UNINOVE Tec. Adm. e Des. de Sistemas. Administracão de Banco de Dados. ORACLE Backup / Recovery AULA 11

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "UNINOVE Tec. Adm. e Des. de Sistemas. Administracão de Banco de Dados. ORACLE Backup / Recovery AULA 11"

Transcrição

1 UNINOVE Tec. Adm. e Des. de Sistemas Administracão de Banco de Dados ORACLE Backup / Recovery AULA 11 Prof. MsC. Eng. Marcelo Bianchi AULA 09

2 A ARQUITETURA DO ORACLE O conhecimento da arquitetura Oracle é essencial para a compreensão das técnicas de otimização de produto. Os mecanismos de execução são estruturas de memória e os processos são executados no servidor. Um conjunto de processos do servidor do Oracle que tem sua própria área global do sistema e um conjunto de banco de dados associados é chamado de instância Oracle. SGA A SGA é um grupo de buffers de memória compartilhados que são destinados pelo Oracle para uma instância. Basicamente é formada pelas estruturas identificadas por shared pool, database buffer cache e redo log buffer cache. Entretanto, em algumas configurações do Oracle podem existir outras estruturas.

3 Arquitetura Lógica A arquitetura lógica é composta por quatro componentes. Bloco de Dados (Data Block) O bloco de dados corresponde a um número especifico de bytes do banco de dados para armazenado em disco. Sendo que esse valor é especificado durante a criação do banco de dados, pelo parâmetro db_block_size.

4 Arquitetura Lógica O Oracle gerencia todo o espaço de armazenamento nos arquivos de dados (datafiles) através dessas pequenas unidades chamado blocos de dados, que carregam informações importantes como cabeçalho, diretório da tabela, diretório de linha, dados de tabelas ou índices e espaço livre para inserções ou atualizações de dados.

5 Arquitetura Lógica Extensões(Extent) As extensões são unidades lógicas de armazenamento composta por um conjunto de blocos de dados, um ou mais extensões formam um segmento. As extensões são muito utilizadas para definir a característica de armazenamento de algum objeto, como um tabela ou índice. Eles podem influenciar muito na fragmentação de espaço ou ajudar a definir um bom plano de crescimento da base de dados.

6 Arquitetura Lógica Segmentos (Segment) Os segmentos é um conjunto de extensões que possui todos os dados necessários para uma estrutura de armazenamento lógico, como as tablespaces. Para cada tabela criada, o Oracle aloca um ou mais extensões para formar um segmento de dados, assim, também podemos dizer que o Oracle aloca um ou mais extensões para formar um segmento de índice.

7 Arquitetura Lógica Na arquitetura do Oracle, podemos encontrar quatro tipos de segmentos:

8 Arquitetura Lógica Espaços de tabela (Tablespace) Os espaços de tabelas, ou mais conhecidas como Tablespaces, é dividido através de unidades lógicas de armazenamento chamadas segmentos. Uma tablespace pode conter um ou mais segmentos, segmentos do tipo de dados, índices, desfazer ou temporário. A tablespace é a camada lógica do Oracle, ficando anexada a uma camada física, que são os arquivos de dados (datafiles), onde se origina o armazenamento físico dos dados.

9 Arquitetura Lógica Podemos perceber que existe uma relação entre os quatro componentes citados, analise o raciocínio: Sem o bloco de dados não temos extensões, sem extensões não temos segmentos, e sem segmentos não temos tablespaces e sem tablespaces não temos banco de dados Oracle. Todos eles são responsáveis pela arquitetura lógica do banco de dados. Por isso que é fundamental o DBA ter esses conhecimentos. No próximo slide poderemos ver uma demonstração gráfica de como funciona o armazenamento lógico com e suas camadas.

10

11 Arquitetura Lógica Na figura do slide anterior, observamos que nosso bloco de dados em destaque é de 8KB, então concluímos que no momento da criação do banco de dados, o parâmetro db_block_size é de 8192 bytes (8Kb), esse parâmetro é estático não podendo ser alterado. Percebemos também que a Extensão possui 24 blocos de dados, fazendo uma matemática simples, 24 (blocos de dados) x 8192 (bytes) temos o tamanho da extensão, que possui bytes (192Kb). Seguindo o mesmo exemplo, nosso segmento possui duas extensões, determinando que o tamanho do segmento seja de 384 Kb.

12 Arquitetura Lógica Assim podemos imaginar que se o segmento acima fosse um Segmento de Dados (Tabela), a nossa tabela teria um tamanho de 284Kb. Isso sem levar em consideração a configuração de storage desse segmento, que envolve os parâmetros de INITIAL, NEXT, MINEXTENTS, MAXEXTENTS e PCTINCREASE, que já é outro assunto mais detalhado. O tamanho da tablespace não tem vinculo nenhum com os componentes citados, pois seu tamanho é especificado no momento de sua criação.foi um breve resumo sobre sua arquitetura, espero que tenham gostado do assunto e que acrescente mais informações para os futuros Dbas.

13 BACKUP BACKUP é uma cópia de dados do seu banco de dados local ou remoto, no entanto, essa cópia pode incluir partes importantes do seu banco de dados, como por exemplo, arquivos de controle e datafiles. Na prática seria uma réplica dos dados originais atual guardados em um outro lugar mais seguro, pois se tiver algum acidente ou erro fatal nas aplicações do seu sistema, você terá seus valiosos dados perdidos, numa empresa de grande porte isso ocorre direto. No Oracle podemos fazer dois tipos de BACKUPs, os backups físicos e os backups lógicos. E você saberia dizer qual a diferença de cada um deles?

14 BACKUP FÍSICO Os BACKUPs físicos são onde guardamos todo o banco de dados, todas as views, triggers, procedures e etc. Geralmente gravados nas chamadas FITAS DE BACKUP de uma grande capacidade e armazenados em estandes especiais, físicamente, podendo ser reposto a qualquer momento.

15 BACKUP LÓGICO O BACKUP Lógico é apenas o "salvamento" dos seus dados de algum banco de dados ou trigger, procedure e etc, porém não será armazenado em forma física e sim virtual. Para esse tipo de BACKUP utilizamos muito o Oracle Export Utility, e para o BACKUP Físico utilizamos o Oracle Recovery Manager Utility ou Operating System utilities.

16 RECOVERY O RECOVERY, como o próprio nome diz (RECOVERY = RECUPERAÇÃO), é a recuperação dos arquivos do sistema, quando fizemos um Backup, quando fazemos uma cópia dos dados para um outro lugar, físico ou virtual, e com o Recovery nós iremos recuperar esses dados e repor para dentro do sistema novamente, voltar a forma que estava antes do problema ou do erro fatal ao seu banco de dados.

17 Estratégia de Gerenciamento de Backup / Recovery É válido lembrar que fazer um backup ou recovery no Oracle são tarefas, que algumas vezes são bem complicadas, se fosse tão fácil, a própria Oracle não iria fazer Guias de como se fazer um Backup ou Recovery. Muitos DBAs ou até mesmo administradores de rede fazem uma estratégia de Gerenciamento de Backup ou Recovery. Pois o principal objetivo é saber tudo que está se passando dentro do sistema e quando ocorrer algum problema, saber quais serão as medidas imediatas a serem tomadas.

18 Estratégia de Gerenciamento de Backup / Recovery Vamos supor que somos DBAs de uma empresa multinacional, onde nosso banco de dados recebe registros por dia e armazena dados do sistema de ERP inteiro da empresa e de todas as suas filias mundiais, um belo dia, ocorre problemas como seu datafile, ou um arquivo de controle é corrompido e vários dados são perdidos. Seus diretores lhe perguntam : O que fazemos agora? Quais serão as medidas para contornar este erro? A empresa está parada agora!

19 Estratégia de Gerenciamento de Backup / Recovery Por isso deve existir o Gerenciamento de estrutura para Backup / Recovery, no qual você criou e irá rapidamente consultar para saber como repor seu backup "em cima do problema existente" e fazer um recovery rapidamente, não deixando a empresa parar.

20 Estratégia de Gerenciamento de Backup/ Recovery Logo sabemos que existe um tipo de Gerenciamento (backup e recovery) para cada tipo de erro, assim, existe um gerenciamento para os arquivos de controle, um para os datafiles e outros para os archived redo logs.

21 Estratégia de Gerenciamento de Backup / Recovery Também temos que salientar que existem vários tipos de backup como por exemplo banco de dados, datafiles e etc, e existem aplicativos específicos e métodos corretor, isso tudo pode variar de DBA para DBA, porém vamos ver um método padrão de utilização do backup, que se chama User-Managed Backup.

22 Estratégia de Gerenciamento de Backup / Recovery Antes de fazer o backup, iremos listar todos os Datafiles, Red Logs e etc que tem no sistema para vermos o que temos de especial para salvar, para termos uma confiança a mais no nosso serviço! Abra o SQL*PLUS.

23 User Management Backup SQL > SELECT T.NAME "TABLESPACE", F.NAME "DATAFILE", L.MEMBER "LOGFILE", C.NAME "CONTROLFILE" FROM V$TABLESPACE T, V$DATAFILE F, V$LOGFILE L, V$CONTROFILE C WHERE T.TS# = F.TS# ORDER BY t.name;

24 User Management Backup No slide anterior estamos fazendo um SELECT para saber todos os tipos de TABLESPACE, DATAFILE, LOGFILE e CONTROLFILE que estão dentro do sistema e saber onde os mesmos se encontram. CUIDADO! Algumas vezes essa listagem não pode funcionar, porque como estamos utilizando dentro do SELECT acima a "varredura" no sistema e tentando encontrar também os controfiles, talvez possa ocassionar algum tipo de erro, devido o sgbd não conseguir achar a estrutura do banco de dados a tempo e criar um CONTROLFILE, com isso alguns procedimentos de RECOVERY não poderão funcionar. Para sanar este problema, caso o mesmo ocorra, basta retirar do SELECT acima o parametro V$CONTROLFILE.

25 User Management Backup Depois de conseguimos ver todos os nossos arquivos, temos que dar um SHUTDOWN no nosso banco de dados, e sabe porque? Porque talvez nosso sistema esteja utilizando alguns dos arquivos que iremos copiar, como algum CONTROLFILE ou DATAFILE, e para isso nada melhor que deixar nosso banco de dados no "chão" (FORA DO AR!), para isso utilize um SHUTDOWN IMMEDIATE.

26 User Management Backup SQL > SHUTDOWN IMMEDIATE PRONTO! Acabamos de colocar todo o banco de dados fora do ar, com isso alguns aplicativos e sistemas de sua empresa deverão para de funcionar, mais tudo bem, avise para toda a empresa com aquela velha frase "ESTAMOS EM MANUTENÇÃO"! Espere até o banco de dados estar totalmente fora do ar, não faça nada até o Oracle dar a mensagem the Shutdown complete.

27 User Management Backup Agora podemos começar a fazer nossas cópias de arquivos para um lugar mais seguro, como por exemplo criar uma outra pasta chamada BPORACLE (BP = BACKUP), para isso pode utilizar o famoso WINDOWS EXPLORER. Depois de criado a pasta vamos copiar os arquivos. No próximo slide você verá a forma mais prática de se copiar para quem usa WINDOWS, ou caso utilize o UNIX ou LINUX o procedimento será outro.

28 User Management Backup Usuário Windows: 1º Passo: Abra o WINDOWS EXPLORER 2 º Passo: Vá até a pasta ORACLE/ORA10g (OBS: O nome dessa pasta pode variar de usuário para usuário) 3º Passo: Dentro de ORA10g vá até NETWORK/ADMIN e aperte CTRL + A, e depois CTRL + C. 4º Passo: Vá até a pasta BPORACLE e aperte CTRL + V, e Pronto! Copiado os arquivos!

29 User Management Backup Atenção: Repita o 3º Passo para as pastas RDBMS/ADMIN e DBS.Na pasta BPORACLE crie as respectivas pastas com o mesmo nome para não se perder.

30 User Management Backup Usuário Unix / Linux: % cp /HD1/oracle/dbs/*.dbf /HD2/bporacle % cp /HD1/oracle/dbs/*.cf /HD2/bporacle % cp /HD1/oracle/network/admin/*.ora /HD2/bporacle % cp /HD1/oracle/rdbms/admin/*.ora /HD2/bporacle

31 User Management Backup Agora que já fizemos as cópias de segurança, deveremos colocar a empresa de volta ao ar, colocando o banco de dados novamente funcionando, para isso volte para o seu SQL*PLUS.

32 User Management Backup Digite : SQL > STARTUP Espere um momento até a instância Oracle voltar completamente ao AR!

33 FIM!

Backup On-line. 1 de 6. Introdução

Backup On-line. 1 de 6. Introdução 1 de 6 Backup On-line Introdução O Backup do banco de dados nada mais é que a cópia dos arquivos necessários para recupera-los em caso de perda do mesmo no menor tempo possível. Isso pode ser devido à

Leia mais

Aula 2 Arquitetura Oracle

Aula 2 Arquitetura Oracle Aula 2 Arquitetura Oracle Instancia Oracle Uma instância Oracle é composta de estruturas de memória e processos. Sua existência é temporária na memória RAM e nas CPUs. Quando você desliga a instância em

Leia mais

*O RDBMS Oracle é um sistema de gerenciamento de banco de dados relacional.

*O RDBMS Oracle é um sistema de gerenciamento de banco de dados relacional. Arquitetura Oracle e seus componentes Hoje irei explicar de uma forma geral a arquitetura oracle e seus componentes. Algo que todos os DBA s, obrigatoriamente, devem saber de cabo a rabo. Vamos lá, e boa

Leia mais

Guia de procedimentos de backups

Guia de procedimentos de backups Guia de procedimentos de backups Sumário Sobre o guia 3... 4 Procedimentos de backup do banco de dados Oracle... 5 Backup lógico... 6 Backup físico... 7 Envio de backup... para fita 9 2 3 Sobre o guia

Leia mais

Pedro F. Carvalho Analista de Sistemas contato@pedrofcarvalho.com.br www.pedrofcarvlho.com.br ADMINISTRANDO A INSTÂNCIA

Pedro F. Carvalho Analista de Sistemas contato@pedrofcarvalho.com.br www.pedrofcarvlho.com.br ADMINISTRANDO A INSTÂNCIA ADMINISTRANDO A INSTÂNCIA Os tres componentes (instância, Listener e opcionalmente o DataBase Control) tem seus próprios utilitários de linha de comando que podem ser usados para inicialização, ou, uma

Leia mais

Banco de Dados Oracle. Faculdade Pernambucana - FAPE

Banco de Dados Oracle. Faculdade Pernambucana - FAPE Faculdade Pernambucana - FAPE Visão Geral dos Componentes Principais da Arquitetura Oracle Servidor Oracle É o nome que a Oracle deu ao seu SGBD. Ele consiste de uma Instância e um Banco de Dados Oracle.

Leia mais

Crash recovery é similar ao instance recovery, onde o primeiro referencia ambientes de instância exclusiva e o segundo ambientes parallel server.

Crash recovery é similar ao instance recovery, onde o primeiro referencia ambientes de instância exclusiva e o segundo ambientes parallel server. Recover no Oracle O backup e recuperação de dados em um SGBD é de grande importância para a manutenção dos dados. Dando continuidade a nossos artigos, apresentamos abaixo formas diferentes de se fazer

Leia mais

Pedro F. Carvalho Analista de Sistemas contato@pedrofcarvalho.com.br. RMAN: Ambiente de backup

Pedro F. Carvalho Analista de Sistemas contato@pedrofcarvalho.com.br. RMAN: Ambiente de backup RMAN: Ambiente de backup Olá amigos! Após algumas séries de colunas explicando os conceitos e modos que o RMAN pode trabalhar, iremos aprender a utilizar essa ferramenta para auxiliar os serviços administrativos

Leia mais

A instância fica alocada na memória compartilhada (shared memory) e é a combinação do System Global Area (SGA) com os processos background Oracle.

A instância fica alocada na memória compartilhada (shared memory) e é a combinação do System Global Area (SGA) com os processos background Oracle. ESTRUTURAS DE ARMAZENAMENTO Instance Na instância são executados processos e espaços em memória, estes permitem ao Oracle cumprir com seu papel de manter a integridade, confidencialidade e disponibilidade

Leia mais

NOMES: Leonardo Claro Diego Lage Charles Tancredo Márcio Castro

NOMES: Leonardo Claro Diego Lage Charles Tancredo Márcio Castro NOMES: Leonardo Claro Diego Lage Charles Tancredo Márcio Castro O MySQL Cluster é versão do MySQL adaptada para um ambiente de computação distribuída, provendo alta disponibilidade e alta redundância utilizando

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO POSEAD. Curso Banco de Dados. Resenha Crítica: Backup e Recovery Aluno: Wilker Dias Maia

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO POSEAD. Curso Banco de Dados. Resenha Crítica: Backup e Recovery Aluno: Wilker Dias Maia PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO POSEAD Curso Banco de Dados Resenha Crítica: Backup e Recovery Aluno: Wilker Dias Maia Brasília 2012 SUMÁRIO 1- INTRODUÇÃO... 3 2- DESCRIÇÃO DO ASSUNTO... 4 2.1- Estrutura fisica

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DE BANCO DE DADOS

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DE BANCO DE DADOS CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DE BANCO DE DADOS ADMINISTRAÇÃO DE BANCO DE DADOS... 4 DEFINIÇÕES PRELIMINARES... 4 HISTÓRIA... 4 TAREFAS DO ADMINISTRADOR DE BANCO DE DADOS:... 5 Instalar o SGBD... 5 Implementar

Leia mais

Carga Horária 40 horas. Requisitos Servidor Oracle 10G Ferramenta para interação com o banco de dados

Carga Horária 40 horas. Requisitos Servidor Oracle 10G Ferramenta para interação com o banco de dados Oracle 10g - Workshop de Administração I Objetivos do Curso Este curso foi projetado para oferecer ao participante uma base sólida sobre tarefas administrativas fundamentais. Neste curso, você aprenderá

Leia mais

TREINAMENTO. Apresentação. Objetivos. Dados Principais. Tecnologia Abordada Oracle Databese 11g

TREINAMENTO. Apresentação. Objetivos. Dados Principais. Tecnologia Abordada Oracle Databese 11g Apresentação Dados Principais Combinando quinze dias em 60 horas de conteúdo, o treinamento para os DBAs Oracle gerenciam os sistemas de informação mais avançados do setor e têm alguns dos maiores salários

Leia mais

Sumário. Capítulo 2 Conceitos Importantes... 32 Tópicos Relevantes... 32 Instance... 33 Base de Dados... 36 Conclusão... 37

Sumário. Capítulo 2 Conceitos Importantes... 32 Tópicos Relevantes... 32 Instance... 33 Base de Dados... 36 Conclusão... 37 7 Sumário Agradecimentos... 6 Sobre o Autor... 6 Prefácio... 13 Capítulo 1 Instalação e Configuração... 15 Instalação em Linux... 15 Instalação e Customização do Red Hat Advanced Server 2.1... 16 Preparativos

Leia mais

ESTRUTURA DE SERVER 2008. Lílian Simão Oliveira

ESTRUTURA DE SERVER 2008. Lílian Simão Oliveira ESTRUTURA DE ARMAZENAMENTO SQL SERVER 2008 Lílian Simão Oliveira O Banco de Dados SQL Server mapeia um banco em um conjunto de arquivos do sistema operacional As informações de log e de dados nunca ficam

Leia mais

Informação é o seu bem mais precioso e você não pode correr riscos de perder dados importantes. Por isso, oferecemos um serviço de qualidade e

Informação é o seu bem mais precioso e você não pode correr riscos de perder dados importantes. Por isso, oferecemos um serviço de qualidade e Informação é o seu bem mais precioso e você não pode correr riscos de perder dados importantes. Por isso, oferecemos um serviço de qualidade e confiança que vai garantir maior eficiência e segurança para

Leia mais

Oracle 10g ASM. Implementando o Automatic Storage Management

Oracle 10g ASM. Implementando o Automatic Storage Management Oracle 10g ASM Implementando o Automatic Storage Management Automatic Storage Management de clusters a máquinas multiprocessadas distribui o I/O entre os recursos elimina o balanceamento manual de I/O

Leia mais

Real Application Cluster (RAC)

Real Application Cluster (RAC) Real Application Cluster (RAC) Anderson Haertel Rodrigues OCE RAC 10g anderson.rodrigues@advancedit.com.br AdvancedIT S/A RAC? Oracle RAC é um banco de dados em cluster. Como assim? São vários servidores

Leia mais

Pedro F. Carvalho Analista de Sistemas contato@pedrofcarvalho.com.br www.pedrofcarvlho.com.br AULA 16 RECOVERY

Pedro F. Carvalho Analista de Sistemas contato@pedrofcarvalho.com.br www.pedrofcarvlho.com.br AULA 16 RECOVERY AULA 16 RECOVERY O RMAN (Recovery Manager) é a ferramenta Oracle, parte integrante do banco de dados, que permite a execução de backups do banco de dados Oracle e, principalmente, a recuperação de dados

Leia mais

Manual de Instalação e Configuração

Manual de Instalação e Configuração e Configuração MyABCM 4.0 Versão 4.00-1.00 2 Copyright MyABCM. Todos os direitos reservados Reprodução Proibida Índice Introdução... 5 Arquitetura, requisitos e cenários de uso do MyABCM... 7 Instalação

Leia mais

Tornando acessível a tecnologia e os melhores serviços

Tornando acessível a tecnologia e os melhores serviços Tornando acessível a tecnologia e os melhores serviços A ALEJANDRO Informática No mercado de TI desde 30 de Outubro de 1997. Conta com mais de 30 colaboradores; Especializada em implantação de Banco de

Leia mais

MANUAL BACKUP XDENTAL 2012

MANUAL BACKUP XDENTAL 2012 MANUAL BACKUP XDENTAL 2012 Sumário CONFIGURANDO BACKUP... 2 ESCOLHENDO O TAMANHO DO ARQUIVO DE BACKUP... 4 CONFIGURANDO HORÁRIO DE INÍCIO DO BACKUP... 5 CONFIGURANDO BACKUP AO INICIAR O SISTEMA XDENTAL...

Leia mais

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Criação de backups importantes... 3 3. Reinstalação do Sisloc... 4 Passo a passo... 4 4. Instalação da base de dados Sisloc...

Leia mais

ESUS SAMU V. 1.3 - INSTRUÇÕES PARA INSTALAÇÃO

ESUS SAMU V. 1.3 - INSTRUÇÕES PARA INSTALAÇÃO ESUS SAMU V. 1.3 - INSTRUÇÕES PARA INSTALAÇÃO O sistema Esus-SAMU, é o sistema que permite a regulação de solicitantes/pacientes, gravando históricos de procedimentos médicos tomados, veículos enviados

Leia mais

CRIANDO BANCOS DE DADOS NO SQL SERVER 2008 R2 COM O SQL SERVER MANAGEMENT STUDIO

CRIANDO BANCOS DE DADOS NO SQL SERVER 2008 R2 COM O SQL SERVER MANAGEMENT STUDIO CRIANDO BANCOS DE DADOS NO SQL SERVER 2008 R2 COM O SQL SERVER MANAGEMENT STUDIO Antes de criarmos um novo Banco de Dados quero fazer um pequeno parênteses sobre segurança. Você deve ter notado que sempre

Leia mais

Tópicos Avançados em Banco de Dados Espaços de Tabelas, Arquivos de Dados e Arquivos de Controle. Prof. Hugo Souza

Tópicos Avançados em Banco de Dados Espaços de Tabelas, Arquivos de Dados e Arquivos de Controle. Prof. Hugo Souza Tópicos Avançados em Banco de Dados Espaços de Tabelas, Arquivos de Dados e Arquivos de Controle Prof. Hugo Souza Após abordarmos os componentes lógicos, em uma síntese de dependências gradativas, vamos

Leia mais

Noções de. Microsoft SQL Server. Microsoft SQL Server

Noções de. Microsoft SQL Server. Microsoft SQL Server Noções de 1 Considerações Iniciais Basicamente existem dois tipos de usuários do SQL Server: Implementadores Administradores 2 1 Implementadores Utilizam o SQL Server para criar e alterar base de dados

Leia mais

WINDOWS SERVER 2003 BACKUP I

WINDOWS SERVER 2003 BACKUP I WINDOWS SERVER 2003 BACKUP I Windows Server 2003 Mídias de backup Destino do Backup Existem duas limitações importantes no Utilitário Backup. A primeira é que ele não suporta os formatos de gravação de

Leia mais

Pedro F. Carvalho Analista de Sistemas contato@pedrofcarvalho.com.br www.pedrofcarvlho.com.br. CAPITULO 14 e 15 BACKUPS NO ORACLE

Pedro F. Carvalho Analista de Sistemas contato@pedrofcarvalho.com.br www.pedrofcarvlho.com.br. CAPITULO 14 e 15 BACKUPS NO ORACLE CAPITULO 14 e 15 BACKUPS NO ORACLE Um assunto muito pouco abordado entre os profissionais Oracle, e que sempre causa estresse e problemas quando necessário, é a eficiência da estratégia de backup & recover

Leia mais

Procedimentos para Instalação do Sisloc

Procedimentos para Instalação do Sisloc Procedimentos para Instalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Instalação do Sisloc... 3 Passo a passo... 3 3. Instalação da base de dados Sisloc... 16 Passo a passo... 16 4. Instalação

Leia mais

Procedimentos para Instalação do SISLOC

Procedimentos para Instalação do SISLOC Procedimentos para Instalação do SISLOC Sumário 1. Informações Gerais...3 2. Instalação do SISLOC...3 Passo a passo...3 3. Instalação da Base de Dados SISLOC... 11 Passo a passo... 11 4. Instalação de

Leia mais

BC 1518 - Sistemas Operacionais Sistema de Arquivos (aula 10 Parte 2) Prof. Marcelo Z. do Nascimento

BC 1518 - Sistemas Operacionais Sistema de Arquivos (aula 10 Parte 2) Prof. Marcelo Z. do Nascimento BC 1518 - Sistemas Operacionais Sistema de Arquivos (aula 10 Parte 2) Prof. Marcelo Z. do Nascimento 1 Gerência de espaço em disco Cópia de segurança do sistema de arquivo Roteiro Confiabilidade Desempenho

Leia mais

Oracle Manual. 2002 KM&M Engenharia de Sistemas

Oracle Manual. 2002 KM&M Engenharia de Sistemas Oracle Manual 2002 KM&M Engenharia de Sistemas Oracle Manual Para a instalação do Oracle 9i Database by KMM Engenharia de Sistemas É pensando nos clientes que a KMM Engenharia de Sistemas disponibiliza

Leia mais

Restauração do Exchange Server.

Restauração do Exchange Server. Restauração do Exchange Server. Considerações Iniciais Como visto anteriormente, não há maiores dificuldades na configuração de backups de um banco Exchange. Reservam-se à restauração as operações mais

Leia mais

Nome do curso. Administração de Banco de Dados DBA ORACLE. Objetivos. Objetivos Gerais. Objetivos Específicos. Público Alvo

Nome do curso. Administração de Banco de Dados DBA ORACLE. Objetivos. Objetivos Gerais. Objetivos Específicos. Público Alvo Nome do curso Administração de Banco de Dados DBA ORACLE Objetivos Objetivos Gerais Aperfeiçoar o profissional da área de Banco de Dados e TI (Tecnologia da Informação), demonstrando conceitos de modelagem

Leia mais

MANUAL TÉCNICO ISPBACKUP

MANUAL TÉCNICO ISPBACKUP MANUAL TÉCNICO ISPBACKUP 1 LISTA DE FIGURAS Figura 01: Exemplo de Backup...07 Figura 02: Produto...09 2 SUMÁRIO 1 APRESENTAÇÃO...04 1.1 Objetivo do manual...04 1.2 Importância do Manual...04 1.3 Backup...04

Leia mais

SQL Introdução ao Oracle

SQL Introdução ao Oracle SQL Introdução ao Oracle Estagiários: Daniel Feitosa e Jaqueline J. Brito Sumário Modelo de armazenamento de dados Modelo físico Modelo lógico Utilizando o SQL Developer Consulta de Sintaxe Sumário Modelo

Leia mais

UFES Universidade Federal do Espírito Santo Centro de Ciências Agrárias Departamento de Engenharia Rural Disciplina de Banco de Dados.

UFES Universidade Federal do Espírito Santo Centro de Ciências Agrárias Departamento de Engenharia Rural Disciplina de Banco de Dados. Ativando o MySQL Tutorial MySQL Passo1: Verificar onde (path, caminho) o MySQL está instalado. Figura 1. Diretório de instalação do MySQL Nome do Arquivo MySqld Mysqld-debug Mysqld-nt Mysqld-max Mysqld-max-nt

Leia mais

Universidade Federal de Mato Grosso-UFMT Sistemas de Informação Laboratório de Banco de Dados Prof. Clóvis Júnior. Áreas de Trabalho (Tablespace)

Universidade Federal de Mato Grosso-UFMT Sistemas de Informação Laboratório de Banco de Dados Prof. Clóvis Júnior. Áreas de Trabalho (Tablespace) Universidade Federal de Mato Grosso-UFMT Sistemas de Informação Laboratório de Banco de Dados Prof. Clóvis Júnior Áreas de Trabalho (Tablespace) Estruturado Bancode Dados Estruturas de Memória Instância

Leia mais

Backups no Oracle. Comparação de três módulos para backup online de bancos de dados Oracle. Máquina de clonar

Backups no Oracle. Comparação de três módulos para backup online de bancos de dados Oracle. Máquina de clonar Comparação de três módulos para backup online de bancos de dados Oracle Máquina de clonar Soluções centralizadas para cópias de segurança poupam tempo, dinheiro e espaço. Bancos de dados também podem ser

Leia mais

Curso PostgreSQL - Treinamento PostgreSQL - Fundamental

Curso PostgreSQL - Treinamento PostgreSQL - Fundamental Curso PostgreSQL - Treinamento PostgreSQL - Fundamental Sobre PostgreSQL PostgreSQL é um sistema gerenciador de banco de dados objeto relacional (SGBDOR), desenvolvido como projeto de código aberto.hoje,

Leia mais

Manual de Instalação e Configuração

Manual de Instalação e Configuração e Configuração MyABCM 4.2 Versão 4.20-1.00 2 Copyright MyABCM. Todos os direitos reservados Reprodução Proibida Índice Introdução... 5 Arquitetura, requisitos e cenários de uso do MyABCM... 7 Instalação

Leia mais

Tutoriais de apoio para a migração do e-mail @pmmc.com.br para @se-pmmc.com.br Atualização: 30/04/2014

Tutoriais de apoio para a migração do e-mail @pmmc.com.br para @se-pmmc.com.br Atualização: 30/04/2014 Tutoriais de apoio para a migração do e-mail @pmmc.com.br para @se-pmmc.com.br Atualização: 30/04/2014 Sumário Introdução... 3 1. Redirecionando e-mails novos... 4 2. Fazendo backup e encaminhando e-mails

Leia mais

Treinamento. DBA Oracle 11g. Duração: 120 horas

Treinamento. DBA Oracle 11g. Duração: 120 horas Treinamento DBA Oracle 11g Duração: 120 horas Neste curso no primeiro módulo (Introdução ao Oracle 11g SQL e PL_SQL) é oferecido um curso introdutório à tecnologia do banco de dados Oracle 11g. Também

Leia mais

Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas

Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas O conteúdo deste documento tem como objetivos geral introduzir conceitos mínimos sobre sistemas operacionais e máquinas virtuais para posteriormente utilizar

Leia mais

Servidores SQL - SQL SERVER 7.0 e Oracle

Servidores SQL - SQL SERVER 7.0 e Oracle Servidores SQL - SQL SERVER 7.0 e Oracle SQL SERVER O SQL Server é um sistema de gerenciamento de banco de dados cliente/servidor de alto desempenho com alta integração com o Windows NT. Suas características

Leia mais

Instalador/Atualizador PIMS Multicultura Manual de Referência. Versão 12.1.4

Instalador/Atualizador PIMS Multicultura Manual de Referência. Versão 12.1.4 Instalador/Atualizador PIMS Multicultura Manual de Referência Versão 12.1.4 Sumário 1. Descrição... 3 2. Pré-requisitos... 4 3. Etapas da instalação/atualização... 8 1. Iniciando a aplicação de instalação/atualização...

Leia mais

Manual de Instalação e Configuração do SQL Express

Manual de Instalação e Configuração do SQL Express Manual de Instalação e Configuração do SQL Express Data alteração: 19/07/11 Pré Requisitos: Acesse o seguinte endereço e faça o download gratuito do SQL SRVER EXPRESS, conforme a sua plataforma x32 ou

Leia mais

Pastas São indicadas pelo ícone correspondente a uma pasta suspensa.

Pastas São indicadas pelo ícone correspondente a uma pasta suspensa. Janela do Windows Explorer Logo abaixo dos componentes que já conhecemos (barra de título, barra de menus e barra de ferramentas), existe uma divisão vertical, é a exibição de todas as pastas. Modos de

Leia mais

TUTORIAL DE INSTALAÇÃO Windows Server 2003 32 Bits. Rua Maestro Cardim, 354 - cj. 121 CEP 01323-001 - São Paulo - SP (11) 3266-2096

TUTORIAL DE INSTALAÇÃO Windows Server 2003 32 Bits. Rua Maestro Cardim, 354 - cj. 121 CEP 01323-001 - São Paulo - SP (11) 3266-2096 TUTORIAL DE INSTALAÇÃO Windows Server 2003 32 Bits Índice Geral Antes de Começar 2 Instalação do MS-IIS 6 4 Instalação do MS-IIS 6 Resources Kit 6 Instalação do PHP 7 Instalação do ZEND Optimizer 8 Instalação

Leia mais

BI: Um estudo de Oracle MÉLODY BALLOUARD (MAMB)

BI: Um estudo de Oracle MÉLODY BALLOUARD (MAMB) BI: Um estudo de Oracle MÉLODY BALLOUARD (MAMB) Roteiro Introdução Motivação Objetivos Historico Conceitos Arquitetura Estado da arte Exemplos Referências Introdução Quantidade infinita de dados Ferramentas

Leia mais

Introdução à Computação: Sistemas Operacionais II

Introdução à Computação: Sistemas Operacionais II Introdução à Computação: Sistemas Operacionais II Ricardo de Sousa Bri.o rbri.o@ufpi.edu.br DIE- UFPI Objetivos Descrever os métodos de alocação de recursos ublizados pelos sistemas operacionais. Descrever

Leia mais

SISTEMA DE ARQUIVOS. Instrutor: Mawro Klinger

SISTEMA DE ARQUIVOS. Instrutor: Mawro Klinger SISTEMA DE ARQUIVOS Instrutor: Mawro Klinger Estrutura dos Discos As informações digitais, quer sejam programas ou dados do usuário, são gravadas em unidades de armazenamento. O HD é uma unidade de armazenamento

Leia mais

Instalando e configurando o IIS no Windows Server 2012 Depois do Windows server 2012 instalado, devemos adicionar IP estático a ele, vamos abrir o

Instalando e configurando o IIS no Windows Server 2012 Depois do Windows server 2012 instalado, devemos adicionar IP estático a ele, vamos abrir o Instalando e configurando o IIS no Windows Server 2012 Depois do Windows server 2012 instalado, devemos adicionar IP estático a ele, vamos abrir o Server Manager (Gestor de Servidor) no ícone ao lado do

Leia mais

As principais estruturas são a SGA (System Global Area ou Área Global do Sistema) e a PGA (Program Global Area ou Área Global de Programa).

As principais estruturas são a SGA (System Global Area ou Área Global do Sistema) e a PGA (Program Global Area ou Área Global de Programa). ARQUITETURA ORACLE O conhecimento da arquitetura interna do ORACLE é de extrema importância para a compreensão das técnicas de otimização do produto. Basicamente, os seus mecanismos de execução são as

Leia mais

BACKUP E ALTA DISPONIBILIDADE

BACKUP E ALTA DISPONIBILIDADE BACKUP E ALTA DISPONIBILIDADE Dayse Soares Santos Clailson S. D. de Almeida RESUMO O artigo relata sobre a importância do backup da base de dados de um sistema, a escolha do tipo de armazenamento a ser

Leia mais

P R E F Á C I O A UNIÃO FAZ A FORÇA

P R E F Á C I O A UNIÃO FAZ A FORÇA P R E F Á C I O G de grid. Fazer mais com menos. Essa é a grande promessa por trás da Grid Computing, a nova arquitetura de aplicativos desenvolvida pela Oracle. Lançada oficialmente no Brasil em 20 de

Leia mais

IMPORTANDO ARQUIVOS SHAPEFILE PARA O POSTGIS VIA PROMPT DO DOS

IMPORTANDO ARQUIVOS SHAPEFILE PARA O POSTGIS VIA PROMPT DO DOS IMPORTANDO ARQUIVOS SHAPEFILE PARA O POSTGIS VIA PROMPT DO DOS INTRODUÇÃO Neste tutorial iremos tratar de uma situação comum durante os trabalhos de geoprocessamento que envolvam banco de dados geográficos,

Leia mais

Tutorial de Instalação do Software das Carteiras Informatizadas Oppitz

Tutorial de Instalação do Software das Carteiras Informatizadas Oppitz P á g i n a 1 Estado de Santa Catarina Secretaria de Estado da Educação Diretoria de Organização, Controle e Avaliação Gerência de Recursos Humanos Tecnologia Administrativa Rua Antônio Luz, 111 Centro

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA ATUALIZAÇÃO DE VERSÃO DO APLICATIVO

PROCEDIMENTOS PARA ATUALIZAÇÃO DE VERSÃO DO APLICATIVO PROCEDIMENTOS PARA ATUALIZAÇÃO DE VERSÃO DO APLICATIVO MASTERSAFDW VERSÃO 5-25/04/12 PÁGINA 1 Índice Informações Importantes... 3 Atualizando o aplicativo... 4 Procedimentos para atualização da base de

Leia mais

Conversão de ambientes

Conversão de ambientes Conversão de ambientes Single File System RAC ASM Backup + Restore + Conversão + Recovery ORIGEM DESTINO : BANCO DE DADOS ORACLE SINGLE EM FILESYSTEM NATIVO : BANCO DE DADOS ORACLE ORACLE RAC EM ASM Na

Leia mais

Backup do Banco de Dados Oracle

Backup do Banco de Dados Oracle Banco de Dados Oracle: Backup do Banco de Dados Oracle Oracle é um sistema de banco de dados que surgiu no final dos anos 70, quando Larry Ellison vislumbrou uma oportunidade que outras companhias não

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS COTAS DE DISCO. Professor Carlos Muniz

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS COTAS DE DISCO. Professor Carlos Muniz ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS Trabalhando com cotas Usando o Gerenciador de Recursos de Servidor de Arquivos para criar uma cota em um volume ou uma pasta, você pode limitar o espaço em disco

Leia mais

Marcando os pontos. O ExtSQL fornece estatísticas de uso detalhadas dos sistemas de banco de dados MySQL e PostgreSQL.

Marcando os pontos. O ExtSQL fornece estatísticas de uso detalhadas dos sistemas de banco de dados MySQL e PostgreSQL. Controle de estatísticas do SQL com o ExtSQL ANÁLISE Marcando os pontos O ExtSQL fornece estatísticas de uso detalhadas dos sistemas de banco de dados MySQL e PostgreSQL. por John Murtari O MySQL e o PostgreSQL

Leia mais

CA Nimsoft Monitor Snap

CA Nimsoft Monitor Snap CA Nimsoft Monitor Snap Guia de Configuração do Monitoramento de bancos de dados Oracle oracle série 4.5 Avisos legais Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se somente para fins informativos

Leia mais

Cada banco de dados Oracle possui uma lista de usuários válidos, identificados por USERNAMES.

Cada banco de dados Oracle possui uma lista de usuários válidos, identificados por USERNAMES. SEGURANÇA DE USUÁRIOS Cada banco de dados Oracle possui uma lista de usuários válidos, identificados por USERNAMES. Todos os usuários são cadastrados no Dicionário de Dados do Banco em tabelas e views

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE GERENCIAMENTO

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE GERENCIAMENTO Universidade Federal de Pernambuco Graduação em Ciência da Computação Centro de Informática ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE GERENCIAMENTO DE BANCO DE DADOS: UM ESTUDO NO ORACLE 10G TRABALHO DE GRADUAÇÃO Aluno:

Leia mais

MULTIACERVO - VERSÃO 18.* MANUAL PARA CONVERSÃO DA VERSÃO 17.* PARA 18.*

MULTIACERVO - VERSÃO 18.* MANUAL PARA CONVERSÃO DA VERSÃO 17.* PARA 18.* MULTIACERVO - VERSÃO 18.* MANUAL PARA CONVERSÃO DA VERSÃO 17.* PARA 18.* CONTEÚDO: A) Procedimentos comuns para todas as arquiteturas B) Procedimentos exclusivos arquitetura com sgbd MS-SQL-SERVER C) Procedimentos

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO ORACLE

ADMINISTRAÇÃO ORACLE BANCO DE DADOS ADMINISTRAÇÃO ORACLE Prof. Marcos Alexandruk SUMÁRIO INTRODUÇÃO 03 ORACLE 9i SERVER: OVERVIEW 05 ARQUITETURA FÍSICA 08 ARQUITETURA LÓGICA 16 SEGMENTOS 25 TRANSAÇÕES 27 SEGMENTOS DE ROLLBACK

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS FUNDAMENTOS DE Visão geral sobre o Active Directory Um diretório é uma estrutura hierárquica que armazena informações sobre objetos na rede. Um serviço de diretório,

Leia mais

Instalando e Configurando o Oracle XE

Instalando e Configurando o Oracle XE Instalando e Configurando o Oracle XE Execute o instalador do Oracle XE (OracleXEUniv.exe) e aguarde enquanto os arquivos de instalação são descompactados; A seguir, clique em Next para iniciar o procedimento;

Leia mais

Tutorial: Instalando Linux Educacional em uma maquina virtual

Tutorial: Instalando Linux Educacional em uma maquina virtual Maria Augusta Sakis Tutorial: Instalando Linux Educacional em uma Máquina Virtual Máquinas virtuais são muito úteis no dia-a-dia, permitindo ao usuário rodar outros sistemas operacionais dentro de uma

Leia mais

Symantec Backup Exec 2010. Guia de Instalação Rápida

Symantec Backup Exec 2010. Guia de Instalação Rápida Symantec Backup Exec 2010 Guia de Instalação Rápida 20047221 Instalação do Backup Exec Este documento contém os seguintes tópicos: Requisitos do sistema Antes da instalação Sobre a conta de serviço do

Leia mais

Máquinas Virtuais com o VirtualBox

Máquinas Virtuais com o VirtualBox Máquinas Virtuais com o VirtualBox Marcos Elias Picão www.explorando.com.br No exemplo: Windows XP dentro do Windows 7 Você pode compartilhar livremente sem interesses comerciais, desde que não modifique.

Leia mais

MULTIACERVO - VERSÃO 19.* MANUAL PARA CONVERSÃO DA VERSÃO 18.* PARA 19.*

MULTIACERVO - VERSÃO 19.* MANUAL PARA CONVERSÃO DA VERSÃO 18.* PARA 19.* MULTIACERVO - VERSÃO 19.* MANUAL PARA CONVERSÃO DA VERSÃO 18.* PARA 19.* CONTEÚDO: A) Procedimentos comuns para todas as arquiteturas B) Procedimentos exclusivos arquitetura com sgbd SqlServer C) Procedimentos

Leia mais

CA ARCserve Backup. Visão geral

CA ARCserve Backup. Visão geral INFORME DE PRODUTO: CA ARCSERVE BACKUP R12.5 CA ARCserve Backup CA ARCSERVE BACKUP, O PRODUTO DE ALTA PERFORMANCE, LÍDER DA INDÚSTRIA DE PROTEÇÃO DE DADOS, COMBINA TECNOLOGIA INOVADORA DE ELIMINAÇÃO DE

Leia mais

Sumário Agradecimentos... 19 Sobre.o.autor... 20 Prefácio... 21 Capítulo.1..Bem-vindo.ao.MySQL... 22

Sumário Agradecimentos... 19 Sobre.o.autor... 20 Prefácio... 21 Capítulo.1..Bem-vindo.ao.MySQL... 22 Sumário Agradecimentos... 19 Sobre o autor... 20 Prefácio... 21 Capítulo 1 Bem-vindo ao MySQL... 22 1.1 O que é o MySQL?...22 1.1.1 História do MySQL...23 1.1.2 Licença de uso...23 1.2 Utilizações recomendadas...24

Leia mais

Tutorial de instalação e configuração do utilitário de gerenciamento de chaves pública/privada, para criptografia de arquivos

Tutorial de instalação e configuração do utilitário de gerenciamento de chaves pública/privada, para criptografia de arquivos Tutorial de instalação e configuração do utilitário de gerenciamento de chaves pública/privada, para criptografia de arquivos Este tutorial visa explicar os procedimentos para a instalação do programa

Leia mais

BACKUP ONLINE LINHA OFFICE

BACKUP ONLINE LINHA OFFICE BACKUP ONLINE LINHA OFFICE Índice 1. INFORMAÇÕES INICIAIS... 03 2. REQUISITOS PARA FUNCIONAMENTO... 03 2.1. CONFIGURAÇÕES DE REDE... 03 2.2 INSTALAÇÃO DOTNET... 03 3. ROTINA DE CONFIGURAÇÃO DO BACKUP ONLINE...

Leia mais

O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de recomendação).

O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de recomendação). Módulo Nota Fiscal Eletrônica Sispetro Roteiro de Instalação Módulo Autenticador NFE Pré-Requisitos O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VMWARE WORKSTATION

GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VMWARE WORKSTATION GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VMWARE WORKSTATION GUIA DE INSTALAÇÃO NETDEEP SECURE COM VMWARE WORKSTATION 1- Visão Geral Neste manual você aprenderá a instalar e fazer a configuração inicial do

Leia mais

Fazer backup de arquivos em um arquivo ou fita

Fazer backup de arquivos em um arquivo ou fita Fazer backup de arquivos em um arquivo ou fita Usando a interface do Windows 1.Abra o Backup. O Assistente de backup ou restauração é iniciado por padrão, a menos que ele esteja desativado. Você pode usar

Leia mais

MASTERSAF DW PROCEDIMENTOS PARA APLICAÇÃO DE PATCH

MASTERSAF DW PROCEDIMENTOS PARA APLICAÇÃO DE PATCH PROCEDIMENTOS PARA APLICAÇÃO DE PATCH 1. Para saber até qual patch semanal está aplicado na base, executar select abaixo: select * from saf_controle_patch where dsc_patch like 'V2%' order by dsc_patch;

Leia mais

PROTEÇÃO DE MÁQUINA VIRTUAL VMWARE DELL POWERVAULT DL 2000 BASEADO EM TECNOLOGIA SYMANTEC

PROTEÇÃO DE MÁQUINA VIRTUAL VMWARE DELL POWERVAULT DL 2000 BASEADO EM TECNOLOGIA SYMANTEC PROTEÇÃO DE MÁQUINA VIRTUAL VMWARE DELL POWERVAULT DL 2000 BASEADO EM TECNOLOGIA SYMANTEC O PowerVault DL2000 baseado na tecnologia da Symantec Backup Exec oferece a única solução de backup em disco totalmente

Leia mais

GUIA DE BOAS PRÁTICAS

GUIA DE BOAS PRÁTICAS GUIA DE BOAS PRÁTICAS Sumário Requisitos para um bom funcionamento...3 Menu Configurações...7 Como otimizar o uso da sua cota...10 Monitorando o backup...8 Manutenção de arquivos...12 www.upbackup.com.br

Leia mais

Manual - Gemelo Backup Online WEB

Manual - Gemelo Backup Online WEB Manual - Gemelo Backup Online WEB É um disco virtual que permite acessar seus dados de qualquer lugar através da Internet. Acesso A Gemelo Storage Solutions e enviará um e-mail confirmando que você é usuário

Leia mais

Guia de instalação e configuração do Alteryx Server

Guia de instalação e configuração do Alteryx Server Guia de referência Guia de instalação e configuração do Alteryx Server v 1.5, novembro de 2015 Sumário Guia de instalação e configuração do Alteryx Server Sumário Capítulo 1 Visão geral do sistema... 5

Leia mais

TRANSAÇÃO. Reconstrução ( recovery ) BANCO DE DADOS 2. Tipos de falhas (1) Tipos de falhas (2) Princípios

TRANSAÇÃO. Reconstrução ( recovery ) BANCO DE DADOS 2. Tipos de falhas (1) Tipos de falhas (2) Princípios BANCO DE DADOS TRANSAÇÃO Reconstrução ( recovery ) Idéia básica Em algum momento no tempo, todo sistema computacional apresentará uma falha. Prof. Edson Thizon O SGBD deve incorporar mecanismos de proteção

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA REALIZAR UPGRADE DE VERSÃO

PROCEDIMENTOS PARA REALIZAR UPGRADE DE VERSÃO PROCEDIMENTOS PARA REALIZAR UPGRADE DE VERSÃO Todos os direitos reservados. PC Sistemas V.2.0 - Data: 17/08/2012 Página 1 de 27 A PC Sistemas norteia neste documento que a atualização das rotinas deve

Leia mais

Recuperando arquivos. e Acessando arquivos protegidos.

Recuperando arquivos. e Acessando arquivos protegidos. Recuperando arquivos. e Acessando arquivos protegidos. Pergunta de piez do fórum adrenaline.com.br Eu tô com um problema aqui, acho que deve ter alguém aqui que saiba resolver, então vou explicar o que

Leia mais

Resumo. Prof. Alejandro - Introdução à Sistemas Operacionais Resumo Informativo, complemente o material assistindo as Aulas 19/08/2015 1

Resumo. Prof. Alejandro - Introdução à Sistemas Operacionais Resumo Informativo, complemente o material assistindo as Aulas 19/08/2015 1 Resumo 19/08/2015 1 1. Tipos de Software 2. Introdução aos Sistemas Operacionais 3. Os Arquivos 4. Funções do Sistema Operacional 5. Programas Utilitários do Sistema Operacional 6. Termos Básicos 7. Tipos

Leia mais

Arquitetura do Oracle Database 11g no Windows. Um artigo técnico da Oracle Julho de 2007

Arquitetura do Oracle Database 11g no Windows. Um artigo técnico da Oracle Julho de 2007 Arquitetura do Oracle Database 11g no Windows Um artigo técnico da Oracle Julho de 2007 Arquitetura do Oracle Database 11g no Windows Sumário Executivo... 3 Introdução... 3 Arquitetura do Oracle Database

Leia mais

Sistemas de arquivos FAT e FAT32

Sistemas de arquivos FAT e FAT32 Introdução Sistemas de arquivos FAT e FAT32 Muitos usuários de Windows já ouviram falar em partições FAT ou FAT32 sem saber ao certo o que isso significa. Essas são siglas de sistemas de arquivos para

Leia mais

Estudo Comparativo do Oracle Automatic Storage Management em Relação ao Desempenho

Estudo Comparativo do Oracle Automatic Storage Management em Relação ao Desempenho Estudo Comparativo do Oracle Automatic Storage Management em Relação ao Desempenho Valderes S. Sobrinho 1, Alexandre Galvani 1 1 Curso de Tecnologia em Banco de Dados - Faculdade de Tecnologia de Bauru

Leia mais

MANUAL BACKUP CTE. Ao clicar no mencionado botão, aguarde o fim do progresso (que aparece na parte inferior esquerda da tela) conforme figura abaixo:

MANUAL BACKUP CTE. Ao clicar no mencionado botão, aguarde o fim do progresso (que aparece na parte inferior esquerda da tela) conforme figura abaixo: MANUAL BACKUP CTE Na tela inicial do sistema CTE, clique no (penúltimo) botão, Cópia de Segurança. Esta tela também pode ser acessada durante a utilização do sistema através do menu ARQUIVO/GERENCIAR PROJETO

Leia mais

Database Cloud Service Database Backup para Oracle Cloud

Database Cloud Service Database Backup para Oracle Cloud Database Cloud Service Database Backup para Oracle Cloud Copyright 2014 Oracle Corporation. All Rights Reserved. Oracle Database Backup Service é uma solução segura, escalável e sob demanda para backup

Leia mais

Quando se seleciona os modos OS ou XML, arquivos são criados com os registros de auditoria, eles se localizam parâmetro audit_file_dest.

Quando se seleciona os modos OS ou XML, arquivos são criados com os registros de auditoria, eles se localizam parâmetro audit_file_dest. Auditoria é a habilidade do banco de dados Oracle poder gerar logs de auditoria (XML, tabelas, arquivos de SO, ) em atividades suspeitas do usuário, como por exemplo: monitorar o que um determinado usuário

Leia mais

Curso de Instalação e Gestão de Redes Informáticas

Curso de Instalação e Gestão de Redes Informáticas ESCOLA PROFISSIONAL VASCONCELLOS LEBRE Curso de Instalação e Gestão de Redes Informáticas SISTEMAS DE ARQUIVOS FAT E FAT32 José Vitor Nogueira Santos FT2-0749 Mealhada, 2009 Introdução Muitos usuários

Leia mais