Diálogo one-to-one nunca foi tão real no Marketing Direto

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Diálogo one-to-one nunca foi tão real no Marketing Direto"

Transcrição

1 Abril/2014 Edição nº Ano XIV R$ 13,00 Personalização total Personalização total Diálogo one-to-one nunca foi tão real no Marketing Direto TELECOM: Concorrência acirrada faz setor colocar foco em captação, retenção e recuperação. MARKETING DIÁLOGO PELO MUNDO: Automação do marketing é uma necessidade cada vez maior; compartilhamento de pontos estimulam as vendas e muito mais...

2

3

4 carta ao leitor V V V Marketing one-to-ne é uma expressão do Marketing Direto cunhada há alguns anos, mas que literalmente não se aplicava. Ela mais servia como uma imagem do que se propõe a disciplina do que propriamente o que se podia fazer. As ações, ainda na maioria dos casos, identificam grupos, os clusters, com quem a marca deseja se comunicar, enviando ofertas que possam interessar ao grupo. Porém, a manutenção desse diálogo, também ainda na grande maioria das vezes, é coletiva, porque mesmo obtendo respostas diferentes, as marcas não estão amplamente preparadas para devolver respostas individuais. Ocorre que a absurda evolução da tecnologia está permitindo ao Marketing Direto atingir níveis de segmentação elevados, dando vazão ao avanço de ferramentas como CRM, datamining e Big Data. O admirável mundo novo da segmentação e personalização individual da comunicação já é realidade, inclusive nos materiais impressos. Como mostra nossa matéria de capa, ainda há um caminho a percorrer, como, por exemplo, obter ganho de escala para que as ações, mais baratas, possam ser feitas com maior constância. Já é colocada em prática a integração on e offline, que comprovadamente gera melhores resultados e permitem um diálogo verdadeiro entre marca e cliente. Voltamos também a mostrar como o mercado de telecom, um dos grandes segmentos usuários do Marketing Direto, tem feito uso da disciplina, com foco em captação, retenção e recuperação Na seção Marketing Diálogo pelo Mundo, Fernando Guimarães garimpou informações muito relevantes que apontam as tendências do marketing na era digital, como a automação do marketing é uma necessidade cada vez maior nas empresas na busca da otimização e maior retorno dos investimentos, ou, ainda, uma pesquisa que mostra que o compartilhamento de pontos de programas de fidelidade estimulam as vendas. Boa leitura! O Editor expediente Diretoria presidente: Efraim Kapulski diretor de alianças estratégicas: Bernardo Zamijovsky diretor de crm/database: Eduardo W. Ramalho diretor de Marketing: Rodrigo de Almeida diretor de listas: Vicente Argentino diretor de roi: Marcelo Sousa diretor de sucursais: Jeffrey Hanson Costa diretor Financeiro: Wilson Paschoal Júnior conselho de administração presidente do conselho: Fernando Alberto da Costa Vice-presidente do conselho: Edson Carlo Barbieri Alexandre Jau, Antonio Carlos Carletto, Antonio Rosa Neto, Danilo Vasconcelos, David Whittaker, Edson Carlo Barbieri, Eduardo Souza Aranha, Eduardo W. Ramalho, Fabio Adiron, Fernando Alberto da Costa, Fernando B. Cirne, Fernando L. G. Guimarães, Henrique Mello, Jeffrey Hanson Costa, José Antônio Soler, Luci Silva, Luis Henrique Fichman, Marcelo Custódio, Marcelo Sousa, Marcia Asano, Marciliano Antônio Silva Jr., Márcio Ribeiro, Maria Luiza Vasques Piccioli, Milton Angeli, Murillo Boccia, Nelson Grunenberg Alves Reis, Odair Gutirres, Paulo F. B. Vasconcelos, Paulo Geraldo F. Cavalcanti, Pedro Renato Eckersdorff, Pio Borges, Ricardo Musumeci, Roberto Saddy Chade, Wilson Paschoal Júnior. conselho Fiscal Alexandre Souza Martins Case, Ana Maria Moreira Monteiro, Osvaldo Alvarenga. associação Brasileira de Marketing direto Avenida São Luís, 50 13º andar cj. 132 B Edifício Itália CEP São Paulo/SP Brasil Tel: (11) comunicação, imprensa, comercial: Roberto Perrone eventos: Fernanda Giannetti administração e Finanças: Pedro Xavier Jorge Revista Marketing Direto é uma publicação da Associação Brasileira de Marketing Direto (ABEMD) editor: Roberto Perrone assistente editorial: Priscila Silva arte e editoração eletrônica: Adriana Cassiano pré-impressão, impressão e acabamento: Laborprint Grafica e Editora Ltda escreva para a revista Marketing direto. Mande seus comentários e sugestões para o 4 Marketing Direto - Abril/14 - nº Ano XIV

5 Índice CAPA Personalização é a 6chave do negócio 28 Mercado telecomunicações Captação, retenção e recuperação marketing diálogo pelo mundo Por Fernando Guimarães 39 agenda Deu na Imprensa...40 Novos Associados...41 Leitura...42 Causos do Marketing Direto...43 Frases De forma direta ou indireta, os clientes estão nos dizendo o que eles querem. Daniel Gabriolli, diretor geral de atendimento da Fábrica Saber quais as reais necessidades de cada cliente, no formato e momento correto traz como resultado um maior engajamento, já que se fala a mesma linguagem do interlocutor. David Coelho, CMO da Project1 Marketing Intelligence A experiência demonstra que diversos tipos de ações apresentam taxas de resposta até 35% superiores quando se usa personalização do conteúdo. Daniel Chaves, diretor de novos negócios da Omnion A personalização é a concretização dos esforços realizados pela empresa para levar ao cliente uma proposta individualizada, com uma oferta de conteúdo relevante. Marcelo Souza, diretor executivo da Marketdata De nada adiantam peças incríveis de comunicação se a mensagem não é inteligente e relevante. Pedro Henrique Camiloti, diretor de vendas e marketing da Laborprint Personalização é, antes de tudo, um recurso para conquistar um relacionamento cada vez mais próximo e dirigido. Renato Oliveira, sócio diretor da Compulaser O crescimento da presença digital potencializou significativamente o desenvolvimento de novas tecnologias, desde as de datamining até as de produção. Luis Silvarolli, head de Data Intelligence da Sunset Comunicação O uso do Marketing Direto ganhou relevância nas estratégias de comunicação das empresas. Um device mobile é um grande aliado ao Marketing Direto. William Kerniski, CEO da Leadpix Muitas empresas tem a preocupação de captar, mas isso é feito de forma tão desordenada que muitos clientes entram para a base, mas não trazem relacionamento para as empresas. Alexandre Bronze M. da Costa, sócio diretor da Data Mailing Marketing Solution A opção é usar estratégias combinadas, com canais múltiplos, mas baseadas em muita inteligência de mercado Ana Karina Delgado Fontes, diretora de relacionamento da MR Marketing de Relacionamento Abril/14 - nº Ano XIV - Marketing Direto 5

6 Capa Personalização, a chave do diálogo Não dá para fazer Marketing Diálogo sem saber com quem se está falando, e é por isso que personalizar é tão importante quando o assunto é comunicação dirigida. Hoje, com o uso das tecnologias disponíveis, é possível individualizar a comunicação como nunca e chegar ao tão sonhado one-to-one 6 Marketing Direto - Abril/14 - nº Ano XIV

7 Quem diria que algum dia seria possível personalizar 100% de uma peça de Marketing Direto em ações de grande escala? Talvez nem mesmo o maior entusiasta da disciplina tenha sonhado em fazer comunicação one- -to-one com a facilidade que existe atualmente. A tecnologia avançou, e continua avançando de uma maneira, que dá para personalizar tudo: cores, textos, imagens, periodicidade on e offline. Para qualquer marca que queira estabelecer um diálogo com seus clientes, a personalização, no sentido mais amplo da palavra, é um dever. Isso porque no relacionamento com os clientes, as empresas conseguem reunir muitos dados por meio de diferentes canais, como cadastros, histórico de vendas, telefone, site, redes sociais, etc. Por isso, se torna quase que uma obrigação entender esse perfil e responder de acordo com as escolhas e interesses dos clientes. Afinal, de forma direta ou indireta, por meio de cookies, monitoramento, análises comportamentais, os clientes estão nos dizendo o que querem, diz Daniel Gabriolli, diretor geral de atendimento da Fábrica. A personalização, se usada de forma inteligente e relevante, reflete diretamente na resposta do consumidor para a ação. A possibilidade de uma peça personalizada gerar interação e despertar uma reação do cliente é infinitamente maior do que uma comunicação genérica. Quando o cliente recebe uma comunicação que não chama a sua atenção de alguma forma, ele quase sempre despreza aquele material - deleta ou joga no lixo. O contrário acontece quando recebe uma peça personalizada que o toca de alguma forma. Nestes casos, o resultado positivo é inevitável, diz Pedro Henrique Camiloti, diretor de vendas e marketing da Laborprint. E não se pode perder a chance de conversar com os clientes de forma direta, usando o conteúdo e a forma com a qual cada um deles se identifique, como bem lembra Daniel Chaves, diretor de novos negócio da Omnion. Esse tipo de comunicação agrega muito valor à mensagem. Quem não gosta de ser tratado pelo nome ou receber um cartão na sua cor favorita? Por isso é simples entender que personalizar potencializa os resultados nas ações. É muito bom quando chegamos a um restaurante e o garçom nos pergunta se iremos fazer o pedido de sempre, ou então sugere o vinho que pedimos na última vez que estivemos lá. Ser tratado de forma individualizada gera intimidade e segurança. Somos seres sociáveis e gostamos de estar com pessoas semelhantes e que compartilham desejos e experiências similares às nossas, constata Marcelo Sousa, diretor executivo da Marketdata. Para Renato Oliveira, sócio diretor da Compulaser, a personalização é o grande diferencial da comunicação dirigida. Não apenas de um recurso gráfico, de um nome de pessoa ou empresa, e sim da personalização da linguagem, da oferta, do momento do relacionamento em que a pessoa que recebe a mensagem está, para que ela se sinta identificada e valorizada como indivíduo, seja pessoa física ou jurídica, e possa retribuir fazendo negócios com a empresa. Os resultados tendem a ser ainda maiores quando a personalização está atrelada a uma régua de relacionamento. Saber quais as reais necessidades de cada cliente, no formato e momento correto traz como resultado um maior engajamento, já que se fala a mesma linguagem do interlocutor, acentua David Coelho, CMO da Project1 Marketing Intelligence. A personalização favorece 100% o diálogo, por isso mesmo não deve terminar no recebimento da peça pelo cliente ou prospect. O contato deve sempre ter continuidade, mesmo que realizada a venda. A experiência demonstra que diversos tipos de ações, de vendas, de retenção de clientes, de incentivo de equipes, entre outras, apresentam taxas de resposta até 35% superiores quando se usa a personalização do conteúdo, constata Daniel Chaves, diretor de novos negócios da Omnion. A parte visível do iceberg Não se pode confundir a disciplina Marketing Direto com a mera e simples personalização de ações. Como explica Marcelo Sousa, a personalização é ape- Abril/14 - nº Ano XIV - Marketing Direto 7

8 capa nas a parte visível de um grande volume de estudos e análises de dados utilizados para conhecer o cliente e identificar as variáveis utilizadas nas peças. A personalização é a concretização dos esforços realizados pela empresa para levar ao cliente uma proposta individualizada, contendo uma oferta de conteúdo relevante. Para o desenvolvimento de uma peça personalizada que realmente faça sentido para quem recebe é imprescindível que a empresa possua um banco de dados consistente. Essa é a base para qualquer início de ação de relacionamento. Com informações sobre o perfil, hábitos e comportamento dos clientes, é possível desenvolver boas peças de comunicação dirigida, lembra Pedro Henrique Camiloti. De nada adiantam peças incríveis de comunicação se a mensagem não é inteligente e relevante. Costumo dizer que uma personalização bem feita tem que tocar emocionalmente a pessoa que recebe, e se isso acontece, o resultado aparece de imediato. David Coelho lembra que para ter um bom banco de dados é necessário garantir a qualidade das informações cadastrais, das variáveis que possam ser utilizadas na segmentação de cada contato e estabelecer um processo aderente à expectativa dos prospects. Além disso, um relacionamento efetivo depende do fato da comunicação estar alinhada ao conceito e público que se pretende atingir. Vale lembrar que a personalização de fato, com tudo o que se tem disponível hoje, assume um papel bem amplo, que inclui atender às questões comportamentais, de interesses e conquistas, preferência de canais e de linguagem dos clientes. Ela vai além dos dados variáveis, explica Alexandre Bronze M. da Costa, sócio diretor da Data Mailing Marketing Solution. Porque ela começa na seleção do público, passa pela segmentação da oferta, canais de impacto mais convenientes e a realização de ações cruzadas. Tecnologia que ajuda Essa é a parte da estratégia que só pode ser colocada em prática porque ano após ano a inovação constante das tecnologias aplicadas ao Marketing Direto amplia o horizonte dos profissionais da disciplina. Com a personalização não é diferente. Hoje já posso dizer para os criativos que não existem mais barreiras e Quais as tendências no uso da personalização? A segmentação terá que aprender a reagir em tempo real. Tradicionalmente, personalizamos nossas mensagens de acordo com os dados históricos de nossos clientes. Com a migração de nossos hábitos de consumo para o mundo virtual, os modelos e regras de segmentação terão que ser capazes de reagir, personalizando o conteúdo da mensagem instantaneamente a partir da informação obtida na própria interação. Marcelo Sousa, diretor executivo da Marketdata Quanto mais personalizado, mais premium. O grande desafio é o acompanhamento do uso das tecnologias e canais de comunicação pelas pessoas. Todos os dias um grande volume de interação e geração de informações valiosas sobre o comportamento das pessoas é gerado. É óbvio que não dá para ter tudo o tempo todo, mas um perfil é possível. Wiliam Kerniski, diretor executivo da Leadpix 8 Marketing Direto - Abril/14 - nº Ano XIV

9 estamos em um mundo sem limites para a criatividade no que se refere a peças personalizadas. Nestes últimos cinco anos, tivemos uma evolução gigante em sistemas e equipamentos digitais. Os formatos já estão grandes, os insumos cada vez mais baratos e a qualidade surpreende a cada dia que passa, destaca Pedro Henrique Camiloti. No Brasil, já há tecnologia disponível para desenvolver peças 100% personalizadas com textos e imagens variáveis para cada cliente, em uma base de número infinito. Infelizmente, muitos profissionais da área de comunicação ainda desconhecem essa tecnologia e por isso não exploram o universo da personalização na sua totalidade, analisa Camiloti. Daniel Chaves, da Omnion, também lembra que o mercado ainda esbarra na questão de custo, já que quanto mais O que é personalizar? Personalizar significa entender e adequar. É muito mais que uma carta com o nome completo do cliente. Ainda hoje, recebemos mensagens que nos tratam como Prezado/a Sr/a e na sequência nos dizem como somos importantes para a empresa. Que importância é esta que nem consegue nos tratar pelo nome? Ao mesmo tempo, o tratamento pelo nome não é sinônimo de uma personalização eficaz. A verdadeira sintonia com o cliente ocorre a partir de uma segmentação do conteúdo, da mensagem adequada aos interesses e necessidades de quem é fiel à marca. Significa dizer que a personalização não é adquirida a priori, através de nomes completos impressos em letras e papel bacanas. É um processo de construção, de trocas nas quais eu conto um pouco mais de mim a você para que você me trate cada vez melhor. Fernando Adas, diretor de planejamento da Fine Marketing Cada vez mais a personalização está deixando de ser uma estratégia para ser uma exigência dos consumidores. Dados de múltiplas origens se unem e facilitarão a comunicação nos canais em que os consumidores estarão abertos ao diálogo, em um curto tempo de resposta. David Coelho, CMO da Project1 Marketing Intelligence É preciso fazer os clientes se sentirem à vontade, simulando uma relação interpessoal entre marcas e pessoas, não deixar apenas pelo discurso, em um ambiente e formato empático a cada um deles. Daniel Gabriolli, diretor geral de atendimento da Fábrica Abril/14 - nº Ano XIV - Marketing Direto 9

10 capa Integração on e offline Com a forte chegada das impressoras digitais na indústria gráfica, se abriram grandes e novas oportunidades de negócios, principalmente para aplicações no Marketing Direto. Agora é possível integrar campanhas nos mundos on e offline. Uma vez que tudo, em algum momento, passa por processos digitais, estes mundos conseguem interagir e os canais de comunicação passam a ser complementares. Na escola antiga, as gráficas só conseguiam reproduzir um original, isto é, toda comunicação era voltada para a massa. No nosso novo cenário, com a chegada dos equipamentos digitais, conseguimos produzir peças únicas e exclusivas para cada pessoa. Existem várias maneiras de integração on e offline. As principais são as plataformas online criadas especialmente para ações personalizadas que depois serão transformadas em peças impressas e o uso de tecnologias como o QR Code e a realidade aumentada que usam o papel como uma porta de entrada para o universo digital. Pedro Henrique Camiloti, diretor de vendas e marketing da Laborprint abrangente for a personalização maior o custo de produção das peças. Hoje temos tecnologia para atingir um grau de personalização impensável há alguns anos, porém, a escala de utilização dessas tecnologias ainda tem que crescer para que o custo seja acessível às empresas de todos os portes. Na área gráfica, por exemplo, estão disponíveis softwares, plataformas e páginas na internet criadas especialmente para ações de interação e personalização de materiais impressos, além de impressoras digitais, de alta qualidade, que estão ligadas aos softwares de aplicação de conteúdos variáveis. Todas essas tecnologias possibilitam a criação e desenvolvimento de peças realmente customizadas e segmentadas. Hoje é possível fazer quase tudo em termos de tecnologia, mas o que é mais latente, sem dúvida alguma, é o digital em franco desenvolvimento e constante experimentação, que propor- A tendência é a supervalorização da tecnologia e produções visuais cada vez mais impressionantes. Mas sem nunca esquecer que personalização é, antes de tudo, um recurso para conquistar um relacionamento cada vez mais próximo e dirigido. Renato Oliveira, sócio diretor da Compulaser A personalização deve se expandir rapidamente para os meios eletrônicos em função do menor custo de produção de campanhas nesses meios. Para peças impressas, o fator custo ainda impede a utilização em larga escala da personalização completa de conteúdo. Daniel Chaves, diretor de novos negócios da Omnion 10 Marketing Direto - Abril/14 - nº Ano XIV

11 ciona e proporcionará cada vez mais essas possibilidades. Luis Silvarolli explica que o crescimento da presença digital potencializou significativamente o desenvolvimento de novas tecnologias, desde as de datamining até as de produção. Vide as ferramentas de behaviortarget que possibilitam entendermos o comportamento de navegação e interesse dos visitantes online; as ferramentas de customização de target em mídias sociais, como as que o Facebook disponibiliza; as ferramentas de disparo de s customizados; as ferramentas que integram campanhas em diversas plataformas on e offline. Marcelo Sousa também destaca a personalização no mundo online. As novas soluções de CMS Content Management System por exemplo, permitem a personalização dinâmica de conteúdo em real time a partir da utilização de regras de negócios simples ou até mesmo da utilização de sofisticados modelos de segmentação. O que é importante na personalização de uma ação? Existem três pontos importantes para se construir uma personalização eficaz: 1. Inteligência da informação: é preciso analisar os targets envolvidos na campanha e verificar se existem comportamentos diferentes e em comum entre eles. Assim é possível criar clusters específicos para, a partir deles, pensar na mensagem, formato e canal. 2. Comunicação: Pensar em cada cluster como um target diferente e a partir das variáveis que compõem os clusters desenvolver a mensagem, tom e linguagem; quais canais e quantidade de impactos serão ativados para cada um deles. Por fim, é preciso refletir sobre a oferta e o call to action. Se não estimular o consumidor a uma ação para um canal de resposta não haverá como controlar os resultados. 3. Tecnologia: É fundamental pensar nas tecnologias existentes para construir os processos, controles e análises da campanha. Luis Silvarolli, head de Data Intelligence da Sunset Comunicação Ações e ofertas personalizadas evoluem com o advento do Big Data, mas ainda estamos engatinhando com ele. As ações trarão cada vez mais experiências agradáveis aos seus destinatários. Alexandre Bronze M. da Costa, sócio diretor da Data Mailing Marketing Solution Abril/14 - nº Ano XIV - Marketing Direto 11

12 Os tempos mudaram. O jeito de conquistar seu público, tam bém.

13 Para acompanhar a evolução do mundo, sua estratégia de marketing direto precisa eleger e integrar as mais diferentes disciplinas. Trace o melhor caminho com uma agência especializada ou consultoria, valorize ao máximo o meio digital e a mala direta, use a força dos call centers e a inteligência do database, CRM e logística. Só com marketing direto você consegue chegar até seu cliente sem dispersão e mensurar resultados de forma precisa. É assim que cases incríveis vão entrar para a história da sua marca. Com marketing direto você pode muito mais.

14 telecomunicações Captação, retenção ou recuperação A abertura do setor de telecomunicações faz com que os usuários do sistema sejam disputados com unhas e dentes. Como grandes usuários de Marketing Direto, ao lado do setor financeiro, as empresas do segmento focam suas ações em captação e na manutenção da base, por isso precisam estar em contato constante com sues clientes, proporcionando ofertas, pacotes e oportunidades de negócios. 14 Marketing Direto - Abril/14 - nº Ano XIV

15 Há pouco mais de duas décadas, o telefone no Brasil era um bem de consumo. Caro! Uma linha chegava a custar US$ 4 mil. Atualmente, o consumidor pode ter não uma, mas várias linhas, seja de telefones fixos ou celulares. Resultado: a competição no mercado de telecomunicações é ferrenha. E o Marketing Direto tem sido uma ferramenta de grande valor nessa disputa pelos usuários. Por isso, não é difícil entender que o foco das ações está no tripé captação, retenção e recuperação. As respostas de todo e qualquer tipo de ação servem como base para outra e assim por diante. E se tornou essencial buscar a atualização e enriquecimento das informações. Por isso, as empresas de listas têm mercado cativo no setor. Muitas vezes as empresas nem se preocupavam em recomprar informações de consumidores que já tinham dentro de seus Databases, ao invés de simplesmente realizar projetos de atualização, opina Alexandre Bronze M. da Costa, sócio diretor da Data Mailing Marketing Solution. É certo que, para captação, as empresas de telecom utilizam um variado arsenal de canais de vendas. Mas de acordo com William Kerniski, CEO da Leadpix, com o crescente aumento de consumidores mobile e de conteúdo em multiplataformas, o uso do Marketing Direto ganhou relevância nas estratégias de comunicação das empresas. Um device mobile é um grande aliado ao Marketing Direto. A adoção do Marketing Direto para atrair novos clientes ou aumentar o ARPU (receita média por usuário) dos clientes ativos, através de campanhas segmentadas de acordo com o perfil de consumo, tem sido uma das estratégias destas empresas num mercado altamente competitivo. Por outro lado, investir na recuperação de clientes também virou palavra de ordem, já que se sabe ser mais barato do que investir em ações de conquista de novos usuários. Para encarar essa batalha, as empresas estão desenvolvendo projetos e estruturas cada vez mais inteligentes e funcionais, criando processos de deduplicação de informações, Score de pontuação de variáveis, clusterização, enriquecimentos por household, entre outros processos de melhoria. Alexandre Costa afirma que a ativação é um ponto que jamais deve ser menosprezado. Muitas empresas tem a preocupação de captar, mas isso é feito de forma tão desordena- O uso do Marketing Direto ganhou relevância nas estratégias de comunicação das empresas. Um device mobile é um grande aliado ao Marketing Direto. William Kerniski, CEO da Leadpix Abril/14 - nº Ano XIV - Marketing Direto 15

16 telecomunicações Muitas empresas tem a preocupação de captar, mas isso é feito de forma tão desordenada que muitos clientes entram para a base, mas não trazem relacionamento para as empresas. Alexandre Bronze M. da Costa, sócio diretor da Data Mailing Marketing Solution da que muitos clientes entram para a base, mas não trazem relacionamento para as empresas, avalia o executivo. Acredito que hoje em dia há mais aderência em campanhas de retenção e recuperação. Canais Um dos canais mais utilizados atualmente é o marketing, embora as empresas ainda precisem melhorar conceitos, segmentar e atingir prospects com alto valor agregado. Alexandre Costa acredita que a mala direta voltou a ganhar força, devido à má utilização das campanhas de marketing. A mala nunca morrerá, pois ainda tem valor para campanhas com perfil diferenciado, para um teaser ou algo parecido. O mercado de telecom é extremamente competitivo, com presença de players de todos os portes, uns sobressaindo-se pela força de suas marcas, outros pela proximidade do atendimento ao cliente. Ana Karina Delgado Fontes, diretora de relacionamento da MR Marketing de Relacionamento, afirma que, no caso da MR, que trabalha exclusivamente no B2B, a opção é usar estratégias combinadas, com canais múltiplos, mas baseadas em muita inteligência de mercado. Isso permite às empresas analisarem as oportunidades antes, estruturarem melhor suas abordagens e focar as ações em um público já direcionado. Desta forma, otimiza-se recursos e melhoram os resultados, conta. O call center aparece como um dos canais mais eficazes. Não tem nada melhor do que estarmos falando em tempo real com o cliente e fazendo as ofertas de maneira direta e incisiva, analisa Costa. Para Kerniski, call center é hoje o grande canal de vendas para trabalhar grandes volumes e, principalmente, atrair clientes das concorrentes. O Marketing Direto on e off-line são o segundo canal, e o mobile um canal ainda desafiador tanto para as empresas de conteúdo, como para as agências e o mercado - em função da regulamentação vigente. CRM Estreitar laços afetivos com o cliente não é mais só gentileza. Agora, ou você concede tratamento VIP permanente ao usuário ou o estará entregando de bandeja à concorrência. Ainda mais com a portabilidade. Por isso, as empresas precisam investir muito na qualidade das informações, 16 Marketing Direto - Abril/14 - nº Ano XIV

17 o CRM que alimenta as estratégias de Marketing Direto. Caso contrário, é o mesmo que se ter uma Ferrari e abastecer com gasolina batizada, de baixa qualidade, ilustra Alexandre Costa. Ana Karina, por sua vez, afirma que no sentido acadêmico da palavra, nenhuma das empresas pratica efetivamente CRM. Entretanto, todas elas estão, sim, utilizando ferramentas de CRM de apoio, seja de forma mínima, relacionado à gestão de seus pipelines de vendas, até integrações com outras áreas de apoio ao cliente. A tendência clara para o setor de telecom no que diz respeito às estratégias de comunicação são claras: investir no diálogo, em customizações, ações mais direcionadas para nichos específicos, até pelo advento do Big- Data. Mas para esse cenário acontecer, precisa haver investimento. E eles não param de crescer. Todas as estratégias que falam com o cliente de forma mais próxima, com ofertas mais customizadas, têm recebido uma atenção especial das empresas de telecom, sobretudo no que se refere a programas de lead generation no B2B, afirma a diretora da MR. Saltamos de um patamar de 30% para 50% a 60% do budget destinado a ações de lead generation no B2B. Todas as estratégias que falam com o cliente de forma mais próxima, com ofertas mais customizadas, têm recebido uma atenção especial das empresas de telecom, sobretudo no que se refere a programas de lead generation no B2B. Ana Karina Delgado Fontes, diretora de relacionamento da MR Marketing de Relacionamento Abril/14 - nº Ano XIV - Marketing Direto 17

18 MARKETING diálogo pelo mundo por Fernando Guimarães, diretor do site A Zona de Desconforto e country manager do MeuABC.com Quanto menor a leitura, maior o compartilhamento? Métricas do site Upworthy mostram que precisamos aumentar as oportunidades de compartilhamento em artigos na web Baseado em pesquisas, Dunkin Donuts lança novo programa de fidelidade com prêmios péno-chão Empresa afirma estar ter entrado no modo de aprendizagem e vai continuar refinando suas premiações visando o interesse dos clientes O novo programa, chamado DD Perks Rewards, substituiu o Dunkin Dollars, que era baseado nos gastos e os clientes receberam descontos nos seus s. Scott Hudler, vice-presidente de Global Consumer Engagement da Dunkin Donuts, comentou na apresentação do DD Perks que um dos problemas era que as recompensas não estavam limitadas a um uso. Hudler disse estar muito animado com o novo programa, pois ele é resultado de uma extensa pesquisa com clientes, franqueados e funcionários. Nós perguntamos o que cada pessoa procurava em um programa de fidelidade e temos agora um bom entendimento dos nossos consumidores, disse Huddler. O DD Perks permite aos participantes ganhar cinco pontos para cada dólar gasto em compras qualificadas no Dunkin Donuts quando pagam usando um cartão Dunkin Donuts ou o Dunkin mobile App. Quando um membro do programa acumula 200 pontos, ele ou ela recebe um cupom para uma bebida grátis, resgatáveis em restaurantes Dunkin Donuts. Além disso, os participantes recebem ofertas especiais, personalizadas e exclusivas. Huddler comentou que as pesquisas mostraram que os consumidores não querem uma oportunidade remota de um grande prêmio. Eles querem algo atingível. Em vez de ter um programa no qual você acumula pontos para ganhar alguma coisa grande, fizemos um programa para clientes que vêm todo dia e os recompensamos com uma bebida grátis que é muito mais atraente e muito mais atingível, afirmou Huddler. Queremos realizar o marketing um-a-um com nossos consumidores. * Fonte: Loyalty360 O site Upworthy surgiu no ano passado e vem se destacando por trazer histórias positivas e notícias edificantes. Recentemente, eles anunciaram uma nova métrica chamada minutos de atenção. O objetivo é descobrir quanto tempo se passa não apenas no site, mas na leitura de cada artigo. Surpreendentemente, de acordo com os dados, as pessoas que passaram em média 25% do número de minutos de atenção em um artigo compartilharam mais do que aqueles que passaram em média 100% no artigo. Os dados do Upworthy mostram que os usuários que encontram um artigo não precisam necessariamente lê-los em sua totalidade para compartilhar. Há vários motivos possíveis para isso, mas o fato é que percentagens de compartilhamento mais elevado ocorreram entre aqueles que passaram de 5 % a 25 % dos minutos totais de atenção do que aqueles que gastaram 100% minutos de atenção no nariz. Por outro lado, os que passaram de 100% também compartilharam mais. Para as empresas, esse dado é importante para determinar pontos de compartilhamento em momentos-chave dos artigos e não apenas na conclusão dele. Deve-se levar em consideração, porém, que o site Upworthy apresenta conteúdos que são intrinsecamente positivos e partilháveis e também não cria conteúdo exclusivo. O fato de que as pessoas podem ter visto o conteúdo anteriormente e que têm inclinação para o lado positivo das coisas deve pesar. * Fonte: MarketingLand 18 Marketing Direto - Abril/14 - nº Ano XIV

19 Segundo pesquisa, as marcas não retornam o amor dos consumidores Os consumidores anseiam por um relacionamento feliz com as marcas, aponta estudo da Responsys De acordo com o estudo Mobile Marketing Estudo Engagement, realizado pela Responsys, 76% dos consumidores norte-americanos inscrevem-se para receber para receber comunicações de marketing das marcas via mensagens de texto. 45% dos consumidores dizem sim para mensagens na caixa de entrada de aplicativos. E 21% dizem terem se inscrito para receber notificações push. As empresas, no entanto, não estão devolvendo esse amor. Entre os que subscreveram mensagens de celular, 74% têm recebido mensagens de marketing via SMS, mas apenas 49% receberam mensagens na caixa de entrada dos aplicativos. E menos de um terço dos que optaram por receber notificações push já recebeu alguma mensagem. Além disso, 35% dizem que as mensagens de marketing que eles recebem das marcas em seus dispositivos móveis são irrelevantes. De acordo com o estudo, a maioria dos consumidores entra em um relacionamento da marca com intenções de compra. 59 % dizem que optaram por comunicações móveis para receber ofertas especiais ou promoções. Da mesma forma, metade dos entrevistados optou porque querem saber sobre liquidações e 38% optaram por receber lembretes ou alertas de oportunidades. Os consumidores geralmente optam depois de ficarem sabendo que a marca faz boas ofertas. Por exemplo, 51% dos entrevistados disseram que as sugestões dos membros da família ou amigos geram um opt-in. Da mesma forma, 46% disseram que um pode provocar um opt-in. E uma vez que os consumidores começam a se envolver com uma marca, eles tendem a se comprometer totalmente: 50% dos consumidores entrevistados disseram ter feito uma compra como resultado de uma mensagem SMS e 39% disseram que mensagens na caixa de entrada de aplicativos têm levado a compras. O que falta, portanto, para as marcas cortejarem seus clientes, segurarem em suas mãos e lhes mostrarem o quão encantadora uma relação com a marca através de dispositivos móveis pode ser? A Responsys fez um infográfico que pode ser acessado em * Fonte: DMNews Meios digitais estão em alta entre investidores A preferência ainda são desktops e não mobile Investidores pessoas físicas dos Estados Unidos estão cada vez mais se voltando para uma ampla gama de possibilidades digitais para ajudá-los a pesquisar, investir e gerenciar seus investimentos. E os profissionais de marketing financeiro estão usando uma mistura de segmentação e conteúdo para alcançá-los, de acordo com um novo relatório da emarketer, Digital Investors: Drawing From a Portfolio of Growing Online and Mobile Options. A web se consolida como uma das principais fontes de informações de negócios e finanças. Segundo o American Investor Study, de 2013, preparado pela Scottrade, os sites de notícias/finanças foram as principais fonte de informação para os investidores (52%), seguido por consultores financeiros e corretores (40%). A comscore calcula que 172 milhões de usuários de internet dos EUA acessaram conteúdo de negócios ou relacionado a finanças em setembro de 2013, aproximadamente 76% da população da Internet e um aumento de 6% sobre o ano passado. * Fonte: emarketer Sam s Club testa serviço de assinatura para combater Amazon Fidelização mais receita recorrente é uma equação imbatível O clube de compras do grupo Walmart começou a testar um serviço de assinatura para estimular as encomendas online de 700 itens em várias categorias de produtos. O serviço My Subscriptions deverá competir com o programa Subscribe & Save da Amazon, que foi lançado em 2007 para estimular as vendas de produtos de consumo no varejista online. * Fonte: WallStreetJournal Automação de marketing é cada vez mais essencial, aponta estudo E ainda há muito espaço para crescer, principalmente fora dos EUA Uma pesquisa recente da Frost & Sullivan sobre a automação de marketing global indica que a receita dessa indústria deve atingir US$ 1,9 bi em Esse crescimento é impulsionado pela necessidade cada vez mais das empresas de otimizar o retorno sobre os investimentos de campanhas. O estudo também afirma que as ferramentas de automação de marketing são capazes de fornecer uma visão completa de como as soluções estão impulsionando o crescimento para as empresas globais e mostra que quase metade do mercado de 2013 foi dominado por três concorrentes: Marketo, Eloqua e Silverpop, com mais de 80% da atividade concentrada nos EUA. * Fonte: AdvertisingAge Sabre e AT&T fazem parceria para melhorar a experiência do passageiro com dados de localização Dados de celulares e hotspots wi-fi estão sendo combinados para criar uma nova tecnologia O Sabre Labs e a AT&T estão trabalhando em conjunto para melhorar a experiência de viagem para os passageiros de companhias aéreas, utilizando dados de localização a partir de telefones móveis para gerar insights em relação às 24 horas que antecederam o voo de um passageiro. A Sabre está combinando os dados de celulares e dos hotspots Wi-Fi da AT&T em aeroportos para criar uma tecnologia que pode dar às companhias aéreas a capacidade de alertar os passageiros quando entrarem um aeroporto com níveis menores de segurança, enviar alertas para grupos de embarque ou ajudar a localizar os passageiros que entraram no terminal errado, informou Sarah Kennedy Ellis, do Sabre Labs. * Fonte: LBX Journal Abril/14 - nº Ano XIV - Marketing Direto 19

20 MARKETING diálogo pelo mundo Há uma nova turma no pedaço: chief marketing technologists Um profissional que ligue marketing e tecnologia está se tornando uma das principais prioridades das empresas Marketing e tecnologia estão cada vez mais imbricados. Com o advento de milhares de aplicativos e de softwares como serviços feitos especificamente para permitir que as empresas atinjam seu público-alvo, a tecnologia é apenas parte do jogo. É aí que o papel emergente do tecnólogo-chefe de marketing entra em jogo. A analista Laura McLellan do Gartner publicou recentemente o estudo How the Presence of a Chief Marketing Technologist Impacts Marketing. O relatório mostra que, em 2013, 81 % das organizações pesquisadas tinham o equivalente a um chief marketing technologist, em comparação a 70% em % das organizações planejam adicionar um durante os próximos dois anos. O marketing tornou-se um tipo de disciplina movido a tecnologia, diz Scott Brinker, diretor de tecnologia da Ion Interactive, uma empresa de tecnologia de marketing que desenvolve softwares para rastrear e analisar o comportamento do usuário. Embora a tecnologia já tenha estado na periferia para os profissionais de marketing, hoje muitos aspectos são alimentado pela tecnologia. E mais empresas estão decidindo ter alguém para liderar a integração e inovação de tecnologia de marketing. Como as empresas começam a incluir esta posição de gestão, a busca para definir o papel torna-se imperativa. Gartner entrevistou 229 empresas de variados setores. Para a maioria, o chief marketing technologist será parte estrategista, parte criativo e parte tecnólogo, de acordo com o relatório do Gartner. Ele ou ela deve orquestrar todas as tecnologias que afetam a equipe de marketing e certificar-se de que todos sabem como usar e otimizar cada plataforma. Dois terços dos entrevistados dizem que as tecnologias de alinhamento com os objetivos de negócio é a principal responsabilidade desse profissional. Além de empresas de tecnologia, este sentimento foi mais forte entre executivos do varejo, com 82% concordando em comparação com apenas 50 % das empresas de mídia. Algumas outras responsabilidades principais enunciadas na pesquisa incluem servir como elo entre o marketing e os departamentos de TI, a escolha de plataformas e fornecedores, e priorizar o financiamento. * Fonte: DMNews Estudo: principais tendências em digital para 2014 Mobile, RTB, always on e mídias sociais vão se destacar este ano A emarketer acaba de publicar o relatório Key Digital Trends for 2014, cobrindo o uso de smartphones e tablets, always on commerce, compra programática e experiência de multitela nas mídias sociais. Segundo os analistas da empresa, 2013 foi o ano em que mobile decolou. Em 2014, essa tendência primordial vai se intensificar mais com o smartphone passando a ser usado pela maioria da população americana e tornando-se cada vez mais comum em todo o mundo. Eis as quatro principais tendências para 2014: 1) Será o ano no qual as empresas terão que lidar com um mundo de consumidores always on. Como resultado, os investimentos com publicidade mobile irão crescer mais de 50% em ) Com consumidores potencialmente sempre disponíveis para serem envolvidos, mais mensagens serão enviadas em 2014, ou haverá o risco de perder o momento para um concorrente. Investimentos com publicidade por meio de lances em tempo real (RTB) um tipo de acelerador de marketing vão crescer mais de 38%. 3) Always on, sempre conectado, também significa sempre comprando. Para os varejistas, isso irá aumentar a pressão para fazer entregas mais rápidas e mais convenientes em As mídias sociais são a cola que une a experiência de uso das multitelas. Os anunciantes vão se tornar mais confiantes em relação a tentativas e experimentos neste ano. A fatia delas na publicidade digital vai continuar a aumentar, superando 12% em * Fonte: emarketer Quer mais atividade em seu programa de fidelidade? Permita o compartilhamento de pontos Programas precisam mudar estrutura de pontos por compra para pontos por propósito, afirma pesquisa Participantes de programa de fidelidade compram mais vezes e gastam mais se forem capazes de compartilhar pontos com família e amigos, de acordo com uma pesquisa realizada na Austrália pela empresa Directivity empresa e a agência digital Citrus. Foram entrevistados mais de consumidores pertencentes a pelo menos um programa. A pesquisa gerou o relatório Share the Love: 2014 Consumer Study, que revelou que 65% dos entrevistados gostariam de compartilhar benefícios obtidos através de um programa de fidelidade com a família, amigos ou uma instituição de caridade. Ela também descobriu que 70% iriam fazer compras com mais frequência e 45% iriam gastar mais, se fossem capazes de compartilhar as recompensas. Para incentivar esse comportamento, os programas de fidelidade devem passar de uma estrutura pontos por compra (que oferecem benefícios transacionais e financeiros aos seus membros) a uma estrutura de pontos com propósito (dando recompensas para família, caridade ou organizações comunitárias), disse Adam Posner, CEO da Directivity. Empresas experientes, como JetBlue Airways e Citibank têm reconhecido a importância do compartilhamento e estão incorporando o recurso em seus programas de fidelidade em um esforço para aumentar o engajamento no programa, vendas e novos negócios. * Fonte: Colloquy 20 Marketing Direto - Abril/14 - nº Ano XIV

Trabalho sobre Social Media Como implementar Social Media na empresa

Trabalho sobre Social Media Como implementar Social Media na empresa Como implementar Social Media na empresa 1 As razões: Empresas ainda desconhecem benefícios do uso de redes sociais Das 2,1 mil empresas ouvidas em estudo do SAS Institute e da Harvard Business Review,

Leia mais

ebook Aprenda como aumentar o poder de captação do seu site. por Rodrigo Pereira Publicitário e CEO da Agência Retina Comunicação

ebook Aprenda como aumentar o poder de captação do seu site. por Rodrigo Pereira Publicitário e CEO da Agência Retina Comunicação por Rodrigo Pereira Publicitário e CEO da Agência Retina Comunicação Sobre o Autor: Sempre fui comprometido com um objetivo de vida: TER MINHA PRÓPRIA EMPRESA. Mas assim como você, eu também ralei bastante

Leia mais

Rede IPTV DX - Clubes Desportivos

Rede IPTV DX - Clubes Desportivos White Paper 24 de Setembro de 2014 Rede IPTV DX - Clubes Desportivos Alcançando e realizando o potencial do torcedor móvel IPTV Móvel para Clubes Desportivos - DX - 1 O negócio de mídia e venda para torcedores

Leia mais

Curso Marketing Político Digital Por Leandro Rehem Módulo III MULTICANAL. O que é Marketing Multicanal?

Curso Marketing Político Digital Por Leandro Rehem Módulo III MULTICANAL. O que é Marketing Multicanal? Curso Marketing Político Digital Por Leandro Rehem Módulo III MULTICANAL O que é Marketing Multicanal? Uma campanha MultiCanal integra email, SMS, torpedo de voz, sms, fax, chat online, formulários, por

Leia mais

O varejo e a era da disrupção

O varejo e a era da disrupção 10Minutos Varejo Total Retail 2015 - Pesquisa anual da PwC com os consumidores O varejo e a era da disrupção Destaques Os consumidores estão definindo sua própria abordagem de relacionamento com o varejo,

Leia mais

Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas

Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas edição 04 Guia do inbound marketing Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas Há um tempo atrás o departamento de marketing era conhecido

Leia mais

Etapas de uma campanha de e-mail marketing

Etapas de uma campanha de e-mail marketing Etapas de uma campanha de e-mail marketing Conheça as principais etapas de uma campanha de e-mail marketing, desde o planejamento de ações, até a análise das métricas de resultados. Ao contrário do que

Leia mais

Como sua empresa pode

Como sua empresa pode Como sua empresa pode [ O guia de segmentação por IP ] Tecnologia de Inteligência de IP e de geolocalização O método de encontrar a localização física e geográfica de um usuário com base unicamente em

Leia mais

MARKETING NA INTERNET

MARKETING NA INTERNET MARKETING NA INTERNET HUGO HOCH CONSULTOR DE MARKETING ER. BAURU SEBRAE-SP hugoh@sebraesp.com.br Marketing na Internet O que é? o Marketing na Internet, também referido como: i-marketing, web marketing,

Leia mais

Unidade IV MERCADOLOGIA. Profº. Roberto Almeida

Unidade IV MERCADOLOGIA. Profº. Roberto Almeida Unidade IV MERCADOLOGIA Profº. Roberto Almeida Conteúdo Aula 4: Marketing de Relacionamento A Evolução do Marketing E-marketing A Internet como ferramenta As novas regras de Mercado A Nova Era da Economia

Leia mais

The Director s Report: The State of ecommerce in Brazil. Por Lariza Carrera, Executive Director, etail Brazil

The Director s Report: The State of ecommerce in Brazil. Por Lariza Carrera, Executive Director, etail Brazil The Director s Report: The State of ecommerce in Brazil Por Lariza Carrera, Executive Director, etail Brazil etailbrazil.com 2014 O mercado está se ajustando a uma realidade multi-canal não excludente,

Leia mais

Nos últimos anos o mercado brasileiro de imóveis vivenciou um crescimento inacreditável, o lançamento de novas unidades mais a valorização de imóveis

Nos últimos anos o mercado brasileiro de imóveis vivenciou um crescimento inacreditável, o lançamento de novas unidades mais a valorização de imóveis Nos últimos anos o mercado brasileiro de imóveis vivenciou um crescimento inacreditável, o lançamento de novas unidades mais a valorização de imóveis usados, além do crescimento de renda da população e

Leia mais

Elementos essenciais para criar a Jornada do Cliente. para qualquer nível de profissional de marketing

Elementos essenciais para criar a Jornada do Cliente. para qualquer nível de profissional de marketing 3 Elementos essenciais para criar a Jornada do Cliente para qualquer nível de profissional de marketing Elementos essenciais para criar a Jornada do Cliente para qualquer nível de profissional de marketing

Leia mais

GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce

GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce Você é do tipo que quer arrancar os cabelos toda vez que um concorrente diminui o preço? Então você precisa ler este guia rápido agora mesmo. Aqui

Leia mais

Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing)

Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing) Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing) Transforme suas comunicações mais lidas em participações multicanais altamente direcionadas que reduzem custos, aumentam a satisfação do cliente e geram

Leia mais

Como cultivar leads do Comitê de TI

Como cultivar leads do Comitê de TI BRASIL Como cultivar leads do Comitê de TI O marketing está ajudando ou atrapalhando? Confiança + Credibilidade devem ser CONQUISTADAS O profissional de marketing moderno conhece a importância de cultivar

Leia mais

Transformação do call center. Crie interações com o cliente mais lucrativas e agregue valor adicionando insights e eficiência em todas as chamadas.

Transformação do call center. Crie interações com o cliente mais lucrativas e agregue valor adicionando insights e eficiência em todas as chamadas. Transformação do call center Crie interações com o cliente mais lucrativas e agregue valor adicionando insights e eficiência em todas as chamadas. Lucre com a atenção exclusiva de seus clientes. Agora,

Leia mais

Agência digital especializada na consultoria, design e desenvolvimento de projetos de internet

Agência digital especializada na consultoria, design e desenvolvimento de projetos de internet Agência digital especializada na consultoria, design e desenvolvimento de projetos de internet Oferecemos ao mercado nossa experiência e metodologia amplamente desenvolvidas ao longo de 15 anos de experiência

Leia mais

Como fazer marketing de relacionamento

Como fazer marketing de relacionamento Como fazer marketing de relacionamento O SEBRAE E O QUE ELE PODE FAZER PELO SEU NEGÓCIO Competitividade Perenidade Sobrevivência Evolução Orienta na implantação e no desenvolvimento de seu negócio de forma

Leia mais

Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico

Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico CUSTOMER SUCCESS STORY Abril 2014 Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico PERFIL DO CLIENTE Indústria: Mídia Companhia: Valor Econômico Funcionários:

Leia mais

Inteligência para ESTRATÉGIA DIGITAL

Inteligência para ESTRATÉGIA DIGITAL Inteligência para ESTRATÉGIA DIGITAL INTRODUÇÃO Já imaginou ter acesso a dados e estatísticas do website do concorrente? Com alguns aplicativos e ferramentas, isso já é possível. Com ajuda deles, você

Leia mais

COMUNICAÇÃO NA ERA DO BIG DATA

COMUNICAÇÃO NA ERA DO BIG DATA COMUNICAÇÃO NA ERA DO BIG DATA Sorria, você está sendo monitorado Numa sociedade em que praticamente tudo é digital, nossos passos podem e são rastreados, monitorados, compilados e analisados para fins,

Leia mais

Autoatendimento Digital. Reduz custos e aprimora as relações com o cliente, criando experiências de autoatendimento personalizadas e significativas.

Autoatendimento Digital. Reduz custos e aprimora as relações com o cliente, criando experiências de autoatendimento personalizadas e significativas. Autoatendimento Digital Reduz custos e aprimora as relações com o cliente, criando experiências de autoatendimento personalizadas e significativas. Oferece aos clientes as repostas que buscam, e a você,

Leia mais

QUER TER SUCESSO NOS NEGÓCIOS? CONFIRA NOSSAS DICAS!

QUER TER SUCESSO NOS NEGÓCIOS? CONFIRA NOSSAS DICAS! QUER TER SUCESSO NOS NEGÓCIOS? CONFIRA NOSSAS DICAS! 4 Introdução 5 Conheça seu público 5 Crie uma identidade para sua empresa 6 Construa um site responsivo 6 Seja direto, mas personalize o máximo possível

Leia mais

Plusoft Rua Nebraska, 443, 5º Andar, Brooklin São Paulo (SP) F.: 55 11 5091-2777 www.plusoft.com.br - @Plusoft -

Plusoft Rua Nebraska, 443, 5º Andar, Brooklin São Paulo (SP) F.: 55 11 5091-2777 www.plusoft.com.br - @Plusoft - Potencializando resultados com o SOCIAL CRM A CONSTRUÇÃO DE RELACIONAMENTOS SÓLIDOS NA MÍDIA SOCIAL A mídia social revolucionou os meios e o modelo de comunicação. Entre muitas transformações, as redes

Leia mais

Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente

Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente Uma nova perspectiva sobre a experiência digital do cliente Redesenhando a forma como empresas operam e envolvem seus clientes e colaboradores no mundo digital. Comece > Você pode construir de fato uma

Leia mais

A sociedade conectada: smartphone e tablet banking

A sociedade conectada: smartphone e tablet banking Perspectivas, impactos e desafios Nilton Omura (nilton.omura@br.ey.com) Abril, 2012 As condições estruturais para viabilizar a massificação de smartphones e tablets no Brasil estão criadas, e irão transformar

Leia mais

ESTRATÉGIA DIGITAL. Prof. Luli Radfahrer

ESTRATÉGIA DIGITAL. Prof. Luli Radfahrer ESTRATÉGIA DIGITAL Prof. Luli Radfahrer - Conforme estipulado no Termo de Uso, todo o conteúdo ora disponibilizado é de titularidade exclusiva do IAB ou de terceiros parceiros e é protegido pela legislação

Leia mais

Nosso Planeta Mobile: Brasil

Nosso Planeta Mobile: Brasil Nosso Planeta Mobile: Brasil Como entender o usuário de celular Maio de 2012 1 Resumo executivo Os smartphones se tornaram indispensáveis para nosso cotidiano. A difusão dos smartphones atinge 14% da população,

Leia mais

Guia de Métricas. Quais métricas acrescentam para a diretoria da empresa?

Guia de Métricas. Quais métricas acrescentam para a diretoria da empresa? Guia de Métricas Quais métricas acrescentam para a diretoria da empresa? QUAIS MÉTRICAS ACRESCENTAM PARA A DIRETORIA DA EMPRESA? Quem trabalha com marketing digital sabe que nem sempre é tão fácil provar

Leia mais

Resultados da Pesquisa

Resultados da Pesquisa Resultados da Pesquisa 1. Estratégia de Mensuração 01 As organizações devem ter uma estratégia de mensuração formal e garantir que a mesma esteja alinhada com os objetivos da empresa. Assim, as iniciativas

Leia mais

TENHA A SUA AGÊNCIA NO MERCADO DE APLICATIVOS MÓVEIS

TENHA A SUA AGÊNCIA NO MERCADO DE APLICATIVOS MÓVEIS TENHA A SUA AGÊNCIA NO MERCADO DE APLICATIVOS MÓVEIS MERCADO DE APLICATIVOS MÓVEIS POLITICA COMERCIAL E VENDAS FÁBRICA DE APLICATIVOS ÍNDICE EXPLORANDO RECURSOS COMPORTAMENTO DO USUÁRIO COMO MANTER SUA

Leia mais

Como criar uma estratégia de comunicação digital vencedora. São Paulo-SP Setembro/2013

Como criar uma estratégia de comunicação digital vencedora. São Paulo-SP Setembro/2013 Como criar uma estratégia de comunicação digital vencedora São Paulo-SP Setembro/2013 Introdução O Objetivo deste trabalho é criar uma estratégia de comunicação digital vencedora através do marketing por

Leia mais

Criando presença com as páginas do Facebook

Criando presença com as páginas do Facebook Páginas do 1 Criando presença com as páginas do Sua Página Todos os dias, milhões de pessoas em todo o mundo acessam o para se conectar com amigos e compartilhar coisas que gostam. Este guia foi desenvolvido

Leia mais

Tema: O que, como, quando e quanto compra é o que precisamos entender. tomada de decisão do jovem na hora da compra.

Tema: O que, como, quando e quanto compra é o que precisamos entender. tomada de decisão do jovem na hora da compra. Radar Jovem 2015 Tema: Já sabemos que o jovem é um dos consumidores que mais possui poder aquisitivo do país*. O que, como, quando e quanto compra é o que precisamos entender agora. Nesse estudo iremos

Leia mais

Facebook Analytics: Como mensurar e otimizar a presença da sua empresa no Facebook

Facebook Analytics: Como mensurar e otimizar a presença da sua empresa no Facebook Marketing Digital de resultado para Médias e Pequenas Empresas Facebook Analytics: Como mensurar e otimizar a presença da sua empresa no Facebook Ferramentas e experimentos para conseguir melhores resultados

Leia mais

10 Coisas Simples Que Você Pode. Fazer Agora Para Gerar Tráfego e Leads Gratuitamente

10 Coisas Simples Que Você Pode. Fazer Agora Para Gerar Tráfego e Leads Gratuitamente 10 Coisas Simples Que Você Pode Fazer Agora Para Gerar Tráfego e Leads Gratuitamente Geração de tráfego e converter os leads resultantes em vendas é o último desafio para qualquer comerciante ou empreendedor,

Leia mais

PARA QUE SERVE O CRM?

PARA QUE SERVE O CRM? Neste mês, nós aqui da Wiki fomos convidados para dar uma entrevista para uma publicação de grande referência no setor de varejo, então resolvemos transcrever parte da entrevista e apresentar as 09 coisas

Leia mais

Uma nova Virtual Target

Uma nova Virtual Target A Virtual Target é uma ferramenta muito imediata. Ao dispararmos as campanhas, já começamos a receber os resultados de interação e identificar a conversão. A marca, para nós, é sinônimo de comprometimento.

Leia mais

Introdução do Jornalismo Móvel

Introdução do Jornalismo Móvel Introdução do Jornalismo Móvel Semana 1: Visão geral das plataformas móveis, tendências e futuro Instrutor Técnico Móvel: Will Sullivan Instrutora Brasileira: Lorena Tárcia http://visual.ly/reaching-50-million-users

Leia mais

E-Book! O que é Inbound Marketing?

E-Book! O que é Inbound Marketing? E-Book! O que é Inbound Marketing? E-Book O que é Inbound Marketing? Estamos em um período de transição de modelos mentais e operacionais entre o Marketing Tradicional e o Inbound Marketing. Este e-book

Leia mais

Crie seu mecanismo de engajamento: parte 2. David Mogensen. Novembro 2013

Crie seu mecanismo de engajamento: parte 2. David Mogensen. Novembro 2013 Crie seu mecanismo de engajamento: ESCRITO POR David Mogensen PUBLICADO Novembro 2013 parte 2 O RESUMO A jornada de decisão do consumidor já foi uma linha reta, mas agora é um caminho circular e em desenvolvimento.

Leia mais

Mas como você gera sua lista de e-mail? Listei abaixo algumas das formas de construir uma lista de email marketing eficaz;

Mas como você gera sua lista de e-mail? Listei abaixo algumas das formas de construir uma lista de email marketing eficaz; E-mail marketing, muitas vezes considerada uma forma de marketing pessoal, é uma das mais valiosas ferramentas de web marketing, uma das mais visadas e mais focada pelos marqueteiros. Vamos nos concentrar

Leia mais

5 Coisas que você deve saber sobre a ExactTarget Marketing Cloud

5 Coisas que você deve saber sobre a ExactTarget Marketing Cloud 5 Coisas que você deve saber sobre a ExactTarget Marketing Cloud Aprimore a jornada de seus clientes com a plataforma de marketing digital 1:1 líder de mercado 5 Coisas que você deve saber sobre a ExactTarget

Leia mais

MOBILE MARKETING. Prof. Fabiano Lobo

MOBILE MARKETING. Prof. Fabiano Lobo MOBILE MARKETING Prof. Fabiano Lobo - Conforme estipulado no Termo de Uso, todo o conteúdo ora disponibilizado é de titularidade exclusiva do IAB ou de terceiros parceiros e é protegido pela legislação

Leia mais

Comunicação diferenciada e relacionamento efetivo. Um novo enfoque de RI para um novo mercado

Comunicação diferenciada e relacionamento efetivo. Um novo enfoque de RI para um novo mercado + Comunicação diferenciada e relacionamento efetivo Um novo enfoque de RI para um novo mercado + Menu Cenário Menu + + Cenário RI hoje: uma operação indiferenciada Comunicação muito limitada com foco quase

Leia mais

Inteligência em. redes sociais. corporativas. Como usar as redes internas de forma estratégica

Inteligência em. redes sociais. corporativas. Como usar as redes internas de forma estratégica Inteligência em redes sociais corporativas Como usar as redes internas de forma estratégica Índice 1 Introdução 2 Por que uma rede social corporativa é um instrumento estratégico 3 Seis maneiras de usar

Leia mais

C O N S U L T O R I A E G E S T Ã O P A R A E S T R A T É G I A D E R E D E S S O C I A I S

C O N S U L T O R I A E G E S T Ã O P A R A E S T R A T É G I A D E R E D E S S O C I A I S C O N S U L T O R I A E G E S T Ã O P A R A E S T R A T É G I A D E R E D E S S O C I A I S A MELHOR OPORTUNIDADE PARA O SEU NEGÓCIO ESTÁ AO SEU ALCANCE NAS REDES SOCIAIS... O MUNDO É FEITO DE REDES SOCIAIS

Leia mais

VOLUME Mala Direta e-book Postal

VOLUME Mala Direta e-book Postal VOLUME 7 Mala Direta e-book Postal Parceria que fortalece as micro e pequenas empresas Mala-direta é a propaganda impressa preferida do varejo. Fonte: Valor Econômico - Linear Clipping, 29/08/2014 - Edição

Leia mais

*Todos os direitos reservados.

*Todos os direitos reservados. *Todos os direitos reservados. A cada ano, as grandes empresas de tecnologia criam novas ferramentas Para o novo mundo digital. Sempre temos que nos renovar para novas tecnologias, a Karmake está preparada.

Leia mais

acebook Analytics Ferramentas e experimentos para conseguir melhores resultados através das métricas adequadas.

acebook Analytics Ferramentas e experimentos para conseguir melhores resultados através das métricas adequadas. acebook Analytics Ferramentas e experimentos para conseguir melhores resultados através das métricas adequadas. 2 INTRODUÇÃO Em um curto espaço de tempo, vimos o Facebook ir do zero ao status de uma das

Leia mais

Gestão. Práticas. Editorial. Geovanne. Acesse online: 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) 03 e 04

Gestão. Práticas. Editorial. Geovanne. Acesse online: 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) 03 e 04 Práticas de Gestão Editorial Geovanne. 02 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) Como faço isso? Acesse online: 03 e 04 www. No inicio da década de 90 os

Leia mais

Web Analytics (Google analytics, Web trafic XITI, Coremetrics, etc.); Ferramentas de gestão de listas de e-mails (Mailchimp, constant contact, etc.

Web Analytics (Google analytics, Web trafic XITI, Coremetrics, etc.); Ferramentas de gestão de listas de e-mails (Mailchimp, constant contact, etc. Nos dias de hoje a geração de Leads na internet se tornou uma grande responsabilidade, entretanto, devido as diversas opções de ferramentas e de canais como email marketing, web site, CRM, redes sociais,

Leia mais

SUPERMERCADOS: TENDÊNCIAS 2015

SUPERMERCADOS: TENDÊNCIAS 2015 SUPERMERCADOS: TENDÊNCIAS 2015 Tecnologias e soluções para aplicar na sua empresa e aumentar a sua competitividade. NRF 2015 ÍNDICE Objetivo...04 De multicanal para omnichannel...05 O propósito...05 Capital

Leia mais

VENDA MAIS USANDO AS REDES SOCIAIS

VENDA MAIS USANDO AS REDES SOCIAIS VENDA MAIS USANDO AS REDES SOCIAIS Coloque o Facebook, Linkedin e Instagram para atrair mais clientes e aumentar suas vendas. Dicas fáceis que você mesmo pode implementar e ver os resultados ainda hoje.

Leia mais

Nosso Planeta Mobile: Brasil

Nosso Planeta Mobile: Brasil Nosso Planeta Mobile: Brasil Como entender o usuário de celular Maio de 2013 1 Resumo executivo Os smartphones se tornaram indispensáveis para nosso cotidiano. A difusão dos smartphones atinge 26 % da

Leia mais

Como fazer. networking. Um guia prático e fácil para um networking efetivo.

Como fazer. networking. Um guia prático e fácil para um networking efetivo. Como fazer networking Um guia prático e fácil para um networking efetivo. Este whitepaper é para... Em um evento de determinado setor (e aqui estamos falando do nosso, a rede de moda!), todos os participantes

Leia mais

dynam PROPOSTA OFICIAL PARA PPC (Links Patrocinados) publicidadeonline AGÊNCIA SEARCH ENGINE MARKETING Marketing de Busca

dynam PROPOSTA OFICIAL PARA PPC (Links Patrocinados) publicidadeonline AGÊNCIA SEARCH ENGINE MARKETING Marketing de Busca PROPOSTA OFICIAL PARA PPC (Links Patrocinados) dynam publicidadeonline AGÊNCIA SEARCH ENGINE MARKETING Marketing de Busca Av. Carlos Gomes 141 Suite 411 - Porto Alegre. RS Tel. +55(11) 3522-5950 / (51)

Leia mais

MARKETING DIGITAL PARA PME: APRENDA A DEFINIR QUANDO, COMO E EM QUAIS ESTRATÉGIAS INVESTIR

MARKETING DIGITAL PARA PME: APRENDA A DEFINIR QUANDO, COMO E EM QUAIS ESTRATÉGIAS INVESTIR MARKETING DIGITAL PARA PME: APRENDA A DEFINIR QUANDO, COMO E EM QUAIS ESTRATÉGIAS INVESTIR Introdução 02 A importância de calcular o ROI dos investimentos Capítulo 1 04 Aprendendo a definir os investimentos

Leia mais

MARKETING DE RELACIONAMENTO

MARKETING DE RELACIONAMENTO MARKETING DE RELACIONAMENTO 1 O SEBRAE E O QUE ELE PODE FAZER PELO SEU NEGÓCIO Competitividade Perenidade Sobrevivência Evolução Orienta na implantação e no desenvolvimento de seu negócio de forma estratégica

Leia mais

Se você está começando a explorar o marketing digita com o YouTube, então você, certamente, já notou o quão poderosos são os vídeos.

Se você está começando a explorar o marketing digita com o YouTube, então você, certamente, já notou o quão poderosos são os vídeos. Eu fico muito feliz por você ter baixado esse ebook, nele você vai encontrar um método fantástico de atrair clientes através de uma plataforma incrível, que desenvolvi depois de milhares de testes dentro

Leia mais

Como fazer um fluxo de nutrição de leads eficaz

Como fazer um fluxo de nutrição de leads eficaz Como fazer um fluxo de nutrição de leads eficaz COMO FAZER UM FLUXO DE NUTRIÇÃO DE LEADS EFICAZ Nutrir leads é a melhor maneira de manter um relacionamento próximo tanto com os atuais como com seus futuros

Leia mais

APRESENTAÇÃO DA PLATAFORMA

APRESENTAÇÃO DA PLATAFORMA APRESENTAÇÃO DA PLATAFORMA MAIS VENDAS E MENOR CUSTO DE MARKETING! UMA FERRAMENTA COMPLETA PARA IMPACTAR O CLIENTE CERTO, NA HORA CERTA, COM A MENSAGEM CERTA E NO CANAL CERTO. A Jeenga é uma plataforma

Leia mais

MARKETING DE CONTEÚDO E EMAIL MARKETING

MARKETING DE CONTEÚDO E EMAIL MARKETING WHITE PAPER MARKETING DE CONTEÚDO E EMAIL MARKETING Como construir um relacionamento com seus contatos a partir de um conteúdo pensado para eles, por você. SUMÁRIO Introdução 3 O que é Marketing de Conteúdo?

Leia mais

Adapte. Envolva. Capacite.

Adapte. Envolva. Capacite. Adapte. Envolva. Capacite. Ganhe produtividade em um Ambiente de trabalho digital #DigitalMeetsWork Os benefícios de um ambiente de trabalho digital têm impacto na competitividade do negócio. Empresas

Leia mais

Número de pessoas com acesso à internet passa de 120 milhões

Número de pessoas com acesso à internet passa de 120 milhões MÍDIA KIT INTERNET Número de pessoas com acesso à internet passa de 120 milhões Segundo pesquisa da Nielsen IBOPE, até o 1º trimestre/2014 número 18% maior que o mesmo período de 2013. É a demonstração

Leia mais

Seminário GVcev E-COMMERCE, MOBILE E MÍDIAS SOCIAIS NO VAREJO. Está na Hora de Criar um App para sua loja? Wilson Cunha

Seminário GVcev E-COMMERCE, MOBILE E MÍDIAS SOCIAIS NO VAREJO. Está na Hora de Criar um App para sua loja? Wilson Cunha Seminário GVcev E-COMMERCE, MOBILE E MÍDIAS SOCIAIS NO VAREJO Está na Hora de Criar um App para sua loja? Wilson Cunha Mobile Commerce Quem deve ter; Website mobile; Aplicativos mobile; Diferenças Tecnologia;

Leia mais

Quando se trata do universo on-line, nada é estático. Tudo pode se transformar de uma hora pra outra, basta o vento mudar de direção.

Quando se trata do universo on-line, nada é estático. Tudo pode se transformar de uma hora pra outra, basta o vento mudar de direção. estratégias online Quando se trata do universo on-line, nada é estático. Tudo pode se transformar de uma hora pra outra, basta o vento mudar de direção. serviços consultoria Benchmark Planejamento

Leia mais

Introdução ao GetResponse

Introdução ao GetResponse Guia rápido sobre... Introdução ao GetResponse Neste guia... Aprenda a construir sua lista, a criar envolventes e-mails e a converter contatos em clientes em GetResponse, com acesso aos melhores recursos

Leia mais

Sua publicidade num toque. MIDIA KIT 2015

Sua publicidade num toque. MIDIA KIT 2015 Sua publicidade num toque. MIDIA KIT 2015 QUEM SOMOS A ADMAG é a primeira rede de anúncios publicitários em Publicações Mobile. Contamos com uma estratégia inédita e um Ad Server exclusivo para distribuir

Leia mais

Gerenciamento de Ciclo de Vida do Cliente. Uma experiência mais sincronizada, automatizada e rentável em cada fase da jornada do cliente.

Gerenciamento de Ciclo de Vida do Cliente. Uma experiência mais sincronizada, automatizada e rentável em cada fase da jornada do cliente. Gerenciamento de Ciclo de Vida do Cliente Uma experiência mais sincronizada, automatizada e rentável em cada fase da jornada do cliente. As interações com os clientes vão além de vários produtos, tecnologias

Leia mais

Atraindo Negócios Pela Internet

Atraindo Negócios Pela Internet Atraindo Negócios Pela Internet Sobre o que vamos falar hoje: Quais os principais recursos digitais disponíveis e como utilizá-los para atrair prospects e novos clientes para nosso negócio Produtos para

Leia mais

coisas que você PRECISA SABER antes de investir em marketing.

coisas que você PRECISA SABER antes de investir em marketing. 10 coisas que você PRECISA SABER antes de investir em marketing. Quem é o seu público? Para quem você quer vender? Parece óbvio, não? Mas muitos empreendedores engasgam para responder esta pergunta. Na

Leia mais

PlusPixel Marketing Digital SOMOS MAIS SOCIAIS DO QUE NUNCA

PlusPixel Marketing Digital SOMOS MAIS SOCIAIS DO QUE NUNCA PlusPixel Marketing Digital SOMOS MAIS SOCIAIS DO QUE NUNCA Proposta de Marketing Digital Design inox Marketing de Resultados A PlusPixel vem oferecendo seus serviços desde o início da internet, isso nos

Leia mais

TÍTULO: COMERCIO ELETRÔNICO (E-COMMERCE) CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: ADMINISTRAÇÃO

TÍTULO: COMERCIO ELETRÔNICO (E-COMMERCE) CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: ADMINISTRAÇÃO TÍTULO: COMERCIO ELETRÔNICO (E-COMMERCE) CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: ADMINISTRAÇÃO INSTITUIÇÃO: FACULDADE DE AURIFLAMA AUTOR(ES): EBERSON EVANDRO DA SILVA GUNDIN, PAULO

Leia mais

Este texto é de autoria da Diretora de Vendas Cláudia Leme, muito bom!!! Vale a pena conferir!!! O PRIMEIRO PEDIDO

Este texto é de autoria da Diretora de Vendas Cláudia Leme, muito bom!!! Vale a pena conferir!!! O PRIMEIRO PEDIDO Este texto é de autoria da Diretora de Vendas Cláudia Leme, muito bom!!! Vale a pena conferir!!! O PRIMEIRO PEDIDO A Sra Mary Kay já dizia: nada acontece enquanto você não vende alguma coisa. Se você está

Leia mais

Por Eliseu Barreira Junior MÍDIAS SOCIAIS PARA EMPRESAS. Business-to-Business

Por Eliseu Barreira Junior MÍDIAS SOCIAIS PARA EMPRESAS. Business-to-Business Por Eliseu Barreira Junior MÍDIAS SOCIAIS PARA EMPRESAS Business-to-Business À primeira vista, a conexão entre mídias sociais e empresas que fazem negócios com outras empresas (Business-to-Business) não

Leia mais

Apps: o desafio de ir além do download

Apps: o desafio de ir além do download Apps: o desafio de ir além do download Escrito por 25% dos aplicativos são utilizados uma única vez antes de David Mogensen ser descartados. Como virar esse jogo e reescrever as Publicado May 2015 regras

Leia mais

CRM estratégico criamos uma série de 05 artigos 100

CRM estratégico criamos uma série de 05 artigos 100 Sabemos que muitas empresas enfrentam sérios problemas na administração de suas carteiras e no relacionamento com seus clientes e que apesar de conhecerem os problemas e até saberem que uma iniciativa

Leia mais

UM SUPERMERCADO E UM DESAFIO

UM SUPERMERCADO E UM DESAFIO SAIR DO LUGAR-COMUM PÃO DE AÇÚCAR UM SUPERMERCADO E UM DESAFIO Só em São Paulo, a associação que reúne os supermercados tem mais de 50 empresas cadastradas. As lojas se espalham com um volume impressionante.

Leia mais

Richard Uchôa C. Vasconcelos. CEO LEO Brasil

Richard Uchôa C. Vasconcelos. CEO LEO Brasil Richard Uchôa C. Vasconcelos CEO LEO Brasil O tema hoje é engajamento, vamos falar de dez maneiras de engajar o público em treinamentos a distância. Como vocês podem ver, toda a minha apresentação está

Leia mais

Crie seu mecanismo de envolvimento: parte 3

Crie seu mecanismo de envolvimento: parte 3 ESCRITO POR David Mogensen PUBLICADO EM Dezembr o 2013 Crie seu mecanismo de envolvimento: parte 3 RESUMO Em um período em que os profissionais de marketing acham que seu trabalho mudou mais em dois anos

Leia mais

OS PRINCIPAIS PROBLEMAS DA GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS

OS PRINCIPAIS PROBLEMAS DA GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS OS PRINCIPAIS PROBLEMAS DA GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS Esta seção apresenta alguns dos problemas da gestão da cadeia de suprimentos discutidos em mais detalhes nos próximos capítulos. Estes problemas

Leia mais

7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL

7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL DICAS PARA DIVULGAR SUA EMPRESA E AUMENTAR AS VENDAS NO FIM DE ANO 7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL Sumário Apresentação Capítulo 1 - Crie conteúdo de alta

Leia mais

Email Marketing: Dicas De Como Fazer De Uma Forma Que Funciona

Email Marketing: Dicas De Como Fazer De Uma Forma Que Funciona Email Marketing: Dicas De Como Fazer De Uma Forma Que Funciona O email marketing é uma das formas de marketing mais lucrativas que existem para pequenas, médias e grandes empresas e também para profissionais

Leia mais

O mercado de e-commerce e como torná-lo mais rentável usando o marketing digital. Julia Lopes - gerente de parcerias de canais

O mercado de e-commerce e como torná-lo mais rentável usando o marketing digital. Julia Lopes - gerente de parcerias de canais O mercado de e-commerce e como torná-lo mais rentável usando o marketing digital Julia Lopes - gerente de parcerias de canais Dados de e-commerce no Brasil dimensionando o mercado Faturamento do e-commerce

Leia mais

COMO FUNCIONA NOSSA CONSULTORIA DE MARKETING DIGITAL ESPECIALIZADA EM VENDAS ONLINE

COMO FUNCIONA NOSSA CONSULTORIA DE MARKETING DIGITAL ESPECIALIZADA EM VENDAS ONLINE www.agenciaatos.com.br COMO FUNCIONA NOSSA CONSULTORIA DE MARKETING DIGITAL ESPECIALIZADA EM VENDAS ONLINE APLICAÇÃO DA CONSULTORIA EM VENDAS ONLINE É assim que os resultados são gerados. No entanto, é

Leia mais

APRESENTAÇÃO COMERCIAL. www.docpix.net

APRESENTAÇÃO COMERCIAL. www.docpix.net APRESENTAÇÃO COMERCIAL www.docpix.net QUEM SOMOS Somos uma agência digital full service, especializada em desenvolvimento web, de softwares e marketing online. A Docpix existe desde 2010 e foi criada com

Leia mais

http://crayonstock.com/19707 Zoonar 12 SEGREDOS PARA CONQUISTAR CLIENTES COM IMAGENS

http://crayonstock.com/19707 Zoonar 12 SEGREDOS PARA CONQUISTAR CLIENTES COM IMAGENS http://crayonstock.com/19707 Zoonar 12 SEGREDOS PARA CONQUISTAR CLIENTES COM IMAGENS Constantemente, somos bombardeados por incontáveis conteúdos visuais. Imagens ilustram websites, redes sociais, folders,

Leia mais

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA Autor: Jeferson Correia dos Santos ARTIGO TÉCNICO INOVAÇÃO NA GESTÃO DE PÓS-VENDAS: SETOR AUTOMOTIVO RESUMO A palavra inovação tem sido atualmente umas das mais mencionadas

Leia mais

Como deixar seu negócio on-line. Tendências e a força das mídias sociais no VAREJO!

Como deixar seu negócio on-line. Tendências e a força das mídias sociais no VAREJO! Como deixar seu negócio on-line Tendências e a força das mídias sociais no VAREJO! A palavra de ordem das redes sociais é interação. Comparando a internet com outros meios de comunicação em massa como

Leia mais

PROPOSTA COMERCIAL LINKS PATROCINADOS

PROPOSTA COMERCIAL LINKS PATROCINADOS PROPOSTA COMERCIAL LINKS PATROCINADOS O que você vai encontrar nesta proposta: Problemas comuns em empresas que usam Google Adwords A solução está mais perto do que imagina Por que a Dynamo é a empresa

Leia mais

NET, Claro e Embratel se unem para transformar a oferta de telecomunicações e entretenimento no Brasil

NET, Claro e Embratel se unem para transformar a oferta de telecomunicações e entretenimento no Brasil NET, Claro e Embratel se unem para transformar a oferta de telecomunicações e entretenimento no Brasil Empresas investem na integração das suas redes e lançam a mais completa oferta convergente de serviços

Leia mais

2015 Manual de Parceiro de Educação. Suas soluções. Nossa tecnologia. Mais inteligentes juntos.

2015 Manual de Parceiro de Educação. Suas soluções. Nossa tecnologia. Mais inteligentes juntos. 2015 Manual de Parceiro de Educação Suas soluções. Nossa tecnologia. Mais inteligentes juntos. Prêmios Reais, a Partir de Agora Bem-vindo ao Intel Technology Provider O Intel Technology Provider é um programa

Leia mais

Hitwise. Inteligência para sua estratégia. Retorno para suas campanhas digitais.

Hitwise. Inteligência para sua estratégia. Retorno para suas campanhas digitais. Hitwise Insights do comportamento digital. Hitwise Inteligência para sua estratégia. Retorno para suas campanhas digitais. A Hitwise da Serasa Experian Marketing Services é uma ferramenta global de inteligência

Leia mais

Email marketing: os 10 erros mais comuns

Email marketing: os 10 erros mais comuns Email marketing: os 10 erros mais comuns Publicado em: 18/02/2008 Não ter permissão dos contatos para enviar mensagens Um dos princípios fundamentais do email marketing é trabalhar apenas com contatos

Leia mais

Os aplicativos da Godiva Apps, podem ser customizados para qualquer tipo de negócio.

Os aplicativos da Godiva Apps, podem ser customizados para qualquer tipo de negócio. Os aplicativos da Godiva Apps, podem ser customizados para qualquer tipo de negócio. Restaurante Academia Farmácia Shopping Padaria Palestrante Concessionária Bar Balada Pizzaria Imobiliária Hotel Petshop

Leia mais

10 Evoluções. Impactantes para o seu Video Marketing. em 2015

10 Evoluções. Impactantes para o seu Video Marketing. em 2015 10 Evoluções Impactantes para o seu Video Marketing em 2015 INTRODUÇÃO O vídeo online teve um crescimento explosivo em 2014. Para os empresários e profissionais de marketing, o ano de 2015 oferece oportunidades

Leia mais

O papel do CRM no sucesso comercial

O papel do CRM no sucesso comercial O papel do CRM no sucesso comercial Escrito por Gustavo Paulillo Você sabia que o relacionamento com clientes pode ajudar sua empresa a ter mais sucesso nas vendas? Ter uma equipe de vendas eficaz é o

Leia mais

Argumentos de Vendas. Versão 20150206.01. Nossa melhor ligação é com você

Argumentos de Vendas. Versão 20150206.01. Nossa melhor ligação é com você Argumentos de Vendas Versão 20150206.01 Nossa melhor ligação é com você Algumas perguntas que podem ser feitas Você está satisfeito com sua operadora atual? Você é bem atendido quando liga na central de

Leia mais