D C T F MENSAL - 2.4

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "D C T F MENSAL - 2.4"

Transcrição

1 CNPJ: / Mês/Ano: DEZ 2012 Dados Iniciais Período: 01/12/2012 a 31/12/2012 Declaração Retificadora: NÃO Situação: Normal Meses com ausência de débito a declarar: Qualificação da Pessoa Jurídica: PJ em Geral Forma de Tributação do Lucro: Real Estimativa PJ levantou balanço/balancete de suspensão no mês: NÃO PJ com débitos de SCP a serem declarados: NÃO PJ Iniciou atividades no mês da declaração: NÃO Critério de Reconhecimento das Variações Monetárias dos Direitos de Crédito e das Obrigações do Contribuinte, em Função da Taxa de Câmbio: Regime de Apuração da Contribuição para o PIS/Pasep e da Cofins: Não-Cumulativo Dados Cadastrais do Estabelecimento Matriz Nome Empresarial: MOLTEC INDUSTRIA E COMERCIO DE MOLDES LTDA Logradouro: RUA OLIVIA GUEDES PENTEADO, Número: 1271 Complemento: Bairro/Distrito: SOCORRO Município: SAO PAULO UF: SP CEP: Telefone: (11) Fax: (11) Caixa Postal: UF: SP CEP: Correio Eletrônico:

2 CNPJ: / DEZ/2012 Página 2 Dados do Representante da Pessoa Jurídica Nome: LEONARDO ARCURI NETO CPF: Telefone: (11) Ramal: 4620 FAX: (11) Correio Eletrônico: Dados do Responsável pelo Preenchimento Nome: PAULO HIDEO ONO CPF: Inscrição no CRC: 1SP054555/0-6 UF: SP Telefone: (11) Ramal: 4570 Fax: (11) Correio Eletrônico:

3 CNPJ: / DEZ/2012 Página 3 GRUPO DO TRIBUTO: IRPJ - IMPOSTO SOBRE A RENDA DAS PESSOAS JURÍDICAS CÓDIGO DA RECEITA: DENOMINAÇÃO: IRPJ - PJ obrigada à apuração do imposto com base no lucro real - Demais entidades - Estimativa mensal DÉBITO APURADO ,00 - PAGAMENTO COM DARF ,00 SOMA DOS ,00 Valor do Débito-R$ Total: ,00 Total do Imposto apurado mensalmente, antes de efetuadas as compensações ,00 Balanço de redução: Não Pagamento com DARF-R$ Total: ,00 PA: 31/12/2012 CNPJ: / Código da Receita: 2362 Data de Vencimento: 31/01/2013 Valor do Principal: ,00 Valor da Multa: 241,37 Valor dos Juros: 731,41 Valor Total do DARF: ,78 Valor Pago do Débito: ,00

4 CNPJ: / DEZ/2012 Página 4 GRUPO DO TRIBUTO: IRRF - IMPOSTO SOBRE A RENDA RETIDO NA FONTE CÓDIGO DA RECEITA: DENOMINAÇÃO: IRRF - Rendimentos do trabalho - Trabalho assalariado DÉBITO APURADO ,54 - PAGAMENTO COM DARF ,54 SOMA DOS ,54 Valor do Débito-R$ Total: ,54 Total do Imposto apurado no período, antes de efetuadas as compensações ,54 Pagamento com DARF-R$ Total: ,54 PA: 31/12/2012 CNPJ: / Código da Receita: 0561 Data de Vencimento: 18/01/2013 Valor do Principal: ,54 Valor Total do DARF: ,54 Valor Pago do Débito: ,54

5 CNPJ: / DEZ/2012 Página 5 GRUPO DO TRIBUTO: IRRF - IMPOSTO SOBRE A RENDA RETIDO NA FONTE CÓDIGO DA RECEITA: DENOMINAÇÃO: IRRF - Rendimentos do trabalho - Trabalho sem vínculo empregatício DÉBITO APURADO 29,47 - PAGAMENTO COM DARF 29,47 SOMA DOS 29,47 Valor do Débito-R$ Total: 29,47 Total do Imposto apurado no período, antes de efetuadas as compensações 29,47 Pagamento com DARF-R$ Total: 29,47 PA: 31/12/2012 CNPJ: / Código da Receita: 0588 Data de Vencimento: 18/01/2013 Valor do Principal: 29,47 Valor Total do DARF: 29,47 Valor Pago do Débito: 29,47

6 CNPJ: / DEZ/2012 Página 6 GRUPO DO TRIBUTO: IRRF - IMPOSTO SOBRE A RENDA RETIDO NA FONTE CÓDIGO DA RECEITA: DENOMINAÇÃO: IRRF - Outros rendimentos - Remuneração de serviços profissionais prestados por pessoa jurídica/serviços de limpeza, conservação, segurança e locação de mão-de-obra prestados por pessoa jurídica DÉBITO APURADO 858,32 - PAGAMENTO COM DARF 858,32 SOMA DOS 858,32 Valor do Débito-R$ Total: 858,32 Total do Imposto apurado no período, antes de efetuadas as compensações 858,32 Pagamento com DARF-R$ Total: 858,32 PA: 31/12/2012 CNPJ: / Código da Receita: 1708 Data de Vencimento: 18/01/2013 Valor do Principal: 858,32 Valor Total do DARF: 858,32 Valor Pago do Débito: 858,32

7 CNPJ: / DEZ/2012 Página 7 GRUPO DO TRIBUTO: IRRF - IMPOSTO SOBRE A RENDA RETIDO NA FONTE CÓDIGO DA RECEITA: DENOMINAÇÃO: IRRF - Outros rendimentos - Comissões e corretagens pagas à pessoa jurídica/serviços de propaganda prestados por pessoa jurídica DÉBITO APURADO 37,97 - PAGAMENTO COM DARF 37,97 SOMA DOS 37,97 Valor do Débito-R$ Total: 37,97 Total do Imposto apurado no período, antes de efetuadas as compensações 37,97 Pagamento com DARF-R$ Total: 37,97 PA: 31/12/2012 CNPJ: / Código da Receita: 8045 Data de Vencimento: 18/01/2013 Valor do Principal: 37,97 Valor Total do DARF: 37,97 Valor Pago do Débito: 37,97

8 CNPJ: / DEZ/2012 Página 8 GRUPO DO TRIBUTO: CSLL - CONTRIBUIÇÃO SOCIAL S/ LUCRO LÍQUIDO CÓDIGO DA RECEITA: DENOMINAÇÃO: CSLL - PJ que apura o imposto com base no lucro real - Demais entidades - Estimativa mensal DÉBITO APURADO ,76 - PAGAMENTO COM DARF ,76 SOMA DOS ,76 Valor do Débito-R$ Total: ,76 Total da Contribuição Social apurada mensalmente, antes de efetuadas as compensações ,76 Balanço de redução: Não Pagamento com DARF-R$ Total: ,76 PA: 31/12/2012 CNPJ: / Código da Receita: 2484 Data de Vencimento: 31/01/2013 Valor do Principal: ,76 Valor da Multa: 115,40 Valor dos Juros: 349,71 Valor Total do DARF: ,87 Valor Pago do Débito: ,76

9 CNPJ: / DEZ/2012 Página 9 GRUPO DO TRIBUTO: PIS/PASEP - CONTRIB. P/ PROGRAMA DE INTEGRACAO SOCIAL/FORMACAO PATRIM. SERV. PÚBLICO CÓDIGO DA RECEITA: DENOMINAÇÃO: PIS - Não cumulativo DÉBITO APURADO ,35 - PAGAMENTO COM DARF ,35 SOMA DOS ,35 Valor do Débito-R$ Total: ,35 Total da Contribuição no período, antes de efetuadas as compensações ,35 Pagamento com DARF-R$ Total: ,35 PA: 31/12/2012 CNPJ: / Código da Receita: 6912 Data de Vencimento: 24/01/2013 Valor do Principal: ,35 Valor Total do DARF: ,35 Valor Pago do Débito: ,35

10 CNPJ: / DEZ/2012 Página 10 GRUPO DO TRIBUTO: COFINS - CONTRIBUIÇÃO P/ FINANCIAMENTO DA SEGURIDADE SOCIAL CÓDIGO DA RECEITA: DENOMINAÇÃO: COFINS - Não cumulativa DÉBITO APURADO ,01 - PAGAMENTO COM DARF ,01 SOMA DOS ,01 Valor do Débito-R$ Total: ,01 Total da Contribuição no período, antes de efetuadas as compensações ,01 Pagamento com DARF-R$ Total: ,01 PA: 31/12/2012 CNPJ: / Código da Receita: 5856 Data de Vencimento: 24/01/2013 Valor do Principal: ,01 Valor Total do DARF: ,01 Valor Pago do Débito: ,01

11 CNPJ: / DEZ/2012 Página 11 GRUPO DO TRIBUTO: CSRF - CONTRIBUIÇÕES SOCIAIS RETIDAS NA FONTE PELAS PJ DE DIREITO PRIVADO CÓDIGO DA RECEITA: DENOMINAÇÃO: CSLL, COFINS e PIS/PASEP - Retidas na fonte sobre pagamentos de pessoa jurídica a pessoa jurídica de direito privado (Lei nº /2003) PERIODICIDADE: Quinzenal PERÍODO DE APURAÇÃO: 1ª Quinzena / Dezembro / 2012 DÉBITO APURADO 2.238,89 - PAGAMENTO COM DARF 2.238,89 SOMA DOS 2.238,89 Valor do Débito-R$ Total: 2.238,89 Total das Retenções no período, antes de efetuadas as compensações 2.238,89 Pagamento com DARF-R$ Total: 2.238,89 PA: 15/12/2012 CNPJ: / Código da Receita: 5952 Data de Vencimento: 28/12/2012 Valor do Principal: 2.238,89 Valor da Multa: 103,43 Valor dos Juros: 22,38 Valor Total do DARF: 2.364,70 Valor Pago do Débito: 2.238,89

12 CNPJ: / DEZ/2012 Página 12 GRUPO DO TRIBUTO: CSRF - CONTRIBUIÇÕES SOCIAIS RETIDAS NA FONTE PELAS PJ DE DIREITO PRIVADO CÓDIGO DA RECEITA: DENOMINAÇÃO: CSLL, COFINS e PIS/PASEP - Retidas na fonte sobre pagamentos de pessoa jurídica a pessoa jurídica de direito privado (Lei nº /2003) PERIODICIDADE: Quinzenal PERÍODO DE APURAÇÃO: 2ª Quinzena / Dezembro / 2012 DÉBITO APURADO 905,32 - PAGAMENTO COM DARF 905,32 SOMA DOS 905,32 Valor do Débito-R$ Total: 905,32 Total das Retenções no período, antes de efetuadas as compensações 905,32 Pagamento com DARF-R$ Total: 905,32 PA: 31/12/2012 CNPJ: / Código da Receita: 5952 Data de Vencimento: 15/01/2013 Valor do Principal: 905,32 Valor Total do DARF: 905,32 Valor Pago do Débito: 905,32

13 CNPJ: / DEZ/2012 Página 13 GRUPO DO TRIBUTO: CONTRIBUIÇÕES PREVIDENCIÁRIAS - CONTRIBUIÇÕES PREVIDENCIÁRIAS CÓDIGO DA RECEITA: DENOMINAÇÃO: Contribuição Previdenciária Sobre a Receita Bruta - Indústria DÉBITO APURADO ,10 - PAGAMENTO COM DARF ,10 SOMA DOS ,10 Valor do Débito-R$ Total: ,10 Total da Contribuição apurada no período, conforme regime da Lei nº /2004 ou MP nº 540/ ,10 Pagamento com DARF-R$ Total: ,10 PA: 31/12/2012 CNPJ: / Código da Receita: 2991 Data de Vencimento: 18/01/2013 Valor do Principal: ,10 Valor Total do DARF: ,10 Valor Pago do Débito: ,10 ***** FIM DE IMPRESSÃO *****

D C T F MENSAL - 2.5

D C T F MENSAL - 2.5 CNPJ: 44.990.901/0001-43 Mês/Ano: DEZ 2014 Dados Iniciais Período: 01/12/2014 a 31/12/2014 Declaração Retificadora: NÃO Situação: Normal Meses com ausência de débito a declarar: Qualificação da Pessoa

Leia mais

D C T F MENSAL - 2.3

D C T F MENSAL - 2.3 CNPJ: 81.214.819/0001-53 Mês/Ano: DEZ 2011 Dados Iniciais Período: 01/12/2011 a 31/12/2011 Declaração Retificadora: NÃO Situação: Normal Meses com ausência de débito a declarar: Qualificação da Pessoa

Leia mais

D C T F MENSAL - 2.0

D C T F MENSAL - 2.0 CNPJ: 01.594.992/0001-95 Mês/Ano: MAR 2011 Dados Iniciais Período: 01/03/2011 a 31/03/2011 Declaração Retificadora: SIM Número do Recibo de Entrega da DCTF a ser Retificada: 09.06.76.50.88-42 Situação:

Leia mais

RECIBO DE ENTREGA DA DECLARAÇÃO DE DÉBITOS E CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS FEDERAIS D C T F MENSAL - 2.5

RECIBO DE ENTREGA DA DECLARAÇÃO DE DÉBITOS E CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS FEDERAIS D C T F MENSAL - 2.5 RECIBO DE ENTREGA DA CNPJ: 33.040.767/0001-01 Mês/Ano: JUN 2014 Nome Empresarial: SONY PICTURES RELEASING OF BRASIL INC. Declaração Retificadora: NÃO Situação Especial: NÃO Data do Evento: TOTALIZAÇÃO

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL RECIBO DE ENTREGA DA DECLARAÇÃO DE DÉBITOS E CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS FEDERAIS CNPJ: 11.545.086/0001-54 Mês/Ano: JAN 2012 Nome Empresarial: AL

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL RECIBO DE ENTREGA DA DECLARAÇÃO DE DÉBITOS E CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS FEDERAIS CNPJ: 11.545.086/0001-54 Mês/Ano: NOV 2011 Nome Empresarial: AL

Leia mais

Í N D I C E A N A L Í T I C O

Í N D I C E A N A L Í T I C O Í N D I C E A N A L Í T I C O I - REGRAS GERAIS... 15 I.1 - Introdução... 15 I.2 - Conceitos e definições... 15 I.2.1 - Restituição... 15 I.2.2 - Compensação... 16 I.2.3 - Ressarcimento... 16 I.2.4 - Reembolso...

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL RECIBO DE ENTREGA DA DIPJ 2007

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL RECIBO DE ENTREGA DA DIPJ 2007 MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL RECIBO DE ENTREGA DA DIPJ 2007 DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA - DIPJ 2007 CNPJ: 50.152.826/0001-44 Ano-Calendário:

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL RECIBO DE ENTREGA DA DIPJ 2008

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL RECIBO DE ENTREGA DA DIPJ 2008 MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL RECIBO DE ENTREGA DA DIPJ 2008 DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA - DIPJ 2008 CNPJ: 50.152.826/0001-44 Ano-Calendário:

Leia mais

Índice Analítico I REGRAS GERAIS... 15

Índice Analítico I REGRAS GERAIS... 15 Índice Analítico I REGRAS GERAIS... 15 I.1 Introdução... 15 I.2 Conceitos e de nições... 15 I.2.1 Restituição... 15 I.2.2 Compensação... 16 I.2.3 Ressarcimento... 16 I.2.4 Reembolso... 17 I.3 Legislação

Leia mais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL Ficha 01 - Dados Iniciais D I P J 2010 DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA CNPJ: 73.631.988/0001-60 Optante pelo

Leia mais

Tabela Mensal de Obrigações - Agosto/2016 Setor Contábil

Tabela Mensal de Obrigações - Agosto/2016 Setor Contábil Tabela Mensal de Obrigações - Agosto/2016 Setor Contábil Dia 03 (quarta-feira) Recolhimento do correspondente aos fatos geradores ocorridos no período de 21 a 31.07.2016, incidente sobre rendimentos de:

Leia mais

CÓDIGOS DE RECEITA IRPJ

CÓDIGOS DE RECEITA IRPJ S DE RECEITA Os códigos de receita estão disponíveis no sítio da Receita Federal, na opção códigos de receita, no menu onde encontro. Abaixo, destacamos os principais códigos de receita: IRPJ 2089 LUCRO

Leia mais

DECLARAÇÃO SIMPLIFICADA DA PESSOA JURÍDICA SIMPLES. DEMONSTRATIVO DA RECEITA BRUTA E DO SIMPLES A PAGAR (Valores Expressos em Reais)

DECLARAÇÃO SIMPLIFICADA DA PESSOA JURÍDICA SIMPLES. DEMONSTRATIVO DA RECEITA BRUTA E DO SIMPLES A PAGAR (Valores Expressos em Reais) MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL RECIBO DE ENTREGA DA DECLARAÇÃO SIMPLIFICADA DA PESSOA JURÍDICA DECLARAÇÃO SIMPLIFICADA DA PESSOA JURÍDICA 2008 - SIMPLES CNPJ: 03.494.215/0001-02

Leia mais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL Ficha 01 - Dados Iniciais D I P J 2011 DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA CNPJ: 55.557.193/0001-78 Optante pelo

Leia mais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL Ficha 01 - Dados Iniciais D I P J 2009 DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA CNPJ: 08.596.105/0001-67 Optante pelo

Leia mais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL Ficha 01 - Dados Iniciais D I P J 2011 DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA CNPJ: 08.971.707/0001-57 Optante pelo

Leia mais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL Ficha 01 - Dados Iniciais D I P J 2012 DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA CNPJ: 61.843.926/0001-33 Optante pelo

Leia mais

Considerações na Proposta Técnica

Considerações na Proposta Técnica Considerações na Proposta Técnica CRUZAMENTOS: 1-ECD x DIPJ No módulo de Cruzamento envolvendo arquivos ECD X DIPJ, o sistema IOB Auditor Eletrônico SPED trabalha na composição das fichas da DIPJ extraindo

Leia mais

Orientações Consultoria de Segmentos Retenção em baixas parciais de PIS, COFINS e CSLL

Orientações Consultoria de Segmentos Retenção em baixas parciais de PIS, COFINS e CSLL 28/04/2010 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas Apresentadas pelo Cliente... 3 3. Análise da Consultoria... 3 3.1. Contribuição PIS e COFINS pela Sistemática Não Cumulativa... 4 3.2. Da

Leia mais

AS ELEIÇÕES, OS CANDIDATOS, OS TRABALHADORES E A RECEITA FEDERAL

AS ELEIÇÕES, OS CANDIDATOS, OS TRABALHADORES E A RECEITA FEDERAL AS ELEIÇÕES, OS CANDIDATOS, OS TRABALHADORES E A RECEITA FEDERAL INFORMAÇÕES E ESCLARECIMENTOS SOBRE AS OBRIGAÇÕES TRIBUTÁRIAS NAS ELEIÇÕES DE 2016 DISTRIBUIÇÃO GRATUITA TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL MINISTÉRIO

Leia mais

Agenda Tributária: de 16 a 22 de Fevereiro de 2012

Agenda Tributária: de 16 a 22 de Fevereiro de 2012 Agenda Tributária: de 16 a 22 de Fevereiro de 2012 Dia: 16 SP - Guia de Informação e Apuração - GIA - Regime mensal - I.E. finais 0 e 1 Os contribuintes com a inscrição estadual final 0 ou 1, deverão apresentar

Leia mais

SPED. Cruzamento das Informações: CRUZAMENTOS: Aspectos conceituais 24/09/2009. Acompanhamento Diferenciado: DACON DIRF DIPJ DCOMP DCTF DARF

SPED. Cruzamento das Informações: CRUZAMENTOS: Aspectos conceituais 24/09/2009. Acompanhamento Diferenciado: DACON DIRF DIPJ DCOMP DCTF DARF Cruzamento das Informações: DACON DIRF SPED DCTF DIPJ DCOMP DARF Palestrante: Thamara Jardim CRUZAMENTOS: Aspectos conceituais Acompanhamento Diferenciado: Art. 2º O acompanhamento diferenciado deverá

Leia mais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL Ficha 01 - Dados Iniciais D I P J 2009 DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA CNPJ: 00.335.153/0001-90 Optante pelo

Leia mais

SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA D I P J 2014

SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA D I P J 2014 MINISTÉRIO DA FAZENDA DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA D I P J 2014 Ficha 01 - Dados Iniciais CNPJ: 05.760.609/0001-82 Situação da

Leia mais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL Ficha 01 - Dados Iniciais D I P J 2012 DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA CNPJ: 08.971.707/0001-57 Optante pelo

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL COORDENAÇÃO-GERAL DO SISTEMA DE ARRECADAÇÃO E COBRANÇA

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL COORDENAÇÃO-GERAL DO SISTEMA DE ARRECADAÇÃO E COBRANÇA MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL COORDENAÇÃO-GERAL DO SISTEMA DE ARRECADAÇÃO E COBRANÇA ATO DECLARATÓRIO Nº 45, de 28 de setembro de 1999. O COORDENADOR-GERAL DO SISTEMA DE ARRECADAÇÃO

Leia mais

D I P J Bairro/Distrito: Vila Nogueira UF: SP Município: DIADEMA CEP:

D I P J Bairro/Distrito: Vila Nogueira UF: SP Município: DIADEMA CEP: MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL Ficha 01 - Dados Iniciais D I P J 2011 DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA CNPJ: 10.509.449/0001-33 Optante pelo

Leia mais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais

D I P J Ficha 01 - Dados Iniciais. Ficha 02 - Dados Cadastrais MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL Ficha 01 - Dados Iniciais D I P J 2013 DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA CNPJ: 61.843.926/0001-33 Optante pelo

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL COORDENAÇÃO-GERAL DO SISTEMA DE ARRECADAÇÃO E COBRANÇA

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL COORDENAÇÃO-GERAL DO SISTEMA DE ARRECADAÇÃO E COBRANÇA MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL COORDENAÇÃO-GERAL DO SISTEMA DE ARRECADAÇÃO E COBRANÇA ATO DECLARATÓRIO Nº 20, de 30 de maio de 1997. atribuições, declara: O COORDENADOR-GERAL DO SISTEMA

Leia mais

FOLHA DE ROSTO MIDAS. Módulo de Impressão de Declarações Assinadas. Usuário: CNPJ: / Número da Declaração:

FOLHA DE ROSTO MIDAS. Módulo de Impressão de Declarações Assinadas. Usuário: CNPJ: / Número da Declaração: . MIDAS Módulo de Impressão de Declarações Assinadas Usuário: 351271555 Data e Hora de Impressão: 10/10/2016 10:55:29 CNPJ: 06.240.800/0001-66 Número da Declaração: 0000054582 Número do Recibo: 09.37.57.75.98

Leia mais

SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA D I P J 2014

SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA D I P J 2014 MINISTÉRIO DA FAZENDA DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA D I P J 2014 Ficha 01 - Dados Iniciais CNPJ: 08.971.707/0001-57 Situação da

Leia mais

ANO XXVII ª SEMANA DE SETEMBRO DE 2016 BOLETIM INFORMARE Nº 38/2016

ANO XXVII ª SEMANA DE SETEMBRO DE 2016 BOLETIM INFORMARE Nº 38/2016 ANO XXVII - 2016-3ª SEMANA DE SETEMBRO DE 2016 BOLETIM INFORMARE Nº 38/2016 IMPOSTO DE RENDA PESSOA JURÍDICA ELEIÇÕES, CANDIDATOS E PARTIDOS POLÍTICOS - ASPECTOS TRIBUTÁRIOS... Pág. 559 TRIBUTOS FEDERAIS

Leia mais

MASTERSAF SMART DCTF MANUAL OPERACIONAL

MASTERSAF SMART DCTF MANUAL OPERACIONAL DCTF MANUAL OPERACIONAL SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 PASSO A PASSO... 4 REQUISITOS... 5 ESTABELECIMENTO... 6 CÓDIGOS DE TRIBUTOS... 7 MANUTENÇÃO DARF...8 TELA DE GERAÇÃO... 10 SUPORTE TÉCNICO... 13 2 INTRODUÇÃO

Leia mais

PIS - COFINS - CSLL Novas Regras de Retenção Lei /2015

PIS - COFINS - CSLL Novas Regras de Retenção Lei /2015 PIS - COFINS - CSLL Novas Regras de Retenção Lei 13.137/2015 Produto : RM TOTVS Gestão Financeira 11.82 Processo : Baixa do Lançamento Financeiro Subprocesso : Data da publicação : 08/07/15 Este documento

Leia mais

Inclui as informações sobre as contribuições previdenciárias substitutivas e as retenções sobre a prestação de serviço

Inclui as informações sobre as contribuições previdenciárias substitutivas e as retenções sobre a prestação de serviço A EFD-Reinf é resultado de um desmembramento do esocial, onde foram retiradas as informações que não estavam relacionadas diretamente à remuneração pelo trabalho. Inclui as informações sobre as contribuições

Leia mais

Boletim Técnico. PIS - COFINS - CSLL Novas Regras de Retenção Lei /2015. Produto : RM TOTVS Gestão Financeira

Boletim Técnico. PIS - COFINS - CSLL Novas Regras de Retenção Lei /2015. Produto : RM TOTVS Gestão Financeira PIS - COFINS - CSLL Novas Regras de Retenção Lei 13.137/2015 Produto : RM TOTVS Gestão Financeira 11.82.39 Processo : Baixa do Lançamento Financeiro Subprocesso : Data da publicação : 08/07/15 Este documento

Leia mais

CNPJ: 45.029.303/0001-75 Mês/Ano: OUTUBRO/2010 Página: 01 Ficha 01 - Dados Iniciais

CNPJ: 45.029.303/0001-75 Mês/Ano: OUTUBRO/2010 Página: 01 Ficha 01 - Dados Iniciais CNPJ: 45.029.303/0001-75 Mês/Ano: OUTUBRO/2010 Página: 01 Ficha 01 - Dados Iniciais CNPJ: 45.029.303/0001-75 Situação: Normal eríodo: 01/10/2010 a 31/10/2010 Mês/Ano de Apuração: OUT/2010 Demonstrativo

Leia mais

Instrução Normativa nº 432 de

Instrução Normativa nº 432 de SECRETÁRIO DA RECEITA FEDERAL - SRF Instrução Normativa nº 432 de 22.07.2004 Aprova o Programa Pedido Eletrônico de Ressarcimento ou Restituição e Declaração de Compensação, versão 1.4 (PER/DCOMP 1.4),

Leia mais

1) TRIBUTOS FEDERAIS (aplicados ao Comércio ) 2) PERFIL DO CONTADOR MODERNO

1) TRIBUTOS FEDERAIS (aplicados ao Comércio ) 2) PERFIL DO CONTADOR MODERNO 1) TRIBUTOS FEDERAIS (aplicados ao Comércio ) 2) PERFIL DO CONTADOR MODERNO Maria Alzirene Mota de Brito Empresária da Contabilidade (92) 99981-9878 / 99116-6622 TÓPICOS PARA ABORDAGEM 1) QUAIS TRIBUTOS

Leia mais

Declaração Anual do Simples Nacional

Declaração Anual do Simples Nacional Declaração Anual do Simples Nacional Declaração Original Exercício 2010 Ano-Calendário 2009 Período abrangido pela Declaração: 01/01/2009 a 31/12/2009 1 Identificação do Contribuinte CNPJ Matriz: 00559582/0001-40

Leia mais

CURSO PER/DCOMP LEGISLAÇÃO E PREENCHIMENTO

CURSO PER/DCOMP LEGISLAÇÃO E PREENCHIMENTO 1. Conceito O Pedido Eletrônico de Restituição, gerado a partir do Programa PER/DCOMP, constitui-se o documento a ser apresentado à RFB pelo contribuinte que apurar crédito relativo a tributo ou contribuição

Leia mais

Tema MP nº 766/17 Projeto de lei de conversão da MP nº 766/17 Condições gerais

Tema MP nº 766/17 Projeto de lei de conversão da MP nº 766/17 Condições gerais Comparação de pontos relevantes do PRT na MP nº 766/17 e no projeto de lei de sua conversão (* não contempla outros assuntos que constam do projeto de lei e questões formais, operacionais e demais condições

Leia mais

EFD-Reinf. Escrituração Fiscal Digital de Retenções e Outras Informações Fiscais. Palestrante: Ricardo Nogueira R.Nogueira Consultoria e Treinamento

EFD-Reinf. Escrituração Fiscal Digital de Retenções e Outras Informações Fiscais. Palestrante: Ricardo Nogueira R.Nogueira Consultoria e Treinamento Escrituração Fiscal Digital de Retenções e Outras Informações Fiscais Palestrante: Ricardo Nogueira O que é? Instituída pela Instrução Normativa RFB nº 1.701/2017, tratase de uma nova obrigação tributária

Leia mais

RECIBO DE ENTREGA DECLARAÇÃO ORIGINAL. Período abrangido pela Declaração: 01/01/2010 a 31/12/2010

RECIBO DE ENTREGA DECLARAÇÃO ORIGINAL. Período abrangido pela Declaração: 01/01/2010 a 31/12/2010 Declaração Anual do Simples Nacional(DASN) RECIBO DE ENTREGA DECLARAÇÃO ORIGINAL Período abrangido pela Declaração: 01/01/2010 a 31/12/2010 Exercício: 2011 Ano Calendário: 2010 1 Informações do Contribuinte

Leia mais

IRPJ- TEORIA E PRÁTICA

IRPJ- TEORIA E PRÁTICA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO TRIBUTÁRIO. Profa. Cléber Barros AULA 52 27/09/2017 Direito TRIBUTÁRIO IRPJ parte 2 IRPJ- TEORIA E PRÁTICA Os regimes tributários da PJ são: Lucro real (são as empresas

Leia mais

Declaração Anual do Simples Nacional

Declaração Anual do Simples Nacional Declaração Anual do Simples Nacional Declaração Original Exercício 2009 Ano-Calendário 2008 Período abrangido pela Declaração: 01/01/2008 a 31/12/2008 1 Identificação do Contribuinte CNPJ Matriz: 05091550/0001-87

Leia mais

ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). FGTS

ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). FGTS TABELA DE OBRIGAÇÕES PARA SETEMBRO DE 2011 Até dia Obrigação Histórico 5 IRRF Pagamento dos salários mensais. Nota: O prazo para pagamento dos salários mensais é até o 5º dia útil do mês subsequente ao

Leia mais

RESUMO DA CARTILHA DA RECEITA FEDERAL

RESUMO DA CARTILHA DA RECEITA FEDERAL RESUMO DA CARTILHA DA RECEITA FEDERAL Cartilha PUBLICADA AGORA EM SETEMBRO PELO TSE/RECEITA FEDERAL CAPTURADO URL: http://www.justicaeleitoral.jus.br/arquivos/cartilha-tse-e-receita-federaleleicoes-2016

Leia mais

Quarta do Conhecimento ECF Alterações para 2017 e Pontos de Atenção no Preenchimento Marcia Ramos

Quarta do Conhecimento ECF Alterações para 2017 e Pontos de Atenção no Preenchimento Marcia Ramos Quarta do Conhecimento ECF Alterações para 2017 e Pontos de Atenção no Preenchimento Marcia Ramos Obrigatoriedade Todas as pessoas jurídicas, exceto optantes pelo SIMPLES NACIONAL, orgãos públicos e pessoas

Leia mais

Obrigações Federais - Setembro 2011

Obrigações Federais - Setembro 2011 Obrigações Federais - Setembro 2011 Dia: 05 IOF - Imposto sobre Operações Financeiras 3º DECÊNDIO DE O IOF incide sobre as operações de crédito, operações de câmbio, operações de seguro realizadas por

Leia mais

6ª REGIÃO FISCAL - DIVISÃO DE TRIBUTAÇÃO

6ª REGIÃO FISCAL - DIVISÃO DE TRIBUTAÇÃO 6ª REGIÃO FISCAL - DIVISÃO DE TRIBUTAÇÃO SOLUÇÃO DE CONSULTA Nº 169, DE 1º DE OUTUBRO DE 2008: ASSUNTO: Contribuição para o PIS/Pasep EMENTA: PIS/PASEP. GASTOS NÃO VINCULADOS DIRETAMENTE À FABRICAÇÃO DE

Leia mais

Declaração Anual do Simples Nacional

Declaração Anual do Simples Nacional Declaração Anual do Simples Nacional Declaração Original Exercício 2010 Ano-Calendário 2009 Período abrangido pela Declaração: 01/01/2009 a 31/12/2009 1 Identificação do Contribuinte CNPJ Matriz: 01670516/0001-06

Leia mais

Agenda de Contribuições, Tributos e Obrigações. Mês de Fevereiro de 2017.

Agenda de Contribuições, Tributos e Obrigações. Mês de Fevereiro de 2017. Agenda de Contribuições, Tributos e Obrigações. Mês de Fevereiro de 17. DIAS OBRIGAÇÕES D E S C R I Ç Ã O FUNDAMENTAÇÃO LEGAL 17.01 à 17.03.17 03 06 RAIS SALÁRIOS SECONCI O Ministério do Trabalho e Emprego,

Leia mais

SPED ECF - Como importar as informações do registro U182 referente ao cálculo da CSLL para empresa Imune/ Isenta?

SPED ECF - Como importar as informações do registro U182 referente ao cálculo da CSLL para empresa Imune/ Isenta? SPED ECF - Como importar as informações do registro U182 referente ao cálculo da CSLL para empresa Imune/ Isenta? Esta opção estará disponível somente para empresas com forma de tributação de lucro: Imune/Isenta.

Leia mais

CURSO: DCTF INSTRUTOR: EDUARDO CAIO SAMPAIO CARVALHO

CURSO: DCTF INSTRUTOR: EDUARDO CAIO SAMPAIO CARVALHO CRC CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO ESTADO DO CEARÁ CURSO SOBRE DCTF DECLARAÇÃO DE TRIBUTOS FEDERAIS MONITOR: EDUARDO CAIO SAMPAIO CARVALHO PERÍODO: 31.03 A 01.04.2008. CURSO: DCTF INSTRUTOR: EDUARDO

Leia mais

PER/DCOMP - Práticas de Preenchimento - Atualização

PER/DCOMP - Práticas de Preenchimento - Atualização Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo Tel. (11) 3824-5400 - ramal 1529 (núcleo de relacionamento) Email: desenvolvimento@crcsp.org.br web: www.crcsp.org.br Rua Rosa e Silva, 60 Higienópolis

Leia mais

Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais(DEFIS)

Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais(DEFIS) Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais(DEFIS) Declaração Original Exercício 2016 Ano-Calendário 2015 Período abrangido pela Declaração: 01/01/2015 a 31/12/2015 1 Identificação do Contribuinte

Leia mais

CARTILHA NACIONAL SIMPLES. Entenda o resumo da tributação da sua Micro ou Pequena Empresa.

CARTILHA NACIONAL SIMPLES. Entenda o resumo da tributação da sua Micro ou Pequena Empresa. CARTILHA NACIONAL SIMPLES Entenda o resumo da tributação da sua Micro ou Pequena Empresa. O que é Simples Nacional? Como enquadro minha empresa no Nacional Simples? O Simples Nacional é um regime tributário

Leia mais

Dados dos Responsáveis da Pessoa Jurídica

Dados dos Responsáveis da Pessoa Jurídica 33.040.767/0001-01 Página 1 Ficha - Dados Iniciais 00200645 Nome Empresarial: SONY PICTURES RELASING OF BRASIL INC Seqüencial: 002 Data de Criação: 18/02/2014 Data de Transmissão: 25/02/2014 PER/DCOMP

Leia mais

EFD-Reinf Escrituração Fiscal Digital das Retenções e e Outras Informações Fiscais

EFD-Reinf Escrituração Fiscal Digital das Retenções e e Outras Informações Fiscais EFD-Reinf Escrituração Fiscal Digital das Retenções e e Outras Informações Fiscais Seminário sobre Contabilidade do Setor Cooperativo CRC/RS Porto Alegre 18 de agosto de 2017 NF-e: Quebra de paradigma

Leia mais

RECIBO DE ENTREGA DECLARAÇÃO ORIGINAL. Período abrangido pela Declaração: 01/07/2007 a 31/12/2007

RECIBO DE ENTREGA DECLARAÇÃO ORIGINAL. Período abrangido pela Declaração: 01/07/2007 a 31/12/2007 Declaração Anual do Simples Nacional(DASN) RECIBO DE ENTREGA DECLARAÇÃO ORIGINAL Período abrangido pela Declaração: 01/07/2007 a 31/12/2007 1 Informações do Contribuinte Nome Empresarial AVICOLA E MERCEARIA

Leia mais

O disposto neste item aplica-se, inclusive, à pessoa jurídica que explore atividade rural.

O disposto neste item aplica-se, inclusive, à pessoa jurídica que explore atividade rural. LUCRO PRESUMIDO O Lucro Presumido é a forma de tributação simplificada do Imposto de Renda (IR) e Contribuição Social sobre o Lucro (CSLL). A sistemática de tributação pelo Lucro Presumido é regulamentada

Leia mais

BÔNUS DE ADIMPLÊNCIA FISCAL

BÔNUS DE ADIMPLÊNCIA FISCAL BÔNUS DE ADIMPLÊNCIA FISCAL Instituído pela Lei nº 10.637, de 2002 1) CONTRIBUIÇÃO SOCIAL SOBRE O LUCRO LÍQUIDO (CSLL) * Silvério das Neves * Adherbal Corrêa Bernardes 1.1) Alíquotas O art. 6º da Medida

Leia mais

PERDCOMP (Pedido de Eletronico de Ressarcimento ou Restituição e Declaração de Compensação)

PERDCOMP (Pedido de Eletronico de Ressarcimento ou Restituição e Declaração de Compensação) (Pedido de Eletronico de Ressarcimento ou Restituição e Declaração de Compensação) contato@agmcontadores.com.br 2015 Atualizada em março-2015 2 PER/DCOMP - PEDIDO ELETRÔNICO DE RESSARCIMENTO OU RESTITUIÇÃO

Leia mais

Agenda Tributária: de 16 a 24 de fevereiro de 2016

Agenda Tributária: de 16 a 24 de fevereiro de 2016 Agenda Tributária: de 16 a 24 de fevereiro de 2016 Dia: 16 SP - Guia de Informação e Apuração - GIA - Regime mensal - I.E. finais 0 e 1 Os contribuintes com a inscrição estadual final 0 ou 1, deverão apresentar

Leia mais

Segue abaixo orientações quanto ao preenchimento prático de informações a serem prestadas em Dacon através de exemplos fictícios.

Segue abaixo orientações quanto ao preenchimento prático de informações a serem prestadas em Dacon através de exemplos fictícios. I CASOS PRÁTICOS DACON Segue abaixo orientações quanto ao preenchimento prático de informações a serem prestadas em Dacon através de exemplos fictícios. 1 Sistema Cumulativo Pessoa Jurídica tributada pelo

Leia mais

Orientações Consultoria de Segmentos Orientações Consultoria de Segmentos EFD-REINF Conceito da obrigação

Orientações Consultoria de Segmentos Orientações Consultoria de Segmentos EFD-REINF Conceito da obrigação 25/05/2017 Sumário 1 Questão... 3 2 Normas Apresentadas pelo Cliente... 3 3 Análise da Consultoria... 3 3.1 Instrução Normativa 1701 de 2017... 3 3.2 Descrição Simplificada dos Eventos... 5 3.3 Sequencia

Leia mais

Débitos-PIS,COFINS-Parcelamento-Lei Disposições-Alterações na Portaria PGFN RFB 08 13

Débitos-PIS,COFINS-Parcelamento-Lei Disposições-Alterações na Portaria PGFN RFB 08 13 Débitos-PIS,COFINS-Parcelamento-Lei 12.865 13 -Disposições-Alterações na Portaria PGFN RFB 08 13 Portaria Conjunta PGFN RFB nº 11/2013-DOU: 26.11.2013 Altera a Portaria Conjunta PGFN/RFB nº 8, de 18 de

Leia mais

Instrução Normativa RFB nº 1.199, de 14 de outubro de 2011

Instrução Normativa RFB nº 1.199, de 14 de outubro de 2011 Instrução Normativa RFB nº 1.199, de 14 de outubro de 2011 DOU de 17.10.2011 Dispõe sobre procedimentos fiscais dispensados aos consórcios constituídos nos termos dos arts. 278 e 279 da Lei nº 6.404, de

Leia mais

GUIA PARA PREENCHIMENTO DOS REGISTROS M205 E M605 DA EFD-CONTRIBUIÇÕES

GUIA PARA PREENCHIMENTO DOS REGISTROS M205 E M605 DA EFD-CONTRIBUIÇÕES GUIA PARA PREENCHIMENTO DOS REGISTROS M205 E M605 DA EFD-CONTRIBUIÇÕES A partir abril de 2014 passa a ser exigido pelo EFD Contribuições o preenchimento dos registros M205 e M605, referentes ao detalhamento

Leia mais

CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS OUTUBRO/16

CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS OUTUBRO/16 edição 39 ano 2016 CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS OUTUBRO/16 04 de outubro de 2016 OBRIGAÇÕES FISCAIS FEDERAIS DIA 05 IR-FONTE Pessoas obrigadas: pessoas jurídicas que efetuaram retenção na fonte nos pagamentos

Leia mais

Orientações Consultoria De Segmentos Compensação da CPRB

Orientações Consultoria De Segmentos Compensação da CPRB Compensação 23/02/2015 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas Apresentadas pelo Cliente... 3 3. Análise da Consultoria... 4 4. Conclusão... 5 5. Informações Complementares... 7 6. Referências...

Leia mais

Onde são informadas atualmente?

Onde são informadas atualmente? EFD-Reinf O que é EFD-Reinf? Escrituração Fiscal Digital das Retenções e Informações da Contribuição Previdenciária Substituída (CPRB). A EFD-Reinf abarca todas as retenções do contribuinte sem relação

Leia mais

Federal Mês: 01/2016

Federal Mês: 01/2016 Federal Mês: 01/2016 Dia: 06 IOF - Imposto sobre Operações Financeiras 3º DECENDIO O IOF incide sobre as operações de crédito, operações de câmbio, operações de seguro realizadas por seguradoras, operações

Leia mais

Abreviaturas Notas da 2ª Edição Notas da 3ª Edição Notas da 4ª Edição Notas da 5ª Edição Introdução...

Abreviaturas Notas da 2ª Edição Notas da 3ª Edição Notas da 4ª Edição Notas da 5ª Edição Introdução... S GESTÃO TRIBUTÁRIA DE CONTRATOS E CONVÊNIOS 5ª EDIÇÃO 11 SUMÁRIO Abreviaturas... 19 Notas da 2ª Edição... 21 Notas da 3ª Edição... 23 Notas da 4ª Edição... 25 Notas da 5ª Edição... 27 Introdução... 29

Leia mais

CONSULTORIA TRIBUTÁRIA - SF REGISTRO F600: CONTRIBUIÇÃO RETIDA NA FONTE

CONSULTORIA TRIBUTÁRIA - SF REGISTRO F600: CONTRIBUIÇÃO RETIDA NA FONTE Projeto SPED EFD Contribuições Prestação de Serviços sujeita a Retenção de 4,65% referentes a: 1,00% de CSLL, 0,65% de PIS/Pasep e 3,00% de COFINS. REGISTRO F600: CONTRIBUIÇÃO RETIDA NA FONTE Neste registro

Leia mais

ANO XXVII ª SEMANA DE JUNHO DE 2016 BOLETIM INFORMARE Nº 26/2016

ANO XXVII ª SEMANA DE JUNHO DE 2016 BOLETIM INFORMARE Nº 26/2016 ANO XXVII - 2016-4ª SEMANA DE JUNHO DE 2016 BOLETIM INFORMARE Nº 26/2016 IMPOSTO DE RENDA PESSOA JURÍDICA DECLARAÇÃO SOBRE A OPÇÃO DE TRIBUTAÇÃO DE PLANOS PREVIDENCIÁRIOS DPREV 2016 INFORMAÇÕES GERAIS...

Leia mais

RETENÇÕES TRIBUTÁRIAS E PREVIDENCIÁRIAS

RETENÇÕES TRIBUTÁRIAS E PREVIDENCIÁRIAS IBEF-RIO - TREINAMENTO RETENÇÕES TRIBUTÁRIAS E PREVIDENCIÁRIAS P R O G R A M A Módulo 01 - Retenções Tributárias 1º Módulo - Contribuições sociais (CSLL, PIS, COFINS) Serviços sujeitos a retenção: Definição

Leia mais

Calendário de Obrigações Fiscais Março/2013

Calendário de Obrigações Fiscais Março/2013 Calendário de Obrigações Fiscais Março/2013 01 de Março de 2.013 ICMS/SP Fevereiro/13 Informações sobre operações interestaduais de combustíveis derivados de petróleo e álcool carburante TRR. 05 de Março

Leia mais

OBRIGAÇÕES ÁREA FEDERAL MÊS JUNHO 2014

OBRIGAÇÕES ÁREA FEDERAL MÊS JUNHO 2014 OBRIGAÇÕES ÁREA FEDERAL MÊS JUNHO 2014 04/06-4 Feira Último dia para recolhimento do Imposto de Renda na Fonte referente a juros sobre o capital próprio, aplicações financeiras, títulos de capitalização;

Leia mais

Lei nº /14: a tributação dos juros sobre capital próprio. Fernando Mombelli

Lei nº /14: a tributação dos juros sobre capital próprio. Fernando Mombelli Lei nº 12.973/14: a tributação dos juros sobre capital próprio Fernando Mombelli Conceito de JCP O art. 9º da Lei nº 9.249, de 26 de dezembro de 1995 permite a dedutibilidade dos Juros sobre o Capital

Leia mais

CURSO PIS COFINS CUMULATIVO E NÃO CUMULATIVO. Prof. André Gomes

CURSO PIS COFINS CUMULATIVO E NÃO CUMULATIVO. Prof. André Gomes CURSO PIS COFINS CUMULATIVO E NÃO CUMULATIVO Prof. André Gomes 1 Contribuição para PIS/PASEP PIS contribuição para o Programa de Integração Social funcionários das empresas do setor privado; PASEP contribuição

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL RECIBO DE ENTREGA DA DIPJ 2008

MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL RECIBO DE ENTREGA DA DIPJ 2008 MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL RECIBO DE ENTREGA DA DIPJ 2008 DECLARAÇÃO DE INFORMAÇÕES ECONÔMICO-FISCAIS DA PESSOA JURÍDICA - DIPJ 2008 CNPJ: 06.123.978/0001-27 Ano-Calendário:

Leia mais

CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS AGOSTO/16

CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS AGOSTO/16 edição 31 ano 2016 CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS AGOSTO/16 02 de agosto de 2016 OBRIGAÇÕES FISCAIS FEDERAIS AGOSTO/2016 DIA 03 IR-FONTE Pessoas obrigadas: pessoas jurídicas que efetuaram retenção na fonte

Leia mais

PROCEDIMENTOS FISCAIS E CONTÁBEIS PARA INSTITUIÇÕES ESPÍRITAS

PROCEDIMENTOS FISCAIS E CONTÁBEIS PARA INSTITUIÇÕES ESPÍRITAS PROCEDIMENTOS FISCAIS E CONTÁBEIS PARA INSTITUIÇÕES ESPÍRITAS As instituições espíritas para se tornarem personalidades jurídicas, tem que ter os seguintes documentos e registros: DOCUMENTOS NECESSÁRIOS

Leia mais

AGENDA DE OBRIGAÇÕES FEDERAIS PARA O MÊS DE OUTUBRO/2011

AGENDA DE OBRIGAÇÕES FEDERAIS PARA O MÊS DE OUTUBRO/2011 AGENDA DE OBRIGAÇÕES FEDERAIS PARA O MÊS DE OUTUBRO/2011 Até do dia Obrigação Histórico correspondente a fatos geradores ocorridos no período de 21 a 30.09.2011, incidente sobre rendimentos de: 05 IRRF

Leia mais

Previdenciária - Estabelecidas as normas sobre restituição, compensação, ressarcimento e reembolso perante a Receita Federal do Brasil

Previdenciária - Estabelecidas as normas sobre restituição, compensação, ressarcimento e reembolso perante a Receita Federal do Brasil Publicada em 18.07.2017-09:26 Previdenciária - Estabelecidas as normas sobre restituição, compensação, ressarcimento e reembolso perante a Receita Federal do Brasil A Secretaria da Receita Federal do Brasil

Leia mais

Janeiro-Dezembro/2014

Janeiro-Dezembro/2014 IRRF - Décimo terceiro salário 2014 - Roteiro Aqui serão analisados os aspectos gerais relacionados à retenção do Imposto de Renda incidente no pagamento do décimo terceiro salário. Introdução Os rendimentos

Leia mais

CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS MARÇO/17

CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS MARÇO/17 edição 15 ano 2017 CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS MARÇO/17 01 de mar?o de 2017 OBRIGAÇÕES FISCAIS FEDERAIS DIA 03 IR-FONTE Pessoas obrigadas: pessoas jurídicas que efetuaram retenção na fonte nos pagamentos

Leia mais

CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS JANEIRO/17

CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS JANEIRO/17 edição 1 ano 2017 CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS JANEIRO/17 04 de janeiro de 2017 OBRIGAÇÕES FISCAIS FEDERAIS DIA 04 IR-FONTE Pessoas obrigadas: pessoas jurídicas que efetuaram retenção na fonte nos pagamentos

Leia mais

OBRIGAÇÕES FISCAIS - FEVEREIRO/16

OBRIGAÇÕES FISCAIS - FEVEREIRO/16 edição 7 ano 2016 OBRIGAÇÕES FISCAIS - FEVEREIRO/16 02 de fevereiro de 2016 FEDERAL DIA 03 IR-FONTE Pessoas obrigadas: pessoas jurídicas que efetuaram retenção na fonte nos pagamentos ou créditos decorrentes

Leia mais

SERVI OS DE INTERNET RS LTDA - ME CNPJ: 18607543/0001-37 Setembro de 2016 2 ROBERTO TEIXEIRA DA SILVA Admissªo: 01/07/2015 Descrição Referência Vencimentos Descontos 22 88 Declaro ter recebido a importância

Leia mais

Slide 1 O CRUZAMENTO DE INFORMAÇÕES FISCAIS ATRAVÉS DAS OBRIGAÇÕES ACESSÓRIAS. Slide 2. Slide 3 DADOS DISPONÍVEIS AO FISCO

Slide 1 O CRUZAMENTO DE INFORMAÇÕES FISCAIS ATRAVÉS DAS OBRIGAÇÕES ACESSÓRIAS. Slide 2. Slide 3 DADOS DISPONÍVEIS AO FISCO Slide 1 O CRUZAMENTO DE INFORMAÇÕES FISCAIS ATRAVÉS DAS OBRIGAÇÕES ACESSÓRIAS Nilson José Goedert Contador 2016 Slide 2 Obrigações Federais para Pessoas Jurídicas em Geral: 1. SPED Sistema Público de Escrituração

Leia mais

Abreviaturas Notas da 2ª Edição Notas da 3ª Edição Notas da 4ª Edição Introdução... 27

Abreviaturas Notas da 2ª Edição Notas da 3ª Edição Notas da 4ª Edição Introdução... 27 GESTÃO TRIBUTÁRIA DE CONTRATOS E CONVÊNIOS 4ª EDIÇÃO 11 Sumário S Abreviaturas... 19 Notas da 2ª Edição... 21 Notas da 3ª Edição... 23 Notas da 4ª Edição... 25 Introdução... 27 Capítulo 1... 29 1.1. Principais

Leia mais

Fatores para o cálculo do preço de exportação

Fatores para o cálculo do preço de exportação Fatores para o cálculo do preço de exportação No cálculo do preço de exportação devem ser levados em conta, entre outros fatores: IPI - IMUNIDADE do Imposto sobre Produtos Industrializados, na saída de

Leia mais

Controle Decifrado de Estoque

Controle Decifrado de Estoque 1 PIS/Pasep e Cofins... 1 1.1 Contas PIS/Pasep e Cofins a Recolher e PIS/Pasep e Cofins a Recuperar... 2 1.2 Conta Conta-corrente PIS/Pasep e Cofins... 4 1 PIS/Pasep e Cofins Pela legislação de regência

Leia mais

Contabilidade Comercial Aula 3: Tributos Sobre Compras e Vendas. Professora Esp. Caroline Camera

Contabilidade Comercial Aula 3: Tributos Sobre Compras e Vendas. Professora Esp. Caroline Camera Contabilidade Comercial Aula 3: Tributos Sobre Compras e Vendas Professora Esp. Caroline Camera Tributos - Impostos; - Taxas; - Contribuições Sociais e de Melhoria. Impostos IPI (Imposto sobre Produtos

Leia mais

CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS FEVEREIRO/17

CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS FEVEREIRO/17 edição 13 ano 2017 CALENDÁRIO OBRIGAÇÕES FISCAIS FEVEREIRO/17 01 de fevereiro de 2017 OBRIGAÇÕES FISCAIS FEDERAIS DIA 03 IR-FONTE Pessoas obrigadas: pessoas jurídicas que efetuaram retenção na fonte nos

Leia mais

AGENDA TRIBUTÁRIA: DE 13 A 19 DE OUTUBRO DE 2016

AGENDA TRIBUTÁRIA: DE 13 A 19 DE OUTUBRO DE 2016 AGENDA TRIBUTÁRIA: DE 13 A 19 DE OUTUBRO DE 2016 Até: Quinta-feira, dia 13 ICMS - REDF dígito do CNPJ corresponda a 3, devem efetuar o registro eletrônico dos documentos ICMS - Scanc Histórico: Refinaria

Leia mais