SOCIEDADE UNIFICADA PAULISTA DE ENSINO RENOVADO OBJETIVO. Autorização (Projeto) de Plano de Curso de Ciência da Computação. Jucundino da Silva Furtado

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SOCIEDADE UNIFICADA PAULISTA DE ENSINO RENOVADO OBJETIVO. Autorização (Projeto) de Plano de Curso de Ciência da Computação. Jucundino da Silva Furtado"

Transcrição

1 SOCIEDADE UNIFICADA PAULISTA DE ENSINO RENOVADO OBJETIVO Autorização (Projeto) de Plano de Curso de Ciência da Computação. Jucundino da Silva Furtado 1 - RELATÒRIO Neste processo, de interesse da Sociedade Unificada Paulista de Ensino Renovado Objetivo - SUPERO, é solicitada au torização para funcionamento do plano de curso de bacharelado em Ciência da Computação, o qual será ministrado pela Instituto de Ensino de Engenharia Paulista - IEEP, estabelecimento de ensino superior isolado particular instalado na cidade de São Paulo, SP. A Carta-Consulta foi apreciada e aprovada pela CAPLAN através do Parecer 691/86, com 100 vagas totais anuais. Naquele parecer ficaram comprovadas a necessidade social e as condições favoráveis do mercado de trabalho para cria. ção do plano de curso pretendido, e ainda, autorizou o prosseguimento do processo para análise da CESu. 0 novo curso será abrigado pelo Instituto de Ensino de Engenharia Paulista - IEEP, onde já funciona o curso de Enge nharia com as habilitações Civil, Mecânica e Produção Mecânica, já reconhecidas. 0 IEEP utiliza dois prédios, de propriedade da mantenedora, com uma área construída de ,80 m2 em um terreno de m, possuindo dependências suficientes para o novo curso. 0 bacharelado em Ciência da Computação, programado com duração de oito semestres letivos integralizáveis em quatro anos terá regime seriado e previsão para funcionamento no período noturno.

2 A carga horária, toda ela de caráter obrigatório, será de h/a acrescidas de h/a de EPB e de h/a de EF, perfazendo assim um total de h/a. A grade curricular encontra-se anexa. (Anexo I) Além das disciplinas cujo desenvolvimento será realizado nos laboratórios de computação, está previsto para o 7º e 8º semestres o Estágio Supervisionado, com duração de 204 horas, a ser cumprido no Laboratório de Computação Avançada da própria instituição ou em empresas conveniadas com a mantenedora. 0 acompanhamento do Estágio Su pervisionado será feito pela coordenação do curso. A SUPERO mantém convênio com o Centro de Computação Eletrô nica da USP, para utilização dos equipamentos de grande porte, confor me documento comprobatório junto ao processo. Para o programa de Formação Básica, onde se promoverá o treinamento para apresentação dos conceitos fundamentais e dos recur sos básicos dos sistemas computacionais, os alunos contarão com o Laboratório de Informática Básica com 30 microcomputadores. Já para o programa de Formação Avançada os alunos disporão de equipamentos mais sofisticados, os quais serão instalados no Laboratório de Infomática Avançada da instituição. A adequação das instalações dos Laboratórios, bem como os equipamentos que o compõem, deverão ser objetos de análise por parte da Comissão Verificadora. A Biblioteca Central da Sociedade Unificada Paulista de Ensino Renovado Objetivo possui um acervo de volumes entre obras nacionais e estrangeiras. Dispõe também de 679 títulos de periódicos especializados, nacionais e internacionais e slides. 0 material bibliográfico com o qual contará o curso de Ciên cia da Computação "está todo catalogado na Biblioteca Central, já sen do utilizado em grande parte pelo curso de Engenharia do Instituto de Ensino de Engenharia Paulista e perfaz um total de exemplares, títulos e 57 títulos de periódicos, nacionais e estrangeiros". A Biblioteca ocupa uma area de 520 m2, dos quais 258 m2 estão destinados ao acervo e 262 m à sala de leitura e às três salas de estudo em grupos. Está prevista no planejamento economico-financeiro do perio do 87/89 uma verba destinada à atualização do acervo. A instituição atualizou o plano econômico-financeiro(1987/89) trabalhando agora com valores constantes e já ajustado ao número de vagas fixado pelo parecer de aprovação da carta-consulta. Os índices demonstram que a SUPERO possui capacidade econônica-financeira para abrigar mais um curso superior. Os 18 professores indicados possuem comprovada qualificação academico-profissional para lecionarem no curso de bacharelado em Ciência da Computação.

3 A relação dos professores, contendo as disciplinas para as quais foram indicados e a titulação, constitui o Anexo II deste pare cer. II - VOTO DO RELATOR Em face do exposto, o Relator é de parecer favorável à autorização de funcionamento do Plano de Curso de Bacharelado em Ciência da Computação, a ser ministrado em São Paulo, pelo Instituto de Ensino de Engenharia Paulista - IEEP e mantido pela Sociedade Unifica da Paulista de Ensino Renovado Objetivo - SUPERO, com 100 vagas totais anuais, em duas turmas. Após a homologação ministerial a interessada deverá solicitar a visita da Comissão Verificadora. III - CONCLUSÃO DA CÂMARA Relator. A Câmara de Ensino Superior, 2º Grupo, acompanha o voto do Sala das Sessões, em 28 de janeiro de 1987 Presidente Relator

4 ANEXO I ORGANIZAÇÃO CURRICULAR 1ºS Semestre Inglês A Matemática Elementar Matemática: Cálculo Diferencial e Integral A Matemática: Geometria Analítica e Álgebra Linear A Introdução ao Processamento de Dados A Linguagem e Técnica de Programação A Estudo de Problemas Brasileiros A Educação Física I C/H 432 2º Semestre Inglês B Economia e Finanças: Matemática Financeira Matemática: Cálculo Diferencial e Integral B Matemática: Geometria Analítica e Algebra Linear B Introdução ao Processamento de Dados B Linguagem e Técnica de Programação B Estudo de Problemas Brasileiros B Educação Física II 3º Semestre Estatística A Cálculo Numérico e Linguagem Algorítmica de Programação A Introdução à Lógica: Álgebra e Lógica Matemática: Cálculo Diferencial e Integral C Matemática: Geometria Analítica e Álgebra Linear C Linguagem e Técnicas de Programação C 0 4º Semestre Estatística B Cálculo Numérico e Linguagem Algorítmica de Programação B Circuitos Digitais Matemática: Cálculo Diferencial e Integral D Matemática: Geometria Analítica e Álgebra Linear D Linguagem e Técnica de Programação D 0

5 5º Semestre Economia e Finanças: Contabilidade e Custos Industriais Economia e Finanças: Economia Sistemas de Computação: Estrutura e Banco de Dados A Sistemas de Computação: Sistemas Operacionais Fundamentos e Aplicações de Pesquisa Operacional 0 6º Semestre Administração Sistemas de Computação: Recuperação de Informações Sistemas de Computação: Estrutura e Banco de Dados B Sistemas de Computação: Organização de Arquivos Análise e Projeto de Sistemas em Processamento de Dados A 7º- Semestre Administração de CPD A Tópicos Avançados em Processamento de Dados A Análise e Projeto de Sistemas em Processamento de Dados B Auditoria de Sistemas Teoria e Projeto de Compiladores Estágio Supervisionado 8º Semestre Administração de CPD B Tópicos Avançados em Processamento de Dados B Tópicos Avançados em Programação Análise e Projeto de Sistemas em Processamento de Dados C Noções Gerais de Direito: Legislação e Ética Computador e Sociedade Estágio Supervisionado Carga Horária Estágio Supervisionado EPB + EF 144 Total do Curso 3.228

6 ANEXO II CORPO DOCENTE 1- Alfredo Davis Naraias Lewin Disc.: Introdução à Lógica: Álgebra e Lógica Circuitos Digitais Curso de Matemática , de Engenharia Industrial - Eletrônica Fez vários cursos de pós-graduação entre eles: Eletrônica - USP (3 anos); Análise de Sistemas (18 meses); Estatística (1 ano) e Pesquisa Operacional (1 ano). Possui experiência no magistério superior. 2- Arnon Shimon Hollaender Disc.: Inglês Bel. em Administração - USP/68; Curso de Letras Anglo-Germânicas/ Inglês-Português) - USP. Especialização: cursos de inglês na Sociedade Brasileira de Cul tura Inglesa; Língua e Literatura Lower Certificate in English, Cambridge; Programa Intensivo de Inglês pela Universida de de São Francisco Possui experiência no magistério superior desde 65. Tem obras e trabalhos publicados. 3- Arthur Schultz de Azevedo Disc.: Introdução ao Processamento de Dados Estágio Supervisionado Curso de Engenharia Civil - USP/63 Mestre em Ciências - USP/71 Doutor em Ciências - PUC/75 4- Carlos Alberto da Costa Disc: Estudo de Problemas Brasileiros Curso de Ciências Sociais e de Estudos Sociais - 75, fez alguns cursos avulsos; Curso de Formação de Oficiais - 66 Possui experiência no magistério superior 5- Carlos Eduardo Sampaio Amaral Disc. : Noções Gerais de Direito: Legislação e Ética Bel. em Ciências Jurídicas - USP/63; Licenciado em Letras Clássi cas - PUC/60. Fez alguns cursos de extensão. Possui experiência no magistério superior.

7 Dirceu Douglas Salvetti Disc. : Cálculo Numérico e Linguagem Algorítmica de Programação Licenciado em Matemática - USP 58 Mestrado em Ciências - Escola Politécnica/USP - 71 Especialização em Estatística e em Matemática pela USP Possui obras publicadas Tem experiência no magistério superior. 7 - Elie Barazani Disc. : Sistema de Computação: Estrutura e Banco de Dados Sistema de Computação: Organização de Arquivos Auditoria de Sistemas Bel. em Ciências Econômicas - USP/82; Curso de Engenharia Elétri ca-eletronica - USP/. Fez vários cursos de pós-graduação, estre eles, os de Estrutura de Dados - USP/73; Sistemas Operacionais - USP/74; Introdução à Sistemas de Banco de Dados - USP/76. Fez vários cursos de extensão. Tem trabalhos publicados. Vasta experiência profissional. 8 - Fábio Romeu de Carvalho Disc.: Estatística Curso de Engenharia Eletrotécnica - USP/65; Licenciado em Materna tica ; Curso de Pedagogia em Administração e Supervisão Escolar. Fez vários cursos de extensão. Participou de vários con gressos e simpósios. Possui experiência no magistério superior desde Tem varias obras publicadas Ferrucio de Assis Ferreira Alves Disc.: Sistemas de Computação: Sistemas Operacionais Análise e Projeto de Sistemas em Processamento de Dados Administração de CPD Bel. em Física - USP/68; Bel. em Administração de Empresas - Mackenzie/. Fez alguns cursos de extensão universitária e vários de complementação profissional. Participou de vários congressos, seminários e estágios. Possui experiência no magistério superior, desde 65.

8 3 10- Frederic Michael Litto Disc: Computador e Sociedade Bel. era Artes - University of Califórnia - EUA/60; Doutor em Filosofia - Indiana University Bloomington-EUA/64. Fez cursos de especialização e aperfeiçoamento nos EUA, e vários cursos de extensão. Participou de inúmeros congressos, simpósios e seminá rios. Tem vários trabalhos publicados. Possui experiência no magistério superior, inclusive no exterior 11- Hamilton Luiz Guidorizzi Disc.: Matemática: Cálculo Diferencial e Integral Economia e Finanças: Matemática Financeira Bel. e Licenciado em Matemática - USP/71. Participou de seminários e simpósios. Experiência expriência no magistério superior desde 77. Tem trabalhos publicados. 12-Israel Brunstein Disc. : Economia e Finanças: Contabilidade e Custos Industriais Administração Curso de Engenharia Mecânica - USP/60. Fez cursos de extensão e especialização, inclusive nos Estados Unidos, e alguns cursos de extensão universitária. Participou de Conselhos e Comissões como membro de 35 bancas examinadoras de mestrado e de doutorado. Ministrou vários cursos e palestras extra-universitárias. Possui larga experiência no magistério superior 13- Ivan de Camargo e Oliveira Disc.: Matemática: Geometria Analítica e Álgebra Linear Matemática Elementar Bel. em Matemática - USP/68 Mestre em Matemática - USP/71 Fez vários cursos de extensão Cursando doutorado Participou de vários seminários e congressos. Tem alguns traba. lhos publicados. Possui experiência no magistério superior des de Luiz Carlos Araújo de Morais Rêgo Disc.:Economia e Finanças: Economia Curso de Engenharia Aeronáutico - ITA/55 Mestre em Engenharia - Universidade de Michigan/EUA/57 Fez alguns cursos de pós-graduação, entre eles, em Administração de Empresas - USP/60. Tem trabalhos publicados. Possui experiência no magistério superior desde 60.

9 15- Luzia Kazuko Yoshida Disc: Tópicos Avançados era Programação Linguagem e Técnica de Programação Licenciada em Matemática - USP/70 Mestre em Matemática Participou de congressos. Tem trabalhos publicados. Possui experiência no magistério superior, desde Decisão: Pode ser aceita 16- Mario Rosenthal Disc.: Fundamento e Aplicações de Pesquisa Operacional Graduado em Engenharia Aeronáutica/ITA-58 Mestrado em Engenharia Industrial pela Purdue University - EUA Possui experiência profissional na área de Engenharia Industrial e de Informática e também experiência no magistério superior. 17- Otto Ditrich Júnior Disc: Educação Física Licenciado em Educação Física - USP/70. Fez os cursos de Técnica Desportiva de Basquetebol, Técnica Desportiva de Futebol e Técnica Desportiva de Handebo1-71. Possui experiência no magistério superior desde Tamio Shimizu Disc.: Sistemas de Computação: Recuperação de Informações Tópicos Avançados em Processamento de Dados Teoria e Projeto de Compiladores Bel. e Licenciado em Matemática - USP/62 Mestre em Ciências - ITA/66 Doutor em Ciências - USP/70 Fez alguns cursos de pos-graduação na Union College e Rensselaer Polytechinic Institute - Nova Iorque - EUA Tem trabalhos publicados. Possui experiência no magistério supe rior, desde 66, e também em cursos de pós-graduação.

10 IV - DECISÃO O PLENÁRIO O Plenário do Conselho Federal de Educação aprovou, por unanimidade, a Conclusão da Câmara. Sala Barretto Filho, em 29 de 01 de 1987

Autorização (Projeto) do curso de Tecnologia em Processamento de Dados. Jucundino da Silva Furtado

Autorização (Projeto) do curso de Tecnologia em Processamento de Dados. Jucundino da Silva Furtado INSTITUTO RADIAL DE ENSINO E PESQUISA - IREP Autorização (Projeto) do curso de Tecnologia em Processamento de Dados. Jucundino da Silva Furtado 1 - RELATÓRIO O pedido do Instituto Radial de Ensino e Pesquisa,

Leia mais

Autorização (exame do projeto) de Curso Superior de Tecnologia em Processamento de Dados, para funcionar na Faculdade de Informática.

Autorização (exame do projeto) de Curso Superior de Tecnologia em Processamento de Dados, para funcionar na Faculdade de Informática. SOCIEDADE CIVIL DE EDUCAÇÃO SÃO MARCOS Autorização (exame do projeto) de Curso Superior de Tecnologia em Processamento de Dados, para funcionar na Faculdade de Informática. SR. CONS. JOÃO PAULO DO VALLE

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BAURUENSE DE ENSINO SUPERIOR E CULTURA

ASSOCIAÇÃO BAURUENSE DE ENSINO SUPERIOR E CULTURA ASSOCIAÇÃO BAURUENSE DE ENSINO SUPERIOR E CULTURA Autorização do curso de Ciências - habilitação em Ma temática - Licenciatura Plena para funcionar na Faculdade de Ci ências, novo estabelecimento de ensino

Leia mais

II - VOTO DO RELATOR. III - CONCLUSÃO DA CÂMARA A Câmara de Ensino Superior acompanha o voto do Relator. Sala das Sessões, em 31 de agosto de 1989

II - VOTO DO RELATOR. III - CONCLUSÃO DA CÂMARA A Câmara de Ensino Superior acompanha o voto do Relator. Sala das Sessões, em 31 de agosto de 1989 . Todos os professores apresentaram o termo de compromisso. A relação dos docentes com o resumo da qualificação acadêmico-profissional encontra-se anexa a este Parecer. (Anexo II). A Associação Campineira

Leia mais

Autorização (Execução de Projeto) para funcionamento do curso de Ciências Contábeis, a ser ministrado pela Faculdade de São

Autorização (Execução de Projeto) para funcionamento do curso de Ciências Contábeis, a ser ministrado pela Faculdade de São INTERESSADO/MANTENEDORA PIA SOCIEDADE DOS MISSIONÁRIOS DE SÃO CARLOS ASSUNTO. SP Autorização (Execução de Projeto) para funcionamento do curso de Ciências Contábeis, a ser ministrado pela Faculdade de

Leia mais

Autorização (Exame do Projeto) para funcionamento do curso de Letras, habilitação em Português/Inglês. CESu, 2 Grupo

Autorização (Exame do Projeto) para funcionamento do curso de Letras, habilitação em Português/Inglês. CESu, 2 Grupo ASSOCIAÇÃO DE ENSINO DE VERSALHES Autorização (Exame do Projeto) para funcionamento do curso de Letras, habilitação em Português/Inglês. Arnaldo Niskier CESu, 2 Grupo 1 - RELATÓRIO A Associação de Ensino

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO FEDERAL DE EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO FEDERAL DE EDUCAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO FEDERAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO/MANTENEDORA Associação Desportiva e de Educação Juvenil ASSUNTO Autorização(Projeto) para funcionamento do curso de Pedagogia, com Habilitação

Leia mais

Autorização (Execução do Projeto) do c urso de Administraç ã o

Autorização (Execução do Projeto) do c urso de Administraç ã o Sociedade Educacional Santa Marta S/C Autorização (Execução do Projeto) do c urso de Administraç ã o Lêda M aria Chaves I - RELATÓRIO A Sociedade Educacional Santa Marta S/C, pelos P a r e c e res 882/88

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CULTURA CONSELHO FEDERAL DE EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CULTURA CONSELHO FEDERAL DE EDUCAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CULTURA CONSELHO FEDERAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO / MANTENEDORA FEBASP SOCIEDADE CIVIL ASSUNTO SP UF Autorização (Projeto) para funcionamento do curso de Tecnologia da Embalagem,

Leia mais

Reconhecimento do Curso de Ciência da Computação. Pe. Antônio Geraldo Amaral Rosa

Reconhecimento do Curso de Ciência da Computação. Pe. Antônio Geraldo Amaral Rosa UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PETRÓPOLIS RJ Reconhecimento do Curso de Ciência da Computação Pe. Antônio Geraldo Amaral Rosa 1 - RELATÓRIO 01. 0 PEDIDO: A Reitora da Universidade Católica de Petrópolis encaminha

Leia mais

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO Câmara de Educação Superior e Profissional

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO Câmara de Educação Superior e Profissional INTERESSADO: Centro de Estudos e Pesquisas em Eletrônica Profissional e Informática Ltda CEPEP EMENTA: Reconhece o Curso Técnico em Redes de Computadores Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação, ofertado

Leia mais

Autorização(projeto) para funcionamento do curso de Serviço Social

Autorização(projeto) para funcionamento do curso de Serviço Social INTERESSADO/MANTENEDORA Sociedade Presbiteriana de Educação e Pesquisa ASSUNTO: Autorização(projeto) para funcionamento do curso de Serviço Social RELATOR: SR. CONS. Virgínio Cândido Tosta de Souza 1-RELATÓRIO

Leia mais

Reconhecimento do Curso de Engenharia, com habilitação em Engenharia Civil, da Faculdade de Engenharia de São José do Rio Preto.

Reconhecimento do Curso de Engenharia, com habilitação em Engenharia Civil, da Faculdade de Engenharia de São José do Rio Preto. SOCIEDADE RIOPRETENSE BE ENSINO SUPERIOR SP Reconhecimento do Curso de Engenharia, com habilitação em Engenharia Civil, da Faculdade de Engenharia de São José do Rio Preto. Jucundino da Silva Furtado.

Leia mais

Autorização (Projeto) para implantação do curso superior de Tecnologia em Processamento de Dados

Autorização (Projeto) para implantação do curso superior de Tecnologia em Processamento de Dados ASSOCIAÇÃO DOMUS DE ENSINO S UPERIOR - ADES Autorização (Projeto) para implantação do curso superior de Tecnologia em Processamento de Dados Yugo Ok ida 1 - RELATÓRIO 23030.0 10576/85-39 0 presente processo,

Leia mais

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO Câmara de Educação Superior e Profissional

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO Câmara de Educação Superior e Profissional INTERESSADO: Centro de Estudos e Pesquisas em Eletrônica Profissional e Informática Ltda CEPEP EMENTA: Reconhece o Curso Técnico em Segurança do Trabalho, oferecido pelo Centro de Estudos e Pesquisas em

Leia mais

A instituição pretende oferecer quatro turmas de vinte alunos cada, que funcionarão de segunda à sexta-feira.

A instituição pretende oferecer quatro turmas de vinte alunos cada, que funcionarão de segunda à sexta-feira. INTERESSADO: Centro de Estudos e Pesquisas em Eletrônica Profissional e Informática Ltda CEPEP EMENTA: Reconhece o Curso Técnico em Administração Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios, do Centro de Estudos

Leia mais

CENTRO DE ESTUDOS SUPERIORES E PESQUISA DO PARANÁ

CENTRO DE ESTUDOS SUPERIORES E PESQUISA DO PARANÁ CENTRO DE ESTUDOS SUPERIORES E PESQUISA DO PARANÁ Autorização (projeto) para funcionamento do Curso Superior de Tecnologia em Processamento de Dados. A ser ministrado pela Faculdade de Informática do Paraná.

Leia mais

Reconhecimento do curso de Matemática Aplicada à Informática, ministrado pela Faculdade de Informática de São Paulo

Reconhecimento do curso de Matemática Aplicada à Informática, ministrado pela Faculdade de Informática de São Paulo SOCIEDADE CIVIL ATENEU BRASIL Reconhecimento do curso de Matemática Aplicada à Informática, ministrado pela Faculdade de Informática de São Paulo ARNALDO NISTEIER I - RELATÓRIO O Diretor-Presidente da

Leia mais

A análise que ora é feita refere-se à fase denomi nada projeto e baseia-se, também, na resposta ao DC 157/89.

A análise que ora é feita refere-se à fase denomi nada projeto e baseia-se, também, na resposta ao DC 157/89. Associação Campineira de E ducaç ã o e C ultura Autorização(Projeto) do curso de A dministração Lêda Maria Chaves I - RELATÓRIO A Associação Campineira de Educação e Cultura, pelo Parecer 86/89, teve aprovado

Leia mais

ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL DO LITORAL SANTISTA - AELIS. Reconhecimento do Curso de Ciências Atuariais JÚLIO GARCIA GREGÕRIO MOREJON

ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL DO LITORAL SANTISTA - AELIS. Reconhecimento do Curso de Ciências Atuariais JÚLIO GARCIA GREGÕRIO MOREJON ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL DO LITORAL SANTISTA - AELIS Reconhecimento do Curso de Ciências Atuariais JÚLIO GARCIA GREGÕRIO MOREJON I - RELATÓRIO ' A Associação Educacional do Litoral Santista, mantenedora

Leia mais

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO Câmara de Educação Superior e Profissional

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO Câmara de Educação Superior e Profissional INTERESSADO: Instituto de Educação Profissional SOS Computadores EMENTA: Recredencia o Instituto de Educação Profissional SOS Computadores como instituição de Ensino Profissional de Nível Técnico, altera

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA DO TURNO NOTURNO PARA TURMAS A PARTIR DE JULHO DE 2013

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA DO TURNO NOTURNO PARA TURMAS A PARTIR DE JULHO DE 2013 ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA DO TURNO NOTURNO PARA TURMAS A PARTIR DE JULHO DE 2013 Curso de Bacharelado em Engenharia Elétrica Vagas no Vestibular: 40 (quarenta) regime semestral

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DO ALTO VALE DO RIO PEIXE - CAÇADOR. Reconhecimento da Habilitação Supervisão Escolar do Curso de Pedagogia.

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DO ALTO VALE DO RIO PEIXE - CAÇADOR. Reconhecimento da Habilitação Supervisão Escolar do Curso de Pedagogia. FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DO ALTO VALE DO RIO PEIXE - CAÇADOR Reconhecimento da Habilitação Supervisão Escolar do Curso de Pedagogia. EURIDES BRITO DA SILVA O Diretor de Ensino da Fundação Educacional do Al

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Dados de Identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo

Leia mais

Autorização (Execução do Projeto) do curso de Fisioterapia da Faculdade de Fisioterapia de Guarulhos. CESu

Autorização (Execução do Projeto) do curso de Fisioterapia da Faculdade de Fisioterapia de Guarulhos. CESu ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL PRESIDENTE KENNEDY Autorização (Execução do Projeto) do curso de Fisioterapia da Faculdade de Fisioterapia de Guarulhos. SR. CONS. Yugo Okida CESu 1 - RELATÓRIO A Associação Educacional

Leia mais

UNIVERSIDADE DA AMAZÔNIA

UNIVERSIDADE DA AMAZÔNIA INTERESSADOMANTENEDOR UNIVERSIDADE DA AMAZÔNIA UF AM ASSUNTO Autorização de curso de docência do ensino superior em nível de especialização para professores de ensino superior no Centro de Ensino Superior

Leia mais

446, 23/01/2014, 24/01/2014 PARECER CEE/PE Nº 143/2013-CES APROVADO PELO PLENÁRIO EM

446, 23/01/2014, 24/01/2014 PARECER CEE/PE Nº 143/2013-CES APROVADO PELO PLENÁRIO EM INTERESSADA: UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO UPE FACULDADE DE CIÊNCIAS DA ADMINISTRAÇÃO - FCAP ASSUNTO: RENOVAÇÃO DO RECONHECIMENTO DO CURSO SUPERIOR SEQUENCIAL DE FORMAÇÃO ESPECÍFICA EM GESTÃO IMOBILIÁRIA

Leia mais

PROCESSO Nº 604/15 PROTOCOLO Nº 13.399.921-3 PARECER CEE/CEMEP Nº 314/15 APROVADO EM 30/07/15

PROCESSO Nº 604/15 PROTOCOLO Nº 13.399.921-3 PARECER CEE/CEMEP Nº 314/15 APROVADO EM 30/07/15 PROTOCOLO Nº 13.399.921-3 PARECER CEE/CEMEP Nº 314/15 APROVADO EM 30/07/15 CÂMARA DO ENSINO MÉDIO E DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICA DE NÍVEL MÉDIO INTERESSADO: COLÉGIO ENSITEC ENSINO MÉDIO E PROFISSIONAL

Leia mais

PROCESSO N 1154/14 PROTOCOLO Nº 12.150.961-0 PARECER CEE/CEMEP Nº 900/14 APROVADO EM 02/12/2014

PROCESSO N 1154/14 PROTOCOLO Nº 12.150.961-0 PARECER CEE/CEMEP Nº 900/14 APROVADO EM 02/12/2014 PROCESSO N 1154/14 PROTOCOLO Nº 12.150.961-0 PARECER CEE/CEMEP Nº 900/14 APROVADO EM 02/12/2014 CÂMARA DO ENSINO MÉDIO E DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICA DE NÍVEL MÉDIO INTERESSADO: COLÉGIO ENSITEC ENSINO

Leia mais

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO Câmara de Educação Superior e Profissional

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO Câmara de Educação Superior e Profissional INTERESSADO: Centro de Estudo e Pesquisa em Eletrônica Profissional e Informática Ltda. - CEPEP EMENTA: Credencia a sede do Centro de Estudo e Pesquisa em Eletrônica Profissional e Informática Ltda. -

Leia mais

Autorização dos cursos de Ciências Contábeis e de Administração (fase de Projeto).

Autorização dos cursos de Ciências Contábeis e de Administração (fase de Projeto). MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO CONSELHO FEDERAL DE EDUCACÃO INTERESSADO/MANTENEDORA Associação de Ensino de Urubupunga UF SP ASSUNTO Autorização dos cursos de Ciências Contábeis e de Administração

Leia mais

Curso: Bacharelado em Informática. Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação

Curso: Bacharelado em Informática. Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação Curso: Bacharelado em Informática Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação Informações Básicas do Currículo Duração Ideal 8 semestres Mínima 6 semestres Máxima 14 semestres Carga Horária Aula

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO FEDERAL DE

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO FEDERAL DE MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO FEDERAL DE INTERESSADO/MANTENEDORA SOCIEDADE RIOPRETENSE DE ENSINO SUPERIOR UF SP ASSUNTO Autorização (execução de projeto) para funcionamento do curso de Arquitetura e

Leia mais

Aprovação de Projeto de Curso de Especializaçao(Pós-graduacão "Lato Sen su") em Biologia Geral nos termos da Res 12/83

Aprovação de Projeto de Curso de Especializaçao(Pós-graduacão Lato Sen su) em Biologia Geral nos termos da Res 12/83 INTERESSADO/MANTENEDORA FACULDADES DE EDUCAÇÃO E CULTURA DO ABC UF SP ASSUNTO - Aprovação de Projeto de Curso de Especializaçao(Pós-graduacão "Lato Sen su") em Biologia Geral nos termos da Res 12/83 RELATOR:

Leia mais

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA "CELSO SUCKOW DA FONSECA"

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA "CELSO SUCKOW DA FONSECA" Reconhecimento do Curso de Licenciatura Plena para Graduação de Professores da Parte de Formação Especial do -Currículo do Ensino de 2º

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO COMISSÃO DE ENSINO MÉDIO E EDUCAÇÃO SUPERIOR Parecer nº 137/2006 Processo UERGS nº 1.388/19.50/05.1 RELATÓRIO Reconhece o Curso de Administração

Leia mais

FUNDAÇÃO PAULISTA DE TECNOLOGIA E EDUCAÇÃO

FUNDAÇÃO PAULISTA DE TECNOLOGIA E EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO PAULISTA DE TECNOLOGIA E EDUCAÇÃO Reconhecimento do Curso Superior de Tecnologia em Processamento de Dados, oferecido pela Faculdade de Informática de Lins-SP. Pe. Antonio Geraldo Amaral Rosa

Leia mais

Curso de Engenharia. Formação Geral 1º e 2º anos

Curso de Engenharia. Formação Geral 1º e 2º anos Curso de Engenharia Formação Geral 1º e 2º anos DISCIPLINA 1º Bimestre Introdução à Engenharia Informática Matemática Produção de Textos 2º Bimestre Cálculo I Física I Inglês Metodologia Científica 3º

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR E DIMENSIONAMENTO DA CARGA HORÁRIA POR PERÍODO LETIVO (A CARGA HORÁRIA APRESENTADA NAS TABELAS REFEREM-SE À HORA AULA DE 50 MINUTOS)

MATRIZ CURRICULAR E DIMENSIONAMENTO DA CARGA HORÁRIA POR PERÍODO LETIVO (A CARGA HORÁRIA APRESENTADA NAS TABELAS REFEREM-SE À HORA AULA DE 50 MINUTOS) MATRIZ CURRICULAR E DIMENSIONAMENTO DA POR PERÍODO LETIVO (A APRESENTADA NAS TABELAS REFEREM-SE À HORA AULA DE 50 MINUTOS) PRIMEIRO SEMESTRE / 1 O ANO Leitura e Interpretação de Textos 2-40 Matemática

Leia mais

AUTORIZAÇÃO PARA FUNCIONAMENTO DE CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO

AUTORIZAÇÃO PARA FUNCIONAMENTO DE CURSOS DE ADMINISTRAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE POLÍTICA DO ENSINO SUPERIOR - DEPES COORDENAÇÃO DAS COMISSÕES DE ESPECIALISTAS DE ENSINO COMISSÃO DE ESPECIALISTAS DE ENSINO DE ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

PROCESSO N 35/12 PROTOCOLO N.º 11.205.512 6 PARECER CEE/CEB N.º 319/12 APROVADO EM 08/05/12

PROCESSO N 35/12 PROTOCOLO N.º 11.205.512 6 PARECER CEE/CEB N.º 319/12 APROVADO EM 08/05/12 PROTOCOLO N.º 11.205.512 6 PARECER CEE/CEB N.º 319/12 APROVADO EM 08/05/12 INTERESSADO: CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL DE CURITIBA MUNICÍPIO: CURITIBA ASSUNTO: Pedido de renovação de reconhecimento

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO PARECER HOMOLOGADO(*) (*) Despacho do Ministro, publicado no Diário Oficial da União de 12/05/2008 (*) Portaria/MEC nº 561, publicada no Diário Oficial da União de 12/05/2008 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO

Leia mais

Autorização (Projeto) para funcionamento do curso de Administração. a ser ministrado pela Fac. de Ciências Contábeis e Administrativas de Tangará.

Autorização (Projeto) para funcionamento do curso de Administração. a ser ministrado pela Fac. de Ciências Contábeis e Administrativas de Tangará. CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DE TANGARÀ a ser ministrado pela Fac. de Ciências Contábeis e Administrativas de Tangará. Autorização (Projeto) para funcionamento do curso de Administração SR.CONS. IB GATTO

Leia mais

FUNDAÇÃO FACULDADE DE FILOSOFIA DA CIDADE DE GOIÁS. Reconhecimento do curso de Letras, Português/Inglês. Afrânio dos Santos Coutinho

FUNDAÇÃO FACULDADE DE FILOSOFIA DA CIDADE DE GOIÁS. Reconhecimento do curso de Letras, Português/Inglês. Afrânio dos Santos Coutinho FUNDAÇÃO FACULDADE DE FILOSOFIA DA CIDADE DE GOIÁS Reconhecimento do curso de Letras, Português/Inglês Afrânio dos Santos Coutinho I - RELATÓRIO A Faculdade de Filosofia da Cidade de Goiás, mantida pela

Leia mais

PROCESSO Nº 1863/12 PROTOCOLO Nº 11.579.438-8 PARECER CEE/CES Nº 74/12 APROVADO EM 03/12/12

PROCESSO Nº 1863/12 PROTOCOLO Nº 11.579.438-8 PARECER CEE/CES Nº 74/12 APROVADO EM 03/12/12 PROTOCOLO Nº 11.579.438-8 PARECER CEE/CES Nº 74/12 APROVADO EM 03/12/12 CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR INTERESSADA: FACULDADE ESTADUAL DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS DE APUCARANA - FECEA MUNICÍPIO: APUCARANA ASSUNTO:

Leia mais

PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS. (Resumido)

PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS. (Resumido) FACULDADE DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ADMINISTRATIVAS DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM ES Curso de Administração reconhecido pelo Decreto Federal nº 78.951, publicado no D.O.U. de 16-12-1976 Curso de Ciências Contábeis

Leia mais

INTERESSADO: Instituto de Educação Profissional SOS Computadores

INTERESSADO: Instituto de Educação Profissional SOS Computadores INTERESSADO: Instituto de Educação Profissional SOS Computadores EMENTA: Credencia o Instituto de Educação Profissional SOS Computadores, nesta Capital, e reconhece o curso de educação profissional técnica

Leia mais

Sociedade Brasileira de Instrução.

Sociedade Brasileira de Instrução. Sociedade Brasileira de Instrução. Autorização para funcionamento do curso de Ciências Contábeis, a ser ministrado pela Faculdade de Ciências Políticas e Econômicas do Rio de Janeiro, unidade das Faculdades

Leia mais

Reconhecimento do Curso de Bacharelado em Ciência da Computação, com ênfase em Análise de Sistemas e Software

Reconhecimento do Curso de Bacharelado em Ciência da Computação, com ênfase em Análise de Sistemas e Software INTERESSADO/MANTENEDORA Universidade Federal de Uberlândia MG ASSUNTO Reconhecimento do Curso de Bacharelado em Ciência da Computação, com ênfase em Análise de Sistemas e Software RELATOR SR. CONS Layrton

Leia mais

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO Câmara da Educação Superior e Profissional

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO Câmara da Educação Superior e Profissional INTERESSADA: Escola Técnica Padrão EMENTA: Recredencia a Escola Técnica Padrão e reconhece o curso Técnico em Edificações Eixo Tecnológico: Infraestrutura, ofertado na modalidade presencial em sua sede

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE ENSINO DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

ASSOCIAÇÃO DE ENSINO DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS ASSOCIAÇÃO DE ENSINO DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS Autorização (Projeto) do Curso de Engenharia, habilitação em Engenharia de Produção Elétrica, a ser ministrado pelas Faculdades Unidas do Vale do Paraíba Yugo

Leia mais

Reconhecimento do curso de Serviço Social, ministrado pela. Faculdade de Filosofia, Ciência e Letras de Botucatu.

Reconhecimento do curso de Serviço Social, ministrado pela. Faculdade de Filosofia, Ciência e Letras de Botucatu. ASSOCIAÇÃO DE ENSINO DE BOTUCATU - UNIFAC Reconhecimento do curso de Serviço Social, ministrado pela Faculdade de Filosofia, Ciência e Letras de Botucatu. YUGO OKIDA 1 - RELATÓRIO Trata o presente parecer

Leia mais

CÓD. 483 - CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO. MATRIZ CURRICULAR Currículo nº 03 I- NÚCLEO DOS CONTEÚDOS BÁSICOS

CÓD. 483 - CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO. MATRIZ CURRICULAR Currículo nº 03 I- NÚCLEO DOS CONTEÚDOS BÁSICOS Aprovado no CONGRAD de: 24.09.2013 Retificado no CONGRAD de: 13.05.2014 Vigência: retroativa aos ingressantes de 2014/1 CÓD. 483 - CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO MATRIZ CURRICULAR Currículo nº 03 CÓD.

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR GONÇALVES DIAS. Autorização (aprovação do projeto) para funcionamento do curso Letras

ASSOCIAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR GONÇALVES DIAS. Autorização (aprovação do projeto) para funcionamento do curso Letras ASSOCIAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR GONÇALVES DIAS Autorização (aprovação do projeto) para funcionamento do curso Letras ARNALDO NISKIER I - RELATÓRIO A Associação de Ensino Superior Gonçalves Dias de São Luis(MA)

Leia mais

PARECER CEE/PE Nº 95/2011-CEB Homologado pelo Plenário em 29/07/2011 I RELATÓRIO:

PARECER CEE/PE Nº 95/2011-CEB Homologado pelo Plenário em 29/07/2011 I RELATÓRIO: INTERESSADO: CENTRO DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL MAURÍCIO DE NASSAU CARUARU/PE ASSUNTO: AUTORIZAÇÃO DOS CURSOS TÉCNICOS EM ADMINISTRAÇÃO E EM SECRETARIADO - EIXO TECNOLÓGICO: GESTÃO E NEGÓCIOS RELATORA: CONSELHEIRA

Leia mais

Pós-graduação Lato Sensu em Informática Aplicada na Educação

Pós-graduação Lato Sensu em Informática Aplicada na Educação Pós-graduação Lato Sensu em Informática Aplicada na Educação 1. Público Alvo Este curso de Pós-Graduação Lato Sensu é destinado principalmente a alunos graduados em cursos da área de Educação (Pedagogia

Leia mais

FUNDAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE OLINDA. Reconhecimento dos cursos de Pedagogia, Ciências, Le trás, Geografia e História. Zilma Gomes Parente de Barros

FUNDAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE OLINDA. Reconhecimento dos cursos de Pedagogia, Ciências, Le trás, Geografia e História. Zilma Gomes Parente de Barros FUNDAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE OLINDA Reconhecimento dos cursos de Pedagogia, Ciências, Le trás, Geografia e História Zilma Gomes Parente de Barros O Presidente da Fundação de Ensino Superior de Olinda

Leia mais

Autorização (Execução de Projeto) para funcionamento do curso de Administração, das Faculdades Teresa Martin, SP. Layrton Borges de Miranda Vieira

Autorização (Execução de Projeto) para funcionamento do curso de Administração, das Faculdades Teresa Martin, SP. Layrton Borges de Miranda Vieira INTERESSADO / MANTENEDORA INSTITUTO EDUCACIONAL TERESA MARTIN UF SP ASSUNTO : Autorização (Execução de Projeto) para funcionamento do curso de Administração, das Faculdades Teresa Martin, SP. RELATOR.

Leia mais

Autorização (Projeto) para funcionamento do curso supe rior de Administração, habilitação em Comércio Exterior.

Autorização (Projeto) para funcionamento do curso supe rior de Administração, habilitação em Comércio Exterior. ASSOCIAÇÃO DOMUS DE ENSINO SUPERIOR Autorização (Projeto) para funcionamento do curso supe rior de Administração, habilitação em Comércio Exterior. Lauro Leitão 1 - RELATÓRIO 0 Plenário aprovou o Parecer

Leia mais

4. informações sobre os equipamentos indicados pela Co-

4. informações sobre os equipamentos indicados pela Co- ASSOCIAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR SÃO JUDAS TADEU Aprovação de Plano de Curso Execução do Projeto da habilitação Tecnologia Educacional do Curso de Pedagogia. ARNALDO NISKIER I - RELATÓRIO Pelo Parecer nº

Leia mais

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE POLÍTICAS DE ENSINO SUPERIOR COMISSÃO DE ESPECIALISTAS DE ENSINO DE ECONOMIA DOMÉSTICA

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE POLÍTICAS DE ENSINO SUPERIOR COMISSÃO DE ESPECIALISTAS DE ENSINO DE ECONOMIA DOMÉSTICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DEPARTAMENTO DE POLÍTICAS DE ENSINO SUPERIOR COMISSÃO DE ESPECIALISTAS DE ENSINO DE ECONOMIA DOMÉSTICA ROTEIRO DE AVALIAÇÃO PARA AUTORIZAÇÃO

Leia mais

PROCESSO N 719/10 PROTOCOLO N.º 10.084.281-5 PARECER CEE/CEB N.º 1209/10 APROVADO EM 15/12/10 COLÉGIO TOP GUN ENSINO FUNDAMENTAL, MÉDIO E PROFISSIONAL

PROCESSO N 719/10 PROTOCOLO N.º 10.084.281-5 PARECER CEE/CEB N.º 1209/10 APROVADO EM 15/12/10 COLÉGIO TOP GUN ENSINO FUNDAMENTAL, MÉDIO E PROFISSIONAL PROTOCOLO N.º 10.084.281-5 PARECER CEE/CEB N.º 1209/10 APROVADO EM 15/12/10 CÂMARA DE EDUCAÇÃO BÁSICA INTERESSADO: COLÉGIO TOP GUN ENSINO FUNDAMENTAL, MÉDIO E PROFISSIONAL MUNICÍPIO: SÃO JOSÉ DOS PINHAIS

Leia mais

Implantação do curso de Especialização em Supervisão Escolar com base no Parecer nº 604/82 e das Leis 5. 5 4 0 / 6 8 e 5.692/71

Implantação do curso de Especialização em Supervisão Escolar com base no Parecer nº 604/82 e das Leis 5. 5 4 0 / 6 8 e 5.692/71 ASSOCIAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR PAULISTANA Implantação do curso de Especialização em Supervisão Escolar com base no Parecer nº 604/82 e das Leis 5. 5 4 0 / 6 8 e 5.692/71 ZILMA S. Paulete Gomes de Barros

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG SECRETARIA EXECUTIVA DOS CONSELHOS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG SECRETARIA EXECUTIVA DOS CONSELHOS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG SECRETARIA EXECUTIVA DOS CONSELHOS DELIBERAÇÃO Nº 006/2013 CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

PROCESSO N. 788/11 PROTOCOLO N.º 10.661.081-9 PARECER CEE/CEB N.º 1014/11 APROVADO EM 08/11/11

PROCESSO N. 788/11 PROTOCOLO N.º 10.661.081-9 PARECER CEE/CEB N.º 1014/11 APROVADO EM 08/11/11 PROCESSO N. 788/11 PROTOCOLO N.º 10.661.081-9 PARECER CEE/CEB N.º 1014/11 APROVADO EM 08/11/11 CÂMARA DE EDUCAÇÃO BÁSICA INTERESSADO: COLÉGIO ESTADUAL BARÃO DO RIO BRANCO ENSINO FUNDAMENTAL, MÉDIO, NORMAL

Leia mais

Autorização (Execução do Projeto) de curso de Ciências Econômicas, a funcionar na Faculdade de Ciências Económicas e Contábeis Cândido Rondon

Autorização (Execução do Projeto) de curso de Ciências Econômicas, a funcionar na Faculdade de Ciências Económicas e Contábeis Cândido Rondon ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL CÂNDIDO RONDON Autorização (Execução do Projeto) de curso de Ciências Econômicas, a funcionar na Faculdade de Ciências Económicas e Contábeis Cândido Rondon João Paulo do Valle Mendes

Leia mais

0 Curso de Letras foi reconhecido pelo Decreto n 45.612/58.

0 Curso de Letras foi reconhecido pelo Decreto n 45.612/58. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO FEDERAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO/MANTENEDORA UF Universidade Católica de Petrópolis ASSUNTO: Reconhecimento da Habilitação em Secretariado Executivo do Curso de Letras RELATOR:

Leia mais

Reconhecimento do curso de Letras com habilitações em Por-tuguês/Inglês e Português/Francês com suas respectivas Literaturas.

Reconhecimento do curso de Letras com habilitações em Por-tuguês/Inglês e Português/Francês com suas respectivas Literaturas. FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DO AGRESTE ALAGOANO Reconhecimento do curso de Letras com habilitações em Por-tuguês/Inglês e Português/Francês com suas respectivas Literaturas. ZILMA GOMES PARENTE DE BARROS I -

Leia mais

BOLETIM DE SERVIÇO - FIPAR ON LINE

BOLETIM DE SERVIÇO - FIPAR ON LINE BOLETIM DE SERVIÇO - FIPAR ON LINE ANO II Nº 003 Editado pela Secretaria Geral das FIPAR Faculdades Integradas de Paranaíba FIPAR Paranaíba, 08 de agosto de 2008. AVISO DE PUBLICAÇÃO E ADEQUAÇÃO DE MATRIZ

Leia mais

FACULDADE SANTA RITA

FACULDADE SANTA RITA FACULDADE SANTA RITA CURSO DE ENGENHARIA CIVIL BACHARELADO Matriz Curricular 1º SEMESTRE Introdução à Engenharia Geometria Analítica e Álgebra Linear 04 80 Cálculo I 04 80 Tópicos de Economia para Engenharia

Leia mais

Curso de Engenharia Formação Geral 1º e 2º anos

Curso de Engenharia Formação Geral 1º e 2º anos Curso de Engenharia Formação Geral 1º e 2º anos DISCIPLINA 1º Bimestre Introdução à Engenharia 40 Informática 40 Matemática 80 Produção de Textos 40 2º Bimestre Cálculo I 80 Física I 80 Inglês 20 Metodologia

Leia mais

APROVADO PELO PLENÁRIO EM 07/06/2005 PARECER CEE/PE Nº 36/2005-CES

APROVADO PELO PLENÁRIO EM 07/06/2005 PARECER CEE/PE Nº 36/2005-CES INTERESSADA: UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO/UPE FACULDADE DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE PETROLINA ASSUNTO : RECONHECIMENTO DO CURSO DE LICENCIATURA EM LÍNGUA INGLESA E SUAS LITERATURAS RELATORA : CONSELHEIRA

Leia mais

PROPOSTA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 2012.2. Noturno

PROPOSTA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 2012.2. Noturno PROPOSTA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 2012.2 DENOMINAÇÃO: PORTARIA DE AUTORIZAÇÃO: PORTARIA DE RECONHECIMENTO: REGIME ESCOLAR: NÚMERO DE VAGAS ANUAIS: TURNOS DE FUNCIONAMENTO: NÚMERO DE ALUNOS POR TURMA:

Leia mais

Diretrizes Curriculares Nacionais e com a Legislação Interna, tendo como princípio a compreensão da informática em suas bases epistemológicas de

Diretrizes Curriculares Nacionais e com a Legislação Interna, tendo como princípio a compreensão da informática em suas bases epistemológicas de RESOLUÇÃO Nº 014/2010 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Informática, da Escola Superior de Tecnologia, da Universidade do Estado do Amazonas. O REITOR, EM EXERCÍCIO, DA UNIVERSIDADE

Leia mais

UFV Catálogo de Graduação 2013 163. FÍSICA Licenciatura. COORDENADOR Orlando Pinheiro da Fonseca Rodrigues ofonseca@ufv.br

UFV Catálogo de Graduação 2013 163. FÍSICA Licenciatura. COORDENADOR Orlando Pinheiro da Fonseca Rodrigues ofonseca@ufv.br UFV Catálogo de Graduação 2013 163 FÍSICA Licenciatura COORDENADOR Orlando Pinheiro da Fonseca Rodrigues ofonseca@ufv.br 164 Currículos dos Cursos UFV Licenciatura (Integral) ATUAÇÃO O curso de graduação

Leia mais

Formulário para uso das Comissões de Verificação

Formulário para uso das Comissões de Verificação MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Ensino Superior Departamento de Políticas de Ensino Superior Coordenação das Comissões de Especialistas de Ensino COMISSÃO DE ESPECIALISTAS DE ENSINO DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS

Leia mais

FACULDADE DE TALENTOS HUMANOS

FACULDADE DE TALENTOS HUMANOS FACULDADE DE TALENTOS HUMANOS PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO UBERABA MG INSTITUTO EDUCACIONAL GUILHERME DORÇA PRESIDENTE: LUIZ HUMBERTO DORÇA FACULDADE DE TALENTOS HUMANOS DIRETOR

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL MONSENHOR MESSIAS. Plenificação do Curso de Letras. Zilma Gomes Parente de Barros 10005/87 12/11/87.

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL MONSENHOR MESSIAS. Plenificação do Curso de Letras. Zilma Gomes Parente de Barros 10005/87 12/11/87. FUNDAÇÃO EDUCACIONAL MONSENHOR MESSIAS MG Plenificação do Curso de Letras Zilma Gomes Parente de Barros 10005/87 CESu 1º Grupo 12/11/87 23018.001977/86-12 O Presidente da Fundação Educacional Monsenhor

Leia mais

CONSELHO DE EDUCAÇÃO DO DISTRITO FEDERAL. - Área de Comunicação: Técnico em Propaganda e Marketing

CONSELHO DE EDUCAÇÃO DO DISTRITO FEDERAL. - Área de Comunicação: Técnico em Propaganda e Marketing CONLHO DE EDUCAÇÃO DO DISTRITO FEDERAL Homologado em 24/7/2001, publicado no DODF de 27/7/2001, p. 40. Portaria nº 353, de 14/8/2001, publicada no DODF de 16/8/2001, p. 16. Parecer nº 136/2001-CEDF Processo

Leia mais

PARECER CEE/PE Nº 81/2011-CES APROVADO PELO PLENÁRIO EM 20/06/2011 I RELATÓRIO:

PARECER CEE/PE Nº 81/2011-CES APROVADO PELO PLENÁRIO EM 20/06/2011 I RELATÓRIO: INTERESSADA: ESCOLA POLITÉCNICA DE PERNAMBUCO - POLI ASSUNTO: RENOVAÇÃO DE RECONHECIMENTO DO CURSO DE BACHARELADO EM ENGENHARIA DE TELECOMUNICAÇÕES RELATOR: CONSELHEIRO ARNALDO CARLOS DE MENDONÇA PROCESSO

Leia mais

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO. Missão. Objetivo Geral

SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO. Missão. Objetivo Geral Curso: ENGENHARIA ELÉTRICA SÍNTESE PROJETO PEDAGÓGICO Missão O Curso de Engenharia Elétrica da Universidade Estácio de Sá tem por missão formar engenheiros com sólidos e atualizados conhecimentos científicos

Leia mais

CATÁLOGO DE CURSO DA FACULDADE NETWORK CAMPUS II - SUMARÉ

CATÁLOGO DE CURSO DA FACULDADE NETWORK CAMPUS II - SUMARÉ FACULDADE NETWORK CATÁLOGO DE CURSO DA FACULDADE NETWORK CAMPUS II - SUMARÉ 1 semestre de 2015 DIRIGENTES DA INSTITUIÇÃO Reitoria Entidade Mantenedora Profª Tânia Cristina Bassani Cecilio Mestrado: Educação

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 147/2012

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 147/2012 DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 147/2012 Altera o Currículo do Curso de Engenharia de Produção Mecânica para regime seriado semestral. O CONSELHO DE ENSINO E PESQUISA, na conformidade do Processo nº MEC-479/2012,

Leia mais

I RELATÓRIO: II ANÁLISE:

I RELATÓRIO: II ANÁLISE: INTERESSADA: ESCOLA TÉCNICA PERNAMBUCANA DE PAULISTA PAULISTA/PE ASSUNTO: AUTORIZAÇÃO DO CURSO TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA, DO CURSO TÉCNICO EM AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL E DO CURSO TÉCNICO EM MECÂNICA EIXO TECNOLÓGICO:

Leia mais

PROJETO DE CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO(Pós-Graduação Lato Sensu) EM FISIOTERAPIA nos termos da Res.12/83. Raulino Tramontin

PROJETO DE CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO(Pós-Graduação Lato Sensu) EM FISIOTERAPIA nos termos da Res.12/83. Raulino Tramontin FACULDADES DE EDUCAÇÃO E CULTURA DO ABC - SP PROJETO DE CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO(Pós-Graduação Lato Sensu) EM FISIOTERAPIA nos termos da Res.12/83. Raulino Tramontin I - RELATÓRIO O Diretor Geral das Faculdades

Leia mais

PARECER CEE/PE Nº 131/2007-CES APROVADO PELO PLENÁRIO EM 20/11/2007 I RELATÓRIO:

PARECER CEE/PE Nº 131/2007-CES APROVADO PELO PLENÁRIO EM 20/11/2007 I RELATÓRIO: INTERESSADA: AUTARQUIA BELEMITA DE CULTURA, DESPORTOS E EDUCAÇÃO ASSUNTO: AUTORIZAÇÃO DE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO RELATOR: CONSELHEIRO ARNALDO CARLOS DE MENDONÇA PROCESSO Nº 152/2007 PARECER CEE/PE Nº

Leia mais

Profa. Adriana de Souza Guimarães Coordenadora do Curso de Engenharia da Computação

Profa. Adriana de Souza Guimarães Coordenadora do Curso de Engenharia da Computação 1º PERÍODO 17/03 Física Geral I 26/05 Física Geral I 18/03 Física Geral I - Dependente 27/05 Física Geral I - Dependente 18/03 Geometria Analítica e Vetores -A 27/05 Geometria Analítica e Vetores -A 19/03

Leia mais

Autorização /Execução do Projeto) de curso de Ciências Contábeis a funcionar na Faculdade de Ciências Econômicas e Contábeis Cândido Rondon.

Autorização /Execução do Projeto) de curso de Ciências Contábeis a funcionar na Faculdade de Ciências Econômicas e Contábeis Cândido Rondon. ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL CÂNDIDO RONDON Autorização /Execução do Projeto) de curso de Ciências Contábeis a funcionar na Faculdade de Ciências Econômicas e Contábeis Cândido Rondon. João Paulo do Valle Mendes

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICO SALESIANO AUXILIUM

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICO SALESIANO AUXILIUM 1 CURSOS OFERECIDOS CIÊNCIAS CONTÁBEIS Reconhecimento: Decreto nº 79.651, de 04/05/77 2 Observação: 1. São pré-requisitos do Curso de Ciências Contábeis - Contabilidade I para Contabilidade II - Contabilidade

Leia mais

Reconhecimento do Curso de Letras, habilitação de Tradução em Francês, Inglês e Alemão. Zilma Gomes Parente de Barros

Reconhecimento do Curso de Letras, habilitação de Tradução em Francês, Inglês e Alemão. Zilma Gomes Parente de Barros Universidade de Brasília Reconhecimento do Curso de Letras, habilitação de Tradução em Francês, Inglês e Alemão. Zilma Gomes Parente de Barros 0 Reitor da Universidade de Brasília encaminhe a este Conselho

Leia mais

Grade Curricular - Engenharia de Computação

Grade Curricular - Engenharia de Computação Grade Curricular - Engenharia de Computação SEMESTRE 1 - Obrigatórias FCM0101 Física I 6 0 6 FFI0180 Laboratório de Física Geral I 2 0 2 SAP0678 Desenho 2 0 2 SAP0679 Humanidades e Ciências Sociais 2 0

Leia mais

Este parecer abrange 3 pedidos de inclusão de novas habilitações no Curso de Pedagogia, sem aumento de vagas, nos DGEs 14, 29 e 35.

Este parecer abrange 3 pedidos de inclusão de novas habilitações no Curso de Pedagogia, sem aumento de vagas, nos DGEs 14, 29 e 35. ASSOCIAÇÃO SANTA MARCELINA E OUTROS AUTORIZAÇÃO ( CARTA-CONSULTA ) PARA INCLUSÃO DE SOVA HABILITAÇÃO NO CURSO DE PEDAGOGIA NORBERTINO B. FILHO substituido no Plenário pelo Consº Walter R. da Costa Porto

Leia mais

ASSOCIAÇÃO JACAREPAGUÁ DE ENSINO SUPERIOR. Reconhecimento do Curso de Ciências Contábeis das Faculdades Integradas de Jacarepaguá.

ASSOCIAÇÃO JACAREPAGUÁ DE ENSINO SUPERIOR. Reconhecimento do Curso de Ciências Contábeis das Faculdades Integradas de Jacarepaguá. INTERESSADO/MANTENEDORA ASSOCIAÇÃO JACAREPAGUÁ DE ENSINO SUPERIOR UF RJ ASSUNTO: Reconhecimento do Curso de Ciências Contábeis das Faculdades Integradas de Jacarepaguá. RELATOR: SR. CONS. IB GATTO FALCÃO

Leia mais

INTERESSADO/MANTENEDORA ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL PROF. EDMILSON MORAIS PEREIRA

INTERESSADO/MANTENEDORA ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL PROF. EDMILSON MORAIS PEREIRA INTERESSADO/MANTENEDORA ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL PROF. EDMILSON MORAIS PEREIRA Autorização (Projeto) do Curso de Administração, habilitação Comércio Exte rior para funcionar na Faculdade de Ciências Contábeis

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Manutenção Industrial 4.1-Histórico:

Curso Superior de Tecnologia em Manutenção Industrial 4.1-Histórico: Curso Superior de Tecnologia em Manutenção Industrial 4.1-Histórico: O Curso Superior de Tecnologia em Manutenção Industrial da Faculdade Sul Fluminense FASF, tendo como Entidade Mantenedora o Instituto

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO COLEGIADO CES

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO COLEGIADO CES MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO: Conselho Nacional de Educação / Câmara de Educação Superior ASSUNTO: Diretrizes Curriculares Nacionais dos Cursos de Engenharia RELATOR(A):

Leia mais

PROCESSO N 1569/12 PROTOCOLO Nº 10.790.425-5 PARECER CEE/CEMEP Nº 104/13 APROVADO EM 16/04/13

PROCESSO N 1569/12 PROTOCOLO Nº 10.790.425-5 PARECER CEE/CEMEP Nº 104/13 APROVADO EM 16/04/13 PROTOCOLO Nº 10.790.425-5 PARECER CEE/CEMEP Nº 104/13 APROVADO EM 16/04/13 CÂMARA DO ENSINO MÉDIO E DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICA DE NÍVEL MÉDIO INTERESSADO: ESCOLA TÉCNICA PROFISSIONAL MUNICÍPIO: CURITIBA

Leia mais

ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO

ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO SOBRE O CURSO Com a revolução tecnológica, não é só o mundo que muda, mas a área de tecnologia também. O Engenheiro de Computação é um profissional fundamental para que essa evolução

Leia mais

FUNDAÇÃO ALTO URUGUAI PARA A PESQUISA E O ENSINO SUPERIOR. Autorização para o curso em Regime Intensivo de Férias, por um novo período de 5 anos.

FUNDAÇÃO ALTO URUGUAI PARA A PESQUISA E O ENSINO SUPERIOR. Autorização para o curso em Regime Intensivo de Férias, por um novo período de 5 anos. FUNDAÇÃO ALTO URUGUAI PARA A PESQUISA E O ENSINO SUPERIOR Autorização para o curso em Regime Intensivo de Férias, por um novo período de 5 anos. ANNA BERNARDES DA SILVEIRA ROCHA O Presidente da Fundação

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N 72/2009 Aprova o Projeto Político-Pedagógico do Curso de Sistemas de Informação, modalidade

Leia mais