Unidade de Revisão. Revisor Textual: Profª Dra. Magalí Elisabete Sparano

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Unidade de Revisão. Revisor Textual: Profª Dra. Magalí Elisabete Sparano"

Transcrição

1 Revisor Textual: Profª Dra. Magalí Elisabete Sparano

2 Old English Period Unidade 1 Os Primeiros Séculos Os primeiros escritos literatura de cunho religioso. Características: textos em versos (caesura e aliteração), transmissão oral. Beowulf: mais antigo poema épico escrito em Old English. Relata lendas provenientes de outros povos. Disponível em: Acesso: 25/01/11

3 Middle English Period Unidade 1 Os Primeiros Séculos O herói medieval fusão do religioso com o pagão; o ciclo arthuriano. Geoffrey Chaucer panorama crítico da sociedade do período. The Canterbury Tales: coletânea de histórias interligadas; voz dada aos personagens para que esses narrem suas histórias; efeito de verdade. Disponível em: Acesso: 25/01/11

4 Período de grande desenvolvimento intelectual e artístico. Formação das companhias teatrais. Os teatros elisabetanos e suas estruturas aproximam os artistas do público. Unidade 2 A Era Elisabetana e Shakespeare Shakespeare Peças para serem representadas. O valor do som das palavras é mais importante do que o enredo. Disponível em: AAAAA1I/jL602nojcrs/s1600/shakespeare_narrowweb 300x3 22,2.jpg Acesso: 03/03/11

5 Shakespeare Peças Históricas o caráter humano nas figuras dos reis. Unidade 2 A Era Elisabetana e Shakespeare Tragédias marcadas pela morte dos protagonistas. Temas: a inveja, o ciúme, as relações familiares, a ambição, o fracasso. Comédias final geralmente feliz. Abordagem mais leve para uma temática séria. Disponível em: Acesso: 05/03/11

6 Poesia Pré-Romântica: Unidade 3 O Romantismo Poesia William Blake linguagem simbólica, a emoção e os sentidos à frente da razão. Primeira Romântica: Geração William Wordsworth a linguagem do homem comum, a natureza como representação do divino. Samuel T. Coleridge o sobrenatural, o bem e o mal no mesmo indivíduo, os poemas conversacionais. Disponível em: London-UrizenInChains-Trans292.jpg Acesso: 31/03/11

7 Segunda Romântica: Geração Unidade de Revisão Unidade 3 O Romantismo Poesia Lord Byron o poeta rebelde, estilo inquieto e pouca preocupação com as imagens e linguagem, poesia satírica. Percy B. Shelley poesia melodiosa, dualismos (bem e mal, entusiasmo e desencanto, vida e morte). John Keats poemas sensuais, musicais e ricos em linguagem, busca pela Beleza, pelo Eterno. Disponível em: quot_beauty_truth_truth_beauty_quot_john_keats.jpg Acesso: 31/03/11

8 Daniel Defoe estilo simples, direto, objetivo, narrativas em 1ª pessoa, caricatura como crítica social. Unidade 4 A Prosa Romanesca Principal obra: Robinson Crusoe: fábula de sobrevivência e crítica ao expansionismo inglês. Jonathan Swift grande humorista e satirista, critica e ridiculariza a sociedade em seus textos. Disponível em: Acesso: 10/04/11

9 Principal texto: As Viagens de Gulliver: obra em quatro partes, ironiza e ridiculariza vários setores da sociedade inglesa. Unidade 4 A Prosa Romanesca Jane Austen pouca preocupação com eventos externos, foco nos diálogos revestidos de ironia. Principal texto: Orgulho e Preconceito: retrato da classe média inglesa, o jogo de interesses, o orgulho e o preconceito entre as classes sociais. Disponível em: Acesso: 10/04/11

10 Mary Shelley e Frankenstein: Unidade 5 A Era Vitoriana Influências byronianas: o mito de Prometeu, o galvanismo, a proposta do conto de terror. Temas: os limites éticos e religiosos, a intolerância, o preconceito. Charles Dickens obra vasta, escrita em estilo direto, leve e recheado de humor. Disponível em: Fe89XK_aqc/s400/Frankenstein.jpg Acesso: 25/04/11

11 Grandes Esperanças: relato em 1ª pessoa sobre as desilusões sofridas pelo protagonista. Texto marcado pelo desencanto e pela ironia (crítica à sociedade vitoriana). Unidade 5 A Era Vitoriana Oscar Wilde movimento estético a arte pela arte, os temas sociais resultam do efeito do belo. O Príncipe Feliz: fábula, o valor do real versus o valor das aparências, a amizade verdadeira, a morte como única recompensa para os injustiçados. Disponível em: Vlad.jpg Acesso: 25/04/11

12 Primeiras décadas do século XX: panorama variado e complexo. Novo fazer artístico-literário: a experimentação, foco no mundo interior do indivíduo. Unidade 6 O Período Moderno Representantes: James Joyce e Virginia Woolf. Temas: a solidão, as incertezas da vida moderna, a busca pelo sentido da vida, o tempo. Textos sem enredo exterior, mas fixados nas emoções e pensamentos dos personagens. Disponível em: 8TxBFGY8E9k/TZ6jNOjbE0I/AAAAAAAAA_I/Mj00EZN92UM/s1600/Roge r_fry_-_virginia_woolf.jpg Acesso: 19/05/11

13 George Orwell um dos principais nomes da literatura engajada politicamente, textos com temática social. Unidade 6 O Período Moderno A Revolução dos Bichos: romance alegórico, crítica aos regimes totalitários surgidos das revoluções. 1984: visão pessimista do futuro, controle estatal, o Big Brother. Disponível em: Ak/XFXaD79tjvw/s400/george_orwell_animal_farm_unabridge.jpg Acesso: 19/05/11

14 Campus Liberdade R. Galvão Bueno, São Paulo SP Brasil Tel: (55 11)

Sandra Sirangelo Maggio SÚMULA DA DISCIPLINA LITERATURA INGLESA I TURMA A

Sandra Sirangelo Maggio SÚMULA DA DISCIPLINA LITERATURA INGLESA I TURMA A Sandra Sirangelo Maggio UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE LETRAS DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS MODERNAS SETOR DE INGLÊS SÚMULA DA DISCIPLINA LITERATURA INGLESA I TURMA A 1. Departamento

Leia mais

Ensino Médio - Unidade Parque Atheneu Professor (a): Aluno (a): Série: 3ª Data: / / 2015. LISTA DE LITERATURA

Ensino Médio - Unidade Parque Atheneu Professor (a): Aluno (a): Série: 3ª Data: / / 2015. LISTA DE LITERATURA Ensino Médio - Unidade Parque Atheneu Professor (a): Aluno (a): Série: 3ª Data: / / 2015. LISTA DE LITERATURA Orientações: - A lista deverá ser respondida na própria folha impressa ou em folha de papel

Leia mais

PROGRAMA DA DISCIPLINA

PROGRAMA DA DISCIPLINA UPE Campus Petrolina PROGRAMA DA DISCIPLINA Curso: Língua Inglesa e suas Literaturas Disciplina: Literatura de Língua Inglesa II Carga Horária: 60 Teórica: x Prática: Semestre: II Semestre Professor: Ana

Leia mais

ORGANIZAÇÃO CURRICULAR E PROGRAMAS

ORGANIZAÇÃO CURRICULAR E PROGRAMAS 4. a EDIÇÃO 1 O CICLO ENSINO BASICO ORGANIZAÇÃO CURRICULAR E PROGRAMAS EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA EVANGÉLICA PROGRAMA DO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO À DESCOBERTA DE UM MUNDO DIFERENTE OBJECTIVOS GERAIS:

Leia mais

O PERÍODO ROMANTICO INGLÊS: ROBERT SOUTHEY (Dossiê literário)

O PERÍODO ROMANTICO INGLÊS: ROBERT SOUTHEY (Dossiê literário) UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA DEPARTAMENTO DE LETRAS E ARTES DLET LICENCIATURA EM LETRAS COM A LÍNGUA INGLESA LITERATURA INGLESA I PROF. GERALDO FERREIRA JOÃO BOSCO DA SILVA (prof.bosco.uefs@gmail.com)

Leia mais

DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS PORTUGUÊS 5ºANO CONTEÚDOS E AULAS PREVISTAS

DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS PORTUGUÊS 5ºANO CONTEÚDOS E AULAS PREVISTAS DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS PORTUGUÊS 5ºANO CONTEÚDOS E AULAS PREVISTAS 1º PERÍODO 17 de setembro a 17 de dezembro 1ª INTERRUPÇÃO 18 de dezembro a 3 de janeiro 2º PERÍODO 04 de janeiro a 18 de março 2ª INTERRUPÇÃO

Leia mais

DENOTAÇÃO E CONOTAÇÃO

DENOTAÇÃO E CONOTAÇÃO DENOTAÇÃO E CONOTAÇÃO DENOTAÇÃO Atribui às palavras significados claros, objetivos, que evocam um único sentido, aceito pelas pessoas como algo convencional. Ex.: A rosa é uma flor perfumada. CONOTAÇÃO

Leia mais

ROMANTISMO PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS LITERÁRIAS

ROMANTISMO PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS LITERÁRIAS ROMANTISMO O Romantismo foi uma estética artística surgida no início do século XVIII, que provocou uma verdadeira revolução na produção literária da época. Retratando a força dos sentimentos, ela propôs

Leia mais

Uma abordagem da literatura inglesa para alunos brasileiros

Uma abordagem da literatura inglesa para alunos brasileiros Uma abordagem da literatura inglesa para alunos brasileiros Alexander Meireles da Silva (FEUDUC, ISAT e UNESA) Presença obrigatória na grade curricular dos cursos de Graduação em Português / Inglês das

Leia mais

C O L É G I O F R A N C O - B R A S I L E I R O

C O L É G I O F R A N C O - B R A S I L E I R O C O L É G I O F R A N C O - B R A S I L E I R O Nome: N.º: Turma: Professora: Série: 1ª Data: / / LISTA DE RECUPERAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA 1ª SÉRIE Texto 1: (As Brumas de Avalon Marion Zimmer Bradley,

Leia mais

1 a QUESTÃO: (2,0 pontos) Avaliador Revisor

1 a QUESTÃO: (2,0 pontos) Avaliador Revisor LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA - Grupos D, E, F e G - Gabarito INSTRUÇÕES Ao responder às questões é indispensável: inter-relacionar idéias e argumentos; expressar-se com vocabulário apropriado

Leia mais

CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE CRUZEIRO DE SUL CENTRO DE EDUCAÇÃO E LETRAS

CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE CRUZEIRO DE SUL CENTRO DE EDUCAÇÃO E LETRAS 1 CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE CRUZEIRO DE SUL CENTRO DE EDUCAÇÃO E LETRAS Área de concurso Conteúdos/Disciplinas Vinculadas Perfil do Candidato Perfil dos Membros da Banca Doutorado em Educação Doutorado em

Leia mais

Plano Anual de Atividades

Plano Anual de Atividades Plano Anual de Atividades Pré-Escolar 2013 / 2014 Outubro Setembro Início do Ano Letivo 02 Integração / adaptação das crianças Festejar a chegada da estação do Semana Decoração alusiva ao Outono; ano:

Leia mais

Contação de Histórias PEF

Contação de Histórias PEF Contação de Histórias PEF Qual a importância da narração oral? -Exerce influência tanto sobre aspectos intelectuais quanto emocionais da criança. -Tem a capacidade de estimular a imaginação, a criatividade

Leia mais

3. Pesquise em livros ou internet, procurando identificar em mapas onde está localizado o estado de Goiás. CIÊNCIAS ATIVIDADE 1

3. Pesquise em livros ou internet, procurando identificar em mapas onde está localizado o estado de Goiás. CIÊNCIAS ATIVIDADE 1 02- Roteiro de tarefas semana de 01 a 12 de fevereiro COLÉGIO EXTERNATO SÃO JOSÉ Goiânia, de de 2016. Nome: nº: Turma: Professor (a): 4º Ano ROTEIRO DE TAREFAS SEMANA DE 01 A 12 DE FEVEREIRO ACESSO AO

Leia mais

ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DE VELAS PLANIFICAÇÃO ANUAL DE PORTUGUÊS 10º ANO

ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DE VELAS PLANIFICAÇÃO ANUAL DE PORTUGUÊS 10º ANO ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DE VELAS PLANIFICAÇÃO ANUAL DE PORTUGUÊS 10º ANO Planificação Anual 2011/2012 ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DE VELAS PORTUGUÊS 10º ANO Manual adotado: Página Seguinte - Texto Editora

Leia mais

A Atriz Virgínia (Virgínia Dias da Silva) (Torres Novas, 1850-Lisboa, 1922)

A Atriz Virgínia (Virgínia Dias da Silva) (Torres Novas, 1850-Lisboa, 1922) A Atriz Virgínia (Virgínia Dias da Silva) (Torres Novas, 1850-Lisboa, 1922) Virgínia em A Princesa de Bagdad in O António Maria, n.º 127, de 3 de novembro de 1881, capa (pormenor) Nasceu em 19 de março

Leia mais

2. 1 A poesia trovadoresca - Leitura de cantigas de amor e de amigo semântico, sintático, lexical e sonoro;

2. 1 A poesia trovadoresca - Leitura de cantigas de amor e de amigo semântico, sintático, lexical e sonoro; EIXO TEMÁTICO: 1 TEXTO LITERÁRIO E NÃO LITERÁRIO 1) Analisar o texto em todas as suas dimensões: semântica, sintática, lexical e sonora. 1. Diferenciar o texto literário do não-literário. 2. Diferenciar

Leia mais

VAMOS FALAR SOBRE LÍNGUA PORTUGUESA?... 8

VAMOS FALAR SOBRE LÍNGUA PORTUGUESA?... 8 Sumário 1 VAMOS FALAR SOBRE LÍNGUA PORTUGUESA?... 8 Para ler e conversar... 8 Texto 1 Problemas com o português, Mauricio de Sousa... 9 Pensando sobre o gênero: história em quadrinhos... 14 Língua: reflexão

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL CATÓLICA DE BRASÍLIA Coordenação de Educação Física e Esportes - CEDFE 30ª Olimpíada da Católica

CENTRO EDUCACIONAL CATÓLICA DE BRASÍLIA Coordenação de Educação Física e Esportes - CEDFE 30ª Olimpíada da Católica BOLETIM 13 Brasília, 25 de junho de 2015. A Comissão Organizadora da, no uso das suas atribuições: 1. DIVULGA o caderno de provas antecipadas da gincana, com tarefas a serem cumpridas pelas equipes com

Leia mais

Planificação do trabalho a desenvolver com a turma G do 10º ano (ano letivo 2015/2016) Conteúdos / Temas a lecionar

Planificação do trabalho a desenvolver com a turma G do 10º ano (ano letivo 2015/2016) Conteúdos / Temas a lecionar Disciplinas Português Aulas Previstas (aulas de 50 min) Planificação do trabalho a desenvolver com a turma G do 10º ano (ano letivo 2015/2016) Conteúdos / Temas a lecionar 1º 2º 3º 1º Período 2º Período

Leia mais

CONCORDÂNCIA NOMINAL. Página 172

CONCORDÂNCIA NOMINAL. Página 172 CONCORDÂNCIA NOMINAL Página 172 CONCORDÂNCIA NOMINAL É a concordância, em gênero e número, entre o substantivo e seus determinantes: o adjetivo, o pronome adjetivo, o artigo, o numeral e o verbo no particípio.

Leia mais

Gêneros Textuais: conto e publicidade institucional impressa e folheto de divulgação. Escrita Contos e Minicontos Folheto de divulgação (Fôlder)

Gêneros Textuais: conto e publicidade institucional impressa e folheto de divulgação. Escrita Contos e Minicontos Folheto de divulgação (Fôlder) COLÉGIO ESTADUAL IRMÃO GERMANO RHODEN PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2014 9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL DISCIPLINA: LÍNGUA PORTUGUESA PROFESSORA: ZENAIDE GOMES BILHAR 1º Bimestre Criar hipóteses interpretativas

Leia mais

PROJETO EDUCARE. (Educação, Amor e. Reconhecimento)

PROJETO EDUCARE. (Educação, Amor e. Reconhecimento) EDUCAÇÃO DA VIDA PROJETO EDUCARE (Educação, Amor e Reconhecimento) DESEJOS FUNDAMENTAIS DO SER HUMANO EDUCAÇÃO AMOR RECONHECIMENTO EDUCAÇÃO *Ser elogiado AMOR *Ser amado *Ser livre RECONHECIMENTO *Ser

Leia mais

Estudo dirigido. 02. Relacione, por escrito, algumas características que norteiam a produção artística.

Estudo dirigido. 02. Relacione, por escrito, algumas características que norteiam a produção artística. Estudo dirigido Capítulo 0 introdução 01. No livro de Graça Proença intitulado História da arte, a autora correlaciona o ato de criar ferramentas, realizado pelos humanos, com a interferência dos seres

Leia mais

Plano Curricular de Português. 7ºano Ano Letivo 2015/2016

Plano Curricular de Português. 7ºano Ano Letivo 2015/2016 Plano Curricular de Português 7ºano Ano Letivo 2015/2016 1º Período Conteúdos Programados Aulas Previstas Texto Narrativo: Categorias da narrativa (ação, narrador, tempo, espaço e personagens); Modos de

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE

PLANO DE TRABALHO DOCENTE COLÉGIO ESTADUAL CRISTO REI ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO Rua das Ameixeiras, 119 Núcleo Cristo Rei Fone/Fax: 0xx42 3624 3095 CEP 85060-160 Guarapuava Paraná grpcristorei@seed.pr.gov.br PLANO DE TRABALHO

Leia mais

Centro Universitário Adventista de São Paulo - Campus EC Matriz Curricular do Curso de Letras - Licenciatura Inglês

Centro Universitário Adventista de São Paulo - Campus EC Matriz Curricular do Curso de Letras - Licenciatura Inglês Centro Universitário Adventista de São Paulo - Campus EC Matriz Curricular do Curso de Letras - Licenciatura Inglês Início: 213 - CONSU 212-41 de 29/11/212 I Ano, I Semestre I Ano, II Semestre Teoria e

Leia mais

Autora: SUELY BARROS BERNARDINO DA SILVA. Secretaria de Estado de Educação do Amazonas LEITURA: UM CAMINHO PARA O CONHECIMENTO INTRODUÇÃO

Autora: SUELY BARROS BERNARDINO DA SILVA. Secretaria de Estado de Educação do Amazonas LEITURA: UM CAMINHO PARA O CONHECIMENTO INTRODUÇÃO Autora: SUELY BARROS BERNARDINO DA SILVA Secretaria de Estado de Educação do Amazonas LEITURA: UM CAMINHO PARA O CONHECIMENTO INTRODUÇÃO Este foi um projeto piloto, o qual consistiu em desenvolver um trabalho

Leia mais

Festa Sagrada Família

Festa Sagrada Família Festa Sagrada Família Homilia para a Família Salesiana (P. J. Rocha Monteiro) Sagrada Família de Jesus, Maria e José 1. No Domingo, dentro da oitava do Natal, celebra-se sempre a festa da Sagrada Família.

Leia mais

CRECHE MUNICIPAL MARIANA FERNANDES MACEDO

CRECHE MUNICIPAL MARIANA FERNANDES MACEDO Secretaria Municipal de Educação Diretoria de Politicas Educacionais Coordenadoria de Organização Curricular Gerencia de Educação Infantil CRECHE MUNICIPAL MARIANA FERNANDES MACEDO PROJETO ALIMENTAÇÃO

Leia mais

OS LIVROS POÉTICOS CÂNTICO DOS CÂNTICOS

OS LIVROS POÉTICOS CÂNTICO DOS CÂNTICOS Lição 12 OS LIVROS POÉTICOS CÂNTICO DOS CÂNTICOS Introdução Se existe um livro da Bíblia que mais retrata, de maneira direta, o amor entre um homem e uma mulher, com certeza esse livro é Cântico dos Cânticos.

Leia mais

09 DE OUTUBRO (QUINTA-FEIRA)

09 DE OUTUBRO (QUINTA-FEIRA) 09 DE OUTUBRO (QUINTA-FEIRA) PALESTRAS PALESTRA PALESTRANTE O artesanato em Mato Grosso do Sul Gilberto Luiz Alves 10h30 Leitura e Literatura: Estratégia de Compreensão Renata Junqueira 16h PAVILHÃO DO

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE LETRAS

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE LETRAS UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS CURSO DE LETRAS HABILITAÇÕES Alemão, Árabe, Armênio, Chinês, Coreano, Espanhol, Francês, Grego, Hebraico, Inglês, Italiano, Japonês,

Leia mais

ESCOLA DE MISSÕES FORMAÇAO MINISTERIAL TENDA (FMT)

ESCOLA DE MISSÕES FORMAÇAO MINISTERIAL TENDA (FMT) ESCOLA DE MISSÕES FORMAÇAO MINISTERIAL TENDA (FMT) A FMT-Escola oferece este Curso para aqueles que tem um chamado para a obra de missões, mas que também queiram servir na igreja local. O CURSO A) CURSO

Leia mais

O QUE FOI A POESIA MARGINAL

O QUE FOI A POESIA MARGINAL O QUE FOI A POESIA MARGINAL A poesia marginal ou a geração Mimeógrafo surgiu na década de 70 no Brasil, de forma a representar o movimento sociocultural que atingiu as artes e principalmente a literatura.

Leia mais

História da Literatura Organização da Aula Teleaula 3

História da Literatura Organização da Aula Teleaula 3 História da Literatura Organização da Aula Teleaula 3 Prof. Roberto Nicolato roberto.n@uninter.com Movimentos literários: do Barroco ao Modernismo Letras Em 1600 O Barroco Contextualização Procurou conciliar

Leia mais

CANOSAONE. Um filme de Fellipe Gamarano Barbosa

CANOSAONE. Um filme de Fellipe Gamarano Barbosa CANOSAONE Um filme de Fellipe Gamarano Barbosa Seleção Oficial Curta Cinema Festival Internacional de Curtas do Rio de Janeiro, 2008 Menção Honrosa do Júri, 1ª Janela Internacional de Cinema do Recife,

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS FTC- EAD FACULDADE MACHADO DE ASSIS

FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS FTC- EAD FACULDADE MACHADO DE ASSIS FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS FTC- EAD FACULDADE MACHADO DE ASSIS Unidade Pedagógica: Santa Cândida Curitiba- PR Curso: Letras Português/ Inglês Circuito: 6 5.º período (FAMA) Disciplina: Estudos

Leia mais

INDICAÇÕES 2016-1º ANO AxBxC

INDICAÇÕES 2016-1º ANO AxBxC INDICAÇÕES 2016-1º ANO AxBxC 1º ANO A / ENS. FUNDAMENTAL sua fé. Não deixe de meditar sobre o significado dessa data na TÉCNICA DE REDAÇÃO: Oralização dos numerais / LÍNGUA PORTUGUESA: Exercitação da letra

Leia mais

MATEMÁTICA. 1. Recorte e cole o anexo 1 em seu caderno de Matemática, em seguida, faça as operações com capricho e atenção. Não se esqueça do Q.V.L.

MATEMÁTICA. 1. Recorte e cole o anexo 1 em seu caderno de Matemática, em seguida, faça as operações com capricho e atenção. Não se esqueça do Q.V.L. 10- Roteiro de tarefas- semana de 11 a 22 de abril -4º ANO COLÉGIO EXTERNATO SÃO JOSÉ Goiânia, de de 2016. Nome: nº: Turma: Professor (a): ROTEIRO DE TAREFAS SEMANA DE 11 A 22 DE ABRIL ACESSO AO ROTEIRO

Leia mais

TROVAS MAIS ALÉM... ESPÍRITOS DIVERSOS PSICOGRAFIA DE LEONARDO PAIXÃO

TROVAS MAIS ALÉM... ESPÍRITOS DIVERSOS PSICOGRAFIA DE LEONARDO PAIXÃO TROVAS MAIS ALÉM... ESPÍRITOS DIVERSOS PSICOGRAFIA DE LEONARDO PAIXÃO 1 Capa: Leonardo Paixão Digitação: Leonardo Paixão Permitida a reprodução desde que citada a fonte, conforme Lei 9.610, de 19 de Fevereiro

Leia mais

DIA DA SEMANA EVENTO NOME DO EVENTO TURNO HORÁRIO DATAS 20/05, 27/05, 03/06, 10/06 E 17/06/2013. MANHÃ 08:00 às 12:00 2ª FEIRA

DIA DA SEMANA EVENTO NOME DO EVENTO TURNO HORÁRIO DATAS 20/05, 27/05, 03/06, 10/06 E 17/06/2013. MANHÃ 08:00 às 12:00 2ª FEIRA 1 A.M. 69062 LENDO IMAGENS ATRAVÉS DE ALBERTO MANGUEL * Ementa: Leitura de imagens a partir da teoria de Alberto Manguel e por meio de diálogo entre as obras de arte selecionadas, autor e apreciadores.

Leia mais

PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA

PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA INSTRUÇÃO: As questões de 07 a 12 baseiam-se no texto abaixo. Leia atentamente todo o texto antes de responder a elas. O AQUECIMENTO GLOBAL 5 10 15 20

Leia mais

A escrita que faz a diferença

A escrita que faz a diferença A escrita que faz a diferença Inclua a Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro em seu planejamento de ensino A Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro é uma iniciativa do Ministério

Leia mais

PNBE Programa Nacional Biblioteca da Escola: análise descritiva e crítica de uma política de formação de leitores

PNBE Programa Nacional Biblioteca da Escola: análise descritiva e crítica de uma política de formação de leitores PNBE Programa Nacional Biblioteca da Escola: análise descritiva e crítica de uma política de formação de leitores EMENTA Apresentação e discussão do processo de avaliação e seleção de obras de literatura

Leia mais

História da Música Ocidental

História da Música Ocidental História da Música Ocidental A Música na Idade Média e no Renascimento Música medieval é o nome dado à música típica do período da Idade Média. Essas práticas musicais aconteceram há quase 1500 anos atrás.

Leia mais

Dados internacionais de catalogação Biblioteca Curt Nimuendajú

Dados internacionais de catalogação Biblioteca Curt Nimuendajú Catalogação: Cleide de Albuquerque Moreira Bibliotecária/CRB 1100 Revisão: Elias Januário Revisão Final: Karla Bento de Carvalho Consultor: Luís Donisete Benzi Grupioni Projeto Gráfico/Diagramação: Fernando

Leia mais

PROJETO DE LÍNGUA PORTUGUESA

PROJETO DE LÍNGUA PORTUGUESA ASSOCIAÇÃO ESCOLA 31 DE JANEIRO 2012/13 PROJETO DE LÍNGUA PORTUGUESA TRANSVERSALIDADE NA CORREÇÃO DA ESCRITA E DA EXPRESSÃO ORAL DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS E CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS INTRODUÇÃO A língua

Leia mais

Pág. 1. Caracterização. Pré-requisitos. Ementa. Objetivo da disciplina. Descrição do conteúdo Objetivos Conteúdo Data Aulas Estratégias de Ensino

Pág. 1. Caracterização. Pré-requisitos. Ementa. Objetivo da disciplina. Descrição do conteúdo Objetivos Conteúdo Data Aulas Estratégias de Ensino Pág. 1 Caracterização Curso: Curso Superior de Tecnologia em Planejamento Turístico Período/Série: 6 Turno: Ano/Semestre letivo: 2010/2 ( X ) Matutino ( ) Vespertino ( ) Noturno Carga horária semanal:

Leia mais

A CONTRIBUIÇÃO DE SWIFT PARA A FORMAÇÃO DO FUTURO PROFESSOR DE INGLÊS E CIDADÃOS EM DESENVOLVIMENTO.

A CONTRIBUIÇÃO DE SWIFT PARA A FORMAÇÃO DO FUTURO PROFESSOR DE INGLÊS E CIDADÃOS EM DESENVOLVIMENTO. A CONTRIBUIÇÃO DE SWIFT PARA A FORMAÇÃO DO FUTURO PROFESSOR DE INGLÊS E CIDADÃOS EM DESENVOLVIMENTO. Kelly C. Rissá (Pet-letras UNICENTRO), Eunice Pereira Guimarães (orientadora) epguimarães@hotmail.com.

Leia mais

PROJETO DO 3º BIMESTRE PROJETO ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL E ESTAÇÕES DO ANO

PROJETO DO 3º BIMESTRE PROJETO ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL E ESTAÇÕES DO ANO CRECHE MUNICIPAL TERTULIANA MARIA DE ARRUDA SOUZA MÂE NHARA PROJETO DO 3º BIMESTRE PROJETO ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL E ESTAÇÕES DO ANO CUIABÁ 2015 INTRODUÇÃO Partindo do pressuposto de que a creche é um espaço

Leia mais

Projeto: Os 3 porquinhos

Projeto: Os 3 porquinhos Projeto: Os 3 porquinhos Este projeto surgiu do desenvolvimento do projeto anterior A casa e uma das histórias que surgiu foi Os 3 porquinhos. Através desta história,todo o grupo mostrou grande entusiasmo

Leia mais

Casa-Museu Abel Salazar. Serviços Educativos 2016

Casa-Museu Abel Salazar. Serviços Educativos 2016 Casa-Museu Abel Salazar Serviços Educativos 2016 O Programa Escola na Casa-Museu, inserido na programação de serviços educativos da Casa-Museu Abel Salazar, converge no sentido de promover maior interação

Leia mais

GRADE CURRICULAR DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LETRAS: ESTUDOS LITERÁRIOS DA UFMG

GRADE CURRICULAR DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LETRAS: ESTUDOS LITERÁRIOS DA UFMG GRADE CURRICULAR DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LETRAS: ESTUDOS LITERÁRIOS DA UFMG DISCIPLINAS DAS ÁREAS DE CONCENTRAÇÃO Área de concentração: TEORIA DA LITERATURA - NÍVEL MESTRADO DISCIPLINAS CRÉDITOS

Leia mais

INSTITUIÇÃO RECANTO INFANTIL TIA CÉLIA CNPJ: 05.028.042/0001-54 Rua Eucalipto N 34 Jardim - Ypê - Mauá SP Fone: 4546-9704/ 3481-6788

INSTITUIÇÃO RECANTO INFANTIL TIA CÉLIA CNPJ: 05.028.042/0001-54 Rua Eucalipto N 34 Jardim - Ypê - Mauá SP Fone: 4546-9704/ 3481-6788 Relatório de Atividades Mensal Esse relatório tem como objetivo apresentar as principais atividades desenvolvidas pela Instituição Recanto Infantil Tia, de acordo com o Projeto Biblioteca e Cidadania Ativa.

Leia mais

ANAIS 2010 ISSN 1808-3579

ANAIS 2010 ISSN 1808-3579 A PRIMEIRA TRAGÉDIA ELISABETANA, GORBODUC, DE THOMAS NORTON E THOMAS SACKVILLE: UM ESTUDO SOB O PONTO DE VISTA HISTÓRICO-SOCIAL E LITERÁRIO Ederson da Paixão (PG Instituto ESAP- Projeto de Pesquisa "Os

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL BUENO BRANDÃO PROJETO INTERDISCIPLINAR - 1 ANO- AGOSTO / 2010 PROFESSORA: NEUSA APARECIDA VIANA BERNARDES

ESCOLA ESTADUAL BUENO BRANDÃO PROJETO INTERDISCIPLINAR - 1 ANO- AGOSTO / 2010 PROFESSORA: NEUSA APARECIDA VIANA BERNARDES ESCOLA ESTADUAL BUENO BRANDÃO PROJETO INTERDISCIPLINAR - 1 ANO- AGOSTO / 2010 PROFESSORA: NEUSA APARECIDA VIANA BERNARDES 1-TEMA: FOLCLORE BRASILEIRO O FOLCLORE É O SABER TRADICIONAL DE UM POVO, OU SEJA,

Leia mais

INSTRUÇÕES: Crédito imagem: metasinergia desenvolvimento de pessoas

INSTRUÇÕES: Crédito imagem: metasinergia desenvolvimento de pessoas Crédito imagem: metasinergia desenvolvimento de pessoas INSTRUÇÕES: As 12 seções da roda da vida representam um panorama global de sua vida ; Você deve apontar o seu nível se satisfação em cada seção,

Leia mais

Atividades Acadêmico-Científico- -Culturais: Diversidade Cultural. O Brasil é um País Multirracial. Contextualização. Teleaula 1.

Atividades Acadêmico-Científico- -Culturais: Diversidade Cultural. O Brasil é um País Multirracial. Contextualização. Teleaula 1. Atividades Acadêmico-Científico- -Culturais: Diversidade Cultural Teleaula 1 Profa. Dra. Marcilene Garcia de Souza tutorialetras@grupouninter.com.br O Brasil é um País Multirracial Letras Contextualização

Leia mais

Ler para estudar. Mirta Torres REALIZAÇÃO PATROCÍNIO

Ler para estudar. Mirta Torres REALIZAÇÃO PATROCÍNIO Ler para estudar Mirta Torres REALIZAÇÃO PATROCÍNIO Ler para estudar Ler e estudar Constituem uma dupla reversível Ler é um dos caminhos de acesso ao saber: lemos e estudamos para saber, para estarmos

Leia mais

2ª Etapa: Propor a redação de um conto de mistério utilizando os recursos identificados na primeira etapa da atividade.

2ª Etapa: Propor a redação de um conto de mistério utilizando os recursos identificados na primeira etapa da atividade. DRÁCULA Introdução ao tema Certamente, muitas das histórias que atraem a atenção dos jovens leitores são as narrativas de terror e mistério. Monstros, fantasmas e outras criaturas sobrenaturais sempre

Leia mais

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Design 2011-1 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Design 2011-1 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais. Especial Online ISSN 1982-1816 www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.html DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO Design 2011-1 DESENVOLVENDO A IDENTIDADE VISUAL DE UMA POUSADA EM CONSERVATÓRIA Alunos: OLIVEIRA,

Leia mais

RU Reunião de Unidade Tema: As 50 Melhores Dicas para uma Consultora de sucesso!!!!!!

RU Reunião de Unidade Tema: As 50 Melhores Dicas para uma Consultora de sucesso!!!!!! RU Reunião de Unidade Tema: As 50 Melhores Dicas para uma Consultora de sucesso!!!!!! Conhecimento gera Crescimento!! Porque você pode! 1 - Dizer SIM ao convite da Oportunidade Perfeita 2 - Ter sempre

Leia mais

Unidade III Trabalho- A trajetória humana, suas produções e manifestações

Unidade III Trabalho- A trajetória humana, suas produções e manifestações Unidade III Trabalho- A trajetória humana, suas produções e manifestações 17.2 Conteúdo: A vanguarda brasileira: A Semana de Arte Moderna. Habilidade: Conhecer a Semana de Arte Moderna e sua influência

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL. Plano de Trabalho Docente - 2015

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL. Plano de Trabalho Docente - 2015 Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL Plano de Trabalho Docente - 2015 ETEC Monsenhor Antônio Magliano Código: 088 Município: Garça S.P. Área de conhecimento: Ciências Humanas e suas Tecnologias

Leia mais

ARTES - 1º AO 5º ANO

ARTES - 1º AO 5º ANO 1 Ano Artes Visuais 1 Bimestre O fazer artístico do aluno desenho, pintura, dobradura, colagem e modelagem. Competências/Habilidades Reconhecimento e utilização dos elementos da linguagem visual; Música

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia

Universidade Federal de Uberlândia PRIMEIRA QUESTÃO A) É importante que o candidato ressalte o fato de que, na ilha, a princípio, tudo é eletivo : cabe aos indivíduos escolher os seus papéis. Esta liberdade da constituição do sujeito deve

Leia mais

SUMÁRIO. Fale conosco, quando quiser. Veja nossos endereços. nossas outras publicações. 3 TEMA

SUMÁRIO. Fale conosco, quando quiser. Veja nossos endereços. nossas outras publicações. 3 TEMA SUMÁRIO Neste estudo, Aline Carrijo de Oliveira apresenta a ópera Tristão e Isolda, de Richard Wagner, em comparação com a lenda homônima, cuja narrativa encontra-se na literatura oral. A pesquisadora

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS 1. EMENTA Produções literárias em poesia e prosa da literatura norte-americana (Estadunidense a partir do período colonial) e de outros países falantes da língua inglesa até o século XX. Relações de intertextualidade

Leia mais

Goste do que faz. Quanto mais as pessoas gostam de seu trabalho, mais energia dedicam a ele. - Mary Kay Ash

Goste do que faz. Quanto mais as pessoas gostam de seu trabalho, mais energia dedicam a ele. - Mary Kay Ash Goste do que faz Quanto mais as pessoas gostam de seu trabalho, mais energia dedicam a ele. - Mary Kay Ash Livro The Mary Kay Way Cap: 17 E Mary Kay ainda explica que em todo trabalho teremos tarefas que

Leia mais

BIOLOGIA QUÍMICA HISTÓRIA GEOGRAFIA SOCIOLOGIA

BIOLOGIA QUÍMICA HISTÓRIA GEOGRAFIA SOCIOLOGIA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO PROCESSO DE INGRESSO NA UPE Sistema Seriado de Avaliação CADERNO DE PROVA - 2ºDIA BIOLOGIA QUÍMICA HISTÓRIA GEOGRAFIA SOCIOLOGIA DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO Não deixe

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL. Ensino Secundário DISCIPLINA: Português ANO: 11º ANO LETIVO: 2011/2012

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL. Ensino Secundário DISCIPLINA: Português ANO: 11º ANO LETIVO: 2011/2012 ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL Ensino Secundário DISCIPLINA: Português ANO: 11º ANO LETIVO: 2011/2012 COMPETÊNCIAS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS ATIVIDADES ESTRATÉGIAS AULAS

Leia mais

Avaliação Integrada Conteúdo Registro 1 Prova 1

Avaliação Integrada Conteúdo Registro 1 Prova 1 Série: 6o Ano Matutino Turma: Pequenos Sapiens TÓPICOS DE LINGUAGEM OS ELEMENTOS DA COMUNICAÇÃO CLASSROOM OBJECTS HOLIDAYS S PLÁSTICAS NÚMEROS ROMANOS CONJUNTO DOS NÚMEROS NATURAIS COMO NASCEU O UNIVERSO

Leia mais

palco ortatil tatil palco palco

palco ortatil tatil palco palco palco ortatil tatil palco til palco portatil 2 Apresentação A Companhia Teatro Portátil desenvolve uma pesquisa continuada sobre a linguagem da animação. Um trabalho que aproxima o teatro de animação de

Leia mais

c- Muitas vezes nos deparamos com situações em que nos sentimos tão pequenos e às vezes pensamos que não vamos dar conta de solucioná-las.

c- Muitas vezes nos deparamos com situações em que nos sentimos tão pequenos e às vezes pensamos que não vamos dar conta de solucioná-las. FICHA DA SEMANA 5º ANO A e B Instruções: 1- Cada atividade terá uma data de realização e deverá ser entregue a professora no dia seguinte; 2- As atividades deverão ser copiadas e respondidas no caderno,

Leia mais

COLÉGIO ESTADUAL CRISTO REI ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO

COLÉGIO ESTADUAL CRISTO REI ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO COLÉGIO ESTADUAL CRISTO REI ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO Rua das Ameixeiras, 119 Núcleo Cristo Rei Fone/Fax: 0xx42 3624 3095 CEP 85060-160 Guarapuava Paraná grpcristorei@seed.pr.gov.br PLANO DE TRABALHO

Leia mais

A & C. Agradecemos confirmação até ao dia de Maio de 2012. A & C. Foi num momento especial que nos cruzamos,

A & C. Agradecemos confirmação até ao dia de Maio de 2012. A & C. Foi num momento especial que nos cruzamos, Primeiro foi o conhecimento, depois a amizade, seguiu-se um encontro, depois outro e outros mais e finalmente o amor, que nos une agora e para sempre. Será com a palavra sim que daremos início aquele que

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA Conteúdos 6ºano

LÍNGUA PORTUGUESA Conteúdos 6ºano LÍNGUA PORTUGUESA Conteúdos 6ºano 1º Período UNIDADE 0 Ponto de partida Reportagem televisiva - memória - texto narrativo - narrador - argumentação Regulamento A visita de estudo -narrativa Fotografia

Leia mais

GUIA PEDAGÓGICO PARA OS PAIS Jardim I

GUIA PEDAGÓGICO PARA OS PAIS Jardim I Maceió, 18 de março de 2016. GUIA PEDAGÓGICO PARA OS PAIS Jardim I Senhores pais ou responsáveis Já iniciamos os projetos pedagógicos do 1 trimestre letivo. As turmas de Jardim I estão desenvolvendo os

Leia mais

A OBRA DE ARTE E SUA REPRODUTIBILIDADE TÉCNICA: UMA ANÁLISE DA PEÇA O QUE FAREI COM ESTE LIVRO E SUA PERSPECTIVA HISTÓRICA E FILOSÓFICA

A OBRA DE ARTE E SUA REPRODUTIBILIDADE TÉCNICA: UMA ANÁLISE DA PEÇA O QUE FAREI COM ESTE LIVRO E SUA PERSPECTIVA HISTÓRICA E FILOSÓFICA A OBRA DE ARTE E SUA REPRODUTIBILIDADE TÉCNICA: UMA ANÁLISE DA PEÇA O QUE FAREI COM ESTE LIVRO E SUA PERSPECTIVA HISTÓRICA E FILOSÓFICA Devalcir Leonardo (UNESPAR Campus Campo Mourão) devalcirleonardo@gmail.com

Leia mais

ESTRATÉGIAS PEDAGÓGICAS PARA ALUNOS COM DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM

ESTRATÉGIAS PEDAGÓGICAS PARA ALUNOS COM DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM ESTRATÉGIAS PEDAGÓGICAS PARA ALUNOS COM DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM MARA LÚCIA REIS MONTEIRO DA CRUZ mara.mcz@gmail.com INSTITUTO DE APLICAÇÃO FERNANDO RODRIGUES DA SILVEIRA (CAP-UERJ) 1 INTRODUÇÃO Alunos

Leia mais

O projeto Lottie Jacqueline Wilson

O projeto Lottie Jacqueline Wilson Tradução Mari-Jô Zilveti Temas Relacionamento familiar; Amizade; Amadurecimento; Relações sociais e históricas Guia de leitura para o professor Série Vermelha nº 7 208 páginas 2008996274945 O livro Neste

Leia mais

Transições familiares Processos biológicos X psicológicos adaptativos Bárbara Figueiredo bbfi@psi.uminho.pt

Transições familiares Processos biológicos X psicológicos adaptativos Bárbara Figueiredo bbfi@psi.uminho.pt Transições familiares Processos biológicos X psicológicos adaptativos Bárbara Figueiredo bbfi@psi.uminho.pt Background: Processos biológicos e psicológicos (comportamentos, emoções e representações) colaboram

Leia mais

Mais informações e marcações Elisa Aragão servicoeducativo@zeroemcomportamento.org 213 160 057 www.zeroemcomportamento.org

Mais informações e marcações Elisa Aragão servicoeducativo@zeroemcomportamento.org 213 160 057 www.zeroemcomportamento.org Apresentamos de seguida várias sessões temáticas compostas por curtas-metragens de animação, às quais chamamos de Filminhos Infantis. Estas propostas são complementadas com uma oficina com uma duração

Leia mais

PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS 6.º ANO

PLANO DE ESTUDOS DE PORTUGUÊS 6.º ANO DE PORTUGUÊS 6.º ANO Ano Letivo 2015 2016 PERFIL DO ALUNO No final do 6.º ano de escolaridade, o aluno deve ser capaz de: interpretar e produzir textos orais com diferentes finalidades e coerência, apresentando

Leia mais

Lila Azam Zanganeh: a poesia da felicidade

Lila Azam Zanganeh: a poesia da felicidade Lila Azam Zanganeh: a poesia da felicidade Por Meire Kusumoto 05/07/2013 A escritora franco-iraniana Lila Azam Zanganeh, atração desta sexta-feira da Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), onde

Leia mais

Centro Universitário Newton Paiva Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas Curso Publicidade e Propaganda

Centro Universitário Newton Paiva Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas Curso Publicidade e Propaganda Centro Universitário Newton Paiva Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas Curso Publicidade e Propaganda Trabalho Interdisciplinar Publicidade e Propaganda 1 período 1-2009 Professores Participantes: Prof.

Leia mais

Área do Conhecimento: Arte

Área do Conhecimento: Arte Área do Conhecimento: Arte Série: 1ª Carga Horária: 4h/a Período: Semestral (conteúdos) Elementos Formais Composição Movimentos e Períodos 1. Ponto, linha, plano, volume, textura, cor 2. Ponto, linha,

Leia mais

SÉRIE: 8 ANO TURMA(S): A,B,C,D DISCIPLINA: ARTES PROFESSOR(A): ROBSON REIS

SÉRIE: 8 ANO TURMA(S): A,B,C,D DISCIPLINA: ARTES PROFESSOR(A): ROBSON REIS Fazer a releitura e introduzir novos elementos ao desenho; SÉRIE: 8 ANO TURMA(S): A,B,C,D DISCIPLINA: ARTES PROFESSOR(A): ROBSON REIS TEMA DA ETAPA: VANGUARDAS EUROPEIAS E CULTURA INDÍGENA 1. Tema da atividade:

Leia mais

Intervenção pedagógica: deficiência intelectual. Profa. Dra Andréa R. Rosin Pinola

Intervenção pedagógica: deficiência intelectual. Profa. Dra Andréa R. Rosin Pinola Intervenção pedagógica: deficiência intelectual Profa. Dra Andréa R. Rosin Pinola Roteiro Aspectos da avaliação A intervenção: Habilidades acadêmicas Habilidades sociais Habilidades Práticas Avaliação

Leia mais

Teatro para Crianças

Teatro para Crianças 09/11 (Segunda-feira) 14h VAGOR & BELLAVITA Vagor é um viajante solitário. Ninguém sabe de onde vem, talvez de muito longe, quem sabe de um outro país. Bellavita vive debaixo de uma ponte movimentada e

Leia mais

Resenha O primeiro Hamlet

Resenha O primeiro Hamlet Resenhas Resenha O primeiro Hamlet Roberto Rocha Com o lançamento do volume O primeiro Hamlet in quarto de 1603, organizado e traduzido por José Roberto O Shea, um novo patamar de qualidade é alcançado

Leia mais

de Let s do it (Let s Fall in Love)

de Let s do it (Let s Fall in Love) SINGLE SINGERS BAR ( ) Os alemães em Berlim, fazem Como em Amesterdão Em Bombaim fazem Em Goa, Diu e Damão Galegos, bascos, catalães fazem Em França, em São Francisco e em Guimarães fazem Façamos, amor

Leia mais

Atividades Pedagógicas. Outubro 2013

Atividades Pedagógicas. Outubro 2013 Atividades Pedagógicas Outubro 2013 EM DESTAQUE Acompanhe aqui um pouco do dia-a-dia de nossos alunos em busca de novos aprendizados. ATIVIDADES DE SALA DE AULA GRUPO V A e V F GRUPO V B e V E GRUPO V

Leia mais

Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Acre Pró-Reitoria de Extensão - PROEX

Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Acre Pró-Reitoria de Extensão - PROEX ANEXO 1 FORMULÁRIO DE INSTITUCIONALIZAÇÃO DE PROJETO DE EXTENSÃO 1. IDENTIFICAÇÃO DA PROPOSTA DO PROJETO 1.1 Área temática (ver Anexo 1.1) 1.2 Linha de extensão (informar em qual (is) linha(s) se enquadra

Leia mais

ESTUDO DE TÓPICO: LITERATURA E CINEMA

ESTUDO DE TÓPICO: LITERATURA E CINEMA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE LETRAS DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS MODERNAS SETOR DE INGLÊS ESTUDO DE TÓPICO: LITERATURA E CINEMA SÚMULA COMGRAD 1.Característica da Disciplina Nome:

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO CRECHE MUNICIPAL JOSÉ LUIZ BORGES GARCIA PROJETO DO 2 SEMESTRE EDUCAÇÃO INFANTIL: CONSTRUINDO O CONHECIMENTO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO CRECHE MUNICIPAL JOSÉ LUIZ BORGES GARCIA PROJETO DO 2 SEMESTRE EDUCAÇÃO INFANTIL: CONSTRUINDO O CONHECIMENTO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO CRECHE MUNICIPAL JOSÉ LUIZ BORGES GARCIA PROJETO DO 2 SEMESTRE EDUCAÇÃO INFANTIL: CONSTRUINDO O CONHECIMENTO CUIABÁ 2015 Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar

Leia mais

EMENTÁRIO. Princípios de Conservação de Alimentos 6(4-2) I e II. MBI130 e TAL472*.

EMENTÁRIO. Princípios de Conservação de Alimentos 6(4-2) I e II. MBI130 e TAL472*. EMENTÁRIO As disciplinas ministradas pela Universidade Federal de Viçosa são identificadas por um código composto por três letras maiúsculas, referentes a cada Departamento, seguidas de um número de três

Leia mais

Em matérias jornalísticas publicadas em vários. Introdução

Em matérias jornalísticas publicadas em vários. Introdução Introdução Em matérias jornalísticas publicadas em vários países do mundo nos últimos anos emerge um aparente paradoxo a respeito da vida na península italiana: o amor do mundo pela Itália, enquanto os

Leia mais