Utilização do Corante Rosa Bengala no Método de Preparação Úmida para Avaliação Morfológica de Sêmen Ovino

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Utilização do Corante Rosa Bengala no Método de Preparação Úmida para Avaliação Morfológica de Sêmen Ovino"

Transcrição

1 Rev. Cient. Prod. Anim., v.0, n.2, p.74-80, 2008 Utilização do Corante Rosa Bengala no Método de Preparação Úmida para Avaliação Morfológica de Sêmen Ovino Liliane Moreira Silva, Cleidson Manoel Gomes da Silva, Tânia Vasconcelos Cavalcante 2, Jorge Luís Ferreira 2, José Adalmir Torres de Souza 3 RESUMO Esta pesquisa foi realizada visando-se comparar a eficiência do método de preparação úmida corada com rosa bengala, avaliado sob microscopia óptica, com o método convencional de preparação úmida, na identificação das anormalidades em células espermáticas ovinas. Foi utilizado o sêmen de 25 carneiros adultos da raça Santa Inês. Após exame andrológico, a morfologia espermática dos animais foi avaliada por dois métodos: preparação úmida convencional, observada sob microscopia de contraste de fase (Leitz, Germany) (controle) e preparação úmida corada com rosa bengala, analisada sob microscopia óptica comum (Bioval, USA), ambos com aumento de 400x. A comparação entre o método de preparação úmida convencional (4,28±2,73) e corado com rosa bengala (4,69±2,58) não apresentou diferença significativa (P>0,05), quanto ao percentual médio de defeitos totais. Dessa forma, o método de coloração rosa bengala apresenta-se viável na avaliação das patologias espermáticas em sêmen ovino, sendo, portanto uma alternativa a ser usada no exame andrológico, principalmente em condições de campo. Palavras-chave: patologia espermática, exame andrológico Use of Bengal Rose Dye in Humid Preparation as a Method of Morphological Evaluation of Sperm Sheep ABSTRACT - The objective of the present work was to compare the effectiveness of the humid preparation method dyed with bengal rose with the conventional humid preparation method in the identification of abnormalities in sheep sperm cells. The semen of 25 adult Santa Inez ram were used. After andrologic examination, the sperm morphology of the animals were evaluated by two methods: conventional humid preparation observed under phase-contrast microscopy (Leitz, Germany) (control) and humid preparation dyed Bolsista de PIBIC/UFT. 2 Escola de Medicina Veterinária e Zootecnia/UFT. 3 CCA/UFPI. 74

2 with bengal rose analyzed under common optic microscopy (Bioval, USA), being both observed in an increase of 400x. The comparison between conventional humid preparation method (4.28±2.7) and rose bengal dye (4.69±2.58) presented no significant difference (p>0.05) on the average percentage of total defects. Hence, the bengal rose method is considered viable on the evaluation of sperm pathologies in ram semen and is therefore an alternative to be used in andrologic tests under field conditions. Key Words: sperm pathology, andrologic examination Introdução Os ovinos (Ovis aries) têm sido explorados mundialmente pela excelente qualidade de carne e lã, principalmente em países em desenvolvimento. Assim, inúmeras pesquisas têm sido desenvolvidas para o aprimoramento de biotecnologias associadas à reprodução desses animais, com o objetivo geral de garantir o beneficiamento e conservação do sêmen para fins de inseminação artificial, transferência de embriões e fertilização in vitro nessa espécie (De Pauw et al., 2003). Neste sentido, o desenvolvimento de novas metodologias e estratégias que permitam predizer a capacidade fecundante do sêmen ovino torna-se cada vez mais importante (Nunes, 998). Nas últimas décadas os métodos mais sofisticados utilizados para a avaliação da viabilidade espermática são Computer Assisted Sperm Analyses (CASA) (Gravance et al., 995), citometria de fluxo (Harrison e Vickers, 990), microscopia de fluorescência (Centola et al., 990) e microscopia de contraste de fase. Esses métodos, apesar de serem mais recomendados, ainda possuem um grande entrave quanto ao uso prático na rotina veterinária, principalmente devido ao alto custo dos equipamentos (Medeiros et al., 2006). Dessa forma, surge à necessidade de se desenvolver novas técnicas que permitam uma boa visualização do contorno e divisões da célula espermática, permitindo identificar alterações na morfologia (Chemineau et al., 99), de forma simples, prática, com baixo custo e, principalmente, que seja aplicável a campo. Dentre essas técnicas pode-se destacar a utilização de corantes, que têm sido descritos para avaliar a viabilidade espermática sob preparação úmida (Rodrigues e Rodrigues, 998) e/ ou através da confecção de esfregaços (Galvani et al., 2000). Na espécie ovina, diversos corantes, eosina-nigrosina (Colas, 980), Williams modificado (Vale Filho, 980), coloração de Karras (CBRA, 998) e vermelho congo (Aguiar et al., 994), têm sido utilizados na confecção de esfregaços para examinar 75

3 a morfológica espermática. No entanto, na literatura ainda não existem relatos da utilização do rosa bengala como corante de espermatozóide ovino em preparação úmida. Esta pesquisa foi realizada com o objetivo de se comparar a eficiência do método de coloração de rosa bengala em preparação úmida, avaliado sob microscopia óptica, com o método convencional de preparação úmida, observada em microscopia de contraste de fase, na identificação das anormalidades em células espermáticas ovinas. Material e Métodos Esta pesquisa foi realizada no Laboratório de Reprodução Animal da Universidade Federal do Tocantins, localizado no Campus de Araguaína-TO. Coletou-se sêmen de 25 reprodutores ovinos da raça Santa Inês provenientes de rebanhos criados em regime extensivo, na região Sul do Estado de Tocantins, nos municípios de Cariri, Formoso e Dueré, com idade superior a oito meses, escore de condição corporal 2,5 a 3,5 (escala 0-5) e clinicamente saudáveis. Após a coleta com vagina artificial, os ejaculados foram identificados e imediatamente avaliados quanto ao volume (ml), cor (perolado para espécie ovina), odor (sui generis), aspecto (cremoso, leitoso ou aquoso), turbilhonamento (0-5), vigor (0-5), motilidade total (0-00%) e concentração, utilizando uma câmara de Neubauer (espermatozóides/mm 3 ), segundo metodologia proposta pelo CBRA (998). Concomitante às análises, 0 μl de sêmen de cada reprodutor foi diluído em ml de solução formol salina (SFS) e, em seguida, identificado e transportado imediatamente ao laboratório, onde permaneceu estocado à temperatura de 4ºC até realização da análise morfológica. A morfologia espermática foi realizada seguindo-se duas técnicas: preparação úmida convencional (controle) e preparação úmida corada com rosa bengala. Na primeira técnica, apenas 0 μl de sêmen previamente diluído em SFS foi depositado sobre lâmina, coberto com lamínula e, em seguida, analisado sob microscopia de contraste de fase (Leitz, Germany). Na segunda, após colocar 0 μl de sêmen sobre lâmina, 0 µl do corante rosa bengala foi adicionado, homogeneizou-se e, em seguida, cobriuse com lamínula, retirando-se o excesso com papel absorvente. Após um minuto procedeu-se a avaliação sob microscopia óptica comum (Bioval, USA). Em ambas as técnicas, um total de 200 células em duplicata, pertencentes à mesma amostra, foram contadas em aumento de 400x. A análise morfológica foi classificada, 76

4 segundo Blom (973), em defeitos maiores, menores e totais. As diferenças entre o percentual médio de patologias espermáticas foram avaliadas pela ANOVA, adotando-se o procedimento NPARWAY do pacote estatístico SAS (2002), considerando o efeito fixo de método de avaliação da morfologia espermática sobre as variáveis dependentes: defeitos maiores, menores e totais, transformados para (x + 0,5). As médias foram comparadas pelo teste de Mann-Whitney-Wilcoxon (P<0,05). Resultados e Discussão Os valores médios dos parâmetros seminais volume, turbilhonamento, vigor, motilidade e concentração, dos 25 reprodutores ovinos estão apresentados na Tabela. Todos os parâmetros avaliados estão de acordo com os valores estabelecidos pelo CBRA (998). Tabela - Valores médios e desvio padrão referentes aos parâmetros seminais de 25 reprodutores ovinos da raça Santa Inês Vol = volume, 2 Tur = turbilhonamento. O número de defeitos obtidos com adoção das duas técnicas está apresentado na Tabela 2. Não houve diferença (P>0,05) no percentual de defeitos menores, maiores e totais, entre as técnicas (preparação úmida convencional 4,28±2,73% e preparação úmida com rosa bengala 4,69±2,58%). Barkawi et al. (2006) e Zamiri e Heidari (2006), obteram percentuais de defeitos totais em sêmen caprino fresco corado com eosina-nigrosina de 3,5 e 9,85%, respectivamente. Os resultados deste estudo e dos autores citados encontram-se dentro do limite aceitável para as duas espécies que é no máximo de 20% para defeitos totais. Viu et al. (2005), não verificaram diferenças no percentual de morfologia espermática de bovinos quando utilizaram o corante panótico em preparação úmida, observada em microscopia óptica, quando comparada à microscopia de contraste de fase. Os percentuais de patologias de cabeça, peça intermediária e cauda estão apresentados na Tabela 3. Não houve diferença (P>0,05) no percentual de patologias espermáticas entre a técnica convencional e a preparação úmida 77

5 Tabela 2 - Percentual médio e desvio padrão de patologias espermáticas em sêmen de ovinos Santa Inês, avaliadas sob preparação úmida convencional e preparação úmida corada com rosa bengala Segundo a classificação de Blom (973). * Médias seguidas da mesma letra nas colunas, não diferem entre si, pelo teste de Mann- Whitney-Wilcoxon (P>0,05). com rosa bengala, estando os valores em consonância aos estabelecidos pelo CBRA (998). Resultados semelhantes a morfologia espermática foram descritos por Medeiros et al. (2006), ao verificarem que não há diferenças quanto à integridade de membrana e tipo de patologia encontrada em células espermáticas de ovinos. Tabela 3 - Percentual de patologias espermáticas em sêmen de 25 reprodutores ovinos da raça Santa Inês, avaliados sob preparação úmida convencional e preparação úmida corada com rosa bengala Médias seguidas da mesma letra nas colunas, não diferem entre si, pela ANOVA (P>0,05). Pela técnica convencional e por preparação úmida com rosa bengala foi possível a análise das células espermáticas, obtendo-se alta nitidez do contorno celular, permitindo-se identificar alterações na morfologia. Essa característica também foi observada por Rodrigues e Rodrigues (998) ao analisarem a viabilidade do sêmen de cães, observando boa qualidade das lâminas confeccionadas. Resultados semelhantes também foram descritos por Galvani et al. (2000) em esfregaços de sêmen de touro Nelore utilizando o corante rosa bengala. Além disso, Streit Júnior et al. (2004), ao analisarem sêmen descongelado de peixe utilizando o corante rosa bengala, obtiveram melhor definição celular, quando comparado com o vermelho congo 78

6 e Williams modificado. Conclusão O corante rosa bengala em preparação úmida é um método eficiente para avaliação morfológica de sêmen ovino, apresentando os principais pré-requisitos para realização de uma boa coloração, como formulação correta do corante, praticidade na aplicação da técnica e, principalmente, baixo custo da metodologia, podendo ser aplicada a campo. Referências Bibliográficas AGUIAR, P.H.P.; COSTA, M.E.L.T.; ABREU, J.J. et al. Coleta e avaliação de sêmen canino. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia, v.46, n.5, p , 994. BARKAWI, A.H.; ELSAYED, E.H.; ASHOUR, G. et al. Seasonal changes in semen characteristics, hormonal profiles and testicular activity in Zaraibi goats. Small Ruminant Research, v.66, n.-3, p , BLOM, E. The ultrastructure of some characteristic sperm defects and a proposal for a new classification of the bull spermiogram. Nordisk Veterinaer Medicin, v.25, n.7, p , 973. CENTOLA, G.M.; MATTOX, J.H.; BURDE, S. et al. Assesment of the viability and acrossome status of fresh and frozen-thawed human spermatozoa using single-wave-length fluorescence microscopy. Molecular Reproduction and Development, v.27, n. 2, p.30-35, 990. CHEMINEAU, P.; CAGNIE, Y.; GUÉRIN, Y. et al. Training Manual on Artificial Insemination in Sheep and Goats. 2.ed., Rome: FAO, p. COLAS, G. Variations saisonnieres de la qualité du sperme chez le belier Ile-de- France. Etude de la morphologie cellulaire et de la motilité massale. Reproduction Nutrition Development, v.20, n.-2, p , 980. COLÉGIO BRASILEIRO DE REPRODUÇÃO ANIMAL. CBRA. Manual para Exame Andrológico e Avaliação do Sêmen Animal. 2. ed., Belo Horizonte: CBRA, p. DE PAUW, I.M.C.; VAN SOOM, A.; MAES, D. et al. Effect of sperm coating on the survival and penetrating ability of in vitro stored bovine spermatozoa. Theriogenology, v.59, n.5-6, p.09-22,

7 GALVANI, F.; COSTA, E.P.; TORRES, C.A.A. et al. Perímetro escrotal, características físicas do sêmen e morfopatológicas dos espermatozóides de touros Nelore de alta libido comparados com animais de libidos inferiores. Ars Veterinária, v.6, n.2, p.97-03, GRAVANCE, C.G.; LEWIS, K.M.; CASEY, P.J. Computer automed sperm head morphometry analysis (ASMA) of goat spermatozoa. Theriogenology, v.44, n.7, p , 995. HARRISON, R.A.P.; VICKERS, S.E. Use of fluorescent probes to asses membrane integrity in mammalian spermatozoa. Journal of Reproduction and Fertility, v.88, n.88, p , 990. MEDEIROS, A.A.; ARAÚJO, A.A.; MOURA, A.A.A. et al. Utilização do Azul de Bromofenol conservado a 4ºC e 29ºC, como método coloração vital para avaliação do espermatozóide ovino. Revista de Ciências Agrárias, v., n.46, p , NUNES, J.F. Utilização da água de côco como diluidor do sêmen de animais domésticos e do homem. Revista Brasileira de Reprodução Animal, v.22, n.2, p.09-2, 998. RODRIGUES, B.A.; RODRIGUES, J.L. Efeito da adição de diferentes concentrações de albumina sérica bovina (BSA) ao diluidor à base de tris sobre a viabilidade in vitro do sêmen canino criopreservado. Arquivo da Faculdade de Veterinária da UFRGS, v.26, n.2, p.32-49, 998. STREIT JÚNIOR, D.P.; MORAES, G.V.; RIBEIRO, R.P. et al. Avaliação de diferentes técnicas para coloração de sêmen de peixes. Arquivo Ciências Veterinária e Zoologia, v.7, n.2, p.57-62, VALE FILHO, V.R. Patologia do Sêmen. 2.ed., Belo Horizonte: UFMG, p. VIU, M.A.O.; VIU, A.F.M.; RABELO, R.E. et al. Emprego de Corante Panóptico na Preparação de Câmara Úmida para Avaliação da Morfologia Espermática em Bovinos. In: 6º CONGRESSO BRASILEIRO DE REPRODUÇÃO ANIMAL, 2005, Goiânia. Anais... Goiânia: UFG, CD-ROM. Zamiri, m.j.; heidari, a.h. Reproductive characteristics of Raylini male goats of Kerman province in Iran. Animal Reproduction Science, v.96, n.-2, p.76-85,

CARACTERÍSTICAS SEMINAIS E PERÍMETRO ESCROTAL DE TOUROS NELORE E TABAPUÃ CRIADOS NA REGIÃO NORTE DO PARANÁ

CARACTERÍSTICAS SEMINAIS E PERÍMETRO ESCROTAL DE TOUROS NELORE E TABAPUÃ CRIADOS NA REGIÃO NORTE DO PARANÁ 1 CARACTERÍSTICAS SEMINAIS E PERÍMETRO ESCROTAL DE TOUROS NELORE E TABAPUÃ CRIADOS NA REGIÃO NORTE DO PARANÁ DENIS MARQUES ROSSI 1, FLÁVIO GUISELLI LOPES 2, FILIPE ALEXANDRE BOSCARO DE CASTRO 3, BRUNO

Leia mais

Colheita e Avaliação Seminal

Colheita e Avaliação Seminal UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ FACULDADE DE VETERINÁRIA BIOTECNOLOGIA DA REPRODUÇÃO ANIMAL Colheita e Avaliação Seminal Vicente José de F. Freitas Laboratório de Fisiologia e Controle da Reprodução www.uece.br/lfcr

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia.

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Utilização de dois métodos de classificação andrológica por pontos em touros jovens da raça Braford Flávio Guiselli Lopes 1, Celso Koetz Junior

Leia mais

CARACTERíSTICAS DO SÊMEN DE CARNEIROS DESLANADOS DA RAÇA SANTA INÊS CRIADOS NO NORDESTE BRASILEIRO

CARACTERíSTICAS DO SÊMEN DE CARNEIROS DESLANADOS DA RAÇA SANTA INÊS CRIADOS NO NORDESTE BRASILEIRO CARACTERíSTICAS DO SÊMEN DE CARNEIROS DESLANADOS DA RAÇA SANTA INÊS CRIADOS NO NORDESTE BRASILEIRO Tânia Maria LEAL 1, José de Carvalho REIS2, Raimundo Nonato GIRÃ03 RESUMO: Visando obter informações sobre

Leia mais

Características seminais de carneiros das raças Dorper, Santa Inês e mestiços em condições de clima tropical

Características seminais de carneiros das raças Dorper, Santa Inês e mestiços em condições de clima tropical Ciência Veterinária nos Trópicos, Recife-PE, v. 18, n. 1 p. 20-25 - janeiro/abril, 2015 Características seminais de carneiros das raças Dorper, Santa Inês e mestiços em condições de clima tropical Marciane

Leia mais

Atlas de Morfologia Espermática Bovina

Atlas de Morfologia Espermática Bovina Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária Embrapa Cerrados Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Atlas de Morfologia Espermática Bovina Carlos Frederico Martins Margot Alves Nunes Dode

Leia mais

Criopreservação do Sêmen de Tambaqui em Criotubos: Influência da Velocidade de Descongelamento

Criopreservação do Sêmen de Tambaqui em Criotubos: Influência da Velocidade de Descongelamento 125 Criopreservação do Sêmen de Tambaqui em Criotubos: Influência da Velocidade de Descongelamento Carlos Adriano Rocha Silva Morais 1 ; Allan Charles Marques de Carvalho 2 ; Giselle Santana Barreto 1

Leia mais

AVALIAÇÃO ESPERMÁTICA DE SÊMEN CRIOPRESERVADO DE TOUROS DA RAÇA CURRALEIRA EM BANCO DE GERMOPLASMA: DADOS PRELIMINARES

AVALIAÇÃO ESPERMÁTICA DE SÊMEN CRIOPRESERVADO DE TOUROS DA RAÇA CURRALEIRA EM BANCO DE GERMOPLASMA: DADOS PRELIMINARES AVALIAÇÃO ESPERMÁTICA DE SÊMEN CRIOPRESERVADO DE TOUROS DA RAÇA CURRALEIRA EM BANCO DE GERMOPLASMA: DADOS PRELIMINARES Iván Salamanca MONTESINOS; José de Oliveira Carvalho NETO; Margot Alves Nunes DODE;

Leia mais

Avaliação de diferentes osmolaridades de soluções hiposmóticas e tempos de incubação no teste hiposmótico do sêmen de touros Nelore

Avaliação de diferentes osmolaridades de soluções hiposmóticas e tempos de incubação no teste hiposmótico do sêmen de touros Nelore Revista Brasileira de Zootecnia 2011 Sociedade Brasileira de Zootecnia ISSN 1806-9290 www.sbz.org.br Avaliação de diferentes osmolaridades de soluções hiposmóticas e tempos de incubação no teste hiposmótico

Leia mais

Tatiane Guedes Bueno*, Laiza Sartori de Camargo, Karym Christine de Freitas Cardoso, Anelise Ribeiro Peres, Fabiana Ferreira de Souza

Tatiane Guedes Bueno*, Laiza Sartori de Camargo, Karym Christine de Freitas Cardoso, Anelise Ribeiro Peres, Fabiana Ferreira de Souza AVALIAÇÃO DA ESTERILIZAÇÃO APÓS A OCLUSÃO DOS VASOS SANGUÍNEOS OVARIANOS DE COELHAS UTILIZANDO ELÁSTICO DE AFASTAR OS DENTES OU ABRAÇADEIRAS DE NÁILON Tatiane Guedes Bueno*, Laiza Sartori de Camargo, Karym

Leia mais

Eficiência in vivo e in vitro, de Três Diluidores de Sémen de Coelho Refrigerado

Eficiência in vivo e in vitro, de Três Diluidores de Sémen de Coelho Refrigerado Universidade dos Açores Departamento de Ciências Agrárias Mestrado em Zootecnia Eficiência in vivo e in vitro, de Três Diluidores de Sémen de Coelho Refrigerado Orientador: Professor Doutor F. Moreira

Leia mais

862 OLIVEIRA, R. V. de et al.

862 OLIVEIRA, R. V. de et al. 862 OLIVEIRA, R. V. de et al. AVALIAÇÃO MORFOLÓGICA DE ESPERMATOZOIDES CAPRINOS DILUÍDOS E CONGELADOS EM MEIO À BASE DE ÁGUA DE COCO EM PÓ (ACP-101) OU TRIS, CORADOS POR EOSINA-NIGROSINA E AZUL DE BROMOFENOL*

Leia mais

ESPERMOGRAMA E ESPERMOCULTURA NA BOVINOCULTURA

ESPERMOGRAMA E ESPERMOCULTURA NA BOVINOCULTURA ESPERMOGRAMA E ESPERMOCULTURA NA BOVINOCULTURA INTRODUÇÃO O espermograma é o exame que avalia as características físicas, morfológicas e microbiológicas do sêmen e é componente essencial do exame andrológico

Leia mais

Perfil espermático de touros da raça Sindi

Perfil espermático de touros da raça Sindi www.pubvet.com.br Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia ISSN: 1982-1263 Perfil espermático de touros da raça Sindi DOI: 10.22256/pubvet.v10n2.163-167 Bárbara Tatiane Oliveira Crisóstomo¹, Leone

Leia mais

Correlação entre métodos de avaliação da integridade da membrana plasmática do espermatozóide bovino criopreservado

Correlação entre métodos de avaliação da integridade da membrana plasmática do espermatozóide bovino criopreservado Correlação entre métodos de avaliação da integridade da membrana plasmática do espermatozóide bovino criopreservado Correlation among methods to evaluate sperm membrane integrity of bovine cryopreserved

Leia mais

Avaliação da Maturidade Sexual e Classificação Andrológica por Pontos (CAP) de Touros Jovens da Raça Nelore, Criados no Noroeste do Estado do Paraná

Avaliação da Maturidade Sexual e Classificação Andrológica por Pontos (CAP) de Touros Jovens da Raça Nelore, Criados no Noroeste do Estado do Paraná Avaliação da Maturidade Sexual e Classificação Andrológica por Pontos (CAP) de Touros Jovens da Raça Nelore, Criados no Noroeste do Estado do Evaluation of Sexual Maturity and Andrologic Evaluation by

Leia mais

Rev. Bras. Reprod. Anim., Belo Horizonte, v.38, n.3, p , jul./set Disponível em

Rev. Bras. Reprod. Anim., Belo Horizonte, v.38, n.3, p , jul./set Disponível em Rev. Bras. Reprod. Anim., Belo Horizonte, v.38, n.3, p.154-158, jul./set. 2014. Disponível em www.cbra.org.br Avaliação da heterogeneidade espermática de carneiros por meio da análise morfométrica computadorizada

Leia mais

ENQUADRAMENTO (1) RESULTADOS DE EXAMES ANDROLÓGICOS EM TOUROS DE APTIDÃO CREATOPOIÉTICA NO SUL DE PORTUGAL

ENQUADRAMENTO (1) RESULTADOS DE EXAMES ANDROLÓGICOS EM TOUROS DE APTIDÃO CREATOPOIÉTICA NO SUL DE PORTUGAL RESULTADOS DE EXAMES ANDROLÓGICOS EM TOUROS DE APTIDÃO CREATOPOIÉTICA NO SUL DE PORTUGAL Romão*, R. 1,2, Cargaleiro, K. 2, Martelo, R. 1, Paralta, D. 1, Carolino, N. 3, Bettencourt, E. 2 ENQUADRAMENTO

Leia mais

Célula Espermática: Projeto e desenvolvimento de objetos educacionais

Célula Espermática: Projeto e desenvolvimento de objetos educacionais Célula Espermática: Projeto e desenvolvimento de objetos educacionais Eneder Rosana Oberst - Faculdade de Veterinária Liane Margarida Rockenbach Tarouco - Pós-graduação em Informática da Educação Mary

Leia mais

SELEÇÃO DE REPRODUTORES PARA A UTILIZAÇÃO DA PRODUÇÃO IN VITRO DE EMBRIÕES VITRIFICADOS

SELEÇÃO DE REPRODUTORES PARA A UTILIZAÇÃO DA PRODUÇÃO IN VITRO DE EMBRIÕES VITRIFICADOS SELEÇÃO DE REPRODUTORES PARA A UTILIZAÇÃO DA PRODUÇÃO IN VITRO DE EMBRIÕES VITRIFICADOS Orivaldo Rodrigues de Oliveira 1 ; Francisca Elda Ferreira Dias 2 ; Andréa Azevedo Pires de Castro 3. 1 Aluno do

Leia mais

Revista Brasileira de Ciências Agrárias ISSN: Universidade Federal Rural de Pernambuco Brasil

Revista Brasileira de Ciências Agrárias ISSN: Universidade Federal Rural de Pernambuco Brasil Revista Brasileira de Ciências Agrárias ISSN: 1981-1160 editorgeral@agraria.pro.br Universidade Federal Rural de Pernambuco Brasil Vieira, Rômulo J.; Cardoso, Fernanda T. S.; Azevedo, Laurita M. de; Cunha,

Leia mais

CORRELAÇÃO DA MORFOLOGIA ESPERMÁTICA EM PROGRAMAS DE INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL CONVENCIONAL EM NOVILHAS E VACAS DA RAÇA NELORE

CORRELAÇÃO DA MORFOLOGIA ESPERMÁTICA EM PROGRAMAS DE INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL CONVENCIONAL EM NOVILHAS E VACAS DA RAÇA NELORE 57 CORRELAÇÃO DA MORFOLOGIA ESPERMÁTICA EM PROGRAMAS DE INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL CONVENCIONAL EM NOVILHAS E VACAS DA RAÇA NELORE José de Oliveira Guerra Neto 1, Marcelo George Mungai Chacur 2, Francielle

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Utilização de sêmen sexado em protocolos de IATF. Luciano Bastos Lopes

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Utilização de sêmen sexado em protocolos de IATF. Luciano Bastos Lopes PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Utilização de sêmen sexado em protocolos de IATF Luciano Bastos Lopes Médico Veterinário Doutor em Ciência Animal Resumo A inseminação artificial

Leia mais

Edital Nº 15 de 12 de fevereiro de 2014, publicado no Diário Oficial da União de 18/02/2014.

Edital Nº 15 de 12 de fevereiro de 2014, publicado no Diário Oficial da União de 18/02/2014. Edital Nº 15 de 12 de fevereiro de 2014, publicado no Diário Oficial da União de 18/02/2014. Área: Reprodução Animal (Cód. CNPq 5.05.04.00-2), Clínica e Semiologia Veterinária Titulação Exigida: Graduação

Leia mais

TERMORREGULAÇÃO TESTICULAR EM BOVINOS

TERMORREGULAÇÃO TESTICULAR EM BOVINOS Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Medicina Veterinária TERMORREGULAÇÃO TESTICULAR EM BOVINOS Mara Regina Bueno de M. Nascimento Mara Regina Bueno de M. Nascimento Profa. Adjunto III Jul./

Leia mais

FERRAMENTA PARA A AVALIAÇÃO DA MOTILIDADE E DETECÇÃO DA TRAJETÓRIA DE ESPERMATOZÓIDES BOVINOS

FERRAMENTA PARA A AVALIAÇÃO DA MOTILIDADE E DETECÇÃO DA TRAJETÓRIA DE ESPERMATOZÓIDES BOVINOS RESUMO FERRAMENTA PARA A AVALIAÇÃO DA MOTILIDADE E DETECÇÃO DA TRAJETÓRIA DE ESPERMATOZÓIDES BOVINOS Felipe A. Cardoso Pazinatto Departamento de Computação Universidade Federal de São Carlos Rodovia Washington

Leia mais

EFEITO DA DILUIÇÃO ESPERMÁTICA NA CONGELAÇÃO DE SÊMEN CANINO UTILIZANDO-SE A ÁGUA DE COCO EM PÓ (ACP 106) COMO DILUIDOR

EFEITO DA DILUIÇÃO ESPERMÁTICA NA CONGELAÇÃO DE SÊMEN CANINO UTILIZANDO-SE A ÁGUA DE COCO EM PÓ (ACP 106) COMO DILUIDOR Ciência Animal, 15(2):75-82, 2005 EFEITO DA DILUIÇÃO ESPERMÁTICA NA CONGELAÇÃO DE SÊMEN CANINO UTILIZANDO-SE A ÁGUA DE COCO EM PÓ (ACP 106) COMO DILUIDOR (Effect of sperm dilution on canine semen freezing

Leia mais

Criopreservação de sêmen bovino utilizando diluente à base de PBS com três diferentes percentuais de gema de ovo

Criopreservação de sêmen bovino utilizando diluente à base de PBS com três diferentes percentuais de gema de ovo Criopreservação de sêmen bovino utilizando diluente à base de PBS com três diferentes percentuais de gema de ovo Paulo Ricardo Loss Aguiar Juliana Brunelli Moraes Eduardo Malschitzky Anderson C. Silva

Leia mais

CARACTERÍSTICAS DO SÊMEN CAPRINO DESCONGELADO APÓS A ADIÇÃO DE RINGER LACTATO, CITRATO DE SÓDIO E SOLUÇÃO TRIS

CARACTERÍSTICAS DO SÊMEN CAPRINO DESCONGELADO APÓS A ADIÇÃO DE RINGER LACTATO, CITRATO DE SÓDIO E SOLUÇÃO TRIS DOI: 10.1590/1089-6891v16i224240 MEDICINA VETERINÁRIA CARACTERÍSTICAS DO SÊMEN CAPRINO DESCONGELADO APÓS A ADIÇÃO DE RINGER LACTATO, CITRATO DE SÓDIO E SOLUÇÃO TRIS CHARACTERISTICS OF THAWED GOAT SEMEN

Leia mais

Exame Andrológico de Bovinos

Exame Andrológico de Bovinos Exame Andrológico de Bovinos DGV DSPA J. Pedro Canas Simões Objectivos de Produção: -.. -Peso total de vitelos desmamados/vacas expostas à cobrição *Intervalo entre partos *Extensão da duração dos periodos

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Motilidade espermática de sêmen bovino incubado em banho-maria e garrafa térmica

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Motilidade espermática de sêmen bovino incubado em banho-maria e garrafa térmica PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Motilidade espermática de sêmen bovino incubado em banho-maria e garrafa térmica Carlos Fernando Neves Pereira 1, Angélica Soares Teixeira Prates²,

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SOROCABA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROVIC

UNIVERSIDADE DE SOROCABA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROVIC 1 UNIVERSIDADE DE SOROCABA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROVIC AVALIAÇÃO DAS CARACTERÍSTICAS REPRODUTIVAS DE CÃES MACHOS DA RAÇA BORDER COLLIE Voluntário: Bruna Helena Piana Guerbas Orientador:

Leia mais

CONSERVAÇÃO DO SÊMEN CANINO A 37 o C EM DILUENTES À BASE DE ÁGUA DE COCO

CONSERVAÇÃO DO SÊMEN CANINO A 37 o C EM DILUENTES À BASE DE ÁGUA DE COCO Ciência Rural, Santa Maria, v.32, n.1, p.91-95, 2002 ISSN 0103-8478 91 CONSERVAÇÃO DO SÊMEN CANINO A 37 o C EM DILUENTES À BASE DE ÁGUA DE COCO CANINE SEMEN CONSERVATION AT 37 O C IN COCONUT WATER BASED

Leia mais

VIABILIDADE IN VITRO DE ESPERMATOZOIDES OVINOS CRIOPRESERVADOS EM MEIOS CONTENDO LIPOPROTEÍNA DE BAIXA DENSIDADE NAS FORMAS NATURAL E LIOFILIZADA

VIABILIDADE IN VITRO DE ESPERMATOZOIDES OVINOS CRIOPRESERVADOS EM MEIOS CONTENDO LIPOPROTEÍNA DE BAIXA DENSIDADE NAS FORMAS NATURAL E LIOFILIZADA Valéria Spyridion Moustacas VIABILIDADE IN VITRO DE ESPERMATOZOIDES OVINOS CRIOPRESERVADOS EM MEIOS CONTENDO LIPOPROTEÍNA DE BAIXA DENSIDADE NAS FORMAS NATURAL E LIOFILIZADA Dissertação apresentada à Escola

Leia mais

Estudos sobre a morfometria do espermatozoide e características seminais do Pseudoplatystoma corruscans

Estudos sobre a morfometria do espermatozoide e características seminais do Pseudoplatystoma corruscans Estudos sobre a morfometria do espermatozoide e características seminais do Pseudoplatystoma corruscans Cristiane Bashiyo-Silva¹; Douglas de Castro Ribeiro¹; Jumma Miranda de Araújo Chagas¹; Raphael da

Leia mais

ALTERAÇÕES MORFOLÓGICAS ENCONTRADAS NO SÊMEN DE REPRODUTORES SUÍNOS (Sus scrofa) MORPHOLOGICAL CHANGES FOUND IN SEMEN BREEDING PIG (Sus scrofa)

ALTERAÇÕES MORFOLÓGICAS ENCONTRADAS NO SÊMEN DE REPRODUTORES SUÍNOS (Sus scrofa) MORPHOLOGICAL CHANGES FOUND IN SEMEN BREEDING PIG (Sus scrofa) ALTERAÇÕES MORFOLÓGICAS ENCONTRADAS NO SÊMEN DE REPRODUTORES SUÍNOS (Sus scrofa) MORPHOLOGICAL CHANGES FOUND IN SEMEN BREEDING PIG (Sus scrofa) Guilherme OBERLENDER Médico Veterinário, Doutorando em Zootecnia

Leia mais

PARÂMETROS OBTIDOS NO EXAME ANDROLÓGICO DE TOUROS DA RAÇA BONSMARA PARAMETERS OBTAINED ON ANDROLOGIC EXAMINATION OF BONSMARA BULLS

PARÂMETROS OBTIDOS NO EXAME ANDROLÓGICO DE TOUROS DA RAÇA BONSMARA PARAMETERS OBTAINED ON ANDROLOGIC EXAMINATION OF BONSMARA BULLS Original Article 690 PARÂMETROS OBTIDOS NO EXAME ANDROLÓGICO DE TOUROS DA RAÇA BONSMARA PARAMETERS OBTAINED ON ANDROLOGIC EXAMINATION OF BONSMARA BULLS Diego Miguel DÁGOLA 1 ; Marcelo Figueira PEGORER

Leia mais

PORTARIA nr. 26, de O5 de setembro de 1996

PORTARIA nr. 26, de O5 de setembro de 1996 DOU nr 174 de 06/09/96 - Seção I - Página 17656 PORTARIA nr. 26, de O5 de setembro de 1996 O Secretário de Desenvolvimento Rural, do Ministério da Agricultura e do Abastecimento, no uso das atribuições

Leia mais

ANDROVISION - MAIS QUE UM CASA

ANDROVISION - MAIS QUE UM CASA ANDROVISION - MAIS QUE UM CASA Sistema CASA AndroVision com microscópio Zeiss AxioScope e platina automática Análise computadorizada de sêmen AndroVision é um sistema CASA* altamente preciso para análise

Leia mais

CORRELAÇÕES ENTRE O TESTE HIPOSMÓTICO E A AVALIAÇÃO CLÁSSICA DO SÊMEN DE CAPRINOS

CORRELAÇÕES ENTRE O TESTE HIPOSMÓTICO E A AVALIAÇÃO CLÁSSICA DO SÊMEN DE CAPRINOS DOI: 10.5216/cab.v14i2.12921 CORRELAÇÕES ENTRE O TESTE HIPOSMÓTICO E A AVALIAÇÃO CLÁSSICA DO SÊMEN DE CAPRINOS ISABELLE RAYANNE SOUSA DE OLIVEIRA 1, HERON MEDEIROS ALVES 1, THIBÉRIO SOUZA CASTELO 2, FRANCISCO

Leia mais

97 ARS VETERINARIA, 16(2): , 2000.

97 ARS VETERINARIA, 16(2): , 2000. 97 ARS VETERINARIA, 16(2): 97-103, 2000. PERÍMETRO ESCROTAL, CARACTERÍSTICAS FÍSICAS DO SÊMEN E MORFOLÓGICAS DOS ESPERMATOZÓIDES DE TOUROS NELORE DE ALTA LIBIDO COMPARADOS COM ANIMAIS DE LIBIDO INFERIOR

Leia mais

Características andrológicas de touros da raça Gir

Características andrológicas de touros da raça Gir Arq. Bras. Med. Vet. Zootec., v.58, n.5, p.809-815, 2006 Características andrológicas de touros da raça Gir [Andrological characteristics of Gyr (bos indicus) bulls] I.M. Folhadella 1,2, W.F. Sá 2*, A.M.

Leia mais

Comparação entre a água de coco em pó (ACP ) e o Tris como diluidores na criopreservação do sêmen de cães

Comparação entre a água de coco em pó (ACP ) e o Tris como diluidores na criopreservação do sêmen de cães 767 Comparação entre a água de coco em pó (ACP ) e o Tris como diluidores na criopreservação do sêmen de cães Alexandre Rodrigues SILVA 1 Rita de Cássia Soares CARDOSO 1 Lúcia Daniel Machado da SILVA 1

Leia mais

Avaliação da taxa de fertilidade in vivo de espermatozoides frescos e congelados

Avaliação da taxa de fertilidade in vivo de espermatozoides frescos e congelados Avaliação da taxa de fertilidade in vivo de espermatozoides frescos e congelados Anderson Candido de Oliveira Junior*(IC) 1, Klayto José Gonçalves dos Santos 2 (PQ), Aracele Pinheiro Pales dos Santos 2

Leia mais

Criopreservação de embriões

Criopreservação de embriões Laboratório de Fisiologia e Controle da Reprodução Dr. Ribrio Ivan Tavares Pereira Batista 09/10/2014 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO 2. PRINCÍPIOS DA CRIOPRESERVAÇÃO 3. TÉCNICAS DE CRIOPRESERVAÇÃO DE EMBRIÕES 4.

Leia mais

Efeito de dois diferentes protocolos para congelação lenta de embriões bovinos produzidos in vitro na região da Amazônia Legal

Efeito de dois diferentes protocolos para congelação lenta de embriões bovinos produzidos in vitro na região da Amazônia Legal Efeito de dois diferentes protocolos para congelação lenta de embriões bovinos produzidos in vitro na região da Amazônia Legal Karina Almeida Maciel 1 ; Márcio Gianordoli Teixeira Gomes 2 ; Francisca Elda

Leia mais

BIOMETRIA TESTICULAR E ASPECTOS ANDROLÓGICOS DE TOUROS NELORE (Bos taurus indicus), DE DOIS E TRÊS ANOS DE IDADE, CRIADOS EXTENSIVAMENTE

BIOMETRIA TESTICULAR E ASPECTOS ANDROLÓGICOS DE TOUROS NELORE (Bos taurus indicus), DE DOIS E TRÊS ANOS DE IDADE, CRIADOS EXTENSIVAMENTE 31 BIOMETRIA TESTICULAR E ASPECTOS ANDROLÓGICOS DE TOUROS NELORE (Bos taurus indicus), DE DOIS E TRÊS ANOS DE IDADE, CRIADOS EXTENSIVAMENTE Juliano Cesar Dias 1, Venício José de Andrade 2, Vicente Ribeiro

Leia mais

MOTILIDADE Câmara de Makler

MOTILIDADE Câmara de Makler A Motilidade e a Motilidade Espermática Progressiva são realizadas por meio de vídeos neste programa. Não há item de ensaio. Para MOTILIDADE trata-se de dois casos retratados em dois vídeos, um obtido

Leia mais

126 BARCELLOS, B. P. et al.

126 BARCELLOS, B. P. et al. 126 BARCELLOS, B. P. et al. DOI: 10.5216/cab.v12i1.4692 EFEITO DOS MEIOS DILUÍDORES MMC (MÍNIMA CONTAMINAÇÃO) E LGM (LACTOSE-GEMA MODIFICADO) NA VIABILIDADE DO SÊMEN DE CÃES CONSERVADO POR 24 HORAS EM

Leia mais

EFEITOS DA CRIOPRESERVAÇÃO SOBRE A MORFOLOGIA E MORFOMETRIA DE ESPERMATOZOIDES DE CAPRINOS DILUÍDOS EM MEIO À BASE DA ÁGUA DE COCO EM PÓ (ACP-101c)

EFEITOS DA CRIOPRESERVAÇÃO SOBRE A MORFOLOGIA E MORFOMETRIA DE ESPERMATOZOIDES DE CAPRINOS DILUÍDOS EM MEIO À BASE DA ÁGUA DE COCO EM PÓ (ACP-101c) Ciência Animal 23(2):16-28, 2013 EFEITOS DA CRIOPRESERVAÇÃO SOBRE A MORFOLOGIA E MORFOMETRIA DE ESPERMATOZOIDES DE CAPRINOS DILUÍDOS EM MEIO À BASE DA ÁGUA DE COCO EM PÓ (ACP-101c) (Cryopreservation effects

Leia mais

AVALIAÇÃO IN VITRO DO SÊMEN CAPRINO RESFRIADO, COM OU SEM CENTRIFUGAÇÃO DO PLASMA SEMINAL E DILUÍDO EM LEITE DESNATADO-GLICOSE E TRIS-GEMA DE OVO

AVALIAÇÃO IN VITRO DO SÊMEN CAPRINO RESFRIADO, COM OU SEM CENTRIFUGAÇÃO DO PLASMA SEMINAL E DILUÍDO EM LEITE DESNATADO-GLICOSE E TRIS-GEMA DE OVO Avaliação in vitro do sêmen caprino resfriado, com ou sem centrifugação... 6 7 AVALIAÇÃO IN VITRO DO SÊMEN CAPRINO RESFRIADO, COM OU SEM CENTRIFUGAÇÃO DO PLASMA SEMINAL E DILUÍDO EM LEITE DESNATADO-GLICOSE

Leia mais

MELHORAMENTO GENÉTICO E CRUZAMENTOS DE OVINOS

MELHORAMENTO GENÉTICO E CRUZAMENTOS DE OVINOS UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS CURSO DE ZOOTECNIA OVINOCULTURA MELHORAMENTO GENÉTICO E CRUZAMENTOS DE OVINOS André Gustavo Leão Dourados - MS, 09 de outubro de 2013

Leia mais

EXAME ANDROLÓGICO EM GATOS DOMÉSTICOS (FELIS CATUS) PELO MÉTODO DE ELETROEJACULAÇÃO

EXAME ANDROLÓGICO EM GATOS DOMÉSTICOS (FELIS CATUS) PELO MÉTODO DE ELETROEJACULAÇÃO Revista Eletrônica Novo Enfoque, ano 2010, v. 09, n. 09, p. 14 21 EXAME ANDROLÓGICO EM GATOS DOMÉSTICOS (FELIS CATUS) PELO MÉTODO DE ELETROEJACULAÇÃO VIEIRA D. K.; SUZANO, S. M. C.; PIRES, M. V. M.; ALVARENGA,

Leia mais

COMPORTAMENTO SEXUAL DE CARNEIROS NATIVOS PANTANEIROS EM MATO GROSSO DO SUL

COMPORTAMENTO SEXUAL DE CARNEIROS NATIVOS PANTANEIROS EM MATO GROSSO DO SUL COMPORTAMENTO SEXUAL DE CARNEIROS NATIVOS PANTANEIROS EM MATO GROSSO DO SUL Cesar Miazzi1; Charles Ferreira Martins; Carlos Eurico Fernandes3; Amanda Tosta Carneiro ; Guilherme dos Santos Pinto ; Fernando

Leia mais

HORÁRIO 2016/2 (CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA UFG JATAÍ) - 2º PERÍODO HORA SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA 7:30-8:20h. Metabolismo Celular (T)

HORÁRIO 2016/2 (CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA UFG JATAÍ) - 2º PERÍODO HORA SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA 7:30-8:20h. Metabolismo Celular (T) HORÁRIO 2016/2 (CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA UFG JATAÍ) - 2º PERÍODO Histologia Vet. II (P2) Anatomia Vet. II (T) Bioestatística (T) Metabolismo Celular (T) Anatomia Vet. II (P3) Lab. Microscopia - (22

Leia mais

MORFOLOGIA ESPERMÁTICA DE TOUROS NELORE, PANTANEIRO E CURRALEIRO AVALIADA DE AMOSTRAS COLETADAS DIRETAMENTE DOS TESTÍCULOS E DOS EPIDÍDIMOS

MORFOLOGIA ESPERMÁTICA DE TOUROS NELORE, PANTANEIRO E CURRALEIRO AVALIADA DE AMOSTRAS COLETADAS DIRETAMENTE DOS TESTÍCULOS E DOS EPIDÍDIMOS MORFOLOGIA ESPERMÁTICA DE TOUROS NELORE, PANTANEIRO E CURRALEIRO AVALIADA DE AMOSTRAS COLETADAS DIRETAMENTE DOS TESTÍCULOS E DOS EPIDÍDIMOS Julio Ramos Reis¹; Thaís Mendes Sanches Cavalero¹; José Octavio

Leia mais

EXAME ANDROLÓGICO EM BOVINOS REVISÃO DE LITERATURA ANDROLOGIC EXAM IN CATTLE - LITERATURE REVIEW

EXAME ANDROLÓGICO EM BOVINOS REVISÃO DE LITERATURA ANDROLOGIC EXAM IN CATTLE - LITERATURE REVIEW 131 EXAME ANDROLÓGICO EM BOVINOS REVISÃO DE LITERATURA MARIANO, Renata Sitta Gomes 1 TONETTO, Henrique Cecchino 2 FRARI, Marina Gabriela 2 SAES, Lucas Mazali 3 TOZZETTI, Daniel Soares 2 TEIXEIRA, Pedro

Leia mais

INFLUÊNCIA DE SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO SOBRE A QUALIDADE DO SÊMEN OVINO CRIOPRESERVADO EM PALHETAS

INFLUÊNCIA DE SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO SOBRE A QUALIDADE DO SÊMEN OVINO CRIOPRESERVADO EM PALHETAS Influência de sistemas de refrigeração sobre a qualidade do sêmen ovino criopreservado em palhetas 835 DOI: 10.5216/cab.v11i4.4252 INFLUÊNCIA DE SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO SOBRE A QUALIDADE DO SÊMEN OVINO

Leia mais

Criopreservação de sêmen canino com um diluidor à base de água de coco na forma

Criopreservação de sêmen canino com um diluidor à base de água de coco na forma Criopreservação de sêmen canino com um diluidor à base de água de coco na forma... 1209 CRIOPRESERVAÇÃO DE SÊMEN CANINO COM UM DILUIDOR À BASE DE ÁGUA DE COCO NA FORMA DE PÓ (ACP-106 ): EFEITO DA TEMPERATURA

Leia mais

INTEGRIDADE DAS MEMBRANAS PLASMÁTICA, NUCLEAR E MITOCONDRIAL DE ESPERMATOZÓIDES OVINOS CRIOPRESERVADOS COM ETILENO GLICOL 1

INTEGRIDADE DAS MEMBRANAS PLASMÁTICA, NUCLEAR E MITOCONDRIAL DE ESPERMATOZÓIDES OVINOS CRIOPRESERVADOS COM ETILENO GLICOL 1 Ciência Rural, Santa Maria, v. 29, n. 3, p. 527-531, 1999 ISSN 0103-8478 527 INTEGRIDADE DAS MEMBRANAS PLASMÁTICA, NUCLEAR E MITOCONDRIAL DE ESPERMATOZÓIDES OVINOS CRIOPRESERVADOS COM ETILENO GLICOL 1

Leia mais

Características andrológicas e do sêmen de touros do composto Red Norte (Nelore x Tabapuã x Red Angus x Sinepol)

Características andrológicas e do sêmen de touros do composto Red Norte (Nelore x Tabapuã x Red Angus x Sinepol) Arq. Bras. Med. Vet. Zootec., v.61, n.6, p.1297-1301, 2009 Características andrológicas e do sêmen de touros do composto Red Norte (Nelore x Tabapuã x Red Angus x Sinepol) [Andrological and semen characteristics

Leia mais

(Body growth, testicular biometry and seminal quality of Nelore (Bos Taurus indicus) bulls extensively raised in Middle West of Brazil)

(Body growth, testicular biometry and seminal quality of Nelore (Bos Taurus indicus) bulls extensively raised in Middle West of Brazil) Archives of Veterinary Science, v. 11, n. 3, p. 53-57, 2006 Printed in Brazil ISSN: 1517-784X DESENVOLVIMENTO PONDERAL, BIOMETRIA TESTICULAR E QUALIDADE SEMINAL DE TOUROS NELORE (Bos taurus indicus) CRIADOS

Leia mais

Influência da adição de vitamina E em meios diluentes na qualidade do sêmen fresco diluído, refrigerado e congelado em cães da raça Bulldog Francês

Influência da adição de vitamina E em meios diluentes na qualidade do sêmen fresco diluído, refrigerado e congelado em cães da raça Bulldog Francês Acta Scientiae Veterinariae, 2017. 45: 1428. RESEARCH ARTICLE Pub. 1428 ISSN 1679-9216 Influência da adição de vitamina E em meios diluentes na qualidade do sêmen fresco diluído, refrigerado e congelado

Leia mais

PRODUÇÃO DE SÊMEN DE TOUROS MESTIÇOS Bos taurus/bos indicus 4. REPETIBILIDADE E CORRELAÇÕES FENOTÍPICAS ENTRE AS CARACTERÍSTICAS SEMINAIS 1

PRODUÇÃO DE SÊMEN DE TOUROS MESTIÇOS Bos taurus/bos indicus 4. REPETIBILIDADE E CORRELAÇÕES FENOTÍPICAS ENTRE AS CARACTERÍSTICAS SEMINAIS 1 Código 0098 PRODUÇÃO DE SÊMEN DE TOUROS MESTIÇOS Bos taurus/bos indicus 4. REPETIBILIDADE E CORRELAÇÕES FENOTÍPICAS ENTRE AS CARACTERÍSTICAS SEMINAIS 1 CRISTINA PENA DE ABREU 2, JOANIR PEREIRA ELER 3,

Leia mais

VitalScreen VITALIDADE DO ESPERMA HUMANO POR EXCLUSÃO DE PIGMENTO "USO EM DIAGNÓSTICO IN VITRO"

VitalScreen VITALIDADE DO ESPERMA HUMANO POR EXCLUSÃO DE PIGMENTO USO EM DIAGNÓSTICO IN VITRO VitalScreen VITALIDADE DO ESPERMA HUMANO POR EXCLUSÃO DE PIGMENTO "USO EM DIAGNÓSTICO IN VITRO" I - NOME TÉCNICO OU NOME COMERCIAL DO PRODUTO: VitalScreen Classe I CORANTES CITOLÓGICOS II - RAZÃO SOCIAL

Leia mais

COMO CALCULAR A PROPORÇÃO TOURO:VACA NA ESTAÇÃO DE MONTA DE BOVINOS DE CORTE

COMO CALCULAR A PROPORÇÃO TOURO:VACA NA ESTAÇÃO DE MONTA DE BOVINOS DE CORTE COMO CALCULAR A PROPORÇÃO TOURO:VACA NA ESTAÇÃO DE MONTA DE BOVINOS DE CORTE Rogério Taveira Barbosa 1 1 - Méd. Veterinário, Dr., Pesquisador da Embrapa Pecuária Sudeste, São Carlos, SP PANORAMA DO REBANHO

Leia mais

Características quantitativas e qualitativas do sêmen in natura de suínos da raça Piau

Características quantitativas e qualitativas do sêmen in natura de suínos da raça Piau Características quantitativas e qualitativas do sêmen in natura de suínos da raça Piau Quantitative and qualitative characteristics of raw semen of Piau boars BARROS, Maurício Hoshino da Costa 1 ; SHIOMI,

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia.

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Avaliação do diagnóstico precoce de gestação através de exames citológicos do tecido epitélio vaginal, em ovelhas da raça Santa Inês Adelmo Ferreira

Leia mais

Avaliação dos efeitos da ivermectina de ação prolongada na concentração de 4% sobre as características reprodutivas de touros Nelore

Avaliação dos efeitos da ivermectina de ação prolongada na concentração de 4% sobre as características reprodutivas de touros Nelore Avaliação dos efeitos da ivermectina de ação prolongada na concentração de 4% sobre as características reprodutivas de touros Nelore Evaluation of the Effects of Long-action Ivermectin at a Concentration

Leia mais

Seleção de touros jovens Nelore por meio de exames zootécnico e andrológico e da eficiência reprodutiva durante uma estação de monta 1

Seleção de touros jovens Nelore por meio de exames zootécnico e andrológico e da eficiência reprodutiva durante uma estação de monta 1 ISSN 1809-4678 Seleção de touros jovens Nelore por meio de exames zootécnico e andrológico e da eficiência reprodutiva durante uma estação de monta 1 (Selection of young Nelore bulls by breed standard

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE INTERFACE AMIGÁVEL DE ROTINAS EM C++ PARA SEGMENTAÇÃO DE IMAGENS DE ESPERMATOZÓIDES OBTIDAS DE ESFREGAÇOS DE SÊMEN

DESENVOLVIMENTO DE INTERFACE AMIGÁVEL DE ROTINAS EM C++ PARA SEGMENTAÇÃO DE IMAGENS DE ESPERMATOZÓIDES OBTIDAS DE ESFREGAÇOS DE SÊMEN DESENVOLVIMENTO DE INTERFACE AMIGÁVEL DE ROTINAS EM C++ PARA SEGMENTAÇÃO DE IMAGENS DE ESPERMATOZÓIDES OBTIDAS DE ESFREGAÇOS DE SÊMEN ALINE GUARATO DOS SANTOS 1, MARCELO EMÍLIO BELETTI 2 Resumo: O espermograma

Leia mais

Viabilidade do sêmen equino armazenado em sistema de polietileno para transporte por oito horas

Viabilidade do sêmen equino armazenado em sistema de polietileno para transporte por oito horas Acta Scientiae Veterinariae, 2016. 44: 1429. RESEARCH ARTICLE Pub. 1429 ISSN 1679-9216 Viabilidade do sêmen equino armazenado em sistema de polietileno para transporte por oito horas Viability of Equine

Leia mais

AVALIAÇÃO ULTRASSONOGRAFIA DA ECOGENICIDADE DO PARÊNQUIMA TESTICULAR COMO EXAME COMPLEMENTAR NO ANDROLÓGICO DE CARNEIROS

AVALIAÇÃO ULTRASSONOGRAFIA DA ECOGENICIDADE DO PARÊNQUIMA TESTICULAR COMO EXAME COMPLEMENTAR NO ANDROLÓGICO DE CARNEIROS AVALIAÇÃO ULTRASSONOGRAFIA DA ECOGENICIDADE DO PARÊNQUIMA TESTICULAR COMO EXAME COMPLEMENTAR NO ANDROLÓGICO DE CARNEIROS 31 TEIXEIRA, Pedro Paulo Maia 1 OLIVEIRA, Maria Emilia Franco 2 D'AMATO, Carla Cristina

Leia mais

MEDICINA VETERINÁRIA

MEDICINA VETERINÁRIA Efeito de diferentes protocolos de descongelação sobre o sêmen canino criopreservado... 845 MEDICINA VETERINÁRIA DOI: 10.5216/cab.v11i4.2449 EFEITO DE DIFERENTES PROTOCOLOS DE DESCONGELAÇÃO SOBRE O SÊMEN

Leia mais

INFLUÊNCIA DAS ESTAÇÕES SECA E CHUVOSA SOBRE AS CARACTERÍSTICAS SEMINAIS DE TOUROS DAS RAÇAS NELORE, GIR E HOLANDÊS CRIADOS À PASTO

INFLUÊNCIA DAS ESTAÇÕES SECA E CHUVOSA SOBRE AS CARACTERÍSTICAS SEMINAIS DE TOUROS DAS RAÇAS NELORE, GIR E HOLANDÊS CRIADOS À PASTO 145 INFLUÊNCIA DAS ESTAÇÕES SECA E CHUVOSA SOBRE AS CARACTERÍSTICAS SEMINAIS DE TOUROS DAS RAÇAS NELORE, GIR E HOLANDÊS CRIADOS À PASTO Katiana Mello de Oliveira 1, Adriana Mendes Duarte 2, Mara Regina

Leia mais

Categorização de estado de risco de uma população

Categorização de estado de risco de uma população INCT: Informação Genético-Sanitária da Pecuária Brasileira SÉRIE TÉCNICA: GENÉTICA Publicado on-line em www.animal.unb.br em 07/01/2011 Categorização de estado de risco de uma população Concepta McManus

Leia mais

Avaliação andrológica por pontos e comportamento sexual em touros da raça Nelore. Andrologic evaluation by points and sexual behavior in Nelore bulls

Avaliação andrológica por pontos e comportamento sexual em touros da raça Nelore. Andrologic evaluation by points and sexual behavior in Nelore bulls Revista Brasileira de Zootecnia ISSN 1516-3598 (impresso) ISSN 1806-9290 (on-line) www.sbz.org.br R. Bras. Zootec., v.38, n.6, p.1018-1025, 2009 Avaliação andrológica por pontos e comportamento sexual

Leia mais

Correlações genéticas e fenotípicas entre características reprodutivas e produtivas de touros da raça Nelore

Correlações genéticas e fenotípicas entre características reprodutivas e produtivas de touros da raça Nelore Características reprodutivas e produtivas de touros Nelore 53 Correlações genéticas e fenotípicas entre características reprodutivas e produtivas de touros da raça Nelore Juliano Cesar Dias (1), Venício

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Alterações reprodutivas em garanhão após quadro clínico de broncopneumonia

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Alterações reprodutivas em garanhão após quadro clínico de broncopneumonia PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Alterações reprodutivas em garanhão após quadro clínico de broncopneumonia Ludmila Souza Fermandes 1, Polyana Galvão Bernardes Coelho 1, Rogério

Leia mais

INSTRUÇÕES DE TRABALHO

INSTRUÇÕES DE TRABALHO Versão: 2016.00 Pag.: 1 de 6 1. FINALIDADE DO MÉTODO 1.1 A análise do esperma fornece uma fotografia instantânea do potencial de fertilidade masculina e é um teste inicial, uma triagem, para a avaliação

Leia mais

TÍTULO: AVALIAÇÃO QUANTITATIVA E QUALITATIVA MORFOLÓGICA DE ESPERMATOZOIDES OBTIDOS DE TECIDO E PAPEL, A PARTIR DE DILUIÇÕES SERIADAS.

TÍTULO: AVALIAÇÃO QUANTITATIVA E QUALITATIVA MORFOLÓGICA DE ESPERMATOZOIDES OBTIDOS DE TECIDO E PAPEL, A PARTIR DE DILUIÇÕES SERIADAS. TÍTULO: AVALIAÇÃO QUANTITATIVA E QUALITATIVA MORFOLÓGICA DE ESPERMATOZOIDES OBTIDOS DE, A PARTIR DE DILUIÇÕES SERIADAS. CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

Leia mais

Efeito de diferentes tempos de equilíbrio na criopreservação de sêmen de garanhões

Efeito de diferentes tempos de equilíbrio na criopreservação de sêmen de garanhões 172 http://dx.doi.org/10.4322/rbcv.2014.105 Efeito de diferentes tempos de equilíbrio na criopreservação de sêmen de garanhões Effect of different equilibration times on cryopreservation of stallion semen

Leia mais

Adição da polpa liofilizada do Noni em diluente para congelação de sêmen sobre a integridade da membrana plasmática de espermatozoides ovinos

Adição da polpa liofilizada do Noni em diluente para congelação de sêmen sobre a integridade da membrana plasmática de espermatozoides ovinos SCIENTIA PLENA VOL. 11, NUM. 04 2015 www.scientiaplena.org.br Adição da polpa liofilizada do Noni em diluente para congelação de sêmen sobre a integridade da membrana plasmática de espermatozoides ovinos

Leia mais

Características andrológicas de caprinos Anglonubiano submetidos ao semiárido

Características andrológicas de caprinos Anglonubiano submetidos ao semiárido HTTP://DX.DOI.ORG/10.22256/PUBVET.V11N5.532-537 Características andrológicas de caprinos Anglonubiano submetidos ao semiárido Ingrid Rodrigues Sousa¹, Valdenio Mendes Mascena 2, Jefté Ferreira da Silva

Leia mais

AVALIAÇÃO DOS PARÂMETROS QUALITATIVOS DE DOSES INSEMINANTES SUÍNAS SUBMETIDAS A SEPARAÇÃO ESPERMÁTICA EM COLUNA DE LÃ DE VIDRO

AVALIAÇÃO DOS PARÂMETROS QUALITATIVOS DE DOSES INSEMINANTES SUÍNAS SUBMETIDAS A SEPARAÇÃO ESPERMÁTICA EM COLUNA DE LÃ DE VIDRO AVALIAÇÃO DOS PARÂMETROS QUALITATIVOS DE DOSES INSEMINANTES SUÍNAS SUBMETIDAS A SEPARAÇÃO ESPERMÁTICA EM COLUNA DE LÃ DE VIDRO Autores: João Luis dos SANTOS¹³, Lucio Pereira RAUBER², Lucas Dalle Laste

Leia mais

Sistema Reprodutor e Tecnologia da Reprodução Medicamente Assistida

Sistema Reprodutor e Tecnologia da Reprodução Medicamente Assistida MESTRADO INTEGRADO EM ENGENHARIA BIOMÉDICA DISCIPLINA DE ANATOMIA E HISTOLOGIA Sistema Reprodutor e Tecnologia da Reprodução Medicamente Assistida Carlos Plancha Instituto de Histologia e Biologia do Desenvolvimento

Leia mais

ISSN Acta Veterinaria Brasilica, v.7, n.4, p , 2013

ISSN Acta Veterinaria Brasilica, v.7, n.4, p , 2013 TESTE DE LIGAÇÃO DO ESPERMATOZOIDE À MEMBRANA PERIVITELINA DA GEMA DE OVO APÓS ADIÇÃO DE RINGER LACTATO, CITRATO DE SÓDIO 2,92 % E SOLUÇÃO TRIS NO SÊMEN CAPRINO DESCONGELADO [Sperm-perivitelline membrane

Leia mais

Revista Agrarian ISSN:

Revista Agrarian ISSN: Diluentes para sêmen de carneiros nativos de Mato Grosso do Sul Extenders for native ram semen in Mato Grosso do Sul Antonio Carlos Duenhas Monreal 1,Ricardo Freitas Schmid 1, José Geraldo Souza de Paula

Leia mais

EFEITO DA FRAÇÃO DO EJACULADO E DO MÉTODO DE CONSERVAÇÃO SOBRE AS CARACTERÍSTICAS FÍSICAS DO SÊMEN SUÍNO E A FERTILIDADE DE FÊMEAS

EFEITO DA FRAÇÃO DO EJACULADO E DO MÉTODO DE CONSERVAÇÃO SOBRE AS CARACTERÍSTICAS FÍSICAS DO SÊMEN SUÍNO E A FERTILIDADE DE FÊMEAS UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS ESCOLA DE VETERINÁRIA Colegiado dos Cursos de Pós-Graduação EFEITO DA FRAÇÃO DO EJACULADO E DO MÉTODO DE CONSERVAÇÃO SOBRE AS CARACTERÍSTICAS FÍSICAS DO SÊMEN SUÍNO

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Disponível em: <http://www.pubvet.com.br/texto.php?id=155>.

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Disponível em: <http://www.pubvet.com.br/texto.php?id=155>. PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Disponível em: . Correlação entre circunferência escrotal e medidas corporais de ovinos da raça Santa

Leia mais

AULA PRÁTICA 3-02/06/2015. Roteiro de aula prática. Infecção de macrófagos por Leishmania (Leishmania) amazonensis

AULA PRÁTICA 3-02/06/2015. Roteiro de aula prática. Infecção de macrófagos por Leishmania (Leishmania) amazonensis AULA PRÁTICA 3-02/06/2015 Roteiro de aula prática Infecção de macrófagos por Leishmania (Leishmania) amazonensis Macrófagos previamente plaqueados e infectados com formas promastigotas de Leishmania (Leishmania)

Leia mais

CARACTERÍSTICAS SEMINAIS DE CAPRINOS SADIOS E INFECTADOS PELO LENTIVÍRUS DE PEQUENOS RUMINANTES EM SOBRAL-CE

CARACTERÍSTICAS SEMINAIS DE CAPRINOS SADIOS E INFECTADOS PELO LENTIVÍRUS DE PEQUENOS RUMINANTES EM SOBRAL-CE CARACTERÍSTICAS SEMINAIS DE CAPRINOS SADIOS E INFECTADOS PELO LENTIVÍRUS DE PEQUENOS RUMINANTES EM SOBRAL-CE Elizângela Pinheiro Pereira 1 ; Rosivaldo Quirino Bezerra Junior 2 ; João Ricardo Furtado 3

Leia mais

BIOMETRIA E AVALIAÇÃO TESTICULAR DE TOURINHOS DA RAÇA NELORE NA AMAZÔNIA LEGAL

BIOMETRIA E AVALIAÇÃO TESTICULAR DE TOURINHOS DA RAÇA NELORE NA AMAZÔNIA LEGAL BIOMETRIA E AVALIAÇÃO TESTICULAR DE TOURINHOS DA RAÇA NELORE NA AMAZÔNIA LEGAL Hugo Leonardo Miranda 1 ; Márcio Gianordoli Teixeira Gomes 2 1 Aluno do Curso de Zootecnia; Campus de Araguaína; e-mail: PIVIC/UFT

Leia mais

Efeito da congelação vertical e horizontal na qualidade do sêmen caprino

Efeito da congelação vertical e horizontal na qualidade do sêmen caprino Acta Scientiarum 20(3):361-365, 1998. ISSN 1415-6814. Efeito da congelação vertical e horizontal na qualidade do sêmen caprino Carlos Maia Betini 1 *, Gentil Vanini de Moraes 2 e Luiz Paulo Rigolon 2 1

Leia mais

Viabilidade do sêmen congelado obtido do epidídimo de touros post-mortem

Viabilidade do sêmen congelado obtido do epidídimo de touros post-mortem 190 http://dx.doi.org/10.4322/rbcv.2014.097 Viabilidade do sêmen congelado obtido do epidídimo de touros post-mortem Viability of frozen semen obtained from epididymis of bulls post-mortem Luciano Munita

Leia mais

Avaliação de parâmetros andrológicos de touros das raças Holandesa e Guzerá submetidos ao Semiárido

Avaliação de parâmetros andrológicos de touros das raças Holandesa e Guzerá submetidos ao Semiárido SCIENTIA PLENA VOL. 11, NUM. 04 2015 www.scientiaplena.org.br Avaliação de parâmetros andrológicos de touros das raças Holandesa e Guzerá submetidos ao Semiárido J. P. O. Maciel 1 ; E. J. Silva 1 ; P.

Leia mais

CONTAGEM DE CÉLULAS SOMÁTICAS E BACTERIANAS DO LEITE CRU REFRIGERADO CAPTADO EM TRÊS LATICÍNIOS DA REGIÃO DA ZONA DA MATA (MG)

CONTAGEM DE CÉLULAS SOMÁTICAS E BACTERIANAS DO LEITE CRU REFRIGERADO CAPTADO EM TRÊS LATICÍNIOS DA REGIÃO DA ZONA DA MATA (MG) 131 CONTAGEM DE CÉLULAS SOMÁTICAS E BACTERIANAS DO LEITE CRU REFRIGERADO CAPTADO EM TRÊS LATICÍNIOS DA REGIÃO DA ZONA DA MATA (MG) Gilmara Cláudia Bordoni Silva 1, Ricardo Celes Maia 2, Adriano França

Leia mais

Efeito da porção do ejaculado e do método de resfriamento sobre as características físicas do sêmen suíno

Efeito da porção do ejaculado e do método de resfriamento sobre as características físicas do sêmen suíno Arq. Bras. Med. Vet. Zootec., v.63, n.6, p.1287-1294, 2011 Efeito da porção do ejaculado e do método de resfriamento sobre as características físicas do sêmen suíno [Effect of ejaculate portion and conservation

Leia mais

Avaliação da capacidade reprodutiva de touros da raça Nelore através da classificação andrológica por pontos (CAP) e do teste da libido (1)

Avaliação da capacidade reprodutiva de touros da raça Nelore através da classificação andrológica por pontos (CAP) e do teste da libido (1) ISSN 1809-4678 Avaliação da capacidade reprodutiva de touros da raça Nelore através da classificação andrológica por pontos (CAP) e do teste da libido (1) (Evaluation of reproductive capacity of Nelore

Leia mais

Ciência Rural ISSN: 0103-8478 cienciarural@mail.ufsm.br Universidade Federal de Santa Maria Brasil

Ciência Rural ISSN: 0103-8478 cienciarural@mail.ufsm.br Universidade Federal de Santa Maria Brasil Ciência Rural ISSN: 0103-8478 cienciarural@mail.ufsm.br Universidade Federal de Santa Maria Brasil de Melo Costa, Priscila; Martins, Carlos Frederico; de Oliveira Franco, Vanessa; Fonseca Rezende, Luiz

Leia mais