ARTRÓPODES PROF. MARCELO MIRANDA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ARTRÓPODES PROF. MARCELO MIRANDA"

Transcrição

1 ARTRÓPODES

2 Filo Arthropoda (Artrópodes) Do grego, arthros = articulado e podos = pés; É o filo mais abundante em quantidade de espécies descritas (~1 milhão); Vivem em praticamente todos os tipos de ambientes; Existem espécies de vida livre e parasitas (exemplos?)

3 Filo Arthropoda (Artrópodes) Características Gerais: - Animais triblásticos; - Celomados; - Protostômios; - Simetria bilateral; - Segmentação (metameria); - Presença de Exoesqueleto; - Apêndices corporais.

4 Filo Arthropoda (Artrópodes) Características Gerais: - Animais triblásticos; - Celomados; - Protostômios; - Simetria bilateral; - Segmentação (metameria); - Presença de Exoesqueleto; - Apêndices corporais.

5 Filo Arthropoda (Artrópodes) Características Gerais: - Segmentação (metameria)

6 Filo Arthropoda (Artrópodes) Características Gerais: - Exoesqueleto: reveste externamente o corpo dos artrópodes e é constituído por quitina, um polissacarídeo;

7 Filo Arthropoda (Artrópodes) Características Gerais: - Exoesqueleto: reveste externamente o corpo dos artrópodes e é constituído por quitina, um polissacarídeo; - As longas moléculas de quitina formam uma armadura que recobre quase todo o corpo. Detalhe da cutícula Na articulações, o exoesqueleto quitinoso é formado por uma camada mais delgada, permitindo maior flexibilidade.

8 Filo Arthropoda (Artrópodes) Características Gerais: - Em alguns artrópodes, além da quitina, o exoesqueleto é impregnado externamente por carbonato de cálcio, formando couraças duras e espessas (siris, caranguejos e lagostas, por exemplo).

9 Filo Arthropoda (Artropódes) Características Gerais: - Em alguns artrópodes, além da quitina, o exoesqueleto é impregnado externamente por carbonato de cálcio, formando couraças duras e espessas (siris, caranguejos e lagostas, por exemplo). Vantagens do Exoesqueleto: - proteção; - a quitina é impermeável.

10 Filo Arthropoda (Artrópodes) Características Gerais: - Apêndices corporais articulados (patas,antenas, etc). Embora o nome do filo faça menção apenas aos pés, o corpo dos artrópodes possui muitas outras articulações.

11 Filo Arthropoda (Artrópodes) Características Gerais: - Essas características dos artrópodes contribuíram, em maior ou menor grau, para o sucesso evolutivo do grupo.

12

13 Filo Arthropoda (Artrópodes) Características Gerais: - Essas características dos artrópodes contribuíram, em maior ou menor grau, para o sucesso evolutivo do grupo: 1. Segmentação (importância?); 2. Exoesqueleto quitinoso (importância?); 3. Apêndices articulados (importância?).

14 Filo Arthropoda (Artrópodes) Características Gerais: Aspectos gerais da Fisiologia - Tubo digestório completo; - Sistema circulatório aberto (ou lacunar); - Sistema nervoso ganglionar (como nos filos estudados anteriormente); - Órgãos do sentido bem desenvolvidos; - Respiração branquial (espécies aquáticas) ou por traqueias (espécies terrestres); - Excreção por estruturas especializadas (glândulas verdes, glândulas coxais e túbulos de Malpighi); - Reprodução sexuada, indivíduos dióicos, fecundação interna e externa, desenvolvimento quase sempre indireto.

15 Filo Arthropoda (Artrópodes) Características Gerais: Aspectos gerais da Fisiologia - Crescimento: como é possível com um exoesqueleto rígido envolvendo o corpo? Ecdise (muda): -Trocas periódicas do exoesqueleto, permitindo o crescimento do corpo; - A epiderme secreta um novo exoesqueleto sob o antigo, que, por sua vez, fendese na região dorsal (na maioria das vezes), por onde o animal sai com um novo exoesqueleto ainda em formação.

16 - Inicialmente, o novo exoesqueleto é flexível e permite o crescimento do corpo do artrópode logo após a muda; - Depois de algum tempo o exoesqueleto endurece e o crescimento só pode continuar em uma nova ecdise.

17 Como seria a curva de crescimento de um animal que não sofre ecdise?

18 Filo Arthropoda (Artrópodes) Classes: - critérios: divisão (organização) do corpo, número de patas, número de antenas e presença ou ausência de asas.

19 Classe Insecta - corpo dividido em cabeça, tórax e abdômen - 3 pares de patas - 1 ou 2 pares de asas, ou nenhum - 1 par de antenas - Exemplos: borboletas, mosquitos, baratas

20 Classe Insecta - corpo dividido em cabeça, tórax e abdômen - 3 pares de patas - 1 ou 2 pares de asas, ou nenhum - 1 par de antenas - Exemplos: borboletas, mosquitos, baratas

21 ANATOMIA INTERNA DE UM GAFANHOTO Esôfago Glândula salivar Cecos gástricos Coração Espermateca Ânus Boca Intestino Ovário Túbulos de Malpighi Vagina

22 Tipos de desenvolvimento em insetos Ímago Não sofrem metamorfose AMETÁBOLO (traça-delivros) Sofrem metamorfose HEMIMETÁBOLO (gafanhoto) Ninfa com asas em formação HOLOMETÁBOLO (mosca-doméstica) Larva Pupa contida no pupário Adultos

23 Classe Crustacea - corpo dividido em cefalotórax e abdômen - 5 ou mais pares de patas - 2 pares de antenas - Exemplos: lagosta, camarão, siri, caranguejo.

24 ANATOMIA INTERNA DE UM LAGOSTIM (CRUSTÁCEO) Gânglio cerebral Glândula verde Boca Estômago Hepatopâncreas (glândula digestiva) Coração Vasos sangüíneos Gânglios nervosos Gônada Poro genital Intestino Ânus

25 Classe Aracnídeos - corpo dividido em cefalotórax e abdômen - 4 pares de patas - Exemplos: aranha, carrapato, ácaro, escorpião.

26 ANATOMIA INTERNA DE UMA ARANHA Vaso sangüíneo Glândula de veneno Gânglios cerebrais Estômago sugador Coração Hepatopâncreas Intestino Ovário Pedipalpo Ânus Quelícera Boca Cecos gástricos Pulmão foliáceo (filotraquéias) Poro genital feminino Glândulas da seda

27 Classe Diplopoda - corpo dividido em cabeça e tronco articulado - 2 pares de patas por segmento - Exemplo: piolho-de-cobra Classe Chilopoda - corpo dividido em cabeça e tronco articulado - 15 ou mais pares de patas (1 par por segmento) - Exemplos: lacraia, centopéia

28

29 Classe Crustacea - Muitos constituem o zooplâncton (importância?)

30 Classe Crustacea - Muitos constituem o zooplâncton (importância?)

31 Classe Crustacea - Habitat: aquático e terrestres; - Todos respiram por brânquias.

32 Classe Crustacea - Habitat: aquático e terrestres; - Todos respiram por brânquias; - Cracas: crustáceos sésseis com patas altamente modificadas. São animais filtradores.

33 Classe Crustacea - Habitat: aquático e terrestres; - Todos respiram por brânquias; - Reprodução: dióicos, fecundação interna e desenvolvimento indireto.

34 Classe Crustacea - Habitat: aquático e terrestres; - Todos respiram por brânquias; - Reprodução: dióicos, fecundação externa e desenvolvimento direto ou indireto; - Autotomia: capacidade de auto-amputar apêndices como patas e antenas, com posterior regeneração das partes perdidas (importância?)

35 Classe Crustacea - Habitat: aquático e terrestres; - Todos respiram por brânquias; - Reprodução: dióicos, fecundação externa e desenvolvimento direto ou indireto; - Autotomia: capacidade de auto-amputar apêndices como patas e antenas, com posterior regeneração das partes perdidas (importância?); - Importância para humanos: base de cadeia alimentar de muitos ecossistemas, alimentação humana, criação de organismos aquáticos (aquarismo),

36 Classe Insecta - Algumas espécies vivem em sociedade: Abelhas: - Uma colméia pode ter até 100 mil indivíduos; - Existem 3 castas: rainha, zangão e operárias. Rainha: fêmea fértil, diploide, cuja função é procriar. Zangão: macho haploide, sem ferrão cuja função é fecundar rainhas virgens. Depois morrem Operárias: fêmeas diploides estéreis com diversas funções produzem mel, cera, limpeza da colméia, coletam pólen das flores.

37 Classe Insecta - Algumas espécies vivem em sociedade: Abelhas: - Uma colméia pode ter até 100 mil indivíduos; - Existem 3 castas: rainha, zangão e operárias. Quando a rainha está sexualmente madura ela realiza o vôo nupcial e acasala com muitos zangões. Ela retorna à colméia e deposita 2 tipos de ovos: fecundados (fêmeas) e não fecundados (machos). As larvas são alimentadas com mel e as fêmeas que devem virar rainhas são alimentadas com geléia real.

38 Classe Insecta - Algumas espécies vivem em sociedade; - São invertebrados bem adaptados ao ambiente terrestre. Características importantes para o sucesso no ambiente terrestre: Exoesqueleto quitinoso (vantagens?) Revestimento

39 Classe Insecta - Algumas espécies vivem em sociedade; - São invertebrados bem adaptados ao ambiente terrestre. Características importantes para o sucesso no ambiente terrestre: Revestimento Sistema respiratório

40 Classe Insecta - Algumas espécies vivem em sociedade; - São invertebrados bem adaptados ao ambiente terrestre. Características importantes para o sucesso no ambiente terrestre: Revestimento Sistema respiratório Sistema excretor As substâncias que devem ser excretadas são retiradas da hemolinfa e lançadas na luz intestinal, por onde saem juntamente com as fezes (consequência?) (Economia de água)

41 Classe Insecta - Algumas espécies vivem em sociedade; - São invertebrados bem adaptados ao ambiente terrestre; - Reprodução: são dióicos, fecundação interna, desenvolvimento direto (mais raramente - ametábolos) e indireto (mais comum - holometábolos). A ecdise é muito comum, pois se trata de um mecanismo de crescimento na presença de um exoesqueleto rígido. - Lembrar que a partenogênese ocorre em algumas espécies (abelhas, pulgões, alguns mosquitos)

42 Classe Arachnida - Estruturas corporais

43 Classe Arachnida - Estruturas corporais aguilhão

44 Classe Arachnida - Estruturas corporais - Respiração O pulmão foliáceo são dobras da parede abdominal ventral, formando uma bolsa onde várias lamelas paralelas (lembrando as folhas de um livro entreaberto), altamente vascularizadas, realizam as trocas gasosas diretamente com o ar que entra por uma abertura do exoesqueleto.

45 Classe Arachnida - Estruturas corporais - Respiração

46 Classe Arachnida - Estruturas corporais - Respiração - Reprodução: dióicos, fecundação interna, desenvolvimento direto

47 Classe Arachnida - Estruturas corporais - Respiração - Reprodução: dióicos, fecundação interna, desenvolvimento direto - Aracnídeos de interesse médico no Brasil Viúva negra (Latrodectus sp.) Tarântula de jardim (Lycosa sp.)

48 Classe Arachnida - Estruturas corporais - Respiração - Reprodução: dióicos, fecundação interna, desenvolvimento direto - Aracnídeos de interesse médico no Brasil Armadeira (Phoneutria sp.) Aranha marrom (Loxosceles sp.)

49 Classe Arachnida - Estruturas corporais - Respiração - Reprodução: dióicos, fecundação interna, desenvolvimento direto - Aracnídeos de interesse médico no Brasil Escorpião amarelo (Tityus serrulatus) Só existem fêmeas (partenogênese) Escorpião marrom (Tityus baihensis)

Móds. 15 e 16. Setor 1403. Prof. Rafa

Móds. 15 e 16. Setor 1403. Prof. Rafa Móds. 15 e 16 Setor 1403 Prof. Rafa Representantes: crustáceos, Representantes: crustáceos, insetos, Representantes: crustáceos, insetos, aracnídeos, Representantes: crustáceos, insetos, aracnídeos, quilópodes

Leia mais

Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2015. www.tioronni.com

Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2015. www.tioronni.com Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2015. www.tioronni.com Filo Arthropoda exoesqueleto e patas articuladas. simetria bilateral triblásticos protostômios celomados metamerizados;

Leia mais

Artrópodes. - A enorme diversidade de adaptação destes animais permite que sobrevivam em todos os habitats.

Artrópodes. - A enorme diversidade de adaptação destes animais permite que sobrevivam em todos os habitats. Artrópodes - O filo Arthropoda (Artrópodes) possui um número muito grande de animais, o maior grupo com espécies diferentes; - A enorme diversidade de adaptação destes animais permite que sobrevivam em

Leia mais

Artrópodes. Profº Fernando Belan - BIOLOGIA MAIS

Artrópodes. Profº Fernando Belan - BIOLOGIA MAIS Artrópodes Profº Fernando Belan - BIOLOGIA MAIS Artrópodes Triblásticos Celomados Protostômios Simetria Bilateral Artrópodes Sistema nervosos ganglionar ventral hiponeuro. Sistema digestório completo Sistema

Leia mais

Compreensão das diferenças entre os artrópodes, crustáceos, insetos, aracnídeos, quilópodes e diplópodes, reconhecendo suas características

Compreensão das diferenças entre os artrópodes, crustáceos, insetos, aracnídeos, quilópodes e diplópodes, reconhecendo suas características Compreensão das diferenças entre os artrópodes, crustáceos, insetos, aracnídeos, quilópodes e diplópodes, reconhecendo suas características O que são artrópodes? Para que servem? Onde podem ser encontrados?

Leia mais

Corpo segmentado e dividido em cabeça, tórax e abdome, podendo alguns apresentar cefalotórax (= cabeça + tórax) e abdome.

Corpo segmentado e dividido em cabeça, tórax e abdome, podendo alguns apresentar cefalotórax (= cabeça + tórax) e abdome. OS ARTRÓPODES Prof. André Maia Apresentam pernas articuladas com juntas móveis. São triblásticos, celomados e dotados de simetria bilateral. Corpo segmentado e dividido em cabeça, tórax e abdome, podendo

Leia mais

BIOVESTIBA.NET BIOLOGIA VIRTUAL Profº Fernando Teixeira UFRGS REINO ANIMAL - INVERTEBRADOS

BIOVESTIBA.NET BIOLOGIA VIRTUAL Profº Fernando Teixeira UFRGS REINO ANIMAL - INVERTEBRADOS UFRGS REINO ANIMAL - INVERTEBRADOS 1. (Ufrgs 2015) Com base nas características dos moluscos, assinale com V (verdadeiro) ou F (falso) as afirmações abaixo. ( ) Os moluscos apresentam simetria radial.

Leia mais

Artrópodes. Os representantes do Filo Arthropoda (arthro= articulação, podes=pés) são animais com pernas articuladas.

Artrópodes. Os representantes do Filo Arthropoda (arthro= articulação, podes=pés) são animais com pernas articuladas. Artrópodes Os representantes do Filo Arthropoda (arthro= articulação, podes=pés) são animais com pernas articuladas. Todos os artrópodes possuem um exoesqueleto (esqueleto externo), uma carapaça formada

Leia mais

Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2015. www.tioronni.com

Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2015. www.tioronni.com Criado e Desenvolvido por: Todos os direitos são reservados 2015. www.tioronni.com INVERTEBRADOS II ARTRÓPODES Características gerais Corpo segmentado Apêndices articulados coxa trocânter fêmur tíbia garras

Leia mais

Aspectos Gerais - Nome: articulação nos pés. - Maior filo de animais + de 900.000 sp. (3/4 dos animais conhecidos). - Exoesqueleto quitinoso -

Aspectos Gerais - Nome: articulação nos pés. - Maior filo de animais + de 900.000 sp. (3/4 dos animais conhecidos). - Exoesqueleto quitinoso - ARTRÓPODES FILO ARTHROPODA - Sistema digestório completo e sistema circulatório aberto; - Sistema respiratório variável: branquial, traqueal ou filotraqueal; - Sistema excretor por túbulos de Malpighi,

Leia mais

Grupo mais bem sucedido em nº de espécies Exploram mais diferentes ambientes Crustáceos, Aracnídeos, Insetos, Diplópodes e Quilópodes Importância:

Grupo mais bem sucedido em nº de espécies Exploram mais diferentes ambientes Crustáceos, Aracnídeos, Insetos, Diplópodes e Quilópodes Importância: Grupo mais bem sucedido em nº de espécies Exploram mais diferentes ambientes Crustáceos, Aracnídeos, Insetos, Diplópodes e Quilópodes Importância: Alimentação camarão, siris, lagostas,mel Médica uso de

Leia mais

Curso Wellington Biologia Artrópodes Crustáceos Prof Hilton Franco

Curso Wellington Biologia Artrópodes Crustáceos Prof Hilton Franco 1. Num restaurante do litoral paranaense, havia vários pratos típicos. Qual das alternativas mostra a relação correta, uma vez que o garçom não sabia identificar quais pratos eram feitos com moluscos e

Leia mais

Filo Porífera. Esponjas

Filo Porífera. Esponjas Filo Porífera Esponjas Filo Porifera Osculo Átrio Pinacócitos Amebócito poros Porocito Espícula Flagelo Esponja Mesogléia Coanócito Gonócito Pinacócito Espícula Átrio Póro Porócito Arqueócito Meio Externo

Leia mais

6) Assinale a alternativa que mostra o filo, cujos representantes são os animais menos complexos.

6) Assinale a alternativa que mostra o filo, cujos representantes são os animais menos complexos. ESCOLA ESTADUAL DR JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA TRABALHO ESTUDOS INDEPENDENTES DE RECUPERAÇÃO RESOLUÇÃO SEE Nº 2.197, DE 26 DE OUTUBRO DE 2012 Aluno: Ano Atual Data : Matéria: Turno: Valor :70pontos Nota:

Leia mais

Móds. 15 ao 18. Setor Prof. Rafa

Móds. 15 ao 18. Setor Prof. Rafa Móds. 15 ao 18 Setor 1423 Prof. Rafa Representantes: crustáceos, Representantes: crustáceos, insetos, Representantes: crustáceos, insetos, aracnídeos, Representantes: crustáceos, insetos, aracnídeos, quilópodes

Leia mais

11. Protozoários e invertebrados

11. Protozoários e invertebrados 11. Protozoários e invertebrados 1. (U. Amazonas-AM) De acordo com o sistema atual de classificação dos seres vivos, os que aparecem abaixo pertencem ao reino: Trypanosoma Euglena Ameba a) Monera. d) Plantae.

Leia mais

REINO ANIMAL PORÍFEROS CNIDÁRIOS PLATELMINTOS NEMATELMINTOS ANELÍDEOS MOLUSCOS ARTRÓPODES EQUINODERMOS CORDADOS

REINO ANIMAL PORÍFEROS CNIDÁRIOS PLATELMINTOS NEMATELMINTOS ANELÍDEOS MOLUSCOS ARTRÓPODES EQUINODERMOS CORDADOS REINO ANIMAL PORÍFEROS CNIDÁRIOS PLATELMINTOS NEMATELMINTOS ANELÍDEOS MOLUSCOS ARTRÓPODES EQUINODERMOS CORDADOS NÃO POSSUI TECIDOS VERDADEIROS (ESPECIALIZADOS). DIGESTÃO É INTRACELULAR. PORÍFEROS

Leia mais

BIOLOGIA Diversidade da Vida Exercícios complementares Gimnospermas, angiospermas e artrópodes

BIOLOGIA Diversidade da Vida Exercícios complementares Gimnospermas, angiospermas e artrópodes 1. (FGV) As plantas portadoras de frutos surgiram na Terra depois das coníferas, provavelmente há cerca de 135 milhões de anos. A análise dos fósseis indica que a quantidade de angiospermas foi rapidamente

Leia mais

Biologia. Questão 1. Questão 2. Avaliação: Aluno: Data: Ano: Turma: Professor:

Biologia. Questão 1. Questão 2. Avaliação: Aluno: Data: Ano: Turma: Professor: Avaliação: Aluno: Data: Ano: Turma: Professor: Biologia Questão 1 (Fuvest 2010) Um determinado animal adulto é desprovido de crânio e apêndices articulares. Apresenta corpo alongado e cilíndrico. Esse

Leia mais

BIOLOGIA - 3 o ANO MÓDULO 56 REINO ANIMAL

BIOLOGIA - 3 o ANO MÓDULO 56 REINO ANIMAL BIOLOGIA - 3 o ANO MÓDULO 56 REINO ANIMAL ocelos (olhos) superfície dorsal faringe boca superfície ventral cabeça ou escólex colo no homem tronco ou estróbilo autofecundação tênia adulta cisticerco no

Leia mais

Curso Wellington:Biologia - Reino Animal - Artrópodes - Aracnídeos - Prof Hilton Franco

Curso Wellington:Biologia - Reino Animal - Artrópodes - Aracnídeos - Prof Hilton Franco 1. Durante uma aula de campo no litoral do Paraná, um aluno fez vários comentários ao encontrar e observar uma série de organismos. Com base em seus conhecimentos sobre os seres vivos, identifique as afirmativas

Leia mais

Curso Wellington: Biologia-Artrópode-Miriápodes- Características Gerais e Classificação Prof Hilton Franco

Curso Wellington: Biologia-Artrópode-Miriápodes- Características Gerais e Classificação Prof Hilton Franco 1. A cigarra e a formiga Era uma vez uma cigarra que vivia cantando, sem se preocupar com o futuro. Encontrando uma formiga que carregava uma folha pesada, falou: - Para que todo esse trabalho? O verão

Leia mais

BIOLOGIA Transmissão da Vida Exercícios complementares Heranças sexuais e aneuploidias

BIOLOGIA Transmissão da Vida Exercícios complementares Heranças sexuais e aneuploidias 01 - (UNIFOR CE) A figura abaixo mostra três fases do ciclo de vida de uma planta. c) Apenas a proposição III é correta. d) Apenas as proposições I e II são corretas. e) Todas as proposições são corretas.

Leia mais

Zoologia e Botânica. Biologia Monitores: Julio Junior e Thamirys Moraes 16, 17, 18 e 20/12/2015. Material de Apoio para Monitoria

Zoologia e Botânica. Biologia Monitores: Julio Junior e Thamirys Moraes 16, 17, 18 e 20/12/2015. Material de Apoio para Monitoria Zoologia e Botânica 1. A doença de Chagas atinge milhões de brasileiros, que podem apresentar, como sintoma, problemas no miocárdio, que levam à insuficiência cardíaca. Por que, na doença de Chagas, ocorre

Leia mais

CIÊNCIAS E PROGRAMA DE SAÚDE

CIÊNCIAS E PROGRAMA DE SAÚDE GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO CIÊNCIAS E PROGRAMA DE SAÚDE 07 CEEJA MAX DADÁ GALLIZZI PRAIA GRANDE - SP 0 A alma da gente durante a vida, produz uma quantidade imensa

Leia mais

2ª SÉRIE ENS. MÉDIO MONITORIA DE BIOLOGIA 1 (OBJ. 2º PERÍODO) EXERCÍCIOS A B C CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN

2ª SÉRIE ENS. MÉDIO MONITORIA DE BIOLOGIA 1 (OBJ. 2º PERÍODO) EXERCÍCIOS A B C CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN 2ª SÉRIE ENS. MÉDIO MONITORIA DE BIOLOGIA 1 (OBJ. 2º PERÍODO) EXERCÍCIOS 1. Um tipo de característica que pode ser levada em conta quando vamos trabalhar com Biologia Comparada são as características observadas

Leia mais

Solução Comentada Prova de Biologia

Solução Comentada Prova de Biologia 11. Em relação à importância dos organismos autotróficos na modificação da atmosfera na Terra primitiva, analise as proposições abaixo e marque com V as verdadeiras e com F as falsas. 1 ( ) Com a liberação

Leia mais

01. Quando comparamos o caramujo e o caranguejo representados nas tiras abaixo, podemos afirmar corretamente que:

01. Quando comparamos o caramujo e o caranguejo representados nas tiras abaixo, podemos afirmar corretamente que: Aula n ọ 02 01. Quando comparamos o caramujo e o caranguejo representados nas tiras abaixo, podemos afirmar corretamente que: a) utilizam-se do ar atmosférico para respirar através de pulmão. b) o caramujo

Leia mais

Artrópodes. Características gerais: Celomados Protostômios Triblásticos. Corpo segmentado com apêndices articulados

Artrópodes. Características gerais: Celomados Protostômios Triblásticos. Corpo segmentado com apêndices articulados Artrópodes Características gerais: Celomados Protostômios Triblásticos Artrópodes Corpo segmentado com apêndices articulados Exoesqueleto de quitina (polissacarídeo) impermeável e resistente Conseqüência:

Leia mais

CARACTERÍSTICAS: O corpo dos insetos e formado por três regiões: cabeça, tórax e abdome. Na cabeça das insetos, podemos notar antenas, olhos e peças

CARACTERÍSTICAS: O corpo dos insetos e formado por três regiões: cabeça, tórax e abdome. Na cabeça das insetos, podemos notar antenas, olhos e peças ARTRÓPODES INTRODUÇÃO: Derntro do estudo dos invertebrados, o filo artrópodes merece atenção especial. Ele agrupa mais de 800 mil espécies, contia que supera todos os demais filos reunidos. Além disso,

Leia mais

Exercícios com Gabarito de Biologia I 2º ano Professor Leandro

Exercícios com Gabarito de Biologia I 2º ano Professor Leandro 1. O 'Ancylostoma' é um parasita intestinal que provoca o "amarelão", doença que se pode adquirir: a) por picada de um hemíptero (barbeiro). b) comendo carne de porco mal cozida. c) comendo carne bovina

Leia mais

NOME: N CADERNO DE REC. PARALELA DE BIOLOGIA 2º ANO EM TURMA 222 PROFª FERNANDA 2º BIMESTRE

NOME: N CADERNO DE REC. PARALELA DE BIOLOGIA 2º ANO EM TURMA 222 PROFª FERNANDA 2º BIMESTRE DATA: / / 1925 *** COLÉGIO MALLET SOARES *** 2014 89 ANOS DE TRADIÇÃO, RENOVAÇÃO E QUALIDADE DEPARTAMENTO DE ENSINO NOTA: NOME: N CADERNO DE REC. PARALELA DE BIOLOGIA 2º ANO EM TURMA 222 PROFª FERNANDA

Leia mais

Tabela de biologia - Anatomia Comparada SISTEMAS / GRUPOS ANIMAIS

Tabela de biologia - Anatomia Comparada SISTEMAS / GRUPOS ANIMAIS Tabela de biologia - Anatomia Comparada Tabela de anatomia comparada S / S ESPONGIÁRIOS Externamente o corpo é revestido por uma camada de células achatadas, os pinacócitos. Possuem um esqueleto interno

Leia mais

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 59 ARTRÓPODOS E EQUINODERMOS

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 59 ARTRÓPODOS E EQUINODERMOS BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 59 ARTRÓPODOS E EQUINODERMOS ixação F ) (UFF) Assim como os moluscos, anelídeos e artrópodes, os equinodermos também são 2 nvertebrados triploblásticos e celomados. A larva

Leia mais

Colégio São Paulo. Disciplina: Ciências Profª. Marana Vargas 7º ano

Colégio São Paulo. Disciplina: Ciências Profª. Marana Vargas 7º ano Colégio São Paulo Disciplina: Ciências Profª. Marana Vargas 7º ano Características principais do Reino Animalia Reúne organismos eucariotos, pluricelulares e com nutrição heterotrófica. O reino apresenta

Leia mais

Respostas. Capítulo 21: O filo artrópodes (II)

Respostas. Capítulo 21: O filo artrópodes (II) Respostas Capítulo 21: O filo artrópodes (II) 1. E Ao se observar a situação experimental da questão se conclui que com relação às formigas (artrópodes da classe dos insetos) o olfato é o sentido utilizado

Leia mais

Prof Thiago Scaquetti de Souza

Prof Thiago Scaquetti de Souza Prof Thiago Scaquetti de Souza Moluscos Animais de corpo mole Os moluscos são os animais de corpo mole, habitam ambientes terrestres e aquáticos. Representantes: ostra, lula, polvo, sépia, lesma e caracol.

Leia mais

ARTRÓPODES INSETOS, CRUSTÁCEOS, ARACNÍDEOS, QUILÓPODES E DIPLÓPODES. Profa. Monyke Lucena

ARTRÓPODES INSETOS, CRUSTÁCEOS, ARACNÍDEOS, QUILÓPODES E DIPLÓPODES. Profa. Monyke Lucena ARTRÓPODES INSETOS, CRUSTÁCEOS, ARACNÍDEOS, QUILÓPODES E DIPLÓPODES Profa. Monyke Lucena CARACTERÍSTICAS GERAIS Os artrópodes, o grupo mais numeroso de animais, reúnem mais de 1 milhão de espécies catalogados.

Leia mais

Flávio Oliveira Higino Email: fohigino@gmail.com

Flávio Oliveira Higino Email: fohigino@gmail.com Flávio Oliveira Higino Email: fohigino@gmail.com O filo é dividido em três classes: Turbelários: Planária (VIDA LIVRE) Trematódeos: Schistosoma sp (PARASITAS) Cestódeos: Taenia sp (PARASITAS) Corpo achatado

Leia mais

Cara-a-cara com o Reino Animal

Cara-a-cara com o Reino Animal Cara-a-cara com o Reino Animal Vivian Lavander Mendonça, Renata Moretti e Sônia Lopes Departamento de Zoologia Instituto de Biociências Universidade de São Paulo Resumo O jogo é constituído por conjuntos

Leia mais

Filo MOLLUSCA. Prof(a) Karla Mirella

Filo MOLLUSCA. Prof(a) Karla Mirella Filo MOLLUSCA Prof(a) Karla Mirella MOLUSCOS Representantes: Lulas, Polvos, lesmas, caracóis, mariscos, ostras, mexilhões, sépias, náutilos, quíton... Depois de artrópodes, é o segundo maior filo do Reino

Leia mais

ARTRÓPODES. Capítulo 8- Sistema Poliedro de Ensino Professora Giselle Cherutti

ARTRÓPODES. Capítulo 8- Sistema Poliedro de Ensino Professora Giselle Cherutti ARTRÓPODES Capítulo 8- Sistema Poliedro de Ensino Professora Giselle Cherutti Evolução dos Artrópodes O filo com o maior nº de espécies do mundo TRILOBITA Origem do grego Artro= articulação e podos= patas

Leia mais

Reino Animalia 0 (Metazoa) Filo Arthropoda. Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com http://proenem.sites.ufms.br/

Reino Animalia 0 (Metazoa) Filo Arthropoda. Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com http://proenem.sites.ufms.br/ Reino Animalia 0 (Metazoa) Filo Arthropoda Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com http://proenem.sites.ufms.br/ Reino Animalia Filos: 1) Porifera; 2) Cnidaria; 3) Platyhelminthes; 4) Nematoda;

Leia mais

Aula 4 Os animais. Os seres vivos são classificados nos Reinos:

Aula 4 Os animais. Os seres vivos são classificados nos Reinos: Aula 4 Os animais Os seres vivos apresentam uma diversidade muito grande; a cada ano, novas espécies vêm sendo descritas. Fica compreensível a necessidade de um sistema de classificação para a organização

Leia mais

Professora Leonilda Brandão da Silva

Professora Leonilda Brandão da Silva COLÉGIO ESTADUAL HELENA KOLODY E.M.P. TERRA BOA - PARANÁ Professora Leonilda Brandão da Silva E-mail: leonildabrandaosilva@gmail.com Capítulo 17 - ARTRÓPODES p.250 Você sabe qual é o animal mais forte

Leia mais

Curso Wellington Biologia Reino Animal - Equinodermos Prof Hilton Franco

Curso Wellington Biologia Reino Animal - Equinodermos Prof Hilton Franco 1. Esta é a turma do Bob Esponja: Lula Molusco é supostamente uma lula; Patric, uma estrela-do-mar; o Sr. Siriguejo, um caranguejo; e Bob é supostamente uma esponja-do-mar. Cada um, portanto, pertence

Leia mais

Artrópodes. Profº Fernando Belan - BIOLOGIA MAIS

Artrópodes. Profº Fernando Belan - BIOLOGIA MAIS Artrópodes Profº Fernando Belan - BIOLOGIA MAIS Artrópodes Triblásticos Celomados Protostômios Simetria Bilateral Artrópodes Sistema nervosos ganglionar ventral hiponeuro. Sistema digestório completo Sistema

Leia mais

ATIVIDADES. BA.10: Moluscos e Equinodermos BIOLOGIA

ATIVIDADES. BA.10: Moluscos e Equinodermos BIOLOGIA ATIVIDADES 1. (UERJ 2006) Um ecossistema pode ser drasticamente alterado pelo surgimento ou pelo desaparecimento de espécies de seres vivos. a) Um ambiente em equilíbrio é habitado por indivíduos pertencentes

Leia mais

CICLO DE VIDA E REPRODUÇÃO. Professora Stella Maris

CICLO DE VIDA E REPRODUÇÃO. Professora Stella Maris CICLO DE VIDA E REPRODUÇÃO Professora Stella Maris CIGARRAS CANTAM ATÉ ESTOURAR? Fonte: https://cienciasnoseculoxxi.wordpress.com/tag/inseto-hemimetabolo/ CICLO DE VIDA DA CIGARRA Ciclo de vida das cigarras

Leia mais

ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO PARALELA - BIOLOGIA PROFESSOR (A): Renato Azevedo TURMA: 1ª série EM

ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO PARALELA - BIOLOGIA PROFESSOR (A): Renato Azevedo TURMA: 1ª série EM ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO PARALELA - BIOLOGIA PROFESSOR (A): Renato Azevedo TURMA: 1ª série EM REVISÃO 1) Os moluscos bivalvos (ostras e mexilhões) são organismos economicamente importantes como fonte

Leia mais

Pág. 1 COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO - COPESE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD REFERÊNCIAS PARA CORREÇÃO PROVA DE BIOLOGIA

Pág. 1 COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO - COPESE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD REFERÊNCIAS PARA CORREÇÃO PROVA DE BIOLOGIA 1) O processo fotossintético é fundamental para a vida das plantas. a) Explique por que uma planta mantida em uma intensidade de radiação abaixo do seu ponto de compensação luminoso não cresce. Por que

Leia mais

FILO ARTRÓPODE PROFESSOR :ÉDER

FILO ARTRÓPODE PROFESSOR :ÉDER FILO ARTRÓPODE PROFESSOR :ÉDER CARACTERÍSTICAS GERAIS Do grego, arthros = articulado e podos = pés; Constitui o filo mais abundante em quantidade de espécies descritas ; Vivem em praticamente todos os

Leia mais

FICHA PARA CATÁLOGO: PRODUÇÃO DIDÁTICA PEDAGÓGICA. Artrópodes e Jogos Pedagógicos para auxiliar na aprendizagem

FICHA PARA CATÁLOGO: PRODUÇÃO DIDÁTICA PEDAGÓGICA. Artrópodes e Jogos Pedagógicos para auxiliar na aprendizagem FICHA PARA CATÁLOGO: PRODUÇÃO DIDÁTICA PEDAGÓGICA Título Artrópodes e Jogos Pedagógicos para auxiliar na aprendizagem Autor Disciplina/Área (ingresso no PDE) Escola de Implementação do Projeto e sua localização

Leia mais

O quadro abaixo apresenta características de alguns filos animais. Analise-o.

O quadro abaixo apresenta características de alguns filos animais. Analise-o. BIOLOGIA - SEMI/NOITE PROF. SÓSTENEZ 10/05/2016 Questão 01 - (UNIMONTES MG) O quadro abaixo apresenta características de alguns filos animais. Analise-o. Assinale a alternativa que apresenta a sequência

Leia mais

Artrópodes. - A enorme diversidade de adaptação destes animais permite que sobrevivam em todos os habitats.

Artrópodes. - A enorme diversidade de adaptação destes animais permite que sobrevivam em todos os habitats. Artrópodes - O filo Arthropoda (Artrópodes) possui um número muito grande de animais, o maior grupo com espécies diferentes; - A enorme diversidade de adaptação destes animais permite que sobrevivam em

Leia mais

EXERCÍCIOS DE BIOLOGIA RECUPERAÇÃO FINAL 2º ANO - EM PROFª. MARCELLA BRAGA

EXERCÍCIOS DE BIOLOGIA RECUPERAÇÃO FINAL 2º ANO - EM PROFª. MARCELLA BRAGA EXERCÍCIOS DE BIOLOGIA RECUPERAÇÃO FINAL 2º ANO - EM PROFª. MARCELLA BRAGA 1) O diagrama abaixo representa uma das hipóteses sobre a evolução dos animais metazoários. Nele, os retângulos com os números

Leia mais

Zoologia. Os Grandes Filos Animais

Zoologia. Os Grandes Filos Animais Zoologia Os Grandes Filos Animais Poríferos Aquáticos: marinhos dulcícolas Bentônicos (sésseis) Diblásticos e acelomados Simetria radial Digestão intracelular Ausência de sistemas funcionais Sustentação:

Leia mais

Cap. 18 Artrópodes: Características e clasificação

Cap. 18 Artrópodes: Características e clasificação Cap. 18 Artrópodes: Características e clasificação Apresentam metameria, com presença de fusão de segmentos (tagmas). Maior parte apresenta a subdivisão que formam a cabeça, o tórax e o abdome; Presença

Leia mais

Filo Arthropoda. Capítulo 11 aulas 40 a 44. Page 1

Filo Arthropoda. Capítulo 11 aulas 40 a 44. Page 1 Filo Arthropoda Capítulo 11 aulas 40 a 44 Page 1 Você já teve acne??? O que será que isso tem a ver com a nossa aula??? Page 2 Características gerais É o grupo mais numeroso de seres vivos; Aproximadamente

Leia mais

BIOLOGIA ZOOLOGIA PROF ESTEVAM REINO ANIMAL

BIOLOGIA ZOOLOGIA PROF ESTEVAM REINO ANIMAL BIOLOGIA ZOOLOGIA PROF ESTEVAM CONTEÚDO: Os diversos filos animais REINO ANIMAL FILO PROTOZOA (Proto = primeiro, primitivo e Zoon = animal) Classe Rhizopoda amebas. Classe Ciliata paramécios. Classe Flagelata

Leia mais

ATIVIDADES DE CIÊNCIAS 4º BIMESTRE INVERTEBRADOS II MOLUSCOS, ARACNÍDEOS, ANELÍDEOS E CRUSTÁCEOS

ATIVIDADES DE CIÊNCIAS 4º BIMESTRE INVERTEBRADOS II MOLUSCOS, ARACNÍDEOS, ANELÍDEOS E CRUSTÁCEOS ATIVIDADES DE CIÊNCIAS 4º BIMESTRE INVERTEBRADOS II MOLUSCOS, ARACNÍDEOS, ANELÍDEOS E CRUSTÁCEOS 1. Adivinhe quem sou eu: a) Meu corpo é mole e sem segmento, além de ser dividido em cabeça, pé e massa

Leia mais

Grupo de maior sucesso evolutivo: encontrados em praticamente todos os ambientes. Apêndices articulados Correr, nadar, saltar, escavar, copular...

Grupo de maior sucesso evolutivo: encontrados em praticamente todos os ambientes. Apêndices articulados Correr, nadar, saltar, escavar, copular... Grupo de maior sucesso evolutivo: encontrados em praticamente todos os ambientes Apêndices articulados Correr, nadar, saltar, escavar, copular... Exoesqueleto quitinoso Proteção contra agressões e desidratação

Leia mais

Fazem troca do exoesqueleto Simetria Bilateral O nome deriva-se do fato de terem patas articuladas

Fazem troca do exoesqueleto Simetria Bilateral O nome deriva-se do fato de terem patas articuladas Filo Artrópode Filo Artrópode Acredita-se que tenham evoluído dos anelídeos São animais invertebrados de corpo segmentado (metamerizado) Corpo revestido de exoesqueleto feito de quitina Grupo diverso

Leia mais

CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 7º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ

CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 7º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO CIÊNCIAS PROVA 3º BIMESTRE 7º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ 2010 01. Cavalos,

Leia mais

BA B.. 0 6 0 6 Inv n e v rt r e t bra r dos o s m ais s si s m i ple l s s ( p ( la l t a e t lm l in i t n o t s o ) s Apostila 1 Pág.

BA B.. 0 6 0 6 Inv n e v rt r e t bra r dos o s m ais s si s m i ple l s s ( p ( la l t a e t lm l in i t n o t s o ) s Apostila 1 Pág. BA. 06 Invertebrados mais simples (platelmintos) Apostila 1 Pág. 34 REINO ANIMAL OU METAZOA -Pluricelular Eucarionte Heterótrofo - sem parede celular - PORÍFEROS Esponjas - CNIDÁRIOS Águas vivas, corais,

Leia mais

Resoluções de Exercícios

Resoluções de Exercícios Resoluções de Exercícios BIOLOGIA IV 01 Embriologia Humana A espermatogônia é uma célula diploide (2n) e o espermatócito II é uma célula haploide (n), portanto, a espermatogônia terá o dobro do número

Leia mais

BIOLOGIA Professor: Doo

BIOLOGIA Professor: Doo BIOLOGIA Professor: Doo Aluno(a): 29/09/2014 Caracterísitcas gerais FILO ARTRÓPODES Exoesqueleto quitinoso Sofrem ecdses Apêndices articulados São segmentados Triblásticos Celomados Esquizocelomados Protostomados

Leia mais

O reino Animalia. Os animais e sua classificação. Invertebrados e vertebrados T E M A 2

O reino Animalia. Os animais e sua classificação. Invertebrados e vertebrados T E M A 2 O reino Animalia T E M A 2 53 54 UNIDADE 2 Os animais e sua classificação Neste tema, você avançará em seus conhecimentos sobre os seres vivos, ao estudar o reino Animalia Vai identificar alguns grupos

Leia mais

Filos: Poríferos Cnidários Platelmintos- Nematelmintos Anelídeos Moluscos Artrópodes - Equinodermos Cordatas. Professora Débora Biologia

Filos: Poríferos Cnidários Platelmintos- Nematelmintos Anelídeos Moluscos Artrópodes - Equinodermos Cordatas. Professora Débora Biologia Filos: Poríferos Cnidários Platelmintos- Nematelmintos Anelídeos Moluscos Artrópodes - Equinodermos Cordatas Professora Débora Biologia Filo Poríferos Esponjas Filo Poríferos Características São todas

Leia mais

a) Indique a que filo cada um dos animais pertence: A: B:

a) Indique a que filo cada um dos animais pertence: A: B: valiação 1. baixo, temos a imagem de dois animais marinhos. mbos são muito simples estruturalmente. Observe ambos e responda aos questionamentos. Imagin/rchivo SM/ID/ES Imagin/rchivo SM/ID/ES a) Indique

Leia mais

Moluscos, animais de corpo mole

Moluscos, animais de corpo mole Moluscos, animais de corpo mole Animais com sistema circulatório, sistema respiratório e celoma verdadeiro Equipe de Biologia Relação filogenética do filo Mollusca http://www.vejaki.com.br/page/168/ Representantes

Leia mais

Moluscos, animais de corpo mole

Moluscos, animais de corpo mole Moluscos, animais de corpo mole Animais com sistema circulatório, sistema respiratório e celoma verdadeiro Equipe de Biologia Relação filogenética do filo Mollusca http://www.vejaki.com.br/page/168/ http://comdek888.wordpress.com/2010/05/19

Leia mais

Revisão de Ciências 3 Trimestre 7 anos

Revisão de Ciências 3 Trimestre 7 anos PARNAMIRIM - RN Revisão de Ciências 3 Trimestre 7 anos Prof. José Roberto E Raphaella Madruga. Nematódeo Vermes de corpo cilíndrico, coberto por cutícula. Apresentam sexos separados (dimorfismo sexual

Leia mais

COLÉGIO MONS. JOVINIANO BARRETO 52 ANOS DE HISTÓRIA ENSINO E DISCIPLINA

COLÉGIO MONS. JOVINIANO BARRETO 52 ANOS DE HISTÓRIA ENSINO E DISCIPLINA GABARITO AV. PARCIAL DISCIPLINA: QUI. I e II / BIO. I e II COLÉGIO MONS. JOVINIANO BARRETO 52 ANOS DE HISTÓRIA ENSINO E DISCIPLINA QUEM NÃO É O MAIOR TEM QUE SER O MELHOR Rua Frei Vidal, 1621 São João

Leia mais

Exercício de Sondagem

Exercício de Sondagem Exercício de Sondagem 1. Quanto às enzimas, pode-se dizer que: A) São proteínas com funções catalisadoras químicas orgânicas que aumentam a velocidade das reações químicas viáveis. B) São substâncias altamente

Leia mais

a) Classifique os animais listados na 2ª coluna de acordo com os grupos zoológicos numerados de 1 a 7, na 1ª coluna.

a) Classifique os animais listados na 2ª coluna de acordo com os grupos zoológicos numerados de 1 a 7, na 1ª coluna. Questão 1: O estado de conservação das espécies de invertebrados terrestres brasileiros foi recentemente publicado pelo Ministério do Meio Ambiente. Na lista oficial da fauna brasileira ameaçada de extinção,

Leia mais

REVISÃO PROTOZOÁRIOS, FUNGOS, PORÍFEROS E PLATELMINTOS

REVISÃO PROTOZOÁRIOS, FUNGOS, PORÍFEROS E PLATELMINTOS REVISÃO PROTOZOÁRIOS, FUNGOS, PORÍFEROS E PLATELMINTOS REINO PROTOCTISTA Reino Protoctista - Protozoários Eucariontes, unicelulares (alguns coloniais) Vida livre e parasitária Relações Ecológicas: mutualismo

Leia mais

TÉCNICO EM AGROECOLOGIA U.C. SANIDADE VEGETAL ARTRÓPODES

TÉCNICO EM AGROECOLOGIA U.C. SANIDADE VEGETAL ARTRÓPODES TÉCNICO EM AGROECOLOGIA U.C. SANIDADE VEGETAL ARTRÓPODES CARACTERÍSTICAS BÁSICAS ARTHROPODA Exoesqueleto quitinoso Bilatérios Filo mais numeroso Características que definem o Grupo Apêndices articulados

Leia mais

FILO ARTHROPODA - INTRODUÇÃO

FILO ARTHROPODA - INTRODUÇÃO Entomologia Entomologia veterinária: é o estudo de insetos de importância veterinária, num sentido mais amplo que engloba inclusive os aracnídeos (carrapatos e ácaros). Filo Arthropoda O filo arthropoda

Leia mais

ESPONJA DO MAR CORAL CÉREBRO. MEDUSA ou ÁGUA-VIVA HIDRA PLANÁRIA TERRESTRE. ESCÓLEX de TÊNIA LOMBRIGA. NEMATÓIDE de VIDA LIVRE

ESPONJA DO MAR CORAL CÉREBRO. MEDUSA ou ÁGUA-VIVA HIDRA PLANÁRIA TERRESTRE. ESCÓLEX de TÊNIA LOMBRIGA. NEMATÓIDE de VIDA LIVRE ESPONJA DO MAR Filo Porifera Os poríferos coloniais, como o da foto, são muito comuns nos mares brasileiros. (cerca de 5 cm de altura) HIDRA Filo Cnidaria Classe Hydrozoa Vive em água doce; em seu ciclo

Leia mais

Revestimento do Corpo ou tegumento. Proteção contra a ações do Ambiente. - Depende do ambiente e do modo de vida.

Revestimento do Corpo ou tegumento. Proteção contra a ações do Ambiente. - Depende do ambiente e do modo de vida. Sistemas Funcionais Revestimento do Corpo ou tegumento Proteção contra a ações do Ambiente. - Depende do ambiente e do modo de vida. a) Esqueleto Sustentação Invertebrados: esqueletos calcários. Nos artrópodes

Leia mais

Filo Platyhelminthes. Planos de Simetria

Filo Platyhelminthes. Planos de Simetria Filo Platyhelminthes Características: Do grego, platy = plano + helmins = verme Animais de corpo alongado e achatado dorsoventralmente; Maioria aquática (marinhos e dulcícolas). Os terrestres vivem em

Leia mais

7. ZOOLOGIA QUESTÕES: 63-79

7. ZOOLOGIA QUESTÕES: 63-79 7. ZOOLOGIA QUESTÕES: 63-79 QUESTÃO - 63 Sobre os vermes do gênero taenia, assinale a(s) proposição(ões) correta(s). 01. A taenia solium é um asquelminto do grupo trematoda. 02. A teníase é causada pela

Leia mais

Biologia REINO ANIMAL - UNICAMP - VESTIBULARES DE 2016-2010

Biologia REINO ANIMAL - UNICAMP - VESTIBULARES DE 2016-2010 1. (Unicamp 2015) O estudo do desenvolvimento embrionário é importante para se entender a evolução dos animais. Observe as imagens abaixo. limpa e há diminuição na sua reprodução em temperaturas abaixo

Leia mais

GOIÂNIA, / / PROFESSOR: FreD. ALUNO(a): Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações:

GOIÂNIA, / / PROFESSOR: FreD. ALUNO(a): Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações: GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: FreD DISCIPLINA: Biologia SÉRIE: 9º ALUNO(a): Lista de exercícios. No Anhanguera você é + Enem Antes de iniciar a lista de exercícios leia atentamente as seguintes orientações:

Leia mais

BIOLOGIA III Volume 1 RESOLUÇÕES DE EXERCÍCIOS CAPÍTULO 1

BIOLOGIA III Volume 1 RESOLUÇÕES DE EXERCÍCIOS CAPÍTULO 1 CAPÍTULO 1 BIOLOGIA III Volume 1 RESOLUÇÕES DE EXERCÍCIOS TAREFA DE CASA (BLOCO 01) 01. C A reprodução pode ocorrer entre tipos ou subespécies diferentes (raças), mas os indivíduos devem ser da mesma espécie

Leia mais

Registro Sobre a Exposição Planeta Inseto

Registro Sobre a Exposição Planeta Inseto Julia S. M. 6 Ano C Registro Sobre a Exposição Planeta Inseto Índice: I. Introdução II. Informações sobre o instituto Biológico III. Não somos insetos! IV. Características gerais sobre o grupo dos insetos.

Leia mais

Matéria: Biologia Assunto: Reino Animal - Moluscos Prof. Enrico Blota

Matéria: Biologia Assunto: Reino Animal - Moluscos Prof. Enrico Blota Matéria: Biologia Assunto: Reino Animal - Moluscos Prof. Enrico Blota Biologia Reino Animal Moluscos Variam muito de tamanho, desde caracóis de 1 mm até lulas gigantes de 18 m. Os moluscos sofreram uma

Leia mais

Reino Animalia 0 (Metazoa) Filo Nematoda. Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com http://proenem.sites.ufms.br/

Reino Animalia 0 (Metazoa) Filo Nematoda. Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com http://proenem.sites.ufms.br/ Reino Animalia 0 (Metazoa) Filo Nematoda Natália A. Paludetto nataliaapaludetto@gmail.com http://proenem.sites.ufms.br/ Reino Animalia Filos: 1) Porifera; 2) Cnidaria; 3) Platyhelminthes; 4) Nematoda;

Leia mais

Os Platelmintos. Caracteristicas exclusivas

Os Platelmintos. Caracteristicas exclusivas Os Platelmintos Caracteristicas exclusivas 1) Apresentam o corpo achatado. 2) Apresentam uma cabeça com um par de ocelos, que são órgãos sensíveis a luz. A função do ocelo é detectar quando o ambiente

Leia mais

Fisiologia: Digestão, respiração, circulação, excreção, coordenação e reprodução

Fisiologia: Digestão, respiração, circulação, excreção, coordenação e reprodução Fisiologia: Digestão, respiração, circulação, excreção, coordenação e reprodução 1. No nosso organismo existem dois tipos de enzimas do tipo amilase, a amilase pancreática e a amilase salivar, com velocidades

Leia mais

Planejamento de PIE- Guilherme de Almeida. 2º EM Biologia Frente B. Prof. Jairo José Matozinho Cubas

Planejamento de PIE- Guilherme de Almeida. 2º EM Biologia Frente B. Prof. Jairo José Matozinho Cubas Planejamento de PIE- Guilherme de Almeida 2º EM Biologia Frente B Prof. Jairo José Matozinho Cubas Lista de exercícios referentes ao primeiro trimestre: CONTEÚDO: Cordados 1. (Uel 2014) Nos últimos 10.000

Leia mais

ZOOLOGIA. Filo Annelida

ZOOLOGIA. Filo Annelida ZOOLOGIA Filo Annelida Annelida Posição no Reino Animal Triblásticos. Pertencem ao ramo dos animais Protostômios; Possuem celoma verdadeiro (esquizocélico); Apresentam todos os sistemas orgânicos bem desenvolvidos;

Leia mais

Os Invertebrados. Prof. Luis Bruno

Os Invertebrados. Prof. Luis Bruno Os Invertebrados Prof. Luis Bruno Os Poríferos Animais simples que habitam o planeta; Não apresentam órgãos; Sésseis; Maioria de ambiente marinho, mas existem poucas espécies de água doce; São animais

Leia mais

Na verdade apenas a multicelularidade e o desenvolvimento embrionário são características que distinguem o reino animal dos demais reinos

Na verdade apenas a multicelularidade e o desenvolvimento embrionário são características que distinguem o reino animal dos demais reinos 1 2 Na verdade apenas a multicelularidade e o desenvolvimento embrionário são características que distinguem o reino animal dos demais reinos heterótrofos do domínio Eukaria. Tais características estavam

Leia mais

Lista 2º ano/1ºtrim Biologia/prof. Karina CFNP

Lista 2º ano/1ºtrim Biologia/prof. Karina CFNP 1. (Ufg 2014) Analise a figura a seguir que representa a gástrula, uma estrutura embrionária. 02) Animais em que o blastóporo dá origem a boca e posteriormente surge o ânus são denominados deuterostômios.

Leia mais

truta - sapos - rãs - tartaruga - serpente - garça - andorinha - morcego - macaco

truta - sapos - rãs - tartaruga - serpente - garça - andorinha - morcego - macaco PROFESSOR: EQUIPE DE CIÊNCIAS BANCO DE QUESTÕES - CIÊNCIAS 3º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ========================================================================== 01- Marque com um (X) a(s) alternativa(s)

Leia mais

Biologia. AIDS, dengue e gripe

Biologia. AIDS, dengue e gripe 01 - (PUC SP) Os recifes de corais são formados por colônias de animais providos de um esqueleto que protege um grande número de pólipos. Os animais presentes nos corais pertencem ao mesmo filo que a)

Leia mais

Introdução. 1. Características Gerais

Introdução. 1. Características Gerais Introdução Aranhas, escorpiões, carrapatos, caranguejos, camarões, moscas, borboletas, baratas e centopéias são alguns dos animais mais comuns do planeta. Formam o filo Arthropoda (do grego arthros = articulação;

Leia mais

BICHO-DA-SEDA. 4.1. CLASSIFICAÇÃO DA ESPÉCIE DE Bombyx mori

BICHO-DA-SEDA. 4.1. CLASSIFICAÇÃO DA ESPÉCIE DE Bombyx mori 1 BICHO-DA-SEDA Existem oito espécies de bicho-da-seda criadas com a finalidade de produzir fios de seda. Uma pertence à família Bombycidae, que é a Bombyx mori Linnaeus 1758, e as outras, à família Saturniidae,

Leia mais