FORMAÇÃO AVANÇADA EM FISCALIDADE EMPRESARIAL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "FORMAÇÃO AVANÇADA EM FISCALIDADE EMPRESARIAL"

Transcrição

1 FORMAÇÃO AVANÇADA EM FISCALIDADE EMPRESARIAL Início a 3 de Maio de 2004 Objectivos Aquisição de uma sólida base de conhecimentos com vista à compreensão integrada do sistema fiscal português. Obtenção de flexibilidade de raciocínio fiscal necessária à identificação e resolução de problemas concretos e ao estudo do impacto fiscal da tomada de decisões operacionais e estratégicas na empresa. Compreensão do âmbito e alcance de medidas, actuais e futuras, de reformulação do sistema fiscal português. Obtenção da prática necessária ao manuseamento dos principais códigos fiscais portugueses (IRS, IRC, IVA, Processo Tributário e Impostos sobre o Património). Coordenação do programa: Científica: Prof. Dr. José Alberto Pinheiro Pinto Executiva: Drª Rosa Maria Teixeira Destinatários Quadros médios e superiores das empresas; profissionais livres nas áreas do Direito, Contabilidade, Auditoria e Consultoria Fiscal; consultores de empresas; outros profissionais que pretendam complementar a sua formação de base. Admissão e selecção Apesar de não se exigir aos candidatos uma formação académica específica, não se deixa de recomendar, no entanto, que possuam experiência profissional e / ou habilitação académica susceptível de ser complementada com a aquisição de conhecimentos na área fiscal. Na admissão dos candidatos será tida em conta a ordem de entrada das respectivas candidaturas. Elementos que devem constituir o processo de inscrição: Boletim de inscrição Curriculum Vitae 2 fotografias

2 Prazo de apresentação das candidaturas O prazo para a apresentação das candidaturas decorrerá até 26 de Abril de Número de vagas: limitado Estrutura do programa O programa está estruturado em dez módulos temáticos e terá a duração de 84 horas. É a seguinte a distribuição da carga horária pelos diferentes módulos: Módulos Nº horas Datas 1. A Fiscalidade em Portugal 3 3 de Maio 2. IVA 12 5,6,10,12 Maio 3. RITI e Operações Triangulares 6 13 e 17 Maio 4. Nova Tributação do Património 9 19,20 e 24 Maio 5 IRS 12 26,27 Maio 1 e 2 Junho 6. IRC 15 3,7,8,14 e 16 Junho 7.Tributação de Instrumentos Financeiros 3 17 Junho 8. Direito Fiscal Internacional 3 21 Junho 9. Contencioso Tributário 12 22, 29, 30 Junho e 1 Julho 10. Planeamento Fiscal 9 5,7 e 8 Julho Total 84 Funcionamento do programa O programa tem início no dia 3 de Maio e termina no dia 8 de Julho de 2004 tendo, portanto, a duração de dez semanas. Funcionará em regime pós-laboral, das às horas, em regra às segundas, quartas e quintas-feiras.

3 Nota biográfica do corpo docente: ANTÓNIO RUI DE AZEVEDO GONÇALVES Licenciatura em Economia pela UP. Técnico da Direcção Geral dos Impostos - DGCI. Pós-graduado em Estudos Europeus pela UC. Docente do Ensino Superior EMANUEL AUGUSTO VIDAL LIMA Licenciatura em Economia pela UP. Assessor da Direcção Geral dos Impostos - DGCI. Docente do Ensino Superior. Formador da área de fiscalidade JOSÉ ALBERTO PINHEIRO PINTO Licenciatura em Economia pela FEP. Revisor Oficial de Contas. Consultor fiscal. Docente da UCP. MARIA DULCE DE ALMEIDA SOARES Licenciatura em Economia pela UP. e em Direito pela U. Lusíada. Pósgraduada em Direito Penal Económico e Europeu pelo IDPEE UC. Advogada em Rui Peixoto Duarte & Associados Advogados. Docente em cursos de Pós-Graduação MARIA LUÍSA LEITE CASTRO ANACORETA CORREIA Licenciatura em Gestão pela UCP. Mestrado em Economia pela FEP. Docente da UCP. Revisora Oficial de Contas e consultora. RUI MORAIS Licenciatura em Ciências Jurídicas pela U. Coimbra Docente com regência na área do Direito Fiscal, na Faculdade de Direito da UCP Porto. Foi colaborador da Comissão de Reforma Fiscal TELMO JOAQUIM ROCHA TAVARES Licenciatura em Direito pela U. Portucalense. Bacharelato em Contabilidade e Administração de Empresa. Pós-graduado em Direito Penal Económico e Europeu pelo IDPEE UC. Director de Finanças. Docente em cursos de Pós- Graduação. VIRGILIO PIRES Ex-Director de Finanças. Consultor Fiscal

4 Conteúdo programático dos módulos: MÓDULO 1 - A FISCALIDADE EM PORTUGAL JOSÉ ALBERTO PINHEIRO PINTO O Sistema Fiscal Português. O papel da fiscalidade na gestão empresarial. Desafios futuros. MÓDULO 2 IMPOSTO SOBRE O VALOR ACRESCENTADO EMANUEL AUGUSTO VIDAL LIMA Regras de incidência e localização; isenções completas e incompletas. Sujeitos passivos isentos com/sem possibilidade de renúncia. Sujeitos passivos mistos. Regularizações e regras de recuperação de IVA. Regimes especiais. MÓDULO 3 - RITI E OPERAÇÕES TRIANGULARES EMANUEL AUGUSTO VIDAL LIMA O IVA e as transações internacionais de bens. A tributação na UE. Aquisições intracomunitárias efectuadas por não sujeitos passivos e por sujeitos passivos isentos. Vendas à distância. Operações triangulares MÓDULO 4 NOVA TRIBUTAÇÃO DO PATRIMÓNIO VIRGÍLIO PIRES Imposto municipal sobre imóveis IMI. Imposto municipal sobre as transmissões onerosas de imóveis IMT. Transmissões gratuitas - Imposto de selo. Regime transitório. MÓDULO 5 IMPOSTO SOBRE O RENDIMENTO DAS PESSOAS SINGULARES MARIA DULCE DE ALMEIDA SOARES / TELMO JOAQUIM ROCHA TAVARES Estrutura e funcionamento do imposto. Rendimentos sujeitos a tributação. Regime dos rendimentos em espécie. Rendimentos empresariais e profissionais. Regime simplificado de tributação. Regime de tributação das mais-valias e de outros incrementos patrimoniais. Manifestações de fortuna e rendimentos-padrão. Deduções, abatimentos e benefícios fiscais. Tributação dos não residentes. Regime das retenções na fonte. Obrigações declarativas. Casos práticos MÓDULO 6 IMPOSTO SOBRE O RENDIMENTO DAS PESSOAS COLECTIVAS ANTÓNIO RUI DE AZEVEDO GONÇALVES Estrutura do imposto e regras de incidência. Resultado contabilístico versus resultado fiscal. Encargos não dedutíveis. Regime das reintegrações e amortizações. Regime das provisões. Créditos incobráveis. Regime das mais e menos-valias. Reinvestimento dos valores de realização. Preços de transferência. Dupla tributação económica de lucros distribuídos. Dupla tributação internacional. Cálculo do imposto. Pagamentos por conta e pagamento especial por conta. Tributações autónomas. Regime simplificado de tributação. Tributação das entidades não residentes. Tributação das

5 entidades sem fins lucrativos. Benefícios fiscais. A declaração modelo nº 22. A declaração anual e seus anexos Casos práticos. MÓDULO 7 TRIBUTAÇÃO DE INSTRUMENTOS FINANCEIROS MARIA LUÍSA LEITE CASTRO Empréstimos bancários, obrigacionistas e outras formas de financiamento externo; remunerações de sócios ou accionistas (lucros e mais-valias); instrumentos financeiros derivados; rendimentos de unidades de participação em fundos de investimento. MÓDULO 8 - DIREITO FISCAL INTERNACIONAL RUI MORAIS Delimitação da extensão das leis nacionais. Dupla tributação internacional e convenção modelo da OCDE. Deslocalização das operações tributárias - utilização de paraísos fiscais e medidas anti-abuso: preços de transferência; limitação à dedutibilidade de custos; transparência fiscal ; subcapitalização. MÓDULO 9 - CONTENCIOSO TRIBUTÁRIO MARIA DULCE DE ALMEIDA SOARES / TELMO JOAQUIM ROCHA TAVARES A Lei Geral Tributária e o Código de Procedimento e de Processo Tributário Princípios do procedimento e do processo tributário.garantias dos sujeitos passivos: direito à informação; direito à fundamentação; direito à notificação; direito à audição e direito à indemnização. Avaliação directa / Avaliação indirecta. Meios de defesa do sujeito passivo: procedimento de revisão; reclamação graciosa; recurso hierárquico e impugnação judicial. A responsabilidade dos corpos sociais, dos revisores oficiais de contas e dos técnicos oficiais de contas pelas dívidas tributárias.procedimento de Inspecção Tributária: derrogação do sigilo bancário.os crimes e as contraordenações fiscais MÓDULO 10 PLANEAMENTO FISCAL JOSÉ ALBERTO PINHEIRO PINTO Estruturação de grupos de empresas; financiamento e tributação; sociedades gestoras de participações sociais; transparência fiscal; grupos de sociedades.

6 Local O curso terá lugar na sede da EGE Av. da Boavista, Porto Preço O preço deste programa é de (mil e quinhentos euros), e deverá ser pago no acto da inscrição. Nele está incluído todo o material pedagógico. Poderá igualmente ser admitida a frequência avulsa de algum(uns) módulo(s). Condições especiais Os associados da AEP e os antigos alunos da UCP que se inscrevam no programa integral beneficiarão de um desconto de 10%. Entidades que inscrevam 2 participantes beneficiarão de um desconto de 5% Entidades que inscrevam mais de 2 participantes beneficiarão de um desconto de 10% Os descontos não são acumuláveis. Certificado No final do curso será entregue um Diploma de Formação Avançada aos participantes que tenham frequentado, pelo menos, 75% das sessões.

7 Formação Avançada em Fiscalidade Empresarial Ficha de Inscrição: Módulo(s) em que se inscreve: Todos Mód 1 Mód 2 Mód 3 Mód 4 Mód 5 Mód 6 Mód 7 Mód 8 Mód 9 Mód 10 Participante: Formação Base: Endereço: Cód. Postal: Localidade: Telef.: Empresa: Endereço: Cód. Postal: Localidade: Telef.: Fax: Factura em Nome de: Empresa Participante: N. Contribuinte: INSCRIÇÕES/INFORMAÇÕES Laura Gonçalves - Tel / Fax / /

CURSO PLANEAMENTO FISCAL

CURSO PLANEAMENTO FISCAL CURSO PLANEAMENTO FISCAL ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 03 2. DESENVOLVIMENTO A. Proposta pedagógica B. Investimento C. Condições de participação 03 03 04 04 3. FICHA DE INSCRIÇÃO 05 02 Moneris Academy Planeamento

Leia mais

Pós-Graduação em Fiscalidade 6 ª Edição 2015-2016

Pós-Graduação em Fiscalidade 6 ª Edição 2015-2016 Pós-Graduação em Fiscalidade 6 ª Edição 2015-2016 1. Justificação e Enquadramento A fiscalidade faz, inexoravelmente, parte da vida dos cidadãos e das empresas e outras entidades, os quais devem estar

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FISCALIDADE - REGULAMENTO -

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FISCALIDADE - REGULAMENTO - CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FISCALIDADE - REGULAMENTO - Artigo 1.º Objecto O presente regulamento enquadra e estabelece as regras de funcionamento do curso de pós-graduação em fiscalidade, organizado pelo

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM CONTROLO DE GESTÃO E FISCALIDADE PARA PME S

PÓS-GRADUAÇÃO EM CONTROLO DE GESTÃO E FISCALIDADE PARA PME S PÓS-GRADUAÇÃO EM CONTROLO DE GESTÃO E FISCALIDADE PARA PME S CÂMARA DO COMÉRCIO DE ANGRA DO HEROÍSMO E INSTITUTO SUPERIOR DE ECONOMIA E GESTÃO Angra do Heroísmo 2010/2011 1 Objectivos Este curso de pós-graduação

Leia mais

VALORES DE FUTURO INSTITUTO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E GESTÃO PÓS-GRADUAÇÃO FISCALIDADE PROGRAMAS EXECUTIVOS

VALORES DE FUTURO INSTITUTO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E GESTÃO PÓS-GRADUAÇÃO FISCALIDADE PROGRAMAS EXECUTIVOS VALORES DE FUTURO INSTITUTO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E GESTÃO PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMAS EXECUTIVOS UM COMPROMISSO DE DUAS INSTITUIÇÕES Bem-vindo aos Programas Executivos do ISAG e da IFACC. A união de sinergias

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM CONTABILIDADE E FISCALIDADE COM OPÇÃO DE SIMULAÇÃO EMPRESARIAL

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM CONTABILIDADE E FISCALIDADE COM OPÇÃO DE SIMULAÇÃO EMPRESARIAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM CONTABILIDADE E FISCALIDADE COM OPÇÃO DE SIMULAÇÃO EMPRESARIAL As exigências e complexidade crescentes com que se deparam as empresas e organizações em geral, requerem da parte

Leia mais

Apuramento do resultado fiscal em SNC

Apuramento do resultado fiscal em SNC www.pwcacademy.pt Apuramento do resultado fiscal em SNC Lisboa, 23 e 29 de Novembro Academia da PwC Lisboa, 7ª edição Esta formação reúne conteúdos para a atribuição de créditos, nos termos previstos no

Leia mais

IMPOSTOS SOBRE O RENDIMENTO

IMPOSTOS SOBRE O RENDIMENTO hhh IMPOSTOS SOBRE O RENDIMENTO Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares (IRS) O Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares (IRS) é aplicável quer ao rendimento obtido por entidades residentes

Leia mais

enquadramento objectivos

enquadramento objectivos enquadramento O curso tem uma estrutura holística, integradora e procura trabalhar as competências da gestão de recursos humanos numa perspectiva de marketing interno no âmbito de temas marcadamente actuais,

Leia mais

Plano de Curso CURSO PREPARAÇÃO OTOC

Plano de Curso CURSO PREPARAÇÃO OTOC Plano de Curso CURSO PREPARAÇÃO OTOC INTRODUÇÃO O Curso de preparação para os exames de avaliação profissional da Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas, promovido pela Associação para a Extensão Universitária

Leia mais

Projecto Cidadania - 3º Barómetro

Projecto Cidadania - 3º Barómetro Projecto Cidadania - 3º Barómetro 1. A carga fiscal em 2012 será maior do que em 2011: Sim Não Average Para as famílias? 106 (98.1%) 2 (1.9%) 1.02 108 100.0% Para as empresas? 75 (70.8%) 31 (29.2%) 1.29

Leia mais

CURRICULUM VITAE ELEMENTOS PESSOAIS HABILITAÇÕES LITERÁRIAS

CURRICULUM VITAE ELEMENTOS PESSOAIS HABILITAÇÕES LITERÁRIAS CURRICULUM VITAE ELEMENTOS PESSOAIS Nome: André Filipe Antunes de Sousa Tavares HABILITAÇÕES LITERÁRIAS o Licenciatura em Gestão pela Cooperativa de Ensino Universidade Lusíada do Porto, finalizada a 27

Leia mais

CONTABILIDADE E FISCALIDADE

CONTABILIDADE E FISCALIDADE PÓS-GRADUAÇÃO CONTABILIDADE E FISCALIDADE 2015-2016 2 PÓS-GRADUAÇÃO CONTABILIDADE E FISCALIDADE COORDENAÇÃO Prof. Doutor Eduardo Barbosa do Couto Mestre António Samagaio APRESENTAÇÃO Este curso de Pós-Graduação

Leia mais

ALTERAÇÕES AO CÓDIGO DO IRS DL 238/2006 E LEI 53-A/2006

ALTERAÇÕES AO CÓDIGO DO IRS DL 238/2006 E LEI 53-A/2006 FISCAL E FINANÇAS LOCAIS NEWSLETTER RVR 2 Maio de 2007 ALTERAÇÕES AO CÓDIGO DO IRS DL 238/2006 E LEI 53-A/2006 Sandra Cristina Pinto spinto@rvr.pt O Decreto Lei nº 238/2006 e a Lei nº 53-A/2006, publicados

Leia mais

Banca, Seguros e Mercados Financeiros

Banca, Seguros e Mercados Financeiros Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica Vasco da Gama Sines Tecnopolo Pós-Graduação Banca, Seguros e Mercados Financeiros Edital 2ª Edição 2011 1 Enquadramento A Escola Superior

Leia mais

Calendário fiscal 2014

Calendário fiscal 2014 www.pwc.pt/tax Uma compilação das principais obrigações fiscais e parafiscais de periodicidade regular das pessoas coletivas e das pessoas singulares A PwC Os conteúdos aqui apresentados são de natureza

Leia mais

MBA EM GESTÃO E PROMOÇÃO DE NEGÓCIOS IMOBILIÁRIOS 12ª EDIÇÃO RECONHECIDO PELA CMVM

MBA EM GESTÃO E PROMOÇÃO DE NEGÓCIOS IMOBILIÁRIOS 12ª EDIÇÃO RECONHECIDO PELA CMVM MBA EM GESTÃO E PROMOÇÃO DE NEGÓCIOS IMOBILIÁRIOS 12ª EDIÇÃO RECONHECIDO PELA CMVM Objectivos Dotar os alunos de conhecimentos e consciência crítica sobre a teoria e a prática da Gestão e da Promoção Imobiliária,

Leia mais

Pós-Graduação. Contabilidade e Finanças. Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica. Sines Tecnopolo. Edital 1ª Edição 2012

Pós-Graduação. Contabilidade e Finanças. Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica. Sines Tecnopolo. Edital 1ª Edição 2012 Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica Sines Tecnopolo Pós-Graduação Contabilidade e Finanças Edital 1ª Edição 2012 3ª Fase Enquadramento O Sines Tecnopolo apresenta, em parceria

Leia mais

REGULAMENTO DO CURSO DE PREPARAÇÃO PARA REVISORES OFICIAIS DE CONTAS

REGULAMENTO DO CURSO DE PREPARAÇÃO PARA REVISORES OFICIAIS DE CONTAS REGULAMENTO DO CURSO DE PREPARAÇÃO PARA REVISORES OFICIAIS DE CONTAS PREÂMBULO Na sequência da transposição para o ordenamento jurídico nacional da Directiva n.º 2006/43/CE, do Parlamento Europeu e do

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO. Acção de Formação Fiscalidade

DOCUMENTAÇÃO. Acção de Formação Fiscalidade DOCUMENTAÇÃO Acção de Formação Fiscalidade Painel Fiscalidade ENQUADRAMENTO FISCAL IRS IVA EBF IRC INCIDÊNCIA BASE DO IMPOSTO RENDIMENTOS ISENTOS DETERMINAÇÃO DA MATÉRIA COLECTÁVEL DETERMINAÇÃO DO RENDIMENTO

Leia mais

ORA newsletter. Resumo Fiscal/Legal Outubro de 2010 1 Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2011 2 Revisores e Auditores 9

ORA newsletter. Resumo Fiscal/Legal Outubro de 2010 1 Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2011 2 Revisores e Auditores 9 Assuntos Resumo Fiscal/Legal Outubro de 2010 1 Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2011 2 Revisores e Auditores 9 LEGISLAÇÃO FISCAL/LEGAL OUTUBRO DE 2010 Ministério das Finanças e da Administração

Leia mais

Fiscalidade e Contabilidade

Fiscalidade e Contabilidade Fiscalidade e Contabilidade Formação Executiva 2016 www.catolicabs.porto.ucp.pt A Católica Porto Business School Pós-Graduações Fundada em 2002, a Católica Porto Business School é a escola de negócios

Leia mais

CALENDÁRIO FISCAL 2015

CALENDÁRIO FISCAL 2015 CALENDÁRIO FISCAL 2015 QUADRITÓPICO & BAKER TILLY Obrigações mensais Q U A D R I T Ó P I C O P u b l i c a ç õ e s e D i s t r i b u i ç ã o i n f o @ q u a d r i t o p i c o. p t B A K E R T I L L Y i

Leia mais

www.pwc.com/pt empresarial Jorge Figueiredo

www.pwc.com/pt empresarial Jorge Figueiredo www.pwc.com/pt Fiscalidade pessoal e empresarial Jorge Figueiredo 18 de Fevereiro de 2011 Agenda 1. IRS 1.1 Alterações das taxas 1.2 Outros rendimentos 1.3 Dedução específica Categoria A 1.4 Reporte de

Leia mais

Contabilidade e Fiscalidade

Contabilidade e Fiscalidade www. indeg. iscte-iul. pt ARTICULA OS PRINCIPAIS TEMAS DE RELEVÂNCIA ATUAL E FUTURA NA ÁREA DA ATRAVÉS DE UMA ESTRUTURA PROGRAMÁTICA SÓLIDA E ABRANGENTE NA ÁREA CIENTÍFICA DA CONTABILIDADE Contabilidade

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 GESTÃO FISCAL WWW.IDEFE.PT PÁG. 1

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 GESTÃO FISCAL WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO FISCAL 2013/2014 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 GESTÃO FISCAL 5ª EDIÇÃO COORDENAÇÃO CIENTÍFICA OBJETIVOS Prof. Dr. Manuel Henrique de Freitas Pereira NATUREZA DO CURSO

Leia mais

A aquisição de qualquer imóvel pressupõe o pagamento de IMT, IMI e imposto de selo.

A aquisição de qualquer imóvel pressupõe o pagamento de IMT, IMI e imposto de selo. Impostos A aquisição de qualquer imóvel pressupõe o pagamento de IMT, IMI e imposto de selo. IMT (Imposto sobre Transmissões Onerosas de Imóveis) Imposto sobre as transmissões onerosas do direito de propriedade

Leia mais

Guia Fiscal 2012. Índice. Informação Fiscal 7. Região Autónoma da Madeira. Imposto sobre o rendimento das pessoas singulares (IRS)

Guia Fiscal 2012. Índice. Informação Fiscal 7. Região Autónoma da Madeira. Imposto sobre o rendimento das pessoas singulares (IRS) Guia Fiscal 2012 Guia Fiscal 2012 Índice Informação Fiscal 7 Região Autónoma da Madeira 59 Imposto sobre o rendimento das pessoas singulares (IRS) 14 Desvalorizações excepcionais de elementos do activo

Leia mais

PROGRAMA DA DISCIPLINA DE DIREITO FISCAL (3. ANO)

PROGRAMA DA DISCIPLINA DE DIREITO FISCAL (3. ANO) FACULDADE DE DIREITO UNIVERSIDADE DE MACAU CURSO DE LICENCIATURA EM DIREITO EM LÍNGUA PORTUGUESA ANO LECTIVO DE 2014/2015 PROGRAMA DA DISCIPLINA DE DIREITO FISCAL (3. ANO) DISCIPLINA SEMESTRAL CARGA HORÁRIA:

Leia mais

Incentivos fiscais à reabilitação urbana e legislação relacionada. Tatiana Cardoso Dia 18 de Setembro de 2013 Lisboa

Incentivos fiscais à reabilitação urbana e legislação relacionada. Tatiana Cardoso Dia 18 de Setembro de 2013 Lisboa Incentivos fiscais à reabilitação urbana e legislação relacionada Tatiana Cardoso Dia 18 de Setembro de 2013 Lisboa Incentivos fiscais à Reabilitação Urbana e Nova Lei das Rendas Introdução Como instrumento

Leia mais

DOSSIER II EDIÇÃO DO CURSO DE EMPREENDEDORISMO E CRIAÇÃO DE EMPRESAS. 4 de Maio a 12 de Outubro

DOSSIER II EDIÇÃO DO CURSO DE EMPREENDEDORISMO E CRIAÇÃO DE EMPRESAS. 4 de Maio a 12 de Outubro DOSSIER II EDIÇÃO DO CURSO DE EMPREENDEDORISMO E CRIAÇÃO DE EMPRESAS 4 de Maio a 12 de Outubro Índice 1. Denominação 2. Objectivos 3. Destinatários 4. Avaliação 5. Conteúdo Programático 6. Programa indicativo

Leia mais

OBRIGAÇÕES DECLARATIVAS - 2009

OBRIGAÇÕES DECLARATIVAS - 2009 OBRIGAÇÕES DECLARATIVAS - 2009 JANEIRO / 2009 Até ao dia 12 Entrega da Declaração Modelo 11, por transmissão electrónica de dados, pelos Notários, Até ao dia 20 - Entrega, pelas Instituições de Crédito

Leia mais

CURRICULUM VITAE DE PEDRO ALEXANDRE FERREIRA MENDES MARINHO FALCÃO

CURRICULUM VITAE DE PEDRO ALEXANDRE FERREIRA MENDES MARINHO FALCÃO CURRICULUM VITAE DE PEDRO ALEXANDRE FERREIRA MENDES MARINHO FALCÃO 1. IDENTIFICAÇÃO 2. FORMAÇÃO 3. ACTIVIDADE PROFISSIONAL 4. TRABALHOS PUBLICADOS 5. EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL 1. IDENTIFICAÇÃO 1. Nome:

Leia mais

MANUAL DA QUALIDADE. Rev.: 02. Data: 05-07-2013. Mod.41/00. pág. 1

MANUAL DA QUALIDADE. Rev.: 02. Data: 05-07-2013. Mod.41/00. pág. 1 MANUAL DA QUALIDADE Rev.: 02 Data: 05-07-2013 pág. 1 Designação Social: Dupliconta Sociedade de Contabilidade, Consultadoria e Gestão Lda. Morada: Caminho do Pilar, Conjunto Habitacional do Pilar, Lote

Leia mais

Medidas legislativas de Combate à Fraude e Evasão Fiscais concretizadas até Novembro de 2006

Medidas legislativas de Combate à Fraude e Evasão Fiscais concretizadas até Novembro de 2006 Medidas legislativas de Combate à Fraude e Evasão Fiscais concretizadas até Novembro de 2006 Portaria n.º 426-A/2005, de 1 de Abril Resselagem (estampilhas fiscais) de bebidas espirituosas, assegurando

Leia mais

Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica Vasco da Gama. Sines Tecnopolo. Pós-Graduação. Gestão de Projectos

Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica Vasco da Gama. Sines Tecnopolo. Pós-Graduação. Gestão de Projectos Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica Vasco da Gama Sines Tecnopolo Pós-Graduação Gestão de s Edital 1ª Edição 2012 1 Enquadramento O Sines Tecnopolo apresenta, em parceria com

Leia mais

Decreto-Lei n.º 219/2001, de 4 de Agosto *

Decreto-Lei n.º 219/2001, de 4 de Agosto * Decreto-Lei n.º 219/2001, de 4 de Agosto * CAPÍTULO I Âmbito de aplicação Artigo 1.º Âmbito O presente decreto-lei estabelece o regime fiscal das operações de titularização de créditos efectuadas no âmbito

Leia mais

CONTALIVRE CONTABILIDADE, AUDITORIA E GESTÃO DE EMPRESAS,LDA CIRCULAR Nº 1/2014 IRS

CONTALIVRE CONTABILIDADE, AUDITORIA E GESTÃO DE EMPRESAS,LDA CIRCULAR Nº 1/2014 IRS CIRCULAR Nº 1/2014 Com a aprovação do orçamento do estado para o ano de 2014 publicado pela lei nº 83-C/2013 de 31/12, o governo introduziu várias alterações legislativas significativas em matérias fiscais

Leia mais

Regime de Contabilidade de Caixa em Sede de IVA

Regime de Contabilidade de Caixa em Sede de IVA Regime de Contabilidade de Caixa em Sede de IVA Legislação: Decreto-Lei n.º 71/2013 de 30 de Maio Data de entrada em vigência: 1 de Outubro de 2013 Aplicação: o regime de IVA de caixa aplica-se a todas

Leia mais

Calendário fiscal 2015

Calendário fiscal 2015 www.pwc.pt/tax Uma compilação das principais obrigações fiscais e parafiscais de periodicidade regular das pessoas coletivas e das pessoas singulares A PwC Os conteúdos aqui apresentados são de natureza

Leia mais

Índice. seguinte Pág.1. 1. Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares (IRS)

Índice. seguinte Pág.1. 1. Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares (IRS) PROPOSTA DE LEI DO ORÇAMENTO DO ESTADO PARA 2013 Na sequência da apresentação, pelo Ministro de Estado e das Finanças, da proposta de Lei do Orçamento do Estado para o ano de 2013 (OE/2013), pretende-se,

Leia mais

Boletim Informativo AMI 10467

Boletim Informativo AMI 10467 , 28 de Janeiro de 2013. Informação Fiscal Residentes Fiscais não habituais Portugal. Em resultado do reconhecimento pelas autoridades fiscais portuguesas do estatuto de residente fiscal não habitual,

Leia mais

Fiscalidade em Portugal. Um primeiro olhar

Fiscalidade em Portugal. Um primeiro olhar Fiscalidade em Portugal Um primeiro olhar ÍNDICE 01 IMPOSTOS PORTUGUESES A perspectiva global 02 TRIBUTAÇÃO DO RENDIMENTO Principais regras e taxas 03 TRIBUTAÇÃO DO PATRIMÓNIO Principais regras e taxas

Leia mais

GESTÃO FISCAL. Comissão Científica: Prof. Dr. Manuel Henrique de Freitas Pereira Prof.ª Dr.ª Maria dos Prazeres Lousa PÓS-GRADUAÇÃO/ISEG/CEGE

GESTÃO FISCAL. Comissão Científica: Prof. Dr. Manuel Henrique de Freitas Pereira Prof.ª Dr.ª Maria dos Prazeres Lousa PÓS-GRADUAÇÃO/ISEG/CEGE GESTÃO FISCAL Comissão Científica: Prof. Dr. Manuel Henrique de Freitas Pereira Prof.ª Dr.ª Maria dos Prazeres Lousa PÓS-GRADUAÇÃO/ISEG/CEGE Pós-Graduação // Gestão Fiscal PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO FISCAL

Leia mais

Sistema de Normalização Contabilística

Sistema de Normalização Contabilística www.pwcacademy.pt Sistema de Normalização Contabilística Sector da Construção Academia da PwC Oportunidade para apreender os principais aspectos do novo modelo de normalização contabilística bem como os

Leia mais

GESTÃO FISCAL DAS ORGANIZAÇÕES

GESTÃO FISCAL DAS ORGANIZAÇÕES GESTÃO FISCAL DAS ORGANIZAÇÕES Direcção e Coordenação Científica: Prof. Doutor Rogério Fernandes Ferreira PÓS-GRADUAÇÃO/IDEFE Pós-Graduação // Gestão Fiscal das Organizações PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO FISCAL

Leia mais

Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica. Sines Tecnopolo. Pós-Graduação. MBA em Negócios Internacionais

Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica. Sines Tecnopolo. Pós-Graduação. MBA em Negócios Internacionais Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica Sines Tecnopolo Pós-Graduação MBA em Negócios Internacionais Edital 1ª Edição 2012-2013 1 Enquadramento O MBA em Negócios Internacionais é

Leia mais

SNC Casos Práticos. Lisboa, 11, 18 e 25 de outubro,6 Porto, 22 e 30 novembro, 6 e 13 de dezembro. www.pwc.pt/academy. Academia da PwC.

SNC Casos Práticos. Lisboa, 11, 18 e 25 de outubro,6 Porto, 22 e 30 novembro, 6 e 13 de dezembro. www.pwc.pt/academy. Academia da PwC. www.pwc.pt/academy SNC Casos Práticos Lisboa, 11, 18 e 25 de outubro,6 outubro, de novembro Porto, 22 e 30 novembro, 6 e 13 de dezembro Academia da PwC 6ªEdição Lideres na formação de executivos no SNC,

Leia mais

SEMINÁRIO CROWE HORWATH ORÇAMENTO DO ESTADO PARA 2011 (IRC) 2011 Crowe Horwath International

SEMINÁRIO CROWE HORWATH ORÇAMENTO DO ESTADO PARA 2011 (IRC) 2011 Crowe Horwath International SEMINÁRIO CROWE HORWATH ORÇAMENTO DO ESTADO PARA 2011 (IRC) 1 IRC 2 Eliminação da Dupla Tributação Económica dos Lucros Distribuídos Na sociedade detentora Eliminação da Dupla Tributação nos Lucros auferidos

Leia mais

O Orçamento de Estado 2011

O Orçamento de Estado 2011 O Orçamento de Estado 2011 Resumo dos aspectos essenciais da Lei do Orçamento de Estado de 2011, Lei n.º 55-A/2010. Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Colectivas Dupla tributação económica Eliminada

Leia mais

MBA Master Business Administration

MBA Master Business Administration MBA Master Business Administration Objectivos O Master pretende complementar os conhecimentos teóricos e práticos de gestão em geral, proporcionando informação sobre as técnicas de gestão e de apoio à

Leia mais

Enquadramento Fiscal

Enquadramento Fiscal Organizações Sem Fins Lucrativos Enquadramento Fiscal Ponte da Barca, 14 de Maio de 2013 Organizações Sem Fins Lucrativos Os principais tipos de entidades sem fins lucrativos em Portugal são as associações,

Leia mais

CURSO DE PREPARAÇÃO PARA O EXAME DE INGRESSO NA INSPEÇÃO TRIBUTÁRIA: Área de Economia, Gestão e Contabilidade. 1.ª Edição

CURSO DE PREPARAÇÃO PARA O EXAME DE INGRESSO NA INSPEÇÃO TRIBUTÁRIA: Área de Economia, Gestão e Contabilidade. 1.ª Edição CURSO DE PREPARAÇÃO PARA O EXAME DE INGRESSO NA INSPEÇÃO TRIBUTÁRIA: Área de Economia, Gestão e Contabilidade 1.ª Edição Instituto Politécnico do Cávado e do Ave Escola Superior de Gestão Novembro de 2012

Leia mais

Advocacia e Cidadania

Advocacia e Cidadania REGRA GERAL: SUJEIÇÃO TRIBUTÁRIA (Art. 3.º e 48.º CIRC) IPSS não exercem a título principal uma actividade de natureza comercial, industrial ou agrícola Tributadas pelo rendimento global, o qual corresponde

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM Dr. José Timóteo Montalvão Machado CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO EM SAÚDE Coordenação científica Prof. Inês Pereira Prof. Alexandrina Lobo Prof. Vítor Machado Coordenação

Leia mais

Comissão para a Reforma do IRC - 2013. Uma Reforma orientada para a Competitividade, o Crescimento e o Emprego

Comissão para a Reforma do IRC - 2013. Uma Reforma orientada para a Competitividade, o Crescimento e o Emprego Uma Reforma orientada para a Competitividade, o Crescimento e o Emprego Principais medidas da Reforma 2 I. Redução da taxa do IRC - A redução das taxas de IRC é fundamental para a atração de investimento

Leia mais

CURRICULUM VITAE INFORMAÇÃO PESSOAL. NOME - Diogo Nuno de Gouveia Torres Feio FORMAÇÃO ACADÉMICA

CURRICULUM VITAE INFORMAÇÃO PESSOAL. NOME - Diogo Nuno de Gouveia Torres Feio FORMAÇÃO ACADÉMICA CURRICULUM VITAE INFORMAÇÃO PESSOAL NOME - Diogo Nuno de Gouveia Torres Feio FORMAÇÃO ACADÉMICA 1998 - Mestrado em Ciências Jurídico-Políticas, pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, com

Leia mais

Publicado na revista TOC. Fiscalidade no imobiliário Contrato de locação financeira imobiliária Enquadramento fiscal

Publicado na revista TOC. Fiscalidade no imobiliário Contrato de locação financeira imobiliária Enquadramento fiscal Publicado na revista TOC Fiscalidade no imobiliário Contrato de locação financeira imobiliária Enquadramento fiscal O regime jurídico do contrato de locação financeira, vem consagrado no DL nº 149/95,

Leia mais

O E / 2008 IRC / IRS / BENEFÍCIOS FISCAIS

O E / 2008 IRC / IRS / BENEFÍCIOS FISCAIS O E / 2008 IRC / IRS / BENEFÍCIOS FISCAIS 1 O E / 2008 IRC 2 Apresentação 1. Acolhimento de recomendações da OCDE 2. Combate à evasão fiscal 3. Aperfeiçoamentos técnico-legislativos 4. Medidas de simplificação

Leia mais

7. A Soc. Z efectuou, pela 1ª vez, ajustamentos em dívidas a receber ( Provisões para créditos de cobrança duvidosa), conforme quadro abaixo:

7. A Soc. Z efectuou, pela 1ª vez, ajustamentos em dívidas a receber ( Provisões para créditos de cobrança duvidosa), conforme quadro abaixo: Considere os seguintes limites fixados para os funcionários públicos (P 30-A/2008): Subsídio de Refeição (4,11 ); Transporte em automóvel próprio ( 0,39 por quilómetro). O SP A está sujeito à seguinte

Leia mais

pós-graduação fiscalidade Janeiro.10 Dezembro.10

pós-graduação fiscalidade Janeiro.10 Dezembro.10 pós-graduação fiscalidade Janeiro.10 Dezembro.10 pós-graduação fiscalidade A Pós-Graduação em Fiscalidade destina-se a jovens juristas ou outros profissionais que pretendem iniciar ou progredir numa carreira

Leia mais

Secção II 1* Fundos e sociedades de investimento imobiliário para arrendamento habitacional

Secção II 1* Fundos e sociedades de investimento imobiliário para arrendamento habitacional Secção II 1* Fundos e sociedades de investimento imobiliário para arrendamento habitacional Artigo 102.º Objecto É aprovado o regime especial aplicável aos fundos de investimento imobiliário para arrendamento

Leia mais

SISTEMA FISCAL. 27 de Outubro SAMUEL FERNANDES DE ALMEIDA

SISTEMA FISCAL. 27 de Outubro SAMUEL FERNANDES DE ALMEIDA SISTEMA FISCAL 27 de Outubro SAMUEL FERNANDES DE ALMEIDA Auditório SIBS PASSAPORTE PARA MOÇAMBIQUE ÍNDICE Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Colectivas ( IRPC ) Imposto sobre o Rendimento das Pessoas

Leia mais

344 Contabilidade e Fiscalidade

344 Contabilidade e Fiscalidade 344 Contabilidade e Fiscalidade A Inspeção Tributária nas Empresas Empresários, Diretores, Técnicos Oficiais de Contas. Não existentes. Formação Continua. Destinatários Requisitos de acesso Modalidade

Leia mais

Reforma Fiscal de Angola Formação profissional

Reforma Fiscal de Angola Formação profissional www.pwcacademy.pt Formação profissional Lisboa, 24 de novembro Porto, 27 de novembro A mais valia da nossa oferta formativa Em 2010, com a constituição do PERT - Projecto Executivo para a Reforma Tributária

Leia mais

Fiscalidade para empresas Portuguesas que pretendem investir na China

Fiscalidade para empresas Portuguesas que pretendem investir na China Paulo Núncio Sócio da Garrigues Lisboa Fiscalidade para empresas Portuguesas que pretendem investir na China Ordem dos Economistas Lisboa, 23 de Março de 2011 Investir na China internacionalização Internacionalização

Leia mais

CONTABILIDADE E PROCESSAMENTO SALARIAL

CONTABILIDADE E PROCESSAMENTO SALARIAL Contabilidade e Processamento Salarial A Câmara de Comércio e Indústria Luso-Alemã disponibiliza às empresas alemãs com sucursal ou estabelecimento estável em Portugal, o serviço de contabilidade organizada

Leia mais

Orçamento do Estado para 2004

Orçamento do Estado para 2004 Orçamento do Estado para 2004 (Lei nº107-b/2003, de 31 de Dezembro de 2003) Principais Medidas Fiscais com Incidência na Actividade Empresarial 1 IRC - Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Colectivas

Leia mais

NEWSLETTER FISCAL Setembro 2012. Alterações Fiscais Relevantes

NEWSLETTER FISCAL Setembro 2012. Alterações Fiscais Relevantes NEWSLETTER FISCAL Setembro 2012 Alterações Fiscais Relevantes 1. Introdução O passado mês de Agosto foram publicados vários diplomas legais com impacto na vida das empresas e das organizações em geral.

Leia mais

A empresa Branco & Lima Contabilidade e Consultoria, Lda presta serviços de contabilidade, fiscalidade, consultoria, gestão e serviços complementares.

A empresa Branco & Lima Contabilidade e Consultoria, Lda presta serviços de contabilidade, fiscalidade, consultoria, gestão e serviços complementares. A empresa Branco & Lima Contabilidade e Consultoria, Lda presta serviços de contabilidade, fiscalidade, consultoria, gestão e serviços complementares. Estamos à sua disposição para o aconselhar em questões

Leia mais

Impostos & Contribuições

Impostos & Contribuições Impostos & Contribuições Principais alterações que resultam da aprovação do Orçamento de Estado para 2014: 1. IRS (Imposto sobre Rendimento das Pessoas Singulares) 1.1 Seguros de saúde ou de doença Caso

Leia mais

www.ege.pt CURSO GERAL DE GESTÃO

www.ege.pt CURSO GERAL DE GESTÃO www.ege.pt CURSO GERAL DE GESTÃO PORQUÊ FAZER UM CURSO GERAL DE GESTÃO? Porque, tendo uma formação de base noutra área do conhecimento (ex: Engenharia, Direito,...) desempenha ou pretende vir a desempenhar

Leia mais

MGI Internacional. Presença em mais de 80 países

MGI Internacional. Presença em mais de 80 países MGI Internacional Presença em mais de 80 países Presente em mais de 80 países e com mais de 280 escritórios em todos os Continentes, a MGI é uma das maiores associações internacionais de empresas independentes

Leia mais

Consolidação de Contas

Consolidação de Contas www.pwc.pt/academy Consolidação de Contas 5ª Edição Lisboa, 9 e 16 de novembro Porto, 21 e 26 de novembro Academia da PwC 5ª Edição Esta formação reúne condições para a atribuição de créditos, nos termos

Leia mais

MBA Negócios Internacionais. Edital 1ª Edição 2013-2014

MBA Negócios Internacionais. Edital 1ª Edição 2013-2014 MBA Negócios Internacionais Edital 1ª Edição 2013-2014 Sines, Junho de 2013 1 Enquadramento O MBA em Negócios Internacionais é um curso de pós-graduação desenvolvido pela Escola Superior de Ciências Empresariais

Leia mais

OTOC - Exame de Avaliação Profissional Conteúdos Programáticos

OTOC - Exame de Avaliação Profissional Conteúdos Programáticos OTOC - Exame de Avaliação Profissional Conteúdos Programáticos Contabilidade Geral 1. Fundamentos da Contabilidade Financeira 1.1. A contabilidade financeira 1.1.1. Objeto e divisões da Contabilidade 1.1.2.

Leia mais

ce tec CURSO DE EMPREENDEDORISMO 3ª Edição-Internacional CENTRO DE EMPREENDEDORISMO / ISMAI - TECMAIA

ce tec CURSO DE EMPREENDEDORISMO 3ª Edição-Internacional CENTRO DE EMPREENDEDORISMO / ISMAI - TECMAIA ce tec CENTRO DE EMPREENDEDORISMO / ISMAI - TECMAIA CURSO DE EMPREENDEDORISMO 3ª Edição-Internacional O CEITEC (Centro de Empreendedorismo ISMAI-Tecmaia) apresenta a 3ª edição do Curso em Empreendedorismo,

Leia mais

LISBOA PORTO FUNCHAL SÃO PAULO LUANDA MAPUTO PRAIA MACAU DILI SÃO TOMÉ PEQUIM SHANGAI. de investimento

LISBOA PORTO FUNCHAL SÃO PAULO LUANDA MAPUTO PRAIA MACAU DILI SÃO TOMÉ PEQUIM SHANGAI. de investimento LISBOA PORTO FUNCHAL SÃO PAULO LUANDA MAPUTO PRAIA MACAU DILI SÃO TOMÉ PEQUIM SHANGAI Portugal como plataforma de investimento LISBOA PORTO FUNCHAL SÃO PAULO LUANDA MAPUTO PRAIA MACAU DILI SÃO TOMÉ PEQUIM

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO:

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO: CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO: SISTEMA DE NORMALIZAÇÃO CONTABILÍSTICA (SNC) Apresentação A Comissão de Normalização Contabilística aprovou em Julho de 2007 o projecto do novo Sistema de Normalização Contabilística

Leia mais

Assim, integram a Categoria E os rendimentos de capitais, enumerados no artigo 5.º do CIRS.

Assim, integram a Categoria E os rendimentos de capitais, enumerados no artigo 5.º do CIRS. CATEGORIA E RENDIMENTOS DE CAPITAIS Definem-se rendimentos de capitais, todos os frutos e demais vantagens económicas, qualquer que seja a sua natureza ou denominação, pecuniários ou em espécie, procedentes,

Leia mais

Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica. Sines Tecnopolo. Pós-Graduação. Gestão Logística

Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica. Sines Tecnopolo. Pós-Graduação. Gestão Logística Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica Sines Tecnopolo Pós-Graduação Gestão Logística Edital 1ª Edição 2012 1 Enquadramento Tem vindo a ser reconhecida, por políticas governamentais

Leia mais

1. Objectivos. 2. Destinatários. 3. Competências

1. Objectivos. 2. Destinatários. 3. Competências DEPARTAMENTO DE POLÍTICA E TRABALHO SOCIAL REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DE LIDERANÇA E GESTÃO DE EQUIPAMENTOS SOCIAIS 1ª EDIÇÃO 2013/2014. 1 1. Objectivos Na sociedade atual as organizações de

Leia mais

Actualização dos limites das deduções à colecta fixados em valor variável entre 2.4% e 3.2%

Actualização dos limites das deduções à colecta fixados em valor variável entre 2.4% e 3.2% IRS Escalões de IRS Actualizados os escalões de IRS em 2.5%. Em regra, contribuintes de todos os escalões sofrerão reduções pouco significativas do IRS a pagar sobre os seus rendimentos. Excepção para

Leia mais

www.pwcacademy.pt Academia da PwC A formação profissional assume particular relevância no sucesso das empresas, a todos os

www.pwcacademy.pt Academia da PwC A formação profissional assume particular relevância no sucesso das empresas, a todos os www.pwcacademy.pt Das obrigações legais, às melhores p ráticas de gestão e oportunidades no seu financiamento Seminári o prático Lisboa, 29 de Junho Academia da PwC A formação profissional assume particular

Leia mais

Fórum Reforma Tributária. Construir o Futuro

Fórum Reforma Tributária. Construir o Futuro Construir o Futuro 18 de Fevereiro de 2015 Agenda A Administração Geral Tributária Procedimento de inspecção fiscal e contencioso O Grande Contribuinte Imposto Industrial Imposto sobre os Rendimentos do

Leia mais

Incentivos financeiros e benefícios fiscais 2012/2013

Incentivos financeiros e benefícios fiscais 2012/2013 www.pwc.pt/academy Incentivos financeiros e benefícios fiscais 2012/2013 Academia da PwC Os benefícios fiscais assumem hoje grande importância na gestão global das empresas, sendo reconhecidamente uma

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO EMPRESARIAL 2015-2016

PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO EMPRESARIAL 2015-2016 PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO EMPRESARIAL 2015-2016 2 PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO EMPRESARIAL COORDENAÇÃO Prof. Doutor Paulo Lopes Henriques Prof.ª Doutora Carla Curado Prof. Doutor Pedro Verga Matos APRESENTAÇÃO Este

Leia mais

Normas Regulamentares do Mestrado em Ciências da Educação, área de especialização em Supervisão Pedagógica

Normas Regulamentares do Mestrado em Ciências da Educação, área de especialização em Supervisão Pedagógica Normas Regulamentares do Mestrado em Ciências da Educação, área de especialização em Supervisão Pedagógica Artigo 1.º Da admissão ao ciclo de estudos 1. À matrícula no mestrado em Ciências da Educação

Leia mais

P O R T U G A L - G U I A F I S C A L D O I M O B I L I Á R I O

P O R T U G A L - G U I A F I S C A L D O I M O B I L I Á R I O i P O R T U G A L - G U I A F I S C A L D O I M O B I L I Á R I O I N T R O D U Ç Ã O O presente documento tem como objectivo salientar as principais características do regime fiscal aplicável ao património

Leia mais

apresentam Sistema Tributário Espanhol

apresentam Sistema Tributário Espanhol apresentam Sistema Tributário Espanhol Tipos de Impostos TIPOS DE IMPOSTOS IMPOSTOS SOBRE O RENDIMENTO IMPUESTO SOBRE SOCIEDADES (equivalente ao IRC) IMPUESTO SOBRE LA RENTA DE LAS PERSONAS FÍSICAS (equivalente

Leia mais

DIREITO DO AMBIENTE E DO URBANISMO UAL

DIREITO DO AMBIENTE E DO URBANISMO UAL PÓS-GRADUAÇÃO/ESPECIALIZAÇÃO DIREITO DO AMBIENTE E DO URBANISMO ANO LECTIVO 2014/2015 Coordenação do Curso: Doutora Anja Bothe Objectivos do curso: Proporcionar e actualizar formação especializada nos

Leia mais

Novo Sistema de Normalização Contabilística

Novo Sistema de Normalização Contabilística Acção de Formação Novo Sistema de Normalização Contabilística Novo Sistema de Normalização Contabilística Programa: 16 horas Formador: Dr. Vitor de Almeida Apresentação das demonstrações financeiras Estrutura

Leia mais

www.pwc.pt/academy Gestão de cobranças PwC s Academy Técnicas e ferramentas para uma gestão eficaz das suas cobranças!

www.pwc.pt/academy Gestão de cobranças PwC s Academy Técnicas e ferramentas para uma gestão eficaz das suas cobranças! www.pwc.pt/academy Gestão de cobranças PwC s Academy Técnicas e ferramentas para uma gestão eficaz das suas cobranças! Como gerir cobranças? Destinatários prioritários Esta ação de formação é prioritária

Leia mais

MESTRADO EM FISCALIDADE

MESTRADO EM FISCALIDADE MESTRADO EM FISCALIDADE 1 - APRESENTAÇÃO Grau Académico: Mestre em Fiscalidade Duração do curso: 2 anos lectivos/ 4 semestres Número de créditos, segundo o Sistema Europeu de Transferência de Créditos:

Leia mais

UAL. Objectivos do Curso: proporcionar conhecimentos especializados nas mais diversas áreas do Direito do Desporto.

UAL. Objectivos do Curso: proporcionar conhecimentos especializados nas mais diversas áreas do Direito do Desporto. PÓS-GRADUAÇÃO/ESPECIALIZAÇÃO DIREITO E ORGANIZAÇÃO DO DESPORTO ANO LECTIVO: 2014/2015 Coordenação do Curso: Mestre Helena Tomaz Objectivos do Curso: proporcionar conhecimentos especializados nas mais diversas

Leia mais

Sistemas de Suporte à Decisão

Sistemas de Suporte à Decisão Pós-graduação Sistemas de Suporte à Decisão 1ª edição 2008/2009 Departamento de Inovação, Ciência e Tecnologia Pós-graduação em Sistemas de Suporte à Decisão Mensagem da Directora do DICT O DICT está certo

Leia mais

NEWS TCC SROC Julho 2014

NEWS TCC SROC Julho 2014 Novidades Portal das Finanças - Certificação de Software Foi divulgado pelo despacho n.º 247/2014 de 30 Junho de 2014, a prorrogação para 1 de outubro de 2014 a obrigação de certificação de software de

Leia mais

Consolidação de Contas

Consolidação de Contas www.pwc.pt/academy Consolidação de Contas 6ª Edição Lisboa, 12 e 16 de abril 2013 Academia da PwC Esta formação reúne condições para a atribuição de créditos, nos termos previstos no Regulamento de Atribuição

Leia mais

UAL. Destinatários: Licenciados e não licenciados; profissionais com experiência como quadro médio/superior ou

UAL. Destinatários: Licenciados e não licenciados; profissionais com experiência como quadro médio/superior ou CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO/ESPECIALIZAÇÃO DIREITO DA EMPRESA E NEGÓCIOS INTERNACIONAIS ANO LECTIVO: 2014/2015 Coordenação Científica do Curso: Doutora Ana Roque, e CNPD Objectivos: Proporcionar formação especializada

Leia mais

CAPÍTULO I A ORGANIZAÇÃO DA CONTABILIDADE ÍNDICE

CAPÍTULO I A ORGANIZAÇÃO DA CONTABILIDADE ÍNDICE CAPÍTULO I A ORGANIZAÇÃO DA CONTABILIDADE ÍNDICE A ORGANIZAÇÃO ÍNDICE DA CONTABILIDADE Capítulo I - A ORGANIZAÇÃO DA CONTABILIDADE 1. As necessidades de Informação nas empresas... 27 2. O ciclo contabilístico...

Leia mais