ECO LEITURA: ABORDANDO A EDUCAÇÃO AMBIENTAL POR MEIO DE LIVROS INFANTO-JUVENIS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ECO LEITURA: ABORDANDO A EDUCAÇÃO AMBIENTAL POR MEIO DE LIVROS INFANTO-JUVENIS"

Transcrição

1 ECO LEITURA: ABORDANDO A EDUCAÇÃO AMBIENTAL POR MEIO DE LIVROS INFANTO-JUVENIS Suelly Mary da Silva Lima 1, Rosaliny de Castro Lourencio 2, Elânia Soares de Sena 3, Brenna Karelly Almeida Lopes 4, Maria Ivanilda de Aguiar 5 Resumo: A Educação Ambiental (EA) é um ramo da educação responsável por formar pessoas preocupadas com problemas ambientais, e que através da mesma busquem a preservação e conservação dos recursos naturais e a sustentabilidade. Promover essa educação ambiental é de fundamental importância para o futuro do planeta. O objetivo do presente trabalho foi relatar as ações realizadas no projeto de extensão intitulado Eco leitura: abordando a educação ambiental por meio de livros infanto-juvenis. Este projeto promoveu a formação de professores, por meio de cursos de formação, para professores do ensino básico de escolas da rede pública dos municípios de Acarape e de Redenção, no âmbito da educação ambiental, contribuindo para uma melhor atuação nas escolas. Outra ação realizada foram oficinas de Eco Leitura para alunos do ensino básico para promover o conhecimento de aspectos relacionados com os animais, as plantas, o solo e os ecossistemas da região e entender sua importância para o equilíbrio ambiental, bem como incentivar a prática da leitura. Ao final das ações percebeuse por parte dos professores a conscientização e o interesse de repassar aos alunos o conhecimento adquirido durante o curso e por parte dos alunos o interesse de aprofundar-se mais nas questões ambientais e a motivação dos mesmo no hábito da leitura. Palavras-chave: Conscientização. Meio ambiente. PNEA. Oficinas de leitura. INTRODUÇÃO Segundo Marcatto (2002, pag. 8), nos últimos anos, tem-se presenciado um expressivo aumento dos movimentos ambientalistas e do interesse pela conservação ambiental. A população mundial tem demonstrado que está cada vez mais consciente de que o atual modo de desenvolvimento econômico, tanto em países desenvolvidos, como nos em desenvolvimento, está fortemente associado à degradação do meio ambiente, com impactos diretos na condição de vida e na própria sobrevivência da população. Para propagar essa conscientização criou-se a Política Nacional de Educação Ambiental (PNEA), com a Lei Nº de 27 de Abril de 1999, de acordo com a referida lei 1 Rural, 2 Rural, 3 Rural, 4 Rural, 5 Rural,

2 A educação ambiental é um componente essencial e permanente da educação nacional, devendo estar presente, de forma articulada, em todos os níveis e modalidades do processo educativo, em caráter formal e não formal (BRASIL, 1999). Prescindindo-se deste contexto, a educação ambiental nas escolas tem absoluta importância tendo em vista a falta de informação da população sobre questões ambientais. Segundo Sorrentino e Trajber (2007, pag. 18): Na educação escolar, em todos os níveis e modalidades de ensino, o Órgão Gestor o MEC tem o dever de apoiar a comunidade escolar professores, estudantes, direção, funcionários, pais e amigos a se tornarem educadores e educadoras ambientais com uma leitura crítica da realidade, uma leitura da palavra-mundo conforme Paulo Freire. Portanto, existem diversas maneiras de divulgar a educação ambiental, uma delas é promover ações voltadas para formação de professores do ensino básico no âmbito da educação ambiental, contribuindo para sua melhor atuação nas escolas. A educação ambiental deve ser viabilizada no currículo escolar das escolas, em acordo a proposta para o estabelecimento das Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Ambiental, a Educação Ambiental envolve o entendimento de uma educação cidadã, responsável, crítica, participativa, em que cada sujeito aprende com conhecimentos científicos e com o reconhecimento dos saberes tradicionais, possibilitando a tomada de decisões transformadoras, a partir do meio ambiente natural ou construído no qual as pessoas se integram. A Educação Ambiental avança na construção de uma cidadania responsável voltada para culturas de sustentabilidade socioambiental. (Parecer/CP nº 14/2012, p. 535). Este trabalho foi realizado em escolas públicas de dois municípios do maciço de Baturité em parceria com a UNILAB e PIBEAC, objetivando promover ações voltadas para formação de professores do ensino básico no âmbito da educação ambiental, contribuindo para que possam atuarem de forma efetiva no enfoque da educação ambiental com alunos que são o público alvo do projeto. METODOLOGIA Este projeto pretendeu promover reflexões que levassem o público alvo a entender como se dá a relação homem natureza, levando-os a perceber-se parte da natureza. Pretendeu-

3 se também fornecer aos professores o conhecimento técnico ambiental para que possa prover a educação ambiental nas escolas em que trabalham. Para tal um curso de formação em educação ambiental para os professores da rede pública do ensino básico das escolas selecionadas nos municípios de Acarape e Redenção foi ofertado, com duração de 40 horas, com disponibilidade de 25 vagas de cada vez. O mesmo teve como primeiro foco a preparação dos professores para atuarem ativamente nas oficinas de eco leitura que é outra ação deste projeto de extensão, bem como incluírem a temática ambiental em seu cotidiano escolar. O curso abordou temas relacionados à educação ambiental e sustentabilidade, promovendo uma reflexão sobre a necessidade de se trabalhar o ensino com esta abordagem. Também foram apresentadas propostas de obras literárias para preparação das oficinas de eco leitura. As oficinas de Eco leitura para grupos de estudantes do ensino fundamental de escolas públicas localizadas nos municípios de Acarape e Redenção, foram realizadas durante e após o curso de formação para os professores. Nas oficinas, foram inicialmente realizadas leituras e interpretação de livros previamente selecionados, todos envolvendo problemas ambientais com o intuito de promover reflexões relacionadas aos tema. RESULTADOS E DISCUSSÃO O curso de capacitação em EA para os professores da rede pública dos municípios de Acarape e Redenção, Ceará, contou com cinco escolas, três em Acarape e duas em Redenção. Iniciou-se esta ação com visitas às escolas para um primeiro contato de divulgação do projeto Eco Leitura e inscrições dos professores para o curso de EA. Totalizando 23 inscrições para o curso em Acarape e 24 inscrições em Redenção. O curso foi ministrado no período de 27 de outubro a 11 de dezembro de 2015, em Acarape; e no período de 01 de março a 09 de abril de 2016, em Redenção. Nesses períodos, ocorreram oito encontros presenciais, quatro atividades sobre a aplicação dos temas abordados e trilhas ecológicas. A soma das atividades contemplaram as 40 horas do curso. Os encontros presenciais foram realizados em uma das escolas localizada em Acarape e na UNILAB, em Redenção. (Figura 1).

4 FIGURA 1 - Aulas presenciais no município de Acarape (a) e em Redenção (b). (a) FONTE: Autor do Trabalho. (b) Ao final do curso foi realizada uma trilha ecológica na Área de Proteção Ambiental (APA) da Serra do Maciço de Baturité, com a primeira turma; e outra trilha no Parque Botânico do Ceará, em Caucaia, com a segunda turma. As oficinas de Eco leitura foram realizadas nas escolas dos dois municípios com turmas do infantil II ao sexto ano do ensino fundamental, nestas foram utilizados os seguintes livros: A minhoca dorminhoca, que ressalta a importância das minhocas para a ciclagem de nutrientes nos ecossistemas e desperta para a necessidade de reciclagem dos resíduos; A máquina do tempo, que mostra através do tempo como o ambiente irá estar se não cuidarmos do mesmo no presente; Turma do utilixo, que mostra o uso da reciclagem como uma importante ferramenta de tratamento de resíduos, bem como uso consciente dos recursos naturais. Em Acarape as oficinas ocorreram nas escolas José Neves de Castro e Francisco Rocha Ramos, ambas com alunos do terceiro, quarto e quinto ano. E na creche Raio de luz com alunos do infantil II, nesta turma foi realizada a leitura e por serem alunos menores adotou-se uma metodologia diferente que foi por meio de desenhos para pintura. No município de Redenção, as oficinas foram realizadas na escola de ensino fundamental Maria Augusta com alunos da educação especial e alunos do sexto ano (Figura 2). FIGURA 2 - Oficina de Eco leitura na creche raio de luz em Acarape (a) e na escola Maria Augusta em Redenção (b). (a) FONTE: Autor do Trabalho. (b) Realizou-se também uma ação em comemoração ao dia do meio ambiente no município de Redenção, durante a ação levamos livros, desenhos e origamis em formato de animais que compõem a fauna brasileira. Durante o eventos as crianças iam até o espaço destinado ao projeto para realizar a leitura e colorir os desenhos. Com esta ação o projeto pôde

5 promover uma conscientização maior, pois as crianças demonstraram uma aceitação e curiosidade em relação ao tema. CONCLUSÕES Ao final deste projeto percebeu-se a conscientização dos professores e o interesse de repassar aos alunos o conhecimento adquirido durante o curso. A etapa final do curso foi a elaboração de projetos pelos professores para serem implantados nas escolas, e já há professores pondo em prática o que aprenderam no curso. Alguns professores relataram a importância do mesmo e também a importância de abordar a educação ambiental não só na escola, mas em todos os ambientes sociais. As crianças que participaram das oficinas demonstraram bastante interesse em praticar os conhecimentos obtidos durante as leituras nas oficinas. Portanto, podese concluir que a ação realizada teve seus objetivos alcançados, uma vez que a conscientização dos professores e estudantes é notória. AGRADECIMENTOS Às escolas, professores e alunos dos municípios de Acarape e Redenção que abraçaram o projeto Eco Leitura, aos bolsistas voluntários e a Orientadora pela dedicação, a UNILAB e PIBEAC pela parceria. REFERÊNCIAS BRASIL, Lei n de 27 de abril de Dispõe sobre a educação ambiental, institui a Política Nacional de Educação Ambiental e dá outras providências. Disponível em: < tm>. Acesso em: 18 jun BRASIL. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Ambiental. PARECER CNE/CP Nº 14/2012. Aprovado em 6/6/2012. In: Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais da Educação Básica/Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Diretoria de Currículos e Educação Integral. Brasília: MEC, SEB, DICEI, p. MARCATTO, Celso. Educação Ambiental: Conceitos e Princípios. Belo Horizonte: Gráfica e Editora Sigma Ltda, p.sorrentino, Marcos; TRAJBER, Rachel. Políticas estruturantes de educação ambiental. In: Soraia Silva de Mello (Org.). Vamos cuidar do Brasil: conceitos e práticas em educação ambiental na escola. Brasília: Unesco, p. 18. SORRENTINO, Marcos; TRAJBER, Rachel. Políticas estruturantes de educação ambiental. In: Soraia Silva de Mello (Org.). Vamos cuidar do Brasil: conceitos e práticas em educação ambiental na escola. Brasília: Unesco, p. 18.

CURSO DE FORMAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA PROFESSORES DA REDE PÚBLICA DOS MUNICIPIOS DE ACARAPE E REDENÇÃO NO MACIÇO DE BATURITÉ-CE

CURSO DE FORMAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA PROFESSORES DA REDE PÚBLICA DOS MUNICIPIOS DE ACARAPE E REDENÇÃO NO MACIÇO DE BATURITÉ-CE CURSO DE FORMAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA PROFESSORES DA REDE PÚBLICA DOS MUNICIPIOS DE ACARAPE E REDENÇÃO NO MACIÇO DE BATURITÉ-CE Suelly Mary da Silva Lima (*), Rosaliny de Castro Lourencio, Elânia

Leia mais

PERCEPÇÃO DE PROFESSORES QUANTO A ABORDAGEM DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NAS ESCOLAS DE ENSINO FUNDAMENTAL DO MUNICIPIO DE ACARAPE

PERCEPÇÃO DE PROFESSORES QUANTO A ABORDAGEM DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NAS ESCOLAS DE ENSINO FUNDAMENTAL DO MUNICIPIO DE ACARAPE PERCEPÇÃO DE PROFESSORES QUANTO A ABORDAGEM DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NAS ESCOLAS DE ENSINO FUNDAMENTAL DO MUNICIPIO DE ACARAPE Rosaliny de Castro Lourencio (*), Elânia Soares de Sena, Suelly Mary da Silva

Leia mais

A RELEVÂNCIA DO LÚDICO NO ENSINO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA CRIANÇAS DO ENSINO FUNDAMENTAL

A RELEVÂNCIA DO LÚDICO NO ENSINO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA CRIANÇAS DO ENSINO FUNDAMENTAL A RELEVÂNCIA DO LÚDICO NO ENSINO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA CRIANÇAS DO ENSINO FUNDAMENTAL Rita Maria Luz Freitas Soares (1) ; Luciana Rocha Paula (2) ; Ernandes Damasceno da Costa (2) ; João da Paixão

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO CONTINUADA, ALFABETIZAÇÃO E DIVERSIDADE DIRETORIA DE EDUCAÇÃO INTEGRAL, DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA COORDENAÇÃO-GERAL DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL TERMO DE REFERÊNCIA

Leia mais

A MATEMÁTICA COMO FERRAMENTA PARA A EDUCAÇÃO AMBIENTAL

A MATEMÁTICA COMO FERRAMENTA PARA A EDUCAÇÃO AMBIENTAL na Contemporaneidade: desafios e possibilidades A MATEMÁTICA COMO FERRAMENTA PARA A EDUCAÇÃO AMBIENTAL Thais da Silveira Neves Araujo Docente no Instituto Federal de São Paulo thaisneves.a@gmail.com Pamella

Leia mais

Projeto Ambienta Rio: A escola faz a diferença.

Projeto Ambienta Rio: A escola faz a diferença. Projeto Ambienta Rio: A escola faz a diferença. E/SUBE/CED/GPEC Semana de Meio Ambiente Mostra de Trabalhos de Educação Ambiental das Escolas da Rede Pública Municipal de Ensino Justificativa A Secretaria

Leia mais

Etec Monsenhor Antonio Magliano. Projeto Interdisciplinar Ações de defesa e proteção ao Ambiente- 2012

Etec Monsenhor Antonio Magliano. Projeto Interdisciplinar Ações de defesa e proteção ao Ambiente- 2012 Etec Monsenhor Antonio Magliano Projeto Interdisciplinar Ações de defesa e proteção ao Ambiente- 2012 Professor Responsável: TASSIANA DE CASTRO LA TERZA Equipe de Professores Responsáveis: Professores

Leia mais

Formulário de Aprovação de Curso e Autorização da Oferta

Formulário de Aprovação de Curso e Autorização da Oferta MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA Formulário de Aprovação de Curso e Autorização da Oferta PROJETO

Leia mais

GT-PEDE PLANTA. Momento Pedagógico. Grupo de Trabalho para definições estratégicas, táticas e operacionais para o projeto PEDE PLANTA

GT-PEDE PLANTA. Momento Pedagógico. Grupo de Trabalho para definições estratégicas, táticas e operacionais para o projeto PEDE PLANTA Momento Pedagógico GT-PEDE PLANTA Grupo de Trabalho para definições estratégicas, táticas e operacionais para o projeto PEDE PLANTA - Lei n 9.795/1999 - Brasília/DF, 21 de julho de 2016 Filipy Andrade

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UM PASSO PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UM PASSO PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL Porto Alegre/RS 23 a 26/11/2015 EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UM PASSO PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL Bruna Fonsêca de Oliveira Nascimento (*), Tércia Oliveira Castro, Franciele Santos Torres. * Instituto Federal

Leia mais

A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO CONTEXTO DOS PARÂMETROS CURRICULARES NACIONAIS

A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO CONTEXTO DOS PARÂMETROS CURRICULARES NACIONAIS A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO CONTEXTO DOS PARÂMETROS CURRICULARES NACIONAIS INTRODUÇÃO Michel Alves Branco Universidade Federal da Paraíba alves_engamb@hotmail.com A inserção da educação ambiental nos Parâmetros

Leia mais

EDITAL Nº 06, DE 30 DE MAIO DE 2017 SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA ATUAR NO NÚCLEO DE PRÁTICAS EM GESTÃO

EDITAL Nº 06, DE 30 DE MAIO DE 2017 SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA ATUAR NO NÚCLEO DE PRÁTICAS EM GESTÃO EDITAL Nº 06, DE 30 DE MAIO DE 2017 SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA ATUAR NO A Coordenação do Curso de Administração da Faculdade Dinâmica do Vale do Piranga (FADIP), por meio do Núcleo de Práticas em Gestão,

Leia mais

A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA EDUCAÇÃO INFANTIL. Palavras-chave: Educação Ambiental. Educação Infantil. Educadoras.

A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA EDUCAÇÃO INFANTIL. Palavras-chave: Educação Ambiental. Educação Infantil. Educadoras. A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA EDUCAÇÃO INFANTIL Karla Kaspary* Janaína Dias Godinho** Maria Eloisa Farias*** RESUMO O presente artigo tem como objetivos compreender e analisar de que forma as educadoras da Educação

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO METODISTA IPA POLÍTICA AMBIENTAL

CENTRO UNIVERSITÁRIO METODISTA IPA POLÍTICA AMBIENTAL CENTRO UNIVERSITÁRIO METODISTA IPA POLÍTICA AMBIENTAL Porto Alegre 2014 CENTRO UNIVERSITÁRIO METODISTA IPA Reitor e Pró-Reitor de Graduação Roberto Pontes da Fonseca Coordenadora de Graduação Luciane Torezan

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM ANÁLISE E MANEJO DE SISTEMAS SOCIOECOLÓGICOS

ESPECIALIZAÇÃO EM ANÁLISE E MANEJO DE SISTEMAS SOCIOECOLÓGICOS ESPECIALIZAÇÃO EM ANÁLISE E MANEJO DE SISTEMAS SOCIOECOLÓGICOS PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Coordenador Executivo do Curso: Dra. Margarete Sponchiado Coordenador Adjunto do Curso: Dr. Ricardo Silva Pereira

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E PERCEPÇÃO AMBIENTAL: UMA ABORDAGEM FORMAL EM ESCOLAS PÚBLICA DE MOSSORÓ/RN. Noelia Ferreira da Silva

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E PERCEPÇÃO AMBIENTAL: UMA ABORDAGEM FORMAL EM ESCOLAS PÚBLICA DE MOSSORÓ/RN. Noelia Ferreira da Silva EDUCAÇÃO AMBIENTAL E PERCEPÇÃO AMBIENTAL: UMA ABORDAGEM FORMAL EM ESCOLAS PÚBLICA DE MOSSORÓ/RN Noelia Ferreira da Silva RESUMO: Uma das principais funções da Educação Ambiental é a formação de cidadãos

Leia mais

PERCEPÇÃO DA ATITUDE AMBIENTAL DOS ALUNOS DO CEFET-UBERABA

PERCEPÇÃO DA ATITUDE AMBIENTAL DOS ALUNOS DO CEFET-UBERABA PERCEPÇÃO DA ATITUDE AMBIENTAL DOS ALUNOS DO CEFET-UBERABA FRAGA, D.F. 1 ; SILVA SOBRINHO, J.B.F. 1 ; SILVA, A.M. 2 ; ABDALA, V.L. 2 1 Estudante 6 módulo em Tecnologia em Gestão Ambiental no CEFET Uberaba

Leia mais

Eixo Temático ET Educação Ambiental EDUCAÇÃO AMBIENTAL: PRATICANDO OS 5R S COMO FORMA DE REDUÇÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS NO ÂMBITO ESCOLAR

Eixo Temático ET Educação Ambiental EDUCAÇÃO AMBIENTAL: PRATICANDO OS 5R S COMO FORMA DE REDUÇÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS NO ÂMBITO ESCOLAR 1613 Eixo Temático ET-09-004 Educação Ambiental EDUCAÇÃO AMBIENTAL: PRATICANDO OS 5R S COMO FORMA DE REDUÇÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS NO ÂMBITO ESCOLAR Nayane Borges¹, Monalisa Nascimento², Suellen Dias³ ¹Graduanda

Leia mais

II Simpósio Nacional de Empreendedorismo Social Enactus Brasil

II Simpósio Nacional de Empreendedorismo Social Enactus Brasil PROJETO RECICLANDO O SABER IMPLANTAÇÃO DE COLETA SELETIVA EM ESCOLAS MUNICIPAIS - RECICLAGEM Regiane de Oliveira Silva¹ Michaele da Cruz Sousa² Sheyla Monyke Silva de Freitas³ Mariell Lima Costa Edgar

Leia mais

UTILIZAÇÃO DE PARÓDIAS COMO METODOLOGIA DE ENSINO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL.

UTILIZAÇÃO DE PARÓDIAS COMO METODOLOGIA DE ENSINO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL. UTILIZAÇÃO DE PARÓDIAS COMO METODOLOGIA DE ENSINO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL. Jovanildo da Cruz Santana (1) ; Andrea Santos Mascarenhas (1) ; Rithelly Tavares da Silva (1); Daniel Silas Veras dos Santos (1)

Leia mais

Educação Ambiental: Um Caminho Para a 1 Sustentabilidade

Educação Ambiental: Um Caminho Para a 1 Sustentabilidade Educação Ambiental: Um Caminho Para a 1 Sustentabilidade LUCILANDIO Pereira Mareco 1, JANIERK Pereira de Freitas 2, FRANCISCO Eduardo de Freitas 3, SANDRILENE Pessoa Sousa 4 O ensino básico tem papel fundamental,

Leia mais

Consórcio Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí

Consórcio Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí Consórcio Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí Projeto de capacitação com foco na sensibilização e conscientização voltado à racionalização do uso da água Contrato FEHIDRO

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: VALORIZAÇÃO E PRESERVAÇÃO DA CAATINGA NATASHA DA COSTA CAJAZEIRAS

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: VALORIZAÇÃO E PRESERVAÇÃO DA CAATINGA NATASHA DA COSTA CAJAZEIRAS EDUCAÇÃO AMBIENTAL: VALORIZAÇÃO E PRESERVAÇÃO DA CAATINGA NATASHA DA COSTA CAJAZEIRAS ITAITUBA 2015 1. RESUMO Este projeto caracteriza-se por um trabalho bibliográfico com o objetivo de conhecer e preservar

Leia mais

Sustentabilidade no TJRN: ações da COPEGAM-TJRN

Sustentabilidade no TJRN: ações da COPEGAM-TJRN SEMBRAGIRES - Seminário Brasileiro de Gestão de Resíduos Sólidos Universidade Federal do Rio Grande do Norte 11 a 14 de novembro de 2015 Sustentabilidade no TJRN: ações da COPEGAM-TJRN 1. Fátima Maria

Leia mais

Programa Educação Inclusiva: direito à diversidade

Programa Educação Inclusiva: direito à diversidade MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO CONTINUADA, ALFABETIZAÇÃO, DIVERSIDADE E INCLUSÃO Programa Educação Inclusiva: direito à diversidade Antônio Lidio de Mattos Zambon Coordenador Geral de Políticas

Leia mais

SABERES DA TERRA. Resumo Palavras-chave: Orientações educativas; meio ambiente; agricultura familiar;

SABERES DA TERRA. Resumo Palavras-chave: Orientações educativas; meio ambiente; agricultura familiar; SABERES DA TERRA Olinson Coutinho Miranda 1 (IFBaiano), Danilo N. Da Silva 2 (IFBaiano), Fernando N. da Silva 3 (IFBaiano). Resumo Palavras-chave: Orientações educativas; meio ambiente; agricultura familiar;

Leia mais

APRENDENDO E ENSINANDO NO ESTAGIO SUPERVISIONADO: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

APRENDENDO E ENSINANDO NO ESTAGIO SUPERVISIONADO: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA APRENDENDO E ENSINANDO NO ESTAGIO SUPERVISIONADO: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA Antonia Rayara Pereira Lemos;¹* Neidimar Lopes Matias de Paula¹ 1. Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Ceará-IFCE.

Leia mais

A Leitura Literária no Ensino Fundamental:

A Leitura Literária no Ensino Fundamental: A Leitura Literária no Ensino Fundamental: Possibilidades de trabalhos em sala de aula de Língua Portuguesa a partir de uma perspectiva de formação continuada do professor Profª Ms. Joyce Rodrigues Silva

Leia mais

Conscientização ambiental na Educação Infantil da escola Dr. Vasco da Gama e Silva, RS

Conscientização ambiental na Educação Infantil da escola Dr. Vasco da Gama e Silva, RS Conscientização ambiental na Educação Infantil da escola Dr. Vasco da Gama e Silva, RS Pâmela Cunha da Silva¹, Email: paamelacunhaa@gmail.com ; Yuri Hoesel dos Santos¹ ; Camila Daiane Bittencourt Leite¹;

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL Nº 002/2013 Portaria SEME nº 014/2013 Título: Ambiente e Vida Área: Educação Ambiental Coordenação: Cássia Mara Silveira Leal Supervisora: Júnia

Leia mais

Aula 2. Módulo I Educação Ambiental e Sustentabilidade. Curso de Atualização em Educação Ambiental e Sustentabilidade. Jaqueline Figuerêdo Rosa

Aula 2. Módulo I Educação Ambiental e Sustentabilidade. Curso de Atualização em Educação Ambiental e Sustentabilidade. Jaqueline Figuerêdo Rosa www.cursoeduambientalifbaiano.wordpress.com Curso de Atualização em Educação Ambiental e Sustentabilidade Módulo I Educação Ambiental e Sustentabilidade Aula 2 Jaqueline Figuerêdo Rosa Mas, o que é Educação

Leia mais

A ABORDAGEM DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NOS LIVROS DIDÁTICOS DE QUÍMICA DO ENSINO MÉDIO

A ABORDAGEM DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NOS LIVROS DIDÁTICOS DE QUÍMICA DO ENSINO MÉDIO A ABORDAGEM DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NOS LIVROS DIDÁTICOS DE QUÍMICA DO ENSINO MÉDIO José Ijaelson do Nascimento Júnior; Catalyne Maria de Jesus Lins; Cynthia Maria de Jesus Lins; Ana Paula Freitas da Silva.

Leia mais

CURSO: PEDAGOGIA - PERÍODO: 5º - 1º semestre 2016 DISCIPLINA: FUNDAMENTOS E METODOLOGIA DO ENSINO DE GEOGRAFIA

CURSO: PEDAGOGIA - PERÍODO: 5º - 1º semestre 2016 DISCIPLINA: FUNDAMENTOS E METODOLOGIA DO ENSINO DE GEOGRAFIA CURSO: PEDAGOGIA - PERÍODO: 5º - 1º semestre 2016 DISCIPLINA: FUNDAMENTOS E METODOLOGIA DO ENSINO DE GEOGRAFIA PROJETO DE EXTENSÃO DO CURSO DE PEDAGOGIA Estágio Observação e Regência nas Séries Iniciais

Leia mais

Tecnologia em Gestão Ambiental, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba Campus João Pessoa,

Tecnologia em Gestão Ambiental, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba Campus João Pessoa, PRÁTICAS DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NAS AULAS DE QUÍMICA NO CONTEXTO DA EJA Apresentação: Pôster Francisco Juvito de Sousa 1 ; Hevelyne Figueirêdo Pereira 2 ; Ana Gabriela da Silva 3 ; Pedro Nogueira da Silva

Leia mais

A Empresa Trilha da Ilha Florianópolis, Santa Catarina

A Empresa Trilha da Ilha Florianópolis, Santa Catarina A Empresa Trilha da Ilha Florianópolis, Santa Catarina Felipe Abramovitch. Jean Benchimol Escola Politécnica Universidade Federal do Rio de Janeiro Introdução A Trilha da Ilha não promete mudar o mundo,

Leia mais

UTILIZAÇÃO DE DOBRADURAS DE PAPEL NO ENSINO E APRENDIZAGEM DE MATEMÁTICA

UTILIZAÇÃO DE DOBRADURAS DE PAPEL NO ENSINO E APRENDIZAGEM DE MATEMÁTICA UTILIZAÇÃO DE DOBRADURAS DE PAPEL NO ENSINO E APRENDIZAGEM DE MATEMÁTICA Shirley Aparecida de Morais Escola 31 de março shiamo@seed.pr.gov.br Rita de Cássia Amaral Vieira rcamaral@hotmail.comr Samantha

Leia mais

Política Nacional de Educação Ambiental Lei 9.795/99 Decreto 4.281/2002

Política Nacional de Educação Ambiental Lei 9.795/99 Decreto 4.281/2002 * Política Nacional de Educação Ambiental Lei 9.795/99 Decreto 4.281/2002 Conceitos oficiais: "Entendem-se por educação ambiental os processos por meio dos quais o indivíduo e a coletividade constroem

Leia mais

A Câmara Superior de Ensino da Universidade Federal de Campina Grande, no uso de suas atribuições e,

A Câmara Superior de Ensino da Universidade Federal de Campina Grande, no uso de suas atribuições e, SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO RESOLUÇÃO Nº 08/2016 Aprova a estrutura curricular do Curso de Letras Libras, modalidade

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL O CONHECIMENTO CHEGANDO PELAS ONDAS. Palavras-chave: Comunicação; conscientização; meio ambiente; vida

EDUCAÇÃO AMBIENTAL O CONHECIMENTO CHEGANDO PELAS ONDAS. Palavras-chave: Comunicação; conscientização; meio ambiente; vida EDUCAÇÃO AMBIENTAL O CONHECIMENTO CHEGANDO PELAS ONDAS FIUZA, Denise Almeida Fonseca 1 ; HERCOS, Emylciane Costa 2 ; ARAÚJO, Valdinéia Nogueira da Silva 3 Palavras-chave: Comunicação; conscientização;

Leia mais

ENSINO DE ASTRONOMIA INCLUSIVO NA ESCOLA: ELABORAÇÃO E UTILIZAÇÃO DE RECURSOS SENSORIAIS E DE ÁUDIO

ENSINO DE ASTRONOMIA INCLUSIVO NA ESCOLA: ELABORAÇÃO E UTILIZAÇÃO DE RECURSOS SENSORIAIS E DE ÁUDIO ENSINO DE ASTRONOMIA INCLUSIVO NA ESCOLA: ELABORAÇÃO E UTILIZAÇÃO DE RECURSOS SENSORIAIS E DE ÁUDIO Adriana Oliveira Bernardes UENF (Universidade do Norte Fluminense) Resumo: A partir da publicação da

Leia mais

A FORMAÇÃO DOCENTE: PIBID E O ESTÁGIO SUPERVISIONADO

A FORMAÇÃO DOCENTE: PIBID E O ESTÁGIO SUPERVISIONADO A FORMAÇÃO DOCENTE: PIBID E O ESTÁGIO SUPERVISIONADO Regina Célia Cola Rodrigues Mestranda em Educação: Currículo PUC/SP Profª Drª Neide de Aquino Noffs Professora Orientadora da Pesquisa Resumo O presente

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE FRANCISCA EDJANÁRIA PEREIRA SIMONE COSMA GALDINO DE OLIVEIRA VANIA GOMES VIEIRA

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE FRANCISCA EDJANÁRIA PEREIRA SIMONE COSMA GALDINO DE OLIVEIRA VANIA GOMES VIEIRA EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE FRANCISCA EDJANÁRIA PEREIRA SIMONE COSMA GALDINO DE OLIVEIRA VANIA GOMES VIEIRA RESUMO O presente trabalho é requisito do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação

Leia mais

RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE O PROCESSO EDUCATIVO PARA A PROMOÇÃO DA EDUCAÇÃO AMBIENTALPOR INTERMÉDIO DA ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICA

RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE O PROCESSO EDUCATIVO PARA A PROMOÇÃO DA EDUCAÇÃO AMBIENTALPOR INTERMÉDIO DA ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICA RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE O PROCESSO EDUCATIVO PARA A PROMOÇÃO DA EDUCAÇÃO AMBIENTALPOR INTERMÉDIO DA ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICA Relatório de Experiência Denise Bezerra Rodrigues Gomes 1 Resumo O projeto

Leia mais

Objetivo Metodologia Figura 1

Objetivo Metodologia Figura 1 TRILHA INTERPRETATIVA ELABORADA PELO PET- FLORESTA COMO FERRAMENTA PARA ATIVIDADES EXTENSIONISTAS E DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO INSTITUTO DE FLORESTAS (IF/UFRRJ) ALMEIDA, R.B.¹, BARROS, L.A.,¹ CHAGAS, M.C.¹,

Leia mais

Neusa de Oliveira Costa Diretora Administrativa do Meu Guri. Miguel Torres Presidente do Sind. Metalúrgicos SP e Força Sindical

Neusa de Oliveira Costa Diretora Administrativa do Meu Guri. Miguel Torres Presidente do Sind. Metalúrgicos SP e Força Sindical promovendo Cidadania, Inclusão Social e Cultura Contribuir de forma diferenciada para o aprimoramento do programa de apoio socioeducativo em meio aberto, atendendo crianças, adolescentes e famílias, produzindo,

Leia mais

PROGRAMAS E PROJETOS DE EXTENSÃO GERÊNCIA DE ENSINO, PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA, EXTENSÃO E INOVAÇÃO CAMPUS UNIVERSITÁRIO GRANDE FLORIANÓPOLIS

PROGRAMAS E PROJETOS DE EXTENSÃO GERÊNCIA DE ENSINO, PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA, EXTENSÃO E INOVAÇÃO CAMPUS UNIVERSITÁRIO GRANDE FLORIANÓPOLIS PROGRAMAS E PROJETOS DE EXTENSÃO GERÊNCIA DE ENSINO, PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA, EXTENSÃO E INOVAÇÃO CAMPUS UNIVERSITÁRIO GRANDE FLORIANÓPOLIS PROJETO DE EXTENSÃO Saúde na Escola Unisul: gamificação e novas

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO DE ACADEMICOS PARA COMPOSIÇÃO DA LIGA ACADEMICA DE ESTUDOS AMBIENTAIS LAEAmb DO CEULP/ULBRA EDITAL Nº. 01/2016

PROCESSO DE SELEÇÃO DE ACADEMICOS PARA COMPOSIÇÃO DA LIGA ACADEMICA DE ESTUDOS AMBIENTAIS LAEAmb DO CEULP/ULBRA EDITAL Nº. 01/2016 PROCESSO DE SELEÇÃO DE ACADEMICOS PARA COMPOSIÇÃO DA LIGA ACADEMICA DE ESTUDOS AMBIENTAIS LAEAmb DO CEULP/ULBRA EDITAL Nº. 01/2016 A coordenação do projeto de extensão intitulado LIGA ACADÊMICA DE ESTUDOS

Leia mais

PACTO NACIONAL PELO FORTALECIMENTO DO ENSINO MÉDIO

PACTO NACIONAL PELO FORTALECIMENTO DO ENSINO MÉDIO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PACTO NACIONAL PELO FORTALECIMENTO DO ENSINO MÉDIO Secretaria de Educação Básica Diretoria de Apoio à Gestão 1 Educacional Objetivo do Pacto do Ensino

Leia mais

ABORDAGENS DE ENSINO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO MÉDIO DA ETSC/UFCG

ABORDAGENS DE ENSINO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO MÉDIO DA ETSC/UFCG ABORDAGENS DE ENSINO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO MÉDIO DA ETSC/UFCG Renato de Freitas Souza (1); Ariel Rodrigues Holanda (2); Onireves Monteiro de Castro (3) (1) Universidade Federal de Campina Grande

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES CCap 2014

RELATÓRIO DE ATIVIDADES CCap 2014 RELATÓRIO DE ATIVIDADES CCap 2014 A Coordenadoria de Capacitação foi criada por meio da Resolução 109/2014, com o objetivo de incrementar e concentrar a gestão do conhecimento, fomentando e promovendo

Leia mais

EXPERIÊNCIAS E DESAFIOS DAS LICENCIATURAS EM EDUCAÇÃO DO CAMPO NO MARANHÃO RESUMO

EXPERIÊNCIAS E DESAFIOS DAS LICENCIATURAS EM EDUCAÇÃO DO CAMPO NO MARANHÃO RESUMO EXPERIÊNCIAS E DESAFIOS DAS LICENCIATURAS EM EDUCAÇÃO DO CAMPO NO MARANHÃO Marly Cutrim de Menezes RESUMO O estudo refere-se ao O Programa de Apoio à Formação Superior em Licenciatura em Educação do Campo

Leia mais

VOLUNTARIADO EM UNIDADES DE CONSERVAÇÃO

VOLUNTARIADO EM UNIDADES DE CONSERVAÇÃO VOLUNTARIADO EM UNIDADES DE CONSERVAÇÃO EDITAL N 001/2016 SELEÇÃO DE VOLUNTÁRIOS NO PARQUE NACIONAL DE JERICOACOARA O Parque Nacional de Jericoacoara (PNJ), Unidade de Conservação Federal administrada

Leia mais

DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE: formação social e política. Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes/ Núcleo de Cidadania e Direitos Humanos e

DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE: formação social e política. Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes/ Núcleo de Cidadania e Direitos Humanos e DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE: formação social e política MOURA, Amanda da Rocha 1 SILVA, Andréa Benício da 2 SANTOS, Carolina Medeiros Lima dos 3 GUERRA, Suelyna Khivia Torres 4 AMORIM, Ana Luisa

Leia mais

RESUMO DE ATIVIDADES DE EXTENSÃO DO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL Semestre 2016/2º

RESUMO DE ATIVIDADES DE EXTENSÃO DO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL Semestre 2016/2º ESCOLA DE CIÊNCIAS DA SAÚDE Curso de Serviço Social RESUMO DE ATIVIDADES DE EXTENSÃO DO CURSO DE SERVIÇO SOCIAL Semestre 2016/2º Manaus Amazonas 2016/2º IDENTIFICAÇÃO Diretor Geral Marcelo José Frutuoso

Leia mais

Titulo: O respeito em sala de aula: relato de intervenção em um sétimo ano de escola pública

Titulo: O respeito em sala de aula: relato de intervenção em um sétimo ano de escola pública 1 Titulo: O respeito em sala de aula: relato de intervenção em um sétimo ano de escola pública Autores: Nathalia Tayaná dos Santos Souza, UNISAL, nathtdss@gmail.com João Moreira de Paula Neto, UNISAL,

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO CRECHE MUNICIPAL JOSÉ LUIZ BORGES GARCIA PROJETO DO 2 SEMESTRE EDUCAÇÃO INFANTIL: CONSTRUINDO O CONHECIMENTO

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO CRECHE MUNICIPAL JOSÉ LUIZ BORGES GARCIA PROJETO DO 2 SEMESTRE EDUCAÇÃO INFANTIL: CONSTRUINDO O CONHECIMENTO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO CRECHE MUNICIPAL JOSÉ LUIZ BORGES GARCIA PROJETO DO 2 SEMESTRE EDUCAÇÃO INFANTIL: CONSTRUINDO O CONHECIMENTO CUIABÁ 2015 Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar

Leia mais

S enado Federal S ubsecretaria de I nfor mações DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL

S enado Federal S ubsecretaria de I nfor mações DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL S enado Federal S ubsecretaria de I nfor mações LEI Nº 9.795, DE 27 DE ABRIL DE 1999. Dispõe sobre a educação ambiental, institui a Política Nacional de Educação Ambiental e dá outras providências. O PRESIDENTE

Leia mais

FÓSSEIS: HISTÓRIAS DE ONTEM PARA GERAÇÕES DE HOJE

FÓSSEIS: HISTÓRIAS DE ONTEM PARA GERAÇÕES DE HOJE FÓSSEIS: HISTÓRIAS DE ONTEM PARA GERAÇÕES DE HOJE Thays Letícia da Silva Estevão 1 Edilane Maria de Lima Eduardo 2 Jober Fernando Sobczak 3 Resumo: A divulgação de ciência nas escolas públicas e para a

Leia mais

Plano da Intervenção

Plano da Intervenção INTERVENÇÃO Montando o Perfil do Solo Caroline Perceval Paz Plano da Intervenção CONTEXTUALIZAÇÃO Muitas vezes, nas escolas o solo é visto como um material sem vida e diversas vezes, sem nem importância.

Leia mais

FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ Diretoria Regional Brasília Programa de Educação, Cultura e Saúde

FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ Diretoria Regional Brasília Programa de Educação, Cultura e Saúde FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ Diretoria Regional Brasília Programa de Educação, Cultura e Saúde Edital de seleção Bolsista de Extensão e Iniciação Científica Júnior A Diretoria Regional da Fundação Oswaldo Cruz

Leia mais

EXPERIMENTAÇÃO CIENTÍFICA: ANALISANDO A MERENDA ESCOLAR COM PRÁTICAS DE BIOQUÍMICA NUTRICIONAL EM ESCOLAS DE ENSINO MÉDIO DE REDENÇÃO

EXPERIMENTAÇÃO CIENTÍFICA: ANALISANDO A MERENDA ESCOLAR COM PRÁTICAS DE BIOQUÍMICA NUTRICIONAL EM ESCOLAS DE ENSINO MÉDIO DE REDENÇÃO EXPERIMENTAÇÃO CIENTÍFICA: ANALISANDO A MERENDA ESCOLAR COM PRÁTICAS DE BIOQUÍMICA NUTRICIONAL EM ESCOLAS DE ENSINO MÉDIO DE REDENÇÃO Jossiane de Oliveira Lima, Nailda Moraes Dantas, Márcia Barbosa de

Leia mais

Apontar uma estratégia de comunicação ambiental de um projeto escolar de EAS

Apontar uma estratégia de comunicação ambiental de um projeto escolar de EAS Apontar uma estratégia de comunicação ambiental de um projeto escolar de EAS Seminário Agentes de educação ambiental, contributos de participação e cidadania Lisboa 9 de Maio de 2014 Associação Nacional

Leia mais

HORTA ESCOLAR COMO ESPAÇO PARA ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL

HORTA ESCOLAR COMO ESPAÇO PARA ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL HORTA ESCOLAR COMO ESPAÇO PARA ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL Sandra Jouris Dias (UNIOESTE)1 Kely Cristina Enisweler (UNIOESTE)2 Vilmar Malacarne (Orientador -

Leia mais

UNIFLOR E PREFEITURA DE MATUPÁ: JUNTOS NUMA JORNADA DE CIDADANIA

UNIFLOR E PREFEITURA DE MATUPÁ: JUNTOS NUMA JORNADA DE CIDADANIA UNIFLOR E PREFEITURA DE MATUPÁ: JUNTOS NUMA JORNADA DE CIDADANIA Guarantã do Norte 2013 DADOS DE IDENTIFICAÇÃO IES: Faculdade de Ciências Sociais de Guarantã do Norte PARCERIA: Prefeitura Municipal de

Leia mais

Expedição Pedagógica na Bacia do Rio Itapemirim -ES. Dalva Ringuier Girlane Bittencourt Mônica Maria Perim Rosa Malena Carvalho

Expedição Pedagógica na Bacia do Rio Itapemirim -ES. Dalva Ringuier Girlane Bittencourt Mônica Maria Perim Rosa Malena Carvalho Expedição Pedagógica na Bacia do Rio Itapemirim -ES Dalva Ringuier Girlane Bittencourt Mônica Maria Perim Rosa Malena Carvalho Curriculum Autora: Rosa Malena Gomes Carvalho Bacharel em Comunicação Social

Leia mais

ISSN ÁREA TEMÁTICA:

ISSN ÁREA TEMÁTICA: 13. CONEX Pôster Resumo Expandido 1 ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( X ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO ( ) TECNOLOGIA Exposições

Leia mais

FAMÍLIA E ESCOLA: UMA PARCERIA DE SUCESSO

FAMÍLIA E ESCOLA: UMA PARCERIA DE SUCESSO FAMÍLIA E ESCOLA: UMA PARCERIA DE SUCESSO Maria Isabel Francisco da Silva 1 FIP- Faculdades Integradas de Patos Isabelsilva04@hotmail.com RESUMO Neste trabalho apresenta-se uma discussão e reflexão sobre

Leia mais

PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DA REDE PÚBLICA DE ENSINO SOBRE O DESCARTE INDEVIDO DE ÓLEO DE COZINHA COM ÊNFASE NA PROBLEMÁTICA AMBIENTAL

PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DA REDE PÚBLICA DE ENSINO SOBRE O DESCARTE INDEVIDO DE ÓLEO DE COZINHA COM ÊNFASE NA PROBLEMÁTICA AMBIENTAL PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DA REDE PÚBLICA DE ENSINO SOBRE O DESCARTE INDEVIDO DE ÓLEO DE COZINHA COM ÊNFASE NA PROBLEMÁTICA AMBIENTAL Vitória, A. Freire 1 ; Kaline, R. M. Ferreira 2 ; Didiane, S.Silva 2. 1

Leia mais

RELATOS DE EXPERIÊNCIA: UMA ANÁLISE DA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES-PNAIC

RELATOS DE EXPERIÊNCIA: UMA ANÁLISE DA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES-PNAIC RELATOS DE EXPERIÊNCIA: UMA ANÁLISE DA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES-PNAIC Juscinária Tavares da Silva Universidade Estadual de Roraima- UERR RESUMO O presente trabalho trata-se de um relato de experiência

Leia mais

Palavras-chave: Educação Ambiental. Óleos e Gorduras Residuais (OGRs). Quantificação. Descarte.

Palavras-chave: Educação Ambiental. Óleos e Gorduras Residuais (OGRs). Quantificação. Descarte. QUANTIFICAÇÃO E DESCARTE DOS ÓLEOS E GORDURAS RESIDUAIS PARA PROMOÇÃO DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL Jorge Vleberton Bessa de Andrade 1, Ítalo Magno de Melo Santos, João Roberto Pereira Nogueira 3, Maria Cristiane

Leia mais

GRUPO DE TRABALHO EDUCAÇÃO AMBIENTAL. Kharen Teixeira (coord.) Uberlândia, 29/04/15

GRUPO DE TRABALHO EDUCAÇÃO AMBIENTAL. Kharen Teixeira (coord.) Uberlândia, 29/04/15 GRUPO DE TRABALHO EDUCAÇÃO AMBIENTAL Kharen Teixeira (coord.) Uberlândia, 29/04/15 Portaria CTPI 23/2013 Atribuições: I Propor diretrizes e ações de Educação Ambiental relacionadas aos recursos hídricos

Leia mais

CONSCIENTIZAÇÃO E EXECUÇÃO DE PROJETO AMBIENTAL A PARTIR DO PROJETO DE EXTENSÃO BIOGAMA NO GAMA-DF

CONSCIENTIZAÇÃO E EXECUÇÃO DE PROJETO AMBIENTAL A PARTIR DO PROJETO DE EXTENSÃO BIOGAMA NO GAMA-DF CONSCIENTIZAÇÃO E EXECUÇÃO DE PROJETO AMBIENTAL A PARTIR DO PROJETO DE EXTENSÃO BIOGAMA NO GAMA-DF GAIO, Lucas Machado 1 ; CURADO, Isabela Cristina; RIBEIRO, Breno P. Marcondes; RODRIGUES, Juliana P.,

Leia mais

EDITAL 001/2017 PROJETO JOVEM AMBIENTALISTA 2017

EDITAL 001/2017 PROJETO JOVEM AMBIENTALISTA 2017 Prefeitura Municipal de Parauapebas PMP Secretaria Municipal de Educação - SEMED Secretaria Municipal de Meio Ambiente SEMMA Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade ICMBio Universidade

Leia mais

TRABALHANDO O LIVRO DIDÁTICO: Com produção de maquetes no Ensino de História Medieval

TRABALHANDO O LIVRO DIDÁTICO: Com produção de maquetes no Ensino de História Medieval TRABALHANDO O LIVRO DIDÁTICO: Com produção de maquetes no Ensino de História Medieval Autora Rosangela Silva Barros dos Santos 1 rosangelasilvabarros@hotmail.com Dr. Hamilton Afonso de Oliveira 2 hamiltonafonso@uol.com.br

Leia mais

PROGRAMA DE GESTÃO PÚBLICA E ORGANIZAÇÃO ARQUIVÍSTICA

PROGRAMA DE GESTÃO PÚBLICA E ORGANIZAÇÃO ARQUIVÍSTICA PROGRAMA DE GESTÃO PÚBLICA E ORGANIZAÇÃO ARQUIVÍSTICA A Secretaria da Administração e dos Recursos Humanos (SARH), através do Departamento de Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul (APERS) tem

Leia mais

SUSTENTÁVEL CASA. Como transformar sua casa em uma... Realização Parceria Convênio CEDS

SUSTENTÁVEL CASA. Como transformar sua casa em uma... Realização Parceria Convênio CEDS CASA Como transformar sua casa em uma... SUSTENTÁVEL Capacitação da Mão de Obra Adequações na Construção civil voltada para sustentabilidade SALA VERDE UBATUBA Espaço Interativo de InFormAção SocioAmbiental

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL - SMAM. Panorâmica Municipal Integrada

EDUCAÇÃO AMBIENTAL - SMAM. Panorâmica Municipal Integrada Prefeitura Municipal de Porto Alegre Secretaria Municipal do Meio Ambiente Centro de Educação e Informação Ambiental EDUCAÇÃO AMBIENTAL - SMAM Panorâmica Municipal Integrada 2016 Jaqueline Lessa Maciel

Leia mais

EDITAL 03/2012 - CE, de 03 de setembro de 2012

EDITAL 03/2012 - CE, de 03 de setembro de 2012 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO GERAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO CENTRO DE EDUCAÇÃO EDITAL 03/2012 -

Leia mais

Educação no Sistema Prisional

Educação no Sistema Prisional Educação no Sistema Prisional Pacto Federativo Brasil, um sonho intenso, um raio vívido De amor e de esperança à terra desce, Se em teu formoso céu, risonho e límpido, A imagem do Cruzeiro resplandece.

Leia mais

MDMA MDMA MDMA MDMA CURSOS OFERECIDOS

MDMA MDMA MDMA MDMA CURSOS OFERECIDOS Os cursos já oferecidos pelo Projeto MDMA foram elaborados após verificação de demandas do público-alvo, na maioria das vezes, estando voltados à melhoria do ensino em diferentes áreas do saber. Um breve

Leia mais

INSTITUIÇÃO RECANTO INFANTIL TIA CÉLIA CNPJ: 05.028.042/0001-54 Rua Eucalipto N 34 Jardim - Ypê - Mauá SP Fone: 4546-9704/ 3481-6788

INSTITUIÇÃO RECANTO INFANTIL TIA CÉLIA CNPJ: 05.028.042/0001-54 Rua Eucalipto N 34 Jardim - Ypê - Mauá SP Fone: 4546-9704/ 3481-6788 Relatório de Atividades Mensal Esse relatório tem como objetivo apresentar as principais atividades desenvolvidas pela Instituição Recanto Infantil Tia, de acordo com o Projeto Biblioteca e Cidadania Ativa.

Leia mais

PERFIL DO PROFISSIONAL A SER FORMADO NA UFSCar

PERFIL DO PROFISSIONAL A SER FORMADO NA UFSCar PERFIL DO PROFISSIONAL A SER FORMADO NA UFSCar 1. Apresentação No segundo semestre de 1998, a Pró-Reitoria de Graduação iniciou uma série de atividades visando a inovação curricular dos cursos de graduação

Leia mais

EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO ENSINO MÉDIO EM UMA ESCOLA PARTICULAR: VISÃO DA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA.

EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO ENSINO MÉDIO EM UMA ESCOLA PARTICULAR: VISÃO DA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA. EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO ENSINO MÉDIO EM UMA ESCOLA PARTICULAR: VISÃO DA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA. Beatriz A. Barboza do Nascimento Universidade Estadual Júlio de Mesquita Filho UNESP Mestranda do programa

Leia mais

AVALIAÇÃO DO CONHECIMENTO DE ALUNOS SOBRE RESÍDUOS SÓLIDOS E COMPARAÇÃO DOS RESULTADOS OBTIDOS EM DUAS ESCOLAS PÚBLICAS DE ENSINO FUNDAMENTAL

AVALIAÇÃO DO CONHECIMENTO DE ALUNOS SOBRE RESÍDUOS SÓLIDOS E COMPARAÇÃO DOS RESULTADOS OBTIDOS EM DUAS ESCOLAS PÚBLICAS DE ENSINO FUNDAMENTAL AVALIAÇÃO DO CONHECIMENTO DE ALUNOS SOBRE RESÍDUOS SÓLIDOS E COMPARAÇÃO DOS RESULTADOS OBTIDOS EM DUAS ESCOLAS PÚBLICAS DE ENSINO FUNDAMENTAL Paulo Robinson da Silva Samuel (1) Coordenadoria de Gestão

Leia mais

COLEGIADO DE CURSOS FACULDADE UNA DE BETIM. Resolução nº 16 de 21 de novembro de 2016

COLEGIADO DE CURSOS FACULDADE UNA DE BETIM. Resolução nº 16 de 21 de novembro de 2016 COLEGIADO DE CURSOS Resolução nº 16 de 21 de novembro de 2016 Institui a Política de Extensão no âmbito da Faculdade Una de Betim e dá outras providências. A Presidente do Colegiado de Cursos da Faculdade

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação Básica. AUDIÊNCIA PÚBLICA Avaliação dos Programas Federais de Respeito à Diversidade Sexual nas Escolas

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação Básica. AUDIÊNCIA PÚBLICA Avaliação dos Programas Federais de Respeito à Diversidade Sexual nas Escolas MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação Básica AUDIÊNCIA PÚBLICA Avaliação dos Programas Federais de Respeito à Diversidade Sexual nas Escolas MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL Procuradoria Geral da República

Leia mais

Fichas de Inscrição. Divisão Municipal de Educação. PLANO MUNICIPAL DE MELHORIA E EFICÁCIA DA ESCOLA Ano Letivo 2014/2015

Fichas de Inscrição. Divisão Municipal de Educação. PLANO MUNICIPAL DE MELHORIA E EFICÁCIA DA ESCOLA Ano Letivo 2014/2015 Educação; Conhecimento e Empreendedorismo Divisão Municipal de Educação PLANO MUNICIPAL DE MELHORIA E EFICÁCIA DA ESCOLA Ano Letivo 2014/2015 Fichas de Inscrição Departamento de Desenvolvimento Social

Leia mais

I A Importância da Formação de Professores de Sociologia para a Educação Básica.

I A Importância da Formação de Professores de Sociologia para a Educação Básica. UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO INSTITUTO DE APLICAÇÃO FERNANDO RODRIGUES DA SILVEIRA DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E INTEGRAÇÃO SOCIAL DISCIPLINA DE SOCIOLOGIA PROFESSOR: ROGERIO MENDES DE

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: PROCESSO DE RECICLAGEM E TRABALHO INTERDISCIPLINAR NO CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA MAIS-NATAL/RN

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: PROCESSO DE RECICLAGEM E TRABALHO INTERDISCIPLINAR NO CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA MAIS-NATAL/RN EDUCAÇÃO AMBIENTAL: PROCESSO DE RECICLAGEM E TRABALHO INTERDISCIPLINAR NO CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA MAIS-NATAL/RN Victor Henrique dos Santos Silva 1 ; Arthur Brito Fernandes 2 ; Adriana Moura de Lima

Leia mais

4 Ano Curso Bacharelado e Licenciatura em Enfermagem

4 Ano Curso Bacharelado e Licenciatura em Enfermagem ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO: PROMOÇÃO DA SAÚDE NA EDUCAÇÃO BÁSICA e METODOLOGIA DO ENSINO DE ENFERMAGEM I 4 Ano Curso Bacharelado e Licenciatura em Enfermagem ESTÁGIO Lei 6494/77 regulamentada pelo

Leia mais

Desenvolvimento de Práticas Sustentáveis e Certificação Selo Verde Ecolmeia - Hotelaria

Desenvolvimento de Práticas Sustentáveis e Certificação Selo Verde Ecolmeia - Hotelaria Desenvolvimento de Práticas Sustentáveis e Certificação Selo Verde Ecolmeia - Hotelaria D www.ecolmeia.org.br 1 A, fundada em 2006, é formada por um grupo de profissionais de diferentes áreas que agregaram

Leia mais

A PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO FUNDAMENTAL II NA ESCOLA PÚBLICA A PARTIR DO RELATO DOS ALUNOS

A PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO FUNDAMENTAL II NA ESCOLA PÚBLICA A PARTIR DO RELATO DOS ALUNOS A PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO FUNDAMENTAL II NA ESCOLA PÚBLICA A PARTIR DO RELATO DOS ALUNOS Resumo Adriana de Fátima Nibichiniack Carvalho 1 - UFPR Eixo Educação Ambiental Agência Financiadora:

Leia mais

PLANO DE ENSINO CARGA HORÀRIA 40

PLANO DE ENSINO CARGA HORÀRIA 40 PLANO DE ENSINO IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Ambiente, Saúde e Segurança CURSO: Curso Técnico em Meio Ambiente/Subsequente ao Ensino Médio FORMA/GRAU:( )integrado ( x )subsequente ( ) concomitante (

Leia mais

APROXIMANDO A MATEMÁTICA DA REALIDADE DO EDUCANDO

APROXIMANDO A MATEMÁTICA DA REALIDADE DO EDUCANDO APROXIMANDO A MATEMÁTICA DA REALIDADE DO EDUCANDO Willian Carvalho da Silva (Bolsista)¹ Prof. a Dr. a Regina Litz Lablém (Orientadora)² 1 Estudante Bolsista do Curso de matemática da UEMS, Unidade Universitária

Leia mais

EDITAL CEAD/UFOP N 019/2013

EDITAL CEAD/UFOP N 019/2013 EDITAL CEAD/UFOP N 019/2013 Dispõe sobre o processo de inscrição para o Curso de Especialização em Coordenação Pedagógica (Pós- Graduação lato sensu) oferecido pelo Centro de Educação Aberta e a Distância

Leia mais

Catálogo do Curso de Aperfeiçoamento em Educação Ambiental

Catálogo do Curso de Aperfeiçoamento em Educação Ambiental Catálogo do Curso de Aperfeiçoamento em Educação Ambiental 1. Dados Gerais 1. Área Temática: Educação Ambiental 2. Nome do curso: Educação Ambiental 3. Nível do curso: Aperfeiçoamento 4. a ementa do curso

Leia mais

CONEXÃO VERDE IASEA REDE NACIONAL DE ENSINO SOCIOAMBIENTAL INSTITUTO PARA APRENDIZAGEM SOCIAL, EMOCIONAL E AMBIENTAL

CONEXÃO VERDE IASEA REDE NACIONAL DE ENSINO SOCIOAMBIENTAL INSTITUTO PARA APRENDIZAGEM SOCIAL, EMOCIONAL E AMBIENTAL CONEXÃO VERDE REDE NACIONAL DE ENSINO SOCIOAMBIENTAL IASEA INSTITUTO PARA APRENDIZAGEM SOCIAL, EMOCIONAL E AMBIENTAL 1. APRESENTAÇÃO Conexão Verde é uma rede de aprendizagem e colaboração que envolve jovens

Leia mais

Educação Ambiental e Alfabetização Científica como instrumentos para. Dr. Anderson Lopes Peçanha DBIO / CCA / UFES

Educação Ambiental e Alfabetização Científica como instrumentos para. Dr. Anderson Lopes Peçanha DBIO / CCA / UFES Educação Ambiental e Alfabetização Científica como instrumentos para Sustentabilidade Dr. Anderson Lopes Peçanha DBIO / CCA / UFES Introdução 1.UFES/CCA Alegre 2.Alfabetização Científica e Desafios 3.Instrumentação

Leia mais

LABORATORIO DE ENSINO DE CIENCIAS BIOLÒGICAS (LECBio) DA UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO (UFRPE): IDEALIZAÇÃO, OBJETIVOS E MOSTRA LECBIO

LABORATORIO DE ENSINO DE CIENCIAS BIOLÒGICAS (LECBio) DA UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO (UFRPE): IDEALIZAÇÃO, OBJETIVOS E MOSTRA LECBIO LABORATORIO DE ENSINO DE CIENCIAS BIOLÒGICAS (LECBio) DA UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO (UFRPE): IDEALIZAÇÃO, OBJETIVOS E MOSTRA LECBIO INTRODUÇÃO Autor (1); Mariana Ribeiro Porto Araujo Universidade

Leia mais

EDITAL INTERNO FAP Nº 021/2017 DISPÕE SOBRE A INSCRIÇÃO E SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA ESTÁGIO PROFISSIONALIZANTE EM PSICOLOGIA/FAP PARA O 8 PERÍODO

EDITAL INTERNO FAP Nº 021/2017 DISPÕE SOBRE A INSCRIÇÃO E SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA ESTÁGIO PROFISSIONALIZANTE EM PSICOLOGIA/FAP PARA O 8 PERÍODO EDITAL INTERNO FAP Nº 021/2017 DISPÕE SOBRE A INSCRIÇÃO E SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA ESTÁGIO PROFISSIONALIZANTE EM PSICOLOGIA/FAP PARA O 8 PERÍODO A Diretora Geral da Faculdade de Pimenta no uso de suas

Leia mais