SÃO PAULO. COOPERAÇÃO INTERNACIONAL DESCENTRALIZADA NO BRASIL Boas Práticas de Gestão Internacional dos Governos Subnacionais Brasileiros

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SÃO PAULO. COOPERAÇÃO INTERNACIONAL DESCENTRALIZADA NO BRASIL Boas Práticas de Gestão Internacional dos Governos Subnacionais Brasileiros"

Transcrição

1 SÃO PAULO COOPERAÇÃO INTERNACIONAL DESCENTRALIZADA NO BRASIL Boas Práticas de Gestão Internacional dos Governos Subnacionais Brasileiros Dezembro/2013

2 OS DESAFIOS DA NOVA AGENDA MUNDIAL O MUNDO MUDOU

3 O BRASIL MUDOU PARA DENTRO E PARA FORA PIB TRIPLICOU EM 10 ANOS 2000: 640 bi USD 2010: 2,3 tri USD 3ª MAIOR EVOLUÇÃO NOS ÍNDICES EDUCAIONAIS NA ÚLTIMA DÉCADA (PISA) 28 MILHÕES saíram da EXTREMA POBREZA 40 MILHÕES incorporados a CLASSE MÉDIA Taxa de desemprego: 5,3%

4 A URBANIZAÇÃO COMO UM FENÔMENO CONSOLIDADO AMÉRICA LATINA É A SEGUNDA REGIÃO MAIS URBANIZADA DO MUNDO, ATRÁS SOMENTE DA AMÉRICA DO NORTE MAIS DE 80% DA POPULAÇÃO BRASILEIRA JÁ VIVE EM CIDADES

5 ESTADO DE SÃO PAULO 645 Municípios habitantes (estimativa de 2013) 32,6% do PIB Nacional

6 6ª MAIOR REGIÃO METROPOLITANA DO MUNDO

7 39 Municípios REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO

8 ONDE VIVEM 20 MILHÕES DE PESSOAS

9 CIDADE DE SÃO PAULO 7ª maior cidade do MUNDO 11,3 MILHÕES de habitantes 6% da população brasileira PIB: USD 208 milhões 12% do PIB do BRASIL 60% das MULTINACIONAIS 93 CONSULADOS e mais de 40 CÂMARAS DE COMÉRCIO Maior comunidade LIBANESA, ESPANHOLA, JAPONESA e PORTUGUESA fora de seus países de origem 5 REGIÕES 31 SUBPREFEITURAS

10 NÓS SOMOS O QUE MESMO?

11 CENTRO FINANCEIRO

12 CIDADE TECNOLÓGICA

13 CIDADE CULTURAL

14 CIDADE DESIGUAL

15 CIDADE SEGREGADA

16 CIDADE QUE NUNCA DORME

17 CIDADE GASTRONÔMICA

18 Carnaval de Oruro no Memorial da América Latina CIDADE DOS MIL POVOS

19 CIDADE PARTICIPATIVA

20 SOMOS A CIDADE DOS CONTRASTES

21 SOMOS A CIDADE DAS DIVERSIDADES

22 SOMOS A CIDADE DAS PLURALIDADES

23 OS DESAFIOS

24 7,9 MILHÕES DE VIAGENS MOTORIZADAS POR TRANSPORTE PRIVADO

25 10,1 MILHÕES DE VIAGENS MOTORIZADAS POR TRANSPORTE PÚBLICO

26 MORADIAS PRECÁRIAS X POSTOS DE TRABALHO

27 30% DA POPULAÇÃO VIVE EM CONDIÇÕES PRECÁRIAS

28 CIDADE CINZA QUE CRESCEU SOBRE OS SEUS RIOS

29 O QUE BUSCAMOS NO PLANO INTERNACIONAL? COMO A AGENDA INTERNACIONAL PODE INTERAGIR COM AS POLÍTICAS E COM O GOVERNO DA CIDADE? Edifício Copam Centro de São Paulo

30 AÇÕES E PACTOS ESTRATÉGICOS FORTALECIMENTO DA PAUTA SULAMERICANA PARTICIPAÇÃO EM REDES DE CIDADES INTEGRAÇÃO LATIONAMERICANA COOPERAÇÃO TERRITORIAL INTERNACIONAL VALORIZAÇÃO DA COOPERAÇÃO MULTILATERAL PARCERIAS COM ORGANISMOS INTERNACIONAIS INTENSIFICAR COOPERAÇÃO SUL- SUL E COM PAÍSES EM DESENVOLVIMENTO REALIZAÇÃO DE MISSÕES TÉCNICAS CIDADE PALCO DE EVENTOS INTERNACIONAIS ARTICULAÇÃO E PACTUAÇÃO NACIONAIS

31 O PAPEL DA SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS E FEDERATIVAS SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS DESDE 2001 INCORPORAÇÃO DA ÁREA FEDERATIVA EM MAIO/2013 CONSTRUÇÃO DA NARRATIVA SÃO PAULO INTERNACIONAL Viaduto Santa Ifigênia Centro de São Paulo

32 SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS E FEDERATIVAS Secretaria de Negócios Extraordinários XI UNCTAD Primeiro Bureau Executivo de Cidades e Governos Locais Unidos (CGLU) Cúpula Mundial de Prefeitos C40 Secretaria Municipal de Relações Internacionais e Federativas (Lei Municipal nº ) Criação da Secretaria Municipal de Relações Internacionais (Lei Municipal nº ) X Congresso Internacional de Cidades Educadoras Oficialização da candidatura à Expo 2020 Participação na Expo Xangai - Apresentação da Lei Cidade Limpa

33 SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS E FEDERATIVAS AMPLIAÇÃO DAS COMPETÊNCIAS Lei Nº , de 27 de maio de 2013, Art. 223: A Secretaria Municipal de Relações Internacionais e Federativas tem por finalidade promover e coordenar ações conjuntas e de cooperação com a União, os Estados, os Municípios, em especial, os da Região Metropolitana da Grande São Paulo e entes e organizações internacionais e estrangeiros.

34 SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS E FEDERATIVAS Secretário Chefe de Gabinete Secretário Adjunto Administração e Finanças Assessoria Especial Projetos Especiais Cooperação Internacional e Redes de Cidades Assessoria Internacional e Relações Bilaterais Assuntos Metropolitanos Assuntos Federativos Rede de Pontos Focais das Secretarias Municipais

35 O QUE FIZEMOS EM 2013? Ponte Estaiada Zona Sul de São Paulo

36 Missão África EXPO2020 Seminário CEPAL Integração Sulamericana Missão Técnica Santa Fé, Argentina Apresentação São Paulo Cooperação Sul-Sul

37 Visita do Embaixador do Vietnã Congresso Mundial CGLU Rabat, Marrocos Congresso Mundial Metropolis Johanesburgo, África do Sul

38 Reunião do FCCR Mercosul Montevidéu, Uruguai Apresentação São Paulo Rede Metropolis FALP Canoas, Rio Grande do Sul

39 Memorando de Entendimento com OEI Educação, Cultura e Direitos Humanos Memorando de Entendimento com Sistema ONU

40 Apresentação do Projeto Campanha de Candidatura Expo 2020 Simpósio São Paulo Campanha de Candidatura Expo 2020

41 Encontro com François Hollande Campanha de Candidatura Expo 2020 Missão Técnica Itália

42 Memorando de Entendimento com OIT Trabalho Decente em São Paulo Participação no Fórum Social Mundial Túnis, Tunísia

43 OS PRÓXIMOS PASSOS HABITAT III TERRITÓRIO AGENDA URBANA METROPOLIZAÇÃO GOVERNANÇA LOCAL Favela de Taipas (Vista Alegre) Zona Norte de São Paulo

44 OBRIGADO! Auditório do ibirapuera Zona Sul de São Paulo

Agenda Federativa - Setembro 2015

Agenda Federativa - Setembro 2015 1 9 09 e 10 10 e 11 Seminário sobre Direito à Moradia Instrumentos Múltiplos e Visões Plúrimas Apresentação do resultado da pesquisa Não Tinha Teto, Não Tinha Nada Porque os Instrumentos de Regularização

Leia mais

CALENDÁRIO INTERNACIONAL SAF/SRI/PR - 2 0 1 5

CALENDÁRIO INTERNACIONAL SAF/SRI/PR - 2 0 1 5 JANEIRO CALENDÁRIO INTERNACIONAL SAF/SRI/PR - 2 0 1 5 19 a 21: I Reunião ( Stocktaking ) do processo de negociações intergovernamentais da Agenda Pós-2015. Local: Nova Iorque, EUA. 27 a 29: I Sessão de

Leia mais

DECLARAÇÃO DE BRASÍLIA

DECLARAÇÃO DE BRASÍLIA DECLARAÇÃO DE BRASÍLIA Os Governadores e Governadoras, Intendentas e Intendentes, Prefeitas e Prefeitos do MERCOSUL reunidos no dia 16 de julho de 2015, na cidade de Brasília DF, por meio do Foro Consultivo

Leia mais

DOCUMENTO DE INFORMAÇÃO DO II FORO MUNDIAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO LOCAL

DOCUMENTO DE INFORMAÇÃO DO II FORO MUNDIAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO LOCAL DOCUMENTO DE INFORMAÇÃO DO II FORO MUNDIAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO LOCAL ÍNDICE 1. ANTECEDENTES... 2 2. ORGANIZADORES... 2 3. OBJETIVOS DO FÓRUM... 4 4. PARTICIPANTES... 5 5. PROGRAMA E CONTEÚDOS...

Leia mais

Organizado pelo Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior do Brasil.

Organizado pelo Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior do Brasil. O QUE É O ENCOMEX Evento referência de comércio exterior no Brasil: 11 anos de eventos 131 edições realizadas 79.500 participantes Organizado pelo Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior

Leia mais

2 0 1 4 CALENDÁRIO INTERNACIONAL SAF/SRI/PR

2 0 1 4 CALENDÁRIO INTERNACIONAL SAF/SRI/PR 2 0 1 4 CALENDÁRIO INTERNACIONAL SAF/SRI/PR JANEIRO 21 a 26: Fórum Social Mundial Temático Local: Porto Alegre/RS. 22 a 24: União Nacional dos Prefeitos dos Estados Unidos - USCM 82º Winter Meeting. Local:

Leia mais

Acordo-Quadro de Associação entre o MERCOSUL e a República do Suriname

Acordo-Quadro de Associação entre o MERCOSUL e a República do Suriname Acordo-Quadro de Associação entre o MERCOSUL e a República do Suriname A República Argentina, a República Federativa do Brasil, a República do Paraguai, a República Oriental do Uruguai, a República Bolivariana

Leia mais

Instituto Ethos. de Empresas e Responsabilidade Social. Emilio Martos Gerente Executivo de Relacionamento Empresarial

Instituto Ethos. de Empresas e Responsabilidade Social. Emilio Martos Gerente Executivo de Relacionamento Empresarial Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social Emilio Martos Gerente Executivo de Relacionamento Empresarial Missão do Instituto Ethos Mobilizar, sensibilizar e ajudar as empresas a gerir seus negócios

Leia mais

RELATÓRIO DA OFICINA DE PAÍSES FEDERATIVOS E DA AMÉRICA DO NORTE. (Apresentado pelo Brasil)

RELATÓRIO DA OFICINA DE PAÍSES FEDERATIVOS E DA AMÉRICA DO NORTE. (Apresentado pelo Brasil) TERCEIRA REUNIÃO DE MINISTROS E AUTORIDADES DE OEA/Ser.K/XXXVII.3 ALTO NÍVEL RESPONSÁVEIS PELAS POLÍTICAS DE REDMU-III/INF. 4/05 DESCENTRALIZAÇÃO, GOVERNO LOCAL E PARTICIPAÇÃO 28 outubro 2005 DO CIDADÃO

Leia mais

Documento referencial: uma contribuição para o debate

Documento referencial: uma contribuição para o debate Documento referencial: uma contribuição para o debate desenvolvimento integração sustentável participação fronteiriça cidadã 1. Propósito do documento O presente documento busca estabelecer as bases para

Leia mais

Boas Práticas de Gestão Internacional dos Governos Subnacionais Brasileiros

Boas Práticas de Gestão Internacional dos Governos Subnacionais Brasileiros Encontro Cooperação Internacional Descentralizada do Brasil Boas Práticas de Gestão Internacional dos Governos Subnacionais Brasileiros Prefeitura de Belo Horizonte Histórico das Relações Internacionais

Leia mais

Rumo à Conferência Habitat III

Rumo à Conferência Habitat III Rumo à Conferência Habitat III C O M I T Ê D E A C O M P A N H A M E N T O D O P L A N O D I R E T O R 1 1 d e f e v e r e i r o d e 2 0 1 5 Aumento da população urbana 2 Habitat I Primeira Conferência

Leia mais

Associação sem fins lucrativos, fundada em 1998, por um grupo de 11 empresários; 1475 associados: empresas de diferentes setores e portes.

Associação sem fins lucrativos, fundada em 1998, por um grupo de 11 empresários; 1475 associados: empresas de diferentes setores e portes. Instituto Ethos Associação sem fins lucrativos, fundada em 1998, por um grupo de 11 empresários; 1475 associados: empresas de diferentes setores e portes. MISSÃO: Mobilizar, sensibilizar e ajudar as empresas

Leia mais

Governança social integrada e desenvolvimento local: o plano de desenvolvimento sustentável da Costa das Baleias - Bahia

Governança social integrada e desenvolvimento local: o plano de desenvolvimento sustentável da Costa das Baleias - Bahia Governança social integrada e desenvolvimento local: o plano de desenvolvimento sustentável da Costa das Baleias - Bahia 25/06/ 2013 1 Contexto Região, situada ao Extremo Sul da Bahia, necessita de um

Leia mais

#InternacionalizaBH. Fotos: Belotour

#InternacionalizaBH. Fotos: Belotour #InternacionalizaBH Fotos: Belotour Programação 9 de Dezembro 10 de Dezembro 11 de Dezembro 12 de Dezembro 13 de Dezembro Manhã Tarde Noite ABERTURA CONJUNTA JANTAR COQUETEL Fórum Nacional de Secretários

Leia mais

Fomento à Inovação e Negócios em Ciências da Vida em Belo Horizonte

Fomento à Inovação e Negócios em Ciências da Vida em Belo Horizonte Fomento à Inovação e Negócios em Ciências da Vida em Belo Horizonte Atração de Investimentos, Promoção Comercial e Projeção Internacional Eduardo Bernis Secretaria Municipal de Desenvolvimento Belo Horizonte

Leia mais

29 e 30 de maio de 2014

29 e 30 de maio de 2014 29 e 30 de maio de 2014 PARQUE TECNOLÓGICO DE ITAIPU FOZ DO IGUAÇU Secretaria de Relações Institucionais REALIZAÇÃO APOIO REALIZAÇÃO Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República Secretaria

Leia mais

ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS. Chyara Sales Pereira Dezembro de 2013

ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS. Chyara Sales Pereira Dezembro de 2013 ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS Chyara Sales Pereira Dezembro de 2013 Governo de Minas ASSESSORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS Atua na coordenação das Relações Internacionais

Leia mais

Ministério das Cidades MCidades

Ministério das Cidades MCidades Ministério das Cidades MCidades Objetivos de Desenvolvimento Sustentável ODS São Paulo, 02 de junho de 2014 Roteiro 1. O processo de urbanização no Brasil: histórico. 2. Avanços institucionais na promoção

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA PROJETOS FRANCO-BRASILEIROS DE COOPERAÇÃO DESCENTRALIZADA TRILATERAL EM BENEFÍCIO DO HAITI E DO CONTINENTE AFRICANO

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA PROJETOS FRANCO-BRASILEIROS DE COOPERAÇÃO DESCENTRALIZADA TRILATERAL EM BENEFÍCIO DO HAITI E DO CONTINENTE AFRICANO EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA PROJETOS FRANCO-BRASILEIROS DE COOPERAÇÃO DESCENTRALIZADA TRILATERAL EM BENEFÍCIO DO HAITI E DO CONTINENTE AFRICANO I. CONTEXTO Em junho de 2010, realizou-se, no Palácio do Itamaraty,

Leia mais

Fórum de Diálogo IBAS

Fórum de Diálogo IBAS Fórum de Diálogo IBAS, e do Sul Integração SUL-SUL Fórum de Mulheres FÓRUM De DIÁLOGO IBAS, e do Sul O Fórum IBAS é uma iniciativa trilateral entre, e do Sul, desenvolvida para promover a cooperação Sul-

Leia mais

Plataforma de Cooperação da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) na Área Ambiental

Plataforma de Cooperação da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) na Área Ambiental Plataforma de Cooperação da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) na Área Ambiental I. Contexto Criada em 1996, a reúne atualmente oito Estados Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique,

Leia mais

XV Marcha a Brasília em defesa dos municípios

XV Marcha a Brasília em defesa dos municípios XV Marcha a Brasília em defesa dos municípios XV Marcha a Brasília em defesa dos municípios 1.Programação 2.Problemas 3.Possíveis anúncios (retirado) 4.Produtos Programação Tema: O Poder local na construção

Leia mais

MERCOCIUDADES / UNIDADE TEMÁTICA DE TURISMO / ATA Nº 02/2011 REUNIÃO DA UNIDADE TEMÁTICA DE TURISMO DA REDE MERCOCIDADES

MERCOCIUDADES / UNIDADE TEMÁTICA DE TURISMO / ATA Nº 02/2011 REUNIÃO DA UNIDADE TEMÁTICA DE TURISMO DA REDE MERCOCIDADES MERCOCIUDADES / UNIDADE TEMÁTICA DE TURISMO / ATA Nº 02/2011 REUNIÃO DA UNIDADE TEMÁTICA DE TURISMO DA REDE MERCOCIDADES Celebrou-se na cidade de Porto Alegre, RS, Brasil, entre os dias 03 e 04 do mês

Leia mais

CARTA DO PARANÁ DE GOVERNANÇA METROPOLITANA

CARTA DO PARANÁ DE GOVERNANÇA METROPOLITANA CARTA DO PARANÁ DE GOVERNANÇA METROPOLITANA Em 22 e 23 de outubro de 2015, organizado pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano SEDU, por meio da Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba COMEC,

Leia mais

ROSÁRIO MARQUES Internacionalizar para a Colômbia Encontro Empresarial GUIMARÃES 19/09/2014

ROSÁRIO MARQUES Internacionalizar para a Colômbia Encontro Empresarial GUIMARÃES 19/09/2014 ROSÁRIO MARQUES Internacionalizar para a Colômbia Encontro Empresarial GUIMARÃES 19/09/2014 REPÚBLICA DA COLÔMBIA POPULAÇÃO 48 Milhões SUPERFÍCIE 1.141.748 Km2 CAPITAL Bogotá 7,3 milhões PRINCIPAIS CIDADES

Leia mais

A REGIÃO METROPOLITA NA NA REVISÃO DO PLANO DIRETOR DE CURITIBA

A REGIÃO METROPOLITA NA NA REVISÃO DO PLANO DIRETOR DE CURITIBA A REGIÃO METROPOLITA NA NA REVISÃO DO PLANO DIRETOR DE CURITIBA SITUAÇÃO ATUAL INTEGRAÇÃO METROPOLITANA NA LEI ORGÂNICA DE CURITIBA TÍTULO IV - DA ORDEM ECONÔMICA E SOCIAL CAPÍTULO I - DA ORDEM ECONÔMICA

Leia mais

Programa de Parceira Brasil-OIT para a Promoção da Cooperação Sul-Sul VI Reunião Anual Programa de Cooperação Sul-Sul Brasil-OIT

Programa de Parceira Brasil-OIT para a Promoção da Cooperação Sul-Sul VI Reunião Anual Programa de Cooperação Sul-Sul Brasil-OIT VI Reunião Anual Programa de Cooperação Sul-Sul Brasil-OIT Brasília, 16 de maio de 2012 Março/2009: definição do marco jurídico e institucional do Programa de Parceria: Ajuste Complementar assinado pelo

Leia mais

Agenda Nacional de Trabalho Decente

Agenda Nacional de Trabalho Decente Agenda Nacional de Trabalho Decente Brasília, 2006 Sumário Gerar Trabalho Decente para Combater a Pobreza e as Desigualdades Sociais A. Antecedentes...5 B. Prioridades...9 B.1. Prioridade 1: Gerar mais

Leia mais

Copa do Mundo 2014: ações da Prefeitura de São Paulo. 12ª Câmara Temática de Transparência Copa 2014

Copa do Mundo 2014: ações da Prefeitura de São Paulo. 12ª Câmara Temática de Transparência Copa 2014 : ações da Prefeitura de São Paulo 12ª Câmara Temática de Transparência Copa 2014 Copa em São Paulo: a gestão municipal SPCOPA: Comitê Integrado de Gestão Governamental Especial para a Copa do Mundo de

Leia mais

Mobilização e Participação Social no

Mobilização e Participação Social no SECRETARIA-GERAL DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME Mobilização e Participação Social no Plano Brasil Sem Miséria 2012 SUMÁRIO Introdução... 3 Participação

Leia mais

Mercocidades/ UTDEL/ ES/ Ata Nº 01/ 2010

Mercocidades/ UTDEL/ ES/ Ata Nº 01/ 2010 Mercocidades/ UTDEL/ ES/ Ata Nº 01/ 2010 Reunião da Unidade Temática de Desenvolvimento Econômico Local (UTDEL) Belo Horizonte, 01 de dezembro de 2010. No dia 01 de dezembro de 2010, foi realizada a Reunião

Leia mais

Rio de Janeiro: o melhor lugar para a sua empresa no Brasil

Rio de Janeiro: o melhor lugar para a sua empresa no Brasil Rio de Janeiro: o melhor lugar para a sua empresa no Brasil Thayne Garcia, Assessora-Chefe de Comércio e Investimentos (tgarcia@casacivil.rj.gov.br) Luciana Benamor, Assessora de Comércio e Investimentos

Leia mais

Presidência da República Federativa do Brasil. Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial

Presidência da República Federativa do Brasil. Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial Presidência da República Federativa do Brasil Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial A SEPPIR CRIAÇÃO A Seppir (Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial)

Leia mais

A Cooperação UE no Estado de São Paulo

A Cooperação UE no Estado de São Paulo A Cooperação UE no Estado de São Paulo Informações gerais: Superficië (km²): 248.209,426 População (IBGE 2012): 41.901.219 Produto Interno Bruto - PIB (2008) em R$ milhões: 1.003.016 Indice de Desenvolvimento

Leia mais

XXVI CONGRESSO DE SECRETÁRIOS MUNICIPAIS DE SAÚDE DO ESTADO DE SÃO PAULO. Curso Consórcios Públicos Características e Desafios

XXVI CONGRESSO DE SECRETÁRIOS MUNICIPAIS DE SAÚDE DO ESTADO DE SÃO PAULO. Curso Consórcios Públicos Características e Desafios XXVI CONGRESSO DE SECRETÁRIOS MUNICIPAIS DE SAÚDE DO ESTADO DE SÃO PAULO Curso Consórcios Públicos Características e Desafios Apresentação do Observatório dos Consórcios Públicos e do Federalismo OCPF

Leia mais

Visão para o Rio Rede das Redes Projetos Transformadores / Negócios

Visão para o Rio Rede das Redes Projetos Transformadores / Negócios PROJETO 2015-2017 O Projeto Associação Comercial do Rio de Janeiro 2015 2017 consiste em um conjunto de conceitos, diretrizes e convergências de ações que vão orientar a atuação da ACRio para os próximos

Leia mais

Agenda Regional de Desenvolvimento Sustentável Eixo 4: Gestão Regional Integrada

Agenda Regional de Desenvolvimento Sustentável Eixo 4: Gestão Regional Integrada Agenda Regional de Desenvolvimento Sustentável Eixo 4: Gestão Regional Integrada 1 O Projeto Litoral Sustentável 1ª Fase (2011/2012): Diagnósticos municipais (13 municípios) Diagnóstico regional (Já integralmente

Leia mais

PERNAMBUCO SECRETARIA EXECUTIVA DE ARTICULAÇÃO INTERNACIONAL

PERNAMBUCO SECRETARIA EXECUTIVA DE ARTICULAÇÃO INTERNACIONAL PERNAMBUCO SECRETARIA EXECUTIVA DE ARTICULAÇÃO INTERNACIONAL Localização Estratégica Localização Estratégica 350 km 4 capitais de estado 3 aeroportos internacionais 2 aeroportos regionais 4 portos internacionais

Leia mais

Informe das atividades da Presidência Pro Tempore do Brasil PPTB 2015. Brasília- DF 16 de julho de 2015

Informe das atividades da Presidência Pro Tempore do Brasil PPTB 2015. Brasília- DF 16 de julho de 2015 Informe das atividades da Presidência Pro Tempore do Brasil PPTB 2015 Brasília- DF 16 de julho de 2015 Assuntos desenvolvidos na PPTB Agenda pós-2015 e Habitat III; Colóquios Sul-americanos de Cidades

Leia mais

ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE COREMAS-PB GABINETE DO PREFEITO

ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE COREMAS-PB GABINETE DO PREFEITO ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE COREMAS-PB GABINETE DO PREFEITO Lei complementar nº 109/2014 Coremas-PB, 10 de dezembro de 2014. Altera a Lei nº 74/2013, desmembrando a Secretaria de Juventude

Leia mais

Fundação SEADE. www.seade.gov.br

Fundação SEADE. www.seade.gov.br Outubro de 0 N o Monitoramento das metas dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio ODMs Consulte A Fundação Seade disponibilizará, anualmente, as séries históricas do conjunto de indicadores dos ODMs

Leia mais

FINANCIAMENTO DO DESENVOLVIMENTO URBANO

FINANCIAMENTO DO DESENVOLVIMENTO URBANO FINANCIAMENTO DO DESENVOLVIMENTO URBANO As condições para o financiamento do desenvolvimento urbano estão diretamente ligadas às questões do federalismo brasileiro e ao desenvolvimento econômico. No atual

Leia mais

Foto: Por gelinh. Flickr Creative Commons. Programa Cidades Sustentáveis

Foto: Por gelinh. Flickr Creative Commons. Programa Cidades Sustentáveis Foto: Por gelinh. Flickr Creative Commons Programa Cidades Sustentáveis CONTEXTO No Mundo Atualmente: mais da metade da humanidade já vive em cidades 2030: 60% e 2050: 70% (ONU) Emissões de gases de efeito

Leia mais

Agenda Federativa - Novembro 2015

Agenda Federativa - Novembro 2015 Agenda Federativa - Novembro 2015 3 a 6 5ª Conferência Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, com o tema Comida de verdade no campo e na cidade: por direitos e soberania alimentar de 03 a 06 de

Leia mais

PROJETO SEMANA CULTURA VIVA 10 ANOS DE CIDADANIA E DIVERSIDADE CULTURAL

PROJETO SEMANA CULTURA VIVA 10 ANOS DE CIDADANIA E DIVERSIDADE CULTURAL MINISTÉRIO DA CULTURA SECRETARIA DA CIDADANIA E DA DIVERSIDADE CULTURAL PROJETO SEMANA CULTURA VIVA 10 ANOS DE CIDADANIA E DIVERSIDADE CULTURAL Brasília, Novembro de 2014. APRESENTAÇÃO A primeira Semana

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Local de atuação: Brasília/DF com disponibilidade para viagens.

TERMO DE REFERÊNCIA. Local de atuação: Brasília/DF com disponibilidade para viagens. TERMO DE REFERÊNCIA Denominação: Consultor(a) para atuação na área de política internacional, intercâmbio internacional de experiências em políticas de desenvolvimento rural e atividades de cooperação

Leia mais

RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL

RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL UNITAU - Universidade de Taubaté CBH-PS Comitê de Bacias Hidrográficas do Rio Paraíba do Sul Trabalho realizado

Leia mais

PROGRAMA URB-AL O ACESSO AO SOLO E À HABITAÇÃO SOCIAL EM CIDADES GRANDES DE REGIÕES METROPOLITANAS DA AMÉRICA LATINA E EUROPA.

PROGRAMA URB-AL O ACESSO AO SOLO E À HABITAÇÃO SOCIAL EM CIDADES GRANDES DE REGIÕES METROPOLITANAS DA AMÉRICA LATINA E EUROPA. PROGRAMA URB-AL REDE 7: GESTÃO E CONTROLE DA METROPOLIZAÇÃO Título (projeto comum do tipo A) O ACESSO AO SOLO E À HABITAÇÃO SOCIAL EM CIDADES GRANDES DE REGIÕES METROPOLITANAS DA AMÉRICA LATINA E EUROPA.

Leia mais

XX REUNIÃO ESPECIALIZADA DA MULHER DO MERCOSUL ANEXO III. Memória da Reunião

XX REUNIÃO ESPECIALIZADA DA MULHER DO MERCOSUL ANEXO III. Memória da Reunião XX REUNIÃO ESPECIALIZADA DA MULHER DO MERCOSUL ANEXO III Memória da Reunião Realizou-se na cidade de Brasília, República Federativa do Brasil, dias 29 e 30 de outubro de 2008, a XX Reunião Especializada

Leia mais

PROJETO DE COOPERAÇÃO FACES DO BRASIL/ AGÊNCIAS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL E NACIONAL PARA A IMPLEMENTAÇÃO DO COMÉRCIO ÉTICO E SOLIDÁRIO DO BRASIL

PROJETO DE COOPERAÇÃO FACES DO BRASIL/ AGÊNCIAS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL E NACIONAL PARA A IMPLEMENTAÇÃO DO COMÉRCIO ÉTICO E SOLIDÁRIO DO BRASIL PROJETO DE COOPERAÇÃO FACES DO BRASIL/ AGÊNCIAS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL E NACIONAL PARA A IMPLEMENTAÇÃO DO COMÉRCIO ÉTICO E SOLIDÁRIO DO BRASIL Brasil, outubro de 2004 1 ÍNDICE JUSTIFICATIVA... 3 OBJETIVO...

Leia mais

Ministério do Desenvolvimento Agrário

Ministério do Desenvolvimento Agrário Ministério do Desenvolvimento Agrário MISSÃO Promover a política de desenvolvimento do Brasil rural, a democratização do acesso à terra, a gestão territorial da estrutura fundiária, a inclusão produtiva

Leia mais

Ministério da Cultura

Ministério da Cultura SISTEMA NACIONAL DE CULTURA Processo de articulação, gestão, comunicação e de promoção conjunta de políticas públicas de cultura, mediante a pactuação federativa. Objetivo Geral do SNC Implementar políticas

Leia mais

COOPERAÇÃO SUL SUL INSPEÇÃO DO TRABALHO. Brasília, 7 de dezembro de 2010

COOPERAÇÃO SUL SUL INSPEÇÃO DO TRABALHO. Brasília, 7 de dezembro de 2010 COOPERAÇÃO SUL SUL SEMINARIO BOAS PRÁTICAS NA INSPEÇÃO DO TRABALHO Brasília, 7 de dezembro de 2010 ESQUEMA DA APRESENTAÇÃO 1. O que se entende por Cooperação Sul-Sul 2. Princípios da Cooperação Sul-Sul

Leia mais

modelo EMBARQ de parceria para a mobilidade sustentável Luis Antonio Lindau Presidente

modelo EMBARQ de parceria para a mobilidade sustentável Luis Antonio Lindau Presidente Governos Municipais e Terceiro Setor: modelo EMBARQ de parceria para a mobilidade sustentável EMBARQ Brasil Luis Antonio Lindau Presidente BRASIL População: 190 milhões 84% urbana HDI 0,718 = 84ª posição

Leia mais

Lei nº 17773 DE 29/11/2013

Lei nº 17773 DE 29/11/2013 Lei nº 17773 DE 29/11/2013 Norma Estadual - Paraná Publicado no DOE em 02 dez 2013 Dispõe sobre o Sistema Unificado Estadual de Sanidade Agroindustrial Familiar, Artesanal e de Pequeno Porte - SUSAF-PR.

Leia mais

Síntese do planejamento e os impactos para o país com a Copa do Mundo 2014

Síntese do planejamento e os impactos para o país com a Copa do Mundo 2014 Code-P0 Síntese do planejamento e os impactos para o país com a Copa do Mundo 2014 Encontro Nacional - Abracen Eventos Esportivos e os Impactos para o país São Paulo, 7 de março de 2012 Code-P1 O Brasil

Leia mais

Luiz Carlos T. de Carvalho Assessor Chefe de Comércio e Investimentos Subsecretaria de Relações Internacionais Secretaria de Estado da Casa Civil

Luiz Carlos T. de Carvalho Assessor Chefe de Comércio e Investimentos Subsecretaria de Relações Internacionais Secretaria de Estado da Casa Civil Luiz Carlos T. de Carvalho Assessor Chefe de Comércio e Investimentos Subsecretaria de Relações Internacionais Secretaria de Estado da Casa Civil Governo do Estado do Rio de Janeiro A SUBSECRETARIA DE

Leia mais

IV REUNIÃO ORDINÁRIA DO FORO CONSULTIVO DE MUNICÍPIOS, ESTADOS FEDERADOS, PROVÍNCIAS E DEPARTAMENTOS

IV REUNIÃO ORDINÁRIA DO FORO CONSULTIVO DE MUNICÍPIOS, ESTADOS FEDERADOS, PROVÍNCIAS E DEPARTAMENTOS MERCOSUL/FCCR /ATA N 02/08 IV REUNIÃO ORDINÁRIA DO FORO CONSULTIVO DE MUNICÍPIOS, ESTADOS FEDERADOS, PROVÍNCIAS E DEPARTAMENTOS Realizou-se em Costa do Sauípe- Bahia, República Federativa do Brasil, na

Leia mais

AGENDA 21 LOCAL. Como construir a Agenda 21 Local

AGENDA 21 LOCAL. Como construir a Agenda 21 Local AGENDA 21 LOCAL Como construir a Agenda 21 Local O Passo a Passo da Agenda 21 Local : Metodologia de construção de um processo de Agenda 21 local sugerida pela Coordenação da Agenda 21/MMA AGENDA 21 LOCAL

Leia mais

ANEXO I QUADRO COMPARATIVO DOS GOVERNOS LULA E fhc

ANEXO I QUADRO COMPARATIVO DOS GOVERNOS LULA E fhc ANEXO I QUADRO COMPARATIVO DOS GOVERNOS LULA E fhc Mercadante_ANEXOS.indd 225 10/4/2006 12:00:02 Mercadante_ANEXOS.indd 226 10/4/2006 12:00:02 QUADRO COMPARATIVO POLÍTICA EXTERNA Fortalecimento e expansão

Leia mais

Contextos da Educação Ambiental frente aos desafios impostos. Núcleo de Educação Ambiental Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro

Contextos da Educação Ambiental frente aos desafios impostos. Núcleo de Educação Ambiental Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro Contextos da Educação Ambiental frente aos desafios impostos pelas mudanças climáticas Maria Teresa de Jesus Gouveia Núcleo de Educação Ambiental Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro

Leia mais

CIAPLEM COMISSÃO INTEGRADORA DAS ASSOCIAÇÕES DE PROFESSORES DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS MODERNAS

CIAPLEM COMISSÃO INTEGRADORA DAS ASSOCIAÇÕES DE PROFESSORES DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS MODERNAS CIAPLEM COMISSÃO INTEGRADORA DAS ASSOCIAÇÕES DE PROFESSORES DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS MODERNAS CIAPLEM - Fundada em de janeiro de 1997 - Formada pela: ARPA - ASSOCIAÇÃO PROFESSORES DE ALEMÃO ARPI - ASSOCIAÇÃO

Leia mais

Secretária Nacional de Habitação Ministério das Cidades. Porto Alegre, 23 de novembro de 2011 10º Congresso Mundial de Metrópoles

Secretária Nacional de Habitação Ministério das Cidades. Porto Alegre, 23 de novembro de 2011 10º Congresso Mundial de Metrópoles COOPERAÇÃO DAS CIDADES BRASILEIRAS PARA REDUÇÃO DA POBREZA URBANA MESA 2: PARCERIAS PARA APOIAR AS ESTRATÉGIAS DOS DIRIGENTES LOCAIS Inês Magalhães Secretária Nacional de Habitação Ministério das Cidades

Leia mais

Síntese e Resultados. III Conferência das Nações Unidas para a Redução do Risco de Desastres. 14-18 Março de 2015, Sendai, Japão

Síntese e Resultados. III Conferência das Nações Unidas para a Redução do Risco de Desastres. 14-18 Março de 2015, Sendai, Japão Síntese e Resultados III Conferência das Nações Unidas para a Redução do Risco de Desastres 14-18 Março de 2015, Sendai, Japão Resultados & Avanços Resultados Implementaçao de Hyogo revista e avaliada*

Leia mais

Agosto. São Paulo Brasil. connectedsmartcities.com.br

Agosto. São Paulo Brasil. connectedsmartcities.com.br 03 a 05 Agosto 2015 São Paulo Brasil connectedsmartcities.com.br Por que Connected Smart Cities? As grandes e modernas cidades são, talvez, as mais importantes realizações do homem, por serem responsáveis,

Leia mais

Agenda Internacional 2009

Agenda Internacional 2009 Agenda Internacional 2009 CNI: estratégia institucional Visão Estratégica Mapa Estratégico Uma visão sobre o futuro do país e da indústria (2007-2015) Identifica prioridades estratégicas Participação de

Leia mais

GUIA DO PRÊMIO ODM BRASIL

GUIA DO PRÊMIO ODM BRASIL GUIA DO PRÊMIO ODM BRASIL 4ª Edição QUANDO O BRASIL SE JUNTA, TODO MUNDO GANHA. Secretaria-Geral da Presidência da República Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) Movimento Nacional

Leia mais

Monitor da Percepção Internacional do Brasil. Setembro de 2011

Monitor da Percepção Internacional do Brasil. Setembro de 2011 Monitor da Percepção Internacional do Brasil MPI-BR Setembro de 11 Sumário Metodologia do Monitor da Percepção Internacional do Brasil Índices de avaliação de agentes internacionais sobre o Brasil em aspectos

Leia mais

Responsabilidades e desafios do setor público quanto ao direito à educação

Responsabilidades e desafios do setor público quanto ao direito à educação Responsabilidades e desafios do setor público quanto ao direito à educação Cleuza Rodrigues Repulho Dirigente Municipal de Educação de São Bernardo do Campo/ SP Presidenta da Undime A Undime como organização

Leia mais

Sr. Diretor Executivo do Habitat das Nações Unidas, Joan Clos, Sr. Presidente de Cidades e Governos Locais Unidos, Kadir Topbas,

Sr. Diretor Executivo do Habitat das Nações Unidas, Joan Clos, Sr. Presidente de Cidades e Governos Locais Unidos, Kadir Topbas, Discurso do Sr. Sebastião Almeida Prefeito de Guarulhos Brasil Nova Iorque 23 de abril de 2012 Senhor Secretário-Geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, Sr. Diretor Executivo do Habitat das Nações Unidas,

Leia mais

NÚCLEO NÓS PODEMOS BAHIA. Plano de Ação. Articular e integrar os segmentos da sociedade e recursos para desenvolver ações que contribuam

NÚCLEO NÓS PODEMOS BAHIA. Plano de Ação. Articular e integrar os segmentos da sociedade e recursos para desenvolver ações que contribuam NÚCLEO NÓS PODEMOS BAHIA Plano de Ação A - MISSÃO Articular e integrar os segmentos da sociedade e recursos para desenvolver ações que contribuam diretamente para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento

Leia mais

TURISMO. o futuro, uma viagem...

TURISMO. o futuro, uma viagem... TURISMO o futuro, uma viagem... PLANO NACIONAL DO TURISMO 2007-2010 OBJETIVOS Desenvolver o produto turístico brasileiro com qualidade, contemplando nossas diversidades regionais, culturais e naturais.

Leia mais

AGENDA MINEIRA DO TRABALHO DECENTE

AGENDA MINEIRA DO TRABALHO DECENTE AGENDA MINEIRA DO TRABALHO DECENTE É considerado trabalho decente aquele adequadamente remunerado, exercido em condições de liberdade, equidade e segurança, capaz de garantir uma vida digna. Cenário do

Leia mais

Reformas dos sistemas nacionais de saúde: experiência brasileira 5º Congresso Internacional dos Hospitais

Reformas dos sistemas nacionais de saúde: experiência brasileira 5º Congresso Internacional dos Hospitais Reformas dos sistemas nacionais de saúde: experiência brasileira 5º Congresso Internacional dos Hospitais Carlos Figueiredo Diretor Executivo Agenda Anahp Brasil: contexto geral e econômico Brasil: contexto

Leia mais

F n i a n n a c n i c a i m a en e t n o Foco: Objetivo:

F n i a n n a c n i c a i m a en e t n o Foco: Objetivo: FINANCIAMENTO DO SUAS: GESTÃO MUNICIPAL E AS DESIGUALDADES REGIONAIS Financiamento Foco: competências da gestão municipal, especialmente no enfrentamento das desigualdades regionais exige o debate sobre

Leia mais

XI REUNIÃO DE MINISTROS DAS RELAÇÕES EXTERIORES DOS PAÍSES MEMBROS DA ORGANIZAÇÃO DO TRATADO DE COOPERAÇÃO AMAZÔNICA. (Manaus, 22 de novembro de 2011)

XI REUNIÃO DE MINISTROS DAS RELAÇÕES EXTERIORES DOS PAÍSES MEMBROS DA ORGANIZAÇÃO DO TRATADO DE COOPERAÇÃO AMAZÔNICA. (Manaus, 22 de novembro de 2011) XI REUNIÃO DE MINISTROS DAS RELAÇÕES EXTERIORES DOS PAÍSES MEMBROS DA ORGANIZAÇÃO DO TRATADO DE COOPERAÇÃO AMAZÔNICA (Manaus, 22 de novembro de 2011) COMPROMISSO DE MANAUS Os Ministros das Relações Exteriores

Leia mais

Patrocínio Institucional Parceria Apoio

Patrocínio Institucional Parceria Apoio Patrocínio Institucional Parceria Apoio InfoReggae - Edição 81 O Ajuste Fiscal e as ONGs 08 de maio de 2015 O Grupo AfroReggae é uma organização que luta pela transformação social e, através da cultura

Leia mais

Produção e consumo sustentáveis

Produção e consumo sustentáveis Produção e consumo sustentáveis Fernanda Capdeville Departamento de Produção e Consumo Sustentáveis DPCS Secretaria de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental - SAIC 14 Plenária do Fórum Governamental

Leia mais

Integração Produtiva Brasil/Argentina Setor de Lácteos Cândida Maria Cervieri SECEX/MDIC Brasília, 03 de agosto de 2010

Integração Produtiva Brasil/Argentina Setor de Lácteos Cândida Maria Cervieri SECEX/MDIC Brasília, 03 de agosto de 2010 Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior Secretaria de Comércio Exterior Integração Produtiva Brasil/Argentina Setor de Lácteos Cândida Maria Cervieri SECEX/MDIC Brasília, 03 de agosto

Leia mais

COOPERATIVAS DE TRABALHO

COOPERATIVAS DE TRABALHO I ENCONTRO DE COOPERATIVAS DE TRABALHO Painel: O desenvolvimento das cooperativas de trabalho e a legislação - Lições para as Américas Palestra: A experiência recente no processo de implantação da nova

Leia mais

GOVERNO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DO DESENVOLVIMENTO URBANO SEDURB DIRETORIA DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS

GOVERNO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DO DESENVOLVIMENTO URBANO SEDURB DIRETORIA DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS GOVERNO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DO DESENVOLVIMENTO URBANO SEDURB DIRETORIA DE RELAÇÕES INSTITUCIONAIS Seminário Internacional Planejamento Urbano em Região Metropolitana - O caso de Aracaju Aracaju,

Leia mais

Anexo I. I - Compete ao Chefe da Assessoria Internacional e Cerimonial:

Anexo I. I - Compete ao Chefe da Assessoria Internacional e Cerimonial: Anexo I Competências dos titulares das funções comissionadas da Assessoria Internacional~ Cerimonial da Câmara dos Deputados I - Compete ao Chefe da Assessoria Internacional e Cerimonial: a) supervisionar

Leia mais

O Programa de Fortalecimento Institucional para a Igualdade de Gênero e Raça, Erradicação da Pobreza e Geração de Emprego - GRPE

O Programa de Fortalecimento Institucional para a Igualdade de Gênero e Raça, Erradicação da Pobreza e Geração de Emprego - GRPE O Programa de Fortalecimento Institucional para a Igualdade de Gênero e Raça, Erradicação da Pobreza e Geração de Emprego - GRPE Marcia Vasconcelos - OIT Reunión de Especialistas Género, Probreza, Raza,

Leia mais

POLÍTICA EXTERNA, DEMOCRACIA. DESENVOLVIMENTO

POLÍTICA EXTERNA, DEMOCRACIA. DESENVOLVIMENTO POLÍTICA EXTERNA, DEMOCRACIA. DESENVOLVIMENTO GESTÃO do MÍNÍSTRO CEISO AMORÍM NO itamaraty AqosTO 95A DEZEMBRO 94 / FUNDAÇÃO ALEXANDRE DE GUSMÃO Brasília 1995 Tricentenário do nascimento de Alexandre de

Leia mais

Secretaria de Estado da Cultura

Secretaria de Estado da Cultura Secretaria de Estado da Cultura UPPM Unidade de Preservação do Patrimônio Museológico GTC SISEM-SP Grupo Técnico de Coordenação do Sistema Estadual de Museus de São Paulo MUSEUS E PATRIMÔNIO Os museus

Leia mais

PLANO OPERACIONAL ANUAL E ORÇAMENTO DETALHADO 2013

PLANO OPERACIONAL ANUAL E ORÇAMENTO DETALHADO 2013 PLANO OPERACIONAL ANUAL E ORÇAMENTO DETALHADO 2013 1 Composição Orçamentária ISAGS - 2013 (*) Natureza Valor anual (US$) Percentual Projetos 42,6% 1.001.200,00 Pessoal 37,9% 892.958,00 Gastos Operacionais

Leia mais

Plano de Mobilidade Urbana Sustentável

Plano de Mobilidade Urbana Sustentável Viajeo Plus City Showcase in Latin America Plano de Mobilidade Urbana Sustentável Nívea Oppermann Peixoto, Ms Diretora de Desenvolvimento Urbano EMBARQ Brasil EMBARQ Brasil auxilia governos e empresas

Leia mais

DIRETORIA DE PLANEJAMENTO DIPLA Produtos Fortaleza 2040 Processos Gestão do Plano Fortaleza 2040 Integração de planos setoriais

DIRETORIA DE PLANEJAMENTO DIPLA Produtos Fortaleza 2040 Processos Gestão do Plano Fortaleza 2040 Integração de planos setoriais DIRETORIA DO OBSERVATÓRIO DA GOVERNANÇA DIOBS Produtos Sala Situacional Rede de Salas de Situação Processos Monitoramento Agenda Estratégica Observatório da Governança DIRETORIA DE PLANEJAMENTO DIPLA Produtos

Leia mais

Histórico 2006/ 2010

Histórico 2006/ 2010 Histórico 2006/ 2010 Programa Na Mão Certa O Programa Na Mão Certa, uma iniciativa da Childhood Brasil, que tem como objetivo reunir esforços para mobilizar governos, empresas e organizações da sociedade

Leia mais

PLANO SETORIAL DE DANÇA. DOCUMENTO BASE: Secretaria de Políticas Culturais - SPC Fundação Nacional de Artes FUNARTE Câmaras Setoriais de Dança

PLANO SETORIAL DE DANÇA. DOCUMENTO BASE: Secretaria de Políticas Culturais - SPC Fundação Nacional de Artes FUNARTE Câmaras Setoriais de Dança PLANO SETORIAL DE DANÇA DOCUMENTO BASE: Secretaria de Políticas Culturais - SPC Fundação Nacional de Artes FUNARTE Câmaras Setoriais de Dança MARÇO DE 2009 CAPÍTULO I DO ESTADO FORTALECER A FUNÇÃO DO ESTADO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PASSO FUNDO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO S A DECRETO N.º 36/07

PREFEITURA MUNICIPAL DE PASSO FUNDO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO S A DECRETO N.º 36/07 DECRETO N.º 36/07 CRIA A UNIVERSIDADE POPULAR DE PASSO FUNDO - UP E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PREFEITO MUNICIPAL DE PASSO FUNDO, no uso de suas atribuições legais, de acordo com o disposto no inciso VIII

Leia mais

A PARADIPLOMACIA: CONCEITO E INSERÇÃO DO PROFISSIONAL DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS

A PARADIPLOMACIA: CONCEITO E INSERÇÃO DO PROFISSIONAL DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS A PARADIPLOMACIA: CONCEITO E INSERÇÃO DO PROFISSIONAL DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS Ana Carolina Rosso de Oliveira Bacharel em Relações Internacionais pela Faculdades Anglo-Americano, Foz do Iguaçu/PR Resumo:

Leia mais

NÚCLEOS DE EXTENSÃO EM DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL. PARCERIA MDA / CNPq. Brasília, 13 de maio de 2014

NÚCLEOS DE EXTENSÃO EM DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL. PARCERIA MDA / CNPq. Brasília, 13 de maio de 2014 NÚCLEOS DE EXTENSÃO EM DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL PARCERIA MDA / CNPq Brasília, 13 de maio de 2014 A política de desenvolvimento territorial Desde 2004 a SDT implementa a estratégia de desenvolvimento

Leia mais

Planejamento Urbano Governança Fundiária

Planejamento Urbano Governança Fundiária Planejamento Urbano Governança Fundiária Instrumentos de Gestão, Conflitos Possibilidades de Inclusão Socioespacial Alexandre Pedrozo agosto. 2014 mobiliza Curitiba...... de antes de ontem...... de ontem......

Leia mais

MINISTÉRIO DOS NEGóCIOS ESTRANGEIROS DIRECÇÃO GERAL DOS ASSUNTOS MULTILATERAIS Direcção de Serviços das Organizações Económicas Internacionais

MINISTÉRIO DOS NEGóCIOS ESTRANGEIROS DIRECÇÃO GERAL DOS ASSUNTOS MULTILATERAIS Direcção de Serviços das Organizações Económicas Internacionais MINISTÉRIO DOS NEGóCIOS ESTRANGEIROS DIRECÇÃO GERAL DOS ASSUNTOS MULTILATERAIS Direcção de Serviços das Organizações Económicas Internacionais Intervenção de SEXA o Secretário de Estado Adjunto do Ministro

Leia mais

Caminho para a dignidade 2015-2030. Uma Agenda universal e participativa

Caminho para a dignidade 2015-2030. Uma Agenda universal e participativa Caminho para a dignidade 2015-2030 Uma Agenda universal e participativa 2015 Caminho para a dignidade 2015-2030 Fusão de 6 agendas/diálogos internacionais (!) 1.Agenda do desenvolvimento e os ODM 2.Desenvolvimento

Leia mais

INOVAR E INVESTIR PARA SUSTENTAR O CRESCIMENTO Fórum do Planalto 03/07/2008

INOVAR E INVESTIR PARA SUSTENTAR O CRESCIMENTO Fórum do Planalto 03/07/2008 INOVAR E INVESTIR PARA SUSTENTAR O CRESCIMENTO Fórum do Planalto 03/07/2008 O momento e as tendências Fundamentos macroeconômicos em ordem Mercados de crédito e de capitais em expansão Aumento do emprego

Leia mais

Política Nacional de Imigração e Proteção ao(a) Trabalhador(a) Migrante

Política Nacional de Imigração e Proteção ao(a) Trabalhador(a) Migrante ANEXO II Política Nacional de Imigração e Proteção ao(a) Trabalhador(a) Migrante (Proposta aprovada pelo Conselho Nacional de Imigração em 12/05/2010 para avaliação pública e sujeita a alterações) DISPOSIÇÕES

Leia mais

ACORDO SOBRE O PROJETO DE FOMENTO DE GESTÃO AMBIENTAL E PRODUÇÃO MAIS LIMPA EM PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS

ACORDO SOBRE O PROJETO DE FOMENTO DE GESTÃO AMBIENTAL E PRODUÇÃO MAIS LIMPA EM PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS MERCOSUL/CMC/DEC. Nº 03/02 ACORDO SOBRE O PROJETO DE FOMENTO DE GESTÃO AMBIENTAL E PRODUÇÃO MAIS LIMPA EM PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS TENDO EM VISTA: O Tratado de Assunção, o Protocolo de Ouro Preto e a

Leia mais