ARQUIVOS DE CONFIGURAÇAO ZIM 8.50

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ARQUIVOS DE CONFIGURAÇAO ZIM 8.50"

Transcrição

1 ZIM TECHNOLOGIES DO BRASIL ARQUIVOS DE CONFIGURAÇAO ZIM 8.50 Próx

2 Antes de Iniciar Este documento detalha os arquivos de configuração da versão Zim 8.50 para Unix/WIndows. Você também deve consultar as últimas atualizações lançadas em nosso website (http://www.zim.biz) para obter detalhes sobre o que há de novo no Zim 8.50 Primeiramente, aconselhamos a ter o Help Online do Zim 8.50 em seus Favoritos do Browser de Internet (http://www.zim.biz/webhelp/index.htm), pois você encontrará muitas informações para as dúvidas que forem surgindo com relação ao produto Zim Independente disso, nos colocamos à disposição para tirar dúvidas e auxiliá-lo no processo de instalação da versão 8.50 do Zim. Próx

3 Arquivos de Configuração Zim 8.50 Índice I. Arquivos de Configuração Geral II. Configuração ZimServer (específico) zimconfig.zim III. Diretórios Internos do Zim: dirs.zim IV. Distribuição de Arquivos: areas.zim V. Configuração ZimServer (geral) zimconfig.srv VI. Bancos de Dados configurados zimdb.zim VII. ZimBackup On-line zimbk.zim VIII.Notas Ante Próx

4 Arquivos de Configuração Zim 8.50 Arquivos de Configuração I) Arquivos de Configuração Existem seis tipos de arquivos de configuração: File Name Location File Type zimconfig.zim Database Path Este arquivo armazena informações sobre o banco de dados em questão. Nenhuma das opções usadas aqui podem ser utilizadas no arquivo zimconfig.srv. dirs.zim Database Path Este arquivo armazena informações sobre onde estão localizados os diretórios estrangeiros e que serão acessadas pela aplicação Zim. areas.zim Database Path Este arquivo armazena informações utilizadas pelo recurso de mapeamento de tabelas: distribuição de arquivos de dados Zim e de programas compilados. zimconfig.srv Zim Application Path Este arquivo armazena informações específicas, utilizadas pelo ZimServer. Nenhuma das opções usadas aqui podem ser utilizadas no arquivo zimconfig.zim zimdb.zim Zim Application Path Este arquivo indica quais bancos de dados estão disponíveis via ZimServer e a sua localização. zimbk.zim Zim Application Path Este arquivo indica quais os bancos de dados que utilizarão o Backup On-line.

5 Arquivos de Configuração Zim 8.50 ZIMSERVER: ZIMCONFIG.ZIM II) Arquivo de configuração do ZimServer zimconfig.zim Nenhuma das opções usadas neste arquivo pode ser usado em zimconfig.srv e as opções mais relevantes são: Maximum Forms, Maximum Form Fields, Runtime Buffers e Sort Buffers. Estas opções podem ser definidas para os seus valores máximos todo o tempo. Outros parâmetros como: Directories, Document Line Length, Maximum Parameters e Parameter Size Podem ser definidos com um tamanho de acordo com as necessidades da aplicação e pode ser usado o valor inicial padrão, somente se algúm processo emitir um erro, justifica ser alterado.

6 Arquivos de Configuração Zim 8.50 DIRETÓRIOS: DIRS.ZIM III) Arquivo de configuração de diretórios dirs.zim Este arquivo armazena informação definidas pelo usuário, sobre os diretórios estrangeiros em Zim que são acessados por sua aplicação. Estes diretórios precisam ser acessados via comando ACCESS, conforme a sintaxe abaixo: > access <diretorio> update/read Este arquivo (dirs.zim) é localizado no diretório da base de dados e é lido pelo ZimServer na sua inicialização and cada entrada para o diretório estrangeiro em Zim deve ter o formato: <dirid> <file number> <caminho>, onde Dirid é o número de identificação do diretório definido na criação do diretório no Zim. File number é o número do arquivo que corresponde ao host do Diretório no banco de dados. (ex.: zimnnnn nnnn). Caminho é o local onde o diretório zimnnnn.ws pode ser encontrado, o formato ficaria assim: /user/pedidos Isto significa que o diretório cujo dirid = 23 pode ser encontrado em /user/pedidos/zim0126 zimnnnn.ws: é um diretório do sistema operacional associado com o diretório estrangeiro em Zim (armazenado no arquivo zimnnnn), onde os programas compilados são armazenados.

7 DISTRIBUIÇÃO DE ARQUIVOS: AREAS.ZIM IV) Arquivo de configuração de áreas areas.zim Este arquivos armazena informações definidas pelo usuário e utilizado pelo Zim, que permite a distribuição de arquivos do banco de dados Zim e programas compilados. É lido pelo processo ZimServer em sua inicialização e está localizado no diretório onde o banco de dados Zim está instalado. Este arquivo pode ser utilizado para a organização do banco de dados, para alocar arquivos grandes para outro local ou unidade com maior espaço em disco, resultando em melhor uso do espaço alocado e performance; ou pode ser usado com a finalidade de compartilhar arquivos de dados Zim, entre diferentes bancos de dados Zim. Sintaxe: <nnnn> <caminho>, onde: nnnn é o número extraído do nome do arquivo Zim, exemplo: ZIM0230 nnnn=0230 Caminho é o endereço para onde o arquivo foi movido, exemplo: ( /database/db850) O seguinte formato pode ser utilizado como exemplo: 0230 /database/db850 Arquivos de Configuração Zim 8.50

8 CONFIGURAÇÃO ZIMSERVER: ZIMCONFIG.SRV V) Arquivo de configuração do Servidor zimconfig.srv Arquivo de configuration do Zim Server. Este arquivo é lido na inicialização do Zim Server. Mesmo que este arquivo é opcional e não precisa estar presente quando o processo ZimServer é iniciado. Este arquivo é uma boa opção para setar os parâmetros com os recursos disponíveis, e para ajustar as estruturas internas e parâmetros a fim de definir o tamanho de memória compartilhada e funcionalidades relacionadas. Parámetro Arquivos de Configuração Zim 8.50 Sugestão de Configuração de banco de dados Tamanho pequeno Tamanho médio Tamanho Grande blocks per read Blocos para leitura buffers per user buffers por usuário checkpoint buffers checkpoint transactions operações de verificação datablock timeout files per transaction arquivos por transação first file to reclaim primeiro arquivo a recuperar maximum blocks per user blocos máximo por usuário maximum data blocks máximo de blocos de dados maximum databases databases Databases Databases bases de dados máxima maximum file locks máximo arquivo de bloqueios maximum locks Bloqueio máximo

9 CONFIGURAÇÃO ZIMSERVER: ZIMCONFIG.SRV V) Arquivo de configuração do Servidor zimconfig.srv (cont) Parámetro Arquivos de Configuração Zim 8.50 Sugestão de Configuração de banco de dados Tamanho pequeno Tamanho médio Tamanho Grande maximum record groups Máximo registros por grupo maximum tables Tables Tables Tables Máximas tabelas maximum users users Users Users Máximo usuários object sleep Objetos de espera object timeout Tempo limite de objetos pending sleep Pendencias de espera pending timeout Tempo limite pendentes processors Processadores quick locks Bloqueios rápidos reclaim object size Tamanho do objeto a recuperar record group size Tamanho do grupo para registros scatter table entries Entrada da tabela de dispersão scatter table links Tabela de links de dispersão scatter table size Tamanho da tabela de dispersão secondary lock group size Tamanho do grupo de locks secund. secondary lock groups Grupo secundário de bloqueios. server port number Nr.da porta do servidor.

10 Arquivos de Configuração Zim 8.50 BANCOS DE DADOS: ZIMDB.ZIM VI) Arquivo de configuração do Banco de dados zimdb.zim Arquivo de configuração dos bancos de dados disponibilizados ao processo ZimServer. Este arquivo é lido quando da inicialização do processo ZimServer. É obrigatório ter pelo menos referência a um banco de dados no formato: <database number>;<database name>;<location of the database>, onde: database number: é o número de identificação único para cada banco de dados, referenciado para cada entrada, sendo que este número deverá estar entre 1 a 240. database name: é o nome lógico do banco de dados, e este nome que é utilizado pelos executáveis Zim ao acessar o banco de dados. A regra para criar estes nomes são os mesmos utilizados no zim, ou seja, máximo de 18 caracteres, sem caracteres especias. Este nome á case sensitive. location of the database: é o local exato onde está armazenado o banco de dados. Quando o ZimServer é iniciado ele executa algumas ações, como verificar a existência do banco de dados, antes de permitir que o primeiro usuário se conecte a ele. Este diretório deverá ter a sua permissão corretamente setada para que seja possível ao ZimServer acessá-lo, bem como aos usuários. Um exemplo de arquivo zimdb.zim é: 1; tes8; c:\dados\teste8; 22;Exemplo:/usr/zim/example 2%;MyTest;c:xxx%mytest\ Esta última linha é ignorada pelo Zim Server

11 ZIMBACKUP: ZIMBK.ZIM VII) Arquivo de configuração do Backup zimbk.zim O arquivo de configuração zimbk.zim, é utilizado pelo processo ZimServer para saber quais são as bases de dados que deve ser executado o processo de backup on-line. Sua estrutura é exatamente o mesmo descrito no arquivo zimdb.zim e está localizado no diretório do sistema operacional onde o software foi instalado. zimdb.zim 1;db850t;/database/db850test; 2;db850;/database/db850; backup; zimbk.zim 2;db850;/database/db850; A seguinte configuração precisa ser adicinado no arquivo zimconfig.srv: backup path /backupsdb/backup audit path /backupsdb/audits Arquivos de Configuração Zim 8.50

12 ARQUIVOS DE CONFIGURAÇÃO - FINAL VIII)NOTAS: Este documento descreve o seguinte assunto: Arquivos de Configuração do Zim 8.50 FIM Consulte também os tutoriais disponíveis: Instalando Zim 8.50 (Unix) Instalando Zim 8.50 (Windows) Configurando ZimTcap (Unix) Zim Primeiros Passos (Unix/Windows) Migrando para Zim 8.50 (Unix/Windows)

MIGRANDO PARA ZIM 8.50 (UNIX/WINDOWS)

MIGRANDO PARA ZIM 8.50 (UNIX/WINDOWS) ZIM TECHNOLOGIES DO BRASIL MIGRANDO PARA ZIM 8.50 (UNIX/WINDOWS) Próx Antes de Iniciar O objetivo deste documento é apresentar o processo de Migração para o Zim 8.50 (UNIX/Windows). Para maiores informações

Leia mais

DIRETÓRIOS. Diretórios ZIM. Estabelecer um diretório de aplicativo. Campos do objeto Diretórios. Diretórios estrangeiros. Zim 8.

DIRETÓRIOS. Diretórios ZIM. Estabelecer um diretório de aplicativo. Campos do objeto Diretórios. Diretórios estrangeiros. Zim 8. DIRETÓRIOS Um diretório é um objeto do aplicativo. Diretórios de aplicativos são usados para organizar os objetos definidos no Dicionário de Objetos para a aplicação. Diretórios ZIM ZIM 8 proporciona uma

Leia mais

COMO INSTALAR ZIM 8.50 WINDOWS

COMO INSTALAR ZIM 8.50 WINDOWS ZIM TECHNOLOGIES DO BRASIL COMO INSTALAR ZIM 8.50 WINDOWS Próx Antes de Iniciar O objetivo deste documento é apresentar os passos necessários para instalar a versão mais recente do Zim 8.50 para Windows.

Leia mais

COMO INSTALAR ZIM 8.50 HP-UX, AIX, LINUX E UNIXWARE

COMO INSTALAR ZIM 8.50 HP-UX, AIX, LINUX E UNIXWARE ZIM TECHNOLOGIES DO BRASIL COMO INSTALAR ZIM 8.50 HP-UX, AIX, LINUX E UNIXWARE Próx Antes de Iniciar O objetivo deste documento é apresentar os passos necessários para instalar a versão mais recente do

Leia mais

Sistemas de Informação. Sistemas Operacionais 4º Período

Sistemas de Informação. Sistemas Operacionais 4º Período Sistemas de Informação Sistemas Operacionais 4º Período SISTEMA DE ARQUIVOS SUMÁRIO 7. SISTEMA DE ARQUIVOS: 7.1 Introdução; 7.2 s; 7.3 Diretórios; 7.4 Gerência de Espaço Livre em Disco; 7.5 Gerência de

Leia mais

ESTRUTURA DE SERVER 2008. Lílian Simão Oliveira

ESTRUTURA DE SERVER 2008. Lílian Simão Oliveira ESTRUTURA DE ARMAZENAMENTO SQL SERVER 2008 Lílian Simão Oliveira O Banco de Dados SQL Server mapeia um banco em um conjunto de arquivos do sistema operacional As informações de log e de dados nunca ficam

Leia mais

www.neteye.com.br NetEye Guia de Instalação

www.neteye.com.br NetEye Guia de Instalação www.neteye.com.br NetEye Guia de Instalação Índice 1. Introdução... 3 2. Funcionamento básico dos componentes do NetEye...... 3 3. Requisitos mínimos para a instalação dos componentes do NetEye... 4 4.

Leia mais

Banco de Dados Oracle. Faculdade Pernambucana - FAPE

Banco de Dados Oracle. Faculdade Pernambucana - FAPE Faculdade Pernambucana - FAPE Visão Geral dos Componentes Principais da Arquitetura Oracle Servidor Oracle É o nome que a Oracle deu ao seu SGBD. Ele consiste de uma Instância e um Banco de Dados Oracle.

Leia mais

Crash recovery é similar ao instance recovery, onde o primeiro referencia ambientes de instância exclusiva e o segundo ambientes parallel server.

Crash recovery é similar ao instance recovery, onde o primeiro referencia ambientes de instância exclusiva e o segundo ambientes parallel server. Recover no Oracle O backup e recuperação de dados em um SGBD é de grande importância para a manutenção dos dados. Dando continuidade a nossos artigos, apresentamos abaixo formas diferentes de se fazer

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO DE REDE

MANUAL DO USUÁRIO DE REDE MANUAL DO USUÁRIO DE REDE Armazenar registro de impressão na rede Versão 0 BRA-POR Definições de observações Utilizamos o seguinte ícone neste Manual do Usuário: Observações indicam como você deve reagir

Leia mais

MA001. 01 de 28. Responsável. Revisão Q de 26/06/2015. Cantú & Stange Software. Página

MA001. 01 de 28. Responsável. Revisão Q de 26/06/2015. Cantú & Stange Software. Página Manual de instalação do Zada 5 MA001 Responsável Revisão Q de 26/06/2015 FL Página 01 de 28 Página 1 de 33 Revisão Q de 26/06/2015 MA001 Responsável: FL Manual de instalação do Zada 5 Este manual consiste

Leia mais

SAD Gestor Gerenciador de Backup

SAD Gestor Gerenciador de Backup SAD Gestor Gerenciador de Backup treinamento@worksoft.inf.br SAD Gestor Gerenciador de Backup SAD Gerenciador de Backup Esse aplicativo foi desenvolvido para realizar cópias compactadas de bancos de dados

Leia mais

*O RDBMS Oracle é um sistema de gerenciamento de banco de dados relacional.

*O RDBMS Oracle é um sistema de gerenciamento de banco de dados relacional. Arquitetura Oracle e seus componentes Hoje irei explicar de uma forma geral a arquitetura oracle e seus componentes. Algo que todos os DBA s, obrigatoriamente, devem saber de cabo a rabo. Vamos lá, e boa

Leia mais

Sumário. Introdução ao Universo Linux... 1. Parte I

Sumário. Introdução ao Universo Linux... 1. Parte I Sumário Introdução ao Universo Linux... 1 Conhecendo o Linux... 2 Sua História... 2 Conhecendo o Unix... 3 As Variações do Unix... 4 Parte I 1 O Manual de Referências... 9 1.1 Sintaxe do Manual On-line...11

Leia mais

Web Design Aula 11: Site na Web

Web Design Aula 11: Site na Web Web Design Aula 11: Site na Web Professora: Priscilla Suene priscilla.silverio@ifrn.edu.br Motivação Criar o site em HTML é interessante Do que adianta se até agora só eu posso vê-lo? Hora de publicar

Leia mais

1. Introdução. 2. Funcionamento básico dos componentes do Neteye

1. Introdução. 2. Funcionamento básico dos componentes do Neteye 1. Introdução Esse guia foi criado com o propósito de ajudar na instalação do Neteye. Para ajuda na utilização do Software, solicitamos que consulte os manuais da Console [http://www.neteye.com.br/help/doku.php?id=ajuda]

Leia mais

Manual de Instalação Flex

Manual de Instalação Flex Manual de Instalação Flex Sumário 1. Sobre este documento... 3 2. Suporte técnico... 3 3. Requisitos de hardware... 4 4. Instalação... 5 4.1. Instalação no servidor... 5 4.1.1. Instalação do sistema...

Leia mais

Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter

Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter Índice Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter............... 1 Sobre a Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter................ 1 Requisitos de

Leia mais

Procedimentos para Instalação do SISLOC

Procedimentos para Instalação do SISLOC Procedimentos para Instalação do SISLOC Sumário 1. Informações Gerais...3 2. Instalação do SISLOC...3 Passo a passo...3 3. Instalação da Base de Dados SISLOC... 11 Passo a passo... 11 4. Instalação de

Leia mais

Campus - Cachoeiro Curso Técnico de Informática. Sistema de Arquivos. Prof. João Paulo de Brito Gonçalves

Campus - Cachoeiro Curso Técnico de Informática. Sistema de Arquivos. Prof. João Paulo de Brito Gonçalves Campus - Cachoeiro Curso Técnico de Informática Sistema de Arquivos Prof. João Paulo de Brito Gonçalves Introdução É com o sistema de arquivos que o usuário mais nota a presença do sistema operacional.

Leia mais

NOMES: Leonardo Claro Diego Lage Charles Tancredo Márcio Castro

NOMES: Leonardo Claro Diego Lage Charles Tancredo Márcio Castro NOMES: Leonardo Claro Diego Lage Charles Tancredo Márcio Castro O MySQL Cluster é versão do MySQL adaptada para um ambiente de computação distribuída, provendo alta disponibilidade e alta redundância utilizando

Leia mais

Fundamentos de Sistemas Operacionais. Sistema de Arquivos. Prof. Edwar Saliba Júnior Março de 2007. Unidade 03-002 Sistemas de Arquivos

Fundamentos de Sistemas Operacionais. Sistema de Arquivos. Prof. Edwar Saliba Júnior Março de 2007. Unidade 03-002 Sistemas de Arquivos Sistema de Arquivos Prof. Edwar Saliba Júnior Março de 2007 1 Objetivos Facilitar o acesso dos usuários ao conteúdo dos arquivos; Prover uma forma uniforme de manipulação de arquivos, independente dos

Leia mais

Pacote de gerenciamento do Backup Exec 2014 para Microsoft SCOM. Guia do Usuário do Pacote de Gerenciamento do Microsoft SCOM

Pacote de gerenciamento do Backup Exec 2014 para Microsoft SCOM. Guia do Usuário do Pacote de Gerenciamento do Microsoft SCOM Pacote de gerenciamento do Backup Exec 2014 para Microsoft SCOM Guia do Usuário do Pacote de Gerenciamento do Microsoft SCOM Pacote de gerenciamento do Microsoft Operations Este documento contém os seguintes

Leia mais

Sistemas Operacionais: Sistema de Arquivos

Sistemas Operacionais: Sistema de Arquivos Sistemas Operacionais: Sistema de Arquivos Sistema de Arquivos Arquivos Espaço contíguo de armazenamento Armazenado em dispositivo secundário Estrutura Nenhuma: seqüência de bytes Registros, documentos,

Leia mais

Backups Via FTP (File Transfer Protocol)

Backups Via FTP (File Transfer Protocol) O que é FTP? Backups Via FTP (File Transfer Protocol) FTP significa File Transfer Protocol (Protocolo de Transferência de Arquivos), e é uma forma bastante rápida e versátil de transferir arquivos, sendo

Leia mais

Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter

Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter Índice Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter............... 1 Sobre a Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter................ 1 Requisitos de

Leia mais

Aula 2 Arquitetura Oracle

Aula 2 Arquitetura Oracle Aula 2 Arquitetura Oracle Instancia Oracle Uma instância Oracle é composta de estruturas de memória e processos. Sua existência é temporária na memória RAM e nas CPUs. Quando você desliga a instância em

Leia mais

Configuração Definitiva do Samba

Configuração Definitiva do Samba Configuração Definitiva do Samba 1 2 Sumário 1. Vantagens... 5 2. Desvantagem... 5 3. Conclusão Final... 5 4. Vamos botar a mão na massa!... 6 5. Instalação... 6 6. Configuração Parte 1 (Criando os diretórios)...

Leia mais

Instalação: permite baixar o pacote de instalação do agente de coleta do sistema.

Instalação: permite baixar o pacote de instalação do agente de coleta do sistema. O que é o projeto O PROINFODATA - programa de coleta de dados do projeto ProInfo/MEC de inclusão digital nas escolas públicas brasileiras tem como objetivo acompanhar o estado de funcionamento dos laboratórios

Leia mais

Sistema de Arquivos EXT3

Sistema de Arquivos EXT3 Sistema de Arquivos EXT3 Introdução Ext3 é uma nova versão do Ext2. Possui as mesmas estruturas do ext2, além de adicionar as propriedades do Journal. O uso do Ext3 melhora na recuperação do sistema(dados),

Leia mais

NetWare 6.5. Novell. Instalação e upgrade REQUISITOS MÍNIMOS DE SISTEMA REQUISITOS DE SISTEMA RECOMENDADOS. www.novell.

NetWare 6.5. Novell. Instalação e upgrade REQUISITOS MÍNIMOS DE SISTEMA REQUISITOS DE SISTEMA RECOMENDADOS. www.novell. Novell NetWare 6.5 www.novell.com INÍCIO RÁPIDO Instalação e upgrade Esta Introdução rápida fornece informações básicas sobre a instalação e o upgrade para um servidor NetWare 6.5. Para obter instruções

Leia mais

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo de Administração de Servidores de Rede AULA 03. Prof. Gabriel Silva

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo de Administração de Servidores de Rede AULA 03. Prof. Gabriel Silva FTIN Formação Técnica em Informática Módulo de Administração de Servidores de Rede AULA 03 Prof. Gabriel Silva Temas da Aula de Hoje: Servidores Linux. Conceitos Básicos do Linux. Instalando Servidor Linux.

Leia mais

Introdução a Banco de Dados

Introdução a Banco de Dados Introdução a Banco de Dados Ricardo Henrique Tassi - Departamento de Replicação Índice 1- Introdução... 03 2- Quais são os bancos de dados mais conhecidos hoje em dia...04 3- Quais são os tipos de banco...05

Leia mais

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO 1 ÍNDICE 1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO... 3 1.1 REQUISITOS BASICOS DE SOFTWARE... 3 1.2 REQUISITOS BASICOS DE HARDWARE... 3 2 EXECUTANDO O INSTALADOR... 3 2.1 PASSO 01... 3 2.2 PASSO

Leia mais

Performance Settings para ColdFusion MX 6.1 Alex Hubner, Novembro de 2004 http://www.cfgigolo.com

Performance Settings para ColdFusion MX 6.1 Alex Hubner, Novembro de 2004 http://www.cfgigolo.com Performance Settings para ColdFusion MX 6.1 Alex Hubner, Novembro de 2004 http://www.cfgigolo.com 1. Objetivos O presente documento tem como objetivo apresentar as configurações do servidor Macromedia

Leia mais

Transparent Proxy: marcando essa opção o seu proxy será transparente. Não havendo a necessidade de configurações adicionais no navegador dos clientes.

Transparent Proxy: marcando essa opção o seu proxy será transparente. Não havendo a necessidade de configurações adicionais no navegador dos clientes. Na guia Services, Proxy Server Na guia General: Transparent Proxy: marcando essa opção o seu proxy será transparente. Não havendo a necessidade de configurações adicionais no navegador dos clientes. Bypass

Leia mais

IBM SPSS Analytic Server Versão 1. Instruções de Instalação de Atualizações e Extensão para o IBM SPSS Modeler 15

IBM SPSS Analytic Server Versão 1. Instruções de Instalação de Atualizações e Extensão para o IBM SPSS Modeler 15 IBM SPSS Analytic Server Versão 1 Instruções de Instalação de Atualizações e Extensão para o IBM SPSS Modeler 15 Índice IBM SPSS Modeler Instruções de Instalação de Atualizações e Extensões para o IBM

Leia mais

Sistemas Operacionais 3º bimestre. Dierone C.Foltran Jr. dcfoltran@yahoo.com

Sistemas Operacionais 3º bimestre. Dierone C.Foltran Jr. dcfoltran@yahoo.com Sistemas Operacionais 3º bimestre Dierone C.Foltran Jr. dcfoltran@yahoo.com Sistema de Arquivos (1) Todas as aplicações precisam armazenar e recuperar informações. Considerações sobre os processos: Espaço

Leia mais

Sumário Agradecimentos... 19 Sobre.o.autor... 20 Prefácio... 21 Capítulo.1..Bem-vindo.ao.MySQL... 22

Sumário Agradecimentos... 19 Sobre.o.autor... 20 Prefácio... 21 Capítulo.1..Bem-vindo.ao.MySQL... 22 Sumário Agradecimentos... 19 Sobre o autor... 20 Prefácio... 21 Capítulo 1 Bem-vindo ao MySQL... 22 1.1 O que é o MySQL?...22 1.1.1 História do MySQL...23 1.1.2 Licença de uso...23 1.2 Utilizações recomendadas...24

Leia mais

Instalação e Configuração IIS 7 + ColdFusion 8 32bits + Sql Server 2008 em Windows Server 2008 R2 64 bits

Instalação e Configuração IIS 7 + ColdFusion 8 32bits + Sql Server 2008 em Windows Server 2008 R2 64 bits Instalação e Configuração IIS 7 + ColdFusion 8 32bits + Sql Server 2008 em Windows Server 2008 R2 64 bits Documento de procedimento 1. Controle de versão Versão Data Responsável Descrição 2. Objetivo O

Leia mais

Sumário Instalando o Windows 2000 Server... 19

Sumário Instalando o Windows 2000 Server... 19 O autor... 11 Agradecimentos... 12 Apresentação... 13 Introdução... 13 Como funcionam as provas de certificação... 13 Como realizar uma prova de certificação... 13 Microsoft Certified Systems Engineer

Leia mais

Tutorial Básico. Instalando e testando o Ruby on Rails no Windows

Tutorial Básico. Instalando e testando o Ruby on Rails no Windows Tutorial Básico Instalando e testando o Ruby on Rails no Windows Ana Luiza Dias Organização do Tutorial: Passos para a instalação...pág 2 Passos para a criação de um projeto rails...pág 3 Passos para acompanhar

Leia mais

UM dos protocolos de aplicação mais importantes é o DNS. Para o usuário leigo,

UM dos protocolos de aplicação mais importantes é o DNS. Para o usuário leigo, Laboratório de Redes. Domain Name Service - DNS Pedroso 4 de março de 2009 1 Introdução UM dos protocolos de aplicação mais importantes é o DNS. Para o usuário leigo, problemas com o DNS são interpretados

Leia mais

Guia de administração para a integração do Portrait Dialogue 6.0. Versão 7.0A

Guia de administração para a integração do Portrait Dialogue 6.0. Versão 7.0A Guia de administração para a integração do Portrait Dialogue 6.0 Versão 7.0A 2013 Pitney Bowes Software Inc. Todos os direitos reservados. Esse documento pode conter informações confidenciais ou protegidas

Leia mais

Faça-Fácil: Passos Terminal Server

Faça-Fácil: Passos Terminal Server Faça-Fácil: 1. Objetivo Este documento mostra como configurar uma estação com Terminal Server da Microsoft (Windows 2003), para ser usado com o ifix (3.5 ou superior). 2. Introdução O ifix é capaz de trabalhar

Leia mais

Procedimentos para Instalação do Sisloc

Procedimentos para Instalação do Sisloc Procedimentos para Instalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Instalação do Sisloc... 3 Passo a passo... 3 3. Instalação da base de dados Sisloc... 16 Passo a passo... 16 4. Instalação

Leia mais

Manual do Usuário Atualização Março 2015

Manual do Usuário Atualização Março 2015 Manual do Usuário Atualização Março 2015 Sumário Introdução... 3 Instalação... 4 Pré-requisitos... 4 Passos para instalação... 4 Guia de Usabilidade... 8 Ativação do Produto... 9 Segurança dos Dados...

Leia mais

MINICURSO WINDOWS SERVER 2008 UTILIZANDO O VMWARE PLAYER

MINICURSO WINDOWS SERVER 2008 UTILIZANDO O VMWARE PLAYER MINICURSO WINDOWS SERVER 2008 UTILIZANDO O VMWARE PLAYER TÁSSIO JOSÉ GONÇALVES GOMES tassiogoncalvesg@gmail.com MINICURSO WINDOWS SERVER 2008 TÁSSIO GONÇALVES - TASSIOGONCALVESG@GMAIL.COM 1 CONTEÚDO Arquitetura

Leia mais

Troubleshooting Versão 1.0

Troubleshooting Versão 1.0 Troubleshooting Versão 1.0 As informações contidas neste documento estão sujeitas a alteração sem notificação prévia. Os dados utilizados nos exemplos contidos neste manual são fictícios. Nenhuma parte

Leia mais

NOME: MATHEUS RECUERO T2 ANTIVIRUS PANDA

NOME: MATHEUS RECUERO T2 ANTIVIRUS PANDA NOME: MATHEUS RECUERO T2 ANTIVIRUS PANDA Os requisitos mínimos para possuir o software é memoria de 64 MB, disco rígido de 20 MB processador a partir do Pentium 2 em diante e navegador internet Explorer

Leia mais

Guia rápido do usuário

Guia rápido do usuário Guia rápido do usuário Cliente de Sincronização ios Sumário O que é o cnccloud?... 3 Habilitando suas credencias... 3 Instalando o Cliente ios... 4 Comprando pela AppleStore... 4 Acessando sua conta no

Leia mais

AFS para Windows. Iniciação Rápida. Versão 3.6 S517-6977-00

AFS para Windows. Iniciação Rápida. Versão 3.6 S517-6977-00 AFS para Windows Iniciação Rápida Versão 3.6 S517-6977-00 AFS para Windows Iniciação Rápida Versão 3.6 S517-6977-00 Nota Antes de utilizar estas informações e o produto a que elas se referem, leia as

Leia mais

Manual - Gemelo Backup Online WEB

Manual - Gemelo Backup Online WEB Manual - Gemelo Backup Online WEB É um disco virtual que permite acessar seus dados de qualquer lugar através da Internet. Acesso A Gemelo Storage Solutions e enviará um e-mail confirmando que você é usuário

Leia mais

As principais estruturas são a SGA (System Global Area ou Área Global do Sistema) e a PGA (Program Global Area ou Área Global de Programa).

As principais estruturas são a SGA (System Global Area ou Área Global do Sistema) e a PGA (Program Global Area ou Área Global de Programa). ARQUITETURA ORACLE O conhecimento da arquitetura interna do ORACLE é de extrema importância para a compreensão das técnicas de otimização do produto. Basicamente, os seus mecanismos de execução são as

Leia mais

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Criação de backups importantes... 3 3. Reinstalação do Sisloc... 4 Passo a passo... 4 4. Instalação da base de dados Sisloc...

Leia mais

Informática. Informática. Valdir. Prof. Valdir

Informática. Informática. Valdir. Prof. Valdir Prof. Valdir Informática Informática Valdir Prof. Valdir Informática Informática PROVA DPF 2009 Julgue os itens subseqüentes, a respeito de Internet e intranet. Questão 36 36 - As intranets, por serem

Leia mais

BYUPDATE. Linux: http://updates.bysoft.com.br/utilitarios/migracao%20firebird%202.0/linux/

BYUPDATE. Linux: http://updates.bysoft.com.br/utilitarios/migracao%20firebird%202.0/linux/ BYUPDATE OBSERVAÇÃO: O aplicativo só pode ser utilizado a partir da versão 2.0 do firebird. Vide roteiro de atualização do Firebird nos links: Linux: http://updates.bysoft.com.br/utilitarios/migracao%20firebird%202.0/linux/

Leia mais

Instalação de Sistemas

Instalação de Sistemas Instalação de Sistemas 1. Instalação dos Sistemas... 2 Passo 1... 3 Passo 2... 3 Passo 3... 3 Passo 4... 4 Passo 5... 4 Passo 6... 5 Passo 7... 5 Bibliotecas de sistema... 6 2. Especificações técnicas

Leia mais

Auxiliar de instalação (Português Brasileiro) Primeiros passos

Auxiliar de instalação (Português Brasileiro) Primeiros passos Primeiros passos Auxiliar de instalação (Português Brasileiro) Agradecemos que você tenha optado por nosso produto e esperamos que esteja sempre satisfeito(a) com seu novo software da G DATA. Caso algo

Leia mais

Sophos SafeGuard Enterprise 6.00.1

Sophos SafeGuard Enterprise 6.00.1 Sophos SafeGuard Enterprise 6.00.1 Guia: Manual de instalação do Sophos SafeGuard Enterprise 6.00.1 Data do Documento: novembro de 2012 1 Conteúdo 1. Sobre este manual... 3 2. Requisitos de Sistema...

Leia mais

Guia de início rápido do Express

Guia de início rápido do Express Page 1 of 11 Guia de início rápido do Express As próximas seções apresentam instruções para instalação e utilização do software Express. SUMÁRIO I. REQUISITOS DE SISTEMA II. REQUISITOS DE INSTALAÇÃO III.

Leia mais

Guia de início rápido do Express

Guia de início rápido do Express Page 1 of 10 Guia de início rápido do Express As próximas seções apresentam instruções para instalação e utilização do software Express. Sumário I. Requisitos de sistema II. Requisitos de instalação III.

Leia mais

FAT32 ou NTFS, qual o melhor?

FAT32 ou NTFS, qual o melhor? FAT32 ou NTFS, qual o melhor? Entenda quais as principais diferenças entre eles e qual a melhor escolha O que é um sistema de arquivos? O conceito mais importante sobre este assunto, sem sombra de dúvidas,

Leia mais

SISTEMAS DE ARQUIVOS Sistemas operacionais

SISTEMAS DE ARQUIVOS Sistemas operacionais Técnico em Informática SISTEMAS DE ARQUIVOS Sistemas operacionais Professor Airton Ribeiro de Sousa Sistemas operacionais Sistema de Arquivos pode ser definido como uma estrutura que indica como os dados

Leia mais

PgAdmin. O pgadmin é um software gráfico para administração do SGBD PostgreSQL disponível para Windows e UNIX.

PgAdmin. O pgadmin é um software gráfico para administração do SGBD PostgreSQL disponível para Windows e UNIX. 1/20 PgAdmin O pgadmin é um software gráfico para administração do SGBD PostgreSQL disponível para Windows e UNIX. Site para download. Caso queira a última versão - http://www.pgadmin.org/download/ É uma

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Samba Gustavo Reis gustavo.reis@ifsudestemg.edu.br 1 Conhecido também como servidor de arquivos; Consiste em compartilhar diretórios do Linux em uma rede Windows e visualizar compartilhamentos

Leia mais

O aplicativo de desktop Novell Filr é compatível com as seguintes versões do sistema operacional Windows:

O aplicativo de desktop Novell Filr é compatível com as seguintes versões do sistema operacional Windows: Readme do aplicativo de desktop Novell Filr Abril de 2015 1 Visão geral do produto O aplicativo de desktop Novell Filr permite que você sincronize os seus arquivos do Novell Filr com o sistema de arquivos

Leia mais

Daniel Gondim. Informática

Daniel Gondim. Informática Daniel Gondim Informática Microsoft Windows Sistema Operacional criado pela Microsoft, empresa fundada por Bill Gates e Paul Allen. Sistema Operacional Programa ou um conjunto de programas cuja função

Leia mais

ANE0003 - Configurando a pilha TCP/IP Microchip

ANE0003 - Configurando a pilha TCP/IP Microchip - Configurando a pilha TCP/IP Microchip ANE0003 Autor: 1. Introdução Marcelo Martins Maia do Couto A pilha TCP/IP é largamente utilizada para a comunicação entre elementos dentro de uma rede. Este protocolo

Leia mais

Daniel Darlen. daniel.correa@planejamento.gov.br. IV SDSL Brasília DF Dezembro de 2004

Daniel Darlen. daniel.correa@planejamento.gov.br. IV SDSL Brasília DF Dezembro de 2004 Introdução ao Samba Daniel Darlen daniel.correa@planejamento.gov.br IV SDSL Brasília DF Dezembro de 2004 Introdução ao Samba p.1/65 Introdução Introdução ao Samba p.2/65 Introdução SAMBA é um conjunto

Leia mais

Guia de configuração de destinos de digitalização e mensagens de alerta da X500 Series

Guia de configuração de destinos de digitalização e mensagens de alerta da X500 Series Guia de configuração de destinos de digitalização e mensagens de alerta da X500 Series www.lexmark.com Julho de 2007 Lexmark e Lexmark com desenho de losango são marcas registradas da Lexmark International,

Leia mais

Tutorial - Monitorando a Temperatura de Servidores Windows

Tutorial - Monitorando a Temperatura de Servidores Windows Tutorial - Monitorando a Temperatura de Servidores Windows Resolvi fazer um tutorial melhorado em português sobre o assunto depois de achar um tópico a respeito no fórum oficial do Zabbix - Agradecimentos

Leia mais

GABARITO - B. manuel@carioca.br

GABARITO - B. manuel@carioca.br NOÇÕES DE INFORMÁTICA EDITORA FERREIRA PROVA MPRJ -TÉCNICO ADMINISTRATIVO - TADM NCE-UFRJ CORREÇÃO - GABARITO COMENTADO Considere que as questões a seguir referem-se a computadores com uma instalação padrão

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE PELOTAS UNIDADE DE PASSO FUNDO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE PELOTAS UNIDADE DE PASSO FUNDO 3. Controle de Acesso Permissões de Compartilhamento e Permissões NTFS Segurança, sem dúvidas, é um dos temas mais debatidos hoje, no mundo da informática. Nesse capitulo vamos estudar algumas opções do

Leia mais

Sistemas de Arquivos. Arquivos e Diretórios Características e Implementação Tadeu Ferreira Oliveira - tadeu.ferreira@ifrn.edu.br

Sistemas de Arquivos. Arquivos e Diretórios Características e Implementação Tadeu Ferreira Oliveira - tadeu.ferreira@ifrn.edu.br Sistemas de Arquivos Arquivos e Diretórios Características e Implementação Tadeu Ferreira Oliveira - tadeu.ferreira@ifrn.edu.br Tadeu Ferreira IFRN 2016 Sistemas de Arquivos Objetivos Armazenar uma quantidade

Leia mais

O sistema que completa sua empresa Roteiro de Instalação (rev. 15.10.09) Página 1

O sistema que completa sua empresa Roteiro de Instalação (rev. 15.10.09) Página 1 Roteiro de Instalação (rev. 15.10.09) Página 1 O objetivo deste roteiro é descrever os passos para a instalação do UNICO. O roteiro poderá ser usado não apenas pelas revendas que apenas estão realizando

Leia mais

Cap. 12 Gerenciamento de Arquivos

Cap. 12 Gerenciamento de Arquivos Cap. 12 Gerenciamento de Arquivos 12.1 Visão Geral 12.1.1 - Arquivos e Sistemas de Arquivos 12.1.2 - Estrutura de Arquivos 12.1.3 - Gerenciamento de Arquivos 12.1.4 Arquitetura do Sistema de Arquivo 12.2

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇO DE BACKUP. Professor Carlos Muniz

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇO DE BACKUP. Professor Carlos Muniz ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS O que é o Backup do Windows Server? O recurso Backup do Windows Server no Windows Server 2008 consiste em um snap-in do Console de Gerenciamento Microsoft (MMC) e

Leia mais

Requisitos Mínimos para Navegar no Portal Progredir

Requisitos Mínimos para Navegar no Portal Progredir Requisitos Mínimos para Navegar no Portal MT-411-00001-4 Última Atualização : 04/07/2013 Requisitos Mínimos para Navegar no Portal Objetivo: Este documento tem como objetivo disponibilizar informações

Leia mais

Manual de Instalação e Configuração do Sistema Cali LAB View

Manual de Instalação e Configuração do Sistema Cali LAB View Manual de Instalação e Configuração do Sistema Cali LAB View www.cali.com.br - Manual de Instalação e Configuração do Sistema Cali LAB View - Página 1 de 29 Índice INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO (FIREBIRD E

Leia mais

Manual de Instalação

Manual de Instalação Manual de Instalação Sumário 1. Sobre este documento... 3 2. Suporte técnico... 3 3. Requisitos de hardware... 4 3.1. Estação... 4 3.2. Servidor... 4 4. Instalação... 5 4.1. Instalação no servidor... 5

Leia mais

Guia de Atualização Release FoccoERP 2014

Guia de Atualização Release FoccoERP 2014 Guia de Atualização Release FoccoERP 2014 02/06/2014 Índice ÍNDICE... 2 APRESENTAÇÃO... 3 INTRODUÇÃO... 4 PROCESSO DE INSTALAÇÃO... 4 ATUALIZANDO UM SEGUNDO AMBIENTE... 21 Página 2 de 22 Apresentação Este

Leia mais

Zim 8.x Zim IDE Tutorial

Zim 8.x Zim IDE Tutorial I. Inicio.- 1) Para criar objetos recomendamos que instale o Zim completo em sua estação de desenvolvimento ou o ZimTC Lembrando que nas estações dos usuários deve ser instalado o ZimThinClient. 2) Crie

Leia mais

Instalando e Configurando o BDE. Instalando o BDE. Configurando o BDE - 1 -

Instalando e Configurando o BDE. Instalando o BDE. Configurando o BDE - 1 - Instalando e Configurando o BDE. Instalando o BDE Para instalar o BDE, insira o Disco 1 de 3 em seu drive de disquete. Clique em Iniciar, Executar e digite no campo Abrir: a:\setup.exe ( supondo que seu

Leia mais

MicroPower Presence. Requisitos Técnicos e Roteiro de Acesso

MicroPower Presence. Requisitos Técnicos e Roteiro de Acesso MicroPower Presence Requisitos Técnicos e Roteiro de Acesso Esse documento tem como objetivo explicar o processo de instalação do Client Presence, fornecer as recomendações mínimas de hardware e software

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS FUNDAMENTOS DE Visão geral sobre o Active Directory Um diretório é uma estrutura hierárquica que armazena informações sobre objetos na rede. Um serviço de diretório,

Leia mais

Sou o professor Danilo Augusto, do TIParaConcursos.net, e lá costumo trabalhar temas relacionados a Redes de Computadores e Sistemas Operacionais.

Sou o professor Danilo Augusto, do TIParaConcursos.net, e lá costumo trabalhar temas relacionados a Redes de Computadores e Sistemas Operacionais. Olá nobre concurseiro e futuro servidor público! Sou o professor Danilo Augusto, do TIParaConcursos.net, e lá costumo trabalhar temas relacionados a Redes de Computadores e Sistemas Operacionais. Essa

Leia mais

Permissões de compartilhamento e NTFS - Parte 1

Permissões de compartilhamento e NTFS - Parte 1 Permissões de compartilhamento e NTFS - Parte 1 Autor: Júlio Battisti - Site: www.juliobattisti.com.br Segurança, sem dúvidas, é um dos temas mais debatidos hoje, no mundo da informática. Nesse tutorial

Leia mais

Real Application Cluster (RAC)

Real Application Cluster (RAC) Real Application Cluster (RAC) Anderson Haertel Rodrigues OCE RAC 10g anderson.rodrigues@advancedit.com.br AdvancedIT S/A RAC? Oracle RAC é um banco de dados em cluster. Como assim? São vários servidores

Leia mais

Pacote de gerenciamento do Backup Exec para Microsoft SCOM. Guia do Usuário do Pacote de Gerenciamento do Microsoft SCOM

Pacote de gerenciamento do Backup Exec para Microsoft SCOM. Guia do Usuário do Pacote de Gerenciamento do Microsoft SCOM Pacote de gerenciamento do Backup Exec para Microsoft SCOM Guia do Usuário do Pacote de Gerenciamento do Microsoft SCOM Pacote de gerenciamento do Microsoft Operations Este documento contém os seguintes

Leia mais

Manual do Usuário Microsoft Apps

Manual do Usuário Microsoft Apps Manual do Usuário Microsoft Apps Edição 1 2 Sobre os aplicativos da Microsoft Sobre os aplicativos da Microsoft Os aplicativos da Microsoft oferecem aplicativos para negócios para o seu telefone Nokia

Leia mais

SISTEMA DE BANCO DE IMAGENS MANUAL DE USO

SISTEMA DE BANCO DE IMAGENS MANUAL DE USO SISTEMA DE BANCO DE IMAGENS MANUAL DE USO Versão: BETA Última atualização: 24/06/2012 Índice O sistema de banco de imagens 03 Pesquisa de fotos 04 Pautas e eventos 08 Cadastro de fotos 09 Edição e indexação

Leia mais

Sistemas Operacionais

Sistemas Operacionais Sistemas Operacionais Gerência de Arquivos Edson Moreno edson.moreno@pucrs.br http://www.inf.pucrs.br/~emoreno Sumário Conceituação de arquivos Implementação do sistemas de arquivo Introdução Sistema de

Leia mais

Manual de Instalação do Servidor Orion Phoenix Versão 1.0 - Novembro/2010

Manual de Instalação do Servidor Orion Phoenix Versão 1.0 - Novembro/2010 Manual de Instalação do Servidor Orion Phoenix Versão 1.0 - Novembro/2010 Manual de Instalação do Sistema Orion Phoenix 1.0 - Novembro/2010 Página 1 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO...3 2. VISÃO GERAL...3 3. PROCEDIMENTOS

Leia mais

GUIA MUDANÇA E FORMATAÇÃO DE SERVIDOR - SIG

GUIA MUDANÇA E FORMATAÇÃO DE SERVIDOR - SIG GUIA MUDANÇA E FORMATAÇÃO DE SERVIDOR - SIG ÍNDICE ITEM Página 1. Objetivo...3 2. Requisitos...3 3. Diretório dos Sistemas CasaSoft...3 4. Procedimentos para Transferência de Servidor...3 Página 2 de 5

Leia mais