A Redução de São Miguel Arcanjo

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A Redução de São Miguel Arcanjo"

Transcrição

1 1 Leia o texto a seguir, observe a imagem e responda às questões. A Redução de São Miguel Arcanjo A Redução de São Miguel Arcanjo foi fundada em 1632 na região do Tape. Porém, devido aos ataques de paulistas à redução, a população mudou-se do local no ano de 1638 para próximo do rio Uruguai. Em 1687, a redução foi novamente fundada onde está localizado, atualmente, o sítio arqueológico, apresentado na imagem abaixo, no estado do Rio Grande do Sul. São Miguel das Missões é considerado, desde 1938, Patrimônio Histórico e Cultural Nacional, e, desde 1983, Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade. Texto da autora, baseado em: <http://www.brasilturismo.com/rs/saomigueldasmissoes/historia.php. Acesso em: 3 nov Paulo Afonso/Shutterstock a) Quais acontecimentos relacionados à Redução de São Miguel Arcanjo ocorreram nos anos de 1632, 1638 e 1687? b) Observe a imagem do sítio arqueológico de São Miguel Arcanjo. Que material foi utilizado para sua edificação? Quais são as características da construção? c) Por que São Miguel das Missões pode ser considerado patrimônio histórico?

2 2 Leia o texto a seguir e responda às questões. Uma das mais antigas cidades do País, São Cristóvão foi a primeira capital do estado de Sergipe, fundada em Entre as riquezas do município, está o conjunto arquitetônico da Praça São Francisco, que conserva o estilo colonial das edificações relacionadas à Ordem Franciscana da Igreja Católica. O local também abriga o Museu de Arte Sacra, o terceiro mais importante acervo do gênero no País. Fonte: Praça São Francisco. São Cristóvão, Sergipe. Patrimônio Mundial Cultural do Brasil. Disponível em: <www.brasil.gov.br/sobre/cultura/patrimonio>. Acesso em: 2 nov a) Luciana e sua família vivem em Mato Grosso e foram passar as férias em Sergipe. Que locais elas podem visitar para conhecer os patrimônios históricos do município? b) Quais atitudes Luciana e sua família devem ter, tanto em seu município quanto nos locais visitados durante as férias, com relação ao patrimônio histórico e cultural? 3 Observe a imagem a seguir e responda às questões. Zhukov Oleg/Shutterstock Documentos históricos rasgados e comidos por insetos. a) Qual é o estado de conservação dos documentos históricos fotografados?

3 b) A foto apresenta uma situação de desrespeito ao patrimônio histórico e cultural? Por quê? c) O que os órgãos governamentais e a população devem fazer para preservar o patrimônio histórico? 4 O município de Parati, no estado do Rio de Janeiro, é considerado um patrimônio histórico e cultural do Brasil. Seu traçado data, aproximadamente, de 1820, sendo as ruas planejadas e a arquitetura das moradias regulamentadas pelas leis da época. Observe as imagens e identifique as características dos prédios e do traçado das ruas. Mickael David/Photodisc/ID/ES 1 2 Diego Silvestre/Shutterstock

4 5 Você conhece algum conjunto de casas, igrejas, chafarizes, pontes ou calçamentos históricos? Onde eles se localizam? Quais são suas características? 6 Corrija a sentença errada. a) A cidade de São Luís, no Maranhão, foi fundada por ingleses no ano de b) Atualmente, o centro histórico de São Luís conta com cerca de 3500 construções tombadas. c) Ouro Preto, em Minas Gerais, formou-se no final do século XVII, na época da descoberta e da exploração do ouro. Nesse período, Ouro Preto se chamava Vila Rica. d) Em Ouro Preto há casas, igrejas, chafarizes, pontes e outros elementos que datam, principalmente, do auge da mineração, no século XVIII. 7 Pinte os quadros com as seguintes cores: azul elementos da cultura material amarela elementos da cultura imaterial cantigas comidas típicas telefone ferro elétrico modos de falar festas roupas telefone celular televisão 8 Imagine que no ano de 2100 uma criança encontrará um objeto que conta parte da sua história nos dias de hoje. Qual objeto você gostaria que fosse encontrado? Por quê?

5 9 Escolha algum objeto do seu dia a dia escolar e converse com uma pessoa mais velha sobre esse objeto. Questione-a se tal objeto também era utilizado na época em que ela estudava, se havia semelhanças e diferenças entre o objeto no passado e no presente e a sua utilidade. 10 O patrimônio imaterial está presente no dia a dia de todos, seja no modo de falar, nos hábitos alimentares, nas danças ou nos ofícios. Quais conhecimentos e práticas você aprendeu que foram transmitidos de geração em geração?

6 Respostas 1 a) 1632 Fundação da Redução de São Miguel Arcanjo; 1638 A população da redução mudou-se para próximo do rio Uruguai; 1687 A redução foi novamente fundada onde está localizado, atualmente, o sítio arqueológico. b) Foram utilizados, principalmente, tijolos. A construção apresenta altura elevada, uma torre à esquerda, uma porta central e algumas colunas. c) Porque ele contém informações sobre a ocupação do Rio Grande do Sul, o modo de vida na região durante o século XVII e as formas das construções. 2 a) Luciana e sua família podem visitar o conjunto arquitetônico da Praça São Francisco e o Museu de Arte Sacra. b) Luciana e sua família devem ter atitudes de respeito a todos os patrimônios, pois o desrespeito ao patrimônio prejudica o conhecimento sobre o passado. 3 a) Os documentos históricos estão em péssimo estado de conservação, rasgados e comidos por insetos. b) Sim, porque a má-conservação de documentos prejudica o conhecimento a respeito do passado. c) Os órgãos governamentais devem ser os responsáveis pela manutenção, preservação e fiscalização do patrimônio, e a população deve respeitar e cuidar do patrimônio, fiscalizando também as ações governamentais. 4 Foto 1. Os prédios apresentam paredes retas, pintadas de branco, com uma grande quantidade de portas e janelas características do período colonial. Foto 2. As ruas são largas e regulares, pois foram planejadas, havendo quarteirões de tamanhos uniformes. 5 Resposta pessoal. 6 a) A cidade de São Luís, no Maranhão, foi fundada por franceses no ano de Cultura material: telefone, ferro elétrico, roupas, telefone celular, televisão. Cultura imaterial: cantigas, comidas típicas, modos de falar, festas. 8 Resposta pessoal. 9 Resposta pessoal. 10 Resposta pessoal. Destaque que a transmissão de conhecimentos entre as gerações ocorre tanto no âmbito familiar como entre os membros da sociedade.

Museu Arqueológico Imagens Missioneiras- Igreja

Museu Arqueológico Imagens Missioneiras- Igreja SÃO NICOLAU 189 SÃO NICOLAU Fundado em 1626, pelo Pe. Roque Gonzales de Santa Cruz, foi a primeira redução do primeiro ciclo missioneiro em terras do Rio Grande do Sul. Teve sua instalação definitiva no

Leia mais

Afinal, o que é patrimônio cultural?

Afinal, o que é patrimônio cultural? Afinal, o que é patrimônio cultural? http://www.youtube.com/watch?v=6afujb7cuq0&feature=relmfu São considerados patrimônio cultural : - os monumentos: obras arquitetônicas, esculturas ou pinturas monumentais,

Leia mais

Castelo de Leiria. Igreja de Santa Maria da Pena

Castelo de Leiria. Igreja de Santa Maria da Pena Castelo de Leiria Castelo medieval, artística e arquitetonicamente representativo das diversas fases de construção e reconstrução desde a sua fundação até ao século XX. Estruturas que compõem o conjunto

Leia mais

a casa de Marina. A avó de Marina mora na casa que está na direção sul. Contorne a casa da avó de

a casa de Marina. A avó de Marina mora na casa que está na direção sul. Contorne a casa da avó de SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA Mantenedora da PUC Minas e do COLÉGIO SANTA MARIA DATA: 26 / 09 / 2014 II ETAPA AVALIAÇÃO DE RECUPERAÇÃO DE GEOGRAFIA 4.º ANO/EF UNIDADE: ALUNO(A): N.º: TURMA: PROFESSOR(A):

Leia mais

RIF. Ensaio Fotográfico

RIF. Ensaio Fotográfico RIF Ensaio Fotográfico RIF Ensaio Fotográfico Ouro Preto: arquitetura e religiosidade 1 Carlos Alberto de Souza 2 Neste registro fotográfico, procura-se retratar a arquitetura e religiosidade de Ouro Preto,

Leia mais

IV SEMINÁRIO IGREJA E BENS CULTURAIS EVANGELIZAÇÃO E PRESERVAÇÃO ARQUITETURA E ARTE DO SAGRADO

IV SEMINÁRIO IGREJA E BENS CULTURAIS EVANGELIZAÇÃO E PRESERVAÇÃO ARQUITETURA E ARTE DO SAGRADO IV SEMINÁRIO IGREJA E BENS CULTURAIS EVANGELIZAÇÃO E PRESERVAÇÃO ARQUITETURA E ARTE DO SAGRADO ARTE SACRA NO ESPIRITO SANTO bens móveis integrados: uma perspectiva histórica e estética Attilio Colnago

Leia mais

RIF Ensaio Fotográfico

RIF Ensaio Fotográfico RIF Ensaio Fotográfico Mirim Santos: o artista de Ouro Preto Elaine Schmitt 1 As fotografias que compõem esse ensaio fotográfico foram feitas na cidade de Ouro Preto, Minas Gerais, em frente à Igreja Católica

Leia mais

RESOLUÇÃO 07 / CONPRESP / 2015

RESOLUÇÃO 07 / CONPRESP / 2015 RESOLUÇÃO 07 / CONPRESP / 2015 O Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo CONPRESP, no uso de suas atribuições legais e nos termos da Lei n

Leia mais

ANEXO FOTOGRÁFICO PATRIMÔNIO HISTÓRICO E CULTURAL

ANEXO FOTOGRÁFICO PATRIMÔNIO HISTÓRICO E CULTURAL ANEXO FOTOGRÁFICO PATRIMÔNIO HISTÓRICO E CULTURAL FOTO 01 Palacete em ruínas, conhecida como Vila Charquetti. UTM: 675.284 me X 7.252.158 mn. FOTO 02 Detalhe da ornamentação na fachada principal. UTM:

Leia mais

A Convenção do Patrimônio Mundial

A Convenção do Patrimônio Mundial A CANDIDATURA A Convenção do Patrimônio Mundial A UNESCO Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura cuida de promover a identificação, a proteção e a preservação do patrimônio

Leia mais

24 junho a.c Acontecimento

24 junho a.c Acontecimento Salvador da Bahia Leitura: atividades Pula a fogueira, João! 1. O texto nos fornece uma série de informações históricas a respeito de São João, da simbologia das fogueiras e das tradicionais festividades.

Leia mais

Os Dois Mundos de Minas Gerais

Os Dois Mundos de Minas Gerais O Que é Minas Gerais Hoje?... Os Dois Mundos de Minas Gerais Heitor de Souza Miranda, 8A Foi possível observar dois mundos mineiros em nossa viagem. Um deles, o mais estudado, é o mundo da arte, da história,

Leia mais

Rio de Janeiro recebe título da Unesco de Patrimônio Mundial da Humanidade

Rio de Janeiro recebe título da Unesco de Patrimônio Mundial da Humanidade Rio de Janeiro recebe título da Unesco de Patrimônio Mundial da Humanidade Paisagens da cidade como a praia de Copacabana e o Pão de Açúcar serão preservadas. Pão de Açúcar, Corcovado, Floresta da Tijuca,

Leia mais

BELO HORIZONTE, A CAPITAL DA INOVAÇÃO

BELO HORIZONTE, A CAPITAL DA INOVAÇÃO BELO HORIZONTE, A CAPITAL DA INOVAÇÃO Belo Horizonte, capital do Estado de Minas Gerais é considerada a 6ª maior cidade do Brasil. Com clima agradável durante todo o ano, a cidade é famosa por suas áreas

Leia mais

O centro urbano apresenta um conjunto de edificações com características da arquitetura popular, muitas delas em madeira.

O centro urbano apresenta um conjunto de edificações com características da arquitetura popular, muitas delas em madeira. ROQUE GONZALES 114 ROQUE GONZALES O atual Município de Roque Gonzáles teve seu repovoamento a partir de 1924, próximo ao Salto do Pirapó, pelas famílias dos migrantes José Frederico Eichlbelger, natural

Leia mais

UM PROGRAMA PARA CONHECER A ARQUITETURA DO CENTRO ANTIGO COM UMA AMOSTRA DA GASTRONOMIA IMPERIAL.

UM PROGRAMA PARA CONHECER A ARQUITETURA DO CENTRO ANTIGO COM UMA AMOSTRA DA GASTRONOMIA IMPERIAL. BOLETIM INFORMATIVO EDIÇÃO ESPECIAL EVENTOS Nº. 36 UM PROGRAMA PARA CONHECER A ARQUITETURA DO CENTRO ANTIGO COM UMA AMOSTRA DA GASTRONOMIA IMPERIAL. O programa começa na Galeria Scenarium com um bate-papo

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA GEOGRAFIA 4.º ANO/EF 2016

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA GEOGRAFIA 4.º ANO/EF 2016 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA GEOGRAFIA 4.º ANO/EF 2016 Caro(a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados

Leia mais

A NOVA CASA DE JOCA FICOU MAIS DO QUE A PRIMEIRA CASA.

A NOVA CASA DE JOCA FICOU MAIS DO QUE A PRIMEIRA CASA. 1ºano 1.1 HISTÓRIA & GEOGRAFIA 2º período 9 de junho de 2014 1. OUÇA A LEITURA DA HISTÓRIA ABAIXO, FEITA POR SUA PROFESSORA, E FAÇA O QUE É SOLICITADO. JOÃO-DE-BARRO JOCA É UM JOÃO-DE-BARRO MUITO ESPECIAL.

Leia mais

Sítio do Mandú, um casarão bandeirista.

Sítio do Mandú, um casarão bandeirista. Sítio do Mandú, um casarão bandeirista. Não se sabe ao certo a data exata da construção, mas credita-se como uma construção tardia, do final do século XVI ou início do XVII; os assoalhos dos aposentos

Leia mais

Os melhores passeios em Salvador Escrito por: Soraia Barbosa

Os melhores passeios em Salvador Escrito por: Soraia Barbosa Os melhores passeios em Salvador Escrito por: Soraia Barbosa O Nordeste brasileiro possui diversas opções para quem está atrás de um passeio em um local bonito com praias e visual rústico. Um desses lugares

Leia mais

SÃO MIGUEL DAS MISSÕES

SÃO MIGUEL DAS MISSÕES SÃO MIGUEL DAS MISSÕES 179 SÃO MIGUEL DAS MISSÕES A Redução de São Miguel Arcanjo foi fundada em 1632, por índios Guaranis e padres Jesuítas e teve sua instalação definitiva no atual sítio em 1687. Viveu

Leia mais

QUE TAL CONHECER UM POUCO MAIS SOBRE O AMBIENTE EM QUE UMA DAS PERSONAGENS DA TURMA DA MÔNICA VIVE?

QUE TAL CONHECER UM POUCO MAIS SOBRE O AMBIENTE EM QUE UMA DAS PERSONAGENS DA TURMA DA MÔNICA VIVE? 2ºano 1.2 CIÊNCIAS 2º período 11 de junho de 2014 Cuide da organização da sua avaliação, escreva de forma legível, fique atento à ortografia e elabore respostas claras. Tudo isso será considerado na correção.

Leia mais

Além das visitas do primeiro do roteiro Ouro Preto [1 dia], sugerimos conhecer também:

Além das visitas do primeiro do roteiro Ouro Preto [1 dia], sugerimos conhecer também: Além das visitas do primeiro do roteiro Ouro Preto [1 dia], sugerimos conhecer também: Próximo à Praça Tiradentes, ao lado do Museu da Inconfidência, estão a Igreja de Nossa Senhora do Carmo e o Museu

Leia mais

Mariana [alternativa]

Mariana [alternativa] Mariana [alternativa] Para quem tem um dia a mais, pode planejar outras visitas ou até mesmo combinar com as sugestões do outro roteiro, ou de acordo com os interesses pessoais. No Centro Histórico, pode-se

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E ASSUNTOS CULTURAIS DA UEPG: DE ÓRGÃO UNIVERSITÁRIO À ATRATIVO PARA O PROJETO CONHECENDO PG

PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E ASSUNTOS CULTURAIS DA UEPG: DE ÓRGÃO UNIVERSITÁRIO À ATRATIVO PARA O PROJETO CONHECENDO PG 13. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( ) COMUNICAÇÃO ( x) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE

Leia mais

Medellín. Uol - SP 08/02/ :29. Da Redação. Divulgação

Medellín. Uol - SP 08/02/ :29. Da Redação. Divulgação Uol - SP 08/02/2015-00:29 Medellín Da Redação Localizada em meio ao Vale do Aburrá, Medellín é a segunda cidade mais populosa da Colômbia com pouco menos de três milhões de habitantes. Fica atrás somente

Leia mais

Domingo de Páscoa em Santa Luzia, MG

Domingo de Páscoa em Santa Luzia, MG Domingo de Páscoa em Santa Luzia, MG Texto e fotos de Sebastião Breguêz A tradição religiosa de fé católica existe em Minas Gerais desde o Brasil Colônia, introduzida pelos portugueses, e continua muito

Leia mais

Denominação / localização. Igreja Matriz de Nossa Senhora de Consolação Praça Alferes José Pinto de Oliveira, s/n o, Centro.

Denominação / localização. Igreja Matriz de Nossa Senhora de Consolação Praça Alferes José Pinto de Oliveira, s/n o, Centro. RELAÇÃO BENS CULTURAIS PROTEGIDOS PATRIMÔNIO TOMBADO NÍVEL DE PROTEÇÃO: Municipal Estrutura Arquitetônica e Urbanística EAU Denominação / localização Igreja Matriz de Nossa Senhora de Consolação s/n o,

Leia mais

17º CONCURSO NACIONAL MUSEU DA IMPRENSA

17º CONCURSO NACIONAL MUSEU DA IMPRENSA Ficha de inscrição 17º CONCURSO NACIONAL MUSEU DA IMPRENSA 2014/2015 Categoria Artigo Jornalístico Nível superior Tema: A importância dos museus na formação cultural do país Aluna: Janaina Bárbara Bolonezi

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA HISTÓRIA 4.º ANO/EF

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA HISTÓRIA 4.º ANO/EF SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA HISTÓRIA 4.º ANO/EF 2016 Caro(a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados

Leia mais

1. Descrição da Cidade

1. Descrição da Cidade 1. Descrição da Cidade 2. Top Atrações da Cidade 2.1 - Atração Museu Zofir 2.2 - Atração Pico Barbado 2.3 - Atração Antiga Casa de Câmara e Cadeia 2.4 - Atração Estrada Real 2.5 - Atração Arquivo Municipal

Leia mais

Imagem 1 disponível em: Imagem 2 disponível em: HTTP.www.folha.uol.com.br. Acesso em 07/02/2014.

Imagem 1 disponível em:  Imagem 2 disponível em: HTTP.www.folha.uol.com.br. Acesso em 07/02/2014. 6º Fabiana Unidade I História Leia a letra da música de Lulu Santos: Como uma onda. Após a leitura dedicada, utilize a letra da música como ponto de reflexão para responder as questões 01 e 02. Pontuação

Leia mais

Rio Abaixo. Patrimônio Cultural Bens Tombados e Registrados

Rio Abaixo. Patrimônio Cultural Bens Tombados e Registrados do lo a c n o G o Sa Rio Abaixo Patrimônio Cultural Bens Tombados e Registrados Igreja Matriz de São Gonçalo do Amarante Igreja construída em terreno doado por José de Holanda Braga, em 1733. O retábulo

Leia mais

Geografia. As Regiões Geoeconômicas do Brasil. Professor Luciano Teixeira.

Geografia. As Regiões Geoeconômicas do Brasil. Professor Luciano Teixeira. Geografia As Regiões Geoeconômicas do Brasil Professor Luciano Teixeira www.acasadoconcurseiro.com.br Geografia Aula XX AS REGIÕES GEOECONÔMICAS DO BRASIL A divisão regional oficial do Brasil é aquela

Leia mais

Gruta da Lapinha Parque Estadual do Sumidouro / Lagoa Santa

Gruta da Lapinha Parque Estadual do Sumidouro / Lagoa Santa Gruta da Lapinha Parque Estadual do Sumidouro / Lagoa Santa O Parque ocupa hoje uma área de 2.005 hectares que preserva a riqueza cultural e natural da região de Lagoa Santa e Pedro Leopoldo. Sua importância

Leia mais

101

101 PORTO XAVIER 101 PORTO XAVIER Após a decadência do sistema reducional, o território onde se localiza o atual município de Porto Xavier, embora tenha permanecido poucos indígenas, recebeu a chegada gradativa

Leia mais

Patrimônio Cultural, Identidade e Turismo

Patrimônio Cultural, Identidade e Turismo Patrimônio Cultural, Identidade e Turismo Definição de Patrimônio l Patrimônio cultural é um conjunto de bens materiais e imateriais representativos da cultura de um grupo ou de uma sociedade. Problematização

Leia mais

Com raridades, museus de moedas recontam história econômica

Com raridades, museus de moedas recontam história econômica Com raridades, museus de moedas recontam história econômica A coleção numismática de Berlim, do Münzkabinnet, está exposta em vários dos integrantes da rede Berlin State Museums. Foto: Shutterstock Espalhados

Leia mais

1. Descrição da Cidade

1. Descrição da Cidade 1. Descrição da Cidade 2. Top Atrações da Cidade 2.1 - Atração Igreja Matriz de São Luiz de Tolosa 2.2 - Atração Casarões 2.3 - Atração Mercado Municipal de São Luís do Paraitinga 2.4 - Atração Centro

Leia mais

População em Brasil ,33% Região Norte ,98% Região Nordeste ,18%

População em Brasil ,33% Região Norte ,98% Região Nordeste ,18% 1 O Brasil é o quinto país mais populoso do mundo. De acordo com o Censo Demográfico de 2010, a população brasileira é de 190 732 694 pessoas. Veja os dados da população para cada região e responda: População

Leia mais

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO PROGRAMA DE DISCIPLINA

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO PROGRAMA DE DISCIPLINA CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO PROGRAMA DE DISCIPLINA DISCIPLINA: TÉCNICAS RETROSPECTIVAS CÓDIGO: TAU079 CLASSIFICAÇÃO: Obrigatória PRÉ-REQUISITO: CARGA HORÁRIA: TEÓRICA: 45 horas PROFESSOR: Marco Antônio

Leia mais

A Promoção do Brasil como destino de Turismo Cultural no Mercado Internacional

A Promoção do Brasil como destino de Turismo Cultural no Mercado Internacional A Promoção do Brasil como destino de Turismo Cultural no Mercado Internacional 2º Encontro Brasileiro das Cidades Históricas Turísticas e Patrimônio Mundial São Luís, 24 a 27/02/2016 A EMBRATUR Missão

Leia mais

THEATRO BERNARDO GUIMARÃES

THEATRO BERNARDO GUIMARÃES THEATRO BERNARDO GUIMARÃES Localizado na Avenida Dr. Américo Luz, n.º 143, está o Theatro Bernardo Guimarães que foi construído no final do século passado, por volta de 1.890, data aproximada, uma vez

Leia mais

PORTUGUÊS 4 o BIMESTRE

PORTUGUÊS 4 o BIMESTRE PORTUGUÊS 4 o BIMESTRE Leia o trecho com atenção. Vicente era um menino pobre que tinha um pangaré. O pangaré era preto, bem feio, bem magro e bem velho. O cavalo servia para puxar a carroça do pai de

Leia mais

2 Sugestão de avaliação

2 Sugestão de avaliação Presente Sugestão de avaliação 1 Unidade Lugar de estudar 1. A autora de livros de literatura Ruth Rocha, em seu livro A escola do Marcelo, conta como esse garoto descreve a escola onde estuda. A minha

Leia mais

7 Missões: Recursos de Interesse Patrimonial FESTAS E CELEBRAÇÕES

7 Missões: Recursos de Interesse Patrimonial FESTAS E CELEBRAÇÕES São Luiz Gonzaga 7.1 Aspectos Gerais 7.1.1 Identificação: Feirarte 7 Missões: Recursos de Interesse Patrimonial FESTAS E CELEBRAÇÕES 7.1.2 Denominação mais freqüente: Feirarte 7.1.3 Localização: A ser

Leia mais

VENHA PRO NOSSO ARRAIÁ!! 1

VENHA PRO NOSSO ARRAIÁ!! 1 UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL PROGRAMA DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS PORTUGUÊS BRASILEIRO COMO LE VENHA PRO NOSSO ARRAIÁ!! 1 Junho é o mês das Festas Juninas. Convidamos você a participar dessas festas, conhecendo

Leia mais

19

19 CERRO LARGO 19 CERRO LARGO O município de Cerro Largo, que abrangia o território dos atuais municípios de Roque Gonzales, Porto Xavier e São Paulo das Missões, era conhecido como Serro Azul. Foi uma colônia

Leia mais

Boa Prova! Observe o infográfico abaixo:

Boa Prova! Observe o infográfico abaixo: 7º Geografia Rodrigo Aval. Trimestral 01/11/12 As questões deverão ser respondidas à caneta esferográfica azul ou preta. Questões objetivas não poderão ser rasuradas caso aconteça serão consideradas erradas

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA HISTÓRIA 4.º ANO/EF 2015

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA HISTÓRIA 4.º ANO/EF 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO II ETAPA LETIVA HISTÓRIA 4.º ANO/EF 2015 Caro(a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados

Leia mais

Fortalecimento do poder dos reis

Fortalecimento do poder dos reis Fortalecimento do poder dos reis C A P Í T U L O 0 7 Prof: Diego Gomes Disciplina: História Turma: 7 Ano Fortalecimento do poder Real Com revigoramento do comércio e das cidade, formou-se um novo grupo

Leia mais

Aula 3 de 4 Versão Professor

Aula 3 de 4 Versão Professor Aula 3 de 4 Versão Professor As Comunidades Indígenas Agora vamos conhecer um pouco das características naturais que atraíram essas diferentes ocupações humanas ao longo dos séculos para a Região da Bacia

Leia mais

O Barroco Colonial e o Mosteiro de São Bento no Rio de Janeiro

O Barroco Colonial e o Mosteiro de São Bento no Rio de Janeiro O Barroco Colonial e o Mosteiro de São Bento no Rio de Janeiro Roberto Hofmann, São Bento, Rio de Janeiro, 23 de Junho 2002 O Barroco Colonial Principais intenções dos colonizadores portugueses: Tomar

Leia mais

Fordlândia, um império perdido na Amazônia

Fordlândia, um império perdido na Amazônia Fordlândia, um império perdido na Amazônia Há 70 anos, terminava o plano de Henry Ford de abastecer suas fábricas com borracha produzida no Brasil. Local virou ruína. Fordlândia deixou de existir em 1945.

Leia mais

a) b) c) d) e) 3 2 1

a) b) c) d) e) 3 2 1 SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR SARGENTO NADER ALVES DOS SANTOS SÉRIE/ANO: 7 ª TURMA(S):

Leia mais

Departamento Operacional

Departamento Operacional CIT_2/2016 - Procedimento concursal para constituição de relação de emprego na modalidade de contrato individual de trabalho por tempo indeterminado, para preenchimento de dois postos de trabalho correspondente

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2014

PROJETO DE LEI Nº, DE 2014 PROJETO DE LEI Nº, DE 2014 (Da Sra. Iara Bernardi) Institui o Dia Nacional do Tropeiro, a ser comemorado no último domingo do mês de maio. O Congresso Nacional decreta: Art. 1º Fica instituído o Dia Nacional

Leia mais

Informação sobre Ecossistemas Locais

Informação sobre Ecossistemas Locais Informação sobre Ecossistemas Locais Processo de candidatura Bandeira Azul 2013 1. Biodiversidade local O litoral de Vila Nova de Gaia apresenta uma considerável biodiversidade, com fauna e flora característica

Leia mais

Lucyana Mutarelli. O Livro 3 em 1

Lucyana Mutarelli. O Livro 3 em 1 O Livro 3 em 1 Lucyana Mutarelli O Livro 3 em 1 1 Edição Abril de 2013 Introdução Este livro chama-se 3 em 1, pois é a junção das três primeiras obras já publicadas da autora Lucyana Mutarelli. Ele contém

Leia mais

Profª Esp. Simone Mourão Abud. Abordagem: ato ou efeito de abordar Abordar: aproximar-se de; tratar de; chegar; encostar (Ferreira, 1983)

Profª Esp. Simone Mourão Abud. Abordagem: ato ou efeito de abordar Abordar: aproximar-se de; tratar de; chegar; encostar (Ferreira, 1983) Abordagem Familiar Instrumentos de Abordagem Familiar: GENOGRAMA E ECOMAPA Profª Esp. Simone Mourão Abud Abordagem: ato ou efeito de abordar Abordar: aproximar-se de; tratar de; chegar; encostar (Ferreira,

Leia mais

Colégio Santa Dorotéia

Colégio Santa Dorotéia Colégio Santa Dorotéia Tema Transversal: Casa comum, nossa responsabilidade. Disciplina: História / ESTUDOS AUTÔNOMOS Série: 5ª - Ensino Fundamental Aluno(a): N o : Turma: Professora: Data: 28 / 6 / 2016

Leia mais

ROTEIRO DE ESTUDO I ETAPA LETIVA GEOGRAFIA 4.º ANO/EF 2015

ROTEIRO DE ESTUDO I ETAPA LETIVA GEOGRAFIA 4.º ANO/EF 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE ESTUDO I ETAPA LETIVA GEOGRAFIA 4.º ANO/EF 2015 Caro(a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados na

Leia mais

COLCULTURA-AMAVI Colegiado de Cultura da AMAVI DIAGNOSTICO DA OFERTA CULTURAL DO ALTO VALE DO ITAJAÍ

COLCULTURA-AMAVI Colegiado de Cultura da AMAVI DIAGNOSTICO DA OFERTA CULTURAL DO ALTO VALE DO ITAJAÍ COLCULTURA-AMAVI Colegiado de Cultura da AMAVI DIAGNOSTICO DA OFERTA CULTURAL DO ALTO VALE DO ITAJAÍ Nome do Município: ATALANTA Nome do Responsável pelo preenchimento: Franciane Lima Órgão Municipal da

Leia mais

18/04/13. E. E. Ernesto Solon Borges Disciplina: Arte Professora: Lurdinha Aluno:Ana Paula e Amanda Data: 04/02/2013

18/04/13. E. E. Ernesto Solon Borges Disciplina: Arte Professora: Lurdinha Aluno:Ana Paula e Amanda Data: 04/02/2013 E. E. Ernesto Solon Borges Disciplina: Arte Professora: Lurdinha Aluno:Ana Paula e Amanda Data: 04/02/2013 Leia o texto a seguir: Um dos períodos mais fascinantes da história humana é a Pré-História. Esse

Leia mais

Ângelo Mário Emanuela Coutinho Geraldo Oliveira MANGABEIRA

Ângelo Mário Emanuela Coutinho Geraldo Oliveira MANGABEIRA MANGABEIRA Ângelo Mário Emanuela Coutinho Geraldo Oliveira MANGABEIRA Sumário Introdução 03 Localização geográfica 04 História 06 Depoimento de uma moradora 09 Curiosidades 11 Pontos de encontro da comunidade

Leia mais

PURP 63 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA. AP 10 UP 8 INSTITUTO DE METEOROLOGIA (INMET), CEB e CAESB

PURP 63 PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO ESCALA PREDOMINANTE: BUCÓLICA. AP 10 UP 8 INSTITUTO DE METEOROLOGIA (INMET), CEB e CAESB AP 10 UP 8 Folha 1 / 6 AP 10 UP 8 Folha 2 / 6 DISPOSITIVOS DE USO E OCUPAÇÃO DO SOLO VALOR PATRIMONIAL PLANILHA DE PARÂMETROS URBANÍSTICOS E DE PRESERVAÇÃO A ATRIBUTOS DE CONFIGURAÇÃO URBANA: TECIDO (MALHA

Leia mais

Centenário Teatro Amazonas pode virar Patrimônio Mundial, diz Unesco

Centenário Teatro Amazonas pode virar Patrimônio Mundial, diz Unesco Centenário Teatro Amazonas pode virar Patrimônio Mundial, diz Unesco Monumento foi indicado a título junto ao Teatro da Paz, de Belém (PA). Unesco aguarda dossiê do Governo Federal para analisar proposta.

Leia mais

. a d iza r to u a ia p ó C II

. a d iza r to u a ia p ó C II II Sugestões de avaliação História 4 o ano Unidade 5 5 Unidade 5 Nome: Data: 1. Relacione as colunas. (A) Colonos portugueses (B) indígenas e africanos escravizados ( ) Vieram para o Brasil com o objetivo

Leia mais

ARQUITETURA PÓS MODERNA

ARQUITETURA PÓS MODERNA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA F A C U L D A D E D E E N G E N H A R I A DEPARTAMENTO DE ARQUITETURA E URBANISMO E n g e n h a r i a C i v i l Disciplina: Fundamentos da Arquitetura Profª. Raquel

Leia mais

INSPIRANDO AS PESSOAS A CUIDAR DO PLANETA

INSPIRANDO AS PESSOAS A CUIDAR DO PLANETA INSPIRANDO AS PESSOAS A CUIDAR DO PLANETA HISTÓRIA DA REVISTA Com 128 anos de história, a National Geographic é uma das marcas mais conhecidas e respeitadas do mundo. É mundialmente reconhecida pela qualidade

Leia mais

UFT/COPESE Vestibular

UFT/COPESE Vestibular QUESTÃO 01 João Filgueiras Lima (1932-2014), apelidado Lelé, foi um arquiteto que participou como protagonista no movimento moderno da arquitetura brasileira. Atuou em diversos projetos, em diferentes

Leia mais

Trajetórias Leitura: atividades

Trajetórias Leitura: atividades Trajetórias Leitura: atividades 1. Complete a árvore genealógica da família, preenchendo as informações solicitadas, conforme legenda abaixo. A. local de nascimento B. ano de nascimento C. idade D. profissão

Leia mais

Critérios específicos de avaliação HISTÓRIA 3.º ciclo Ano letivo

Critérios específicos de avaliação HISTÓRIA 3.º ciclo Ano letivo Objeto de avaliação Conhecimentos e Capacidades Específicos Critérios específicos de avaliação HISTÓRIA 3.º ciclo Ano letivo 2016-2017 Itens/Parâmetros Compreensão histórica (Temporalidade Espacialidade

Leia mais

Aula 13 BARROCO: FORMA ARTÍSTICA DO PATRIMÔNIO ARQUITETÔNICO. Verônica Maria Meneses Nunes Luís Eduardo Pina Lima

Aula 13 BARROCO: FORMA ARTÍSTICA DO PATRIMÔNIO ARQUITETÔNICO. Verônica Maria Meneses Nunes Luís Eduardo Pina Lima Aula 13 BARROCO: FORMA ARTÍSTICA DO PATRIMÔNIO ARQUITETÔNICO META Compreender o barroco como parte da herança colonial, base para definição de patrimônio histórico. OBJETIVOS Ao final desta aula, o aluno

Leia mais

Projeto de Avicultura Colonial PAC/ 2009 Embrapa Clima Temperado Sinalização dos Aviários Coloniais

Projeto de Avicultura Colonial PAC/ 2009 Embrapa Clima Temperado Sinalização dos Aviários Coloniais Projeto de Avicultura Colonial PAC/ 2009 Embrapa Clima Temperado Sinalização dos Aviários Coloniais Responsavel: João Pedro Zabaleta Pesquisador II, Agricultura Familiar e Agroecologia. 1 Placas de sinalização

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL. 2. Nome do Projeto: Preservando o Passado, Pensando no Futuro

RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL. 2. Nome do Projeto: Preservando o Passado, Pensando no Futuro Educação Patrimonial Município de Córrego do Bom Jesus/MG 2012 RELATÓRIO DE ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL 1. Município: Córrego do Bom Jesus 2. Nome do Projeto: Preservando o Passado, Pensando no

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS CIÊNCIAS

LISTA DE EXERCÍCIOS CIÊNCIAS LISTA DE EXERCÍCIOS CIÊNCIAS P1-4º BIMESTRE 6º ANO FUNDAMENTAL II Aluno (a): Turno: Turma: Unidade Data: / /2016 HABILIDADES E COMPETÊNCIAS Compreender o conceito de bioma. Reconhecer fatores bióticos

Leia mais

Gestão e Manutenção de Equipamentos

Gestão e Manutenção de Equipamentos Guia da Reforma Administrativa de Lisboa Gestão e Manutenção de Equipamentos O que são Equipamentos Municipais? São estruturas públicas geridas pela Autarquia. As necessidades da população e a concretização

Leia mais

Sitio Arqueológico de São Lourenço Mártir

Sitio Arqueológico de São Lourenço Mártir SÃO LUIZ GONZAGA 167 SÃO LUIZ GONZAGA A redução de São Luiz Gonzaga foi fundada pelo Padre Miguel Fernandes em 1687 e entrou em decadência a partir de 1750, com o Tratado de Madrid. Foi invadido e saqueado

Leia mais

TÍTULO: PRESERVAÇÃO DA MEMÓRIA POR MEIOS DIGITAIS: SENSIBILIZAÇÃO E DIGITALIZAÇÃO DO ACERVO DA MEMÓRIA RIO-PARDENSE

TÍTULO: PRESERVAÇÃO DA MEMÓRIA POR MEIOS DIGITAIS: SENSIBILIZAÇÃO E DIGITALIZAÇÃO DO ACERVO DA MEMÓRIA RIO-PARDENSE TÍTULO: PRESERVAÇÃO DA MEMÓRIA POR MEIOS DIGITAIS: SENSIBILIZAÇÃO E DIGITALIZAÇÃO DO ACERVO DA MEMÓRIA RIO-PARDENSE CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: CIÊNCIAS DA INFORMAÇÃO

Leia mais

7. CONVERSAS SOBRE AS CRIANÇAS

7. CONVERSAS SOBRE AS CRIANÇAS 7. CONVERSAS SOBRE AS CRIANÇAS 1. Leia a seguir um dos artigos da Constituição que faz referência a alguns direitos das crianças. Identifique esses direitos, traçando uma linha embaixo das palavras que

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE NOVO REPARTIMENTO

CÂMARA MUNICIPAL DE NOVO REPARTIMENTO CÂMARA MUNICIPAL DE NOVO REPARTIMENTO A Câmara Municipal, Câmara de Vereadores, ou Câmara Legislativa é o órgão legislativo da administração dos municípios, configurando-se como a assembleia de representantes

Leia mais

A Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva o seu papel no estudo, preservação e divulgação das Artes Decorativas portuguesas

A Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva o seu papel no estudo, preservação e divulgação das Artes Decorativas portuguesas A Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva o seu papel no estudo, preservação e divulgação das Artes Decorativas portuguesas Isabel Mayer Godinho Mendonça Centro de Estudos de Artes Decorativas da Escola

Leia mais

SUMÁRIO. Pág. LISTA DE FIGURAS... xxi LISTA DE TABELAS... xxv INTRODUÇÃO... 1

SUMÁRIO. Pág. LISTA DE FIGURAS... xxi LISTA DE TABELAS... xxv INTRODUÇÃO... 1 SUMÁRIO Pág. LISTA DE FIGURAS... xxi LISTA DE TABELAS... xxv INTRODUÇÃO... 1 CAPÍTULO 1 CONSIDERAÇÕES SOBRE O DESENVOLVIMENTO RURAL... 7 1.1 O Panorama Mundial... 7 1.2 O Panorama Brasileiro... 9 1.2.1

Leia mais

PROVA DE GEOGRAFIA 1 o TRIMESTRE DE 2015

PROVA DE GEOGRAFIA 1 o TRIMESTRE DE 2015 PROVA DE GEOGRAFIA 1 o TRIMESTRE DE 2015 PROF. MÁRCIO NOME Nº 7º ANO A prova deve ser feita com caneta azul ou preta. É terminantemente proibido o uso de corretor. Respostas com corretor serão anuladas.

Leia mais

2º Encontro Brasileiro das Cidades Históricas Turísticas e Patrimônio Mundial

2º Encontro Brasileiro das Cidades Históricas Turísticas e Patrimônio Mundial 2º Encontro Brasileiro das Cidades Históricas Turísticas e Patrimônio Mundial 1 Histórico 3 HISTÓRICO 1698 - A bandeira de Antônio Dicas de Oliveira se deparou com o Pico do Itacolomi. 1711 - Os núcleos

Leia mais

Desde a escola ouvimos uma antiga definição de que meio ambiente era chamado de tudo o que é vivo, ou seja, todas as coisas que vivem neste planeta e

Desde a escola ouvimos uma antiga definição de que meio ambiente era chamado de tudo o que é vivo, ou seja, todas as coisas que vivem neste planeta e O Meio Ambiente Desde a escola ouvimos uma antiga definição de que meio ambiente era chamado de tudo o que é vivo, ou seja, todas as coisas que vivem neste planeta e estão ligadas a vida dos seres humanos.

Leia mais

Mansões históricas: como os imóveis antigos de Porto Alegre (RS) são percebidos pelo mercado

Mansões históricas: como os imóveis antigos de Porto Alegre (RS) são percebidos pelo mercado Mansões históricas: como os imóveis antigos de Porto Alegre (RS) são percebidos pelo mercado Construções fazem parte da história da capital gaúcha e retomam diferentes épocas e estilos. Azulejos pintados

Leia mais

FORTALECENDO SABERES CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I DESAFIO DO DIA ARTES. Conteúdo: Danças Folclóricas brasileiras.

FORTALECENDO SABERES CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I DESAFIO DO DIA ARTES. Conteúdo: Danças Folclóricas brasileiras. CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA INTERATIVA I Conteúdo: Danças Folclóricas brasileiras. 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA INTERATIVA I Habilidades:

Leia mais

DOSSIÊ DE TOMBAMENTO DA IGREJA DE SÃO JOSÉ DO GORUTUBA

DOSSIÊ DE TOMBAMENTO DA IGREJA DE SÃO JOSÉ DO GORUTUBA DOSSIÊ DE TOMBAMENTO DA IGREJA DE SÃO JOSÉ DO GORUTUBA PORTEIRINHA MG MARÇO DE 2002 INTRODUÇÃO Nesse dossiê foram sistematizadas as as informações históricas, a partir de fontes bibliográficas e orais,

Leia mais

HISTÓRIA DA ARTE. Arte gótica Renascimento Barroco

HISTÓRIA DA ARTE. Arte gótica Renascimento Barroco HISTÓRIA DA ARTE Arte gótica Renascimento Barroco ARTE GÓTICA O Gótico foi notadamente a expressão artística mais importante do final da Idade Média. Seu auge ocorre na Baixa Idade Média. Sua importância

Leia mais

Dicionário de variáveis da PNAD arquivo de domicílios Microdados

Dicionário de variáveis da PNAD arquivo de domicílios Microdados 1 4 V0101 Ano referência 2 UF 2 Unida da Feração 8 V0102 2 Número controle 1 V010 Número série 16 2 V0104 18 2 20 2 V0106 6 22 1 V010 V0201 4 1 PARTE 1 IDENTIFICAÇÃO E CONTROLE Tipo entrevista Total moradores

Leia mais

MONTAGEM DE EXPOSIÇÃO: DA CURADORIA À EXPOGRAFIA. Renato Baldin

MONTAGEM DE EXPOSIÇÃO: DA CURADORIA À EXPOGRAFIA. Renato Baldin MONTAGEM DE EXPOSIÇÃO: DA CURADORIA À EXPOGRAFIA Renato Baldin O ESPAÇO Continente 1. Conceituação O Espaço Que espaço é esse? De qual espaço estamos falando? Breve história dos museus... A partir de sua

Leia mais

7.1.2 Denominação mais freqüente: EXPOMAQ Localização: Sede do município Município: Mato Queimado Localidade: Distrito

7.1.2 Denominação mais freqüente: EXPOMAQ Localização: Sede do município Município: Mato Queimado Localidade: Distrito 7 Missões: Recursos de Interesse Patrimonial FESTAS E CELEBRAÇÕES Mato Queimado 7.1 Aspectos Gerais 7.1.1 Identificação: Expomaq Feira agropecuária, comercial e industrial de Mato Queimado 7.1.2 Denominação

Leia mais

Palácios, Fortificações, Casas, Conjuntos urbanos, Pontes, Estações Ferroviárias, etc.

Palácios, Fortificações, Casas, Conjuntos urbanos, Pontes, Estações Ferroviárias, etc. PATRIMÔNIO EDIFICADO Patrimônio Histórico Edificado são todos os bens herdados d de gerações passadas, cujos valores advêm da importância histórica. São construções em pedra e cal e outras técnicas construtivas

Leia mais

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO (Do Sr. Ivan Valente)

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO (Do Sr. Ivan Valente) REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO (Do Sr. Ivan Valente) Requer informações à Ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão relativas a procedimentos ocorridos na transferência do imóvel da União denominado Pátio

Leia mais

III Congresso de Pesquisa e Extensão da FSG I Salão de Extensão & I Mostra Científica

III Congresso de Pesquisa e Extensão da FSG I Salão de Extensão & I Mostra Científica III Congresso de Pesquisa e Extensão da FSG I Salão de Extensão & I Mostra Científica http://ojs.fsg.br/index.php/pesquisaextensao ISSN 2318-8014 RESGATE HISTÓRICO-CULTURAL ATRAVÉS DA LEI COMPLEMENTAR

Leia mais

PLANO DE CURSO Disciplina: NATUREZA E SOCIEDADE Série: JARDIM II Educação Infantil

PLANO DE CURSO Disciplina: NATUREZA E SOCIEDADE Série: JARDIM II Educação Infantil PLANO DE CURSO Disciplina: NATUREZA E SOCIEDADE Série: JARDIM II Educação Infantil UNIDADE IV: Identidade Quem sou eu? Meu nome Gênero: menino e menina Raça (Etnia) UNIDADE V: Meio de comunicação Escrito

Leia mais

Objetivo do GEPEMHEP:

Objetivo do GEPEMHEP: GEPEMHEP/ Centro Paula Souza Objetivo do GEPEMHEP: Propor e desenvolver projetos de estudos e pesquisas com a finalidade de levantar, analisar e divulgar informações sobre práticas escolares e pedagógicas

Leia mais

AS QUESTÕES OBRIGATORIAMENTE DEVEM SER ENTREGUES EM UMA FOLHA À PARTE COM ESTA EM ANEXO.

AS QUESTÕES OBRIGATORIAMENTE DEVEM SER ENTREGUES EM UMA FOLHA À PARTE COM ESTA EM ANEXO. ENSINO FUNDAMENTAL Conteúdos do 9º Ano 3º/4º Bimestre 2016 Trabalho de Dependência Nome: N. o : Turma: Professor(a): Gabriel Data: / /2016 Unidade: Cascadura Mananciais Méier Taquara Geografia Resultado

Leia mais