Monsaraz recebe visitantes com livros e aguarelas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Monsaraz recebe visitantes com livros e aguarelas"

Transcrição

1 Ciência & Tecnologia Afonso de Almeida escreve sobre saúde ambiental ~ páginas 16 e 17 Reguengos de Monsaraz Iniciados do Atlético chegam à fase final de basquetebol, a realizar em Faro. Participam: FC Porto, Galitos de Aveiro, Queluz, CAB Madeira, Angra Basquetebol (Açores) e Atlético Sport Clube/BVRM - Terras d'el Rei ~ página 3 1 Ano II Nº 14 Junho Alentejo encerra 42 escolas do 1.º ciclo do ensino básico ~ página 3 Monsaraz recebe visitantes com livros e aguarelas Portel A entrevista com o cineasta Lauro António ~ páginas 22 e 23 PCP Évora quase desapareceu do mapa dos eventos culturais DP ~ página 6 Gonçalo M. Tavares, Luís Carmelo, António Almeida, Ana Pagará e Jorge Serafim animam a iniciativa Monsaraz com Livros'07. De 1 a 10 de Junho, a vila medieval conta com várias actividades de promoção da leitura, numa organização conjunta da Livraria Sítio das Letras e Junta de Freguesia de Monsaraz Monsaraz com Livros'07 arranca no dia 1 de Junho com a inauguração da Feira do Livro e da exposição de aguarelas de Luís Ançã - «Teus olhos são peixes verdes», na Igreja de Santiago. A inauguração, prevista para o final da tarde, marca o arranque de dez dias que serão preenchidos com encontros com os leitores, mas também com um debate sobre a reforma do sector do vinho e com uma conferência sobre cidadania e desenvolvimento das comunidades. A iniciativa, que os organizadores pretendem fixar como anual, conta com o apoio de três órgãos de comunicação social (Diário do Sul, RC Alentejo e Notícias Alentejo) e de várias instituições com ligações à região - Caixa Geral de Depósitos, Banco Espírito Santo, Amieira Marina, Restaurante Casa do Forno e Casa D. Antónia, entre outros. ~ páginas centrais Universidade» Portugueses procuram cursos de medicina em Badajoz ~ página 10

2 2 e ntrada~ Maria Horta Marco Polo descreve uma ponte, pedra a pedra. - Mas qual é a pedra que sustém a ponte? Pergunta Kublai Kan. - A ponte não é sustida por esta ou por aquela pedra - responde Marco -, mas sim pela linha do arco que elas formam. - Kublai Kan permanece silencioso, reflectindo. Depois acrescenta: - Por que me falas das pedras? É só o arco que me importa. Pólo responde: - Sem pedras não há arco. In As cidades invisíveis de Italo Calvino Digo não ao sentido único Sumário Notícias Alentejo on-line desde 9 de Junho de alentejo.pt Ficha Técnica Imagine o leitor que qualquer faças o que ele faz / na terra onde terá o telex sido substituído pelo tar-me e ir para frente, mudar de palavra tinha um e um único sig- viveres faz o que vires fazer / correio electrónico? Por que será rumo, para a esquerda ou para a nificado. Imagine que a cidade a galinha da minha vizinha é sem- o telefone de banda larga? Porque direita, arrepiar caminho e andar que escolheu ou na qual lhe pre mais gorda que a minha.... se teimará na liberdade de para trás ou, se me der na real calhou habitar tinha ruas de um Ditados... que aprendi com a expressão? Por que motivo é o gana, fazer o pino, para ter uma único sentido, pelo qual só era minha avó materna, que nasceu mundo uma grande aldeia global? perspectiva diferente das estrepossível ir... como era único não e viveu boa parte da sua vida Por que motivo até o vestuário ou las. Tal como a forma da cidade era permitido sequer voltar. Ou durante a monarquia, que era o calçado deverá ser interactivo? depende do humor de quem a até que tinha uma única rua que analfabeta, que palmilhava Por que deverão as casas ser inte- olha, o sentido da palavra depenlabirinticamente percorria toda a léguas e léguas a pé, que conhecia ligentes? Por que deverão as de do olhar de quem a lê, assim cidade. Imagine que os habitantes todas (ou quase todas) as ervas empresas trabalhar em rede? Por como a beleza depende dos olhos eram todos iguais, sem tirar nem e as suas capacidades medicinais que deveremos repudiar a postu- de quem a vê. pôr. Imagine que era sempre dia e que, nos seus quase 70 anos, ra do orgulhosamente só? Uma ou sempre noite, ou sempre verão quando dela, efectivamente me minha amiga, muito curiosa, usa E como diz Italo Calvino, referinou sempre Inverno, ou sempre apercebi, foi, a pouco a pouco, e abusa do termo conectar para do-se à cidade de Zemrude, se o manhã, ou sempre tarde, ou sem- sábia e pacientemente, como só explicar estes porquês. Para ser fizermos de nariz no ar a assobipre terra ou sempre mar, ou sem- os avós sabem fazer, adubando mais precisa ela diz: há que ligar ar, conhecê-la-emos de baixo pre ar, ou sempre tecto ou sem- o talvez já inato gosto que, desde todas as pontas para perceber os para cima, com sacadas, tendas pre chão...não se assuste... é um sempre, descobri pela palavra. porquês. Em bom português, a a ondular e repuxos, se o fizerexercício de imaginação (terreno Foi ela que me mostrou que qual- palavra conectar é um verbo tran- mos de queixo contra o peito, fértil este) reduzido ao absurdo, quer ditado tem um outro que sitivo que significa unir vários com as unhas espetadas nas palpropositadamente, para concluir o contraria. Por exemplo, ao pala- agentes para o mesmo fim. A pala- mas da mão, o nosso olhar prenque só o medo nos inculca a ideia vra puxa palavra, opõe-se o cala- vra fim é um substantivo mascu- der-se-á ao chão, aos esgotos, ás de que só pode haver um cami- do é o melhor, ao quem não se lino que significa termo, conclu- tripas de peixe e ao papel velho. nho ou que apenas um é seguro. sente não é filho de boa gente, são, limite, remate, cabo, final, São necessárias muitas pedras opõe-se os cães ladram e a cara- intenção, alvo, plano, motivo, É verdade que a palavra leva-a para fazer um arco. Por isso, digo vana passa e por aí adiante... e morte. Com uma língua destas o vento (...) e também que não há não à unicidade, de pensamento, por aqui me fico para não ir mais quem é que não se confunde? Fim morte para o vento. de discurso, de pontos de vista, além e não enredar o leitor nesta é ao mesmo tempo o remate e o de caminhos...sim, porque a sin- cega-rega. Além de que, confesso: ponto de partida, o alvo, o moti- Por mais palavras que use não dical e a política...essa foi chão quando, domingo de manhã, acor- vo. A palavra é ela própria e o consigo descrever a poesia que há que não deu uvas... do cedo e, como habitual e religi- seu contrário. Não trago aqui à no vento que ondula sobre a erva osamente, sujo as mãos na tinta, colação as antónimas, essas assu- fresca e macia de Abril ou sobre Palavra puxa palavra / não há a ler, a seleccionar, a recortar e a midamente iguais e diferentes. o trigo amarelo de Maio maduro duas sem três / diz tu direi eu / arquivar palavras, satisfazendo A minha avó dir-me-ia: a ocasião nos arredores da minha cidade. à terceira é de vez / a conversa é uma curiosidade que foi também faz o ladrão. A língua, como as Mas continuarei a tentar até que como as cerejas / cá se fazem cá sendo adubada ao longo dos anos, cidades e a vida, coloca-nos, a voz me doa! se pagam / o sol quando nasce é não deixo de pensar que esta tare- assim, a todos, perante dilemas, para todos / somos todos iguais fa de escrever em jornais, além necessidades e, simultaneamente, mas uns mais que outros / faz de efémera (mal acaba de ser possibilidades de escolha. A escobem não olhes a quem / não faças estreada já saiu de moda, quase lha do sentido, porque significamal à espera que te venha bem / como a pescada que antes de ser dos e sentidos, tal como os chaquem não deve não teme / quem já era) é ingrata (não se pode agra- péus, há muitos. E, como diria não se sente não é filho de boa dar a gregos e a troianos), e ainda a minha avó, que desconhecia as gente/ os cães ladram e a carava- por cima, tem custos, alguém terá doutrinas filosóficas e nunca ouvina passa / quem semeia ventos que suar as estopinhas para que a ra falar do livre arbítrio, graças colhe tempestades / quem não palavra apareça limpa, escorreita a Deus que assim é, porque cada pede não ouve Deus, a união faz e seja periodicamente dada a um de nós é senhor do seu nariz, a força / todos os caminhos vão todos. Se a coisa é assim, pergun- com o que quero eu dizer que dar a Roma / bem prega frei to-me: por que terá Guttenberg ainda bem que depende de mim Tomás faz o que ele diz mas não inventado a imprensa? Por que ficar sentada a descansar, levan- O debate a três ~ Página 9 A opinião que marca a diferença ~ Páginas 14 e 15 A crónica de Luís Carmelo ~ Página 20! A edição do "Notícias Alentejo" é da responsabilidade da sociedade "Notícias Alentejo Produção de Conteúdos Lda.", contribuinte , com sede na Rua António Janeiro, 13, Reguengos de Monsaraz, capital social de Depósito Legal: /06 Impressão: CORAZE, A Folha Cultural, CRL - Oliveira de Azeméis. Direcção-Geral: Carlos Trigo Direcção Editorial: Luís Rego Direcção Gráfica: David Prazeres Fotografia: Susana Rodrigues Colaboradores: Benjamim Formigo, José Frota, Jorge Reis (www.lusomotores.com), Mara Alves e Rute Marques Opinião: Afonso de Almeida, Alberto Magalhães, Antonio Sáez Delgado, Manuel Ferreira Patrício, João Espinho, Joaquina Margalha, José Gabriel Calixto, Luís Carmelo e Rui Namorado Rosa Contacto & Publicidade Música & Letra, por José A. Ferreira ~ Página 21 Telefone: Fax: Telemóvel: Morada: Rua S. João de Deus, Reguengos de Monsaraz

3 notícias alentejo~ Junho ~destaque ~no fecho Iniciados de Reguengos na fase final do basquetebol A equipa de iniciados do Atlético de Reguengos de Monsaraz apurou-se para o Fase Final do Nacional de Basquetebol, beneficiando, na classificação final do seu grupo de apuramento, da melhor diferença de pontos nos jogos entre as equipas empatadas. A Fase Final realiza-se em Faro e conta com as seguintes equipas: FC Porto, Galitos de Aveiro, Queluz, CAB Madeira, Angra Basquetebol (Açores) e Atlético Sport Clube/BVRM - Terras d'el Rei. Na segunda fase de apuramento, a formação de Reguengos de Monsaraz terminou com dez pontos, em igualdade pontual (10) com o CR Feijó e o EBC - A. Valeu, no desempate, a melhor diferença de pontos nos jogos entre as equipas empatadas. João Quadrilheiro, Pedro Futebol com Jorge últimos dias, a contratação, mantendo-se no clube 12 dos Fernandes, Henrique Duarte, Vicente no banco para a temporada 2007/08, jogadores que terminaram Guilherme Correia, Luís Caeiro, do treinador Jorge Vicente a actual temporada. Tiago Fernandes, André (ex-desportivo de Beja), que «Atacar a subida» é o objec- Martins, Eduardo Araújo, João No futebol, a direcção do terá como adjunto José Rui. tivo, assegurou um elemento Pires, David Santos, João Atlético de Reguengos já assu- Fonte do clube, disse ao da direcção do clube, quando Mancha, são treinados por miu como objectivo o regresso Notícias Alentejo que o plantel contactado pelo Notícias Carlos Janes e Paulo Leitão. à III Divisão e assegurou, nos também sofrerá alterações, Alentejo. Alentejo perde 42 escolas do 1º ciclo do ensino básico Ministério da Educação vai encerrar 900 escolas do 1º ciclo do ensino básico no Opróximo ano lectivo, segundo os números oficiais. No Alentejo, fonte da Direcção Regional de Educação, aponta para o encerramento de 42 estabelecimentos de ensino na região. O número avançado pelo ME surge depois de o Jornal de Notícias, citando um relatório do Gabinete de Informação e Avaliação do Sistema Educativo (GIASE) do Ministério, ter noticiado o encerramento previsto para mais de 1323 escolas. No caso do Alentejo, inicialmente os estudos apontavam para o fecho de cerca de 90 estabelecimentos mas o número baixou no final do processo negocial com as autarquias. Segundo ME, as escolas com poucos alunos estão normalmente associadas a taxas elevadas de insucesso escolar e já em Março a ministra Maria de Lurdes Rodrigues tinha avançado com a necessidade de encerramento de escolas, apontando para 900 casos. Em 2006/2007, o ME encerrou quase escolas do primeiro ciclo, com base em critérios como a taxa de aproveitamento inferior à média nacional ou número reduzido de alunos. Skylander no Verão O processo de instalação da fábrica que irá construir o avião bimotor Skylander em Évora vai estar concluído este Verão, garantiu o promotor do projecto, orçado em 125 milhões de euros. Segundo o DN, que cita Serge Bitboul, responsável do grupo aeronáutico francês GECI International, o bimotor tem já mais de 180 encomendas praticamente fechadas. Bitboul disse ainda que está a decorrer a última ronda de negociações com investidores, mas acrescentou que tudo ficará pronto no Verão. O plano de negócios da Sky Aircraft prevê a construção de 1100 aviões Skylander, em 15 anos, só com recurso à linha de montagem de Évora, que ficará instalada num hangar de mil metros quadrados. Processos lentos Lentidão nos licenciamentos e insensibilidade dos decisores públicos às necessidades dos investidores, são dois dos maiores problemas para quem quer investir no Alentejo, segundo Jaime Antunes, responsável pelo projecto Évora Resort. Citado pela Rádio Diana, o empresário deu como exemplo a revisão do PDM de Évora. E acrescenta Jaime Antunes: Um hotel de 200 quartos, estruturado num só piso, obriga-nos a andar de carro dentro do hotel para levar uma sanduíche ao quarto do cliente. Finanças controlam O ministro das Finanças confirmou que todas as ofertas em dinheiro entre pais, filhos, avós e netos têm de ser declarados ao Fisco, caso ultrapassem os 500 euros. Segundo o Jornal de Negócios, se os donativos forem feitos entre irmãos, tios e sobrinhos ou pessoas de fora do agregado familiar, além de declarados, ficam obrigados a imposto de selo à taxa de 10%. Legislação burocrática Vieira da Silva, ministro do Trabalho e da Solidariedade Social, Vieira da Silva, defendeu em Évora uma maior responsabilidade social das empresas portuguesas, no sentido do cumprimento das normas europeias, em questões como saúde, segurança no trabalho e respeito pelos direitos sociais. O governante, citado pelo Rádio Diana, falava à margem da sua participação num encontro de Rotários realizado em Évora e admitiu que a legislação em vigor é «burocrática», sendo necessário tornar os processos mais simples.

4 4 notícias alentejo~ Junho 2007 publicidade~

5 notícias alentejo~ Junho 2007 «Vera Cruz de Marmelar. História, Arquitectura e Arte» A Câmara de Portel dá con- dora. Vera Cruz de Marmelar tinuidade ao Ciclo de en el marco de un nuevo Conferências sobre «Vera modelo explicativo de las igle- Cruz de Marmelar: História, sias altomedievales ; Arte e Arquitectura, que ~ dia 25 de Agosto, Ana decorrerá até ao final de Pagará (Câmara Municipal de 2007, com o apoio da Portel): Espaço e Poder. Paróquia de Vera Cruz, Junta A Arquitectura da Igreja hosde Freguesia da mesma locali- pitalária de Vera Cruz de dade, Associação Museu de Marmelar ; Aldeia de Vera Cruz e Museu ~ dia 15 de Setembro, Vítor Regional de Beja - Núcleo Serrão (Faculdade de Letras Visigótico de Santo Amaro. da Universidade de Lisboa): Esta iniciativa, cuja prime- As pinturas do Santuário de ira parte se realizou entre Vera Cruz de Marmelar ; Março e Abril passados, no ~ dia 13 de Outubro, Julia âmbito da realização da Fes- Montenegro Valentín (Univerta com Livros, levada a cabo sidade de Valladolid): Los pela Autarquia de Portel, tem Visigodos en la Península como principal objectivo pro- Ibérica y su influencia en los mover junto do público em reinos cristianos medievales ; geral a divulgação deste ~ dia 24 de Novembro, monumento ímpar, a Igreja Rafael Alfenim (ex-direcção de Vera Cruz de Marmelar, Regional de Évora do IPPAR): classificado Imóvel de Igrejas Tardo-Antigas e Alto Interesse Público desde 1939 Medievais do Alentejo. e bem conhecido por nele se Conservação e Valorização ; cultuar, há séculos, a Relíquia ~ dia 8 de Dezembro, Rafael do Santo Lenho, a mesma a Cómez (Universidade de que se deveu, segundo as cró- Sevilha): Arte, liturgia y nicas, a vitória dos cristãos arquitectura: la Vera Cruz na Batalha do Salado, ocorridentro del contexto histórico da em Outro aspecto de los reinos hispânicos en la pelo qual tem sido bastante Batalla del Salado. mencionado este monumento As conferências terão lugar é o facto de preservar parte no Auditório Municipal de da cabeceira do templo primi- Portel, às 16 horas e a entrativo, cuja fundação remonta da é livre. ao período visigótico. Este ciclo de conferências Para o cumprimento deste insere-se no âmbito do objectivo, a Câmara Projecto para o Estudo, Municipal de Portel convidou Conservação e Divulgação da reputados especialistas nacio- Igreja de Vera Cruz de nais e estrangeiros nas áreas da História, da Arqueologia e Marmelar, que está a ser leva- da História da Arte e da do a cabo pela Câmara Arquitectura para a apresen- Municipal de Portel desde tação de estudos científicos 2004, com a colaboração da relacionados com o monuqual já resultaram a publica- Paróquia de Vera Cruz e do mento de Vera Cruz, quer numa perspectiva específica, ção de um ensaio monográfi- quer numa perspectiva de co sobre esta igreja (2006), da contextualização, procuran- autoria de Ana Pagará, Nuno do-se chamar a atenção para Vassallo e Silva e Vítor Serrão a sua importância histórica e e várias operações de restauartística, tanto no panorama ro e conservação de patrimó- português como no panorama nio móvel pertencente à internacional. mesma paróquia. Associados A primeira conferência da a este projecto, a autarquia segunda parte deste ciclo encontra-se a desenvolver teve lugar no dia 26 de Maio dois projectos paralelos: a e foi proferida por Margarida implantação do projecto Garcez Ventura, da Faculdade Itinerários do Visigótico. de Letras da Universidade de Arquitectura Paleocristã Lisboa, sob o título Para uma e Alto-medieva Cristã no geografia de jurisdições: o relira interligar os sítios do Alentejo, projecto que procu- gioso e o militar na região de Portel. Seguir-se-ão as Alentejo onde sobrevivem tesseguintes conferências: temunhos materiais deste ~ dia 9 de Junho, Paula Pinto período histórico, contando Costa (Faculdade de Letras da com a colaboração de várias Universidade do Porto): instituições e a constituição Uma experiência de gestão de um núcleo museológico no Portugal Medieval: sobre a persistência de vestí- a constituição das comendas gios do mesmo período no hospitalárias ; município de Portel, com par- ~ dia 30 de Junho; Luís ticular destaque para a Igreja Caballero Zoreda (Centro de de Vera Cruz de Marmelar Estudos Históricos. CSIC. e a Basílica do sítio dos Madrid): «Arqueologia de la Mosteiros (São Bartolomeu Arquitectura», análisis cientí- do Outeiro), núcleo esse fico e intervención restaura- a instalar em Vera Cruz. ~portel ~no fecho Bandeira azul A Praia Vasco da Gama, da jurisdição da Administração do Porto de Sines, recebeu pela primeira vez a Bandeira Azul. A praia foi também escolhida como praia costeira nacional para a cerimónia do hastear da bandeira no dia 1 de Junho, início da época balnear. Este foi o primeiro ano em que a APS apresentou a candidatura já que tem vindo a realizar, nos últimos anos, um conjunto de melhorias na praia e na zona envolvente, as quais permitiram que fosse possível concretizar a candidatura. BD em Moura O Moura BD 2007 apresentou em exclusivo mundial 30 pranchas inéditas de Tex Willer, o mais famoso personagem da banda desenhada europeia. Também em exclusivo, está patente ao público uma história inédita de Tex Willer, da autoria de Fábio Civitelli, um dos novos autores de Tex e que este ano será um dos homenageados no 16º Salão Internacional de Banda Desenhada de Moura. O Moura BD º Salão de Banda Desenhada de Moura, arrancou no dia 26 de Maio e prolonga-se até ao dia 3 de Junho. Novo gratuito 5 O grupo Cofina anunciou um novo diário gratuito. O objectivo da empresa liderada por Paulo Fernandes é combater o "Público" e o "Diário de Notícias". O jornal, que assumirá o título "Meia Hora" visa ser um gratuito de referência que se pretende posicionar no segmento de leitores do "Público" e do "Diário de Notícias". Com 24 páginas, o diário começa a ser distribuído no dia 6 de Junho, com uma tiragem de 100 mil exemplares. Sérgio Coimbra, ex-director da revista "National Geographic" é o director de uma equipa de 15 jornalistas. Arte na Mina A ACEA - Associação Cultural Erica Andevalensis inaugurou, no Cine-teatro da Mina de S. Domingos, a Mina'Arte, uma exposição colectiva de artes plásticas, dos alunos do Curso Superior de Artes Plásticas e Multimédia da Escola Superior de Beja. A exposição pode ser visitada até dia 24 de Junho, aos sábados e domingos, das 15 às 20 horas, e conta com obras dos artistas Amandine Simone, André Boto, Fabiana Silva, Hazel Lima, Hugo Fernandes, Pedro Carvão, Valentina, José Dias, José Francisco, Rossana Torres, Teresa Maltez, Catarina Poupa e Cristiana.

6 6 notícias alentejo~ Junho 2007 évora~ 3 Perguntas a... Eduardo Luciano (D.O.R. de Évora do PCP) Bienal de Marionetas está de regresso A 10.ª edição da BIME que, além de anfitriões, são 1997, em parceria com a também a sua imagem de Universidade de Évora, e que decorre, em Évora, marca. resulta do trabalho de investide 5 a 10 de Junho. Do programa desta edição, gação e estudo em torno do O CENDREV destaca a realiza- mundo das marionetas feito a A magia dos «bonecos» ção de 78 espectáculos em dife- partir deste importante espólio rentes espaços da cidade e que de bonecos alentejanos. volta a espalhar-se envolvem 31 companhias ori- A Bienal de Évora ocupa um pela cidade Património undas de diferentes cantos do espaço muito importante no mundo (Argentina, República panorama teatral português e, da Humanidade Checa, Itália, Inglaterra, Brasil, a par de outros eventos da espe- Espanha, França, Japão, cialidade, ganhou um relevo A realização da Bienal de Alemanha e Portugal). incontornável no panorama O percurso internacional dos dos festivais internacionais em Évora é uma consequência Bonecos de Santo Aleixo cons- todo o mundo. natural do trabalho realizado titui um contributo absoluta- A primeira edição da Bienal pelo CENDREV com os Bonecos mente determinante para a aconteceu em 1987, hoje aprede Santo Aleixo, não sendo, organização da Bienal de senta-se a sua décima edição dizem os organizadores, imagi- Marionetas, tal como a motiva- que celebra os 20 anos deste nável um festival desta nature- ção para a realização do evento organizado pelo za sem a presença dos Bonecos Seminário, que acontece desde CENDREV na cidade de Évora. pub Opinião que marca diferença. ~ páginas 14 e As opções da Câmara de do com esta gestão autárquica. Évora no que se refere ao Por outro lado a retirada de serviços trânsito na cidade têm merecidade, públicos do centro da cido críticas. Que medidas a aposta em novos espacido defende o PCP em termos de ços comerciais nos limites do estacionamento e de mobilita perímetro urbano sem que exisdade dentro do centro história uma política que, em parce- rico de Évora? com os agentes do comércio As características peculiares do local, promova a actividade centro histórico de Évora comercial no centro histórico, impõem medidas que tendencideste são opções fatais para a vida almente reduzam o tráfego de núcleo urbano. transporte privado no seu interior. 3. Como avalia o desempenho No nosso entender, a conju- do autarca José E. Oliveira? gação da existência de parques A nossa avaliação não é do de estacionamento gratuitos no autarca José E. Oliveira, mas perímetro da Évora monumenpelo das políticas protagonizadas tal, servidos por serviços pendo PS à frente dos destinos dulares de transportes públicos município. de grande frequência e regulação Em política a primeira avalia- ridade é o caminho para o graentre a fazer é a comparação dual descongestionamento do o prometido em e o efecdual trânsito nas principais artérias tivamente concretizado. da cidade. Todos nos lembramos das pro- É necessário e urgente a criapodemos messas feitas em 2001 e todos ção de mais estacionamento conferir o que foi rea- que substitua aquele que foi lizado durante o primeiro mansendo eliminado nos últimos 5 dato do PS. Nenhuma promes- anos. sa ou proposta das que foram Por outro lado, os horários e propagandeadas em outdoor os itinerários dos transportes viu a luz do dia. Na campanha públicos que servem os bairros de 2005, o PS repetiu as mes- e freguesias da cidade devem mas promessas com uma ou ser fortemente desincentivadomandato outra nuance. A meio deste res da utilização do transporte as expectativas são as particular dentro do centro hismetido mesmas. Pouco ou nada do pro- tórico, devendo a organização foi realizado. das carreiras ter como objecti- A gestão PS na Câmara de vo primordial servir as populaproposta Évora recebeu em 2002 uma ções e suprir as suas necessipraticamente de alteração do PDM dades, coisa que não aconteceu concluída e só 5 com a última reestruturação anos depois, com várias equi- das carreiras que, centrandoapresenta pas constituídas e dissolvidas, se nas questões de rentabilidafoi uma proposta que de económica, acabou por criar construindo sem a mínima situações em que os utentes saíconsensos preocupação de discutir e criar ram prejudicados. com as outras forças políticas, para que o principal 2. Tendo em conta que o cenpara instrumento de planificação tro histórico de Évora tem a próxima década pudesse perdido população, o que ser o mais abrangente possível. poderá ser feito pela Câmara A proposta que se encontra em para contrariar a tendência discussão pública não pode ser das últimas décadas? considerada a proposta de um O primeiro desafio que se colo- órgão que nunca a discutiu. ca é estancar a saída de popuhoje A oferta cultural da cidade é lação. Um centro histórico aniverdadeiro mais pobre, existindo um mado é certamente um local desinvestimento na mais apetecível para viver e cultura como se pode verificar habitar. É necessária, e urgendiversos pelas verbas inscritas nos te, uma política de animação orçamentos municipa- daquele espaço, que traga mais is. gente de fora do concelho e que Évora, que até 2001 era reco- incentive os eborenses a usucultura, nhecida como uma cidade de fruírem da jóia da sua coroa. quase desapareceu do A fixação de população no mapa dos eventos culturais de centro histórico de Évora passa interesse nacional. em nosso entender por uma A nossa avaliação da gestão PS verdadeira política de reabiliser no município de Évora só pode tação urbana, que permita disponibilizar negativa. Évora está pior. fogos para habitação de população essencialmente jovem. Só com o rejuvenescimento da população residente é possível pensar em inverter a tendência de desertificação das últimas décadas. Sendo um problema comum aos centros históricos das cidades não é uma inevitabilidade perante a qual a autarquia se limite a cruzar os braços e a reconhecer a dificuldade do problema, como tem aconteci-

7 notícias alentejo~ Junho 2007 ~reguengos de monsaraz ~no fecho 7 Barros para todos os gostos Os dois maiores centros oleiros da Península Ibérica, S. Pedro do Corval, no concelho de Reguengos de Monsaraz, e Salvatierra de los Barros, na Extremadura espanhola, juntaram-se mais uma vez na XIII Festa Ibérica da Olaria e do Barro, certame que este ano decorreu no Pavilhão Multiusos do Parque de Feiras e Exposições. A Festa Ibérica da Olaria e do Barro é um evento de promoção cultural e turística de uma importante manifestação artística e artesanal: a olaria. Com esta iniciativa, diz a Câmara de Reguengos de Monsaraz, «pretende-se valorizar a olaria, chamar a atenção para a sua importância e existência, para o seu interesse artesanal e artístico e para o seu valor e significado na economia da região». O certame transforma o município que o acolhe na Barros (Espanha), três de Coimbra, Coruche, Golegã, Vila Nova de Milfontes, Vila capital ibérica da olaria e do Reguengos de Monsaraz, Fernão Ferro, Foz do Arelho, Nova de Santo André e barro - em exposição o que de duas de Albufeira, Évora e Le ir ia, Ma fr a, Mo ur ão, Zamora (Espanha). melhor se faz em 52 olarias Caldas da Rainha, e uma das Porto, Pó vo a de Sa nt o Em paralelo, decorreram de Portugal e 21 de Espanha. seguintes localidades: Adrião, Queluz, Ramada, as Jor nadas Ibéricas de Na Festa Ibérica da Olaria e Alcabideche, Alcobaça, Redondo, Rio de Mouro, S. Ol ar ia e Ce râ mi ca, no do Barro foi possível apreciar Azaruja, Barcelos, Beringel, João das Lapas, S. Teotónio, Auditório, tendo contado trabalhos realizados em 12 Bicesse, Bico Amares, Santo António da Charneca, com comunicações de especiolarias de S. Pedro do Corval, Cáceres (Espanha), Campo Toledo (Espanha), Tondela, al is ta s, in ve st ig ad or es, 18 de Salvatierra de los M a i o r, C a s t r o Ve r d e, Torres Vedras, Vila Boim, arqueólogos e artesãos. Um exemplo a ter em conta Patrícia Araújo, 23 anos, é decoradora de cerâmica e participou no certame pela primeira vez, expondo o produto de um ano de trabalho por conta própria. «Pretendi dar a conhecer a minha pintura, é deste tipo de artesanato que gosto. A minha paixão é este tipo de pintura», confessou ao Noticias Alentejo. Patrícia Araújo assumiu a decoração de cerâmica como forma de vida há um ano. Pinta a olaria que compra em S. Pedro do Corval, tentando impor-se num mercado em constante renovação. Depois de concluído o 12.º ano, Patrícia frequentou um curso do IEFP (Instituto do Emprego e Formação Profissional), tendo sido, até ver, a única inscrita a seguir a decoração cerâmica como profissão. Universidade com medicina chinesa A Universidade de Évora e a Escola Superior de Medicina Chinesa Dr. Pedro Choy - Pólo da Universidade de Chengdu, com sede em Lisboa, celebraram um acordo de cooperação que prevê a realização, em Évora, de um curso de Pós-Graduação em Medicina Chinesa. A Pós- Graduação, a iniciar em Outubro deste ano, funcionará durante o fim-de-semana, na Universidade de Évora, terá a duração de três anos lectivos e destina-se a titulares de formação superior na área da saúde, conferindo competências em Fitoterapia e Acupunctura. O acordo tem em conta o interesse crescente por parte dos técnicos de saúde nas técnicas de medicina chinesa, o interesse na associação entre técnicas de medicina chinesa e de medicina ocidental e as recomendações da Organização Mundial de Saúde para que a medicina chinesa seja integrada nos sistemas nacionais de saúde. Ciências da Terra e da Atmosfera Dois departamentos (Geociências e Física), um centro de investigação classificado como Excelente (Centro de Geofísica de Évora), um laboratório de investigação em rochas industriais e ornamentais (LIRIO) e um Centro Ciência Viva (o de Estremoz) todos ligados à Universidade de Évora juntam-se no desenvolvimento e promoção de uma licenciatura diferente CIÊNCIAS DA TERRA E DA ATMOSFERA. Uma licenciatura única no panorama universitário nacional, mas que segue de perto as tendências que estão a ser seguidas nalgumas das principais universidades europeias e americanas. Vendas Novas defende SAP Mais de 350 pessoas do concelho de Vendas Novas participaram na entrega de um abaixo-assinado, na ARS Alentejo e no Governo Civil de Évora. Foi, segundo a Rádio Diana mais uma forma de protesto contra o encerramento das urgências no centro de saúde local. Citada pela rádio, Anabela Vagarinho falou da reivindicação da «construção de uma Serviço de Urgência Básico em Vendas Novas». «Se não for possível, pedimos o não encerramento do nosso Serviço de Atendimento Permanente», disse.

1º Fórum Avintense Jovem

1º Fórum Avintense Jovem 1º Fórum Avintense Jovem Programa A primeira edição do Fórum Avintense Jovem, a realizar neste ano de 2007, terá 3 sessões, a decorrer nos meses de Maio e Novembro de 2007. Apresentamos as sessões já confirmadas

Leia mais

Ciência na Cidade de Guimarãeswww.ciencianacidade.com

Ciência na Cidade de Guimarãeswww.ciencianacidade.com Ciência na Cidade de Guimarãeswww.ciencianacidade.com Cidade de Guimarães Faixas Etárias do Concelho 65 ou mais 24-64 anos 15-24 anos 0-14 anos 0 20000 40000 60000 80000 100000 População do Concelho 159.576

Leia mais

Festas, Feiras e Romarias

Festas, Feiras e Romarias Festas, Feiras e Romarias Feira de Velharias Feira de Velharias de Olhos de Água Data: 1.º domingo de cada mês Local: Junto ao Mercado Municipal de Olhos de Água Contato: Junta de Freguesia de Albufeira

Leia mais

XII Feira Gastronómica do Porco

XII Feira Gastronómica do Porco XII Feira Gastronómica do Porco Boticas -, e Janeiro Dossier de Imprensa DOSSIER DE IMPRENSA XII Feira Gastronómica do Porco O PORCO VOLTA A SER REI EM Nos próximos dias, e de Janeiro, Boticas promete

Leia mais

OS MEMBROS DA MINHA FAMÍLIA

OS MEMBROS DA MINHA FAMÍLIA NOME OS MEMBROS DA MINHA FAMÍLIA ESTABELEÇO RELAÇÕES DE PARENTESCO : avós, pais, irmãos, tios, sobrinhos Quem pertence à nossa família? Observa as seguintes imagens. Como podes observar, nas imagens estão

Leia mais

Ano VI N.º 22. Boletim Informativo da Junta de Freguesia da Ribeira Quente. Quinta-Feira 28 de Julho de 2011

Ano VI N.º 22. Boletim Informativo da Junta de Freguesia da Ribeira Quente. Quinta-Feira 28 de Julho de 2011 Ano VI N.º 22 Boletim Informativo da Junta de Freguesia da Ribeira Quente Quinta-Feira 28 de Julho de 2011 Bandeira Azul Hasteada na Ribeira Quente A Praia do Fogo da Ribeira Quente recebeu no dia 28 de

Leia mais

Artigo de opinião GADEC, Câmara Municipal de Montemor-o-Novo

Artigo de opinião GADEC, Câmara Municipal de Montemor-o-Novo Artigo de opinião GADEC, Câmara Municipal de Montemor-o-Novo Carta Estratégica de Montemor-o-Novo 2007>2017 Com uma União Europeia, de orientação neo-liberal, integrada por 25 países, com a entrada em

Leia mais

VISITE A CAPITAL DA DOÇARIA CONVENTUAL DE 17 A 20 DE NOVEMBRO

VISITE A CAPITAL DA DOÇARIA CONVENTUAL DE 17 A 20 DE NOVEMBRO DOSSIER DE IMPRENSA VISITE A CAPITAL DA DOÇARIA CONVENTUAL DE 17 A 20 DE NOVEMBRO Os segredos não se contam, mas lançamos o desafio de viajar pelo tempo para descobrir a origem da doçaria conventual, a

Leia mais

Em primeiro lugar, deverá encaixar a frase 2 dentro da frase 1, tal como nos exemplos seguintes:

Em primeiro lugar, deverá encaixar a frase 2 dentro da frase 1, tal como nos exemplos seguintes: CÓDIGO DE IDENTIFICAÇÃO Neste exercício deverá transformar conjuntos de duas frases numa frase apenas. Em primeiro lugar, deverá encaixar a frase 2 dentro da frase 1, tal como nos exemplos seguintes: 1)

Leia mais

turismo industrial AGENDAMarinhaGrande GUIA CULTURAL APRESENTAÇÃO OFICIAL Circuitos Industriais Marinha Grande

turismo industrial AGENDAMarinhaGrande GUIA CULTURAL APRESENTAÇÃO OFICIAL Circuitos Industriais Marinha Grande 11.MARÇO.2013 25 anos da elevação a cidade APRESENTAÇÃO OFICIAL Circuitos Industriais Marinha Grande turismo industrial Marinha Grande www.cm-mgrande.pt MARÇO 2013 AGENDAMarinhaGrande GUIA CULTURAL DESTAQUE

Leia mais

Fls. 1. Departamento de Administração Geral tel.: 351 + 253 + 51 51 23 / 33 fax: 351 + 253 + 51 51 34 e-mail: camaraguimaraes@mail.telepac.

Fls. 1. Departamento de Administração Geral tel.: 351 + 253 + 51 51 23 / 33 fax: 351 + 253 + 51 51 34 e-mail: camaraguimaraes@mail.telepac. Fls. 1 EDITAL ANTÓNIO MAGALHÃES, PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE GUIMARÃES, FAZ SABER, em cumprimento do disposto no art.º 91º da Lei nº 169/99, de 18 de Setembro, alterada e republicada pela Lei 5-A/2002,

Leia mais

REPÚBLICA NAS ESCOLAS

REPÚBLICA NAS ESCOLAS REPÚBLICA NAS ESCOLAS COM O APOIO DE: http://www.centenariorepublica.pt/escolas escolas@centenariorepublica.pt República nas Escolas Descrição e Objectivos O tema Centenário da República deverá ser um

Leia mais

Cristiano Ronaldo O futebolista mais valioso do mundo. Janeiro 2014

Cristiano Ronaldo O futebolista mais valioso do mundo. Janeiro 2014 Cristiano Ronaldo O futebolista mais valioso do mundo Janeiro 2014 Índice Contexto 02 Objectivos 03 Metodologia 04 Imagem 05 Sports Reputation Index by IPAM 07 Determinação do valor potencial 12 Prevendo

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO NACIONAL DE IDEIAS CIDADES CRIATIVAS, REFLEXÃO SOBRE O FUTURO DAS CIDADES PORTUGUESAS

REGULAMENTO DO CONCURSO NACIONAL DE IDEIAS CIDADES CRIATIVAS, REFLEXÃO SOBRE O FUTURO DAS CIDADES PORTUGUESAS REGULAMENTO DO CONCURSO NACIONAL DE IDEIAS CIDADES CRIATIVAS, REFLEXÃO SOBRE O FUTURO DAS CIDADES PORTUGUESAS Dirigido aos alunos do 12.º ano da área curricular não disciplinar de Área de Projecto - 1.ª

Leia mais

Revista de Imprensa LISBOA À PROVA - JUNHO 2009

Revista de Imprensa LISBOA À PROVA - JUNHO 2009 Revista de Imprensa LISBOA À PROVA - JUNHO 2009 Segunda-feira, 21 de Dezembro de 2009 ÍNDICE Título Fonte Data Pág/Hora Lisboa â Prova Correio Manhã 25-06-2009 18 Lisboa (e Marvila) â Prova Time Out 17-06-2009

Leia mais

PROJECTO DE LEI N.º 524/VIII ELEVAÇÃO DA POVOAÇÃO DE ANCEDE, NO CONCELHO DE BAIÃO, À CATEGORIA DE VILA. I Contributo histórico

PROJECTO DE LEI N.º 524/VIII ELEVAÇÃO DA POVOAÇÃO DE ANCEDE, NO CONCELHO DE BAIÃO, À CATEGORIA DE VILA. I Contributo histórico PROJECTO DE LEI N.º 524/VIII ELEVAÇÃO DA POVOAÇÃO DE ANCEDE, NO CONCELHO DE BAIÃO, À CATEGORIA DE VILA I Contributo histórico Ancede, população que sé estende ao longo do rio Douro, tem raízes históricas

Leia mais

"Relação Umbilical entre o Turismo e a Cultura: Oportunidades e Desafios"

Relação Umbilical entre o Turismo e a Cultura: Oportunidades e Desafios "Relação Umbilical entre o Turismo e a Cultura: Oportunidades e Desafios" Oferecer o que temos, somos e fazemos como produto turístico Vasco Estrela Presidente da Câmara Municipal de Mação Cultura e Turismo

Leia mais

Histórico Dados da Colectividade Descrição das Actividades Objectivos a atingir Meios Humanos

Histórico Dados da Colectividade Descrição das Actividades Objectivos a atingir Meios Humanos Histórico Dados da Colectividade Descrição das Actividades s a atingir Meios Humanos O Centro Popular de Trabalhadores do Bairro São João Atlético Clube com Estatutos aprovados em 28/02/1990 e publicados

Leia mais

Programa de Promoção Turística e Cultural

Programa de Promoção Turística e Cultural Programa de Promoção Turística e Cultural Sintra encontra-se em 11º lugar no ranking dos 50 melhores lugares a visitar, nas escolhas dos leitores do jornal New York Times? Sintra é uma das 21 finalistas

Leia mais

Do Associativismo Juvenil

Do Associativismo Juvenil Roteiro Do Associativismo Juvenil Secretário de Estado do Desporto e Juventude Dr. Emídio Guerreiro Viseu - Dia 17 de julho Programa 10h00 - Pequeno-almoço com jornalistas, nos Serviços Desconcentrados

Leia mais

Junho. Quando as crianças brincam Eu as ouço brincar, Qualquer coisa em minha alma Começa a se alegrar

Junho. Quando as crianças brincam Eu as ouço brincar, Qualquer coisa em minha alma Começa a se alegrar Junho Quando as crianças brincam Eu as ouço brincar, Qualquer coisa em minha alma Começa a se alegrar E toda aquela infância Que não tive me vem, Numa onda de alegria Que não foi de ninguém. [ ] (F. Pessoa

Leia mais

Anexo C. Estabelecimentos de Ensino Superior. Índice

Anexo C. Estabelecimentos de Ensino Superior. Índice Anexo C Estabelecimentos de Ensino Superior Índice Anexo C1 - Estabelecimentos de Ensino Superior: Situação em 1980...c.2 Anexo C2 - Estabelecimentos de Ensino Superior: Situação em 1990...c.4 Anexo C3

Leia mais

TURCHAVES IV 15 anos a lecionar turismo em Chaves

TURCHAVES IV 15 anos a lecionar turismo em Chaves UNIVERSIDADE DE TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO PÓLO DE CHAVES TURCHAVES IV 15 anos a lecionar turismo em Chaves Chaves (Portugal), 24 de maio de 2013 (sexta-feira) Apresentação O objetivo do ciclo de conferências

Leia mais

b. Promover a contribuição das artes e humanidades, assim como das ciências, na educação para sustentabilidade.

b. Promover a contribuição das artes e humanidades, assim como das ciências, na educação para sustentabilidade. Integrar, na educação formal e na aprendizagem ao longo da vida, os conhecimentos, valores e habilidades necessárias para um modo de vida sustentável. b. Promover a contribuição das artes e humanidades,

Leia mais

Resultados da Candidatura a Alojamento

Resultados da Candidatura a Alojamento Resultados da Candidatura a Alojamento Unidade Orgânica: Serviços de Acção Social RESIDÊNCIA: 02 - ESE ANO LECTIVO: 2015/2016 2ª Fase - Resultados Definitivos >>> EDUCAÇÃO BÁSICA 14711 Ana Catarina Mendes

Leia mais

SEMANA POLAR OUTUBRO 2015

SEMANA POLAR OUTUBRO 2015 RELATÓRIO SUMÁRIO SEMANA POLAR OUTUBRO 2015 Coordenação, José Seco e José Xavier De 4 a 10 de Outubro de 2015, escolas e cientistas ao redor do planeta reuniram-se novamente pelo objetivo de levar a ciência

Leia mais

NA BATALHA DE ATOLEIROS

NA BATALHA DE ATOLEIROS NA BATALHA DE ATOLEIROS Passaram 627 anos, desde que os Portugueses e os Espanhóis, se defrontaram na batalha de Atoleiros. Mais uma vez se comemorará na Vila de Fronteira, a vitoria dos Portugueses, que

Leia mais

>>>>>>>>>>>>>>>> passeio fotográfico. as nossas cidades retratadas por crianças

>>>>>>>>>>>>>>>> passeio fotográfico. as nossas cidades retratadas por crianças >>>>>>>>>>>>>>>> passeio fotográfico as nossas cidades retratadas por crianças ----------------------------------------------------------- departamento de promoção da arquitectura educação pela arquitectura

Leia mais

PEDRO SOUSA VIEIRA. Galeria Belo-Galsterer Rua Castilho 71, RC, Esq. 1250-068 Lisboa - Portugal

PEDRO SOUSA VIEIRA. Galeria Belo-Galsterer Rua Castilho 71, RC, Esq. 1250-068 Lisboa - Portugal PEDRO SOUSA VIEIRA Galeria Belo-Galsterer Rua Castilho 71, RC, Esq. 1250-068 Lisboa - Portugal www.belogalsterer.com galeria.belogalsterer@gmail.com +351-213815914 VITA Pedro Sousa Vieira Nasceu no Porto,

Leia mais

IPAM reforça no Porto. Pdg. 76. Por M." João Vieira Pinto

IPAM reforça no Porto. Pdg. 76. Por M. João Vieira Pinto IPAM reforça no Porto Pdg. 76 Por M." João Vieira Pinto IPAM reforça no Porto Afirma-se como lhe Marketing School e ambiciona ser a referência do ensino nesta área. Por isso, ejá a partir do próximo ano,

Leia mais

Local, Regional, Nacional. Faro Local Falta de iniciativa por parte da população Jovem.

Local, Regional, Nacional. Faro Local Falta de iniciativa por parte da população Jovem. Timestamp Tipo de Organização/ Entidade área de intervenção concelho abrangência 12-04-2012 16:46 Projeto Escolhas inclusão social 8. Emprego /Inovação / Empreendedorismo OBSTÁCULOS/ DESAFIOS Falta de

Leia mais

WORKSHOP O PAPEL DA MULHER NO DESENVOLVIMENTO RURAL

WORKSHOP O PAPEL DA MULHER NO DESENVOLVIMENTO RURAL WORKSHOP O PAPEL DA MULHER NO DESENVOLVIMENTO RURAL 3 FEVEREIRO 2010 CENTRO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL DO VALE GONÇALINHO ORGANIZAÇÃO: PARCEIROS: FINANCIAMENTO: O Rural Value, enquanto projecto dinamizador

Leia mais

APRESENTAÇÃO AEFCUP. Informações. AEFCUP Associação de Estudantes da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto

APRESENTAÇÃO AEFCUP. Informações. AEFCUP Associação de Estudantes da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto APRESENTAÇÃO AEFCUP Informações AEFCUP Associação de Estudantes da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto Rua do Campo Alegre, 1021 4150 180 Porto GPS: 41º 11'10.25'' N 8º41'25.32''W Tlf. AEFCUP

Leia mais

REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE S. JOÃO DA

REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE S. JOÃO DA 1 REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE S. JOÃO DA MADEIRA ACTA Nº 26/2006 - DEZEMBRO --- DATA DA REUNIÃO: Sete de Dezembro de dois mil e seis. ------------------------- --- LOCAL DA REUNIÃO: Sala

Leia mais

xposição Pintura "outras formas de olhar" outubro2008 galeria municipal exposição colectiva Câmara Municipal de Sobral de Monte Agraço

xposição Pintura outras formas de olhar outubro2008 galeria municipal exposição colectiva Câmara Municipal de Sobral de Monte Agraço exposição colectiva "outras formas de olhar" Maria Emília Milheiro Teresa Rodarte xposição Pintura Lucinda Barrinha Manuela Reis outubro2008 galeria municipal Câmara Municipal de Sobral de Monte Agraço

Leia mais

Jornadas de Educação Pelo Desporto 1

Jornadas de Educação Pelo Desporto 1 Jornadas de Educação Pelo Desporto 1 Jornadas de Educação Pelo Desporto As Jornadas de Educação Pelo Desporto alinham-se com os objetivos gerais do Diálogo Estruturado na área da juventude, uma vez que

Leia mais

A Vila. Na vila de Barrancos

A Vila. Na vila de Barrancos Locais a visitar A Vila Na vila de Barrancos podem ainda encontrar-se belos exemplares do típico casario alentejano, de arquitectura popular: casas caiadas de branco, de piso térreo, construídas em taipa,

Leia mais

Retratos de Trabalho

Retratos de Trabalho Retratos de Trabalho Retratos de Trabalho é uma exposição fotográfica organizada pela Cidade das Profissões e pelo Museu da Indústria do Porto que convida a comunidade do Porto a revisitar profissões e

Leia mais

A Participação Cívica dos Jovens

A Participação Cívica dos Jovens A Participação Cívica dos Jovens 2 Parlamento dos Jovens 2009 Nos dias 25 e 26 de Maio de 2009, realizou-se em Lisboa, no Palácio de São Bento, a Sessão Nacional do Parlamento dos Jovens 2009 do Ensino

Leia mais

LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600. Horário 28

LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600. Horário 28 LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600 Horário 28 Graduação Profissional Nº Candidato Nome 24,508 4716699811 Vanda Isabel do Vale Silva Almeida 24,203 8219102942 Cristina Maria da

Leia mais

Junho 2007 nº4 MENSAGEM DO PRESIDENTE Olá Viva A edição da nossa revista O Ambúzio de Junho 2007 é um convite a uma visita às nossas Praia da Barra e da Costa Nova, e um desafio para que continues a participar

Leia mais

Apoio a crianças e jovens em situação de risco

Apoio a crianças e jovens em situação de risco Ficha de Projecto Dezembro/2006 Designação Parceria Acordo de Parceiros de 20.12.05 Gabinete para a Cooperação do Ministério do Trabalho e da Solidariedade Social de Portugal Gabinete do Ministro do Trabalho,

Leia mais

Novo Aeroporto de Lisboa e privatização da ANA

Novo Aeroporto de Lisboa e privatização da ANA Novo Aeroporto de Lisboa e privatização da ANA O turismo de Portugal não precisa de uma cidade aeroportuária nem de um mega aeroporto; O desenvolvimento do turismo de Portugal, num quadro de coesão territorial

Leia mais

Alvalade prepara-se para comemorar 500 anos do foral Manuelino

Alvalade prepara-se para comemorar 500 anos do foral Manuelino NOTA DE IMPRENSA Alvalade prepara-se para comemorar 500 anos do foral Manuelino Vila de Alvalade regressa a 1510 A vila de Alvalade prepara-se para comemorar os 500 anos do foral Manuelino e para regressar

Leia mais

Largo Ramos da Costa, 7520 Sines. Responsável pelos sectores de Eletricidade e de Serralharia da Autarquia.

Largo Ramos da Costa, 7520 Sines. Responsável pelos sectores de Eletricidade e de Serralharia da Autarquia. M ODELO EUROPEU DE CURRICULUM VITAE INFORMAÇÃO PESSOAL Nome Oliveira, José Manuel Santana De Oliveira Morada Praceta Nau Roxo, Lote n.º 5 Sines 7520-268 SINES Telefone 961740416 Fax 269630239 Correio electrónico

Leia mais

JOGOS DE QUALIFICAÇÃO PARA O EURO-2017

JOGOS DE QUALIFICAÇÃO PARA O EURO-2017 DOSSIÊ DE IMPRENSA PORTUGAL vs SUÍÇA 10.02.2015 Estádio, xxhxx 12.02.2015 Estádio, xxhxx JOGOS DE QUALIFICAÇÃO PARA O EURO-2017 PORTUGAL x MONTENEGRO 26 de novembro 2015 Estoril - 15H00 ESPANHA x PORTUGAL

Leia mais

Cerimónia Oficial da XIII - Edição do Festival Músicas do Mundo 22 de Julho 2011. Caros Sineenses Visitantes e participantes do F.M.

Cerimónia Oficial da XIII - Edição do Festival Músicas do Mundo 22 de Julho 2011. Caros Sineenses Visitantes e participantes do F.M. Câmara Municipal Presidência Cerimónia Oficial da XIII - Edição do Festival Músicas do Mundo 22 de Julho 2011. Caros Sineenses Visitantes e participantes do F.M.M de Sines Bem vindos à nossa grande festa

Leia mais

MUNICÍPIO DE S. PEDRO DO SUL

MUNICÍPIO DE S. PEDRO DO SUL Fls.46 46 ATA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PEDRO DO SUL REALIZADA NO DIA 9 DE MARÇO DE 2012 Aos nove dias do mês de março do ano de dois mil e doze, reuniu ordinariamente na sala de

Leia mais

Senhor Presidente da Assembleia, Senhoras e Senhores Deputados, Senhor Presidente, Senhora e Senhores membros do Governo

Senhor Presidente da Assembleia, Senhoras e Senhores Deputados, Senhor Presidente, Senhora e Senhores membros do Governo Intervenção Proferida pelo deputado Luís Henrique Silva, Novembro de 06, aquando da discussão do Plano e Orçamento para 2007 Senhor Presidente da Assembleia, Senhoras e Senhores Deputados, Senhor Presidente,

Leia mais

Cristiano Ronaldo O futebolista mais valioso do mundo. Janeiro 2015

Cristiano Ronaldo O futebolista mais valioso do mundo. Janeiro 2015 Cristiano Ronaldo O futebolista mais valioso do mundo Janeiro 2015 Índice Contexto 02 Objectivos 03 Metodologia 04 Imagem 05 Sports Reputation Index by IPAM 07 Determinação do valor potencial 12 Conclusões

Leia mais

Leonardo Goulart da Silva).

Leonardo Goulart da Silva). Newsletter 9 Março 2012 Caldeirão - Corvo Nas atividades desenvolvidas ao longo do primeiro trimestre de 2012 evidencia-se a apresentação dos Programas Educativos do Geoparque Açores e a assinatura do

Leia mais

CICLO DE CONFERÊNCIAS "25 ANOS DE PORTUGAL NA UE"

CICLO DE CONFERÊNCIAS 25 ANOS DE PORTUGAL NA UE Boletim Informativo n.º 19 Abril 2011 CICLO DE CONFERÊNCIAS "25 ANOS DE PORTUGAL NA UE" A Câmara Municipal de Lamego no âmbito de atuação do Centro de Informação Europe Direct de Lamego está a promover

Leia mais

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES SECRETARIA REGIONAL DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE SOCIAL DIRECÇÃO REGIONAL DO TRABALHO, QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL E DEFESA

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES SECRETARIA REGIONAL DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE SOCIAL DIRECÇÃO REGIONAL DO TRABALHO, QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL E DEFESA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES SECRETARIA REGIONAL DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE SOCIAL DIRECÇÃO REGIONAL DO TRABALHO, QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL E DEFESA DO CONSUMIDOR OBSERVATÓRIO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Leia mais

COMISSÃO EUROPEIA Bruxelas, 25.04.2001 SG (2001) D/ 288171 Assunto: Auxílio estatal N 563/2000 Portugal Sistema de incentivos para o desenvolvimento regional dos Açores (SIDER). Excelência: I. Por carta

Leia mais

CURRICULUM VITAE JOSÉ GABRIEL PAIXÃO CALIXTO

CURRICULUM VITAE JOSÉ GABRIEL PAIXÃO CALIXTO CURRICULUM VITAE JOSÉ GABRIEL PAIXÃO CALIXTO ECONOMISTA Janeiro, 2006 Rua Marquês de Pombal, Nº 17 7200-389 Reguengos de Monsaraz Telemóvel: +351 964 895 518 jose.calixto@netcabo.pt C URRICULUM VITAE JOSÉ

Leia mais

MESTRADO EM. Métodos Quantitativos e Gestão

MESTRADO EM. Métodos Quantitativos e Gestão MESTRADO EM Métodos Quantitativos em Economia e Gestão ANO LECTIVO 2011/2012 Mestrado em Métodos Quantitativos em Economia e Gestão Apresentação O Mestrado em Métodos Quantitativos em Economia e Gestão

Leia mais

Licenciatura em Ciências da Comunicação, Vertente Jornalismo, pela Universidade Autónoma de Lisboa, completada com média final de 13 valores

Licenciatura em Ciências da Comunicação, Vertente Jornalismo, pela Universidade Autónoma de Lisboa, completada com média final de 13 valores Informação Pessoal Nome Nuno Miguel Fernandes Aires Data de Nascimento 24 de Julho de 1971 Morada Avenida 5 Outubro, 25 6º andar 8000 Faro Nacionalidade Portuguesa Telemóvel 915 333 112 E-mail naires@msn.com

Leia mais

SEMINÁRIO DE DIVULGAÇÃO DO TRABALHO DESENVOLVIDO NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE

SEMINÁRIO DE DIVULGAÇÃO DO TRABALHO DESENVOLVIDO NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE SEMINÁRIO DE DIVULGAÇÃO DO TRABALHO DESENVOLVIDO NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE Lisboa, 20 de Maio 2011 ECOTECA DE OLHÃO Fátima Monteiro . Auxiliar de Serviços Gerais.Técnica Administrativa.

Leia mais

Maria Cavaco Silva defende «Casas do Avô» de Norte a Sul do país

Maria Cavaco Silva defende «Casas do Avô» de Norte a Sul do país Page 1 of 6 Restaurantes Contactos A equipa RSS Receba por email Pesquisar Submeter consulta Home Actualidade As suas notícias Cultura Desporto Educação Entrevista Fotos Negócios Opinião Região Saúde Últimas

Leia mais

C U R R I C U L U M V I T A E

C U R R I C U L U M V I T A E C U R R I C U L U M V I T A E INFORMAÇÃO PESSOAL Nome Morada Luís Miguel Pereira Araújo da Rocha Rua do Teixeira, nº43, 1º 1200-390 Lisboa Telefone 96 252 74 53 Fax 21 342 97 82 Correio electrónico luisrocha.fotografia@gmail.com

Leia mais

PROJECTO MOVING CINEMA

PROJECTO MOVING CINEMA PROJECTO CICLO DE PROJECÇÕES CONVERSA DEDICADO AOS JOVENS E SEMINÁRIO 11 e 12 de Maio de 2015 Moagem Cidade do Engenho e das Artes (Fundão) Este projecto pretende desenvolver estratégias inovadoras para

Leia mais

O projeto da Rede Municipal de Hortas Urbanas de Vila Nova de Gaia. Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia

O projeto da Rede Municipal de Hortas Urbanas de Vila Nova de Gaia. Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia O projeto da Rede Municipal de Hortas Urbanas de Vila Nova de Gaia Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia O CONCEITO DE HORTA URBANA Possui objetivos distintos da atividade agrícola enquanto atividade económica

Leia mais

Assunto: DescubraPortugal / Canal de promoções comerciais

Assunto: DescubraPortugal / Canal de promoções comerciais CIRCULAR Nº 021/2009 (G) CP/MS Lisboa, 04 de Março de 2009 Assunto: DescubraPortugal / Canal de promoções comerciais Caro Associado, A campanha Descubra um Portugal Maior, lançada pelo Turismo de Portugal

Leia mais

Europass curriculum vitae

Europass curriculum vitae Europass curriculum vitae Informação Pessoal Apelido (s), Nome (s) Pecante de Barros, Jorge Manuel Data de Nascimento 02-02-1988 Sexo Natural Morada País Masculino Caldas da Rainha Rua José Neves, nº6

Leia mais

Prova Escrita de Português Língua Não Materna

Prova Escrita de Português Língua Não Materna EXAME NACIONAL DO ENSINO BÁSICO E DO ENSINO SECUNDÁRIO Prova 28 739 /1.ª Chamada 1.ª Fase / 2008 Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de Janeiro e Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de Março A PREENCHER PELO ESTUDANTE

Leia mais

Lista de estudantes da UA galardoados na cerimónia de abertura do ano lectivo 2007/2008. BOLSAS DE ESTUDO MELHORES CALOIROS (Manutenção de Bolsa)

Lista de estudantes da UA galardoados na cerimónia de abertura do ano lectivo 2007/2008. BOLSAS DE ESTUDO MELHORES CALOIROS (Manutenção de Bolsa) Lista de estudantes da UA galardoados na cerimónia de abertura do ano lectivo 2007/2008 BOLSAS DE ESTUDO MELHORES CALOIROS (Manutenção de Bolsa) Por terem obtido sempre, desde a sua entrada na Universidade

Leia mais

REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE SESIMBRA REALIZADA NO DIA 19 DE NOVEMBRO DE 2008 ORDEM DO DIA

REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE SESIMBRA REALIZADA NO DIA 19 DE NOVEMBRO DE 2008 ORDEM DO DIA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE SESIMBRA REALIZADA NO DIA 19 DE NOVEMBRO DE 2008 ORDEM DO DIA ASSUNTO APRECIADO AO ABRIGO DO ART. 83.º DA LEI N.º 169/99, DE 18 DE SETEMBRO, REPUBLICADA PELA LEI

Leia mais

P l a n o d e A c t i v i d a d e s

P l a n o d e A c t i v i d a d e s P l a n o d e A c t i v i d a d e s A n o d e 2 0 0 9 A TURIHAB Associação do Turismo de Habitação, em 2009, desenvolverá as suas acções em três vertentes fundamentais: a Internacionalização através do

Leia mais

MONTIJO, CIDADE SAUDÁVEL E SUSTENTÁVEL DA CICLOVIA A UMA REDE PEDONAL E CICLÁVEL

MONTIJO, CIDADE SAUDÁVEL E SUSTENTÁVEL DA CICLOVIA A UMA REDE PEDONAL E CICLÁVEL MONTIJO, CIDADE SAUDÁVEL E SUSTENTÁVEL DA CICLOVIA A UMA REDE PEDONAL E CICLÁVEL Identificação do ponto de partida: O Município de Montijo: - Integra a Rede Portuguesa das Cidades Saudáveis, com quatro

Leia mais

COLOC A Ç ÕES DOS NOSSOS ALUNOS NA 1ª FAS E

COLOC A Ç ÕES DOS NOSSOS ALUNOS NA 1ª FAS E Alexandre Garcia Franco Ana Filipa dos Anjos Soares Ana Filipa Martins Antunes Ana Rita Fragoso Jordão André Daniel Andrade Nunes dos Santos Beatriz Alexandra da Silva Oliveira Beatriz Henriques Xavier

Leia mais

I CURSO PÓS-GRADUADO DE APERFEIÇOAMENTO EM DIREITO DO URBANISMO E DA CONSTRUÇÃO

I CURSO PÓS-GRADUADO DE APERFEIÇOAMENTO EM DIREITO DO URBANISMO E DA CONSTRUÇÃO I CURSO PÓS-GRADUADO DE APERFEIÇOAMENTO EM DIREITO DO URBANISMO E DA CONSTRUÇÃO Coordenação Científica: Prof. Doutor Marcelo Rebelo de Sousa, Prof. Doutora Carla Amado Gomes, Prof. Doutor João Miranda

Leia mais

MUNICÍPIO DE REGUENGOS DE MONSARAZ Câmara Municipal EDITAL

MUNICÍPIO DE REGUENGOS DE MONSARAZ Câmara Municipal EDITAL EDITAL PUBLICITAÇÃO DAS DELIBERAÇÕES DA CÂMARA MUNICIPAL TOMADAS NA SUA REUNIÃO ORDINÁRIA DO DIA 28 DE DEZEMBRO DE 2011 JOSÉ GABRIEL CALIXTO, Presidente da de Reguengos de Monsaraz, em conformidade com

Leia mais

O desafio de informar melhor. Juntos, uma comunicação de sucesso

O desafio de informar melhor. Juntos, uma comunicação de sucesso O desafio de informar melhor Juntos, uma comunicação de sucesso Janeiro 2006 1.Introdução Dar a conhecer à população (e sensibilizar os potenciais beneficiários) o papel que os financiamentos comunitários

Leia mais

Serviço de Estrangeiros e Fronteiras

Serviço de Estrangeiros e Fronteiras SEDE Serviço de Estrangeiros e Fronteiras Rua Conselheiro José Silvestre Ribeiro, 4 1649-007 LISBOA Telefone: 21 7115000 Fax: 21 7161595 Direcções e Delegações Regionais DIRECÇÃO REGIONAL DO CENTRO Director

Leia mais

19 / 20 MARÇO/ 2011 DE ALMODÔVAR

19 / 20 MARÇO/ 2011 DE ALMODÔVAR 4 VOLTA ª 19 / 20 MARÇO/ 2011 AO CONCELHO DE ALMODÔVAR Henrique Revés Empresário - 41 anos Neste período que atravessamos, só com muito trabalho, dedicação e empenho é que conseguimos manter a dinâmica

Leia mais

A FORMAÇÃO FINANCEIRA NO APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS

A FORMAÇÃO FINANCEIRA NO APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS Programa provisório A FORMAÇÃO FINANCEIRA NO APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS Dia da Formação Financeira 2015 A 30 de outubro o Plano Nacional de Formação Financeira dinamiza a quarta edição do Dia da

Leia mais

CURRICULUM VITAE JORGE HENRIQUE CARDOSO DA SILVA. Portuguesa

CURRICULUM VITAE JORGE HENRIQUE CARDOSO DA SILVA. Portuguesa CURRICULUM VITAE JORGE HENRIQUE CARDOSO DA SILVA Nacionalidade: Portuguesa Data de Nascimento: 1946 Habilitações Académicas: Licenciatura em Arquitectura - ESBAL - 1970 Defesa do Relatório de Estágio 1973

Leia mais

2. A OFERTA E A PROCURA TURÍSTICA NO NORTE DE PORTUGAL

2. A OFERTA E A PROCURA TURÍSTICA NO NORTE DE PORTUGAL 2. A OFERTA E A PROCURA TURÍSTICA NO NORTE DE PORTUGAL A análise realizada tem como base principal as estatísticas oficiais e alguns dados quantitativos de elaboração própria. Focamos a atenção nas mudanças

Leia mais

INFORMAÇÃO Salão Topos&Clássicos Salão Topos&Clássicos II Salão Internacional de Automóveis e Motociclos Antigos de Braga -

INFORMAÇÃO Salão Topos&Clássicos Salão Topos&Clássicos II Salão Internacional de Automóveis e Motociclos Antigos de Braga - INFORMAÇÃO Depois do éxito alcançado na primeira edição do Salão Topos&Clássicos, onde perto de 15.000 entusiastas aderiram a visitar a Feira e onde os expositores puderam fazer algumas vendas in-situ

Leia mais

AMIGOS DO PROJECTO. Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego

AMIGOS DO PROJECTO. Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego AMIGOS DO PROJECTO O projecto Ler Mais e Escrever Melhor nasceu a 17 de Julho de 2008. Encontra-se numa fase de vida a infância que

Leia mais

O REGIME DA FRUTA ESCOLAR EM PORTUGAL Uma Estratégia Europeia de promoção do consumo de frutos e Hortícolas

O REGIME DA FRUTA ESCOLAR EM PORTUGAL Uma Estratégia Europeia de promoção do consumo de frutos e Hortícolas O REGIME DA FRUTA ESCOLAR EM PORTUGAL Uma Estratégia Europeia de promoção do consumo de frutos e Hortícolas De forma simples, o que é o RFE? Meio de distribuição gratuita de hortofrutícolas a todos os

Leia mais

A leitura e a discussão colectiva da banda desenhada: uma experiência e alguns apontamentos

A leitura e a discussão colectiva da banda desenhada: uma experiência e alguns apontamentos Apoio: A leitura e a discussão colectiva da banda desenhada: uma experiência e alguns apontamentos Grupo de Leitores de BD da Bedeteca de Lisboa Rosa Barreto e Pedro Moura Bedeteca de Lisboa 1996/2008

Leia mais

BOLSAS SOCIAIS EPIS - ESCOLAS DE FUTURO Regulamento para bolsas sociais 2015

BOLSAS SOCIAIS EPIS - ESCOLAS DE FUTURO Regulamento para bolsas sociais 2015 BOLSAS SOCIAIS EPIS - ESCOLAS DE FUTURO Regulamento para bolsas sociais 2015 21 de Julho 2015 1 A Associação EPIS Empresários Pela Inclusão Social foi criada em 2006 por empresários e gestores portugueses,

Leia mais

Câmara Municipal de VRSA cria página no facebook

Câmara Municipal de VRSA cria página no facebook Page 1 of 6 Restaurantes Contactos A equipa RSS Receba por email Pesquisar Submeter consulta Home Actualidade As suas notícias Cultura Desporto Educação Entrevista Fotos Negócios Opinião Região Saúde Últimas

Leia mais

Projecto Nestum Rugby nas Escolas. Balanço 2009/2010

Projecto Nestum Rugby nas Escolas. Balanço 2009/2010 Projecto Nestum Rugby nas Escolas Balanço 2009/2010 No segundo ano (2009/2010) de implementação do projecto Nestum Rugby nas Escolas, projecto este que resulta da parceria entre a Federação Portuguesa

Leia mais

SIALM Sistema de Incentivos de Apoio Local a Micro empresas. CCDRC, 14 fevereiro 2013

SIALM Sistema de Incentivos de Apoio Local a Micro empresas. CCDRC, 14 fevereiro 2013 SIALM Sistema de Incentivos de Apoio Local a Micro empresas CCDRC, 14 fevereiro 2013 PROGRAMA VALORIZAR RCM n.º 7/2013, de 9/01 Valorização do território do interior e de baixa densidade demográfica e

Leia mais

CIRCUITO PORTUGAL TOUR 2015 4ª ETAPA BIATLE - ABRANTES - 04.07.2015. APRENDIZ - 2007 + NOVOS Prova- corrida 200 mts + natação 50 mts + corrida 200 mts

CIRCUITO PORTUGAL TOUR 2015 4ª ETAPA BIATLE - ABRANTES - 04.07.2015. APRENDIZ - 2007 + NOVOS Prova- corrida 200 mts + natação 50 mts + corrida 200 mts CIRCUITO PORTUGAL TOUR 0 ª ETAPA BIATLE - ABRANTES - 0.0.0 APRENDIZ - 00 + NOVOS Prova- corrida 00 mts + natação 0 mts + corrida 00 mts A LUISA CUNHA Casa Benfica de Abrantes 00 0:: A0 INÊS IACHIMOVSCHI

Leia mais

POSTO DE TURISMO DA PRAIA DA BARRA

POSTO DE TURISMO DA PRAIA DA BARRA JUNTA DE FREGUESIA DA GAFANHA DA NAZARÉ POSTO DE TURISMO DA PRAIA DA BARRA RELATÓRIO DE BALANÇO DO VERÃO 2011 Gafanha da Nazaré, Novembro de 2011 1. INTRODUÇÃO O Posto da Barra, é uma infra-estrutura situada

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA EM PORTUGAL

ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA EM PORTUGAL ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA EM PORTUGAL PESQUISA NO CATÁLOGO BIBLIOGRÁFICO Administração pública AND Portugal ALMEIDA, António Henrique Gomes de - A aplicação do balanced scorecard às agências Públicas : um

Leia mais

RELATÓRIO DE ACTIVIDADES ANO DE 2004

RELATÓRIO DE ACTIVIDADES ANO DE 2004 APD- DELEGAÇÃO LOCAL DE MEM MARTINS RELATÓRIO DE ACTIVIDADES ANO DE 2004 INTRODUÇÃO O ano de 2004 ficou marcado por alguns acontecimentos relevantes, sinal de que, apesar do passar dos anos, a Delegação

Leia mais

PROJECTO NAZARÉ XXI. - Marina de recreio e Complexo Turístico de S. Gião

PROJECTO NAZARÉ XXI. - Marina de recreio e Complexo Turístico de S. Gião PROJECTO NAZARÉ XXI - Marina de recreio e Complexo Turístico de S. Gião Nazaré XXI é um projecto turístico de impacto regional, inserido na política de desenvolvimento económico que a Câmara Municipal

Leia mais

Sociedade da Informação coloca novos desafios ao consumidor

Sociedade da Informação coloca novos desafios ao consumidor Sociedade da Informação coloca novos desafios ao consumidor Lisboa, 20 de Junho Comércio electrónico, segurança dos dados pessoais, regulação e mecanismos de protecção foram alguns dos temas discutidos

Leia mais

Semana Pelo Combate à Pobreza e à Exclusão Social 10 a 19 de outubro de 2015

Semana Pelo Combate à Pobreza e à Exclusão Social 10 a 19 de outubro de 2015 0 a 9 de outubro de 05 Pelo Combate à Pobreza e à Exclusão Social * I Descrição do Projeto O Ano Europeu do Combate à Pobreza e à Exclusão Social (AECPES), celebrado em 00, teve como objetivo reafirmar

Leia mais

INTRODUÇÃO O QUE É O PLANO «SALATIA»?

INTRODUÇÃO O QUE É O PLANO «SALATIA»? INTRODUÇÃO O QUE É O PLANO «SALATIA»? No actual cenário económico-financeiro do Mundo e do País, é obrigação de todas as entidades públicas, à sua escala, promoverem medidas de apoio às empresas e às famílias

Leia mais

Discurso de Sua Excelência o Presidente da República

Discurso de Sua Excelência o Presidente da República Continuarei a percorrer o País, de Norte a Sul, a apelar à união de esforços, a levar uma palavra de esperança e a mostrar bons exemplos de resposta à crise. Discurso de Sua Excelência o Presidente da

Leia mais

Condeixa Aqua Clube. Proposta de patrocínio

Condeixa Aqua Clube. Proposta de patrocínio Condeixa Aqua Clube Proposta de patrocínio Indice 1. Apresentação do Clube 3 2. Modalidades.... 4 3. Corpos Sociais..... 5 4. Técnicos 6 5. Atletas... 7 6. Instalações. 8 7. Estatutos e Regulamentos......

Leia mais

Acta n.º 6 /2006 de 22/03/2006

Acta n.º 6 /2006 de 22/03/2006 -----------------------------------ACTA N.º 6/2006 ------------------------------------------ --------Aos vinte e dois dias do mês de Março de dois mil e seis, pelas quinze horas, no Salão Nobre dos Paços

Leia mais

MUNICÍPIO DE REGUENGOS DE MONSARAZ Câmara Municipal EDITAL

MUNICÍPIO DE REGUENGOS DE MONSARAZ Câmara Municipal EDITAL EDITAL PUBLICITAÇÃO DAS DELIBERAÇÕES DA CÂMARA MUNICIPAL TOMADAS NA SUA REUNIÃO ORDINÁRIA DO DIA 18 DE SETEMBRO DE 2013 JOSÉ GABRIEL CALIXTO, Presidente da de Reguengos de Monsaraz, em conformidade com

Leia mais

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015 LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110 Ano Letivo - 2014/2015 CANDIDATOS ADMITIDOS: Nº Candidato NOME OSERVAÇÕES 1367130034 Alexandra

Leia mais

Presidente de RI RON D. BURTON Governador D1960 FERNANDO MARTINS

Presidente de RI RON D. BURTON Governador D1960 FERNANDO MARTINS PROGRAMA DISTRITAL Presidente de RI RON D. BURTON Governador D1960 FERNANDO MARTINS Desenvolvimento Quadro Associativo e Expansão Esta comissão, liderada pela Compª Maria de Lurdes Paiva, tem por objectivo,

Leia mais