Descrição do Curso de Verão

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Descrição do Curso de Verão"

Transcrição

1 Descrição do Curso de Verão Portugal - 1 de 7 -

2 Introdução O BEST Board of European Students of Technology é uma associação sem fins lucrativos, políticos ou religiosos que reúne estudantes de Engenharia, Ciência e Tecnologia de toda a Europa. Fundado em Abril de 1989, engloba hoje 77 grupos locais presentes em 28 países europeus. Mais de 1500 estudantes estão envolvidos activamente na organização e cerca de estudantes têm a oportunidade de participar nas actividades organizadas pelo BEST. O principal objectivo do BEST é proporcionar aos estudantes a possibilidade de enriquecer a sua formação extra curricular, num ambiente multicultural. Os eventos estimulam o desenvolvimento pessoal e académico dos estudantes. Portugal - 2 de 7 -

3 A acção do BEST desenvolve-se segundo quatro vectores principais: Educação Complementar Possibilita aos estudantes a participação gratuita, em cursos de componente tecnológica, nas Universidades Europeias pertencentes ao BEST; Colaboração com Empresas Organização de eventos (Career Workshop, Job Fair, Debates,...) que estabelecem uma ligação com empresas, de forma a facilitar a integração dos estudantes na vida profissional; Envolvimento Educacional Permite aos estudantes Europeus participar e contribuir para a política educativa Europeia. Faculta uma via de discussão, sensibilização e construção do ensino superior Europeu; Apoio à Carreira O BEST desenvolveu o BEST Career Support uma base de dados com CVs de alunos pertencentes às universidades aferentes à organização. Este serviço permite responder a solicitações de estágios ou empregos feitas por empresas, internacionais e locais, parceiras do BEST. Portugal - 3 de 7 -

4 Fundado na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP) em 1996 e com representação na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP), conta com a participação activa de 30 membros. O BEST Porto organiza, anualmente, mais de 10 eventos locais e internacionais, para além disso como parte integrante da rede de grupo locais europeus participa activamente na gestão da componente internacional da organização. Actividades do BEST Porto 9 Cursos de Verão 2 Simpósios sobre Educação 9 Edições da Competição de Engenharia 2 Edições da Competição de Engenharia Nacional 3 Edições do BEST Career Workshop Eventos Internos (ex.: President s Meeting, Regional Meeting, etc) Além das actividades mencionadas, organizadas pelo BEST Porto, promovemos ainda as actividades de outros grupos locais do BEST por toda a Europa, proporcionando assim aos alunos das universidades membro a sua participação nestes eventos. Podem encontrar mais informações sobre o BEST Porto em Portugal - 4 de 7 -

5 Curso de Verão 2008: "EntrepreneurShip Sail to the Future" O curso de verão 2008, promovido pelo BEST, visa oferecer aos alunos uma oportunidade de aprender a vivência do processo real de inovação e empreendedorismo. Realizar-se-á entre 1 e 10 de Setembro. Como objectivos principais do curso, enumeram-se: - A transmissão de noções básicas de empreendedorismo; - Formação de competências inerentes ao empreendedor; - Incentivar e promover práticas empreendedoras; - Estimular a aprendizagem aprofundada do empreendedorismo, promovendo ao mesmo tempo o ensino deste. O curso tem como conteúdos programáticos diferentes módulos que pretendem possibilitar que os participantes adquiram uma noção básica do que é o empreendedorismo e o que é ser empreendedor. Entre os temas e módulos que serão abordados encontram-se: Introdução ao empreendedorismo Identificação de oportunidades de negócio Criação de um plano de negócio Apoios à criação de empresas Oportunidades de financiamento Networking Portugal - 5 de 7 -

6 BEST Porto - Curso de Verão 2008 Para que o curso possa ser o mais dinâmico e versátil possível, para além de uma componente teórica teremos também uma componente prática com visitas, case-studies e um projecto realizado pelos participantes, a contar para a avaliação do curso. Portugal - 6 de 7 -

7 Conferência no Âmbito do Curso No contexto do curso de verão será realizada uma conferência, aberta às comunidades estudantil e docente, que inclui debates e workshops e contará com a presença de profissionais e especialistas na área do empreendedorismo. Embora as comunidades estudantil e docente estejam presentes durante as conferências e apresentações das empresas, estas serão em inglês, uma vez que o curso é dirigido a 22 estudantes estrangeiros. Este evento terá a duração de um dia. Contará com apresentações de empresas parceiras do evento e com dois colóquios: um de manhã e outro à tarde. O primeiro, com o tema Empreendedorismo Juvenil, visa desenvolver um debate e conversa sobre o que está a ser feito e pode ser feito para se incutir uma atitude empreendedora nos jovens, e sobre a melhor forma de a propagar. O segundo, com o tema Empreender na Europa e no Mundo, acrescentará a oportunidade de proporcionar ao público, um contacto com as experiências de empreendedores que conseguiram quebrar barreiras e levar avante uma ideia, um projecto, aos quatro cantos do mundo. Programa para o evento: Manhã: 9:00 10:00 Apresentação de Empresa Parceira do Evento 10:00 10:30 Coffee Break 10:30 13:15 Colóquio 1 Empreendedorismo Juvenil Almoço Tarde : 15:00 16:00 Apresentação de Empresa Parceira do Evento 16:00 16:30 Coffee Break 16:30 19:15 Colóquio 2 Empreender na Europa e no Mundo Portugal - 7 de 7 -

Pedido de apoio ao Curso de Verão de 2008

Pedido de apoio ao Curso de Verão de 2008 Pedido de apoio ao Curso de Verão de 2008 Portugal - 1 de 11 - Introdução O BEST Board of European Students of Technology é uma associação sem fins lucrativos, políticos ou religiosos que reúne estudantes

Leia mais

O projecto Potencial C inclui ainda um número limitado de actividades a decorrer fora do país. Objectivos:

O projecto Potencial C inclui ainda um número limitado de actividades a decorrer fora do país. Objectivos: O projecto Potencial C é uma iniciativa da Agência INOVA e é constituído por um conjunto integrado e abrangente de actividades que, ao longo de 24 meses, procurará estimular a criação de empresas no âmbito

Leia mais

Oferta Formativa Pós- Graduada Curso Pós-Graduado de Especialização em Educação

Oferta Formativa Pós- Graduada Curso Pós-Graduado de Especialização em Educação Instituto de Oferta Formativa Pós- Graduada Curso Pós-Graduado de Especialização em Educação Especialização: Tecnologias e Metodologias da Programação no Ensino Básico 16 17 Edição Instituto de Educação

Leia mais

CARTA DE RECOMENDAÇÕES Elaborada pelos participantes do 2º Encontro da Rede Participação Juvenil de Sintra

CARTA DE RECOMENDAÇÕES Elaborada pelos participantes do 2º Encontro da Rede Participação Juvenil de Sintra CARTA DE RECOMENDAÇÕES Elaborada pelos participantes do 2º Encontro da Rede Participação Juvenil de Sintra 03.03.2012 PARTICIPAÇÃO EM ACTIVIDADES JUVENIS 1. Realizar inquéritos, a nível local, para averiguar

Leia mais

Federação Portuguesa de Júnior Empresas

Federação Portuguesa de Júnior Empresas Federação Portuguesa de Júnior Empresas JADE Portugal, Federação Portuguesa de Júnior Empresas Rua Diogo Botelho 1327 4169 005 Porto Portugal Índice I. O Conceito de Júnior Empresa I. 1 O que é uma Júnior

Leia mais

A StartUp BUZZ Mapping the route to your entrepreneurial dreams

A StartUp BUZZ Mapping the route to your entrepreneurial dreams A StartUp BUZZ Mapping the route to your entrepreneurial dreams A StartUp BUZZ é uma organização dedicada a promover o empreendedorismo e inspirar os jovens a adoptarem uma atitude audaz face a um mundo

Leia mais

Uma iniciativa da câmara municipal do porto e da fundação da juventude.

Uma iniciativa da câmara municipal do porto e da fundação da juventude. Uma iniciativa da câmara municipal do porto e da fundação da juventude. ÍNDICE NOTA INTRODUTÓRIA PROGRAMA EMPREENDE JOVEM Objetivos Para quem Iniciativas PLATAFORMA EMPREENDEJOVEM MOVE YOUR WAY @ PORTO

Leia mais

ENTRExplorer: a Serious Game for Immersive Entrepreneurs

ENTRExplorer: a Serious Game for Immersive Entrepreneurs ENTRExplorer: a Serious Game for Immersive Entrepreneurs www.entrexplorer.com www.facebook.com/entrexplorer Objetivos do Projeto Objetivos do projeto ENTRExplorer: - Desenvolver um jogo online realista

Leia mais

Somos uma empresa de Educação Internacional.

Somos uma empresa de Educação Internacional. Somos uma empresa de Educação Internacional. Contamos com 6 anos de experiência no mercado de idiomas e intercâmbios, mais de 500 clientes atendidos em 10 estados brasileiros, equipe no Brasil e EUA. Acreditamos

Leia mais

VOLTA DE APOIO AO EMPREGO

VOLTA DE APOIO AO EMPREGO VOLTA DE APOIO AO EMPREGO CIDADE DAS PROFISSÕES A CIDADE DAS PROFISSÕES É UM ESPAÇO GRATUITO DE INFORMAÇÃO E CONSULTORIA SOBRE A VIDA PROFISSIONAL E O MUNDO DO TRABALHO PROMOVIDO PELA CÂMARA MUNICIPAL

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Paço de Arcos. Projeto. Clube de Nutrição

Agrupamento de Escolas de Paço de Arcos. Projeto. Clube de Nutrição Agrupamento de Escolas de Paço de Arcos Projeto Clube de Nutrição julho de 2013 1. Enquadramento A Obesidade é provavelmente o maior problema, relacionado com a saúde, que a sociedade moderna apresenta.

Leia mais

CURRICULUM VITAE Licenciatura em Sociologia, realizada na Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, com média final de 15 valores.

CURRICULUM VITAE Licenciatura em Sociologia, realizada na Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, com média final de 15 valores. CURRICULUM VITAE ELEMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO Mónica Catarina do Adro Lopes Nacionalidade: Portuguesa Naturalidade: Leiria B.I: 11580295 Contribuinte: 214859487 Data de nascimento: 02/12/78 Estado civil:

Leia mais

PROGRAMA OPERACIONAL TEMÁTICO POTENCIAL HUMANO

PROGRAMA OPERACIONAL TEMÁTICO POTENCIAL HUMANO PROGRAMA OPERACIONAL TEMÁTICO POTENCIAL HUMANO 2007-201 Apresentação da Proposta ÍNDICE 1 O PROBLEMA 2 A ESTRATÉGIA 4 PLANO DE FINANCIAMENTO 1 1 O PROBLEMA Taxa de emprego Emprego em média e alta tecnologia

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3ºCICLO DE LOUSADA. Avaliação Interna. Questionário ao Pessoal Não Docente

ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3ºCICLO DE LOUSADA. Avaliação Interna. Questionário ao Pessoal Não Docente ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3ºCICLO DE LOUSADA Avaliação Interna Questionário ao Pessoal Não Docente O pessoal dos serviços de administração e gestão da escola e o pessoal auxiliar de acção educativa e guardas-nocturnos

Leia mais

Não se nasce Empreendedor. Aprende-se.

Não se nasce Empreendedor. Aprende-se. Não se nasce Empreendedor. Aprende-se. Sessão de Formação A Empresa - Professores Ano letivo 2012/2013 Porto, 2 de Novembro 2012 AGENDA Junior Achievement Portugal Explicação do Programa Plano de Negócios

Leia mais

Módulo 3 Técnicas para envolvimento. 3c Comunicação estratégica

Módulo 3 Técnicas para envolvimento. 3c Comunicação estratégica Módulo 3 Técnicas para envolvimento 3c Comunicação estratégica No Módulo 3c... Porquê e o que comunicar? Comunicação eficaz Uso de redes Ser estratégico Sessão de trabalho Porquê e o que comunicar? A comunicação,

Leia mais

SERVIÇOS DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO SPO

SERVIÇOS DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO SPO SERVIÇOS DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO SPO DECRETO-LEI Nº190/1991 DE 17 MAIO DECRETO-LEI Nº300/1997 DE 31 OUTUBRO / PORTARIA Nº 63 / 2001 DE 30 DE JANEIRO A escola e seus actores Agrupamento de Escolas de

Leia mais

Leonardo Framil CEO da Accenture no Brasil e na América Latina Guilherme Horn Diretor Executivo de Inovação

Leonardo Framil CEO da Accenture no Brasil e na América Latina Guilherme Horn Diretor Executivo de Inovação 2 Investir em inovação aberta no Brasil é contribuir para a competitividade, com criatividade e inteligência nos negócios. O UP Innovation Lab surge para apoiar esta necessidade e estimula empreendedores

Leia mais

Medida de apoio à inovação

Medida de apoio à inovação Medida de apoio à inovação Programa de Desenvolvimento Rural 2014-2020 Maria Pedro Silva Organização: Apoio Institucional: Grupos Crescimento Valor Acrescentado Rentabilidade Económica Inovação Capacitação

Leia mais

Para mais informações acerca do BEST Porto, pode visitar Para mais informações acerca do BEST, pode vistiar

Para mais informações acerca do BEST Porto, pode visitar  Para mais informações acerca do BEST, pode vistiar UNIVERSITY2.0 Quem somos? Esta iniciativa é organizada pelo Grupo Local BEST Porto (Board of European Students of Technology). O BEST é uma organização Europeia de estudantes com cerca de 3600 membros

Leia mais

CRIATIVIDADE E ECONOMIA INOVAÇÂO E INTERNACIONALIZAÇÃO

CRIATIVIDADE E ECONOMIA INOVAÇÂO E INTERNACIONALIZAÇÃO CRIATIVIDADE E ECONOMIA INOVAÇÂO E INTERNACIONALIZAÇÃO Criatividade e Economia Identificamos 4 pilares complementares que deveriam ter um papel dinamizador para a promoção do empreendedorismo e a articulação

Leia mais

APRESENTAÇÃO HUB SEBRAE-SP

APRESENTAÇÃO HUB SEBRAE-SP APRESENTAÇÃO HUB SEBRAE-SP HUB SEBRAE-SP O QUE É HUB? O princípio do HUB vem da informática, sendo um dispositivo com diferentes portas para conexão de pequenos equipamentos de vários tipos. Nessse contexto,

Leia mais

ACELERA + PROGRAMA DE ACELERAÇÃO DE NOVOS PROJETOS EMPRESARIAIS. Workshops de Trabalho e Capacitação Start-ups e Empreendedores

ACELERA + PROGRAMA DE ACELERAÇÃO DE NOVOS PROJETOS EMPRESARIAIS. Workshops de Trabalho e Capacitação Start-ups e Empreendedores ACELERA + PROGRAMA DE ACELERAÇÃO DE NOVOS PROJETOS EMPRESARIAIS Workshops de Trabalho e Capacitação Start-ups e Empreendedores Objetivos Dotar os jovens empreendedores de conhecimentos e competências-base

Leia mais

Faculdade de Economia FEUC Universidade de Coimbra. Workshop Empreendedorismo social: teorias e práticas 30 de Junho 2011 Universidade de Aveiro

Faculdade de Economia FEUC Universidade de Coimbra. Workshop Empreendedorismo social: teorias e práticas 30 de Junho 2011 Universidade de Aveiro Faculdade de Economia FEUC Universidade de Coimbra Workshop Empreendedorismo social: teorias e práticas 30 de Junho Universidade de Aveiro Introdução sobre incubadoras sociais 1. Apresentação: Do ponto

Leia mais

Recomendação de políticas Alfabetização digital

Recomendação de políticas Alfabetização digital Recomendação de políticas A oportunidade O conhecimento de informática e a alfabetização, a familiaridade com software de produtividade, a fluência no uso de uma ampla gama de dispositivos digitais, estas

Leia mais

Instituto Superior de Ciências Empresariais e do Turismo

Instituto Superior de Ciências Empresariais e do Turismo Instituto Superior de Ciências Empresariais e do Turismo DESDE 1990 O ISCET Instituto Superior de Ciências Empresariais e do Turismo é um estabelecimento de ensino superior politécnico, criado em 25 de

Leia mais

Actividades de dinamização social e melhoria da qualidade de vida

Actividades de dinamização social e melhoria da qualidade de vida Actividades de dinamização social e melhoria da qualidade de vida O EXEMPLO DA CÂMARA MUNICIPAL DE VALONGO EUNICE NEVES OBJECTIVOS Igualdade Direitos Humanos Cidadania Activa e Inclusiva Conciliação Novas

Leia mais

Comissão Nacional de Ciência e Tecnologia Combate à Desertificação

Comissão Nacional de Ciência e Tecnologia Combate à Desertificação Comissão Nacional de Ciência e Tecnologia Combate à Desertificação Maria José Roxo O papel do Comité de Ciência e Tecnologia Estabelecido pelo artigo 24 da Convenção Mandato e termos de referência adoptados

Leia mais

Método Junior Achievement

Método Junior Achievement Método Junior Achievement Objectivos Fornecer aos alunos uma ferramenta eficaz que lhes permita pôr em prática os conceitos aprendidos nas aulas Possibilidade de ter profissionais do mundo das empresas

Leia mais

Regulamento XVII Maratona de Empreendedorismo da UFRGS

Regulamento XVII Maratona de Empreendedorismo da UFRGS Regulamento XVII Maratona de Empreendedorismo da UFRGS A Maratona de Empreendedorismo é um curso e competição de ideias de startup, idealizado pela Secretaria de Desenvolvimento Tecnológico da UFRGS -

Leia mais

UNIVERSIDADE DOS AÇORES DEPARTAMENTO DE ECONOMIA E GESTÃO EMPREENDEDORISMO

UNIVERSIDADE DOS AÇORES DEPARTAMENTO DE ECONOMIA E GESTÃO EMPREENDEDORISMO DOCENTES: Prof. Doutor Gualter Couto Mestre Carlos Faias PROGRAMA - 2007/2008 OBJECTIVOS: Esta cadeira introduz os alunos aos princípios básicos do empreendedorismo e da criação e desenvolvimento de um

Leia mais

CÂMARA HISPANO-PORTUGUESA DE COMÉRCIO E INDÚSTRIA. O seu Aliado no Mercado Ibérico

CÂMARA HISPANO-PORTUGUESA DE COMÉRCIO E INDÚSTRIA. O seu Aliado no Mercado Ibérico CÂMARA HISPANO-PORTUGUESA DE COMÉRCIO E INDÚSTRIA O seu Aliado no Mercado Ibérico A Câmara Hispano Portuguesa de Comércio e Indústria em Espanha (CHP) foi constituída no ano de 1970, como uma organização

Leia mais

O que é o programa Liderança Para a Mudança (LPM)?

O que é o programa Liderança Para a Mudança (LPM)? O que é o programa Liderança Para a Mudança (LPM)? O Liderança para a Mudança é um programa de aprendizagem activa para o desenvolvimento dos enfermeiros como líderes e gestores efectivos num ambiente

Leia mais

Durante os últimos meses, a parceria tem trabalhado nos produtos finais do projecto T-STORY, a saber:

Durante os últimos meses, a parceria tem trabalhado nos produtos finais do projecto T-STORY, a saber: T- Story NEWSLETTER April 2014 June 2013 Edition N. Apresentamos a newsletter oficial do projeto T-Story - Storytelling Aplicado à Educação e Formação, um projeto financiado pela ação transversal Atividade-chave

Leia mais

PLANO DE ACTIVIDADES 2010/2011

PLANO DE ACTIVIDADES 2010/2011 PLANO DE ACTIVIDADES 2010/2011 O Plano Anual de Actividades deve ser entendido como o instrumento da planificação das actividades es, para um ano lectivo, no qual estão plasmadas as decisões sobre os objectivos

Leia mais

FACULDADE EDUCACIONAL ARAUCÁRIA CURSO DE PEDAGOGIA. PORTARIA NORMATIVA 3, de 18 de fevereiro de 2010.

FACULDADE EDUCACIONAL ARAUCÁRIA CURSO DE PEDAGOGIA. PORTARIA NORMATIVA 3, de 18 de fevereiro de 2010. FACULDADE EDUCACIONAL ARAUCÁRIA CURSO DE PEDAGOGIA PORTARIA NORMATIVA 3, de 18 de fevereiro de 2010. Institui as orientações e as atividades aprovadas para a realização da carga horária de Estágio Supervisionado

Leia mais

ANÚNCIO PARA PARTICIPAÇÃO NO LEVANTAMENTO E CARACTERIZAÇÃO DA REDE DE INFRAESTRUTURAS TECNOLÓGICAS

ANÚNCIO PARA PARTICIPAÇÃO NO LEVANTAMENTO E CARACTERIZAÇÃO DA REDE DE INFRAESTRUTURAS TECNOLÓGICAS ANÚNCIO PARA PARTICIPAÇÃO NO LEVANTAMENTO E CARACTERIZAÇÃO DA REDE DE INFRAESTRUTURAS TECNOLÓGICAS PROCESSO DE MAPEAMENTO DAS INFRAESTRUTURAS TECNOLÓGICAS NACIONAIS 9 de agosto de 2016 Página 1 de 6 Índice

Leia mais

A SBC e o Avanço Tecnológico e Social do Brasil

A SBC e o Avanço Tecnológico e Social do Brasil A SBC e o Avanço Tecnológico e Social do Brasil Flávia Maristela Santos Nascimento Professora e Atual Coordenadora de ADS Representante Institucional na SBC Agenda Apresentando a Sociedade Brasileira de

Leia mais

Recomendação de políticas Desenvolvimento de habilidades de próxima geração

Recomendação de políticas Desenvolvimento de habilidades de próxima geração Recomendação de políticas Desenvolvimento de habilidades de próxima A oportunidade A computação em nuvem e os recursos inovadores liberam o potencial para impulsionar o crescimento econômico significativo

Leia mais

ACORDO DE COOPERAÇÃO NO DOMÍNIO DA JUVENTUDE E DO DESPORTO

ACORDO DE COOPERAÇÃO NO DOMÍNIO DA JUVENTUDE E DO DESPORTO ACORDO DE COOPERAÇÃO NO DOMÍNIO DA JUVENTUDE E DO DESPORTO ----- ENTRE ----- A REPÚBLICA DE ANGOLA, A REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL, A REPÚBLICA DE CABO VERDE, A REPÚBLICA DA GUINÉ-BISSAU, A REPÚBLICA

Leia mais

Informações da Organização

Informações da Organização Informações da Organização Nome: Associação Junior Achievement de Santa Catarina CNPJ: 01.852.526/0001-62 Endereço: Rua Camilo Silveira de Souza Endereço Complemento: Numero: 193 Bairro: Capoeiras Cidade:

Leia mais

Instituto de Educação Universidade de Lisboa

Instituto de Educação Universidade de Lisboa Instituto de Educação Universidade de Lisboa Oferta Formativa Pós-Graduada Mestrado em Educação Especialização: Educação e Tecnologias Digitais 14 15 Edição Instituto de Educação da Universidade de Lisboa

Leia mais

AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2011

AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2011 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2011 NATAL/RN MARÇO/2012

Leia mais

CHAMADA PARA SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA PARTICIPAR. NO PROGRAMA INnetCAMPUS

CHAMADA PARA SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA PARTICIPAR. NO PROGRAMA INnetCAMPUS CHAMADA PARA SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA PARTICIPAR NO PROGRAMA INnetCAMPUS O Programa INnetCAMPUS será desenvolvido com o apoio financeiro do Programa Erasmus + da Comissão Europeia. Trata-se de uma ação

Leia mais

NCE/15/00108 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos

NCE/15/00108 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos NCE/15/00108 Relatório preliminar da CAE - Novo ciclo de estudos Caracterização do pedido Perguntas A.1 a A.10 A.1. Instituição de Ensino Superior / Entidade Instituidora: Universidade Do Porto A.1.a.

Leia mais

Plano de Actividades e Orçamento 2010

Plano de Actividades e Orçamento 2010 Plano de Actividades e Orçamento 2010 1 2 1. Missão A CooLabora é uma cooperativa de consultoria e intervenção social criada em 2008. Tem por missão contribuir para a inovação social no desenvolvimento

Leia mais

Crise Social & Crise das Políticas Sociais

Crise Social & Crise das Políticas Sociais V Seminário International do CESSS Crise Social & Crise das Políticas Sociais Lisboa 31Maio & 1 Junho 2012 Sala 121 FCH I. Contexto e Objectivos Este seminário enquadra-se no âmbito do plano de actividades

Leia mais

RELATÓRIO II SEMANA TUDO EMPREENDEDOR REDE GLOBAL DE EMPREENDEDORISMO RGE - ENDEAVOR ALAGOAS - PERNAMBUCO - PARAÍBA PARCERIA:

RELATÓRIO II SEMANA TUDO EMPREENDEDOR REDE GLOBAL DE EMPREENDEDORISMO RGE - ENDEAVOR ALAGOAS - PERNAMBUCO - PARAÍBA PARCERIA: RELATÓRIO II SEMANA TUDO EMPREENDEDOR 2015 PARCERIA: REDE GLOBAL DE EMPREENDEDORISMO RGE - ENDEAVOR ALAGOAS - PERNAMBUCO - PARAÍBA 1 AGRADECIMENTO Prezados (as) Sr (as), Encerramos, em 2015, mais uma edição

Leia mais

República Federativa do Brasil Governo Federal. Educação a Distância. e as novas tecnologias

República Federativa do Brasil Governo Federal. Educação a Distância. e as novas tecnologias República Federativa do Brasil Governo Federal Ministério da Educação Educação a Distância e as novas tecnologias Educação Personalizada Vencendo as Barreiras Geográficas e Temporais EAD NO ENSINO PRESENCIAL

Leia mais

DAP DINÂMICAS DE ACÇÃO-PREVENÇÃO

DAP DINÂMICAS DE ACÇÃO-PREVENÇÃO DAP DINÂMICAS DE ACÇÃO-PREVENÇÃO Apresentação do Projecto Escola E.B 2,3 Passos José OBJECTIVOS GERAIS Fomentar a integração dos alunos no contexto escolar, promovendo o sucesso educativo Agir preventiva

Leia mais

Fundação Calouste Gulbenkian. Apoio a atividades culturais e cientificas circum-escolares

Fundação Calouste Gulbenkian. Apoio a atividades culturais e cientificas circum-escolares Fundação Calouste Gulbenkian Apoio a atividades culturais e cientificas circum-escolares BEST - Sobre Nós O BEST - Board of European Students of Technology - é uma das maiores redes europeias de estudantes

Leia mais

Design Thinking para Empreendedores Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva

Design Thinking para Empreendedores Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva 1 Porque Educação Executiva Insper A dinâmica do mundo corporativo exige profissionais multidisciplinares, capazes de interagir e formar conexões com diferentes áreas da empresa e entender e se adaptar

Leia mais

2000 Ano Mundial da Matemática

2000 Ano Mundial da Matemática 2000 Ano Mundial da Matemática Projecto de Actividades Semana da Matemática 20 a 25 de Março de 2000 Organização: Escola do Ensino Básico de Tondela Escola Secundária de Tondela O ano 2000 foi declarado

Leia mais

DOSSIER DE APRESENTAÇÃO

DOSSIER DE APRESENTAÇÃO DOSSIER DE APRESENTAÇÃO O índice de desemprego jovem atinge os 34,8% em Portugal, umas das maiores taxas de desemprego jovem na União Europeia. in Tendências Globais de Emprego para a Juventude 2015, Organização

Leia mais

A. INFORMAÇÃO BÁSICA

A. INFORMAÇÃO BÁSICA SUÉCIA (1) - 2012 ABORDAGEM EMPRESARIAL A. INFORMAÇÃO BÁSICA Calendário País : : (data de início e fim) Título da iniciativa : Coordenador(a)/ Organização : Competências essenciais abordadas : (na língua

Leia mais

Plano Anual de Atividades

Plano Anual de Atividades Plano Anual de Atividades 2014 / 2015 APAEA Índice 1. NOTA INTRODUTÓRIA... 1 2. RELAÇÃO COM OS PAIS/ENCARREGADOS DE EDUCACAÇÃO E SOCIOS... 2 3. REPRESENTAÇÃO NOS ORGÃOS DO AGRUPAMENTO... 3 4. MELHORIA

Leia mais

PLANO DE FORMACÃO PARA A PRÁTICA DE VOLUNTARIADO

PLANO DE FORMACÃO PARA A PRÁTICA DE VOLUNTARIADO BANCO DE VOLUNTARIADO PLANO DE FORMACÃO PARA A PRÁTICA DE VOLUNTARIADO 1 ORGANIZAÇÃO FACULDADE DE PSICOLOGIA E DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO OBSERVATÓRIO DA CIDADANIA E INTERVENÇÃO SOCIAL 1 ABRIL 2014 10 JULHO

Leia mais

Aprendizagem ao Longo da Vida EMPREENDEDORISMO E NEGÓCIOS

Aprendizagem ao Longo da Vida EMPREENDEDORISMO E NEGÓCIOS Aprendizagem ao Longo da Vida em EMPREENDEDORISMO E NEGÓCIOS Regime de e-learning Coordenador: Profª Doutora Maria do Rosário Almeida Vice-coordenador: Prof.ª Doutora Luísa Cagica Carvalho 1 Índice 1.

Leia mais

FASTRACKIDS. Abrir as portas do enriquecimento

FASTRACKIDS. Abrir as portas do enriquecimento FASTRACKIDS Abrir as portas do enriquecimento FasTracKids é: Um programa de enriquecimento que abrirá mais ou menos 50-70 portas do enriquecimento às crianças. FasTracKids é: Uma aprendizagem acelerada

Leia mais

Curriculum Vitae. Identificação

Curriculum Vitae. Identificação Curriculum Vitae Identificação Nome: José Francisco Nunes Guilherme Data de nascimento: 03/12/1960 Residência: Urbanização da Tavagueira, lote 5 R/C B Guia 8200-427 Albufeira Telemóvel: 969727947 Email:

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES (PAA) Adenda n.º 1. Viagens na minha Terra 2014/2015

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES (PAA) Adenda n.º 1. Viagens na minha Terra 2014/2015 PLANO ANUAL DE ATIVIDADES (PAA) Adenda n.º 1 Viagens na minha Terra 2014/2015 1 Tabela XXIII- Departamento curricular da Educação Pré-escolar Celebrar o Natal ida ao circo Destinatários: alunos da educação

Leia mais

MEMORANDO DE ENTENDIMENTO ENTRE O MINISTÉRIO DA ECONOMIA E DO EMPREGO DA REPUBLICA PORTUGUESA

MEMORANDO DE ENTENDIMENTO ENTRE O MINISTÉRIO DA ECONOMIA E DO EMPREGO DA REPUBLICA PORTUGUESA MEMORANDO DE ENTENDIMENTO ENTRE O MINISTÉRIO DA ECONOMIA E DO EMPREGO DA REPUBLICA PORTUGUESA E O MINISTÉRIO FEDERAL DE TRABALHO E DE ASSUNTOS SOCIAIS DA REPÚBLICA FEDERAL DA ALEMANHA Considerando a necessidade

Leia mais

Universidade Federal de Santa Maria. I ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDANTES DE ENGENHARIA CIVIL Santa Maria - RS 25 a 27 de abril

Universidade Federal de Santa Maria. I ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDANTES DE ENGENHARIA CIVIL Santa Maria - RS 25 a 27 de abril Universidade Federal de Santa Maria I ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDANTES DE ENGENHARIA CIVIL Santa Maria - RS 25 a 27 de abril 2012 O presente documento tem por objetivo apresentar o I Encontro Nacional de

Leia mais

REORGANIZAÇÃO DAS LICENCIATURAS DA U. M.

REORGANIZAÇÃO DAS LICENCIATURAS DA U. M. CAc P 1-02/03 REORGANIZAÇÃO DAS LICENCIATURAS DA U. M. 1. Introdução A expansão da rede do Ensino Superior Público e Privado, que ocorreu nas décadas de 80 e 90, trouxe como consequência, aliás previsível,

Leia mais

ISEL Sessão de Apresentação no ISEL

ISEL Sessão de Apresentação no ISEL ISEL ISEL Sessão de Apresentação no ISEL Manuel Pires Abraços 15 Novembro 2011 Apresentação O Poliempreende é um concurso de ideias e de planos de negócios que tem como objectivo avaliar e premiar projectos

Leia mais

Criar capacidade básica em compras sustentáveis em Portugal o projeto Building SPP. Paula Trindade Investigadora LNEG Coordenadora Building SPP

Criar capacidade básica em compras sustentáveis em Portugal o projeto Building SPP. Paula Trindade Investigadora LNEG Coordenadora Building SPP Criar capacidade básica em compras sustentáveis em Portugal o projeto Building SPP Paula Trindade Investigadora LNEG Coordenadora Building SPP Coordenação internacional: LNEG/UEE Parceiros nacionais: CM

Leia mais

O Sonho. Intervenção pela Arte. Educação para todos. Realização de espectáculos nacionais e internacionais. Associação/ Cooperativa

O Sonho. Intervenção pela Arte. Educação para todos. Realização de espectáculos nacionais e internacionais. Associação/ Cooperativa O Sonho Intervenção pela Arte Educação para todos Realização de espectáculos nacionais e internacionais Associação/ Cooperativa Estado de Arte O que tem acontecido em Portugal ao nível do serviço educativo?

Leia mais

Nova Rede de Transportes Urbanos de Chaves

Nova Rede de Transportes Urbanos de Chaves ISSN: 1645-7528 Nº 40 - Município de Chaves - Maio de 2010 - Distribuição gratuita - www.chaves.pt Nova Rede de Transportes Urbanos de Chaves pág. 12 Nova ETAR de Chaves pág. 3 Rede Ibérica de Entidades

Leia mais

PROGRAMA EMPREENDEDORISMO SOCIAL AMARNTE

PROGRAMA EMPREENDEDORISMO SOCIAL AMARNTE PROGRAMA EMPREENDEDORISMO SOCIAL AMARNTE APRESENTAÇÃO DESAFIOS DE INOVAÇÃO SOCIAL DE AMARANTE Março de 2016 PROMOTOR Vê o que for mais confortável. PARCEIRO DE FORMAÇÃO ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO 2 INICIATIVA

Leia mais

CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE PARTICIPAÇÃO NO BOOTCAMP EM EMPREENDEDORISMO SOCIAL SANTA MARIA DA FEIRA INOVAÇÃO SOCIAL

CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE PARTICIPAÇÃO NO BOOTCAMP EM EMPREENDEDORISMO SOCIAL SANTA MARIA DA FEIRA INOVAÇÃO SOCIAL CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE PARTICIPAÇÃO NO BOOTCAMP EM EMPREENDEDORISMO SOCIAL SANTA MARIA DA FEIRA INOVAÇÃO SOCIAL Janeiro de 2016 ÍNDICE 1 Sumário Executivo 2 Concurso para atribuição de bolsas

Leia mais

FATEC-CARAPICUÍBA. Doc. 1 REGIMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO

FATEC-CARAPICUÍBA. Doc. 1 REGIMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO FATEC-CARAPICUÍBA Doc. 1 REGIMENTO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CURSO ASTI (Jogos, Segurança, Bacharel, SI) CURSO ADS (Análise e Desenvolvimento de Sistemas) 2 1. DA NATUREZA DO ESTÁGIO 1.1 O estágio curricular

Leia mais

Infraestrutura do ICAAM Director : Doutor Saul J Semião-Santos

Infraestrutura do ICAAM Director : Doutor Saul J Semião-Santos Infraestrutura do ICAAM Director : Doutor Saul J Semião-Santos O QUE É O LABORATÓRIO DE DIAGNÓSTICO E INVESTIGAÇÃO EM LEISHMANIOSE? É uma Unidade de Diagnóstico e Investigação em leishmaniose humana e

Leia mais

PLANO DE DESENVOLVIMENTO EUROPEU

PLANO DE DESENVOLVIMENTO EUROPEU PLANO DE DESENVOLVIMENTO EUROPEU 2015-2017 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ARRIFANA, SANTA MARIA DA FEIRA PLANO DE DESENVOLVIMENTO EUROPEU AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ARRIFANA, SANTA MARIA DA FEIRA 2015-2017 Aprovado

Leia mais

A problemática dos jovens testemunhos: Projeto SALM Promoção do emprego jovem, competências e mercado de trabalho

A problemática dos jovens testemunhos: Projeto SALM Promoção do emprego jovem, competências e mercado de trabalho A problemática dos jovens testemunhos: Projeto SALM Promoção do emprego jovem, competências e mercado de trabalho Toolkits - Serviços sociais e turismo senior: dirigido a jovens, empregadores, técnicos

Leia mais

Como pensar a questão o do empreendedorismo no Brasil?

Como pensar a questão o do empreendedorismo no Brasil? Como pensar a questão o do empreendedorismo no Brasil? Anne-Marie Maculan UFRJ/COPPE/PEP II Seminário Internacional - Empreendedorismo, Pequenas e Médias Empresas e Desenvolvimento Local - Rio de Janeiro

Leia mais

Europass-Curriculum Vitae

Europass-Curriculum Vitae Europass-Curriculum Vitae Informação pessoal Apelido(s) / Nome(s) próprio(s) Morada Correio(s) electrónico(s) Maria Neves Rua do Passal, Nº 46, 1º D, 9500-096 Ponta Delgada Telemóvel 936602762 / 926592751

Leia mais

AS PARCERIAS NO PROGRAMA ECO-ESCOLA

AS PARCERIAS NO PROGRAMA ECO-ESCOLA AS PARCERIAS NO PROGRAMA ECO-ESCOLA ESCOLA ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DO NORDESTE Lília Bergantim [1], Lúcia Carreiro [2] & Natália de Abreu [3] [1] lilia.bergantim@gmail.com [2] lucia_mr_carreiro@hotmail.com

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ IFAP CÂMPUS MACAPÁ

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ IFAP CÂMPUS MACAPÁ 13 específica, de segunda-feira a sexta-feira e aos sábados, caso seja necessário para complementação do período letivo e/ou carga horária curricular. Cada aula tem durafao de 50min (cinquenta minutos),

Leia mais

Clube do Desporto Escolar

Clube do Desporto Escolar Agrupamento de Escolas das Taipas Clube do Desporto Escolar 1. Estrutura organizacional Coordenador: Maria Elisabete da Silva Martinho Grupo de Recrutamento: 620 Departamento: Expressões Composição do

Leia mais

Instituto Politécnico de Setúbal. O Conhecimento como Paixão. A Engenharia como Profissão!

Instituto Politécnico de Setúbal. O Conhecimento como Paixão. A Engenharia como Profissão! O Conhecimento como Paixão A Engenharia como Profissão! Cursos de Engenharia Cursos de Tecnologia Engenharia do Ambiente Engenharia de Automação, Controlo e Instrumentação Engenharia Electrotécnica e de

Leia mais

Criação do Próprio Emprego, Negócio ou Empresa. Regulamento. apreender.fundacaoaep.pt

Criação do Próprio Emprego, Negócio ou Empresa. Regulamento. apreender.fundacaoaep.pt Criação do Próprio Emprego, Negócio ou Empresa Regulamento apreender.fundacaoaep.pt 2º Call for Ideas - Criação do Próprio Emprego, Negócio ou Empresa - Regulamento Artigo 1º Âmbito 1. O 2º Call for Ideas

Leia mais

OBJECTIVOS: Prevenção Participação Associativismo Reflexão LINHAS DE ACTUAÇÃO:

OBJECTIVOS: Prevenção Participação Associativismo Reflexão LINHAS DE ACTUAÇÃO: LINHAS DE ACTUAÇÃO: OBJECTIVOS: Incentivar a criação das associações de pais e EE, do ensino não superior; Intervir e defender os interesses dos educandos, fomentando a colaboração entre pais, alunos e

Leia mais

territórios com futuro e oportunidades para a Europa» «As montanhas são

territórios com futuro e oportunidades para a Europa» «As montanhas são «As montanhas são territórios com futuro e oportunidades para a Europa» Afirmamos que as montanhas são áreas excepcionais da Europa, devido à sua altitude, encostas, densidade populacional, desafios e

Leia mais

Fundação Darcy Ribeiro

Fundação Darcy Ribeiro I Fundação Darcy Ribeiro ATUAÇÃO DOS EDUCADORES PONTOS ESSENCIAIS DA PROPOSTA Vídeo 05 Coordenação Nacional Formação Inicial e Continuada do Educador do ProJovem: o especialista, o pensador, o cidadão

Leia mais

MARATONA EMPRENDEDORA FADERGS 1ª Edição

MARATONA EMPRENDEDORA FADERGS 1ª Edição MARATONA EMPRENDEDORA FADERGS 1ª Edição - 2016 REALIZAÇÃO: PÓS-GRADUAÇÃO FADERGS e FEIRA DE EMPREGABILIDADE FADERGS DOS OBJETIVOS O programa MARATONA EMPREENDEDORA é uma iniciativa da unidade de ensino

Leia mais

A OFB acredita que o aprendizado por meio das artes muda para melhor a vida das pessoas, sendo um poderoso instrumento para integração social

A OFB acredita que o aprendizado por meio das artes muda para melhor a vida das pessoas, sendo um poderoso instrumento para integração social O Viva Arte Viva - é um projeto de inclusão social que oferece oficinas gratuitas e permanentes de teatro, música e dança à comunidade do Distrito Federal e cidades do entorno. É o projeto mais atuante

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA PROGRAMA DE DISCIPLINA Disciplina: Estágio Curricular Supervisionado em Educação Infantil I Código da Disciplina: EDU Curso: Pedagogia Semestre de oferta da disciplina: 5º Faculdade responsável: Pedagogia

Leia mais

Programa Nacional de Juventude

Programa Nacional de Juventude Programa Nacional de Juventude O Programa Nacional de Juventude, que hoje se apresenta, tem o seu enquadramento no Programa do XVII Governo Constitucional e nas Grandes Opções do Plano, e acolhe as prioridades

Leia mais

PLANO DE ACÇÃO, DO ANO DE 2005

PLANO DE ACÇÃO, DO ANO DE 2005 PLANO DE ACÇÃO, DO ANO DE 2005 O ano de 2005 é o último ano de vigência do I Plano Estratégico para o Desenvolvimento da. Assim sendo, este Plano de Acção constitui, de certa forma, o encerrar de um ciclo

Leia mais

Clube da Proteção Civil

Clube da Proteção Civil Agrupamento de Escolas das Taipas Clube da Proteção Civil 1. Estrutura organizacional Coordenadora: Paula Ribeiro da Silva Grupo de Recrutamento: 620 Departamento: Expressões Composição do grupo de trabalho:

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO DO PROJETO VIVÊNCIAS E ESTÁGIOS NA REALIDADE DO

PROCESSO DE SELEÇÃO DO PROJETO VIVÊNCIAS E ESTÁGIOS NA REALIDADE DO PROCESSO DE SELEÇÃO DO PROJETO VIVÊNCIAS E ESTÁGIOS NA REALIDADE DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE DO BRASIL VER-SUS SÃO PAULO 2016: VIVER A REALIDADE DA SAÚDE E MORADIA EM SÃO PAULO. 1- APRESENTAÇÃO Os estágios

Leia mais

Concurso de Ideias para a Criação de Empresas EIBTnet

Concurso de Ideias para a Criação de Empresas EIBTnet Regulamento Concurso de Ideias para REGULAMENTO a Criação de Empresas EIBTnet 1 Concurso de Ideias para a Criação de Empresas EIBTnet Artigo 1.º Promotor/Fins/Prazo 1. A NET - Novas Empresas e Tecnologias,

Leia mais

Modelo Unificado do Saber a Desenvolver no Âmbito do ISCE CI.

Modelo Unificado do Saber a Desenvolver no Âmbito do ISCE CI. Modelo Unificado do Saber a Desenvolver no Âmbito do ISCE CI. Com vista a envolver todos os intervenientes institucionais (docentes do quadro, docentes convidados, estudantes dos diversos graus de ensino

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Empresarial. Prof. Me. Vitor Paulo Boldrin Organizador. ATIVIDADES ACADÊMICO-CIENTÍFICO-CULTURAIS Regulamento

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Empresarial. Prof. Me. Vitor Paulo Boldrin Organizador. ATIVIDADES ACADÊMICO-CIENTÍFICO-CULTURAIS Regulamento Curso Superior de Tecnologia em Gestão Empresarial Prof. Me. Vitor Paulo Boldrin Organizador ATIVIDADES ACADÊMICO-CIENTÍFICO-CULTURAIS Regulamento Jales 2016 APRESENTAÇÃO E EMENTA O presente texto visa

Leia mais

A ARTICULAÇÃO ENTRE OS SISTEMAS DE INCENTIVOS E A INOVAÇÃO NAS EMPRESAS

A ARTICULAÇÃO ENTRE OS SISTEMAS DE INCENTIVOS E A INOVAÇÃO NAS EMPRESAS 2012 MAR 06 A ARTICULAÇÃO ENTRE OS SISTEMAS DE INCENTIVOS E A INOVAÇÃO NAS EMPRESAS JOSÉ CARLOS CALDEIRA Administrador executivo PÓLO PRODUTECH Director INESC Porto (jcc@inescporto.pt) INDÚSTRIA TRANFORMADORA

Leia mais

PLANO DE AÇÃO TUTORIAL

PLANO DE AÇÃO TUTORIAL PLANO DE AÇÃO TUTORIAL 2013/ 2014 agrupamentodeescolasdagafanhadaencarnação Índice ÍNDICE... 2 I. INTRODUÇÃO... 3 II. OBJECTIVOS GERAIS... 4 III. PÚBLICO-ALVO... 4 IV. PLANO DE TUTORIA... 4 V. PERFIL DO

Leia mais

Intercâmbio: Educação fora do Brasil

Intercâmbio: Educação fora do Brasil Intercâmbio: Educação fora do Brasil BELTA Associação Brasileira de Organizadores de Viagens Educacionais e Culturais MISSÃO Desenvolver, facilitar e promover uma educação global, visando maior integração

Leia mais

HORIZONTE 2020 Desafios Societais Bioeconomia e Ação Climática

HORIZONTE 2020 Desafios Societais Bioeconomia e Ação Climática Gabinete de Promoção dos Programa Quadro ID&I Fundação para a Ciência e Tecnologia Agência Nacional de Inovação HORIZONTE 2020 Desafios Societais Bioeconomia e Ação Climática Anabela Carvalho Maria João

Leia mais

CURSO DE INTEGRAÇÃO EMPRESARIAL DE QUADROS (CIEQ)

CURSO DE INTEGRAÇÃO EMPRESARIAL DE QUADROS (CIEQ) INTEGRAÇÃO PROFISSIONAL DE TÉCNICOS SUPERIORES BACHARÉIS, LICENCIADOS E MESTRES CURSO DE INTEGRAÇÃO EMPRESARIAL DE QUADROS (CIEQ) GUIA DE CURSO ÍNDICE 1 - Objectivo do curso 2 - Destinatários 3 - Pré-requisitos

Leia mais

Os desafios da Educação Inclusiva

Os desafios da Educação Inclusiva Os desafios da Educação Inclusiva Artur Ramísio Paula Gonçalves Mestrado em Ensino de TIC Instituto de Estudos Superiores de Fafe Docente: Profª Doutora Maria Celeste da Silva Leal de Sousa Lopes 2010

Leia mais