fotografia fotografia GLOBAL ESSENCIAL curso de fotografia sobre criação, poesia e percepção

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "fotografia fotografia GLOBAL ESSENCIAL curso de fotografia sobre criação, poesia e percepção"

Transcrição

1 fotografia fotografia GLOBAL ESSENCIAL curso de fotografia sobre criação, poesia e percepção curso de fotografia sobre criação, poesia e percepção

2 Por que tenho saudade de você, no retrato ainda que o mais recente? E por que um simples retrato, mais que você, me comove, se você mesma está presente? (Cassiano Ricardo)

3 navega por onde? NAVEGA PELOS MARES DA CRIAÇÃO FOTOGRÁFICA. PERCORRE POR POESIA, LITERATURA CINEMA E MÚSICA. OFERECE A CÂMERA COMO MÁQUINA GERADORA DE MEMÓRIAS E SENTIMENTOS. NAVEGA pela alma para expressar as imagens poéticas.

4

5 NOSSAS AULAS VÃO NAVEGAR POR ESTES TEMAS Experiências com imagens mentais, sentimentos, memória e proposta de escrita de uma carta. Expressar e comunicar-se por meio de símbolos e trocas de memórias, o uso da imaginação como ferramenta para criações fotográficas. Se Conhecer Expressar um recorte da visão de mundos internos e externos através de desenhos e do fazer fotográfico. Finalizar com um auto-retrato. Exposição dos trabalhos da aula anterior. Reflexões sobre o processo. Percepção na fotografia: Reflexões e exercícios sobre o mundo percebido. Observação da luz, intensidade e cor. Exercícios. Luz e seus elementos: diafragma, obturador, sensibilidade e fotômetro. Luz no estúdio fotográfico: pintura, direção e cor da luz. Luz Interpretação da luz, modos de medição da câmera e resolução de problemas em diferentes situações de luz. Conceito e aplicações do histograma da câmera. Exercício de Pintura com Luz (Light Paiting). As Máquinas Geradoras de Sentimento I: Breve história dos aparatos fotográficos.

6 Câmeras Sensores, senbilidades e outros recursos das câmeras fotográficas. Prática com câmeras compactas, reflex, analógicas e lomográficas. Propostas coletivas I. Projetos Coletivos Propostas coletivas II Propostas coletivas III. Tipos de Lentes: Observações sobre perspectiva, ângulos de visão e profundidade de campo. Exercícios. Experiências com diversos tipos de lentes. Lentes Exercícios sobre perspectiva e profundidade de campo. Experiências criativas com lentes. Exercícios. Organização e edição de Imagens: Organização e significação de fotografias impressas. Edição e Narrativa Uso de recursos tecnológicos e metodológicos para organizar e significar as fotografias I. Ensaio e séries fotográficas a partir da edição.

7 Experiências sensíveis com a luz e sua cor. Experiências com balanço de branco, através de ferramentas como Photoshop CC e Lightroom 5. A manipulação das imagens como criação de imagens sensíveis através de ferramentas como Photoshop CC e Lightroom 5. Estudo sobre Fine Art. Leitura de contos e poemas. Criação de trabalho fotográfico a partir da leitura dos textos. Conto Visual: a linha sutil e entrecruzada entre palavra e imagem. Palavra e Imagem Leitura de livros de fotografia, articulação de significados e breve história da fotografia. Leitura de outros livros de fotografia, articulação de significados e breve história da fotografia. Criação de trabalho fotográfico por meio de releituras dos livros. Paisagem Efêmera: Breve história da fotografia de paisagem. Exercícios. Paisagem Viagem a cidade turística. Todos os lugares e pessoas estão sujeitos às mudanças. A abordagem: como e quando se aproximar. A busca por narrativas. Leitura de imagens. Breve história dos retratos, análise de obras e exercícios.

8 Retratos Análise de obras e exercícios em estúdio. Análise de obras e exercícios ao ar livre. Música e Fotografia: Escuta e sensibilização de músicas e criação fotográfica através das sensações e sentimentos. Relações dos conceitos: ritmo, altura, intensidade, duração na fotografia e na música. O colorido musical aplicado a fotografia. Exercício e dinâmicas sobre o tema. Apresentação dos trabalhos da aula anterior. Música e Fotografia Fotografia de Espetáculo: A música, o teatro, o palco, o fotógrafo. Linguagens aplicadas a fotografia de espetáculo. Práticas de espetáculo. Aula prática. Observação e apresentação dos resultados. Colagem e Fotografia Colagem e Fotografia: Leitura de livros sobre colagem, arte e fotografia. Breve história da fotografia. Criação de trabalhos fotográficos através de colagens. Composição: Apresentação de imagens e suas organizações compositivas.

9 Experiências com elementos de composição. Composição Aplicações práticas da Gestalt na fotografia. Exercícios e dinâmicas. Experiências de composição de imagens através da música. Fotografia Documental: Breve história, livros e dinâmica. Coleção e Criação Relações entre história e imaginação. O documental imaginário. Saída fotográfica Observação e apresentação dos resultados Desejos Artísticos Conversas sobre desejos artísticos I. Conversas sobre desejos artísticos II. Ensaios Ensaios e Séries Fotográficas: Entrelaçamentos entre fotografia e cinema. O fazer como experimentação das simbologias das imagens. Planejamento sobre projetos artísticos.

10 Projetos Artísticos/ Fotográficos Acompanhamento dos projetos artísticos/fotográficos. Finalização dos projetos artísticos: montagem, impressão e curadoria.!! Exposição e conclusão dos trabalhos. Aparatos fotográficos: celular com câmera, câmera compacta, bridge, reflex, câmera analógica. Diversos tipos de lentes. Luzes de led e flashes. Livros Lápis de cor, tintas, papéis de desenho. Projetor ou televisão. Aparelho reprodutor de áudio. Computadores com os programas Adobe Lightroom 5 e Adobe Photoshop CC.!!! BARTHES, Roland. A câmera clara: nota sobre a fotografia. Trad. Júlio Castañon Guimarães. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, BARTHES, R. A mensagem fotográfica (1961). In: O Óbvio e o Obtuso. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, O QUE USAMOS NAS AULAS CASTILHO, J.; DAVID, P.; MOTTA, P. Paisagem Submersa. São Paulo: Cosac Naify, 2008

11 E PARA LER, ALGUMAS SUGESTÕES COTTON, Charllotte. A Fotografia na Arte Contemporânea. Trad. Pierre Saint-Jean. Paris: Thames & Hudson, FILHO, João Gomes. Gestalt do Objeto. Editora Escrituras FLUSSER, Vilém. Filosofia da caixa preta: ensaios para um futura filosofia da fotografia. Tradução do autor. Rio de Janeiro: Relumé Dumará, GOLDIN, Nan. The ballad of sexual dependency. Nova Iorque: Aperture, GOLDIN, Nan. The devil s playground. Londres: Phaidon, HESSE, HERMAN. Demian. Editora Record, 44ª ed KOSSOY, Boris. Realidades e ficções na trama fotográfica. São Paulo: Ateliê Editorial, MUNIZ, Vik. Reflex: Vik Muniz de A a Z. Tradução do autor. São Paulo: Cosac Naify, RENNÓ, Rosângela. A última foto. São Paulo: Galeria Vermelho, Catálogo da Exposição. SONTAG, Susan. Sobre fotografia. Trad. Rubens Figueiredo. São Paulo: Companhia das Letras, TOLEDANO, Philip. Dias com meu Pai. Ales Trade. 2010

fotografia ESSENCIAL curso de fotografia sobre criação, poesia e percepção

fotografia ESSENCIAL curso de fotografia sobre criação, poesia e percepção fotografia ESSENCIAL curso de fotografia sobre criação, poesia e percepção Por que tenho saudade de você, no retrato ainda que o mais recente? E por que um simples retrato, mais que você, me comove, se

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS PLANO DE ENSINO 042 CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS PLANO DE ENSINO 042 CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS CÓDIGO UNIDADE 042 CÓD. CURSO CURSO 42501 COMUNICAÇÃO SOCIAL HAB: JORNALISMO CÓD. DISC. DISCIPLINA ETAPA CH SEM CH TOTAL SEM/ANO 121.3205.5 FOTOJORNALISMO 2ª 04 68 1º/2010 OBJETIVOS O aluno ao final do

Leia mais

O uso do desenho e da gravura sobre fotografia como práxis poética da memória

O uso do desenho e da gravura sobre fotografia como práxis poética da memória O uso do desenho e da gravura sobre fotografia como práxis poética da memória Vinicius Borges FIGUEIREDO; José César Teatini CLÍMACO Programa de pós-graduação em Arte e Cultura Visual FAV/UFG viniciusfigueiredo.arte@gmail.com

Leia mais

O que os olhos não veem, a lente registra

O que os olhos não veem, a lente registra O que os olhos não veem, a lente registra E.E. Profº Adelaide Maria de Barros Sala 5 sessão 2 Professor(es) Apresentador(es): Maria Aparecida Oliveira Brito Aline Loures Realização: Foco A Eletiva de Fotografia

Leia mais

Questão 1 / Tarefa 1. Questão 1 / Tarefa 2. Questão 1 / Tarefa 3. Questão

Questão 1 / Tarefa 1. Questão 1 / Tarefa 2. Questão 1 / Tarefa 3. Questão Neste teste, a resolução da questão 1 exige a audição de uma sequência de três músicas que serão executadas sem interrupção: uma vez, no início do teste; uma vez, dez minutos após o término da primeira

Leia mais

A fotografia como testemunho material das reflexões de alunos do ensino médio na aula de arte.

A fotografia como testemunho material das reflexões de alunos do ensino médio na aula de arte. A fotografia como testemunho material das reflexões de alunos do ensino médio na aula de arte. Doutorando: Laudo Rodrigues Sobrinho Universidade Metodista de Piracicaba-UNIMEP e-mail: laudinho@bol.com.br

Leia mais

Os pequenos nadas. Uma criação de Anton Coimbra e Nuno Pinto. Produçao de Último Comboio.

Os pequenos nadas. Uma criação de Anton Coimbra e Nuno Pinto. Produçao de Último Comboio. Os pequenos nadas Uma criação de Anton Coimbra e Nuno Pinto. Produçao de Último Comboio. "Teatro artesanal (...) Tudo em vista: a máquina de cinema minúscula, que eles resgataram do desmantelamento, os

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico Unidade Universitária: 042 CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS Curso: 42501 Jornalismo Disciplina: Fotografia e Tratamento de Imagem Núcleo Temático: Aplicação processual Código da Disciplina: ENEX00474 Professor(es):

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN ENSINO FUNDAMENTAL. DIRETRIZES CURRICULARES 1º ao 5º ANO ARTE

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN ENSINO FUNDAMENTAL. DIRETRIZES CURRICULARES 1º ao 5º ANO ARTE CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN ENSINO FUNDAMENTAL 2015 DIRETRIZES CURRICULARES 1º ao 5º ANO ARTE OBJETIVOS GERAIS Conhecimento da Arte enquanto auto expressão e conhecimento, apreensão e comunicação

Leia mais

Mini Workshop de Fotografia (+60 ) Marcos Semola. DSF BSM Latin America. 23-27 de Novembro de 2009 Shell CIPA Day

Mini Workshop de Fotografia (+60 ) Marcos Semola. DSF BSM Latin America. 23-27 de Novembro de 2009 Shell CIPA Day Mini Workshop de Fotografia (+60 ) Marcos Semola DSF BSM Latin America 23-27 de Novembro de 2009 Shell CIPA Day Agenda 1. Por que esta palestra? 2. Por que o hobby da fotografia 3. O que você precisa para

Leia mais

CONCEITOS. Artes História do retrato-pintura. História do retrato-fotografia. Arte e tecnologia. Matemática Transformações.

CONCEITOS. Artes História do retrato-pintura. História do retrato-fotografia. Arte e tecnologia. Matemática Transformações. Sala de Professor MESTRE JÚLIO: RETRATO PINTADO CONCEITOS Artes História do retrato-pintura. História do retrato-fotografia. Arte e tecnologia. Matemática Transformações. Sociologia Indústria cultural.

Leia mais

POR TRÁS DA LENTE E DIANTE DA CÂMERA A EVOLUÇÃO DO RETRATO

POR TRÁS DA LENTE E DIANTE DA CÂMERA A EVOLUÇÃO DO RETRATO 1 POR TRÁS DA LENTE E DIANTE DA CÂMERA A EVOLUÇÃO DO RETRATO RESUMO Colégio Londrinense Alunos (as): Laís Knott Oliveira Silva; Clóvis Begnozzi Neto; Lucas Assis; Rafael Noriaki Yamamoto Orientadora: Wiviane

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2009

PLANO DE ENSINO 2009 PLANO DE ENSINO 2009 Fundamental I ( ) Fundamental II ( ) Médio ( ) Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) Graduação ( X ) Pós-graduação ( ) I. Dados Identificadores Curso Pedagogia Disciplina

Leia mais

SESC Petrolina 09, 10 e 11 de agosto de 2010. Marcus Ramos UNIVASF

SESC Petrolina 09, 10 e 11 de agosto de 2010. Marcus Ramos UNIVASF SESC Petrolina 09, 10 e 11 de agosto de 2010 Marcus Ramos UNIVASF Engenheiro elétrico (USP/82); Mestre em Sistemas Digitais (USP/91); Professor do curso de Engenharia de Computação da UNIVASF em Juazeiro-BA

Leia mais

ROTAS DE APRENDIZAGEM 2015-2016 ED. VISUAL 8.º Ano

ROTAS DE APRENDIZAGEM 2015-2016 ED. VISUAL 8.º Ano Projeto 1: ANIMAÇÂO GRÁFICA DA CAPA Professora: Elisabete Mesquita_mesquita.beta@gmail.com Objetivo Geral: Reinventar uma foto do aprendente através do desenho e colagem. Deste estudo resultará a ilustração

Leia mais

Introdução à Fotografia Digital

Introdução à Fotografia Digital Introdução à Fotografia Digital Aula 1 Fundamentos, Câmeras, Obje3vas Disponível em www.ecoclics.com/wp- content/pdf/aula_ifd_1.pdf Roteiro da Aula Apresentações Programação do curso Câmeras Objetivas

Leia mais

CURSO DE FOTOGRAFIA DIGITAL COMPLETO

CURSO DE FOTOGRAFIA DIGITAL COMPLETO CURSO DE FOTOGRAFIA DIGITAL COMPLETO Módulos 1. Câmaras e Imagens Digitais. 2. Controlar a Exposição. 3. Controlar a Nitidez. 4. Captar Luz e Cor. 5. Compreender as Objectivas. 6. Fotografia com o Flash

Leia mais

Currículo Referência em Artes Visuais Ensino Médio

Currículo Referência em Artes Visuais Ensino Médio Currículo Referência em Artes Visuais Ensino Médio 1º ANO - ENSINO MÉDIO Objetivos Conteúdos Expectativas - Conhecer a área de abrangência profissional da arte e suas características; - Reconhecer e valorizar

Leia mais

Componente de Formação Técnica. Disciplina de

Componente de Formação Técnica. Disciplina de CURSOS PROFISSIONAIS DE NÍVEL SECUNDÁRIO Técnico de Fotografia PROGRAMA Componente de Formação Técnica Disciplina de Técnicas de Comunicação Escolas Proponentes / Autores ETIC José Pacífico (Coordenador)

Leia mais

Mostra de Trabalhos Pedagógicos. "Os Infinitos Olhares da/na Escola"

Mostra de Trabalhos Pedagógicos. Os Infinitos Olhares da/na Escola Mostra de Trabalhos Pedagógicos "Os Infinitos Olhares da/na Escola" O VII FALA Outra ESCOLA, que tem o tema - O Teu Olhar Trans-forma o Meu? - abre inscrições para participação da Mostra de Trabalhos Pedagógicos

Leia mais

Fotografia Digital Obtenção da Imagem e Impressão

Fotografia Digital Obtenção da Imagem e Impressão Fotografia Digital Obtenção da Imagem e Impressão 1 Diferenças entre o CCD e o Filme: O filme como já vimos, é uma película de poliéster, coberta em um dos lados por uma gelatina de origem animal com partículas

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO PUBLICIDADE E PROPAGANDA GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS

CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO PUBLICIDADE E PROPAGANDA GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO PUBLICIDADE E PROPAGANDA GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS Cultura Brasileira 1º PERÍODO O fenômeno cultural. Cultura(s) no Brasil. Cultura regional e

Leia mais

Os Elementos da máquina Fotográfica

Os Elementos da máquina Fotográfica Os Elementos da máquina Fotográfica Os Elementos da máquina Fotográfica 1. Obturador de velocidade 2. Diafragma 3. Objetiva 4. Visor 5. Sapata 6. Botão disparador 7. Sensor 8. LCD Os Elementos da máquina

Leia mais

EU SOU UM BONECO! UMA EXPERIÊNCIA EM AUTORRETRATO

EU SOU UM BONECO! UMA EXPERIÊNCIA EM AUTORRETRATO EU SOU UM BONECO! UMA EXPERIÊNCIA EM AUTORRETRATO Adriana D Agostino Relato de experiência Resumo A experiência apresentada foi realizada em 2013 no Colégio Salesiano Santa Teresinha a partir do material

Leia mais

Curso Básico de Fotografia Digital. Por Daniel Barboza

Curso Básico de Fotografia Digital. Por Daniel Barboza Curso Básico de Fotografia Digital Por Daniel Barboza Curso Básico de Fotografia Digital 57ª Turma Ementa Objetivos: Aprimorar conhecimentos gerais; Aprender a fazer fotos em viagens; Ter noção de como

Leia mais

6. movimentos da câmara fotográfica.

6. movimentos da câmara fotográfica. Ficha de Unidade Curricular Designação - Fotografia Área Científica - FOT Ciclo de Estudos 1º Ciclo/ Lic. Som e Imagem Carácter - Obrigatória Semestre 2º Semestre ECTS - 6 Tempo de Trabalho- Total: 150h

Leia mais

A formação é um instrumento determinante na busca do domínio técnico e ganhos

A formação é um instrumento determinante na busca do domínio técnico e ganhos A formação é um instrumento determinante na busca do domínio técnico e ganhos de produtividade, não só pela qualificação dos recursos humanos mas pela capacidade de melhoria no desempenho e produção de

Leia mais

Plano de aula para três encontros de 50 minutos cada. Tema: Vida e obra de Vincent Van Gogh. Público alvo: 4º série do Ensino fundamental

Plano de aula para três encontros de 50 minutos cada. Tema: Vida e obra de Vincent Van Gogh. Público alvo: 4º série do Ensino fundamental UDESC UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA DAV- DEPARTAMENTO DE ARTES VISUAIS Curso: Licenciatura em Artes Visuais Disciplina: Cultura Visual Professora: Jociele Lampert Acadêmica: Cristine Silva Santos

Leia mais

COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150

COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 PLANEJAMENTO ANUAL DE ARTE ANO: 4 º Ano PROFESSORAS: Aline Francyele

Leia mais

no pátio do museu WORKSHOPS 06 PHOTOGRAPHY FESTIVAL (+351) 254 600 230 MUSEU DE LAMEGO Programa Programme museu.de.lamego www.museudelamego.

no pátio do museu WORKSHOPS 06 PHOTOGRAPHY FESTIVAL (+351) 254 600 230 MUSEU DE LAMEGO Programa Programme museu.de.lamego www.museudelamego. no pátio do museu PHOTOGRAPHY FESTIVAL Museum of Lamego Programa Programme www.museudelamego.pt museu.de.lamego Informações Further information MUSEU DE LAMEGO (+351) 254 600 230 organização organization

Leia mais

Missão. Objetivo Geral

Missão. Objetivo Geral SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO Curso: CINEMA E AUDIOVISUAL Missão O Curso de Cinema e Audiovisual da Universidade Estácio de Sá tem como missão formar um profissional humanista, com perfil técnico e artístico

Leia mais

UM REGISTRO FOTOGRÁFICO DAS ETAPAS DO PROCESSO CRIATIVO: A ARTE FINAL 1

UM REGISTRO FOTOGRÁFICO DAS ETAPAS DO PROCESSO CRIATIVO: A ARTE FINAL 1 UM REGISTRO FOTOGRÁFICO DAS ETAPAS DO PROCESSO CRIATIVO: A ARTE FINAL 1 Luiz Henrique Oliveira Silva Carlos de PAIVA 2 Lamounier Lucas PEREIRA JÚNIOR 3 Centro Universitário Newton Paiva, Belo Horizonte,

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM FOTOGRAFIA REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO Das Disposições Gerais O presente

Leia mais

FACULDADE DE ARTES DO PARANÁ CURSO DE BACHARELADO EM CINEMA E VÍDEO Ano Acadêmico de 2008 MATRIZ CURRICULAR

FACULDADE DE ARTES DO PARANÁ CURSO DE BACHARELADO EM CINEMA E VÍDEO Ano Acadêmico de 2008 MATRIZ CURRICULAR MATRIZ CURRICULAR Carga Horária Semestral por Disciplina Disciplinas 1º semestre 2º semestre 3º semestre 4º semestre 5º semestre 6º semestre 7º semestre 8º semestre Total Obrigatórias Optativas Fundamentos

Leia mais

Sumário do livro 1. APRESENTAÇÃO. 1.1. A Fotografi a é Necessária

Sumário do livro 1. APRESENTAÇÃO. 1.1. A Fotografi a é Necessária Sumário do livro 1. APRESENTAÇÃO 1.1. A Fotografi a é Necessária 1.2. Problema Léxico: Câmera ou Câmara Fotográfica? 1.3. Da Prata ao Silício 2. DICAS 2.1. 25 Questões Básicas sobre Fotografi a Digital

Leia mais

Figura Nº 70. Figura Nº 71

Figura Nº 70. Figura Nº 71 Figura Nº 70 Figura Nº 71 Figura Nº 69 Outra constatação é que o processo de solarização decorre de uma iluminação adicional feita no decorrer da revelação da imagem ou filme, assim sendo poderíamos com

Leia mais

BEM-VINDO AO ESPAÇO DO PROFESSOR

BEM-VINDO AO ESPAÇO DO PROFESSOR BEM-VINDO AO ESPAÇO DO PROFESSOR APRESENTAÇÃO Nosso objetivo é inaugurar um espaço virtual para o encontro, o diálogo e a troca de experiências. Em seis encontros, vamos discutir sobre arte, o ensino da

Leia mais

MATERNAL I OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL

MATERNAL I OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL MATERNAL I OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL Desenvolver uma imagem positiva de si, atuando de forma cada vez mais independente, com a confiança em suas capacidades e percepção de suas limitações;

Leia mais

PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DA DISCIPLINA AUDIOVISUAL DA ESCOLA POLITÉCNICA DE SAÚDE JOAQUIM VENÂNCIO

PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DA DISCIPLINA AUDIOVISUAL DA ESCOLA POLITÉCNICA DE SAÚDE JOAQUIM VENÂNCIO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DA DISCIPLINA AUDIOVISUAL DA ESCOLA POLITÉCNICA DE SAÚDE JOAQUIM VENÂNCIO 1. AUDIOVISUAL NO ENSINO MÉDIO O audiovisual tem como finalidade realizar-se como crítica da cultura,

Leia mais

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades;

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades; INFANTIL I OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL Desenvolver uma imagem positiva de si, atuando de forma cada vez mais independente, com a confiança em suas capacidades e percepção de suas limitações:

Leia mais

FICHA TÉCNICA DO CURSO A FOTOGRAFIA (INTRODUÇÃO) E TÉCNICA FOTOGRÁFICA EDIÇÃO Nº 01/2013

FICHA TÉCNICA DO CURSO A FOTOGRAFIA (INTRODUÇÃO) E TÉCNICA FOTOGRÁFICA EDIÇÃO Nº 01/2013 FICHA TÉCNICA DO CURSO A FOTOGRAFIA (INTRODUÇÃO) E TÉCNICA FOTOGRÁFICA EDIÇÃO Nº 01/2013 1. DESIGNAÇÃO DO CURSO A fotografia (introdução) e Técnica Fotográfica. 2. COMPETÊNCIAS A DESENVOLVER - Reflectir

Leia mais

CURSO DE FOTOGRAFIA DIGITAL

CURSO DE FOTOGRAFIA DIGITAL CURSO DE FOTOGRAFIA DIGITAL formação em imagem www.100iso.pt Módulos 1. Câmaras e Imagens Digitais. 2. Controlar a Exposição. 3. Controlar a Nitidez. 4. Captar Luz e Cor. 5. Compreender as Objectivas.

Leia mais

Semana do Design 2009. Programação dos workshops 3/11-3ª-feira

Semana do Design 2009. Programação dos workshops 3/11-3ª-feira Semana do Design 2009 Programação dos workshops 3/11-3ª-feira Workshop 1. Tema: Design de personagens e Toy Art Professor: Marcelo Bosqueti Data: 3/11 Local: Oficina de marcenaria Proposta da atividade:

Leia mais

SNV - sistema nervoso virtual: um ensaio, uma reflexão

SNV - sistema nervoso virtual: um ensaio, uma reflexão SNV - sistema nervoso virtual: um ensaio, uma reflexão Felipe José Mendonça Ferreira * RESUMO Este artigo traz para o debate acadêmico o uso do computador na criação artística contemporânea a partir do

Leia mais

Plano de Trabalho Docente - 2014. Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente - 2014. Ensino Médio Plano de Trabalho Docente - 2014 Ensino Médio Código: 0262 ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Área de Conhecimento: Linguagens, códigos e suas tecnologias. Componente Curricular: Artes Série:

Leia mais

O que Vês na Imagem?

O que Vês na Imagem? O que Vês na Imagem? Fonte: Farol, versão portuguesa do COMPASS: www.humanaglobal.com Duração aproximada: 30 minutos a 1 hora Palavras-chave: direitos humanos, interpretação/visão individual dos direitos

Leia mais

TÉCNICO DE ARTES GRÁFICAS

TÉCNICO DE ARTES GRÁFICAS Saída Profissional 03.01 TÉCNICO DE ARTES GRÁFICAS O Técnico de Artes Gráficas é um profissional qualificado, conhecedor do fluxo de produção gráfica, e apto para o exercício de profissões ligadas à composição,

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA OBJETIVOS

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA OBJETIVOS Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO CURSO: INFORMÁTICA FORMA/GRAU:( X)integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE:

Leia mais

PROJETO DE ESTÁGIO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

PROJETO DE ESTÁGIO NA EDUCAÇÃO INFANTIL PROJETO DE ESTÁGIO NA EDUCAÇÃO INFANTIL BRIZOLA, Silene Francisca dos Santos. (UNEMAT) silenefsb@hotmail.com SILVA, Maria Ivonete da. (UNEMAT) ivonete0304@hotmail.com RESUMO Este projeto foi desenvolvido

Leia mais

Pós-produção Inteligente

Pós-produção Inteligente Pós-produção Inteligente por Luis Caruso Fluxo Escola de Fotografia Expandida Pós-produção Inteligente PS6 - LR4 Introdução sobre o Photoshop e Lightroom Já sabemos que o Photoshop é um aplicativo. Sabemos

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. GINESTAL MACHADO Ano lec.2013-2014. Curso Profissional de Técnico de Multimédia. Planificação

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. GINESTAL MACHADO Ano lec.2013-2014. Curso Profissional de Técnico de Multimédia. Planificação ESCOLA SECUNDÁRIA DR. GINESTAL MACHADO Ano lec.2013-2014 Curso Profissional Técnico Multimédia Planificação Disciplina: Design, Comunicação e Audiovisuais Ano: 11º Conteúdos Objetivos Estratégias/Atividas

Leia mais

CURSO PROFISSIONAL TÉCNICO DE COMUNICAÇÃO MARKETING,RELAÇÕES PÚBLICAS E PUBLICIDADE. Planificação anual

CURSO PROFISSIONAL TÉCNICO DE COMUNICAÇÃO MARKETING,RELAÇÕES PÚBLICAS E PUBLICIDADE. Planificação anual CURSO PROFISSIONAL TÉCNICO DE COMUNICAÇÃO MARKETING,RELAÇÕES PÚBLICAS E PUBLICIDADE Planificação anual Disciplina: Comunicação Gráfica Audiovisual - 2ºL Professor: Rui Calmeiro - Estrutura da disciplina

Leia mais

Técnicas de fotografia e tratamento de imagem FTZOO (BIOB40) Lucas Menezes Silva

Técnicas de fotografia e tratamento de imagem FTZOO (BIOB40) Lucas Menezes Silva Técnicas de fotografia e tratamento de imagem FTZOO (BIOB40) Lucas Menezes Silva Técnicas de fotografia Objetivos Conhecer a fotografia Reconhecer tipos de câmeras Aprender técnicas Conhecer assessórios

Leia mais

MINHA HISTÓRIA, MINHA VIDA

MINHA HISTÓRIA, MINHA VIDA ESCOLA ESTADUAL ALMIRANTE TOYODA-2014 PROJETO IDENTIDADE MINHA HISTÓRIA, MINHA VIDA TURMA: 1º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL (AZALÉIA E ACÁCIA) PROFESSORAS: GENISMEYRE E LUCILEILA Projeto Identidade Público

Leia mais

OLHAR GLOBAL. Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas. A poeira do. renascimento. Fotografe Melhor n o 207

OLHAR GLOBAL. Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas. A poeira do. renascimento. Fotografe Melhor n o 207 OLHAR GLOBAL Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas A poeira do renascimento 36 Fotografe Melhor n o 207 Olivier convida pessoas que encontra na rua ou na internet para posarem

Leia mais

GUIA PEDAGÓGICO PARA OS PAIS Jardim I

GUIA PEDAGÓGICO PARA OS PAIS Jardim I EDUCAÇÃO INFANTIL Maceió, 12 de março de 2015. GUIA PEDAGÓGICO PARA OS PAIS Jardim I Senhores pais ou responsáveis Iniciamos esta semana os projetos pedagógicos do 1 Trimestre letivo. As turmas de Jardim

Leia mais

O olho que pensa, a mão que faz, o corpo que inventa

O olho que pensa, a mão que faz, o corpo que inventa G eoff Rees Be neat h t he re ef, 199 2, s er igr af i a Fot o: Fau st o Fleur y O olho que pensa, a mão que faz, o corpo que inventa Com as proposições didáticas sugeridas, espera-se que os alunos possam

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL III

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL III EDUCAÇÃO INFANTIL 2013 DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL III DISCIPLINA : LÍNGUA PORTUGUESA OBJETIVOS GERAIS Ampliar gradativamente suas possibilidades de comunicação e expressão, interessando-se por conhecer

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2013

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2013 PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2013 ENSINO TÉCNICO Escola Técnica de Carapicuíba Código: 0144 Município: Carapicuíba Eixo Tecnológico: Produção Cultural e Design Habilitação Profissional: Técnico em Comunicação

Leia mais

Para pensar o. livro de imagens. Para pensar o Livro de imagens

Para pensar o. livro de imagens. Para pensar o Livro de imagens Para pensar o livro de imagens ROTEIROS PARA LEITURA LITERÁRIA Ligia Cademartori Para pensar o Livro de imagens 1 1 Texto visual Há livros compostos predominantemente por imagens que, postas em relação,

Leia mais

A MAIOR ESCOLA DE FOTOGRAFIA DA AMÉRICA LATINA INTENSIVO

A MAIOR ESCOLA DE FOTOGRAFIA DA AMÉRICA LATINA INTENSIVO A MAIOR ESCOLA DE FOTOGRAFIA DA AMÉRICA LATINA CURSO COMPLETO BELO HORIZONTE INTENSIVO & RIO DE JANEIRO DE FOTOGRAFIA TODO FOTÓGRAFO EXPERIENTE UM DIA FOI INICIANTE. Vinícius Matos O Curso completo de

Leia mais

OFICINA EDUCOMUNICATIVA EM FOTOGRAFIA

OFICINA EDUCOMUNICATIVA EM FOTOGRAFIA OFICINA EDUCOMUNICATIVA EM FOTOGRAFIA Uma proposta para aplicação no Programa Mais Educação Izabele Silva Gomes Universidade Federal de Campina Grande UFCG izabelesilvag@gmail.com Orientador (a): Professora

Leia mais

Área de Formação Pessoal e Social

Área de Formação Pessoal e Social Área de Formação Pessoal e Social Identidade/ Auto-estima Independência/ Autonomia Convivência democrática/ Cidadania Brincar com o outro (s); Ouvir os outros; Saber identificar-se a si e o outro; Esperar

Leia mais

Projecto Anual com Escolas Ano lectivo 2010/2011

Projecto Anual com Escolas Ano lectivo 2010/2011 Projecto Anual com Escolas Ano lectivo 2010/2011 1. Enquadramento O Serviço Educativo da Casa das Histórias Paula Rego é entendido como um sector de programação que visa uma mediação significativa entre

Leia mais

Educação alimentar e nutricional

Educação alimentar e nutricional Educação alimentar e nutricional Disciplinas envolvidas: Matemática, Português, Sociologia, Educação Física, História e Arte. Justificativa: A Educação Alimentar e Nutricional é um campo de conhecimento

Leia mais

O Light Painting como Recurso Visual na Fotografia Publicitária 1

O Light Painting como Recurso Visual na Fotografia Publicitária 1 O Light Painting como Recurso Visual na Fotografia Publicitária 1 Isaac Veloso NETO 2 Joseph LIMA 3 Amanda BARROS 4 Micael RODRIGUES 5 João COUTINHO 6 Vitor BRAGA 7 Resumo: Nesse trabalho, busca-se principalmente

Leia mais

COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150

COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 4, Toledo PR Fone: 77-850 PLANEJAMENTO ANUAL DE ARTES VISUAIS SÉRIE: PRÉ I PROFESSOR: Carla Iappe

Leia mais

Jontex sabores e natural 1

Jontex sabores e natural 1 Jontex sabores e natural 1 Gustavo Kronhardt 2 Beatrice Andrea Gasparetto 3 Juliana Lorenzi 4 Ana Paula da Rosa 5 Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas- Celer Faculdades Resumo A fotografia publicitária

Leia mais

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2301GD - Bacharelado em Design. Ênfase. Disciplina A - Fotografia III

Plano de Ensino. Identificação. Câmpus de Bauru. Curso 2301GD - Bacharelado em Design. Ênfase. Disciplina A - Fotografia III Curso 2301GD - Bacharelado em Design Ênfase Identificação Disciplina 0003642A - Fotografia III Docente(s) Luiz Fernando Cardoso Furtado Unidade Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação Departamento

Leia mais

DIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL

DIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO - FNDE PROINFÂNCIA BAHIA UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA - UFBA FACULDADE DE EDUCAÇÃO - FACED DIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS PARA A

Leia mais

PLANEJAMENTO TRIMESTRAL III Trimestre / 2009. PROFESSORA: Bianca de Souza NÚCLEO 3 TURMA N3-8 OBJETIVOS 1

PLANEJAMENTO TRIMESTRAL III Trimestre / 2009. PROFESSORA: Bianca de Souza NÚCLEO 3 TURMA N3-8 OBJETIVOS 1 PLANEJAMENTO TRIMESTRAL III Trimestre / 2009 PROFESSORA: Bianca de Souza OBJETIVOS 1 Os objetivos para o terceiro trimestre com a turma N3-8 é o estudo e a construção de uma maquete da escola. Uma sequência

Leia mais

Fotografia: Rumos 1. Mahamed PRATA 2 Wilton MARTINS 3 Universidade de Fortaleza, Fortaleza - CE

Fotografia: Rumos 1. Mahamed PRATA 2 Wilton MARTINS 3 Universidade de Fortaleza, Fortaleza - CE Fotografia: Rumos 1 Mahamed PRATA 2 Wilton MARTINS 3 Universidade de Fortaleza, Fortaleza - CE RESUMO O presente artigo descreve o processo criativo e produtivo da fotografia de capa da revista A Ponte

Leia mais

LINHAS DE EXPLORAÇÃO DO QUADRO DE COMPETÊNCIAS EXPRESSÃO MUSICAL

LINHAS DE EXPLORAÇÃO DO QUADRO DE COMPETÊNCIAS EXPRESSÃO MUSICAL ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DAS VELAS LINHAS DE EXPLORAÇÃO DO QUADRO DE COMPETÊNCIAS EXPRESSÃO MUSICAL 1º CICLO DO ENSINO BÁSICO 1 DO ENSINO BÁSICO CE 1 CE 5 CE 8 CE 12 CE 14 Interpretação e comunicação

Leia mais

Dia 21 (sábado de manhã, das 10 às 13h00) Saida para exterior Aula práctica de Fotografia num local a escolher)

Dia 21 (sábado de manhã, das 10 às 13h00) Saida para exterior Aula práctica de Fotografia num local a escolher) Local: Évora Hotel Av. Tulio Espanca, Apartado 93 Évora Tel: 266 403 315 Inscrições e Informações: Contactar Pedro Vilhena Site: Pedro Vilhena Fotografia Tm: 96 807 61 81 email: pedrovilhena.fotografo@gmail.com

Leia mais

Fotografia: conceitos e técnicas

Fotografia: conceitos e técnicas ca leo Carlos Leonardo S Mendes wwwcaleocombr caleo Carlos Leonardo dos S Mendes Fotografia: conceitos e técnicas Exposição Setembro de 2008 Versão 10 Nota: os textos ou fotos contidos neste material não

Leia mais

Curso Prático de Fotografia

Curso Prático de Fotografia Curso Prático de Fotografia O Curso Prático de Fotografia do MEF abrange cinco áreas da fotografia, sendo indicado para quem pretenda adquirir uma formação técnica de base sólida. As áreas do Curso Prático

Leia mais

CURSO DE POS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO EM FOTOGRAFIA DIGITAL

CURSO DE POS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO EM FOTOGRAFIA DIGITAL CURSO DE POS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO EM FOTOGRAFIA DIGITAL INFORMAÇÕES GERAIS: Em um mercado como o Brasil, país com um enorme potencial de profissionais criativos, fotógrafos sem uma formação adequada, além

Leia mais

ESPAÇO DE INVESTIGAÇÃO ARTÍSTICA REGULAMENTO GERAL DO ATELIÊ ABERTO #7 PROGRAMA DE RESIDÊNCIA PARA ARTISTAS E PESQUISADORES EM ARTE.

ESPAÇO DE INVESTIGAÇÃO ARTÍSTICA REGULAMENTO GERAL DO ATELIÊ ABERTO #7 PROGRAMA DE RESIDÊNCIA PARA ARTISTAS E PESQUISADORES EM ARTE. ESPAÇO DE INVESTIGAÇÃO ARTÍSTICA REGULAMENTO GERAL DO ATELIÊ ABERTO #7 PROGRAMA DE RESIDÊNCIA PARA ARTISTAS E PESQUISADORES EM ARTE. A Casa Tomada abre inscrições para a seleção de projetos da residência

Leia mais

PIC. Componentes da PIC 2. o bimestre. Produção Integrada ao Conteúdo

PIC. Componentes da PIC 2. o bimestre. Produção Integrada ao Conteúdo PIC VERSÃO PARA O PROFESSOR VERSÃO PARA O PROFESSOR 9. o ano Ensino Fundamental Produção Integrada ao Conteúdo Componentes da PIC 2. o bimestre Arte Ciências Geografia História A nota da PIC é a média

Leia mais

VIVENCIANDO MÚLTIPLAS LINGUAGENS NA BIBLIOTECA ESCOLAR: EXPERIÊNCIA DO PIBID/UEMS/PEDAGOGIA

VIVENCIANDO MÚLTIPLAS LINGUAGENS NA BIBLIOTECA ESCOLAR: EXPERIÊNCIA DO PIBID/UEMS/PEDAGOGIA VIVENCIANDO MÚLTIPLAS LINGUAGENS NA BIBLIOTECA ESCOLAR: EXPERIÊNCIA DO PIBID/UEMS/PEDAGOGIA Gabriela Arcas de Oliveira¹; Joice Gomes de Souza²; Giana Amaral Yamin³. UEMS- CEP, 79804970- Dourados-MS, ¹Bolsista

Leia mais

Conteúdos Bimestrais Sugeridos para a Área Artes Visuais 6º Ano

Conteúdos Bimestrais Sugeridos para a Área Artes Visuais 6º Ano Bimestrais Sugeridos para a Área Artes Visuais 6º Ano Compreendendo as Artes Visuais como área de conhecimento, que busca a formação de um sujeito atuante nos diferentes contextos da sociedade, pretendemos

Leia mais

Todos os direitos reservados a Fluxo - Escola de Fotografia Expandida. por Caio Amon. Imagens Sonoras. A Expansão da Imagem pelo Som

Todos os direitos reservados a Fluxo - Escola de Fotografia Expandida. por Caio Amon. Imagens Sonoras. A Expansão da Imagem pelo Som Imagens Sonoras por Caio Amon A Expansão da Imagem pelo Som Todos os direitos reservados a Fluxo - Escola de Fotografia Expandida Aprenda a produzir som e trilha para seus projetos. Imagens Sonoras A Expansão

Leia mais

WORKSHOP DE FOTOGRAFIA com Giancarlo Mecarelli, José Roberto Pedroza e Carlos Nascimento Paraty dias 27, 28 e 29 de novembro

WORKSHOP DE FOTOGRAFIA com Giancarlo Mecarelli, José Roberto Pedroza e Carlos Nascimento Paraty dias 27, 28 e 29 de novembro WORKSHOP DE FOTOGRAFIA com Giancarlo Mecarelli, José Roberto Pedroza e Carlos Nascimento Paraty dias 27, 28 e 29 de novembro Nunca se fotografou tanto na história, porém grande parte dessas imagens ficam

Leia mais

LUZ. Esses três elementos combinados permitem que o fotógrafo escolha como a imagem será feita.

LUZ. Esses três elementos combinados permitem que o fotógrafo escolha como a imagem será feita. FOTOGRAFIA LUZ A luz é o elemento primordial de uma imagem. Para ter controle na entrada de luz na câmera, o fotógrafo controla o ISO, a velocidade da cortina e o diafragma da lente. Esses três elementos

Leia mais

O retrato através da História da Arte

O retrato através da História da Arte ós na ala de Aula - Arte 6º ao 9º ano - unidade 5 Inicie sua aula observando retratos conhecidos da História da Arte e, em seguida, converse com os alunos sobre os retratos na História. Pergunte a eles

Leia mais

Agrupamento de Escolas António Rodrigues Sampaio Planificação Anual das Atividades Letivas

Agrupamento de Escolas António Rodrigues Sampaio Planificação Anual das Atividades Letivas Departamento Curricular/Ciclo: 1º Ciclo Disciplina: Expressões Artísticas e Físico-Motora Ano de escolaridade: 4º ano Ano letivo: 2015/2016 Perfil do aluno à saída do 1º ciclo: Participar na vida sala

Leia mais

Universidade São Marcos Pedagogia Comunicação, Educação e Novas Tecnologias RELEITURA DE OBRAS. Jane Ap. Fiorenzano RGM: 048581

Universidade São Marcos Pedagogia Comunicação, Educação e Novas Tecnologias RELEITURA DE OBRAS. Jane Ap. Fiorenzano RGM: 048581 Universidade São Marcos Pedagogia Comunicação, Educação e Novas Tecnologias RELEITURA DE OBRAS Jane Ap. Fiorenzano RGM: 048581 Lenivani S. Brandão RGM: 047438 Melissa F. Caramelo RGM: 049607 Sandra P.

Leia mais

ESCOLINHA MATERNO- INFANTIL PROJETO 2014

ESCOLINHA MATERNO- INFANTIL PROJETO 2014 ESCOLINHA MATERNO- INFANTIL PROJETO 2014 Justificativa do Projeto Conhecer o corpo humano é conhecer a vida, poucos assuntos são tão fascinantes para os alunos quanto esse. Por menores que sejam as crianças,

Leia mais

COM CONTA, PESO E MEDIDA!

COM CONTA, PESO E MEDIDA! COM CONTA, PESO E MEDIDA! Poderemos nós medir uma obra de arte Terão as ideias e as sensações que ela nos provoca um peso certo O que teremos de utilizar para medir as obras muito pequeninas e as muito

Leia mais

Relato de Experiência Educativa 1 JUSTIFICATIVA:

Relato de Experiência Educativa 1 JUSTIFICATIVA: Relato de Experiência Educativa Título: A Fotografia na Escola: A Escola aos olhos dos alunos Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Maria de Lourdes Poyares Labuto Cariacica-ES Série: 2 Ano do

Leia mais

Cartão postal. CONSULTORAS Patrícia Corsino e Hélen A. Queiroz

Cartão postal. CONSULTORAS Patrícia Corsino e Hélen A. Queiroz Cartão postal CONSULTORAS Patrícia Corsino e Hélen A. Queiroz SINOPSE geral da série Chico, 6 anos, adora passar as tardes na estamparia de fundo de quintal do seu avô. Nela, Vô Manu construiu um Portal

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL IV ARTE

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL IV ARTE CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN EDUCAÇÃO INFANTIL 2015 DIRETRIZES CURRICULARES INFANTIL IV ARTE OBJETIVOS GERAIS Desenvolver o pensamento artístico, estético e crítico; Estimular a percepção visual e

Leia mais

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades;

Brincar, expressando emoções, sentimentos, pensamentos, desejos e necessidades; INFANTIL II OBJETIVOS GERAIS DA EDUCAÇÃO INFANTIL Desenvolver uma imagem positiva de si, atuando de forma cada vez mais independente, com a confiança em suas capacidades e percepção de suas limitações:

Leia mais

Representação Carga horária:?

Representação Carga horária:? DSG 1006 - Projeto Avançado Usos e Impactos Sócio Ambientais 2012.1 Supervisão: Nathalia Cavalcante Tópico Representação Carga horária:? Trabalhar questões relativas a processos, técnicas, ferramentas

Leia mais

PARÂMETRO DE ARTE PARA O ENSINO FUNDAMENTAL - REDE MUNICIPAL ENSINO DE TRÊS CORAÇÕES. Diretrizes para o ensino de Arte 2011

PARÂMETRO DE ARTE PARA O ENSINO FUNDAMENTAL - REDE MUNICIPAL ENSINO DE TRÊS CORAÇÕES. Diretrizes para o ensino de Arte 2011 PARÂMETRO DE ARTE PARA O ENSINO FUNDAMENTAL - REDE MUNICIPAL ENSINO DE TRÊS CORAÇÕES 1 Diretrizes para o ensino de Arte 2011 1 Arte e legislação educacional: A inclusão da Arte no currículo escolar foi

Leia mais

COLÉGIO DE SANTA DOROTEIA LISBOA ANO LETIVO 2015/2016 DEPARTAMENTO DE ARTES VISUAIS. 1º Período 18 de Setembro a 17 de Dezembro [Aulas previstas: 89]

COLÉGIO DE SANTA DOROTEIA LISBOA ANO LETIVO 2015/2016 DEPARTAMENTO DE ARTES VISUAIS. 1º Período 18 de Setembro a 17 de Dezembro [Aulas previstas: 89] COLÉGIO DE SANTA DOROTEIA LISBOA ANO LETIVO 2015/2016 DEPARTAMENTO DE ARTES VISUAIS PLANIFICAÇÃO 1º PERÍODO DESENHO A 10º ANO Domínio Perceção visual Expressão gráfica Comunicação visual Calendarização

Leia mais

EXERCÍCIOS E EXPERIMENTAÇÕES: ABORDAGENS DO ENSINO DE ARTE EM

EXERCÍCIOS E EXPERIMENTAÇÕES: ABORDAGENS DO ENSINO DE ARTE EM EXERCÍCIOS E EXPERIMENTAÇÕES: ABORDAGENS DO ENSINO DE ARTE EM Resumo: SALA DE AULA Mariza Barbosa de Oliveira mariza.barbosa.oliveira@gmail.com Escola Municipal Professor Eurico Silva As experiências relatadas

Leia mais

A Arte e as Crianças

A Arte e as Crianças A Arte e as Crianças A criança pequena consegue exteriorizar espontaneamente a sua personalidade e as suas experiências inter-individuais, graças aos diversos meios de expressão que estão à sua disposição.

Leia mais

Arquitetura e Urbanismo PLANO DE ENSINO CÓDIGO DA DISCIPLINA: CARGA HORÁRIA: CRÉDITOS: EAR008 TEÓRICA: 30 H/A 2 PRÁTICA: 30 H/A 2 TOTAL: 60 H/A 4

Arquitetura e Urbanismo PLANO DE ENSINO CÓDIGO DA DISCIPLINA: CARGA HORÁRIA: CRÉDITOS: EAR008 TEÓRICA: 30 H/A 2 PRÁTICA: 30 H/A 2 TOTAL: 60 H/A 4 Arquitetura e Urbanismo PLANO DE ENSINO CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO DISCIPLINA: DESENHO LIVRE E ESPAÇO PÚBLICO CÓDIGO DA DISCIPLINA: CARGA HORÁRIA: CRÉDITOS: EAR008 TEÓRICA: 30 H/A 2 PRÁTICA: 30 H/A

Leia mais

Atividades complementares Festival ou mostra de: Atividades complementares visita a:

Atividades complementares Festival ou mostra de: Atividades complementares visita a: A1 Atividades complementares visita a: ( ) ACERVO OU RESERVA TÉCNICA DE MUSEU ( ) GALERIA DE ARTE ( ) ESPAÇO CULTURAL : A2 Atividades complementares Festival ou mostra de: ( ) VÍDEO ( ) CINEMA ( ) PERFORMANCE

Leia mais