economia Mista, deixar de agir em conformidade com as normas aplicáveis ao objeto desta licitação, não havendo assim, a partir dos pontos impugnados pelas empresas Telefônica Vivo, qualquer necessidade de alterações necessárias para que as exigências de seu Edital e respectivo Termo de Referência estejam em consonância com os ditames normativos pertinentes, devendo manter o Edital quanto o Termo de Referência e Anexos, na forma em que se encontram, consubstanciadas às normas específicas aplicáveis ao objeto. 8

9 CODJUR CDC. Salvo melhor juízo, este é o entendimento da Fortaleza, 16 de julho de Allysson costa de Oliveira Coordenador Jurídico da CDC Diante da manifestação da Coordenadoria Jurídica, mantêm-se a licitação em comento em dia e hora já estipulados. Fortaleza, 17 de julho de Carlos Alberto Câmara de Vasconcelos Presidente da CPL 9

PREFEITURA DE GOIÂNIA 1 GABINETE DO PREFEITO

PREFEITURA DE GOIÂNIA 1 GABINETE DO PREFEITO PREFEITURA DE GOIÂNIA 1 GABINETE DO PREFEITO DECRETO Nº 612, DE 16 DE MARÇO DE 2007. Dispõe sobre a implantação do Sistema de Registro de Preços nas compras, obras e serviços contratados pelos órgãos da

Leia mais

DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANANINDEUA, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e ainda:

DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANANINDEUA, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e ainda: 1 DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009 Regulamenta, no âmbito da Administração pública municipal, o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº. 8.666, de 21 de junho de 1993, e

Leia mais

Art. 2º Este Ato Normativo entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Art. 2º Este Ato Normativo entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. ATO NORMATIVO Nº 92 13 de agosto de 2007 Aprova o Regulamento do Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993, e dá outras providências. O Presidente do TRIBUNAL

Leia mais

RESPOSTA A IMPUGNAÇÃO

RESPOSTA A IMPUGNAÇÃO RESPOSTA A IMPUGNAÇÃO Recebida impugnação da Empresa Claro S/A, a mesma foi submetida a Coordenadoria Jurídica desta Companhia Docas do Ceará, que manifestou-se mediante Parecer nº 151/2012, nos seguintes

Leia mais

A sociedade GHS Industria e Serviços Ltda. apresentou impugnação datada de 8 de agosto de 2012 ao Edital do Pregão Eletrônico n. 63/2012.

A sociedade GHS Industria e Serviços Ltda. apresentou impugnação datada de 8 de agosto de 2012 ao Edital do Pregão Eletrônico n. 63/2012. Decisão de Pregoeiro n 0010/2012-SLC/ANEEL Em 10 de agosto de 2012. Processo n.: 48500.003482/2012-97 Licitação: Pregão Eletrônico n. 63/2012 Assunto: Análise da IMPUGNAÇÃO AO EDITAL apresentada pela empresa

Leia mais

Estimativa de valor da contratação

Estimativa de valor da contratação Estimativa de valor da contratação A As contratações públicas somente poderão ser efetivadas após estimativa prévia do seu valor, que deve obrigatoriamente ser juntada ao processo de contratação e, quando

Leia mais

DECRETO Nº 713, DE 1º DE ABRIL DE 2013

DECRETO Nº 713, DE 1º DE ABRIL DE 2013 DECRETO Nº 713, DE 1º DE ABRIL DE 2013 Publicado no DOE(Pa) de 02.04.13. Institui o Programa de Parcerias Público-Privadas PPP/PA e regulamenta o Conselho Gestor de Parcerias Público- Privadas do Estado

Leia mais

Supremo Tribunal Federal Secretaria de Administração e Finanças Pregoeiro

Supremo Tribunal Federal Secretaria de Administração e Finanças Pregoeiro PREGÃO ELETRÔNICO Nº 118/2009 Processo nº 336.243 IMPUGNAÇÃO. TABELA PRÓPRIA PARA CONVÊNIOS E CREDENCIAMENTOS DO STF- MED. REGULARIDADE. UTILIZAÇÃO DA CODIFICAÇÃO EXISTENTE NA TABELA SIMPRO HOSPITALAR

Leia mais

Management Company TMC) para prestação de serviços de viagens executados por

Management Company TMC) para prestação de serviços de viagens executados por ATA DE JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA Nº 11/2011 Ao primeiro dia do mês de abril de 2011, reuniram-se a Pregoeira e os integrantes da Equipe de Apoio para análise e julgamento

Leia mais

- RESPOSTA A IMPUGNAÇÃO DE EDITAL -

- RESPOSTA A IMPUGNAÇÃO DE EDITAL - - RESPOSTA A IMPUGNAÇÃO DE EDITAL - REFERÊNCIA: TOMADA DE PREÇOS nº 01/2013 (REPUBLICAÇÃO 02) IMPUGNANTE: VIVO S.A. I - RELATÓRIO A Câmara de Vereadores de Gramado está promovendo licitação na modalidade

Leia mais

ATA DE JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA 16/2012

ATA DE JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA 16/2012 ATA DE JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO AA 16/2012 Aos 09 (nove) dias do mês de abril de 2012, reuniram-se o Pregoeiro e os integrantes da Equipe Técnica de Apoio, designados pelo

Leia mais

192 É objetivo da política da informação assegurar a interoperabilidade entre os sistemas de segurança da informação.

192 É objetivo da política da informação assegurar a interoperabilidade entre os sistemas de segurança da informação. Bateria Licitações e Contratos Prof. Walter Cunha http://www.waltercunha.com/blog http://twitter.com/timasters http://br.groups.yahoo.com/group/timasters/ CESPE/TCU2007 A necessidade de implementação de

Leia mais

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças TERMO DE REFERÊNCIA

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças TERMO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA Código de Classificação: 13.02.01.15 1 DO OBJETO: A presente licitação tem por objeto a contratação de empresa para prestação dos serviços de cobertura securitária (seguro) para assegurar

Leia mais

DECRETO Nº 11.319, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2004

DECRETO Nº 11.319, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2004 DECRETO Nº 11.319, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2004 PUBLICADO NO DIÁRIO OFICIAL Nº 032, DE 17-02-2004 Regulamenta o Sistema de Registro de Preços SRP, previsto no art. 15, da Lei nº 8.666, de 21 de junho de

Leia mais

Jurisprudências do TCU - 2014

Jurisprudências do TCU - 2014 Jurisprudências do TCU - 2014 Sobre Licitações e Contratos Administrativos Última Atualização Informativo Nº 227 Sessões do Dia 09 e 10/12/2014 Revisão de Preços É juridicamente inadmissível a revisão

Leia mais

A ALLCARE ADMINISTRADORA DE BENEFÍCIOS, interessada em participar deste processo licitatório, encaminha o seguinte pedido de esclarecimentos.

A ALLCARE ADMINISTRADORA DE BENEFÍCIOS, interessada em participar deste processo licitatório, encaminha o seguinte pedido de esclarecimentos. PEDIDO DE ESCLARECIMENTOS ALL CARE BENEFÍCIOS SOLICITAÇÃO DE ESCLARECIMENTOS Prezados senhores, A ALLCARE ADMINISTRADORA DE BENEFÍCIOS, interessada em participar deste processo licitatório, encaminha o

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 031/2011 (Procedimento Administrativo nº 116/2011 SADP nº 17833/2011)

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 031/2011 (Procedimento Administrativo nº 116/2011 SADP nº 17833/2011) PREGÃO ELETRÔNICO Nº 031/2011 (Procedimento Administrativo nº 116/2011 SADP nº 17833/2011) ASSUNTO: IMPUGNAÇÃO AO EDITAL I - RELATÓRIO A empresa INFORMASTER COMERCIO DE PRODUTOS DE INFORMATICA LTDA, inscrita

Leia mais

ILUSTRÍSSIMO SENHOR ELMO VAZ BASTOS DE MATOS, PRESIDENTE DA COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DOS VALES DO SÃO FRANCISCO E DO PARNAÍBA CODEVASF.

ILUSTRÍSSIMO SENHOR ELMO VAZ BASTOS DE MATOS, PRESIDENTE DA COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DOS VALES DO SÃO FRANCISCO E DO PARNAÍBA CODEVASF. ILUSTRÍSSIMO SENHOR ELMO VAZ BASTOS DE MATOS, PRESIDENTE DA COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DOS VALES DO SÃO FRANCISCO E DO PARNAÍBA CODEVASF. PROCESSO Nº 59500.000938/2014-45 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 27/2014

Leia mais

JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO

JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO Referência: Licitação Concorrência Técnica e Preço Processo Administrativo n : 21221.001621/2012-28 1. Cuida-se de reposta ao Pedido de Impugnação ao Edital interposto pela Sociedade

Leia mais

TUXON SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO LTDA ME

TUXON SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO LTDA ME ILUSTRÍSSIMO SENHOR PREGOEIRO MARCOS RODRIGO LIMA DO NASCIMENTO GOMES DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 04/2015 DO MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 04/2014 TUXON SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA

Leia mais

PODER EXECUTIVO. Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010

PODER EXECUTIVO. Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010 Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010 REGULAMENTA O SISTEMA DE SUPRIMENTOS NO ÂMBITO DO PODER EXECUTIVO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O GOVERNADOR

Leia mais

DECRETO Nº 7.622, DE 20 DE MAIO DE 2005.

DECRETO Nº 7.622, DE 20 DE MAIO DE 2005. DECRETO Nº 7.622, DE 20 DE MAIO DE 2005. Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no artigo 15, 3º da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993 e artigo 11 da Lei Federal nº 10.520, de 17 de julho

Leia mais

PARECER. REFERÊNCIA: Processo n.º 08151.378/2010. Pregão nº 11/2010

PARECER. REFERÊNCIA: Processo n.º 08151.378/2010. Pregão nº 11/2010 REFERÊNCIA: Processo n.º 08151.378/2010 Pregão nº 11/2010 OBJETO: Contratação de empresa especializada em telecomunicações para prestação de serviço de telefonia móvel nas modalidades chamada local e DDD,

Leia mais

MINUTA DA RESOLUÇÃO DA COMISSÃO DE IMPLANTAÇÃO DAS 30 HORAS SEMANAIS DO CEFET-MG

MINUTA DA RESOLUÇÃO DA COMISSÃO DE IMPLANTAÇÃO DAS 30 HORAS SEMANAIS DO CEFET-MG MINUTA DA RESOLUÇÃO DA COMISSÃO DE IMPLANTAÇÃO DAS 30 HORAS SEMANAIS DO CEFET-MG Regulamenta o processo de implementação e avaliação da flexibilização da jornada de trabalho dos servidores técnico-administrativos

Leia mais

A Contratada deverá recuperar os serviços e/ou circuitos contratados em um prazo máximo de até 04 (quatro) horas.

A Contratada deverá recuperar os serviços e/ou circuitos contratados em um prazo máximo de até 04 (quatro) horas. Brasília, 17 de Outubro de 2014 À ABGF Ilmo. Sr. Pregoeiro da ABGF Referência: PREGÃO ELETRÔNICO Nº 004/2014 QUESTIONAMENTO 1 DÚVIDAS RELACIONADAS COMERCIAIS AOS ITENS TÉCNICO- O ITEM 4.1.3.22 DO TERMO

Leia mais

COMPRA - FASE INTERNA DA LICITAÇÃO PREGÃO, CONVITE, TOMADA DE PREÇOS E CONCORRÊNCIA

COMPRA - FASE INTERNA DA LICITAÇÃO PREGÃO, CONVITE, TOMADA DE PREÇOS E CONCORRÊNCIA SECRETARIA DE CONTROLE INTERNO - SCI FOLHA DE VERIFICAÇÃO - DALC COMPRA - FASE INTERNA DA LICITAÇÃO PREGÃO, CONVITE, TOMADA DE PREÇOS E CONCORRÊNCIA Processo: TRT/SOF nº Volumes: Exercício: Subelemento:

Leia mais

NT_036/2010_FINANÇAS Brasília/DF, 30 de julho de 2010. NOTA TÉCNICA

NT_036/2010_FINANÇAS Brasília/DF, 30 de julho de 2010. NOTA TÉCNICA NT_036/2010_FINANÇAS Brasília/DF, 30 de julho de 2010. NOTA TÉCNICA REFERENTE AO VALOR DA TERRA NUA PARA FINS DE RECOLHIMENTO DO ITR A Confederação Nacional de Municípios esclarece que, em razão das situações

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br Distinção entre modalidade e tipo de licitação Diego Cheniski* Muitas pessoas confundem, ao tratar de licitação, os termos modalidade e tipo de licitação. Entendemos por modalidade

Leia mais

Afirma a impugnante, em síntese, da necessidade de se especificar de como se dará esta forma de desconto linear.

Afirma a impugnante, em síntese, da necessidade de se especificar de como se dará esta forma de desconto linear. REF. RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO DA AMERICEL S.A. Trata-se de impugnação interposta pela AMERICEL S/A, CNPJ nº 01.685.903/0001-16, em face do edital em comento. A petição aponta supostas irregularidades e, ainda,

Leia mais

IMPUGNAÇÃO AO EDITAL. Pregão Eletrônico n. 04/2013 Ministério dos Tran sportes.

IMPUGNAÇÃO AO EDITAL. Pregão Eletrônico n. 04/2013 Ministério dos Tran sportes. IMPUGNAÇÃO AO EDITAL Pregão Eletrônico n. 04/2013 Ministério dos Tran sportes. Impugnante: VIVO S/A A (o) Sr. (a) Pregoeiro do Ministério dos Transportes, VIVO S. A., sociedade anônima inscrita no CNPJ

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO TIPO DE AUDITORIA : AUDITORIA DE GESTÃO EXERCÍCIO : 2006 PROCESSO Nº : 08297.001142/2007-01 UNIDADE AUDITADA

Leia mais

TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 769/CIENTEC/2013

TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 769/CIENTEC/2013 TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 769/CIENTEC/2013 1. DO TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO 1.1 A Fundação de Ciência e Tecnologia, torna público o presente Termo de Dispensa de Licitação, autorizada no expediente

Leia mais

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO. PROJETO DE LEI N o 7.927, DE 2014 (do Tribunal Superior do Trabalho)

COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO. PROJETO DE LEI N o 7.927, DE 2014 (do Tribunal Superior do Trabalho) CÂMARA DOS DEPUTADOS DEPUTADO POLICARPO COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO PROJETO DE LEI N o 7.927, DE 2014 (do Tribunal Superior do Trabalho) Dispõe sobre a criação de cargos de

Leia mais

RESPOSTA AO PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 001/2015 APRESENTADO PELO ITAÚ UNIBANCO

RESPOSTA AO PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 001/2015 APRESENTADO PELO ITAÚ UNIBANCO RESPOSTA AO PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 001/2015 APRESENTADO PELO ITAÚ UNIBANCO PROCESSO LICITATÓRIO Nº 066/2015 PREGÃO PRESENCIAL Nº 050/2015 OBJETO: CONTRATAÇAO DE INSTITUIÇAO BANCARIA PARA OPERAR OS

Leia mais

GRUPO I - CLASSE VII - PLENÁRIO TC-002.612/2015-1 Natureza: Administrativo Interessado: Tribunal de Contas da União

GRUPO I - CLASSE VII - PLENÁRIO TC-002.612/2015-1 Natureza: Administrativo Interessado: Tribunal de Contas da União TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO TC 002.62/205- GRUPO I - CLASSE VII - PLENÁRIO TC-002.62/205- Natureza: Administrativo Interessado: Tribunal de Contas da União SUMÁRIO: ADMINISTRATIVO. PROJETO DE INSTRUÇÃO

Leia mais

CONGRESSO DE GESTÃO PÚBLICA - CONSAD

CONGRESSO DE GESTÃO PÚBLICA - CONSAD CONGRESSO DE GESTÃO PÚBLICA - CONSAD Da previsão legal à aplicabilidade prática: a contratação via Sistema de Registro de Preço adotada pelo Governo do Estado de Sergipe Autores: MÁRCIO ZYLBERMAN GUSTAVO

Leia mais

Minuta de Termo de Referência

Minuta de Termo de Referência Minuta de Termo de Referência Contratação de serviço para elaboração do mapeamento, análise, propostas e implantação de melhorias nos processos de trabalho da Coordenadoria Geral de Licenciamento Ambiental

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO ELETRÔNICO 01/2010 Processo nº 0.000.000.001735/2010-31 VALIDADE 12 (DOZE) MESES ATA Nº 1/2010 No dia 21 de dezembro do ano de dois mil e dez, no CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO

Leia mais

DO BRASIL REPÚBLICA FEDERATIVA CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DO ESPÍRITO SANTO

DO BRASIL REPÚBLICA FEDERATIVA CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DO ESPÍRITO SANTO ILUSTRÍSSIMO SENHOR(A) REPRESENTANTE LEGAL DA EMPRESA TNL PCS Processo de Licitação nº 142/2012 Pregão Eletrônico nº 018/2012 O CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO CRA-ES, entidade de direito público interno,

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS - Nº 009/2012

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS - Nº 009/2012 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS - Nº 009/2012 EDITAL DE LICITAÇÃO N.º 143/2011 MODALIDADE DE PREGÃO PRESENCIAL PROCESSO N.º 2011.0001.9480 VALIDADE: 12 (DOZE) MESES Aos 03 (três) dias do mês de fevereiro do

Leia mais

MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA COMPRAS E CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS COMPRADORES E FORNECEDORES FUNDAÇÃO DE APOIO À UNIFESP

MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA COMPRAS E CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS COMPRADORES E FORNECEDORES FUNDAÇÃO DE APOIO À UNIFESP MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA COMPRAS E CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS COMPRADORES E FORNECEDORES FUNDAÇÃO DE APOIO À UNIFESP 2015 ÍNDICE 1. Introdução... 2 2. Dos Objetivos Específicos... 2 3. Dos Envolvidos

Leia mais

URBES. Esclarecimento nº 02

URBES. Esclarecimento nº 02 1 PREGÃO PRESENCIAL Nº 001/15 PROCESSO CPL 2292/14 LICITAÇÃO DO TIPO MENOR PREÇO PARA REGISTRO DE PREÇOS PARA AQUISIÇÃO DE MATERIAL DE SINALIZAÇÃO SEMAFÓRICA. Esclarecimento nº 02 A -, através de sua Pregoeira,

Leia mais

RELATÓRIO DE AUDITORIA

RELATÓRIO DE AUDITORIA RELATÓRIO DE AUDITORIA Ordem de Serviço: 03/2014/CGM-AUDI Unidade Auditada: Contrato de Gestão nº 001/2013 Celebrado entre a Fundação Theatro Municipal de São Paulo e o Instituto Brasileiro de Gestão Cultural

Leia mais

EM RESPOSTA AO QUESTIONAMENTO ABAIXO, O SETOR SOLICITANTE, PREGOEIRO E SUA EQUIPE DE APOIO TEM A INFORMAR A TODOS QUE POSSAM INTERESSAR O QUE SEGUE:

EM RESPOSTA AO QUESTIONAMENTO ABAIXO, O SETOR SOLICITANTE, PREGOEIRO E SUA EQUIPE DE APOIO TEM A INFORMAR A TODOS QUE POSSAM INTERESSAR O QUE SEGUE: EM RESPOSTA AO QUESTIONAMENTO ABAIXO, O SETOR SOLICITANTE, PREGOEIRO E SUA EQUIPE DE APOIO TEM A INFORMAR A TODOS QUE POSSAM INTERESSAR O QUE SEGUE: De: xxxxxxx Enviada em: segunda-feira, 14 de julho de

Leia mais

Universidade Aberta do Brasil Edital Nº. 02 de 31 de julho de 2009 DED/CAPES Edital Pró-Equipamentos

Universidade Aberta do Brasil Edital Nº. 02 de 31 de julho de 2009 DED/CAPES Edital Pró-Equipamentos Universidade Aberta do Brasil Edital Nº. 02 de 31 de julho de 2009 DED/CAPES Edital Pró-Equipamentos A Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior CAPES, sediada no Setor Bancário

Leia mais

Segue abaixo respostas aos questionamentos efetuados: Para fins de definição dos serviços de migração, gentileza nos informar:

Segue abaixo respostas aos questionamentos efetuados: Para fins de definição dos serviços de migração, gentileza nos informar: Prezada Zilene, Segue abaixo respostas aos questionamentos efetuados: Questionamento 01 O edital solicita: O fornecimento dos produtos integrantes do do LOTE 3 compreende os serviços de migração dos dados

Leia mais

1. Quais são os casos em que determinada importação estará sujeita a contingenciamento?

1. Quais são os casos em que determinada importação estará sujeita a contingenciamento? 1. Quais são os casos em que determinada importação estará sujeita a contingenciamento? 2. Quais são as características das Cotas Tarifárias concedidas sob os Acordos no âmbito 3. Quais são as características

Leia mais

Departamento Regional Minas Gerais. Errata Nº 01/2014

Departamento Regional Minas Gerais. Errata Nº 01/2014 Errata Nº 01/2014 Considerando a impugnação apresentada por e-mail no dia 26 de agosto de 2014, a Comissão Permanente de Licitação, no desempenho de suas atribuições, com base na análise dos argumentos

Leia mais

Pedido de Impugnação nº 01 Pregão Eletrônico nº 07/2013

Pedido de Impugnação nº 01 Pregão Eletrônico nº 07/2013 Pedido de Impugnação nº 01 Pregão Eletrônico nº 07/2013 Solicitação: ILUSTRÍSSIMO SENHOR PREGOEIRO DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO ESTADO DE SÃO PAULO EDITAL DE PREGÃO

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 026/2010

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 026/2010 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 026/2010 EDITAL DE LICITAÇÃO N.º 112/2010 MODALIDADE PREGÃO PRESENCIAL PROCESSO Nº 2010 0000 5017 VALIDADE: 12 (DOZE) MESES ATA Nº 026/2010 Ao 1º (primeiro) dia do mês de outubro

Leia mais

Câmara Municipal de Rio Branco do Sul ESTADO DO PARANÁ

Câmara Municipal de Rio Branco do Sul ESTADO DO PARANÁ CÂMARA MUNICIPAL DE RIO BRANCO DO SUL TOMADA DE PREÇOS Nº: 001/2014 OBJETO: CONTRATAÇÃO EMPRESA ESPECIALIZADA NA ELABORAÇÃO E REALIZAÇÃO DE CONCURSO PÚBLICO, BEM COMO O PLANEJAMENTO, ORGANIZAÇÃO, REALIZAÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES Memorando Circular nº. 005/2014/DCOM Às Unidades de Ensino, Pró-Reitorias, Secretarias e Departamentos da UFSC Assunto: Orientações gerais sobre pesquisa de preços Em 26 de maio de 2014 1. Considerando

Leia mais

Coordenação de Contratos Núcleo de Gerenciamento de Atas ATA REGISTRO DE PREÇOS Nº 31 /2014 PREGAO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 26/2014

Coordenação de Contratos Núcleo de Gerenciamento de Atas ATA REGISTRO DE PREÇOS Nº 31 /2014 PREGAO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 26/2014 PROCESSO Nº 08008.000600/2014-03 PREGAO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 26/2014 No dia de de 20, a União, por intermédio do Ministério da Justiça, situado na Esplanada dos Ministérios, Bloco T, Anexo

Leia mais

PARECER. REFERÊNCIA: Processo n.º 08151.378/2010. Pregão nº 11/2010

PARECER. REFERÊNCIA: Processo n.º 08151.378/2010. Pregão nº 11/2010 REFERÊNCIA: Processo n.º 08151.378/2010 Pregão nº 11/2010 OBJETO: Contratação de empresa especializada em telecomunicações para prestação de serviço de telefonia móvel nas modalidades chamada local e DDD,

Leia mais

Tribunal de Contas da União. Número do documento: DC-0230-12/00-P. Identidade do documento: Decisão 230/2000 - Plenário

Tribunal de Contas da União. Número do documento: DC-0230-12/00-P. Identidade do documento: Decisão 230/2000 - Plenário Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-0230-12/00-P Identidade do documento: Decisão 230/2000 - Plenário Ementa: Acompanhamento. Programa Nacional de Desestatização. Outorga de concessões

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Fl. Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina PREGÃO N. 084/2013 PROTOCOLO N. 57.873/2013 A empresa JOSUÉ FARIAS DAL DEGAN EPP apresentou impugnação ao edital do Pregão n. 084/2013 cujo objeto consiste

Leia mais

REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES COM RECURSOS PÚBLICOS FUNDAÇÃO SICREDI

REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES COM RECURSOS PÚBLICOS FUNDAÇÃO SICREDI REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES COM RECURSOS PÚBLICOS FUNDAÇÃO SICREDI A FUNDAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL E CULTURAL DO SISTEMA DE CRÉDITO COOPERATIVO FUNDAÇÃO SICREDI, institui o presente

Leia mais

: Fundo de Garantia para Promoção da Competitividade - FGPC RELATÓRIO DE AUDITORIA

: Fundo de Garantia para Promoção da Competitividade - FGPC RELATÓRIO DE AUDITORIA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO CONTROLADORIA-REGIONAL DA UNIÃO NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO TIPO DE AUDITORIA : Auditoria de Gestão EXERCÍCIO

Leia mais

ABINEE Workshop sobre Contratações no âmbito da Lei de Licitações e da Lei do Pregão

ABINEE Workshop sobre Contratações no âmbito da Lei de Licitações e da Lei do Pregão ABINEE Workshop sobre Contratações no âmbito da Lei de Licitações e da Lei do Pregão 23 setembro 2009 www.abinee.org.br Lei de Licitações Lei 8666, 1993 Administração direta e indireta, empresas de economia

Leia mais

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO Oferta de Vivo Internet Fixa"

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO Oferta de Vivo Internet Fixa REGULAMENTO DA PROMOÇÃO Oferta de Vivo Internet Fixa" Esta Promoção é realizada pela Telefônica Brasil S.A, doravante denominada Vivo, nas seguintes condições: A promoção decorre de oferta conjunta de

Leia mais

D E S P A C H O. Alinhamento Estratégico:

D E S P A C H O. Alinhamento Estratégico: D E S P A C H O Em atendimento ao solicitado às fls. 30 do referido processo, encaminhamos abaixo, as razões comprobatórias de vantajosidade da contratação pretendida. Alinhamento Estratégico: O elevado

Leia mais

Interessados: RESPONSÁVEIS: João Paulo Bastos Hildebrandt e Paulo Macedo de Carvalho Mesquita

Interessados: RESPONSÁVEIS: João Paulo Bastos Hildebrandt e Paulo Macedo de Carvalho Mesquita Tribunal de Contas da União Número do documento: AC-0054-06/99-1 Identidade do documento: Acórdão 54/1999 - Primeira Câmara Ementa: Tomada de Contas. Centro Psiquiátrico Pedro II. Exercício de 1997. Garantias

Leia mais

ILMA. SRA. CÁTIA FRANCISCA FERREIRA PREGOEIRA RESPONSÁVEL PELA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES GO/DF.

ILMA. SRA. CÁTIA FRANCISCA FERREIRA PREGOEIRA RESPONSÁVEL PELA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES GO/DF. ILMA. SRA. CÁTIA FRANCISCA FERREIRA PREGOEIRA RESPONSÁVEL PELA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES GO/DF. REF.: PREGÃO ELETRÔNICO Nº 0292/2015-12-DNIT PROCESSO

Leia mais

ptonto. EXCELENTíSSIMO(A) SENHOR(A) PREGOEIRO(A) DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO.

ptonto. EXCELENTíSSIMO(A) SENHOR(A) PREGOEIRO(A) DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO. EXCELENTíSSIMO(A) SENHOR(A) PREGOEIRO(A) DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO. Referências: Pregão Eletrônico no74/2014 FRANCISCA MARQUES DE LIMA - EIRELI - ME, pessoa jurídica de direito

Leia mais

ATA DE JULGAMENTO DOS RECURSOS

ATA DE JULGAMENTO DOS RECURSOS ATA DE JULGAMENTO DOS RECURSOS REFERENTE AO PRESENCIAL PARA REGISTRO DE PREÇOS N.º 1119/2013 CPL 04, pelo regime de menor preço por lote. Cujo objeto é Contratação de empresa para prestação de serviços

Leia mais

ILMº SRº. (a) PREGOEIRO (a) DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO PROCURADORIA GERAL COORDENAÇÃO DE LICITAÇÃO E CONTRATOS

ILMº SRº. (a) PREGOEIRO (a) DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO PROCURADORIA GERAL COORDENAÇÃO DE LICITAÇÃO E CONTRATOS ILMº SRº. (a) PREGOEIRO (a) DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO PROCURADORIA GERAL COORDENAÇÃO DE LICITAÇÃO E CONTRATOS REFERÊNCIA : PREGÃO ELETRÔNICO/MPT/PG/ Nº 17/2010 ASSUNTO: RECURSO ADMINISTRATIVO (IMPUGNAÇÃO

Leia mais

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria de Gestão Pública Departamento de Normas e Procedimentos Judiciais de Pessoal Coordenação-Geral de Aplicação das Normas NOTA TÉCNICA Nº 57/2014/CGNOR/DENOP/SEGEP/MP

Leia mais

Parágrafo Terceiro. O caixa do ICP não poderá conter valores elevados, mas somente o suficiente para realizar pequenas compras ou pagamentos.

Parágrafo Terceiro. O caixa do ICP não poderá conter valores elevados, mas somente o suficiente para realizar pequenas compras ou pagamentos. Regulamento interno para aquisição de bens e contratação de obras e serviços, do ICP, com fundamento na Lei nº 8.666 de 21 de junho de 1993, e na Instrução Normativa nº 01/97 da Secretaria do Tesouro Nacional.

Leia mais

X CONGRESSO DE DIREITO DO SEGURO E PREVIDÊNCIA Vitória, 04 a 05 de março de 2016. Reunião do GNT Garantia

X CONGRESSO DE DIREITO DO SEGURO E PREVIDÊNCIA Vitória, 04 a 05 de março de 2016. Reunião do GNT Garantia X CONGRESSO DE DIREITO DO SEGURO E PREVIDÊNCIA Vitória, 04 a 05 de março de 2016 Reunião do GNT Garantia MARÇO DE 2016 Reunião do GNT Garantia Comparativo do seguro garantia entre o Brasil e alguns países

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS - Nº 005/2015 PROCESSO N 2014.030552 VALIDADE: 12 (doze) meses.

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS - Nº 005/2015 PROCESSO N 2014.030552 VALIDADE: 12 (doze) meses. 1 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS - Nº 005/2015 PROCESSO N 2014.030552 VALIDADE: 12 (doze) meses. Ata de registro de preço, para Modalidade: : REGISTRO DE PREÇOS PARA FUTURA AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE CRIAÇÃO

Leia mais

Manual de Recursos Humanos

Manual de Recursos Humanos Manual de Recursos Humanos 1º Edição 01/2016 SUMÁRIO INTRODUÇÃO CAPÍTULO I - RECRUTAMENTO E SELEÇÃO CAPÍTULO II - TREINAMENTO & DESENVOLVIMENTO CAPÍTULO III CARGOS & SALÁRIOS CAPÍTULO IV BENEFÍCIOS CAPÍTULO

Leia mais

CADERNO DE COMPRAS E LICITAÇÕES

CADERNO DE COMPRAS E LICITAÇÕES 2010 PREFEITURA MUNICIPAL DE CONTAGEM SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DIRETORIA DE COMPRAS E LICITAÇÕES CADERNO DE COMPRAS E LICITAÇÕES 1. OBJETIVO Este manual tem por objetivo esclarecer as questões

Leia mais

Orientações sobre Bonificações e Despesas Indiretas (BDI)

Orientações sobre Bonificações e Despesas Indiretas (BDI) MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO SECRETARIA DE ECONOMIA E FINANÇAS 11ª INSPETORIA DE CONTABILIDADE E FINANÇAS DO EXÉRCITO Orientações sobre Bonificações e Despesas Indiretas (BDI) Ref: - Acórdão

Leia mais

ANÁLISE DE RECURSO ADMINISTRATIVO LICITANTE RECORRENTE: LOCMED LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTOS MÉDICOS LTDA.

ANÁLISE DE RECURSO ADMINISTRATIVO LICITANTE RECORRENTE: LOCMED LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTOS MÉDICOS LTDA. ANÁLISE DE RECURSO ADMINISTRATIVO PROCESSO LICITATÓRIO N 009/2015 PREGÃO ELETRÔNICO N 003/2015 LICITANTE RECORRENTE: LOCMED LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTOS MÉDICOS LTDA. OBJETO: REGISTRO DE PREÇO PARA FUTURA E

Leia mais

5 CONTRATAÇÃO DIRETA 5.1 DISPENSA DE LICITAÇÃO

5 CONTRATAÇÃO DIRETA 5.1 DISPENSA DE LICITAÇÃO 5 CONTRATAÇÃO DIRETA ENUNCIADO DE SÚMULA N. 89. Quem ordenar despesa pública sem a observância do prévio procedimento licitatório, quando este for exigível, poderá ser responsabilizado civil, penal e administrativamente,

Leia mais

Decisão de Pregoeiro n 0032/2009-SLC/ANEEL. Em 14 de julho de 2009.

Decisão de Pregoeiro n 0032/2009-SLC/ANEEL. Em 14 de julho de 2009. Decisão de Pregoeiro n 0032/2009-SLC/ANEEL Em 14 de julho de 2009. Processo nº: 48500.003047/2009-67 Licitação: Pregão Eletrônico nº 45/2009 Assunto: Análise da IMPUGNAÇÃO AO EDITAL apresentada pela empresa

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br Contratação de advogado - inexigibilidade de licitação Wagner Rodolfo Faria Nogueira * INTRÓITO: Uma das grandes divergências encontradas na Lei nº 8.666/93 diz respeito a contratação

Leia mais

PROCESSO Nº 1.23.000.000388/2015-83

PROCESSO Nº 1.23.000.000388/2015-83 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 03/2015 PROCESSO Nº 1.23.000.000388/2015-83 VALIDADE: 12 MESES Aos 25 dias do mês de março de 2015, na, Sala de licitações, localizada na Rua Domingos Marreiros, nº 690 Bairro

Leia mais

HISTÓRICO DAS REVISÕES N.ºREVISÃO DATA IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO 00 01

HISTÓRICO DAS REVISÕES N.ºREVISÃO DATA IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO 00 01 HISTÓRICO DAS REVISÕES N.ºREVISÃO DATA IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO 00 01 01/06/2006 Emissão inicial 05/06/2007 Primeira Revisão Elaborado: 05/06/2007 Superintendente e ou Gerente da unidade Revisado: 05/06/2007

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 21ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 21ª REGIÃO PROCESSO Nº 009.707/2015 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 016/2013 OBJETO: Registro de preços para eventual contratação de empresa especializada na prestação de serviços de controle sanitário integrado no combate

Leia mais

DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO - DAD COORDENAÇÃO GERAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS CGADM COORDENAÇÃO DE INFRA-ESTRUTURA COINF SERVIÇO DE LICITAÇÃO - SELIC

DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO - DAD COORDENAÇÃO GERAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS CGADM COORDENAÇÃO DE INFRA-ESTRUTURA COINF SERVIÇO DE LICITAÇÃO - SELIC DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO - DAD COORDENAÇÃO GERAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS CGADM COORDENAÇÃO DE INFRA-ESTRUTURA COINF SERVIÇO DE LICITAÇÃO - SELIC Of. n.º 319/2009 Brasília, 11 de maio de 2009. Ref.:

Leia mais

ATA DE SESSÃO DE APRECIAÇÃO DE IMPUGNAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO 001/2013

ATA DE SESSÃO DE APRECIAÇÃO DE IMPUGNAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO 001/2013 ATA DE SESSÃO DE APRECIAÇÃO DE IMPUGNAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO 001/2013 Processo n.º E-26/054.334/2012 SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E/OU CORRETIVA EM SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO (AR CONDICIONADO E BEBEDOURO)

Leia mais

1. Do impedimento quanto aos critérios de Qualificação Econômico-Financeira:

1. Do impedimento quanto aos critérios de Qualificação Econômico-Financeira: ILMO. SR. EDUARDO ABI-NADER SIMÃO GERENTE DE LICITAÇÕES E CONTRATOS, RESPONSÁVEL DA COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DO RJ. REF.: PREGÃO ELETRÔNICO Nº 03/2015 EMPRESA BRASILEIRA DE TECNOLOGIA E ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

ORIENTAÇÕES ACERCA DA APLICAÇÃO DA LEI 12.994 DE 2014

ORIENTAÇÕES ACERCA DA APLICAÇÃO DA LEI 12.994 DE 2014 ORIENTAÇÕES ACERCA DA APLICAÇÃO DA LEI 12.994 DE 2014 Consultam-nos as secretarias municipais de saúde acerca da aplicabilidade imediata da Lei 12.994/14 que altera a Lei 11.350/06 para instituir o piso

Leia mais

Resposta a Pedido de Impugnação ao Edital Nº 01/2013

Resposta a Pedido de Impugnação ao Edital Nº 01/2013 Resposta a Pedido de Impugnação ao Edital Nº 01/2013 PREGÃO PRESENCIAL Nº 01/2013 Objeto: Contratação de empresa(s) cadastrada junto ao Ministério do Turismo (Cadastur), para prestação de serviços de agenciamento,

Leia mais

Número: 00213.000123/2010-25 Unidade Examinada: Município de Bujaru/PA

Número: 00213.000123/2010-25 Unidade Examinada: Município de Bujaru/PA Número: 00213.000123/2010-25 Unidade Examinada: Município de Bujaru/PA Relatório de Demandas Externas n 00213.000123/2010-25 Sumário Executivo Este Relatório apresenta os resultados das ações de controle

Leia mais

REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATOS

REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATOS REGULAMENTO DE COMPRAS E CONTRATOS REGULAMENTO PARA CONTRATAÇÃO DE OBRAS, SERVIÇOS, COMPRAS E ALIENAÇÕES DO INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL BAIANO IDSB. O Instituto de Desenvolvimento Sustentável

Leia mais

Programa de Fortalecimento das Cadeias e Arranjos Produtivos Locais - APLs

Programa de Fortalecimento das Cadeias e Arranjos Produtivos Locais - APLs Programa de Fortalecimento das Cadeias e Arranjos Produtivos Locais - APLs Realização de Convênios Convênios São acordos firmados por entidades públicas, ou entre estas e organizações particulares para

Leia mais

ASSUNTO: Atualização do Perguntas e Respostas nº 003/2010 que versa sobre Pregão ORIGEM: GEALC PSEF 40284/10-7

ASSUNTO: Atualização do Perguntas e Respostas nº 003/2010 que versa sobre Pregão ORIGEM: GEALC PSEF 40284/10-7 PERGUNTAS E RESPOSTAS OT Nº 001/11 ASSUNTO: Atualização do Perguntas e Respostas nº 003/2010 que versa sobre Pregão ORIGEM: GEALC PSEF 40284/10-7 Este trabalho visa a orientar os agentes administrativos,

Leia mais

ATORES DA LICITAÇÃO POR SRP E IMPLICAÇÕES DO NOVO REGULAMENTO Nº 7.892/2013

ATORES DA LICITAÇÃO POR SRP E IMPLICAÇÕES DO NOVO REGULAMENTO Nº 7.892/2013 1 ATORES DA LICITAÇÃO POR SRP E IMPLICAÇÕES DO NOVO REGULAMENTO Nº 7.892/2013 Por: Flavia Daniel Vianna Advogada especialista e instrutora na área das licitações e contratos administrativos. Pós-graduada

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo

Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAL COORDENADORIA DE LICITAÇÕES E CONTRATOS SEÇÃO DE ELABORAÇÃO DE EDITAIS E CONTRATOS ATA DA SESSÃO PÚBLICA DA LICITAÇÃO NA

Leia mais

P4-MPS.BR - Prova de Conhecimento do Processo de Aquisição do MPS.BR

P4-MPS.BR - Prova de Conhecimento do Processo de Aquisição do MPS.BR Data: 6 de Dezembro de 2011 Horário: 13:00 às 17:00 horas (hora de Brasília) Nome: e-mail: Nota: INSTRUÇÕES Você deve responder a todas as questões. O total máximo de pontos da prova é de 100 pontos (100%),

Leia mais

CONCORRÊNCIA CONJUNTA Nº 22/2009 PERGUNTAS E RESPOSTAS

CONCORRÊNCIA CONJUNTA Nº 22/2009 PERGUNTAS E RESPOSTAS CONCORRÊNCIA CONJUNTA Nº 22/2009 PERGUNTAS E RESPOSTAS 1. O item 3.4.1 do Edital pede que a licitante apresente o Ato constitutivo da sociedade, devidamente registrado/averbado na Ordem dos Advogados do

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO ESTADUAL Processo: E-08/005.017/2009 Data: 10/07/2009 Rubrica: Fls.

SERVIÇO PÚBLICO ESTADUAL Processo: E-08/005.017/2009 Data: 10/07/2009 Rubrica: Fls. Trata-se de impugnações apresentadas pelas sociedades empresárias ECCO ENGENHARIA CLINICA CONSULTORIA LTDA, INNOVAMED MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS MÉDICOS LTDA ME, MEDSYSTEM COMÉRCIO, MANUTENÇÃO E SERVIÇOS

Leia mais

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Dispõe sobre o quórum de aprovação de convênio que conceda remissão dos créditos tributários constituídos em decorrência de benefícios, incentivos fiscais ou financeiros instituídos

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 446/95 - Plenário - Ata 40/95 Processo nº TC 020.528/94-9 Interessado: Representante da empresa Lynch Representações e Participações Ltda. Entidade:

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA 1 Número: 2 Categoria de Investimento: 3 Anexo: 4 Objeto: 5 Justificativa: 5.1. 5.2. 5.3.

TERMO DE REFERÊNCIA 1 Número: 2 Categoria de Investimento: 3 Anexo: 4 Objeto: 5 Justificativa: 5.1. 5.2. 5.3. TERMO DE REFERÊNCIA 1 Número: 2 Categoria de Investimento: Concurso Público de Provas e Títulos 3 Anexo: 4 Objeto: Contratação de Fundação/empresa para prestar serviços técnicos especializados de organização

Leia mais

Referência: Impugnação ao Edital do Pregão Presencial nº. 02/2007

Referência: Impugnação ao Edital do Pregão Presencial nº. 02/2007 1/5 Processo: A 07/006 Interessado: Gerência Administrativa Assunto: Aquisição e Instalação do Sistema de Missão Crítica, composto por 02 UP s de 60 kva e 02 PDU s; Referência: Impugnação ao Edital do

Leia mais

Manual do. Almoxarifado

Manual do. Almoxarifado Manual do Almoxarifado Parnaíba 2013 APRESENTAÇÃO O Almoxarifado é o local destinado à guarda, localização, segurança e preservação do material adquirido, adequado à sua natureza, a fim de suprir as necessidades

Leia mais

ORDEM DE SERVIÇO Nº 08/2014

ORDEM DE SERVIÇO Nº 08/2014 ORDEM DE SERVIÇO Nº 08/2014 O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE, no exercício de suas atribuições legais, de conformidade com o art. 57, inciso XVIII, da Lei Orgânica do Município de Porto

Leia mais