Tecnologia de produção de fertilizantes organominerais utilizando produtos da Compostagem

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Tecnologia de produção de fertilizantes organominerais utilizando produtos da Compostagem"

Transcrição

1 Tecnologia de produção de fertilizantes organominerais utilizando produtos da Compostagem Palestrante: Organosolvi Vicente Linhares Júnior - Grupo Solvi

2

3 Introdução A SOLVÍ O Grupo A Solví - Soluções para a Vida, é protagonista do desenvolvimento sustentável e oferece soluções em saneamento, valorização energética e engenharia. São 57 empresas no Grupo e um Centro de Serviços Compartilhados.

4 Introdução Atendimento a legislação POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS Lei Federal nº de 02/08/2010 CAPÍTULO II - DEFINIÇÕES Art. 3o Para os efeitos desta Lei, entende-se por: VII - destinação final ambientalmente adequada: destinação de resíduos que inclui a reutilização, a reciclagem, a compostagem, a recuperação e o aproveitamento energético ou outras destinações... Brasil, 2010

5 Introdução Solví Soluções Industriais

6 A Organosolví A OrganoSolví oferece a tecnologia sustentável de compostagem como uma opção de valorização de resíduos orgânicos classes II A e II B inertes, permitindo aos clientes atender os requisistos da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS). Coroados SP: 96 mil toneladas/ano de fertilizante granulado e farelado. Aracruz ES: 30 mil toneladas/ano de fertilizante granulado e farelado. Dourados MS: 30 mil toneladas/ano de fertilizante granulado e farelado.

7 UNIDADE COROADOS

8 UNIDADE COROADOS

9 UNIDADE COROADOS

10 UNIDADE COROADOS

11 UNIDADE COROADOS

12 UNIDADE COROADOS

13 UNIDADE COROADOS

14 UNIDADE COROADOS

15 Produção intensiva dos animais geram resíduos. 15 milhões de toneladas carnes de aves Fonte: Avisite/USDA dados básico milhões de animais abatidos em milhões de bovinos, O Brasil tem o maior rebanho comercial do mundo 2015.

16 Resíduos Agroindústriais Resíduo avicola Resíduo da Agroindústrial do complexo soja Farinha de osso Resíduo de Frigoríficos

17 Resíduos Classe II A e II B: Resíduos de rúmen bovino Esterco bovino Cama de frango Bagaço de cana Borra de papel Varredura líquida Cinza de caldeira Resíduos de incubatório Sangue bovino Galhos de arvores triturados Terra Füller Varredura de soja RESÍDUOS Qualidade das matérias primas orgânicas, e de fundamental importância no processo de Compostagem e efeito Agronômico.

18 PRODUTOS

19 Aplicação dos composto orgânico no solo Aplicação segura do composto orgânico na Agricultura/Mapa Livre de patógenos Baixos teores de metais pesados Atendimento a legislação de registro de produto / Mapa Contribuição para aumento das produtividades nas culturas indicadas

20 Resíduos de qualidade, geram fertilizantes orgânicos de qualidades. Forma física farelada Forma física granulado

21 Diferenciais do Produto Efeitos no solo e no sistema produtivo; Fornece Macro e Micro Nutrientes ; Fósforo e Nitrogênio orgânicos + (N,P,K ) minerais; O fertilizante complexa Ca +, Fe ++ e Al ++ Recupera solos degradados e desequilibrados; Aumenta a retenção dos nutrientes minerais ; Liberação gradual e contínua dos nutrientes; Funciona como reservatório de água; Promove condições de atividade microbiana ; Reduz a fixação e a perda de nutrientes no solo; Aumenta a eficiência da adubação mineral do solo

22 Potencial para fertilizante Organomineral Consumo de fertilizantes, produção e importação.

23 Qualidade do Produto - Operacional Fluxo Continuo na Rosca

24 A SOLVÍ A Tecnologia Redução de 37% na doses da formulação

25 RESULTADOS AGRONÔMICOS Fornecedor da: Renuka Lins-SP - Fazenda Carlota Variedade: RB Produtividade média cana planta: 155 TCH Produtividade média geral safra: 90 TCH 2013/2014 safra: 78 TCH Recomendação de Adubação Resultados de campo - Farelado Adubação mineral: 500 kg de Adubação Orgânica: 2 ton/ha na brotação da cana plantio Após a aplicação foi realizada a incorporação e posteriormente o plantio com a utilização de 500 kg há da formula III I III IV II IV Melhorias nas condições de solo

26 RESULTADOS AGRONÔMICOS Dose t ha TCH ATR *Preço R$/kg ATR Resultados de campo - Farelado **Preço R$/ton Cana Receita Bruta R$/ha % Ganho Bruta ***Custo A. Or. R$/ton Renda Líquida ha R$ 0 89,16 106,5 0, , , ,97 % Receita líquido 2 106,7 109,13 0, , ,44 16,44% ,44 11,6% 4 115, , , ,32 22,87% ,32 14,2% 6 122, , , ,31 27,39% ,31 15,2% * Preço do kg ATR Consecana SP - média safra 2014/2015 **Preço Cana Campo SP R$ 51,11 ***Custo da t. Fert. Orgânico R$ = 150,00/ton Efeito residual na brotação da soqueira na área de teste S/ fertilizante orgânico O fertilizante da Organosolví proporcionou ganhos de produtividade acima de 16% com um efeito residual positivo na brotação na soqueira. Renuka, fazenda Carlota Lins-SP

27 RESULTADOS AGRONÔMICOS Resultados de campo - Farelado Fornecedor da: Aguinaldo de Almeida Prado Fazenda São Sebastião Produtividade média cana planta: 155 TCH Produtividade média geral safra: 90 TCH 2013/2014 safra: 78 TCH Recomendação de Adubação Adubação mineral: 400 kg de Adubação Orgânica: 2 ton/ha na brotação da cana plantio Adubação mineral 600 kg / /ha Adubação mineral 400 kg / ha + Adubação Orgânica 2 Toneladas/ha Produção 145 TCH Produção 160 TCH Ganhos de produtividade de 9,37% com redução de 33,33% na dosagem do mineral.

28 RESULTADOS AGRONÔMICOS Cliente: Usina Benalco Variedade: RB Plantio: abril/maio 2012 Resultados de campo - Farelado Forma de Aplicação Descrição do fertilizantes TCH Ganhos de produtividade (%) S/ Aplicação S/ NPK (Controle) 111,11 - Sulco de Plantio Fert. Mineral (150kg de P2O5) 127,00 14,31 Sulco de Plantio Sulco de Plantio Fert. M 120kg de P2O5 + Fert. Org. 2Ton F. Org. Fert. M 90kg de P2O5 + Fert. Org. 4Ton F. Org. 143,72 29,34 131,33 18,11 Sulco de Plantio Fert. M 60kg de P2O5 + Fert. Org. 6Ton F. Org. 144,43 29,11 Estudo realizado pela ESALQ/USP/GAPE Sulco de Plantio Fert. Org. 10Ton F. Org. 118,75 6,88 O fertilizante da Organosolví mesmo com reduções de 20% de nutrientes gerou ganhos de produtividade acima de 18%.

29 RESULTADOS AGRONÔMICOS Cliente: Usina Benalco Variedade: RB Plantio: abril/maio 2012 Resultados de campo - Farelado Forma de Aplicação Descrição do fertilizantes TCH Ganhos de produtividade (%) S/ Aplicação S/ NPK (Controle) 111,11 - Área total + Sulco Fosfatagem mineral + Fert. Orgânica 133,25 19,92 Área total + Sulco Fosfatagem mineral + Fert. Mineral 121,88 9,70 Área total + Sulco Fosfatagem Orgânica + Fert. Orgânico (sulco) 140,63 26,56 Área total + Sulco Estudo realizado pela ESALQ/USP/GAPE Fosfatagem Orgânica + Fert. 151,04 35,95 Mineral(sulco) Fosfatagem 100kg de P2O5 - Sulco de plantio 150kg de P2O5 O fertilizante da Organosolví pode chegar a ganhos superiores a 35%.

30 Resultados em Campo Clientes RESULTADOS Organomineral 350 kg/ha Mineral 350 kg/ha Safra 2015 Feijão

31 Resultados em Campo Clientes RESULTADOS Mineral 350 kg/ha Organomineral 350 kg/ha Safra 2015 Holambra

32 Resultados em Campo Clientes Desenvolvimento da cultura RESULTADOS Safra 2015 Feijão de Inverno

33 Resultados em Campo Clientes Fechamento das linhas de plantio pelas plantas Mineral Organomineral Safra 2015 Organomineral 350 kg/ha

34 Resultados em Campo Clientes Florescimento Pleno- Sanidade RESULTADOS Safra 2015 Feijão plantio de inverno organomineral

35 Resultados em Campo Clientes N o de Grãos por vagem RESULTADOS N o de vagens Componente da produtividade. Safra 2015 Feijão plantio de inverno com fertilizante organomineral

36 A organosolví tem a completa solução nutricional para sua Lavoura. Plantio Cobertura Manutenção

37 Recomendações de uso

38 Formulações Organomineral Cana Pasto Soja Milho Hortifrúti

39 Material técnico Comercial

40 Material técnico Comercial

41 Desafios Desenvolvimento do Mercado de Adubos Organicos Atestação Técnica dos Benefícios Organo Farelado - escala de volume de vendas x baixo valor agregado Organo Mineral tem sua precificação atrelado ao mercado do Mineral (Commodity) Organo Mineral: Margens x Escala SUSTENTABILIDADE ECONÔMICA E PERENIDADE

42 Fim Obrigado pela Atenção Palestrante: Organosolvi Vicente Linhares Júnior - Grupo Solvi

Eng. Ivan D. C. Rodrigues Eng. Agr. Msc. Julio Cesar dos Reis Pereira. Soluções Orgânicas para a Vida

Eng. Ivan D. C. Rodrigues Eng. Agr. Msc. Julio Cesar dos Reis Pereira. Soluções Orgânicas para a Vida Eng. Ivan D. C. Rodrigues Eng. Agr. Msc. Julio Cesar dos Reis Pereira Apresentação do Grupo Resíduos Públicos Resíduos Privados Saneamento Valorização Energética Colaboradores: 22.600 mil População Atendida:

Leia mais

Produtividade: Interação entre Adubação Fosfatada de Pastagens e Suplementação Mineral

Produtividade: Interação entre Adubação Fosfatada de Pastagens e Suplementação Mineral 0 Produtividade: Interação entre Adubação Fosfatada de Pastagens e Suplementação Mineral Paulo Rodrigo Santos de Souza Zootecnista, Msc. Produção Animal 1 Pecuária Brasileira no Mundo Brasil é o maior

Leia mais

Corretivos Adubos e Adubações. Prof. ELOIR MISSIO

Corretivos Adubos e Adubações. Prof. ELOIR MISSIO Corretivos Adubos e Adubações Prof. ELOIR MISSIO ADUBAÇÃO ORGÂNICA Fertilidade dos solos e manejo da adubação de culturas. Carlos A. Bissani; Clesio Gianello; Marino J. Tedesco; Flávio A. O. Camargo. Porto

Leia mais

Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Rurais Curso de Zootecnia Disciplina de Manejo e fertilidade do Solo ADUBAÇÃO ORGÂNICA

Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Rurais Curso de Zootecnia Disciplina de Manejo e fertilidade do Solo ADUBAÇÃO ORGÂNICA Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Rurais Curso de Zootecnia Disciplina de Manejo e fertilidade do Solo ADUBAÇÃO ORGÂNICA Elisandra Pocojeski Prof. Gustavo Brunetto Santa Maria, 17

Leia mais

15º Encontro Técnico Internacional de Alto Nível: Compostagem em Escala Industrial

15º Encontro Técnico Internacional de Alto Nível: Compostagem em Escala Industrial 15º Encontro Técnico Internacional de Alto Nível: Compostagem em Escala Industrial Da Torta de Filtro ao Fertilizante Organomineral Estudo de Caso do Setor Sucroalcooleiro. Engª Agrª Camila Martinez Guidi

Leia mais

APRESENTAÇÃO: FERTILIZANTE TERRAPLANT

APRESENTAÇÃO: FERTILIZANTE TERRAPLANT APRESENTAÇÃO: FERTILIZANTE TERRAPLANT DESCRIÇÃO DO PRODUTO Fertilizante proveniente de cama de aviário; Fonte de macro e micro nutrientes; Fonte excepcional de matéria orgânica. DESCRIÇÃO DO PRODUTO Para

Leia mais

Modelo de gestão ambiental para a suinocultura. Rodrigo S. Nicoloso Eng. Agrônomo, Dr. Núcleo Temático de Meio Ambiente Embrapa Suínos e Aves

Modelo de gestão ambiental para a suinocultura. Rodrigo S. Nicoloso Eng. Agrônomo, Dr. Núcleo Temático de Meio Ambiente Embrapa Suínos e Aves Modelo de gestão ambiental para a suinocultura Rodrigo S. Nicoloso Eng. Agrônomo, Dr. Núcleo Temático de Meio Ambiente Embrapa Suínos e Aves Conceito: balanço de nutrientes Fertilizantes (NPK) Propriedade

Leia mais

FERTILIZANTES ORGÂNICOS E SEU EMPREGO

FERTILIZANTES ORGÂNICOS E SEU EMPREGO UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA SUPERIOR DE AGRICULTURA LUIZ DE QUEIROZ Departamento de Ciência do Solo LSO-810 Adubos e Adubação FERTILIZANTES ORGÂNICOS E SEU EMPREGO Prof. Dr. Rafael Otto Piracicaba/SP

Leia mais

Equipe Principal: Jonas Irineu dos Santos Filho, Marcelo Miele,

Equipe Principal: Jonas Irineu dos Santos Filho, Marcelo Miele, Plano de Ação: 12. Avaliação econômica, social e ambiental das tecnologias e elaboração de planos de negócio Equipe Principal: Jonas Irineu dos Santos Filho, Marcelo Miele, Objetivo Final - Plano de Negocio

Leia mais

DominiSolo. Empresa. A importância dos aminoácidos na agricultura. Matérias-primas DominiSolo para os fabricantes de fertilizantes

DominiSolo. Empresa. A importância dos aminoácidos na agricultura. Matérias-primas DominiSolo para os fabricantes de fertilizantes DominiSolo Empresa A DominiSolo é uma empresa dedicada à pesquisa, industrialização e comercialização de inovações no mercado de fertilizantes. Está localizada no norte do Estado do Paraná, no município

Leia mais

Produção de fertilizante organomineral granulado a partir de dejetos de suínos e aves no Brasil

Produção de fertilizante organomineral granulado a partir de dejetos de suínos e aves no Brasil XXIX Reunião Brasileira de Fertilidade do Solo e Nutrição de Plantas XIII Reunião Brasileira sobre Micorrizas XI Simpósio Brasileiro de Microbiologia do Solo VIII Reunião Brasileira de Biologia do Solo

Leia mais

ADUBOS FLUÍDOS (líquidos)

ADUBOS FLUÍDOS (líquidos) Universidade Federal do Paraná Departamento de Solos e Engenharia Agrícola Volnei Pauletti ADUBOS FLUÍDOS (líquidos) Conceitos Uso Vantagens Matérias primas Fabricação 1 Adubos líquidos ou fluídos: CONCEITOS

Leia mais

MERCADO DE INSUMOS ORGÂNICOS: DESAFIOS E OPORTUNIDADES

MERCADO DE INSUMOS ORGÂNICOS: DESAFIOS E OPORTUNIDADES MERCADO DE INSUMOS ORGÂNICOS: DESAFIOS E OPORTUNIDADES Eng o Agr o Dr. Gean Carlos Silva Matias Diretor Técnico de Fertilizantes Orgânicos, Condicionadores de solos Substratos Fone: (16) 99975-7813 E-mail:

Leia mais

SELEÇÃO E CUIDADOS COM AS RAQUETES

SELEÇÃO E CUIDADOS COM AS RAQUETES P A L PALMA GIGANTE PALMA MIÚDA PALMA MIÚDA P A L PALMA REDONDA SELEÇÃO E CUIDADOS COM AS RAQUETES PLANTAS MATRIZES SELEÇÃO DAS RAQUETES SELEÇÃO DAS RAQUETES SELEÇÃO DAS RAQUETES P A L CURA CURA CURA CURA

Leia mais

Panorama do setor sucroenergético para a safra atual e perspectivas para 2012/13

Panorama do setor sucroenergético para a safra atual e perspectivas para 2012/13 Panorama do setor sucroenergético para a safra atual e perspectivas para 2012/13 Vanessa Nardy Agribusiness Research & Knowledge Center Pricewaterhouse Coopers Situação do setor sucroenergético no Brasil

Leia mais

Boas Práticas para Uso Eficiente de Fertilizantes na Cultura do Café. Valter Casarin IPNI Programa Brasil

Boas Práticas para Uso Eficiente de Fertilizantes na Cultura do Café. Valter Casarin IPNI Programa Brasil Boas Práticas para Uso Eficiente de Fertilizantes na Cultura do Café Valter Casarin IPNI Programa Brasil Ranking da produção e exportação mundial Suco de laranja Açúcar Café Carne Soja Frango Milho Porco

Leia mais

Produtividade de Matéria Seca de Capim Brachiaria brizantha cv. Marandu, com residual de 8 Toneladas de Cama Aviária e Diferentes Doses de Nitrogênio.

Produtividade de Matéria Seca de Capim Brachiaria brizantha cv. Marandu, com residual de 8 Toneladas de Cama Aviária e Diferentes Doses de Nitrogênio. Produtividade de Matéria Seca de Capim Brachiaria brizantha cv. Marandu, com residual de 8 Toneladas de Cama Aviária e Diferentes Doses de Nitrogênio.. SODRÉ M. C. R. F ¹, CARBALIAL M. R. ², DIOG M. F.

Leia mais

SETOR DE FERTILIZANTES E CORRETIVOS: CENÁRIOS E POTENCIAL NO ESTADO DE MINAS GERAIS. Álvaro Resende

SETOR DE FERTILIZANTES E CORRETIVOS: CENÁRIOS E POTENCIAL NO ESTADO DE MINAS GERAIS. Álvaro Resende SETOR DE FERTILIZANTES E CORRETIVOS: CENÁRIOS E POTENCIAL NO ESTADO DE MINAS GERAIS Álvaro Resende Belo Horizonte, 03/08/2015 A CADEIA DE FERTILIZANTES NPK N P K Grandes e poucas empresas Mercados e preços

Leia mais

3 Adubação Química Parcial + Adubação Orgânica / Esterco de Curral 5 ton/ha ( AQ1+EC5)

3 Adubação Química Parcial + Adubação Orgânica / Esterco de Curral 5 ton/ha ( AQ1+EC5) ADUBAÇÃO ORGÂNICA COM ESTERCO DE CURRAL CURTIDO ASSOCIADA COM A ADUBAÇÃO QUÍMICA N P K S NA FORMA COMPENSADA DURANTE A FORMAÇÃO DA LAVOURA DE CAFÉ EM SOLO CERRADO LVE R. Santinato Engº Agrº MAPA-Procafé;

Leia mais

Plano de aula. ZOOTECNIA I (Suínos) 01/04/2016. Resíduos de origem animal. Produção Animal vs Impacto Ambiental. Dejetos. Problemas.

Plano de aula. ZOOTECNIA I (Suínos) 01/04/2016. Resíduos de origem animal. Produção Animal vs Impacto Ambiental. Dejetos. Problemas. UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO Campus de Jaboticabal Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias 1 Plano de aula ZOOTECNIA I (Suínos) Resíduos Dejetos Msc. Fabrício Faleiros de

Leia mais

Adubação do Milho Safrinha. Aildson Pereira Duarte Instituto Agronômico (IAC), Campinas

Adubação do Milho Safrinha. Aildson Pereira Duarte Instituto Agronômico (IAC), Campinas Adubação do Milho Safrinha Aildson Pereira Duarte Instituto Agronômico (IAC), Campinas Produtividade, kg/ha Área (milhões ha) AUMENTO DA ÁREA E PRODUTIVIDADE 8000,0 7000,0 6000,0 Total MT 7.012 5000,0

Leia mais

Adubação do milho safrinha: Nitrogênio e Fósforo.

Adubação do milho safrinha: Nitrogênio e Fósforo. Adubação do milho safrinha: Nitrogênio e Fósforo. Eng. Agr. Dr. Douglas de Castilho Gitti Pesquisador Manejo e Fertilidade do Solo (67) 9681-7293 douglas@fundacaoms.org.br Roteiro da Palestra 1. Ambientes

Leia mais

MANEJO DE NUTRIENTES NO ALGODOEIRO Solos de Goiás

MANEJO DE NUTRIENTES NO ALGODOEIRO Solos de Goiás MANEJO DE NUTRIENTES NO ALGODOEIRO Solos de Goiás Ana Luiza Dias Coelho Borin Engenheira agrônoma, D.Sc. em Ciência do Solo Pesquisadora da Embrapa Algodão Adubação de sistemas intensivos de produção Conceitos

Leia mais

VII Encontro Técnico de Alto Nível COMPOSTAGEM Contexto Nacional e Internacional. Engº Agrº Carlos A. P. Mendes Diretor - INPAS 28/08/14

VII Encontro Técnico de Alto Nível COMPOSTAGEM Contexto Nacional e Internacional. Engº Agrº Carlos A. P. Mendes Diretor - INPAS 28/08/14 VII Encontro Técnico de Alto Nível COMPOSTAGEM Contexto Nacional e Internacional Engº Agrº Carlos A. P. Mendes Diretor - INPAS 28/08/14 Compostagem - Conceito Segundo Kiehl, 2012 Processo controlado de

Leia mais

Estatística do Consumo de Potássio pelas culturas no Brasil

Estatística do Consumo de Potássio pelas culturas no Brasil Estatística do Consumo de Potássio pelas culturas no Brasil Eng. Agr. José Francisco da Cunha. Tec-Fértil Com Rep e Serviços Ltda. Vinhedo - SP Simpósio: APOIO AO USO BALANCEADO DE POTÁSSIO NA AGRICULTURA

Leia mais

431 - AVALIAÇÃO DE VARIEDADES DE MILHO EM DIFERENTES DENSIDADES DE PLANTIO EM SISTEMA ORGÂNICO DE PRODUÇÃO

431 - AVALIAÇÃO DE VARIEDADES DE MILHO EM DIFERENTES DENSIDADES DE PLANTIO EM SISTEMA ORGÂNICO DE PRODUÇÃO Manejo de Agroecosistemas Sustentaveis Monferrer 431 - AVALIAÇÃO DE VARIEDADES DE MILHO EM DIFERENTES DENSIDADES DE PLANTIO EM SISTEMA ORGÂNICO DE PRODUÇÃO José C. Cruz 1 ; Israel A. Pereira Filho 1 ;

Leia mais

Condicionadores de solo - Uso eficiente do gesso agrícola

Condicionadores de solo - Uso eficiente do gesso agrícola UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA SUPERIOR DE AGRICULTURA LUIZ DE QUEIROZ DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DO SOLO LSO-526 Adubos e Adubação Condicionadores de solo - Uso eficiente do gesso agrícola Prof. Dr. Paulo

Leia mais

Um modelo de gestão ambiental para a suinocultura. Rodrigo S. Nicoloso Eng. Agrônomo, Dr. Núcleo Temático de Meio Ambiente Embrapa Suínos e Aves

Um modelo de gestão ambiental para a suinocultura. Rodrigo S. Nicoloso Eng. Agrônomo, Dr. Núcleo Temático de Meio Ambiente Embrapa Suínos e Aves Um modelo de gestão ambiental para a suinocultura Rodrigo S. Nicoloso Eng. Agrônomo, Dr. Núcleo Temático de Meio Ambiente Embrapa Suínos e Aves Conceito: balanço de nutrientes Fertilizantes (NPK) Propriedade

Leia mais

Palavras-chave: Zea mays L., densidade populacional, nitrogênio, produção.

Palavras-chave: Zea mays L., densidade populacional, nitrogênio, produção. XXIX CONGRESSO NACIONAL DE MILHO E SORGO - Águas de Lindóia - 26 a 30 de Agosto de 2012 Influência da Adubação Nitrogenada e Densidade Populacional sobre um Híbrido Simples, na Região Sul do Mato Grosso

Leia mais

EFEITOS DA APLICAÇÃO DE GIBERELINA EM CANA-DE- AÇÚCAR

EFEITOS DA APLICAÇÃO DE GIBERELINA EM CANA-DE- AÇÚCAR EFEITOS DA APLICAÇÃO DE GIBERELINA EM CANA-DE- AÇÚCAR Dib Nunes Jr. Grupo IDEA 2013 REGULADORES VEGETAIS Alteram a morfologia e a fisiologia da planta GIBERELINA AUXINA (aia) ACÍDO BUTÍRICO ETILENO São

Leia mais

Influência da Safrinha na Eficiência de Produção do Milho no Brasil

Influência da Safrinha na Eficiência de Produção do Milho no Brasil XXX CONGRESSO NACIONAL DE MILHO E SORGO SALVADOR 5 DE AGOSTO DE 2014 Influência da Safrinha na Eficiência de Produção do Milho no Brasil Aildson Pereira Duarte Instituto Agronômico, Campinas (IAC) Influência

Leia mais

Relatório de pesquisa de utilização de basalto na agricultura biodinâmica em parceria com o Grupo Siqueira.

Relatório de pesquisa de utilização de basalto na agricultura biodinâmica em parceria com o Grupo Siqueira. Relatório de pesquisa de utilização de basalto na agricultura biodinâmica em parceria com o Grupo Siqueira. Efeito de basalto e preparados biodinâmicos na produtividade de aveia preta e milho em cultivo

Leia mais

Calagem, adubação de base, de plantio e de cobertura

Calagem, adubação de base, de plantio e de cobertura Universidade Tecnológica Federal do Paraná Campus Dois Vizinhos Engenharia Florestal Tratos e Métodos Silviculturais Calagem, adubação de base, de plantio e de cobertura Eng. Ftal. Dr. Prof. Eleandro José

Leia mais

Recomendação de adubação e correção de solo para cultura da Cana-de-açúcar

Recomendação de adubação e correção de solo para cultura da Cana-de-açúcar Universidade de São Paulo Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz Departamento de Ciências do Solo LSO 526 Adubos e Adubação Recomendação de adubação e correção de solo para cultura da Cana-de-açúcar

Leia mais

Ciclagem de resíduos da agropecuária na agricultura

Ciclagem de resíduos da agropecuária na agricultura Ciclagem de resíduos da agropecuária na agricultura Carlos Alberto Ceretta Alcione Miotto Paulo Ademar Avelar Ferreira UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA DEPARTAMENTO DE SOLOS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

Presentation Title Mês 00, Adubação de Pastagens na Pecuária de Corte. Paulo Rodrigo Santos de Souza Assistência Técnica Nutrição Animal

Presentation Title Mês 00, Adubação de Pastagens na Pecuária de Corte. Paulo Rodrigo Santos de Souza Assistência Técnica Nutrição Animal 1 Adubação de Pastagens na Pecuária de Corte Paulo Rodrigo Santos de Souza Assistência Técnica Nutrição Animal 2 Na apresentação anterior... Momento atual para a adubação de pastagens Análise técnica e

Leia mais

Modelo de gestão ambiental para a suinocultura. Rodrigo S. Nicoloso Eng. Agrônomo, Dr. Núcleo Temático de Meio Ambiente Embrapa Suínos e Aves

Modelo de gestão ambiental para a suinocultura. Rodrigo S. Nicoloso Eng. Agrônomo, Dr. Núcleo Temático de Meio Ambiente Embrapa Suínos e Aves Modelo de gestão ambiental para a suinocultura Rodrigo S. Nicoloso Eng. Agrônomo, Dr. Núcleo Temático de Meio Ambiente Embrapa Suínos e Aves Conceito: balanço de nutrientes Fertilizantes (NPK) Agricultura

Leia mais

Nossos Produtos. Fazem Você. Ganhar

Nossos Produtos. Fazem Você. Ganhar Nossos Produtos + Fazem Você Ganhar Quer aumentar a produtividade da sua Lavoura? É uma tecnologia desenvolvida pela Fertilizantes Heringer, que incorpora substâncias orgânicas complexas com micronutrientes

Leia mais

ADUBAÇÃO POTÁSSICA DA SOJA EM SISTEMA DE PLANTIO DIRETO NO SUDOESTE DE GOIÁS

ADUBAÇÃO POTÁSSICA DA SOJA EM SISTEMA DE PLANTIO DIRETO NO SUDOESTE DE GOIÁS XXVII Reunião Brasileira de Fertilidade do Solo e Nutrição de Plantas XI Reunião Brasileira sobre Micorrizas IX Simpósio Brasileiro de Microbiologia do Solo VI Re un iã o Bra sile ira d e Bio lo g ia d

Leia mais

Nutrição, Adubação e Calagem

Nutrição, Adubação e Calagem Nutrição, Adubação e Calagem Importância da nutrição mineral Embora o eucalipto tenha rápido crescimento, este é muito variável. Os principais fatores que interferem no crescimento estão relacionados com

Leia mais

REPENSANDO A ADUBAÇÃO NPK EM SISTEMAS DE ALTA PRODUTIVIDADE DE GRÃOS. Álvaro V. Resende

REPENSANDO A ADUBAÇÃO NPK EM SISTEMAS DE ALTA PRODUTIVIDADE DE GRÃOS. Álvaro V. Resende REPENSANDO A ADUBAÇÃO NPK EM SISTEMAS DE ALTA PRODUTIVIDADE DE GRÃOS Álvaro V. Resende Araxá, 19/09/2014 Roteiro Contexto dos sistemas soja-milho Repensando a adubação NPK Considerações finais Contexto

Leia mais

Núcleo Proecco Em parceria com as empresas. Centro de Referências para Triagem e Tratamento de Resíduos Orgânicos e Inorgânicos.

Núcleo Proecco Em parceria com as empresas. Centro de Referências para Triagem e Tratamento de Resíduos Orgânicos e Inorgânicos. Núcleo Proecco Em parceria com as empresas. Centro de Referências para Triagem e Tratamento de Resíduos Orgânicos e Inorgânicos. 12/08/2015 1 12/08/2015 2 Profissionais envolvidos no projeto Biologia ;Geografia

Leia mais

Adubação de Plantas Ornamentais. Professora Juliana Ferrari

Adubação de Plantas Ornamentais. Professora Juliana Ferrari Adubação de Plantas Ornamentais Professora Juliana Ferrari Indícios que a planta pode precisar de nutrientes O crescimento se torna lento; Adubação É o método de corrigir as deficiências de nutrientes

Leia mais

Nutrição de Plantas: Técnicas para aumento da produtividade da Soja. Eng. Agr. Dr. Douglas Gitti Pesquisador de Manejo e Fertilidade do Solo

Nutrição de Plantas: Técnicas para aumento da produtividade da Soja. Eng. Agr. Dr. Douglas Gitti Pesquisador de Manejo e Fertilidade do Solo Nutrição de Plantas: Técnicas para aumento da produtividade da Soja Eng. Agr. Dr. Douglas Gitti Pesquisador de Manejo e Fertilidade do Solo Roteiro 1- Ativos Biológicos na Soja: Azospirillum 2- Sais e

Leia mais

38º Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras DOSES DE ADUBAÇÃO NITROGENADA E POTÁSSICA NA PRODUTIVIDADE DE CAFEEIROS NAS MATAS DE MINAS

38º Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras DOSES DE ADUBAÇÃO NITROGENADA E POTÁSSICA NA PRODUTIVIDADE DE CAFEEIROS NAS MATAS DE MINAS 38º Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras DOSES DE ADUBAÇÃO NITROGENADA E POTÁSSICA NA PRODUTIVIDADE DE CAFEEIROS NAS MATAS DE MINAS Gustavo N. G. P. Rosa, Eng. Agr. M. Sc. Fitotecnia Sup. Téc. CEPEC

Leia mais

Agronegócio em Mato Grosso. Abril 2013

Agronegócio em Mato Grosso. Abril 2013 Agronegócio em Mato Grosso Abril 2013 Brasil Visão Geral Brasil - Visão Geral Area 8,5 milhões km 2 (5º maior) População (2011) 195 milhões (6 º maior) PIB (2011) US$ 2,47 Trilhões (6 ª maior) Produção

Leia mais

Agricultura urbana, redução de resíduos e compostagem

Agricultura urbana, redução de resíduos e compostagem Agricultura urbana, redução de resíduos e compostagem Experiências recentes na cidade de São Paulo e no exterior Claudia Visoni * claudiavisoni@uol.com.br Por que plantar alimentos na cidade? (Além da

Leia mais

Manejo de plantas de cobertura para sistemas agrícolas de alta produtividade

Manejo de plantas de cobertura para sistemas agrícolas de alta produtividade Manejo de plantas de cobertura para sistemas agrícolas de alta produtividade B.Sc. Agronomia José Eduardo de Macedo Soares Júnior Fazenda Capuaba / Lucas do Rio Verde-MT Fazenda Capuaba Lucas do Rio Verde

Leia mais

Variedades Vertixde cana-energia para produção de biomassa e etanol José Bressiani Diretor de Tecnologia Agrícola

Variedades Vertixde cana-energia para produção de biomassa e etanol José Bressiani Diretor de Tecnologia Agrícola Variedades Vertixde cana-energia para produção de biomassa e etanol José Bressiani Diretor de Tecnologia Agrícola A GRANBIO 85% 15% BioCelere BioVertis BioEdge BioPlant Empresa de Pesquisa e Desenvolvimento

Leia mais

NUTRIÇÃO EQUILIBRADA DO CAFEEIRO. ROBERTO SANTINATO 40º CBPC Serra Negra - SP

NUTRIÇÃO EQUILIBRADA DO CAFEEIRO. ROBERTO SANTINATO 40º CBPC Serra Negra - SP NUTRIÇÃO EQUILIBRADA DO CAFEEIRO ROBERTO SANTINATO 40º CBPC Serra Negra - SP Nutrição equilibrada em cafezais Equilíbrio Desequilíbrio Importância e respostas da correção do solo no equilíbrio nutricional

Leia mais

Ensaio na cultura da Cana de Açúcar

Ensaio na cultura da Cana de Açúcar Ensaio na cultura da Cana de Açúcar (Saccharum hibridas) Introdução Originária do sudeste da Ásia, onde é cultivada desde épocas remotas, a exploração canavieira assentou-se, no início, sobre a espécie

Leia mais

Corretivos Adubos e Adubações. Prof. ELOIR MISSIO

Corretivos Adubos e Adubações. Prof. ELOIR MISSIO Corretivos Adubos e Adubações Prof. ELOIR MISSIO FORMULAÇÃO DE FERTILIZANTES Fertilidade dos solos e manejo da adubação de culturas. Carlos A. Bissani; Clesio Gianello; Marino J. Tedesco; Flávio A. O.

Leia mais

BALANÇO DE NUTRIENTES NA AGRICULTURA DO CERRADO. Dr. Eros Francisco Diretor Adjunto do IPNI

BALANÇO DE NUTRIENTES NA AGRICULTURA DO CERRADO. Dr. Eros Francisco Diretor Adjunto do IPNI BALANÇO DE NUTRIENTES NA AGRICULTURA DO CERRADO Dr. Eros Francisco Diretor Adjunto do IPNI IPNI ü O International Plant Nutrition Institute (IPNI) é uma organização nova, sem fins lucrativos, dedicada

Leia mais

Adubação alternativa para reduzir custos e aumentar a produtividade na cana de açúcar

Adubação alternativa para reduzir custos e aumentar a produtividade na cana de açúcar Adubação alternativa para reduzir custos e aumentar a produtividade na cana de açúcar Grupo noble agri Linha do tempo Preferência de via de absorção e fontes de Nitrogênio Interação de vinhaça, substâncias

Leia mais

5 maiores Problemas da Humanidade até 2050

5 maiores Problemas da Humanidade até 2050 5 maiores Problemas da Humanidade até 2050 Água Energia Evolução da População Mundial 1950 2011 2050 2,5 bi 7,5 bi 9,3 bi Evolução dos Famintos 1950 2011 2050 0,5 bi 0,9 bi 1,3 bi Alimentos Lixo Pobreza

Leia mais

16 EFEITO DA APLICAÇÃO DO FERTILIZANTE FARTURE

16 EFEITO DA APLICAÇÃO DO FERTILIZANTE FARTURE 16 EFEITO DA APLICAÇÃO DO FERTILIZANTE FARTURE EM RELAÇÃO AO FORMULADO PADRÃO O objetivo deste trabalho foi avaliar o desempenho do fertilizante Farture (00-12-12) em diferentes dosagens em relação ao

Leia mais

Papel e Celulose. Gerenciamento Integrado de Resíduos da Indústria de Papel e Celulose AGO 2008

Papel e Celulose. Gerenciamento Integrado de Resíduos da Indústria de Papel e Celulose AGO 2008 Papel e Celulose Gerenciamento Integrado de Resíduos da Indústria de Papel e Celulose AGO 2008 1 O Conceito do Gerenciamento Gerenciamento que gera desenvolvimento sustentável Postura verde Vertente Econômica

Leia mais

III ENCONTRO DE USUÁRIOS DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR RAPHAEL ALVAREZ. POSICIONAMENTO DAS VARIEDADES X SANIDADE VEGETAL

III ENCONTRO DE USUÁRIOS DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR RAPHAEL ALVAREZ. POSICIONAMENTO DAS VARIEDADES X SANIDADE VEGETAL III ENCONTRO DE USUÁRIOS DE VARIEDADES DE CANA-DE-AÇÚCAR RAPHAEL ALVAREZ. POSICIONAMENTO DAS VARIEDADES X SANIDADE VEGETAL 22/10/2015 A AFOCAPI Fundada e Inaugurada em 05/10/1947-68 Anos Objetivo: Estruturar

Leia mais

Boas Práticas para Uso Eficiente de Fertilizantes na Cultura do Milho. Aildson Pereira Duarte Instituto Agronômico, Campinas (IAC)

Boas Práticas para Uso Eficiente de Fertilizantes na Cultura do Milho. Aildson Pereira Duarte Instituto Agronômico, Campinas (IAC) Boas Práticas para Uso Eficiente de Fertilizantes na Cultura do Milho Aildson Pereira Duarte Instituto Agronômico, Campinas (IAC) Sucessão Soja e Milho Safrinha em Sistema Plantio Direto Antecipar a semeadura

Leia mais

Adubação da Cultura da Soja no Paraná e Goiás

Adubação da Cultura da Soja no Paraná e Goiás Tema 2 Manejo da adubação com ênfase na aplicação a lanço Adubação da Cultura da Soja no Paraná e Goiás Adilson de Oliveira Junior César de Castro Fábio Álvares de Oliveira Vinícius Benites Pesquisadores

Leia mais

UTILIZAÇÃO DE MICRONUTRIENTES

UTILIZAÇÃO DE MICRONUTRIENTES VI CURSO DE FERTILIDADE DO SOLO E PLANTIO DIRETO UTILIZAÇÃO DE ICRONUTRIENTES Carlos Alberto Bissani Clesio Gianello UFRGS UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL Departamento de Solos Faculdade de Agronomia

Leia mais

DIAGNOSE FOLIAR EM MILHO E SORGO

DIAGNOSE FOLIAR EM MILHO E SORGO I Simpósio Paulista Sobre Nutrição de Plantas Jaboticabal - SP, 15 a 17 de Abril de 2008 DIAGNOSE FOLIAR EM MILHO E SORGO ANTÔNIO MARCOS COELHO ESTRATÉGIAS DE MANEJO PARA ALTA PRODUTIVIDADE João Lorenti

Leia mais

RESULTADOS NA PRODUTIVIDADE

RESULTADOS NA PRODUTIVIDADE RESULTADOS NA PRODUTIVIDADE R e s u l t a d o s d e c a m p o A Agroplanta Fertilizantes sempre acreditou que qualidade é um processo, que vai desde a escolha da matériaprima até equipamentos de alta tecnologia,

Leia mais

Reciclagem dos dejetos de suínos na agricultura: eficiência agronômica e mitigação dos impactos ambientais

Reciclagem dos dejetos de suínos na agricultura: eficiência agronômica e mitigação dos impactos ambientais Reciclagem dos dejetos de suínos na agricultura: eficiência agronômica e mitigação dos impactos ambientais Evandro Carlos Barros Eng. Agrônomo, MSc. Núcleo Temático de Meio Ambiente Embrapa Suínos e Aves

Leia mais

As oportunidades da Amazônia Azul: mineração e os recursos do mar A TWB MINERAÇÃO E A PESQUISA DE GRANULADOS BIOCLÁSTICOS E SUAS APLICAÇÕES

As oportunidades da Amazônia Azul: mineração e os recursos do mar A TWB MINERAÇÃO E A PESQUISA DE GRANULADOS BIOCLÁSTICOS E SUAS APLICAÇÕES As oportunidades da Amazônia Azul: mineração e os recursos do mar A TWB MINERAÇÃO E A PESQUISA DE GRANULADOS BIOCLÁSTICOS E SUAS APLICAÇÕES O GRUPO TWB GRANULADO BIOCLÁSTICO Fertilizante organo-mineral;

Leia mais

Painel 2 IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO DO RSU

Painel 2 IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO DO RSU Painel 2 IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO DO RSU Tratamento e disposição final Eng. Eleusis Di Creddo ecreddo@solvi.com TRATAMENTO E DISPOSIÇÃO FINAL - RSU EUROPA EUA BRASIL Reciclagem Compostagem Aterro sanitário

Leia mais

CARACTERÍSTICAS VARIETAIS QUE VALEM MUITO DINHEIRO

CARACTERÍSTICAS VARIETAIS QUE VALEM MUITO DINHEIRO CARACTERÍSTICAS VARIETAIS QUE VALEM MUITO DINHEIRO Dib Nunes Jr. Antonio Celso Silva Jr. Grupo IDEA Características Varietais 1. Florescimento: MENOR DENSIDADE DE CARGA MENOR VOLUME DE CALDO 2. Tombamento:

Leia mais

Uso da Cama de Peru em Soqueira da Cana-De-Açúcar na Região de Mineiros-GO¹

Uso da Cama de Peru em Soqueira da Cana-De-Açúcar na Região de Mineiros-GO¹ Uso da Cama de Peru em Soqueira da Cana-De-Açúcar na Região de Mineiros-GO¹ M. R. REZENDE², M. R. CARRIJO³, M. R. CARBALIAL 4, M. F. C DIOGO 5, M. S. FERMANDES 6 Resumo O objetivo desse trabalho é avaliar

Leia mais

Tecnologias para Valorização de Resíduos Agroindustriais e Sólidos Urbanos Foco: Compostagem Acelerada

Tecnologias para Valorização de Resíduos Agroindustriais e Sólidos Urbanos Foco: Compostagem Acelerada Tecnologias para Valorização de Resíduos Agroindustriais e Sólidos Urbanos Foco: Compostagem Acelerada Apresentação para o Departamento de Ambiente Urbano - DAU/SRHU/MMA Brasília 12/3/2015 Conceitos *

Leia mais

Diversificação para a sustentabilidade da produção

Diversificação para a sustentabilidade da produção Diversificação para a sustentabilidade da produção Introdução O aumento populacional mundial e a inserção de novos contingentes no mercado consumidor têm gerado crescente demanda mundial por matérias-primas,

Leia mais

Correção da acidez subsuperficial no plantio direto pela aplicação de calcário na superfície e uso de plantas de cobertura e adubação verde

Correção da acidez subsuperficial no plantio direto pela aplicação de calcário na superfície e uso de plantas de cobertura e adubação verde Correção da acidez subsuperficial no plantio direto pela aplicação de calcário na superfície e uso de plantas de cobertura e adubação verde Julio Cezar Franchini Eleno Torres Luiz Gustavo Garbelini Mario

Leia mais

Cultura da Soja Recomendação de Correção e Adubação

Cultura da Soja Recomendação de Correção e Adubação Universidade de São Paulo Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz Departamento de Ciência dos Solos LSO 0526 Adubos e Adubação Cultura da Soja Recomendação de Correção e Adubação Lucas Papadópoli

Leia mais

Plano de Ação 8: Separação de fases e compostagem da fração sólida dos dejetos de suínos

Plano de Ação 8: Separação de fases e compostagem da fração sólida dos dejetos de suínos Plano de Ação 8: Separação de fases e compostagem da fração sólida dos dejetos de suínos Rodrigo S. Nicoloso, Dr. Pesquisador, Solos e Meio Ambiente Gestor, Núcleo Temático de Meio Ambiente Embrapa Suínos

Leia mais

Recomendação de Correção de Solo e Adubação de Feijão Ac. Felipe Augusto Stella Ac. João Vicente Bragança Boschiglia Ac. Luana Machado Simão

Recomendação de Correção de Solo e Adubação de Feijão Ac. Felipe Augusto Stella Ac. João Vicente Bragança Boschiglia Ac. Luana Machado Simão UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA SUPERIOR DE AGRICULTURA LUIZ DE QUEIROZ DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DO SOLO LSO526 Adubos e Adubações Recomendação de Correção de Solo e Adubação de Feijão Ac. Felipe Augusto

Leia mais

Fazenda Triunfo Integração Lavoura-Pecuária Safrinha de Boi. Diversificação da produção em larga escala em clima tropical (Oeste da Bahia)

Fazenda Triunfo Integração Lavoura-Pecuária Safrinha de Boi. Diversificação da produção em larga escala em clima tropical (Oeste da Bahia) Fazenda Triunfo Integração Lavoura-Pecuária Safrinha de Boi Diversificação da produção em larga escala em clima tropical (Oeste da Bahia) Nossa experiência de... Integração lavoura-pecuária ROTEIRO DA

Leia mais

Desenvolvimento de Fertilizantes Organominerais Líquidos e Granulados a partir dos Resíduos da Biodigestão

Desenvolvimento de Fertilizantes Organominerais Líquidos e Granulados a partir dos Resíduos da Biodigestão Desenvolvimento de Fertilizantes Organominerais Líquidos e Granulados a partir dos Resíduos da Biodigestão Responsável: Paulo César Teixeira Embrapa Solos Equipe: -Vinicius Melo Benites - CNPS -Juliano

Leia mais

Comportamento da Crotalaria juncea em função de adubação com e sem revestimento com polímeros

Comportamento da Crotalaria juncea em função de adubação com e sem revestimento com polímeros Comportamento da Crotalaria juncea em função de adubação com e sem revestimento com polímeros Rafael da Costa Leite 1 ; Hamilton Kikuti 2 ; Ana Lúcia Pereira Kikuti 3 1 Estudante do Curso de Agronomia

Leia mais

ADUBOS E ADUBAÇÃO HAMILTON SERON PEREIRA

ADUBOS E ADUBAÇÃO HAMILTON SERON PEREIRA ADUBOS E ADUBAÇÃO HAMILTON SERON PEREIRA INTRODUÇÃO O GRANDE DESAFIO MUNDIAL 1990 2000 2025 POPULAÇÃO MUNDIAL (BILHÕES) 5,2 6,2 8,3 DEMANDA DE ALIMENTOS (BILHÕES t) 1,97 2,45 3,97 PRODUTIVIDADE (t/ha)

Leia mais

TECNOLOGIA DE PROCESSAMENTO

TECNOLOGIA DE PROCESSAMENTO Juntamente com a Fiagril e o Summit Agricultural Group, a F&S Agri Solutions foi criada para produzir etanol de milho e coprodutos na cidade de Lucas do Rio Verde, MT. A Fiagril e o Summit Agricultural

Leia mais

Manejo Intensivo de Pastagens para Produção de Carne Bovina. Curso Teórico Prático Embrapa Pecuária Sudeste 22 a 25 de abril de 2003

Manejo Intensivo de Pastagens para Produção de Carne Bovina. Curso Teórico Prático Embrapa Pecuária Sudeste 22 a 25 de abril de 2003 Manejo Intensivo de Pastagens para Produção de Carne Bovina Curso Teórico Prático Embrapa Pecuária Sudeste 22 a 25 de abril de 2003 Situação atual: Baixa produtividade: 100 kg de PV/ha/ano Produtividade

Leia mais

COMPOSTAGEM DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS DESAFIOS DA PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO

COMPOSTAGEM DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS DESAFIOS DA PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO COMPOSTAGEM DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS DESAFIOS DA PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO Eng o Agr o Dr. Gean Carlos Silva Matias Diretor Técnico de Fertilizantes Orgânicos, Condicionadores de solos Substratos Fone:

Leia mais

Documentos. Estudo Técnico da Destinação do Fertilizante Orgânico Sólido Produzido em uma Usina de Biogás no Município de Concórdia-SC

Documentos. Estudo Técnico da Destinação do Fertilizante Orgânico Sólido Produzido em uma Usina de Biogás no Município de Concórdia-SC Documentos ISSN 0101-6245 Novembro, 2014 170 Estudo Técnico da Destinação do Fertilizante Orgânico Sólido Produzido em uma Usina de Biogás no Município de Concórdia-SC ISSN 0101-6245 Novembro, 2014 Empresa

Leia mais

APROVEITAMENTO ENERGÉTICO DE RESÍDUOS NO CONTEXTO DO PLANEJAMENTO ENERGÉTICO NACIONAL

APROVEITAMENTO ENERGÉTICO DE RESÍDUOS NO CONTEXTO DO PLANEJAMENTO ENERGÉTICO NACIONAL Ministério de Minas e Energia GOVERNO FEDERAL APROVEITAMENTO ENERGÉTICO DE RESÍDUOS NO CONTEXTO DO PLANEJAMENTO ENERGÉTICO NACIONAL POTENCIAL, ECONOMICIDADE E MERCADO DE MÉDIO E LONGO PRAZO Empresa de

Leia mais

ESTUDO DA VIABILIDADE DE DISPONIBILIZAÇÃO DE POTÁSSIO E FÓSFORO EM SOLOS DE CERRADO COM A UTILIZAÇÃO DO PENERGETIC 4 SAFRAS

ESTUDO DA VIABILIDADE DE DISPONIBILIZAÇÃO DE POTÁSSIO E FÓSFORO EM SOLOS DE CERRADO COM A UTILIZAÇÃO DO PENERGETIC 4 SAFRAS ESTUDO DA VIABILIDADE DE DISPONIBILIZAÇÃO DE POTÁSSIO E FÓSFORO EM SOLOS DE CERRADO COM A UTILIZAÇÃO DO PENERGETIC 4 SAFRAS ANDRÉ L.T. FERNANDES DR. ENGENHARIA DE ÁGUA E SOLO, PROF. UNIUBE E FACULDADES

Leia mais

Recuperação Energética de Resíduos Sólidos na Indústria de Cimento

Recuperação Energética de Resíduos Sólidos na Indústria de Cimento Avanços na Implementação na Política Nacional de Resíduos Recuperação Energética de Resíduos Sólidos na Indústria de Cimento Engº Mario William Esper O QUE É A ABCP? 1936-2011 n Entidade privada sem fins

Leia mais

Prof. Clésio Farrapo

Prof. Clésio Farrapo Prof. Clésio Farrapo Podemos dividir a área agrícola em dois tipos de Iavoura: cultura permanente e cultura temporária. No primeiro caso, as culturas Ievam mais de um ano para produzir; podem ser retiradas

Leia mais

MANEJO DA FERTILIDADE DO SOLO EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO NO CERRADO

MANEJO DA FERTILIDADE DO SOLO EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO NO CERRADO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE RONDONÓPOLIS INSTITUTO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E TECNOLÓGICAS MANEJO DA FERTILIDADE DO SOLO EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO NO CERRADO Edicarlos Damacena

Leia mais

SEU RESULTADO É O NOSSO COMPROMISSO + TECNOLOGIA + ATENDIMENTO + QUALIDADE. linhaconfinatto.com.br

SEU RESULTADO É O NOSSO COMPROMISSO + TECNOLOGIA + ATENDIMENTO + QUALIDADE. linhaconfinatto.com.br SEU RESULTADO É O NOSSO COMPROMISSO A Agroceres Multimix investe pesado em tecnologia e segurança, contando com unidades fabris que atendem às mais rigorosas certificações de qualidade. Mais do que boas

Leia mais

CANA-ENERGIA: UMA EXCELENTE OPÇÃO PARA REDUÇÃO DOS CUSTOS DE PRODUÇÃO José Bressiani Diretor de Tecnologia Agrícola

CANA-ENERGIA: UMA EXCELENTE OPÇÃO PARA REDUÇÃO DOS CUSTOS DE PRODUÇÃO José Bressiani Diretor de Tecnologia Agrícola CANA-ENERGIA: UMA EXCELENTE OPÇÃO PARA REDUÇÃO DOS CUSTOS DE PRODUÇÃO José Bressiani Diretor de Tecnologia Agrícola A GRANBIO 85% 15% BioCelere BioVertis BioEdge BioPlant Empresa de Pesquisa e Desenvolvimento

Leia mais

Recomendação de Calagem e Adubação para Plantações Florestais Prof. José Leonardo M. Gonçalves ESALQ/USP

Recomendação de Calagem e Adubação para Plantações Florestais Prof. José Leonardo M. Gonçalves ESALQ/USP Recomendação de Calagem e Adubação para Plantações Florestais Prof. José Leonardo M. Gonçalves ESALQ/USP! "#$ FASES NUTRICIONAIS DO POVOAMENTO FLORESTAL FASE INICIAL Adaptação e crescimento inicial pós-plantio

Leia mais

Tratamento de Resíduos Orgânicos COMPOSTAGEM

Tratamento de Resíduos Orgânicos COMPOSTAGEM Tratamento de Resíduos Orgânicos COMPOSTAGEM Eng. Agr. Fulvio C. Parajara, Me Gestor Operacional Sênior Responsável Técnico Fundação: 1982 Empresas do Grupo: Corpus Saneamento e Obras Ecomark Ind. e Com.

Leia mais

MILHO PARA SILAGEM E SEU EFEITO SOBRE O MANEJO DO SOLO. Dr. Rodrigo Pizzani

MILHO PARA SILAGEM E SEU EFEITO SOBRE O MANEJO DO SOLO. Dr. Rodrigo Pizzani MILHO PARA SILAGEM E SEU EFEITO SOBRE O MANEJO DO SOLO Dr. Rodrigo Pizzani Cenário atual: desafios para agricultura Alimentar 9 bilhões de pessoas em 2050 Contornar problemas: Fatores-chaves para atingir

Leia mais

OTIMIZAÇÃO DE INSUMOS NO SISTEMA DE PRODUÇÃO SOJA-MILHO SAFRINHA

OTIMIZAÇÃO DE INSUMOS NO SISTEMA DE PRODUÇÃO SOJA-MILHO SAFRINHA OTIMIZAÇÃO DE INSUMOS NO SISTEMA DE PRODUÇÃO SOJA-MILHO SAFRINHA Aildson P. Duarte Heitor Cantarella IAC-APTA IAC INSTITUTO AGRONÔMICO Recomendação de adubação para soja e milho-safrinha Análise do solo

Leia mais

18 a em 24 MESES: O QUANTO O CONFINAMENTO DEPENDE DO PASTO? César Borges Zootecnista, MSc Gerente de Desenvolvimento e Soluções - Phibro

18 a em 24 MESES: O QUANTO O CONFINAMENTO DEPENDE DO PASTO? César Borges Zootecnista, MSc Gerente de Desenvolvimento e Soluções - Phibro 18 a 21@s em 24 MESES: O QUANTO O CONFINAMENTO DEPENDE DO PASTO? César Borges Zootecnista, MSc Gerente de Desenvolvimento e Soluções - Phibro Introdução Evolução da área plantada e da produção de soja

Leia mais

ANÁLISE DO COMPORTAMENTO QUANTO À RESISTÊNCIA MECÂNICA DE PAVERS FABRICADOS COM CINZA DE BAGAÇO DE CANA DE AÇÚCAR COMO AGREGADO MIÚDO

ANÁLISE DO COMPORTAMENTO QUANTO À RESISTÊNCIA MECÂNICA DE PAVERS FABRICADOS COM CINZA DE BAGAÇO DE CANA DE AÇÚCAR COMO AGREGADO MIÚDO 25 a 28 de Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1 ANÁLISE DO COMPORTAMENTO QUANTO À RESISTÊNCIA MECÂNICA DE PAVERS FABRICADOS COM CINZA DE BAGAÇO DE CANA DE AÇÚCAR COMO AGREGADO MIÚDO Silvia Paula Sossai

Leia mais

TEC-DAM. Tecnologias para destinação de animais mortos

TEC-DAM. Tecnologias para destinação de animais mortos TEC-DAM Tecnologias para destinação de animais mortos Apresentação Atualmente, não existe no Brasil uma legislação específica que trate da destinação de animais mortos ao longo das cadeias produtivas.

Leia mais

EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA EMBRAPA- PESCA E AQUICULTURA FUNDAÇÃO AGRISUS RELATÓRIO PARCIAL-01/10/2016

EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA EMBRAPA- PESCA E AQUICULTURA FUNDAÇÃO AGRISUS RELATÓRIO PARCIAL-01/10/2016 1 EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA EMBRAPA- PESCA E AQUICULTURA FUNDAÇÃO AGRISUS RELATÓRIO PARCIAL-01/10/2016 CONSÓRCIO DE MILHO COM BRAQUIÁRIA: COMPREENDENDO OS RISCOS DO ESTRESSE HÍDRICO NA

Leia mais

Material e Métodos O experimento foi conduzido em um Argissolo, alocado no campo experimental do curso de Engenharia Agronômica do Instituto Federal

Material e Métodos O experimento foi conduzido em um Argissolo, alocado no campo experimental do curso de Engenharia Agronômica do Instituto Federal ATRIBUTOS BIOMÉTRICOS E PRODUTIVIDADE DA CULTURA DA BATATA, VARIEDADE ÁGATA, CULTIVADA NA REGIÃO DO ALTO VALE DO ITAJAÍ-SC SOB APLICAÇÃO DE DOSES DE BORO Guilherme VITÓRIA 1, Rodrigo SALVADOR 2, Francieli

Leia mais

Cultura do lixo. Premissas. Modelo Linear

Cultura do lixo. Premissas. Modelo Linear Premissas Ecossistemas naturais Produção de bens e serviços Sociedade: uso e descarte Modelo Linear O modelo de produção e gestão de resíduos pode ser definido como linear, onde extraímos os recursos naturais

Leia mais

AVALIAÇÃO DE CULTURAS DE CICLO CURTO COM POTENCIAL PARA PRODUÇÃO DE ÓLEO PARA BIODIESEL

AVALIAÇÃO DE CULTURAS DE CICLO CURTO COM POTENCIAL PARA PRODUÇÃO DE ÓLEO PARA BIODIESEL 26 a 29 de outubro de 2010 ISBN 978-85-61091-69-9 AVALIAÇÃO DE CULTURAS DE CICLO CURTO COM POTENCIAL PARA PRODUÇÃO DE ÓLEO PARA BIODIESEL Letícia Sayuri Suzuki 1, Pérsio Sandir D Oliveira 2 RESUMO: Este

Leia mais