QUESTÃO 01 - DIAGRAMA DE SEQUENCIA (CONCEITOS)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "QUESTÃO 01 - DIAGRAMA DE SEQUENCIA (CONCEITOS)"

Transcrição

1 Campus Cachoeiro de Itapemirim Disciplina: Análise e Projeto de Sistemas Curso Técnico em Informática Professor: Rafael Vargas Mesquita Bimestre 02 - Avaliação 03 - Assunto: Diagrama de Sequência Aluno: GABARITO Nota: 12,5 QUESTÃO 01 - DIAGRAMA DE SEQUENCIA (CONCEITOS) 1. Considere as seguintes afirmações sobre Diagramas de Sequência: I. Representam o comportamento de vários objetos II. Tem por objetivo estabelecer objetos que interagem e seus relacionamentos dentro de um contexto III. Representam a interação enfatizando o tempo de sequência c) As alternativas I e II estão corretas d) As alternativas I e III estão corretas e) As alternativas II e III estão corretas 2. Associe os termos aos seus respectivos conceitos: I. Objetos II. Linhas de Vida III. Mensagens ( ) Dimensão vertical do diagrama ( ) Tipos de ações ( ) Apresentados na dimensão horizontal do diagrama a) A sequência correta é: II, I, III b) A sequência correta é: II, III, I c) A sequência correta é: I, II, III d) A sequência correta é: I, III, II e) A sequência correta é: III, II, I 3. Marque verdadeiro ou falso para seguinte afirmação sobre Modelagem de Interações: (_V_) Por meio do Diagrama de Sequência podemos identificar novas classes e atributos dentro do contexto de informações do domínio do problema. 4. Marque verdadeiro ou falso para seguinte afirmação sobre Modelagem de Interações: (_V_) O Diagrama de Sequência servirá como base para a implementação de um caso de uso por parte do programador. Os métodos identificados no diagrama deverão ser codificados posteriormente.

2 QUESTÃO 02 - DIAGRAMA DE SEQUENCIA (DS - TEORIA) 1. Considere a Figura do diagrama de sequência Comprar Passagem. Sobre a mensagem responda: I. Tem finalidade de selecionar os clientes cadastrados pelo funcionário ator do caso de uso II. Tem finalidade de preenchimento de objeto na memória RAM III. Pertence à classe Controladora c) As alternativas I e II estão corretas d) As alternativas I e III estão corretas e) As alternativas II e III estão corretas 2. Considere a Figura do diagrama de sequência Comprar Passagem. Sobre a mensagem 1.2 responda: I. Tem finalidade de selecionar todos os países com cidades cadastradas II. Tem finalidade de execução do script SQL para manipulação dos dados do banco III. Tem finalidade de representar a interação do usuário com interface gráfica c) As alternativas II e III estão corretas d) As alternativas I e II estão corretas e) As alternativas I e III estão corretas 3. Considere a Figura do diagrama de sequência Comprar Passagem. Sobre a mensagem 3.1 responda: I. Trata-se de um método que retorna todas as cidades de um determinado país II. Tem finalidade de gerenciamento de conexão com o banco de dados III. É um método da interface gráfica a) As alternativas I e III estão corretas b) As alternativas I e II estão corretas 4. Considere a Figura do diagrama de sequência Comprar Passagem. Sobre a mensagem 8.1 responda: I. Tem finalidade de verificação de regra de negócio II. Seta no banco de dados o cliente para o qual a passagem será comprada III. Trata-se de um método que inseri valor a um atributo, originado por associação, da classe Passagem a) As alternativas I e II estão corretas b) As alternativas II e III estão corretas 5. Considere a Figura do diagrama de sequência Comprar Passagem. Sobre a mensagem responda: I. Tem finalidade de retornar boolean caso o Cliente seja alterado com sucesso II. É executado após a inserção da passagem, uma vez que o débito do cliente só aumenta caso a passagem seja inserida com sucesso III. Altera o Cliente para que o mesmo não possa realizar outra compra de passagem na mesma data a) As alternativas I e III estão corretas b) As alternativas I e II estão corretas

3

4 QUESTÃO 03 - DIAGRAMA DE SEQUENCIA (DS - PRÁTICA) Você foi contratado para participar da elaboração de um sistema para controle da biblioteca. Especificamente para esta avaliação vamos nos concentrar no caso de uso Reservar Exemplar. Neste contexto um aluno pode reservar um exemplar desde que o mesmo esteja com o status 0. O status 1 indica que o exemplar está emprestado. O status 2 indica que o exemplar já foi reservado por outro aluno. Além disso, é importante saber que, como regra de negócio, um aluno somente pode ter, no máximo, duas reservas com status 1, ou seja, ativas. As reservas canceladas ou que já originaram empréstimos tem seus status alterados para 0, ou seja, inativas. 1. Utilize os esquemas abaixo e elabore um simples Diagrama de Sequência para Registrar Reserva. Esta questão leva em consideração o Diagrama de Classes, o Frame, e a Descrição do Caso de Uso abaixo: Diagrama de Classes Frame Descrição do Caso de Uso Registrar Reserva de Exemplar Ator: Bibliotecário Pré-Condição: Bibliotecário devidamente logado no sistema. Fluxo Principal: 1. O ator escolhe a opção Registrar Reserva de Exemplar 2. O sistema lista todos os Alunos 3. O sistema lista todos os Livros 4. O ator seleciona o Aluno 5. O ator seleciona o Livro 6. O sistema lista todos os Exemplares disponíveis para reserva do Livro escolhido 7. O ator seleciona o Exemplar 8. O ator confirma o registro da Reserva 9. O sistema verifica o horário de realização da Reserva 10. O sistema verifica a quantidade de Reservas ativas do Aluno escolhido 11. O sistema insere a Reserva 12. O sistema atualiza o status do Exemplar Regras de Negócio Obs.1: As Reservas somente podem ser registradas entre o horário de 07:00 às 20:00; Obs.2: Cada Aluno pode ter, no máximo, 2 Reservas ativas com status 1 ; Obs.3: Cada Reserva de Exemplar implica na atualização do status do Exemplar;

5

Figura 1 Diagrama de Casos de Uso do Sistema de Venda

Figura 1 Diagrama de Casos de Uso do Sistema de Venda Campus Cachoeiro de Itapemirim Curso Técnico em Informática Disciplina: Análise e Projeto de Sistemas Professor: Rafael Vargas Mesquita EXERCÍCIO 01 SOBRE DIAGRAMA DE SEQUENCIA Exercício 1: construa um

Leia mais

Sistema Gerenciador de Hotel. Adriano Douglas Girardello. Ana Paula Fredrich. Tiago Alexandre Schulz Sippert

Sistema Gerenciador de Hotel. Adriano Douglas Girardello. Ana Paula Fredrich. Tiago Alexandre Schulz Sippert UNIOESTE Universidade Estadual do Oeste do Paraná CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLÓGICAS Colegiado de Informática Curso de Bacharelado em Informática Sistema Gerenciador de Hotel Adriano Douglas Girardello

Leia mais

IF-718 Análise e Projeto de Sistemas

IF-718 Análise e Projeto de Sistemas Centro de Informática - Universidade Federal de Pernambuco Especificação de Requisitos do Software Sistema de Gerenciamento de Restaurantes IF-718 Análise e Projeto de Sistemas Equipe: Jacinto Filipe -

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES DE CASOS DE USO

ESPECIFICAÇÕES DE CASOS DE USO ESPECIFICAÇÕES DE CASOS DE USO CASO DE USO: INCLUIR CLIENTE Sumário: este caso de uso se inicia quando o usuário precisa incluir um cliente no sistema. Atores: Atendente Pré-condições: Documentação do

Leia mais

Curso de Licenciatura em Informática

Curso de Licenciatura em Informática Curso de Licenciatura em Informática Disciplina: Análise e Projeto de Sistemas Professor: Rafael Vargas Mesquita EXERCÍCIOS SOBRE MODELAGEM DE CASOS DE USO Exercício 1: construa um Diagrama de Casos de

Leia mais

UML Aula I Diagramas de Sequência e Colaboração. Ricardo Argenton Ramos

UML Aula I Diagramas de Sequência e Colaboração. Ricardo Argenton Ramos UML Aula I Diagramas de Sequência e Colaboração Ricardo Argenton Ramos Engenharia de Software II 2016.1 09/05/2016 Diagramas de Sequência Um diagrama de seqüência ilustra uma interação segundo uma visão

Leia mais

Documento de Análise e Projeto VideoSystem

Documento de Análise e Projeto VideoSystem Documento de Análise e Projeto VideoSystem Versão Data Versão Descrição Autor 20/10/2009 1.0 21/10/2009 1.0 05/11/2009 1.1 Definição inicial do documento de análise e projeto Revisão do documento

Leia mais

Diagrama de Caso de Uso. Biblioteca

Diagrama de Caso de Uso. Biblioteca Diagrama de Caso de Uso Biblioteca Caso de Uso -Reservar Livro Objetivo: Este caso de uso possibilita a um usuário da biblioteca fazer a reserva de um livro. Esta reserva é efetuada diretamente pelo Usuário

Leia mais

O Processo Unificado: Captura de requisitos

O Processo Unificado: Captura de requisitos O Processo Unificado: Captura de requisitos Itana Gimenes Graduação em Informática 2008 Captura de Requisitos Modelagem do negócio: Visão de negócios Modelo de objetos de negócio de negócio Especificação

Leia mais

Especificação de Caso de Uso

Especificação de Caso de Uso Versão: 1.1 Especificação de Caso de Uso UCCITES015 Versão: 1.1 Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor 27/08/2008 0.1 Criação do documento. Ana Ornelas 02/09/2008 0.2 Atualização de alguns termos

Leia mais

CONTRA CONTROLE DE ACESSOS E MODULARIZADOR DE SISTEMAS

CONTRA CONTROLE DE ACESSOS E MODULARIZADOR DE SISTEMAS MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE MODERNIZAÇÃO E INFORMÁTICA CONTRA CONTROLE DE ACESSOS E MODULARIZADOR DE SISTEMAS MANUAL

Leia mais

Especificação de Requisitos

Especificação de Requisitos Projeto/Versão: Versão 11.80 Melhoria Requisito/Módulo: 000552 / Conector Sub-Requisito/Função: Multas Tarefa/Chamado: 01.08.01 País: Brasil Data Especificação: 13/05/13 Rotinas Envolvidas Rotina Tipo

Leia mais

Documento de Requisitos Projeto SisVendas Sistema de Controle de Vendas para Loja de Informática.

Documento de Requisitos Projeto SisVendas Sistema de Controle de Vendas para Loja de Informática. Documento de Requisitos Projeto SisVendas Sistema de Controle de Vendas para Loja de Informática. 1 Introdução 1.1 Propósito O propósito deste documento de especificação de requisitos é definir os requisitos

Leia mais

Operação local em caso de falha na rede

Operação local em caso de falha na rede Agosto/2012 Operação local em caso de falha na rede Caros usuários, Este mês trataremos de um recurso bastante útil e de extrema importância para o uso contínuo do DataLyzer Spectrum. Sem dúvida é um diferencial

Leia mais

BI Citsmart Fornece orientações necessárias para instalação, configuração e utilização do BI Citsmart.

BI Citsmart Fornece orientações necessárias para instalação, configuração e utilização do BI Citsmart. 16/08/2013 BI Citsmart Fornece orientações necessárias para instalação, configuração e utilização do BI Citsmart. Versão 1.0 19/12/2014 Visão Resumida Data Criação 19/12/2014 Versão Documento 1.0 Projeto

Leia mais

ViajarFácil Sistema de Reserva de Viagens

ViajarFácil Sistema de Reserva de Viagens ViajarFácil Sistema de Reserva de Viagens Modelagem Estática UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas Especialização Engenharia de Software - INF318/2011 Equipe Aline Gomes André Rodrigues Fonseca Diego

Leia mais

DIAGRAMA DE CASO DE USO

DIAGRAMA DE CASO DE USO DIAGRAMA DE CASO DE USO Descrição do Caso de Uso R1. O sistema permite o atendente cadastrar cliente. R2. O sistema permite o atendente atualizar dados do cliente. R3. O sistema permite o atendente listar

Leia mais

Quinta Lista de Exercícios -

Quinta Lista de Exercícios - INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO COORDENADORIA DE INFORMÁTICA LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO Quinta Lista de Exercícios - INSTRUÇÕES: 1) Nesta lista de exercícios, vamos nos preocupar em implementar o comportamento

Leia mais

UML. Diagrama de Seqüência

UML. Diagrama de Seqüência UML Diagrama de Seqüência Introdução Diagramas de Seqüência apresentam a interação entre um grupo de objetos (ou classes) de um sistema, através de mensagens ou controles, em um determinado Cenário. Servem

Leia mais

DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 MANTER FUNCIONÁRIO RELEASE 4.1

DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 MANTER FUNCIONÁRIO RELEASE 4.1 DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 MANTER FUNCIONÁRIO RELEASE 4.1 SUMÁRIO DEFINIÇÃO DE REQUISITOS 4 1. INTRODUÇÃO 4 1.1 FINALIDADE 4 1.2 ESCOPO 4 1.3 DEFINIÇÕES, ACRÔNIMOS

Leia mais

Pergamum - Sistema Integrado de Bibliotecas Consulta ao Acervo e Meu Pergamum. Rio do Sul, maio de 2014

Pergamum - Sistema Integrado de Bibliotecas Consulta ao Acervo e Meu Pergamum. Rio do Sul, maio de 2014 Pergamum - Sistema Integrado de Bibliotecas Consulta ao Acervo e Meu Pergamum Rio do Sul, maio de 2014 Consulta ao Acervo www.ifc-riodosul.edu.br Clique no item Consulta ao Acervo. Pesquisa Geral Na pesquisa

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica

Pontifícia Universidade Católica Pontifícia Universidade Católica Curso de Professor Rodrigues Neto Trabalho de Modelagem 2003.3 Turma A (Centro) Gerenciamento das Atividades da Pet Shop Boys Grupo: Evaldo Porto evaldoporto@ig.com.br

Leia mais

Modelagem do Processo de Negócio

Modelagem do Processo de Negócio Análise e Projeto 1 Modelagem do Processo de Negócio Modelos de processos de negócios descrevem as diferentes atividades que, quando combinados, oferecem suporte a um processo de negócio. Processos de

Leia mais

Universidade Federal Rural de Pernambuco. Bacharelado em Sistemas de Informação. Disciplina: Análise e Projeto de Sistemas de Informação

Universidade Federal Rural de Pernambuco. Bacharelado em Sistemas de Informação. Disciplina: Análise e Projeto de Sistemas de Informação Universidade Federal Rural de Pernambuco Bacharelado em Sistemas de Informação Disciplina: Análise e Projeto de Sistemas de Informação Docente: Rodrigo Aluna: Thays Melo de Moraes Diagramas do Projeto

Leia mais

Especificação de Caso de Uso

Especificação de Caso de Uso Versão: 1.1 Especificação de Caso de Uso UCCITES04 Versão: 1.1 Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor 03/09/2008 0.1 Criação do documento. Ana Ornelas 09/09/2008 0.2 Atualização gerais no documento.

Leia mais

DMS Documento de Modelagem de Sistema. Versão: 1.4

DMS Documento de Modelagem de Sistema. Versão: 1.4 DMS Documento de Modelagem de Sistema Versão: 1.4 VERANEIO Gibson Macedo Denis Carvalho Matheus Pedro Ingrid Cavalcanti Rafael Ribeiro Tabela de Revisões Versão Principais Autores da Versão Data de Término

Leia mais

MANUAL - TORPEDO DE VOZ

MANUAL - TORPEDO DE VOZ Índice 1. Acesso e Configurações de Conta...1 1.1 Configurações de Sistema...2 2. Criando uma Campanha... 3 2.1 Configurações...4 2.2 Agendamento...4 2.3 Envio Imediato...4 2.4 Envio com Agendamento...5

Leia mais

INFORMATIVO - CURRÍCULO WEB

INFORMATIVO - CURRÍCULO WEB INFORMATIVO - CURRÍCULO WEB As pessoas que pretendam trabalhar no SENAC/PE deverão cadastrar o currículo no Banco de Talentos da Instituição, de acordo com os cinco passos abaixo: 1º Acessar o site www.pe.senac.br/trabalheconosco

Leia mais

UML Aula I Diagramas de Caso de Uso, Sequência e Colaboração

UML Aula I Diagramas de Caso de Uso, Sequência e Colaboração UML Aula I Diagramas de Caso de Uso, Sequência e Colaboração Ricardo Argenton Ramos Engenharia de Software II 2013.1 Um Exercício Como você pode representar? Uma casa de 2 andares, 4 quartos, 2 banheiros,

Leia mais

Especificação de Requisitos

Especificação de Requisitos Projeto Locadora de Vídeo Passatempo Especificação de Requisitos 1. Introdução Este documento contém a especificação de requisitos e a modelagem de análise para o projeto de informatização da vídeo-locadora

Leia mais

Notas de Aula 05: Aplicação de um caso de uso

Notas de Aula 05: Aplicação de um caso de uso Notas de Aula 05: Aplicação de um caso de uso Objetivos da aula: Aprender a aplicar a técnica de casos de uso em um pequeno problema real Identificar as variáveis relevantes a serem consideradas Modelar

Leia mais

Ajuda On-line - Sistema de Portaria. Versão 4.8.J

Ajuda On-line - Sistema de Portaria. Versão 4.8.J Versão 4.8.J Sumário PORT - Módulo de Apoio Portaria 3 1 Manual... de Processos - Portaria 4 Fluxo - Portaria... 5 2 Configurações... 6 Unidades... de Internação 6 Setores Administrativos... 9 Configuração...

Leia mais

CRIANDO O SEU CURRÍCULO LATTES

CRIANDO O SEU CURRÍCULO LATTES CRIANDO O SEU CURRÍCULO LATTES Aprenda a cadastrar e construir seu currículo Lattes Abra o navegador de internet Mozilla Firefox. Para isso, clique no Menu Iniciar/Programas/Mozilla Firefox e clique no

Leia mais

PROJETO DA DISCIPLINA. PES II Processo de Engenharia de Software II

PROJETO DA DISCIPLINA. PES II Processo de Engenharia de Software II UNIOESTE - Universidade Estadual do Oeste do Paraná CCET - Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas Colegiado de Informática Curso de Bacharelado em Informática PROJETO DA DISCIPLINA PES II Processo de

Leia mais

Programação de Computadores - I. Profª Beatriz Profº Israel

Programação de Computadores - I. Profª Beatriz Profº Israel Programação de Computadores - I Profª Beatriz Profº Israel Ambiente de Desenvolvimento Orientação a Objetos É uma técnica de desenvolvimento de softwares que consiste em representar os elementos do mundo

Leia mais

Manual da Ferramenta Administrativa ( ADMIN )

Manual da Ferramenta Administrativa ( ADMIN ) Manual da Ferramenta Administrativa ( ADMIN ) As explicações abaixo tem por objetivo orientar e facilitar a utilização da ferramenta de gerenciamento de conteúdo do site. ADMIN E-MAILS Permite definir

Leia mais

A Unimed Muriaé esta atualizando a o sistema autorizador (HILUM )

A Unimed Muriaé esta atualizando a o sistema autorizador (HILUM ) A Unimed Muriaé esta atualizando a o sistema autorizador (HILUM ) Houve mudanças em várias áreas do sistema, mas para simplificar ao usuário final estarei ativando só os campos que são obrigatórios para

Leia mais

Engenharia de Software Unidade XI UML Parte 2

Engenharia de Software Unidade XI UML Parte 2 Engenharia de Software Unidade XI UML Parte 2 Prof. Francisco Gerson A. de Meneses Diagramas de Interação... O diagrama de interação na verdade é um termo genérico aplicado à junção de dois outros diagramas:

Leia mais

Conteúdo. 1. Introdução. 2. Levantamento de Requisitos. 3. Análise Orientada a Objetos. 4. Projeto Orientado a Objetos 5. UML. 6.

Conteúdo. 1. Introdução. 2. Levantamento de Requisitos. 3. Análise Orientada a Objetos. 4. Projeto Orientado a Objetos 5. UML. 6. Conteúdo 1. Introdução 2. Levantamento de Requisitos 3. Análise Orientada a Objetos 4. Projeto Orientado a Objetos 5. UML 6. Métodos Ágeis Análise Orientada a Objetos Exercícios Exercício 1 Defina o diagrama

Leia mais

Especificação de Caso de Uso

Especificação de Caso de Uso Versão: 1.1 Especificação de Caso de Uso UCCITES017 Versão: 1.1 Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor 29/10/2008 0.1 Criação do documento. Ana Ornelas 29/10/2008 1.0 Revisão e versionamento

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ. CURSO: Ciência da Computação DATA: / / 2013 PERÍODO: 4 o.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ. CURSO: Ciência da Computação DATA: / / 2013 PERÍODO: 4 o. CURSO: Ciência da Computação DATA: / / 2013 PERÍODO: 4 o. PROFESSOR: Andrey DISCIPLINA: Técnicas Alternativas de Programação AULA: 08 APRESENTAÇÃO Na aula de hoje vamos apresentar e discutir como definir

Leia mais

Ricardo Roberto de Lima UNIPÊ 2008.1 APS-I. Históricos e Modelagem Orientada a Objetos

Ricardo Roberto de Lima UNIPÊ 2008.1 APS-I. Históricos e Modelagem Orientada a Objetos Históricos e Modelagem Orientada a Objetos Histórico Diversas metodologias e métodos surgiram para apoiar OO. Evolução a partir de linguagens C++ e SmallTalk. Anos 80 Anos 80-90: diversidade de autores.

Leia mais

Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná Curso de Bacharelado em Informática Estudo de Requisitos CASCAVEL 2009

Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná Curso de Bacharelado em Informática Estudo de Requisitos CASCAVEL 2009 Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLÓGICAS Colegiado de Informática Curso de Bacharelado em Informática Estudo de Requisitos Alunos: Professor: Disciplina:

Leia mais

Modelo de interações no processo de desenvolvimento

Modelo de interações no processo de desenvolvimento Modelo de interações no processo de desenvolvimento Modelo de interações no processo de desenvolvimento Em um processo incremental e iterativo, os modelos evoluem em conjunto. Embora estes modelos representem

Leia mais

MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB

MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB CNS LEARNING MANUAL DO GERENCIADOR ESCOLAR WEB Versão Online 13 Índice ÍNDICE... 1 VISÃO GERAL... 2 CONCEITO E APRESENTAÇÃO VISUAL... 2 PRINCIPAIS MÓDULOS... 3 ESTRUTURAÇÃO... 3 CURSOS... 4 TURMAS... 4

Leia mais

Introdução Diagramas de Casos de Uso Diagramas de Classes Estoque Fácil

Introdução Diagramas de Casos de Uso Diagramas de Classes Estoque Fácil UFCG Introdução Diagramas de Casos de Uso Diagramas de Classes Estoque Fácil Arthur Silva Freire Caio César Meira Paes Carlos Artur Nascimento Vieira Matheus de Araújo Maciel Tiago Brasileiro Araújo Engenharia

Leia mais

Carlos Rafael Guerber. Modelagem UML de um Sistema para Estimativa Elétrica de uma Lavanderia

Carlos Rafael Guerber. Modelagem UML de um Sistema para Estimativa Elétrica de uma Lavanderia Carlos Rafael Guerber Modelagem UML de um Sistema para Estimativa Elétrica de uma Lavanderia MAFRA 2009 Modelagem UML de um Sistema para Estimativa Elétrica de uma Lavanderia RESUMO Criar uma modelagem

Leia mais

PORTAL NOSSO CORRETOR. Sistema de Solicitação de Cotações Web - SSC

PORTAL NOSSO CORRETOR. Sistema de Solicitação de Cotações Web - SSC PORTAL NOSSO CORRETOR Sistema de Solicitação de Cotações Web - SSC Sistema de Solicitação de Cotações 1 Como acessar o novo sistema 2 Como solicitar uma cotação 3 Consulta de cotações Sistema de Solicitação

Leia mais

CONFIGURAÇÃO DE WORKFLOW

CONFIGURAÇÃO DE WORKFLOW Manual de Procedimentos - SISPREV WEB CONFIGURAÇÃO DE WORKFLOW Revisado em: 25/05/2010 1/15 O treinamento com o Manual de Procedimentos É com muita satisfação que a Agenda Assessoria prepara este manual

Leia mais

Sistema Xibobó de Gestão de Eventos Caso de Uso: Processar Venda e Acompanhamento de Entrega de Ingressos

Sistema Xibobó de Gestão de Eventos Caso de Uso: Processar Venda e Acompanhamento de Entrega de Ingressos Sistema Xibobó de Gestão de Eventos Caso de Uso: Processar Venda e Acompanhamento de 1 Breve Descrição Processar vendas através de Promotores de Eventos ou Internet, controlando o processo de emissão e

Leia mais

QUESTÃO 2: A respeito do diagrama de caso de uso apresentado, assinale a alternativa correta.

QUESTÃO 2: A respeito do diagrama de caso de uso apresentado, assinale a alternativa correta. CURSO DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS TURMA 2008/1 4º PERÍODO 7º MÓDULO AVALIAÇÃO A4 DATA 22/10/2009 ENGENHARIA DE SOFTWARE 2009/2 GABARITO COMENTADO QUESTÃO 1: Podemos definir UML

Leia mais

1 ACESSO AO PORTAL UNIVERSITÁRIO 3 3 PLANO DE ENSINO 6 4 AULAS 7 5 AVALIAÇÃO E EXERCÍCIO 9 6 ENQUETES 12 7 QUADRO DE AVISOS 14

1 ACESSO AO PORTAL UNIVERSITÁRIO 3 3 PLANO DE ENSINO 6 4 AULAS 7 5 AVALIAÇÃO E EXERCÍCIO 9 6 ENQUETES 12 7 QUADRO DE AVISOS 14 portal@up.com.br Apresentação Este manual contém informações básicas, e tem como objetivo mostrar a você, aluno, como utilizar as ferramentas do Portal Universitário e, portanto, não trata de todos os

Leia mais

APLICATIVO WEB PARA O SETOR DE EXTENSÃO IFC VIDEIRA

APLICATIVO WEB PARA O SETOR DE EXTENSÃO IFC VIDEIRA APLICATIVO WEB PARA O SETOR DE EXTENSÃO IFC VIDEIRA Autores: Claudiléia Gaio BANDT; Tiago HEINECK; Patrick KOCHAN; Leila Lisiane ROSSI; Angela Maria Crotti da ROSA Identificação autores: Aluna do Curso

Leia mais

MANUAL ESCOLA FLEX. Revisado em 09/07/2008. Sistema Flex www.sistemaflex.com

MANUAL ESCOLA FLEX. Revisado em 09/07/2008. Sistema Flex www.sistemaflex.com MANUAL ESCOLA FLEX Revisado em 09/07/2008 Sistema Flex www.sistemaflex.com Índice Manual Escola Flex Índice... 2 Tela de Abertura (Splash Screen)... 3 Login... 4 Seleção de Empresas... 5 Tela Principal...

Leia mais

Banco de Dados I 2007. DB-Main: Apresentação da Ferramenta. Clodis Boscarioli

Banco de Dados I 2007. DB-Main: Apresentação da Ferramenta. Clodis Boscarioli Banco de Dados I 2007 DB-Main: Apresentação da Ferramenta Clodis Boscarioli Agenda: Diagrama de Casos de Uso; Diagrama de Atividades; Diagrama Entidade Relacionamento; Diagrama Relacional; Diagrama de

Leia mais

www.lojatotalseg.com.br

www.lojatotalseg.com.br Manual do Aplicativo de Configurações J INTRODUÇÃO Este manual visa explicar a utilização do software embarcado do equipamento Prisma. De fácil utilização e com suporte a navegadores de internet de todos

Leia mais

Mensagens De Erro. Versão: 1.0

Mensagens De Erro. Versão: 1.0 Mensagens De Erro Versão: 1.0 Tabela de Mensagens - EAGarçom MENSAGENS Possíveis Causas Possíveis Soluções Não foi possível atualizar. Dispositivo não conectado." - Erro no banco de dados do servidor;

Leia mais

Millennium ECO 2.0 (beta)

Millennium ECO 2.0 (beta) MILLENNIUM NETWORK Millennium ECO 2.0 (beta) Documentação Técnica (draft) 10/2013 Este documento contém as instruções para a utilização da biblioteca Millenium_Eco que se presta à comunicação de aplicativos

Leia mais

Manual do sistema SMARsa Web

Manual do sistema SMARsa Web Manual do sistema SMARsa Web Módulo Gestão de atividades RS/OS Requisição de serviço/ordem de serviço 1 Sumário INTRODUÇÃO...3 OBJETIVO...3 Bem-vindo ao sistema SMARsa WEB: Módulo gestão de atividades...4

Leia mais

Manual Operacional do Sistema de Concessão de Diárias e Passagens - SCDP Solicitante (ABRIL 2009)

Manual Operacional do Sistema de Concessão de Diárias e Passagens - SCDP Solicitante (ABRIL 2009) Manual Operacional do Sistema de Concessão de Diárias e Passagens - SCDP Solicitante (ABRIL 2009) Índice 1. Incluir uma Proposta de Concessão de Diárias e Passagens PCDP...3 1.1.Viagem Nacional...6 1.2.

Leia mais

Engenharia de Requisitos Estudo de Caso

Engenharia de Requisitos Estudo de Caso Engenharia de Requisitos Estudo de Caso Auxiliadora Freire Fonte: Engenharia de Software 8º Edição / Ian Sommerville 2007 Slide 1 Engenharia de Requisitos Exemplo 1 Reserva de Hotel 1. INTRODUÇÃO Este

Leia mais

ESTÁGIO DE DOCÊNCIA II

ESTÁGIO DE DOCÊNCIA II FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ Centro de Tecnologia - CTC Departamento de Informática - DIN Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação PCC ESTÁGIO DE DOCÊNCIA II Disciplina: Engenharia

Leia mais

Documentação do Sistema de Reserva de Salas da Intranet do ICMC-USP

Documentação do Sistema de Reserva de Salas da Intranet do ICMC-USP UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação Departamento de Ciências da Computação e Estatística Documentação do Sistema de Reserva de Salas da Intranet do ICMC-USP André

Leia mais

4 Desenvolvimento da ferramenta

4 Desenvolvimento da ferramenta direcionados por comportamento 38 4 Desenvolvimento da ferramenta Visando facilitar a tarefa de documentar requisitos funcionais e de gerar testes automáticos em uma única ferramenta para proporcionar

Leia mais

InfoMix Tecnologia. Soluções em Tecnologia da Informação. InfoMix Tecnologia Soluções em Tecnologia da Informação

InfoMix Tecnologia. Soluções em Tecnologia da Informação. InfoMix Tecnologia Soluções em Tecnologia da Informação SYSFARM Sistema de Gerenciamento de Farmácias Documento Caso de uso Manter Fluxo de Caixa. Versão 1.0. Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor 20/10/2009 1.0 Especificação de Caso de Uso Manter

Leia mais

Introdução. Servidor de Tempo (SNTP) com opção de horário de verão automático; 1 Cadastro do novo modelo de equipamento Urano Topmax SS

Introdução. Servidor de Tempo (SNTP) com opção de horário de verão automático; 1 Cadastro do novo modelo de equipamento Urano Topmax SS Urano Indústria de Balanças e Equipamentos Eletrônicos Ltda. Rua Irmão Pedro 709 Vila Rosa Canoas RS Fone: (51) 3462.8700 Fax: (51) 3477.4441 Guia de Novas Funcionalidades Urano Integra 2.3 Data: 15/04/2015

Leia mais

SISTEMA PARA CONTROLE DE RESERVA DE EQUIPAMENTOS MULTIMEIOS E AMBIENTES DE APRENDIZAGEM

SISTEMA PARA CONTROLE DE RESERVA DE EQUIPAMENTOS MULTIMEIOS E AMBIENTES DE APRENDIZAGEM SISTEMA PARA CONTROLE DE RESERVA DE EQUIPAMENTOS MULTIMEIOS E AMBIENTES DE APRENDIZAGEM Marcelo Karpinski Brambila Acadêmico em Sistemas de Informação Universidade Luterana do Brasil Guaíba mkbrambila@connect-rs.com.br

Leia mais

A barra de menu a direita possibilita efetuar login/logout do sistema e também voltar para a página principal.

A barra de menu a direita possibilita efetuar login/logout do sistema e também voltar para a página principal. MANUAL DO SISCOOP Sumário 1 Menu de Navegação... 3 2 Gerenciar País... 5 3- Gerenciamento de Registro... 8 3.1 Adicionar um registro... 8 3.2 Editar um registro... 10 3.3 Excluir um registro... 11 3.4

Leia mais

Apresentando o novo modelo de atendimento Centro Marista de Serviços - CMS. Curitiba, Julho de 2014

Apresentando o novo modelo de atendimento Centro Marista de Serviços - CMS. Curitiba, Julho de 2014 Apresentando o novo modelo de atendimento Centro Marista de Serviços - CMS Curitiba, Julho de 2014 Vamos à prática: Como abrir um chamado? Entre na ferramenta com seu login e senha de rede (a mesma que

Leia mais

Engenharia de Software

Engenharia de Software Prof. M.Sc. Ronaldo C. de Oliveira ronaldooliveira@facom.ufu.br FACOM - 2011 UML Linguagem Unificada de Modelagem Análise Orientada a Objetos com UML Análise Orientada a Objetos com UML Diagrama de Caso

Leia mais

Ministério da Cultura

Ministério da Cultura Ministério da Cultura MANUAL DO PROPONENTE: ADMINISTRATIVO VERSÃO 1.0 HISTÓRICO DE REVISÃO Data Versão Descrição Autor 08/01/2013 1.0 Criação do documento. Aline Oliveira - MINC 3 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO...

Leia mais

Modelagem Estática. Modelagem Estática. INF318 - Análise Orientada a Objetos e Projeto Arquitetural

Modelagem Estática. Modelagem Estática. INF318 - Análise Orientada a Objetos e Projeto Arquitetural Modelagem Estática Grupo 3: Caio Gomes Geovane Godoi Leonardo Tamura Roberto Honda Rosana Fagundes Talita Malaquias Página 1 1. Índice 1. Índice... 2 2. Caso de Uso #04 Reservar pacote... 3 3. Caso de

Leia mais

Desenvolvimento de uma Etapa

Desenvolvimento de uma Etapa Desenvolvimento de uma Etapa A Fase Evolutiva do desenvolvimento de um sistema compreende uma sucessão de etapas de trabalho. Cada etapa configura-se na forma de um mini-ciclo que abrange as atividades

Leia mais

João Filho Borges Leite

João Filho Borges Leite João Filho Borges Leite DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA WEB DE GERENCIAMENTO PARA AS DISCIPLINAS DE MODELAGEM E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Palmas 2006 i João Filho Borges Leite DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Manual do usuário (v 1.2.0) E-commerce

Manual do usuário (v 1.2.0) E-commerce Manual do usuário (v 1.2.0) E-commerce Sumário Acessando o sistema gerencial... 1 Enviando logomarca, banners e destaques... 1 Logomarca... 1 Destaques... 2 Banners... 3 Cadastrando produtos... 4 Embalagem...

Leia mais

A Linguagem de Modelagem Unificada (UML)

A Linguagem de Modelagem Unificada (UML) Aécio Costa A Linguagem de Modelagem Unificada (UML) Percebeu-se a necessidade de um padrão para a modelagem de sistemas, que fosse aceito e utilizado amplamente. Surge a UML (Unified Modeling Language)

Leia mais

Unioeste Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Unioeste Universidade Estadual do Oeste do Paraná Unioeste Universidade Estadual do Oeste do Paraná CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLÓGICAS Colegiado de Informática Curso de Bacharelado em Informática Especificação de Requisitos e Modelagem Orientada

Leia mais

SC Tickets Sistema de Cadastro de Tickets de TI

SC Tickets Sistema de Cadastro de Tickets de TI Manual do Usuário Manual do Usuário SC Tickets Sistema de Cadastro de Tickets de TI Suporte e Help Desk - IMA Linhas gerais - Objetivos SC Tickets Sistema de Cadastro de Tickets de Suporte, desenvolvido

Leia mais

09/09/2013. Roteiro. Aula 2 Revisão 2:Diagrama de Sequência. Diagrama de Sequência. Diagrama de Sequência. Biblioteca. Atributos

09/09/2013. Roteiro. Aula 2 Revisão 2:Diagrama de Sequência. Diagrama de Sequência. Diagrama de Sequência. Biblioteca. Atributos Aula 2 Revisão 2:Diagrama de Sequência UML Roteiro Diagrama Sequência Mostra: a evolução de uma dada situação em determinado momento do software uma dada colaboração entre duas ou mais classes a interação

Leia mais

Coordenação Geral de Tecnologia da Informação - CGTI. SIGED - Sistema de Gestão Eletrônica de Documentos MANUAL DO USUÁRIO Módulo de Arquivos

Coordenação Geral de Tecnologia da Informação - CGTI. SIGED - Sistema de Gestão Eletrônica de Documentos MANUAL DO USUÁRIO Módulo de Arquivos SIGED - Sistema de Gestão Eletrônica de Documentos MANUAL DO USUÁRIO Módulo de Arquivos O objetivo deste Manual é permitir a reunião de informações dispostas de forma sistematizada, criteriosa e segmentada

Leia mais

Documento de Casos de Uso. MC436 Introdução à Engenharia de Software Profª Ariadne Maria Brito Rizzoni Carvalho

Documento de Casos de Uso. MC436 Introdução à Engenharia de Software Profª Ariadne Maria Brito Rizzoni Carvalho Documento de Casos de Uso MC436 Introdução à Engenharia de Software Profª Ariadne Maria Brito Rizzoni Carvalho 1. Índice 2. Introdução 3 3. Descrição dos atores 3 4. Diagrama de caso de uso 4 5. 5.1 5.2

Leia mais

SMS Corporativo Manual do Usuário

SMS Corporativo Manual do Usuário NEXTEL SMS Corporativo Manual do Usuário Conteúdo 2 CAPÍTU LO 1 Introdução 3 CAPÍTU LO 2 Funcionalidades 1 Copyright Curupira S/A TakeNET INTRODUÇÃO A FERRAMENTA O SMS Corporativo é um serviço criado para

Leia mais

GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR

GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR GUIA INTEGRA SERVICES E STATUS MONITOR 1 - Integra Services Atenção: o Integra Services está disponível a partir da versão 2.0 do software Urano Integra. O Integra Services é um aplicativo que faz parte

Leia mais

Sistema de Inteligência Patrimônial. Especificação dos Requisitos

Sistema de Inteligência Patrimônial. Especificação dos Requisitos Sistema de Inteligência Patrimônial Especificação dos Requisitos Especificação dos Requisitos Data Versão: 18 / 11 / 2015 Histórico das Revisões Data Versão Descrição Autor 23 / 11/ 2015 1.0 Versão Inicial

Leia mais

Análise e Projeto Orientados por Objetos

Análise e Projeto Orientados por Objetos Análise e Projeto Orientados por Objetos Aula 02 Análise e Projeto OO Edirlei Soares de Lima Análise A análise modela o problema e consiste das atividades necessárias para entender

Leia mais

Documento de Visão REPOSITÓRIO DE ARQUIVOS V1.0

Documento de Visão REPOSITÓRIO DE ARQUIVOS V1.0 Documento de Visão REPOSITÓRIO DE ARQUIVOS V1.0 Macaíba/2014 1 REPOSITÓRIO DE ARQUIVOS Histórico Data Versão Descrição Autor 11/06/2014 1.0 Fim do levantamento de requisitos e casos de uso Renan Farias

Leia mais

Universidade de Pernambuco Escola Politécnica de Pernambuco. Ciclo Profissional. Banco de Dados NF

Universidade de Pernambuco Escola Politécnica de Pernambuco. Ciclo Profissional. Banco de Dados NF Universidade de Pernambuco Escola Politécnica de Pernambuco Ciclo Profissional Banco de Dados NF Projeto de Banco de Dados Parking Manager Recife, maio de 2012. Projeto realizado pelos discentes André

Leia mais

APLICAÇÃO DA MODELAGEM UML NA FASE DE ANÁLISE DE UM PROJETO DE SOFTWARE PARA AGENDAMENTO DE USO DE VEÍCULOS INTERNOS DE UMA EMPRESA

APLICAÇÃO DA MODELAGEM UML NA FASE DE ANÁLISE DE UM PROJETO DE SOFTWARE PARA AGENDAMENTO DE USO DE VEÍCULOS INTERNOS DE UMA EMPRESA APLICAÇÃO DA MODELAGEM UML NA FASE DE ANÁLISE DE UM PROJETO DE SOFTWARE PARA AGENDAMENTO DE USO DE VEÍCULOS INTERNOS DE UMA EMPRESA ANDRE APARECIDO LEAL DE ALMEIDA Discente da AEMS Faculdades Integradas

Leia mais

Documento de Diagrama de Classes. MC436 Introdução à Engenharia de Software Profª Ariadne Maria Brito Rizzoni Carvalho

Documento de Diagrama de Classes. MC436 Introdução à Engenharia de Software Profª Ariadne Maria Brito Rizzoni Carvalho Documento de Diagrama de Classes MC436 Introdução à Engenharia de Software Profª Ariadne Maria Brito Rizzoni Carvalho 1. Índice 2. Introdução 3 3. Diagrama de casos de uso simplificado 3 4. Dicionário

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SIGRH - FREQUÊNCIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SIGRH - FREQUÊNCIA SIGRH - FREQUÊNCIA Boa Vista RR, 21 novembro de 2014. É o módulo do Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos (SIGRH) que tem por objetivo permitir o gerenciamento das informações relacionadas ao

Leia mais

INF 2125 PROJETO DE SISTEMAS DE SOFTWARE Prof. Carlos J. P. de Lucena

INF 2125 PROJETO DE SISTEMAS DE SOFTWARE Prof. Carlos J. P. de Lucena INF 2125 PROJETO DE SISTEMAS DE SOFTWARE Prof. Carlos J. P. de Lucena Trabalho Experimental Sistema de Gestão Hoteleira 1. Objetivo Este trabalho tem o objetivo de consolidar o conhecimento sobre UML e

Leia mais

Engenharia de Software I

Engenharia de Software I Engenharia de Software I Rogério Eduardo Garcia (rogerio@fct.unesp.br) Bacharelado em Ciência da Computação Aula 05 Material preparado por Fernanda Madeiral Delfim Tópicos Aula 5 Contextualização UML Astah

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. Conteúdo 1. Descrição geral 2 2. Resumo das funcionalidades 3 3. Efetuar cadastro no sistema 4 4. Acessar o sistema 6 5. Funcionalidades do menu 7 5.1 Dados cadastrais 7 5.2 Grupos de usuários 7 5.3 Funcionários

Leia mais

Engenharia de Software

Engenharia de Software Prof. M.Sc. Ronaldo C. de Oliveira ronaldooliveira@facom.ufu.br FACOM - 2011 Exemplo de Diagrama de Caso de Uso Sistema de Locadora de Filmes Sistema de Vídeo Locadora Você foi contratado para desenvolver

Leia mais

Universidade de Pernambuco Escola Politécnica de Pernambuco. Ciclo Profissional. Banco de Dados NF

Universidade de Pernambuco Escola Politécnica de Pernambuco. Ciclo Profissional. Banco de Dados NF Universidade de Pernambuco Escola Politécnica de Pernambuco Ciclo Profissional Banco de Dados NF Projeto de Banco de Dados Parking Manager Recife, maio de 2012. Projeto realizado pelos discentes André

Leia mais

Tutorial de utilização do Sistema de Ordem de Serviço SISORD. Para utilizar o sistema, acesse o endereço https://producao.cedaf.ufv.

Tutorial de utilização do Sistema de Ordem de Serviço SISORD. Para utilizar o sistema, acesse o endereço https://producao.cedaf.ufv. Tutorial de utilização do Sistema de Ordem de Serviço SISORD Para utilizar o sistema, acesse o endereço https://producao.cedaf.ufv.br/sisordcaf Automaticamente será mostra a tela de login dos sistemas

Leia mais

SISTEMA DE CONTROLE INTERNO DE FLUXO DE CAIXA DO SETOR DE APOIO FINANCEIRO (ULBRA GUAÍBA)

SISTEMA DE CONTROLE INTERNO DE FLUXO DE CAIXA DO SETOR DE APOIO FINANCEIRO (ULBRA GUAÍBA) SISTEMA DE CONTROLE INTERNO DE FLUXO DE CAIXA DO SETOR DE APOIO FINANCEIRO (ULBRA GUAÍBA) Alessandra Lubbe 1 Alexandre Evangelista 2 Jeandro Perceval 3 José Ramiro Pereira 4 Luiz Gustavo Mahlmann 5 RESUMO

Leia mais