Estação de rádio digital baseada em open source

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Estação de rádio digital baseada em open source"

Transcrição

1 Estação de rádio digital baseada em open source - Rádio Urbana - Escola Superior de Tecnologia de Castelo Branco António Cardoso Martins Ricardo Antunes Gestor de projectos Siemens MED Director técnico Magisom March 17, 2007

2 Agenda O que é o Open Source? Soluções para rádios Estação digital de áudio O que é o Linux? > Wired, Ardour, outros Comparação com o Microsoft Windows Sistema de automação de rádio Arquitecturas possíveis > Rivendell Thick e Thin Clients Gravação contínua Soluções administrativas > Live-recorder Processamento de texto, folha de cálculo, correio Caso de sucesso da electrónico, agenda Magisom pessoal, outros... 2

3 O que é o OpenSource? Opensource significa que um produto de software é de: Livre distribuição > Pode ser utilizado, dado ou vendido por qualquer um Acesso ao código fonte > O código original deve estar acessível (preferencialmente através da Internet) Qualquer um pode validar Qualquer um pode melhorar, desde que mantenha as referências aos autores originais, e mantenha a forma de licenciamento original 3

4 O que é o Linux? O Linux foi inicialmente desenvolvido pelo Linus Torvalds na Universidade de Helsinquia em 1991 O Linux é uma variante dos sistemas operativos Unix Pode ser executado numa grande variedade de equipamentos informáticos + 3 milhões de servidores Linux encontram-se em produção em todo o mundo + 10 milhões computadores Linux de secretária + 53% dos responsáveis de serviços informáticos (CIOs) consideram o Linux como uma plataforma importante 4

5 Comparação com o Microsoft Windows Primeira versão do Windows, o 3.1 foi lançado em 1992 Muitos utilizadores encontram o Windows mais simples de utilizar do que o Linux O Windows tem tido uma vantagem geral sobre o Linux devido ao seu grande sucesso comercial, abrangência para todos os mercados, e abordagens agressivas Historicamente, o Linux tem sido usado por utilizadores avançados, programadores e muitas vezes do meio académico O Linux tinha até há pouco tempo, um desenho gráfico pouco apelativo, ao contrário do Windows

6 Facilidade de utilização

7 Diferenças fundamentais entre o Linux e o Windows Uma diferença fundamental entre os dois sistemas é o facto de que o Linux é open source e o Windows não O Windows é vendido (sem suporte nem garantia) O Linux raramente é vendido (quando é, tem suporte) Ao contrário do Windows em que não é possível ver o seu código original ou alterar o seu comportamento, com o Linux pode examinar-se o código e modificá-lo a belo prazer De forma geral, um programa de um sistema não pode ser executado no outro Na prática não existem vírus para Linux Por vezes o Windows tem vontade própria, e realiza actualizações e acessos à Internet sem o nosso consentimento

8 Diferenças fundamentais entre o Linux e o Windows Existem versões de Linux adaptadas para serem executadas em todos os tipos de computadores, sejam novos, antigos ou exóticos Do ponto de vista de segurança, existem muitos argumentos para defender uma maior robustez do Linux O hardware é amplamente suportado para Windows, quando o mesmo já não acontece em Linux O Linux nunca precisa de ser reiniciado, nem quando instalamos hardware ou software O Windows é menos estável do ponto de vista de fiabilidade de execução de software

9 Arquitecturas possíveis Formas de conjugar diferentes tipos de hardware e software por forma a atingir um sistema fiável, adaptado e de baixo custo 9

10 Sistemas descentralizados Cada máquina tem capacidade de processamento local Tipicamente são parte de uma rede de computadores A gestão centralizada é dificil de realizar Não se consegue controlar facilmente os conteúdos dos computadores Podem existir servidores com recursos que são partilhados entre os computadores clientes

11 Sistemas centralizados Cada máquina (posto) não tem capacidade de processamento local (chama-se um terminal) Adequado apenas a algumas aplicações ou utilizadores com necessidades determinadas Manutenção nula dos terminais e única no servidor Custo nulo em licenças de software (quando implementado em Linux) Custo geral do equipamento é menor Requer uma rede estruturada com bom desempenho

12 Custos das alternativas Open Source com ambiente Thin client Linux Utilização de terminais de baixo custo, ou de PC's antigos Linux com Linux Terminal Server Project Pacote OpenOffice (Writer, Calc, Impress, Base) Outros pacotes de software, como browser Firefox, Webmail, aplicações audio gratuitas, etc. Não é necessário reinvestir nos terminais clientes A possibilidade de actualização de software gratuito é sempre possível sem custos de aquisição No 5º ano, reinveste-se apenas no servidor 5.000,00 PC + S.O. Windows + software Office + software acesso sistemas Unix + Suporte técnico 4.500, , , , , ,00 PC (thin client) + S.O. Linux + software Office + Suporte técnico 1.500, ,00 500,00 0,

13 Soluções open source administrativas OpenOffice Writer (processador de texto) Calc (folha de cálculo) Impress (sistema de apresentações) Base (bases de dados simples) Firefox (navegação na Internet) Sunbird (agendas pessoais) Thunderbird (gestão de correio electrónico) Centenas de outras aplicações para áudio, processamento de imagem, comunicação colaborativa, etc...

14 Alternativas Open Source para aplicações típicas Alternativas para: Sistema Operativo Windows Sistema Operativo Linux Pacote de Office OpenOffice Word Writer» Excel Calc» Power Point Impress» Access Base Internet Explorer Mozilla Firefox Compressor de ficheiros Zipcentral Adobe Acrobat Writer OpenOffice suporta a criação de ficheiros PDF Outlook Express Mozilla Thunderbird, Kontact, Evolution Terminal Unix WRQ Reflection xterm (Linux), Putty (windows)

15

16

17

18

19

20 Soluções open source para rádios

21 21

22 Estação digital de áudio (DAW) Projecto desenvolvido para a Rádio Urbana Com alunos da Escola Superior de Tecnologia de Castelo Branco Produzirá um ou vários sistemas DAW para utilização em produção Requisitos razoáveis de hardware Custos nulos em Software Será publicado na Internet um documento explicativo, por forma a permitir a replicação por um utilizador com alguma experiência 22

23 Wired O Wired é um software livre para produção profissional de música Fornece aos músicos um completo ambiente de estúdio para compor, gravar, editar e misturar música sem a necessidade de hardware dispendioso Número ilimitado de pistas áudio/midi de leitura e gravação, incluindo um sistema de adicionais para efeitos de instrumentos As aplicações principais para o Wired são a gravação, criação e mistura de sons para a criação de música 23

24 1) Livraria 2) Sequenciador 3) Painel rack virtual 4) Mesa de mistura 24

25 25

26 26

27 Ardour 27 Pode utilizar-se para gravar, editar e misturar pistas de áudio. Podem-se criar CDs, misturar bandas sonoras, ou simplesmente experimentar novos sons ou ideias musicais As capacidades do Ardour incluem: Gravação multi-canal Edição não destructiva com retrocesso ilimitado Suporte para automação total Poderosa consola de mistura Pistas/plugins/barramentos ilimitados Sincronização de tempo... Similar ao ProTools, Nuendo, Pyramix ou Sequoia

28 28

29 29

30 Audacity Software gratuito para gravação e edição de sons Grava audio ao vivo Converte Fitas e grava produz ficheiros ou CD's Edita Ogg Vorbis, MP3 e ficheiros WAV Corta e copia, divide e mistura sons Altera a velocidade de uma gravação

31 Jokosher

32 MusE

33 Sistema de automação de rádio O Rivendell é uma solução completa para automação de emissão de rádio Permite a aquisição, gestão, agendamento e leitura de conteúdos de áudio Tem todas as funcionalidades que se podem esperar de um sistema moderno para automação de rádios Inclui suporte para codificação PCM e MPEG Suporte total para voicetracking Personalização de logs (playlists) Suporte para uma ampla variedade de hardware e software 'third party'

34

35

36

37

38 Gravação contínua da emissão Permite a conformidade com a Lei vigente, que obriga à gravação contínua da emissão pelo período mínimo de 1 mês Permite ter um histórico da emissão de onde se podem retirar cópias de spots ou programas Sistema de gravação contínua baseado em Linux (liverecorder) 120 Gbytes em disco representam mais de 1 ano de gravação Podem-se gerar CD's de áudio ou mp3 Solução fiável e de baixo custo Servidor web onde se pode fazer download de programas

39 Questões Obrigado pela atenção dispensada

40 Ricardo Antunes Director técnico Magisom

41 Fundação: Dezembro de 1983 Área de operação: Produção e pós-produção de audio 14 postos de trabalho, 10 dos quais em Linux 6 Servidores disponibilizando mais de 15 serviços de rede implementados em Open Source 41

42 Recepção Terminal Linux Agendamento de estúdio Gestão de Backups Gestão da base de contactos 42

43 Produção Terminal Linux Manipulação de cerca de 150 diários 43

44 Administração 3 Terminais Linux Facturação (Gestix) 44

45 Oxigénio Estação de pós-produção Mac OsX com Hardware DigiDesign Protools Terminal Linux de apoio à Produção 45

46 Girassol Estação de pós-produção Mac OsX com Hardware DigiDesign Protools Terminal Linux de apoio à Produção 46

47 Kamikaze Estação de pós-produção Mac OsX com Hardware DigiDesign Protools Terminal Linux de apoio à Produção 47

48 Sala de Máquinas Betacam Digital Betacam SP U-Matic Canopus DVSTORM2 Ligação Mundial RDIS Terminal Linux 48

49 O que motivou a mudança para software open source? Estabilidade Imunidade a Vírus Interligação a várias plataformas Custo não mensurável na legalização do software Suporte na vasta comunidade Linux em todo o mundo 49

50 Serviços disponibilizados em Open Source DNS server (interno e público) DHCP server interno HTTP server (interno e público) MySQL FTP público SMTP, POP3 e Webmail NFS e Samba LTSP 50

51 Descrição do Equipamento Servidor de ficheiros com 3 Terabytes multiplataforma Servidor de s Servidor de bases de dados Servidor de terminais. Servidor público de DNS, Web e FTP Servidor interno de DNS e DHCP Infraestrutura de Rede e Switching Firewall Servidor de control e telemetria Servidor de Backups 51

52 Servidor de ficheiros Servidor NAS com serviços NFS e Samba com 3 Terabytes multiplataforma em RAID 52 Alojamento de orçamentos, sharing multiplataforma, efeitos sonoros, castings de vozes, etc. Hardware: P4 2.5GHz 1GB ram Software: OpenSuse 10.1 (OpenSource) NFS Server: Linux e Macintosh (OpenSource) Samba Server: Windows (Open Source)

53 Servidor de s Serviços de SMTP, POP3 e Webmail 53 Hardware: HP Netserver LC2000r (Dual PIII 800MHz 1GB ram) Software: Fedora Core2 (Open Source) Merak Mail Server (Necessita Licenciamento Pago)

54 Servidor de bases de dados Serviço MySQL Hardware: Compaq Proliant DL580 (duplo Xeon 700MHz 2GB Ram) Software: OpenSuse 10.1 (Open Source) MySql (Open Source) 54

55 MySQL Aplicações Gestão de Arquivos - Gesmag 55

56 MySQL Aplicações Agenda de Clientes 56

57 MySQL Aplicações Gestão de marcações de estúdio 57

58 Servidor de Terminais Serviço LTSP para 8 terminais Hardware Software 58 Compaq Proliant DL380 G2 (Dual PIII 1.4Ghz 2GB Ram) OpenSuse 10.1 (Open Source) LTSP (Open Source)

59 Terminais LTSP - Cliente 59

60 Terminais LTSP - Informática 60

61 Terminais LTSP - Recepção 61

62 Servidor Público de DNS, Web e FTP Serviços de DNS, HTTP e FTP Hardware HP Netserver LPR (PIII MB ram) Software OpenSuse 10.1 (OpenSource) Named (OpenSource) Apache (OpenSource) VSFTP (OpenSource) 62

63 Servidor Interno de DNS e DHCP Serviços de DNS e DHCP Hardware HP Netserver LPR (PIII 600MHz 512MB ram) Software OpenSuse 10.1 (OpenSource) Named (OpenSource) DHCP (OpenSource) 63

64 Infraestrutura de Rede e Switching 3 Switch Nortel Baystack T Partilha do mesmo barramento Alimentação redundante Convergência única de todas as ligações cat.5 64

65 Firewalling Serviço de firewall e routing Hardware > DL380 (PIII 500MHz 128MB ram) > 4 Placas de rede 3com (2 Wan, 1 Lan, 1 DMZ) Software > OpenBSD 6.0 (OpenSource) > PFSense Firewall (OpenSource) 65

66 Controle, Monição e Telemetria Equipamento que permite o controle à distância das funções vitais da sala dos servidores Emissão de avisos urgentes por SMS Falha de energia da rede Temperatura Elevada Alarme de incêndio Avaria na Refrigeração Final da autonomia das UPS Todo o software baseado em OpenSource 66

67 Servidor de Backups Equipamento exclusivamente dedicado a Backups Hardware > PIII 450 MHz 256MB ram > 1 Volume Lógico de 1 Terabyte (2x500GB) Software > OpenSuse 10.1 (OpenSource) > Dirvish (OpenSource) Backups diários a todos os dados vitais segundo o metodo diferencial. Contabilidade, Bases de Dados, Desktop Terminais, discos de partilha, s... 67

68 Fibra Óptica Aumento da fiabilidade (Imunidade a interferências) Aumento da banda passante (1GBit) Possibilidade de implementação do protocolo ISCSI 68

69 Questões Obrigado pela atenção dispensada

O Linux e software Open Source em ambiente Hospitalar O caso do HAL

O Linux e software Open Source em ambiente Hospitalar O caso do HAL O Linux e software Open Source em ambiente Hospitalar O caso do HAL Divisão de Informática - António Cardoso Martins (informatica@hal.min-saude.pt) 1 Agenda Apresentação do Hospital Amato Lusitano A Divisão

Leia mais

Terminais LTSP com opensuse Um caso prático

Terminais LTSP com opensuse Um caso prático Terminais LTSP com opensuse Um caso prático Bruno Santos (feiticeir0@feiticeir0.no-ip.org) Caldas da Rainha, 1 de Setembro 2007 António Martins (digiplan.pt@gmail.com) Terminais LTSP com opensuse Agenda

Leia mais

Projecto SDAC 2010. Sistema Operativo Open Source. Curso: Técnico de Gestão de Equipamentos Informáticos

Projecto SDAC 2010. Sistema Operativo Open Source. Curso: Técnico de Gestão de Equipamentos Informáticos Projecto SDAC 2010 Sistema Operativo Open Source Curso: Técnico de Gestão de Equipamentos Informáticos Disciplina: Sistemas Digitais e Arquitectura de Computadores Professores: Catarina Santos/Paulo Guimarães

Leia mais

Linux: o Pauleta dos Sistemas. Operativos. Anti Ciclone dos Açores. Paulo.Trezentos@caixamagica.org. S. Miguel - 30 de Novembro 2002

Linux: o Pauleta dos Sistemas. Operativos. Anti Ciclone dos Açores. Paulo.Trezentos@caixamagica.org. S. Miguel - 30 de Novembro 2002 Linux: o Pauleta dos Sistemas Operativos Paulo.Trezentos@caixamagica.org Anti Ciclone dos Açores S. Miguel - 30 de Novembro 2002 Agenda Apresentação Prognóstico: 4-0 Linux como estação de Trabalho Linux

Leia mais

SOI. Sistema OpenSource Integrado

SOI. Sistema OpenSource Integrado SOI Sistema OpenSource Integrado A substituição de programas informáticos proprietários por outros de código aberto nos computadores existentes, além de proporcionar poupanças elevadas, permite tirar partido

Leia mais

Linux como Estação de Trabalho I

Linux como Estação de Trabalho I ' ' ' ' JOIN2003 Jornadas de Informática da Univ. Minho Braga - 2. Junho. 2003 Agenda Linux Hoje Linux como estação de Trabalho Linux Empresarial Linux nas Escolas Linux na Administração Pública Estratégia

Leia mais

Linux no Hospital Amato Lusitano. Bruno Santos bsvantos @hal.min-saude.pt

Linux no Hospital Amato Lusitano. Bruno Santos bsvantos @hal.min-saude.pt Linux no Hospital Amato Lusitano Bruno Santos bsvantos @hal.min-saude.pt Programa Hospital Amato Lusitano Informatica Porque Linux Sincronismo Linux & Windows Partilha de pastas Rede e Internet (DNS, DHCP,

Leia mais

APOSTILA BÁSICA INFORMÁTICA: 1. PROCESSADOR DE TEXTOS 1.1 Conhecendo o aplicativo Word 2007 2.EDITOR DE PLANILHAS

APOSTILA BÁSICA INFORMÁTICA: 1. PROCESSADOR DE TEXTOS 1.1 Conhecendo o aplicativo Word 2007 2.EDITOR DE PLANILHAS APOSTILA BÁSICA INFORMÁTICA: 1. PROCESSADOR DE TEXTOS 1.1 Conhecendo o aplicativo Word 2007 2.EDITOR DE PLANILHAS 3.INTERNET 3.1. Internet: recursos e pesquisas 3.2. Conhecendo a Web 3.3. O que é um navegador?

Leia mais

O GABARITO É A PARTIR DA PÁGINA 4, POIS AS ANTERIORES FORAM CORRIGIDAS EM SALA.

O GABARITO É A PARTIR DA PÁGINA 4, POIS AS ANTERIORES FORAM CORRIGIDAS EM SALA. O GABARITO É A PARTIR DA PÁGINA 4, POIS AS ANTERIORES FORAM CORRIGIDAS EM SALA. 71 O computador em uso não possui firewall instalado, as atualizações do sistema operacional Windows não estão sendo baixadas

Leia mais

Tecnologia da Informação. Prof. Esp. Lucas Cruz

Tecnologia da Informação. Prof. Esp. Lucas Cruz Tecnologia da Informação Prof. Esp. Lucas Cruz Componentes da Infraestrutura de TI Software A utilização comercial da informática nas empresas iniciou-se por volta dos anos 1960. O software era um item

Leia mais

1. INTERNET OU NET. Hardware. Computador. Linha telefónica normal, linha RDIS, ligação por cabo ou ADSL. Modem

1. INTERNET OU NET. Hardware. Computador. Linha telefónica normal, linha RDIS, ligação por cabo ou ADSL. Modem 1. INTERNET OU NET O que é a Internet? A Internet, ou apenas Net, é uma rede mundial de computadores ligados entre si através de linhas telefónicas comuns, linhas de comunicação privadas, satélites e outros

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores São dois ou mais computadores ligados entre si através de um meio.a ligação pode ser feita recorrendo a tecnologias com fios ou sem fios. Os computadores devem ter um qualquer dispositivo

Leia mais

O B B J E E T T I V V O O S

O B B J E E T T I V V O O S OBJ E T I VOS Conhecer as características e possibilidades do SO Linux, como workstation simples ou elemento componente de uma rede; Analisar a viabilidade de implantação do sistema numa corporação. SU

Leia mais

Universidade Católica Portuguesa Pós-graduação em Sistemas de Informação para a Saúde. António Cardoso Martins

Universidade Católica Portuguesa Pós-graduação em Sistemas de Informação para a Saúde. António Cardoso Martins Universidade Católica Portuguesa Pós-graduação em Sistemas de Informação para a Saúde Sistema PACS e Tecnologias de informação em ambiente hospitalar António Cardoso Martins 1 O Hospital Amato Lusitano

Leia mais

Servidores Virtuais. Um servidor à medida da sua empresa, sem investimento nem custos de manutenção.

Servidores Virtuais. Um servidor à medida da sua empresa, sem investimento nem custos de manutenção. es Virtuais Um servidor à medida da sua empresa, sem investimento nem custos de manutenção. O que são os es Virtuais? Virtual é um produto destinado a empresas que necessitam de um servidor dedicado ligado

Leia mais

Portfólio de Serviços e Produtos Julho / 2012

Portfólio de Serviços e Produtos Julho / 2012 Portfólio de Serviços e Produtos Julho / 2012 Apresentação Portfólio de Serviços e Produtos da WebMaster Soluções. Com ele colocamos à sua disposição a Tecnologia que podemos implementar em sua empresa.

Leia mais

Confrontada com o gabarito oficial e comentada. 75. A denominada licença GPL (já traduzida pra o português: Licença Pública Geral)

Confrontada com o gabarito oficial e comentada. 75. A denominada licença GPL (já traduzida pra o português: Licença Pública Geral) Prova Preambular Delegado São Paulo 2011 Módulo VI - Informática Confrontada com o gabarito oficial e comentada 75. A denominada licença GPL (já traduzida pra o português: Licença Pública Geral) a) Garante

Leia mais

ISEP. Instituto Superior de Engenharia do Porto. Análise de Sistemas Informáticos

ISEP. Instituto Superior de Engenharia do Porto. Análise de Sistemas Informáticos ISEP Instituto Superior de Engenharia do Porto Análise de Sistemas Informáticos Armazenamento de Dados em Rede A Revolução do Armazenamento Partilhado A crise económica e a crescente necessidade de armazenamento

Leia mais

INFORMÁTICA PROF. RENATO DA COSTA

INFORMÁTICA PROF. RENATO DA COSTA CONTEÚDO PROGRAMÁTICO FCC 2012 NOÇÕES DE : 1 Conceitos de Internet e intranet. 2 Conceitos básicos e modos de utilização de tecnologias, ferramentas, aplicativos e procedimentos associados à Internet e

Leia mais

DELEGAÇÃO REGIONAL DO ALENTEJO CENTRO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE ÉVORA REFLEXÃO 3

DELEGAÇÃO REGIONAL DO ALENTEJO CENTRO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE ÉVORA REFLEXÃO 3 REFLEXÃO 3 Módulos 0771, 0773, 0774 e 0775 1/5 18-02-2013 Esta reflexão tem como objectivo partilhar e dar a conhecer o que aprendi nos módulos 0771 - Conexões de rede, 0773 - Rede local - instalação,

Leia mais

Sistemas Multimédia. Instituto Superior Miguel Torga. Francisco Maia famaia@gmail.com. Redes e Comunicações

Sistemas Multimédia. Instituto Superior Miguel Torga. Francisco Maia famaia@gmail.com. Redes e Comunicações Sistemas Multimédia Instituto Superior Miguel Torga Redes e Comunicações Francisco Maia famaia@gmail.com Estrutura das Aulas 5 Aulas Aula 10 (20 de Abril) Classificação Componentes Aula 11 (27 de Abril)

Leia mais

Introdução à Internet

Introdução à Internet Introdução à Internet Paulo Santos v. 2.0-2012 1 Índice 1 Introdução à Internet... 3 1.1 Conceitos base... 3 1.1.1 O que é a internet?... 3 1.1.2 O que é preciso para aceder à internet?... 3 1.1.3 Que

Leia mais

Prof. Ricardo Beck Noções de Informática Professor: Ricardo Beck

Prof. Ricardo Beck Noções de Informática Professor: Ricardo Beck Noções de Informática Professor: Ricardo Beck Prof. Ricardo Beck www.aprovaconcursos.com.br Página 1 de 5 Noções de Informática SISTEMA OPERACIONAL Software O hardware consiste nos equipamentos que compõe

Leia mais

DOMÍNIO PRODUTIVO DA INFORMÁTICA - CONCURSO BB 2015 -

DOMÍNIO PRODUTIVO DA INFORMÁTICA - CONCURSO BB 2015 - DOMÍNIO PRODUTIVO DA INFORMÁTICA - CONCURSO - Professor Esp. Wellington de Oliveira Graduação em Ciência da Computação Pós-Graduação em Docência do Ensino Superior Pós-Graduação MBA em Gerenciamento de

Leia mais

Especificações de oferta Monitorização da infra-estrutura remota

Especificações de oferta Monitorização da infra-estrutura remota Descrição dos serviços Especificações de oferta Monitorização da infra-estrutura remota Este serviço oferece serviços de Monitorização da infra-estrutura remota Dell (RIM, o Serviço ou Serviços ) conforme

Leia mais

Wall Street Institute resolve necessidades complexas de e-mail com solução Microsoft Exchange Online

Wall Street Institute resolve necessidades complexas de e-mail com solução Microsoft Exchange Online Wall Street Institute resolve necessidades complexas de e-mail com solução Microsoft Exchange Online Além da poupança na infra-estrutura física dos servidores e do preço das licenças, há reduções de custos

Leia mais

Tecnologia da Informação. Prof. Esp. Lucas Cruz

Tecnologia da Informação. Prof. Esp. Lucas Cruz Tecnologia da Informação Prof. Esp. Lucas Cruz Software A utilização comercial da informática nas empresas iniciou-se por volta dos anos 1960. O software era um item menos dispendioso que o hardware, e

Leia mais

Kernel Linux. Trabalho Realizador Por: Tiago Conceição Nº 11903. Representação artística do núcleo Linux

Kernel Linux. Trabalho Realizador Por: Tiago Conceição Nº 11903. Representação artística do núcleo Linux Kernel Linux Representação artística do núcleo Linux Trabalho Realizador Por: Tiago Conceição Nº 11903 Índice Introdução...2 O que é o Kernel...3 Como surgiu...4 Para que serve...5 Versões...6 Versões

Leia mais

2012 Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor.

2012 Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. 2012 Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. A respeito dos ambientes Microsoft Office e BrOffice, julgue os itens seguintes. 1.( ) Arquivos criados e normalmente salvos

Leia mais

8. No exccel, a fómula = SOMA (D2:D7) resultará na soma do contudo existe na célula D2 com conteúdo da célula D7.

8. No exccel, a fómula = SOMA (D2:D7) resultará na soma do contudo existe na célula D2 com conteúdo da célula D7. A respeito dos ambientes Microsoft Office e BrOffice, julgue os itens seguintes. 1. Arquivos criados e normalmente salvos no Word 2010 são compatíveis com a versão 2007, porém, em versões anteriores, esses

Leia mais

Sistema operacional Windows 7, Windows Live Mail e Adobe Reader. Sistemas operacionais em concursos públicos

Sistema operacional Windows 7, Windows Live Mail e Adobe Reader. Sistemas operacionais em concursos públicos Sistema operacional Windows 7, Windows Live Mail e Adobe Reader Sistemas operacionais em concursos públicos Antes de tudo é importante relembrarmos que o sistema operacional é um tipo de software com a

Leia mais

FACILIDADES DE COLABORAÇÃO

FACILIDADES DE COLABORAÇÃO MICROSOFT OFFICE 365 FACILIDADES DE COLABORAÇÃO Março 2012 A CLOUD365 estabeleceu acordos estratégicos com os principais fornecedores de TIC (Tecnologias de Informação e Comunicação), entre os quais destacamos

Leia mais

ADMINISTRAÇÃODEREDES BASEADASEM LINUX. SalvadorAlvesdeMeloJúnioreIsmaelSouzaAraújo

ADMINISTRAÇÃODEREDES BASEADASEM LINUX. SalvadorAlvesdeMeloJúnioreIsmaelSouzaAraújo ADMINISTRAÇÃODEREDES BASEADASEM LINUX SalvadorAlvesdeMeloJúnioreIsmaelSouzaAraújo INFORMAÇÃOECOMUNICAÇÃO Autor Salvador Alves de Melo Júnior e Ismael Souza Araújo Salvador Alves de Melo Júnior: Mestre

Leia mais

Especificação do Sistema Operativo CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server

Especificação do Sistema Operativo CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server Especificação do Sistema Operativo CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server Versão: 1.06 Data: 2010-11-15 SO CAMES 1 ÍNDICE A Apresentação do CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server - Sistema Operativo de

Leia mais

SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS - INFORMÁTICA - BOA VISTA-RR

SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS - INFORMÁTICA - BOA VISTA-RR 1. O Aplicativo Java(TM) Plataform 8.65 pode ser definido como: A. Comando B. Anti-Vírus C. Plugin D. Browser E. Controlador 2. Um técnico de suporte de TI recebe o chamado de um usuário que afirma que

Leia mais

Especificação da Appliance + SO CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server

Especificação da Appliance + SO CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server Especificação da Appliance + SO CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server Versão: 1.05 Data: 2010-12-15 Appliance CAMES.GT 1 ÍNDICE A Apresentação da Appliance CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server B Características

Leia mais

E-MAIL E GROUPWARE Zimbra: Solução completa e integrada de Email

E-MAIL E GROUPWARE Zimbra: Solução completa e integrada de Email Zimbra: Solução completa e integrada de Email Gil Vieira Vasco Silva Setembro/2013 ENQUADRAMENTO Plano Global Estratégico de racionalização e redução de custos nas TICs, na Administração Pública (PGETIC)

Leia mais

Privacidade no email. Fevereiro de 2009 Luís Morais 2009, CERT.PT, FCCN

Privacidade no email. Fevereiro de 2009 Luís Morais 2009, CERT.PT, FCCN Privacidade no email Fevereiro de 2009 Luís Morais 2009, CERT.PT, FCCN 1 Introdução... 3 2 Funcionamento e fragilidades do correio electrónico... 3 3 Privacidade no correio electrónico... 5 3.1 Segurança

Leia mais

Requisitos de Sistema Impressão Comercial e Editorial

Requisitos de Sistema Impressão Comercial e Editorial OneVision Software AG Sumário Asura 9.6, Asura Pro 9.6, Garda 5.6...2 PlugBALANCEin 6.6, PlugCROPin 6.6, PlugFITin 6.6, PlugRECOMPOSEin 6.6, PlugSPOTin 6.6,...2 PlugTEXTin 6.6, PlugINKSAVEin 6.6, PlugWEBin

Leia mais

ATA - Exercícios Informática Carlos Viana. 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor.

ATA - Exercícios Informática Carlos Viana. 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ATA - Exercícios Informática Carlos Viana 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ATA EXERCÍCIOS CARLOS VIANA 01 -Existem vários tipos de vírus de computadores, dentre

Leia mais

Tema da Semana Office 2010

Tema da Semana Office 2010 Tema da Semana Office 2010 Para quando o Office 2010? Segundo o Neowin, a Microsoft vai lançar a versão definitiva do Office 2010 em Junho do presente ano. Inicialmente o pacote Office vai suportar o sistema

Leia mais

Curso Técnico de Nível Médio

Curso Técnico de Nível Médio Curso Técnico de Nível Médio Disciplina: Informática Básica 3. Software Prof. Ronaldo Software Formado por um conjunto de instruções (algoritmos) e suas representações para o

Leia mais

Sistemas de Informação

Sistemas de Informação Sistemas de Informação Prof. M.Sc. Diego Fernandes Emiliano Silva diego.femiliano@gmail.com Agenda Infraestrutura de TI Infraestrutura de TI: hardware Infraestrutura de TI: software Administração dos recursos

Leia mais

Informática Instrumental

Informática Instrumental 1º PERÍODO.: GRADUAÇÃO EM REDES DE COMPUTADORES :. Madson Santos madsonsantos@gmail.com 2 Unidade I Unidade I Software 3 Software o é uma sentença escrita em uma linguagem de computador, para a qual existe

Leia mais

Sistemas Multimédia. Arquitectura Protocolar Simples Modelo OSI TCP/IP. Francisco Maia famaia@gmail.com. Redes e Comunicações

Sistemas Multimédia. Arquitectura Protocolar Simples Modelo OSI TCP/IP. Francisco Maia famaia@gmail.com. Redes e Comunicações Sistemas Multimédia Arquitectura Protocolar Simples Modelo OSI TCP/IP Redes e Comunicações Francisco Maia famaia@gmail.com Já estudado... Motivação Breve História Conceitos Básicos Tipos de Redes Componentes

Leia mais

Sistemas Operacionais

Sistemas Operacionais Sistemas Operacionais Tipos de Sistemas Operacionais Com o avanço dos computadores foram surgindo alguns tipos de sistemas operacionais que contribuíram para o desenvolvimento do software. Os tipos de

Leia mais

Questões de Concursos Tudo para você conquistar o seu cargo público

Questões de Concursos Tudo para você conquistar o seu cargo público Informática- Leandro Rangel, Analista Financeiro Contábil da AGU e professor do QConcursos.com 1- Q236949 CESGRANRIO - 2012 - Caixa - Técnico Bancário Em ambiente gráfico KDE, as diversas distribuições

Leia mais

Administração de Sistemas 2008/2009 (Trabalho de Administração de Sistemas) Docente: Armando Ventura

Administração de Sistemas 2008/2009 (Trabalho de Administração de Sistemas) Docente: Armando Ventura Administração de Sistemas 2008/2009 (Trabalho de Administração de Sistemas) Docente: Armando Ventura Introdução Pretende-se com este trabalho que os alunos criem alguma autonomia na implementação de alguns

Leia mais

Internet ou Net. É uma rede mundial de computadores ligados entre si através s de linhas telefónicas comuns.

Internet ou Net. É uma rede mundial de computadores ligados entre si através s de linhas telefónicas comuns. Internet Internet ou Net É uma rede mundial de computadores ligados entre si através s de linhas telefónicas comuns. Como Comunicam os computadores Os computadores comunicam entre si utilizando uma linguagem

Leia mais

Que software livre para a Administração Pública?

Que software livre para a Administração Pública? Que software livre para a Administração Pública? Lisboa, 07/11/2007 Vantagens práticas na utilização do software livre -Podem ser lançados projectos piloto com custos reduzidos e que permitem avaliar a

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BUENO BRANDÃO ESTÂNCIA CLIMÁTICA E HIDROMINERAL CNPJ: 18.940.098/0001-22

PREFEITURA MUNICIPAL DE BUENO BRANDÃO ESTÂNCIA CLIMÁTICA E HIDROMINERAL CNPJ: 18.940.098/0001-22 1. Qual programa não faz parte do pacote BrOffice.org? a) Groove b) Writer c) Draw d) Math e) Calc 2. Considerando a figura abaixo que apresenta uma parte da Barra de ferramentas de formatação do LibreOffice

Leia mais

SiDEI. Sistema de Avaliação Automática de Alunos. Gestão e Desenvolvimento de Aplicações Informáticas

SiDEI. Sistema de Avaliação Automática de Alunos. Gestão e Desenvolvimento de Aplicações Informáticas SiDEI Sistema de Avaliação Automática de Alunos Gestão e Desenvolvimento de Aplicações Informáticas Disciplina de Engenharia de Software Instituto Superior de Engenharia do Porto Alunos: André Serafim

Leia mais

Funcionalidades da ferramenta zabbix

Funcionalidades da ferramenta zabbix Funcionalidades da ferramenta zabbix Jordan S. Romano¹, Eduardo M. Monks¹ ¹Curso Superior de Tecnologia em Redes de Computadores FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC PELOTAS (FATEC PELOTAS) Rua Gonçalves Chaves,

Leia mais

No mercado atual, podemos encontrar vários tipos de sistemas operacionais que fazem parte das seguintes classes:

No mercado atual, podemos encontrar vários tipos de sistemas operacionais que fazem parte das seguintes classes: Módulo 4 Sistema Operacional Sistemas Operacionais Neste módulo falaremos sobre alguns sistemas operacionais existentes no mercado, suas características, e conheceremos o básico das redes de computadores.

Leia mais

CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA

CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA Introdução a microinformática William S. Rodrigues HARDWARE BÁSICO O hardware é a parte física do computador. Em complemento ao hardware, o software é a parte lógica, ou seja,

Leia mais

Software de gestão em tecnologia Web

Software de gestão em tecnologia Web Software de gestão em tecnologia Web As Aplicações de Gestão desenvolvidas em Tecnologia Web pela Mr.Net garantem elevados níveis de desempenho, disponibilidade, segurança e redução de custos. A Mr.Net

Leia mais

Gestão Documental com Alfresco

Gestão Documental com Alfresco Gestão Documental com Alfresco Gestão Documental com Alfresco Setembro 2011 1 Situação actual Principais fontes de informação nas Organizações: Estruturadas: Bases de dados Não estruturadas: Arquivos de

Leia mais

Requisitos de Sistema Impressão Comerciale Editorial

Requisitos de Sistema Impressão Comerciale Editorial Impressão Comerciale Editorial OneVision Software AG Sumário Asura 10.2, Asura Pro 10.2, Garda 10.2...2 PlugBALANCEin 10.2, PlugCROPin 10.2, PlugFITin 10.2, PlugRECOMPOSEin 10.2, PlugSPOTin10.2,...2 PlugTEXTin

Leia mais

Laboratório de Sistemas e Redes. Nota sobre a Utilização do Laboratório

Laboratório de Sistemas e Redes. Nota sobre a Utilização do Laboratório Nota sobre a Utilização do Laboratório 1. Introdução O laboratório de Sistemas e Redes foi criado com o objectivo de fornecer um complemento prático de qualidade ao ensino das cadeiras do ramo Sistemas

Leia mais

GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA

GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA GERENCIAMENTO DE PROJETOS PRONIM, IMPLANTAÇÃO SQL SERVER GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA Cliente GOVBR, UEM-MARINGA / Prefeitura Municipal de PEROLA Data 10/09/2015 Versão 1.0 Objeto:

Leia mais

Escola Básica 2, 3 de Lamaçães Planificação Anual 2007/08 Tecnologias de Informação e Comunicação

Escola Básica 2, 3 de Lamaçães Planificação Anual 2007/08 Tecnologias de Informação e Comunicação Escola Básica 2, 3 de Lamaçães Planificação Anual 2007/08 Tecnologias de Informação e Comunicação Unidade de Ensino/Aprendizagem Tecnologias da Informação e Comunicação Conceitos Introdutórios Conceitos

Leia mais

Guia rápido de utilização da Caixa Mágica

Guia rápido de utilização da Caixa Mágica Guia rápido de utilização da Caixa Mágica Este Guia especialmente dirigido a iniciados em Linux pretende ajudá-lo no arranque da utilização do mesmo. Se deparar com problemas ao executar os passos aqui

Leia mais

PowerNETGuard. NetMan 101/102 Plus. Software de supervisão. Network agent. Controle centralizado de dispositivos remotos de No Break

PowerNETGuard. NetMan 101/102 Plus. Software de supervisão. Network agent. Controle centralizado de dispositivos remotos de No Break RIELLO ELETTRONICA Conectividade All the trademarks indicated are the property of their respective owners. Conectividade PowerShield3 Software de comunicação 6 MONITORAMENTO GRÁFICO DO NO BREAK E STATUS

Leia mais

Portabilidade da Linha RM Versão 11.20.0

Portabilidade da Linha RM Versão 11.20.0 Portabilidade da Linha RM Versão 11.20.0 Conteúdo Portabilidade para Servidor de Banco de Dados... 3 Níveis de Compatibilidade entre Bancos de Dados... 5 Portabilidade para Servidor de Aplicação... 6 Portabilidade

Leia mais

Trabalho de natureza profissional no âmbito da área de Informática:

Trabalho de natureza profissional no âmbito da área de Informática: Trabalho de natureza profissional no âmbito da área de Informática: António Paulo Santos Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Felgueiras Abril de 2011 apsantos@linuxdigital.org (1/13) INDICE 1. Introdução.

Leia mais

INFORMÁTICA PARA CONCURSOS

INFORMÁTICA PARA CONCURSOS INFORMÁTICA PARA CONCURSOS Prof. BRUNO GUILHEN Vídeo Aula VESTCON MÓDULO I - INTERNET Aula 01 O processo de Navegação na Internet. A CONEXÃO USUÁRIO PROVEDOR EMPRESA DE TELECOM On-Line A conexão pode ser

Leia mais

Requisitos de Sistema Impressão Comercial e Editorial

Requisitos de Sistema Impressão Comercial e Editorial OneVision Software AG Sumário Asura 9.5, Asura Pro 9.5,Garda 5.0...2 PlugBALANCEin 6.5, PlugCROPin 6.5, PlugFITin 6.5, PlugRECOMPOSEin 6.5, PlugSPOTin 6.5,...2 PlugTEXTin 6.5, PlugINKSAVEin 6.5, PlugWEBin

Leia mais

O QUE É O ZIMBRA? CONFIGURAÇÃO, IMPLANTAÇÃO E SUPORTE

O QUE É O ZIMBRA? CONFIGURAÇÃO, IMPLANTAÇÃO E SUPORTE O QUE É O ZIMBRA? Zimbra é uma solução corporativa de e-mail, calendário e colaboração criado para a nuvem. Com uma interface web totalmente redesenhada, o Zimbra oferece, atualmente, a experiência com

Leia mais

Software Livre na Educação Artística

Software Livre na Educação Artística Software Livre na Educação Artística Alexandre Martins e Fernando Leal Escola Secundária Artística Soares dos Reis Introdução O fenómeno do software livre está cada vez mais difundido, sendo o sector da

Leia mais

Resoluções de questões- Tropa de Elite Informática Questões RAFAEL ARAÚJO

Resoluções de questões- Tropa de Elite Informática Questões RAFAEL ARAÚJO Resoluções de questões- Tropa de Elite Informática Questões RAFAEL ARAÚJO 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. A respeito dos ambientes Microsoft Office e BrOffice,

Leia mais

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial 2 1. O Sistema PrinterTux O Printertux é um sistema para gerenciamento e controle de impressões. O Produto consiste em uma interface web onde o administrador efetua o cadastro

Leia mais

TECNOLOGIA WEB INTERNET PROTOCOLOS

TECNOLOGIA WEB INTERNET PROTOCOLOS INTERNET PROTOCOLOS 1 INTERNET Rede mundial de computadores. Também conhecida por Nuvem ou Teia. Uma rede que permite a comunicação de redes distintas entre os computadores conectados. Rede WAN Sistema

Leia mais

Prof. André Di Thommazo

Prof. André Di Thommazo Unidade 3 Comunicação e Organização Pessoal Tipos de Arquivo Prof. André Di Thommazo Pacote de software para escritório Pacote de software para escritório é um conjunto de software destinados a atividades

Leia mais

Informatica Báica: Aplicativos de escritório

Informatica Báica: Aplicativos de escritório Informatica Báica: Aplicativos de escritório Instrutores Isail Danilo Arisneuza Aula 4 Aplicativos de escritórios O que são aplicativos de escritório? São todos os aplicativos voltados para os trabalhos

Leia mais

Informática Software. Prof. Marcos André Pisching, M.Sc.

Informática Software. Prof. Marcos André Pisching, M.Sc. Informática Software Prof. Marcos André Pisching, M.Sc. Objetivos Definir e classificar os principais tipos de softwares Básico Aplicativos Software Categorias Principais de Software Básico Chamado de

Leia mais

Universidade de Brasília

Universidade de Brasília Universidade de Brasília Introdução a Microinformática Turma H Redes e Internet Giordane Lima Porque ligar computadores em Rede? Compartilhamento de arquivos; Compartilhamento de periféricos; Mensagens

Leia mais

acesse: vouclicar.com

acesse: vouclicar.com Transforme como sua empresa faz negócios, com o Office 365. Vouclicar.com A TI chegou para as pequenas e médias empresas A tecnologia é hoje o diferencial competitivo que torna a gestão mais eficiente,

Leia mais

São programas de computador utilizados para realizar diversas tarefas É a parte lógica do computador, o que faz o computador realmente funcionar.

São programas de computador utilizados para realizar diversas tarefas É a parte lógica do computador, o que faz o computador realmente funcionar. São programas de computador utilizados para realizar diversas tarefas É a parte lógica do computador, o que faz o computador realmente funcionar. Quais são eles? Vários outros programas 1 Sistema Básico

Leia mais

Librix...3. Software Livre...3. Manual Eletrônico...3. Opções de Suporte...3. Configuração de Dispositivos Básicos...4

Librix...3. Software Livre...3. Manual Eletrônico...3. Opções de Suporte...3. Configuração de Dispositivos Básicos...4 Índice Introdução Librix...3 Software Livre...3 Manual Eletrônico...3 Opções de Suporte...3 Dicas para a Instalação Configuração de Dispositivos Básicos...4 Teclado...4 Mouse...5 Vídeo...5 Rede...6 Configuração

Leia mais

Parceiro Oficial de Soluções Zimbra no Brasil

Parceiro Oficial de Soluções Zimbra no Brasil Apresentação A Vantage TI conta uma estrutura completa para atender empresas de todos os segmentos e portes, nacionais e internacionais. Nossos profissionais dedicam-se ao desenvolvimento e criação de

Leia mais

Requisitos de Sistema Impressão Comerciale Editorial

Requisitos de Sistema Impressão Comerciale Editorial Impressão Comerciale Editorial OneVision Software AG Sumário Asura 10.0, Asura Pro 10.0, Garda 10.0...2 PlugBALANCEin 10.0, PlugCROPin 10.0, PlugFITin 10.0, PlugRECOMPOSEin 10.0, PlugSPOTin10.0,...2 PlugTEXTin

Leia mais

Informática Básica: aplicativos de escritório Aula 2 Instrutores: Arisneuza Gonçalves Isail Araújo Danilo Azevedo

Informática Básica: aplicativos de escritório Aula 2 Instrutores: Arisneuza Gonçalves Isail Araújo Danilo Azevedo Informática Básica: aplicativos de escritório Aula 2 Instrutores: Arisneuza Gonçalves Isail Araújo Danilo Azevedo História do Linux 1987 S.O Minix Andrew S. Tanembaum 1960 Multics Unics - Unix S.O Ken

Leia mais

UM NOVO CONCEITO EM HOSPEDAGEM DE DOMÍNIO

UM NOVO CONCEITO EM HOSPEDAGEM DE DOMÍNIO www.origy.com.br UM NOVO CONCEITO EM HOSPEDAGEM DE DOMÍNIO CARACTERÍSTICAS: E-MAIL IMAP * Acesso simultâneo e centralizado, via aplicativo, webmail e celular/smartphone * Alta capacidade de armazenamento

Leia mais

A Nova Comunidade EU.IPP Google Apps for Education IGoogle, Google Mail, Talk, Calendar, Docs e Sites

A Nova Comunidade EU.IPP Google Apps for Education IGoogle, Google Mail, Talk, Calendar, Docs e Sites Ciclo de Workshops Departamento de Informática A Nova Comunidade EU.IPP Google Apps for Education IGoogle, Google Mail, Talk, Calendar, Docs e Sites 16 de Dezembro - ESEIG Ricardo Queirós (ESEIG) e Paulo

Leia mais

Proposta do projeto de extensão: Inclusão digital dos softwares livres na comunidade escolar da rede pública em Aracaju SE

Proposta do projeto de extensão: Inclusão digital dos softwares livres na comunidade escolar da rede pública em Aracaju SE Proposta do projeto de extensão: Inclusão digital dos softwares livres na comunidade escolar da rede pública em Aracaju SE Resumo O projeto tem como objetivo principal promover a inclusão digital dos softwares

Leia mais

Trabalhando com arquivos de som. Prof. César Bastos Fevereiro 2008

Trabalhando com arquivos de som. Prof. César Bastos Fevereiro 2008 Trabalhando com arquivos de som Prof. César Bastos Fevereiro 2008 Usando a mídia de som Vamos considerar os programas gratuitos como base de nossas ferramentas nesse curso, assim todos poderão usufruir

Leia mais

Os documentos à distância de um clique!

Os documentos à distância de um clique! Os documentos à distância de um clique! iportaldoc Os Documentos à distância de um clique! O iportaldoc é um Serviço de Gestão Documental e Workflow para empresas e instituições que sintam a necessidade

Leia mais

Questões de Informática Banca CESPE - Ano: 2010 Caderno 2 Fontes: Provas da Banca CESPE

Questões de Informática Banca CESPE - Ano: 2010 Caderno 2 Fontes: Provas da Banca CESPE 1. ( ) Um computador pode ser protegido contra vírus por meio da instalação de software específicos como, por exemplo, Norton Anti-virus, McAfee Security Center e AVG, que identificam e eliminam os vírus.

Leia mais

Uma ferramenta de apoio à reflexão continuada

Uma ferramenta de apoio à reflexão continuada portefólio Uma ferramenta de apoio à reflexão continuada Destinado a professores Aqui encontrará um conjunto de sugestões de trabalho para a utilização da metodologia dos portefólios no apoio ao desenvolvimento

Leia mais

Líder em Soluções Samba 4 no Brasil

Líder em Soluções Samba 4 no Brasil Apresentação Líder em Soluções Samba 4 no Brasil A Vantage TI conta uma estrutura completa para atender empresas de todos os segmentos e portes, nacionais e internacionais. Nossos profissionais dedicam-se

Leia mais

Revisão para a prova B2. Conteúdo das Aulas: 10, 11 e 14

Revisão para a prova B2. Conteúdo das Aulas: 10, 11 e 14 Revisão para a prova B2 Conteúdo das Aulas: 10, 11 e 14 Disciplina: Serviços de Redes Microsoft Professor: Fernando Santorsula fernando.santorsula@esamc.br Disciplina: Serviços de Redes Microsoft Professor:

Leia mais

DESKTOP LINUX NUMA UNIDADE DE SAÚDE FAMILIAR

DESKTOP LINUX NUMA UNIDADE DE SAÚDE FAMILIAR DESKTOP LINUX NUMA UNIDADE DE SAÚDE DESKTOP LINUX NUMA UNIDADE DE SAÚDE DR. PONCIANO OLIVEIRA AGENDA Administração Regional de Saúde do Norte Breve caraterização Principais atribuições As Infraestruturas

Leia mais

SPMS Mail, File Server e Domain Controllers

SPMS Mail, File Server e Domain Controllers SPMS Mail, File Server e Domain Controllers Motivação Redução de Licenciamento. Dar cumprimento a nova legislação que dá prioridade à adocão de software de código aberto. Acumular conhecimento para replicar

Leia mais

Prova do INSS 2012 Cargo Técnico FCC

Prova do INSS 2012 Cargo Técnico FCC Prova do INSS 2012 Cargo Técnico FCC Prof(a) Ana Lucia de Informática 18. Pedro trabalha em uma pequena imobiliária cujo escritório possui cinco computadores ligados em uma rede com topologia estrela.

Leia mais

Caso de Sucesso CM RESENDE

Caso de Sucesso CM RESENDE Caso de Sucesso CM RESENDE AGENDA A CM de Resende Open Source na CM de Resende Serviço de Correio Eletrónico Ficheiros e controladores de domínio Serviços de Suporte (LDAP, DNS e DHCP) Conclusões A CM

Leia mais

Linux vs. Windows: factos de fato ADETTI / Caixa Mágica. 2ª Semana da Engenharia 7 de Junhode 2004 ESTIG/IPBeja - Beja

Linux vs. Windows: factos de fato ADETTI / Caixa Mágica. 2ª Semana da Engenharia 7 de Junhode 2004 ESTIG/IPBeja - Beja Linux vs. Windows: factos de fato ADETTI / Caixa Mágica 2ª Semana da Engenharia 7 de Junhode 2004 ESTIG/IPBeja - Beja Agenda Situação Actual da Utilização Linux Desenvolvimento Regional Estratégia Linux

Leia mais

SCO UNIX. conhecida por vender três variantes de Unix para os processadores Intel x86: Xenix, SCO UNIX, e o UnixWare.

SCO UNIX. conhecida por vender três variantes de Unix para os processadores Intel x86: Xenix, SCO UNIX, e o UnixWare. SCO UNIX Corporação Tarantella foi empresa norte americana sede da Santa Cruz, Califórnia que desenvolveu e vendeu o Secure Global Desktop conjunto de aplicações de "terminal services". conhecida por vender

Leia mais

Software Livre Vs. Software Proprietário Paulo Trezentos ADETTI / Caixa Mágica

Software Livre Vs. Software Proprietário Paulo Trezentos ADETTI / Caixa Mágica Software Livre Vs. Software Proprietário Paulo Trezentos ADETTI / Caixa Mágica Faculdade de Ciências e Tecnologias Univ. Nova de Lisboa 12 de Maio de 2004 Aspectos Sócio-Profissionais da Informática Agenda

Leia mais

2009/2010. Guia de Apoio para a utilização do portátil Magalhães

2009/2010. Guia de Apoio para a utilização do portátil Magalhães 2009/2010 Guia de Apoio para a utilização do portátil Magalhães Apresentação O portátil Magalhães constitui um novo desafio para Alunos, Pais, Professores e Educadores que vêem agora a oportunidade de

Leia mais

ATA - Exercícios Informática Carlos Viana. 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor.

ATA - Exercícios Informática Carlos Viana. 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ATA - Exercícios Informática Carlos Viana 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ATA EXERCÍCIOS CARLOS VIANA 22 - ( ESAF - 2004 - MPU - Técnico Administrativo ) O

Leia mais