Faculdade de Computação Programação Orientada à Objetos 1 Laboratório de Programação Orientada à Objetos Prof. Fabíola Gonçalves Coelho Ribeiro

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Faculdade de Computação Programação Orientada à Objetos 1 Laboratório de Programação Orientada à Objetos Prof. Fabíola Gonçalves Coelho Ribeiro"

Transcrição

1 Faculdade de Computação Programação Orientada à Objetos 1 Laboratório de Programação Orientada à Objetos Prof. Fabíola Gonçalves Coelho Ribeiro 1. Introdução O objetivo desta aula prática é apresentar o ambiente de programação em linguagem Java no Sistema Operacional Windows. As atividades de laboratório serão desenvolvidas seguindo as orientações a seguir: Configurar o diretório de trabalho (local onde serão salvos os arquivos fontes); Abrir a aplicação de edição dos arquivos fontes (bloco de notas); Compilar os arquivos fontes com a JVM Executar a aplicação criada. 2. Noções Básicas Este roteiro de aula prática tem o objetivo de auxiliar o aluno a escrever, compilar e executar o seu primeiro programa na linguagem Java. Compilar significa traduzir o programa escrito em uma linguagem de programação de alto nível (ex: Java) em uma linguagem de máquina, que pode ser compreendida e executada pelo processador (ex: Intel Pentium) do computador em um determinado sistema operacional (ex: Microsoft Windows). No caso de Java, o programa não é compilado para uma plataforma (processador e sistema operacional) específica, mas para uma linguagem chamada bytecode de uma máquina virtual (JVM Java Virtual Machine). A máquina virtual é emulada em software em várias plataformas diferentes, de modo que um mesmo programa em bytecode pode ser executado em todas elas. Essa característica se chama portabilidade. Repare que isso não é verdade para outras linguagens. O programa será digitado pelo aluno usando um editor de textos comum (ex: Bloco de Notas) e compilado manualmente através de linha de comando (ex: o prompt de comando, do Windows). Para os próximos programas em Java será utilizado um ambiente (aplicação) mais amigável, mas também mais complexo, chamado de IDE (Integrated Development Environment ou ambiente integrado de desenvolvimento). Obs.: Essa prática foi concebida para ser realizada no sistema operacional Microsoft Windows para torná-la mais apropriada para iniciantes. Entretanto, com pequenas modificações, ela pode ser executada em outros ambientes, como Linux. O programa Java e a forma de compilação e execução permanecem inalterados. Preparativos iniciais: Esta prática supõe que JDK (Java Standard Edition Development Kit) está instalado na máquina, mais precisamente o Java 5, com o JDK jdk1.5.0_08 (isso significa que é o Java 5). 1. Verifique se o JDK está instalado e qual a versão dele. Use o Windows Explorer (clicar com o botão da direita em Iniciar e então selecionar a opção Pesquisar no menu). Vá na pasta Java dentro de Arquivos de Programas e veja a versão do JDK. Qualquer versão que seja jdk1.5 (Java 5) pode ser usada. 2. Verifique se o compilador e interpretador estão configurados para serem acessados através da linha de comando. Inicie um prompt de comando, clicando em Iniciar, depois em Executar, digitando cmd e clicando em OK. A janela que aparecerá deverá ser como:

2 3. Digite o comando path, que mostra o conteúdo da variável PATH, que informa em quais caminhos (pastas e sub-pastas) o sistema operacional deve procurar os programas a serem executados. Se o caminho da pasta onde os programas se encontram estiver configurado, deve haver Arquivos de programas\java\jdk1.5.0_08\bin como parte do resultado desse comando. 4. Teste o compilador Java, digitando javac. Se uma mensagem grande, iniciada por Usage: javac <options> <source files> for impressa, então o compilador foi executado. Senão, uma mensagem de erro como a seguinte deve ser apresentada: 'javac' não é reconhecido como um comando interno ou externo, um programa operável ou um arquivo em lotes. 5. No caso de haver erro, uma solução é digitar o caminho completo: c:\"arquivos de programas"\java\jdk1.5.0_08\bin\javac, que pode ser inconveniente. 6. Outra solução é alterar a configuração para aquele promt de comando, mas que terá que ser refeita todas as vezes todas as vezes que se abrir um novo prompt. Isso é realizado através do comando path %PATH%;c:\Arquivos de programas\java\jdk1.5.0_08\bin. Teste novamente. 7. Uma solução definitiva é alterar as configurações do sistema que valerá definitivamente para todos os programas do Windows. Na área de trabalho, clique com o botão da direita em Meu computador e depois selecione a opção Propriedades no menu. Então, selecione a aba Avançado e clique no botão Variáveis de ambiente. Na parte inferior da janela, selecione a variável Path e clique em Editar. Em Valor da variável, vá até o final da linha e acrescente ;c:\arquivos de programas\java\jdk1.5.0_08\bin. Lembre-se de iniciar com ; (ponto e virgula), que separa os diferentes caminhos que estão configurados nessa variável. Abra outro prompt de comando e teste o comando javac. Observação: Em algumas situações você pode não ter permissão de mudar as configurações do sistema. Nesse caso, a solução mais adequada seria a segunda (alterar o conteúdo da variável PATH manualmente todas as vezes). Exercício a Digitando o programa 8. Abra o Bloco de Notas (clicando em Iniciar/Programas/Acessórios/Bloco de Notas) ou outro editor simples que salve o texto em formato ASCII e digite o programa abaixo (sem os números de linhas): 1 // Primeiro programa em Java 2 public class BemVindo 3 { 4 public static void main(string args[]) 5 { 6 System.out.println("Bem-vindo ao laboratório de POO "); 7 } 8 } 9. Explicação do programa: A linha 1 contem um comentário, pois é iniciada com //. Existem outras formas de se inserir comentários em um programa Java.

3 A linha 2 contem a declaração da classe BemVindo. Por enquanto é suficiente entender que uma classe precisa das palavras reservadas public (diz que esta classe pode ser acessada por outros arquivos) e class (determina que um arquivo de classe Java) e que BemVindo é um nome qualquer, mas que como será visto adiante, precisa ser igual ao nome do arquivo que vai conter a classe. Na linha 3, o caractere { (abre chaves) indica que tudo o vem a seguir pertence à classe BemVindo, até o seu encerramento com }. A linha 4 declara o método principal (main) dessa classe, que será executado quando o programa for iniciado. A declaração public static void main(string args[]) é necessária exatamente desta forma (vimos em sala aula o significado de cada elemento). Nem todas as classes precisam ter um método main. Na linha 5, o caractere { (abre chaves) indica que tudo o vem a seguir pertence ao método main, até o seu encerramento com }. A linha 6 contem o comando System.out.println( Bem-vindo ao laboratório de POO ); que imprime na tela (linha de comando) a mensagem Bem-vindo ao laboratório de POO. System.out é um objeto de saída padrão e println um método que imprime um string (conjunto de caracteres) e passa para a próxima linha. Existem outros métodos para imprimir na tela como será visto a seguir, além de métodos para imprimir em janelas gráficas. Repare que não foi usada a crase, como seria necessário em bom português. No entanto, existem alguns problemas com relação à acentuação, principalmente quando se lida com programas que executam em linha de comando. Todos que já acessaram endereços na Internet, sem pontuação e cedilhas já experimentaram isso. As linhas 7 e 8 encerram o método main e a classe BemVindo,respectivamente. 10. Salve o programa com o nome BemVindo.java, sem as aspas em uma pasta de fácil acesso, como por exemplo, C:\Users\Fabiola\Desktop\ProgJAVA. Se essa pasta não existir, ela deve ser criada. A extensão.java é obrigatória em programas Java. O nome antes da extensão deve obrigatoriamente ser igual ao nome da classe public, observando que existe diferença entre letras maiúsculas e minúsculas. Em inglês, diz-se que Java é case sensitive porque o compilador é sensível a diferenças entre letras maiúsculas (upper case) e minúsculas (lower case). Um arquivo pode conter várias classes, mas apenas uma delas deve ser declarada como public. Entretanto, é desaconselhado usar essa prática de programação, ou seja, recomenda-se usar apenas uma classe public em cada arquivo.java. Exercício b Compilando e executando o programa 11. Assumindo que o JDK está devidamente instalado na sua máquina e que o acesso a ele via linha de comando está devidamente configurado, o próximo passo é compilar o programa. Abra o prompt de comando do Windows, através de Iniciar/Executar, digitar cmd em Abrir e clicar em OK. Então, digite o comando cd C:\Users\Fabiola\Desktop\ProgJAVA para mudar para o diretório (pasta) apropriado (cd = change directory), assumindo que C:\Users\Fabiola\Desktop\ProgJAVA é a pasta onde o arquivo contendo o programa digitado foi salvo (item 10). 12. Para compilar o programa, use o compilador javac digitando o comando: C:\Users\Fabiola\Desktop\ ProgJAVA javac BemVindo.java C:\Users\Fabiola\Desktop\ProgJava Caso não haja nenhum erro, a tela voltará para o prompt de comando sem mostrar nenhuma mensagem. Mensagens de erro serão mostradas caso contrário (o que é mais comum, ou seja, é muito difícil, mesmo para programadores experientes, digitar um programa e não cometer nenhum tipo de erro de sintaxe). 13. Observe que, se não houver nenhum erro de compilação, um arquivo com o nome BemVindo.class é criado, contendo os bytecodes referente a este programa Java. 14. Para executar o programa, use o comando java", que carrega a JVM e interpreta os bytecodes. O comando e o seu resultado esperado são:

4 C:\Users\Fabiola\Desktop\ProgJAVA java BemVindo Bem-vindo ao laboratório de POO C:\Users\Fabiola\Desktop\ProgJAVA Observe que a extensão.class não deve ser incluída no nome do arquivo. Caso contrário, ocorrerá um erro. Exercício c Observando e compreendendo mensagens de erro 15. As possibilidades para a ocorrência de erros quando se compila e executa um programa são muito grandes, e com a experiência se aprende a identificar e corrigir os mais comuns. Outros, no entanto, não são nada óbvios e frequentemente consomem uma boa parte do tempo dos programadores. Alguns exemplos são apresentados a seguir (caso você ainda não os tenha experimentado). 16. Erros referentes ao nome do arquivo.java errado. C:\Users\Fabiola\Desktop\ProgJAVA javac BenVindo.java (foi digitado n e não m ). error: cannot read: BenVindo.java 1 error C:\Users\Fabiola\Desktop\ProgJAVA Bem Vindo.java ( Bem Vindo com um espaço em branco). javac: invalid flag: Bem Usage: javac <options> <source files> 17. Erros referentes ao arquivo.class. Exclua o arquivo BemVindo.class (pode usar o comando del" ou então o Windows Explorer) e tente executar com java BemVindo. C:\Users\Fabiola\Desktop\ProgJAVA java BemVindo Exception in thread "main" java.lang.noclassdeffounderror: BemVindo Essa mensagem estranha (por enquanto) significa que o arquivo BemVindo.class não foi encontrado. 18.Compile novamente o programa, com javac e digite o comando: C:\Users\Fabiola\Desktop\ProgJAVA java BemVindo.class Exception in thread "main" java.lang.noclassdeffounderror: BemVindo/class Dessa vez, o erro ocorreu porque foi digitada a extensão.class, que deve ser omitida Erros referentes ao nome do arquivo diferente do nome da classe public. Faça uma cópia do programa BemVindo.java para algo como MeuPrograma.java e tente compilá-lo: C:\Users\Fabiola\Desktop\ProgJAVA javac MeuPrograma.java MeuPrograma.java:3: class BemVindo is public, should be declared in a file BemVindo.java public class BemVindo ^ 1 error C:\Users\Fabiola\Desktop\ProgJAVA Essa mensagem identifica um erro na linha 3 ( :3: ), porque a classe BemVindo é pública e deve ser declarada em um arquivo chamado BemVindo.java. Experimente também alterar o nome do arquivo BemVindo.java para letras minúsculas, ou seja, bemvindo.java. O compilador irá fazer a mesma reclamação. 20. Erros de sintaxe (escrita) no programa. Retire o caractere ; (ponto de virgula) do final da linha System.out.println( Bem-vindo ao Laboratório de POO );.

5 :\Users\Fabiola\Desktop\ProgJAVA javac BemVindo.java BemVindo.java:8: ';' expected } ^ 1 error Essa mensagem reclama da falta do ;. Uma pergunta que surge facilmente é: por que ele diz que o problema é na linha 8, antes do } e não na linha 7, depois do )? A reposta é que o ; não precisa necessariamente estar no final da linha e o compilador o procura nas próximas linhas até encontrar algo que não devia estar lá, no caso o }. Experimente incluir o ; antes do } na linha 8 ou abrir uma linha depois da linha 7 e antes da linha 8 atual e incluir somente o ;, para confirmar como isso funciona. No entanto, não é considerada uma boa prática de programação, porque dificulta a legibilidade e compreensão do programa. 21. Experimente introduzir outros erros de sintaxe, como por exemplo, remover o } final ou alterar uma palavra public para publica. Exercício d Alterando o programa 22.Como já foi mencionado, existem outros métodos para imprimir uma mensagem em uma tela de linha de comando, além do println, que serão explorados agora. 23. Faça uma cópia do programa BemVindo.java para BemVindo2.java. Lembre-se de alterar o nome da classe pública também. 24. Usando o método print. Substitua a linha: 6 System.out.println("Bem-vindo ao Laboratório de POO "); por 6 System.out.print ("Bem-vindo ao "); 6.1 System.out.println (" Laboratório de POO "); Compile o programa. O resultado deve ser igual ao programa anterior, porque o método print imprime a mensagem, mas não passa para a próxima linha 25. Substitua agora o método print por println e veja o resultado. As mensagens Bem-vindo ao e Laboratório de POO devem ser impressas em linhas diferentes agora. 26. Usando o método printf, para obter uma saída formatada. O printf consegue tratar de diferentes tipos de dados e não apenas strings (conjuntos de caracteres). Edite o arquivo chamado MeuPrograma.java criado anteriormente e faça as modificações indicadas a seguir. 27. Pulando de linha com a sequência de escape \n. Use o comando printf da seguinte forma: 6 System.out.printf("Bem-vindo ao Laboratório de POO \n "); O \n dentro do printf informa que a saída deve passar para a próxima linha. Insira outros \n em outros pontos da mensagem para ver o efeito. Existem outras sequências de escape, como \t, \r e \\. Experimente-as. Observe que essas sequências funcionam também com print e println, mas são mais frequentemente usadas com printf (por conta das origens na linguagem C). 28. Usando a saída formatada. Transforme a linha de impressão anterior em um comentário (com // ) e digite esta:

6 System.out.printf("%s\n%s\n", "Bem-vindo ", " ao Laboratório de POO "); Agora o método printf está sendo invocado (usado) com 3 argumentos, separados por vírgulas. O primeiro argumento contém o string de argumento composto de especificadores de formato (iniciados por % ) e sequências de escape. Nesse caso, %s significa que vai ser formatado um string. Repare que existe dois %s no string de argumento e outros dois argumentos após ele. É necessário que haja um casamento entre a quantidade de especificadores de formato e de argumentos após o string de argumentos. Existem outros especificadores de formato, como para números inteiros (%d) e reais (%f). 29. Novamente comente a linha de impressão anterior (com // ) e digite esta: System.out.printf("%s \n %s %d \n %s %f \n", "Nome: Maria", "Idade: ", 19, "Altura: ", 1.69); Repare agora que a seqüência representa a formatação da saída e ficou mais complexa %s\n%s%d\n%s%3.2f\n. Existem cinco especificadores de formato e cinco argumentos após o string de argumento. Os tipos dos especificadores devem coincidir com os tipos dos argumentos, ou seja, por exemplo %s com Idade:, %d com 19 e %f com Experimente trocar a idade (19) por um nome, para observar um erro de execução. Porém, nem sempre ocorrem erros desse tipo para nos avisar, porque Java tenta fazer conversão de tipos em tempo de execução. Algumas vezes o programa fica com um erro de lógica e pode imprimir resultados incorretos, inclusive em relatórios importantes (imagine, no balanço de uma empresa, ou nome seu contra-cheque!). Para a altura ser impressa apenas com duas casas decimais, substitua %f por %.2f. Outra maneira de obter o mesmo efeito, mas misturando as mensagens com o string de argumento e separando dos verdadeiros valores é: System.out.printf( Nome: %s \nidade: %d \naltura: %3.2f\n, Maria", 19, 1.69); Exercício para casa 1. Uma prática comum entre programadores é que o seu primeiro programa em uma linguagem de programação deve dizer olá para o mundo, em inglês Hello world!. Escreva um programa que imprima essa mensagem, lembrando-se de coincidir o nome do arquivo com o nome da classe. Faça pelo menos três versões desse programa, para usar os métodos System.out.print, System.out.println e System.out.printf. 2. Escreva um programa que imprime os números de 1 a 10 em uma linha e de 11 a 20 na linha seguinte. Os números devem ter um espaço de alguns caracteres entre eles e os de baixo devem estar alinhados com os de cima. Dica: use a sequência de escape \t para que os números se posicionem em marcas de tabulação prédefinidas. 3. No programa anterior, os números de baixo foram alinhados aos de cima pela esquerda, quando o comum para números é o alinhamento pela direita. Escreva um programa que faça o alinhamento pela direita. Dica: Use o especificador de formato %d indicando a quantidade de dígitos que o numero deve ter que você obterá o alinhamento pela direita. 4. Faça um programa que imprima a seguinte operação matemática:

Primeiro programa em Java (compilação e execução)

Primeiro programa em Java (compilação e execução) Universidade Federal do ABC Disciplina: Linguagens de Programação (BC-0501) Assunto: Primeiro programa em Java (compilação e execução) Primeiro programa em Java (compilação e execução) Introdução Este

Leia mais

Primeiro programa em Java (compilação e execução)

Primeiro programa em Java (compilação e execução) Universidade Federal do ABC Disciplina: Linguagens de Programação (BC-0501) Assunto: Primeiro programa em Java (compilação e execução) Primeiro programa em Java (compilação e execução) Introdução Este

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ALAGOAS CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA DISCIPLINA:

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ALAGOAS CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA DISCIPLINA: INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ALAGOAS CURSO TÉCNICO EM INFORMÁTICA DISCIPLINA: PROGRAMAÇÃO ORIENTADA A OBJETOS PROFESSOR: REINALDO GOMES ASSUNTO: PRIMEIRO PROGRAMA EM JAVA (COMPILAÇÃO

Leia mais

Introdução ao IDE Netbeans (Programação Java)

Introdução ao IDE Netbeans (Programação Java) Universidade Federal do ABC (UFABC) Disciplina: Processamento da Informação (BC-0505) Assunto: Java e Netbeans Introdução ao IDE Netbeans (Programação Java) Conteúdo 1. Introdução... 1 1.1. Programas necessários...

Leia mais

Java Linguagem de programação

Java Linguagem de programação NASA INFORMÁTICA Pág. 1 O ambiente Java Como foi comentado anteriormente, o Java é uma linguagem independente de plataforma. Tal característica torna-se possível com o uso de um formato intermediário,

Leia mais

Java Como Programar, 8/E

Java Como Programar, 8/E Capítulo 2 Introdução aos aplicativos Java Java Como Programar, 8/E (C) 2010 Pearson Education, Inc. Todos os 2.1 Introdução Programação de aplicativo Java. Utilize as ferramentas do JDK para compilar

Leia mais

Aula 2. Objetivos Conceitos; Instalação do Text Pad; Entendendo o código java do AloMundo1 Codificação do AloMundo2,AloMundo3 e AloMundo4.

Aula 2. Objetivos Conceitos; Instalação do Text Pad; Entendendo o código java do AloMundo1 Codificação do AloMundo2,AloMundo3 e AloMundo4. Aula 2 Objetivos Conceitos; Instalação do Text Pad; Entendendo o código java do AloMundo1 Codificação do AloMundo2,AloMundo3 e AloMundo4. Conceitos O software controla os computadores(freqüentemente conhecido

Leia mais

Tutorial de instalação do Java 7 no Windows 7.

Tutorial de instalação do Java 7 no Windows 7. Tutorial de instalação do Java 7 no Windows 7. Neste tutorial vamos instalar um ambiente de desenvolvimento Java JDK 7 no Windows 7. Quando falamos em ambiente Java, estamos nos referindo ao conjunto de

Leia mais

Introdução a conceitos e a prática de programação

Introdução a conceitos e a prática de programação Instituto de Informática - UFG Disciplina: Introdução à Computação Introdução a conceitos e a prática de programação Autores: Marcelo Akira e Anderson Soares Fevereiro de 2011 Alguns direitos autorais

Leia mais

Programação online em Java

Programação online em Java Universidade Federal do ABC Disciplina: Processamento da Informação Assunto: Programação online em Java Programação online em Java Conteúdo Conteúdo...1 Introdução... 1 1.1.Programas necessários... 1 1.2.Visão

Leia mais

Algoritmos I Aula 13 Java: Tipos básicos, variáveis, atribuições e expressões

Algoritmos I Aula 13 Java: Tipos básicos, variáveis, atribuições e expressões Algoritmos I Aula 13 Java: Tipos básicos, variáveis, atribuições e expressões Professor: Max Pereira http://paginas.unisul.br/max.pereira Ciência da Computação Primeiro Programa em Java public class OlaPessoal

Leia mais

Lógica de Programação

Lógica de Programação Lógica de Programação Unidade 4 Ambiente de desenvolvimento Java QI ESCOLAS E FACULDADES Curso Técnico em Informática SUMÁRIO A LINGUAGEM JAVA... 3 JVM, JRE, JDK... 3 BYTECODE... 3 PREPARANDO O AMBIENTE

Leia mais

CURSO DE PROGRAMAÇÃO EM JAVA

CURSO DE PROGRAMAÇÃO EM JAVA CURSO DE PROGRAMAÇÃO EM JAVA Introdução para Iniciantes Prof. M.Sc. Daniel Calife Índice 1 - A programação e a Linguagem Java. 1.1 1.2 1.3 1.4 Linguagens de Programação Java JDK IDE 2 - Criando o primeiro

Leia mais

Em uma linguagem de programação como C e Pascal, temos a seguinte situação quando vamos compor um programa:

Em uma linguagem de programação como C e Pascal, temos a seguinte situação quando vamos compor um programa: 1 1. Introdução Este manual se propõe a dar uma visão inicial do Java e apresentar os primeiros passos para sua instalação, configuração e usabilidade pelo prompt de comando do Windows. O ideal é que este

Leia mais

Instalando e configurando o Java Development Kit (JDK)

Instalando e configurando o Java Development Kit (JDK) Tutorial elaborado pelo professor José Gonçalo dos Santos Contato: jose.goncalo.santos@gmail.com Instalando e configurando o Java Development Kit (JDK) 1.1 Obtendo o JDK + JRE Para obter o JDK e o JRE

Leia mais

Instalação do Java SDK (Software Development Kit)

Instalação do Java SDK (Software Development Kit) ESCOLA POLITÉCNICA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Departamento de Engenharia Mecatrônica e de Sistemas Mecânicos PMR 2300 Computação para Automação 1 o Semestre 2005 Instalação do Java SDK (Software Development

Leia mais

Java - Introdução. Professor: Vilson Heck Junior. vilson.junior@ifsc.edu.br

Java - Introdução. Professor: Vilson Heck Junior. vilson.junior@ifsc.edu.br Java - Introdução Professor: Vilson Heck Junior vilson.junior@ifsc.edu.br Agenda O que é Java? Sun / Oracle. IDE - NetBeans. Linguagem Java; Maquina Virtual; Atividade Prática. Identificando Elementos

Leia mais

Sintaxe Básica de Java Parte 1

Sintaxe Básica de Java Parte 1 Sintaxe Básica de Java Parte 1 Universidade Católica de Pernambuco Ciência da Computação Prof. Márcio Bueno poonoite@marcioubeno.com Fonte: Material da Profª Karina Oliveira Estrutura de Programa Um programa

Leia mais

Java Laboratório Aula 1. Divisões da Plataforma. Introdução a Plataforma Java. Visão geral da arquitetura da

Java Laboratório Aula 1. Divisões da Plataforma. Introdução a Plataforma Java. Visão geral da arquitetura da Java Laboratório Aula 1 Programação orientada a objetos Profa. Renata e Cristiane Introdução a Plataforma Java O que é Java? Tecnologia Linguagem de Programação Ambiente de Execução (JVM) Tudo isso é a

Leia mais

LINGUAGEM C UMA INTRODUÇÃO

LINGUAGEM C UMA INTRODUÇÃO LINGUAGEM C UMA INTRODUÇÃO AULA 1 Conceitos muito básicos 1 Introdução O C nasceu na década de 70. Seu inventor, Dennis Ritchie, implementou-o pela primeira vez usando um DEC PDP-11 rodando o sistema operacional

Leia mais

Guião de Introdução ao Eclipse IDE Índice

Guião de Introdução ao Eclipse IDE Índice Índice 1. Introdução... 2 1.1. O que é um ambiente de desenvolvimento (IDE)?... 2 1.2. Visão geral sobre o Eclipse IDE... 2 2. Iniciar o Eclipse... 3 2.1. Instalação... 3 2.2. Utilizar o Eclipse... 3 3.

Leia mais

2. O AMBIENTE DE PROGRAMAÇÃO EM C

2. O AMBIENTE DE PROGRAMAÇÃO EM C 2. O AMBIENTE DE PROGRAMAÇÃO EM C Este capítulo trata de colocar a linguagem C para funcionar em um ambiente de programação, concentrando-se no compilador GNU Compiler Collection (gcc). Mas qualquer outro

Leia mais

Projeto de Software Orientado a Objeto

Projeto de Software Orientado a Objeto Projeto de Software Orientado a Objeto Ciclo de Vida de Produto de Software (PLC) Analisando um problema e modelando uma solução Prof. Gilberto B. Oliveira Estágios do Ciclo de Vida de Produto de Software

Leia mais

PROGRAMAÇÃO JAVA. Parte 1

PROGRAMAÇÃO JAVA. Parte 1 PROGRAMAÇÃO JAVA Parte 1 O que é um programa? Um algoritmo (sequência de operações elementares - instruções) convertido para uma linguagem que possa ser executada por um computador Programa = Algoritmos

Leia mais

Bacharelado em Ciência e Tecnologia Processamento da Informação. Equivalência Portugol Java. Linguagem Java

Bacharelado em Ciência e Tecnologia Processamento da Informação. Equivalência Portugol Java. Linguagem Java Linguagem Java Objetivos Compreender como desenvolver algoritmos básicos em JAVA Aprender como escrever programas na Linguagem JAVA baseando-se na Linguagem Portugol aprender as sintaxes equivalentes entre

Leia mais

Um pouco do Java. Prof. Eduardo

Um pouco do Java. Prof. Eduardo Um pouco do Java Prof. Eduardo Introdução A tecnologia JAVA é composta pela linguagem de programação JAVA e pela plataforma de desenvolvimento JAVA. Os programas são escritos em arquivos-texto com a extensão.java.

Leia mais

Professora Martha Spalenza Professora de Informática da Faetec

Professora Martha Spalenza Professora de Informática da Faetec Ambiente de Desenvolvimento JCreator Como criar um programa utilizando o JCreator O kit de programas da linguagem Java fornecido pela Sun Microsystems, a criadora do Java, compõe-se do compilador (o gerador

Leia mais

Instalando o J2SE 5.0 JDK no Windows 2000/XP

Instalando o J2SE 5.0 JDK no Windows 2000/XP Instalando o J2SE 5.0 JDK no Windows 2000/XP Fabricio Leonard Leopoldino Descreve o processo de download, instalação e configuração do J2SE 5.0 JDK, no Windows 2000 e no Windows XP. 1 - Introdução Para

Leia mais

Definições. Parte 02. Java Conceitos e. Desenvolvimento de Programação Orientada a Objetos. Prof. Pedro Neto

Definições. Parte 02. Java Conceitos e. Desenvolvimento de Programação Orientada a Objetos. Prof. Pedro Neto Java Conceitos e Definições Parte 02 Prof. Pedro Neto Aracaju Sergipe - 2011 Conteúdo 2 O que é Java i. Java ii. Máquina Virtual iii. Java lento? Hotspot e JIT iv. Versões do Java e a confusão do Java2

Leia mais

INTRODUÇÃO AO JAVA PARA PROGRAMADORES C

INTRODUÇÃO AO JAVA PARA PROGRAMADORES C PROGRAMAÇÃO SERVIDOR EM SISTEMAS WEB INTRODUÇÃO AO JAVA PARA PROGRAMADORES C Prof. Dr. Daniel Caetano 2012-1 Objetivos Apresentar a grande semelhança entre Java e C Apresentar a organização diferenciada

Leia mais

Linguagem de Programação Orientada a Objeto. Introdução a Orientação a Objetos Professora Sheila Cáceres

Linguagem de Programação Orientada a Objeto. Introdução a Orientação a Objetos Professora Sheila Cáceres Linguagem de Programação Orientada a Objeto Introdução a Orientação a Objetos Professora Sheila Cáceres Introdução a Orientação a Objetos No mundo real, tudo é objeto!; Os objetos se relacionam entre si

Leia mais

Aula Prática 1: Introdução ao Ambiente de Programação Dev-C++

Aula Prática 1: Introdução ao Ambiente de Programação Dev-C++ Aula Prática 1: Introdução ao Ambiente de Programação Dev-C++ 1. Introdução Em nossa primeira aula prática de programação em linguagem C iremos escrever e testar programas de computador básicos. Mas antes,

Leia mais

Instalação e Configuração do Java (por Gilberto Irajá Müller)

Instalação e Configuração do Java (por Gilberto Irajá Müller) Instalação e Configuração do Java (por Gilberto Irajá Müller) Para o desenvolvimento em Java, é necessário fazer a instalação do Kit de desenvolvimento em Java (JDK), que é fornecido pela Sun Microsystem

Leia mais

1. Instalando o JDK - Java Development Kit

1. Instalando o JDK - Java Development Kit 1. Instalando o JDK - Java Development Kit 1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. Vá para : http://www.oracle.com/technetwork/java/javase/downloads/index.html Procure pela versão Java SE 6 Update xx Há duas versões para

Leia mais

Linguagens de. Aula 02. Profa Cristiane Koehler cristiane.koehler@canoas.ifrs.edu.br

Linguagens de. Aula 02. Profa Cristiane Koehler cristiane.koehler@canoas.ifrs.edu.br Linguagens de Programação III Aula 02 Profa Cristiane Koehler cristiane.koehler@canoas.ifrs.edu.br Linguagens de Programação Técnica de comunicação padronizada para enviar instruções a um computador. Assim

Leia mais

NetBeans. Conhecendo um pouco da IDE

NetBeans. Conhecendo um pouco da IDE NetBeans Conhecendo um pouco da IDE Professor: Edwar Saliba Júnior Sumário Apresentação:...1 Criando Um Novo Projeto de Software:...1 Depurando Um Código-fonte:...4 Entendendo o Código-fonte:...7 Dica

Leia mais

Objetivos: Entender o funcionamento dos programas Java via linha de comando

Objetivos: Entender o funcionamento dos programas Java via linha de comando Algoritmos e Programação I Aula de Laboratório Objetivos: Entender o funcionamento dos programas Java via linha de comando 1. A Linha de Comando: DOS ou Shell Apesar dos usuários geralmente não enxergarem

Leia mais

1. Instruções detalhadas para o primeiro programa

1. Instruções detalhadas para o primeiro programa DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA INFORMÁTICA INFORMÁTICA PARA A SAÚDE COMPUTADORES E PROGRAMAÇÃO Ano Lectivo 2012/2013 1º Semestre FOLHA 1 - INTRODUÇÃO À LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO JAVA 1. Instruções detalhadas

Leia mais

Microsoft Visual Studio Express 2012 for Windows Desktop

Microsoft Visual Studio Express 2012 for Windows Desktop Microsoft Visual Studio Express 2012 for Windows Desktop Apresentação da ferramenta Professor: Danilo Giacobo Página pessoal: www.danilogiacobo.eti.br E-mail: danilogiacobo@gmail.com 1 Introdução Visual

Leia mais

1. Apresentação. 1.1. Objetivos

1. Apresentação. 1.1. Objetivos 1.1. Objetivos 1. Apresentação Neste capítulo estão descritos os objetivos gerais do livro, os requisitos desejáveis do estudante para que possa utilizá-lo eficientemente, e os recursos necessários em

Leia mais

Prof. Esp. Adriano Carvalho

Prof. Esp. Adriano Carvalho Prof. Esp. Adriano Carvalho Um arquivo contendo uma sequência de comandos em uma linguagem de programação especifica Esses comandosrespeitam regras de como serem escritos e quais são as palavras que podem

Leia mais

Organização de programas em Java. Vanessa Braganholo vanessa@ic.uff.br

Organização de programas em Java. Vanessa Braganholo vanessa@ic.uff.br Organização de programas em Java Vanessa Braganholo vanessa@ic.uff.br Vamos programar em Java! Mas... } Como um programa é organizado? } Quais são os tipos de dados disponíveis? } Como variáveis podem

Leia mais

AULA 2: INTRODUÇÃO A LINGUAGEM DE C. Curso: Ciência da Computação Profª.: Luciana Balieiro Cosme

AULA 2: INTRODUÇÃO A LINGUAGEM DE C. Curso: Ciência da Computação Profª.: Luciana Balieiro Cosme AULA 2: INTRODUÇÃO A LINGUAGEM DE C Curso: Ciência da Computação Profª.: Luciana Balieiro Cosme Agenda Introdução a linguagem C Compiladores Variáveis IDEs Exemplos Exercícios Introdução A Linguagem C

Leia mais

ESQUEMA AULA PRÁTICA 1 Familiarização com o Ambiente de Desenvolvimento Eclipse Introdução à Linguagem de Programação JAVA

ESQUEMA AULA PRÁTICA 1 Familiarização com o Ambiente de Desenvolvimento Eclipse Introdução à Linguagem de Programação JAVA P. Fazendeiro & P. Prata POO FP1/1 ESQUEMA AULA PRÁTICA 1 Familiarização com o Ambiente de Desenvolvimento Eclipse Introdução à Linguagem de Programação JAVA 0 Inicie o ambiente de desenvolvimento integrado

Leia mais

Laboratório I Aula 2

Laboratório I Aula 2 Laboratório I Aula 2 Prof. Msc. Anderson da Cruz Fases da Programação Implementação de Linguagens de Programação Compilação geração de código executável dependente da plataforma de execução tradução lenta

Leia mais

Lógica de Programação

Lógica de Programação Lógica de Programação Softblue Logic IDE Guia de Instalação www.softblue.com.br Sumário 1 O Ensino da Lógica de Programação... 1 2 A Ferramenta... 1 3 Funcionalidades... 2 4 Instalação... 3 4.1 Windows...

Leia mais

LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO WEB

LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO WEB LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO WEB GABRIELA TREVISAN Ambiente de Desenvolvimento Após instalar o Wamp Server, inicie o servidor. Um ícone aparecerá na SystemTray. A cor do ícone indica seu estado: Verde: servidor

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA. Documento de Arrecadação Estadual DAE. Manual do Usuário. Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA. Documento de Arrecadação Estadual DAE. Manual do Usuário. Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA 1 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA Documento de Arrecadação Estadual DAE Manual do Usuário Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA 66.053-000 Av. Visconde de Souza Franco, 110 Reduto Belém PA Tel.:(091)

Leia mais

Programação de Computadores I. Conhecendo a IDE Code::Blocks

Programação de Computadores I. Conhecendo a IDE Code::Blocks Code::Blocks Conhecendo a IDE Programação de Computadores I Professor: Edwar Saliba Júnior Conhecendo a IDE Code::Blocks Apresentação: 1) Abra a IDE (Integrated Development Environment), ou seja, o Ambiente

Leia mais

Para que o NSBASIC funcione corretamente em seu computador, você deve garantir que o mesmo tenha as seguintes características:

Para que o NSBASIC funcione corretamente em seu computador, você deve garantir que o mesmo tenha as seguintes características: Cerne Tecnologia www.cerne-tec.com.br Conhecendo o NSBASIC para Palm Vitor Amadeu Vitor@cerne-tec.com.br 1. Introdução Iremos neste artigo abordar a programação em BASIC para o Palm OS. Para isso, precisaremos

Leia mais

Procedimentos para Configuração do Ambiente J2EE e J2SE em Ambiente Windows

Procedimentos para Configuração do Ambiente J2EE e J2SE em Ambiente Windows Procedimentos para Configuração do Ambiente J2EE e J2SE em Ambiente Windows 1 - Configuração do J2SDKSE (Java 2 SDK Standard Edition) Deve-se obter o arquivo j2sdk-1_4_2_03-windows-i586-p.exe ou mais recente

Leia mais

MANUAL DO ANIMAIL 1.0.0.1142 Terti Software

MANUAL DO ANIMAIL 1.0.0.1142 Terti Software O Animail é um software para criar campanhas de envio de email (email Marketing). Você pode criar diversas campanhas para públicos diferenciados. Tela Principal do sistema Para melhor apresentar o sistema,

Leia mais

Resumo da Matéria de Linguagem de Programação. Linguagem C

Resumo da Matéria de Linguagem de Programação. Linguagem C Resumo da Matéria de Linguagem de Programação Linguagem C Vitor H. Migoto de Gouvêa 2011 Sumário Como instalar um programa para executar o C...3 Sintaxe inicial da Linguagem de Programação C...4 Variáveis

Leia mais

Programação de Computadores - I. Profª Beatriz Profº Israel

Programação de Computadores - I. Profª Beatriz Profº Israel Programação de Computadores - I Profª Beatriz Profº Israel Ambiente de Desenvolvimento Ambiente Para desenvolver aplicativos utilizando a linguagem JAVA precisamos preparar nosso ambiente realizando a

Leia mais

Para desenvolver a atividade a atividade desta aula utilizaremos o ambiente de desenvolvimento integrado NetBeans.

Para desenvolver a atividade a atividade desta aula utilizaremos o ambiente de desenvolvimento integrado NetBeans. 1 - Criando uma classe em Java Para desenvolver a atividade a atividade desta aula utilizaremos o ambiente de desenvolvimento integrado NetBeans. Antes de criarmos a(s) classe(s) é necessário criar o projeto

Leia mais

i-tracking guia de instalação V1.0 Bysoft COD:25052010

i-tracking guia de instalação V1.0 Bysoft COD:25052010 i-tracking guia de instalação V1.0 Bysoft COD:25052010 Página 1 i-tracking V1.0 JBoss guia de instalação para Windows 25/05/2010 V1.0 Índice Instalação no Servidor e Configuração na Estação de Trabalho

Leia mais

ESQUEMA AULA PRÁTICA 1 Familiarização com o Ambiente de Desenvolvimento NetBeans Introdução à Linguagem de Programação JAVA

ESQUEMA AULA PRÁTICA 1 Familiarização com o Ambiente de Desenvolvimento NetBeans Introdução à Linguagem de Programação JAVA P. Fazendeiro & P. Prata POO FP1/1 ESQUEMA AULA PRÁTICA 1 Familiarização com o Ambiente de Desenvolvimento NetBeans Introdução à Linguagem de Programação JAVA 0 Iniciar o ambiente de desenvolvimento integrado

Leia mais

GUIA RÁPIDO PARA PETICIONAMENTO ON-LINE

GUIA RÁPIDO PARA PETICIONAMENTO ON-LINE 1. Antes de acessar o Sistema: 1.1 Verificar navegador instalado usar Mozilla Firefox Se não estiver, faça o download aqui: http://br.mozdev.org/ Após o download, instale o programa. 1.2 Verificar se Java

Leia mais

INFORMÁTICA APLICADA AULA 02 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO C++

INFORMÁTICA APLICADA AULA 02 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO C++ UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO CURSO: Bacharelado em Ciências e Tecnologia INFORMÁTICA APLICADA AULA 02 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO C++ Profª ª Danielle Casillo COMPILADORES Toda linguagem de programação

Leia mais

Universidade da Beira Interior Cursos: Matemática /Informática e Ensino da Informática

Universidade da Beira Interior Cursos: Matemática /Informática e Ensino da Informática Folha 1-1 Introdução à Linguagem de Programação JAVA 1 Usando o editor do ambiente de desenvolvimento JBUILDER pretende-se construir e executar o programa abaixo. class Primeiro { public static void main(string[]

Leia mais

Receita de bolo para instalar MinGW-GCC e Netbeans em Windows

Receita de bolo para instalar MinGW-GCC e Netbeans em Windows Receita de bolo para instalar MinGW-GCC e Netbeans em Windows Hae Yong Kim 13/08/2014 Este documento explica como fiz para instalar compilador MinGW-GCC e ambiente de desenvolvimento Netbeans em Windows.

Leia mais

Java para Desktop. Introdução à Plataforma Java JSE

Java para Desktop. Introdução à Plataforma Java JSE Introdução à Plataforma Java JSE Aécio Costa aeciovc@gmail.com @aeciovc Objetivos Sintaxe Java; Programação Orientada à Objetos; Interfaces Gráficas Swing; JDBC; Gerador de Relatórios IReport; Projeto

Leia mais

Linguagem e Técnicas de Programação I Programação estruturada e fundamentos da linguagem C

Linguagem e Técnicas de Programação I Programação estruturada e fundamentos da linguagem C Linguagem e Técnicas de Programação I Programação estruturada e fundamentos da linguagem C Prof. MSc. Hugo Souza Material desenvolvido por: Profa. Ameliara Freire Continuando as aulas sobre os fundamentos

Leia mais

Aula Dirigida de Introdução ao Dev-C++

Aula Dirigida de Introdução ao Dev-C++ Aula Dirigida de Introdução ao Dev-C++ 1 Introdução Departamento de Ciência da Computação IME/USP J.C. de Pina, J. Soares e C.H. Morimoto O que vem a ser um programa em C? Você talvez já tenha ouvido falar

Leia mais

Lazarus pelo SVN Linux/Windows

Lazarus pelo SVN Linux/Windows Lazarus pelo SVN Linux/Windows Sei que não faltam artigos sobre como obter e compilar o Lazarus e o FPC pelo SVN, mas sei também que nunca é de mais divulgar um pouco mais e talvez escrever algo diferente.

Leia mais

Vinte dicas para o Word 2007

Vinte dicas para o Word 2007 Vinte dicas para o Word 2007 Introdução O Microsoft Word é um dos editores de textos mais utilizados do mundo. Trata-se de uma ferramenta repleta de recursos e funcionalidades, o que a torna apta à elaboração

Leia mais

2 Um Primeiro Programa em C

2 Um Primeiro Programa em C 2 Um Primeiro Programa em C Ronaldo F. Hashimoto, Carlos H. Morimoto e José A. R. Soares OobjetivodessaaulaéintroduzirvocêàlinguagemCemambienteLinux,primeiramentemostrandoasua estrutura, e a seguir com

Leia mais

Características do PHP. Começando a programar

Características do PHP. Começando a programar PHP Introdução Olá pessoal. Desculpe o atraso na publicação da aula. Pude perceber pelas respostas (poucas) ao fórum que a realização da atividade do módulo I foi relativamente tranquila. Assistam ao vídeo

Leia mais

É uma das linguagens de programação que fazem parte da Plataforma.NET (em inglês: dotnet) criada pela Microsoft (Microsoft.NET).

É uma das linguagens de programação que fazem parte da Plataforma.NET (em inglês: dotnet) criada pela Microsoft (Microsoft.NET). C ( C-Sharp ) LPI 1. A Plataforma.NET (em inglês: dotnet) Visão Geral C é uma linguagem de programação. É uma das linguagens de programação que fazem parte da Plataforma.NET (em inglês: dotnet) criada

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Se ainda tiver dúvidas entre em contato com a equipe de atendimento: Por telefone: 0800 642 3090 Por e-mail atendimento@oisolucoespraempresas.com.br Introdução... 3 1. O que é o programa Oi Backup Empresarial?...

Leia mais

Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter

Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter Índice Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter............... 1 Sobre a Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter................ 1 Requisitos de

Leia mais

Manual de Utilização COPAMAIL. Zimbra Versão 8.0.2

Manual de Utilização COPAMAIL. Zimbra Versão 8.0.2 Manual de Utilização COPAMAIL Zimbra Versão 8.0.2 Sumário ACESSANDO O EMAIL... 1 ESCREVENDO MENSAGENS E ANEXANDO ARQUIVOS... 1 ADICIONANDO CONTATOS... 4 ADICIONANDO GRUPOS DE CONTATOS... 6 ADICIONANDO

Leia mais

Centro de Computação - Unicamp Gerência de Atendimento ao Cliente (e-mail:apoio@turing.unicamp.br) Sumário

Centro de Computação - Unicamp Gerência de Atendimento ao Cliente (e-mail:apoio@turing.unicamp.br) Sumário Sumário Conceitos Microsoft Access 97... 01 Inicialização do Access... 02 Convertendo um Banco de Dados... 03 Criando uma Tabela... 06 Estrutura da Tabela... 07 Propriedades do Campo... 08 Chave Primária...

Leia mais

Como usar o bluej. Laboratório I Prof.ª Vera Alves

Como usar o bluej. Laboratório I Prof.ª Vera Alves Como usar o bluej O BlueJ é um IDE (Integrated Development Environment), ou seja, um ambiente para desenvolvimento de programas na linguagem Java. Você pode fazer o download do BlueJ, gratuitamente, no

Leia mais

IMPORTANDO ARQUIVOS SHAPEFILE PARA O POSTGIS VIA PROMPT DO DOS

IMPORTANDO ARQUIVOS SHAPEFILE PARA O POSTGIS VIA PROMPT DO DOS IMPORTANDO ARQUIVOS SHAPEFILE PARA O POSTGIS VIA PROMPT DO DOS INTRODUÇÃO Neste tutorial iremos tratar de uma situação comum durante os trabalhos de geoprocessamento que envolvam banco de dados geográficos,

Leia mais

Disparando o interpretador

Disparando o interpretador Capítulo 2: Usando o interpretador Python Disparando o interpretador O interpretador é frequentemente instalado como /usr/local/bin/python nas máquinas onde está disponível; adicionando /usr/local/bin

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.2.2 18 de fevereiro de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é

Leia mais

Configurar o Furbot no Eclipse

Configurar o Furbot no Eclipse Configurar o Furbot no Eclipse Primeiramente, precisamos abrir o Eclipse. Logo no início, deverá aparecer uma tela assim: Nela, você irá selecionar o local do seu workspace. Workspace é o local onde ficarão

Leia mais

Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia Curso Excel Avançado Índice

Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia Curso Excel Avançado Índice Índice Apresentação...2 Barra de Título...2 Barra de Menus...2 Barra de Ferramentas Padrão...2 Barra de Ferramentas de Formatação...3 Barra de Fórmulas e Caixa de Nomes...3 Criando um atalho de teclado

Leia mais

TUTORIAL NetBeans 6.5

TUTORIAL NetBeans 6.5 TUTORIAL NetBeans 6.5 O NetBeans é uma apenas uma Interface para auxiliar o desenvolvimento. Nessa IDE conseguimos trabalhar com a linguagem Java, que estamos estudando na disciplina Linguagem de Programação

Leia mais

Técnicas de Programação II

Técnicas de Programação II Técnicas de Programação II Aula 01 Introdução à Linguagem Java Edirlei Soares de Lima Paradigmas de Programação Um paradigma de programação consiste na filosofia adotada na

Leia mais

Prof. M.Sc. Fábio Procópio Prof. M.Sc. João Maria Criação: Fev/2010

Prof. M.Sc. Fábio Procópio Prof. M.Sc. João Maria Criação: Fev/2010 Prof. M.Sc. Fábio Procópio Prof. M.Sc. João Maria Criação: Fev/2010 Primeira Dica Afirmação O que é Java? Características do Java Como Java Funciona Plataforma Java Edições Java Java SE Java EE Java ME

Leia mais

Índice INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS WINDOWS...2 INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS LINUX...3 TESTANDO A CONEXÃO DA REDE LOCAL...

Índice INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS WINDOWS...2 INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS LINUX...3 TESTANDO A CONEXÃO DA REDE LOCAL... Índice INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS WINDOWS...2 INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS LINUX...3 TESTANDO A CONEXÃO DA REDE LOCAL...4 Configurações iniciais...5 Arquivo sudoers no Sistema Operacional

Leia mais

LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO Material de apoio - Aula II (25/02/2008) - Profº Sidney Leal

LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO Material de apoio - Aula II (25/02/2008) - Profº Sidney Leal AMBIENTE JAVA CONCEITO LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO O ambiente de desenvolvimento Java é composto de ferramentas e utilitários para a realização de tarefas (depuração, compilação e documentação) relacionadas

Leia mais

Informática I. Aula 6. http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 6-12/09/2007 1

Informática I. Aula 6. http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 6-12/09/2007 1 Informática I Aula 6 http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 6-12/09/2007 1 Ementa Noções Básicas de Computação (Hardware, Software e Internet) HTML e Páginas Web Internet e a Web Javascript e

Leia mais

9. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU UTILITÁRIOS...2

9. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU UTILITÁRIOS...2 1 9. EXECUTANDO OPERAÇÕES NO MENU UTILITÁRIOS...2 9.1 Cópia de Segurança (Backup)...2 9.1.a Adicionar ou Remover Empresas da Lista... 2 9.1.b Empresas Cadastradas no Sistema... 2 9.1.c Inserir uma Empresa...

Leia mais

Linguagem de Programação Visual

Linguagem de Programação Visual Linguagem de Programação Visual Unidade 1 Ambiente de desenvolvimento Curso Técnico em Informática SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 SOBRE O JAVA... 3 AMBIENTE DE DESENVOLVIMENTO... 5 RECURSOS DA FERRAMENTA NETBEANS...

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Compartilhamento de Arquivos no Google Drive Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Utilização do Google Grupos Introdução...

Leia mais

LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO ESTRUTURADA CAPÍTULO 1 APRESENTANDO O C#

LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO ESTRUTURADA CAPÍTULO 1 APRESENTANDO O C# LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO ESTRUTURADA CAPÍTULO 1 APRESENTANDO O C# 1.1 - Apresentação Quando fazemos nossas compras em um supermercado, é comum encontrarmos um código de barras impresso nos produtos expostos

Leia mais

ESTRUTURA BÁSICA DE UM PROGRAMA JAVA

ESTRUTURA BÁSICA DE UM PROGRAMA JAVA ESTRUTURA BÁSICA DE UM PROGRAMA JAVA Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. // Primeiro programa em Java public class PrimeiroPrograma { public static void main(string [] args) { System.out.println("Programação

Leia mais

Ambiente Virtual de Aprendizagem C.S.G. M anual do Professor

Ambiente Virtual de Aprendizagem C.S.G. M anual do Professor Ambiente Virtual de Aprendizagem C.S.G. M anual do Professor Sumário Pré-requisitos para o Moodle... Entrar no Ambiente... Usuário ou senha esquecidos?... Meus cursos... Calendário... Atividades recentes...

Leia mais

Disciplina: INF1005 - Programação I. 1 a aula prática Introdução ao ambiente do Microsoft Visual Studio 2010

Disciplina: INF1005 - Programação I. 1 a aula prática Introdução ao ambiente do Microsoft Visual Studio 2010 1 a aula prática Introdução ao ambiente do Microsoft Visual Studio 2010 1. Execute o MS-Visual Studio 2010. Experimente o caminho: Start All Programs Microsoft Visual Studio 2010 Microsoft Visual Studio

Leia mais

INTRODUÇÃO À TECNOLOGIA SERVLETS

INTRODUÇÃO À TECNOLOGIA SERVLETS PROGRAMAÇÃO SERVIDOR EM SISTEMAS WEB INTRODUÇÃO À TECNOLOGIA SERVLETS Prof. Dr. Daniel Caetano 2012-1 Objetivos Apresentar o conceito aplicações orientada a serviços via web Apresentar o papel dos contentores

Leia mais

INF1337 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO ORIENTADA A OBJETOS

INF1337 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO ORIENTADA A OBJETOS INF1337 LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO ORIENTADA A OBJETOS Departamento de Informática PUC-Rio Andrew Diniz da Costa andrew@les.inf.puc-rio.br Programa Capítulo 2 Visão Geral da Tecnologia Java Aplicação Hello

Leia mais

TISSNet Instalando e Configurando Schemas

TISSNet Instalando e Configurando Schemas Objetivos Gerais: Este documento tem por objetivo, instruir os credenciados da C. S. ASSISTANCE no processo de instalação e configuração do aplicativo TISSNet, facilitando desta forma o controle e envio

Leia mais

O Primeiro Programa em Visual Studio.net

O Primeiro Programa em Visual Studio.net O Primeiro Programa em Visual Studio.net Já examinamos o primeiro programa escrito em C que servirá de ponto de partida para todos os demais exemplos e exercícios do curso. Agora, aprenderemos como utilizar

Leia mais

Tutoriais de apoio para a migração do e-mail @pmmc.com.br para @se-pmmc.com.br Atualização: 30/04/2014

Tutoriais de apoio para a migração do e-mail @pmmc.com.br para @se-pmmc.com.br Atualização: 30/04/2014 Tutoriais de apoio para a migração do e-mail @pmmc.com.br para @se-pmmc.com.br Atualização: 30/04/2014 Sumário Introdução... 3 1. Redirecionando e-mails novos... 4 2. Fazendo backup e encaminhando e-mails

Leia mais

Estratégia para fazer cópias de segurança ( backup ) em nuvem

Estratégia para fazer cópias de segurança ( backup ) em nuvem 1 de 20 Estratégia para fazer cópias de segurança ( backup ) em nuvem Resolvi documentar uma solução que encontrei para fazer minhas cópias de segurança. Utilizo um software gratuito chamado Cobian Backup

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL TISS. Manual. Usuário. Versão 1.3 atualizado em 13/06/2013

MANUAL DO USUÁRIO PORTAL TISS. Manual. Usuário. Versão 1.3 atualizado em 13/06/2013 Manual do Usuário Versão 1.3 atualizado em 13/06/2013 1. CONFIGURAÇÕES E ORIENTAÇÕES PARA ACESSO... 4 2 GUIAS... 11 2.1 DIGITANDO AS GUIAS... 11 2.2 SALVANDO GUIAS... 12 2.3 FINALIZANDO UMA GUIA... 13

Leia mais

Projeto Amadeus. Guia de Instalação 00.95.00 Windows

Projeto Amadeus. Guia de Instalação 00.95.00 Windows Projeto Amadeus Guia de Instalação 00.95.00 Windows Agosto 2010 Sumário 1. Introdução...3 2. Pré-Requisitos...4 2.1 Máquina Virtual Java...4 2.2 Apache TomCat 6.0.18...4 2.3 PostgreSQL 8.3...5 3. Instalando

Leia mais