Procedimentos de embalagem e transporte

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Procedimentos de embalagem e transporte"

Transcrição

1 1. Introdução Procedimentos de embalagem e transporte 1.1 O escopo deste documento é estabelecer normas mínimas para a proteção, embalagem e etiquetagem de móveis, utensílios e equipamentos enviados para a Rio Estas instruções são uma orientação geral que definem os requisitos mínimos. É da responsabilidade do fornecedor garantir que todos os itens fornecidos são embalados de forma a garantir a sua proteção durante o transporte e armazenamento, por um período não inferior a vinte e quatro (24) meses. 2. Documentação e autorização para embalar e enviar envio O FORNECEDOR não está autorizado a enviar nada para o Brasil EM NOME DO RIO 2016 sem a aprovação final dos documentos de transporte PELO RIO SEGUIR O FORMATO INDICADO NO ANEXO No caso de importação, os documentos de embarque (fatura e packing list) devem ser enviados para o Rio 2016 para serem aprovado antes do embarque. Serão solicitadas revisões (quando necessário), a fim de cumprir com regras aduaneiras brasileiras. 2.2 Somente envios com um número de ordem de compra (PO) e código de material (SKU - Stock Keeping Unit) atribuídos serão aceites. 3. Requisitos gerais 3.1 A embalagem deve garantir a proteção dos materiais por um período não inferior a vinte e quatro (24) meses. O Fornecedor deverá aconselhar sobre as precauções que devem ser tomadas para garantir a correta armazenagem, por exemplo, controle de umidade ou aquecimento, etc, quando o material estiver embalado e quando recebido / armazenado / em trânsito / Todos os bens devem ser embalados em conformidade com os termos do contrato, exceto se existir um acordo escrito, aceite pelo Rio 2016, que altere o primeiro. 3.3 O fornecedor deve seguir as diretrizes de sustentabilidade incluídas no "Guia de Embalagens" (anexo 1). Alguns princípios importantes a serem seguidos: Rio 2016 encoraja soluções inovadoras de embalagem ambiental Rio 2016 irá dar preferência a componentes reciclados e biodegradáveis Quando solicitado, os fornecedores deverão recolher o material de embalagem para tratamento e reciclagem e cobrir os custos correspondentes. Rio 2016 espera solicitar este 1

2 serviço apenas para os materiais de embalagem não conformes com as recomendações padrão para materiais de embalagem No caso de uso de polímero, é altamente recomendável o uso de "polímero verde" Poliestireno não deve ser utilizado nas embalagens, a menos que seja a única opção para estabilizar o material. A utilização de poliestireno deve ser previamente acordado pelo Rio O fornecedor deve seguir o guia de substâncias e materiais nocivos (anexo 5) 3.4 O fornecedor, antes de embalar os materiais, deve assegurar que todos os requisitos de proteção / preservação tenham sido satisfeitos. Se o fornecedor considerar necessários métodos alternativos ou adicionais de proteção, o fornecedor deve informar o Rio 2016 em conformidade. O fornecedor será obrigado a apresentar os procedimentos de limpeza, quando aplicável, no momento da entrega. 3.5 O centro de gravidade e pesos brutos devem ser marcadas em todos os principais materiais, por exemplo, rolos de borracha, barras, etc Para material em caixa / caixote, as marcas serão mostrados no lado de fora da caixa / caixa. 3.6 O Rio 2016 ou um representante seu pode rever o padrão de embalagem nas instalações do fornecedor e /ou base de consolidação. 3.7 Em caso algum os materiais de outros clientes poderão ser consolidados numa embalagem com materiais destinados ao Rio Ferramentas especiais serão sempre embaladas separadamente. 3.9 Deve ser dada devida consideração aos tamanhos finais dos materiais embalados, e sempre que possível, limitar os mesmos a um comprimento não superior a 11,50 m, e largura e altura não superior a 2,3 metros. Embalagens individuais devem ter um peso bruto inferior a 20 mil quilos Todos os equipamentos devem estar preparados para ser enviados num estado o mais completo possível. No caso de componentes vulneráveis e considerando risco de danos, estes devem ser removidos do equipamento principal e embalados separadamente. Neste caso os artigos devem ter marcações claras para a sua montagem Todas as embalagens e proteções interiores devem ser claramente identificadas para que possam ser removidas antes de instalações Todas as caixas devem ser grossas o suficiente para suportar o peso do produto - um mínimo de 3 dobras. 4. Manuseio 4.1 O fornecedor garante que Rio 2016 recebe todas as instruções de manuseio seguro para os itens fornecidos: Marcações nas embalagens - conforme a secção 5.7 abaixo Fichas técnicas de manipulação detalhadas para unidades de base gradeada, embarcações e pacotes complexos semelhantes. 2

3 4.2 Para todas as embalagens que não possam ser transportadas manualmente, devem ser fornecidos os equipamentos necessários para permitir manuseio com empilhadeiras, ou ganchos no caso de manuseio com guincho ou guindaste. 4.3 Cabos e faixas de fixação de cargas, destinados para uso durante o manuseio, devem ser concebidos especificamente para esse fim. 5. Marcações de expedição e etiquetagem 5.1 Sem marcações fabricante na embalagem. 5.2 Sem marcações fabricante ou rótulo do produto, exceto quando exigido por lei. 5.3 Não deve ser usado nenhum outro caratér para além dos existentes no alfabeto romano - por exemplo, caracteres chineses. 5.4 País de origem (por exemplo, - 'Made in China') não deve estar presente nos rótulos nem nas marcações existentes no material (apenas no rótulo logística deve estar presente a origem). 5.5 Todos os produtos devem ter uma etiqueta referente aos Jogos afixada se tal for aconselhado e fornecido pelo Rio O local de fixação da etiqueta deve ser escondido (por exemplo, sob o assento da cadeira ou na parte de trás de um armário). 5.6 Todos os produtos devem ter afixada uma etiqueta identificando o SKU relevante, se tal for solicitado. O tamanho e os detalhes do rótulo SKU serão informados na ordem de compra. 5.7 Marcações com instruções de manuseio, ou aviso para qualquer outro risco, como seja a indicação de "frágil" deve ser feita em Inglês e Português para toda a carga destinada ao Brasil. Tradução de termos comumente usados. Fragile Handle With Care - Frágil - Manipular com cuidado This Way Up - Este lado para cima Do Not Lift Here - Não suspenda por este lado Do Not Stack - Não empilhe Do Not Store in Direct Sunlight - Não armazene exposto ao sol Lifting Point - Suspender por este lado Centre of Gravity - Centro de Gravidade Use No Forks - Não use ferramentas Use Soft Slings Only - Use somente alças de material macio Do Not Drop - Não vire Use Special Lifting Equipment Only - Use somente equipamento especial para suspender Store at Controlled Temperature Range Deg C to Deg C Armazenar em Temperatura Controlada de Graus C a Graus C Avoid Water Ingress Store Under Cover - Evite acúmulo de água sob a cobertura Support Point - Ponto de Suporte No Welding to Skid Base - Não soldar na base do skid 5.8 Identificação de bens consolidados deve ser claramente indicado por marcas em relevo sobre as etiquetas de metal resistente à corrosão (pelo menos duas etiquetas por conjunto). 5.9 Para materiais consolidados, a documentação deve incluir informação sobre o material consolidado e os seus componentes. Exemplo: material ABC composto por material A, B e C (Bill Of Material) 5.10 As embalagens deverão estar numeradas, por exemplo, para um número total de 5 embalagens, 3

4 na primeira está a marca 1 de 5 ' e na segunda temos 2 de 5, etc. A entrega deve ser completa e incluir todas as parcelas. No caso de impossibilidade a embalagem parcial deve ser acompanhada de do sufixo P, se for uma entrega parcial, ou C, se conclui uma entrega Marcações de embalagem devem incluir, no mínimo: Código de material SKU Descrição do item Cor do item Quantidade por unidade/caixa/pallet Peso bruto da unidade/caixa Peso neto da unidade/caixa Quantidade de items por unidade Número parcial da unidade em relação ao total Ilustração do item caso seja necessário 5.12 A etiqueta logística identificando a unidade de manipulação (exemplo: palete/caixa) deve seguir as diretrizes GS1 (anexo 2). Alguns princípios: A etiqueta logística deve possuir um SSCC (código de série logístico) para identificação única da unidade logística Design da etiqueta 3 seções (ver anexo 3) (a) (b) (c) Transportador e Cliente Cliente e Fornecedor Inclusão de códigos de barras na etiqueta logística Dimensões (a) (b) A6 (105 mm x 148 mm) 12 x 18 cm, que é particularmente adequada apenas para SSCC A5 (148 mm x 210 mm) 15 x 20 cm, adequada para incluir toda a informação indicada no anexo Colocação da etiqueta logística na unidade de movimentação (a) A etiqueta deve ser colocada em 2 lados da embalagem ou palete, conforme detalhado no anexo O fornecedor deve garantir que os pontos de suporte e centro de gravidade estão claramente marcados em todos os equipamentos embalados. 4

5 6. Requisitos Específicos para exportação- Métodos de Embalagem Caixotes devem ser adequados para abertura e para voltar a ser lacrados sem dificuldade ou danos. Sempre que o material for transportado de forma completamente fechada, o vendedor será responsável por assegurar que a embalagem protege o material de danos por umidade, utilizando para tal os materiais necessários. A embalagem deve incluir materiais dessecantes, conforme apropriado. Peso da carga (KILOGRAMS) Requerimentos < 150 kg < 1000 kg <10,000 kg > kg Caixas reforçadas com embalagem interna adequada Caixa fechada feita de madeira (Douglas Fir ou igual) Caixa forrada com papel impermeável, sobrepostos e selada nas bordas Lados, topo e base de madeira N/A ½ (12 mm) ½ (12 mm) 1 (25mm) Pontas em madeira N/A 1 (25 mm) 1 (25 mm) 1 (25 mm) Suporte de madeira nas junções Bandas de madeira redondas nas junções (topo, base, lados) Fechado com cintas de aço não recozido presas com fivelas de aço Estrutura com ponto único para elevação ou providenciar serviço de elevação por empilhadeira N/A 1 x 2½ (25 x 63 mm) 1 x 2½ (25 x 63 mm) 1 x 2½ (25 x 63 mm) N/A N/A N/A 2½ X 1 N/A 2 X ¾ (20 mm) 2 x 1¼ (30 mm) (63 x 25 mm) 2 x 1¼ (30 mm) No caso de mercadorias com mais de 300 quilos ou 4m de comprimento, 2m de largura, 2m de altura: organizar parcelas de quilos, com o aumento da espessura da 5

6 madeira e do número e tamanho das cintas de aço ou de prestação de vergalhões de metal proporcionais com o peso do conteúdo. 6.1 Proteção de mercadoria frágil Embalagens contendo mercadorias frágeis por exemplo, bens elétricos ou de instrumentação, devem ser construídos a partir de madeira de linguetas e ranhuras, forrada com papel ou igual e dessecantes, conforme necessário Material deve ser embalado de modo a evitar o encolhimento da embalagem em relação "capacidade total" inicial. 6.2 Mercadorias Perigosas O fornecedor deve seguir o guia de substâncias e materiais nocivos (anexo 5) O fornecedor deverá garantir que a embalagem, rotulagem, classificação e descrição dos produtos está em conformidade com todos os regulamentos aplicáveis para o transporte de carga perigosa, incluindo requerimentos legais (Brasil ou estrangeiras) e internacional (por exemplo, sem limitação IATA restrito artigos, hazchem, IMCO, regulamentos COSHH). O Fornecedor deverá alertar Rio 2016 de todas as cargas perigosas antes da coleta ou entrega a sub-fornecedor e fornecer todos os certificados perigosos aplicáveis embarque acompanhamento necessário O Fornecedor deverá indenizar Rio 2016 contra toda e qualquer responsabilidade decorrente de falha do fornecedor em atender às exigências de tais regulamentos aplicáveis, quaisquer falsas declarações e / ou omissão de informações sobre os bens enviados para o Rio 2016, quando, posteriormente, utilizados pelo Rio 2016 para completar o transporte e / ou na ausência de formulários para declaração legal de carga perigosa e qualquer manipulação de substâncias perigosas. A prevenção de ferrugem etc, devem estar de acordo com o Controle de Substâncias perigosas para a Saúde (COSHH) ou equivalente. 6.3 Produtos Siderúrgicos 6.4 Paletes Materiais impróprios serem embalados em caixotes reforçados e aço estrutural, tubulações, placas e outros materiais a granel acordados pelo Rio 2016 como sendo inadequados para serem encaixotados, deverão ser agrupados em conjunto com bloqueio adequado, em conjuntos não superiores a 900 kg Todos os materiais embalados devem ser enviados em paletes, salvo acordo em contrário com o Rio Todos os materiais devem ser exportados totalmente embalados. Não é aceitável carga carregada diretamente em paletes (sem embalagem e/ou proteção), exceto com o consentimento por escrito da Rio Regulamentos de madeira de embalagem para carga destinada ao Brasil. Todas as mercadorias importadas dos países listados abaixo embalados em caixas de madeira ou em que parte do material de embalagem contém madeira (ou seja, paletes) deverão possuir obrigatóriamente um certificado expurgate bem como certificado 6

7 fitossanitário a ser enviado juntamente com os restantes documentos de transporte. Ambos os documentos devem ser emitidos não mais do que 15 dias antes do embarque. As autoridades brasileiras não aceitarão os certificados emitidos antes destes 15 dias. Estados Unidos da América Hong Kong China Japão Coreia do Norte e do Sul 7. Desenhos de transporte Todas as peças individuais com qualquer dimensão superior a 11,5 x 2,3 x 2,3 metros exigem desenhos detalhados de transporte a ser apresentado três meses antes do embarque. Anexo 1: Guia de embalagens Anexo 2: GS1 guia de etiquetagem Anexo 3: 7

8 Anexo 4: Shipping documentation Anexo 5: Guia de substâncias e materiais nocivos 8

REQUISITOS MÍNIMOS DE EMBALAGEM E PRESERVAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E MATERIAIS ADQUIRIDOS NO MERCADO NACIONAL OU INTERNACIONAL

REQUISITOS MÍNIMOS DE EMBALAGEM E PRESERVAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E MATERIAIS ADQUIRIDOS NO MERCADO NACIONAL OU INTERNACIONAL REQUISITOS MÍNIMOS DE EMBALAGEM E PRESERVAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E MATERIAIS ADQUIRIDOS NO MERCADO 1. OBJETIVO Estabelecer requisitos mínimos para a preservação e a embalagem de equipamentos e materiais adquiridos

Leia mais

1. Introdução 2. 2. As funções da embalagem 2. 3. Classificação das embalagens 5. 4. Principais características dos materiais de embalagem 6

1. Introdução 2. 2. As funções da embalagem 2. 3. Classificação das embalagens 5. 4. Principais características dos materiais de embalagem 6 Capítulo I CONCEITOS GERAIS SOBRE EMBALAGEM 1. Introdução 2 2. As funções da embalagem 2 3. Classificação das embalagens 5 4. Principais características dos materiais de embalagem 6 5. O ambiente e a embalagem

Leia mais

INSTRUÇÕES DE EMBALAGEM

INSTRUÇÕES DE EMBALAGEM ZF do BRASIL Ltda INSTRUÇÕES DE EMBALAGEM Versão 1 Sumário Dados gerais de Embalagem... 3 Notas Fiscais (NF-e) para Embalagens... 3 Fluxo com Embalagens do Fornecedor / ZF... 3 Embalagens de Propriedade

Leia mais

Características do papel. Escolhendo formulários préimpressos

Características do papel. Escolhendo formulários préimpressos A qualidade de impressão e a confiabilidade da alimentação da impressora e dos opcionais podem variar de acordo com o tipo e tamanho da mídia de impressão utilizada. Esta seção fornece diretrizes para

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (Regulamento REACH (CE) nº 1907/2006 - nº 453/2010)

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (Regulamento REACH (CE) nº 1907/2006 - nº 453/2010) FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (REGULAMENTO CE N.o 1907/2006 - REACH) Data: 30/01/2012 Página 1/5 FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (Regulamento REACH (CE) nº 1907/2006 - nº 453/2010) SECÇÃO 1: IDENTIFICAÇÃO DA

Leia mais

Ministério dos Transportes

Ministério dos Transportes Ministério dos Transportes Instituto Nacional de Aviação Civil INAVIC Normativo Técnico 2 Registo de Aeronaves 1/12 Índice Parte A: Generalidades.3 2.001 Aplicabilidade.3 2.003 Definições...3 2.005 Siglas/Acrónimos...4

Leia mais

2 1 Roupas de Couro [Vestuário]

2 1 Roupas de Couro [Vestuário] 2 1 Roupas de Couro [Vestuário] 1. Definição da categoria Trajes feitos de couro bovino, porco ou carneiro. Números de HS Commodity 4203.10-100, 10-200 Roupas de couro 2. Tendências de Importação (1) Tendências

Leia mais

Ciclone. fig. B. fig. A. fig. C. Conteúdo. Legenda. Descrição do equipamento. Apresentação. Instalação. Fecha - mais sucção. Abre - menos sucção

Ciclone. fig. B. fig. A. fig. C. Conteúdo. Legenda. Descrição do equipamento. Apresentação. Instalação. Fecha - mais sucção. Abre - menos sucção Ciclone 4 3 5 2 1 8 6 7 fig. B Abre - menos sucção Fecha - mais sucção fig. A Conteúdo Apresentação... 01 Legenda... 01 Descrição do equipamento... 01 Instalação... 01 Procedimentos antes da utilização/

Leia mais

MTS Criterion Série 40 Manual Title

MTS Criterion Série 40 Manual Title MTS Criterion Série 40 Manual Title Instruções para Levantamento Additional e Movimentação Information be certain. 100-238-293 A Informações sobre Direitos Autorais Informações sobre Marca Registrada Informação

Leia mais

RollerForks. A nova revolução da logística: Movimentação sem paletes!

RollerForks. A nova revolução da logística: Movimentação sem paletes! RollerForks A nova revolução da logística: Movimentação sem paletes! RollerForks Os paletes revolucionaram a logística, ao unitizar as cargas e reduzir custos drasticamente. Agora, uma nova revolução tem

Leia mais

INSTRUÇÕES DE UTILIZAÇÃO

INSTRUÇÕES DE UTILIZAÇÃO INSTRUÇÕES DE UTILIZAÇÃO ANTES DE UTILIZAR A PLACA DE FOGÃO SUGESTÕES PARA A PROTECÇÃO DO AMBIENTE PRECAUÇÕES E RECOMENDAÇÕES GERAIS SUGESTÕES PARA POUPANÇA DE ENERGIA CUIDADOS E MANUTENÇÃO GUIA PARA RESOLUÇÃO

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CHAVES DE AFERIÇÃO

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CHAVES DE AFERIÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA PARA CHAVES DE AFERIÇÃO 1. OBJETIVO Este Termo de Referência define requisitos que devem ser observados pelos interessados, para o fornecimento de chave de aferição à CEEE-D, em complementação

Leia mais

Para proteção completa contra chuva, está disponível em lojas de varejo uma capa de chuva ABC Design.

Para proteção completa contra chuva, está disponível em lojas de varejo uma capa de chuva ABC Design. MANUAL DE INSTRUÇÕES MODELO ABC DESIGN PRIMO Moldura de Alumínio leve Alças giratórias em 360 graus 4 posições de regulagem de encosto Rodas dianteiras giratórias e bloqueáveis. toldo removível Testado

Leia mais

OS3 SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO LTDA 2010

OS3 SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO LTDA 2010 Telefone: (19) 3119-7246 E-mail: contato@os3ti.com www.os3ti.com 1 CONDIÇÕES GERAIS DE SERVIÇOS Telefone: (19) 3119-7246 E-mail: contato@os3ti.com www.os3ti.com 2 1. DISPOSIÇÕES GERAIS (a) A menos se de

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO ALTSEAL PLUS. ALT Equipamentos Médico Odontológicos Ltda.

MANUAL DO USUÁRIO ALTSEAL PLUS. ALT Equipamentos Médico Odontológicos Ltda. MANUAL DO USUÁRIO ALTSEAL PLUS ALT Equipamentos Médico Odontológicos Ltda. Rua Major Rubens Vaz, 915 - Campos Elíseos - CEP. 14080-510 - Ribeirão Preto - SP Fone: (16) 3628-0057 altequipamentos@altequipamentos.com.br

Leia mais

CAPÍTULO 6.6 EXIGÊNCIAS PARA A CONSTRUÇÃO E ENSAIO DE EMBALAGENS GRANDES

CAPÍTULO 6.6 EXIGÊNCIAS PARA A CONSTRUÇÃO E ENSAIO DE EMBALAGENS GRANDES CAPÍTULO 6.6 EXIGÊNCIAS PARA A CONSTRUÇÃO E ENSAIO DE EMBALAGENS GRANDES 6.6.1 Disposições Gerais 6.6.1.1 As exigências deste capítulo não se aplicam: - à classe 2 exceto artigos incluindo aerossóis; -

Leia mais

ETME 01. ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DE MATERIAIS PARA EFICIENTIZAÇÃO Revisão, 14/09/2010

ETME 01. ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DE MATERIAIS PARA EFICIENTIZAÇÃO Revisão, 14/09/2010 ETME 01 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DE MATERIAIS PARA EFICIENTIZAÇÃO Revisão, 14/09/2010 SUMÁRIO 1.1 OBJETIVO...4 1.2 NORMAS RECOMENDADAS...4 1.3 UNIDADES DE MEDIDA...4 1.4 IDIOMA...4 1.5 GARANTIAS QUANTO AO

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES TERRESTRES. RESOLUÇÃO Nº 3.763, DE 26 DE JANEIRO DE 2012 (DOU de 08/02/2012 Seção I Pág. 68)

AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES TERRESTRES. RESOLUÇÃO Nº 3.763, DE 26 DE JANEIRO DE 2012 (DOU de 08/02/2012 Seção I Pág. 68) AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES TERRESTRES RESOLUÇÃO Nº 3.763, DE 26 DE JANEIRO DE 2012 (DOU de 08/02/2012 Seção I Pág. 68) Altera o Anexo da Resolução nº 420, de 12 de fevereiro de 2004, que aprova as

Leia mais

no sentido inverso ao da marcha Manual de utilização Grupo Peso Idade 0+/1 0-18 kg 6m-4a

no sentido inverso ao da marcha Manual de utilização Grupo Peso Idade 0+/1 0-18 kg 6m-4a no sentido inverso ao da marcha Manual de utilização ECE R44 04 Grupo Peso Idade 0+/1 0-18 kg 6m-4a 1 Obrigado por escolher Besafe izi Kid ISOfix. A BeSafe desenvolveu esta cadeira com muito cuidado, para

Leia mais

Manual do Proprietário SELAMAX MP300

Manual do Proprietário SELAMAX MP300 Manual do Proprietário SELAMAX Seladora 1 2 3 4 5 Fig. A Fig. B 9 6 7 8 10 11 12 Fig. C Fig. D Fig. E Fig. F 2 PARABÉNS! Você acaba de adquirir um equipamento dentro da mais alta tecnologia disponível

Leia mais

Manual do proprietário: Ride Forward Cushion

Manual do proprietário: Ride Forward Cushion Y i Manual do proprietário: Ride Forward Cushion M Ride Designs a branch of Aspen Seating, LLC 8100 SouthPark Way Littleton, Colorado 80120 USA telefone gratuito (Apenas EUA): 866.781.1633 telefone: 303.781.1633

Leia mais

Axkid Manual de Instruções Kidzone

Axkid Manual de Instruções Kidzone Axkid Manual de Instruções Kidzone segurança Voltada para frente com cinto de 9-18kg Voltada para trás com cinto de segurança Voltada para frente com 9-25 Kg o cinto de segurança do adulto 15-25 kg Testado

Leia mais

Manuseio de Compressor

Manuseio de Compressor Manuseio de Compressor Índice Item... Página 1 - Introdução... 02 2 - Remover o palete... 03 3 - Deslocar o palete... 04 4 - Erguer o palete... 05 5 - Movimentar o palete... 06 6 - Empilhar o palete...

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (REGULAMENTO (CE) n 1907/2006 - REACH) Data : 11/05/2015 Página 1/6 FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (Regulamento REACH (CE) nº 1907/2006 - nº 453/2010) SECÇÃO 1: IDENTIFICAÇÃO DA

Leia mais

Recebimento, Manuseio e Armazenamento dos Centros de Controle de Motores CENTERLINE 2500

Recebimento, Manuseio e Armazenamento dos Centros de Controle de Motores CENTERLINE 2500 Instruções Recebimento, Manuseio e Armazenamento dos Centros de Controle de Motores CENTERLINE 2500 Recebimento IMPORTANTE A entrega de equipamentos às empresas de transporte pela Rockwell Automation é

Leia mais

Instruções para utilização

Instruções para utilização Instruções para utilização MÁQUINA DE LAVAR ROUPA Português AWM 129 Sumário Instalação, 16-17-18-19 Desembalar e nivelar Ligações hidráulicas e eléctricas Primeiro ciclo de lavagem Dados técnicos Instruções

Leia mais

Descrição do serviço: Serviços de recuperação de activos ProManage Dell Reciclagem de activos de TI

Descrição do serviço: Serviços de recuperação de activos ProManage Dell Reciclagem de activos de TI Dell Serviços Descrição do serviço: Serviços de recuperação de activos ProManage Dell Reciclagem de activos de TI Apresentação dos serviços A Dell tem o prazer de fornecer os Serviços de recuperação de

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA Nome : %s - %s Data : 19/01/2016 Página 1/5 FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (Regulamento REACH (CE) nº 1907/2006 - nº 2015/830) SECÇÃO 1: IDENTIFICAÇÃO DA SUBSTÂNCIA/MISTURA E DA SOCIEDADE/EMPRESA 1.1. Identificador

Leia mais

no sentido da marcha Manual de utilização Grupo Peso Idade 1 9-18 kg 9m-4a

no sentido da marcha Manual de utilização Grupo Peso Idade 1 9-18 kg 9m-4a no sentido da marcha Manual de utilização ECE R44 04 Grupo Peso Idade 1 9-18 kg 9m-4a 1 Obrigado por escolher Besafe izi Comfort. A BeSafe desenvolveu esta cadeira com muito cuidado, para proteger a sua

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM CONTEINERIZAÇÃO DE CARGAS

DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM CONTEINERIZAÇÃO DE CARGAS DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM CONTEINERIZAÇÃO DE CARGAS CONTEINERIZAÇÃO DE CARGAS Vantagens: Possibilitam operações ininterruptas, mesmo sob intempéries Incrementam a produtividade Minimizam o tempo de movimentação

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (REGULAMENTO CE N.o 1907/2006 - REACH) Data: 29/06/2011 Página 1/5 FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (Regulamento REACH (CE) nº 1907/2006 - nº 453/2010) SECÇÃO 1: IDENTIFICAÇÃO DA

Leia mais

FISPQ - Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos em acordo com a NBR-14725 Mixtinter Laranja HOR 16L Página 1 / 6

FISPQ - Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos em acordo com a NBR-14725 Mixtinter Laranja HOR 16L Página 1 / 6 Mixtinter Laranja HOR 16L Página 1 / 6 1. Identificação do produto e da empresa Nome comercial: Mixtinter Laranja HOR nº Material: 238961 16L nº Material:238961 Código Interno de Produto : 000000393778

Leia mais

No sentido inverso ao da marcha. Altura 61-105 cm. Peso máximo 18 kg. UN regulation no. R129 i-size. Idade 6m-4a

No sentido inverso ao da marcha. Altura 61-105 cm. Peso máximo 18 kg. UN regulation no. R129 i-size. Idade 6m-4a 1 23 2 4 3 Manual de utilização 5 6 7 24 26 8 9 10 11 12 13 14 No sentido inverso ao da marcha Altura 61-105 cm 16 17 18 20 25 Peso máximo 18 kg 15 19 Idade 6m-4a UN regulation no. R129 i-size 21 22 27

Leia mais

HD 100. P Cobertor elétrico Instruções de utilização. BEURER GmbH Söflinger Str. 218 89077 Ulm (Germany) www.beurer.com. 06.0.

HD 100. P Cobertor elétrico Instruções de utilização. BEURER GmbH Söflinger Str. 218 89077 Ulm (Germany) www.beurer.com. 06.0. HD 100 P 06.0.43510 Hohenstein P Cobertor elétrico Instruções de utilização BEURER GmbH Söflinger Str. 218 89077 Ulm (Germany) www.beurer.com Conteúdo 1. Volume de fornecimento... 3 1.1 Descrição do aparelho...

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (REGULAMENTO (CE) n 1907/2006 - REACH) Versão 2.1 (30/01/2014) - Página 1/5 FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (Regulamento REACH (CE) nº 1907/2006 - nº 453/2010) SECÇÃO 1: IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

Câmara PTZ AUTODOME 5000. pt Manual de instalação

Câmara PTZ AUTODOME 5000. pt Manual de instalação Câmara PTZ AUTODOME 5000 pt Manual de instalação Câmara PTZ AUTODOME 5000 Índice pt 3 Índice 1 Segurança 4 1.1 Sobre este manual 4 1.2 Convenções neste manual 4 1.3 Informações legais 4 1.4 Instruções

Leia mais

PREZADO CLIENTE DESCRIÇÃO DO PRODUTO GARANTIA DO EQUIPAMENTO DADOS GERAIS

PREZADO CLIENTE DESCRIÇÃO DO PRODUTO GARANTIA DO EQUIPAMENTO DADOS GERAIS ÍNDICE Descrição do Produto... 3 Garantia do Equipamento... 3 Dados Gerais... 3 Especificações Técnicas... 5 Simbologia... 5 Dimensões... 6 Instalação... 7 Funcionamento... 7 Manutenção... 7 Precauções...

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (REGULAMENTO CE N.o 1907/2006 - REACH) Versão 8.1 (19/12/2012) - Página 1/5 FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (Regulamento REACH (CE) nº 1907/2006 - nº 453/2010) SECÇÃO 1: IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

Aplicar-se-á expressamente a Ordem de Compra acordada pelas partes contratantes.

Aplicar-se-á expressamente a Ordem de Compra acordada pelas partes contratantes. Página 1 de 7 Condições Gerais de Compra 1. Partes contratantes Este contrato (daqui em diante designado por Ordem de Compra) é acordado entre o fornecedor (denominado doravante como "FORNECEDOR") e a

Leia mais

MÓDULO 4 4.1 - PROCEDIMENTOS DE ESTOCAGEM E MANUSEIO

MÓDULO 4 4.1 - PROCEDIMENTOS DE ESTOCAGEM E MANUSEIO MÓDULO 4 4.1 - PROCEDIMENTOS DE ESTOCAGEM E MANUSEIO A estocagem e o manuseio de tubos e conexões devem obedecer a preceitos mínimos que assegurem a integridade dos materiais, bem como o desempenho esperado.

Leia mais

Transporte e Armazenamento Bem Sucedido de Chapa de Aço Galvanizada

Transporte e Armazenamento Bem Sucedido de Chapa de Aço Galvanizada GalvInfo Center - Um programa do International Zinc Association 6. Uso de Chapa de Aço com Revestimento Metálico GalvInfoNote Transporte e Armazenamento Bem Sucedido de Chapa de Aço Galvanizada 6.1 Introdução

Leia mais

CADEIRA DE ALIMENTAÇÃO PARA CRIANÇAS Portaria n.º 683/2012, 51/2013 e 359/2014 Código SGI - 3816

CADEIRA DE ALIMENTAÇÃO PARA CRIANÇAS Portaria n.º 683/2012, 51/2013 e 359/2014 Código SGI - 3816 MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR - MDIC INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, QUALIDADE E TECNOLOGIA- INMETRO Diretoria de Avaliação da Conformidade Dconf Divisão de Fiscalização

Leia mais

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA

FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (REGULAMENTO (CE) n 1907/2006 - REACH) Versão 3.1 (25/06/2015) - Página 1/6 FICHA DE DADOS DE SEGURANÇA (Regulamento REACH (CE) nº 1907/2006 - nº 453/2010) SECÇÃO 1: IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

SOLID CERAMIC HAIR STYLER

SOLID CERAMIC HAIR STYLER SOLID CERAMIC HAIR STYLER Straigth & Curls HS 3830 PORTUGUÊS A C E A B D F 2 SEGURANÇA Durante a colocação em funcionamento do aparelho, por favor, respeite as seguintes indicações: 7 Este aparelho destina-se

Leia mais

GUIA DE EMBALAGENS DE PEÇAS COMPRADAS

GUIA DE EMBALAGENS DE PEÇAS COMPRADAS GUIA DE EMBALAGENS DE PEÇAS COMPRADAS E PADRÃO DE ETIQUETAS 1ª Edição Julho, 2010 INDICE 1- INTRODUÇÃO... 03 2- RESPONSABILIDADES... 04 3- RECOMENDAÇÕES IMPORTANTES... 05 4- PROCEDIMENTOS... 06 5- DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Manual de Instruções Transportadores Moveflex Série Roll

Manual de Instruções Transportadores Moveflex Série Roll Manual de Instruções Transportadores Moveflex Série Roll Versão: 4.0 Data:01/2015 Ind. e Com. Eletro Eletronica Gehaka Ltda. CNPJ: 13005553/0001-23 Av. Duquesa de Goiás, 235 - Real Parque 05686-900 -

Leia mais

Manual de utilização. No sentido inverso ao da marcha e no sentido da marcha Grupo 0+ - 1. Peso 0-18 kg. Idade 6m-4a

Manual de utilização. No sentido inverso ao da marcha e no sentido da marcha Grupo 0+ - 1. Peso 0-18 kg. Idade 6m-4a 1 26 27 34 35 16 2 4 3 Manual de utilização 5 6 8 9 7 10 11 12 13 14 15 28 29 36 31 17 30 37 No sentido inverso ao da marcha e no sentido da marcha Grupo 0+ - 1 19 20 21 23 Peso 0-18 kg 18 22 38 39 Idade

Leia mais

Papéis suportados. Instruções de uso do papel. Impressora a laser em cores Phaser 7750

Papéis suportados. Instruções de uso do papel. Impressora a laser em cores Phaser 7750 Papéis suportados Este tópico inclui: "Instruções de uso do papel" na página 2-5 "Instruções para armazenamento de papel" na página 2-11 "Papel que pode danificar a impressora" na página 2-12 Siga as instruções

Leia mais

1 - AUTOMATIZADOR: Utilizado exclusivamente em portas de enrolar de aço. Existem diversas capacidades e tamanhos. Verifique sempre o peso e o tamanho

1 - AUTOMATIZADOR: Utilizado exclusivamente em portas de enrolar de aço. Existem diversas capacidades e tamanhos. Verifique sempre o peso e o tamanho 1 ME-01 REV00 13 3 1 2 14 9 10 12 4 5 6 7 11 8 1 - AUTOMATIZADOR: Utilizado exclusivamente em portas de enrolar de aço. Existem diversas capacidades e tamanhos. Verifique sempre o peso e o tamanho da porta

Leia mais

Final 29 de agosto d4 2006. Alfândega - Parceria de Comércio Contra Terrorismo (C-TPAT) Critério de Segurança Fabricante Estrangeiro

Final 29 de agosto d4 2006. Alfândega - Parceria de Comércio Contra Terrorismo (C-TPAT) Critério de Segurança Fabricante Estrangeiro Final 29 de agosto d4 2006 Alfândega - Parceria de Comércio Contra Terrorismo (C-TPAT) Critério de Segurança Fabricante Estrangeiro Esses critérios mínimos de segurança são fundamentalmente elaborados

Leia mais

Caixas de grande volume

Caixas de grande volume CAIXAS E CAIXAS-PALETE DE GRANDE VOLUME Caixas de grande volume Caixas-palete dobráveis Caixas-palete para mais volume L57 INDÚSTRIA AUTOMÓVEL GLT KLAPA Caixas-palete dobráveis para a indústria automóvel,

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES MANUAL DE INSTRUÇÕES NT-920 SUPORTE PARA SORO HASTE E GUIA INOX - BASE ALUMÍNIO C/ RODÍZIOS NOTA! ESTE SUPORTE PARA SORO É DESTINADO AO USO MÉDICO HOSPITALAR. Página 1 de 10 INTRODUÇÃO PARABÉNS! Você acaba

Leia mais

PERFIL DE JUNÇÃO REHAU VEDAR, UNIR, DESTACAR. Automotiva Indústria

PERFIL DE JUNÇÃO REHAU VEDAR, UNIR, DESTACAR. Automotiva Indústria PERFIL DE JUNÇÃO REHAU VEDAR, UNIR, DESTACAR www.rehau.com.br Construção Automotiva Indústria DESIGN PARA MÓVEIS DA REHAU: SOLUÇÕES INOVADORAS DE SISTEMAS NO MESMO LOCAL A REHAU se estabeleceu como a principal

Leia mais

No sentido inverso ao da marcha. Altura 61-105 cm. Peso máximo 18 kg. UN regulation no. R129 i-size. Idade 6m-4a

No sentido inverso ao da marcha. Altura 61-105 cm. Peso máximo 18 kg. UN regulation no. R129 i-size. Idade 6m-4a 1 23 2 4 3 Manual de utilização 5 6 7 24 26 8 9 10 11 12 13 14 No sentido inverso ao da marcha Altura 61-105 cm 16 17 18 20 25 Peso máximo 18 kg 15 19 Idade 6m-4a UN regulation no. R129 i-size 21 22 27

Leia mais

PROCEDIMENTO OPERACIONAL MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS DE OBRAS (MMO)

PROCEDIMENTO OPERACIONAL MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS DE OBRAS (MMO) PO MAT 0 18/10/21 1. REFERÊNCIA/OBJETIVO ÁREA APLICÁVEL Controlar a logística de materiais de obras (físico e contábil), incluindo as requisições reservas de materiais (RM), aplicações mensais, devoluções

Leia mais

Modelo SOLO900 SOLO700 TOPO700. Carga máx. 3000 kg o par 3000 kg o par 3000 kg o par. 726 mm. 702 mm (linha superior) ( 702 mm)

Modelo SOLO900 SOLO700 TOPO700. Carga máx. 3000 kg o par 3000 kg o par 3000 kg o par. 726 mm. 702 mm (linha superior) ( 702 mm) Barras de Pesagem Beckhauser Manual do Usuário Conheça seu equipamento em detalhes e saiba como aproveitar todo seu potencial no manejo. Leia atentamente este Manual antes de utilizar o produto e antes

Leia mais

Manual de Operação. Balança UR10000 LIGHT 300/100

Manual de Operação. Balança UR10000 LIGHT 300/100 Manual de Operação Balança UR10000 LIGHT 300/100 1 - INTRODUÇÃO Este equipamento foi projetado para atender aos mais rigorosos requisitos de precisão em pesagem, possuindo componentes de altíssima qualidade,

Leia mais

Manual do Usuário Nokia Power Keyboard SU-42

Manual do Usuário Nokia Power Keyboard SU-42 Manual do Usuário Nokia Power Keyboard SU-42 Edição 1.0 PT-BR Sobre sua capa para tablet Conheça o novo Nokia Power Keyboard. Com o Nokia Power Keyboard, é possível: protege seu tablet contra impactos

Leia mais

Lâminas em PVC-p para selagem de juntas. Isento de chumbo. Isento de plastificantes DOP.

Lâminas em PVC-p para selagem de juntas. Isento de chumbo. Isento de plastificantes DOP. Ficha de Produto Edição de janeiro de 2015 Nº de identificação: 07.201 Versão nº 3 Lâminas em PVC-p para selagem de juntas Descrição do produto Lâminas flexíveis em PVC-p, produzidas em perfis específicos

Leia mais

Diretivas de transporte, embalagem e manuseio

Diretivas de transporte, embalagem e manuseio Diretivas de transporte, embalagem e manuseio Esta diretiva compreende orientações gerais relativas ao transporte, embalagem e manuseio de máquinas e fornecimentos da empresa KraussMaffei Technologies

Leia mais

ARRUMAÇÃO SEGURA NO LOCAL DE TRABALHO. Arrumação Segura no Local de Trabalho. N.º de modelos. Capacidade (m 3 ) Página

ARRUMAÇÃO SEGURA NO LOCAL DE TRABALHO. Arrumação Segura no Local de Trabalho. N.º de modelos. Capacidade (m 3 ) Página Sistemas de Arrumação RIDGID KNAACK Gama completa de recipientes multiusos de armazenamento em aço reforçado. Líder global nos sectores da construção e industrial. Costuras totalmente soldadas para resistência

Leia mais

DESFRAGMENTAR PARA TETRIFICAR. www.cotecna.pt 1

DESFRAGMENTAR PARA TETRIFICAR. www.cotecna.pt 1 DESFRAGMENTAR PARA TETRIFICAR www.cotecna.pt 1 O início A embalagem, no seu sentido originário, remonta há mais de 10.000 anos. A finalidade nos primórdios Transportar. Com as migrações, havia a necessidade

Leia mais

Construção. Sika Unitherm -Steel S interior. Pintura intumescente base solvente, de rápida secagem, para uso em áreas internas. Descrição do Produto

Construção. Sika Unitherm -Steel S interior. Pintura intumescente base solvente, de rápida secagem, para uso em áreas internas. Descrição do Produto Ficha do Produto Edição 21/03/2014 Identificação 02 06 04 00 003 0 000029 Sika Unitherm -Steel S interior Pintura intumescente base solvente, de rápida secagem, para uso em áreas internas Descrição do

Leia mais

TERMOS DE SERVIÇOS DE ACOMPANHAMENTO

TERMOS DE SERVIÇOS DE ACOMPANHAMENTO TERMOS DE SERVIÇOS DE ACOMPANHAMENTO Estes Termos de Serviços de Acompanhamento (i) regem os Serviços de Acompanhamento executados pela Parte Contratante UL para o Cliente, algumas vezes também referido

Leia mais

[SELO ALIMENTO SEGURO] 08 de Maio de 2009

[SELO ALIMENTO SEGURO] 08 de Maio de 2009 2 Lista de Verificação Geral Selo Alimento Seguro Lista de Verificação Geral com a finalidade de examinar todos os aspectos relacionados com as instalações, equipamentos, ferramentas, instrumentos utilizados

Leia mais

No sentido da marcha. Manual de instruções. Grupo Peso Idade 2-3 15-36 kg 4-12 anos

No sentido da marcha. Manual de instruções. Grupo Peso Idade 2-3 15-36 kg 4-12 anos No sentido da marcha Manual de instruções ECE R44 04 Grupo Peso Idade 2-3 15-36 kg 4-12 anos 1 ! Obrigado por optar pela BeSafe izi Up FIX A BeSafe desenvolveu esta cadeira com todo o cuidado, para proteger

Leia mais

SOLUÇÕES DE EXPORTAÇÃO

SOLUÇÕES DE EXPORTAÇÃO SOLUÇÕES DE EXPORTAÇÃO EMBATUFF Isolamento Térmico para Contentores Embatuff é um sistema que protege a carga durante o transporte em contentores de 20, 40 e 40 HC, de variações abruptas de temperatura

Leia mais

BEBEDOURO COMPRESSOR PRESSÃO MASTERFRIO MODELOS MF40 & MFA40 MANUAL DE INSTRUÇÕES

BEBEDOURO COMPRESSOR PRESSÃO MASTERFRIO MODELOS MF40 & MFA40 MANUAL DE INSTRUÇÕES BEBEDOURO COMPRESSOR PRESSÃO MASTERFRIO MODELOS MF40 & MFA40 MANUAL DE INSTRUÇÕES Prezado Cliente, A MASTERFRIO cumprimenta-o pela escolha feita ao comprar nosso bebedouro. Tudo foi feito para que este

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE CONTAGEM SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO ANEXO 09 DIRETRIZES AMBIENTAIS MÍNIMAS

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE CONTAGEM SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO ANEXO 09 DIRETRIZES AMBIENTAIS MÍNIMAS ANEXO 09 DIRETRIZES AMBIENTAIS MÍNIMAS 1 Sumário 1. INTRODUÇÃO... 3 2. Adequação às Normas e Legislações Vigentes... 3 3. Definições de Obrigações e Responsabilidades... 3 4. Diretrizes Mínimas Exigidas...

Leia mais

FICHA TÉCNICA DE SEGURANÇA DO PRODUTO QUÍMICO - FISPQ Data da Revisão: 06.03.06

FICHA TÉCNICA DE SEGURANÇA DO PRODUTO QUÍMICO - FISPQ Data da Revisão: 06.03.06 01. Identificação do Produto e da Empresa. Nome do Produto: Rotosafe Bro 700 001 OR 0050 nº Material: 110319 Nome da Empresa: Domingos Araújo Neto Endereço: Av. Francisco Sá, 3405 Monte Castelo Fortaleza

Leia mais

Documentação Processo de Aprovação de Peças de Produção (Aprovação de Amostras Iniciais)

Documentação Processo de Aprovação de Peças de Produção (Aprovação de Amostras Iniciais) Documentação Processo de Aprovação de Peças de Produção (Aprovação de Amostras Iniciais) Normas de Trabalho Confidencial, todos os direitos reservados. Observar ISO 16016 Novembro de 2005 VN 3205 ICS 01.

Leia mais

Manual de Operação BALANÇA ELETRÔNICA US 30/2

Manual de Operação BALANÇA ELETRÔNICA US 30/2 Manual de Operação BALANÇA ELETRÔNICA US 30/2 1- CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Prato em aço inoxidável 340 x 310 mm. Saída serial para impressora matricial Urano USE-PII. Temperatura de operação: 0 a 50 ºC.

Leia mais

Portaria n.º 260, de 05 de junho de 2014.

Portaria n.º 260, de 05 de junho de 2014. Serviço Público Federal MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, QUALIDADE E TECNOLOGIA-INMETRO Portaria n.º 260, de 05 de junho de 2014. O PRESIDENTE

Leia mais

1. Definições. Termos e condições Soluções de Aprendizagem da HPE Software Education

1. Definições. Termos e condições Soluções de Aprendizagem da HPE Software Education Termos e condições Soluções de Aprendizagem da HPE Software Education Nota: A HPE vai empregar esforços razoáveis para enviar um aviso de cancelamento de qualquer Serviço de Solução de Aprendizagem, mas

Leia mais

FISPQ - Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos em acordo com a NBR-14725 Fat Yellow3G-CN Página 1 / 6

FISPQ - Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos em acordo com a NBR-14725 Fat Yellow3G-CN Página 1 / 6 Fat Yellow3G-CN Página 1 / 6 1. Identificação do produto e da empresa Nome comercial: Fat Yellow3G-CN nº Material: 197950 nº Material:197950 Código Interno de Produto : 000000189695 Identificação da sociedade/empresa

Leia mais

FISPQ FITA SILVER FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS

FISPQ FITA SILVER FICHA DE INFORMAÇÃO DE SEGURANÇA DE PRODUTOS QUÍMICOS 1. IDENTIFICAÇÃO DO PRODUTO E DA EMPRESA Nome do produto: FITA SILVER Categoria: Borracha e resinas sintéticas Nome da empresa: ATB Ind. e Com. de Adesivos S/A Endereço: Rua Marcelino Pinto Teixeira, 1268

Leia mais

ANTES DE UTILIZAR A PLACA EM VIDRO CERÂMICO

ANTES DE UTILIZAR A PLACA EM VIDRO CERÂMICO MANUAL DE UTILIZAÇÃO ANTES DE UTILIZAR A PLACA EM VIDRO CERÂMICO INSTALAÇÃO LIGAÇÃO ELÉCTRICA SUGESTÕES PARA POUPANÇA DE ENERGIA SUGESTÕES PARA A PROTECÇÃO DO AMBIENTE PRECAUÇÕES E RECOMENDAÇÕES GERAIS

Leia mais

POLÍTICA DE FORNECIMENTO DE BENS E SERVIÇOS DA DURATEX S.A.

POLÍTICA DE FORNECIMENTO DE BENS E SERVIÇOS DA DURATEX S.A. ÍNDICE DURATEX S/A POLÍTICA DE FORNECIMENTO DE BENS E SERVIÇOS DA DURATEX S.A. 1. OBJETIVO 2. PRINCÍPIOS GERAIS 3. REFERÊNCIAS 4. DEFINIÇÕES 4.1. DURATEX 4.2. UNIDADE REQUISITANTE 4.3. UNIDADE DESTINATÁRIA

Leia mais

Membrana polimérica para impermeabilização de coberturas. Aspecto: liso.

Membrana polimérica para impermeabilização de coberturas. Aspecto: liso. Ficha de Produto Edição de abril de 2015 Nº de identificação: 09.341 Versão nº 1 Sikaplan -S 1.5 Sikaplan -S 1.5 (Trocal S 1,5 mm) Membrana polimérica para impermeabilização de coberturas Descrição do

Leia mais

Conjunto de empilhamento para o vaporizador combinado (eléctrico)

Conjunto de empilhamento para o vaporizador combinado (eléctrico) SmartCombi Classic Combi Conjunto de empilhamento para o vaporizador 845906----AIRU6- / 2.05.200 / TAG-MaBr Versão Conjunto de empilhamento para o vaporizador combinado eléctrico Tipo n.º Tamanho MM845906

Leia mais

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 14 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1.

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 14 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1. Cobertura Básica Restrita Nº 14 PARA CARVÃO (EMBARQUES AQUAVIÁRIOS E TERRESTRES) Cláusula 1 Riscos Cobertos 1.1. A presente cobertura tem por objetivo indenizar, ao Segurado, os prejuízos que venha a sofrer

Leia mais

Impressora HP LaserJet Série P2030. Guia de papel e mídia de impressão

Impressora HP LaserJet Série P2030. Guia de papel e mídia de impressão Impressora HP LaserJet Série P2030 Guia de papel e mídia de impressão Impressora HP LaserJet Série P2030 Guia de papel e mídia de impressão Copyright e licença 2008 Copyright Hewlett-Packard Development

Leia mais

Instrução Técnica nº 25/2011 - Segurança contra incêndio para líquidos combustíveis e inflamáveis - Parte 3 Armazenamento... 625

Instrução Técnica nº 25/2011 - Segurança contra incêndio para líquidos combustíveis e inflamáveis - Parte 3 Armazenamento... 625 Instrução Técnica nº 25/2011 - Segurança contra incêndio para líquidos combustíveis e inflamáveis - Parte 3 Armazenamento... 625 SECRETARIA DE ESTADO DOS NEGÓCIOS DA SEGURANÇA PÚBLICA POLÍCIA MILITAR DO

Leia mais

www.consulting.fernandotavares.com.pt

www.consulting.fernandotavares.com.pt Campo de minigolfe Notas sobre a execução de um campo de minigolfe Introdução O minigolfe está regulamentado pela Federação Portuguesa de Minigolfe e internacionalmente pela World Minigolf Sport Federation

Leia mais

Política Comercial TVH do Brasil

Política Comercial TVH do Brasil Política Comercial TVH do Brasil Introdução A TVH do Brasil comercializa peças para equipamentos de movimentação tendo como público-alvo montadoras, distribuidores e revendedores. Para se tornar um cliente

Leia mais

REGULAMENTO TÉCNICO MERCOSUL PARA TRANSPORTE NO MERCOSUL DE SUBSTÂNCIAS INFECCIOSAS E AMOSTRAS PARA DIAGNÓSTICO

REGULAMENTO TÉCNICO MERCOSUL PARA TRANSPORTE NO MERCOSUL DE SUBSTÂNCIAS INFECCIOSAS E AMOSTRAS PARA DIAGNÓSTICO MERCOSUR/GMC/RES. Nº 25/00 REGULAMENTO TÉCNICO MERCOSUL PARA TRANSPORTE NO MERCOSUL DE SUBSTÂNCIAS INFECCIOSAS E AMOSTRAS PARA DIAGNÓSTICO TENDO EM VISTA: o Tratado de Assunção, o Protocolo de Ouro Preto,

Leia mais

FISPQ - Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos em acordo com a NBR-14725 Cartasol Turquesa K-2R liq 0100 Página 1 / 7

FISPQ - Ficha de Informação de Segurança de Produtos Químicos em acordo com a NBR-14725 Cartasol Turquesa K-2R liq 0100 Página 1 / 7 Cartasol Turquesa K-2R liq 0100 Página 1 / 7 1. Identificação do produto e da empresa Nome comercial: Cartasol Turquesa K-2R liq 0100 nº Material: 235716 nº Material:235716 Código Interno de Produto :

Leia mais

Griglie e Forni catálogo 2013-2014 www.peva.it - e-mail: info@peva.it

Griglie e Forni catálogo 2013-2014 www.peva.it - e-mail: info@peva.it Griglie e Forni catálogo 2013-2014 www.peva.it - e-mail: info@peva.it Made in Italy bistequeira 203 70 92 50 BL 70 - bistequeira com uma (1) seção de cozimento regulável (63x42 ) - plano de apoio frontal

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS DO DISTRIBUIDOR DAS FARMÁCIA COMUNITÁRIAS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS DO DISTRIBUIDOR DAS FARMÁCIA COMUNITÁRIAS Luis Figueiredo 2016.01.19 12:27:21 Z PROCEDIMENTO 1. OBJECTIVO Definição de procedimentos nos distribuidores das farmácias comunitárias aderentes à VALORMED. 2. ÂMBITO A VALORMED tem por objectivo a implementação

Leia mais

Normas de Procedimentos para Expedição do Certificado de Origem do Acordo de Livre Comércio entre o MERCOSUL e o Estado de Israel. (MERCOSUL - ISRAEL)

Normas de Procedimentos para Expedição do Certificado de Origem do Acordo de Livre Comércio entre o MERCOSUL e o Estado de Israel. (MERCOSUL - ISRAEL) Normas de Procedimentos para Expedição do Certificado de Origem do Acordo de Livre Comércio entre o MERCOSUL e o Estado de Israel. (MERCOSUL - ISRAEL) Decreto Nº 7.159, de 29.05 - D.O.U. 27.04.2010 Comunicamos

Leia mais

Termos e Condições Gerais para utilizadores (desde setembro de 2015)

Termos e Condições Gerais para utilizadores (desde setembro de 2015) Termos e Condições Gerais para utilizadores (desde setembro de 2015) Estes Termos e Condições Gerais a seguir designados "TCG" regem os direitos e obrigações do utilizador no uso do website da Matool AG

Leia mais

SPOT BATTERY EXCHANGER

SPOT BATTERY EXCHANGER SPOT BATTERY ECHANGER SBE PICKER V1.0 V1.0 Manual de Instruções SPOT JET Serviços de Manutenção Industrial, Sociedade Unipessoal, Lda. Rua D. Luís de Noronha 22, 4 Dto. 1050-072 Lisboa Portugal Tel / Fax.

Leia mais

TR Tanque Flash. 1. Termo de garantia. 2. Informações gerais de segurança. 3. Informações de segurança específicas do produto

TR Tanque Flash. 1. Termo de garantia. 2. Informações gerais de segurança. 3. Informações de segurança específicas do produto 1.753.000.080 IM-D176-01 BR Rev.00 TR Tanque Flash Manual de Instalação e Manutenção 1. Termo de garantia 2. Informações gerais de segurança 3. Informações de segurança específicas do produto 4. Informações

Leia mais

Termos e Condições Gerais de Compras

Termos e Condições Gerais de Compras Termos e Condições Gerais de Compras 1º Escopo da aplicação (1) Independentemente de qualquer acordo por escrito ao contrário, essas condições são aplicáveis a todos os pedidos e contratos, nos quais a

Leia mais

Manual de instruções Forno para pizza Mini

Manual de instruções Forno para pizza Mini P Manual de instruções Forno para pizza Mini 203510 203500 V1/0813 PORTUGUÊS Tradução do manual de instruções original Antes de iniciar a utilização deve ler o manual de instruções e seguidamente guardá-lo

Leia mais

Manual de Instruções e Catálogo de Peças

Manual de Instruções e Catálogo de Peças 1 Manual de Instruções e Catálogo de Peças Mk-GT 800 2 ÍNDICE Apresentação... 03 Normas de Segurança... 04 Componentes... 07 Engate / Montagem... 08 Preparação p/trabalho... 09 Cuidados... 10 Manutenção...11

Leia mais

Antes de usar os andaimes pela primeira vez, recomendamos ler minuciosamente este manual de uso, além de guardar-lo para quando for necessário.

Antes de usar os andaimes pela primeira vez, recomendamos ler minuciosamente este manual de uso, além de guardar-lo para quando for necessário. Antes de usar os andaimes pela primeira vez, recomendamos ler minuciosamente este manual de uso, além de guardar-lo para quando for necessário. Somente trabalhadores devidamente treinados e capacitados

Leia mais

Serviço HP Marcação e Rotulagem

Serviço HP Marcação e Rotulagem Especificações técnicas Serviço HP Marcação e Rotulagem Serviços HP de Configuração Tenha mais controle sobre a segurança do PC Visão geral do serviço Os Serviços HP Labeling and Tagging oferecem uma série

Leia mais