expediente editoras chefe de redação editor de estilo assistente de moda editor de fotografia produtores redação estagiários designer visual

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "expediente editoras chefe de redação editor de estilo assistente de moda editor de fotografia produtores redação estagiários designer visual"

Transcrição

1

2 expediente editoras Adriana Brito Patrícia Favalle chefe de redação Ariana Brink editor de estilo Ray Mendel assistente de moda Tatiana Vieira editor de fotografia Marcelo Guarnieri produtores Franco Milani Helen Pessoa redação Sergio Martins Alex Mendes Daniel Froes estagiários Ana Luisa Linhares designer visual Robson Lopes ilustrador Orpheu Maia colaboradores Agência Fotosite, Caio Zalc, Carolina Vianna, Cássia Tabatini, Exotic Jewelry, Fernanda Grillo, Gustavo Scatena, Jannete Tomiita, Julia Rodrigues, Paula Giolito, Paula Queiroz, Sandi Dias, Tita Berg expediente sans nom lado a as crianças em 3D lado b os homens nus ürbe cadeia alimentar art o selvagem Nelson Leirner prato feito crudivorismo sex woman nikita sai pra caçar ensaio joias à moda picadinho revolução animal a moda elegante da mulher-bicho tour safári em pleno Pantanal

3 Tão Selvagem Abrimos a edição com Charles Darwin e a sua teoria da evolução, que nos possibilitou traçar um panorama sobre o misterioso bicho homem espécie das mais contraditórias e apaixonantes. Depois de sair por aí se equilibrando sobre as duas pernas, o Australopitecus tratou de deixar para trás o meio-irmão macaco, numa alusão à história de Caim e Abel. Sem esquartejar o parente próximo, o hominídeo preferiu exibi-lo como mico de estimação. Mas mesmo com as roupas de grifes, os gestos meticulosos e os hábitos socialmente corretos, há quem traga consigo a brutalidade (ou a inocência) do elo perdido. Selvagens por natureza e absolutamente geniais, estes raros exemplares confinam na ficção o estereótipo à Hannibal Lecter e se descolam da imagem de animais de carne e osso, como o alemão Armin Meiwes, que caçou, abateu e devorou Bernd Jürgen Brandes. Embora esta seja a descrição fiel da antropofagia, o ato de comer carne humana talvez pareça pequeno se comparado ao mal- -estar gerado pela cena flagrada pelo fotojornalista Kevin Carter, que revirou do avesso a cadeia alimentar ao retratar a menina sudanesa na mira do abutre. Em outra seara, Gehard Demetz esculpe criancinhas aterrorizantes e o provocativo Nelson Leirner saca ingredientes pitorescos para fazer da arte um campo minado e não-autorizado aos conservadores. É preciso transgredir para enxergar o óbvio. Em cada faceta, uma Nikita; em cada pessoa, a certeza de que existe um selvagem louco para ser solto. sans nom

4 lado a Por Patrícia Favalle Entrevista Luigi Fassi Fotos Martino Gerosa e Egon Dejori Portrait Antonio Renda Les Enfants

5 O meu interesse por esculturas de madeira remonta à infância, quando me encantei por aquelas enormes estátuas religiosas da bucólica região de Val Gardena, avisa Gehard Demetz, que nasceu e não arredou os pés da comuna de Bolzano. Com influências ítalo-germânicas no DNA, o escultor aprimorou o estilo na Art School in Selva e circulou pelos meios acadêmicos de Saltzburg antes de retonar ao sossego do sweet home. Foi neste meio tempo que encontrou inspiração para criar as mais contundentes séries que compõem o seu portfólio. Sou fascinado pelo comportamento e pelas atitudes das crianças e dos adultos. Fã confesso de Neo Rauch, Michael Borremans e Gottfried Helnwein, além de expoentes das escolas gótica e barroca, munido de papel e lápis, ele rabisca as centenas de ideias que lhe tomam o pensamento e as utiliza como ponto de partida para dar forma às obras. O tom psicológico e o arremate incômodo impressos nos cortes multifacetados das séries que se estendem desde 2007 servem de mote para arrebatar (ou afugentar) os espectadores. É evidente que Demetz traduz algumas das perspectivas mais ferozes da índole humana: crueldade, sadismo, revolta, impotência e sofrimento. Mas quem disse que ele se importa? As minhas obras transmitem a consciência de seres em plena mutação, no momento em que rompem o isolamento entre a adolescência e a fase adulta. Isso pode ser perturbador. Eles vivem com o peso da culpa transmitida de geração para geração... São crianças tristes por não se sentirem mais crianças; testemunhas de um esforço envolvido no processo de desenvolvimento. As esculturas questionam a origem do mal através da inquietação que revelam eu gosto de aliar elementos de universos diferentes, mas, sobretudo, de fazer disso uma ótima oportunidade de dialogar comigo mesmo. Agradecimento: Galleria Rubin, Milão Com entalhes pixelados e efeitos 3D construídos nos moldes da lógica usada em TI, o italiano Gehard Demetz dá novo significado à selvageria cotidiana

6 lado b Por Daniel Froes Fotos Cássia Tabatini Sapiens Homo Cássia Tabatini, brasileira radicada em Londres, lançou no início de junho o livro The Nude Project para exalar os feromônios masculinos Como definir um contexto que eleva a nudez ao posto de obra de arte? A resposta requer reflexão e análise diante dos corpos dos vinte e quatro modelos-amigos que aceitaram tirar as roupas para os cliques de Cássia Tabatini. O fato da maioria do casting ser formado por homossexuais não facilitou o enredo; a moça, que tem dois auto-retratos nus publicados, afirma que até mesmo o mais desinibido dos seres pode travar na hora dos flashes. A escolha dos cenários deixou de lado os critérios pré-definidos, e alguns modelos foram flagrados, por exemplo, em suas próprias moradas. Todas as imagens são acompanhadas por um bilhete que conta detalhes sobre a relação da pessoa fotografada com a autora da ideia, batizada de The Nude Project. Sem grandes intervenções, Cássia diz que só precisou mexer nas cores de alguns panos de fundo para acertar o foco. Por sinal, os portraits comprovam a pegada vanguardista que ela faz questão de revelar através do day after day, além do tom surrealista, da youth culture e dos registros das tribos urbanas. Sua admiração pela figura masculina data do fim dos anos 90, quando ela se mudou para East London, na meca dos moderninhos. Naquela época, encantou-se com o look dos jovens e, a partir de então, começou a fazer retratos de garotos. O nu não expressa a intimidade verdadeira, mas apenas parte dela. Acredito que o livro terá boa repercussão no Brasil, que está mais receptivo a esse tipo de trabalho, diz. Para comprar o seu exemplar, basta acessar o site da artista:

7 ürbe Por Caio Zalc Foto Kevin Carter

8 Ajusta-se o foco, regula-se a luz, procura-se o melhor ângulo. Enquanto isso, a criança sudanesa que caminhava rumo ao posto de alimentação da vila de Ayod, descansa a cabeça sobre as pernas magras e enfraquecidas, sob o sol escaldante que rege aquelas bandas estéreis da África. O que se enxerga é a caricatura de um corpo franzino, esculpido sobre ossos aparentes numa clara alusão à figura da morte. No background, o tom selvagem reside no abutre que aguarda ansiosamente o último suspiro de sua provável presa. Para fechar o cerco, do lado de lá da câmera, com o dedo em riste para capturar um dos momentos mais incômodos da história do fotojornalismo, está o sul-africano Kevin Carter. Inspirador na medida da angústia refletida pela cena descrita acima, Kevin foi um dos poucos profissionais a se lançar em aventuras que mudariam os contornos do mundo. Ao lado de Ken Oosterbroek, Greg Marinovich e João Silva, o rapaz branco e de olhos esverdeados, nascido em meio aos absurdos das políticas de segregação do Apartheid, formou o clube batizado de Bang Bang, nome ideal para as sagas do quarteto que destrinchava as guerras civis que dominavam o continente entre as décadas de 1980 e 90. O insight que perpetuou a fome brutal dos habitantes da Etiópia, Somália, Eritréia e Sudão foi parar nas páginas do poderoso New York Times e rendeu ao jovem Carter o prêmio Pulitzer, em 1994 um ano após a foto ter sido feita. Tão logo a imagem estampou a edição matinal do periódico ianque, a população se mobilizou para saber qual o destino da criança. A polêmica acabou por ofuscar o alerta que o retrato trazia. Diante do desagrado coletivo, financeiramente prejudicado e profundamente abalado com a morte de Ken Oosterbroek, Kevin cometeu suicídio no dia 27 de julho de Os mais próximos dizem que ele não sobreviveu às memórias que o perseguiam. Estou deprimido Sem telefone Sem dinheiro para o aluguel.. Sem dinheiro para ajudar as crianças Sem dinheiro para as dívidas Dinheiro!!! Sou perseguido pela viva lembrança de assassinatos, cadáveres, raiva e dor Pelas crianças feridas ou famintas Pelos homens malucos com o dedo no gatilho, muitas vezes policiais, carrascos Se eu tiver sorte, vou me juntar ao Ken [Oosterbroek]. A vida do fotógrafo se perdeu entre lamúrias, mas o seu trabalho contundente trouxe à tona os conflitos raciais e a situação de miséria que assolava boa parte do povo africano. Sobre a menina, nada se sabe; o seu destino até hoje permanece incógnito. O revés da cadeia alimentar Certamente você já ouviu um ditado que avisa um dia da caça, outro do caçador, mas será que está preparado para assistir a cena a seguir?

9 art Por Paula Queiroz os Carolina Vianna O artista intermídia Nos dias de hoje, nem selvagem a crítica de arte consegue ser para Nelson Leirner, ela simplesmente não existe. Em entrevista exclusiva a Sans Nom, o artista falou sobre recordações, estigmas e arte contemporânea Nascido em São Paulo, Nelson Leirner escolheu o Rio de Janeiro como segundo lar, e é por aquelas bandas que vive desde Vindo de uma família de artistas e críticos, que inclui a mãe, Felícia, escultora, o pai, Isai, que foi diretor do Museu de Arte Moderna de São Paulo, e a prima, Jac, também artista visual, Nelson é referência no meio pela trajetória emblemática e transgressora. Ao lado de Wesley Duke Lee, que faleceu em 2010, Geraldo de Barros, Carlos Fajardo, José Resende e Frederico Nasser, Leirner fez parte do polêmico Grupo Rex. No seu portfólio estão registradas cerca de 300 mostras coletivas, 70 individuais, além de obras presentes nos acervos de museus e galerias nacionais e internacionais. Hoje, aos 79 anos e muitas Bienais depois, ele, que já percorreu linguagens e suportes dos mais variados, como happenings, instalações, desenhos, gravuras e vídeos, reforça a sua posição crítica, irônica e [porque não dizer] selvagem. São quase 80 anos de vida. O que isso significa para você? Como se sente nessa fase da vida? Tudo que eu te responder não será a verdade. Ainda não sei bem o que eu sinto. Uso a idade como melhor me convém. As vezes é ótimo ser velho, as vezes me fazer jovial também o é. Que momentos passados deixaram grandes recordações? Na verdade são muitos, mas por ser a primeira recordação mais marcante, eu digo que foi quando vi o Zeppelin passando pelo Jardim da Luz, aonde eu brincava quando criança. Como você vê a arte contemporânea? Existem mais dúvidas ou mais certezas? Respondo vivenciando minha vida de artista, no início somente dúvidas, no meio da carreira, digamos, um empate técnico, e no momento não penso no assunto. Há algum artista contemporâneo que você acompanha e o que poderia ser destacado? Não gosto de mencionar colegas, mas não posso deixar de citar o Cildo Meireles, seria injusto. O que você achou da última Bienal de São Paulo, na qual participou com a obra Javavoa? Para você qual é a função da Bienal? Não foi das piores, de muito bom eu achei a sua arquitetura. A função da Bienal vai mudando com o decorrer do tempo. No começo era uma grande aula para o público e os artistas, a comunicação com a arte era bastante complicada. Com a tecnologia chegando, você ia se aproximando da arte a uma velocidade cada vez maior, hoje seu contato é instantâneo. O que você pensa sobre a polêmica gerada com relação a obra Bandeira Branca, de Nuno Ramos, na Bienal deste ano? Cada cabeça é uma cabeça... Como você vê a crítica de arte no Brasil? Ela é perversa? Ela esclarece? Não existe mais a crítica de arte. Hoje ainda existe arte contestadora? Porque o seu trabalho ficou com esse estigma? Não creio que exista. Toda arte é consumida, logo... Tanto falaram, tanto falaram, tanto falaram, que até eu acreditei. Qual o papel principal dos animais na sua obra? As metáforas. O seu trabalho mostra uma posição muito crítica e irônica ao sistema da arte. Você considera a sua obra perversa? Me considero um observador, tirem a própria conclusão.

10

11 prato feito Por Adriana Brito Fotos Marcelo Guarnieri Cardápio das Cavernas Para os selvagens da mesa, nada de leitões ou costelas na brasa. Na hora das refeições, pregam os crudivoristas, devore rabanetes, rúculas e passas

12 Dizem que o cordon-bleu da vez é o Pernalonga. Adepto das comidinhas in natura, caso das indefectíveis cenouras, o personagem da Warner Bros representa uma tribo cada vez mais numerosa nos Estados Unidos e na Europa. No Brasil, terra das feijoadas, vacas atoladas, rabadas, moquecas, macaxeiras e churrascos, a dieta do toelhinho, chamada de raw food, chega a ser quase ignorada. O crudivorismo, como a tradução do termo para o português sugere, é um conceito gastronômico que defende a ingestão de nutrientes crus; ou aquecidos até 40ºC. Desenvolvida pelo neurofisiologista David Jubb, a técnica está entre as muitas correntes assimiladas pelos vegans o que explica o farto cardápio de iguarias feitas com brotos, sementes, legumes, verduras, frutas e grãos. Como relata o nutricionista vegetariano George Guimarães, o alimento em seu estado primitivo é rico em substâncias antioxidantes, fibras e fitoquímicos que são os elementos protetores encontrados nas plantas e pobres em gorduras e hormônios. Por aqui, onde o sobrepeso já é detectado em metade da população com mais de 20 anos, segundo pesquisa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), divulgada em 2010, a ideia do comer leve é quase obrigatória. Para Rafael Rosa, chef especializado no segmento pela Living Light Culinary Arts Institute, é imperativo dosar a fórmula. Nenhum radicalismo funciona. As receitas dessa linha são ótimas para desintoxicar o organismo, mas em excesso podem causar efeitos colaterais curiosos. Ele conta que uma dessas sensações é a impressão de estar aéreo, descompensado. A experiência do cuisinier começou a ser tramada há 11 anos, quando se mudou para Las Vegas. Lá, estagiou num restaurante vegan onde teve os primeiros contatos com o que poderíamos chamar de alta gastronomia crudívora. Passou por Bora-Bora, Califórnia, São Francisco e Costa Rica, aprimorando o paladar e conhecendo novas matérias-primas até voltar para casa. Neste período também foi o responsável, em parceria com Júnior Belém, pela elaboração do menu do Deloonix, considerado o primeiro restô raw do país [atualmente, o endereço segue por outras tendências]. Há três pontos que tornam estes pratos irresistíveis: o uso de ingredientes de qualidade impecável, o preparo artesanal das receitas e a possibilidade de introduzir alternativas saudáveis ao cotidiano das pessoas, pondera Rafael. Falando nisso, é importante ressaltar que os endereços do circuito cru são abastecidos por quitutes orgânicos. Isso e outros detalhes: infraestrutura e equipamentos específicos para a montagem de uma cozinha profissional gourmet; nível de especialização da equipe e tempo necessário para a feitura de cada prato. Na capital fluminense está um dos pontos de encontro mais paparicados pelos consumers, o Universo Orgânico, que promove a integração entre homem e solo através da Alimentação com Vida. Os irmãos Henrique e Tiana Rodrigues lideram a empreitada que ainda conta com mercadinho, juice bar e acepipes divinos, a exemplo da panqueca de linhaça dourada acompanhada de cenoura, abobrinha, pimentão, cogumelo, salsinha e molho de castanha de caju com tomate; do rondelli de espinafre e do suco da luz do Sol. Assinada por Ana Branco, da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, a bebida leva grãos germinados. Como escreveu a blogueira Alessandra Nahra, a professora carioca denomina estas sementes brotadas de BioChip, uma espécie de chip natural com informações sobre a Terra, que é livre dos ácidos liberados no processo de industrialização. Esse tipo de alimento é capaz de mudar o comportamento das pessoas, por causa da oxigenação intensa do cérebro, diz Ana. Alguém se lembrou do efeito colateral descrito por Rafael Rosa? Pois é, mesmo proclamando-se um flexitariano convicto, afinal o importante é ser maleável, o chef ainda produz suas mágicas da raw food. Nas lojas paulistanas da PÃO (Padaria Artesanal Orgânica), fundada por ele em 2007, de onde saem fornadas do produto feito com sal do Himalaia e farinha e grãos 100% integrais, há espaço para as sobremesas livres do calor, forno e fogão. Depois de décadas no crudivorismo, tomado pela vitalidade e pelo bom-humor, não é de se espantar por que o coelho Pernalonga sempre faça a mesma pergunta com um sorriso nos lábios Ei, o que é que há velhinho?. Ele pode.

13 Anote a receita do suco da luz do Sol (por Universo Orgânico): Ingredientes para um copo 1 maçã orgânica com casca picadinha e sem semente; 1 pepino médio; 3 folhas de couve ou outra hortaliça rica em clorofila; 3 ramos de hortelã ou capim-limão ou erva cidreira; 1 mão de grãos germinados; 1 raiz (gengibre, cenoura, etc...); 1 legume (batata doce, inhame, etc...) Modo de Preparo Coloque a maçã picadinha no liquidificador e use o pepino como socador até que o primeiro líquido se forme. Coe e volte para o liquidificador. Acrescente os grãos germinados, as folhas verdes comestíveis, o legume e a raiz escolhida. Varie as hortaliças sempre que possível e utilize as de produção orgânica. Filtre num coador de pano e beba logo em seguida. Em pouco tempo esse suco se transforma em hemoglobina dentro do corpo. Para saber mais: e www. naturalgourmetinstitute.com PÃO (Padaria Artesanal Orgânica). Rua Bela Cintra, 1.618, São Paulo, (11) Universo Orgânico. Rua Conde de Bernadote, 26, lojas 105 e 106, Rio de Janeiro, (21)

14 moda Sonho de Nikita Fotos Paula Giolito Editor de Estilo Ray Mendel Produção Executiva Helen Pessoa

15

16 A agente secreta deixou as armas de molho para relaxar numa dessas pacatas e inocentes cidades serranas. Tão linda como no primeiro dia em que se materializou no imaginário do cineasta francês Luc Besson, a moça expôs um tanto de sua intimidade e outras facetas mais, tudo registrado por nossas lentes incansáveis. De adolescente problemática à matadora profissional, eis Nikita, uma perfeita tradução da beleza que pode ser fatal. Cuidado...

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27 Modelo: Jannete Tomiita Agradecimento: Marcia de Oliveira Lima

28 ensaio Picadinho precioso Fotos Gustavo Scatena Editor de Estilo Ray Mendel Produção Executiva Helen Pessoa

29

30 Eu sabia que a pele era macia. E o gosto do sangue, ocre, ferroso e suculento. Tive que experimentar, que sacramentar a carne dela com a minha carne. Fomos além do sexo, que é sujo, que contamina e que machuca. Eu precisava conservar o cheiro do medo, de quando ela se encolheu todinha, do momento em que mostrei que somente eu seria o homem dela. Quem ela pensou que era? Como pôde me provocar daquele jeito, aquela puta, vadia, piranha. Mas eu disse a ela. Eu disse! Nosso encontro foi mágico e eu vi as estrelas ziguezagueando alucinadas. Depois de amar tão profundamente, tudo quase desapareceu. Mas eu a mantive comigo e guardei cada pedacinho. Como joia rara. Agradecimentos: Agência Fotosite www. agenciafotosite.com.br e Exotic Street

31

32

33

34

35

36

37 moda Animal Woman Fotos Julia Rodrigues Editor de Estilo Ray Mendel Produção Executiva Helen Pessoa Lembro-vos também de que na luta contra o homem não devemos ser como ele. Mesmo quando o tenhais derrotado, evitai-lhe os vícios. Animal nenhum deve morar em casas, nem dormir em camas, nem usar roupas, nem beber álcool, nem fumar, nem tocar em dinheiro, nem comerciar. Todos os hábitos do homem são maus. E, principalmente, jamais um animal deverá tiranizar outros animais. Fortes ou fracos, espertos ou simplórios, somos todos irmãos. Todos os animais são iguais, escreveu George Orwell na obra intitulada A Revolução dos Bichos, de Na sátira política, o animal deixou pra trás os valores morais e se humanizou provando que liberdade não combina com igualdade. Chique e provocante, com modelitos estruturados no próprio corpo, a mulher-bicho mergulha nas entrelinhas da fábula e entra em cena com sua porção femme fatale.

38

39

40

41

42

43

44

45

46

47

48

49 tour Por Alex Mendes fotos Divulgação Dia da caça, mas nem sempre do caçador Os safáris criminosos no Pantanal, Mato Grasso do Sul, têm direito a pacotes turísticos com passagem aérea, hospedagem, alimentação e caçadas ilegais e com impunidade inclusa Quem nunca se divertiu, mesmo que na infância ou em algum momento da aborrecência, em fazer troça com um gato feioso ou um cachorro vira-lata na rua, que atire a primeira pedra (ainda dá tempo, você tem crédito). Mas, antes de lançar mão do novo desejo, aí vai uma pergunta: o que separa os pequenos maus-tratos disfarçados de brincadeiras, de um safári criminoso em pleno Pantanal matogrossense? A indústria que atrai milhares de turistas estrangeiros (e até alguns abastados tupiniquins) é a impunidade made in brazil. O roteiro em questão e em expansão, foi denunciado em rede nacional no começo do mês de maio, com direito a exibição da presa sendo abatida com o aval da ambientalista Beatriz Rondon. As matanças aconteciam na fazenda dela, em Aquidauana, e estavam condicionadas ao pacote que incluía passagem aérea, hospedagem, alimentação e caçadas às espécies nativas, como a onça pintada e de outros animais em extinção. Tudo por até US$ 40 mil, segundo informações da Polícia Federal, que através da operação Jaguar II investiga o caso. Enquanto o inquérito está em andamento na sucursal de Corumbá, Beatriz Rondon continua solta, ou melhor, à espreita, como quem diz, com um olho na mira e o dedo no gatilho: uma dia da caça, mas nem sempre do caçador neste enredo, os selvagens somos nós! Animais ameaçados de extinção no Pantanal: Cervo do Pantanal; onça-parda; onça-pintada; arara-azul

50

Sal, Pimenta, Alho e Noz Moscada.

Sal, Pimenta, Alho e Noz Moscada. Sal, Pimenta, Alho e Noz Moscada. Cláudia Barral (A sala é bastante comum, apenas um detalhe a difere de outras salas de apartamentos que se costuma ver ordinariamente: a presença de uma câmera de vídeo

Leia mais

OLHAR GLOBAL. Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas. A poeira do. renascimento. Fotografe Melhor n o 207

OLHAR GLOBAL. Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas. A poeira do. renascimento. Fotografe Melhor n o 207 OLHAR GLOBAL Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas A poeira do renascimento 36 Fotografe Melhor n o 207 Olivier convida pessoas que encontra na rua ou na internet para posarem

Leia mais

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a

Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a João do Medo Era uma vez um menino muito pobre chamado João, que vivia com o papai e a mamãe dele. Um dia, esse menino teve um sonho ruim com um monstro bem feio e, quando ele acordou, não encontrou mais

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

OS 4 PASSOS ALTA PERFORMANCE A PARTIR DE AGORA PARA VOCÊ COMEÇAR A VIVER EM HIGHSTAKESLIFESTYLE.

OS 4 PASSOS ALTA PERFORMANCE A PARTIR DE AGORA PARA VOCÊ COMEÇAR A VIVER EM HIGHSTAKESLIFESTYLE. OS 4 PASSOS PARA VOCÊ COMEÇAR A VIVER EM ALTA PERFORMANCE A PARTIR DE AGORA HIGHSTAKESLIFESTYLE. Hey :) Gabriel Goffi aqui. Criei esse PDF para você que assistiu e gostou do vídeo ter sempre por perto

Leia mais

Concurso Literário. O amor

Concurso Literário. O amor Concurso Literário O Amor foi o tema do Concurso Literário da Escola Nova do segundo semestre. Durante o período do Concurso, o tema foi discutido em sala e trabalhado principalmente nas aulas de Língua

Leia mais

BOLA NA CESTA. Roteiro para curta-metragem de Marcele Linhares

BOLA NA CESTA. Roteiro para curta-metragem de Marcele Linhares BOLA NA CESTA Roteiro para curta-metragem de Marcele Linhares 25/04/2012 SINOPSE Essa é a história de Marlon Almeida. Um adolescente que tem um pai envolvido com a criminalidade. Sua salvação está no esporte.

Leia mais

coleção Conversas #10 - junho 2014 - Respostas que podem estar sendo feitas para algumas perguntas Garoto de Programa por um.

coleção Conversas #10 - junho 2014 - Respostas que podem estar sendo feitas para algumas perguntas Garoto de Programa por um. coleção Conversas #10 - junho 2014 - Eu sou Estou garoto num de programa. caminho errado? Respostas para algumas perguntas que podem estar sendo feitas Garoto de Programa por um. A Coleção CONVERSAS da

Leia mais

Histórico do livro Menino brinca de boneca?

Histórico do livro Menino brinca de boneca? Histórico do livro Menino brinca de boneca? Menino brinca de boneca? foi lançado em 1990, com grande aceitação de público e crítica, e vem sendo referência de trabalho para profissionais, universidades,

Leia mais

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA

DESENGANO CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA DESENGANO FADE IN: CENA 01 - CASA DA GAROTA - INT. QUARTO DIA Celular modelo jovial e colorido, escovas, batons e objetos para prender os cabelos sobre móvel de madeira. A GAROTA tem 19 anos, magra, não

Leia mais

DETOX. 5 RECEITAS DETOX PODEROSAS E FÁCEIS DE FAZER por Rosi Feliciano

DETOX. 5 RECEITAS DETOX PODEROSAS E FÁCEIS DE FAZER por Rosi Feliciano DETOX 5 RECEITAS DETOX PODEROSAS E FÁCEIS DE FAZER por Rosi Feliciano Índice Introdução... Como Fazer... Suco Detox de Melancia com Linhaça... Suco Detox de Chá Verde e Uva... Sopa Detox Energizante...

Leia mais

coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - f o? Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça.

coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - f o? Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça. Eu quero não parar coleção Conversas #7 - ABRIL 2014 - de consigo.o usar que eu drogas f o? aç e Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora

Leia mais

coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - u s a r Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - u s a r Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. coleção Conversas #17 - DEZEMBRO 2014 - Sou so profes r a, Posso m a s n ão parar d aguento m e ai ensinar s? d a r a u la s Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. A

Leia mais

como a arte pode mudar a vida?

como a arte pode mudar a vida? como a arte pode mudar a vida? LONGE DAQUI, AQUI MESMO 1 / 2 Longe daqui, aqui mesmo 1 Em um caderno, crie um diário para você. Pode usar a escrita, desenhos, recortes de revista ou jornais e qualquer

Leia mais

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 Humberto Cordeiro Carvalho admitido pela companhia em 1 de julho de 1981. Eu nasci em 25 de maio de 55 em Campos do Goytacazes. FORMAÇÃO Segundo grau Escola

Leia mais

coleção Conversas #19 - fevereiro 2015 - Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #19 - fevereiro 2015 - Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. coleção Conversas #19 - fevereiro 2015 - Eu posso dizer para "NÃO" filho? meu Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora AfroReggae nasceu

Leia mais

Fui, não: fui e sou. Não mudei a esse respeito. Sou anarquista.

Fui, não: fui e sou. Não mudei a esse respeito. Sou anarquista. Tínhamos acabado de jantar. Defronte de mim o meu amigo, o banqueiro, grande comerciante e açambarcador notável, fumava como quem não pensa. A conversa, que fora amortecendo, jazia morta entre nós. Procurei

Leia mais

Projeto. Pedagógico ÁGUIA SONHADORA

Projeto. Pedagógico ÁGUIA SONHADORA Projeto Pedagógico ÁGUIA SONHADORA 1 Projeto Pedagógico Por Beatriz Tavares de Souza* Apresentação O livro narra a história de uma águia inquieta para alçar o primeiro voo; ainda criança, sai pela floresta

Leia mais

Oi Lindona! Eu sou MILLA PADUA, Coach de Boa Forma

Oi Lindona! Eu sou MILLA PADUA, Coach de Boa Forma Oi Lindona! Eu sou MILLA PADUA, Coach de Boa Forma Eu mudei radicalmente o meu estilo de vida e conquistei o corpo que eu sempre sonhei após a maternidade. É isso aí! Tem gente que acha que depois dos

Leia mais

1 O número concreto. Como surgiu o número? Contando objetos com outros objetos Construindo o conceito de número

1 O número concreto. Como surgiu o número? Contando objetos com outros objetos Construindo o conceito de número Página 1 de 5 1 O número concreto Como surgiu o número? Contando objetos com outros objetos Construindo o conceito de número Como surgiu o número? Alguma vez você parou para pensar nisso? Certamente você

Leia mais

Vencedores! Ideias de Negócio. Passos para criar. Descubra como criar ideias com potencial lucrativo, alinhadas com suas habilidades pessoais!

Vencedores! Ideias de Negócio. Passos para criar. Descubra como criar ideias com potencial lucrativo, alinhadas com suas habilidades pessoais! Por Rafael Piva Guia 33 Prático Passos para criar Ideias de Negócio Vencedores! Descubra como criar ideias com potencial lucrativo, alinhadas com suas habilidades pessoais! Que bom que você já deu um dos

Leia mais

OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES

OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES Introdução ao tema A importância da mitologia grega para a civilização ocidental é tão grande que, mesmo depois de séculos, ela continua presente no nosso imaginário. Muitas

Leia mais

Blog http://conquistadores.com.br. + dinheiro + mulheres + sucesso social (mini e-book grátis)

Blog http://conquistadores.com.br. + dinheiro + mulheres + sucesso social (mini e-book grátis) Blog http://conquistadores.com.br CONQUISTADORES + dinheiro + mulheres + sucesso social (mini e-book grátis) Blog http://conquistadores.com.br CONQUISTADORES + dinheiro + mulheres + sucesso social (Este

Leia mais

Benedicto Silva. Foto 1. Minha mãe e eu, fotografados pelo meu pai (setembro de 1956).

Benedicto Silva. Foto 1. Minha mãe e eu, fotografados pelo meu pai (setembro de 1956). 1. INTRODUÇÃO 1.1. MINHA RELAÇÃO COM A FOTOGRAFIA Meu pai tinha uma câmara fotográfica. Ele não era fotógrafo profissional, apenas gostava de fotografar a família e os amigos (vide Foto 1). Nunca estudou

Leia mais

10 RECEITAS DE SUCOS DETOX INCRÍVEIS PARA EMAGRECER

10 RECEITAS DE SUCOS DETOX INCRÍVEIS PARA EMAGRECER 10 RECEITAS DE SUCOS DETOX INCRÍVEIS PARA EMAGRECER Olá Pessoas, eu estava sumida, né? Então muitas coisas aconteceram e dentre todos os fatos ocorridos, eu estou em semanas de provas, daí não tem outro

Leia mais

ROTEIRO: O LUGAR ONDE EU VIVO

ROTEIRO: O LUGAR ONDE EU VIVO ROTEIRO: O LUGAR ONDE EU VIVO Ideia: Produção realizada a partir de um fato marcante e em algumas situações ocorre a mesclagem entre narrações e demonstrações de cenas. Personagens: A filha da doméstica

Leia mais

MALDITO. de Kelly Furlanetto Soares. Peça escritadurante a Oficina Regular do Núcleo de Dramaturgia SESI PR.Teatro Guaíra, no ano de 2012.

MALDITO. de Kelly Furlanetto Soares. Peça escritadurante a Oficina Regular do Núcleo de Dramaturgia SESI PR.Teatro Guaíra, no ano de 2012. MALDITO de Kelly Furlanetto Soares Peça escritadurante a Oficina Regular do Núcleo de Dramaturgia SESI PR.Teatro Guaíra, no ano de 2012. 1 Em uma praça ao lado de uma universidade está sentado um pai a

Leia mais

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak Entrevista com Ezequiel Quem é você? Meu nome é Ezequiel, sou natural do Rio de Janeiro, tenho 38 anos, fui

Leia mais

Encontros de vida que se faz vivendo.

Encontros de vida que se faz vivendo. Encontros de vida que se faz vivendo. Thatiane Veiga Siqueira 1 A menina do coração de chocolate. Juliana tem nove anos, é uma menina de olhos esbugalhados, com sorriso fácil, ao primeiro olhar já se vê

Leia mais

Alô, alô. www.bibliotecapedrobandeira.com.br

Alô, alô. www.bibliotecapedrobandeira.com.br Alô, alô Quero falar com o Marcelo. Momento. Alô. Quem é? Marcelo. Escuta aqui. Eu só vou falar uma vez. A Adriana é minha. Vê se tira o bico de cima dela. Adriana? Que Adriana? Não se faça de cretino.

Leia mais

Programa de Incentivo à Leitura Infantil Revista EBD Aprender+ 1º Tri 2016: O Ministério de Jesus

Programa de Incentivo à Leitura Infantil Revista EBD Aprender+ 1º Tri 2016: O Ministério de Jesus O PIL KIDS foi desenvolvido para ajudar na fixação das lições das revistas EBD infantil da Editora Betel de forma lúdica e contém várias atividades semanais elaboradas dentro de uma perspectiva e linguagem

Leia mais

Unidade 4: Obedeça ao Senhor Neemias e o muro

Unidade 4: Obedeça ao Senhor Neemias e o muro Histórias do Velho Testamento 3 a 6 anos Histórias de Deus:Gênesis-Apocalipse Unidade 4: Obedeça ao Senhor Neemias e o muro O Velho Testamento está cheio de histórias que Deus nos deu, espantosas e verdadeiras.

Leia mais

Apoio. Patrocínio Institucional

Apoio. Patrocínio Institucional Patrocínio Institucional Parceria Apoio InfoReggae - Edição 83 Papo Reto com José Junior 12 de junho de 2015 O Grupo AfroReggae é uma organização que luta pela transformação social e, através da cultura

Leia mais

coleção Conversas #14 - outubro 2014 - e r r Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #14 - outubro 2014 - e r r Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. não Eu Não r que o f existe coleção Conversas #14 - outubro 2014 - a z fu e r tu r uma fa o para c ul m d im ad? e. Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção

Leia mais

Transcriça o da Entrevista

Transcriça o da Entrevista Transcriça o da Entrevista Entrevistadora: Valéria de Assumpção Silva Entrevistada: Ex praticante Clarice Local: Núcleo de Arte Grécia Data: 08.10.2013 Horário: 14h Duração da entrevista: 1h COR PRETA

Leia mais

Homens. Inteligentes. Manifesto

Homens. Inteligentes. Manifesto Homens. Inteligentes. Manifesto Ser homem antigamente era algo muito simples. Você aprendia duas coisas desde cedo: lutar para se defender e caçar para se alimentar. Quem fazia isso muito bem, se dava

Leia mais

- Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe?

- Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe? Trecho do romance Caleidoscópio Capítulo cinco. 05 de novembro de 2012. - Você sabe que vai ter que falar comigo em algum momento, não sabe? Caçulinha olha para mim e precisa fazer muita força para isso,

Leia mais

Existe espaço para os covers mostrarem seus trabalhos? As pessoas dão oportunidades?

Existe espaço para os covers mostrarem seus trabalhos? As pessoas dão oportunidades? A Estação Pilh@ também traz uma entrevista com Rodrigo Teaser, cover do Michael Jackson reconhecido pela Sony Music. A seguir, você encontra os ingredientes da longa história marcada por grandes shows,

Leia mais

Roteiro de Áudio. SOM: abertura (Vinheta de abertura do programa Hora do Debate )

Roteiro de Áudio. SOM: abertura (Vinheta de abertura do programa Hora do Debate ) 1 Roteiro de Áudio Episódio 1 A língua, a ciência e a produção de efeitos de verdade Programa Hora de Debate. Campanhas de prevenção contra DST: Linguagem em alerta SOM: abertura (Vinheta de abertura do

Leia mais

Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer. A importância de todos os familiares no processo de recuperação.

Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer. A importância de todos os familiares no processo de recuperação. Como saber que meu filho é dependente químico e o que fazer A importância de todos os familiares no processo de recuperação. Introdução Criar um filho é uma tarefa extremamente complexa. Além de amor,

Leia mais

A formação moral de um povo

A formação moral de um povo É um grande desafio evangelizar crianças nos dias de hoje. Somos a primeira geração que irá dizer aos pais e evangelizadores como evangelizar os pequeninos conectados. Houve um tempo em que nos colocávamos

Leia mais

Como ganhar dinheiro online no Youtube: Um guia sem frescuras. Duas formas básicas de ganhar dinheiro com Youtube

Como ganhar dinheiro online no Youtube: Um guia sem frescuras. Duas formas básicas de ganhar dinheiro com Youtube Como ganhar dinheiro online no Youtube: Um guia sem frescuras Se você está procurando por maneiras de ganhar dinheiro online, o Youtube por ser uma verdadeira mina de ouro. Apesar de muitos acharem que

Leia mais

12:00 Palestra: Jesus confia nos Jovens -Por isso entrega sua mãe - Telmo

12:00 Palestra: Jesus confia nos Jovens -Por isso entrega sua mãe - Telmo 2:00 Palestra: Jesus confia nos Jovens -Por isso entrega sua mãe - Telmo Amados de Deus, a paz de Jesus... Orei e pensei muito para que Jesus me usasse para poder neste dia iniciar esta pregação com a

Leia mais

coleção Conversas #20 - MARÇO 2015 - t t o y ç r n s s Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #20 - MARÇO 2015 - t t o y ç r n s s Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. Vocês acham possam a coleção Conversas #20 - MARÇO 2015 - cer d o t t o a r que ga cr ia n y ç a s s? Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora

Leia mais

MERGULHO de Betina Toledo e Thuany Motta

MERGULHO de Betina Toledo e Thuany Motta MERGULHO de Betina Toledo e Thuany Motta Copyright Betina Toledo e Thuany Motta Todos os direitos reservados juventudecabofrio@gmail.com Os 13 Filmes 1 MERGULHO FADE IN: CENA 1 PRAIA DIA Fotografia de

Leia mais

AUTORES E ILUSTRADORES: FELIPE DE ROSSI GUERRA JULIA DE ANGELIS NOGUEIRA VOGES

AUTORES E ILUSTRADORES: FELIPE DE ROSSI GUERRA JULIA DE ANGELIS NOGUEIRA VOGES AUTORES E ILUSTRADORES: FELIPE DE ROSSI GUERRA JULIA DE ANGELIS NOGUEIRA VOGES 1ºC - 2011 APRESENTAÇÃO AO LONGO DESTE SEMESTRE AS CRIANÇAS DO 1º ANO REALIZARAM EM DUPLA UM TRABALHO DE PRODUÇÃO DE TEXTOS

Leia mais

KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 28/10/15

KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 28/10/15 KIT CÉLULA PARA CRIANÇAS: 28/10/15 A mentira não agrada a Deus Principio: Quando mentimos servimos o Diabo o Pai da mentira. Versículo: O caminho para vida é de quem guarda o ensino, mas o que abandona

Leia mais

P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento.

P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento. museudapessoa.net P/1 Seu Ivo, eu queria que o senhor começasse falando seu nome completo, onde o senhor nasceu e a data do seu nascimento. R Eu nasci em Piúma, em primeiro lugar meu nome é Ivo, nasci

Leia mais

O QUE FUNCIONA EM PUBLICIDADE NO VAREJO. Paulo Secches Officina Sophia

O QUE FUNCIONA EM PUBLICIDADE NO VAREJO. Paulo Secches Officina Sophia O QUE FUNCIONA EM PUBLICIDADE NO VAREJO Paulo Secches Officina Sophia Realização organização O QUE FUNCIONA E O QUE NÃO FUNCIONA NA COMUNICAÇÃO DE VAREJO Julho / 2012 TRÊS QUESTÕES-CHAVE A Comunicação

Leia mais

diferente Um book as preparações para cerimônia, cabelo, maquiagem, acessórios, e

diferente Um book as preparações para cerimônia, cabelo, maquiagem, acessórios, e Um book diferente Aproveite o casamento para tirar fotos com características de arte: nas ruas, praças, avenidas, próximas ao mar e até mesmo em ruínas Ensaio nas ruínas da Lagoinha foto: Leonardo Gali

Leia mais

SÉRIE 6: MODOS DE VIDA

SÉRIE 6: MODOS DE VIDA 23 The Bridgeman Art Library SÉRIE 6: MODOS DE VIDA Gustave Caillebotte Esboço para Paris, um dia chuvoso 1877 Óleo sobre tela. 24 Ministério da Cultura e Endesa Brasil apresentam: Arteteca:lendo imagens

Leia mais

Terceiro Relatório de Intercâmbio de Longa Duração

Terceiro Relatório de Intercâmbio de Longa Duração Terceiro Relatório de Intercâmbio de Longa Duração Carlos Araujo RCRJ/Nova Iguaçu Odense, Danmark. Os últimos meses chegaram e já passaram. No geral, aconteceram muitos encontros com os intercambistas

Leia mais

Exercícios para estabelecer o contato com a nossa criança interior

Exercícios para estabelecer o contato com a nossa criança interior Exercícios para estabelecer o contato com a nossa criança interior C omo este é o mês das crianças, decidi propor para aqueles que estão em busca de autoconhecimento, alguns exercícios que ajudam a entrar

Leia mais

QUESTÃO 1 Nessa charge, o autor usou três pontos de exclamação, na fala da personagem, para reforçar o sentimento de

QUESTÃO 1 Nessa charge, o autor usou três pontos de exclamação, na fala da personagem, para reforçar o sentimento de Nome: N.º: endereço: data: telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA O 6.O ANO EM 2013 Disciplina: Prova: português desafio nota: Texto para a questão 1. (Disponível em: )

Leia mais

Este nível de insulina baixo também o ajuda a controlar a sua fome pois é o nível de insulina que diz ao seu cérebro que está na hora de comer.

Este nível de insulina baixo também o ajuda a controlar a sua fome pois é o nível de insulina que diz ao seu cérebro que está na hora de comer. A dieta da Toranja já vem sendo discutida por algum tempo, mas não se sabia ao certo porque a Toranja possui tantas capacidades para a perda de gordura e mesmo os cientistas se dividem sobre esse assunto.

Leia mais

Histórias, Redes Sociais e Memória

Histórias, Redes Sociais e Memória Histórias, Redes Sociais e Memória h.d.mabuse "A capacidade de lembrar o que já se viveu ou aprendeu e relacionar isso com a situação presente é o mais importante mecanismo de constituição e preservação

Leia mais

I - RELATÓRIO DO PROCESSADOR *

I - RELATÓRIO DO PROCESSADOR * PSICODRAMA DA ÉTICA Local no. 107 - Adm. Regional do Ipiranga Diretora: Débora Oliveira Diogo Público: Servidor Coordenadora: Marisa Greeb São Paulo 21/03/2001 I - RELATÓRIO DO PROCESSADOR * Local...:

Leia mais

Ler em família: viagens partilhadas (com a escola?)

Ler em família: viagens partilhadas (com a escola?) Ler em família: viagens partilhadas (com a escola?) Ação nº41/2012 Formadora: Madalena Moniz Faria Lobo San-Bento Formanda: Rosemary Amaral Cabral de Frias Introdução Para se contar histórias a crianças,

Leia mais

Artigo especial: Os 8 piores hábitos alimentares.

Artigo especial: Os 8 piores hábitos alimentares. Artigo especial: Os 8 piores hábitos alimentares. Hábitos alimentares normalmente se referem a um amplo conceito de preferências, costumes e modos de comer, de um indivíduo ou população. Vários fatores

Leia mais

Seis dicas para você ser mais feliz

Seis dicas para você ser mais feliz Seis dicas para você ser mais feliz Desenvolva a sua Espiritualidade A parte espiritual é de fundamental importância para o equilíbrio espiritual, emocional e físico do ser humano. Estar em contato com

Leia mais

Bons empregos e cosmopolitismo atraem brasileiros a Dubai

Bons empregos e cosmopolitismo atraem brasileiros a Dubai Bons empregos e cosmopolitismo atraem brasileiros a Dubai Emirado permite ter padrão de vida semelhante ao da classe alta do Brasil. Estrangeiros vão a festas 'ocidentalizadas' e pouco interagem com locais.

Leia mais

ENSINAR CIÊNCIAS FAZENDO CIÊNCIA

ENSINAR CIÊNCIAS FAZENDO CIÊNCIA ENSINAR CIÊNCIAS FAZENDO CIÊNCIA Antonio Carlos Pavão Quero saber quantas estrelas tem no céu Quero saber quantos peixes tem no mar Quero saber quantos raios tem o sol... (Da canção de João da Guabiraba

Leia mais

Mostrei minha obra-prima à gente grande, perguntando se meu desenho lhes dava medo.

Mostrei minha obra-prima à gente grande, perguntando se meu desenho lhes dava medo. I Uma vez, quando eu tinha seis anos, vi uma figura magnífica num livro sobre a floresta virgem, chamado Histórias vividas. Representava uma jiboia engolindo uma fera. Esta é a cópia do desenho. O livro

Leia mais

Os 3 Passos da Fluência - Prático e Fácil!

Os 3 Passos da Fluência - Prático e Fácil! Os 3 Passos da Fluência - Prático e Fácil! Implemente esses 3 passos para obter resultados fantásticos no Inglês! The Meridian, 4 Copthall House, Station Square, Coventry, Este material pode ser redistribuído,

Leia mais

Para início de conversa 9. Família, a Cia. Ltda. 13. Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35. Cardápio de lembranças 53

Para início de conversa 9. Família, a Cia. Ltda. 13. Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35. Cardápio de lembranças 53 Rio de Janeiro Sumário Para início de conversa 9 Família, a Cia. Ltda. 13 Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35 Cardápio de lembranças 53 O que o homem não vê, a mulher sente 75 Relacionamentos: as Cias.

Leia mais

Não é o outro que nos

Não é o outro que nos 16º Plano de aula 1-Citação as semana: Não é o outro que nos decepciona, nós que nos decepcionamos por esperar alguma coisa do outro. 2-Meditação da semana: Floresta 3-História da semana: O piquenique

Leia mais

Atividades Lição 5 ESCOLA É LUGAR DE APRENDER

Atividades Lição 5 ESCOLA É LUGAR DE APRENDER Atividades Lição 5 NOME: N º : CLASSE: ESCOLA É LUGAR DE APRENDER 1. CANTE A MÚSICA, IDENTIFICANDO AS PALAVRAS. A PALAVRA PIRULITO APARECE DUAS VEZES. ONDE ESTÃO? PINTE-AS.. PIRULITO QUE BATE BATE PIRULITO

Leia mais

FUGA de Beatriz Berbert

FUGA de Beatriz Berbert FUGA de Beatriz Berbert Copyright Beatriz Berbert Todos os direitos reservados juventudecabofrio@gmail.com Os 13 Filmes 1 FUGA FADE IN: CENA 1 PISCINA DO CONDOMÍNIO ENTARDECER Menina caminha sobre a borda

Leia mais

SEXUALIDADE: DESATANDO OS NÓS NA ADOLESCÊNCIA

SEXUALIDADE: DESATANDO OS NÓS NA ADOLESCÊNCIA SEXUALIDADE: DESATANDO OS NÓS NA ADOLESCÊNCIA Por Marcos Ribeiro* Um pouco dessa história começa por volta dos 10/12 anos, quando meninos e meninas começam a sofrer as primeiras transformações físicas,

Leia mais

A PREENCHER PELO ALUNO

A PREENCHER PELO ALUNO Prova Final do 1.º e do 2.º Ciclos do Ensino Básico PLNM (A2) Prova 43 63/2.ª Fase/2015 Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho A PREENCHER PELO ALUNO Nome completo Documento de identificação Assinatura

Leia mais

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele O Plantador e as Sementes Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele sabia plantar de tudo: plantava árvores frutíferas, plantava flores, plantava legumes... ele plantava

Leia mais

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997.

017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. 017. Segunda-Feira, 05 de Julho de 1997. Acordei hoje como sempre, antes do despertador tocar, já era rotina. Ao levantar pude sentir o peso de meu corpo, parecia uma pedra. Fui andando devagar até o banheiro.

Leia mais

QUERIDO(A) ALUNO(A),

QUERIDO(A) ALUNO(A), LANÇADA EM 15 MAIO DE 2008, A CAMPANHA PROTEJA NOSSAS CRIANÇAS É UMA DAS MAIORES MOBILIZAÇÕES PERMANENTES JÁ REALIZADAS NO PAÍS, COM FOCO NO COMBATE À VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E À EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS

Leia mais

ACENDA O OTIMISMO EM SUA VIDA. Quiz Descubra Se Você é uma Pessoa Otimista

ACENDA O OTIMISMO EM SUA VIDA. Quiz Descubra Se Você é uma Pessoa Otimista ACENDA O OTIMISMO EM SUA VIDA Quiz Descubra Se Você é uma Pessoa Otimista Uma longa viagem começa com um único passo. - Lao-Tsé Ser Otimista não é uma tarefa fácil hoje em dia, apesar de contarmos hoje

Leia mais

Anna Júlia Pessoni Gouvêa, aluna do 9º ano B

Anna Júlia Pessoni Gouvêa, aluna do 9º ano B DEPOIMENTOS A experiência que tive ao visitar o Centro Islâmico de Campinas foi diferente e única. É fascinante conhecer novas culturas e outras religiões, poder ver e falar com outro povo e sentir o que

Leia mais

coleção Conversas #6 Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça.

coleção Conversas #6 Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça. coleção Conversas #6 Eu Posso com a s fazer próprias justiça mãos? Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora AfroReggae nasceu com o desejo

Leia mais

Receitas vegetarianas

Receitas vegetarianas Página 1 de 9 Receitas vegetarianas Publicado por Redação em janeiro 10, 2013 as 7:00 am Ana Lucia Silva 20 delícias tão boas que ninguém vai sentir falta de carne. E mais: dicas para substituir a proteína

Leia mais

Escola Municipal Professora Zezé Ribas. Premio Afago de Literatura. A política brasileira

Escola Municipal Professora Zezé Ribas. Premio Afago de Literatura. A política brasileira Aluno: Camila Aparecida Pinto Serie: 7º ano A política brasileira Na política brasileira, existe uma grande chaga aberta e crescente já se tornou grande praga. Doença maldita, domina e contamina a toda

Leia mais

Deborah Zaniolli DEBORAH ZANIOLLI DOCE VIDA DURA. 1ª Edição

Deborah Zaniolli DEBORAH ZANIOLLI DOCE VIDA DURA. 1ª Edição Deborah Zaniolli DEBORAH ZANIOLLI DOCE VIDA DURA 1ª Edição Piedade/SP Edição da Autora 2012 1 Doce vida dura Título da obra: DOCE VIDA DURA Gênero literário da obra: Não Ficção Copyright 2016 por Deborah

Leia mais

Tem a : Quem é nosso evangelizando?

Tem a : Quem é nosso evangelizando? CVDEE - Centro Virtual de Divulgação e Estudo do Espiritismo www.cvdee.org.br - Sala Evangelize Estudos destinados ao Evangelizador/Educador da Criança e do Jovem Tem a : Quem é nosso evangelizando? Eis,

Leia mais

Tudo sobre Detox em apenas 5 minutos mais 3 receitas Bônus

Tudo sobre Detox em apenas 5 minutos mais 3 receitas Bônus 2 Opa, aqui é Augusto Marmo idealizador do #Dietadafibra e neste e-book vou te mostrar um ponto chave para você atingir o seu peso ideal de forma fácil e saborosa. Eu utilizei os sucos detox para a desintoxicação

Leia mais

Diversidade e Inclusão na Escola: Necessidades Especiais

Diversidade e Inclusão na Escola: Necessidades Especiais Diversidade e Inclusão na Escola: Necessidades Especiais Ex ore parvulorum veritas A A verdade sai da boca das crianças as. Ditado Latino Inclusão a qualquer custo? Má Inclusão Inferiorização + Aprendizado

Leia mais

6D Estúdio. promessa de ir além das 3 dimensões. Eles eram seis e, hoje, são sete sócios trabalhando do design impresso

6D Estúdio. promessa de ir além das 3 dimensões. Eles eram seis e, hoje, são sete sócios trabalhando do design impresso 6D Estúdio promessa de ir além das 3 dimensões Eles eram seis e, hoje, são sete sócios trabalhando do design impresso ao design em movimento, em vídeo ou internet. Eles unem diferentes conhecimentos técnicos

Leia mais

Entrevistado por Maria Augusta Silva. Entrevista realizada na ocasião em que recebeu o Prémio Nacional de Ilustração.

Entrevistado por Maria Augusta Silva. Entrevista realizada na ocasião em que recebeu o Prémio Nacional de Ilustração. ANDRÉ LETRIA Entrevistado por Maria Augusta Silva Entrevista realizada na ocasião em que recebeu o Prémio Nacional de Ilustração. Um traço sinónimo de qualidade. Desenho e cor para a infância. Aos 26 anos

Leia mais

PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO. Fome e Sede

PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO. Fome e Sede PERDOAR E PEDIR PERDÃO, UM GRANDE DESAFIO HISTÓRIA BÍBLICA: Mateus 18:23-34 Nesta lição, as crianças vão ouvir a Parábola do Servo Que Não Perdoou. Certo rei reuniu todas as pessoas que lhe deviam dinheiro.

Leia mais

PERSONAGENS DESTE CAPÍTULO.

PERSONAGENS DESTE CAPÍTULO. Roteiro de Telenovela Brasileira Central de Produção CAPÍTULO 007 O BEM OU O MAL? Uma novela de MHS. PERSONAGENS DESTE CAPÍTULO. AGENOR ALBERTO FERNANDO GABRIELE JORGE MARIA CLARA MARIA CAMILLA MARÍLIA

Leia mais

coleção Conversas #9 - junho 2014 - m i o o Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça.

coleção Conversas #9 - junho 2014 - m i o o Respostas que podem estar passando para algumas perguntas pela sua cabeça. sou Eu Por do que coleção Conversas #9 - junho 2014 - Candomblé. tã estou sen d o o discri m i na da? Respostas para algumas perguntas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora

Leia mais

A CRIANÇA NA PUBLICIDADE

A CRIANÇA NA PUBLICIDADE A CRIANÇA NA PUBLICIDADE Entrevista com Fábio Basso Montanari Ele estuda na ECA/USP e deu uma entrevista para e seu grupo de colegas para a disciplina Psicologia da Comunicação, sobre sua história de vida

Leia mais

Dicas para emagrecer sem elas...

Dicas para emagrecer sem elas... DIETAS E MAIS DIETAS Ates de seguir qualquer dieta imposta pelas novas regras do culto ao corpo e à beleza, procure ajuda profissional e evite que o simples desejo de perder peso possa se transformar em

Leia mais

ATIVIDADE DE ESTUDOS SOCIAIS 3ª S SÉRIES A-B-C-D

ATIVIDADE DE ESTUDOS SOCIAIS 3ª S SÉRIES A-B-C-D Nome: n.º 3ª série Barueri, / / 2009 Disciplina: ESTUDOS SOCIAIS 1ª POSTAGEM ATIVIDADE DE ESTUDOS SOCIAIS 3ª S SÉRIES A-B-C-D Querido aluno, segue a orientação para esta atividade. - Ler com atenção, responder

Leia mais

5- Cite, em ordem de preferência, três profissões que você mais gostaria de exercer: 1º 2º 3º

5- Cite, em ordem de preferência, três profissões que você mais gostaria de exercer: 1º 2º 3º 18. DICAS PARA A PRÁTICA Orientação para o trabalho A- Conhecimento de si mesmo Sugestão: Informativo de Orientação Vocacional Aluno Prezado Aluno O objetivo deste questionário é levantar informações para

Leia mais

Estudo de Caso. Cliente: Cristina Soares. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses

Estudo de Caso. Cliente: Cristina Soares. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses Estudo de Caso Cliente: Cristina Soares Duração do processo: 12 meses Coach: Rodrigo Santiago Quando decidi realizar meu processo de coaching, eu estava passando por um momento de busca na minha vida.

Leia mais

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência

5 ADOLESCÊNCIA. 5.1. Passagem da Infância Para a Adolescência 43 5 ADOLESCÊNCIA O termo adolescência, tão utilizado pelas classes médias e altas, não costumam fazer parte do vocabulário das mulheres entrevistadas. Seu emprego ocorre mais entre aquelas que por trabalhar

Leia mais

Quatro Parábolas de Jesus

Quatro Parábolas de Jesus Quatro Parábolas de Jesus Neste pacote há materiais para uma série de quatro lições sobre algumas Parábolas de Jesus. Primeiramente está incluído o guia do líder, seguido por folhas que podem ser utilizadas

Leia mais

Escrita Eficiente sem Plágio

Escrita Eficiente sem Plágio Escrita Eficiente sem Plágio Produza textos originais com qualidade e em tempo recorde Ana Lopes Revisão Rosana Rogeri Segunda Edição 2013 Direitos de cópia O conteúdo deste livro eletrônico tem direitos

Leia mais

Projeto ESCOLA SEM DROGAS. Interpretando o texto Por trás das letras. Nome: Escola: Série: Título: Autor:

Projeto ESCOLA SEM DROGAS. Interpretando o texto Por trás das letras. Nome: Escola: Série: Título: Autor: Projeto ESCOLA SEM DROGAS Interpretando o texto Por trás das letras Nome: Escola: Série: Título: Autor: O que a capa do livro expressa para você? Capitulo 1 - Floresta Amazônia Por que a autora faz uma

Leia mais

Os dois foram entrando e ROSE foi contando mais um pouco da história e EDUARDO anotando tudo no caderno.

Os dois foram entrando e ROSE foi contando mais um pouco da história e EDUARDO anotando tudo no caderno. Meu lugar,minha história. Cena 01- Exterior- Na rua /Dia Eduardo desce do ônibus com sua mala. Vai em direção a Rose que está parada. Olá, meu nome é Rose sou a guia o ajudara no seu projeto de história.

Leia mais