196,6 referente à habitação unifamiliar isolada e habitação multifamiliar única e isolada R$ 196,60.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "196,6 referente à habitação unifamiliar isolada e habitação multifamiliar única e isolada R$ 196,60."

Transcrição

1 ANEXO XII LICENÇA PARA EXECUÇÃO DE OBRAS OU SERVIÇOS DE ENGENHARIA 1.0 TERRENO R$ Análise de terreno referente a desmembramento, remembramento e demarcação, com 163,89 área até 5.000m² Análise de terreno referente a desmembramento, remembramento e demarcação com 327,67 área superior a 5.000m² até m² Análise de terreno referente a desmembramento, remembramento e demarcação com 1.966,03 área superior a m² Análise de terreno referente a arruamento e loteamento , Análise de terreno não enquadrada nos itens acima , PLANTAS ARQUITETÔNICAS R$ Análise ou revalidação de projeto inicial referente a habitações unifamiliar isolada. 196, Análise ou revalidação de projeto inicial referente à habitação unifamiliar conjunto, 393,21 com até 12 unidades Análise ou revalidação de projeto inicial referente à habitação multifamiliar isolada, 983,02 com até 04 pavimentos Análise ou revalidação de projeto inicial referente a usos não habitacionais, com até 480, m² de área de construção Análise ou revalidação de projeto de legalização de construção e levantamento de 327,67 obra antiga, com área até 400m² Análise ou revalidação de projeto de legalização de construção e levantamento de 983,02 obra antiga, com área superior a 400m² Análise ou revalidação de projetos de reforma com ou sem acréscimo de área 196,6 referente à habitação unifamiliar isolada e habitação multifamiliar única e isolada R$ 196, Análise ou revalidação de projeto de reforma com ou sem acréscimo de área referente 393,21 à habitação unifamiliar conjunto, com até 12 unidades Análise ou revalidação de projeto de reforma com ou sem acréscimo de área referente 983,02 à habitação multifamiliar isolada com até 04 pavimentos Análise ou revalidação de projeto de reforma com ou sem acréscimo de área referente 491,56 a usos não habitacionais, com até 1.500m² de área de construção Análise ou revalidação de plantas relativas à alteração durante a obra R$ 196, , Análise ou revalidação de projeto de obra de arte. 98, Análise ou revalidação de plantas relativas a projeto não enquadrado nos ítens acima 1.966,03 R$ 983, PROJETOS ESPECIAIS R$ Análise ou revalidação de projeto de antenas transmissoras de radiação 1.966,03 eletromagnética ou equipamentos correlatos Análise ou revalidação de projeto de dutos subterrâneos Até 12 metros lineares Superior a 12 metros, por metro linear acrescido ,03 1, Análise ou revalidação de projeto para instalação de equipamento de prestadoras de 65,53 serviços de telefonia, gás, energia elétrica, água e esgoto, instalado em logradouro e área pública Análise e instalação de cabos aéreos Até 30 metros lineares Superior a 30 metros, por metro linear acrescido ,12 1, Análise ou revalidação de projeto não enquadrado nos itens acima , ALVARÁ DE CONSTRUÇÃO R$ Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de 131,07 construção de antenas transmissoras de radiação eletromagnética ou equipamento correlato Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção de dutos subterrâneos: Até 12 metros lineares A partir de 12 metros, por metro linear acrescido 131,07 1, Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de 131,07 construção, com área até 400m² Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de 196,6 construção, com área até 400m².Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, com área superior a 400m² até Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, com área superior a 327,67

2 4.0.6 Atualização de tributo do alvará de construção prescrito a menos de 01(um) ano. 65, Atualização de tributo do alvará de construção prescrito a mais de 01(um) ano. 131, Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de 327,67 construção não enquadrado nos itens acima. 5.0 ALVARÁ DE SERVIÇOS QUE INDEPENDEM DE PLANTAS (SEM REFORMA DA EDIFICAÇÃO) R$ Análise para execução de abertura de vãos, alvenaria, coberta, demolição, elevação 65,53 de piso, guarita, laje, marquise e muro divisório Inspeção e fixação de pontos referenciais para construção de muro de alinhamento. 98, Análise para instalação de elevador de alçapão, elevador de uso coletivo e residencial, 327,67 escada rolante, motocarga, e outros de natureza especial, tais como: elevador de degraus sobre esteira, elevador hidráulico, elevador para garagem com carga e descarga automática, empilhadeira fixa, esteira transportadora de grande porte, plano inclinado, ponte rolante, pórtico, tapete rolante e teleférico Análise para execução de outros elementos não enquadrados nos itens acima. 65, ALVARÁ DE HABITE-SE R$ Análise de documentação e vistoria local referente à habitação unifamiliar isolada. 327, Análise de documentação e vistoria local referente à habitação unifamiliar conjunto, 196,6 com até 12 unidades Análise de documentação e vistoria local referente à habitação multifamiliar isolada, 196,6 com até 04 pavimentos Análise de documentação e vistoria local referente a usos não habitacionais, com até 262, m² de área de construção Análise de documentação e vistoria local referente à concessão de habite-se de 65,53 subunidade, por unidade Análise de documentação e vistoria local não enquadrada nos itens acima. 393, ALVARÁ DE ACEITE-SE R$ Análise de documentação de vistoria local sem ou com acréscimo de área até 400 m² 98,36 R$ 98, Análise de documentação e vistoria local referente a acréscimo, com área superior a 196,6 400m² até Análise de documentação e vistoria local referente a acréscimo, com área superior a 327, SERVIÇOSDIVERSOS R$ Análise e inspeção ou revalidação relativas a investidura ou desapropriação. 327, Análise e inspeção ou revalidação relativas a movimento de terras. 327, Guarda de materiais e/ou equipamentos retido, por dia 6, Consulta de viabilidade referente a imóvel especial e atividade econômica. 65, Consulta de viabilidade referente a loteamento. 327, Análise para transferência de propriedade e/ou responsabilidade técnica. 19, Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação de 65,53 subunidade, por unidade ou habitação unifamiliar isolada Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação referente à 196,6 habitação unifamiliar conjunto, com até 12 unidades Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação referente à 196,6 habitação multifamiliar isolada, com até 04 pavimentos Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação referente a 262,14 uso não habitacional, com até 1.500m² de área de construção Inspeção extra de serviço previsto nesta tabela ocasionado por qualquer problema de 65,53 responsabilidade do requerente que não tenha permitido o acesso e a informação quando da inspeção anterior Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação não 393,21 enquadrado nos itens acima Análise de outras situações não enquadradas nos itens acima. 32, EVENTUAIS R$ Análise e inspeção necessárias à instalação de equipamentos (área pública e privada por equipamento): Arquibancada, camarote, mostruário ou stand de exposição, palanque e palco, palhoção, stand de vendas, tenda e toldo. Até 9m² 65,53 Superior a 9 m² até 90 m² 131,07 Superior a 90 m² até 180 m² 196,6 Superior a 180 m² até 240 m² 262,14 Superior a 240 m² 327,67

3 Banca de jornais e revistas, barraca de artigos de época, fiteiro, quiosque e trailler. 65, Circo até 5.000m² 131, Circo acima de 5.000m² 262, Comércio em veículo automotivo, em eventos 65, Parque de diversão 131, Balcão, tabuleiro e equipamento circulante, em eventos 19, Trailler 65, Outros equipamentos não enquadrados nos itens acima 65, Análise referente a liberação do solo público por evento/dia. Até 300 m² 32,82 Superior a 300 m² até 600 m² 49,14 Superior a 600 m² até m² 65,53 Superior a m² até m² 98,36 Superior a m² 131, Circulantes por dia de apresentação De pequeno porte 163, De grande porte 327,67 Redação dada pelo art. 2º da Lei de 30/12/2003. Redação anterior: Anexo XII Licença Para Execução de Obras ou Serviços de Engenharia 1.0 TERRENO R$ Análise de terreno referente a desmembramento, remembramento e demarcação, com área 163,89 até 5.000m² Análise de terreno referente a desmembramento, remembramento e demarcação com área 327,67 superior a 5.000m² até m² Análise de terreno referente a desmembramento, remembramento e demarcação com área 1.966,03 superior a m² Análise de terreno referente a arruamento e loteamento , Análise de terreno não enquadrada nos itens acima , PLANTAS ARQUITETÔNICAS R$ Análise ou revalidação de projeto inicial referente a habitações unifamiliar isolada. 196, Análise ou revalidação de projeto inicial referente à habitação unifamiliar conjunto, com até 393,21 12 unidades Análise ou revalidação de projeto inicial referente à habitação multifamiliar isolada, com até 983,02 04 pavimentos Análise ou revalidação de projeto inicial referente a usos não habitacionais, com até 480, m² de área de construção Análise ou revalidação de projeto de legalização de construção e levantamento de obra 327,67 antiga, com área até 400m² Análise ou revalidação de projeto de legalização de construção e levantamento de obra 983,02 antiga, com área superior a 400m² Análise ou revalidação de projeto de reforma com ou sem acréscimo de área referente à 196,6 habitação unifamiliar isolada Análise ou revalidação de projeto de reforma com ou sem acréscimo de área referente à 393,21 habitação unifamiliar conjunto, com até 12 unidades Análise ou revalidação de projeto de reforma com ou sem acréscimo de área referente à 983,02 habitação multifamiliar isolada com até 04 pavimentos Análise ou revalidação de projeto de reforma com ou sem acréscimo de área referente a 491,56 usos não habitacionais, com até 1.500m² de área de construção Análise ou revalidação de plantas relativas à alteração durante a obra , Análise ou revalidação de projeto de obra de arte. 98, Análise ou revalidação de plantas relativas a projeto não enquadrado nos itens acima , PROJETOS ESPECIAIS R$ Análise ou revalidação de projeto de antenas transmissoras de radiação eletromagnética ou 1.966,03 equipamentos correlatos Análise ou revalidação de projeto de dutos subterrâneos Até 12 metros lineares Superior a 12 metros, por metro linear acrescido ,03 1, Análise ou revalidação de projeto para instalação de equipamento de prestadoras de 65,53 serviços de telefonia, gás, energia elétrica, água e esgoto, instalado em logradouro e área pública Análise e instalação de cabos aéreos Até 30 metros lineares Superior a 30 metros, por metro linear acrescido ,12 1, Análise ou revalidação de projeto não enquadrado nos itens acima ,03

4 4.0 ALVARÁ DE CONSTRUÇÃO R$ Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção 131,07 de antenas transmissoras de radiação eletromagnética ou equipamento correlato Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção de dutos subterrâneos: Até 12 metros lineares 131,07 A partir de 12 metros, por metro linear acrescido 1, Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, 131,07 com área até 400m² Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, 196,6 com área até 400m².Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, com área superior a 400m² até Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, 327,67 com área superior a Atualização de tributo do alvará de construção prescrito a menos de 01(um) ano. 65, Atualização de tributo do alvará de construção prescrito a mais de 01(um) ano. 131, Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção 327,67 não enquadrado nos itens acima. 5.0 ALVARÁ DE SERVIÇOS QUE INDEPENDEM DE PLANTAS (SEM REFORMA DA R$ EDIFICAÇÃO) Análise para execução de abertura de vãos, alvenaria, coberta, demolição, elevação de 65,53 piso, guarita, laje, marquise e muro divisório Inspeção e fixação de pontos referenciais para construção de muro de alinhamento. 98, Análise para instalação de elevador de alçapão, elevador de uso coletivo e residencial, 327,67 escada rolante, motocarga, e outros de natureza especial, tais como: elevador de degraus sobre esteira, elevador hidráulico, elevador para garagem com carga e descarga automática, empilhadeira fixa, esteira transportadora de grande porte, plano inclinado, ponte rolante, pórtico, tapete rolante e teleférico Análise para execução de outros elementos não enquadrados nos itens acima. 65, ALVARÁ DE HABITE-SE R$ Análise de documentação e vistoria local referente à habitação unifamiliar isolada. 327, Análise de documentação e vistoria local referente à habitação unifamiliar conjunto, com até 196,6 12 unidades Análise de documentação e vistoria local referente à habitação multifamiliar isolada, com 196,6 até 04 pavimentos Análise de documentação e vistoria local referente a usos não habitacionais, com até 262, m² de área de construção Análise de documentação e vistoria local referente à concessão de habite-se de 65,53 subunidade, por unidade Análise de documentação e vistoria local não enquadrada nos itens acima. 393, ALVARÁ DE ACEITE-SE R$ Análise de documentação e vistoria local referente a acréscimo, com área até 400m². 98, Análise de documentação e vistoria local referente a acréscimo, com área superior a 400m² 196,6 até Análise de documentação e vistoria local referente a acréscimo, com área superior a 327, SERVIÇOSDIVERSOS R$ Análise e inspeção ou revalidação relativas a investidura ou desapropriação. 327, Análise e inspeção ou revalidação relativas a movimento de terras. 327, Guarda de materiais e/ou equipamentos retido, por dia 6, Consulta de viabilidade referente a imóvel especial e atividade econômica. 65, Consulta de viabilidade referente a loteamento. 327, Análise para transferência de propriedade e/ou responsabilidade técnica. 19, Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação de subunidade, 65,53 por unidade ou habitação unifamiliar isolada Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação referente à 196,6 habitação unifamiliar conjunto, com até 12 unidades Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação referente à 196,6 habitação multifamiliar isolada, com até 04 pavimentos Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação referente a uso 262,14 não habitacional, com até 1.500m² de área de construção Inspeção extra de serviço previsto nesta tabela ocasionado por qualquer problema de 65,53 responsabilidade do requerente que não tenha permitido o acesso e a informação quando da inspeção anterior Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação não enquadrado 393,21 nos itens acima Análise de outras situações não enquadradas nos itens acima. 32, EVENTUAIS R$ Análise e inspeção necessárias à instalação de equipamentos (área pública e privada por equipamento):

5 Arquibancada, camarote, mostruário ou stand de exposição, palanque e palco, palhoção, stand de vendas, tenda e toldo. Até 9m² 65,53 Superior a 9 m² até 90 m² 131,07 Superior a 90 m² até 180 m² 196,6 Superior a 180 m² até 240 m² 262,14 Superior a 240 m² 327, Banca de jornais e revistas, barraca de artigos de época, fiteiro, quiosque e trailler. 65, Circo até 5.000m² 131, Circo acima de 5.000m² 262, Comércio em veículo automotivo, em eventos 65, Parque de diversão 131, Balcão, tabuleiro e equipamento circulante, em eventos 19, Trailler 65, Outros equipamentos não enquadrados nos itens acima 65, Análise referente a liberação do solo público por evento/dia. Até 300 m² 32,82 Superior a 300 m² até 600 m² 49,14 Superior a 600 m² até m² 65,53 Superior a m² até m² 98,36 Superior a m² 131, Circulantes por dia de apresentação De pequeno porte 163, De grande porte 327,67 Redação dada pelo art. 3º da Lei de 28/2/2001. Redação original: ANEXO XII LICENÇA PARA EXECUÇÃO DE OBRAS OU SERVIÇOS DE ENGENHARIA 1.0 TERRENO UFIR 1.01 Análise de terreno e/ou de sua revalidação e modificação referente a: arruamento, loteamento, 3.258,0 desmembramento, remembramento 1.02 Análise de terreno e/ou de sua revalidação referente a demarcação 3.258,0 2.0 PLANTAS ARQUITETÔNICAS UFIR 2.01 Análise ou revalidação de projeto inicial referente a habitações unifamiliares 3.258, Análise ou revalidação de projeto inicial referente a habitações multifamiliares com até ,0 pavimentos 2.03 Análise ou revalidação de projeto inicial referente a usos: comerciais, de diversões, educação, 3.258,0 hotelaria, saúde, serviços prestados às empresas, serviços pessoais, culto, comunicações, serviços de reparo e manutenção, grandes equipamentos e industriais, com até m2 de área de construção 2.04 Análise ou revalidação de projetos de legalização de construção e levantamento de obra antiga 3.258, Análise ou revalidação de plantas relativas a alteração durante a obra, a modificação interna e a 3.258,0 ampliação 2.06 Análise de projeto de obra de arte 3.258, Análise ou revalidação de plantas relativas a projeto inicial não enquadrados nos itens acima 3.258,0 3.0 ALVARÁ DE CONSTRUÇÃO UFIR 3.01 Análise da documentação para fins de concessão e/ou renovação do alvará de construção 3.258, Atualização de tributos do Alvará de Construção 3.258, Elevadores de uso coletivo e residenciais, motocargas, escadas rolantes, elevadores de alçapão e 3.258,0 outros de natureza especial, tais como: planos inclinados, elevadores de degraus sobre esteiras, tapetes rolantes, teleféricos, elevadores para garagem com carga e descarga automática, empilhadeiras fixas, pontes rolantes, esteiras transportadoras de grande porte, elevadores hidráulicos, pórticos 4.0 ALVARÁ DE SERVIÇOS QUE INDEPENDEM DE PLANTAS (SEM REFORMA DA EDIFICAÇÃO) UFIR 4.01 Análise para execução de laje, muro divisório, abertura de vãos, alvenaria, coberta, demolição, 3.258,0 guarita e marquise 4.02 Inspeção e fixação de pontos referenciais para construção de muros de alinhamento, ainda não 3.258,0 fixados quando da aprovação do projeto arquitetônico ou no alvará de construção 5.0 ALVARÁ DE HABITE-SE UFIR 5.01 Análise de documentação e vistoria local referente a habitações unifamiliares 3.258, Análise de documentação e vistoria local referente a unidade principal das habitações 3.258,0 multifamiliares com até 04 pavimentos 5.03 Análise de documentação e vistoria local referente a usos: comerciais, de diversões, educação, 3.258,0 hotelaria, saúde, serviços prestados às empresas, serviços pessoais, culto, comunicações, serviços de reparo e manutenção, grandes equipamentos e industriais, com até m2 de área de construção 5.04 Análise de documentação e vistoria local referente a concessão de "habite-se" de sub-unidade, por unidade 3.258,0

6 5.05 Análise de documentação e vistoria local não enquadrada nos itens acima 3.258,0 6.0 ALVARÁ DE ACEITE-SE UFIR 6.01 Análise de documentação e vistoria local 3.258,0 7.0 SERVIÇOS DIVERSOS UFIR 7.01 Análise e inspeção relativas a investidura ou desapropriação 3.258, Análise ou revalidação e inspeção referente a movimento de terra 3.258, Guarda de materiais e/ou equipamentos retidos, por dia 3.258,0 8.0 EVENTUAIS UFIR 8.01 Análise e Inspeção Necessárias a Instalação de Equipamentos Barraca de artigos de época, bancas de jornais e revistas, fiteiro, quiosque, toldo equipamento em 3.258,0 parque de diversão e "trailler" Arquibancada 3.258, Palanque e palco 3.258, Mostruário ou stand de exposição 3.258, Análise referente a liberação de solo público para eventos 3.258, Estacionados, por dia: Barracas/quiosques/tendas/palhoção: até 9 m ,0 - acima 9 m , Trailler 3.258, Arquibancada 3.258, Palanque e palco 3.258, Mostruário ou stand de exposição 3.258, Tabuleiros e balcões 3.258, Parque de diversão 3.258, Circulantes, por dia e/ou apresentação De grande porte 3.258, De pequeno porte 3.258,0 Redação dada pelo art. 3º da Lei nº , de 29/12/1995. VALORES EM 2015 ANEXO XII LICENÇA PARA INSPEÇÃO DE OBRAS/SERVIÇO DE ENGENHARIA Terreno Valores em Real Parcelamento de terrenos com lotes resultantes, destinados a fins sociais medindo 5,00 metros (cinco metros) de frente e 125,00m² de área. Análise de terreno referente a desmembramento, remembramento e demarcação, com área até 5.000m². 367,10 Análise de terreno referente a desmembramento, remembramento e demarcação com área superior a 5.000m² até m². Análise de terreno referente a desmembramento, remembramento e demarcação com área superior a m². Análise de terreno referente a arruamento e loteamento. Análise de terreno não enquadrada nos itens acima. Análise de terreno referente a desmembramento, remembramento e demarcação de imóvel de propriedade da União, do Estado e/ou do Município , ,17

7 Plantas Arquitetônicas REVALIDAÇÃO DE PROJETO ARQUITETÔNICO Análise ou revalidação de projeto inicial referente à habitação unifamiliar isolada. Análise ou revalidação de projeto de reforma com ou sem acréscimo de área referente a habitação multifamiliar única e isolada. Análise ou revalidação de projeto inicial referente à habitação unifamiliar conjunto com até 12 unidades. Análise ou revalidação de projeto inicial referente à habitação multifamiliar isolada com até 04 pavimentos. Análise ou revalidação de projeto inicial referente a usos não habitacionais, com até 1.500m² de área de construção. Análise ou revalidação de projeto de legalização de construção e levantamento de obra antiga, com área até 400m². Análise ou revalidação de projeto inicial referente à habitação unifamiliar de propriedade do servidor municipal que outra não possua. Análise ou revalidação de projeto de legalização de levantamento de obra antiga, referente a habitação unifamiliar de propriedade do servidor municipal que outra não possua. Análise ou revalidação de projeto de reforma com ou sem acréscimo de área referente à habitação unifamiliar de propriedade do servidor municipal que outra não possua. Análise ou revalidação de plantas relativas a alteração durante a obra referente à habitação unifamiliar de propriedade do servidor municipal que outra não possua. Análise ou revalidação de projeto inicial referente a imóvel de responsabilidade direta da União, do Estado e do Município. Análise ou revalidação de plantas relativas a alteração durante a obra referente a imóvel de responsabilidade direta da União, do Estado e do Município 880, , ,31 Análise ou revalidação de projeto de legalização de construção e levantamento de obra antiga referente a imóvel de responsabilidade direta da União, do Estado e do Município. Análise ou revalidação de projeto de legalização de construção e levantamento de obra antiga, com área superior a 400m². Análise ou revalidação de projeto de reforma com ou sem acréscimo de área referente à habitação unifamiliar isolada. Análise ou revalidação de projeto de reforma com ou sem acréscimo de área referente a habitação multifamiliar única e isolada. Análise ou revalidação de projeto de reforma com ou sem acréscimo de área referente à habitação unifamiliar conjunto, com até 12 unidades. Análise ou revalidação de projeto de reforma com ou sem acréscimo de área referente à habitação multifamiliar isolada com até 04 pavimentos ,72 880, ,72 Análise ou revalidação de projeto de reforma com ou sem acréscimo de área referente a usos não habitacionais, com até 1.500m² de área de construção. Análise ou revalidação de plantas relativas à alteração durante a obra. Análise ou revalidação de projeto de obra de arte. Análise ou revalidação de plantas relativas a projeto não enquadrado nos itens acima ,40 220,22 de até 6m² de área construída. Habitação unifamiliar única e isolada com até 6m² de área construída. Projetos Especiais Alvará de Construção de Projetos Especiais Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção de antenas transmissoras de radiação eletromagnética ou equipamento correlato. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, de dutos subterrâneos até 12 metros lineares. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, de dutos subterrâneos a partir de 12 metros por metro linear acrescido Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de instalação de cabos aéreos até 30 metros lineares. Análise para concessão de alvará de instalação de cabos aéreos, superior a 30 metros, por metros linear acrescido. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção não enquadrado nos itens acima. 2,25 2,25

8 Aprovação de Projetos Especiais Análise ou revalidação de projeto de antenas transmissoras de radiação eletromagnética ou equipamentos correlatos. Análise ou revalidação de projeto de dutos subterrâneos até 12 metros lineares.. Superior a 12 metros, por metro linear acrescido. Análise ou revalidação de projeto para instalação de equipamento de prestadoras de serviços de telefonia, gás, energia elétrica, água e esgoto, instalado em logradouro e área pública.. Análise ou revalidação de projeto de cabos aéreos até 30 metros lineares. Superior a 30 metros, por metro linear acrescido. Análise ou revalidação de projeto não enquadrado nos itens acima. 2,27 147,15 2,25 Alvará de Construção Alvará de Construção Inicial de até 6m² de área construída. Habitação unifamiliar única e isolada com até 6m² de área construída. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, com área até 400m². 400m² até Análise e/ou revalidação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, referente a habitação unifamiliar de propriedade do servidor municipal que outra não possua. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção não enquadrado nos itens acima. Análise e ou renovação de documentação para fins de concessão de alvará de construção, referente ao imóvel de responsabilidade direta da União, do Estado e/ou do Município. Renovação de Alvará de Construção de até 6m² de área construída. Habitação unifamiliar única e isolada com até 6m² de área construída. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, com área até 400m². 400m² até Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, referente a habitação unifamiliar de propriedade do servidor municipal que outra não possua.

9 Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção não enquadrado nos itens acima. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão de alvará de construção, referente ao imóvel de responsabilidade direta da União, do Estado e/ou do Município. Alvará de Construção / Legalização de até 6m² de área construída. Habitação unifamiliar única e isolada com até 6m² de área construída. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, com área até 400m². 400m² até Análise e/ou revalidação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, referente a habitação unifamiliar de propriedade do servidor municipal que outra não possua. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção não enquadrado nos itens acima. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão de alvará de construção, referente ao imóvel de responsabilidade direta da União, do Estado e/ou do Município. Alvará de Construção / Reforma de até 6m² de área construída. Habitação unifamiliar única e isolada com até 6m² de área construída. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, com área até 400m². 400m² até Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, referente a habitação unifamiliar de propriedade do servidor municipal que outra não possua. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção não enquadrado nos itens acima. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão de alvará de construção, referente ao imóvel de responsabilidade direta da União, do Estado e/ou do Município. Alvará de Construção / Alteração durante a obra de até 6m² de área construída. Habitação unifamiliar única e isolada com até 6m² de área construída. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, com área até 400m². 400m² até Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção, referente a habitação unifamiliar de propriedade do servidor municipal que outra não possua. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão do alvará de construção não enquadrado nos itens acima. Análise e/ou renovação de documentação para fins de concessão de alvará de construção, referente ao imóvel de responsabilidade direta da União, do Estado e/ou do Município. Aprovação de Projeto Inicial Análise ou revalidação de projeto inicial referente à habitação unifamiliar isolada.

10 Análise ou revalidação de projeto inicial referente à habitação unifamiliar conjunto com até 12 unidades. Análise ou revalidação de projeto inicial referente à habitação multifamiliar isolada com até 04 pavimentos. Análise ou revalidação de projeto inicial referente a usos não habitacionais, com até 1.500m² de área de construção. Análise ou revalidação de projeto inicial referente a habitação unifamiliar de propriedade do servidor municipal que outra não possua. Análise ou revalidação de plantas relativas a projeto não enquadrado nos itens acima. 880,94 2,202,72 1,077,31 de até 6m² de área construída. Inspeção extra de serviço previsto nesta tabela ocasionado por qualquer problema de responsabilidade do requerente que não tenha permitido o acesso e a informação, quando da inspeção anterior. Habitação unifamiliar única e isolada com até 6m² de área construída. Análise ou revalidação de projeto inicial referente a imóvel de responsabilidade direta da União, do Estado e do Município. ALVARÁ DE DEMOLIÇÃO Análise para execução de abertura de vãos, alvenaria, coberta, demolição, elevação de piso, guarita, laje, marquise, e muro divisório. Análise para execução de outros elementos não enquadrados nos itens acima. Alvará de Habite-se de até 6m² de área construída. Habitação unifamiliar única e isolada com até 6m² de área construída Análise de documentação e vistoria no local referente a habitação unifamiliar de propriedade do servidor municipal que outra não possua Análise de documentação e vistoria local referente à habitação unifamiliar isolada. Análise de documentação e vistoria local referente à habitação unifamiliar conjunto, com até 12 unidades. Análise de documentação e vistoria local referente à habitação multifamiliar isolada, com até 04 pavimentos. Análise de documentação e vistoria local referente a usos não habitacionais, com até 1.500m² de área de construção. Análise de documentação e vistoria local referente à concessão de habite-se de subunidade, por unidade. Inspeção extra de serviço previsto nesta tabela ocasionado por qualquer problema de responsabilidade do requerente que não tenha permitido o acesso e a informação, quando da inspeção anterior. Análise de documentação e vistoria local não enquadrada nos itens acima. Réplica de processos diversos, desde que mantido integralmente o pedido anteriormente indeferido 587,21 880,94 Alvará de Aceite-se Análise de documentação e vistoria local, sem ou com acréscimo de área até 400m². 220,22 Análise de documentação e vistoria local referente a acréscimo de área de habitação unifamiliar de propriedade de servidor municipal que outra não possua.

11 Análise de documentação e vistoria local referente a acréscimo, com área superior a 400m² até Análise de documentação e vistoria local referente a acréscimo, com área superior a Habitação unifamiliar única e isolada com até 6m² (sessenta metros quadrados) de área construída. Conjunto habitacional com fins sociais, executado por órgão governamental da administração pública, por moradia de até 6m² (sessenta metros quadrados) de área construída. Inspeção extra de serviço previsto nesta tabela ocasionado por qualquer problema de responsabilidade do requerente que não tenha permitido o acesso e a informação, quando da inspeção anterior. Referente a conjunto habitacional com fins sociais, executado por órgão governamental de administração direta por moradia de até 6m² de área construída. Serviço sem reforma Análise para execução de abertura de vãos, alvenaria coberta, demolição, elevação de piso, guarita, laje, marquise e muro divisório. 146,54 Inspeção e fixação de pontos referenciais para construção de muro de alinhamento. 220,22 Análise para instalação de elevador de alçapão, elevador de uso coletivo e residencial, escada rolante, motocarga, e outros de natureza especial, tais como: elevador de degraus sobre esteira, elevador hidráulico, elevador para garagem com carga e descarga automática, empilhadeira fixa, esteira transportadora de grande porte, plano inclinado, ponte rolante, pórtico, tapete rolante e teleférico. Análise para execução de outros elementos não enquadrados nos itens acima Réplica de processos diversos, desde que mantido integralmente o pedido anteriormente indeferido Serviços Diversos Análise e inspeção ou revalidação relativas a investidura ou desapropriação. Análise e inspeção ou revalidação relativas a movimento de terras. Guarda de material e/ou equipamento retido, por dia. Consulta de viabilidade referente a loteamento. Análise para transferência de propriedade e/ou responsabilidade técnica. 14,44 44,16 Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação de subunidade, por unidade ou habitação unifamiliar isolada. Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação referente à habitação unifamiliar conjunto, com até 12 unidades. Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação referente à habitação multifamiliar isolada, com até 04 pavimentos. Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação referente a uso não habitacional, com até 1.500m² de área de construção. 587,21 Inspeção extra de serviço previsto nesta tabela ocasionado por qualquer problema de responsabilidade do requerente que não tenha permitido o acesso e a informação, quando da inspeção anterior. Inspeção para concessão de laudo de vistoria administrativa de edificação não enquadrado nos itens acima. Análise de outras situações não enquadradas nos itens acima. Fornecimento por meio de documento de parâmetros urbanístico. Análise de documentação e vistoria local não enquadrada nos itens acima. Consulta de viabilidade referente a imóvel especial e atividade econômica. Material recolhido ao depósito - Dia (s) 880,94 73,36 43,41 880,94 136,59 Multa ambiental - Apreensão de material tipo ,78

12 Multa ambiental - Apreensão de material tipo 02 Multa ambiental - Apreensão de material tipo 03 Multa ambiental - Apreensão de material tipo 04 Multa ambiental - Apreensão de material tipo 05 Multa ambiental - Apreensão de equipamentos / material, por dia(s) Infração ambiental - Lei /96 - art.130 Infração ambiental - Lei /96 - art.131 Infração ambiental - Lei /96 - art.132 Infração ambiental - Lei /96 - art.133 Infração ambiental - Lei /96 - art.134 Infração ambiental - Lei /96 - art.135 Infração ambiental - Lei /96 - art.136 Infração ambiental - Lei /96 - art.137 Material recolhido ao depósito - Dia(s) Material recolhido ao depósito - Dia(s) Material recolhido ao depósito - Dia(s) Material recolhido ao depósito - Dia(s) 273,58 410,51 547,30 684,23 14,35 63,61 381,75 636, , , , , ,74 273,74 410,60 547,42 684,26 Atualização de tributo do alvará de construção prescrito a menos de 01 (um) ano. Atualização de tributo do alvará de construção prescrito a mais de 01 (um) ano. Análise ou revalidação de projeto de obra de arte. 220,22 Busca de papéis, por documento. 4,27 Certidão narrativa / consulta DIRCON. Realização de inspeção local para anotação de confrontações, interesse em planos urbanísticos e outros elementos complementares. Autenticação de plantas arquitetônicas e urbanísticas e de outros documentos, exceto habite-se e aceite-se, prancha ou folha. Análise referente a processos de reclamação de qualquer espécie, inclusive arbitramento de multa 145,52 14,26

EMENTA: Altera os anexos do Decreto n.º 17.239, de 24 de janeiro de 1996.

EMENTA: Altera os anexos do Decreto n.º 17.239, de 24 de janeiro de 1996. DECRETO DE Nº 17.261/96 DE 12 DE FEVEREIRO DE 1996. (Publicado no DOM de 13/02/96) EMENTA: Altera os anexos do Decreto n.º 17.239, de 24 de janeiro de 1996. O PREFEITO DA CIDADE DO RECIFE, no uso das atribuições

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAVATÁ Secretaria de Planejamento e Orçamento Secretaria Executiva de Planejamento Urbano

PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAVATÁ Secretaria de Planejamento e Orçamento Secretaria Executiva de Planejamento Urbano PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAVATÁ Secretaria de Planejamento e Orçamento Secretaria Executiva de Planejamento Urbano 2014 CONCEITOS GERAIS DOS SERVIÇOS E Lei nº 3401/06 ( Plano Diretor), Lei nº 3420/07 (Código

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE LONDRINA Secretaria Municipal de Obras e Pavimentação. Documentação para aprovação

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE LONDRINA Secretaria Municipal de Obras e Pavimentação. Documentação para aprovação PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE LONDRINA Secretaria Municipal de Obras e Pavimentação DIRETORIA DE APROVAÇÃO DE PROJETOS Onde requerer: Praça de Atendimento 2 - Centro Administrativo Térreo Endereço: Avenida

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS CONSTANTES NO GUIA DE SERVIÇOS DA PREFEITURA

PERGUNTAS E RESPOSTAS CONSTANTES NO GUIA DE SERVIÇOS DA PREFEITURA PERGUNTAS E RESPOSTAS CONSTANTES NO GUIA DE SERVIÇOS DA PREFEITURA IMÓVEIS - EDIFICAÇÕES E LOTEAMENTOS A Prefeitura Municipal de Aracaju fiscaliza e licencia obras de edificação e de parcelamento do solo

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS CONSTANTES NO GUIA DE SERVIÇOS 2007 PMA

PERGUNTAS E RESPOSTAS CONSTANTES NO GUIA DE SERVIÇOS 2007 PMA PERGUNTAS E RESPOSTAS CONSTANTES NO GUIA DE SERVIÇOS 2007 PMA IMÓVEIS - EDIFICAÇÕES E LOTEAMENTOS A Prefeitura Municipal de Aracaju fiscaliza e licencia obras de edificação e de parcelamento do solo através

Leia mais

TABELA ANEXA. QUADRO II Taxa devida pela emissão de alvará de licença ou admissão de comunicação prévia de obras de urbanização

TABELA ANEXA. QUADRO II Taxa devida pela emissão de alvará de licença ou admissão de comunicação prévia de obras de urbanização TABELA ANEXA QUADRO I Taxa devida pela emissão de alvará, licença ou admissão de comunicação prévia de loteamento com ou sem obras de urbanização 1 Emissão do alvará de licença ou admissão de comunicação

Leia mais

Manual da Construção. Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento Econômico

Manual da Construção. Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento Econômico Manual da Construção Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento Econômico APRESENTAÇÃO A presente cartilha é uma contribuição da Prefeitura Municipal de Viana, através da Secretaria de Planejamento

Leia mais

Art. 2º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação. Heber Xavier Ferreira Coordenador do COPLAN/ALTO VALE

Art. 2º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação. Heber Xavier Ferreira Coordenador do COPLAN/ALTO VALE RESOLUÇÃO COPLAN Nº 001/2012 O Coordenador do COPLAN/ALTO VALE, no exercício de suas atribuições e, atendendo a deliberação ocorrida na reunião ordinária do dia 07/12/2011, resolve: Art. 1º Fica aprovado,

Leia mais

TABELA ANEXA DE TAXAS

TABELA ANEXA DE TAXAS TABELA ANEXA DE TAXAS Actualizada de acordo com o artigo 80º (De Fev. 2008 a Fev. 2009) QUADRO I Emissão de alvará de licença ou autorização de loteamento e de obras de urbanização 1. Emissão do alvará

Leia mais

TABELA DE TAXAS PARTE B - OPERAÇÕES URBANÍSTICAS QUADRO I. Taxa devida pela apreciação de projectos de loteamento

TABELA DE TAXAS PARTE B - OPERAÇÕES URBANÍSTICAS QUADRO I. Taxa devida pela apreciação de projectos de loteamento TABELA DE TAXAS PARTE B - OPERAÇÕES URBANÍSTICAS Loteamento sem obras de urbanização QUADRO I Taxa devida pela apreciação de projectos de loteamento 1 Informação prévia 95,00 d) 2 Licenciamento 142,00

Leia mais

PREFEITURA DE SÃO LUÍS SECRETARIA MUNICIPAL DE URBANISMO E HABITAÇÃO - SEMURH

PREFEITURA DE SÃO LUÍS SECRETARIA MUNICIPAL DE URBANISMO E HABITAÇÃO - SEMURH Documentos pessoais do requerente; Certidão Negativa do IPTU; Documento de responsabilidade técnica emitido pelo CREA ou CAU; Declaração do engenheiro ou arquiteto responsável pela obra; Aprovação do projeto

Leia mais

ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA REPRESENTAÇÕES DE DESENHO TÉCNICO E APROVAÇÃO DE PROJETOS SETOR DE ENGENHARIA

ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA REPRESENTAÇÕES DE DESENHO TÉCNICO E APROVAÇÃO DE PROJETOS SETOR DE ENGENHARIA ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA REPRESENTAÇÕES DE DESENHO TÉCNICO E APROVAÇÃO DE PROJETOS SETOR DE ENGENHARIA ANEXO II DO DECRETO N 80/2011 DE 02/05/2011 PARTE 01: OBRA NOVA OU AMPLIAÇÃO 1. Planta de situação

Leia mais

LEI N.º 10.348 DE 4 DE SETEMBRO DE 1987

LEI N.º 10.348 DE 4 DE SETEMBRO DE 1987 LEI N.º 10.348 DE 4 DE SETEMBRO DE 1987 Dispõe sobre instalação e funcionamento de elevadores e outros aparelhos de transporte, e dá outras providências. Jânio da Silva Quadros, Prefeito do Município de

Leia mais

Tabela de Taxas de Edificação e Urbanização no Município de Ponte de Lima para o Ano de 2012

Tabela de Taxas de Edificação e Urbanização no Município de Ponte de Lima para o Ano de 2012 Tabela de Taxas de Edificação e Urbanização no Município de Ponte de Lima para o Ano de 2012 Descrição I. Taxa devida pela apreciação de processos Valor 1. Em operações de loteamento, para emissão de alvará

Leia mais

Tabela de Taxas de Edificação e Urbanização no Município de Ponte de Lima para o Ano de 2015 Descrição I. Taxa devida pela apreciação de processos Valor em euros 1. Em operações de loteamento, para emissão

Leia mais

APROVAÇÃO E LICENÇA - RESIDENCIAL UNIFAMILIAR

APROVAÇÃO E LICENÇA - RESIDENCIAL UNIFAMILIAR APROVAÇÃO E LICENÇA - RESIDENCIAL UNIFAMILIAR 1. Formulário Padrão (fornecido pelo IMPLURB) devidamente preenchido, sendo imprescindível conter o nome do interessado, número do telefone, número do celular

Leia mais

EMPRESA MUNICIPAL DE OBRAS E URBANIZAÇÃO COORDENADORIA DE CONTROLE URBANO ANUÊNCIA PRÉVIA PARA CONSTRUÇÃO INICIAL DE EDIFICAÇÃO NÃO RESIDENCIAL

EMPRESA MUNICIPAL DE OBRAS E URBANIZAÇÃO COORDENADORIA DE CONTROLE URBANO ANUÊNCIA PRÉVIA PARA CONSTRUÇÃO INICIAL DE EDIFICAÇÃO NÃO RESIDENCIAL ANUÊNCIA PRÉVIA PARA CONSTRUÇÃO INICIAL DE EDIFICAÇÃO NÃO RESIDENCIAL 1. Requerimento assinado pelo proprietário ou procurador legalmente constituído. 2. Nº da inscrição cadastral do imóvel para prova

Leia mais

A QUADRO I - Taxa devida pela emissão de alvará de licença ou por comunicação prévia de operação de loteamento e ou seus aditamentos

A QUADRO I - Taxa devida pela emissão de alvará de licença ou por comunicação prévia de operação de loteamento e ou seus aditamentos DESCRIÇÃO T A X Taxas 2011 A QUADRO I - Taxa devida pela emissão de alvará de licença ou por comunicação prévia de operação de loteamento e ou seus aditamentos 1. Taxa de Apreciação 302,51 2. Emissão do

Leia mais

1º Para aplicação da Tabela I, será considerado o valor da obra, no caso de atividade de execução e o valor dos serviços para as demais atividades.

1º Para aplicação da Tabela I, será considerado o valor da obra, no caso de atividade de execução e o valor dos serviços para as demais atividades. ATO NORMATIVO Nº 55/03 Dispõe sobre os valores das taxas de registro de ART devidas ao Crea ES, para o exercício de 2004 e dá outras providências. O CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA

Leia mais

ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE JOÃO PESSOA SECRETARIA DE PLANEJAMENTO -SEPLAN DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA EMISSÕES DE:

ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE JOÃO PESSOA SECRETARIA DE PLANEJAMENTO -SEPLAN DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA EMISSÕES DE: DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA EMISSÕES DE: 1. ALVARÁ DE CONSTRUÇÃO / AMPLIAÇÃO /REFORMA / REGULARIZAÇÃO de Deve ter os dados do proprietário, dimensões do lote e ser registrada em cartório. Será aceito dimensões

Leia mais

ORIENTAÇÕES INICIAIS PARA PROPRIETÁRIOS E ARQUITETOS

ORIENTAÇÕES INICIAIS PARA PROPRIETÁRIOS E ARQUITETOS 1. ROTEIRO PARA APROVAÇÃO E LIBERAÇÃO DE PROJETOS E OBRAS: PROJETOS A. Aprovação do Projetos pelo Depto. Técnico da Associação B. Aprovação do Projeto e Solicitação de Alvará de Construção na Prefeitura

Leia mais

ATO NORMATIVO Nº 57 / 2005

ATO NORMATIVO Nº 57 / 2005 ATO NORMATIVO Nº 57 / 2005 Dispõe sobre os valores das taxas de registro de ART devidas ao Crea-ES, para o exercício de 2006 e dá outras providências. O CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA

Leia mais

CONCESSÃO DE VIABILIDADE TÉCNICA PARA NOVOS EMPREENDIMENTOS ENG.006.03.2015

CONCESSÃO DE VIABILIDADE TÉCNICA PARA NOVOS EMPREENDIMENTOS ENG.006.03.2015 CONCESSÃO DE VIABILIDADE TÉCNICA PARA NOVOS EMPREENDIMENTOS ENG.006.03.2015 OBJETIVO Estabelecer as regras e procedimentos para concessão de viabilidade técnica, aprovação de projetos e acompanhamento

Leia mais

Município de Estarreja 1

Município de Estarreja 1 Apreciação de pedidos I 0 0 0 0 I 1 0 0 0 I 1.1 0 0 0 I 1.1 a) 0 0 I 1.1 b) 0 0 I 1.2 0 0 0 I 2 0 0 0 I 2.1 0 0 0 I 2.2 0 0 0 I 3 0 0 0 I 3.1 0 0 0 I 3.2 0 0 0 I 3.3 0 0 0 Informação Prévia Loteamentos

Leia mais

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS 1 AUTORIZAÇÕES E CADASTRAMENTO Para entrada de profissionais e execução de serviços como LEVANTAMENTO PLANIALTIMÉTRICO e SONDAGEM, será necessária a autorização por

Leia mais

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DOS PROJETOS

MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DOS PROJETOS MANUAL PARA APRESENTAÇÃO DOS PROJETOS 1 1. AUTORIZAÇÕES E CADASTRAMENTO: Para entrada de profissionais e execução de serviços como LEVANTAMENTO PLANIALTIMÉTRICO e SONDAGEM, será necessária a autorização

Leia mais

AULA 3. Aspectos Técnicos da Regularização Fundiária.

AULA 3. Aspectos Técnicos da Regularização Fundiária. Regularização Fundiária de Assentamentos Informais em Áreas Urbanas Disciplina: Regularização Fundiária e Plano Diretor Unidade 03 Professor(a): Laura Bueno e Pedro Monteiro AULA 3. Aspectos Técnicos da

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 502, DE 21 DE SETEMBRO DE 2007

RESOLUÇÃO Nº 502, DE 21 DE SETEMBRO DE 2007 RESOLUÇÃO Nº 502, DE 21 DE SETEMBRO DE 2007 Fixa os valores de registro de ART e dá outras providências. O CONSELHO FEDERAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA Confea, no uso das atribuições que lhe

Leia mais

II Desenho na escala de 1:100 (uma para cem); III Cotas necessárias à perfeita compreensão do projeto; 1º - O projeto simplificado deverá apresentar:

II Desenho na escala de 1:100 (uma para cem); III Cotas necessárias à perfeita compreensão do projeto; 1º - O projeto simplificado deverá apresentar: Institui Projeto Simplificado e dispõe sobre a forma de apresentação de projetos de construção de edificações residenciais unifamiliares, e dá outras providências. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE GUARATINGUETÁ

Leia mais

CÓDIGO DE OBRAS E POSTURAS

CÓDIGO DE OBRAS E POSTURAS CÓDIGO DE OBRAS E POSTURAS EQUIPE ATUAL REGINA COSTA E SILVA COL SOCORRO LIMA COFIS SIMONE MENDES COURB ROJESTIANE NOBRE COURB METODOLOGIA DE TRABALHO 1. ATIVIDADES DESENVOLVIDAS PELOS PROFISSIONAIS DA

Leia mais

DECLARAÇÃO DE CONFORMIDADE DA CASA DE LIXO

DECLARAÇÃO DE CONFORMIDADE DA CASA DE LIXO DECLARAÇÃO DE CONFORMIDADE DA CASA DE LIXO A entrada do processo é feita no protocolo da EMSURB localizada na portaria do Parque da Sementeira. Após a análise é fornecida a DECLARAÇÃO E O PARECER TÉCNICO

Leia mais

DIVISÃO DE FISCALIZAÇÃO DE OBRAS

DIVISÃO DE FISCALIZAÇÃO DE OBRAS DIVISÃO DE FISCALIZAÇÃO DE OBRAS HABITE-SE CERTIDÃO RETIFICAÇÃO DE NÚMERO E DE ENDEREÇO CERTIDÃO DE USO E OCUPAÇÃO DO SOLO PARA EMPREENDIMENTO DE USO RESIDENCIAL E NÃO RESIDENCIAL RENOVAÇÃO DE HABITE-SE/

Leia mais

Lei Municipal N.º 1414

Lei Municipal N.º 1414 Câmara Municipal de Volta Redonda Estado do Rio de Janeiro Lei Municipal N.º 1414 Art. 126 - Para que seja concedido habite-se parcial ou total é necessário o registro prévio de declaração do autor do

Leia mais

Informação para quem vai comprar, construir ou reformar.

Informação para quem vai comprar, construir ou reformar. Informação para quem vai comprar, construir ou reformar. Última Alteração - Dez/2007 Guia SUA CASA Orientação para quem vai comprar ou construir casas, terrenos e apartamentos. Importante: Este guia oferece

Leia mais

Comando do Corpo de Bombeiros. Mód 2 Plano de Segurança. Maj. QOBM Fernando

Comando do Corpo de Bombeiros. Mód 2 Plano de Segurança. Maj. QOBM Fernando Comando do Corpo de Bombeiros Mód 2 Plano de Segurança Maj. QOBM Fernando Introdução; Plano de Segurança Contra Incêndio e Pânico SUMÁRIO Plano de Segurança Contra Incêndio e Pânico; Medidas de Segurança,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VIANA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO Gabinete do Prefeito

PREFEITURA MUNICIPAL DE VIANA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO Gabinete do Prefeito DECRETO Nº 275/2014 Fixa os preços públicos dos serviços praticados pelas Secretarias Municipais para serviços públicos não-compulsórios, não submetidos à disciplina jurídica dos tributos, cuja natureza

Leia mais

CHEK LIST DE DOCUMENTAÇÕES PARA ABERTURA DE PROCESSOS COORDENADORIA DE URBANISMO ALVARÁ DE CONSTRUÇÃO - UNIFAMILIAR

CHEK LIST DE DOCUMENTAÇÕES PARA ABERTURA DE PROCESSOS COORDENADORIA DE URBANISMO ALVARÁ DE CONSTRUÇÃO - UNIFAMILIAR ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE MUNICÍPIO DE PARNAMIRIM SECRETARIA MUNICIPAL DO MEIO AMBIENTE E DO DESENVOLVIMENTO URBANO CHEK LIST DE DOCUMENTAÇÕES PARA ABERTURA DE PROCESSOS COORDENADORIA DE URBANISMO

Leia mais

PROGRAMA HABITACIONAL NOVO PRODUTO

PROGRAMA HABITACIONAL NOVO PRODUTO PROGRAMA HABITACIONAL NOVO PRODUTO Produto Aquisição de empreendimentos habitacionais na planta Sem custos de comercialização para o construtor Recursos do Fundo do Novo Programa Habitacional Público Alvo:

Leia mais

Lei Municipal N.º 1413

Lei Municipal N.º 1413 1 EMENTA: -- Disciplina o parcelamento da terra no Município de Volta Redonda, Estado do Rio de Janeiro. A Câmara Municipal Aprova e Eu Sanciono a Seguinte Lei: -- CAPÍTULO I Disposições Preliminares Art.

Leia mais

Construção Civil - DISO- ART ARO - Regularização de Obras - Alterações na IN RFB 971 09

Construção Civil - DISO- ART ARO - Regularização de Obras - Alterações na IN RFB 971 09 Construção Civil - DISO- ART ARO - Regularização de Obras - Alterações na IN RFB 971 09 Instrução Normativa RFB nº 1.477/2014 - DOU: 04.07.2014 Altera a Instrução Normativa RFB nº 971, de 13 de novembro

Leia mais

MANUAL PARA APROVAÇÃO DE PROJETOS

MANUAL PARA APROVAÇÃO DE PROJETOS MANUAL PARA APROVAÇÃO DE PROJETOS ORIENTAÇÕES SOBRE OS PROCEDIMENTOS REALIZADOS E OS SERVIÇOS PRESTADOS PELA SECRETARIA MUNICIPAL DE DESENVILVIMENTO URBANO SMDU, PARA APROVAÇÃO DE PROJETOS NO MUNICÍPIO

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº126, DE 18 DE ABRIL DE 2008

LEI COMPLEMENTAR Nº126, DE 18 DE ABRIL DE 2008 LEI COMPLEMENTAR Nº126, DE 18 DE ABRIL DE 2008 Acrescenta dispositivos à Lei nº 1041, 11 de julho de 1979, que regula o loteamento de terrenos urbanos no Município de Dourados, e dá outras providências

Leia mais

SUPERINTENDENCIA ADMINISTRATIVA DE CONTROLE, FISCALIZAÇÃO E OBRAS SACFO. Município de Sumaré MANUAL DE ORIENTAÇÃO DO PROFISSIONAL

SUPERINTENDENCIA ADMINISTRATIVA DE CONTROLE, FISCALIZAÇÃO E OBRAS SACFO. Município de Sumaré MANUAL DE ORIENTAÇÃO DO PROFISSIONAL SUPERINTENDENCIA ADMINISTRATIVA DE CONTROLE, FISCALIZAÇÃO E OBRAS SACFO. Município de Sumaré MANUAL DE ORIENTAÇÃO DO PROFISSIONAL 1 APROVAÇÃO DE PROJETOS TRANSCRIÇÃO DE TRECHOS LEGISLAÇÃO PERTINENTE CÓDIGO

Leia mais

FLUXO LICENCIAMENTO DE GRANDES EMPREENDIMENTOS À LUZ DAS LEIS 13.885/04 E 16.050/14

FLUXO LICENCIAMENTO DE GRANDES EMPREENDIMENTOS À LUZ DAS LEIS 13.885/04 E 16.050/14 PREFEITURA DA CIDADE DE SÃO PAULO SECRETARIA MUNICIPAL DE LICENCIAMENTO I SEL SECRETARIA EXECUTIVA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS I SEC MANUAL DE EMPREENDIMENTOS DE GRANDE PORTE nr1 nr2 nr3 SÃO PAULO 2014 EMPREENDIMENTOS

Leia mais

TIPO ÁREA ARQUITETÔNICO ESTRUTURAL INSTALAÇÕES HIDRÁULICA E SANITÁRIA RESIDENCIAL. qualquer x x UNIFAMILIAR RESIDENCIAL

TIPO ÁREA ARQUITETÔNICO ESTRUTURAL INSTALAÇÕES HIDRÁULICA E SANITÁRIA RESIDENCIAL. qualquer x x UNIFAMILIAR RESIDENCIAL ANEXO 1 - QUADRO DE PROJETOS COMPLEMENTARES TIPO ÁREA ARQUITETÔNICO ESTRUTURAL INSTALAÇÕES HIDRÁULICA E SANITÁRIA RESIDENCIAL qualquer x x UNIFAMILIAR RESIDENCIAL PREVENTIVA CONTRA INCÊNDIO* qualquer x

Leia mais

Estado Do Rio Grande Do Sul Município de Torres Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Gestão

Estado Do Rio Grande Do Sul Município de Torres Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Gestão DECRETO N o 59, DE 06 DE NOVEMBRO DE 2009. Disciplina a apuração da base de cálculo do ISS - Imposto Sobre Serviços decorrente da construção civil e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE TORRES,

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES. Art. 1.º Esta lei complementar estabelece as exigências quanto a:

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES. Art. 1.º Esta lei complementar estabelece as exigências quanto a: Atualizada até LC 610/2007. LEI COMPLEMENTAR N.º 528 DE 18 DE ABRIL DE 2005 ESTABELECE A OBRIGATORIEDADE DE VAGAS PARA ESTACIONAMENTO PARA EDIFICAÇÕES EM GERAL E A ADOÇÃO DE MEDIDAS MITIGADORAS ÀS ATIVIDADES

Leia mais

Quinta-feira, 26 de Abril de 2007 Ano XIII - Edição N.: 2834 Diário Oficial do Município Poder Executivo Secretaria Municipal de Governo

Quinta-feira, 26 de Abril de 2007 Ano XIII - Edição N.: 2834 Diário Oficial do Município Poder Executivo Secretaria Municipal de Governo Quinta-feira, 26 de Abril de 2007 Ano XIII - Edição N.: 2834 Diário Oficial do Município Poder Executivo Secretaria Municipal de Governo DECRETO Nº 12.693 DE 25 DE ABRIL DE 2007 Estabelece procedimentos

Leia mais

Autores: Deputado SAMUEL MALAFAIA, Deputado LUIZ PAULO A ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO RESOLVE:

Autores: Deputado SAMUEL MALAFAIA, Deputado LUIZ PAULO A ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO RESOLVE: PROJETO DE LEI Nº 2584/2013 EMENTA: DETERMINA QUE SEGUROS IMOBILIÁRIOS DE CONDOMÍNIOS, PRÉDIOS RESIDENCIAIS, COMERCIAIS E PÚBLICOS SOMENTE SEJAM EMITIDOS MEDIANTE O CUMPRIMENTO DA LEI Nº6400, DE 05 DE

Leia mais

Parágrafo único. A instalação dos equipamentos e mobiliários referidos no art. 2º desta Lei deverá respeitar o direito à paisagem.

Parágrafo único. A instalação dos equipamentos e mobiliários referidos no art. 2º desta Lei deverá respeitar o direito à paisagem. LEI Nº 13.516, de 04 de outubro de 2005 Dispõe sobre a exploração da utilização e da comercialização, a título oneroso, das faixas de domínio e das áreas adjacentes às rodovias estaduais e federais delegadas

Leia mais

REGISTRO DE LOTEAMENTO / DESMEMBRAMENTO

REGISTRO DE LOTEAMENTO / DESMEMBRAMENTO REGISTRO DE LOTEAMENTO / DESMEMBRAMENTO (Lei 6.766/79 alterada pela Lei 9.785/99 e Lei Estadual 7.943/2004) Lei 6.766/1979 - Art. 2º.: 1º - Considera-se loteamento a subdivisão de gleba em lotes destinados

Leia mais

GLOSSÁRIO PLANO DIRETOR DE MANAUS

GLOSSÁRIO PLANO DIRETOR DE MANAUS GLOSSÁRIO PLANO DIRETOR DE MANAUS Aceitação: documento expedido por órgão público competente que reconhece a execução de obra ou serviço e autoriza o uso ou a ocupação de edificação ou de instalações de

Leia mais

Serviços e Projetos em Engenharia para todos os segmentos.

Serviços e Projetos em Engenharia para todos os segmentos. Apresentação da Empresa Sumário 02 Quem Somos 03 Urbanismo e Infraestrutura 04 Arquitetura e Paisagismo 05 Área de Estruturas 06 Proteção contra Incêndio 07 Área de Hidráulica 08 Instalações Elétricas

Leia mais

TABELA DE TAXAS SUBSUBALÍNEA SUBALÍNEA N.º ORDEM NÚMERO ALÍNEA DESCRIÇÃO/DESIGNAÇÃO DA PRESTAÇÃO TRIBUTÁVEL

TABELA DE TAXAS SUBSUBALÍNEA SUBALÍNEA N.º ORDEM NÚMERO ALÍNEA DESCRIÇÃO/DESIGNAÇÃO DA PRESTAÇÃO TRIBUTÁVEL Anexo Tabela de Taxas TABELA DE S 1 CAPÍTULO I 2 SERVIÇOS, ATIVIDADES E LICENCIAMENTOS DIVERSOS 3 SECÇÃO I 4 SERVIÇOS DIVERSOS E COMUNS 5 Artigo 1.º 6 Taxas a cobrar pela prestação dos seguintes serviços

Leia mais

Prefeitura Municipal de Lagoa Santa

Prefeitura Municipal de Lagoa Santa CEP 33400-000 - ESTADO DE MINAS GERAIS LEI Nº 3.318, DE 12 DE SETEMBRO DE 2012 Dispõe sobre a implantação do Programa "Minha Casa, Minha Vida" - para famílias com renda entre 3 (três)e 6 (seis) salários

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 333 DISPOSIÇÕES GERAIS

LEI COMPLEMENTAR Nº 333 DISPOSIÇÕES GERAIS DISPÕE SOBRE A INSTALAÇÃO, CONSERVAÇÃO E FUNCIONAMENTO DE ELEVADORES E APARELHOS DE TRANSPORTE AFINS, REGULAMENTA A HABITAÇÃO DAS EMPRESAS PRESTADORAS DESSES SERVIÇOS E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. LEI COMPLEMENTAR

Leia mais

CÓDIGO DE OBRAS E INSTALAÇÕES

CÓDIGO DE OBRAS E INSTALAÇÕES CÓDIGO DE OBRAS E INSTALAÇÕES 2007 LEI MUNICIPAL N 3428 DE 28,DEZEMBRO DE 2007. JOAQUIM NETO DE ANDRADE SILVA Prefeito Prefeitura Municipal de Gravatá - Código de Obras e Instalações 1 S U M Á R I O CAPÍTULO

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS PROJETOS E OBRAS PARTICULARES JUNDIAÍ cartilha_obras_pmj.indd 1 09/10/09 20:03 cartilha_obras_pmj.indd 2 09/10/09 20:03 ÍNDICE APRESENTAÇÃO [pag. 1] SERVIÇOS PRESTADOS PELA DIRETORIA

Leia mais

Anexo 11. projetos especiais

Anexo 11. projetos especiais Anexo 11 projetos especiais L.C. 434/99, atualizada e compilada até a L.C. 667/11, incluindo a L.C. 646/10. Prefeitura Municipal de Porto Alegre Secretaria do Planejamento Municipal PROJETOS ESPECIAIS

Leia mais

ANEXO ÚNICO (Redação dada pela Instrução Normativa RFB nº 1477, de 03 de julho de 2014.) MINISTÉRIO DA FAZENDA

ANEXO ÚNICO (Redação dada pela Instrução Normativa RFB nº 1477, de 03 de julho de 2014.) MINISTÉRIO DA FAZENDA ANEXO ÚNICO (Redação dada pela Instrução Normativa RFB nº 1477, de 03 de julho de 2014.) MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL DECLARAÇÃO E INFORMAÇÃO SOBRE OBRA DE CONSTRUÇÃO CIVIL

Leia mais

*01 0*+.34 5 0*26$.7

*01 0*+.34 5 0*26$.7 !"#$%&'$&()$ *+,+ %-./ *, *01 *2%... 0*+.34 5 0*. 0*0. 0*26$.7 2*+ 8$9: *, 1. Prédios rústicos; 2. Prédios urbanos; 3. Prédios Mistos. *, Prédios urbanos (continuação) (a) Habitacionais; (b) Comerciais,

Leia mais

1º A taxa de ART referente à execução incide sobre o valor do custo da obra.

1º A taxa de ART referente à execução incide sobre o valor do custo da obra. ATO NORMATIVO Nº. 34/09 Dispõe sobre os valores das taxas de registro de ART devidas ao Crea-ES, para o exercício de 2010 e dá outras providências. O CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA

Leia mais

Código de Obras Do Município De Maricá. Lei Municipal N.º. 77 de 14 de dezembro de 1978

Código de Obras Do Município De Maricá. Lei Municipal N.º. 77 de 14 de dezembro de 1978 Código de Obras Do Município De Maricá Lei Municipal N.º. 77 de 14 de dezembro de 1978 Código de Obras Do Município de Maricá Índice Pág. Capítulo I Licenciamento ( Art. 1º a 50) 1 Seção I Condições Gerais

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE JUNDIAÍ - SP DECRETO Nº 24.162, DE 30 DE NOVEMBRO DE 2012

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE JUNDIAÍ - SP DECRETO Nº 24.162, DE 30 DE NOVEMBRO DE 2012 DECRETO Nº 24.162, DE 30 DE NOVEMBRO DE 2012 MIGUEL HADDAD, Prefeito do Município de Jundiaí, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições legais e, em especial, ao que consta do art. 10 da Lei Municipal

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES DCU - SIMPLES

MANUAL DE INSTRUÇÕES DCU - SIMPLES PROCEDIMENTOS PARA APROVAÇÃO DE PROJETOS E EMISSÃO DE ALVARÁ DE OBRA MANUAL DE INSTRUÇÕES DCU - SIMPLES 2002 P DEPARTAMENTO DE CONTROLE URBANÍSTICO 1 A edição do Manual de Instruções e Procedimentos para

Leia mais

Exmº. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Lagos

Exmº. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Lagos REGISTO DE ENTRADA Requerimento n.º de / / Processo n.º / Pago por Guia n.º,. Ao Serviço O Funcionário, Exmº. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Lagos COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO EM

Leia mais

Central Integrada de Licenciamento de Eventos. Taxas dos órgãos municipais

Central Integrada de Licenciamento de Eventos. Taxas dos órgãos municipais Central Integrada de Licenciamento de Eventos Taxas dos órgãos municipais TRANSALVADOR Preço Público para Serviço de trânsito em eventos e obras VALORES REFERENTES A ATÉ 4 HORAS DE EVENTO Planejamento

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 497, DE 25 DE AGOSTO DE 2006

RESOLUÇÃO Nº 497, DE 25 DE AGOSTO DE 2006 RESOLUÇÃO Nº 497, 25 AGOSTO 2006 Fixa os valores de registro de ART e dá outras providências. O CONSELHO FERAL ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA Confea, no uso das atribuições que lhe confere a alínea

Leia mais

- CERTIDÃO DE USO E OCUPAÇÃO DO SOLO

- CERTIDÃO DE USO E OCUPAÇÃO DO SOLO DIVISÃO DE FISCALIZAÇÃO DE OBRAS - HABITE-SE - CERTIDÃO RETIFICAÇÃO DE NÚMERO E DE ENDEREÇO - CERTIDÃO DE USO E OCUPAÇÃO DO SOLO 1 ÍNDICE ÍTENS Pág. 1. HABITE-SE 1.1 Relação de documentos para protocolo

Leia mais

Manual de procedimentos do Alvará de Licença e Funcionamento de Atividade

Manual de procedimentos do Alvará de Licença e Funcionamento de Atividade Manual de procedimentos do Alvará de Licença e Funcionamento de Atividade Prefeitura Municipal de São Leopoldo Secretaria Municipal da Fazenda Coordenadoria Tributária Divisão de Tributos Mobiliários Seção

Leia mais

ANEXO AO COMUNICADO: RECEITA FEDERAL ALTERA PROCEDIMENTOS REFERENTES A CONSTRUÇÃO CIVIL.

ANEXO AO COMUNICADO: RECEITA FEDERAL ALTERA PROCEDIMENTOS REFERENTES A CONSTRUÇÃO CIVIL. ANEXO AO COMUNICADO: RECEITA FEDERAL ALTERA PROCEDIMENTOS REFERENTES A CONSTRUÇÃO CIVIL. Abrangência: pessoas jurídicas responsáveis pela regularização de obra de construção civil. Conteúdo: documentação

Leia mais

O PREFEITO DE SÃO LUÍS, Capital do Estado do Maranhão.

O PREFEITO DE SÃO LUÍS, Capital do Estado do Maranhão. Lei 4.052, de 13 de março de 2002 Define condições para a instalação de pólos geradores de tráfego, estabelecendo-lhes exigências; critérios para quantidade de vagas de carga e descarga, embarque e desembarque,

Leia mais

Lei Municipal N.º 1414

Lei Municipal N.º 1414 Subseção II Dos Estacionamentos e Guarda de Veículos Art. 41 - Os locais para estacionamento ou guarda de veículos podem ser cobertos ou descobertos, podendo se destinar em ambos os casos à utilização

Leia mais

1.3.2 Um ponto de água e esgoto e uma tomada 110V para instalação de purificador

1.3.2 Um ponto de água e esgoto e uma tomada 110V para instalação de purificador Anexo I Chamamento Público 01/2014 1 Espaço A. Destinação Almoxarifado: armazenamento útil mínimo de 1.000m², divididos da seguinte forma: 1.1 Área de armazenagem 87% (mínimo de 870m²) 1.1.1 Sala administrativa

Leia mais

ROTEIRO PARA SOLICITAÇÃO DE PARECER EM LEIAUTE E FLUXOGRAMA SETOR DE ALIMENTOS

ROTEIRO PARA SOLICITAÇÃO DE PARECER EM LEIAUTE E FLUXOGRAMA SETOR DE ALIMENTOS ROTEIRO PARA SOLICITAÇÃO DE PARECER EM LEIAUTE E FLUXOGRAMA SETOR DE ALIMENTOS Este roteiro só se aplica aos estabelecimentos não obrigados a aprovação de projeto arquitetônico na Vigilância Sanitária

Leia mais

Santo André, 26 de agosto de 2014. À Prefeitura Municipal de Santo André Conselho Municipal de Política Urbana. Ref.

Santo André, 26 de agosto de 2014. À Prefeitura Municipal de Santo André Conselho Municipal de Política Urbana. Ref. Santo André, 26 de agosto de 2014 À Prefeitura Municipal de Santo André Conselho Municipal de Política Urbana Ref.: Revisão da LUOPS O SINDUSCON-SP Sindicato da Industria da Construção Civil do Estado

Leia mais

ANEXO VI TAXA DE LICENÇA DE LOCALIZAÇÃO, INSTALAÇÃO, FUNCIONAMENTO E FISCALIZAÇÃO TLIF

ANEXO VI TAXA DE LICENÇA DE LOCALIZAÇÃO, INSTALAÇÃO, FUNCIONAMENTO E FISCALIZAÇÃO TLIF ANEXO VI TAXA DE LICENÇA DE LOCALIZAÇÃO, INSTALAÇÃO, FUNCIONAMENTO E FISCALIZAÇÃO TLIF ITEM - DISCRIMINAÇÃO - VALOR (R$) 1. Expedição de licença, quando da localização, instalação, funcionamento e fiscalização

Leia mais

TABELA DE URBANIZAÇÃO EDIFICAÇÃO E TAXAS

TABELA DE URBANIZAÇÃO EDIFICAÇÃO E TAXAS TABELA DE URBANIZAÇÃO EDIFICAÇÃO E TAXAS Descrição Taxa proposta (em euros) TABELA ANEXA QUADRO I Taxa devida pela emissão de alvará de licença ou admissão de comunicação prévia de loteamento e obras de

Leia mais

REGULAMENTO DE EDIFICAÇÕES (Consta da Ata de Constituição da Associação Residencial Morada do Engenho, registrada sob n 51.758 )

REGULAMENTO DE EDIFICAÇÕES (Consta da Ata de Constituição da Associação Residencial Morada do Engenho, registrada sob n 51.758 ) REGULAMENTO DE EDIFICAÇÕES (Consta da Ata de Constituição da Associação Residencial Morada do Engenho, registrada sob n 51.758 ) Este regulamento sem prejuízo das Restrições Convencionais, tem como objetivo

Leia mais

PROGRAMA PARAISÓPOLIS Regularização Fundiária

PROGRAMA PARAISÓPOLIS Regularização Fundiária PROGRAMA PARAISÓPOLIS Regularização Fundiária POLÍTICA HABITACIONAL DA CIDADE DE SÃO PAULO Plano Diretor Estratégico do Município (Lei 13.430/02, art. 79): Moradia digna é aquela que garante ao morador

Leia mais

Roccato. Um guia para construir oque é necessário antes de começar a obra. Documentos obrigatórios Licenças, ART s, Projetos e Profissionais

Roccato. Um guia para construir oque é necessário antes de começar a obra. Documentos obrigatórios Licenças, ART s, Projetos e Profissionais Um guia para construir oque é necessário antes de começar a obra Documentos obrigatórios Licenças, ART s, Projetos e Profissionais Aprovações necessárias Copel, Sanepar, Prefeitura, Bombeiros Descubra

Leia mais

APRESENTAÇÃO DE PROJETOS

APRESENTAÇÃO DE PROJETOS Este informativo foi elaborado visando a padronização para a Apresentação de Projetos junto ao da Associação, para que a análise e a aprovação de projetos transcorram de forma mais rápida e eficiente.

Leia mais

O PREFEITO MUNICIPAL DE BELÉM, A CÂMARA MUNICIPAL DE BELÉM, estatui e eu sanciono a seguinte Lei: CAPÍTULO I - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

O PREFEITO MUNICIPAL DE BELÉM, A CÂMARA MUNICIPAL DE BELÉM, estatui e eu sanciono a seguinte Lei: CAPÍTULO I - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS LEI Nº 8.068, DE 28 DE MAIO DE 2001 Estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida, no Município de Belém,

Leia mais

Taxa devida pela emissão de alvará de licença ou autorização de loteamento Valor em Euros

Taxa devida pela emissão de alvará de licença ou autorização de loteamento Valor em Euros 1 TAXAS E LICENÇAS DE OBRAS TAXAS EM VIGOR A PARTIR DE 2 DE JANEIRO DE 2010 QUADRO I Taxa devida pela emissão de alvará de licença ou autorização de loteamento 1. Emissão do alvará de licença, ou aditamentos

Leia mais

PROCEDIMENTO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE ARQUITETURA

PROCEDIMENTO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE ARQUITETURA 1. PROCEDIMENTO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE Para primeira análise: I. Levantamento Planialtimétrico; II. Projeto de Arquitetura III. Memorial de Cálculo de Área Construída e Memorial de Cálculo de Área

Leia mais

ORIENTAÇÕES E RECOMENDAÇÕES AOS SÍNDICOS E ADMINISTRADORES PREDIAIS

ORIENTAÇÕES E RECOMENDAÇÕES AOS SÍNDICOS E ADMINISTRADORES PREDIAIS ORIENTAÇÕES E RECOMENDAÇÕES AOS SÍNDICOS E ADMINISTRADORES PREDIAIS Em virtude do recente acidente ocorrido no centro da cidade do Rio de Janeiro, onde o desabamento de três prédios comerciais levou ao

Leia mais

Diário Oficial Eletrônico

Diário Oficial Eletrônico LEI N 1314/2014 Estabelece normas para edificação em parcelamento do solo para fins urbanos no Município de Capim Branco, dispõe sobre a regularização e autorização de construção em condomínio fechado

Leia mais

UniVap - FEAU CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO Prof. Minoru Takatori ESTUDO PRELIMINAR

UniVap - FEAU CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO Prof. Minoru Takatori ESTUDO PRELIMINAR 1 ESTUDO PRELIMINAR OBJETIVOS Analise e avaliação de todas as informações recebidas para seleção e recomendação do partido arquitetônico, podendo eventualmente, apresentar soluções alternativas. Tem como

Leia mais

Notas: Aprovada pela Deliberação Ceca nº 868, de 08 de maio de 1986. Publicada no DOERJ de 19 de maio de 1986

Notas: Aprovada pela Deliberação Ceca nº 868, de 08 de maio de 1986. Publicada no DOERJ de 19 de maio de 1986 IT-1815.R-5 - INSTRUÇÃO TÉCNICA PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE EDIFICAÇÕES RESIDENCIAIS MULTIFAMILIARES (PERMANENTES E TRANSITÓRIAS), GRUPAMENTOS DE EDIFICAÇÕES E CLUBES. Notas: Aprovada pela Deliberação

Leia mais

Para que um estabelecimento esteja legalizado, é necessário, inicialmente, obter um alvará de licença, documento concedido pela Prefeitura.

Para que um estabelecimento esteja legalizado, é necessário, inicialmente, obter um alvará de licença, documento concedido pela Prefeitura. CARTILHA DE ALVARÁ Este pequeno manual abordará, de maneira simplificada, os requisitos para obtenção de alvará de licenciamento para a abertura de casa noturna ou boate. Para que um estabelecimento esteja

Leia mais

COMANDO DA AERONÁUTICA DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL

COMANDO DA AERONÁUTICA DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL COMANDO DA AERONÁUTICA DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL 2003. do PORTARIA Nº 260/DGAC, DE 17 DE FEVEREIRO DE Aprova e Efetiva o Plano Específico de Zoneamento de Ruído Aeródromo Nacional de Aviação - Goiânia.

Leia mais

O contribuinte do IPTU é o proprietário do imóvel, o titular do seu domínio útil ou o seu possuidor, a qualquer título.

O contribuinte do IPTU é o proprietário do imóvel, o titular do seu domínio útil ou o seu possuidor, a qualquer título. IMPOSTO PREDIAL E TERRITORIAL URBANO IPTU FATO GERADOR E INCIDÊNCIA O Imposto Predial e Territorial Urbano - IPTU tem como fato gerador a propriedade, o domínio útil ou posse de todo e qualquer bem imóvel

Leia mais

Planilha de Controle e Registro Comentada Instruções

Planilha de Controle e Registro Comentada Instruções PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE BRAS E VIAÇÃO SUPERVISÃO DE EDIFICAÇÕES E CONTROLE Planilha de Controle e Registro Comentada Instruções A Planilha de Controle e Registro é

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 755, DE 28 DE JANEIRO DE 2008. (Autoria do Projeto: Poder Executivo)

LEI COMPLEMENTAR Nº 755, DE 28 DE JANEIRO DE 2008. (Autoria do Projeto: Poder Executivo) Publicado no DODF Nº 20, terça-feira, 29 de janeiro de 2008, pág. 2 a 4. LEI COMPLEMENTAR Nº 755, DE 28 DE JANEIRO DE 2008. (Autoria do Projeto: Poder Executivo) Define critérios para ocupação de área

Leia mais

DEPARTAMENTO DE PARCELAMENTO DO SOLO Competência de Análise, Legislação Vigente e Principais Fluxos de Aprovação. SECOVI SP 12 de Novembro de 2010

DEPARTAMENTO DE PARCELAMENTO DO SOLO Competência de Análise, Legislação Vigente e Principais Fluxos de Aprovação. SECOVI SP 12 de Novembro de 2010 DEPARTAMENTO DE PARCELAMENTO DO SOLO Competência de Análise, Legislação Vigente e Principais Fluxos de Aprovação SECOVI SP 12 de Novembro de 2010 SECRETARIA MUNICIPAL DE HABITAÇÃO DEPARTAMENTO DE PARCELAMENTO

Leia mais

MINUTA DA FUTURA CONVENÇÃO DO CONDOMÍNIO RESIDENCIAL TOP LIFE CLUB & RESIDENCE

MINUTA DA FUTURA CONVENÇÃO DO CONDOMÍNIO RESIDENCIAL TOP LIFE CLUB & RESIDENCE MINUTA DA FUTURA CONVENÇÃO DO CONDOMÍNIO RESIDENCIAL TOP LIFE CLUB & RESIDENCE Pelo presente instrumento particular, em cumprimento à determinação contida no artigo 9º da Lei 4.591, de 16.12.1964, MRV

Leia mais

ANEXO V MINISTÉRIO DA FAZENDA

ANEXO V MINISTÉRIO DA FAZENDA ANEXO V MINISTÉRIO DA FAZENDA 1 - Folha SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL Nº Quantidade DECLARAÇÃO E INFORMAÇÃO SOBRE OBRA DE CONSTRUÇÃO CIVIL (DISO) 2 - Órgão Receptor: 3 - Recepção (mês/ano): 4

Leia mais

Portaria n.º 1136/2001 de 25 de Setembro

Portaria n.º 1136/2001 de 25 de Setembro Portaria n.º 1136/2001 de 25 de Setembro O Decreto-Lei n.º 555/99, de 16 de Dezembro, que aprovou o novo regime jurídico da urbanização e da edificação, estipula nos n. os 1 e 2 do artigo 43.º que os projectos

Leia mais

VISTORIA PREVIA ALVARÁ DE FUNCIONAMENTO (INICIO DE ATIVIDADE)

VISTORIA PREVIA ALVARÁ DE FUNCIONAMENTO (INICIO DE ATIVIDADE) VISTORIA PREVIA REQUERIMENTO PREENCHIDO E ASSINADO PELO REPRESENTANTE LEGAL DA EMPRESA DECLARACAO A PROPRIO PUNHO INFORMANDO O RAMO DE ATIVIDADE GUIA DE IPTU DO ULTIMO ANO QUITADA LISTA DE DOCUMENTOS DISPONIVEL

Leia mais

TAXAS MUNICIPAIS - TABELA DE TAXAS DE URBANISMO

TAXAS MUNICIPAIS - TABELA DE TAXAS DE URBANISMO TAXAS MUNICIPAIS - TABELA DE TAXAS DE URBANISMO Artigo 1.º Operação de loteamento a) - Apresentação do requerimento TAXA 113,53 b) Entrada do aditamento 40,54 c) Emissão do alvará 15,13 c.1) Acresce uma

Leia mais