Conceitos de relação de confiança

Save this PDF as:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Conceitos de relação de confiança www.jpinheiro.net jeferson@jpinheiro.net"

Transcrição

1 Conceitos de relação de confiança

2 Procedimento para criar uma árvore O procedimento usado para criar uma árvore com o Assistente para instalação do Active Directory é semelhante ao procedimento usado para criar o domínio raiz da floresta. 2/30

3 Registros de recursos Service Location (SRV) Para que o Active Directory funcione corretamente, os computadores clientes devem ser capazes de localizar servidores que fornecem serviços específicos, como autenticação de solicitações de logon e pesquisa de informações no Active Directory. O Active Directory armazena informações sobre o local dos computadores que fornecem esses serviços em registros DNS conhecidos como registros de recurso SRV. 3/30

4 Todos os registros SRV usam um formato padrão, que consiste em campos que contêm as informações usadas pelo Active Directory para mapear um serviço ao computador que fornece o serviço. Registros SRV usam o seguinte formato: _Serviço_.Protocolo.Nome Ttl Classe SRV Prioridade Importância Porta Destino 4/30

5 Campo _Serviço _Protocolo Nome Ttl Classe Prioridade Importância Porta Destino Descrição Especifica o nome do serviço, como LDAP (Lightweight Directory Access Protocol) ou Kerberos, fornecido pelo servidor que mantém esse registro SRV. Especifica o tipo de protocolo de transporte, como TCP ou UDP (User Datagram Protocol). Especifica o nome do domínio ao qual o registro de recursos faz referência. Especifica o valor TTL (Time to Live, vida útil) em segundos, que é um campo padrão de registros de recursos DNS que especifica o período de tempo em que um registro é considerado válido. Especifica o valor de classe do registro de recursos DNS padrão, que geralmente é.in. para o sistema da Internet. Essa é a única classe para a qual o DNS do windows Server 2003oferece suporte. Especifica a prioridade do servidor. Clientes tentam contatar o host com a prioridade mais baixa. Indica um mecanismo de equilíbrio de carga usado pelos clientes quando eles selecionam um host de destino. Quando o campo de prioridade é o mesmo para dois ou mais registros no mesmo domínio, os clientes escolhem aleatoriamente registros SRV de maior importância. Especifica a porta na qual o servidor está escutando esse serviço. Especifica o FQDN, também chamado de nome completo do computador, que fornece o serviço. 5/30

6 Tipos de relações de confiança 6/30

7 Relações de confiança são os mecanismos que garantem que um usuário autenticado em seu próprio domínio poderá acessar recursos em qualquer domínio confiável. No Windows Server 2003, há dois tipos de relação de confiança: transitiva e intransitiva. 7/30

8 Relação de Confiança Em uma relação de confiança transitiva, a relação de confiança estendida a um domínio é automaticamente estendida a todos os outros domínios que confiam nesse domínio. Por exemplo, o domínio D confia diretamente no domínio E, que confia diretamente no domínio F. Como ambas as relações de confiança são transitivas, o domínio D confia indiretamente no domínio F e vice-versa. 8/30

9 Relações de confiança transitivas são automáticas. Um exemplo de relação de confiança transitiva é a que ocorre entre pai e filho. Relações de confiança intransitivas não são automáticas e devem ser configuradas. Um exemplo de relação de confiança intransitiva é uma relação de confiança externa, como a relação entre um domínio em uma floresta e um domínio em outra floresta. 9/30

10 10/30

11 Quando um usuário tenta acessar um recurso em outro domínio, o protocolo de autenticação Kerberos versão 5 deve determinar se o domínio confiante isto é, o domínio que contém o recurso que o usuário está tentando acessar tem uma relação de confiança com o domínio confiável isto é, o domínio ao qual o usuário está se conectando. 11/30

12 Kerberos Para determinar a relação, o protocolo Kerberos versão 5 viaja pelo caminho de relação de confiança para obter uma referência ao controlador de domínio do domínio de destino. O controlador de domínio de destino emite uma permissão de serviço para o serviço solicitado. O caminho de relação de confiança é o caminho mais curto. 12/30

13 Relações de confiança entre florestas 13/30

14 O Windows Server 2003 oferece suporte a relações de confiança entre florestas, o que permite a usuários em uma floresta acessar recursos em outra floresta. Quando um usuário tenta acessar um recurso em uma floresta confiável, o Active Directory precisa primeiro localizar o recurso. Após a localização do recurso, o usuário poderá ser autenticado e poderá acessar o recurso. 14/30

15 Implementando o catálogo global 15/30

16 Implementando o catálogo global no Active Directory O catálogo global é o repositório central de informações sobre os objetos de uma floresta no Active Directory. 16/30

17 O cache de membros de grupos universais no Windows Server 2003 reduz o tráfego e aumenta a resposta de logon nas conexões lentas de rede de longa distância. É necessário que você entenda o significado dos servidores de catálogo global e do cache de membros de grupos universais para planejar o posicionamento adequado dos controladores de domínio em sua rede. 17/30

18 18/30

19 Criação do Catálogo Global O Active Directory cria um catálogo global automaticamente no primeiro controlador de domínio da floresta, conhecido como servidor de catálogo global. Você pode adicionar a funcionalidade do catálogo global a outros controladores de domínio ou alterar o local padrão do catálogo global para outro controlador de domínio. 19/30

20 principais funções executadas por um servidor de catálogo global Permite logon de rede fornecendo informações sobre membros de grupos universais a um controlador de domínio ao ser iniciado um processo de logon. Localiza informações de diretório, qualquer que seja o domínio da floresta que realmente contém os dados. Um catálogo global fornece informações sobre os membros dos grupos. 20/30

21 Um catálogo global resolve os nomes, endereços, e usuários de logon principais de usuário 21/30

22 Funções de Logon Se um catálogo global não estiver disponível quando um usuário fizer logon em um domínio executado no nível de domínio nativo do Windows 2000 ou no nível funcional do domínio do Windows Server 2003, o controlador de domínio que estiver processando a solicitação de logon do usuário negará a solicitação, impedindo o logon do usuário. 22/30

23 Se nenhum controlador de domínio estiver disponível para processar a solicitação de logon de um usuário, o controlador de domínio processará a solicitação usando as credenciais do usuário armazenadas em cache. Esse recurso permite que os usuários façam logon em computadores portáteis quando não estiverem conectados à rede corporativa. 23/30

24 A conta Administrador localizada no domínio sempre permitirá logon, mesmo quando nenhum servidor de catálogo global estiver disponível. 24/30

25 Importante É necessário que os computadores cliente tenham acesso a um servidor de catálogo global para que seja possível fazer logon. Portanto, na maioria dos casos, tenha pelo menos um servidor de catálogo global em cada site para desfrutar dos benefícios obtidos através da utilização de sites, como a diminuição do tráfego de rede. 25/30

26 Quando personalizar um servidor de catálogo global Algumas vezes, você talvez deseje personalizar o servidor de catálogo global para incluir atributos adicionais. Entretanto, considere suas opções cuidadosamente, pois as alterações nos atributos poderão afetar o tráfego da rede. 26/30

27 27/30

28 Cache Um controlador de domínio em um site com cache de membros de grupos universais habilitado armazena informações localmente após a primeira tentativa de logon do usuário. Na próxima vez que o usuário tentar fazer logon, o controlador de domínio obterá as informações dos membros dos grupos universais de seu cache local sem precisar contatar um servidor de catálogo global. 28/30

29 A função de grupos universais no processo de logon processo de logon Os membros dos grupos universais são fundamentais para um logon bem sucedido. Se o controlador de domínio não puder enumerar os membros dos grupos universais do usuário, será negado um logon interativo ao usuário. Para concluir o processo de logon, o computador cliente no qual o usuário está realizando o logon interativo deverá ter acesso a um servidor de catálogo global ou às informações armazenadas em cache. 29/30

30 Quando um usuário faz logon, o controlador de domínio que o autentica deve ser capaz de contatar um servidor de catálogo global para enumerar os membros dos grupos universais do usuário. Se o controlador de domínio acessar o servidor de catálogo global por uma rede de longa distância, os usuários não poderão fazer logon caso a conexão dessa rede esteja inoperante. 30/30

Introdução ao Active Directory AD

Introdução ao Active Directory AD Introdução ao Active Directory AD Curso Técnico em Redes de Computadores SENAC - DF Professor Airton Ribeiro O Active Directory, ou simplesmente AD como é usualmente conhecido, é um serviço de diretórios

Leia mais

Professor: Macêdo Firmino Disciplina: Sistemas Operacionais de Rede

Professor: Macêdo Firmino Disciplina: Sistemas Operacionais de Rede Professor: Macêdo Firmino Disciplina: Sistemas Operacionais de Rede O sistema de nome de domínio (DNS) é um sistema que nomeia computadores e serviços de rede e é organizado em uma hierarquia de domínios.

Leia mais

Visão geral híbrida de Serviços Corporativos de Conectividade do SharePoint 2013

Visão geral híbrida de Serviços Corporativos de Conectividade do SharePoint 2013 Visão geral híbrida de Serviços Corporativos de Conectividade do SharePoint 2013 Christopher J Fox Microsoft Corporation Novembro de 2012 Aplica-se a: SharePoint 2013, SharePoint Online Resumo: Um ambiente

Leia mais

Sistemas Operacionais de Rede INTRODUÇÃO AO ACTIVE DIRECTORY

Sistemas Operacionais de Rede INTRODUÇÃO AO ACTIVE DIRECTORY Sistemas Operacionais de Rede INTRODUÇÃO AO ACTIVE DIRECTORY Conteúdo Programático! Introdução ao Active Directory (AD)! Definições! Estrutura Lógica! Estrutura Física! Instalação do Active Directory (AD)!

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇOS DE ACESSO REMOTO (TELNET E TERMINAL SERVICES) Professor Carlos Muniz

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇOS DE ACESSO REMOTO (TELNET E TERMINAL SERVICES) Professor Carlos Muniz ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇOS DE ACESSO REMOTO (TELNET E O que é roteamento e acesso remoto? Roteamento Um roteador é um dispositivo que gerencia o fluxo de dados entre segmentos da rede,

Leia mais

Administração do Windows Server 2003

Administração do Windows Server 2003 Administração do Windows Server 2003 Visão geral O Centro de Ajuda e Suporte do Windows 2003 Tarefas do administrador Ferramentas administrativas Centro de Ajuda e Suporte do 2003 Usando o recurso de pesquisa

Leia mais

SoftPhone e Integração de diretório ativo

SoftPhone e Integração de diretório ativo SoftPhone e Integração de diretório ativo Índice Introdução Pré-requisitos Requisitos Componentes Utilizados Convenções Integre o diretório ativo com SoftPhone Prepare para integrar o diretório ativo com

Leia mais

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Proprietário Windows AULA 04. Prof. André Lucio

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Proprietário Windows AULA 04. Prof. André Lucio FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Proprietário Windows AULA 04 Prof. André Lucio Competências da aula 3 Servidor de DHCP. Servidor de Arquivos. Servidor de Impressão. Aula 04 CONCEITOS

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇOS IMPRESSÃO. Professor Carlos Muniz

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇOS IMPRESSÃO. Professor Carlos Muniz ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇOS IMPRESSÃO Serviços de impressão Os serviços de impressão permitem compartilhar impressoras em uma rede, bem como centralizar as tarefas de gerenciamento

Leia mais

Configuração do Servidor DHCP no Windows Server 2003

Configuração do Servidor DHCP no Windows Server 2003 Configuração do Servidor DHCP no Windows Server 2003 Como instalar o Serviço DHCP Antes de poder configurar o serviço DHCP, é necessário instalá lo no servidor. O DHCP não é instalado por padrão durante

Leia mais

Instalando e configurando DFS (Distributed File System) no Windows Server 2008 R2 em ambiente virtual (VirtualBox)

Instalando e configurando DFS (Distributed File System) no Windows Server 2008 R2 em ambiente virtual (VirtualBox) Instalando e configurando DFS (Distributed File System) no Windows Server 2008 R2 em ambiente virtual (VirtualBox) Objetivo: Implantar um sistema de redundância e replicação de arquivos em dois servidores

Leia mais

RODC. Read-Only Domain Controller

RODC. Read-Only Domain Controller RODC Read-Only Domain Controller RODC O RODC é um controlador de domínio que mantém todas as funções de um ADDC (Active Directory Domain Controller) porém não tem permissão para alterar os dados do diretório

Leia mais

Versão 1.0 09/10. Xerox ColorQube 9301/9302/9303 Serviços de Internet

Versão 1.0 09/10. Xerox ColorQube 9301/9302/9303 Serviços de Internet Versão 1.0 09/10 Xerox 2010 Xerox Corporation. Todos os direitos reservados. Direitos reservados de não publicação sob as leis de direitos autorais dos Estados Unidos. O conteúdo desta publicação não pode

Leia mais

IP significa Internet Protocol. A Internet é uma rede, e assim como ocorre em qualquer tipo de rede, os seus nós (computadores, impressoras, etc.

IP significa Internet Protocol. A Internet é uma rede, e assim como ocorre em qualquer tipo de rede, os seus nós (computadores, impressoras, etc. Endereços IP Endereços IP IP significa Internet Protocol. A Internet é uma rede, e assim como ocorre em qualquer tipo de rede, os seus nós (computadores, impressoras, etc.) precisam ter endereços. Graças

Leia mais

Instalação e Configuração do AD DS no Windows Server 2012 R2 INSTALAÇÃO DO SERVIÇOS DE DOMÍNIO DO ACTIVE DIRECTORY (AD DS)

Instalação e Configuração do AD DS no Windows Server 2012 R2 INSTALAÇÃO DO SERVIÇOS DE DOMÍNIO DO ACTIVE DIRECTORY (AD DS) Instalação e Configuração do AD DS no Windows Server 2012 R2 Sumário... 2 Criando as Unidades Organizacionais... 16 Criando Grupos... 17 Criação de Usuários.... 20 Habilitando a Lixeira do AD DS.... 24

Leia mais

CONFIGURANDO O SERVIÇO DE VPN NO WINDOWS SERVER 2008 R2

CONFIGURANDO O SERVIÇO DE VPN NO WINDOWS SERVER 2008 R2 CONFIGURANDO O SERVIÇO DE VPN NO WINDOWS SERVER 2008 R2 1. Antes de começar A tabela a seguir lista as informações que você precisa saber antes de configurar um servidor VPN de acesso remoto. Antes de

Leia mais

Tutorial de Active Directory Parte 3

Tutorial de Active Directory Parte 3 Tutorial de Active Directory Parte 3 Introdução Prezados leitores, esta é a terceira parte de uma série de tutoriais sobre o Active Directory. O Active Directory foi a grande novidade introduzida no Windows

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMA OPERACIONAL DE REDE (AULA 4)

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMA OPERACIONAL DE REDE (AULA 4) Prof. Breno Leonardo Gomes de Menezes Araújo brenod123@gmail.com http://blog.brenoleonardo.com.br ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMA OPERACIONAL DE REDE (AULA 4) Serviço de diretório Serviço de diretório é um conjunto

Leia mais

AULA 6: SERVIDOR DNS EM WINDOWS SERVER

AULA 6: SERVIDOR DNS EM WINDOWS SERVER AULA 6: SERVIDOR DNS EM WINDOWS SERVER Objetivo: Instalar e detalhar o funcionamento de um Servidor de DNS (Domain Name System) no sistema operacional Microsoft Windows 2003 Server. Ferramentas: - ISO

Leia mais

COMPARTILHAMENTO DO DISCO E PERMISSÕES DE REDE PÚBLICAS E DE GRUPOS DE TRABALHO.

COMPARTILHAMENTO DO DISCO E PERMISSÕES DE REDE PÚBLICAS E DE GRUPOS DE TRABALHO. COMPARTILHAMENTO DO DISCO E PERMISSÕES DE REDE PÚBLICAS E DE GRUPOS DE TRABALHO. 1. Compartilhar a máquina servidor clicando com o botão direito do mouse em disco local e no menu de contexto não pção Propriedades.

Leia mais

Servidor IIS. Sorayachristiane.blogspot.com

Servidor IIS. Sorayachristiane.blogspot.com Servidor IIS Servidor IIS IIS Serviço de informação de Internet; É um servidor que permite hospedar um ou vários sites web no mesmo computador e cria uma distribuição de arquivos utilizando o protocolo

Leia mais

Compartilhamento de internet usando recursos do Windows XP

Compartilhamento de internet usando recursos do Windows XP Compartilhamento de internet usando recursos do Windows XP Valença-Ba, 17 de outubro de 2010. Identificação IFBA- Campus Valença Curso: Informática subseqüente Disciplina: Redes de Computadores Turma:

Leia mais

Manual de Instalação ( Client / Server ) Versão 1.0

Manual de Instalação ( Client / Server ) Versão 1.0 1 pág. PROCEDIMENTO DE INSTALAÇÃO DO SGCOM ATENÇÃO: É OBRIGATÓRIO UMA CONEXÃO COM A INTERNET PARA EXECUTAR A INSTALAÇÃO DO SGCOM. Após o Download do instalador do SGCOM versão Server e Client no site www.sgcom.inf.br

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMA OPERACIONAL DE REDE (AULA 5)

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMA OPERACIONAL DE REDE (AULA 5) Prof. Breno Leonardo Gomes de Menezes Araújo brenod123@gmail.com http://blog.brenoleonardo.com.br ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMA OPERACIONAL DE REDE (AULA 5) Uma conta de usuário é um objeto de Active Directory,

Leia mais

AULA 7: Remote Desktop

AULA 7: Remote Desktop AULA 7: Remote Desktop Objetivo: Praticar a aplicação de acesso remoto via protocolo RDP (Remote Desktop) em ambientes Microsoft Windows. Ferramentas: Máquina Virtual Windows 2003 Server; Máquina Virtual

Leia mais

2 de maio de 2014. Remote Scan

2 de maio de 2014. Remote Scan 2 de maio de 2014 Remote Scan 2014 Electronics For Imaging. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos dos Avisos de caráter legal deste produto. Conteúdo 3 Conteúdo...5 Acesso ao...5

Leia mais

Conteúdo Programático

Conteúdo Programático Conteúdo Programático Introdução ao Active (AD) Definições Estrutura Lógica Estrutura Física Instalação do Active (AD) Atividade Prática 1 Definições do Active Em uma rede do Microsoft Windows Server 2003,

Leia mais

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES. Professor Carlos Muniz

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES. Professor Carlos Muniz SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES Agendar uma tarefa Você deve estar com logon de administrador para executar essas etapas. Se não tiver efetuado logon como administrador, você só poderá alterar as configurações

Leia mais

Introdução ao Tableau Server 7.0

Introdução ao Tableau Server 7.0 Introdução ao Tableau Server 7.0 Bem-vindo ao Tableau Server; Este guia orientará você pelas etapas básicas de instalação e configuração do Tableau Server. Em seguida, usará alguns dados de exemplo para

Leia mais

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Criação de backups importantes... 3 3. Reinstalação do Sisloc... 4 Passo a passo... 4 4. Instalação da base de dados Sisloc...

Leia mais

Configurando um Grupo Doméstico e Compartilhando arquivos no Windows 7

Configurando um Grupo Doméstico e Compartilhando arquivos no Windows 7 Configurando um Grupo Doméstico e Compartilhando arquivos no Windows 7 Para criar um grupo doméstico e compartilhar arquivos é necessário que tenhamos pelo menos dois computadores ligados entre si (em

Leia mais

Roteiro 11: Roteamento /acesso remoto / redirecionamento de diretórios

Roteiro 11: Roteamento /acesso remoto / redirecionamento de diretórios Roteiro 11: Roteamento /acesso remoto / redirecionamento de diretórios Objetivos: Ativar e gerenciar o serviço de roteamento; Ativar e gerenciar serviços de terminal remoto; Redirecionar diretórios através

Leia mais

Satélite. Manual de instalação e configuração. CENPECT Informática www.cenpect.com.br cenpect@cenpect.com.br

Satélite. Manual de instalação e configuração. CENPECT Informática www.cenpect.com.br cenpect@cenpect.com.br Satélite Manual de instalação e configuração CENPECT Informática www.cenpect.com.br cenpect@cenpect.com.br Índice Índice 1.Informações gerais 1.1.Sobre este manual 1.2.Visão geral do sistema 1.3.História

Leia mais

Guia de Configuração das Funções de Digitalização

Guia de Configuração das Funções de Digitalização Guia de Configuração das Funções de Digitalização WorkCentre M123/M128 WorkCentre Pro 123/128 701P42171_pt-BR 2004. Todos os direitos reservados. A proteção de copyright aqui reclamada inclui todas as

Leia mais

Entendendo como funciona o NAT

Entendendo como funciona o NAT Entendendo como funciona o NAT Vamos inicialmente entender exatamente qual a função do NAT e em que situações ele é indicado. O NAT surgiu como uma alternativa real para o problema de falta de endereços

Leia mais

Instruções de Instalação do IBM SPSS Modeler (Licença Simultânea)

Instruções de Instalação do IBM SPSS Modeler (Licença Simultânea) Instruções de Instalação do IBM SPSS Modeler (Licença Simultânea) Índice Instruções de Instalação....... 1 Requisitos de Sistema........... 1 Instalando............... 1 Instalando a Partir de um Arquivo

Leia mais

Projeto Integrador Projeto de Redes de Computadores

Projeto Integrador Projeto de Redes de Computadores Projeto Integrador Projeto de Redes de Computadores IMPLEMENTAÇÃO DO PROTOCOLO 802.1x UTILIZANDO SERVIDOR DE AUTENTICAÇÃO FREERADIUS Aluno: Diego Miranda Figueira Jose Rodrigues de Oliveira Neto Romário

Leia mais

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS NO WINDOWS. Professor Carlos Muniz

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS NO WINDOWS. Professor Carlos Muniz SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS NO WINDOWS Se todos os computadores da sua rede doméstica estiverem executando o Windows 7, crie um grupo doméstico Definitivamente, a forma mais

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS Usando um firewall para ajudar a proteger o computador A conexão à Internet pode representar um perigo para o usuário de computador desatento. Um firewall ajuda a proteger o computador impedindo que usuários

Leia mais

Como configurar e-mails nos celulares. Ebook. Como configurar e-mails no seu celular. W3alpha - Desenvolvimento e hospedagem na internet

Como configurar e-mails nos celulares. Ebook. Como configurar e-mails no seu celular. W3alpha - Desenvolvimento e hospedagem na internet Ebook Como configurar e-mails no seu celular Este e-book irá mostrar como configurar e-mails, no seu celular. Sistemas operacionais: Android, Apple, BlackBerry, Nokia e Windows Phone Há muitos modelos

Leia mais

Configuração de um servidor DNS. Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática

Configuração de um servidor DNS. Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática Configuração de um servidor DNS Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática Configuração DNS O servidor DNS usado é o BIND versão 9. Para configuração do servidor DNS, deve-se acessar os arquivos de

Leia mais

Tutorial de TCP/IP Parte 26 Criando Registros

Tutorial de TCP/IP Parte 26 Criando Registros Introdução Tutorial de TCP/IP Parte 26 Criando Registros Prezados leitores, esta é a sexta parte, desta segunda etapa dos tutoriais de TCP/IP. As partes de 01 a 20, constituem o módulo que eu classifiquei

Leia mais

GUIA DE CONFIGURAÇÃO SERVIDOR DHCP

GUIA DE CONFIGURAÇÃO SERVIDOR DHCP GUIA DE CONFIGURAÇÃO SERVIDOR DHCP GUIA DE CONFIGURAÇÃO SERVIDOR DHCP Servidor DHCP O Serviço de DHCP (Dynamic Host Configuration Protocol) permite que você controle a configuração e distribuição de endereços

Leia mais

Transferindo a carga da autenticação remota dos servidores

Transferindo a carga da autenticação remota dos servidores Transferindo a carga da autenticação remota dos servidores Visão Geral Há três etapas usadas pela maioria dos computadores para proteger o acesso a operações, aplicativos e dados sensíveis: A identificação

Leia mais

Firewall. Alunos: Hélio Cândido Andersson Sales

Firewall. Alunos: Hélio Cândido Andersson Sales Firewall Alunos: Hélio Cândido Andersson Sales O que é Firewall? Firewall pode ser definido como uma barreira de proteção, que controla o tráfego de dados entre seu computador e a Internet (ou entre a

Leia mais

Configurando o Cisco IP SoftPhone com a ferramenta de personalização

Configurando o Cisco IP SoftPhone com a ferramenta de personalização Configurando o Cisco IP SoftPhone com a ferramenta de personalização Índice Pré-requisitos Requisitos Componentes Utilizados Convenções Configurando a ferramenta de personalização Cisco Configurando o

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇO DE BACKUP. Professor Carlos Muniz

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SERVIÇO DE BACKUP. Professor Carlos Muniz ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS O que é o Backup do Windows Server? O recurso Backup do Windows Server no Windows Server 2008 consiste em um snap-in do Console de Gerenciamento Microsoft (MMC) e

Leia mais

www.nddigital.com.br Manual de Administração DPS Printer 2.1 NDDigital S/A - Software

www.nddigital.com.br Manual de Administração DPS Printer 2.1 NDDigital S/A - Software www.nddigital.com.br Manual de Administração DPS Printer 2.1 NDDigital S/A - Software 2 Introdução Este manual foi elaborado para administradores, para entendimento do funcionamento do produto e administração

Leia mais

Elementos. Setores, departamentos, diretorias etc.

Elementos. Setores, departamentos, diretorias etc. O Active Directory Active directory Serviço de diretório extensível para gerenciar recursos da rede de modo eficiente Armazena informações detalhadas sobre cada recurso na rede Possibilidade de armazenar

Leia mais

Tutorial 02 Promovendo o Windows 2000/2003 Server a um Controlador de Domínio

Tutorial 02 Promovendo o Windows 2000/2003 Server a um Controlador de Domínio Tutorial 02 Promovendo o Windows 2000/2003 Server a um Controlador de Domínio Muitos tutoriais iniciam a explicação do processo em uma fase adiantada, ou seja, considerando que o leitor já sabe algumas

Leia mais

Aula pratica 4 Testar Conexões TCP/IP em Redes Industrias Usando os comandos Ping e Net View (1.a Parte)

Aula pratica 4 Testar Conexões TCP/IP em Redes Industrias Usando os comandos Ping e Net View (1.a Parte) 1 Aula pratica 4 Testar Conexões TCP/IP em Redes Industrias Usando os comandos Ping e Net View (1.a Parte) Objetivo: Esta aula tem como objetivo apresentar aos alunos como testar a conectividade de uma

Leia mais

3. No painel da direita, dê um clique com o botão direito do mouse em qualquer espaço livre (área em branco).

3. No painel da direita, dê um clique com o botão direito do mouse em qualquer espaço livre (área em branco). Permissões de compartilhamento e NTFS - Parte 2 Criando e compartilhando uma pasta - Prática Autor: Júlio Battisti - Site: www.juliobattisti.com.br Neste tópico vamos criar e compartilhar uma pasta chamada

Leia mais

INSTRUÇÕESPARA INSTALAÇÃO COMPLETA CLIENTE ORACLE E SISTEMA PERGAMUM

INSTRUÇÕESPARA INSTALAÇÃO COMPLETA CLIENTE ORACLE E SISTEMA PERGAMUM INSTRUÇÕESPARA INSTALAÇÃO COMPLETA CLIENTE ORACLE E SISTEMA PERGAMUM Estas instruções devem ser utilizadas para os micros que foram formatados ou nunca tiveram a versão do sistema Pergamum instalada antes.

Leia mais

Data: 22 de junho de 2004. E-mail: ana@lzt.com.br

Data: 22 de junho de 2004. E-mail: ana@lzt.com.br Data: 22 de junho de 2004. E-mail: ana@lzt.com.br Manual do Suporte LZT LZT Soluções em Informática Sumário VPN...3 O que é VPN...3 Configurando a VPN...3 Conectando a VPN... 14 Possíveis erros...16 Desconectando

Leia mais

FTP Protocolo de Transferência de Arquivos

FTP Protocolo de Transferência de Arquivos FTP Protocolo de Transferência de Arquivos IFSC UNIDADE DE SÃO JOSÉ CURSO TÉCNICO SUBSEQUENTE DE TELECOMUNICAÇÕES! Prof. Tomás Grimm FTP - Protocolo O protocolo FTP é o serviço padrão da Internet para

Leia mais

HOW TO Como distribuir o Aker Client em

HOW TO Como distribuir o Aker Client em Introdução Página: 1 de 13 Neste documento será demonstrado como configurar o para ser distribuído em ambiente de rede de forma automática com usuários sem permissão de instalação de softwares. Solução

Leia mais

Procedimentos para Configuração de Redirecionamento de Portas

Procedimentos para Configuração de Redirecionamento de Portas 1 Procedimentos para Configuração de Redirecionamento de Portas O DIR 635 tem duas opções para liberação de portas: Virtual server: A opção Virtual Server permite que você defina uma única porta pública

Leia mais

CONCEITOS INICIAIS. Agenda A diferença entre páginas Web, Home Page e apresentação Web;

CONCEITOS INICIAIS. Agenda A diferença entre páginas Web, Home Page e apresentação Web; CONCEITOS INICIAIS Agenda A diferença entre páginas Web, Home Page e apresentação Web; O que é necessário para se criar páginas para a Web; Navegadores; O que é site, Host, Provedor e Servidor Web; Protocolos.

Leia mais

Especificações da oferta Gerenciamento de dispositivos distribuídos: Gerenciamento de ativos

Especificações da oferta Gerenciamento de dispositivos distribuídos: Gerenciamento de ativos Visão geral do Serviço Especificações da oferta Gerenciamento de dispositivos distribuídos: Gerenciamento de ativos Os Serviços de gerenciamento de dispositivos distribuídos ajudam você a controlar ativos

Leia mais

Instalação: permite baixar o pacote de instalação do agente de coleta do sistema.

Instalação: permite baixar o pacote de instalação do agente de coleta do sistema. O que é o projeto O PROINFODATA - programa de coleta de dados do projeto ProInfo/MEC de inclusão digital nas escolas públicas brasileiras tem como objetivo acompanhar o estado de funcionamento dos laboratórios

Leia mais

Guia de Conectividade Worldspan Go Res! A V A N Ç A D O

Guia de Conectividade Worldspan Go Res! A V A N Ç A D O Guia de Conectividade Worldspan Go Res! A V A N Ç A D O Í n d i c e Considerações Iniciais...2 Rede TCP/IP...3 Produtos para conectividade...5 Diagnosticando problemas na Rede...8 Firewall...10 Proxy...12

Leia mais

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES. Professor Carlos Muniz

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES. Professor Carlos Muniz SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES Professor Carlos Muniz Atualizar um driver de hardware que não está funcionando adequadamente Caso tenha um dispositivo de hardware que não esteja funcionando corretamente

Leia mais

ERRATA. Informática. Brasília E1-AS83 19/6/2008

ERRATA. Informática. Brasília E1-AS83 19/6/2008 ERRATA E1-AS83 19/6/2008 Informática Brasília 2008 2008 Vestcon Editora Ltda. Todos os direitos autorais desta obra são reservados e protegidos pela Lei nº 9.610, de 19/2/1998. Proibida a reprodução de

Leia mais

U3 Sistemas Análise e Desenvolvimento de Softwares ===== Manual de Rede Interna ===== Manual. Rede Interna

U3 Sistemas Análise e Desenvolvimento de Softwares ===== Manual de Rede Interna ===== Manual. Rede Interna 1 Manual Rede Interna 01 COLOCANDO O COMPUTADOR EM REDE 2 01.01 Entenda como funciona o processo de conexão em rede do sistema U3: a) SERVIDOR DE DADOS é o computador da sua rede interna que será designado

Leia mais

ANEXO TÉCNICO PROCEDIMENTOS PARA CONFIGURAR UMA CONEXÃO VPN COM A BEMATECH

ANEXO TÉCNICO PROCEDIMENTOS PARA CONFIGURAR UMA CONEXÃO VPN COM A BEMATECH ANEXO TÉCNICO PROCEDIMENTOS PARA CONFIGURAR UMA CONEXÃO VPN COM A BEMATECH Introdução Procedimentos para configurar uma conexão VPN com a Bematech, para possibilitar Acesso Remoto para Suporte do ambiente

Leia mais

Redes de computadores

Redes de computadores Redes de computadores Eletrônica IV Redes de Computadores Aula 03 Prof. Luiz Fernando Laguardia Campos 4 Modulo Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina Cora Coralina Windows 2003 Server

Leia mais

Instalando e usando o Document Distributor 1

Instalando e usando o Document Distributor 1 Instalando e usando o 1 O é composto por pacotes de software do servidor e do cliente. O pacote do servidor deve ser instalado em um computador Windows NT, Windows 2000 ou Windows XP. O pacote cliente

Leia mais

CSAU 10.0. Guia: Manual do CSAU 10.0 como implementar e utilizar.

CSAU 10.0. Guia: Manual do CSAU 10.0 como implementar e utilizar. CSAU 10.0 Guia: Manual do CSAU 10.0 como implementar e utilizar. Data do Documento: Janeiro de 2012 Sumário 1. Sobre o manual do CSAU... 3 2. Interface do CSAU 10.0... 4 2.1. Início... 4 2.2. Update...

Leia mais

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO 1 ÍNDICE 1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO... 3 1.1 REQUISITOS BASICOS DE SOFTWARE... 3 1.2 REQUISITOS BASICOS DE HARDWARE... 3 2 EXECUTANDO O INSTALADOR... 3 2.1 PASSO 01... 3 2.2 PASSO

Leia mais

Como instalar o Active Directory no Windows Server 2003

Como instalar o Active Directory no Windows Server 2003 Como instalar o Active Directory no Windows Server 2003 Po r Artur Higash iyama Primeiro assegure se que o seu servidor e a sua rede estão funcionando conforme o artigo "Requisitos e Recomendações para

Leia mais

http://aurelio.net/vim/vim-basico.txt Entrar neste site/arquivo e estudar esse aplicativo Prof. Ricardo César de Carvalho

http://aurelio.net/vim/vim-basico.txt Entrar neste site/arquivo e estudar esse aplicativo Prof. Ricardo César de Carvalho vi http://aurelio.net/vim/vim-basico.txt Entrar neste site/arquivo e estudar esse aplicativo Administração de Redes de Computadores Resumo de Serviços em Rede Linux Controlador de Domínio Servidor DNS

Leia mais

ROTEIRO PARA INSTALAÇÃO DO BITVISE, CONFIGURAÇÃO DE CHAVES SSH, DEFINIÇÃO DAS PORTAS PARA OS TÚNEIS SSH E CONFIGURAÇÃO DO THUNDERBIRD

ROTEIRO PARA INSTALAÇÃO DO BITVISE, CONFIGURAÇÃO DE CHAVES SSH, DEFINIÇÃO DAS PORTAS PARA OS TÚNEIS SSH E CONFIGURAÇÃO DO THUNDERBIRD ROTEIRO PARA INSTALAÇÃO DO BITVISE, CONFIGURAÇÃO DE CHAVES SSH, DEFINIÇÃO DAS PORTAS PARA OS TÚNEIS SSH E CONFIGURAÇÃO DO THUNDERBIRD PARTE 1 INSTALAÇÃO DO BITVISE E CRIAÇÃO E INSTALAÇÃO DA CHAVE SSH PARA

Leia mais

GUIA MUDANÇA E FORMATAÇÃO DE SERVIDOR - MILLENNIUM

GUIA MUDANÇA E FORMATAÇÃO DE SERVIDOR - MILLENNIUM GUIA MUDANÇA E FORMATAÇÃO DE SERVIDOR - MILLENNIUM ÍNDICE ITEM Página 1. Objetivo... 3 2. Requisitos... 3 3. Diretório do Millennium... 3 4. Procedimento para Transferência de Servidor... 3 4.1 Compartilhamento

Leia mais

GUIA MUDANÇA E FORMATAÇÃO DE SERVIDOR - SLIM

GUIA MUDANÇA E FORMATAÇÃO DE SERVIDOR - SLIM GUIA MUDANÇA E FORMATAÇÃO DE SERVIDOR - SLIM ÍNDICE ITEM Página 1. Objetivo... 3 2. Requisitos... 3 3. Diretório do Slim... 3 4. Procedimento para Transferência de Servidor... 3 4.1 Compartilhamento da

Leia mais

ALTERNATIVA PARA CONEXÃO VIA INTERNET DE IP MASCARADO A IP REAL

ALTERNATIVA PARA CONEXÃO VIA INTERNET DE IP MASCARADO A IP REAL Documento: Tutorial Autor: Iuri Sonego Cardoso Data: 27/05/2005 E-mail: iuri@scripthome.cjb.net Home Page: http://www.scripthome.cjb.net ALTERNATIVA PARA CONEXÃO VIA INTERNET DE IP MASCARADO A IP REAL

Leia mais

Procedimentos para Instalação do SISLOC

Procedimentos para Instalação do SISLOC Procedimentos para Instalação do SISLOC Sumário 1. Informações Gerais...3 2. Instalação do SISLOC...3 Passo a passo...3 3. Instalação da Base de Dados SISLOC... 11 Passo a passo... 11 4. Instalação de

Leia mais

Camadas de Transporte, Sessão & Apresentação. Função. Camadas REDES x TRANSPORTE. Redes de Computadores Prof. Leandro C. Pykosz

Camadas de Transporte, Sessão & Apresentação. Função. Camadas REDES x TRANSPORTE. Redes de Computadores Prof. Leandro C. Pykosz Camadas de Transporte, Sessão & Apresentação Redes de Computadores Prof. Leandro C. Pykosz Função A camada de Transporte fica entre as camadas de nível de aplicação (camadas 5 a 7) e as de nível físico

Leia mais

Procedimentos para Instalação do Sisloc

Procedimentos para Instalação do Sisloc Procedimentos para Instalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Instalação do Sisloc... 3 Passo a passo... 3 3. Instalação da base de dados Sisloc... 16 Passo a passo... 16 4. Instalação

Leia mais

Instalação do VOL Backup para Desktops

Instalação do VOL Backup para Desktops Este é o guia de instalação e configuração da ferramenta VOL Backup para desktops. Deve ser seguido caso você queira instalar ou reinstalar o VOL Backup em sistemas Windows 2000, XP, Vista ou 7, 32 ou

Leia mais

FTIN Formação Técnica em Informática. Sistema Operacional Proprietário Windows Prof. Walter Travassos

FTIN Formação Técnica em Informática. Sistema Operacional Proprietário Windows Prof. Walter Travassos FTIN Formação Técnica em Informática Sistema Operacional Proprietário Windows Prof. Walter Travassos Aula 03 SISTEMA OPERACIONAL PROPRIETÁRIO WINDOWS Competências Instalação do Active Directory e serviços

Leia mais

LICENCIAMENTO V14 USANDO REPRISE LICENSE MANAGER

LICENCIAMENTO V14 USANDO REPRISE LICENSE MANAGER LICENCIAMENTO V14 USANDO REPRISE LICENSE MANAGER V14 de BricsCAD vem com um novo sistema de licenciamento, com base na tecnologia de licenciamento de Reprise Software. Este novo sistema oferece um ambiente

Leia mais

Configurando o IIS no Server 2003

Configurando o IIS no Server 2003 2003 Ser ver Enterprise Objetivo Ao término, você será capaz de: 1. Instalar e configurar um site usando o IIS 6.0 Configurando o IIS no Server 2003 Instalando e configurando o IIS 6.0 O IIS 6 é o aplicativo

Leia mais

Tutorial de TCP/IP Parte 25 Criando Zonas Reversas

Tutorial de TCP/IP Parte 25 Criando Zonas Reversas Tutorial de TCP/IP Parte 25 Criando Zonas Reversas Introdução Prezados leitores, esta é a quinta parte, desta segunda etapa dos tutoriais de TCP/IP. As partes de 01 a 20, constituem o módulo que eu classifiquei

Leia mais

Guia de conexão na rede wireless

Guia de conexão na rede wireless 1 Guia de conexão na rede wireless Este documento tem por objetivo orientar novos usuários, não ambientados aos procedimentos necessários, a realizar uma conexão na rede wireless UFBA. A seguir, será descrito

Leia mais

INSTALAÇÃO DO MICROSOFT WINDOWS SHAREPOINT SERVICES 2.0

INSTALAÇÃO DO MICROSOFT WINDOWS SHAREPOINT SERVICES 2.0 CAPÍTULO 18 INSTALANDO E CONFIGURANDO O MICROSOFT OFFICE PROJECT SERVER 2003 INSTALAÇÃO DO MICROSOFT WINDOWS SHAREPOINT SERVICES 2.0 Antes de começar a instalação do Microsoft Office Project Server 2003

Leia mais

Passo a Passo da instalação da VPN

Passo a Passo da instalação da VPN Passo a Passo da instalação da VPN Dividiremos este passo a passo em 4 partes: Requisitos básicos e Instalação Configuração do Servidor e obtendo Certificados Configuração do cliente Testes para saber

Leia mais

Leia-me Criação de perfis de saída personalizados para a controladora de impressão Fiery usando o Fiery Color Profiler Suite: System 9R2

Leia-me Criação de perfis de saída personalizados para a controladora de impressão Fiery usando o Fiery Color Profiler Suite: System 9R2 Leia-me Criação de perfis de saída personalizados para a controladora de impressão Fiery usando o Fiery Color Profiler Suite: System 9R2 Este documento descreve o processo de criação de um perfil de saída

Leia mais

Network Services Location Manager. Guia para os administradores de rede

Network Services Location Manager. Guia para os administradores de rede apple Network Services Location Manager Guia para os administradores de rede Este documento descreve o software Network Services Location (NSL) Manager e fornece informações sobre como configurar uma

Leia mais

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Proprietário Windows AULA 02. Prof. André Lucio

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Proprietário Windows AULA 02. Prof. André Lucio FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Proprietário Windows AULA 02 Prof. André Lucio Competências da aula 2 Instalação e configuração dos sistemas operacionais proprietários Windows (7 e

Leia mais

Kerio Exchange Migration Tool

Kerio Exchange Migration Tool Kerio Exchange Migration Tool Versão: 7.3 2012 Kerio Technologies, Inc. Todos os direitos reservados. 1 Introdução Documento fornece orientações para a migração de contas de usuário e as pastas públicas

Leia mais

Configurações de Firewall e DCOM no Windows 7 para aplicações Elipse.

Configurações de Firewall e DCOM no Windows 7 para aplicações Elipse. Configurações de Firewall e DCOM no Windows 7 para aplicações Elipse. 1) Introdução Firewalls são barreiras interpostas entre a rede privada e a rede externa com a finalidade de evitar ataques ou invasões;

Leia mais

Configurações de Firewall e DCOM no Windows 7 para aplicações Elipse.

Configurações de Firewall e DCOM no Windows 7 para aplicações Elipse. Configurações de Firewall e DCOM no Windows 7 para aplicações Elipse. 1) Introdução Firewalls são barreiras interpostas entre a rede privada e a rede externa com a finalidade de evitar ataques ou invasões;

Leia mais

TRBOnet ENTERPRISE. Guia de Instalação. NEOCOM Ltd

TRBOnet ENTERPRISE. Guia de Instalação. NEOCOM Ltd TRBOnet ENTERPRISE Guia de Instalação 1. Visão Geral A arquitetura do TRBOnet Enterprise é composto de 3 componentes lógicos: O software servidor (TRBOnet Radio Server), que implementa o protocolo MOTOTRBO

Leia mais

Active Directory. João Medeiros (joao.fatern@gmail.com) 1 / 15

Active Directory. João Medeiros (joao.fatern@gmail.com) 1 / 15 Active Directory João Medeiros (joao.fatern@gmail.com) 1 / 15 Baseado no LDAP Estrutura hierárquica organizacional Diretório de serviços que pode ser distribuído através de vários servidores com tolerância

Leia mais

Manual de migração do e-mail Live@edu. Versão <01.00> Associacao Paranaense de Cultura

Manual de migração do e-mail Live@edu. Versão <01.00> Associacao Paranaense de Cultura Manual de migração do e-mail Live@edu Versão Associacao Paranaense de Cultura Histórico da Revisão 03/09/2010 01.00 Versão piloto Carlos Costa Cedro Confidencial Associacao Paranaense de Cultura,

Leia mais

Exportando um certificado no Controlador de Domínio do AD

Exportando um certificado no Controlador de Domínio do AD Introdução Se você utiliza o Active Directory e deseja que seus usuários possam atualizar suas senhas de maneira online, através da interface de alteração de senha do Just SSO, este guia poderá lhe ser

Leia mais

Shavlik Protect. Guia de Atualização

Shavlik Protect. Guia de Atualização Shavlik Protect Guia de Atualização Copyright e Marcas comerciais Copyright Copyright 2009 2014 LANDESK Software, Inc. Todos os direitos reservados. Este produto está protegido por copyright e leis de

Leia mais