Caso de Sucesso. Solução de Correio Eletrónico CCDR LVT

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Caso de Sucesso. Solução de Correio Eletrónico CCDR LVT"

Transcrição

1 Caso de Sucesso Solução de Correio Eletrónico CCDR LVT

2 AGENDA O Serviço de Correio Eletrónico na CCDR-LVT Mail Relay e Filtragem/Ligação à Internet O Serviço de Mail na LAN Administração da solução pela CCDR-LVT Conclusões

3 O SERVIÇO DE CORREIO ELETRÓNICO NA CCDR-LVT A Organização 1. Duas principais localizações Presidência CCDR-LVT, Fundos Comunitários e Desenvolvimento Regional Rua Artilharia Um, 33 Administração Local, Ambiente, Fiscalização e Ordenamento do Território Rua Braamcamp, nº 7

4 O SERVIÇO DE CORREIO ELETRÓNICO NA CCDR-LVT A Organização 2. Números de utilizadores 70 utilizadores - Artilharia Um 75 utilizadores Braamcamp 20 caixas de correio institucionais (2 edifíios) 26 utilizadores 2 delegações (Caldas da Rainha e Santarém

5 O SERVIÇO DE CORREIO ELETRÓNICO NA CCDR-LVT Arquitetura geral, projectada para 2 edifícios Servidores de comunicações para ligar a CCDR à Internet Servidores de intranet para serviços de correio electrónico distribuído Servidores AD

6 O SERVIÇO DE CORREIO ELETRÓNICO NA CCDR-LVT IPBRICK.C Ligação à Internet via 2 servidores (IPBrick.C) desempenham funções: - mail relay - filtragem (antivirus e antispam) - webmail para utilizadores externos - proxy - firewall - DNS (público ou externo)

7 O SERVIÇO DE CORREIO ELETRÓNICO NA CCDR-LVT IPBRICK.I 2 servidores para implementar o serviços de mail na LAN Cada IPBrick.I desempenha funções - Servidor de interno (com IMAP e SMTP para os postos) - Contas dos utilizadores de cada edifício - Ferramentas Colaborativas - Servidor OpenLDAP integrado com servidor de domínio existente

8 O SERVIÇO DE CORREIO ELETRÓNICO NA CCDR-LVT Postos de Trabalho O correio eletrónico nos postos de trabalho: - Manutenção do Outlook - Possibilidade de usar outros clientes de (p.e. Mozilla Thunderbird) - O envio e receção de nos postos não dependem da ligação entre edificios - Web Groupware (webmail, webcalendar e webcontacts)

9 AGENDA O Serviço de Correio Eletrónico na CCDR-LVT Mail Relay e Filtragem/Ligação à Internet O Serviço de Mail na LAN Administração da solução pela CCDR-LVT Conclusões

10 MAIL RELAY E FILTRAGEM / LIGAÇÃO À INTERNET

11 MAIL RELAY E FILTRAGEM / LIGAÇÃO À INTERNET IPBRICK.C Funções de Filtragem nos servidores de segurança perimetral - Antivirus vírus (ClamAV, Commtouch) - Anti-spam (SpamAssasin, Commtouch) - Endereços de inválidos (ex-colaboradores) Optimizar as linhas de comunicação.

12 MAIL RELAY E FILTRAGEM / LIGAÇÃO À INTERNET IPBRICK.C As configurações do DNS público e privado são diferentes DNS Público (externo) reflete o facto de existirem dois servidores - MX1 aponta para a IPBRICK.C da Brancamp - MX2 aponta para a IPBRICK.C da Artilharia I Usando linhas de Internet distintas, garantimos também alta disponibilidade no serviço.

13 MAIL RELAY E FILTRAGEM / LIGAÇÃO À INTERNET IPBRICK.C Só no serviço de mail: - STMP (Qmail) - Filtros no Qmail: Clamav, Spamassasin, Commtouch - Webmail (Horde Groupware) - Servidor Web (Apache) - DNS (Bind)

14 AGENDA O Serviço de Correio Eletrónico na CCDR-LVT Mail Relay e Filtragem/Ligação à Internet O Serviço de Mail na LAN Administração da solução pela CCDR-LVT Conclusões

15 Serviço de na LAN

16 O SERVIÇO DE MAIL NA LAN DA CCDR- LVT Acesso ao correio em modo leitura sempre configurado com IMAP: - Outlook ou Thunderbird - Smartphone e tablets - Webmail As mesmas mensagens estão todas armazenadas nos servidores - os utilizadores lhes acedem a partir de qualquer lugar

17 O SERVIÇO DE MAIL NA LAN DA CCDR- LVT Integração da IPBRICK.I com o AD - LDAP da IPBRICK.I aponta para o LDAP do AD - Reutilizar e integrar com o existente - Manter os mesmos usernames e passwords dos sistemas proprietários nas soluções Open Source - Proxy também recorre ao AD para validar acesso à Internet

18 O SERVIÇO DE MAIL NA LAN DA CCDR- LVT IPBRICK.I Só no serviço de mail: - SMTP (Qmail) - IMAP (Courrier-imap) - POP3 (Courrier-pop) - Webmail (Horde Groupware) - Servidor Web (Apache) - LDAP (OpenLDAP) - Livro de endereços (IPContactos)

19 AGENDA O Serviço de Correio Eletrónico na CCDR-LVT Mail Relay e Filtragem/Ligação à Internet O Serviço de Mail na LAN Administração da solução pela CCDR-LVT Conclusões

20 ADMINISTRAÇÃO DA SOLUÇÃO PELA CCDR-LVT O crítico nas soluções Open Source é a administração! - Evolução das configurações, após o setup unicial - Migração entre versões do sistema operativo - Disaster recovery de um servidor em caso de avaria Na CCDR-LVT estas tarefas são 100% realizadas pelo departamento de informática - Postos de trabalho sem alterações - Interface WEB de gestão e colocação de updates

21 ADMINISTRAÇÃO DA SOLUÇÃO PELA CCDR-LVT Nova Arquitectura

22 CONCLUSÕES A CCDR-LVT usa uma solução de correio eletrónico Open Source desde 2004 Solução Open Source distribuída e escalável Integrada na sua rede interna, sendo os utilizadores solução de correio eletrónico Open Source os mesmos do mundo proprietário A Open Source é 100% gerida pelo staff da CCDR- LVT

23 CASO DE SUCESSO - CCDR LVT Eleja também uma solução Open Source nacional!

24 Soluão de Correio Electrónico CCDR LVT Susana Pinheiro 6 Setembro 2013 OBRIGADA!

Especificação da Appliance + SO CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server

Especificação da Appliance + SO CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server Especificação da Appliance + SO CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server Versão: 1.05 Data: 2010-12-15 Appliance CAMES.GT 1 ÍNDICE A Apresentação da Appliance CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server B Características

Leia mais

Especificação do Sistema Operativo CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server

Especificação do Sistema Operativo CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server Especificação do Sistema Operativo CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server Versão: 1.06 Data: 2010-11-15 SO CAMES 1 ÍNDICE A Apresentação do CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server - Sistema Operativo de

Leia mais

Caso de Sucesso CM RESENDE

Caso de Sucesso CM RESENDE Caso de Sucesso CM RESENDE AGENDA A CM de Resende Open Source na CM de Resende Serviço de Correio Eletrónico Ficheiros e controladores de domínio Serviços de Suporte (LDAP, DNS e DHCP) Conclusões A CM

Leia mais

Correio Eletrônico Carteiro. Apresentador: Marcos Martins Melo 13/02/2007

Correio Eletrônico Carteiro. Apresentador: Marcos Martins Melo 13/02/2007 Correio Eletrônico Carteiro Apresentador: Marcos Martins Melo 13/02/2007 Agenda -Histórico; - Objetivos; - Necessidades; - Projeto; -Solução; -Segurança; -Telas; - Novos desafios. Agenda -Histórico; -

Leia mais

CAMES.MAIL. Funcionalidades do CAMES.MAIL

CAMES.MAIL. Funcionalidades do CAMES.MAIL Funcionalidades do CAMES.MAIL Conteúdo Introdução... 3 E-mail Protocolos SMTP, IMAP, POP... 3 Webmail... 4 Liro de Endereços... 4 Agenda / calendário partilhado... 5 Out-Of-Office Reply... 6 Resumo das

Leia mais

Plataforma de correio electrónico Microsoft Office 365

Plataforma de correio electrónico Microsoft Office 365 1 Plataforma de correio electrónico Microsoft Office 365 Tendo por objetivo a melhoria constante dos serviços disponibilizados a toda a comunidade académica ao nível das tecnologias de informação, surgiu

Leia mais

Configuração do cliente de e-mail (Microsoft Outlook)

Configuração do cliente de e-mail (Microsoft Outlook) De modo a melhorar os serviços informáticos disponibilizados à comunidade do ISMT foi melhorado o sistema de correio electrónico (e-mail). Esta reestruturação implica algumas alterações no acesso a estes

Leia mais

Instruções para aceder ao correio electrónico via web

Instruções para aceder ao correio electrónico via web Caro utilizador(a) Tendo por objectivo a melhoria constante das soluções disponibilizadas a toda a comunidade do Instituto Politécnico de Santarém, tanto ao nível de serviços de rede como sistema de informação.

Leia mais

Plataforma de correio eletrónico Microsoft Office 365

Plataforma de correio eletrónico Microsoft Office 365 1 Plataforma de correio eletrónico Microsoft Office 365 A plataforma Microsoft Office 365 disponibiliza a toda a comunidade académica um conjunto de recursos que permite suportar o trabalho colaborativo

Leia mais

Resolução 02/07 CCE-UFPR ESTABELECE NORMAS PARA A CRIAÇÃO E MANUTENÇÃO DE CORREIO ELETRÔNICO (EMAILS) NO DOMÍNIO UFPR.BR

Resolução 02/07 CCE-UFPR ESTABELECE NORMAS PARA A CRIAÇÃO E MANUTENÇÃO DE CORREIO ELETRÔNICO (EMAILS) NO DOMÍNIO UFPR.BR Resolução 02/07 CCE-UFPR ESTABELECE NORMAS PARA A CRIAÇÃO E MANUTENÇÃO DE CORREIO ELETRÔNICO (EMAILS) NO DOMÍNIO UFPR.BR Considerando: 1. A Delegação do COPLAD-UFPR através da Resolução 20/06-COPLAD. 2.

Leia mais

Catálogo de Serviços de Tecnologia da Informação. Versão 0.2

Catálogo de Serviços de Tecnologia da Informação. Versão 0.2 Catálogo de Serviços de Tecnologia da Informação Versão 0.2 Apresentação...3 Objetivos... 3 1.Serviço e-mail corporativo...4 Apresentação Este documento visa organizar e documentar os serviços prestados

Leia mais

Plataforma de correio eletrónico Microsoft Office 365

Plataforma de correio eletrónico Microsoft Office 365 1 Plataforma de correio eletrónico Microsoft Office 365 A plataforma Microsoft Office 365 disponibiliza a toda a comunidade académica um conjunto de recursos que permite suportar o trabalho colaborativo

Leia mais

Perguntas mais Freqüentes FAQ. Novo sistema de correio do Proderj

Perguntas mais Freqüentes FAQ. Novo sistema de correio do Proderj Perguntas mais Freqüentes FAQ Novo sistema de correio do Proderj 1) Quais são os servidores de DNS que devo usar? R.: Os servidores de consulta do Proderj são o 200.20.57.2 e o 200.156.33.150. O servidor

Leia mais

Nova plataforma de correio electrónico Microsoft Live@edu

Nova plataforma de correio electrónico Microsoft Live@edu 1 Nova plataforma de correio electrónico Microsoft Live@edu Tendo por objectivo a melhoria constante dos serviços disponibilizados a toda a comunidade académica ao nível das tecnologias de informação,

Leia mais

Portfólio de Serviços e Produtos Julho / 2012

Portfólio de Serviços e Produtos Julho / 2012 Portfólio de Serviços e Produtos Julho / 2012 Apresentação Portfólio de Serviços e Produtos da WebMaster Soluções. Com ele colocamos à sua disposição a Tecnologia que podemos implementar em sua empresa.

Leia mais

Proposta de serviços Plot

Proposta de serviços Plot Proposta de serviços Plot Situação da Plot e expectativas Por favor confira. A proposta depende destas informações serem corretas. A Plot possui hoje aproximadamente 30 estações de trabalho para seus funcionários

Leia mais

Solução de correio eletrônico com Software Livre implantada no CEFET-MG, vantagens e adaptações

Solução de correio eletrônico com Software Livre implantada no CEFET-MG, vantagens e adaptações Solução de correio eletrônico com Software Livre implantada no CEFET-MG, vantagens e adaptações Clever de Oliveira Júnior*, Paulo E. M. Almeida* *Departamento de Recursos em Informática Centro Federal

Leia mais

CONSULGAL, S.A. Config_OUTLOOK2003_ DSI_08.pdf 1

CONSULGAL, S.A. Config_OUTLOOK2003_ DSI_08.pdf 1 Configuração do OUTLOOK 2003 Cliente de E-mail CONSULGAL, S.A. Config_OUTLOOK2003_ DSI_08.pdf 1 Configuração do OUTLOOK 2003 Cliente de E-mail 1. CONFIGURAÇÃO DO MICROSOFT OUTLOOK 2003 DOMINIO consulgal.pt

Leia mais

ChasqueMail O e mail da UFRGS

ChasqueMail O e mail da UFRGS ChasqueMail O e mail da UFRGS Alexandre Marchi, Everton Foscarini, Rui Ribeiro Universidade Federal do Rio Grande do Sul Centro de Processamento de Dados Rua Ramiro Barcelos, 2574 Portao K Porto Alegre

Leia mais

Manual do Utilizador. Configuração do Email da Escola para Android. Versão 1.1, Abril de 2013

Manual do Utilizador. Configuração do Email da Escola para Android. Versão 1.1, Abril de 2013 Manual do Utilizador Configuração do Email da Escola para Android Versão 1.1, Abril de 2013 Quaisquer duvidas podem ser esclarecidas através do email: si@esmae-ipp.pt Serviços de Informática, ESMAE Indíce

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES O QUE É PROTOCOLO? Na comunicação de dados e na interligação em rede, protocolo é um padrão que especifica o formato de dados e as regras a serem seguidas. Sem protocolos, uma rede

Leia mais

Prof.: MARCIO HOLLWEG mhollweg@terra.com.br

Prof.: MARCIO HOLLWEG mhollweg@terra.com.br INFORMÁTICA Prof.: MARCIO HOLLWEG mhollweg@terra.com.br CONCEITOS DE INTERNET E INTRANET CONCEITOS DE INTERNET E INTRANET INTERNET => CONJUNTO DE REDES LIGANDO COMPUTADORES MUNDO A FORA. INTRANET => REDE

Leia mais

Consulte os anexos com as configurações dos softwares de correio electrónico e as instruções de utilização do novo webmail.

Consulte os anexos com as configurações dos softwares de correio electrónico e as instruções de utilização do novo webmail. Caro(a) Colega: O novo servidor de correio electrónico está finalmente operacional! O Grupo de Trabalho da Intranet da Escola Secundária de Emídio Navarro apresenta-lhe alguns conselhos que elaborámos

Leia mais

SPMS Mail, File Server e Domain Controllers

SPMS Mail, File Server e Domain Controllers SPMS Mail, File Server e Domain Controllers Motivação Redução de Licenciamento. Dar cumprimento a nova legislação que dá prioridade à adocão de software de código aberto. Acumular conhecimento para replicar

Leia mais

Manual do Utilizador. Configuração do Email da Escola para Mac OSX 10.8. Versão 1.1, Abril de 2013

Manual do Utilizador. Configuração do Email da Escola para Mac OSX 10.8. Versão 1.1, Abril de 2013 Manual do Utilizador Configuração do Email da Escola para Mac OSX 10.8 Versão 1.1, Abril de 2013 Quaisquer duvidas podem ser esclarecidas através do email: si@esmae-ipp.pt Serviços de Informática, ESMAE

Leia mais

E QUANDO O OPEN SOURCE ENTRA PELA PORTA GRANDE... WINNING ON LINUX - EVENTO LINUX 2013 XI ENCONTRO NACIONAL SOBRE A TECNOLOGIA ABERTA

E QUANDO O OPEN SOURCE ENTRA PELA PORTA GRANDE... WINNING ON LINUX - EVENTO LINUX 2013 XI ENCONTRO NACIONAL SOBRE A TECNOLOGIA ABERTA E QUANDO O OPEN SOURCE ENTRA 2 Introdução Existem grandes a apostar no Open Source? Podem confiar no Open Source? Quem gere estas soluções Open Source Conclusões 3 Existem grandes a apostar no Open Source?

Leia mais

EM VIGOR. 481. Ciências Informáticas. 481041 - Técnico/a de Informática-Instalação e Gestão de Redes. 48104. Instalação e Gestão de Redes Informáticas

EM VIGOR. 481. Ciências Informáticas. 481041 - Técnico/a de Informática-Instalação e Gestão de Redes. 48104. Instalação e Gestão de Redes Informáticas REFERENCIAL DE FORMAÇÃO EM VIGOR Área de Formação Itinerário de Formação 481. Ciências Informáticas 48104. Instalação e Gestão de Redes Informáticas Código e Designação do Referencial de Formação Nível

Leia mais

DAS5331 - Sistemas Distribuídos & Redes

DAS5331 - Sistemas Distribuídos & Redes DAS5331 - Sistemas Distribuídos & Redes Trabalho prático Emerson Ribeiro de Mello emerson@das.ufsc.br Departamento de Automação e Sistemas Universidade Federal de Santa Catarina Outubro de 2005 emerson@das.ufsc.br

Leia mais

FACILIDADES DE COLABORAÇÃO

FACILIDADES DE COLABORAÇÃO MICROSOFT OFFICE 365 FACILIDADES DE COLABORAÇÃO Março 2012 A CLOUD365 estabeleceu acordos estratégicos com os principais fornecedores de TIC (Tecnologias de Informação e Comunicação), entre os quais destacamos

Leia mais

INFORMÁTICA PARA CONCURSOS

INFORMÁTICA PARA CONCURSOS INFORMÁTICA PARA CONCURSOS Prof. BRUNO GUILHEN Vídeo Aula VESTCON MÓDULO I - INTERNET Aula 01 O processo de Navegação na Internet. A CONEXÃO USUÁRIO PROVEDOR EMPRESA DE TELECOM On-Line A conexão pode ser

Leia mais

E-mail (eletronic mail )

E-mail (eletronic mail ) E-mail (eletronic mail ) alice@gmail.com bob@yahoo.com.br Alice escreve uma carta Entrega no correio da sua cidade Que entrega pra o carteiro da cidade de Bob Bob responde também através de carta 1 Processo

Leia mais

E-MAIL E GROUPWARE Zimbra: Solução completa e integrada de Email

E-MAIL E GROUPWARE Zimbra: Solução completa e integrada de Email Zimbra: Solução completa e integrada de Email Gil Vieira Vasco Silva Setembro/2013 ENQUADRAMENTO Plano Global Estratégico de racionalização e redução de custos nas TICs, na Administração Pública (PGETIC)

Leia mais

DESKTOP LINUX NUMA UNIDADE DE SAÚDE FAMILIAR

DESKTOP LINUX NUMA UNIDADE DE SAÚDE FAMILIAR DESKTOP LINUX NUMA UNIDADE DE SAÚDE DESKTOP LINUX NUMA UNIDADE DE SAÚDE DR. PONCIANO OLIVEIRA AGENDA Administração Regional de Saúde do Norte Breve caraterização Principais atribuições As Infraestruturas

Leia mais

ChasqueMail e-mail da UFRGS

ChasqueMail e-mail da UFRGS ChasqueMail e-mail da UFRGS Éverton Didoné Foscarini, Rui de Quadros Ribeiro {foscarini,rui.ribeiro}@cpd.ufrgs.br Apresentação Everton Foscarini Diretor Dep. Sustentação no CPD da UFRGS Sysadmin na UFRGS

Leia mais

O Serviço de e-mail IPL/ISEL

O Serviço de e-mail IPL/ISEL O Serviço de e-mail IPL/ISEL Nuno Cruz Pedro Ribeiro Vítor Almeida Introdução Para o suporte do serviço de e-mail do IPL/ISEL é usado um pacote diverso de programas dos quais se salientam o qmail, vchkpw/vpopmail,

Leia mais

Melhor Comunicação com o serviço UCoIP. Uma nova visão da Identidade Corporativa

Melhor Comunicação com o serviço UCoIP. Uma nova visão da Identidade Corporativa Melhor Comunicação com o serviço UCoIP Uma nova visão da Identidade Corporativa O que irá aprender A Importância do novo conceito UCoIP nas comunicações empresariais de amanhã. Um único endereço para todas

Leia mais

O primeiro passo é verificar se a pasta Junk está disponível entre as pastas IMAP do usuário:

O primeiro passo é verificar se a pasta Junk está disponível entre as pastas IMAP do usuário: Reportando SPAM e Não-SPAM através do Horde Webmail Esse material permite que o usuário possa personalizar seu webmail corretamente para controlar o recebimento de SPAMs e realizar o treinamento da ferramenta

Leia mais

FIREWALL (HARDWARE) Módulo para segurança de Email com suporte e subscrição

FIREWALL (HARDWARE) Módulo para segurança de Email com suporte e subscrição FIREWALL (HARDWARE) Módulo para segurança de Email com suporte e subscrição Modo de licenciamento por hardware. O appliance deve operar com todas as funcionalidades durante todo o período de suporte, independente

Leia mais

Procedimento para Configurar ActiveSync Nokia

Procedimento para Configurar ActiveSync Nokia Procedimento para Configurar ActiveSync Nokia Classificação do Documento: Página 1 de 5 ÍNDICE ÍNDICE... 2 CONTROLE DOCUMENTO... 3 OBJETIVO... 4 USUÁRIOS DO DOCUMENTO... 4 INTER-RELACIONAMENTO COM OUTROS

Leia mais

ATA - Exercícios Informática Carlos Viana. 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor.

ATA - Exercícios Informática Carlos Viana. 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ATA - Exercícios Informática Carlos Viana 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ATA EXERCÍCIOS CARLOS VIANA 01 -Existem vários tipos de vírus de computadores, dentre

Leia mais

Com o smartmessage podemos de forma muito fácil e usando um qualquer cliente de email, como por exemplo:

Com o smartmessage podemos de forma muito fácil e usando um qualquer cliente de email, como por exemplo: O smartmessage torna muito fácil a tarefa de enviar ou receber mensagens de texto SMS (ou emails). Com o smartmessage podemos de forma muito fácil e usando um qualquer cliente de email, como por exemplo:

Leia mais

Via Prática Firewall Box Gateway O acesso à Internet

Via Prática Firewall Box Gateway O acesso à Internet FIREWALL BOX Via Prática Firewall Box Gateway O acesso à Internet Via Prática Firewall Box Gateway pode tornar sua rede mais confiável, otimizar sua largura de banda e ajudar você a controlar o que está

Leia mais

Orientações para o uso do Mozilla Thunderbird

Orientações para o uso do Mozilla Thunderbird Orientações para o uso do Mozilla Thunderbird Mozilla Thunderbird O Mozilla Thunderbird é um software livre feito para facilitar a leitura, o envio e o gerenciamento de e-mails. Índice Configurando o Mozilla

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO DISTRITO FEDERAL

TRIBUNAL DE CONTAS DO DISTRITO FEDERAL TRIBUNAL DE CONTAS DO DISTRITO FEDERAL www.tc.df.gov.br Software Livre - Motivação produto de elevada qualidade a baixo custo (treinamento) aumento da vida útil do parque computacional simplificação da

Leia mais

A segurança na utilização da Internet é um tema muito debatido nos dias atuais devido à grande quantidade de ladrões virtuais.

A segurança na utilização da Internet é um tema muito debatido nos dias atuais devido à grande quantidade de ladrões virtuais. A segurança na utilização da Internet é um tema muito debatido nos dias atuais devido à grande quantidade de ladrões virtuais. Sobre as práticas recomendadas para que a utilização da internet seja realizada

Leia mais

Disciplina de Redes de Computadores Estudo Dirigido para a Prova II Professor Dr Windson Viana de Carvalho

Disciplina de Redes de Computadores Estudo Dirigido para a Prova II Professor Dr Windson Viana de Carvalho Disciplina de Redes de Computadores Estudo Dirigido para a Prova II Professor Dr Windson Viana de Carvalho Obs: Não há necessidade de entregar a lista Questões do livro base (Kurose) Questões Problemas

Leia mais

Cliente / Servidor. Servidor. Cliente. Cliente. Cliente. Cliente

Cliente / Servidor. Servidor. Cliente. Cliente. Cliente. Cliente Internet e Intranet Cliente / Servidor Cliente Servidor Cliente Cliente Cliente Cliente / Servidor SERVIDOR Computador ou equipamento que fornece algum tipo de serviço em redes (Armazenamento e compartilhamento

Leia mais

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 10/2009 ESCLARECIMENTO 1

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 10/2009 ESCLARECIMENTO 1 MENSAGEM Assunto: Esclarecimento 1 Referência: Pregão Eletrônico n. 10/2009 Data: 22/01/2009 Objeto: Contratação de empresa especializada para fornecimento de solução para segurança da informação e ferramenta

Leia mais

Redes de Computadores e a Internet

Redes de Computadores e a Internet Redes de Computadores e a Internet Magnos Martinello Universidade Federal do Espírito Santo - UFES Departamento de Informática - DI Laboratório de Pesquisas em Redes Multimidia - LPRM 2011 Camada de Aplicação

Leia mais

IPBrick Manual Referência Versão 4.2. iportalmais - Serviços de Internet e Redes, Lda.

IPBrick Manual Referência Versão 4.2. iportalmais - Serviços de Internet e Redes, Lda. IPBrick Manual Referência Versão 4.2 iportalmais - Serviços de Internet e Redes, Lda. Junho 2007 2 Copyright c iportalmais Todos os direitos reservados. Abril 2007. A informação contida neste documento

Leia mais

Firewall. Professor: João Paulo de Brito Gonçalves Disciplina: Serviços de Redes. Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática

Firewall. Professor: João Paulo de Brito Gonçalves Disciplina: Serviços de Redes. Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática Firewall Professor: João Paulo de Brito Gonçalves Disciplina: Serviços de Redes Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática Firewall (definições) Por que do nome firewall? Antigamente, quando as casas

Leia mais

FERRAMENTAS DE EMAIL Usada para visualizar emails (correio eletrônico).

FERRAMENTAS DE EMAIL Usada para visualizar emails (correio eletrônico). FERRAMENTAS DE EMAIL Usada para visualizar emails (correio eletrônico). CLIENTE DE EMAIL - OUTLOOK (Microsoft Office). - Outlook Express (Windows). - Mozilla Thunderbird (Soft Livre). - Eudora. - IncredMail.

Leia mais

Zimbra Novo webmail do Poder Judiciário de Alagoas

Zimbra Novo webmail do Poder Judiciário de Alagoas Zimbra Novo webmail do Poder Judiciário de Alagoas O que esse novo webmail tem a oferecer? Aumento da caixa de email de 50 MB para 1GB; Correio eletrônico Agenda corporativa com controle de contatos, grupos

Leia mais

A gestão e monitoria é feita via interfaceweb no estilo Dashboard com idioma em português e inglês. Um solução da VAMIZI, LDA.

A gestão e monitoria é feita via interfaceweb no estilo Dashboard com idioma em português e inglês. Um solução da VAMIZI, LDA. INTRODUÇÃO O Vamizi Firewall é uma plataforma baseada em Linux especializada na proteção e monitoria de rede que possui uma interface WEB de gestão, agregando diversos serviços em um pacote integrado de

Leia mais

Privacidade no email. Fevereiro de 2009 Luís Morais 2009, CERT.PT, FCCN

Privacidade no email. Fevereiro de 2009 Luís Morais 2009, CERT.PT, FCCN Privacidade no email Fevereiro de 2009 Luís Morais 2009, CERT.PT, FCCN 1 Introdução... 3 2 Funcionamento e fragilidades do correio electrónico... 3 3 Privacidade no correio electrónico... 5 3.1 Segurança

Leia mais

Segurança de Redes & Internet

Segurança de Redes & Internet Boas Práticas Segurança de Redes & Internet 0800-644-0692 Video Institucional Boas Práticas Segurança de Redes & Internet 0800-644-0692 Agenda Cenário atual e demandas Boas práticas: Monitoramento Firewall

Leia mais

Tutorial para configurar o e-mail do IFSC usando o OUTLOOK EXPRESS

Tutorial para configurar o e-mail do IFSC usando o OUTLOOK EXPRESS Instituto de Física de São Carlos Seção Técnica de Informática Tutorial para configurar o e-mail do IFSC usando o OUTLOOK EXPRESS OBS: Este tutorial foi elaborado usando o Outlook Express, no entanto,

Leia mais

Manual do Utilizador. Configuração do Email da Escola para Windows / Outlook. Versão 1.1, Abril de 2013

Manual do Utilizador. Configuração do Email da Escola para Windows / Outlook. Versão 1.1, Abril de 2013 Manual do Utilizador Configuração do Email da Escola para Windows / Outlook Versão 1.1, Abril de 2013 Quaisquer duvidas podem ser esclarecidas através do email: si@esmae-ipp.pt Serviços de Informática,

Leia mais

www.bnet.pt Apresentação Técnica Fax : 21 405 72 56 E-mail: comercial@bnet.pt Website: www.bnet.pt página 1 de 5

www.bnet.pt Apresentação Técnica Fax : 21 405 72 56 E-mail: comercial@bnet.pt Website: www.bnet.pt página 1 de 5 Apresentação Técnica página 1 de 5 Características do serviço de Email Contas de Email Você pode criar o número de contas de email que precisar. POP3 e IMAP Você poderá utilizar o seu cliente de email,

Leia mais

http://aurelio.net/vim/vim-basico.txt Entrar neste site/arquivo e estudar esse aplicativo Prof. Ricardo César de Carvalho

http://aurelio.net/vim/vim-basico.txt Entrar neste site/arquivo e estudar esse aplicativo Prof. Ricardo César de Carvalho vi http://aurelio.net/vim/vim-basico.txt Entrar neste site/arquivo e estudar esse aplicativo Administração de Redes de Computadores Resumo de Serviços em Rede Linux Controlador de Domínio Servidor DNS

Leia mais

Sistemas Multimédia. Arquitectura Protocolar Simples Modelo OSI TCP/IP. Francisco Maia famaia@gmail.com. Redes e Comunicações

Sistemas Multimédia. Arquitectura Protocolar Simples Modelo OSI TCP/IP. Francisco Maia famaia@gmail.com. Redes e Comunicações Sistemas Multimédia Arquitectura Protocolar Simples Modelo OSI TCP/IP Redes e Comunicações Francisco Maia famaia@gmail.com Já estudado... Motivação Breve História Conceitos Básicos Tipos de Redes Componentes

Leia mais

Fonte: http://www.vivaolinux.com.br/artigo/implantacao-de-um-sistema-de-workgroup-open-source/?pagina=2

Fonte: http://www.vivaolinux.com.br/artigo/implantacao-de-um-sistema-de-workgroup-open-source/?pagina=2 IMPLANTAÇÃO DE UM SISTEMA DE WORKGROUP OPEN SOURCE Fonte: http://www.vivaolinux.com.br/artigo/implantacao-de-um-sistema-de-workgroup-open-source/?pagina=2 1. INTRODUÇÃO Será abordado neste documento toda

Leia mais

Questão de prova. Questão de prova

Questão de prova. Questão de prova Programa que permite organizar mensagens eletrônicas de um usuário da Internet, através da ordenação em pastas, envio e recebimento das mensagens. Exemplos: Outlook Express Ms Outlook Windows Live Mail

Leia mais

Estágio Curricular na Empresa INOVA - Empresa de Desenvolvimento Económico e Social de Cantanhede, EEM

Estágio Curricular na Empresa INOVA - Empresa de Desenvolvimento Económico e Social de Cantanhede, EEM Instituto Politécnico de Coimbra Instituto Superior de Engenharia de Coimbra Curso de Especialização Tecnológica em Instalação e Manutenção de Redes e Sistemas Informáticos Relatório de Estágio no âmbito

Leia mais

Guia de uso do Correio Eletrônico Versão 1.1

Guia de uso do Correio Eletrônico Versão 1.1 Guia de uso do Correio Eletrônico Versão 1.1 Índice Introdução ao Serviço de E-mail O que é um servidor de E-mail 3 Porque estamos migrando nosso serviço de correio eletrônico? 3 Vantagens de utilização

Leia mais

Sérgio Cabrera Professor Informática 1

Sérgio Cabrera Professor Informática 1 1. A tecnologia que utiliza uma rede pública, como a Internet, em substituição às linhas privadas para implementar redes corporativas é denominada. (A) VPN. (B) LAN. (C) 1OBaseT. (D) 1OBase2. (E) 100BaseT.

Leia mais

CONFIGURAÇÕES DE SERVIDORES DE CORREIO ELECTRÓNICO

CONFIGURAÇÕES DE SERVIDORES DE CORREIO ELECTRÓNICO CONFIGURAÇÕES DE SERVIDORES DE CORREIO ELECTRÓNICO Pedro Vale Pinheiro 1, Mário Bernardes 2 Centro de Informática da Universidade de Coimbra 3000 COIMBRA vapi@student.dei.uc.pt, mjb@ci.uc.pt Sumário Este

Leia mais

IPBrick Manual Referência Versão 4.3. iportalmais - Serviços de Internet e Redes, Lda.

IPBrick Manual Referência Versão 4.3. iportalmais - Serviços de Internet e Redes, Lda. IPBrick Manual Referência Versão 4.3 iportalmais - Serviços de Internet e Redes, Lda. Fevereiro 2008 2 Copyright c iportalmais Todos os direitos reservados. Fevereiro 2008. A informação contida neste documento

Leia mais

Apresentação. Roberto Farias. Trabalho com informática 16 anos, 7 anos com Linux.

Apresentação. Roberto Farias. Trabalho com informática 16 anos, 7 anos com Linux. Apresentação Roberto Farias Trabalho com informática 16 anos, 7 anos com Linux. Formação: Tecnólogo em Processamento de Dados. Gestão da tecnologia da informação. Certificações: LPI nível 3 (301, 302 e

Leia mais

Confrontada com o gabarito oficial e comentada. 75. A denominada licença GPL (já traduzida pra o português: Licença Pública Geral)

Confrontada com o gabarito oficial e comentada. 75. A denominada licença GPL (já traduzida pra o português: Licença Pública Geral) Prova Preambular Delegado São Paulo 2011 Módulo VI - Informática Confrontada com o gabarito oficial e comentada 75. A denominada licença GPL (já traduzida pra o português: Licença Pública Geral) a) Garante

Leia mais

Software Livre e proprietário: Coexistência de diferentes formas de Licenciamento, interoperabilidade e eficiência na inclusão digital e social.

Software Livre e proprietário: Coexistência de diferentes formas de Licenciamento, interoperabilidade e eficiência na inclusão digital e social. Software Livre e proprietário: Coexistência de diferentes formas de Licenciamento, interoperabilidade e eficiência na inclusão digital e social. Palestrante: Paulo Cesar Alves 19/09/2005 Agenda Formulação

Leia mais

O processo de Navegação na Internet APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN. O Internet Explorer INFORMÁTICA BÁSICA

O processo de Navegação na Internet APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN. O Internet Explorer INFORMÁTICA BÁSICA APRESENTAÇÃO DO CURSO Prof. BRUNO GUILHEN O processo de Navegação na Internet INFORMÁTICA BÁSICA A NAVEGAÇÃO Programas de Navegação ou Browser : Internet Explorer; O Internet Explorer Netscape Navigator;

Leia mais

Apache + PHP + MySQL

Apache + PHP + MySQL Apache + PHP + MySQL Fernando Lozano Consultor Independente Prof. Faculdade Metodista Bennett Webmaster da Free Software Foundation fernando@lozano.eti.br SEPAI 2001 O Que São Estes Softwares Apache: Servidor

Leia mais

ANEXO 1. Formulário de Candidatura da Instituição Projecto Final de Curso de IGE/ETI. Instituição de acolhimento. Supervisor nomeado pela instituição

ANEXO 1. Formulário de Candidatura da Instituição Projecto Final de Curso de IGE/ETI. Instituição de acolhimento. Supervisor nomeado pela instituição INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS DO TRABALHO E DA EMPRESA Departamento de Ciências e Tecnologias de Informação DCTI Formulário de Candidatura da Instituição Projecto Final de Curso de IGE/ETI ANEXO 1 Instituição

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES E TELECOMUNICAÇÕES MÓDULO 16

REDES DE COMPUTADORES E TELECOMUNICAÇÕES MÓDULO 16 REDES DE COMPUTADORES E TELECOMUNICAÇÕES MÓDULO 16 Índice 1. SISTEMA OPERACIONAL DE REDE...3 1.1 O protocolo FTP... 3 1.2 Telnet... 4 1.3 SMTP... 4 1.4 SNMP... 5 2 1. SISTEMA OPERACIONAL DE REDE O sistema

Leia mais

Webmail mais rápido e completo

Webmail mais rápido e completo COMUNICADO MODERNIZAÇÃO DO SISTEMA DE E-MAIL INSTITUCIONAL Senhores Usuários e Comunidade da UFCG, Campina Grande, 05 de Abril de 2011. O Serviço de Tecnologia da Informação STI, no uso de suas atribuições

Leia mais

TELEPAC EMAIL - FAQ S 2009. FAQ s TELEPAC EMAIL

TELEPAC EMAIL - FAQ S 2009. FAQ s TELEPAC EMAIL FAQ s TELEPAC EMAIL Webmail (caixas de correio @mail.telepac.pt)... 3 Caixa de entrada... 3 Como apago mensagens?... 3 O que é uma Blacklist? Como funciona?... 3 O que é Reenviar? Como funciona?... 3 Como

Leia mais

Implementando Políticas ANTI-SPAM

Implementando Políticas ANTI-SPAM POP-RS / CERT-RS Implementando Políticas ANTI-SPAM Émerson Virti emerson@tche.br Resumo Motivação - Problemática do Spam Os Remetentes Formas de Controle de Spam Controlando Spam no POP-RS Conclusões Reunião

Leia mais

Considerando o navegador Internet Explorer e a utilização do correio eletrônico, é INCORRETO afirmar:

Considerando o navegador Internet Explorer e a utilização do correio eletrônico, é INCORRETO afirmar: 1) Analista Judiciário 2015 TRE /RR - FCC Considerando o navegador Internet Explorer e a utilização do correio eletrônico, é INCORRETO afirmar: (A) No Internet Explorer 9, ao se digitar apenas um ponto

Leia mais

Blog http://emaildoravel.wordpress.com. Professor: Ravel Silva. Programas de navegação (Microsoft Internet Explorer, Mozilla Firefox, Google

Blog http://emaildoravel.wordpress.com. Professor: Ravel Silva. Programas de navegação (Microsoft Internet Explorer, Mozilla Firefox, Google Olá Concurseiros, como estão? Espero que todos estejam bem! Chegamos a 7ª aula do nosso curso de Questões Comentadas de Informática Básica - Estilo CESPE e estamos quase no final. Nesta aula trataremos

Leia mais

Business Email. Managed Applications. Business Email Managed Applications

Business Email. Managed Applications. Business Email Managed Applications Managed Applications Managed Applications Business Email Tel +351 21 319 92 00 Fax +351 21 319 92 01 Ed. Parque Expo, Av. D. João II, 1.07-2.1, R/C, 1998-014 Lisboa info@claranet.pt www.claranet.pt NIF

Leia mais

Escola Superior de Gestão de Santarém. Instalação e Manutenção de Redes e Sistemas Informáticos. Peça Instrutória G

Escola Superior de Gestão de Santarém. Instalação e Manutenção de Redes e Sistemas Informáticos. Peça Instrutória G Escola Superior de Gestão de Santarém Pedido de Registo do CET Instalação e Manutenção de Redes e Sistemas Informáticos Peça Instrutória G Conteúdo programático sumário de cada unidade de formação TÉCNICAS

Leia mais

Medida 21 - A adoção do OSS@AP

Medida 21 - A adoção do OSS@AP Medida 21 - A adoção do OSS@AP Ana Branco ana.branco@ama.pt Medida 21 - A adoção do OSS@AP Ana Branco ana.branco@ama.pt 2ª Sessão e-mail e Groupware ( 6 de Setembro de 2013) 9:30 Operacionalização da M21

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA SAÚDE FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ CENTRO DE PESQUISA GONÇALO MONIZ RESOLUÇÃO Nº 09/2008

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA SAÚDE FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ CENTRO DE PESQUISA GONÇALO MONIZ RESOLUÇÃO Nº 09/2008 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA SAÚDE FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ CENTRO DE PESQUISA GONÇALO MONIZ RESOLUÇÃO Nº 09/2008 Institui e regulamenta as regras de utilização e administração de sistemas e serviços

Leia mais

1.1 A abordagem seguida no livro

1.1 A abordagem seguida no livro 1- Introdução A área de administração de sistemas e redes assume cada vez mais um papel fundamental no âmbito das tecnologias da informação. Trata-se, na realidade, de uma área bastante exigente do ponto

Leia mais

INFORMÁTICA FUNDAMENTOS DE INTERNET. Prof. Marcondes Ribeiro Lima

INFORMÁTICA FUNDAMENTOS DE INTERNET. Prof. Marcondes Ribeiro Lima INFORMÁTICA FUNDAMENTOS DE INTERNET Prof. Marcondes Ribeiro Lima Fundamentos de Internet O que é internet? Nome dado a rede mundial de computadores, na verdade a reunião de milhares de redes conectadas

Leia mais

Área de Administração de Pagamento de Pessoal. Elsa dos Anjos Simões Diretora de Serviços

Área de Administração de Pagamento de Pessoal. Elsa dos Anjos Simões Diretora de Serviços Ofício Circular: 0021/2008 - AAPP ÁREA DE ADMINISTRAÇÃO DE PAGAMENTO DE PESSOAL A.A.P.P. UNIDADE DE RECURSOS HUMANOS U.R.H São Paulo, 17 de novembro de 2008 Assunto : EMAIL EXCLUSIVO PARA ASSUNTOS GERAIS

Leia mais

Ministério do Desenvolvimento Agrário

Ministério do Desenvolvimento Agrário Capítulo 1 Ministério do Desenvolvimento Agrário Instituição: Sítio: Caso: Responsável: Palavras- Chave: Ministério do Desenvolvimento Agrário www.mda.gov.br Plano de Migração para Software Livre Paulo

Leia mais

APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN www.brunoguilhen.com.br. Prof. BRUNO GUILHEN

APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN www.brunoguilhen.com.br. Prof. BRUNO GUILHEN APRESENTAÇÃO DO CURSO Prof. BRUNO GUILHEN www.brunoguilhen.com.br Prof. BRUNO GUILHEN MÓDULO I - INTERNET Aula 01 O processo de Navegação na Internet. O processo de Navegação na Internet A CONEXÃO USUÁRIO

Leia mais

4 Serviços de Aplicação

4 Serviços de Aplicação 4 Serviços de Aplicação A existência de um suporte de comunicação permite a interligação de diversos dispositivos e também a disponibilização de diversas aplicações que adicionam funcionalidades ao sistema.

Leia mais

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Funcionários da ESTG]

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Funcionários da ESTG] [Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Funcionários da ESTG] Unidade De Administração de Sistemas Serviços Informáticos Instituto Politécnico de Leiria 09-06-2010 Controlo do Documento Autor

Leia mais

CONFIGURAR O OUTLOOK 2003

CONFIGURAR O OUTLOOK 2003 Manual de configuração do acesso ao E-Mail via Outlook 2003. OBJECTIVO: Mostrar como aceder via POP3s ao e-mail do SAPO; Explicar quais os dados relevantes para configurar um cliente de e-mail Microsoft

Leia mais

Parceiro Oficial de Soluções Zimbra no Brasil

Parceiro Oficial de Soluções Zimbra no Brasil Apresentação A Vantage TI conta uma estrutura completa para atender empresas de todos os segmentos e portes, nacionais e internacionais. Nossos profissionais dedicam-se ao desenvolvimento e criação de

Leia mais

INFORMÁTICA. Prof.: MARCIO HOLLWEG mhollweg@terra.com.br CONCEITOS DE INTERNET E INTRANET

INFORMÁTICA. Prof.: MARCIO HOLLWEG mhollweg@terra.com.br CONCEITOS DE INTERNET E INTRANET INFORMÁTICA Prof.: MARCIO HOLLWEG mhollweg@terra.com.br CONCEITOS DE INTERNET E INTRANET CONCEITOS DE INTERNET E INTRANET INTERNET => CONJUNTO DE REDES LIGANDO COMPUTADORES MUNDO A FORA. INTRANET => REDE

Leia mais

Manual Técnico BRMA BALANCE

Manual Técnico BRMA BALANCE B R M A B a l a n c e Manual Técnico BRMA BALANCE EMPRESA Atuando no segmento de comunicação de dados desde 1998, a BRconnection vem se destacando por desenvolver e disponibilizar ao mercado a solução

Leia mais

Licenciaturas Ano Letivo de 2014/2015

Licenciaturas Ano Letivo de 2014/2015 Licenciaturas Ano Letivo de 2014/2015 Entraste na FCSH/NOVA? Vais precisar de saber 1. Intranet e FCSH ID 2. Secretaria Virtual 3. Bases de dados de revistas e artigos científicos 4. Internet 5. Endereço

Leia mais

Exercícios. Prof.ª Helena Lacerda. helena.lacerda@gmail.com

Exercícios. Prof.ª Helena Lacerda. helena.lacerda@gmail.com Exercícios Prof.ª Helena Lacerda helena.lacerda@gmail.com 1) Qual, dentre os dispositivos periféricos listados abaixo, é o único que serve apenas como dispositivo de entrada? a) Alto falante b) Impressora

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG Página 1 de 26 Sumário Introdução...3 Layout do Webmail...4 Zimbra: Nível Intermediário...5 Fazer

Leia mais