MEMORIAL DESCRITIVO COZINHA / REFEITÓRIO PARA FUNCIONÁRIOS DO CENTRO DE EVENTOS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MEMORIAL DESCRITIVO COZINHA / REFEITÓRIO PARA FUNCIONÁRIOS DO CENTRO DE EVENTOS"

Transcrição

1 MEMORIAL DESCRITIVO COZINHA / REFEITÓRIO PARA FUNCIONÁRIOS DO CENTRO DE EVENTOS 1. OBJETIVOS: O projeto de cozinha e refeitório no Centro de Eventos de Tramandaí visa atender ao programa de necessidades abaixo: - refeitório para atendimento de até 50 pessoas/refeição, por turno; - sanitário feminino e masculino; - cozinha equipada com todos os pontos de água, luz, exaustores, garantindo aos ecônomos condições de uso adequado aos equipamentos de uma cozinha industrial; - Banheiro/Vestiário Feminino e Masculino para os funcionários da cozinha; Este memorial tem o objetivo de descrever os serviços e materiais que compõe esta construção sita ao Centro de Eventos, prevalecendo o uso das especificações feitas por normas brasileiras correspondentes a cada tipo de tarefa ou serviço. 2. CONCEITO E DESCRITIVO DE ACABAMENTOS As áreas foram agregadas por atividades, sendo que a área de Restaurante fica em ligação direta com a área dos sanitários através de um hall de ligação. Na entrada criou-se um estar aberto permitindo um breve descanso entre a espera ou após a refeição num pequeno jardim com árvores frutíferas, flores e gramado. O restaurante foi dimensionado para atender ao número de pessoas solicitadas até 50 pessoas por turno e o layout definido em zonas (por função): área de cocção, preparação dos alimentos, armazenamento e limpeza. A pavimentação é uniforme em revestimento cerâmico 40x40 industrial padrão sal com pimenta. Área de cocção: a alvenaria é revestida com o mesmo porcelanato do piso até o teto, junta seca para evitar acúmulo de sujeira e gordura tamanho médio cor marfim. Demais alvenarias: revestimento em reboco misto conforme especificação, pintura em tinta acrílica qualidade superior cor referência palha, inclusive no teto. Aberturas: em alumínio anodizado fosco conforme especificação do projeto. Sanitários: em cerâmica piso/parede cor marfim acetinado tamanho médio, louças brancas. Piso do espaço externo: bloquete, conforme projeto. 3. DISPOSIÇÕES GERAIS Deverão ser observadas rigorosamente as disposições do memorial descritivo, valendo estas como transcritas fossem no contrato da obra. A condição de contratada supõe a realização de um levantamento técnico preliminar das condições necessárias à execução dos serviços, através de visita prévia ao local da obra, bem como de completa verificação do projeto físico e deste memorial descritivo. A empresa deverá também conferir os quantitativos de

2 serviços e havendo divergências deverá considerar em seus custos com redução ou ampliação do valor apresentado. Executar a obra em estrita e total observância às indicações constantes nos projetos fornecidos. O dimensionamento e a organização da mão de obra, para a execução dos diversos serviços, serão atribuições do empreiteiro, que deverá considerar a qualificação técnica do profissional da obra, a eficiência e a conduta no canteiro da obra. A proposta deverá ser apresentada com a utilização de equipamentos, ferramentas, veículos pertencentes exclusivamente à empresa que vier a ser contratada ou locação direta do equipamento, sem ônus para a municipalidade. Nos preços ofertados deverão ser computadas as despesas com limpeza da obra, placa de obra, galpão de obra e outros eventuais. Os trabalhos que não estiverem de acordo com as condições contratuais serão impugnados pela fiscalização, devendo o empreiteiro providenciar as reexecuções necessárias, imediatamente após o registro da ordem de serviço. 3.1 Projeto Será anexado a este memorial um projeto básico que servirá de referência para execução da obra. Deverá ser produzido pela contratada, projeto estrutural detalhado conforme normas técnicas específicas, para todos os elementos necessários para a construção. Antes de ser iniciada a obra a contratada deverá apresentar ao Departamento de Engenharia da Prefeitura Municipal a ART de execução, e ART de projeto das fundações e estrutural. 3.2 Segurança Haverá rigorosa observância à norma de segurança do trabalho, NR 18, do Ministério do Trabalho. Serão de uso obrigatório os equipamentos de proteção individual, EPI, conforme disposição de norma reguladora NR-6, do Ministério do Trabalho. As partes móveis de ferramentas e equipamentos deverão ser protegidas, as ferramentas não serão abandonadas sobre passagens, escadas, andaimes e superfícies de trabalho. Todos e quaisquer riscos e acidentes de trabalho serão de inteira responsabilidade da empresa à qual for adjudicada à obra ou serviço. 3.3 Largada da Obra A obra só iniciará após a largada do Engenheiro Fiscal deste setor que instruirá o construtor sobre planta, serviços, detalhes construtivos. 3.4 Fiscalização e recebimento dos serviços A fiscalização ao considerar concluída a obra ou serviço, comunicará o fato a autoridades superiores, que providenciará a designação de comissão de

3 recebimento, para lavrar termo de verificação e, estando conforme, de aceitação provisória ou definitiva, a partir da qual poderá ser utilizado a obra ou serviço. Após o período de observação, contado do recebimento provisório ou definitivo, a obra será recebida em caráter definitivo por comissão especialmente designada. 3.5 Prazos Os prazos máximos de execução dos serviços e obras serão de 3 (três) meses fixados em edital. Os prazos propostos somente serão prorrogados mediante solicitação por escrito da empresa contratada desde que ocorrida interrupção motivada por causas independentes de sua vontade, e devidamente aceita pela comissão. 3.6 LOCALIZAÇÃO A obra localiza-se no Centro de Eventos Rua Ernesto Nunes Bandeira s/n, com área a ser construída de 135,10 m2. 4 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 4.1 Serviços Iniciais Fazer o isolamento da área com tapumes de compensados (10 mm) ou costaneira de pinho, para que pessoas estranhas não tenham acesso ao local da obra. 4.2 Infra-estrutura As fundações serão executadas com bloco de grês, sendo a primeira fiada atravessada e sobre os blocos de grês uma viga de fundação executada em concreto armado nas dimensões de no mínimo 15x30cm (conforme projeto estrutural). Sobre a referida cinta devera ser feita à impermeabilização asfáltica com quatro demãos. As armaduras das vigas deverão ter o cobrimento mínimo de 4,0 cm. O alicerce deverá elevar-se em relação ao nível do terreno de maneira com que o piso pronto fique a 40 cm acima do meio fio. 4.3 Supra-estrutura Será composta de pilares de concreto armado, fck 20 MPa com cobrimento mínimo de 2,5 cm e de dimensões mínimas de 20 x 20 cm. As vigas em concreto armado com cobrimento min. de 4,0 cm terão dimensões mínimas de 0,15 x 0,30 m. As formas deverão ser tratadas com desmoldante. 4.4 Alvenarias A alvenaria externa será executada em tijolos 06 furos e terá largura de 20 cm e 15 cm conforme projeto que deverá ser assentados com argamassa de cimento, cal e areia. As alvenarias internas serão executadas também com tijolos 6 furos com 15 cm de largura.

4 4.5 Revestimento As argamassas de revestimentos deverão ter a seguinte composição: a) Chapisco traço 1:3 cimento e areia espessura 5 mm b) Emboço traço 1:1:5 cimento cal areia espessura 10 mm a 15 mm c) Reboco traço de 1:1: 4 cimento cal e areia fina espessura mínima de 5 mm e máxima de 7 mm. d) Cerâmica piso/parede nos sanitário serão colocados em todos os sanitários e cozinha conforme definição do projeto na área de cocção até o respaldo. 4.6 Cobertura O forro será em laje pré-moldada. A cobertura será executada com telhas de fibrocimento, com espessura de 6 mm sobre estrutura de madeira ancorada sobre a laje pré-moldada. As telhas deverão ser bem fixadas tendo em vista ser uma região de fortes e intensos ventos. A estrutura de madeira será tratada contra cupins. 4.7 Pavimentação O contrapiso terá 10 cm de espessura assim distribuída: -uma camada de 5 cm de brita nº. 1 ou 2; -uma camada de 5 cm de concreto magro. Deverá ser construída rampa de acesso para deficientes, com i= 7% com pavimentação no padrão existente. O piso cerâmico terá dimensões 45x45cm, PEI 4, (de fácil remoção de manchas), colocado com padrão a ser previamente aprovado por este setor. 4.8 Esquadrias As esquadrias externas serão de alumínio linha 25 anodizado fosco tipo maximar de caixilho e marco e vista 7 cm, travessa com marco duplo dispositivo de tranca e com vidro transparente 6 mm. Nas janelas basculantes linha 20 com puxadores e extensores em tubo de alumínio diâmetro 19 mm (tipo Tr18) vidro 4 mm. Olhar projeto. As esquadrias internas (portas) serão de madeira. Portas internas: semi-ocas de pinho, com ferragens de inox marca Soprano ou similar, bem como as fechaduras. Portas externas: porta de abrir em alumínio anodizado e vidro 6 mm conforme projeto, com ferragens de inox marca Soprano ou similar, bem como as fechaduras. 4.9 Pinturas A execução dos serviços de pintura deverá seguir rigorosamente as especificações dos fabricantes das tintas. Utilização de selador e tinta esmalte semibrilho nas esquadrias de madeira em no mínimo duas demãos. As superfícies a serem pintadas serão cuidadosamente limpas e convenientemente preparadas de acordo com o tipo de pintura a que se destinarem. Cada demão deverá ser contínua com espessura uniforme e livre de escorrimentos. Os escorrimentos e pingos de tintas ou argamassa que por ventura ocorrerem, deverão ser removidos com removedores adequados e enquanto a tinta ou a argamassa estiverem frescas.

5 Obs: Cada demão de tinta só poderá ser aplicada quando a antecedente estiver bem seca. A superfície receberá a quantidade demão necessária para um bom acabamento, sendo no mínimo duas demãos. O padrão de cores deverá ser préaprovado pelo fiscal. 5. Instalações Hidro-Sanitárias As instalações para água fria serão executadas com emprego de tubos de PVC, classes 15 (marrom), o mesmo valendo para as conexões (ver projeto básico). As instalações sanitárias serão executadas com tubos e conexões com PVC classe 8 (branco). Usar ralos e caixas de gordura, tubos de ventilação conforme projeto. Os tubos e conexões utilizados terão diâmetro conforme projeto. Deverão ser realizados testes de estanqueidade. Os tubos de queda pluvial e ventilação deverão ser ocultados com enchimento em argamassa. Observar caimento do piso para os ralos de 1,5%. 5.1 Fossa As fossas a serem utilizadas serão as fabricadas em concreto, com capacidade para 12 pessoas conforme projeto anexo. 5.2 Caixas de Inspeção Nas mudanças de direção do fluxo de esgoto deverão ser executadas caixas de inspeção, que receberá as águas servidas e imundas e terá as dimensões de 50x50x50cm, a fim de que sejam permitidas a inspeção, limpeza e desobstrução das tubulações. Estas serão executadas com alvenaria de tijolos maciços e terão tampa removível em concreto armado. 5.3 Pluvial Utilizar calhas, algerozas tubos de quedas caixas de inspeção, que possibilitem a estanqueidade da cobertura e retirada das águas pluviais de forma eficiente e para escoamento na sarjeta. Vide projeto. 5.4 Equipamentos Sanitários Os sanitários e lavatórios serão da marca Ideal Standard ou similar na cor branca. 6 Instalações Elétricas As instalações elétricas deverão obedecer a NBR 5410, e padrão da concessionária CEEE e energia deverá ser conectada a medição existente junto ao transformador. Todas as tomadas deverão possuir aterramento. Os pontos elétricos deverão ser colocados em eletrodutos de PVC, padrão ABNT, conforme planta em anexo. Quaisquer dúvidas referente as instalações elétricas e ao projeto deverão ser encaminhadas aos técnicos do Departamento de Engenharia. A rede existente é 220 V.

6 6.1 Tomadas Deverão ser do tipo embutir colocado a 30 e 110 e 200 cm do chão, com aterramento padrão universal (2 P + T), conforme planta em anexo, lembrando que as tomadas dos circuitos de força deverão ter proteção para 30 A. 6.2 Tomada especiais Deverão ser do tipo embutir colocada a 110 cm do chão em cima da pia, com aterramento padrão universal (2P + T) 250 V 30 A e fiação, conforme planta em anexo para uso exclusivo dos buffet e chuveiro elétrico. 6.3 Interruptores Deverão ser do tipo simples, duplo, triplo e simples com tomada de embutir completos, padrão ABNT, sendo colocadas a 110 cm do chão. 6.4 Luminárias Deverão do tipo calha comercial, modelo a ser definido padrão ABNT para 02 (duas) lâmpadas fluorescentes de 40 W ou de 20 W, conforme planta em anexo com suporte de pressão. 6.5 Lâmpadas Deverão ser usadas lâmpadas fluorescente fabricação nacional, padrão ABNT de 40W e de 20 W, conforme planta elétrica em anexo. 6.6 Reatores Deverão ser usados reatores de partida rápida para lâmpadas 2 x 20 W e 2 x 40 W 220 V. 6.7 Disjuntores Deverá ser do tipo termomagnético 1 X 10, 1 X 20, 1 X 30 e 3 X 40 A, padrão ABNT. 6.8 Centro de Distribuição (CD) Deverão ser em fibra de embutir completo para 10 (dez) disjuntores a serem colocados em local determinado na planta em anexo. 6.9 Entrada de Energia A distribuição de energia para a parte a ser ampliada deve ser feita através de cabo subterrâneo 10,0 mm², 1 KV, através de tubulação subterrânea conforme planta em anexo protegida por disjuntor tripolar de 40 A que virá do transformador através de eletroduto de 2 (51 mm).

7 6.10 Fiação Deverão ser utilizados fios rígidos 1,5 mm 2 para os circuitos de iluminação, 2,5 mm² para os circuitos de tomadas, 4,0 mm² para o circuito de tomadas de força e 6,0 mm² para o circuito do chuveiro, e 10,0 mm 2 para o circuito de alimentação geral conforme planta elétrica, todos antichama, 750 V, com selo INMETRO, menos o circuito de alimentação que deverá ser de 10,00 mm², antichama 1,0 kv Tubulação Deverão ser utilizados eletrodutos em PVC com 50, 25, 19 e 13 mm, padrão ABNT Aterramento Deverá ser padrão, com o circuito que energizam as tomadas e os chuveiros sendo aterrados através de haste de aterramento cooperweldt de 2,40 m de comprimento, de tal forma que a resistência de terra não ultrapasse 10 Ω em qualquer época do ano. 7. RECEBIMENTO DA OBRA A obra deverá ser entregue completamente limpa. Entulhos e ferramentas e sobras de materiais, serão totalmente removidos do terreno ficando o local em perfeitas condições de habitabilidade, funcionamento e segurança. Serão observadas para fins de recebimento do prédio as existências dos itens especificados. 8. PAGAMENTOS Os pagamentos serão realizados de acordo com o cronograma físicofinanceiro. Nos preços unitários apresentados deverão estar incluídas todas as despesas com mão-de-obra, leis sociais, limpeza e retirada de sobras de material, equipamentos, administração despesas indiretas, encargos diversos e todos os eventuais necessários para a perfeita execução dos serviços. Tramandaí, 20 de janeiro de Marcelo André Plewinski Engenheiro Eletricista Crea D Marcelo Celia Amaral Engenheiro Civil Crea D

8 ATESTADO Atestamos que a empresa..., participante da licitação..., cumpriu visita, junto à engenharia de obras, e recebeu os esclarecimentos necessários para o objeto desta licitação. Tramandaí,... de... de 2011.

MEMORIAL DESCRITIVO REFORMA DA COZINHA GINÁSIO,,REFEITÓRIO ÁREA EXTERNA ESCOLA M.E.F DÊNTICE...

MEMORIAL DESCRITIVO REFORMA DA COZINHA GINÁSIO,,REFEITÓRIO ÁREA EXTERNA ESCOLA M.E.F DÊNTICE... MEMORIAL DESCRITIVO REFORMA DA COZINHA GINÁSIO,,REFEITÓRIO ÁREA EXTERNA ESCOLA M.E.F DÊNTICE... 1 OBJETIVOS: O projeto de reforma da cozinha e áreas de apoio da Escola Luiz Dêntice de Tramandaí visa atender

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO 1 OBJETIVOS:

MEMORIAL DESCRITIVO 1 OBJETIVOS: MEMORIAL DESCRITIVO REFORMA DO PISO DAS SALAS DE AULA DO 2º PAVIMENTO, CIRCULAÇÃO DE ACESSO SALA DE AULA NO TÉRREO E PATEO INTERNO, SUBSTITUIÇÃO DE FORRO CIRCULAÇÃO ACESSO SALA DE AULA NO TÉRREO, SUBSTITUIÇÃO

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO DE AMPLIAÇÃO DA ESCOLA MUNICIPAL DE ENSINO FUNDAMENTAL JORGE ENEAS Rua dos Cravos, 668 Bairro Jardim Atlântico

MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO DE AMPLIAÇÃO DA ESCOLA MUNICIPAL DE ENSINO FUNDAMENTAL JORGE ENEAS Rua dos Cravos, 668 Bairro Jardim Atlântico MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO DE AMPLIAÇÃO DA ESCOLA MUNICIPAL DE ENSINO FUNDAMENTAL JORGE ENEAS Rua dos Cravos, 668 Bairro Jardim Atlântico 1 OBJETIVOS: A construção de duas novas salas na atual escola

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO AMPLIAÇÃO C.A.P.S VIVA A VIDA

MEMORIAL DESCRITIVO AMPLIAÇÃO C.A.P.S VIVA A VIDA MEMORIAL DESCRITIVO AMPLIAÇÃO C.A.P.S VIVA A VIDA 1 OBJETIVOS: A ampliação do CAPS visa atender ao programa de necessidades abaixo: - Sala para exercícios, ginástica, expressão corporal; - Espaço para

Leia mais

Memorial Descritivo. 2.0 Transportes 2.1 Deverá ser feita retirada de entulho por conta da contratada;

Memorial Descritivo. 2.0 Transportes 2.1 Deverá ser feita retirada de entulho por conta da contratada; Memorial Descritivo I Introdução A obra objeto deste memorial consiste na descrição dos elementos para CONSTRUÇÃO DE ACADEMIA DA SAUDE, a ser edificada no município de Gaúcha do Norte MT.. II - Descrição

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVO SÃO JOAQUIM - MT MEMORIAL DESCRITIVO

PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVO SÃO JOAQUIM - MT MEMORIAL DESCRITIVO MEMORIAL DESCRITIVO MELHORIAS SANITÁRIAS DOMICILIARES BANHEIROS -(Área = 2,73m 2 ). O memorial descritivo a seguir determina as normas para construção do MÓDULO SANITÁRIO SIMPLIFICADO padrão, de área construída

Leia mais

PLANILHA AUXILIAR A DADOS DO IMÓVEL: PROJETO 01. ÁREA TOTAL TERRENO: 352,87m²

PLANILHA AUXILIAR A DADOS DO IMÓVEL: PROJETO 01. ÁREA TOTAL TERRENO: 352,87m² DADOS DO IMÓVEL: PROJETO 0 ENDEREÇO: Rua nº 0 - Loteamento Maria Laura - INSTALAÇÕES PROVISÓRIAS Abrigo provisório de madeira executada na obra para alojamento e depósitos de materiais e ferramentas. Unidade:

Leia mais

Memorial Descritivo Escola Municipal Professor Ismael Silva

Memorial Descritivo Escola Municipal Professor Ismael Silva PREFEITURA MUNICIPAL DE ILICÍNEA Estado de Minas Gerais CNPJ: 18.239.608/0001-39 Praça. Padre João Lourenço Leite, 53 Centro Ilicínea Tel (fax).: (35) 3854 1319 CEP: 37175-000 Memorial Descritivo Escola

Leia mais

OBRA: CONSTRUÇÃO DE CISTERNA E CAIXA D'ÁGUA ESCOLA: EEM MARIA BERNARDO DE CASTRO ASSUNTO: ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

OBRA: CONSTRUÇÃO DE CISTERNA E CAIXA D'ÁGUA ESCOLA: EEM MARIA BERNARDO DE CASTRO ASSUNTO: ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS OBRA: CONSTRUÇÃO DE CISTERNA E CAIXA D'ÁGUA ESCOLA: EEM MARIA BERNARDO DE CASTRO ASSUNTO: ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 01. OBJETO: 01.01. Estas especificações dizem respeito à construção de cisterna e estrutura

Leia mais

PLANILHA DE SERVIÇOS GERAIS DE OBRA

PLANILHA DE SERVIÇOS GERAIS DE OBRA 1 PRELIMINARES 1.1 Instalações do canteiro de obra vb 1,00 2.500,00 2.500,00 81,97 1.2 Placa de obra 2,00m x 3,00m, conforme orietações da administração vb 1,00 550,00 550,00 18,03 SUB TOTAL PRELIMINARES

Leia mais

Adaptação do galpão de aqüicultura do campus Fazenda Experimental e da sala destinada aos técnicos do núcleo de atendimento ao dicente e docente.

Adaptação do galpão de aqüicultura do campus Fazenda Experimental e da sala destinada aos técnicos do núcleo de atendimento ao dicente e docente. PROJETO BÁSICO: Adaptação do galpão de aqüicultura do campus Fazenda Experimental e da sala destinada aos técnicos do núcleo de atendimento ao dicente e docente 1. IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO 1.1 Título do

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO CONCEPÇÃO E IMAGENS DO LOCAL

MEMORIAL DESCRITIVO CONCEPÇÃO E IMAGENS DO LOCAL MEMORIAL DESCRITIVO CONCEPÇÃO E IMAGENS DO LOCAL REVITALIZAÇÃO DA PRAÇA DA MATRIZ, COM A TROCA DO PAVIMENTO, INSTALAÇÃO DE NOVA ILUMINAÇÃO, NOVOS BANCOS E RESTAURAÇÃO DO ENTORNO DA PROTEÇÃO DA ESTATUA

Leia mais

Memorial de Projeto: Instalações Hidráulicas

Memorial de Projeto: Instalações Hidráulicas Pág. 1 Memorial de Projeto: Instalações Hidráulicas Cliente: Unidade: Assunto: Banco de Brasília - BRB DITEC Reforma das instalações Código do Projeto: 1564-12 Pág. 2 Índice Sumário 1. Memorial Descritivo

Leia mais

ÁREA TOTAL TERRENO: 336,00m² ÁREA TOTAL CASA: 50,90m² ÁREA DE INFILTRAÇÃO: 67,20m² ITEM ESPECIFICAÇÕES DOS SERVIÇOS

ÁREA TOTAL TERRENO: 336,00m² ÁREA TOTAL CASA: 50,90m² ÁREA DE INFILTRAÇÃO: 67,20m² ITEM ESPECIFICAÇÕES DOS SERVIÇOS 1 1.1 INSTALAÇÃO DO CANTEIRO DE OBRA Abrigo provisório de madeira executada na obra para alojamento e depósitos de materiais e ferramentas 01520.8.1.1 7,50 1.2 Ligação provisória de água para a obra e

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO DA 2ª ETAPA DA CONSTRUÇÃO DO BLOCO DE DIREITO

MEMORIAL DESCRITIVO DA 2ª ETAPA DA CONSTRUÇÃO DO BLOCO DE DIREITO MEMORIAL DESCRITIVO DA 2ª ETAPA DA CONSTRUÇÃO DO BLOCO DE DIREITO OBRA: CONSTRUÇÃO-BLOCO DIREITO PROPRIETÁRIO: FUNDAÇAO INTEGRADA MUNICIPAL DE ENSINO SUPERIOR DE MINEIROS (FIMES) ENDEREÇO OBRA:RUA 22 ESQ.

Leia mais

E S P E C I F I C A Ç Õ E S T É C N I C A S

E S P E C I F I C A Ç Õ E S T É C N I C A S SUBGRUPO: 180400 CERCA / MURO FOLHA: SUMÁRIO 1. CERCA COM TELA DE ARAME GALVANIZADO E ESTACAS DE CONCRETO...1 1.1 OBJETIVO E DEFINIÇÕES...1 1.2 MATERIAIS...1 1.3 EQUIPAMENTOS...2 1.4 EXECUÇÃO...2 1.5 CONTROLE...2

Leia mais

Painéis de Concreto Armado

Painéis de Concreto Armado CONCEITO É constituído por painéis estruturais pré-moldados maciços de concreto armado e pelas ligações entre eles. Destina-se à construção de paredes de edifícios habitacionais de até 5 pavimentos. A

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO

MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO Acessibilidade A solução arquitetônica, exigência do programa e característica do uso da edificação prioriza a acessibilidade. Os banheiros são adaptados ao uso de pessoas

Leia mais

NORMAS, OMISSÕES E DIVERGÊNCIAS.

NORMAS, OMISSÕES E DIVERGÊNCIAS. DISPOSIÇÕES GERAIS O presente caderno tem por objetivo estabelecer as normas e encargos que presidirão o desenvolvimento da construção de um em terreno de propriedade do Município de Soledade, no Bairro

Leia mais

02. ENCARGOS: 02.01. Os encargos do construtor são aqueles estipulados no Caderno de Encargos do DERT/SEINFRA, que o empreiteiro declara conhecer.

02. ENCARGOS: 02.01. Os encargos do construtor são aqueles estipulados no Caderno de Encargos do DERT/SEINFRA, que o empreiteiro declara conhecer. OBRA: IMPERMEABILIZAÇÃO DA COBERTA DO AUDITÓRIO; REFORMA DA COBERTA DOS GALPÕES; IMPERMEABILIZAÇÃO DO HALL ESCOLA: EEEP JOSÉ IVANILTON NOCRATO ASSUNTO: ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 01. OBJETO: 01.01. Estas

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA CLIENTE: UNIFACS UNIVERSIDADE SALVADOR DISCIPLINA DE EXPRESSÃO GRÁFICA E PROJETOS ELÉTRICOS

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA CLIENTE: UNIFACS UNIVERSIDADE SALVADOR DISCIPLINA DE EXPRESSÃO GRÁFICA E PROJETOS ELÉTRICOS ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA CLIENTE: PROGRAMA: ÁREA: UNIFACS UNIVERSIDADE SALVADOR DISCIPLINA DE EXPRESSÃO GRÁFICA E PROJETOS ELÉTRICOS CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA ELETROTÉCNCIA FOLHA 1 de 5 ÍNDICE DE REVISÕES

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA Item Descriminação dos serviços Unid. Quantidade Unitário Unitário C/ BDI Total % CÓDIGO REFERÊNCIAL 1 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.1 Locação de obra - casas M² 0,00 6,08 7,60 0,00 SN-73992/001 Raspagem e Limpeza

Leia mais

MEMORIAL DE CALCULO - QUANTITATIVOS

MEMORIAL DE CALCULO - QUANTITATIVOS 1 SERVIÇOS PRELIMINARES Preparo do terreno será considerado uma área de : área: 22,76 m² Container escritório com 1 sanitário - mínimo 9,20 m² será utilizado container, no espaço destinado á estacionamento

Leia mais

RELATÓRIO 2ª MEDIÇÃO

RELATÓRIO 2ª MEDIÇÃO RELATÓRIO 2ª MEDIÇÃO OBRA: EXECUÇÃO DE REFORMA NO FÓRUM TRABALHISTA DE CORNÉLIO PROCÓPIO - IMÓVEL LOCADO. CONTRATADA: NS ENGENHARIA E CONSTRUÇÕES LTDA - EPP. Considerando a instituição da Comissão de Recebimento

Leia mais

Referente: Processo nº 80038-2015 Contratação de empresa Especializada em Manutenção Predial Corretiva no Prédio da Secid Município: Cuiabá - MT

Referente: Processo nº 80038-2015 Contratação de empresa Especializada em Manutenção Predial Corretiva no Prédio da Secid Município: Cuiabá - MT Cuiabá, 13 de Abril de 2015. À SUPR Arqtº. Rogério Nogueira Dias Referente: Processo nº 80038-2015 Contratação de empresa Especializada em Manutenção Predial Corretiva no Prédio da Secid Município: Cuiabá

Leia mais

CENTRO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL (CMEI) DE SANTA LÚCIA Presidente Kennedy, E.S. MEMORIAL DESCRITIVO DOS ACABAMENTOS

CENTRO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL (CMEI) DE SANTA LÚCIA Presidente Kennedy, E.S. MEMORIAL DESCRITIVO DOS ACABAMENTOS ESTADO DO ESPÍRITO SANTO CENTRO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL (CMEI) DE SANTA LÚCIA Presidente Kennedy, E.S. MEMORIAL DESCRITIVO DOS ACABAMENTOS O presente memorial integra o projeto arquitetônico do

Leia mais

1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS

1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS ANEXO V MEMORIAL DESCRITIVO REFORMA DO CPD UNIUV - UV MEMORIAL DESCRITIVO 1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS Este memorial tem por objetivo descrever e especificar de forma clara os serviços a serem executados para

Leia mais

TERMO DE REFERENCIA PARA A OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA ESCOLA MUNICIPAL JULIA MIRANDA

TERMO DE REFERENCIA PARA A OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA ESCOLA MUNICIPAL JULIA MIRANDA TERMO DE REFERENCIA PARA A OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA ESCOLA MUNICIPAL JULIA MIRANDA 1. OBJETIVO E ESCLARECIMENTO: A obra em questão tem por finalidade fazer reformas na Escola Municipal Julia Miranda.

Leia mais

MEMORIAL DE CÁLCULO. 10201 Demolição de piso cimentado inclusive lastro de concreto 5,58X2,98=16,62 10,73+10,70+19,98=41,41 m² TOTAL=58,03m²

MEMORIAL DE CÁLCULO. 10201 Demolição de piso cimentado inclusive lastro de concreto 5,58X2,98=16,62 10,73+10,70+19,98=41,41 m² TOTAL=58,03m² MEMORIAL DE CÁLCULO 10201 Demolição de piso cimentado inclusive lastro de concreto 5,58X2,98=16,62 10,73+10,70+19,98=41,41 m² TOTAL=58,03m² 10214 Retirada de portas e janelas de madeira, inclusive batentes

Leia mais

Planilha Orçamentária

Planilha Orçamentária Ministério da Educação Obra: Proinfância - Espaço Educativo Infantil Tipo C BDI adotado Município: Endereço: Planilha Orçamentária ITEM DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. QUANT. PR. UNIT.(R$) VALOR (R$) 1.0

Leia mais

ESTADO DO PARÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAMÁ SECRETARIA MUNCIPAL DE INFRAESTRUTURA E URBANISMO

ESTADO DO PARÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAMÁ SECRETARIA MUNCIPAL DE INFRAESTRUTURA E URBANISMO SECRETARIA MUNCIPAL DE INFRAESTRUTURA E URBANISMO MEMORIAL DESCRITIVO PARA A REFORMA E AMPLIAÇÃO DA E. M. E. F. IZAURA DOMINGOS COSTA, LOCALIZADA NA ZONA RURAL DO MUNICÍPIO DE SÃO MIGUEL DO GUAMÁ-PA Praça

Leia mais

OBRA: REFORMA GERAL DA COBERTA ESCOLA: EEFM DE AQUIRAZ ASSUNTO: ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

OBRA: REFORMA GERAL DA COBERTA ESCOLA: EEFM DE AQUIRAZ ASSUNTO: ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS OBRA: REFORMA GERAL DA COBERTA ESCOLA: EEFM DE AQUIRAZ ASSUNTO: ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 01. OBJETO: 01.01. Estas especificações dizem respeito à reforma geral da coberta da escola EEFM de Aquiraz.. 01.02.

Leia mais

Memorial Descritivo de Acabamentos

Memorial Descritivo de Acabamentos Construtora: Victorelli Construções e Incorporações LTDa Imóvel: Condomínio de sobrados Localização: Rua Macapá 884 Vila Tingui Curitiba PR Dados Gerais 01 Preliminares Os projetos serão elaborados de

Leia mais

Todo concreto estrutural deverá ser usinado e dosado em peso, não se aceitando dosagens volumétricas.

Todo concreto estrutural deverá ser usinado e dosado em peso, não se aceitando dosagens volumétricas. 03.00.000 FUNDAÇÕES E ESTRUTURAS DE CONCRETO 03.02.000 ESTRUTURAS DE CONCRETO 03.02.100 CONCRETO ARMADO A estrutura de concreto armado será executada em estrita obediência às disposições do projeto estrutural,

Leia mais

ORÇAMENTO DETALHADO - REFORMA DO CEMAD PARA IMPLANTAÇÃO DA CLINICA ODONTÓLOGICA

ORÇAMENTO DETALHADO - REFORMA DO CEMAD PARA IMPLANTAÇÃO DA CLINICA ODONTÓLOGICA ORÇAMENTO DETALHADO - REFORMA DO CEMAD PARA IMPLANTAÇÃO DA CLINICA ODONTÓLOGICA 1 PRELIMINARES 1.1 Placas da obra 1 GB R$ 600,00 R$ 600,00 1.2 Taxas 1 GB R$ 800,00 R$ 800,00 2 IMPLANTAÇÃO DA OBRA R$ 1.400,00

Leia mais

Boletim Econômico - Novembro de 2015. Global Mão-de-obra Material Administrativo

Boletim Econômico - Novembro de 2015. Global Mão-de-obra Material Administrativo Custo da construção residencial no Estado de São Paulo, padrão R8-N, índice base fev/07=100 Global Mão-de-obra Material Administrativo Variação (%) Variação (%) Variação (%) Variação (%) Data Índice Mês

Leia mais

Anexo I. Caderno de Especificações Técnicas. Execução de Adaptações, Obras Civis e Instalações para Implantação de Grupo Motor Gerador.

Anexo I. Caderno de Especificações Técnicas. Execução de Adaptações, Obras Civis e Instalações para Implantação de Grupo Motor Gerador. Anexo I Caderno de Especificações Técnicas Execução de Adaptações, Obras Civis e Instalações para Implantação de Grupo Motor Gerador Fortaleza/CE 1. Serviços Preliminares Antes do início de quaisquer serviços

Leia mais

TH 030- Sistemas Prediais Hidráulico Sanitários

TH 030- Sistemas Prediais Hidráulico Sanitários Universidade Federal do Paraná Engenharia Civil TH 030- Sistemas Prediais Hidráulico Sanitários Aula 17 Instalações de Esgoto Profª Heloise G. Knapik 1 Instalações prediais de esgotamento sanitário Objetivo

Leia mais

01- SERVIÇOS PRELIMINARES

01- SERVIÇOS PRELIMINARES MEMORIAL DESCRITIVO Este memorial descritivo destina-se a descrever e especificar os serviços e materiais a serem utilizados na construção de um PRÉDIO EM ALVENARIA E CONCRETO PARA INSTALAÇÃO DA PREFEITURA

Leia mais

Responsável Técnico: Arquiteta Michelle Scherch CAU A MEMORIAL DESCRITIVO

Responsável Técnico: Arquiteta Michelle Scherch CAU A MEMORIAL DESCRITIVO Responsável Técnico: Arquiteta Michelle Scherch CAU A52432-8 MEMORIAL DESCRITIVO Natureza da Obra: Residencial - Sobrados Geminados Proprietário: 3S Construções Ltda Local: Rua Vereador Adão Santos - Quadra

Leia mais

Construções e Eletrificação Rural

Construções e Eletrificação Rural Universidade Federal de Goiás Escola de Agronomia e Engenharia de Alimentos Setor de Engenharia Rural Construções e Eletrificação Rural Prof. Dr. Regis de Castro Ferreira rcastro@agro.ufg.br INTRODUÇÃO

Leia mais

RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 1ª MEDIÇÃO

RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 1ª MEDIÇÃO RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 1ª MEDIÇÃO OBRA: INTERVENÇÕES CORRETIVAS NO EDIFÍCIO RIO BRANCO (anexo casarão) CONTRATADA: N.S. SANTA RITA COSNTRUTORA DE OBRAS EIRELI Considerando a instituição da Comissão de Recebimento

Leia mais

07/05/2014. Professor

07/05/2014. Professor UniSALESIANO Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium Curso de Engenharia Civil Disciplina: Introdução a Engenharia Civil Área de Construção Civil MSc. Dr. André Luís Gamino Professor Definição

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO Obra: MUROS CEMITÉRIO MUNICIPAL Localização: RUA MONTEIRO LOBATO, BAIRRO: INDUSTRIAL Cidade: NÃO-ME-TOQUE 1 OBJETIVO O presente memorial tem por objetivo definir os materiais a serem

Leia mais

Capítulo 1 Planejamento das Construções

Capítulo 1 Planejamento das Construções Capítulo 1 Planejamento das Construções 1. Considerações Gerais O princípio que deve nortear qualquer construção; seja grande ou pequena, residencial, comercial ou industrial, urbana ou rural; é o de fazer

Leia mais

FLEX. 1.2 INSTALAÇÕES PROVISÓRIAS Será implantado canteiro de obras dimensionado de acordo com o porte e as necessidades da obra.

FLEX. 1.2 INSTALAÇÕES PROVISÓRIAS Será implantado canteiro de obras dimensionado de acordo com o porte e as necessidades da obra. MEMORIAL DESCRITIVO 1 HABITAÇÃO 1 EQUIPAMENTO COMUNITÁRIO IDENTIFICAÇÃO: Proponente : Favoritto Incorporações SPE LTDA. Construtora : Magis Incorporações e Participações Ltda. Empreendimento : Residencial

Leia mais

COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 0001/2012 COMPRASNET. Termo de Referência Mobiliário

COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 0001/2012 COMPRASNET. Termo de Referência Mobiliário COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 0001/2012 COMPRASNET Termo de Referência Mobiliário Objeto O presente Termo de Referência tem por objetivo a aquisição de mobiliários para atender as demandas decorrentes das novas

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO DE OBRA

MEMORIAL DESCRITIVO DE OBRA MEMORIAL DESCRITIVO DE OBRA 1. OBJETIVO O presente memorial descritivo tem por objetivo estabelecer requisitos técnicos, definir materiais a utilizar e normatizar a execução de uma obra comercial, pavimento

Leia mais

NBR 5629 Execução de tirantes ancorados no solo, 17/03/206.

NBR 5629 Execução de tirantes ancorados no solo, 17/03/206. ATENDIMENTO DE DE SERVIÇOS E TECNOLÓGICO 1 DE 8 1. NORMAS DE DE SERVIÇOS 1.1 LEVANTAMENTO TOPOGRÁFICO NBR 13133 - Execução de levantamento topográfico, 30/05/1994. Errata em 30/12/1996. 1.2 SOLOS E FUNDAÇÕES

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. Figura 01: Meio fio de concreto

MEMORIAL DESCRITIVO. Figura 01: Meio fio de concreto MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO: MELHORIAS CALÇADAS QUADRA CENTRO ADMINISTRATIVO PROPRIETÁRIO: PREFEITURA MUNICIPAL SERAFINA CORRÊA-RS LOCALIZAÇÃO: QUADRA COMPREENDIDA ENTRE RUA ORESTES ASSONI, RUA CASTELO

Leia mais

ANEXO II - PLANILHA DE PREÇOS DE MATERIAL E MÃO DE OBRA PARA REFORMA NO PRÉDIO SEDE DA UNIDADE OPERACIONAL DA ANATEL EM PALMAS-TO.

ANEXO II - PLANILHA DE PREÇOS DE MATERIAL E MÃO DE OBRA PARA REFORMA NO PRÉDIO SEDE DA UNIDADE OPERACIONAL DA ANATEL EM PALMAS-TO. ANEXO II - PLANILHA DE PREÇOS DE MATERIAL E MÃO DE OBRA PARA REFORMA NO PRÉDIO SEDE DA UNIDADE OPERACIONAL DA ANATEL EM PALMAS-TO. ITEM DESCRIMINAÇÃO UN QUANT P. UNIT.P. TOTAL 01. SERVIÇOS PRELIMINARES

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO 1. OBRA/LOCAL/IDENTIFICAÇÃO

MEMORIAL DESCRITIVO 1. OBRA/LOCAL/IDENTIFICAÇÃO MEMORIAL DESCRITIVO 1. OBRA/LOCAL/IDENTIFICAÇÃO Obra: Construção de um Prédio Residencial Multifamiliar Local: Avenida Maria José Pinheiro Machado x Jorge Calixto nº 570 Planta aprovada nº 174/16 expedida

Leia mais

Barracão para escritório, depósito, sanitários, refeitório e alojamento, com piso cimentado e cobertura em telha fibrocimento 4mm

Barracão para escritório, depósito, sanitários, refeitório e alojamento, com piso cimentado e cobertura em telha fibrocimento 4mm Obra: - Jardim Maria Inês ITEM CÓDIGO 1.0 1.1 74209/001 SINAPI Serviços Preliminares Placa da obra em chapa de aço galvanizado - padrão Governo Federal m² 4,00 272,10 1.088,40 1.2 73822/001 SINAPI Limpeza

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DOS SERVIÇOS DE REFORMA NA 3ª VARA DO TRABALHO DO FORO TRABALHISTA DE CAXIAS DO SUL

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DOS SERVIÇOS DE REFORMA NA 3ª VARA DO TRABALHO DO FORO TRABALHISTA DE CAXIAS DO SUL ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DOS SERVIÇOS DE REFORMA NA 3ª VARA DO TRABALHO DO FORO TRABALHISTA DE CAXIAS DO SUL Revisão 01 - Junho/2011 A presente especificação trata basicamente do redimensionamento

Leia mais

RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 2ª MEDIÇÃO

RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 2ª MEDIÇÃO RELATÓRIO FOTOGRÁFICO 2ª MEDIÇÃO OBRA: EXECUÇÃO DE REFORMA DO FÓRUM TRABALHISTA DE COLOMBO CONTRATADA: VENTO NORDESTE CONSTRUÇÕES E EMPREENDIMENTO LTDA. Considerando a instituição da Comissão de Recebimento

Leia mais

DEPARTAMENTO GERAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS Departamento de Apoio Operacional TERMO DE REFERÊNCIA

DEPARTAMENTO GERAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS Departamento de Apoio Operacional TERMO DE REFERÊNCIA Aquisição de Material de Elétrica com ENTREGA PARCELADA conforme especificação, para uso da Divisão de Manutenção Predial para utilização na nova sede da SEFAZ. 1. DO OBJETO: Aquisição de material de Elétrica

Leia mais

ANEXO I MEMORIAL DESCRITIVO CONDOMÍNIO RESIDENCIAL SOLARE EDIFÍCIO LUMINA. Rua Manoel Lopes Velludo, nº 100. Ribeirão Preto - SP

ANEXO I MEMORIAL DESCRITIVO CONDOMÍNIO RESIDENCIAL SOLARE EDIFÍCIO LUMINA. Rua Manoel Lopes Velludo, nº 100. Ribeirão Preto - SP ANEXO I MEMORIAL DESCRITIVO CONDOMÍNIO RESIDENCIAL SOLARE EDIFÍCIO LUMINA Rua Manoel Lopes Velludo, nº 100. Ribeirão Preto - SP APARTAMENTO N O... + 01 (uma) vaga indeterminada de garagem 01 - FUNDAÇÃO

Leia mais

TOTAL DO ITEM 1 4.326,42

TOTAL DO ITEM 1 4.326,42 OBRA - CONSTRUÇÃO DE 40 BLOCOS RESIDENCIAIS PAGINA: 1 / 10 1 SERVIÇOS PRELIMINARES (Habitacao) 1.1 Locação da obra sem instrumento topográfico, considerada a projeção horizontal da área envolvente 349,19

Leia mais

Casas geminadas. Veja os custos detalhados dessa obra com 1.841,49 m². Características. Resumo da obra

Casas geminadas. Veja os custos detalhados dessa obra com 1.841,49 m². Características. Resumo da obra Casas geminadas Veja os custos detalhados dessa obra com 1.841,49 m² Características Empreendimento > Área construída de 1.841,49 m² > Casas padrão médio com três pavimentos > Casas localizadas em condomínio

Leia mais

Residencial Bellas Artes II Memorial Descritivo

Residencial Bellas Artes II Memorial Descritivo Residencial Bellas Artes II Memorial Descritivo I. A Localização O Residencial Bellas Artes II terá acesso pela Rua Eduardo Pinto da Rocha, 263 - Alto Boqueirão, Curitiba, Paraná. II. O Terreno O terreno

Leia mais

1. SISTEMA DE ESGOTO SANITÁRIOS

1. SISTEMA DE ESGOTO SANITÁRIOS 1. SISTEMA DE ESGOTO SANITÁRIOS 1.1 - CONCEPÇÃO DO PROJETO: O projeto constará de plantas, detalhes, memória de cálculo e especificações, que sejam necessárias para que haja o perfeito entendimento. 1.

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Impermeabilização da laje de cobertura do prédio principal FÁBRICAS DE CULTURA

TERMO DE REFERÊNCIA Impermeabilização da laje de cobertura do prédio principal FÁBRICAS DE CULTURA TERMO DE REFERÊNCIA laje de cobertura do prédio principal FÁBRICAS DE CULTURA BRASILÂNDIA ÍNDICE DO TERMO DE REFERÊNCIA TÉCNICA 1. OBJETIVO GERAL 2. JUSTIFICATIVA 3. DA MODALIDADE DA CONTRATAÇÃO 4. DISPOSIÇÕES

Leia mais

PLANILHA DE FORMAÇÃO DE PREÇOS

PLANILHA DE FORMAÇÃO DE PREÇOS P.UNIT.S/ P.UNIT.C/ ITEM DISCRIMINAÇÃO UNID QUANT ITEM S/ BDI ITEM C/BDI BDI BDI 1 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.1 Terreno 1.1.1 Limpeza do terreno m2 24,99 1.1.2 Locação da obra m2 24,99 1.2 Ligações provisórias

Leia mais

Câmara Municipal de Céu Azul

Câmara Municipal de Céu Azul Câmara Municipal de Céu Azul Estado do Paraná MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS OBRA: REORMA E AMPLIAÇÃO PARA A INSTALAÇÃO DA CÂMARA MUNICIPAL DE CÉU AZUL. (Edificação da antiga biblioteca)

Leia mais

Estudo dos Traços. Prof. Amison de Santana Silva

Estudo dos Traços. Prof. Amison de Santana Silva Estudo dos Traços Prof. Amison de Santana Silva Traços - Definição Relação entre as proporções de cimento e os outros materiais componentes (areia, cal, água, aditivos) = Traço. Pode ser especificado em

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO RESIDENCIAL RESERVA PAPAGAIO

MEMORIAL DESCRITIVO RESIDENCIAL RESERVA PAPAGAIO 1. LOCALIZAÇÃO O empreendimento está localizado à Rua Rubens Francisco Dias, s/n, Bairro Papagaio. 2. ÁREA DO TERRENO O terreno possui área de 45.601,75 m². 3. DESCRIÇÃO DO EMPREENDIMENTO 3.1. DAS UNIDADES

Leia mais

TERMO DE REFERENCIA PARA REPAROS NA ESCOLA MUNICIPAL MARINHO FERNANDES

TERMO DE REFERENCIA PARA REPAROS NA ESCOLA MUNICIPAL MARINHO FERNANDES TERMO DE REFERENCIA PARA REPAROS NA ESCOLA MUNICIPAL MARINHO FERNANDES 1. OBJETIVO E ESCLARECIMENTO: A obra em questão tem por finalidade fazer reparos na Escola Municipal Marinho Fernandes. A planilha

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. Os projetos somente poderão ser alterados por motivo plenamente justificado mediante autorização escrita da Fiscalização.

MEMORIAL DESCRITIVO. Os projetos somente poderão ser alterados por motivo plenamente justificado mediante autorização escrita da Fiscalização. 1 MEMORIAL DESCRITIVO OBRA: EXECUÇÃO DE OBRAS DE AMPLIAÇÃO E ADEQUAÇÃO PARA SALA DE CIDADANIA DO PRÉDIO DA CAMARA MUNICIPAL DE ITIQUIRA, MT. LOCAL: RUA JOÃO BATISTA VIDOTTI, Nº407, CENTRO, ITIQUIRA,ESTADO

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES DO EDF. D. PEDRO II A ser construido à Avenida Boa Viagem Nº s. 694 E 670

ESPECIFICAÇÕES DO EDF. D. PEDRO II A ser construido à Avenida Boa Viagem Nº s. 694 E 670 PAVTO. SEMIENTERRADO ESTACIONAMENTO: Lajotas de cimento 50x50 cm ou concreto de alta resistência Azulejo ou cerâmica até a altura de 1.80m Pilares Concreto natural Concreto natural ESCADA: * (Para todos

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO CASA DE MADEIRA

MEMORIAL DESCRITIVO CASA DE MADEIRA 1 MEMORIAL DESCRITIVO CASA DE MADEIRA 1 - Base: 1.1 - Fundação: 1.1.1 - Brocas com diâmetro mínimo de 20 cm em concreto estrutural, executadas manualmente, com profundidade média de até 3,00 m. 1.1.2 -

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CARBONITA PLANILHA ORÇAMENTARIA PARA CONSTRUÇÃO DE REFEITORIO (MÂO DE OBRA) DATA DE REALIZAÇÃO: 26 de Novembro de 2009

PREFEITURA MUNICIPAL DE CARBONITA PLANILHA ORÇAMENTARIA PARA CONSTRUÇÃO DE REFEITORIO (MÂO DE OBRA) DATA DE REALIZAÇÃO: 26 de Novembro de 2009 (MÂO DE OBRA) 70,96 70,96 M² 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.1 Limpeza manual do terreno com raspagem superficial m² 1,29 60 77,55 1.2 Locação de obra com gabarito de tábua contínua 15 m² 2,61 60 192,49 cm

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE DOURADO CNPJ 51.814.960/0001-26. Projeto Básico

PREFEITURA MUNICIPAL DE DOURADO CNPJ 51.814.960/0001-26. Projeto Básico Projeto Básico Reforma no fechamento e construção de cobertura de proteção na Escola Municipal Maria do Carmo Balestero Gutierre 1.0 Objeto Trata-se da obra de pintura do muro de fechamento (em alvenaria),

Leia mais

OFICINA CULTURAL GLAUCO PINTO DE MORAIS

OFICINA CULTURAL GLAUCO PINTO DE MORAIS SECRETARIA DA CULTURA PROJETO EXECUTIVO MEMORIAL DESCRITIVO DE CÁLCULO ESTRUTURAL OFICINA CULTURAL GLAUCO PINTO DE MORAIS BAURU / SP SETEMBRO/2013 SUMÁRIO 1. PROJETO ESTRUTURAL... 2 1.1. Reforço estrutural...

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE IJACI Legislatura 2009/2012

CÂMARA MUNICIPAL DE IJACI Legislatura 2009/2012 ANEXO II TOMADA DE PREÇO Nº 001/2010 MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÕES DE SERVIÇOS Considerações gerais: Destina se o presente Memorial Descritivo e as Especificações Técnicas constantes no mesmo prestar

Leia mais

Construção de casas populares no Município de Primavera-Pa

Construção de casas populares no Município de Primavera-Pa Estado do Pará Prefeitura Municipal de Primavera Secretaria Municipal de Obras Urbanismo e Transportes ANEXO I MEMORIAL DISCRITIVO Construção de casas populares no Município de Primavera-Pa Paulo José

Leia mais

ANEXO I MEMORIAL DESCRITIVO CONDOMÍNIO RESIDENCIAL VEREDA EDIFÍCIO RECANTTO. Rua Edno Fregonesi, nº 95. Ribeirão Preto - SP

ANEXO I MEMORIAL DESCRITIVO CONDOMÍNIO RESIDENCIAL VEREDA EDIFÍCIO RECANTTO. Rua Edno Fregonesi, nº 95. Ribeirão Preto - SP ANEXO I MEMORIAL DESCRITIVO CONDOMÍNIO RESIDENCIAL VEREDA EDIFÍCIO RECANTTO Rua Edno Fregonesi, nº 95. Ribeirão Preto - SP APARTAMENTO N O... + 02 (duas) vagas indeterminadas de garagem 01 - FUNDAÇÃO 02

Leia mais

Prefeitura Muncipal de Porto Alegre Escola Municipal Nossa Senhora do Carmo ANEXO XII - MODELO DE ORÇAMENTO

Prefeitura Muncipal de Porto Alegre Escola Municipal Nossa Senhora do Carmo ANEXO XII - MODELO DE ORÇAMENTO BLOCO JARDIM 1. SERVIÇOS INICIAIS 1.1 LOCACAO DE OBRA POR m2 CONSTRUIDO M2 358,85 2,99 1.072,05 1.072,05 2. MOVIMENTOS DE TERRA 2.1 BALDRAME 2.1.1 ESCAVACAO MANUAL DE VALAS EM MAT.1a CAT.,ATE 2m M3 35,28

Leia mais

M E M O R I A L D E S C R I T I V O

M E M O R I A L D E S C R I T I V O M E M O R A L D E S C R T V O N S T A L A Ç Õ E S E L É T R C A S CONSELHO REGONAL DE ENFERMAGEM DE SERGPE-COREN Endereço : Rua Duque de Caxias nº 389, Bairro São José, cidade de Aracaju/SE. Proprietário

Leia mais

Placa de obra: Haverá a colocação em local visível de placa de obra, metálica, fixada em estrutura de madeira, conforme padrão fornecido SOP.

Placa de obra: Haverá a colocação em local visível de placa de obra, metálica, fixada em estrutura de madeira, conforme padrão fornecido SOP. MEMORIAL DESCRITIVO RECONSTRUÇÃO DO ALBERGUE JUNTO AO PRESIDIO ESTADUAL DE VACARIA RS. VACARIA RS. GENERALIDADES: Este Memorial Descritivo tem a função de propiciar a perfeita compreensão do projeto e

Leia mais

PROJETO BÁSICO REFORMA E ADEQUAÇÃO DE EDIFICAÇÃO PARA NOVA SEDE DE ENGENHARIA

PROJETO BÁSICO REFORMA E ADEQUAÇÃO DE EDIFICAÇÃO PARA NOVA SEDE DE ENGENHARIA PROJETO BÁSICO REFORMA E ADEQUAÇÃO DE EDIFICAÇÃO PARA NOVA SEDE DE ENGENHARIA Imbituba junho 2015 ANEXO I PROJETO BÁSICO PARA REFORMA E ADEQUAÇÃO DE EDIFICAÇÃO PARA NOVA SEDE DE ENGENHARIA 1 OBJETO O presente

Leia mais

Memorial Descritivo. Prédio Residencial: Villa Dei Fiori Rua Cândido Silveira 160

Memorial Descritivo. Prédio Residencial: Villa Dei Fiori Rua Cândido Silveira 160 Memorial Descritivo Prédio Residencial: Villa Dei Fiori Rua Cândido Silveira 160 1. Descrição do prédio O prédio a ser construído compõe-se de 16 pavimentos, incluindo um subsolo, constituído de 42 (quarenta

Leia mais

Rua Colombia nº 50 Boqueirão Santos / S.P. MEMORIAL DESCRITIVO

Rua Colombia nº 50 Boqueirão Santos / S.P. MEMORIAL DESCRITIVO Rua Colombia nº 50 Boqueirão Santos / S.P. MEMORIAL DESCRITIVO 1 CONSIDERAÇÕES INICIAIS 1.1 Projeto Será um edifício residencial contendo subsolo, térreo, mezanino, 13 pavimentos tipo com 04 (quatro) apartamentos

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO M.D

MEMORIAL DESCRITIVO M.D DISTRITO CONCEIÇÃO DO MUQUI 1. INTRODUÇÃO. As obras serão realizadas obedecendo rigorosamente aos projetos, detalhes e especificações, bem como as normas da ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas

Leia mais

PRIS - PLANO E REGISTRO DE INSPEÇÃO DE SERVIÇOS

PRIS - PLANO E REGISTRO DE INSPEÇÃO DE SERVIÇOS PRS - PLANO E REGSTRO DE NSPEÇÃO DE SERVÇOS UNDADES HABTACONAS - BALDRAMES SERVÇO Locação de Obra Execução de Baldrame Alvenaria Marcação Alvenaria Elevação nstalações Elétricas (Colocação na Alvenaria

Leia mais

PROC-IBR-EDIF 017/2014 Análise das especificações, quantidades e preços das Esquadrias

PROC-IBR-EDIF 017/2014 Análise das especificações, quantidades e preços das Esquadrias INSTITUTO BRASILEIRO DE AUDITORIA DE OBRAS PÚBLICAS IBRAOP INSTITUTO RUI BARBOSA IRB / COMITÊ OBRAS PÚBLICAS PROC-IBR-EDIF 017/2014 Análise das especificações, quantidades e preços das Esquadrias Primeira

Leia mais

CEAA COMÉRCIO DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO LTDA-ME CNPJ / MEMORIAL DESCRITIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ÂNGELO

CEAA COMÉRCIO DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO LTDA-ME CNPJ / MEMORIAL DESCRITIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ÂNGELO MEMORIAL DESCRITIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ÂNGELO SECRETÁRIA MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE -PROJETO BASE PARA BALANÇA DE CONCRETO, -PROJETO ESCRITÓRIO DE CONTROLE DE CARGAS. -DESCRIÇÃO BALANÇA RODOVIÁRIA

Leia mais

L A U D O T É C N I C O. Segurança estrutural contra incêndio

L A U D O T É C N I C O. Segurança estrutural contra incêndio L A U D O T É C N I C O Segurança estrutural contra incêndio GINASIO POLIESPORTIVO TAPEJARA RS MAIO DE 2015 OBJETIVO: Este laudo tem por objetivo estabelecer as condições mínimas que os materiais existentes

Leia mais

LEI Nº 8553. O PREFEITO MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE. Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono a seguinte Lei:

LEI Nº 8553. O PREFEITO MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE. Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 8553 Dispõe sobre a instalação de cercas energizadas destinadas à proteção de perímetros no Município de Porto Alegre e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE. Faço saber que

Leia mais

ÍNDICE DE REVISÕES DESCRIÇÃO E/OU FOLHAS ATINGIDAS

ÍNDICE DE REVISÕES DESCRIÇÃO E/OU FOLHAS ATINGIDAS CLIENTE: ÁREA: UNIFACS UNIVERSIDADE SALVADOR DISCIPLINA DE EXPRESSÃO GRÁFICA E PROJETOS CURSO DE ENGENHARIA ELÉTRICA - ELETROTÉCNICA FOLHA: SEP: RLAM: ÍNDICE DE REVISÕES 1 de 18 Emissão original. DESCRIÇÃO

Leia mais

SITUAÇÃO FÍSICA DA ÁREA

SITUAÇÃO FÍSICA DA ÁREA SITUAÇÃO FÍSICA DA ÁREA Os espaços estão distribuídos em dois pontos: a) Identificado no Mix Comercial/PDIR, como área nº 017. Localiza-se no primeiro piso, área restrita de desembarque internacional,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITUPORANGA PRAÇA GRUTA MEMORIAL DESCRITIVO

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITUPORANGA PRAÇA GRUTA MEMORIAL DESCRITIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE ITUPORANGA PRAÇA GRUTA MEMORIAL DESCRITIVO MEMORIAL DESCRITIVO INTRODUÇÃO. O presente memorial refere-se a construção da praça Gruta, com área de 697,76 m², mais 161,03 m² de passeio

Leia mais

RELATÓRIO 1ª MEDIÇÃO

RELATÓRIO 1ª MEDIÇÃO RELATÓRIO 1ª MEDIÇÃO OBRA: REFORMA DA SOBRELOJA E GARAGEM DO FÓRUM TRABALHISTA DE CURITIBA. CONTRATADA: TOWERING CONSTRUÇÃO CIVIL LTDA. Considerando a instituição da Comissão de Recebimento e Fiscalização

Leia mais

2 Trabalhos Em Terra 2.1 Escavações manuais m³ 156,15 19,46 3.038,68 79517/1 15,57 2.2 Aterro compactado m³ 109,00 34,06 3.712,54 55.

2 Trabalhos Em Terra 2.1 Escavações manuais m³ 156,15 19,46 3.038,68 79517/1 15,57 2.2 Aterro compactado m³ 109,00 34,06 3.712,54 55. 1 Serviços Iniciais 1.1 Placa para obra m² 2,00 329,21 658,42 74209/1 263,37 1.2 Barracão de obra em chapa de mad. Compensada, telha 4 mm m² 24,00 173,43 4.162,32 74242/1 138,74 1.3 Locação da obra m²

Leia mais

O prédio em construção, denominado Edifício Montcarlo, tem 12 pavimentos, sendo 01 subsolo, 01 pilotis e 10 pavimentos tipo.

O prédio em construção, denominado Edifício Montcarlo, tem 12 pavimentos, sendo 01 subsolo, 01 pilotis e 10 pavimentos tipo. DESCRIÇÕES PRELIMINARES O prédio em construção, denominado Edifício Montcarlo, tem 12 pavimentos, sendo 01 subsolo, 01 pilotis e 10 pavimentos tipo. Subsolo - Será composto de hall dos elevadores, depósito,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA MARIA DAS BARREIRAS

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA MARIA DAS BARREIRAS PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA MARIA DAS BARREIRAS PROJETO DE CONSTRUÇÃO DE GINÁSIO POLIESPORTIVO LOCAL: SEDE DO MUNICÍPIO MEMORIAL DESCRITIVO SANTA MARIA DAS BARREIRAS 2015 1 MEMORIAL DESCRITIVO 1- APRESENTAÇÃO

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO DE REFORMA DA USF CORNÉLIA DA CONCEIÇÃO BOM SUCESSO

MEMORIAL DESCRITIVO DE REFORMA DA USF CORNÉLIA DA CONCEIÇÃO BOM SUCESSO ANEXO X MEMORIAL DESCRITIVO REFORMA DO USF CORNÉLIA DA CONCEIÇÃO - BOMSUCESSO 1. Histórico A unidade de Saúde Familiar Cornélia da Conceição do Bairro Bom Sucesso atende cerca de 70 usuários por dia, abrangendo

Leia mais

TRABALHO DE CONSTRUÇÕES DE EDIFÍCIOS II

TRABALHO DE CONSTRUÇÕES DE EDIFÍCIOS II TRABALHO DE CONSTRUÇÕES DE EDIFÍCIOS II ORÇAMENTO E CRONOGRAMA FÍSICO FINANCEIRO PROF. ANA LÚCIA ALUNOS: Camila Dias Ferreira RA. 610542 Leandro Nogueira Ayres RA. 610593 Marília Machado Vaz RA. 610445

Leia mais

Tapume de chapa de madeira compensada de 10mm

Tapume de chapa de madeira compensada de 10mm PÁGINA 0001 020202 Limpeza do terreno,000000 UNIDADE: M2 ITEM: 0101 MO 1 SERVENTE H 0,250000 2,76 0,6900 36,13 020410 Tapume de chapa de madeira compensada de 10mm LEIS SOCIAIS -> 1,22 63,87 SUB-TOTAL

Leia mais

Planilha Orçamentária

Planilha Orçamentária Ministério da Educação Obra: Projeto Padrão FNDE - 04 SALAS DE AULA Município: Endereço: Planilha Orçamentária ITEM DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. QUANT. PR. UNIT.(R$) VALOR TOTAL 1.0 1.1 Placa de obra em

Leia mais

Especificação Técnica de Projeto N.º 009 ETP009 Lacres para unidade de medição.

Especificação Técnica de Projeto N.º 009 ETP009 Lacres para unidade de medição. SERVIÇO AUTONOMO DE ÁGUA E ESGOTO DE SOROCABA ETP 009 Especificação Técnica de Projeto N.º 009 ETP009 Lacres para unidade de medição. 1. Objetivo. Esta ETP 009, especificação Técnica de Projeto nº 009

Leia mais