28/01/2013 UMIDADE DAS SEMENTES REPRESENTAÇÃO ESQUEMÁTICA DA FORMA DE FIXAÇÃO DA ÁGUA NAS SEMENTES ÁGUA LIVRE (ÁGUA NÃO ADSORVIDA E SOLVENTE)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "28/01/2013 UMIDADE DAS SEMENTES REPRESENTAÇÃO ESQUEMÁTICA DA FORMA DE FIXAÇÃO DA ÁGUA NAS SEMENTES ÁGUA LIVRE (ÁGUA NÃO ADSORVIDA E SOLVENTE)"

Transcrição

1 SECAGEM DE SEMENTES Profª. Marcela Carlota Nery UMIDADE DAS SEMENTES REPRESENTAÇÃO ESQUEMÁTICA DA FORMA DE FIXAÇÃO DA ÁGUA NAS SEMENTES ÁGUA LIVRE (ÁGUA NÃO ADSORVIDA E SOLVENTE) 4 º TIPO: ÁGUA DE IMPREGNAÇÃO > 27% ÁGUA FRACAMENTE ADSORVIDA (SOLVENTE) Tensão osmótica 3 º TIPO: ÁGUA "OSMÓTICA" 13% - 27% ÁGUA FORTEMENTE ADSORVIDA (NÃO SOLVENTE) Forças de Van der Waals MATÉRIA BIOLÓGICA 2 º TIPO: CAMADA POLIMOLECULAR 5% - 13% 1 º TIPO: CAMADA MONOMOLECULAR 0-5% 1

2 TABELA 1 Teor de água máximo de sementes de hortaliças para acondicionamento em embalagens impermeáveis à umidade. TEOR DE ÁGUA (%) ESPÉCIE 5 Brócolis, couve, couve flor, mostarda, rabanete, repolho 6 Abóbora, alface, berinjela, cebola, melancia, melão, pepino, pimentão, tomate 7 Cenoura, nabo, salsa, almeirão, beterraba, ervilha, espinafre, milho doce, quiabo HIGROSCOPICIDADE DAS SEMENTES SEMENTE GANHA UMIDADE DO AMBIENTE SEMENTE PERDE UMIDADE PARA O AMBIENTE SECAGEM EQUILIBRIO HIGROSCÓPICO 2

3 TABELA 2 Teor de água de equilíbrio de sementes de hortaliças em diferentes umidades relativas do ar e temperatura de 25ºC ESPÉCIE UMIDADE RELATIVA DO AR (%) ABÓBORA 3,0 4,3 5,6 7,4 9,0 10,8 ALFACE 2,8 4,2 5,1 5,9 7,1 9,6 CEBOLA 4,6 6,8 8,0 9,5 11,2 13,4 CENOURA 4,5 5,9 6,8 7,0 9,2 11,6 ERVILHA 5,4 7,3 8,6 10,1 11,9 15,0 MELANCIA 3,0 4,8 6,1 7,6 8,8 10,4 PEPINO 2,6 4,3 5,6 7,1 8,4 10,1 PIMENTÃO 2,8 4,5 6,0 7,8 9,2 11,0 REPOLHO 3,2 4,6 5,4 6,4 7,6 9,6 TOMATE 3,2 5,0 6,3 7,8 9,2 11,1 EQUILÍBRIO HICROSCÓPICO DEPENDE DA COMPOSIÇÃO QUÍMICA DA SEMENTE BAIXO PARA SEMENTES COM 50% DE ÔLEO ALTO PARA SEMENTES COM 5% DE ÔLEO ÔLEO 3

4 INTEGRIDADE DAS SEMENTES SEMENTES MECANICAMENTE DANIFICADAS ATINGEM TEOR DE ÁGUA EM EQUILÍBRIO MAIORES QUE SEMENTES ÍNTEGRAS DETERMINAÇÃO DE UMIDADE Baudet 4

5 ESTUFA = OFICIAL 105ºC/24 HOURS 5

6 15 ml or 15% M.C. 1. Retirada da umidade da superfície da semente por EVAPORAÇÃO 2. MIGRAÇÃO da Umidade interna para a periferia da semente 6

7 TEMPERATURA DE SECAGEM TEMPERATURA DO AR DE SECAGEM 1. ESTUFA DE SECAGEM: 43ºC 2. SILO SECADOR: 40ºC 3. SEMENTES ACIMA DE 20% DE UMIDADE: 33ºC 4. SEMENTES COM 12% DE UMIDADE: 38ºC 5. SEMENTES COM 8% DE UMIDADE: 43ºC 6. SECADOR ROTATÓRIO OU TUNEL: 30ºC 7. SECADOR ROTATÓRIO NO FIM DA SECAGEM: 45ºC 7

8 MÉTODOS DE SECAGEM SECAGEM NATURAL SOL E VENTO PARA REMOVER A UMIDADE DAS SEMENTES ABÓBORA TOMATE 8

9 FRUTOS SECOS Trilhagem manual de feijão-vagem 9

10 SECAGEM NATURAL EM TERREIROS (EIRAS) CAMADA DE ATÉ 10 cm ONDULADA REVOLVENDO A CADA 30 minutos 10

11 11

12 12

13 ENCERADOS (LONAS) 13

14 14

15 FLUXOGRAMA PARA OBTENÇÃO DE SEMENTES DE HORTALIÇAS POR VIA ÚMIDA Campo de produção de sementes Colheita dos frutos maduros, ou parcialmente maduros (com repouso) Corte dos frutos e extração manual das sementes ou Esmagamento dos frutos Tanque: fermentação, tratamento químico, lavagem Bicas de lavagem: escoamento de resíduos e retenção das sementes boas Centrifugação: eliminação da água superficial das sementes Secagem das sementes: NATURAL e/ou ARTIFICIAL a temperaturas até C 15

16 FRUTOS CARNOSOS ÚMIDOS Solanáceas: berinjela, pimentão, tomate; Cucurbitáceas: abóbora, pepino, melancia, melão. EXTRAÇÃO LAVAGEM SECAGEM LAVAGEM DE SEMENTES DE TOMATE 16

17 TOMATE LAVAGEM EM TANQUE: FERMENTAÇÃO, DECANTAÇÃO E LAVAGEM 17

18 EQUIPAMENTO MANUAL PARA EXTRAÇÃO DE SEMENTES DE PIMENTÃO Secagem: À sombra por 24h e ao sol por 6h; ABÓBORA Extração remoção da mucilagem - lavagem - secagem natural ou em estufas até 12 e até 6% 18

19 19

20 SECAGEM EM BANDEJAS AO SOL 20

21 Curcubita sp. Abóbora AO VENTO COM TELA DE ARAME (MILHO EM ESPIGAS) 21

22 22

23 SECAGEM ESTACIONÁRIA REQUERIMENTOS FLUXO DE AR UR DO AR TEMPERATURA DO AR DESECAGEM CAPACIDADE DE SECAGEM 23

24 FUNÇÕES DO AR DE SECAGEM Fornecer calor para evaporar a umidade das sementes Transportar a umidade evaporada para fora da massa de sementes 24

25 SECAGEM EM SILOS Ventilador Axial Ventilador Centrífugo FLUXO DE AR DE 4 A 20 m 3 /minuto/tonelada 25

26 SECAGEM EXCESSIVA (Sobresecagem) DEMORA NA SECAGEM (Subsecagem) UR DO AR DE SECAGEM ENTRE 40% e 70% ESTUFA DE SECAGEM COM AR QUENTE FORÇADO 26

27 SECADOR ESTACIONÁRIO DE FUNDO FALSO Secador de sementes de hortaliças (com aquecimento e ventilação forçada) Abóbora: kg/5h/40 C Cenoura/Cebola:250Kg/4h/40ºC 27

28 SECADOR DE SACOS SACO PLENUM APÓS 50% DA SECAGEM 28

29 SECADOR DE CAIXAS 29

30 30

31 CAUSAS DE REDUÇÃO DA GERMINAÇÃO NA SECAGEM EM SILOS Demora na secagem Alta temperatura de secagem (>43 o C) Danos térmicos (ervilha, milho doce) Alta UR do ar de secagem (>70% UR) Sobresecagem (<20% UR) Excessiva profundidade da massa de sementes Fluxo de ar insuficiente Excessiva pressão estática Desuniformidade na distribuição do ar na massa QUEBRA DE PESO NA SECAGEM P f (100 - U f ) = P i (100 - U i ) P f = Peso final (ton, kg, sacos) U f = Umidade final (%) P i = Peso inicial (ton, kg, sacos) U i = Umidade inicial (%) Baudet 31

32 SECAGEM EM ALTAS TEMPERATURAS Secador em camada fixa Sistema de revolvimento de grãos Não ultrapassar: 40 C sementes 45 C -consumo Silo secador de camada fixa horizontal Secagem em Baixa Temperatura SECAGEM EM BAIXA TEMPERATURA Temperatura do ar de secagem estiver 10 C acima da temperatura ambiente. 32

33 SECAGEM Regiões com UR muito acima de 70% - usar energia suplementar (Fornalha, energia solar, etc) SUPERSECAGEM Umidistato Carregamento do silo SECAGEM 3 a 2 a Enchimento em uma etapa: Até 3 dias < 20 dias de secagem Enchimento por etapas: Colocar outra camada quando a ultima estiver parcialmente seca. 1 a 33

34 34

Foto: Salada de Espinafre Popeye com Frango Grelhado e Manga.

Foto: Salada de Espinafre Popeye com Frango Grelhado e Manga. Foto: Salada de Espinafre Popeye com Frango Grelhado e Manga. 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 Plantio e Consumo de Sementes As informações abaixo são indicativos gerais

Leia mais

Comunicado. Técnico. Conservação de sementes de hortaliças na agricultura familiar. Introdução

Comunicado. Técnico. Conservação de sementes de hortaliças na agricultura familiar. Introdução Comunicado 54 Técnico ISSN 1414-9850 Junho, 2008 Brasília, DF Conservação de sementes de hortaliças na agricultura familiar Warley Marcos Nascimento 1 Raquel Alves de Freitas 2 Mariana Dierings Croda 3

Leia mais

PRÁTICAS DE PÓS COLHEITA PARA PRODUÇÃO DE SEMENTES DE ALTA QUALIDADE. Prof. Francisco Villela

PRÁTICAS DE PÓS COLHEITA PARA PRODUÇÃO DE SEMENTES DE ALTA QUALIDADE. Prof. Francisco Villela PRÁTICAS DE PÓS COLHEITA PARA PRODUÇÃO DE SEMENTES DE ALTA QUALIDADE Prof. Francisco Villela francisco.villela@ufpel.edu.br CUIDADOS DA SEMEADURA ATÉ A COLHEITA DIAS APÓS O FLORESCIMENTO MATURAÇÃO FISIOLÓGICA

Leia mais

Secagem e Armazenagem de Grãos e Sementes Aula 06

Secagem e Armazenagem de Grãos e Sementes Aula 06 Secagem e Armazenagem de Grãos e Sementes Aula 06 Sistemas de Secagem e secadores: Sistemas de secagem; Operação e monitoramento da secagem; Classificação dos secadores; Sistemas de secagem Inexiste uma

Leia mais

SEMANA 1 SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO DIA DO MÊS 02/10/17 03/10/17 04/10/17 05/10/17 06/10/17 07/10/17

SEMANA 1 SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO DIA DO MÊS 02/10/17 03/10/17 04/10/17 05/10/17 06/10/17 07/10/17 SEMANA 1 SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO DIA DO MÊS 02/10/17 03/10/17 04/10/17 05/10/17 06/10/17 07/10/17 Branco e Integral Branco e Integral Branco e Integral Branco e Integral Branco e Integral

Leia mais

BENEFICIAMENTO DE SEMENTES DE HORTALIÇAS

BENEFICIAMENTO DE SEMENTES DE HORTALIÇAS XII Curso sobre Tecnologia de Produção de Sementes de Hortaliças Mossoró-RN, 22 a 24 de outubro de 2012 BENEFICIAMENTO DE SEMENTES DE HORTALIÇAS Raquel Alves de Freitas Embrapa SPM raquel.freitas@embrapa.br

Leia mais

E-BOOK PDF ISBN Preço 9,50

E-BOOK PDF ISBN Preço 9,50 E-BOOK PDF ISBN 978-88-98268-56-6 Preço 9,50 Cultivar uma horta 007205 Bruno Del Medico Ilustrações de Elisabetta Del Medico. Como cultivar uma horta excepcional Pequenos truques e segredos antigos 3 Copyright

Leia mais

2ºAno Turma B. Maio de Pesquisa elaborada pelos alunos nas aulas de Cidadania, ao longo do 2º período, em colaboração com as suas famílias.

2ºAno Turma B. Maio de Pesquisa elaborada pelos alunos nas aulas de Cidadania, ao longo do 2º período, em colaboração com as suas famílias. SECRETARIA REGIONAL DA EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E CULTURA DIREÇÃO REGIONAL DA EDUCAÇÃO ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DAS LAJES DO PICO 2ºAno Turma B Pesquisa elaborada pelos alunos nas aulas de Cidadania, ao longo

Leia mais

Boletim Diário de Preços Completo Data do Boletim: 22/03/2011 Mercado: CEASA MG UNIDADE GRANDE BH

Boletim Diário de Preços Completo Data do Boletim: 22/03/2011 Mercado: CEASA MG UNIDADE GRANDE BH Grupo : HORTALICAS Quantidade de Produto(s) : 96 Subgrupo : FOLHA,FLOR E HASTE Quantidade de Produto(s) : 24 ACELGA MINEIRA DZ 18,00 18,00 20,00MFR AGRIAO PRIMEIRA DZ 4 KG 15,00 17,00 18,00MFR ALFACE CRESPA

Leia mais

CARDÁPIOS DESENVOLVIDOS PELA EQUIPE HS ASSESSORIA NUTRICIONAL PARA CRIANÇAS A PARTIR DE DOIS ANOS DE IDADE, REFERENTES À DATA DE 24/03/2014 A

CARDÁPIOS DESENVOLVIDOS PELA EQUIPE HS ASSESSORIA NUTRICIONAL PARA CRIANÇAS A PARTIR DE DOIS ANOS DE IDADE, REFERENTES À DATA DE 24/03/2014 A CARDÁPIOS PARTIR DE DOIS ANOS DE IDADE, REFERENTES À DATA DE 24/03/2014 A 30/04/2014. (24/03 A 28/03) SEGUNDA 24/03 TERÇA 25/03 QUARTA 26/03 QUINTA 27/03 SEXTA 28/03 c/ geleia, Torrada com margarina, com

Leia mais

CEASAMINAS UNIDADE GRANDE BELO HORIZONTE CALENDÁRIO DA SAZONALIDADE DOS PREÇOS DE HORTIGRANJEIROS E CEREAIS /2015

CEASAMINAS UNIDADE GRANDE BELO HORIZONTE CALENDÁRIO DA SAZONALIDADE DOS PREÇOS DE HORTIGRANJEIROS E CEREAIS /2015 CEASAMINAS UNIDADE GRANDE BELO HORIZONTE CALENDÁRIO DA SAZONALIDADE DOS PREÇOS DE HORTIGRANJEIROS E CEREAIS - 2011/2015 HORT.FOLHAS,FLOR-HASTE ACELGA FO FO FO RE RE FR FR FR FR FR RE RE AGRIÃO FO FO FO

Leia mais

BENEFICIAMENTO DE SEMENTES DE HORTALIÇAS

BENEFICIAMENTO DE SEMENTES DE HORTALIÇAS BENEFICIAMENTO DE SEMENTES DE HORTALIÇAS Warley Marcos Nascimento Raquel Alves de Freitas Embrapa Hortaliças, C. Postal 218, 70359-970, Brasília, DF, Brasil e-mail:wmn@cnph.embrapa.br Eduardo Fontes Araujo

Leia mais

Gerência de Compra GERÊNCIA DN FORNECEDOR. MATERIAL/SERVIÇO Item Uso Interno Descrição Unidade Quantidade KG 300 KG

Gerência de Compra GERÊNCIA DN FORNECEDOR. MATERIAL/SERVIÇO Item Uso Interno Descrição Unidade Quantidade KG 300 KG 1 1 16/01527 ABACATE COMUM 2 RCMS ABACAXI MÉDIO KG 10.000 3 RCMS ABÓBORA BAHIA OU PESCOÇO KG 20.000 4 RCMS ABOBRINHA VERDE EXTRA 5 RCMS ABOBRINHA ITALIANA 6 RCMS ACELGA 7 RCMS AGRIÃO 8 RCMS AIPIM SANTA

Leia mais

Quantidade e Valor por Procedência dos Produtos - Estado/Município

Quantidade e Valor por Procedência dos Produtos - Estado/Município Quantidade e Valor por Procedência dos s - Estado/Município MINAS GERAIS 15.990 55.130,56 ITUETA 15.990 55.130,56 INHAME 15.840 54.986,12 LIMAO TAHITI 150 144,44 ESPÍRITO SANTO 15.893.194 36.463.630,09

Leia mais

CARDÁPIO SELF SERVICE NOVEMBRO

CARDÁPIO SELF SERVICE NOVEMBRO Semana 01 a 04 01/11 02/11 03/11 04/11 preto Macarrão ao sugo com frango desfiado Frango com abóbora Bife de panela Peixe à portuguesa Isca de carne acebolada Nuggets de frango Bife rolê Omelete de legumes

Leia mais

ESTUDO DA SECAGEM DE COENTRO (coriandrum sativum) NO SECADOR DE BANDEJA

ESTUDO DA SECAGEM DE COENTRO (coriandrum sativum) NO SECADOR DE BANDEJA 677 ESTUDO DA SECAGEM DE COENTRO (coriandrum sativum) NO SECADOR DE BANDEJA Gabriel Fraga Sampaio 1 ; Joaquim Vitor da Paz Neto 2 ; Renato Souza Cruz 3, José Ailton Conceição Bispo 4. 1. Bolsista PIBIT/CNPq,

Leia mais

Cardápio Restaurante Campus II AGOSTO 2017

Cardápio Restaurante Campus II AGOSTO 2017 SEMANA 1 SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO DIA DO MÊS 01/08/17 02/08/17 03/08/17 04/08/17 05/08/17 06/05/17 Branco e Branco e Integral Branco e Integral Branco Verde (Vagem, Ervilha e Branco Pimentão)

Leia mais

Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Colação Vitamina: Abacaxi Vitamina: Melancia com hortelã

Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Colação Vitamina: Abacaxi Vitamina: Melancia com hortelã Cardápio FEVEREIRO Fase Adulto Modificado (Inicia-se entre 9 e 10 meses) Obs.: Os sucos e frutas in natura poderão sofrer alterações devido ao grau de maturação. 01 02 03 Colação Vitamina: Abacaxi Vitamina:

Leia mais

Refeição Segunda Terça Quarta Quinta Sexta. LANCHE MANHÃ Leite do Aluno Leite do Aluno Leite do Aluno Leite do Aluno Leite do Aluno

Refeição Segunda Terça Quarta Quinta Sexta. LANCHE MANHÃ Leite do Aluno Leite do Aluno Leite do Aluno Leite do Aluno Leite do Aluno LANCHE MANHÃ Papa de Carne Papa Gema de Ovo Papa de Frango Papa de Carne Papa de Frango abobrinha e arroz cenoura e batata alface e macarrão vagem e fubá tomate e macarrão LANCHE DA Papinha de Fruta Papinha

Leia mais

SEMANA 1 SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO DIA DO MÊS 1/9/2017 2/9/2017

SEMANA 1 SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO DIA DO MÊS 1/9/2017 2/9/2017 SEMANA 1 SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO DIA DO MÊS 1/9/2017 2/9/2017 Branco/Integral Branco/Integral Feijão Carioca Carioca Prato principal Peixe ao molho de muqueca Isca mista (porco e boi)

Leia mais

IRRIGAÇÃO ENG 115. TABELA 1. Profundidade efetiva do sistema radicular (Z) de algumas culturas no estágio de máximo desenvolvimento vegetativo.

IRRIGAÇÃO ENG 115. TABELA 1. Profundidade efetiva do sistema radicular (Z) de algumas culturas no estágio de máximo desenvolvimento vegetativo. IRRIGAÇÃO ENG 115 TABELA 1. Profundidade efetiva do sistema radicular (Z) de algumas culturas no estágio de máximo desenvolvimento vegetativo. CULTURA Z (cm) CULTURA Z (cm) Abacate 60-90 Laranja 60 Abacaxi

Leia mais

2 a edição revista. Embrapa Informação Tecnológica

2 a edição revista. Embrapa Informação Tecnológica 2 a edição revista Embrapa Informação Tecnológica Exemplares desta publicação podem ser adquiridos na: Embrapa Informação Tecnológica Parque Estação Biológica (PqEB) Av. W3 Norte (final) CEP 70770-901

Leia mais

Avaliação de Perdas em Unidades Armazenadoras

Avaliação de Perdas em Unidades Armazenadoras Grãos 2009 - Simpósio e - 8º Expo Pós-Colheita de Grãos Avaliação de Perdas em Unidades Armazenadoras Luís César da Silva Dr. Engenharia Agrícola Universidade Federal do Espírito Santo - UFES 1 Novembro/

Leia mais

European Seed Association ESPECIFICAÇÕES/NORMAS PARA SEMENTES DE HORTÍCOLAS

European Seed Association ESPECIFICAÇÕES/NORMAS PARA SEMENTES DE HORTÍCOLAS 31.01.2011 ESA_11.0086.3 PT ESPECIFICAÇÕES/NORMAS PARA SEMENTES DE HORTÍCOLAS As seguintes especificações de, pureza varietal e requisitos de sanidade de sementes, são baseadas em padrões de recomendação

Leia mais

ASPECTOS A CONSIDERAR DENTRO DE UMA UBS DE SEMENTES DE FORRAGEIRAS ENG. AGR. DR. EVALDO CERVIERI FILHO VETORSEEDS CONSULTORIA LTDA

ASPECTOS A CONSIDERAR DENTRO DE UMA UBS DE SEMENTES DE FORRAGEIRAS ENG. AGR. DR. EVALDO CERVIERI FILHO VETORSEEDS CONSULTORIA LTDA ASPECTOS A CONSIDERAR DENTRO DE UMA UBS DE SEMENTES DE FORRAGEIRAS ENG. AGR. DR. EVALDO CERVIERI FILHO VETORSEEDS CONSULTORIA LTDA SEMENTES DAS PRINCIPAIS CULTURAS NO BRASIL MILHO 11% ALGODÃO ARROZ 0,5%

Leia mais

A MEDIDA DAS HORTALIÇAS

A MEDIDA DAS HORTALIÇAS 18 cabeças Classe 5 1A 2A 3A TIPO 12 NOIVA A B C Diâmetro Tipo 6 A B C Tipo 8 quilograma Peso 12 cabeças Extra A Grama Primeira 3A 2A 1A NOIVA Tipo 8 EXTRA Tipo 8 B CAIXA 2 ESPECIAL Boneca 8 cabeças Peso

Leia mais

CARDÁPIO DESINTOXICANTE PARA ELIMINAR 3 KG EM 7 DIAS

CARDÁPIO DESINTOXICANTE PARA ELIMINAR 3 KG EM 7 DIAS CARDÁPIO DESINTOXICANTE PARA ELIMINAR 3 KG EM 7 DIAS Para saber tudo o que é preciso fazer e mais as receitas da dieta estão! CLIQUE AQUI! SEGUNDA FEIRA Café da manhã 7:30min 1/2 mamão papaia médio 1 colher

Leia mais

Sopa de mandioca, abobrinha e couve manteiga. Sopa de couve flor, espinafre e beterraba.

Sopa de mandioca, abobrinha e couve manteiga. Sopa de couve flor, espinafre e beterraba. CARDÁPIO BERÇÁRIO I 1ª FASE MATUTINO COLAÇÃO 8H30 11H30 Banana amassada Papa de Melão Laranja picadinha Papa de banana Papa de manga chuchu, tomate sem pele e sem semente, beterraba e salsa abobrinha e

Leia mais

ESCOLA INFANTIL PARAÍSO UNIDADE III AGOSTO 2017 Cardápio sujeito a alterações de acordo com a disponibilidade dos alimentos

ESCOLA INFANTIL PARAÍSO UNIDADE III AGOSTO 2017 Cardápio sujeito a alterações de acordo com a disponibilidade dos alimentos 31/07 01/08 02/08 03/08 04/08 Banana, melancia, melão, mamão e maçã Carne móida Pernil refogado Iscas de Estrogonofe de carne Guarnição Macarrão ao sugo Jardineira de legumes Milho refogado Batata e batata

Leia mais

CARDÁPIO DE ALMOÇO MAIO DE 2013

CARDÁPIO DE ALMOÇO MAIO DE 2013 CARDÁPIO DE ALMOÇO MAIO DE 2013 Semana I - de 6 a 10 de maio e Ervilha/ Agrião e Abacaxi Alface, Tomate/ Repolho Bicolor/ Alface / Pepino com Azeitonas Alface, Tomate/ Cenoura e Beterraba raladas/ Alface

Leia mais

CARDÁPIO DO MÊS DE SETEMBO (SUJEITO A ALTERAÇÃO) Branco Integral Feijão Nuggets. 3,5kg 0,350gr 1,500kg 15kg. 3,5kg 0,350gr 1,500kg 10 kilos SABADO

CARDÁPIO DO MÊS DE SETEMBO (SUJEITO A ALTERAÇÃO) Branco Integral Feijão Nuggets. 3,5kg 0,350gr 1,500kg 15kg. 3,5kg 0,350gr 1,500kg 10 kilos SABADO CARDÁPIO DO MÊS DE SETEMBO (SUJEITO A ALTERAÇÃO) DIA QTDADE DE REFEIÇÃO / DIA SALADA SALADA SALADA SOPA ARROZ Arroz FEIJÃO PRATOS PRINCIPAIS ALFACE Cenoura Tomate rodela Legumes com macarrao Branco Integral

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES DE PRODUTO ESA PARA SEMENTES DE PRECISÃO DE VEGETAIS

ESPECIFICAÇÕES DE PRODUTO ESA PARA SEMENTES DE PRECISÃO DE VEGETAIS ESPECIFICAÇÕES DE PRODUTO ESA PARA SEMENTES DE PRECISÃO DE VEGETAIS Estas especificações de produtos para a de sementes de precisão, pureza varietal de sementes de precisão e requisitos de saúde de sementes

Leia mais

Setembro/ DIA/mês Lanche Manhã Almoço Lanche da Tarde Jantar

Setembro/ DIA/mês Lanche Manhã Almoço Lanche da Tarde Jantar 31 DIA/mês Lanche Manhã Almoço Lanche da Tarde Jantar 1 Setembro/ 2017 PRATO PRINCIPAL: Filé Grelhado/ peixe empanado/ lasanha/isca de carne GUARNIÇÃO: Purê de Batata/ legumes 2 SÁBADO 3 DOMINGO 4 PRATO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE JUÍNA MT SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA, MINERAÇÃO E MEIO AMBIENTE SAMMA

PREFEITURA MUNICIPAL DE JUÍNA MT SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA, MINERAÇÃO E MEIO AMBIENTE SAMMA Palestra: Como fazer uma horta Ildamir Teixeira de Faria/Diretor de Meio Ambiente SAMMA; Roselaine Mezz/Estudante de agropecuária IFMT/Estagiaria SAMMA; PREFEITURA MUNICIPAL DE JUÍNA MT SECRETARIA MUNICIPAL

Leia mais

SEMANA 1 SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SABADO DIA DO MÊS

SEMANA 1 SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SABADO DIA DO MÊS SEMANA 1 SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SABADO DIA DO MÊS 1-7-2017 2-7-2017 Arroz Feijão Carioca Carioca Iscas Suínas Coloridas Carne Moída Gratinada Parafuso ao Molho Vermelho e Manjericão kfjdkfjd

Leia mais

SECAGEM E PSICROMETRIA OPERAÇÕES UNITÁRIAS 2. Profa. Roberta S. Leone

SECAGEM E PSICROMETRIA OPERAÇÕES UNITÁRIAS 2. Profa. Roberta S. Leone SECAGEM E PSICROMETRIA OPERAÇÕES UNITÁRIAS 2 Profa. Roberta S. Leone SECAGEM Definição: Secagem é a remoção de pequenas quantidades de líquido, geralmente água, de um sólido. O objetivo é reduzir o teor

Leia mais

Capítulo 7. Produtos hortícolas, plantas, raízes e tubérculos, comestíveis

Capítulo 7. Produtos hortícolas, plantas, raízes e tubérculos, comestíveis Capítulo 7 Produtos hortícolas, plantas, raízes e tubérculos, comestíveis Notas. 1.- O presente Capítulo não compreende os produtos forrageiros da posição 12.14. 2.- Nas posições 07.09, 07.10, 07.11 e

Leia mais

Quadro - Colheitas seguráveis e períodos de cobertura seguro horizontal

Quadro - Colheitas seguráveis e períodos de cobertura seguro horizontal Quadro Colheitas seguráveis e períodos de cobertura seguro horizontal ABACATE ABÓBORA AGRIÃO AIPO ALFACE ALFARROBA ALGODÃO Geada e ALHO ALHO FRANCES ALPERCE plena floração ALPISTA emborrachamento AMEIXA

Leia mais

ESCOLA INFANTIL PARAÍSO UNIDADE III JUNHO 2016 Cardápio sujeito a alterações de acordo com a disponibilidade dos alimentos

ESCOLA INFANTIL PARAÍSO UNIDADE III JUNHO 2016 Cardápio sujeito a alterações de acordo com a disponibilidade dos alimentos 01/06 02/06 03/06 LANCHE DA MANHÃ Banana Manga Goiaba Yakissoba de carne com legumes (macarrão cabelo anjo) Frango desfiado com tomate Guarnição ---- Milho refogado com Bolinho de peixe com batata doce

Leia mais

Hortaliças: Importância e Cultivo. Werito Fernandes de Melo

Hortaliças: Importância e Cultivo. Werito Fernandes de Melo Hortaliças: Importância e Cultivo Werito Fernandes de Melo Importância do agronegócio para o Brasil. Algodão produção de 1,2 milhões/t em 2004 (5º); cresceu 22% em 2003; exportações em de 400 mil t (3º);

Leia mais

Sopa de mandioca, abobrinha e couve manteiga. Sopa de couve flor, espinafre e beterraba.

Sopa de mandioca, abobrinha e couve manteiga. Sopa de couve flor, espinafre e beterraba. CARDÁPIO BERÇÁRIO I 1ª FASE MATUTINO COLAÇÃO 8H30 11H30 Banana amassada Papa de Melão Papa de goiaba Papa de mamão Papa de manga chuchu, tomate sem pele e sem semente, beterraba e salsa abobrinha e couve

Leia mais

Com funciona? Estadual: Box escolhe representante. Nacional: votação pelo site whole30br.com. Sem box

Com funciona? Estadual: Box escolhe representante. Nacional: votação pelo site whole30br.com. Sem box O que é? Este é o programa de nutrição e CrossFit desenhado para mudar a vida das pessoas em 30 dias. A idéia é fazer com que as pessoas se sensibilizem pela dieta e exercício, não só com intuito de perda

Leia mais

Arroz/Feijão Arroz integral. Bife ao molho de queijo Lagarto assado Omelete de forno Feijoada. Frango com Legumes/ Carne em iscas ao sugo

Arroz/Feijão Arroz integral. Bife ao molho de queijo Lagarto assado Omelete de forno Feijoada. Frango com Legumes/ Carne em iscas ao sugo 03/08 04/08 05/08 06/08 07/08 Bife ao molho de queijo Lagarto assado Omelete de forno Feijoada Batata recheada com frios Prato principal 2 Escondidinho de frango/ Omelete de frios Frango com Legumes/ Carne

Leia mais

CARDÁPIO EMI (integral) SETEMBRO / 2016 DIA SEM DESJEJUM HIDRATAÇÃO ALMOÇO LANCHE JANTAR

CARDÁPIO EMI (integral) SETEMBRO / 2016 DIA SEM DESJEJUM HIDRATAÇÃO ALMOÇO LANCHE JANTAR CARDÁPIO EMI (integral) SETEMBRO / 2016 1 Q Leite c/ nutren + Tangerina A/F + Kibe + mandioquinha com salsa + maçã Salada de frutas (abacaxi + maçã + mamão + suco de laranja) 2 S Mingau de chocolate Abacaxi

Leia mais

MANEJO DA IRRIGAÇÃO MANEJO DA

MANEJO DA IRRIGAÇÃO MANEJO DA MANEJO DA IRRIGAÇÃO Prof o Dr. Marcos Vinícius Folegatti LER 1571 Irrigação EVAPOTRANSPIRAÇÃO E O MANEJO DA IRRIGAÇÃO ETP, ETo & ETR Penman Monteith (FAO56) Tanque Classe A Thornthwaite Camargo Hangreves

Leia mais

Componentes do Irrigâmetro

Componentes do Irrigâmetro Capítulo 1 Componentes do Irrigâmetro O Irrigâmetro é composto pela associação de um evaporímetro com um pluviômetro (Figura 1), descritos a seguir. Evaporímetro O Evaporímetro é constituído pelos seguintes

Leia mais

COMPRA DIRETA DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

COMPRA DIRETA DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR BOCAINA DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE BOCAINA DO SUL COMPRA DIRETA DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR Nutricionista Giselle de O. Faccin MUNICÍPIO DE BOCAINA DO SUL LOCALIZAÇÃO: - Planalto

Leia mais

18/09/2010 PRODUÇÃO DE SEMENTES DE SOLANÁCEAS SISTEMÁTICA CENTRO DE ORIGEM TOMATE. Família Solanaceae. Tomate: Solanum lycopersicum

18/09/2010 PRODUÇÃO DE SEMENTES DE SOLANÁCEAS SISTEMÁTICA CENTRO DE ORIGEM TOMATE. Família Solanaceae. Tomate: Solanum lycopersicum IMPORTÂNCIA DAS SOLANÁCEAS PRODUÇÃO DE SEMENTES DE SOLANÁCEAS Vanessa Neumann Silva Fonte: ABCSem, 2007 SISTEMÁTICA CENTRO DE ORIGEM TOMATE Família Solanaceae Tomate: Solanum lycopersicum Pimentão: Capsicum

Leia mais

CARDÁPIO EDUCAÇÃO INFANTIL DE 01/05 A 31/05

CARDÁPIO EDUCAÇÃO INFANTIL DE 01/05 A 31/05 CARDÁPIO EDUCAÇÃO INFANTIL DE 01/05 A 31/05 macarrão, agrião e ovo com Macarrão letras salada de pepino, a bolonhesa, couve flor refogada ovos mexidos com carne cozida. queijo. Melão Suco morango e biscoito

Leia mais

INTRODUÇÃO E OBJETIVO

INTRODUÇÃO E OBJETIVO Área e produção de hortaliças no Estado de São Paulo, 2004 Ana Maria Montragio M. P. de Camargo; Felipe Pires de Camargo; Waldemar Pires de Camargo F o1 Instituto de Economia Agrícola, Caixa Postal 68.029

Leia mais

CARDÁPIO DO RESTAURANTE UNIVERSITÁRIO EDIFÍCIO CENTRAL - CAMPUS BAIXADA SANTISTA DA UNIFESP

CARDÁPIO DO RESTAURANTE UNIVERSITÁRIO EDIFÍCIO CENTRAL - CAMPUS BAIXADA SANTISTA DA UNIFESP CARDÁPIO DO RESTAURANTE UNIVERSITÁRIO EDIFÍCIO CENTRAL - CAMPUS BAIXADA SANTISTA DA UNIFESP GOMES MACIEL REFEIÇÕES COLETIVAS LTDA OUTUBRO SEMANA - 01/10/2014 a 03/10/2014 QUARTA Omelete c/ Carne assada

Leia mais

Padrão: água pura isenta de sais, submetida a condições normais de pressão (pressão relativa = 0) e sobre a superfície do solo.

Padrão: água pura isenta de sais, submetida a condições normais de pressão (pressão relativa = 0) e sobre a superfície do solo. 7 POTENCIAIS DE ÁGUA NO SOLO Potencial de água no solo define o estado de energia em que a água se encontra no solo em relação a um potencial padrão Padrão: água pura isenta de sais, submetida a condições

Leia mais

CARDÁPIO ESCOLAR 2015

CARDÁPIO ESCOLAR 2015 Camila de O. G. Paiva 00/00/2015 00/00/2015 00/00/2015 01/10/2015 02/10/2015 COLAÇÃO - FRUTA Melão Ameixa ARROZ Arroz Integral Arroz Branco FEIJÃO Feijão Preto ****** OUTUBRO DE 01/10/2015 A 02/10/2015

Leia mais

Melancia FERIADO. agrião

Melancia FERIADO. agrião CARDÁPIO BERÇÁRIO I 1ª FASE MATUTINO Papa de Papa de Melancia Papa de manga 8H30 mamão goiaba baroa,, Creme de sem Couve inhame e abóbora, pele e sem flor, beterraba e 11H30 chuchu e ervilha, maxixe semente

Leia mais

Nabos do Norte CONSOCIAÇÕES ENTRE PLANTAS HORTÍCOLAS

Nabos do Norte CONSOCIAÇÕES ENTRE PLANTAS HORTÍCOLAS Nabos do Norte CONSOCIAÇÕES ENTRE PLANTAS HORTÍCOLAS Consociação favorável entre plantas hortícolas consiste em cultivar dentro do mesmo canteiro diferentes espécies de plantas (culturas) que se complementam

Leia mais

CARDÁPIO DIETA DOS SHAKES PARA EMAGRECER 4KG EM 15 DIAS

CARDÁPIO DIETA DOS SHAKES PARA EMAGRECER 4KG EM 15 DIAS CARDÁPIO DIETA DOS SHAKES PARA EMAGRECER 4KG EM 15 DIAS Em primeiro quero que você saiba que, todas as dicas para você ter sucesso na sua dieta, encontra-se bem AQUI. Primeira fase da dieta: Substituir

Leia mais

ANEXO C Ementas para as 6 Primeiras Semanas SEMANA 1

ANEXO C Ementas para as 6 Primeiras Semanas SEMANA 1 ANEXO C Ementas para as 6 Primeiras Semanas SEMANA 1 Juliana de Legumes Empadão de carne de vaca (com arroz) Carne de vaca cozida com Batata e lombardo cozido Alface, Pepino e Beterraba Sopa de Feijão

Leia mais

Experimentos de Química Orgânica

Experimentos de Química Orgânica Experimentos de Química Orgânica Conhecimento dos procedimentos experimentais Montagem dos equipamentos e execução da reação REAGENTES PRODUTO PRINCIPAL + PRODUTOS SECUNDÁRIOS SOLVENTES + CATALISADORES

Leia mais

PRODUÇÃO DE HORTALIÇAS (Aula 1)

PRODUÇÃO DE HORTALIÇAS (Aula 1) PRODUÇÃO DE HORTALIÇAS (Aula 1) UAP UAP Profa. Rosana Rodrigues Dra. Cláudia Pombo Sudré Doutoranda: Cíntia dos Santos Bento (LMGV/P4/ salas 110 e 111) Hortaliças - Alguns aspectos econômicos O Brasil

Leia mais

MICRONUTRIENTES VITAMINAS E MINERAIS

MICRONUTRIENTES VITAMINAS E MINERAIS CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BRUSQUE UNIFEBE MICRONUTRIENTES VITAMINAS E MINERAIS Profª. MSc Luciane Ângela Nottar Nesello E-mail: lucianenesello@unifebe.edu.br Vitaminas e Minerais Amplamente distribuídos

Leia mais

Sopa de mandioca, abobrinha e couve manteiga. Sopa de couve flor, espinafre e beterraba.

Sopa de mandioca, abobrinha e couve manteiga. Sopa de couve flor, espinafre e beterraba. CARDÁPIO BERÇÁRIO I 1ª FASE MATUTINO COLAÇÃO 8H30 11H30 Banana amassada Melão Papa de goiaba Papa de mamão chuchu, tomate sem pele e sem semente, beterraba e salsa mandioca, abobrinha e couve manteiga.

Leia mais

EXTRA 24 UN. Kg. 0,90 0,95 1,00 ESPECIAL 32 UN. Kg. 0,75 0,80 0,85 Kg. 5,00 6,00 7,00 Kg. 13,00 14,00 15,00 Kg. 2,60 2,80 3,00 Kg.

EXTRA 24 UN. Kg. 0,90 0,95 1,00 ESPECIAL 32 UN. Kg. 0,75 0,80 0,85 Kg. 5,00 6,00 7,00 Kg. 13,00 14,00 15,00 Kg. 2,60 2,80 3,00 Kg. GRUPO HORTALIÇAS: FOLHA, FLOR E HASTE ACELGA KG EXTRA 8-9 UN. Kg. 0,85 0,95 1,00 ESPECIAL 10-12 UN. Kg. 0,70 0,75 0,80 AGRIÃO KG Kg. 2,50 2,80 3,00 ALCACHOFRA KG Kg. 8,00 9,00 10,00 ALECRIM KG Kg. 12,00

Leia mais

SECAGEM. Profa. Marianne Ayumi Shirai. Secagem

SECAGEM. Profa. Marianne Ayumi Shirai. Secagem Universidade Tecnológica Federal do Paraná Campus Londrina Departamento Acadêmico de Alimentos SECAGEM Profa. Marianne Ayumi Shirai Secagem Aplicação de calor sob condições controladas para remover, por

Leia mais

Cardápio. Cardápio. 1º de abril. 4 de abril. 5 de abril. 6 de abril LANCHE MANHÃ ALMOÇO LANCHE TARDE. sexta-feira. segunda-feira.

Cardápio. Cardápio. 1º de abril. 4 de abril. 5 de abril. 6 de abril LANCHE MANHÃ ALMOÇO LANCHE TARDE. sexta-feira. segunda-feira. agosto Cardápio 2014 abril Cardápio sujeito 2016 a alterações 1º de abril Pão sírio com cream cheese. Maçã. Suco. Cubos de frango grelhados. Arroz branco/arroz integral. lentilha. Escarola refogada. Azeitonas

Leia mais

VIGOR DA SEMENTE E O SEU DESEMPENHO FISIOLÓGICO E AGRONÔMICO. José de Barros França Neto Embrapa Soja Londrina, PR

VIGOR DA SEMENTE E O SEU DESEMPENHO FISIOLÓGICO E AGRONÔMICO. José de Barros França Neto Embrapa Soja Londrina, PR VIGOR DA SEMENTE E O SEU DESEMPENHO FISIOLÓGICO E AGRONÔMICO José de Barros França Neto Embrapa Soja Londrina, PR Introdução Lotes de sementes com potencial fisiológico elevado originam plântulas vigorosas,

Leia mais

Cardápio de AGOSTO 2016 Fundamental I e II - BOTAFOGO

Cardápio de AGOSTO 2016 Fundamental I e II - BOTAFOGO 01/ago 02/ago 03/ago 04/ago 05/ago Mix de alfaces Acelga, tomate cereja, azeitonas, carambola Beterraba cozida com salsa Ervilha Alface-americana Pepino japonês Berinjela assada com orégano e tomate Canja

Leia mais

Abril/ ª Semana LANCHE MANHÃ. Suco de goiaba. Bisnaguinha com requeijão ALMOÇO. Salada de mix de folhas. Purê de batata.

Abril/ ª Semana LANCHE MANHÃ. Suco de goiaba. Bisnaguinha com requeijão ALMOÇO. Salada de mix de folhas. Purê de batata. Abril/ 2016 1ª Semana 3 a feira 28/03/2016 4 a feira 29/03/2016 5 a feira 30/03/2016 5 a feira 31/03/2016 6 a feira 01/04/2016 requeijão de mix de folhas Carne moída Purê de batata Feijão carioca Sobremesa

Leia mais

*.(./(.*,&*( 7! ///0/1//2/3/4/////0 8,* *.(./(.*,& -&, "!% "!% "!% "!% "#$%"#&% "!% "!% 0 2/ /4 0/ 1/ /0 0/ -&, "!% "!% "!% "!% 02 0 / / 1/ / /1 /4

*.(./(.*,&*( 7! ///0/1//2/3/4/////0 8,* *.(./(.*,& -&, !% !% !% !% #$%#&% !% !% 0 2/ /4 0/ 1/ /0 0/ -&, !% !% !% !% 02 0 / / 1/ / /1 /4 ! 5, 8 8* 9* *.(.(.*,& *! ///0/1//2/3/4/////0 *.(.(6.*,&*( 7! ///0/1//2/3/4/////0 *&&*.(./(.*,& *! ///0/1//2/3/4/////0 *.(./(.*,& & ///0/1//2/3/4/////0 *.(./(.*,&*( 7! ///0/1//2/3/4/////0 0 2/ /4 0/ 1/

Leia mais

Feijão verde Almôndegas estufadas com esparguete Repolho, milho e cenoura Fruta da época (min. 3 variedades) Pão de mistura

Feijão verde Almôndegas estufadas com esparguete Repolho, milho e cenoura Fruta da época (min. 3 variedades) Pão de mistura Semana 17/04/2017 a 21/04/2017 Feijão verde Almôndegas estufadas com esparguete Repolho, milho e cenoura de mistura Minestrone Salmão grelhado com molho de limão e arroz de salsa Alface,couve roxa e ervilhas

Leia mais

REFRIGERAÇÃO E ARMAZENAMENTO. Profa. Marta H. F. Spoto ESALQ/USP

REFRIGERAÇÃO E ARMAZENAMENTO. Profa. Marta H. F. Spoto ESALQ/USP REFRIGERAÇÃO E ARMAZENAMENTO Profa. Marta H. F. Spoto ESALQ/USP FRUTAS E HORTALIÇAS Após a colheita São suscetíveis a podridões Transpiram Respiram Como reduzir estes processos? ABAIXAMENTO DA TEMPERATURA

Leia mais

CARDÁPIO SEMANAL 2 A 5 DE MAIO DE / 5 2ª FEIRA

CARDÁPIO SEMANAL 2 A 5 DE MAIO DE / 5 2ª FEIRA CARDÁPIO SEMANAL 2 A 5 DE MAIO DE 2017 1 / 5 2 / 5 3 / 5 4 / 5 5 / 5 PP I F Carne louca Carne seca desfiada Lagarto recheado Peixe grelhado com mandioca PP II E Filé de frango Frango a passarinho Fricassê

Leia mais

3.2.7 Secagem e desidratação

3.2.7 Secagem e desidratação 39 3.2.7 Secagem e desidratação Secagem e desidratação são processos termodinâmicos por meio do quais é possível reduzir o teor de umidade de materiais biológicos. O que possibilita a conservação. Normalmente,

Leia mais

6 a 12 meses Obs. Frutas: amassadas ou raspadas; Comida: amassada com o garfo.

6 a 12 meses Obs. Frutas: amassadas ou raspadas; Comida: amassada com o garfo. 1 semana (01/09 até 02/09) Quinta Sexta Jantar: fruta Abacate Chuchu e Brócolis refogados Manga ( Aleitamento materno ou fórmula infantil Acima de 12 meses Obs. Frutas: cortadas; Comida: normal. ACIMA

Leia mais

EMENTA Mês: outubro/2015

EMENTA Mês: outubro/2015 EMENTA Mês: outubro/2015 1ª SEMANA 1 - Quinta - Feira Sopa: Couve (couve, cebola, abóbora, nabo, cenoura, courgette, batata) Prato: Salada russa de peixe Salada: Alface e tomate 2 - Sexta Feira Sopa: Alho

Leia mais

Lista de substitutos na elaboração de dieta na Insuficiência Renal. Padronização das porções

Lista de substitutos na elaboração de dieta na Insuficiência Renal. Padronização das porções Lista de substitutos na elaboração de dieta na Insuficiência Renal Padronização das porções Para uso correto, é importante que as substituições sejam feitas nas quantidades equivalentes, dadas para cada

Leia mais

AGREGAÇÃO DE VALOR PRODUZINDO CAFÉ DE QUALIDADE SUPERIOR (Colheita e Pós-colheita)

AGREGAÇÃO DE VALOR PRODUZINDO CAFÉ DE QUALIDADE SUPERIOR (Colheita e Pós-colheita) WWW.CETCAF.COM.BR AGREGAÇÃO DE VALOR PRODUZINDO CAFÉ DE QUALIDADE SUPERIOR (Colheita e Pós-colheita) Autores: Frederico de Almeida Daher Marcos Moulin Teixeira 1 2 PREFÁCIO Um dos maiores gargalos na produção

Leia mais

CARDÁPIO DO BERÇÁRIO I e II Semana de 01/05 á 04/05

CARDÁPIO DO BERÇÁRIO I e II Semana de 01/05 á 04/05 Semana de 01/05 á 04/05 Terça- Feira Feriado Feriado Feriado Feriado Feriado 01/mai Quarta - Feira Maçã Torta de Carne Moída Melão Suco de Pêra Torta de Carne Moída 02/mai Acelga Refogada com Maçã Acelga

Leia mais

JULHO / 2017 DIA/mês Lanche Manhã Almoço Lanche Tarde Jantar

JULHO / 2017 DIA/mês Lanche Manhã Almoço Lanche Tarde Jantar JULHO / 2017 DIA/mês Lanche Manhã Almoço Lanche Tarde Jantar 1 2 3 4 Pão de forma com cream cheese Suco de alaranja com beterraba Pão de milho com requeijão Arroz/ feijão Frango ensopado/ Chuchu refogado

Leia mais

11/03/2013 DADOS DA DISCIPLINA. Benefícios do consumo regular de f&h. ImportâncIa das f&h DEFINIÇÃO - FRUTAS ALGUNS PROBLEMAS. Carga horária: 80h

11/03/2013 DADOS DA DISCIPLINA. Benefícios do consumo regular de f&h. ImportâncIa das f&h DEFINIÇÃO - FRUTAS ALGUNS PROBLEMAS. Carga horária: 80h INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA CAMPUS SANTA ROSA RS DADOS DA DISCIPLINA Curso: Técnico em AgroindúsTriA Disciplina: Tecnologia de FruTas e HorTaliças Tema: INTRODUÇÃO AO

Leia mais

Cardápio Agosto/ semana (01/08 até 04/08)

Cardápio Agosto/ semana (01/08 até 04/08) Cardápio Agosto/2017 1 semana (01/08 até 04/08) Melancia ( Purê de Maçã Banana ( Purê de Goiaba Mandioquinha (bem cozida) Brócolis (cozido e picado) Purê de Pera com Espinafre branco Beterraba (picadinha)

Leia mais

Arroz/Feijão Arroz integral. Acelga chinesa. Macarrão pizza (macarrão parafuso, presunto, mussarela em cubos, ervilha, milho).

Arroz/Feijão Arroz integral. Acelga chinesa. Macarrão pizza (macarrão parafuso, presunto, mussarela em cubos, ervilha, milho). 31/08 01/09 02/09 03/09 04/09 Cozido misto (frango em cubos, calabresa, pimentão colorido e cebola). Prato principal 2 Bife grelhado Linguiça acebolada Lagarto assado Pernil ao molho rotti Cubos com mandioca

Leia mais

Município de Chaves. Ementa Escolar

Município de Chaves. Ementa Escolar Semana de 2 Outubro a 6 de Outubro Alimenta a tua mente com alimentos saudáveis, para que possa refletir saúde! 2-out Couve coração, abóboras (batata, cenoura e cebola) Hamburguer de aves(forno)com massa

Leia mais

EMENTA Mês: janeiro/2015

EMENTA Mês: janeiro/2015 EMENTA Mês: janeiro/2015 1ª semana 05 -Segunda - Feira Sopa: Caldo de legumes (batata, cebola, couve verde, cenoura) Prato: Bife de peru grelhado com ervas aromáticas e esparguete cozido Legumes: juliana

Leia mais

Cardápio. Cardápio. janeiro. 28 janeiro. 29 janeiro. 1º fevereiro LANCHE MANHÃ ALMOÇO LANCHE TARDE. quarta-feira. quinta-feira.

Cardápio. Cardápio. janeiro. 28 janeiro. 29 janeiro. 1º fevereiro LANCHE MANHÃ ALMOÇO LANCHE TARDE. quarta-feira. quinta-feira. agosto Cardápio 2014 janeiro Cardápio sujeito a / alterações fevereiro 2016 27 janeiro Pão francês integral com requeijão. Banana com aveia. Leite com chocolate. Bife grelhado acebolado. Frango de panela.

Leia mais

CARDÁPIO REFEIÇÃO MATERNAL

CARDÁPIO REFEIÇÃO MATERNAL CARDÁPIO REFEIÇÃO MATERNAL SEG 04/08 TER 05/08 QUA 06/08 QUI 07/08 SEX 08/08 da Achocolatado Pão de mand. c/ patê de cenoura/ c/ hortelã Esfiha de carne/ Mamão morango Biscoito de polvilho/uva Caju Pão

Leia mais

flor, batata e salsão

flor, batata e salsão CARDÁPIO BERÇÁRIO I 1ª FASE MATUTINO COLAÇÃO 8H30 11H30 Pera raspada Papa de abacate Papa de mamão Papa de manga Papa de goiaba Sopa de abóbora moranga,, vagem Sopa de, brócolis e cenoura Sopa de couve

Leia mais

PROJETO DE VENDA - GRUPO INFORMAL - ANEXO III

PROJETO DE VENDA - GRUPO INFORMAL - ANEXO III PROJETO DE VENDA - GRUPO INFORMAL - ANEXO III ATENDIMENTO A CHAMADA PÚBLICA Nº 01/2017 - PNAE NOME DO PROPONENTE: ENDEREÇO: I - IDENTIFICAÇÃO DOS FORNECEDORES MUNICIPIO/UF: CPF: CEP: DDD/FONE: E-MAIL (SE

Leia mais

Colégio Santa Marcelina

Colégio Santa Marcelina Cardápio Semanal 1ª Semana Maçã e Banana Laranja e Torrada de Pão Iogurte de Morango Melão e Bolacha Água e Sal Isca de Frango Grelhado Omelete de Espinafre Carne Cozida Frango no Molho Vermelho Quibe

Leia mais

EMENTAS Mês: novembro/2014

EMENTAS Mês: novembro/2014 EMENTAS Mês: novembro/2014 1ª semana 3 - Segunda Feira Sopa: Alho francês (batata, cebola, nabo, cenoura e alho francês) Prato: Arroz de frango Salada: Tomate, milho e alface 4 - Terça Feira Sopa: Creme

Leia mais

ANEXO l ESPECIFICAÇÃO DETALHADA

ANEXO l ESPECIFICAÇÃO DETALHADA ANEXO l ESPECIFICAÇÃO DETALHADA QTDE ITEM ESTIMADA (1 ano) UNID. ESPECIFICACAO DOS MATERIAIS EMBALAGEM 1 5.000 KG 2 1.500 KG 3 1.000 UNID Abacaxi pérola: de primeira, in natura, apresentando grau de maturação

Leia mais

CRCC01. Lista de Substituições. Lista de Substituição de Alimentos para Contagem de Carboidratos (1:15g)

CRCC01. Lista de Substituições. Lista de Substituição de Alimentos para Contagem de Carboidratos (1:15g) Lista de Substituição de Alimentos para Contagem de Carboidratos (1:15g) Grupo VERDURAS (fibras, vitaminas e minerais) 1 porção 7 Kcal Equivale a um pires de chá: não conta Acelga Bertalha Cebola Rabanete

Leia mais

CARDÁPIO SEMANAL 1 A 2 DE JUNHO DE 2017

CARDÁPIO SEMANAL 1 A 2 DE JUNHO DE 2017 CARDÁPIO SEMANAL 1 A 2 DE JUNHO DE 2017 1/6 2/6 PP I Costelinha assada Isca de peixe com molho tártaro PP II Isca de carne acebolada Filé de frango grelhado PP III Frango de panela Bife pizza Gua I Catalonia

Leia mais

Caracterização Técnico-Econômica da Cultura do Milho Verde no Brasil em 2006 Alfredo Tsunechiro 1 e Maximiliano Miura 1

Caracterização Técnico-Econômica da Cultura do Milho Verde no Brasil em 2006 Alfredo Tsunechiro 1 e Maximiliano Miura 1 XXIX CONGRESSO NACIONAL DE MILHO E SORGO - Águas de Lindóia - 26 a 30 de Agosto de 2012 Caracterização Técnico-Econômica da Cultura do Milho Verde no Brasil em 2006 Alfredo Tsunechiro 1 e Maximiliano Miura

Leia mais

Cardápio de 28/08 a 03/09. Cardápio sujeito a alterações. Feijão carioca/lentilha. Feijão/Ervilha. Feijão carioca/lentilha.

Cardápio de 28/08 a 03/09. Cardápio sujeito a alterações. Feijão carioca/lentilha. Feijão/Ervilha. Feijão carioca/lentilha. Cardápio de 28/08 a 03/09 Cardápio sujeito a alterações Acompanhamento Prato principal Complemento Salad segundafeira integral Feijão carioca/lentilha Sobrecoxa de frango Berinjela e cebola Chicória/Ce

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE DRACENA SP ANEXO VII

PREFEITURA MUNICIPAL DE DRACENA SP ANEXO VII PREFEITURA MICIPAL DE DRACENA SP Item Especificações Unid. Quantidade 1 ABACAXI ABACAXI 2 ABÓBORA PAULISTA ABÓBORA PAULISTA 3 ACHOCOLATADO EM PÓ DE 400 GR. ACHOCOLATADO EM PÓ DE 400 GR 4 ALFACE CRESPA

Leia mais

CARDÁPIO JUNHO - CANTINA ESTAÇÃO

CARDÁPIO JUNHO - CANTINA ESTAÇÃO 01/06 02/06 03/06 Batata com salsa Repolho Arroz primavera Vinagrete Berinjela Feijão preto Iscas de carne Linguiça assada Prato principal Bife de panela Escondidinho de batata com frango desfiado Opção

Leia mais

salada de grão de bico com ervas

salada de grão de bico com ervas Annie Bello, PhD salada de grão de bico com ervas Ingredientes: pepino 1 unidade tomate cereja 2 xícaras azeitona sem caroço 3 colheres de sopa grão de bico 2 xícaras queijo cottage 1 xícara salsinha 1

Leia mais

Cardápio (04/08 ATE 09/08)

Cardápio (04/08 ATE 09/08) CARDÁPIOS CARDÁPIOS DESENVOLVIDOS PELA EQUIPE HS ASSESSORIA NUTRICIONAL PARA O BERÇÁRIO E PARA CRIANÇAS A PARTIR DE DOIS ANOS DE IDADE, REFERENTES À DATA DE 04/08/2014 A 29/08/2014. (04/08 ATE 09/08) SEGUNDA

Leia mais

Dias da Semana Café da Manhã Almoço Café da Tarde Jantar

Dias da Semana Café da Manhã Almoço Café da Tarde Jantar Semana de 01/05 á 04/05 Terça - Feira Feriado Feriado Feriado Feriado 01/mai Quarta - Feira Maçã Raspadinha Grão de Bico Suco de Pêra com Grão de Bico 02/mai Couve com Frango Maçã Couve com Frango Sobremesa:

Leia mais

Capítulo 7. Produtos hortícolas, plantas, raízes e tubérculos, comestíveis

Capítulo 7. Produtos hortícolas, plantas, raízes e tubérculos, comestíveis Capítulo 7 Produtos hortícolas, plantas, raízes e tubérculos, comestíveis Notas. 1.- O presente Capítulo não compreende os produtos forrageiros da posição 12.14. 2.- Nas posições 07.09, 07.10, 07.11 e

Leia mais