Orientações ao Edital para Registro de Preços Referência Anexo do Edital (Especificação Técnica)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Orientações ao Edital para Registro de Preços Referência Anexo do Edital (Especificação Técnica)"

Transcrição

1 PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Casa Civil Empresa Municipal de Informática S/A - IplanRio Processo Termo de referência Nº 404/2014 Registro de Preços para contratação de Empresa para Prestação de Serviços de Infraestrutura de Rede de Dados e Rede Elétrica, Fornecimento de Materiais e Execução sob Demanda Pontos de Trabalho Infraestrutura de Rede de Dados (Cabeamento Estruturado) Infraestrutura de rede Elétrica Exclusiva (Cabeamento Elétrico para equipamentos de TI) Orientações ao Edital para Registro de Preços Referência Anexo do Edital (Especificação Técnica) Empresa Municipal de Informática IPLANRIO 03/02/2014

2 PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Casa Civil Empresa Municipal de Informática S/A - IplanRio Processo ÍNDICE OBJETO... 3 CONDIÇÕES OBRIGATÓRIAS... 3 PRAZO DE VIGÊNCIA DO CONTRATO E DA EXECUÇÃO DOS SERVIÇOS ACEITE DEFINITIVO DOS SERVIÇOS ) ANEXO I AO TERMO DE REFERÊNCIA Nº 404/ ) OBJETIVO ) PROJETO CONSIDERAÇÕES GERAIS ) DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS ) DESCRIÇÃO DOS MATERIAIS ) NORMAS E PADRÕES REFERENCIADOS ) RESPONSABILIDADE PELA ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ) ANEXO II AO TERMO DE REFERÊNCIA Nº 404/2014 PLANILHA DE SERVIÇOS X VALORES OFERTADOS 7) ANEXO III AO TERMO DE REFERÊNCIA Nº 404/2014 PLANILHA DE SERVIÇOS DE PONTOS DE RED 8) ANEXO IV AO TERMO DE REFERÊNCIA Nº 404/2014 PLANILHA DE SERVIÇOS DE ELÉTRICA EXCLUSIVA 9) ANEXO V AO TERMO DE REFERÊNCIA Nº 404/2014 LISTAGEM DE ENDEREÇOS Av.Presidente Vargas, 3131/1204 Cidade Nova - Rio de Janeiro RJ CEP Tel.: Fax:

3 PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Casa Civil Empresa Municipal de Informática S/A - IplanRio Processo Objeto Registro de preços para contratação de empresa especializada na prestação de serviços de infraestrutura de rede de dados e rede elétrica exclusiva, contemplando implantação e expansão de novos pontos de trabalho, utilizando os conceitos e definições das normatizações/padrões atuais pertinentes para cabeamento estruturado de comunicação de dados e cabeamento de alimentação elétrica exclusiva de equipamentos de informática. 1.1) A modalidade da Licitação será pregão eletrônico. 1.2) O Tipo da Licitação será menor preço global, registrando-se o menor preço para o somatório dos itens/serviços requisitados; 1.2.2) A redução do preço obtida (lance vencedor), deverá ser distribuída e aplicada igualmente (linearmente) em cada um dos itens integrantes da planilha de itens e serviços; Condições Obrigatórias 2.1) Caráter Geral 2.1.1) Esta prestação de serviços deverá ser ofertada com fornecimento de materiais e execução de serviços técnicos especializados em cabeamento estruturado e infraestrutura de encaminhamentos/rotas para rede de dados e em cabeamento e infraestrutura de encaminhamentos/rotas para rede elétrica exclusiva de equipamentos de TI; 2.1.2) Estes serviços deverão ser efetuados no âmbito da administração municipal da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro (PCRJ), para todos os orgãos/entidades requisitantes desta e sob demanda quantitativa validada/autorizada pela IPLANRIO; 2.1.3) As solicitações de execução de serviços pela Contratante (Órgãos e Entidades Municipais), só poderão ser atendidas pela CONTRATADA mediante aprovação técnica formal da IPLANRIO. Para estas solicitações, deverá ser praticado pela contratada para o atendimento do referido serviços, requisitado pelo respectivo órgão/empresa, o valor de serviço ofertado e registrado (Anexos III e IV); 2.1.4) A partir da demanda da Contratante, a IPLANRIO fara a avaliação da demanda e emitirá o formulário de solicitação de serviços para que a Contratante, de posse do Av.Presidente Vargas, 3131/1204 Cidade Nova - Rio de Janeiro RJ CEP Tel.: Fax:

4 PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Casa Civil Empresa Municipal de Informática S/A - IplanRio Processo formulário, Contrate junto os serviços para a elaboração do um projeto executivo (planta baixa em escala com a demarcação dos pontos de dados e elétrica exclusiva nos ambientes de trabalho, encaminhamentos e posição do suporte de equipamentos e quadro de elétrica, caso faça parte dos serviços contratados). O custo de cada projeto será calculado levando-se em conta o número de pontos a serem contratados vezes o valor unitário registrado para o item do anexo III. A contagem do número de pontos corresponde ao de dados, para efeito de cálculo, contemplando elétrica exclusiva ou não. Caso a requisição da contratante seja apenas para pontos de elétrica exclusiva, contam-se estes para o referido cálculo; 2.1.5) A contratada será responsável por toda a logística necessária à execução dos serviços propostos em todo o Município do Rio de Janeiro, para atendimento imediato às solicitações do Contratante e/ou IPLANRIO, conforme a respectiva demanda/solicitação; 2.1.6) Todos os materiais, necessários à execução de cada um dos respectivos serviços, deverão ter seus custos incluídos no referido serviço, não podendo ser imputado à Contratante qualquer ônus adicional por estes. Os materiais pertinentes a cada serviço serão entregues nas unidades municipais onde serão executados os serviços; 2.1.7) A interveniência técnica quanto a aprovação da demanda, dimensionamento e quantificação, será prestada pela Gerência de Prospecção Tecnológica (GPT) da Diretoria de Tecnologia (DTE) da IPLANRIO; 2.1.8) Entende-se como CONTRATANTE cada um dos Órgãos e Entidades Municipais. No anexo V consta a listagem dos órgãos e entidades municipais participantes e o quantitativo estimado de pontos por unidade. Esta listagem não representa qualquer compromisso de contratação por parte da Contratante, servindo apenas como estimativa de possível contratação; 2.1.9) Entende-se como LICITANTE PARTICIPANTE e CONTRATADA, a empresa/instituição de pessoa jurídica habilitada para a prestação dos serviços requisitados no objeto do Edital de Licitação; ) Somente uma das licitantes participantes será vencedora e contratada; 2.2) Obrigações da Licitantes 2.2.1) É obrigatório que a licitante participante no certame oferte e registre em documento apropriado/requisitado ou planilhado (proposta inicial ou de abertura - anexo II), os respectivos preços para cada um dos itens de serviço requisitados, Av.Presidente Vargas, 3131/1204 Cidade Nova - Rio de Janeiro RJ CEP Tel.: Fax:

5 PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Casa Civil Empresa Municipal de Informática S/A - IplanRio Processo não podendo ter item sem preço, totalizando-os (somatório) ao final do referido documento; 2.2.2) É obrigatório que a licitante participante no certame discrimine, na proposta de preço, o(s) materiais, com fabricante(s) e modelo(s)/referencia(s) ofertado(s) na planilha no final do anexo II; 2.2.3) É obrigatório que as licitantes participantes do certame anexem, junto a sua proposta de preço, toda a documentação técnica oficial/original (Ex:Especificações, Catálogos, prospectos e Folders) de todos os materiais ofertados, preferencialmente no idioma Portugues; 2.2.4) As licitantes participantes devem obrigatoriamente observar/obedecer aos valores máximos permitidos que possam ser ofertados e praticados para cada item dos serviços requisitados a serem registrados, conforme os preços/valores estabelecidos no Edital; 2.3) Prazo de Execução dos Serviços 2.3.1) O prazo para execução de cada um dos serviços contratados com fornecimentos de materiais correlatos, descritos nos anexos III e IV desta especificação técnica, exceto o item (projeto executivo), serão calculados pela seguinte formula: dias úteis = 2 + (Metragem total do cabo de rede (item item ) dividido por 450), quando o resultado da divisão não for inteiro haverá arredondamento para o número inteiro imediatamente superior. O prazo será iniciado a partir da assinatura do contrato entre as partes, considerando os itens relacionados nas OS (Ordens de serviços) emitidas pela IplanRio, tanto na fase do projeto como na fase de execução ) O prazo para elaboração do projeto executivo, item , do anexo III, será calculado usando-se a seguinte formula: dias úteis = 4 + (Número de pontos contratados dividido por 40); 2.4) Garantia dos Serviços 2.4.1) Todos os serviços de implantação executados pela contratada para infraestrutura de rede local e rede elétrica exclusiva (cabeamento estruturado de dados e cabeamento elétrico de alimentação exclusiva) deverão ter garantia on-site, de 24 (vinte e quatro) meses; 2.4.2) O período de garantia será iniciado somente após o aceite provisório emitido pela contratante (órgãos e entidades municipais), com o apoio técnico da IPLANRIO. Av.Presidente Vargas, 3131/1204 Cidade Nova - Rio de Janeiro RJ CEP Tel.: Fax:

6 PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Casa Civil Empresa Municipal de Informática S/A - IplanRio Processo 2.4.3) O período de garantia será até enquanto perdurar a vigência contratual; 2.4.4) A Contratada deverá, durante o prazo de garantia, prestar todo o apoio necessário aos serviços executados, a partir da abertura de chamados. Estes chamados poderão ser abertos localmente (Telefonia local e/ou Internet) ou através de número telefônico DDG e/ou Internet, nos casos em que o suporte telefônico esteja situado em outro Município e/ou Estado. No momento da abertura destes (Chamados), deverão ser fornecidos o número e a data e hora de abertura do chamado, devendo ser indicado o nível de prioridade para o chamado. Este será considerado o início para contagem dos prazos estabelecidos nos parágrafos seguintes; 2.4.5) Os chamados poderão ser efetuados durante o período de 09:00 h até às 18:00 h sempre nos dias úteis. Todos os chamados abertos após ás 17:00 h, terão sua contagem de tempo suspensa às 18:00 h, sendo que será reaberta a sua contagem no primeiro dia útil subsequente, às 09:00h. Tal procedimento será válido somente para o 1 dia de chamado, após isto a contagem será ininterrupta; 2.4.6) Os chamados realizados até às 14:00 h, deverão ser atendidos no mesmo dia, até às 18:00 h. Os chamados realizados após as 14:00 h, deverão ser atendidos até às 10:00 h, do dia útil posterior; 2.4.7) A Contratada se obrigará a resolver os problemas técnicos e substituir os materiais defeituosos, caso seja necessário, no máximo em 24 (vinte e quatro) horas corridas da constatação efetiva do defeito; 2.5) Obrigações da Contratada 2.5.1) Comunicar a IPLANRIO, por escrito, quaisquer anormalidades, que ponham em risco o êxito e o cumprimento dos prazos de execução dos serviços, propondo as ações corretivas necessárias; 2.5.2) Disponibilizar mão-de-obra especializada, qualificada e em quantidade suficiente à perfeita prestação dos serviços; 2.5.3) Entregar as documentações eventualmente solicitadas pela IPLANRIO no prazo de 5 (cinco) dias úteis, a partir da data da solicitação pela IPLANRIO; 2.5.4) Prestar esclarecimentos à IPLANRIO sempre que solicitado; Av.Presidente Vargas, 3131/1204 Cidade Nova - Rio de Janeiro RJ CEP Tel.: Fax:

7 PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Casa Civil Empresa Municipal de Informática S/A - IplanRio Processo 2.5.5) Assumir total responsabilidade pelo sigilo das informações e dados, contidos em quaisquer mídias e documentos, que seus empregados ou prepostos vierem a obter em função dos serviços prestados à IPLANRIO, respondendo pelos danos que venham a ocorrer; 2.5.6) Contratar todos os seguros a que estiver obrigada pelas leis brasileiras, em qualquer tempo, sem ônus para a IPLANRIO; 2.5.7) Garantir a execução dos serviços sem interrupção, substituindo, caso necessário, a partir da notificação da Contratante e sem ônus para a Contratante, qualquer profissional por outro de mesma qualificação ou superior em até 5 dias úteis; 2.5.8) Deverá manter seus empregados, quando nas dependências da IPLANRIO ou de suas parceiras, nos locais da prestação dos serviços (estações), devidamente identificados com crachá subscrito pela CONTRATADA, no qual constará, no mínimo, sua razão social, nome completo do empregado e sua fotografia; 2.6) Das Obrigações da Contratante 2.6.1) Comunicar à CONTRATADA todas e quaisquer ocorrências relacionadas com a contratação; 2.6.2) Proporcionar as condições necessárias para que a CONTRATADA possa cumprir o que estabelece o presente Termo de Referência, Edital e Contrato; 2.6.3) Efetuar os pagamentos devidos à CONTRATADA no prazo e nas condições Contratadas; 2.6.4) Prestar as informações e esclarecimentos relativos ao objeto desta contratação que venham a ser solicitados pela CONTRATADA ou seu preposto; 2.6.5) Dirimir, por intermédio do fiscal do Contrato, as dúvidas que surgirem no curso da prestação dos serviços de implantação; 2.6.6) Permitir a entrada dos funcionários da CONTRATADA, desde que devidamente identificados, garantindo pleno acesso deles aos locais de implantação da rede de dados e elétrica; 2.6.7) Comunicar à CONTRATADA, por escrito, sobre as possíveis irregularidades observadas no decorrer da implantação dos respectivos projetos, serviços e fornecimento para a imediata adoção das providências para sanar os problemas eventualmente ocorridos; Av.Presidente Vargas, 3131/1204 Cidade Nova - Rio de Janeiro RJ CEP Tel.: Fax:

8 PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Casa Civil Empresa Municipal de Informática S/A - IplanRio Processo 2.6.8) Notificar a CONTRATADA por escrito sobre as imperfeições, falhas, defeitos, mau funcionamento e/ou demais irregularidades constatadas na execução dos procedimentos previstos no presente Termo, no Edital e Contrato, a fim de serem tomadas as providências cabíveis para correção do que for notificado; 2.6.9) Observar e fazer cumprir fielmente o que estabelece o Termo de Referência; ) Acompanhar e fiscalizar a execução do Contrato por meio de um fiscal, que anotará em registro próprio todas as ocorrências relacionadas ao mesmo; ) Emitir Termo de Aceitação dos serviços, após Notificação de Conclusão dos serviços pela CONTRATADA, com o apoio técnico da IPLANRIO, de sua plena adequação/funcionalidade; 2.7) Qualificação técnica 2.7.1) Para a habilitação referente à qualificação técnica, a LICITANTE deverá apresentar: ) Prova de registro na entidade profissional competente CREA; ) Comprovação de aptidão da LICITANTE (pessoa jurídica) apresentando 01 (um) ou mais Atestado(s) de Capacidade Técnica, emitido(s) por empresa(s) de direito público ou privado, em seu nome, devidamente registrado(s) no CREA, onde comprove ter realizado serviços de implantação no qual tenha instalado infraestrutura(s) de cabeamento dados e elétrica com características compatíveis com as características solicitadas e 30% (trinta por cento) das quantidades de cada serviços e materiais apresentados no Anexo II, consoante a este Termo de Referência; 2.8) Fiscalização As fiscalizações dos respectivos contratos ficarão a cargo da Contratante detentora dos respectivos contratos, com interveniência técnica prestada pela Gerência de Suporte e Atendimento (GSA) da Diretoria de Operações (DOP) da IPLANRIO. O respectivo órgão/entidade Contratante designará uma comissão para este fim (fiscalização do Contrato). 2.9) Aceite Provisório Serviços ) Os serviços das respectivas instalações somente serão validados/aceitos depois dos testes e certificações pertinentes (observadas aos itens: à e à Av.Presidente Vargas, 3131/1204 Cidade Nova - Rio de Janeiro RJ CEP Tel.: Fax:

9 PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Casa Civil Empresa Municipal de Informática S/A - IplanRio Processo da especificação técnica deste Termo de Referência), mediante apresentação de toda a documentação, por ocasião da solicitação a Contratante da validação dos serviços executados pela Contratada; ) Fica a obrigatoriedade da apresentação e entrega de toda a documentação em meio digital relativa aos testes e mapeamento, tais como: plantas plotadas, as built, diagramas, isométricas, planilhas, relatórios de tráfego e taxas de transmissão, assim como a apresentação e entrega dos documentos de certificação da rede, certificado de garantia dos serviços, dos materiais e componentes da infraestrutura. A apresentação desta documentação deverá ser feita a Contratante pela Contratada, quando da solicitação de validação dos serviços executados/contratados; ) O Aceite Provisório dos serviços será dado por técnicos da Gerência de Telecomunicações (GTE) da Diretoria de Operações (DOP) da IPLANRIO em conjunto com as Gerências Técnicas de Informática Local (GTIL) das CONTRATANTES, mediante a verificação da conformidade entre os serviços realizados pela contratada e os itens de serviços descritos neste Termo de Referência e seus respectivos anexos; ) Este aceite provisório deverá ser emitido em até 30 (trinta) dias após a conclusão das atividades previstas ao item 5 deste Termo de Referência; 2.10) Forma de pagamento ) O pagamento se dará em parcela única ao final da execução do serviços, mediante apresentação de Requerimento, Nota Fical, Fatura ou Duplicata, devidamente atestada pelo setor competente ) O prazo para pagamento é de até 30 (trinta) dias, contados da data de apresentação de um dos documentos acima citados, através de crédito em conta bancária do fornecedor cadastro junto à Coordenação do Tesouro Municipal, conforme o disposto na Resolução SMF n 2.191, de 1/03/07, Oficio Circular F/STM n 001/2011, de 22/12/2011, efetuados somente em c/c aberta no Banco Santander 2.11) Compatibilidade e Conformidade Técnica Conforme descrito no item 5 do anexo I (especificação técnica) deste Termo de Referência. Prazo de vigência do contrato e da execução dos serviços. 3.1 ) O início da vigência do(s) respectivos(s) contrato(s) se dará a partir da data de assinatura do contrato; 3.2 ) A validade do contrato será de 24 meses a contar da data da assinatura do contrato, podendo ser prorrogado nos termos da Lei; Av.Presidente Vargas, 3131/1204 Cidade Nova - Rio de Janeiro RJ CEP Tel.: Fax:

10 PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Casa Civil Empresa Municipal de Informática S/A - IplanRio Processo Aceite Definitivo dos Serviços 4.1 ) Todos os serviços deveram ter conformidade com os serviços e materiais ofertados pela contratada e os serviços e materiais descritos para cada serviço demandado, conforme apresentado nos anexos III e IV deste Termo de Referência; 4.2 ) Todos os serviços de cabeamento estruturado de dados e cabeamento elétrico exclusivo a serem executados, deverão estar referenciados e em conformidade com as seguintes Normas e Padrões constantes no item 5 do anexo I deste Termo de Referência; 4.3 ) Teste do cabeamento estruturado de rede de dados, verificando e validando os serviços de certificação executados pela contratada, baseados nas características técnicas exigidas no anexo I deste Termo de Referência e dos materiais quando for o caso; 4.4 ) Ao final do(s) respectivo(s) contrato(s), ou seja, o completo e irrefutável cumprimento deste, a Contratante emitirá o respectivo documento de aceite definitivo, comprovando a correta contratação. 4.5 ) Não será emitido aceite provisório para os serviços se não tiverem sido reparados todos os danos causados pela execução destes, conforme os itens 2.8 e do anexo I deste Termo de Referência. 10 Av.Presidente Vargas, 3131/1204 Cidade Nova - Rio de Janeiro RJ CEP Tel.: Fax:

11 PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Casa Civil Empresa Municipal de Informática S/A - IplanRio Processo Anexo I ao Termo de Referência nº 404/2014 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA Registro de Preços para contratação de Empresa para Prestação de Serviços de Infraestrutura de Rede de Dados e Rede Elétrica, Fornecimento de Materiais e Execução sob Demanda Pontos de Trabalho Infraestrutura de Rede de Dados (Cabeamento Estruturado) Infraestrutura de rede Elétrica Exclusiva (Cabeamento Elétrico para equipamentos de TI) Empresa Municipal de Informática 03/01/2014

12 1) Objetivo Especificar os serviços executivos de cabeamento estruturado de rede de dados e cabeamento de rede elétrica exclusiva a serem prestados por empresa especializada, com fornecimento de materiais e serviços de certificação correlatos. Estes serviços visam implantação e modernização da infraestrutura de cabeamento estruturado de rede de dados e de rede elétrica exclusiva para orgãos/entidades no âmbito da administração municipal da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro (PCRJ). 2) Projeto Considerações Gerais 2.1 ) Os serviços visam atender a interconexão local dos equipamentos de informática através de equipamentos ativos de rede, de acordo com os conceitos e normatizações atuais e vigentes para implementação de cabeamento estruturado de rede de dados e aos padrões para infraestrutura de dados definidos para órgãos e entidades municipais; 2.2 ) Os pontos de rede partirão dos centros de fiação existentes ou a serem definidos (dependente do serviço e do projeto executivo) e deverão ser instalados pela contratada nas respectivas edificações/unidades demandadas/requisitadas. Cada centro de fiação será responsável pela distribuição do cabeamento UTP dos pontos de rede dados do seu respectivo pavimento ou área; 2.3 ) A rede local deverá operar com equipamentos e infraestrutura no padrão Ethernet 10 Base-T (IEEE 802.3), 100 Base-TX (802.3u) e 1000Base-T (802.3ab) com distribuição física de cabeamento estruturado conforme a norma EIA/TIA 568-B; 2.4 ) Todo e qualquer cabo componente da infraestrutura especificada neste documento deve ser lançado no interior de eletrocalhas metálicas aterradas, calhas/canaletas metálicas aterradas e/ou calhas/canaletas/eletrodutos de PVC que o protejam em toda a sua extensão, inclusive em passagens pelo forro/rebaixo ou através de divisórias ou pisos. Estes encaminhamentos e rotas deverão ser instalados e 2

13 fornecidos/disponibilizados pela contratada para o lançamento do cabeamento estruturado de dados quando o respectivo serviço o assim demandar/requisitar; 2.5 ) Em cada Planta impressa, entregue pela Contratada a IplanRio para validação, deverá constar na legenda o número total de pontos de trabalho de dados e elétrica constantes na mesma. A Contratada deverá entregar a IplanRio duas cópias impressas e arquivo em mídia no formato DWG de cada planta do projeto aprovado; 2.6 ) A demarcação dos pontos de dados e elétrica exclusiva em planta deverá ser feita em conjunto (Contratada e Contratante), sendo que, quando entregue à IplanRio, a planta deverá apresentar a assinatura das mesmas, com isso ficando claro que a Contratante está validando a localização dos referidos pontos a serem implantados pela Contratada; 2.7 ) A contratada será responsável pela execução e custos por todos os serviços como cortes, furos, arremates, forros, vidros, esquadrias, revestimentos, gesso, necessários em função da execução das instalações; 2.8 ) Todos os furos, cortes, passagens e demais alterações que forem feitas em elementos arquitetônicos da unidade/prédio (alvenaria, gesso, aberturas, etc.) deverão receber acabamento igual ao encontrado no estado anterior à alteração efetuada; 2.9 ) A contratada deverá obter autorização preliminar da GTE/DOP da IPLANRIO e fornecer cronograma detalhado no qual consiste as diversas fases dos serviços acima descritos e/ou remoções previstas, estabelecendo inclusive, os procedimentos a serem adotados na retirada de materiais reaproveitáveis; 2.10 ) Todos os materiais e equipamentos a serem retirados e descartados (anteriormente utilizados) deverão ser colocados a disposição do órgão/entidade Contratante, tais como: canaletas, cabos, tomadas, conectores etc.; 2.11 ) As despesas provenientes da limpeza dos locais de instalações/adequações deverão correr, por conta da contratada; 2.12 ) Todos os serviços somente serão executados de acordo com as necessidades/demandas dos órgãos e entidades municipais. Entretanto, a contratada 3

14 deverá manter toda estrutura de pessoal e ferramental necessários para execução dos serviços, mesmo que estes não sejam demandados por longo tempo; 2.13 ) Os serviços deverão ser executados nos prazos estipulados, conforme requisitado no itens e do Termo de Referência, com instrumentos e ferramentas adequadas; 2.14 ) Deverão ser considerados, no escopo dos serviços e embutidos nos preços unitários de mão-de-obra, todos os serviços complementares necessários para a conclusão da instalação; 2.15 ) Deverão ser incluídos nos preços unitários de instalação, os custos de mão-de-obra para fixação de eletrocalhas, prateleiras para cabos, eletrodutos, montagem de quadros elétricos e serviços de identificação; 2.16 ) A contratada deverá disponibilizar a Gerência de Telecomunicações GTE / DOP da IPLANRIO (responsável pelo auxílio técnico da fiscalização dos serviços), durante a vigência do Contrato, o seguinte dispositivo de testes: Um equipamento de testes específico/especializado para análise de cabeamento UTP com modulo de teste de fibra óptica; Um equipamento de testes, específico/especializado para análise de potência a emissão de relatórios de Potência ativa por fase; Potência ativa total; Potência reativa por fase; Potência reativa total; Potência aparente total; Fator de Potência; Tensão por fase; Corrente por fase; Corrente de neutro; Corrente máxima e mínima verificada no período; Tensão máxima e mínima verificada no período; Harmônicas de tensão e corrente; surtos e transitórios ) Os serviços estão classificados e apresentados/descritos nos anexos III e IV do Termo de referências. 3) Descrição dos serviços 3.1 ) Instalação de pontos de trabalho por demanda, contemplando as seguintes modalidades de execução: nova implantação, expansão e manutenção de pontos de trabalho. Estas demandas de instalação, autorizadas e validadas pela IPLANRIO, poderão ser requisitadas pelos vários órgãos e entidades municipais, e estão 4

15 definidas e caracterizadas em serviços de execução conforme descrito nos Anexos III e IV do Termo de referência. 3.2 ) Quando solicitada/demandada a contratada deverá efetuar vistorias técnica (visitas técnicas) para efetuar um projeto executivo conforme item do Termo de Referência desta especificação técnica, além de verificar e planejar os respectivos serviços e os aspectos negativos a serem evitados durante a execução destes; 3.3 ) A contratada deverá visitar os locais solicitados e demandados para execução dos referidos serviços, devendo avaliar as instalações e proceder com a verificação de todas as necessidades/características relacionadas a execução dos serviços; Observação: Estas visitas/inspeções são indispensáveis/obrigatórias para a elaboração do projeto executivo, além de servirem para fazer o levantamento e tomar conhecimento das condições de execução das respectivas demandas/solicitações existentes e efetuadas, cujo resultado deverá ser analisado pela contratada afim de que esta faça a correta avaliação dos serviços a serem executados. 3.4 ) Serviços Básicos Infraestrutura para Instalação de Pontos de trabalho de Rede de Dados Cabeamento Estruturado e Encaminhamentos/Rotas para Segmentos de Cabo UTP 3.4.1) Execuções/atividades previstas conforme os serviços requisitados: Fazer furos em paredes de alvenaria ou divisórias e lajes; Adequar, desmontar e montar divisórias e/ou vidros, e recortá-los; Instalar: eletrocalhas e/ou bandejas metálicas, canaletas metálicas, e acessórios correlatos para estas; Instalar eletrodutos rígidos de PVC e acessórios correlatos para estes; Instalar flexíveis do tipo Seal Tube e acessórios correlatos para estes; Instalar canaletas de PVC e acessórios correlatos para estes; Instalar Wall boxes e conectores; Instalar\montar e organizar Racks. Instalar Patch Pannels; 5

16 Instalar Caixas de Consolidação; Lançamento de cabos UTP; Recompor as partes construtivas a danificadas; Montar as divisórias necessariamente retiradas; Fazer limpeza nos locais afetados pelos serviços ) As atividades de instalação deverão ser executadas com apuro e bom acabamento, utilizando-se dos materiais de instalação especificados e acessórios pertinentes/adequados e correlatos (curvas, abraçadeiras, suportes, espaçadores, terminações e outros), não será aceitos componentes improvisados; 3.4.3) Deverão ser fornecidos, lançados, conectorizados e certificados cabos UTP categoria 5e ou 6 (de acordo com as normas NBR 14565:2007 e EIA/TIA 568-B e com a boa prática utilizada nas implementações da infraestrutura) conforme o serviço demandado, requisitado; 3.4.4) A infraestrutura de rede no local deverá ter a seguinte arquitetura: serão instalados centros de fiação por pavimento/andar da edificação. Cada centro de fiação será responsável pela distribuição do cabeamento horizontal UTP dos pontos de rede dados e/ou telefonia em cabeamento estruturado do seu respectivo andar. Por andar/pavimento, cada armário de telecomunicações (centro de fiação) conterá ativos de rede (switches/comutadores), instalados em seus respectivos suportes de equipamentos (racks/gabinetes); 3.4.5) O lançamento dos cabos UTP (cabeamento Horizontal) deverá partir dos armários de telecomunicações de cada pavimento da edificação e alcançar diretamente os respectivos pontos de trabalho do(s) andar(es) / pavimentos, podendo, por solicitação da IplanRio, ser utilizadas caixas de consolidação intermediárias. Para este lançamento, quando o tipo de serviço de implantação assim demandar, deverão ser fornecidos e instalados pela contratada encaminhamentos/rotas compostos por um sistema de eletrocalhas e eletrodutos, que interligará cada suporte de equipamentos (Rack/Gabinete) contido no andar aos seus respectivos pontos de trabalho (pontos de dados), conforme a necessidades quantificadas no respectivo serviço. Em cada ponto de conexão, ou seja, no ponto de trabalho, deverá ser instalada uma tomada fêmea RJ-45/M8v conforme total de tomadas requisitadas no referido serviço, sendo que 6

17 para desktop e impressora a referida tomada deverá ficar a 30cm do piso e para equipamentos wifi deverá ficar a 30cm do teto ou forro; 3.4.6) Caso sejam utilizadas caixas e consolidação, as mesmas deverão ser instaladas sobre o forro e deverá ser observado, pela Contratada, o comprimento mínimo de 15 metros entre o patch panel e o ponto de consolidação reduzindo os efeitos de NEXT e RL; 3.4.7) A interligação entre os racks/gabinetes (backbone), caso seja utilizado cabeamento UTP, deverá sempre ser feita por dois cabos, sendo um utilizado como reserva técnica; 3.4.8) Os cabos UTP deverão ser conectorizados em painéis de conexão (Patch Panel) de 24 portas com sistema de engate rápido. Os painéis de conexão (Patch Panel) deverão ser fornecidos e instalados nos suportes de equipamentos (Racks/Gabinetes) de cada pavimento pela contratada. A especificação dos painéis de conexão (Patch Panel) é dada no presente documento no item 4; 3.4.9) Deverão ser fornecidos e instalados todos os cordões de conexão (patch cords de 1,5 m e line cords de 3,0 m) necessários à conexão dos equipamentos de rede, em número igual ao descrito no respectivo serviço, incluindo os cordões de conexão necessários para a interconexão dos equipamentos de comunicação. Os patch cords farão a ligação entre os switches e os painéis de conexão (Patch Panel), enquanto que os cordões de conexão (Line Cords) farão a ligação entre as tomadas RJ-45/M8v e os equipamentos de informática (microcomputadores). Os cordões de conexão (patch cords/ line cords) deverão ser confeccionados em fábrica e entregues com a certificação do lote; ) Todos os serviços deverão ser executados de forma a exercer um mínimo de interferência nos ambientes afetados; ) A conectorização de todos os segmentos de cabo UTP (categoria 5e ou 6) deverá ser efetuada em ambas as extremidades, empregando-se, tanto no lado do Painel de Conexão (Patch Panel) quanto no lado das tomadas de telecomunicação de superfície, sistemas de engate rápido, obedecendo às normas NBR 14565:2007 e EIA/TIA 568-B. A identificação dos pontos deverá ser feita nas tomadas, nos painéis de conexão (Patch Panel), nas caixas de consolidação (caso utilizadas), nos cabos UTP que chegam aos painéis de conexão (Patch Panel) e nas extremidades dos 7

18 cordões de conexão de interligação ao equipamento concentrador, seguindo numeração seqüencial. As identificações nas tomadas e nos painel de conexão (Patch Panel)s deverão ser feitas com fita adesiva, e nos cabos com anilhas, conforme norma EIA/TIA 606; ) A contratada deverá fornecer e instalar tomadas de telecomunicação do tipo RJ- 45/M8v-Fêmea-categoria 5e ou 6. Todas estas tomadas deverão estar completas, contendo todos os acessórios necessários (espelhos, parafusos, etc...) e fixadas em caixas apropriadas para todos os pontos de trabalho requisitados; ) Os espelhos para montagem das tomadas de telecomunicações modulares RJ- 45/M8v (citadas no item anterior), deverão ter um ou dois furos para uma ou duas conexões RJ-45(M8v), com espaço para etiqueta de identificação dos pontos; ) Os cabos deverão ser protegidos fisicamente em toda sua extensão, utilizando-se de um ou mais materiais de instalação, não devendo ser instalados de forma exposta; ) Todos os materiais de instalação deverão ser firmemente fixados as estruturas de suporte; )Todos os materiais para encaminhamentos/rotas e proteção física dos cabos deverão ser dimensionados com fator de utilização máxima de 60%; )Quando forem utilizados eletrodutos para encaminhamentos e proteção dos cabos, as instalações deverão possuir caixas de passagens com distâncias máximas entre si de 30 metros; )Todas as conexões entre seal tubes e calhas metálicas deverão ser executadas com boxes de alumínio, com buchas e arruelas; ) Quando utilizados seal tubes (apenas para ultrapassarem obstáculos, como colunas e vigas), os mesmos servirão apenas para a interligação das eletrocalhas aos eletrodutos, não podendo os mesmos ficarem aparentes e não ultrapassando 3 metros na sua extensão; )Nas interfaces entre os eletrodutos PVC ou canaletas sobre o forro e os eletrodutos de PVC ou canaletas nas paredes/divisórias deverão ser utilizadas caixas de PVC com dimensões de 75 x 75 mm e boxes de alumínio com buchas e arruelas; )Nas interfaces entre os eletrodutos PVC ou canaletas sob piso elevado o forro e os eletrodutos de PVC ou canaletas nas paredes/divisórias deverão ser utilizadas caixas de PVC com dimensões de 75 x 75 mm e boxes de alumínio com buchas e arruelas; 8

19 3.4.22)Todas as curvas a serem utilizadas deverão ser de 90º ou 45 ; )Os raios de curvatura dos cabos instalados, não poderão ser inferiores a 8 vezes seu diâmetro externo; )Todos os cabos deverão ser identificados nas duas extremidades, utilizando-se do sistema de marcação apropriado e códigos a serem fornecidos pelo demandador do serviço; )Todos os conectores de ambas as extremidades deverão ser devidamente identificados com os códigos a serem fornecidos pelo demandador do serviço, para cada caso; )Todos os segmentos de cabo UTP deverão ser lançados, com no mínimo 20 cm de distância de reatores, motores, cabos condutores de eletricidade e demais equipamentos, materiais ou instalações que possam gerar indução eletromagnética; )Não poderão ser utilizados para encaminhamento e proteção dos cabos/segmentos UTP, os mesmos eletrodutos (metálicos ou PVC) utilizados para encaminhamento e proteção de fios e cabos elétricos; )No caso de ser utilizada a mesma eletrocalha para lançamento conjunto do cabeamento elétrico exclusivo e o cabeamento UTP, esta deverá ser constituída de um septo separador; )Os serviços de conectorização e identificação deverão ser feitos nos cabos UTP, nos conectores macho e fêmea e nos patch pannels, basicamente em conformidade coma as normas pertinentes para cabeamento estruturado apresentadas ao item 5 desta especificação; )Todas as instalações referentes ao cabeamento estruturado e seus encaminhamentos deverão estar em conformidade com o conjunto de normas apresentadas ao item 5 desta especificação. 3.5 ) Serviços Básicos Infraestrutura para Instalação de Pontos de trabalho de Rede Elétrica Exclusiva Cabeamento Elétrico e Encaminhamentos/Rotas para Segmentos de Cabo Elétrico 9

20 3.5.1) A infraestrutura elétrica tem por objetivo promover o funcionamento perfeito, no tocante à parte elétrica dos equipamentos de microinformática (microcomputadores, impressoras, servidores, etc) e ativos de rede de uma rede de dados; 3.5.2) Toda a rede elétrica utilizada na alimentação dos equipamentos ativos de rede e de informática deverá ser acondicionada para a implantação dos pontos de trabalho de rede elétrica exclusiva conforme orientações e especificações neste documento; 3.5.3) A Contratada deverá dimensionar, instalar, em conformidade de padrões com as Normas Brasileiras (NBR 5410 e NBR 5419) orientadas à Instalações Elétricas, inclusive quanto ao aterramento; 3.5.4) A instalação dos pontos de elétrica deverá ser próxima as tomadas de dados conforme demarcado/requisitado pela contratante. Caso o serviço requisite, além dos pontos previstos para microcomputadores, deverão ser instalados mais 2 (dois) pontos de elétrica: um será utilizado pelo UPS (No-Break), que alimentará a régua do rack para os equipamentos de rede e outro destina-se à reserva técnica; 3.5.5) A partir do Quadro de Comando e Distribuição exclusivo, serão lançados os circuitos que alimentarão os equipamentos ativos de rede e de informática; 3.5.6) Caso o serviço requisitado, deverá ser fornecido e implantado (fixado) um Quadro de Comando e Distribuição, caso o existente não suporte a totalidade de disjuntores Este quadro deverá possuir disjuntores dimensionados para o número total de pontos de elétrica atendidos pelo mesmo, com barramento de Terra, alimentado pelo condutor Terra integrante do sistema de aterramento existente. O respectivo quadro deverá ser fornecido com tranca e pelo menos duas cópias de chave; 3.5.7) A alimentação elétrica para os micros e equipamentos de rede deverá partir do Quadro de Comando e Distribuição, podendo ser usadas caixas de passagem intermediárias para a ligação entre este quadro e os pontos extremos (tomadas dos micros). Esta ligação poderá, em certos segmentos (total ou parcial) e devido a condições de execução, usar caminhamentos que transporão ambientes externos, ambientes especiais (ex. laboratórios azulejados) ou abrasivos. Para tal função, deverão ser empregados tubos galvanizados (mínimo de 1 uma polegada), fixados por braçadeiras ou cantoneiras também galvanizadas; 3.5.8) A alimentação elétrica para os equipamentos de microinformática e de rede, deverá ser feita através de um circuito exclusivo de 110V com fase, neutro e aterramento 10

21 real, composto por fios de 2,5 mm (bitola mínima) e utilizando junto a cada ponto de rede, tomada dupla do tipo 2P+T, sendo que para impressora a laser a bitola mínima deverá ser de 4 mm e utilizando junto a cada ponto de rede, uma tomada do tipo 2P+T; 3.5.9) A instalação deverá conter disjuntores de 20 A para cada grupo de quatro pontos (microcomputadores), sendo que para impressora a laser deverá ser usado um disjuntor de 20 A, exclusivamente para a mesma; ) Deverão ser fornecidos e instalados todos os cabos elétricos, todas as tomadas, calhas, caixas de passagem e respectivos acessórios de fixação necessários ao funcionamento satisfatório de toda a rede elétrica; ) Caso o serviço assim o exigir. a partir do quadro de comando e distribuição deverão ser fornecidas e instalados eletrocalhas/eletrodutos para a função de distribuição do cabeamento elétrico na área em questão. A contratada poderá utilizar os encaminhamentos existentes caso estes estejam em conformidade com as normas pertinentes e próximos/juntos aos pontos de dados; ) Obras civis como: abertura de rasgos na alvenaria, fixação de condutores, remoção e recomposição de forros, pintura e recomposição de áreas eventualmente afetadas pela passagem dos condutores da rede elétrica, deverão ser realizadas como parte do escopo do serviço; ) A contratada deverá emitir um laudo/documento declarando que o sistema de aterramento por esta revisado/retificado, está implementado em conformidade com as normas e padrões vigentes (NBR 5410 e NBR 5419); ) Para atender a alimentação elétrica dos Equipamentos de Tecnologia da Informação (Ativos de rede, Computadores, etc.), deverá ser utilizada a rede elétrica exclusiva e o sistema de aterramento real (PE) (também exclusivo) existente, visando com isto, à alimentação final dos equipamentos. As facilidades elétricas básicas necessárias para esta rede elétrica exclusiva, deverão estar disponibilizadas pela contratante referenciado ao respectivo serviço em tempo de execução; ) Os cabos deverão estar sempre protegidos, devendo ser feito o serviço de passagem dos cabos através de dutos ou calhas, de acordo com normas técnicas pertinentes; ) Execuções/atividades previstas conforme os serviços requisitados: 11

22 Fazer furos em paredes de alvenaria ou divisórias e lajes; Adequar, desmontar e montar divisórias e/ou vidros, e recortá-los; Instalar: eletrocalhas e/ou bandejas metálicas, canaletas metálicas, e acessórios correlatos para estas; Instalar eletrodutos rígidos de PVC e acessórios correlatos para estes; Instalar flexíveis do tipo Seal Tube e acessórios correlatos para estes; Instalar canaletas de PVC e acessórios correlatos para estes; Lançamento de cabos/condutores elétricos; Instalar quadros de Comando/disjuntores; Recompor as partes construtivas a danificadas; Montar as divisórias necessariamente retiradas; Fazer limpeza nos locais afetados pelos serviços ) As atividades de instalação deverão ser executadas com apuro e bom acabamento, utilizando-se dos materiais de instalação especificados e acessórios pertinentes/adequados e correlatos (curvas, abraçadeiras, suportes, espaçadores, terminações e outros), não será aceitos componentes improvisados; ) Os cabos/condutores deverão ser protegidos fisicamente em toda sua extensão, utilizando-se de um ou mais materiais de instalação, não devendo ser instalados de forma exposta; ) Todos os materiais de instalação deverão ser firmemente fixados as estruturas de suporte; ) Todos os materiais para encaminhamentos/rotas e proteção física dos cabos condutores deverão ser dimensionados com fator de utilização de 60%; ) Quando forem utilizados eletrodutos para encaminhamentos e proteção dos cabos, as instalações deverão possuir caixas de passagens com distâncias máximas entre si de 30 metros; ) Todas as conexões entre sela tubes e calhas metálicas deverão ser feitas por boxes de alumínio, com buchas e arruelas; ) Nas interfaces entre os eletrodutos PVC ou canaletas sobre o forro e os eletrodutos de PVC ou canaletas nas paredes/divisórias deverão ser utilizadas caixas de PVC com dimensões de 75 x 75 mm e boxes de alumínio com buchas e arruelas; ) Nas interfaces entre os eletrodutos PVC ou canaletas sob piso elevado o forro e os eletrodutos de PVC ou canaletas nas paredes/divisórias deverão ser utilizadas caixas de PVC com dimensões de 75 x 75 mm e boxes de alumínio com buchas e arruelas; 12

23 3.5.25) Todas as curvas a serem utilizadas deverão ser de 90º ou 45 ; ) Todos os cabos deverão ser identificados, utilizando-se do sistema de marcação apropriado e códigos a serem fornecidos pelo demandador do serviço, para cada serviço; ) Todas as conexões entre cabos e barramentos, deverão ser feitas com terminais préisolados, apropriados, devidamente apertados com ferramentas adequadas, de maneira a que se tenha a menor resistência elétrica de contato possível; ) Todas as partes sobre tensão deverão ser isoladas das demais por isoladores apropriados; ) As tomadas utilizadas deverão ser todas do tipo C7311 da norma ANS (2P +T); ) As tomadas 3 pinos, 250 volts, 15 A, deverão ter a fase sempre à direita e apresentar valores de, no máximo, 1 volt entre neutro e terra e 03 ohms de impedância. O aterramento deverá ser independente e exclusivo; ) Os circuitos alimentadores deverão ser com cabos/condutores normatizados e certificados pelo INMETRO; ) Os circuitos de distribuição deverão ser com cabos tipo PP 3 x 2,5 mm 2 ou 3 x 2, 5 mm 2, conforme a quantidade de tomadas e a tensão; ) Tanto os circuitos dos alimentadores quanto os de distribuição, deverão ser exclusivos para equipamentos de informática, não devendo ser utilizados para outras finalidades; ) Todas as ligações dos condutores aos bornes e demais dispositivos deverão ser feitos, de modo que seja assegurada a resistência mecânica adequada, contato elétrico com a menor resistência e maior durabilidade possível; ) Deverá ser executada a alimentação elétrica para os ativos de rede e demais equipamentos, nos quadros de cada pavimento, nos pontos de convergência de cada setor e no CPD, através de circuitos exclusivos e independentes, preferencialmente considerando alimentação proveniente de quadros ligados a No-breaks ou geradores quando existentes; ) As instalações e os serviços deverão estar em conformidade com as normas para instalações elétricas apresentas ao item 5 desta especificação e os materiais/componentes apresentarem certificados do INMETRO; 13

24 3.5.37) Os disjuntores de baixa tensão utilizados para os respectivos circuitos de rede elétrica exclusiva deverão estar de acordo com as normas brasileiras NBR 5361, NBR-IEC ou 60898; 3.6 ) Serviços de Certificação e Testes Infraestrutura para Instalação de Pontos de trabalho de Rede de Dados Cabeamento Estruturado e Encaminhamentos/Rotas para Segmentos de Cabo UTP ) Após a execução dos serviços deverão ser feitos todos os testes necessários para validar o cabeamento estruturado implantado, ou seja, garantir que o tráfego de dados funcione corretamente e de acordo com as especificações e normas/padrões referenciados; ) A certificação dos segmentos de cabo UTP deverá ser feita para 1 Gbps, devendo ser utilizado equipamento especializado para esta finalidade. Deverá ser emitido/entregue um laudo/relatório de certificação para todos os segmentos/pontos de rede contratados. Os Segmentos/pontos de rede deverão ser certificados conforme a norma EIA/TIA 568-B (Link Permanente e Canal). No 1º caso (Link Permanente) terá como extremidades, os pontos de telecomunicação multiusuário e as portas do Painel de Conexão (Painel de Conexão (Patch Panel), no 2º caso (canal), deverão ser incluídos aos extremos do 1º caso, os cordões de conexão (Line Cord e Patch Cord). A certificação (Conforme EIA/TIA 568-B) deverá conter, no mínimo, os testes de Wire Map, Diafonia (NEXT), PS NEXT, ACR, Paradiafonia (FEXT), Atenuação, Capacitância, Impedância, RL, ELFEXT, PS ELFEXT, Delay, Delay Skew e Alien Crosstalk, devendo ser entregue em CD; ) A contratada deverá comprovar as condições dos serviços/instalações executadas, devendo esta (contratada) emitir certificados de garantia dos serviços, descrevendo claramente os resultados, determinando os locais e apresentando os números de identificação dos pontos; 14

25 3.6.4 ) A contratada deverá apresentar a planilha de testes e resultados, datada e assinada por esta, como também deve estar visada/assinada por responsável pela GTE/DOP da IPLANRIO; ) Todos os certificados deverão conter, além dos resultados, das análises destes e da localização, as datas em que foram executados e a assinatura do responsável pelo serviço ) Os certificados de garantia, contendo todos os testes, deverão ser fornecidos a GTE/DOP da IPLANRIO em no máximo 08 (cinco) dias úteis após término/conclusão dos serviços; 3.7 ) Serviços de Implantação de Aterramento Elétrico Exclusivo Cabeamento de Sistema de Aterramento Elétrico Exclusivo ) Os sistemas de aterramento poderão ser executados em linha (hastes em linha com intervalo de espaçamento 3 metros) ou em malhas (em forma de polígono, composto por associação de triângulos eqüiláteros, com 3m de lado cada um); ) As hastes deverão ser instaladas em quantidade suficiente para se obter resistência de terra menor ou igual a 5 Ohms; ) Deverão ser instaladas hastes de cobre tipo Copperweld rosqueável, com ¾ x 3m, de maneira a alcançar profundidade de até 6 m. As hastes serão interligadas entre si com cordoalha de cobre de seção igual ou superior a 25 mm 2. As conexões entre a cordoalha e as hastes, serão feitas por intermédio de conectores mecânicos.; ) Nos Pontos/vértices de inserção deverão ser confeccionadas caixas de alvenaria com tampa tipo T16, de maneira a possibilitar medição e vistoria; ) No ponto/vértice mais próximo do local de derivação, deverá ser passado, cabo isolado, com seção igual ou superior a 16 mm 2, que interligará o sistema ao Quadro de comandos/disjuntores de elétrica exclusiva da unidade/localidade; ) Os cabos de aterramento deverão ser protegidos fisicamente em toda sua extensão por eletrodutos; 15

26 3.7.7 ) Os serviços de instalação consistem basicamente das seguintes atividades: Determinar o local em que o sistema de aterramento será instalado; Inserir as hastes no solo, nos locais/vértices; Interligar as hastes, por intermédio da cordoalha; Escolher um dos pontos/vértices de inserção e medir a resistência do sistema, para verificar se a resistência requerida foi alcançada; Caso a resistência não tenha sido obtida, devem-se repetir os procedimentos, com inserção de hastes e conexão de cordoalhas adicionais, até que se obtenha o resultado requerido; Em seguida confeccionar as caixas de alvenaria, adequadas para tampa T16; Fazer as conexões definitivas entre as cordoalhas e as hastes; Instalar eletrodutos do ponto/vértice de derivação do sistema até o Quadro de Comandos/Disjuntores exclusivo da unidade/localidade; Conectar o cabo de derivação na haste de aterramento e interligá-lo com o barramento de terra do Quadro de Comandos/Disjuntores exclusivo da unidade/localidade; ) Estes serviços devem ser quantificados relativamente à mão-de-obra, somada a todo o material utilizado, por unidade, ou seja, por instalação completa de 01 (um) sistema de aterramento, independente da quantidade de hastes. O número de Hastes deverá ser no mínimo 03 (três), e deverá ser aumentado até que seja alcançada a resistência ôhmica requerida, independente ainda da distância entre o sistema e o quadro(s) de comandos/disjuntores exclusivo(s) e das recomposições que serão necessárias. 4) Descrição dos Materiais 4.1) Materiais para Cabeamento Estruturado ) Cabo de Par Trançado (UTP), Categoria 5e - 4 (quatro) pares Deverá ser de par trançado não blindado de 4 pares, 24 AWG, com condutores rígidos de cobre eletrolítico, com isolamento em poliolefina, totalmente compatível com os padrões para categoria 5e, que possibilite taxas de transmissão de até 1 Gbps, com capa em PVC antichama, espessura mínima de condutor 0,50 mm, diâmetro externo nominal 5,2 mm. A capa do cabo deverá ter números impressos, indicando o comprimento, em intervalos não inferiores a 1 metro, viabilizando uma contagem exata da metragem utilizada na instalação; Deverá 16

Infra-estrutura tecnológica

Infra-estrutura tecnológica Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação ATTI Supervisão de Infra-estrutura Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo Infra-estrutura tecnológica Rede Lógica

Leia mais

Registro de Preços IPLANRIO

Registro de Preços IPLANRIO À IPLANRIO Orientador Nº 354/2012 Equipamentos de contingência elétrica (UPS NOBREAK) e estabilizadores centrais para os órgãos da PCRJ Registro de Preços IPLANRIO Empresa Municipal de Informática IPLANRIO

Leia mais

Termo de Referência Manutenção Preventiva e Corretiva de Equipamentos Ativos de Rede de Dados do Palácio da Cidade

Termo de Referência Manutenção Preventiva e Corretiva de Equipamentos Ativos de Rede de Dados do Palácio da Cidade PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Empresa Municipal de Informática S.A. - IplanRio Termo de Referência Manutenção Preventiva e Corretiva de Equipamentos Ativos de Rede de Dados do Palácio da Cidade

Leia mais

ANEXO IV. Registro de Preços Ponto de Rede. Planilhas de Serviços de Elétrica Exclusiva Itens 02. Anexo IV ao Orientador nº 404/2014. Fls.

ANEXO IV. Registro de Preços Ponto de Rede. Planilhas de Serviços de Elétrica Exclusiva Itens 02. Anexo IV ao Orientador nº 404/2014. Fls. PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO CASA CIVIL EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMATICA S.A - IPLANRIO Processo Anexo IV ao Orientador nº 404/2014 ANEXO IV Registro de Preços Ponto de Rede Planilhas de Serviços

Leia mais

ANEXO I CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ANEXO I CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 1 ANEXO I CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS EDITAL DO PREGÃO AMPLO Nº 008/2010-ER05-Anatel PROCESSO Nº 53528.001004/2010 Projeto Executivo e Estudos de Adequação da nova Sala de Servidores da rede de

Leia mais

RESPOSTA AOS PEDIDOS DE ESCLARECIMENTO

RESPOSTA AOS PEDIDOS DE ESCLARECIMENTO Referência: PA Nº 4419AD/2015 CONCORRÊNCIA Nº 03/2015 Interessado: Procuradoria-Geral de Justiça do Maranhão Assunto: Parecer acerca de esclarecimentos ao Edital da Concorrência nº 03/2015 Objeto: A presente

Leia mais

NOTA DE ESCLARECIMENTO Nº 6. PERGUNTA 1: Os itens 15 e 16 do termo de referência, referentes aos treinamentos, trazem as seguintes determinações:

NOTA DE ESCLARECIMENTO Nº 6. PERGUNTA 1: Os itens 15 e 16 do termo de referência, referentes aos treinamentos, trazem as seguintes determinações: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Assessoria Especial para Modernização da Gestão Central de Compras e Contratações NOTA DE ESCLARECIMENTO Nº 6 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 4/2015 PROCESSO Nº 04300.003546/2014-01

Leia mais

Projeto da rede de dados para o Núcleo de Tecnologias para Educação e Gestão - NUTEG

Projeto da rede de dados para o Núcleo de Tecnologias para Educação e Gestão - NUTEG Projeto da rede de dados para o Núcleo de Tecnologias para Educação e Gestão - NUTEG Diretoria de Suporte à Informática Local: Núcleo de Tecnologias para Educação e Gestão NUTEG Endereço: Av. BPS, 1303

Leia mais

Redes de Computadores II. Redes de Computadores

Redes de Computadores II. Redes de Computadores Redes de Computadores II Redes de Computadores 1 1 Padrão EIA/TIA 569A Padrões de Caminhos e Espaços em Edifícios Comerciais 2 2 Padrões de Caminhos e Espaços em Edifícios Comerciais ANSI/TIA/EIA 569-A

Leia mais

INFRA-ESTRUTURA PARA INSTALAÇÃO, ATIVAÇÃO E RECUPERAÇÃO DE EILD

INFRA-ESTRUTURA PARA INSTALAÇÃO, ATIVAÇÃO E RECUPERAÇÃO DE EILD ANEXO 5 Contrato de Fornecimento de Serviços de Exploração Industrial de Linhas Dedicadas EILD entre a BRASIL e a OPERADORA INFRA-ESTRUTURA PARA INSTALAÇÃO, ATIVAÇÃO E RECUPERAÇÃO DE EILD Página 1 de 7

Leia mais

CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES

CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES 1. CONSIDERAÇÕES INICIAIS: 1.1. Este roteiro serve como base às obras de Contratação de empresa especializada para o fornecimento de material e mão de obra para execução de rede

Leia mais

Camada Física Camada Física Camada Física Função: A camada Física OSI fornece os requisitos para transportar pelo meio físico de rede os bits que formam o quadro da camada de Enlace de Dados. O objetivo

Leia mais

REFORMA EDIFICAÇÃO PRINCIPAL INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE CÂMPUS AVANÇADO IBIRAMA IBIRAMA/SC

REFORMA EDIFICAÇÃO PRINCIPAL INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE CÂMPUS AVANÇADO IBIRAMA IBIRAMA/SC REFORMA EDIFICAÇÃO PRINCIPAL INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE CÂMPUS AVANÇADO IBIRAMA IBIRAMA/SC MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO DE CABEAMENTO ESTRUTURADO ÍNDICE 1 Informativos gerais 2 Especificações e Tabelas

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA PREGÃO ELETRÔNICO N.º 13/2011 PROCESSO MPT/MS-PRT- 24ª REGIÃO N.º 08154.0000253/2011 1. DO OBJETO 1.1 Contratação de empresa especializada na prestação de serviços de tratamento

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS ANEXO A TERMO DE REFERÊNCIA GEMAP Nº 02/2008

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS ANEXO A TERMO DE REFERÊNCIA GEMAP Nº 02/2008 MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS ANEXO A TERMO DE REFERÊNCIA GEMAP Nº 02/2008 1 DO OBJETO Visa à contratação de empresa especializada nos serviços de fornecimento, entrega e instalação

Leia mais

A entrada de energia elétrica será executada através de:

A entrada de energia elétrica será executada através de: Florianópolis, 25 de março de 2013. 1. CONSIDERAÇÕES INICIAIS O presente memorial tem como principal objetivo complementar as instalações apresentadas nos desenhos/plantas, descrevendo-os nas suas partes

Leia mais

ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 01/2015 CREMEB

ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 01/2015 CREMEB ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 01/2015 CREMEB 1 -DO OBJETO 1.1 O objeto do Pregão Presencial é a aquisição desinstalação e instalação por demanda de 13 aparelhos de ar condicionado

Leia mais

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças TERMO DE REFERÊNCIA

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças TERMO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA Código de Classificação: 13.02.01.15 1 DO OBJETO: A presente licitação tem por objeto a contratação de empresa para prestação dos serviços de cobertura securitária (seguro) para assegurar

Leia mais

SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO Administração Regional no Estado da Bahia. Criado e mantido pelos Empresários do Comércio de Bens, Serviços e Turismo

SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO Administração Regional no Estado da Bahia. Criado e mantido pelos Empresários do Comércio de Bens, Serviços e Turismo CONVITE N. 44/2012 MEMORIAL DESCRITIVO CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA REALIZAÇÃO DE SERVIÇOS DE AJUSTES E CORREÇÕES EM INSTALAÇÕES ELÉTRICAS DO SESC COMÉRCIO, PARA INSTALAÇÃO DE MÁQUINAS DE

Leia mais

1. OBJETO 2. PRODUTOS

1. OBJETO 2. PRODUTOS 1. OBJETO 1.1 Aquisição com instalação de aparelhos de ar-condicionado tipo split para atendimento da Unidade Operacional da Anatel em Mato Grosso do Sul (UO7.2). 2. PRODUTOS 2.1 Fornecimento de 4 (quatro)

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 001/2014

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 001/2014 Anexo I TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 001/2014 1 DO OBJETO 1.1 Prestação de serviços de instalação de piso elevado acessível, com fornecimento de componentes, acessórios e materiais, visando

Leia mais

Ministério da Fazenda SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS

Ministério da Fazenda SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS PROJETO BÁSICO GESER Nº 04/07 FISCALIZAÇÃO DA OBRA DE IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO E PÂNICO 1. OBJETO Contratação de empresa especializada para prestação de serviços de fiscalização

Leia mais

Anexo V: Solução de Pontos de rede local

Anexo V: Solução de Pontos de rede local Anexo V: Solução de Pontos de rede local 1. Objetivo: 1.1. Contratação de solução de Pontos de Rede de telecomunicação para conexão de diversos tipos de equipamentos eletrônicos como computadores, impressoras,

Leia mais

MOBILIÁRIO DE INFORMÁTICA ARQUIVO DESLIZANTE

MOBILIÁRIO DE INFORMÁTICA ARQUIVO DESLIZANTE ANEXO I ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MOBILIÁRIO DE INFORMÁTICA ARQUIVO DESLIZANTE ESPECIFICAÇÕES DE MOBILIÁRIO DE INFORMÁTICA E ARQUIVOS DESLIZANTES DESTINADOS À AGÊNCIA NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES ANATEL,

Leia mais

ABNT NBR 14.565 Cabeamento Estruturado Cabeamento Estruturado para Edifícios Comerciais e Data Centers Parte 2/2

ABNT NBR 14.565 Cabeamento Estruturado Cabeamento Estruturado para Edifícios Comerciais e Data Centers Parte 2/2 ABNT NBR 14.565 Cabeamento Estruturado Cabeamento Estruturado para Edifícios Comerciais e Data Centers Parte 2/2 ALUNO: REDES DE COMP. TURMA: RDN2 DATA: 12/11/2013 Av. Vitória, 950 Forte São João 29017-950

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO 1. CABEAMENTO VERTICAL 1.1 INTRODUÇÃO

MEMORIAL DESCRITIVO 1. CABEAMENTO VERTICAL 1.1 INTRODUÇÃO MEMORIAL DESCRITIVO 1. CABEAMENTO VERTICAL 1.1 INTRODUÇÃO O cabeamento vertical, ou cabeamento de backbone integra todas as conexões entre o backbone do centro administrativo e os racks departamentais,

Leia mais

SECRETARIA DE POLÍTICAS DE PROMOÇÃO DA IGUALDADE RACIAL SECRETARIA DE PLANEJAMENTO E FORMULAÇÃO DE POLÍTICAS PROJETO BÁSICO

SECRETARIA DE POLÍTICAS DE PROMOÇÃO DA IGUALDADE RACIAL SECRETARIA DE PLANEJAMENTO E FORMULAÇÃO DE POLÍTICAS PROJETO BÁSICO 1 SECRETARIA DE POLÍTICAS DE PROMOÇÃO DA IGUALDADE RACIAL SECRETARIA DE PLANEJAMENTO E FORMULAÇÃO DE POLÍTICAS PROJETO BÁSICO 1 DO OBJETO 1.1 Contratação de empresa especializada nos serviços de reforma

Leia mais

RESPONSABILIDADE DA CONSTRUTORA E GARANTIA

RESPONSABILIDADE DA CONSTRUTORA E GARANTIA RESPONSABILIDADE DA CONSTRUTORA E GARANTIA A San Juan Empreendimentos Imobiliários Ltda responderá pelo prazo de 05 (cinco) anos a contar término da obra, pela solidez e segurança da edificação. Portanto,

Leia mais

ANEXO 1 - TERMO DE REFERÊNCIA Substituição das telhas de alumínio da marquise frontal do prédio sede da Justiça Federal ES

ANEXO 1 - TERMO DE REFERÊNCIA Substituição das telhas de alumínio da marquise frontal do prédio sede da Justiça Federal ES 1 ANEXO 1 - TERMO DE REFERÊNCIA Substituição das telhas de alumínio da marquise frontal do prédio sede da Justiça Federal ES 1 OBJETO: 1.1 Contratação de empresa para substituição de telhas de alumínio

Leia mais

ANEXO I EDITAL CONVITE nº 007/2005-ANATEL-ER01 PROCESSO nº 53504.018.436/2005 PROJETO BÁSICO

ANEXO I EDITAL CONVITE nº 007/2005-ANATEL-ER01 PROCESSO nº 53504.018.436/2005 PROJETO BÁSICO ANEXO I EDITAL CONVITE nº 007/2005-ANATEL-ER01 PROCESSO nº 53504.018.436/2005 PROJETO BÁSICO CONDIÇÕES DE CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA DOS ELEVADORES ESCRITÓRIO REGIONAL DA

Leia mais

COTAÇÃO Nº 003/2016 I. JUSTIFICATIVA

COTAÇÃO Nº 003/2016 I. JUSTIFICATIVA COTAÇÃO Nº 003/2016 A Associação Pinacoteca Arte e Cultura - APAC, associação civil sem fins lucrativos, com sede na cidade de São Paulo, estado de São Paulo, na Praça da Luz, nº 2, Bom Retiro, CEP 01120-010,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008 ATA DO REGISTRO DE PREÇOS CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DO RAMO DE PRESTAÇÃO DE

Leia mais

EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.493/2012 PE 0101/2013

EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.493/2012 PE 0101/2013 EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.493/2012 PE 0101/2013 1 - No ANEXO II, TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS, Notebooks

Leia mais

InfraEstrutura de Redes

InfraEstrutura de Redes Faculdade Anhanguera de São Caetano do Sul InfraEstrutura de Redes Curso: Tecnologia em Redes de Computadores Prof:Eduardo M. de Araujo Site-http://www.professoreduardoaraujo.com Line Cords e Patch Cables.

Leia mais

Descritivo Modelo de Infraestrutura para CDC DMIC

Descritivo Modelo de Infraestrutura para CDC DMIC Descritivo Modelo de Infraestrutura para CDC DMIC CONTATO E-MAIL: implantacao@redecidadania.ba.gob.br VERSÃO 9.0 MAIO / 2015 ESPECIFICAÇÕES DO ESPAÇO DO CDC Para a implantação do CDC é necessário encontrar

Leia mais

ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA ASSISTÊNCIA E DESENVOLVIMENTO SOCIAL SEADES DIRETORIA DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL DSAN

ESTADO DE ALAGOAS SECRETARIA DE ESTADO DA ASSISTÊNCIA E DESENVOLVIMENTO SOCIAL SEADES DIRETORIA DE SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL DSAN 1. APRESENTAÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA Este documento se constitui no Termo de Referência que contém as instruções necessárias para a contratação de empresa para a realização de pesquisa e diagnóstico de

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO MPT/PG 75/2014 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

PREGÃO ELETRÔNICO MPT/PG 75/2014 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA PREGÃO ELETRÔNICO MPT/PG 75/2014 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA 1. DO OBJETO, JUSTIFICATIVA E CONCEITOS 1.1 OBJETO Registro de preços para contratação de empresa especializada no fornecimento de subscrições

Leia mais

1. LICENCIAMENTO 2. SUPORTE TÉCNICO

1. LICENCIAMENTO 2. SUPORTE TÉCNICO 1. LICENCIAMENTO 1.1. Todos os componentes da solução devem estar licenciados em nome da CONTRATANTE pelo período de 36 (trinta e seis) meses; 1.2. A solução deve prover suporte técnico 8 (oito) horas

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA COORDENAÇÃO DE COMPRAS COSCOM (GESUS) 1 de 9 OBJETIVO: Este Termo de Referência tem por objetivo definir o escopo do processo licitatório de constituição de Registro de Preço para eventual contratação

Leia mais

PROJETO BÁSICO AQUISIÇÃO DE NOBREAKS

PROJETO BÁSICO AQUISIÇÃO DE NOBREAKS PROJETO BÁSICO AQUISIÇÃO DE NOBREAKS 1 FUNDAMENTO LEGAL 1.1 A contratação será realizada por meio do Sistema de Cotação Eletrônica de Preços, visto que os bens a serem adquiridos enquadram-se como bens

Leia mais

Conselho Regional de Enfermagem de Mato Grosso do Sul Sistema Cofen/Conselhos Regionais - Autarquia Federal criada pela Lei Nº 5.

Conselho Regional de Enfermagem de Mato Grosso do Sul Sistema Cofen/Conselhos Regionais - Autarquia Federal criada pela Lei Nº 5. TERMO DE REFERÊNCIA I DO OBJETO 1.1. Contratação de pessoa jurídica especializada para prestação de serviço de limpeza e desinfecção de caixa d água para subseção de Dourados/MS do Coren/MS, conforme as

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DO RIO GRANDE DO SUL ETAPA I 0 DESPESAS INICIAIS, TAXAS DIVERSAS E ADMIN. LOCAL - - - - - - 0.1 Despesas iniciais e Taxas diversas - - - - - - 0.1.1 Despesas iniciais 0.1.1.1 Despesas iniciais de mobilização unid - - - - -

Leia mais

ATENÇÃO PARA O TERMO DE REFERÊNCIA ABAIXO. AVISO DE LICITAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA nº 82/2009

ATENÇÃO PARA O TERMO DE REFERÊNCIA ABAIXO. AVISO DE LICITAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA nº 82/2009 ATENÇÃO PARA O TERMO DE REFERÊNCIA ABAIXO. AVISO DE LICITAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA nº 82/2009 O CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO CNPq, fundação pública federal, vinculada ao

Leia mais

a) MORTE POR ACIDENTE Garante aos beneficiários do segurado o pagamento do valor do capital contratado;

a) MORTE POR ACIDENTE Garante aos beneficiários do segurado o pagamento do valor do capital contratado; TERMO DE REFERÊNCIA Código de Classificação: 13.02.01.15 1 DO OBJETO: A presente licitação tem por objeto a contratação de empresa para prestação dos serviços de cobertura securitária (seguro) para assegurar

Leia mais

Aquisição com instalação de Geradores e Nobreaks com ENTREGA ÚNICA conforme especificação abaixo para uso dos Postos de Fiscalização Interestaduais.

Aquisição com instalação de Geradores e Nobreaks com ENTREGA ÚNICA conforme especificação abaixo para uso dos Postos de Fiscalização Interestaduais. 1. DO OBJETO: Código de Classificação: 13.02.01.15 TERMO DE REFERÊNCIA Aquisição com instalação de Geradores e Nobreaks com ENTREGA ÚNICA conforme especificação abaixo para uso dos Postos de Fiscalização

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA PARA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 021/2014 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº: 041/2014

CHAMADA PÚBLICA PARA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 021/2014 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº: 041/2014 CHAMADA PÚBLICA PARA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 021/2014 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº: 041/2014 OBJETO: Contratação de empresa especializada na Prestação de Serviços de Segurança Eletrônica, com monitoramento

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Fornecimento e Instalação de Equipamento de Ar Condicionado Sede Poiesis

TERMO DE REFERÊNCIA Fornecimento e Instalação de Equipamento de Ar Condicionado Sede Poiesis 1. JUSTIFICATIVA O presente Termo tem por objetivo a contratação de empresa especializada em prover solução técnica que venha a garantir condições internas de temperatura e climatização de acordo com Norma

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Item Especificação Unidade QTD

TERMO DE REFERÊNCIA. Item Especificação Unidade QTD TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETO 1.1 Aquisição de bebedouro de garrafão de água, conforme especificações e quantitativos constantes neste Termo de Referência e seu respectivo Encarte. 2. ESPECIFICAÇÃO DO

Leia mais

ANEXO 1 TERMO DE REFERÊNCIA Fornecimento e instalação de válvulas redutoras de pressão

ANEXO 1 TERMO DE REFERÊNCIA Fornecimento e instalação de válvulas redutoras de pressão 1 OBJETO: ANEXO 1 TERMO DE REFERÊNCIA Fornecimento e instalação de válvulas redutoras de pressão 1.1 Contratação de empresa de engenharia para fornecimento e instalação de válvulas redutoras de pressão

Leia mais

Experiência 06: MONTAGEM DE UM RACK E USO DE IDENTIFICADORES

Experiência 06: MONTAGEM DE UM RACK E USO DE IDENTIFICADORES ( ) Prova ( ) Prova Semestral ( ) Exercícios ( ) Prova Modular ( ) Segunda Chamada ( ) Exame Final ( ) Prática de Laboratório ( ) Aproveitamento Extraordinário de Estudos Nota: Disciplina: Turma: Aluno

Leia mais

Avenida Generalíssimo Deodoro, nº 367 Umarizal- CEP: 66.055-240 - Belém - PA (91)3221-4100/4102- e-mail: cphgabinete@cph.pa.gov.br

Avenida Generalíssimo Deodoro, nº 367 Umarizal- CEP: 66.055-240 - Belém - PA (91)3221-4100/4102- e-mail: cphgabinete@cph.pa.gov.br ANEXO II PLANO DE MANUTENÇÃO 1- OBJETO 1.1 Contratação de empresa especializada para prestação de serviços contínuos de operação, manutenção preventiva e corretiva, com fornecimento de peças, materiais

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Prestação de serviços para Coleta, Entrega e Custódia de Mídias Magnéticas e Ópticas em Fitoteca de Segurança Externa

TERMO DE REFERÊNCIA. Prestação de serviços para Coleta, Entrega e Custódia de Mídias Magnéticas e Ópticas em Fitoteca de Segurança Externa TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de serviços para Coleta, Entrega e Custódia de Mídias Magnéticas e Ópticas em Fitoteca de Segurança Externa Março/2013 1. OBJETO 1.1. O presente termo tem por finalidade a

Leia mais

TERMOS DE REFERÊNCIA

TERMOS DE REFERÊNCIA 1. INTRODUÇÃO Para realização de suas atividades técnicas e administrativas a Agência Nacional de Telecomunicações Anatel utiliza-se de sistemas informatizados, sendo eles adquiridos no mercado ou desenvolvidos

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETO 1.1. Registro de preço, POR LOTES, para eventual aquisição de adesivos e recipientes (lixeiras) para acondicionamento de materiais recicláveis e materiais não recicláveis

Leia mais

PEDIDO DE COTAÇÃO - ANEXO I

PEDIDO DE COTAÇÃO - ANEXO I Folha: 0001 Objeto: Aquisição de Material de e Permanente (Equipamentos e Suprimentos de Informática), para 001 081266-9 CABO UTP CAT5E FLEXíVEL, CAIXA COM 300MT Lote 1- Destino: Uinfor CX 30 002 113294-5

Leia mais

NOTA DE ESCLARECIMENTO Nº 01

NOTA DE ESCLARECIMENTO Nº 01 NOTA DE ESCLARECIMENTO Nº 01 CONCORRÊNCIA PÚBLICA NACIONAL N o 20120001/SEINFRA/CCC OBJETO: LICITAÇÃO DO TIPO MENOR PREÇO PARA FORNECIMENTO E INSTALAÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE TRANSPORTE DE MINÉRIOS (CORREIAS

Leia mais

APRENDIZAGEM INDUSTRIAL. UNIDADE 3 Técnicas de cabeamento

APRENDIZAGEM INDUSTRIAL. UNIDADE 3 Técnicas de cabeamento APRENDIZAGEM INDUSTRIAL UNIDADE 3 Técnicas de cabeamento O cabeamento horizontal Compreende os segmentos de cabos que são lançados horizontalmente entre as áreas de trabalho e as salas de telecomunicações

Leia mais

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 54/2008 ESCLARECIMENTO 1

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 54/2008 ESCLARECIMENTO 1 MENSAGEM Assunto: Esclarecimento 1 Referência: Pregão Eletrônico n. 54/2008 Data: 08/09/2008 Objeto: Contratação de empresa para fornecimento e instalação do Circuito Fechado de Televisão CFTV digital,

Leia mais

NOTA DE ALTERAÇÃO/PRORROGAÇÃO

NOTA DE ALTERAÇÃO/PRORROGAÇÃO NOTA DE ALTERAÇÃO/PRORROGAÇÃO O MUNICÍPIO DE MARINGÁ informa aos interessados em participar do procedimento licitatório denominado PROCESSO nº. 2310/14-PMM, cujo objeto é o REGISTRO DE PREÇOS para futuras

Leia mais

EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 07.002.351/2015 PE 0398/2015

EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 07.002.351/2015 PE 0398/2015 EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 07.002.351/2015 PE 0398/2015 1) No termo de referência Especificação Técnica, 6. Obrigações da Contratada,

Leia mais

- - primeira qualidade de primeira 1.8 - Execução dos Serviços e Acesso à Obra

- - primeira qualidade de primeira 1.8 - Execução dos Serviços e Acesso à Obra MEMORIAL DESCRITIVO OBRA : AMPLIAÇÃO DE ESCOLA EM ALVENARIA PROPRIETÁRO: PREFEITURA MUNICIPAL DE ERECHIM - ESCOLA MUNICIPAL DE ENSINO FUNDAMENTAL CARAS PINTADAS ENDEREÇO: PARTE DA CHÁCARA NUMERO 19 LOTE

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Contratação de empresa especializada para serviços de desmontagem, remoção e montagem

TERMO DE REFERÊNCIA. Contratação de empresa especializada para serviços de desmontagem, remoção e montagem Contratação de empresa especializada para serviços de desmontagem, remoção e montagem de 01 (um) Arquivo Deslizante, com acionamento mecânico, destinados ao armazenamento de documentos e acervos do SEBRAE

Leia mais

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças Código de Classificação: 13.02.01.15 TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETO Contratação de empresa especializada para prestação de serviços gráficos diversos, pelo prazo de 12 (doze) meses, para atender às necessidades

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 26/14

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 26/14 Processo n o. 59/14. ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 26/14 Pregão 34/14. ATA DE REGISTRO DE PREÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE SANTA ROSA DE VITERBO E A EMPRESA SINASP SINALIZAÇÃO E ENGENHARIA LTDA.

Leia mais

PROJETO BÁSICO PARA RECARGA DE GÁS E REMANEJAMENTO DE CONDICIONADORES DE AR TIPO SPLIT E JANELA

PROJETO BÁSICO PARA RECARGA DE GÁS E REMANEJAMENTO DE CONDICIONADORES DE AR TIPO SPLIT E JANELA PROJETO BÁSICO PARA RECARGA DE GÁS E REMANEJAMENTO DE CONDICIONADORES DE AR TIPO SPLIT E JANELA Janeiro/2013 Página 1 de 6 1. DO OBJETO 1.1 Contratação de empresa(s) especializada(s) em manutenção e instalação

Leia mais

Noções de Cabeamento Estruturado Metálico

Noções de Cabeamento Estruturado Metálico Noções de Cabeamento Estruturado Metálico Roteiro Parâmetros elétricos Cuidados com cabos metálicos Normas 568 / 606 Elementos do cabeamento estruturado Cabeamento Embora pareça uma questão simples, um

Leia mais

MODELO DE PROJETO BÁSICO AUDITORIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO DO IFAM [Subtítulo do documento]

MODELO DE PROJETO BÁSICO AUDITORIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO DO IFAM [Subtítulo do documento] Página: 1 de X Objeto: Elaborado por: Equipe X Y Z Aprovado por: Unidade Requisitante Autoridade máxima do órgão Página: 2 de X 1. Definição do Objeto Indicação do que se está pretendendo licitar com a

Leia mais

PROJETO DE REDE LOCAL E BACKBONE

PROJETO DE REDE LOCAL E BACKBONE São Paulo, 29 de julho de 2010 PROJETO DE REDE LOCAL E BACKBONE 1. Informações e recomendações importantes O projeto foi solicitado pela Unidade para a implantação de rede local para o prédio GETS, sendo

Leia mais

Anexo I. Caderno de Especificações Técnicas. Execução de Adaptações, Obras Civis e Instalações para Implantação de Grupo Motor Gerador

Anexo I. Caderno de Especificações Técnicas. Execução de Adaptações, Obras Civis e Instalações para Implantação de Grupo Motor Gerador Anexo I Caderno de Especificações Técnicas Execução de Adaptações, Obras Civis e Instalações para Implantação de Grupo Motor Gerador Porto Alegre/RS 1. Considerações Gerais Antes do início de quaisquer

Leia mais

CARROCERIA DO CAMINHÃO MUNK PREÂMBULO

CARROCERIA DO CAMINHÃO MUNK PREÂMBULO CARROCERIA DO CAMINHÃO MUNK PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto Estadual nº 28.397 /

Leia mais

Placa de obra: Haverá a colocação em local visível de placa de obra, metálica, fixada em estrutura de madeira, conforme padrão fornecido SOP.

Placa de obra: Haverá a colocação em local visível de placa de obra, metálica, fixada em estrutura de madeira, conforme padrão fornecido SOP. MEMORIAL DESCRITIVO RECONSTRUÇÃO DO ALBERGUE JUNTO AO PRESIDIO ESTADUAL DE VACARIA RS. VACARIA RS. GENERALIDADES: Este Memorial Descritivo tem a função de propiciar a perfeita compreensão do projeto e

Leia mais

PROJETO DE INSTALAÇÕES ELÉTRICAS MEMORIAL DESCRITIVO

PROJETO DE INSTALAÇÕES ELÉTRICAS MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO DE INSTALAÇÕES ELÉTRICAS MEMORIAL DESCRITIVO Instalação Nobreak 60 KVA - 380 V PROPRIETÁRIO: Procuradoria Geral de Justiça. 1 MEMORIAL DESCRITIVO 1. IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO DADOS DO PROPRIETÁRIO

Leia mais

PROJETO BÁSICO OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA AC CERES - DR/GO ENDEREÇO: AVENIDA PRESIDENTE VARGAS, LOTE 34, QUADRA Q, SETOR CENTRAL, CERES - GOIÁS

PROJETO BÁSICO OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA AC CERES - DR/GO ENDEREÇO: AVENIDA PRESIDENTE VARGAS, LOTE 34, QUADRA Q, SETOR CENTRAL, CERES - GOIÁS PROJETO BÁSICO PROJETO BÁSICO PARA: OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA AC CERES - DR/GO OBJETO DA LICITAÇÃO: O objeto da presente licitação é a OBRA DE REFORMA E AMPLIAÇÃO DA AC CERES - DR/GO, na forma de

Leia mais

CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES

CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES 1. GENERALIDADES Este documento tem por objetivo fornecer aos interessados no Chamamento em pauta as Especificações Básicas a serem seguidas para o atendimento deste Objeto. Estas

Leia mais

1. Considerações Gerais

1. Considerações Gerais Governo do Estado do Ceará Secretaria da Educação Básica Coordenadoria Administrativa Financeira Engenharia SEDUC MEMORIAL DESCRITIVO Unidade de Trabalho: CREDE 13-CRATEÚS Obra: REFORMA ELÉTRICA Engenheiro

Leia mais

PRAÇA DOS ESPORTES E DA CULTURA MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

PRAÇA DOS ESPORTES E DA CULTURA MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PRAÇA DOS ESPORTES E DA CULTURA MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PROJETO: ELÉTRICO Modelo: 3.000 m2 MAIO 2011 SUMÁRIO 1. GENERALIDADES... 03 2. DOCUMENTOS APLICÁVEIS... 04 3. DESCRIÇÃO DO PROJETO...

Leia mais

Memorial Descritivo e Especificação Técnica dos Materiais

Memorial Descritivo e Especificação Técnica dos Materiais FL.: 1/16 REV.: 00 SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA INSTALAÇÃO ELÉTRICA DO AR CONDICIONADO CENTRO DE CULTURA, MEMÓRIA E ESTUDOS DA DIVERSIDADE SEXUAL DO ESTADO DE SÃO PAULO. LOJAS 515 e 518 - METRÔ REPÚBLICA

Leia mais

CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES

CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES 1. GENERALIDADES Este documento tem por objetivo fornecer aos interessados no Chamamento Público as especificações básicas que deverão ser seguidas para o atendimento deste objeto.

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 025/2014. Locação de tendas para a 19ª Festa do Imigrante

CARTA CONVITE Nº 025/2014. Locação de tendas para a 19ª Festa do Imigrante São Paulo, 19 de maio de 2014. CARTA CONVITE Nº 025/2014 Locação de tendas para a 19ª Festa do Imigrante A, Organização Social gestora do Museu da Imigração, de acordo com seu Regulamento de Compras e

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO I PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 011/2015 TERMO DE REFERÊNCIA 1. DO OBJETO A presente licitação tem por objetivo a contratação de pessoa jurídica para prestação de serviços, de forma contínua, ao da 2ª Região,

Leia mais

USINA DE TRATAMENTO DE ESGOTO US3-RALF RESUMO

USINA DE TRATAMENTO DE ESGOTO US3-RALF RESUMO MEMORIAL TÉCNICO: TROCA DE TRANSFORMADOR, CONSTRUÇÃO DE SUBESTAÇÃO EM POSTE SIMPLES COM CABINA DE MEDIÇÃO INDIRETA EM BT DE ENERGIA ELÉTRICA E ADEQUAÇÃO AS NORMAS VIGENTES USINA DE TRATAMENTO DE ESGOTO

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO PROCURADORIA REGIONAL DO TRABALHO DA 2ª REGIÃO/SP ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA PREGÃO ELETRÔNICO Nº.

MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO PROCURADORIA REGIONAL DO TRABALHO DA 2ª REGIÃO/SP ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA PREGÃO ELETRÔNICO Nº. ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 27/2011 TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETO 1.1. Contratação de empresa especializada na prestação de serviços de engenharia elétrica para elaboração de projeto

Leia mais

TERMO DE REFERENCIA. 5.1 Quantidade estimada para compra são de 2 (dois) nobreaks que funcionarão de forma redundante.

TERMO DE REFERENCIA. 5.1 Quantidade estimada para compra são de 2 (dois) nobreaks que funcionarão de forma redundante. TERMO DE REFERENCIA 1. OBJETO 1.1 Contratação de empresa especializada para fornecimento e manutenção de equipamento elétrico do tipo nobreak nas instalações da sala dos servidores da Companhia Docas do

Leia mais

Minuta de Termo de Referência

Minuta de Termo de Referência Minuta de Termo de Referência Contratação de serviço para elaboração do mapeamento, análise, propostas e implantação de melhorias nos processos de trabalho da Coordenadoria Geral de Licenciamento Ambiental

Leia mais

DISPENSA DE LICITAÇÃO ELETRÔNICA Nº. 18319

DISPENSA DE LICITAÇÃO ELETRÔNICA Nº. 18319 Processo nº. 200910267000429 Data da Realização: 09/12/2009 Horário: 09:00 horas Local: www.comprasnet.go.gov.br DISPENSA DE LICITAÇÃO ELETRÔNICA Nº. 18319 A FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESTADO DE

Leia mais

MINUTA-PARÂMETRO DE CONTRATO PARA AQUISIÇÃO DE BENS DE INFORMÁTICA E AUTOMAÇÃO, DECORRENTE DE PREGÃO ELETRÔNICO. Anexo nº...

MINUTA-PARÂMETRO DE CONTRATO PARA AQUISIÇÃO DE BENS DE INFORMÁTICA E AUTOMAÇÃO, DECORRENTE DE PREGÃO ELETRÔNICO. Anexo nº... MINUTA-PARÂMETRO DE CONTRATO PARA AQUISIÇÃO DE BENS DE INFORMÁTICA E AUTOMAÇÃO, DECORRENTE DE PREGÃO ELETRÔNICO. Anexo nº... Minuta Contratual CONTRATO Nº.../... QUE FIRMAM A UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS

Leia mais

LIGAÇÃO NOVA E AUMENTO DE CARGA PARA UNIDADES CONSUMIDORAS COMPREENDIDAS EM ENTRADAS COLETIVAS EXISTENTES (PADRÃO ANTIGO)

LIGAÇÃO NOVA E AUMENTO DE CARGA PARA UNIDADES CONSUMIDORAS COMPREENDIDAS EM ENTRADAS COLETIVAS EXISTENTES (PADRÃO ANTIGO) LIGAÇÃO NOVA E AUMENTO DE CARGA PARA UNIDADES CONSUMIDORAS COMPREENDIDAS EM ENTRADAS COLETIVAS EXISTENTES (PADRÃO ANTIGO) Condições de atendimento Diretoria de Distribuição Gerência de Engenharia da Distribuição

Leia mais

Anexo H MINUTA DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS - PJ

Anexo H MINUTA DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS - PJ Anexo H MINUTA DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS - PJ CONTRATO n /2007 Contrato de Prestação de Serviços de Consultoria / Instrutoria, que entre si celebram o SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS

Leia mais

CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES PARA IMPLANTAÇÃO DE SISTEMA DE CIRCUITO FECHADO DE TV CFTV PARA O ESCRITÓRIO REGIONAL DA ANATEL NO RIO GRANDE DO SUL ER05,

CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES PARA IMPLANTAÇÃO DE SISTEMA DE CIRCUITO FECHADO DE TV CFTV PARA O ESCRITÓRIO REGIONAL DA ANATEL NO RIO GRANDE DO SUL ER05, ANEXO I CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES ANATEL CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES PARA IMPLANTAÇÃO DE SISTEMA DE CIRCUITO FECHADO DE TV CFTV PARA O ESCRITÓRIO REGIONAL DA ANATEL NO RIO GRANDE DO SUL ER05, SITUADO EM

Leia mais

QUESTIONAMENTOS NO ÂMBITO DO PE 019/2013

QUESTIONAMENTOS NO ÂMBITO DO PE 019/2013 QUESTIONAMENTOS NO ÂMBITO DO PE 019/2013 A Contratante poderá estabelecer junto a Contratada um cronograma para execução do objeto, ou seja, poderá haver um planejamento para que o atendimento seja feito

Leia mais

Documentação Técnica Empresa SA. PR049_10

Documentação Técnica Empresa SA. PR049_10 AS BUILT Documentação Técnica Documentação Técnica serviço de cabeamento lógico, realizado na Empresa SA. Serviço realizado após aprovação da proposta PR049_10, sendo todo projeto acompanhado pelo Sr.

Leia mais

diagrama de ligações, relatórios emitidos pelo Analisador de Cabos

diagrama de ligações, relatórios emitidos pelo Analisador de Cabos ESPECIFICAÇÔES TÉCNICAS 1 CABEAMENTO HORIZONTAL Instalação da rede para padrão T568B constituída de 466 (quatrocentos e sessenta e seis) pontos, devidamente identificados, conforme localização definida

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 32/14

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 32/14 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 32/14 Processo n o. 89/14. Pregão 48/14. ATA DE REGISTRO DE PREÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE SANTA ROSA DE VITERBO E A EMPRESA AIR LIQUIDE BRASIL LTDA. Aos 27 (vinte

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 021/2015 Termo de Referência 1. DO OBJETO 1.1. Este Termo de Referência tem por objetivo a aquisição, por intermédio de licitação na modalidade de Pregão Presencial, de

Leia mais

CÓDIGO TÍTULO VERSÃO FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA EM TENSÃO SECUNDÁRIA EDIFICAÇÕES COLETIVAS COM SUBESTAÇÃO INSTALADA NO INTERIOR DA PROPRIEDADE

CÓDIGO TÍTULO VERSÃO FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA EM TENSÃO SECUNDÁRIA EDIFICAÇÕES COLETIVAS COM SUBESTAÇÃO INSTALADA NO INTERIOR DA PROPRIEDADE SISTEMA NORMATIVO CORPORATIVO PADRÃO TÉCNICO CÓDIGO TÍTULO VERSÃO PT.DT.PDN.03.14.009 SECUNDÁRIA EDIFICAÇÕES COLETIVAS COM SUBESTAÇÃO INSTALADA NO INTERIOR DA 01 APROVADO POR PAULO JORGE TAVARES DE LIMA

Leia mais

- FUNDAÇÃO DE APOIO AO HEMOSC/CEPON

- FUNDAÇÃO DE APOIO AO HEMOSC/CEPON CP 290/2015 TERMO DE REFERÊNCIA 1. DO OBJETO Contratação de empresa especializada para execução, nas unidades HEMOSC Coordenador, CEPON Complexo, FAHECE-Sede, Almoxarifado FAHECE e Hospital de Apoio do

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA 1. INTRODUÇÃO

TERMO DE REFERÊNCIA 1. INTRODUÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE ENGENHARIA PARA REPAROS E OBRAS EMERGENCIAIS DE IMOVEIS SITUADOS NA ÁREA DE ESPECIAL INTERESSE URBANISTICO DA REGIÃO DO PORTO MARAVILHA. 1. INTRODUÇÃO A Operação

Leia mais

Portaria n.º 656, de 17 de dezembro de 2012.

Portaria n.º 656, de 17 de dezembro de 2012. Serviço Público Federal MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, QUALIDADE E TECNOLOGIA-INMETRO Portaria n.º 656, de 17 de dezembro de 2012. O PRESIDENTE

Leia mais

ANEXO 1 TERMO DE REFERÊNCIA Reforma do paisagismo da nova Sede da JFES

ANEXO 1 TERMO DE REFERÊNCIA Reforma do paisagismo da nova Sede da JFES ANEXO 1 TERMO DE REFERÊNCIA Reforma do paisagismo da nova Sede da JFES 1 OBJETO: 1.1 Contratação de empresa especializada para reforma do paisagismo da Sede da Justiça Federal no Espírito Santo. 1.2 O

Leia mais

MODELOS CP - 8000 E CP - 8001 V 2006

MODELOS CP - 8000 E CP - 8001 V 2006 ELETRIFICADOR DE CERCAS DE SEGURANÇA MODELOS CP - 8000 E CP - 8001 V 2006 MANUAL DO USUÁRIO INDÚSTRIA BRASILEIRA www.atdshelter.com.br JANEIRO / 2007 ATENÇÃO!!! INFORMAÇÕES IMPORTANTES Leia atentamente

Leia mais