Fast News Gathering: Eventos e Jornalismo via Satélite. Bart Van Utterbeeck

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Fast News Gathering: Eventos e Jornalismo via Satélite. Bart Van Utterbeeck"

Transcrição

1 Fast News Gathering: Eventos e Jornalismo via Satélite Bart Van Utterbeeck 1

2 Agenda Fast News Gathering Contexto DualFlow Casos de referência Tour de France Al Sumaria 2

3 O mundo do Broadcast (Tendências) Most Important Technology Trends The 2010 Big Broadcast Survey (Devoncroft) Next to the transition to HD, the movement from tape to file video and IP content delivery are also key global issues for the industry 3

4 Fast News Gathering Aumentar eficiência e velocidade na produção de conteúdo - Reduzir o time to air - Trabalho feito por um número menor de pessoas: Personal Digital Production: Jornalista grava e arquiva o conteúdo, faz voice-over, editagem não linear, Facilitar collaboração Ambiente Altamente Informatizado... it has to be NEWs Ser o primeiro a chegar Contribuições curtas Contribuições off-line ou Talking Head Soluções Compactas

5 DualFlow: Connect Transport Interact ASI connect transport interact IP O DualFlow suporta ambas interfaces, IP e ASI, permitindo as emissoras realizar a transição entre ASI e IP no momento mais oportuno DualFlow permite as emissoras transportar sinais ao vivo e transferir arquivos de maneira eficiente através dos links de satélites DualFlow viabiliza a conexão em duas vias através do satélite, introduzindo novos serviços interativos nos processos de broadcast e melhorando a produtividade 5

6 DualFlow Transport Configuração 1 Configuração 2 Configuração 3 TelliCast Broadcast Tradicional (MPEG) Transmissão de dados IP Transmissão simultânea de transport stream e serviços IP Mude o modo de operação com mudanças simples na configuração 6

7 DualFlow Interact Remote unit (fixed office, DSNG, OB van) Broadcaster ASI TS DVB-S/S2 modem IP IP DVB-S/S2 modem ASI TS MPEG decoder MPEG encoder/mux PEP-Terminal PEP-box Server LAN 7

8 Caso Real: VMMa (VTM, JIM TV, 2BE) Caso: Cobertura do Tour de France através de contribuições ao vivo e off-line ao programma In het wiel van de Tour (Na roda do Tour) Frota DSNG Operada pelo departamento TI Equipamentos DualFlow (ASI+IP) Capacidade Satelital através ENEX VMMa possui 800 KHz always-on (24/7) n x 3.8 MHz slots para Uso Occasional 8

9 Desafios: VMMa Tour de France Evento itinerante (sem infraestrutura fixa) Mínimo de planejamento (Improvização) Pouco tempo para coordenação com a matriz Requer solução compacta / fácil instalação 9

10 10 Será que tem banda-larga neste lugar?

11 Caso de referência: VTM Configuração 1: Transmitir conteúdo offline / log-in inews Configuração 1 Forward 400 KHz Return Enviar traduções Ler / enviar LAN GbE Telco coordenação Pesquisar/verificar dados VoIP Intranet File download Configuração 2: Transmissão de vídeo em multistream Conteúdo ASI é priorizado sobre o conteúdo em IP Configuração 2 LAN ASI 2X 3,8 MHz Return ASI Encoder 1 Encoder 2 MPEG Decoder MPEG Decoder 11

12 Caso de referência: VTM - Benefícios Redução do CAPEX Transporte de vídeo e IP no mesmo equipamento Possibilidade de enviar diversos canais de vídeo pelo mesmo equipamento Não é necessário usar um equipamento específico para a transmissão de dados Aumento de produtividade: A van DSNG se transforma em um escritório remoto Acesso à intranet / Web browsing / Transferência de arquivos Implementação de novos fluxos de trabalho Operação Multi-Câmera Possibilidade de enviar metadados Download de arquivos e edição local 12

13 Caso de referência : Al Sumaria TV Caso: Jornalismo do dia-a-dia no Iraq Envio de arquivos Transmissão de vídeo Frota DSNG Carros 4x4 para agilidade Equipamentos DualFlow (ASI+IP) Capacidade Satelital : 4 MHz 400 KHz: Estudio DSNG 5 x 700 KHz:DSNG Estudio Modulação: 16APSK 13

14 Caso de referência : Al Sumaria TV Configuração: Transmitir Arquivos para estudio Transmitir low-rate MPEG4 vídeo Multiple Feeds Common Forward Estudio 14

15 Mais informações 16

16 Obrigado Bart Van Utterbeeck Tel:

17 18 Demo: Broadcast and Cable 2010

18 DualFlow Transport Transmissão Off Line : Configuração 2 TelliCast Broadcaster Multicast de vídeo e arquivos IP Modulador DualFlow (Encapsulamento embutido) DSNG Estúdio Demodulador DualFlow ou Receptor IP TelliCast Rede Local Arquivos são transmitidos (unidirecional) em IP através de um software de Filecast (e.g. TelliCast) Storage Ingress 19

Bart Van Utterbeeck SSPI Broadcast day 5 de junho 2007. Shaping the future of satellite communications 1

Bart Van Utterbeeck SSPI Broadcast day 5 de junho 2007. Shaping the future of satellite communications 1 Bart Van Utterbeeck SSPI Broadcast day 5 de junho 2007 1 O que é DVB-S2? Novo padrão DVB para transmissão digital por satélite (2004) Deve substituir DVB-S & DVB-DSNG no futuro Digital Video Broadcasting

Leia mais

Multimedia Exchange Network Over Satellite. Bart Van Utterbeeck

Multimedia Exchange Network Over Satellite. Bart Van Utterbeeck Multimedia Exchange Network Over Satellite 24 de novembro de 2009 Bart Van Utterbeeck Diretor de Vendas - América Latina Broadband Systems Professional Equipment IP Software Vencedor: Judges Award Vencedor:

Leia mais

Bart Van Utterbeeck,

Bart Van Utterbeeck, Evoluções em Satellite Broadcast Bart Van Utterbeeck, Diretor de Vendas América Latina SSPI Broadcast Day, Junho 2009 Broadband Systems Professional Equipment IP Software Desafio: Sobre o que vou falar?

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação I

Administração de Sistemas de Informação I Administração de Sistemas de Informação I Prof. Farinha Aula 03 Telecomunicações Sistemas de Telecomunicações 1 Sistemas de Telecomunicações Consiste de Hardware e Software transmitindo informação (texto,

Leia mais

NewsSpotter SNG via KA-SAT. Eloi Stivalletti Eutelsat do Brasil

NewsSpotter SNG via KA-SAT. Eloi Stivalletti Eutelsat do Brasil NewsSpotter SNG via KA-SAT Eloi Stivalletti Eutelsat do Brasil 1 NewsSpotter via KA-SAT é um produto em banda Ka para Contribuição de News e Dados em campo. O que é o NewsSpotter? Inovador Leve e Compacto

Leia mais

Tecnologia de codificação IP para emissoras e produtoras Outubro 2014

Tecnologia de codificação IP para emissoras e produtoras Outubro 2014 The most important thing we build is trust ADVANCED ELECTRONIC SOLUTIONS AVIATION SERVICES COMMUNICATIONS AND CONNECTIVITY MISSION SYSTEMS Tecnologia de codificação IP para emissoras e produtoras Outubro

Leia mais

Agenda: INTRODUÇÃO HISPAMAR PLATAFORMA BANDA LARGA SOBRE O BRASIL PLATAFORMA BANDA LARGA SOBRE A AMERICA LATINA PROCESSAMENTO A BORDO - AMERHIS

Agenda: INTRODUÇÃO HISPAMAR PLATAFORMA BANDA LARGA SOBRE O BRASIL PLATAFORMA BANDA LARGA SOBRE A AMERICA LATINA PROCESSAMENTO A BORDO - AMERHIS Agenda: INTRODUÇÃO HISPAMAR PLATAFORMA BANDA LARGA SOBRE O BRASIL PLATAFORMA BANDA LARGA SOBRE A AMERICA LATINA PROCESSAMENTO A BORDO - AMERHIS /0* -').' +,,* ()%*(' %'( $ # 30º e 61º Oeste: Coberturas

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL ÃO INSTITUCIONAL 8º WRNP

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL ÃO INSTITUCIONAL 8º WRNP APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL ÃO INSTITUCIONAL 8º WRNP QUEM SOMOS Criada em 2000 a HISPAMAR SATÉLITES é resultado da parceria de duas experientes empresas de telecomunicações e líderes em seus mercados. GRUPO

Leia mais

SET2012. Distribuição do BTS na Interiorização TVD Cases e Desafios

SET2012. Distribuição do BTS na Interiorização TVD Cases e Desafios SET2012 Distribuição do na Interiorização TVD Cases e Desafios DEMANDAS MODELOS, EQUIPAMENTOS ENVOLVIDOS E MODELO HÍBRIDO PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO DESENVOLVIMENTO, NOVAS DEMANDAS REDES SFN IMPLANTADAS

Leia mais

Unidade 1. Conceitos Básicos

Unidade 1. Conceitos Básicos Unidade 1 Conceitos Básicos 11 U1 - Conceitos Básicos Comunicação Protocolo Definição de rede Rede Internet 12 Comunicação de dados Comunicação de dados comunicação de informação em estado binário entre

Leia mais

Introdução SUMÁRIO. 1. Introdução... 3. 2. Sobre este manual... 3 3. Componentes... 3 4. INSTALAÇÃO... 4. 5. Funcionalidade... 9

Introdução SUMÁRIO. 1. Introdução... 3. 2. Sobre este manual... 3 3. Componentes... 3 4. INSTALAÇÃO... 4. 5. Funcionalidade... 9 REMUX TS 9600-HD-RMX i SUMÁRIO Introdução 1. Introdução... 3 1.1 Apresentação... 3 2. Sobre este manual... 3 3. Componentes... 3 4. INSTALAÇÃO... 4 4.1 Instalação do driver usb... 4 4.2 Instalação da Máquina

Leia mais

Qualidade. Confiança. Inovação.

Qualidade. Confiança. Inovação. Qualidade. Confiança. Inovação. Soluções em Radiodifusão, Vídeo e Comunicação do Brasil para o mundo. Transmissores Excitadores Multiplexadores Encoders Gap-fillers Micro-ondas Rádio Digital Câmeras Broadcast

Leia mais

Qualidade. Confiança. Inovação.

Qualidade. Confiança. Inovação. Qualidade. Confiança. Inovação. Soluções em Radiodifusão, Vídeo e Comunicação do Brasil para o mundo. Transmissores Excitadores Multiplexadores Encoders Gap-fillers Micro-ondas Rádio Digital Câmeras Broadcast

Leia mais

Tecnologia Broadcast ao serviço da educação

Tecnologia Broadcast ao serviço da educação reportagem Universidades Tecnologia Broadcast ao serviço da educação A Anhanguera Educacional conta com cerca de 40 estúdios de televisão com sinais via satélite para transmitir aulas a distancia para

Leia mais

4. Quais são os serviços que podem ser utilizados através desta Tecnologia? 6. O Adaptador PLC causa um aumento no consumo de Energia Elétrica?

4. Quais são os serviços que podem ser utilizados através desta Tecnologia? 6. O Adaptador PLC causa um aumento no consumo de Energia Elétrica? 1. O que significa PLC - PowerLine Communications? 2. Quais são as características técnicas do PLC? 3. Quais são as vantagens da Tecnologia PLC? 4. Quais são os serviços que podem ser utilizados através

Leia mais

1 INTRODUÇÃO 1 2 CONSIDERAÇÕES INICIAIS 1 2.1 ARQUITETURA DO SISTEMA 4 3 CONFIGURAÇÃO DO PROCESSADOR BTS 4 3.1 COMPRESSOR 5 3.

1 INTRODUÇÃO 1 2 CONSIDERAÇÕES INICIAIS 1 2.1 ARQUITETURA DO SISTEMA 4 3 CONFIGURAÇÃO DO PROCESSADOR BTS 4 3.1 COMPRESSOR 5 3. COMPRESSOR / DECOMPRESSOR TS9600 BTS i SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO 1 2 CONSIDERAÇÕES INICIAIS 1 2.1 ARQUITETURA DO SISTEMA 4 3 CONFIGURAÇÃO DO PROCESSADOR BTS 4 3.1 COMPRESSOR 5 3.2 DECOMPRESSOR 6 4. CARACTERÍSTICAS

Leia mais

Provedor de Digital Signage. Apresentação Comercial. contato@rj21.net www.rj21.net

Provedor de Digital Signage. Apresentação Comercial. contato@rj21.net www.rj21.net Apresentação Comercial contato@rj21.net www.rj21.net O que é Digital Signage? Uma mídia dinâmica e interativa Exibe mensagens digitais em pontos de venda, espaços públicos, transportes, TVs corporativas,

Leia mais

1.A HUGHES. 2.Visão geral comunicação por satélite. 3.Aplicações

1.A HUGHES. 2.Visão geral comunicação por satélite. 3.Aplicações COMUNICAÇÃO SATELITAL COMO ALAVANCA PARA O DESENVOLVIMENTO DA AMAZÔNIA FÁBIO RICCETTO DIRETOR DE VENDAS HUGHES Agenda 1.A HUGHES 2.Visão geral comunicação por satélite 3.Aplicações A HUGHES Nosso Fundador

Leia mais

III.2. CABLE MODEMS CARACTERÍSTICAS BÁSICAS UNIDADE III SISTEMAS HÍBRIDOS

III.2. CABLE MODEMS CARACTERÍSTICAS BÁSICAS UNIDADE III SISTEMAS HÍBRIDOS 1 III.2. CABLE MODEMS III.2.1. DEFINIÇÃO Cable modems são dispositivos que permitem o acesso em alta velocidade à Internet, através de um cabo de distribuição de sinais de TV, num sistema de TV a cabo.

Leia mais

Entretenimento e Interatividade para TV Digital

Entretenimento e Interatividade para TV Digital Entretenimento e Interatividade para TV Digital Desenvolvimento de Aplicativos para TV Digital Interativa Rodrigo Cascão Araújo Diretor Comercial Apresentação da Empresa A EITV desenvolve software e provê

Leia mais

Capítulo 2 - Conceitos Básicos de Redes. Associação dos Instrutores NetAcademy - agosto de 2007 - Página

Capítulo 2 - Conceitos Básicos de Redes. Associação dos Instrutores NetAcademy - agosto de 2007 - Página Capítulo 2 - Conceitos Básicos de Redes 1 Redes de Dados Inicialmente o compartilhamento de dados era realizado a partir de disquetes (Sneakernets) Cada vez que um arquivo era modificado ele teria que

Leia mais

Ligação à Internet. Conceitos de Sistemas Informáticos. Grupo de Comunicações por Computador Departamento de Informática Universidade do Minho

Ligação à Internet. Conceitos de Sistemas Informáticos. Grupo de Comunicações por Computador Departamento de Informática Universidade do Minho Grupo de Comunicações por Computador Departamento de Informática Universidade do Minho Maio de 2004 Sumário 1 2 TV Cabo Bragatel Sapo Clix OniNet Telepac Tipos de ligações actualmente disponibilizadas

Leia mais

Tecnologias de Banda Larga

Tecnologias de Banda Larga Banda Larga Banda larga é uma comunicação de dados em alta velocidade. Possui diversas tecnologia associadas a ela. Entre essas tecnologias as mais conhecidas são a ADSL, ISDN, e o Cable Modem. Essas tecnologias

Leia mais

O Mercado de TV Assinatura

O Mercado de TV Assinatura STA O Mercado de TV Assinatura André Sanches - NET Serviços Bem vindo! Dados do setor; Tecnologias; Evolução tecnologia/serviços; 3 Play ; Pirataria. Objetivo Dados do setor Fonte ABTA Dez/ 2,7 Milhões

Leia mais

O IMPACTO DA WEB TV NA COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL

O IMPACTO DA WEB TV NA COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL O IMPACTO DA WEB TV NA COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL Agenda Novas formas de comunicação online Perspectivas e entendimentos O porquê da linguagem mais visual e cinestésica Inovar é preciso IPTV versus Web TV

Leia mais

Telecomunicações, Internet e tecnologia sem fio. slide 1

Telecomunicações, Internet e tecnologia sem fio. slide 1 Telecomunicações, Internet e tecnologia sem fio slide 1 Objetivos de estudo Quais os principais componentes das redes de telecomunicações e quais as principais tecnologias de rede? Quais os principais

Leia mais

TV Digital no Brasil e o Middleware Ginga. Luiz Eduardo Cunha Leite

TV Digital no Brasil e o Middleware Ginga. Luiz Eduardo Cunha Leite TV Digital no Brasil e o Middleware Ginga Luiz Eduardo Cunha Leite 1 Sistema de TV Digital no Brasil 3G 1 Seg 2 PTSN, Internet, etc. Nível de Transporte TCP / IP -SI -Carrossel de Dados e Objetos -MPE

Leia mais

Redes de Dados e Comunicações. Prof.: Fernando Ascani

Redes de Dados e Comunicações. Prof.: Fernando Ascani Redes de Dados e Comunicações Prof.: Fernando Ascani Redes Wireless / Wi-Fi / IEEE 802.11 Em uma rede wireless, os adaptadores de rede em cada computador convertem os dados digitais para sinais de rádio,

Leia mais

BGAN. Transmissão global de voz e dados em banda larga. Banda larga para um planeta móvel

BGAN. Transmissão global de voz e dados em banda larga. Banda larga para um planeta móvel BGAN Transmissão global de voz e dados em banda larga Banda larga para um planeta móvel Broadband Global Area Network (BGAN) O firm das distâncias O serviço da Rede Global de Banda Larga da Inmarsat (BGAN)

Leia mais

Há dois tipos de configurações bidirecionais usados na comunicação em uma rede Ethernet:

Há dois tipos de configurações bidirecionais usados na comunicação em uma rede Ethernet: Comunicação em uma rede Ethernet A comunicação em uma rede local comutada ocorre de três formas: unicast, broadcast e multicast: -Unicast: Comunicação na qual um quadro é enviado de um host e endereçado

Leia mais

Claro, Embratel e NET: Juntas para fazer os Jogos Rio 2016 Gigantes

Claro, Embratel e NET: Juntas para fazer os Jogos Rio 2016 Gigantes Claro, Embratel e NET: Juntas para fazer os Jogos Rio 2016 Gigantes CLARO, EMBRATEL E NET: EM APENAS UMA DÉCADA NOS TORNAMOS GIGANTES Nos últimos anos, reunimos modernas tecnologias para criar a Melhor

Leia mais

Plataforma Interativa de Vídeo

Plataforma Interativa de Vídeo Plataforma Interativa de Vídeo Milonga DWM Soluções em Comunicação e Tecnologia Interativa, empresa do Grupo Ciclotron. Desenvolvemos soluções com foco na experiência do usuário, implantado um novo conceito

Leia mais

Arquitetura de Sistemas Operativos

Arquitetura de Sistemas Operativos Arquitetura de Sistemas Operativos Sistemas Operativos 2011/2012 1 Introdução Os sistemas operativos implementam mecanismos que asseguram independência entre processos (i.e., a execução de um processo

Leia mais

ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PARA AS CÂMARAS MUNICIPAIS INTEGRANTES DA REDE LEGISLATIVA DE RÁDIO E TV

ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PARA AS CÂMARAS MUNICIPAIS INTEGRANTES DA REDE LEGISLATIVA DE RÁDIO E TV ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PARA AS CÂMARAS MUNICIPAIS INTEGRANTES DA REDE LEGISLATIVA DE RÁDIO E TV 1. Nova configuração de transmissão via Satélite A Câmara dos Deputados irá adotar uma nova configuração de

Leia mais

Satélite e SCADA. SSPI VSAT Day 2011 22-11-2011 Bart Van Utterbeeck. Broadband Systems. Professional Equipment. IP Software

Satélite e SCADA. SSPI VSAT Day 2011 22-11-2011 Bart Van Utterbeeck. Broadband Systems. Professional Equipment. IP Software Satélite e SCADA SSPI VSAT Day 2011 22-11-2011 Bart Van Utterbeeck Broadband Systems Professional Equipment IP Software Agenda SCADA Satélite e SCADA Exemplos de SCADA Energia Renovável Distribuição de

Leia mais

Distribuição do Conteúdo Digital BTS Comprimido. Sistema ISDB-Tb. Fabrízio Reis

Distribuição do Conteúdo Digital BTS Comprimido. Sistema ISDB-Tb. Fabrízio Reis Distribuição do Conteúdo Digital BTS Comprimido Sistema ISDB-Tb Fabrízio Reis SFN BTS Distribuição do Conteúdo Tecnologia possibilitando a entrega de diferentes conteúdos em diferentes áreas de uma rede

Leia mais

Instituto Federal de Santa Catarina. Redes de Computadores RES 12502

Instituto Federal de Santa Catarina. Redes de Computadores RES 12502 Instituto Federal de Santa Catarina Redes de Computadores RES 12502 2014 2 O material para essas apresentações foi retirado das apresentações disponibilizadas pela Editora Pearson para o livro Redes de

Leia mais

One corporate culture. A company promise.

One corporate culture. A company promise. One corporate culture. A company promise. Microwave systems Satellite equipment Satellite networks "Utilizando satelite como forma de cobertura abrangente para a distribuição de conteudo de TV movel e

Leia mais

CONGRESSO SET 2012 PAINEL SATÉLITE - FIBRAS ÓPTICAS:

CONGRESSO SET 2012 PAINEL SATÉLITE - FIBRAS ÓPTICAS: CONGRESSO SET 2012 PAINEL SATÉLITE - FIBRAS ÓPTICAS: CONTRIBUIÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DE TV A NÍVEL GLOBAL Durval Carvalho Avila Jacintho São Paulo Agosto de 2012 Level 3 Communications, LLC. All Rights Reserved.

Leia mais

SIMARPE Sistema de Arquivo Permanente

SIMARPE Sistema de Arquivo Permanente SIMARPE Sistema de Arquivo Permanente Documentos formam a grande massa de conhecimentos de uma organização seja ela privada ou pública, esses documentos em sua maioria são parte do seu patrimônio. A Gestão

Leia mais

FleetBroadband. O referencial em comunicações móveis via satélite

FleetBroadband. O referencial em comunicações móveis via satélite FleetBroadband O referencial em comunicações móveis via satélite A toda velocidade para um futuro com banda larga FleetBroadband é o primeiro serviço de comunicações marítimas a fornecer voz e dados em

Leia mais

André Aziz (andreaziz.ufrpe@gmail.com) Francielle Santos (francielle.ufrpe@gmail.com) Noções de Redes

André Aziz (andreaziz.ufrpe@gmail.com) Francielle Santos (francielle.ufrpe@gmail.com) Noções de Redes André Aziz (andreaziz.ufrpe@gmail.com) Francielle Santos (francielle.ufrpe@gmail.com) Noções de Redes Noções de Redes: Estrutura básica; Tipos de transmissão; Meios de transmissão; Topologia de redes;

Leia mais

MicroPower Presence. Requisitos Técnicos e Roteiro de Acesso

MicroPower Presence. Requisitos Técnicos e Roteiro de Acesso MicroPower Presence Requisitos Técnicos e Roteiro de Acesso Esse documento tem como objetivo explicar o processo de instalação do Client Presence, fornecer as recomendações mínimas de hardware e software

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES MEMÓRIAS DE AULA AULA 1 APRESENTAÇÃO DO CURSO, HISTÓRIA, EQUIPAMENTOS E TIPOS DE REDES Prof. José Wagner Bungart CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Definição de Redes de Computadores e Conceitos

Leia mais

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES SERVICOS DE REDE LOCAL. Professor Carlos Muniz

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES SERVICOS DE REDE LOCAL. Professor Carlos Muniz SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES SERVICOS DE REDE LOCAL Na internet, cada computador conectado à rede tem um endereço IP. Todos os endereços IPv4 possuem 32 bits. Os endereços IP são atribuídos à interface

Leia mais

Série Connect. Switches e Conversores Industriais. www.altus.com.br

Série Connect. Switches e Conversores Industriais. www.altus.com.br Série Connect Switches e Conversores Industriais www.altus.com.br Conectividade e simplicidade Compacto: design robusto e eficiente para qualquer aplicação Intuitivo: instalação simplificada que possibilita

Leia mais

2 Perspectivas de Consumo de Banda no Acesso

2 Perspectivas de Consumo de Banda no Acesso 2 Perspectivas de Consumo de Banda no Acesso Esse capítulo apresenta os novos serviços disponíveis aos usuários e a tendência de oferta futura, indicando as previsões de bandas associadas necessárias a

Leia mais

Conceitos Inovadores na Operação da Rede Nacional de TV Pública Digital RNTPD

Conceitos Inovadores na Operação da Rede Nacional de TV Pública Digital RNTPD Conceitos Inovadores na Operação da Rede Nacional de TV Pública Digital RNTPD Rio de Janeiro, 10 de dezembro 2009 Rede Nacional de TV Pública Digital Cobertura em todos os municípios com mais de 100 mil

Leia mais

Exercícios Rede de Computadores I (27/05/2006)

Exercícios Rede de Computadores I (27/05/2006) UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGICAS DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA Exercícios Rede de Computadores I (27/05/2006) Marcelo Santos Daibert Juiz de Fora Minas Gerais Brasil

Leia mais

Mais recursos para professores. Maior controle para TI.

Mais recursos para professores. Maior controle para TI. Acronus System Mais recursos para professores. Maior controle para TI. Características do produto Controle de hardware Permite desligar a internet, pen drive, teclado, mouse e monitor. Transferência de

Leia mais

web2way Comunicações e Vídeos LTDA

web2way Comunicações e Vídeos LTDA web2way Comunicações e Vídeos LTDA Soluções em Comunicação da web2way que podem ser úteis para sua empresa Preparada por: Adriana Grasso sócia/administradora Data: 21/05/2012 Sobre a web2way A web2way

Leia mais

Padrões de Middleware para TV Digital

Padrões de Middleware para TV Digital Padrões de Middleware para TV Digital Alexsandro Paes, Renato Antoniazzi UFF Universidade Federal Fluminense Centro Tecnológico Departamento de Engenharia de Telecomunicações Mestrado em Telecomunicações

Leia mais

INTRODUÇÃO A REDES DE COMPUTADORES (DEFINIÇÕES) Prof. Msc. Hélio Esperidião

INTRODUÇÃO A REDES DE COMPUTADORES (DEFINIÇÕES) Prof. Msc. Hélio Esperidião INTRODUÇÃO A REDES DE COMPUTADORES (DEFINIÇÕES) Prof. Msc. Hélio Esperidião O QUE É? Uma Rede de Computadores é formada por um conjunto de equipamentos(módulos processadores - MPs) capazes de trocar informações

Leia mais

Informática I. Aula 22. http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 22-03/07/06 1

Informática I. Aula 22. http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 22-03/07/06 1 Informática I Aula 22 http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 22-03/07/06 1 Critério de Correção do Trabalho 1 Organização: 2,0 O trabalho está bem organizado e tem uma coerência lógica. Termos

Leia mais

www.smartptt.com.br e-mail: info@smartptt.com.br O SOFTWARE MOTORBO Suporte: e-mail: suporte@smartptt.com.br Suporte: Fone: +55 11 2914-3040

www.smartptt.com.br e-mail: info@smartptt.com.br O SOFTWARE MOTORBO Suporte: e-mail: suporte@smartptt.com.br Suporte: Fone: +55 11 2914-3040 O SOFTWARE MOTORBO Um sistema de controle de comunicações moderno não é composto apenas de hardware. Atualmente, software tem papel primordial. Com ele, é possível extrair todo o potencial disponibilizado

Leia mais

UNIP UNIVERSIDADE PAULISTA. Curso: Redes de Computadores e Telecomunicações

UNIP UNIVERSIDADE PAULISTA. Curso: Redes de Computadores e Telecomunicações UNIP UNIVERSIDADE PAULISTA Curso: Redes de Computadores Módulo 2 - Conceitos e Fundamentos Evolução das Redes d LAN, MAN e WAN Material de Apoio 2011 / sem2 Prof. Luiz Shigueru Seo CONCEITOS e FUNDAMENTOS

Leia mais

Solução Hibrida para Integração de Câmeras Analógicas e Câmeras IP no Mesmo Servidor

Solução Hibrida para Integração de Câmeras Analógicas e Câmeras IP no Mesmo Servidor Gravador de Vídeo Digital Hibrido em Tempo-Real de até 36 Câmeras Solução Hibrida para Integração de Câmeras Analógicas e Câmeras IP no Mesmo Servidor Velocidade de gravação e visualização entre 120 FPS

Leia mais

Comunicação Comunicação é o ato de transmissão de informações de uma pessoa à outra. Emissor: Receptor: Meio de transmissão Sinal:

Comunicação Comunicação é o ato de transmissão de informações de uma pessoa à outra. Emissor: Receptor: Meio de transmissão Sinal: Redes - Comunicação Comunicação é o ato de transmissão de informações de uma pessoa à outra. Comunicação sempre foi, desde o início dos tempos, uma necessidade humana buscando aproximar comunidades distantes.

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

Casa do Futuro Convergência Digital. Porto Alegre, 11 de Setembro de 2007

Casa do Futuro Convergência Digital. Porto Alegre, 11 de Setembro de 2007 Casa do Futuro Convergência Digital Porto Alegre, 11 de Setembro de 2007 O Ponto de Partida A Casa nos Anos 80 TV Aberta Analógica: Do ponto de vista das emissoras, o usuário final não era gerador direto

Leia mais

Informações para implantação de equipamentos IP Intelbras

Informações para implantação de equipamentos IP Intelbras Informações para implantação de equipamentos IP Intelbras Descrição do pré-projeto - Configuração Quantos ramais analógicos contempla o projeto?. Quantos ramais digitais contempla o projeto?. Quantos ramais

Leia mais

Capítulo 7 CAMADA DE TRANSPORTE

Capítulo 7 CAMADA DE TRANSPORTE Capítulo 7 CAMADA DE TRANSPORTE SERVIÇO SEM CONEXÃO E SERVIÇO ORIENTADO À CONEXÃO Serviço sem conexão Os pacotes são enviados de uma parte para outra sem necessidade de estabelecimento de conexão Os pacotes

Leia mais

Vanessa Lima. TRANSMISSÃO DE BTS COM TAXA REDUZIDA EM DIFERENTES TECNOLOGIAS, MANTENDO COMPATIBILIDADE COM OPERAÇÃO SFN NO SISTEMA ISDB-T

Vanessa Lima. TRANSMISSÃO DE BTS COM TAXA REDUZIDA EM DIFERENTES TECNOLOGIAS, MANTENDO COMPATIBILIDADE COM OPERAÇÃO SFN NO SISTEMA ISDB-T TRANSMISSÃO DE BTS COM TAXA REDUZIDA EM DIFERENTES TECNOLOGIAS, MANTENDO COMPATIBILIDADE COM OPERAÇÃO SFN NO SISTEMA ISDB-T 23/08/2012 Hitachi Kokusai Linear. Pesquisa e Desenvolvimento de Produtos. Vanessa

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS. Aula 09

SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS. Aula 09 FACULDADE CAMÕES PORTARIA 4.059 PROGRAMA DE ADAPTAÇÃO DE DISCIPLINAS AO AMBIENTE ON-LINE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL DOCENTE: ANTONIO SIEMSEN MUNHOZ, MSC. ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: FEVEREIRO DE 2007. Internet,

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES E TELECOMUNICAÇÕES MÓDULO 16

REDES DE COMPUTADORES E TELECOMUNICAÇÕES MÓDULO 16 REDES DE COMPUTADORES E TELECOMUNICAÇÕES MÓDULO 16 Índice 1. SISTEMA OPERACIONAL DE REDE...3 1.1 O protocolo FTP... 3 1.2 Telnet... 4 1.3 SMTP... 4 1.4 SNMP... 5 2 1. SISTEMA OPERACIONAL DE REDE O sistema

Leia mais

GUIA DE RECURSOS SMART

GUIA DE RECURSOS SMART GUIA DE RECURSOS SMART Características dos aplicativos da SMART TV 1.Android 4.2 dual-core smart TV 2.Conexão de rede (com fio/sem fio/pppoe/wlan HP) 3. Sync-View (opcional) 4. Multi-screen Interativa

Leia mais

Exercícios do livro: Tecnologias Informáticas Porto Editora

Exercícios do livro: Tecnologias Informáticas Porto Editora Exercícios do livro: Tecnologias Informáticas Porto Editora 1. Em que consiste uma rede de computadores? Refira se à vantagem da sua implementação. Uma rede de computadores é constituída por dois ou mais

Leia mais

PROJETO TRUE-BACKUP. Significado de backup : - cópia de segurança; - rota de acesso alternativa; - recurso ou estrutura reserva;

PROJETO TRUE-BACKUP. Significado de backup : - cópia de segurança; - rota de acesso alternativa; - recurso ou estrutura reserva; PROJETO TRUE-BACKUP PROJETO TRUE-BACKUP Significado de backup : - cópia de segurança; - rota de acesso alternativa; - recurso ou estrutura reserva; Objetivos : Eliminar a indisponibilidade dos recursos

Leia mais

NOVAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO

NOVAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO NOVAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO Profª. Kelly Hannel Novas tecnologias de informação 2 HDTV WiMAX Wi-Fi GPS 3G VoIP Bluetooth 1 HDTV 3 High-definition television (também conhecido por sua abreviação HDTV):

Leia mais

A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO

A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO Capítulo 9 A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO 9.1 2003 by Prentice Hall OBJETIVOS O que é a nova infra-estrutura de tecnologia de informação (IT) para empresas? Por que a conectividade

Leia mais

Comissão de Ciência e Tecnologia,

Comissão de Ciência e Tecnologia, Seminário de Rádio R Digital Comissão de Ciência e Tecnologia, Informática e Inovação Brasília 22 de novembro de 2007 Ronald Siqueira Barbosa O O pobre e o emergente de hoje são aqueles que no passado,

Leia mais

Produção de Jornalismo & Highlights de Ponta a ponta

Produção de Jornalismo & Highlights de Ponta a ponta Produção de Jornalismo & Highlights de Ponta a ponta Produção modular para Jornalismo & Esportes Produção de Jornalismo & Highlights de Ponta a ponta O EVS Xedio é um conjunto de aplicativos modulares

Leia mais

Projeto GESAC O Desafio VoIP

Projeto GESAC O Desafio VoIP Projeto GESAC O Desafio VoIP lsxxx Estação VoIP Curitiba/PR Edson Gellert Schubert, MsC egschubert@gmail.com 05/12/2006 BGS Consultoria 1 Agenda Objetivo Desafios Sociais O Pregão Desafios Solução VoIP

Leia mais

efagundes com Como funciona a Internet

efagundes com Como funciona a Internet Como funciona a Internet Eduardo Mayer Fagundes 1 Introdução à Internet A Internet é uma rede de computadores mundial que adota um padrão aberto de comunicação, com acesso ilimitado de pessoas, empresas

Leia mais

ACESSO de BANDA LARGA. Uma perspectiva de Operador

ACESSO de BANDA LARGA. Uma perspectiva de Operador ACESSO de BANDA LARGA Uma perspectiva de Operador António Varanda I S T Lisboa, 8-Maio-2007 SUMÁRIO Um pouco de história e a evolução da Banda Larga Vídeo em tempo real: requisitos Análise de Operador:

Leia mais

A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO

A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO 1 OBJETIVOS 1. O que é a nova infra-estrutura informação (TI) para empresas? Por que a conectividade é tão importante nessa infra-estrutura

Leia mais

www.dbdaudio.com - www.veas.com.mx

www.dbdaudio.com - www.veas.com.mx www.dbdaudio.com - www.veas.com.mx HD / SD Sistema integrado de servidor digital Multiformato de vídeo broadcasting Veas Black HD e Veas Black SD: Solução Integral de Servidor de Vídeo para TV ou TV a

Leia mais

Universidade de Brasília

Universidade de Brasília Universidade de Brasília Introdução a Microinformática Turma H Redes e Internet Giordane Lima Porque ligar computadores em Rede? Compartilhamento de arquivos; Compartilhamento de periféricos; Mensagens

Leia mais

Transição IPv4 IPv6. Uma perspectiva do futuro hoje. Seminário AFCEA Portugal - IPv6 O futuro das redes de informação 10.11.2011.

Transição IPv4 IPv6. Uma perspectiva do futuro hoje. Seminário AFCEA Portugal - IPv6 O futuro das redes de informação 10.11.2011. Transição IPv4 IPv6 Uma perspectiva do futuro hoje Pedro Freitas Seminário AFCEA Portugal - IPv6 O futuro das redes de informação 10.11.2011 Este documento é propriedade intelectual da PT e fica proibida

Leia mais

A utilização das redes na disseminação das informações

A utilização das redes na disseminação das informações Internet, Internet2, Intranet e Extranet 17/03/15 PSI - Profº Wilker Bueno 1 Internet: A destruição as guerras trazem avanços tecnológicos em velocidade astronômica, foi assim também com nossa internet

Leia mais

Manual do Usuário. Desenvolvido para

Manual do Usuário. Desenvolvido para Manual do Usuário Desenvolvido para 1 Obrigado por comprar um Produto Comtac Você comprou um produto de uma empresa que oferece alta qualidade e valor agregado. Conheça nossa linha completa através do

Leia mais

RECEITA FEDERAL DO BRASIL GANHA AGILIDADE E EFICIÊNCIA AO IMPLANTAR O PROJETO COMUNICAÇÃO UNIFICADA NA RBF. Case de Sucesso.

RECEITA FEDERAL DO BRASIL GANHA AGILIDADE E EFICIÊNCIA AO IMPLANTAR O PROJETO COMUNICAÇÃO UNIFICADA NA RBF. Case de Sucesso. outubro/2012 Case de Sucesso RECEITA FEDERAL DO BRASIL GANHA AGILIDADE E EFICIÊNCIA AO IMPLANTAR O PROJETO COMUNICAÇÃO UNIFICADA NA RBF Para publicar um case no Portal IT4CIO, entre em contato pelo e-mail

Leia mais

TELEM BARCO COEMAR ETC FEELING STRUCTURES LEE FILTERS MTS SACHTLER HIGH END DEDOLIGHT

TELEM BARCO COEMAR ETC FEELING STRUCTURES LEE FILTERS MTS SACHTLER HIGH END DEDOLIGHT Conheça a solução Turn Key TELEM Suas produções merecem o melhor e mais bem equipado estúdio EBC Estúdios - São Paulo Operando no sistema Turn Key, a TELEM oferece a infraestrutura necessária para equipar

Leia mais

A CONVERGÊNCIA DE DADOS E VOZ NA PRÓXIMA GERAÇÃO DE REDES. Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com

A CONVERGÊNCIA DE DADOS E VOZ NA PRÓXIMA GERAÇÃO DE REDES. Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com A CONVERGÊNCIA DE DADOS E VOZ NA PRÓXIMA GERAÇÃO DE REDES Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com Introdução A convergência, atualmente um dos temas mais discutidos na indústria de redes,

Leia mais

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito - TV Digital Via IP (IPTV) www.labcisco.com.br ::: shbbrito@labcisco.com.br Prof. Samuel Henrique Bucke Brito IPTV - TV Digital Via IP A IPTV (Internet Protocol TeleVision) é um novo método de transmissão

Leia mais

b 1 Copyright 2008-2012 In9 Mídia Soluções Digitais Inc. All rights reserved.

b 1 Copyright 2008-2012 In9 Mídia Soluções Digitais Inc. All rights reserved. b 1 Conteúdo Capítulo 1... 3 Instalando o Neonews... 3 Neonews no Linux... 6 Capítulo 2... 7 Configurando o NeoNews... 7 Capítulo 3... 13 Teclas de Atalho do NeoNews Player... 13 2 Capítulo 1 Instalando

Leia mais

IP Camera Tutorial. CNet Technology Jan 2008

IP Camera Tutorial. CNet Technology Jan 2008 IP Camera Tutorial CNet Technology Jan 2008 O que é Câmera IP? Camera IP é a combinação entre câmera e computador. As câmeras podem ser conectadas diretamente na sua rede. Ela possui internamente software

Leia mais

Telecomunicações CONCEITOS DE COMUNICAÇÃO

Telecomunicações CONCEITOS DE COMUNICAÇÃO Telecomunicações CONCEITOS DE COMUNICAÇÃO 1 COMUNICAÇÃO A COMUNICAÇÃO pode ser definida como a transmissão de um sinal através de um meio, de um emissor para um receptor. O sinal contém uma mensagem composta

Leia mais

WEB TV. O Seu canal de Televisão na Internet

WEB TV. O Seu canal de Televisão na Internet WEB TV O Seu canal de Televisão na Internet Apresentamos-lhe a WEB TV Uma nova forma de comunicar! A Televisão via Internet VISIBILIDADE INTERATIVIDADE CONECTIVIDADE COMUNICAÇÃO O que é a WEB TV? A Web

Leia mais

MPEG-7. Padrão ISO finalizado em Julho de 2001. Denominado Interface de descrição de conteúdo multimídia :

MPEG-7. Padrão ISO finalizado em Julho de 2001. Denominado Interface de descrição de conteúdo multimídia : Padrão MPEG-7 MPEG-7 Padrão ISO finalizado em Julho de 2001. Denominado Interface de descrição de conteúdo multimídia : Forma padrão de descrição de informações multimídia associadas ao conteúdo para permitir

Leia mais

1 Introduc ao 1.1 Hist orico

1 Introduc ao 1.1 Hist orico 1 Introdução 1.1 Histórico Nos últimos 100 anos, o setor de telecomunicações vem passando por diversas transformações. Até os anos 80, cada novo serviço demandava a instalação de uma nova rede. Foi assim

Leia mais

Inovação em Gestão e Comunicação as novas ferramentas de gestão e comunicação para um mercado global. Pedro Gusmão Suchodolski CEO

Inovação em Gestão e Comunicação as novas ferramentas de gestão e comunicação para um mercado global. Pedro Gusmão Suchodolski CEO Inovação em Gestão e Comunicação as novas ferramentas de gestão e comunicação para um mercado global Pedro Gusmão Suchodolski CEO Evolução O ambiente de trabalho está em transformação! Estamos evoluindo

Leia mais

Redes de Computadores e a Internet

Redes de Computadores e a Internet Redes de Computadores e a Internet Magnos Martinello Universidade Federal do Espírito Santo - UFES Departamento de Informática - DI Laboratório de Pesquisas em Redes Multimidia - LPRM 2010 Introdução Redes

Leia mais

Disciplina : Transmissão de Dados

Disciplina : Transmissão de Dados Disciplina : Transmissão de Dados Paulo Henrique Teixeira Overwiew Conceitos Básicos de Rede Visão geral do modelo OSI Visão geral do conjunto de protocolos TCP/IP 1 Conceitos básicos de Rede A largura

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

PADRÕES DE MIDDLEWARE PARA TV DIGITAL

PADRÕES DE MIDDLEWARE PARA TV DIGITAL Niterói, RJ, Brasil, 8-10 de novembro de 2005. PADRÕES DE MIDDLEWARE PARA TV DIGITAL Alexsandro Paes, Renato H. Antoniazzi, Débora C. Muchaluat Saade Universidade Federal Fluminense (UFF) / Centro Tecnológico

Leia mais

Versão 8.0. O software MOTOTRBO! DISTRIBUIDOR NO BRASIL GRUPO UNDERBID

Versão 8.0. O software MOTOTRBO! DISTRIBUIDOR NO BRASIL GRUPO UNDERBID Versão 8.0 O software MOTOTRBO! DISTRIBUIDOR NO BRASIL cdc GRUPO UNDERBID Palestrante Luiz Fernando Galano Responsável pelo SmartPTT Brasil Conteúdo da apresentação INTRODUÇÃO História e posicionamento

Leia mais

PROTÓTIPO DE UM SISTEMA DE RASTREAMENTO PARA COMPUTADORES

PROTÓTIPO DE UM SISTEMA DE RASTREAMENTO PARA COMPUTADORES UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PROTÓTIPO DE UM SISTEMA DE RASTREAMENTO PARA COMPUTADORES Bárbara Dias Pereira Prof. Miguel Alexandre Wisintainer, Orientador ROTEIRO DA

Leia mais

O novo serviço Giro oferece a você o máximo da Internet através da tecnologia móvel digital de terceira geração CDMA 2000 1xEV-DO:

O novo serviço Giro oferece a você o máximo da Internet através da tecnologia móvel digital de terceira geração CDMA 2000 1xEV-DO: Manual da fase de teste do Giro Beta Versão: 1.0 Data de publicação: Janeiro/2004 Descrição: Este manual irá ajudá-lo a responder dúvidas que você possa ter sobre a fase de teste do novo serviço Giro.

Leia mais