Novidades Oracle 11g. Rio Grande Energia - RGE

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Novidades Oracle 11g. Rio Grande Energia - RGE"

Transcrição

1 Novidades Oracle 11g Daniel Güths Rio Grande Energia - RGE 1

2 Agenda Oracle Database 11g new features SQL e PL/SQL new features Performance e gerenciamento de recursos Gerenciamento de mudanças Gerenciamento de Falhas 2

3 Online Application Upgrade Oracle Database 11g, permite que sejam realizados upgrades online sem qualquer indisponiblidade para aplicações. Usuários não são perturbados pelas atualizações do upgrade. 3

4 Online Application Upgrade Como isto é realizado? Anteriormente quando um comando DDL era executado e outrasessão tentava realizar um DML no mesmo objeto ocorria falha. Isto não acontece mais. Melhorias nos processos Create e Rebuild index (no waits). O modelo de dependências do banco mudou para o chamado fine-grained : ex: adicionar uma nova coluna em uma tabela ou um novo subprograma para uma package spec, não invalidará suas dependências. 4

5 Flashback Data Archive ORDERS Select * from orders AS OF Midnight 31-Dec-2004 User Tablespaces Changes Oracle Database Archive Tables Flashback Data Archive Maior tempo de retenção Armazena automaticamente todas as alterações para as tabelas selecionadas em Flashback Data Archive Utilização Controle de Alterações ILM Histórico de informações Auditoria Atendimento a normas ou padrões regulatórios 5

6 Physical Standby with Real-Time Query Continuous Redo Shipment and Apply Real-time Queries Concurrent Real-Time Query Primary Database Physical Standby Database Consultas Read-only na base de dados physical standby concorrendo com a aplicação de redo DR com consultas em tempo real somente a oracle possui no idle resources 6

7 Audit Vault 11g Oracle Audit Vault é uma nova ferramenta que permite que as empresas possam atender aos mais díficeis problemas de segurança enfrentados atualmente para atendimento a normas e padrões regulatórios de segurança. 7

8 Audit Vault 11g 8

9 Trigger new features As DML triggers serão mais rápidas, com promessa de serem 25% superiores em relação às atuais, o que impactará nas triggers de auditoria, onde são feitos updates em outras tabelas. Também existirá um novo tipo de trigger composta, com opções BEFORE, ROW e AFTER, úteis para tratar erros. Será possível definir a ordem em que as triggers serão disparadas. Object state: além de inválido e válido um objeto poderá ser criado como disabled. 9

10 Particionamento Interval partitioning para tabelas, onde automaticamente serão criadas partições baseadas no tempo, quando novos dados forem adicionados. particionamento por objetos lógicos, por colunas virtuais e por referência. 10

11 Particionamento 11

12 Snapshot Standbys configuração de ambiente de testes Physical Standby Apply Logs Open Database Back out Changes Snapshot Standby Realiza os testes Converte de Physical Standby para Snapshot Standby e libera para testes de aplicações ALTER DATABASE CONVERT TO SNAPSHOT STANDBY; Descarta os testes realizados (writes) ALTER DATABASE CONVERT TO PHYSICAL STANDBY; Não ocorrem perdas de dados 12

13 Hot Patching Patch disponibilizado no Metalink 1 Metadados são avaliados proativamente (versão e relevância) 2 Features & versões coletadas Database targets/groups Patch aplicado Grid/DB Control 3 5 Aplicação do patch é relevante? Patch é aplicado sem downtime da instancia Oracle. Automatic diagnostic Workflow: reduzir o tempo de resolução de problemas. 4 Download patch sim 13

14 Compressão OLTP Compressãoagora disponível paraoltp Passará a funcionar para todos os tipos de DMLs, permitindo que as tabelas marcadas como compressed sejam manipuladas como uma tabela normal. Também permitirá adicionar e remover colunas. Benefícios Redução do consumo de espaço em disco 2x a 3x Redução I/O Aumento da eficiência de cache Melhor performance de leitura de dados 14

15 Agenda Oracle Database 11g new features SQL e PL/SQL new features Performance e gerenciamento de recursos Gerenciamento de mudanças Gerenciamento de Falhas 15

16 Server Results Cache Armazena em cache o resultado de consultas, query blocks, or chamadas de pl/sql functions Cache é compartilhado entre statements e sessions no servidor join Q2: Q1: Use build it query transparently cache join GBY T1 GBY cache join join T4 join T2 T3 T5 T6 16

17 Server Results Cache ~1,000 milisegundos para cada nova chamada 17

18 Server Results Cache 0 milisegundos para cada nova chamada 18

19 Demais melhorias simple_integer datatype Trata-se de um novo tipo de dados, que sempre será NOT NULL, e mais rápido que o PLS_INTEGER. Fine Grained Dependency Tracking (FGDT) redução de objetos inválidados por comandos DDL`s. Read Only tables ex: alter table t read only; alter table t read write; Melhorias de performance para sql dinâmico : DBMS_SQL Compilação C nativa: não precisa mais um compilador C. Melhorias no gerenciamento de sequences. 19

20 Agenda Oracle Database 11g new features SQL e PL/SQL new features Performance e gerenciamento de recursos Gerenciamento de mudanças Gerenciamento de Falhas 20

21 Database Replay Capturar Workload de Produção Captura workload de produção com carga e concorrência atuais. Envia o workload capturado para ambiente de testes. Replay Workload no ambiente de testes Realiza as mudanças no ambiente de testes. Executa a carga e concorrência de produção no ambiente de testes. Analyze & Report Reporta Erros Reporta diferenças de performance 21

22 Produção antes da Alteração Client Client Client App Server App Server App Server Alterações Suportadas Database Upgrades, Patches Schema, Parameters RAC nodes, Interconnect OS Platforms, OS Upgrades CPU, Memory Storage Etc. Process Process Process Capture Workload Captured Workload Backup 22

23 Produção antes da alteração Client Client Client Ambiente de testes após alterações App Server App Server App Server Replay Driver Replay Driver Process Process Process Process Process Process Captura Workload Processo de captura do workload Backup Pode usar Snapshot Standby comoambiente de testes 23

24 SQL Replay Mesma idéia do Database Replay porém com foco no impacto das alterações sobreo workload das consultas sql. CapturaSQL workload naprodução Captura automaticamente o workload das consultas em um determinado período. Captura SQL text, plans, bind variables, execution statistics Leva o wokload capturado para o ambiente de testes. Replay SQL no ambiente de testes Executa o workload das consultas antes e depois das alterações no ambiente de testes. Compara e analisa a performance Alterações Suportadas Migrações de releases, patches, parameters, schema, optimizer statistics, recomendações de tuning 24

25 SQL Plan Management Controle da evolução dos planos de execução Permite fixar os planos de acesso para statements específicos. Mantendo assim os planos de acesso em mudanças e alterações de versões de banco. Alterações de planos de acesso são reportadas. 25

26 Agenda Oracle Database 11g new features SQL e PL/SQL new features Performance e gerenciamento de recursos Gerenciamento de mudanças Gerenciamento de Falhas 26

27 10g - Sugestões de tuning em forma de sql profiles que geram ganhos de performance. 27

28 11g - Sugestões de tuning em forma de sql profiles podem ser aplicadas quanto gerarem ganhos 3x superiores aos atuais. 28

29 Demais melhorias Automatic memory tuning Toda memória poderá ser gerenciada automaticamente. Resource Manager Gerencia I/O, não somente CPU. Adaptive Metric Baselines Notificações e thresholds podem ser associados com uma base line. Não somentecom pontos fixos como anteriormente. 29

30 Agenda Oracle Database 11g new features SQL e PL/SQL new features Performance e gerenciamento de recursos Gerenciamento de mudanças Gerenciamento de Falhas 30

31 Gerenciamento de Falhas Automatic Diagnostic Repository (ADR) Erros críticos geram incidentes Informações sobre incidentes são automaticamente capturadas Incident Packaging Service (IPS) Envio ao suporte pode ser realizado de forma automática. Feature Based Patching Será possível identificar quais features do banco serão afetadas com os patches, possibilitando saber quais são os patches necessários para as features usadas. 31

32 482 novos recursos! rs.com.br

Oracle Database 11g: Novos Recursos para Administradores

Oracle Database 11g: Novos Recursos para Administradores Oracle Database 11g: Novos Recursos para Administradores Course O11NFA 5 Day(s) 30:00 Hours Introduction Este curso de cinco dias oferece a você a oportunidade de conhecer e fazer exercícios com os novos

Leia mais

Sumário. Capítulo 2 Conceitos Importantes... 32 Tópicos Relevantes... 32 Instance... 33 Base de Dados... 36 Conclusão... 37

Sumário. Capítulo 2 Conceitos Importantes... 32 Tópicos Relevantes... 32 Instance... 33 Base de Dados... 36 Conclusão... 37 7 Sumário Agradecimentos... 6 Sobre o Autor... 6 Prefácio... 13 Capítulo 1 Instalação e Configuração... 15 Instalação em Linux... 15 Instalação e Customização do Red Hat Advanced Server 2.1... 16 Preparativos

Leia mais

www.en-sof.com.br SOLUÇÕES PARA CONTINUIDADE DO NEGÓCIO

www.en-sof.com.br SOLUÇÕES PARA CONTINUIDADE DO NEGÓCIO SOLUÇÕES PARA CONTINUIDADE DO NEGÓCIO 1 Soluções Oracle Voltadas à Continuidade dos Negócios Luciano Inácio de Melo Oracle Database Administrator Certified Oracle Instructor Bacharel em Ciências da Computação

Leia mais

Comparativo entre DBSE e DBEE

<Insert Picture Here> Comparativo entre DBSE e DBEE Comparativo entre DBSE e DBEE Oracle Database Oracle Database Standard Edition Disponível para ambientes com até 4 processadores, possui features limitadas e não oferece possibilidade

Leia mais

Inove mais Rapidamente com o Oracle Database 11g. Um artigo técnico da Oracle Agosto de 2007

Inove mais Rapidamente com o Oracle Database 11g. Um artigo técnico da Oracle Agosto de 2007 Inove mais Rapidamente com o Oracle Database 11g Um artigo técnico da Oracle Agosto de 2007 Inove mais Rapidamente com o Oracle Database 11g Sumário Executivo... 3 Como Aumentar a Grade... 4 Acesso Integral

Leia mais

Carga Horária 40 horas. Requisitos Servidor Oracle 10G Ferramenta para interação com o banco de dados

Carga Horária 40 horas. Requisitos Servidor Oracle 10G Ferramenta para interação com o banco de dados Oracle 10g - Workshop de Administração I Objetivos do Curso Este curso foi projetado para oferecer ao participante uma base sólida sobre tarefas administrativas fundamentais. Neste curso, você aprenderá

Leia mais

Treinamento. DBA Oracle 11g. Duração: 120 horas

Treinamento. DBA Oracle 11g. Duração: 120 horas Treinamento DBA Oracle 11g Duração: 120 horas Neste curso no primeiro módulo (Introdução ao Oracle 11g SQL e PL_SQL) é oferecido um curso introdutório à tecnologia do banco de dados Oracle 11g. Também

Leia mais

Banco de Dados Oracle 11g: Visão geral do Real Application Testing e da capacidade de gerenciamento. White paper Oracle Junho de 2007

Banco de Dados Oracle 11g: Visão geral do Real Application Testing e da capacidade de gerenciamento. White paper Oracle Junho de 2007 Banco de Dados Oracle 11g: Visão geral do Real Application Testing e da capacidade de gerenciamento White paper Oracle Junho de 2007 Observação: Este texto tem a finalidade de descrever o direcionamento

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Administração de Banco de Dados - Oracle

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Administração de Banco de Dados - Oracle Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Administração de Banco de Dados - Oracle Apresentação O programa de Pós-graduação Lato Sensu em Administração de Banco de Dados tem por fornecer conhecimento

Leia mais

P R E F Á C I O A UNIÃO FAZ A FORÇA

P R E F Á C I O A UNIÃO FAZ A FORÇA P R E F Á C I O G de grid. Fazer mais com menos. Essa é a grande promessa por trás da Grid Computing, a nova arquitetura de aplicativos desenvolvida pela Oracle. Lançada oficialmente no Brasil em 20 de

Leia mais

A base de dados. A plataforma Internet Oracle9i Completa, Logo Simples. Page 1. Luís Marques Senior Sales Consultant Solutions Team

A base de dados. A plataforma Internet Oracle9i Completa, Logo Simples. Page 1. Luís Marques Senior Sales Consultant Solutions Team A base de dados Luís Marques Senior Sales Consultant Solutions Team A plataforma Internet Oracle9i Completa, Logo Simples Oracle9i Application Server Oracle9i Database Server Page 1 Áreas em foco na base

Leia mais

Um artigo técnico da Oracle Agosto de 2009. Oracle Database 11g Release 2: Visão geral da gerenciabilidade e do Real Application Testing

Um artigo técnico da Oracle Agosto de 2009. Oracle Database 11g Release 2: Visão geral da gerenciabilidade e do Real Application Testing Um artigo técnico da Oracle Agosto de 2009 Oracle Database 11g Release 2: Visão geral da gerenciabilidade e do Real Application Testing Introdução... 2 Desafios da gerenciabilidade... 2 Gerenciamento de

Leia mais

trigger insert, delete, update

trigger insert, delete, update 1 Um trigger é um conjunto de instruções SQL armazenadas no catalogo da BD Pertence a um grupo de stored programs do MySQL Executado quando um evento associado com uma tabela acontece: insert, delete,

Leia mais

PL/SQL Developer. Solução para Ambiente de Desenvolvimento Integrado Oracle

PL/SQL Developer. Solução para Ambiente de Desenvolvimento Integrado Oracle Solução para Ambiente de Desenvolvimento Integrado Oracle PL/SQL Developer é um ambiente de desenvolvimento integrado (IDE) que foi especialmente destinado ao desenvolvimento de programas armazenados em

Leia mais

Oracle Advanced Compression x External Tables (Armazenamento de dados históricos)

Oracle Advanced Compression x External Tables (Armazenamento de dados históricos) Oracle Advanced Compression x External Tables (Armazenamento de dados históricos) Agenda Sobre Rodrigo Mufalani Clico de dados Visão Geral Avanced Compression Visão Geral External Tables Performance Disponibilidade

Leia mais

Aula 2 Arquitetura Oracle

Aula 2 Arquitetura Oracle Aula 2 Arquitetura Oracle Instancia Oracle Uma instância Oracle é composta de estruturas de memória e processos. Sua existência é temporária na memória RAM e nas CPUs. Quando você desliga a instância em

Leia mais

Advanced IT S/A. EM10g Grid Control. Introdução. Introdução. Agenda. Como alcança estes objetivos Grid Control Home Page Pode gerenciar:

Advanced IT S/A. EM10g Grid Control. Introdução. Introdução. Agenda. Como alcança estes objetivos Grid Control Home Page Pode gerenciar: Agenda Advanced IT S/A EM10g Grid Control Denise Cunha Advanced IT S/A - DBA Gerenciando Deployments (distribuições) Estendendo o EM Sistema de Jobs Start e Stop do EM Objetivos Extrair informações críticas

Leia mais

Banco de Dados II. Triggers e Functions. Prof. Moser Fagundes. Curso TSI Instituto Federal Sul-Rio-Grandense (IFSul) Campus Charqueadas

Banco de Dados II. Triggers e Functions. Prof. Moser Fagundes. Curso TSI Instituto Federal Sul-Rio-Grandense (IFSul) Campus Charqueadas Banco de Dados II Triggers e Functions Prof. Moser Fagundes Curso TSI Instituto Federal Sul-Rio-Grandense (IFSul) Campus Charqueadas Sumário da aula Functions (funções) Triggers (gatilhos) Atividades Functions

Leia mais

SQL. Structured Query Language

SQL. Structured Query Language SQL Structured Query Language Construções básicas Junção de Tabelas Join O uso da operação JOIN numa cláusula FROM especifica como se deseja que as tabelas sejam vinculadas. Use INNER JOIN para associar

Leia mais

BANCO DE DADOS. info 3º ano. Prof. Diemesleno Souza Carvalho diemesleno@iftm.edu.br www.diemesleno.com.br

BANCO DE DADOS. info 3º ano. Prof. Diemesleno Souza Carvalho diemesleno@iftm.edu.br www.diemesleno.com.br BANCO DE DADOS info 3º ano Prof. Diemesleno Souza Carvalho diemesleno@iftm.edu.br www.diemesleno.com.br Na última aula estudamos Unidade 4 - Projeto Lógico Normalização; Dicionário de Dados. Arquitetura

Leia mais

Um artigo técnico da Oracle Setembro de 2009. Família de produtos Oracle Database 11g

Um artigo técnico da Oracle Setembro de 2009. Família de produtos Oracle Database 11g Um artigo técnico da Oracle Setembro de 2009 Família de produtos Oracle Database 11g INTRODUÇÃO... 1 OPÇÕES DA ENTERPRISE EDITION... 2 Oracle Active Data Guard... 2 Compressão Avançada Oracle... 2 Oracle

Leia mais

Database Upgrades : Perfect Performance Every Time

Database Upgrades : Perfect Performance Every Time Database Upgrades : Perfect Performance Every Time Antonio Menezes Oracle Consulting antonio.menezes@oracle.com Agenda Desafios Boas Práticas SQL Plan Management Real Application

Leia mais

Dicas para uso de VLDB (very large databases)

Dicas para uso de VLDB (very large databases) Dicas para uso de VLDB (very large databases) Slide 1 Considerações e Marcas Registradas As informações contidas nesta apresentação não foram submetidas à nenhuma revisão formal e é distribuída sem nenhuma

Leia mais

Oracle PL/SQL Overview

Oracle PL/SQL Overview Faculdades Network Oracle PL/SQL Overview Prof. Edinelson PL/SQL Linguagem de Programação Procedural Language / Structured Query Language Une o estilo modular de linguagens de programação à versatilidade

Leia mais

Sumário Agradecimentos... 19 Sobre.o.autor... 20 Prefácio... 21 Capítulo.1..Bem-vindo.ao.MySQL... 22

Sumário Agradecimentos... 19 Sobre.o.autor... 20 Prefácio... 21 Capítulo.1..Bem-vindo.ao.MySQL... 22 Sumário Agradecimentos... 19 Sobre o autor... 20 Prefácio... 21 Capítulo 1 Bem-vindo ao MySQL... 22 1.1 O que é o MySQL?...22 1.1.1 História do MySQL...23 1.1.2 Licença de uso...23 1.2 Utilizações recomendadas...24

Leia mais

SQL Gatilhos (Triggers)

SQL Gatilhos (Triggers) SQL Gatilhos (Triggers) Laboratório de Bases de Dados Gatilho (trigger) Bloco PL/SQL que é disparado de forma automática e implícita sempre que ocorrer um evento associado a uma tabela INSERT UPDATE DELETE

Leia mais

Oracle 10g: SQL e PL/SQL

Oracle 10g: SQL e PL/SQL Oracle 10g: SQL e PL/SQL PL/SQL: Visão Geral Enzo Seraphim Visão Geral Vantagens de PL/SQL Suporte total à linguagem SQL Total integração com o Oracle Performance Redução da comunicação entre a aplicação

Leia mais

<Insert Picture Here> Marcos Guimaraes Sales Consultant marcos.guimaraes@oracle.com Program Agenda Tempo previsto 90 min. Oracle Overview de Soluções Oracle Oracle Database 11g Opcionais

Leia mais

Pedro F. Carvalho Analista de Sistemas contato@pedrofcarvalho.com.br www.pedrofcarvlho.com.br AULA 16 RECOVERY

Pedro F. Carvalho Analista de Sistemas contato@pedrofcarvalho.com.br www.pedrofcarvlho.com.br AULA 16 RECOVERY AULA 16 RECOVERY O RMAN (Recovery Manager) é a ferramenta Oracle, parte integrante do banco de dados, que permite a execução de backups do banco de dados Oracle e, principalmente, a recuperação de dados

Leia mais

Um artigo técnico da Oracle Outubro de 2010. Família de produtos Oracle Database 11g

Um artigo técnico da Oracle Outubro de 2010. Família de produtos Oracle Database 11g Um artigo técnico da Oracle Outubro de 2010 Família de produtos Oracle Database 11g INTRODUÇÃO... 1 OPÇÕES DA ENTERPRISE EDITION... 2 Oracle Active Data Guard... 2 Oracle Advanced Compression....2 Oracle

Leia mais

SQL Server Triggers Aprenda a utilizar triggers em views e auditar as colunas atualizadas em uma tabela

SQL Server Triggers Aprenda a utilizar triggers em views e auditar as colunas atualizadas em uma tabela SQL Server Triggers Aprenda a utilizar triggers em views e auditar as colunas atualizadas em uma tabela Certamente você já ouviu falar muito sobre triggers. Mas o quê são triggers? Quando e como utilizá-las?

Leia mais

Banco de Dados. Prof. Antonio

Banco de Dados. Prof. Antonio Banco de Dados Prof. Antonio SQL - Structured Query Language O que é SQL? A linguagem SQL (Structure query Language - Linguagem de Consulta Estruturada) é a linguagem padrão ANSI (American National Standards

Leia mais

Técnicas de Database Refactoring para ambientes 24x7. Matheus de Oliveira

Técnicas de Database Refactoring para ambientes 24x7. Matheus de Oliveira <matheus.oliveira@dextra.com.br> Técnicas de Database Refactoring para ambientes 24x7 Matheus de Oliveira Matheus de Oliveira DBA PostgreSQL consultorias e suportes 24x7/8x5

Leia mais

FAPLAN - Faculdade Anhanguera Passo Fundo Gestão da Tecnologia da Informação Banco de Dados II Prof. Eder Pazinatto Stored Procedures Procedimento armazenados dentro do banco de dados Um Stored Procedure

Leia mais

Operação de União JOIN

Operação de União JOIN Operação de União JOIN Professor Victor Sotero SGD 1 JOIN O join é uma operação de multi-tabelas Select: o nome da coluna deve ser precedido pelo nome da tabela, se mais de uma coluna na tabela especificada

Leia mais

Oracle Database 11g com Alta Disponibilidade. Um artigo técnico da Oracle Junho de 2007

Oracle Database 11g com Alta Disponibilidade. Um artigo técnico da Oracle Junho de 2007 Oracle Database 11g com Alta Disponibilidade Um artigo técnico da Oracle Junho de 2007 Oracle Database 11g com Alta Disponibilidade Introdução... 2 Causas do Tempo Inativo... 2 Proteção contra Falha do

Leia mais

PEDRO F. CARVALHO OCP ORACLE

PEDRO F. CARVALHO OCP ORACLE 1 PEDRO F. CARVALHO OCP ORACLE 10g www.pedrofcarvalho.com.br e:mail contato@pedrofcarvalho.com.br Apresentação Pedro F. Carvalho Analista de Sistemas OCP BANCO DE DADOS ORACLE 10g ITIL FOUNDATION V3 contato@pedrofcarvalho.com.br

Leia mais

www.en-sof.com.br CARREIRA DE DBA ORACLE E CERTIFICAÇÃO

www.en-sof.com.br CARREIRA DE DBA ORACLE E CERTIFICAÇÃO CARREIRA DE DBA ORACLE E CERTIFICAÇÃO 1 CARREIRA E CERTIFICAÇÕES PARA DBAS ORACLE Luciano Inácio de Melo Oracle Database Administrator Certified Oracle Instructor Bacharel em Ciências da Computação - UNESP

Leia mais

AUDITORIA EM BANCO DE DADOS COM UTILIZAÇÃO DE REGRAS

AUDITORIA EM BANCO DE DADOS COM UTILIZAÇÃO DE REGRAS REVISTA DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA AUDITORIA EM BANCO DE DADOS COM UTILIZAÇÃO DE REGRAS Eder Pazinatto Faculdade Anhanguera de Passo Fundo RESUMO: A busca por mecanismos que implementam segurança

Leia mais

Symantec NetBackup 7.1 Clients and Agents Complete protection for your information-driven enterprise

Symantec NetBackup 7.1 Clients and Agents Complete protection for your information-driven enterprise Complete protection for your information-driven enterprise Visão geral O Symantec NetBackup oferece uma seleção simples e abrangente de clientes e agentes inovadores para otimizar a performance e a eficiência

Leia mais

Worldwide Online TechDay. 30 - Outubro

Worldwide Online TechDay. 30 - Outubro 30 - Outubro 1 Como funciona um banco de dados Microsoft SQL Server? Fabricio Catae Premier Field Engineer Microsoft Certified Master Twitter: @fcatae WebSite: http://blogs.msdn.com/fcatae/ 2 Nossos Parceiros

Leia mais

Nome do curso. Administração de Banco de Dados DBA ORACLE. Objetivos. Objetivos Gerais. Objetivos Específicos. Público Alvo

Nome do curso. Administração de Banco de Dados DBA ORACLE. Objetivos. Objetivos Gerais. Objetivos Específicos. Público Alvo Nome do curso Administração de Banco de Dados DBA ORACLE Objetivos Objetivos Gerais Aperfeiçoar o profissional da área de Banco de Dados e TI (Tecnologia da Informação), demonstrando conceitos de modelagem

Leia mais

Instalação RAC10g em Linux

Instalação RAC10g em Linux Instalação RAC10g em Linux Humberto Corbellini humberto.corbellini@advancedit.com.br Agenda Visão Geral Storage compartilhado Hardware utilizado Sistema operacional Configuração de rede Drivers e opções

Leia mais

Introdução à Engenharia da Computação. Banco de Dados Professor Machado

Introdução à Engenharia da Computação. Banco de Dados Professor Machado Introdução à Engenharia da Computação Banco de Dados Professor Machado 1 Sistemas isolados Produção Vendas Compras Banco de Dados Produtos... Banco de Dados Produtos... Banco de Dados Produtos... Desvantagens:

Leia mais

Treinamento PostgreSQL - Aula 01

Treinamento PostgreSQL - Aula 01 Treinamento PostgreSQL - Aula 01 Eduardo Ferreira dos Santos SparkGroup Treinamento e Capacitação em Tecnologia eduardo.edusantos@gmail.com eduardosan.com 27 de Maio de 2013 Eduardo Ferreira dos Santos

Leia mais

Desvendando o Oracle Exadata X2-2

Desvendando o Oracle Exadata X2-2 Desvendando o Oracle Exadata X2-2 Rodrigo Almeida Oracle ACE Agenda Palestrante Visão geral sobre Oracle Exadata DMA Database Machine Administrator Ferramentas de Administração O

Leia mais

In-Memory Database Internals DPB304

In-Memory Database Internals DPB304 In-Memory Database Internals DPB304 In-Memory Database Internals Alberto Lima Senior Premier Field Engineer-SQL Server allima@microsoft.com Frederico Guimarães Santos Premier Field Engineer SQL Server

Leia mais

Introdução à Banco de Dados. Nathalia Sautchuk Patrício

Introdução à Banco de Dados. Nathalia Sautchuk Patrício Introdução à Banco de Dados Nathalia Sautchuk Patrício Histórico Início da computação: dados guardados em arquivos de texto Problemas nesse modelo: redundância não-controlada de dados aplicações devem

Leia mais

BD Oracle. Licenciatura em Engenharia Informática e Computação. Bases de Dados 2003/04

BD Oracle. Licenciatura em Engenharia Informática e Computação. Bases de Dados 2003/04 BD Oracle SGBD Oracle Licenciatura em Engenharia Informática e Computação Bases de Dados 2003/04 BD Oracle Introdução aos SGBD Base de Dados Colecção de dados que descrevem alguma realidade Sistema de

Leia mais

Crash recovery é similar ao instance recovery, onde o primeiro referencia ambientes de instância exclusiva e o segundo ambientes parallel server.

Crash recovery é similar ao instance recovery, onde o primeiro referencia ambientes de instância exclusiva e o segundo ambientes parallel server. Recover no Oracle O backup e recuperação de dados em um SGBD é de grande importância para a manutenção dos dados. Dando continuidade a nossos artigos, apresentamos abaixo formas diferentes de se fazer

Leia mais

Noções de. Microsoft SQL Server. Microsoft SQL Server

Noções de. Microsoft SQL Server. Microsoft SQL Server Noções de 1 Considerações Iniciais Basicamente existem dois tipos de usuários do SQL Server: Implementadores Administradores 2 1 Implementadores Utilizam o SQL Server para criar e alterar base de dados

Leia mais

Marcando os pontos. O ExtSQL fornece estatísticas de uso detalhadas dos sistemas de banco de dados MySQL e PostgreSQL.

Marcando os pontos. O ExtSQL fornece estatísticas de uso detalhadas dos sistemas de banco de dados MySQL e PostgreSQL. Controle de estatísticas do SQL com o ExtSQL ANÁLISE Marcando os pontos O ExtSQL fornece estatísticas de uso detalhadas dos sistemas de banco de dados MySQL e PostgreSQL. por John Murtari O MySQL e o PostgreSQL

Leia mais

2015.1- INF1340 - BD2. SGBD Grupo: Amanda Christian Gustavo

2015.1- INF1340 - BD2. SGBD <Oracle> Grupo: Amanda Christian Gustavo SGBD Grupo: Amanda Christian Gustavo Breve Histórico Larry Ellison e amigos fundam a SDL(Software Development Laboratories) Primeira versão do oracle (Oracle V1) foi desenvolvida mas nunca lançada

Leia mais

Informe técnico: Proteção de dados Clientes e agentes do Veritas NetBackup 6.5 Plataforma do Veritas NetBackup - Proteção de dados de próxima geração

Informe técnico: Proteção de dados Clientes e agentes do Veritas NetBackup 6.5 Plataforma do Veritas NetBackup - Proteção de dados de próxima geração Plataforma do Veritas NetBackup - Proteção de dados de próxima geração Visão geral O Veritas NetBackup oferece um conjunto simples porém abrangente de clientes e agentes inovadores para otimizar o desempenho

Leia mais

SQL Structured Query Language

SQL Structured Query Language Janai Maciel SQL Structured Query Language (Banco de Dados) Conceitos de Linguagens de Programação 2013.2 Structured Query Language ( Linguagem de Consulta Estruturada ) Conceito: É a linguagem de pesquisa

Leia mais

Exadata SIG. Gerenciamento de Recursos, da conexão ao I/O. Fernando Simon

Exadata SIG. Gerenciamento de Recursos, da conexão ao I/O. Fernando Simon Gerenciamento de Recursos, da conexão ao I/O Fernando Simon Agenda Apresentação; Consolidação; Gerenciamento de Recursos: Services; Instance caging; Resource Manager; IORM; Análise do ambiente Exadata:

Leia mais

Triggers em PostgreSQL. Linguagem de Programação de Banco de Dados. Triggers em PostgreSQL. Triggers em PostgreSQL

Triggers em PostgreSQL. Linguagem de Programação de Banco de Dados. Triggers em PostgreSQL. Triggers em PostgreSQL Prof. Ms. Luiz Alberto Contato: lasf.bel@gmail.com Linguagem de Programação de Banco de Dados Triggers em PostgreSQL Todos os bancos de dados comerciais possuem uma linguagem procedural auxiliar para a

Leia mais

BANCO DE DADOS II Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com

BANCO DE DADOS II Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com - Aula 11-1. INTRODUÇÃO TRIGGERS (GATILHOS OU AUTOMATISMOS) Desenvolver uma aplicação para gerenciar os dados significa criar uma aplicação que faça o controle sobre todo ambiente desde a interface, passando

Leia mais

Tópicos Avançados de Bases de Dados Instituto Politécnico da Guarda, Escola Superior de Tecnologia e Gestão, 2005/2006

Tópicos Avançados de Bases de Dados Instituto Politécnico da Guarda, Escola Superior de Tecnologia e Gestão, 2005/2006 Programa de TABD 2004/2005 Componente teórica Tópicos Avançados de Bases de Dados Revisão e complemento de bases de dados relacionais Revisão de conceitos básicos Transacções e controlo de concorrência

Leia mais

ESTRATÉGIAS DE OTIMIZAÇÃO NO SGBD MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2 IREMAR NUNES DE LIMA 2

ESTRATÉGIAS DE OTIMIZAÇÃO NO SGBD MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2 IREMAR NUNES DE LIMA 2 ESTRATÉGIAS DE OTIMIZAÇÃO NO SGBD MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2 RAMON FELIPE MOREIRA DIAS DE SOUZA 1 IREMAR NUNES DE LIMA 2 Resumo: Este artigo identifica e discute diversas estratégias que podem ser utilizadas

Leia mais

Real Application Cluster (RAC)

Real Application Cluster (RAC) Real Application Cluster (RAC) Anderson Haertel Rodrigues OCE RAC 10g anderson.rodrigues@advancedit.com.br AdvancedIT S/A RAC? Oracle RAC é um banco de dados em cluster. Como assim? São vários servidores

Leia mais

Tornando acessível a tecnologia e os melhores serviços

Tornando acessível a tecnologia e os melhores serviços Tornando acessível a tecnologia e os melhores serviços A ALEJANDRO Informática No mercado de TI desde 30 de Outubro de 1997. Conta com mais de 30 colaboradores; Especializada em implantação de Banco de

Leia mais

MySQL Enterprise Edition Portfólio

MySQL Enterprise Edition Portfólio MySQL Enterprise Edition Portfólio Agosto 2015 Airton Lastori airton.lastori@oracle.com MySQL Enterprise Edition O que é? MySQL Enterprise Edition Suporte + Backup + Monitor + Workbench + Plug-ins Escalabilidade

Leia mais

ANEXO 9 DO PROJETO BÁSICO DA FERRAMENTA DE MONITORAMENTO, SEGURANÇA E AUDITORIA DE BANCO DE DADOS

ANEXO 9 DO PROJETO BÁSICO DA FERRAMENTA DE MONITORAMENTO, SEGURANÇA E AUDITORIA DE BANCO DE DADOS ANEXO 9 DO PROJETO BÁSICO DA FERRAMENTA DE MONITORAMENTO, SEGURANÇA E AUDITORIA DE BANCO DE DADOS Sumário 1. Finalidade... 2 2. Justificativa para contratação... 2 3. Premissas para fornecimento e operação

Leia mais

Gerência de Redes de Computadores. 05 Gerência de Hospedeiros (Hosts)

Gerência de Redes de Computadores. 05 Gerência de Hospedeiros (Hosts) Gerência de Redes de Computadores 05 Gerência de Hospedeiros (Hosts) UFCG / DSC / JPS * 05 GERÊNCIA DE HOSPEDEIROS 1 TIPOS DE HOSPEDEIROS DOIS TIPOS DE HOSPEDEIROS o Servidores o Estações Clientes HÁ GRANDE

Leia mais

PostgreSQL 8.0. Diogo Biazus

PostgreSQL 8.0. Diogo Biazus PostgreSQL 8.0 Diogo Biazus PostgreSQL 7.X Totalmente ACID MVCC Tipos e operadores customizáveis Diversas linguagens procedurais Hot backup Código aberto (BSD) Facilidade de extensão PL/pgSQL, PL/Python,

Leia mais

PROVA ESPECÍFICA Cargo 04

PROVA ESPECÍFICA Cargo 04 10 PROVA ESPECÍFICA Cargo 04 QUESTÃO 21 Analise as seguintes afirmativas: I. Uma das funções de um DBA é gerenciar os mecanismos de segurança de acesso aos dados armazenados em um SGBD (Sistema Gerenciador

Leia mais

Triggers e Regras. Fernando Lobo. Base de Dados, Universidade do Algarve

Triggers e Regras. Fernando Lobo. Base de Dados, Universidade do Algarve Triggers e Regras Fernando Lobo Base de Dados, Universidade do Algarve 1 / 14 Triggers Um trigger permite que uma determinada sequência de comandos SQL seja accionada quando um determinado evento ocorre.

Leia mais

Triggers. um trigger permite que uma determinada sequência de comandos SQL seja accionada quando um determinado evento ocorre.

Triggers. um trigger permite que uma determinada sequência de comandos SQL seja accionada quando um determinado evento ocorre. Triggers um trigger permite que uma determinada sequência de comandos SQL seja accionada quando um determinado evento ocorre. o evento pode ser INSERT, UPDATE, ou DELETE. o trigger pode ser accionado imediatamente

Leia mais

Tópicos. Atualizações e segurança do sistema. Manutenção Preventiva e Corretiva de Software (utilizando o MS Windows XP)

Tópicos. Atualizações e segurança do sistema. Manutenção Preventiva e Corretiva de Software (utilizando o MS Windows XP) teste 1 Manutenção Preventiva e Corretiva de Software (utilizando o MS Windows XP) Rafael Fernando Diorio www.diorio.com.br Tópicos - Atualizações e segurança do sistema - Gerenciamento do computador -

Leia mais

Informação é o seu bem mais precioso e você não pode correr riscos de perder dados importantes. Por isso, oferecemos um serviço de qualidade e

Informação é o seu bem mais precioso e você não pode correr riscos de perder dados importantes. Por isso, oferecemos um serviço de qualidade e Informação é o seu bem mais precioso e você não pode correr riscos de perder dados importantes. Por isso, oferecemos um serviço de qualidade e confiança que vai garantir maior eficiência e segurança para

Leia mais

Banco de Dados. Maurício Edgar Stivanello

Banco de Dados. Maurício Edgar Stivanello Banco de Dados Maurício Edgar Stivanello Agenda Conceitos Básicos SGBD Projeto de Banco de Dados SQL Ferramentas Exemplo Dado e Informação Dado Fato do mundo real que está registrado e possui um significado

Leia mais

Administradores de Banco de Dados Inteligentes: Novas e Boas Funcionalidades para DBAs Avançados. Rogério Meira Solution Specialist Oracle

Administradores de Banco de Dados Inteligentes: Novas e Boas Funcionalidades para DBAs Avançados. Rogério Meira Solution Specialist Oracle Administradores de Banco de Dados Inteligentes: Novas e Boas Funcionalidades para DBAs Avançados Rogério Meira Solution Specialist Oracle The following is intended to outline our general product direction.

Leia mais

Diminuindo custos e aumentando a produtividade em tempos de crise econômica. Michel Sader Professional Services Director Latin America

Diminuindo custos e aumentando a produtividade em tempos de crise econômica. Michel Sader Professional Services Director Latin America Diminuindo custos e aumentando a produtividade em tempos de crise econômica Michel Sader Professional Services Director Latin America Agenda 1. Cenário atual 2. Entendendo o que está acontecendo 3. Gerenciando

Leia mais

17/10/2008. Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados Sistemas para Internet Redes de Computadores

17/10/2008. Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados Sistemas para Internet Redes de Computadores Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados Sistemas para Internet Redes de Computadores Disciplina: Banco de Dados Prof.: Fernando Hadad Zaidan 1 Unidade 2 Imagem: BARBIERI, Carlos. 2

Leia mais

Partitioning Partitioning table App. Partitioning SQL Server Partitioning Vantagens Partitioning Exemplo Passos a dar

Partitioning Partitioning table App. Partitioning SQL Server Partitioning Vantagens Partitioning Exemplo Passos a dar Quilson Antunes 1 2 3 4 5 6 7 Partitioning Partitioning table App. Partitioning SQL Server Partitioning Vantagens Partitioning Exemplo Passos a dar 19 de Agosto de 2011 Microsoft SQL Server Partitioning

Leia mais

UFCD 787. Administração de base de dados. Elsa Marisa S. Almeida

UFCD 787. Administração de base de dados. Elsa Marisa S. Almeida UFCD 787 Administração de base de dados Elsa Marisa S. Almeida 1 Objectivos Replicação de base de dados Gestão de transacções Cópias de segurança Importação e exportação de dados Elsa Marisa S. Almeida

Leia mais

Oracle ISV. Felipe Pontes, felipe.pontes@oracle.com Gerente Senior de Consultoria de Vendas ISV/OEM Setembro 09, 2014

Oracle ISV. Felipe Pontes, felipe.pontes@oracle.com Gerente Senior de Consultoria de Vendas ISV/OEM Setembro 09, 2014 Oracle ISV 2014 Felipe Pontes, felipe.pontes@oracle.com Gerente Senior de Consultoria de Vendas ISV/OEM Setembro 09, 2014 Copyright 2014 Oracle and/or its affiliates. All rights reserved. Visão Corporativa

Leia mais

Banco de Dados. 13 - Arquiteturas para SGBDs

Banco de Dados. 13 - Arquiteturas para SGBDs Banco de Dados 13 - Arquiteturas para SGBDs 1 Tópicos Caracterização de SGBDs SGBDs Centralizados SGBDs Cliente-Servidor SGBDs Distribuídos Homogêneos Multi-SGBDs Heterogêneos SGBDs Paralelos SGBDs e a

Leia mais

Modelo Cliente/Servidor Por HIARLY ALVES

Modelo Cliente/Servidor Por HIARLY ALVES UNICE Ensino Superior Linguagem de Programação Ambiente Cliente Servidor. Modelo Cliente/Servidor Por HIARLY ALVES Fortaleza - CE CONCEITOS Cliente x Servidor. Cliente É um programa (software) executado

Leia mais

Quando se seleciona os modos OS ou XML, arquivos são criados com os registros de auditoria, eles se localizam parâmetro audit_file_dest.

Quando se seleciona os modos OS ou XML, arquivos são criados com os registros de auditoria, eles se localizam parâmetro audit_file_dest. Auditoria é a habilidade do banco de dados Oracle poder gerar logs de auditoria (XML, tabelas, arquivos de SO, ) em atividades suspeitas do usuário, como por exemplo: monitorar o que um determinado usuário

Leia mais

Controle de transações em SQL

Controle de transações em SQL Transações Controle de transações em SQL Uma transação é implicitamente iniciada quando ocorre uma operação que modifica o banco de dados (INSERT, UPDATE ou DELETE). Uma transação pode terminar normalmente

Leia mais

Prof.: Clayton Maciel Costa clayton.maciel@ifrn.edu.br

Prof.: Clayton Maciel Costa clayton.maciel@ifrn.edu.br Programação com acesso a BD Prof.: Clayton Maciel Costa clayton.maciel@ifrn.edu.br 1 Modelos de Dados, Esquemas e Instâncias 2 Modelos de Dados, Esquemas e Instâncias Modelo de dados: Conjunto de conceitos

Leia mais

Oracle Performance Diagnostics & Tuning Ricardo Portilho Proni

Oracle Performance Diagnostics & Tuning Ricardo Portilho Proni Oracle Performance Diagnostics & Tuning Ricardo Portilho Proni Mitificação Métodos antigos o o o o o o Experiência Intuição Imprecisão Tempo Sorte Recursos Top Tuning Verificar maior consumidor de CPU

Leia mais

O que são Bancos de Dados?

O que são Bancos de Dados? SQL Básico Liojes de Oliveira Carneiro professor.liojes@gmail.com www.professor-liojes.blogspot.com O que são Bancos de Dados? É o software que armazena, organiza, controla, trata e distribui os dados

Leia mais

Projeto de Banco de Dados: Empresa X

Projeto de Banco de Dados: Empresa X Projeto de Banco de Dados: Empresa X Modelo de negócio: Empresa X Competências: Analisar e aplicar o resultado da modelagem de dados; Habilidades: Implementar as estruturas modeladas usando banco de dados;

Leia mais

PHP INTEGRAÇÃO COM MYSQL PARTE 1

PHP INTEGRAÇÃO COM MYSQL PARTE 1 INTRODUÇÃO PHP INTEGRAÇÃO COM MYSQL PARTE 1 Leonardo Pereira leonardo@estudandoti.com.br Facebook: leongamerti http://www.estudandoti.com.br Informações que precisam ser manipuladas com mais segurança

Leia mais

Prof. Omero, pág. 63. Banco de Dados InterBase.

Prof. Omero, pág. 63. Banco de Dados InterBase. Prof. Omero, pág. 63 O que é o InterBase? O InterBase é um SGBDR - Sistema Gerenciador de Banco de Dados Cliente/Servidor Relacional 1 que está baseado no padrão SQL ANSI-9, de alta performance, independente

Leia mais

Oracle Audit Vault

<Insert Picture Here> Oracle Audit Vault Oracle Audit Vault Alexandre.Pereira@oracle.com Agenda Solução de Segurança Oracle Autenticação Autorização Privacidade e Integridade Auditoria Solução de Segurança Oracle Segurança

Leia mais

AGRADECIMENTOS COMO UTILIZAR ESTE LIVRO 0. INTRODUÇÃO 1

AGRADECIMENTOS COMO UTILIZAR ESTE LIVRO 0. INTRODUÇÃO 1 AGRADECIMENTOS COMO UTILIZAR ESTE LIVRO XV XVII 0. INTRODUÇÃO 1 1. INTRODUÇÃO AO SQL SERVER 2008 5 1.1 A plataforma SQL Server 2008 5 1.2 As potencialidades do SQL Server 2008 6 1.2.1 As novidades 13 1.2.1.1

Leia mais

Banco de Dados Oracle. Faculdade Pernambucana - FAPE

Banco de Dados Oracle. Faculdade Pernambucana - FAPE Faculdade Pernambucana - FAPE Visão Geral dos Componentes Principais da Arquitetura Oracle Servidor Oracle É o nome que a Oracle deu ao seu SGBD. Ele consiste de uma Instância e um Banco de Dados Oracle.

Leia mais

Pedro F. Carvalho Analista de Sistemas contato@pedrofcarvalho.com.br www.pedrofcarvlho.com.br AULA 12 MANUTENÇÃO DE BANCO DE DADOS

Pedro F. Carvalho Analista de Sistemas contato@pedrofcarvalho.com.br www.pedrofcarvlho.com.br AULA 12 MANUTENÇÃO DE BANCO DE DADOS AULA 12 MANUTENÇÃO DE BANCO DE DADOS Estatisticas de Objetos Nível de Tabela DBA_TABLES Numero de Linhas de uma Tabela Numero de Blocos(usados e nunca usados) alocados para a tabela A quantidade de espaço

Leia mais

Banco de Dados Oracle 10g: Introdução à Linguagem SQL

Banco de Dados Oracle 10g: Introdução à Linguagem SQL Oracle University Entre em contato: 0800 891 6502 Banco de Dados Oracle 10g: Introdução à Linguagem SQL Duração: 5 Dias Objetivos do Curso Esta classe se aplica aos usuários do Banco de Dados Oracle8i,

Leia mais

Semana SQL Server 2008: Data Warehousing - Escalabilidade e Performance

Semana SQL Server 2008: Data Warehousing - Escalabilidade e Performance Semana SQL Server 2008: Data Warehousing - Escalabilidade e Performance Page: 1 O que cobriremos? Page: 2 Agenda Page: 3 Escalabilidade e Performance Page: 4 Gerenciando o Tamanho dos Dados no Storage

Leia mais

Bases de Dados Distribuídas

Bases de Dados Distribuídas Introdução Devido ao ambiente de grande competitividade em que as organizações de hoje têm que actuar, estas são forçadas a distribuir-se geograficamente, procurando as condições locais mais favoráveis

Leia mais

Histórico de revisões

Histórico de revisões Histórico de revisões Data Versão Descrição Autor 13/11/2009 1.0 Criação da primeira versão HEngholmJr CONTEÚDO Passos para a instalação do SQL Server O MS SQL Server Conceitos relacionais Bancos de dados

Leia mais

COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS Compreender e utilizar a linguagem SQL, na construção e manutenção de uma base de dados.

COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS Compreender e utilizar a linguagem SQL, na construção e manutenção de uma base de dados. PLANIFICAÇÃO DA DISCIPLINA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 12.ºH CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO MULTIMÉDIA ANO LECTIVO 2013/2014 6. LINGUAGENS DE PROGRAMAÇÃO IV Pré-requisitos: - Planificar e estruturar bases

Leia mais

SQL. Curso Prático. Celso Henrique Poderoso de Oliveira. Novatec

SQL. Curso Prático. Celso Henrique Poderoso de Oliveira. Novatec SQL Curso Prático Celso Henrique Poderoso de Oliveira Novatec 1 Introdução Desde o início da utilização dos computadores, sabemos que um sistema é feito para aceitar entrada de dados, realizar processamentos

Leia mais

Conjunto de conceitos que podem ser usados para descrever a estrutura de um banco de dados

Conjunto de conceitos que podem ser usados para descrever a estrutura de um banco de dados CONCEITOS Modelo de Dados Conjunto de conceitos que podem ser usados para descrever a estrutura de um banco de dados Tipos de dados, relacionamentos e restrições Operações dinâmicas alto nível: ou modelo

Leia mais

Auditoria de sistemas Deixe que seu banco de dados faça o trabalho por você

Auditoria de sistemas Deixe que seu banco de dados faça o trabalho por você Auditoria de sistemas Deixe que seu banco de dados faça o trabalho por você por Cristóferson Guimarães Magalhães Bueno e Odilon Corrêa da Silva 1 O objetivo deste artigo é demonstrar como criar um sistema

Leia mais