Gestão de Equipas no Ramo Imobiliário

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Gestão de Equipas no Ramo Imobiliário"

Transcrição

1 Gestão de Equipas no Ramo Imobiliário DATAS A definir (após atingirmos o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00 DURAÇÃO 24 horas LOCALIZAÇÃO Aveiro ENQUADRAMENTO Hoje em dia todas as tarefas que envolvam pessoas e a concretização de objectivos têm maior probabilidade de sucesso se forem desenvolvidas num esforço conjunto, num trabalho em equipa, em que a ambição, o entusiasmo e a motivação estejam presentes e sejam cultivados e alimentados no seio da organização. pág. 1/6

2 Uma empresa, no caso uma agência imobiliária, sendo composta por comerciais terá mais sucesso quanto maior for a motivação dos comerciais e melhor for o ambiente de trabalho que existir entre estes e os responsáveis da empresa, gerentes, directores, chefes de equipa. Pretende-se que os formandos desenvolvam o gosto pelo trabalho em equipa e entendam a sua importância na organização da empresa e na concretização de um negócio. OBJECTIVOS No final deste curso os formandos ficarão aptos a: compreender a importância do trabalho em equipa para o sucesso de uma organização e para a concretização de negócios; respeitarem para serem respeitados no seio da organização e na relação com os intervenientes no processo negocial. DESTINATÁRIOS Comerciais do ramo imobiliário, administrativos de agências imobiliárias e de outras organizações. Observação: poderão participar nesta formação outras pessoas que não se enquadrem no universo acima referido, que tenham interesse no curso, desde que conscientes do nível de conhecimentos a ser transmitido no decorrer do mesmo. É do interesse da Hemisfério Numérico que os participantes se reconheçam valorizados após concluída a acção, vendo estes justificado o seu investimento, tanto no aspecto do tempo dispendido, como no aspecto financeiro. pág. 2/6

3 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS I O ser individual numa organização O direito ao seu eu ; Inserção do indivíduo no colectivo; Motivações e expectativas. II A integração do indivíduo no conceito de Equipa O trabalho em equipa A motivação condutor para um bom desempenho; Oportunidades e aptidões; Aliar os objectivos individuais aos objectivos da Equipa maximização de resultados; Comportamentos e a ética na relação profissional. III A definição de objectivos na gestão da equipa Definição dos objectivos e a sua contextualização; Criação de objectivos pessoais e a sua integração no objectivo comum; Avaliação de progresso vs Feedback dos resultados. IV A Comunicação dentro da Equipa Partilhar a informação; Saber comunicar; Identificar os canais de comunicação dentro da organização/equipa. V Avaliação Simulações práticas; Questionários de Avaliação. pág. 3/6

4 CANDIDATURAS/INSCRIÇÕES Número mínimo de formandos: 10 Número máximo de formandos: 20 A formalização das candidaturas é considerada válida após preenchimento da ficha de inscrição (disponível em, em formato Excel) e entrega dos documentos necessários (em mão ou digitalizados): Curriculum Vitae (actualizado e assinado); Fotocópia do BI ou Cartão de Cidadão; Fotocópia do NIF (Cartão de Contribuinte). CONDIÇÕES DE PAGAMENTO Assim que seja atingido o número mínimo de inscrições, os pré-inscritos serão contactados através do respectivo endereço electrónico, por ordem de chegada de inscrição, até ao número limite de vagas. Após este contacto deve ser manifestado, o mais rápido possível, o interesse em participar neste curso. Caso não obtenhamos resposta, passarão a ser contactados os suplentes, por ordem de chegada de inscrição. A confirmação da reserva é feita através de um pagamento inicial (10%) ou do valor integral, caso o inscrito prefira pagar de uma só vez. Todas as vagas existentes são atribuídas aos primeiros interessados que procedam ao pagamento atrás referido. Os inscritos que não pagaram a totalidade do valor da inscrição deverão pagar o montante em falta até data a indicar pela Hemisfério Numérico. pág. 4/6

5 Formas de pagamento: Transferência bancária Cheque Numerário Em caso de transferência agradecemos o envio do comprovativo para o indicando o nome da pessoa inscrita. VALOR 150,00 (isento de IVA) DESCONTOS 10% do valor total do curso por cada novo formando angariado, até ao limite máximo de 70% de desconto. OBSERVAÇÕES A Hemisfério Numérico reserva-se ao direito de adiamento ou cancelamento do curso, caso o número de inscritos seja inferior ao mínimo admitido. Nestes casos, a Hemisfério Numérico informará dessa decisão até dois dias úteis antes da data prevista para o seu início, indicando nessa altura nova data e/ou devolvendo o respectivo pagamento. FORMAÇÃO PARA EMPRESAS A Hemisfério Numérico possibilita a realização desta ou de outras formações em empresas. A realização das acções de formação será determinada de acordo com os interesses do cliente, o qual poderá definir o local (poderá ser nas nossas instalações ou na própria empresa), datas e horários das sessões. pág. 5/6

6 Peça-nos um orçamento (gratuito): Telefone: / pág. 6/6

Folha de Cálculo (Excel)

Folha de Cálculo (Excel) Folha de Cálculo (Excel) DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das 9h00 às 13h00 e das 14h30 às 17h30

Leia mais

PowerPoint. Sábado, das 9h30 às 13h00 e das 14h30 às 18h00 (no último dia termina às 17h00)

PowerPoint. Sábado, das 9h30 às 13h00 e das 14h30 às 18h00 (no último dia termina às 17h00) PowerPoint DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das 9h30 às 13h00 e das 14h30 às 18h00 (no último dia

Leia mais

Contabilidade Finanças para Não Financeiros

Contabilidade Finanças para Não Financeiros Contabilidade Finanças para Não Financeiros DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das 9h30 às 13h00 e

Leia mais

Eficiência e Certificação Energética de Edifícios em Portugal

Eficiência e Certificação Energética de Edifícios em Portugal Eficiência e Certificação Energética de Edifícios em Portugal DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Sábado, das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00 DURAÇÃO 8 horas

Leia mais

Etiqueta e Protocolo

Etiqueta e Protocolo Etiqueta e Protocolo DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Sábado, das 10h00 às 13h00 e das 14h30 às 17h30 DURAÇÃO 6 horas LOCALIZAÇÃO Aveiro ENQUADRAMENTO Os

Leia mais

Auditorias a Sistemas de Gestão da Qualidade ISO 9001 : 2008

Auditorias a Sistemas de Gestão da Qualidade ISO 9001 : 2008 Auditorias a Sistemas de Gestão da Qualidade ISO 9001 : 2008 DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das

Leia mais

Métodos de Avaliação Imobiliária

Métodos de Avaliação Imobiliária Métodos de Avaliação Imobiliária DATAS Ver cronograma (sujeitas a eventuais alterações). HORÁRIO Pós-Laboral, das 19h00 às 23h00 DURAÇÃO 30 Horas LOCALIZAÇÃO Instalações da AS Formação Urbanização CHAVE,

Leia mais

Contabilidade Introdução ao SNC

Contabilidade Introdução ao SNC Contabilidade Introdução ao SNC DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das 9h30 às 13h00 e das 14h00 às

Leia mais

AutoCAD 2D. Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 22h30 (duas das sessões terminam às 22h00)

AutoCAD 2D. Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 22h30 (duas das sessões terminam às 22h00) AutoCAD 2D DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 22h30 (duas das sessões terminam às 22h00) ou Sábado, das 9h30 às 13h00

Leia mais

Certificação da Qualidade ISO 9001 : 2003

Certificação da Qualidade ISO 9001 : 2003 Certificação da Qualidade ISO 9001 : 2003 DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 3ª, 4ª e 5ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das 9h00 às 13h00 e das

Leia mais

Sistemas Solar Fotovoltaicos (Projectista)

Sistemas Solar Fotovoltaicos (Projectista) Sistemas Solar Fotovoltaicos (Projectista) DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª e 4ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das 9h00 às 13h00 e das

Leia mais

Visual Basic 2010. Formação Profissional DATAS HORÁRIO DURAÇÃO LOCALIZAÇÃO OBJECTIVOS

Visual Basic 2010. Formação Profissional DATAS HORÁRIO DURAÇÃO LOCALIZAÇÃO OBJECTIVOS Visual Basic 2010 DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00 DURAÇÃO

Leia mais

Competências Básicas em Informática

Competências Básicas em Informática Competências Básicas em Informática DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das 9h00 às 13h00 e das 14h00

Leia mais

Massagem Shantala para bebés

Massagem Shantala para bebés Massagem Shantala para bebés DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Sábado ou Domingo, das 9h00 às 13h00 ou das 14h00 às 18h00 DURAÇÃO 4 horas LOCALIZAÇÃO Aveiro

Leia mais

Projetista de REH/RECS

Projetista de REH/RECS Projetista de REH/RECS Enquadramento: A certificação energética tem vindo a inserir-se no quotidiano de forma progressiva, tendo-se integrado por completo a 1 de Janeiro de 2009. Assim, com o crescente

Leia mais

Auditorias Energéticas

Auditorias Energéticas Auditorias Energéticas Formação Profissional DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das 9h30 às 13h00

Leia mais

Processador de Texto (Word)

Processador de Texto (Word) Processador de Texto (Word) DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 23h00 ou Sábado, das 9h30 às 13h00 e das 14h30 às 18h00

Leia mais

Socorrismo (com Suporte Básico de Vida)

Socorrismo (com Suporte Básico de Vida) Socorrismo (com Suporte Básico de Vida) DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Pós-Laboral, à 2ª, 3ª e 5ª, das 19h00 às 23h00, mais um Sábado das 10h00 às 13h00

Leia mais

HISTÓRICO DE REVISÕES REVISÃO DATA SÍNTESE DA REVISÃO

HISTÓRICO DE REVISÕES REVISÃO DATA SÍNTESE DA REVISÃO HISTÓRICO DE REVISÕES REVISÃO DATA SÍNTESE DA REVISÃO ELABORAÇÃO ASSINATURA APROVAÇÃO ASSINATURA ÍNDICE CAPÍTULO 1. POLÍTICA E ESTRATÉGIA/ÂMBITO... 3 1.1 POLÍTICA E ESTRATÉGIA DA ENTIDADE... 3 1.2 OBJECTIVO

Leia mais

Regulamento Interno. Artigo 1º (Missão)

Regulamento Interno. Artigo 1º (Missão) Regulamento Interno O presente regulamento aplica-se a todos os Cursos de formação concebidos, organizados e desenvolvidos pelo Nucaminho - Núcleo dos Camionistas do Minho, com o objetivo de promover o

Leia mais

1. Apresentação. 2. Objetivos do Curso de Formação

1. Apresentação. 2. Objetivos do Curso de Formação Índice 1. Apresentação... 3 2. Objetivos do Curso de Formação... 3 2.1. Destinatários... 4 2.2. Modalidade e Forma de Organização da Formação:... 4 3. Plano de Estudos... 4 3.1. Coordenação do curso...

Leia mais

Regulamento de Formação AIP

Regulamento de Formação AIP Regulamento de Formação AIP Introdução Considerando que: Primeiro: A AIP Associação Industrial Portuguesa - Câmara de Comércio e Indústria é uma organização de utilidade pública sem fins lucrativos que

Leia mais

Artigo 5.º Acesso Têm acesso ao curso os diplomados ou não diplomados com experiência relevante no âmbito da otimização/excelência organizacional.

Artigo 5.º Acesso Têm acesso ao curso os diplomados ou não diplomados com experiência relevante no âmbito da otimização/excelência organizacional. REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM Auditores de HACCP Artigo 1.º Criação É criado no Instituto Politécnico de Leiria (IPL) o Curso de Pós-graduação em Auditores de HACCP. Artigo 2.º Objetivos Este

Leia mais

1. O que é? 2. O que se pretende? 3. Quem pode concorrer?

1. O que é? 2. O que se pretende? 3. Quem pode concorrer? 1. O que é? Trata-se de um Programa de Bolsas de Investigação na Área da Cidade e da Arquitectura, entendido como um apoio a jovens na realização de um trabalho inédito de investigação, com a duração de

Leia mais

REGULAMENTO CURSO DE TREINADORES Grau I Porto/Coimbra/Lisboa

REGULAMENTO CURSO DE TREINADORES Grau I Porto/Coimbra/Lisboa REGULAMENTO CURSO DE TREINADORES Grau I Porto/Coimbra/Lisboa O presente regulamento, aprovado pelo, rege a organização dos Cursos de Treinadores de Grau I e do curso em epígrafe (Porto/Coimbra/Lisboa)

Leia mais

pós-graduação fiscalidade Janeiro.10 Dezembro.10

pós-graduação fiscalidade Janeiro.10 Dezembro.10 pós-graduação fiscalidade Janeiro.10 Dezembro.10 pós-graduação fiscalidade A Pós-Graduação em Fiscalidade destina-se a jovens juristas ou outros profissionais que pretendem iniciar ou progredir numa carreira

Leia mais

Regulamento PAPSummer 2016

Regulamento PAPSummer 2016 Regulamento PAPSummer 2016 Artigo 1º Objetivos do programa, montante e designação das bolsas 1. O programa PAPSummer pretende dar a oportunidade a estudantes portugueses ( Estudante ) de desenvolver um

Leia mais

Último dia para efectuar o pagamento da inscrição 22-10-2015 22-10-2015 30-10-2015. Calendário. Total de Horas

Último dia para efectuar o pagamento da inscrição 22-10-2015 22-10-2015 30-10-2015. Calendário. Total de Horas Questões frequentes 1. O que é este Curso? Este Executive Education em Gestão de Marketing, é um curso organizado pelo Centro de Formação Administração, Finanças e Banca AFB. É constituído por cinco módulos

Leia mais

Certificação Energética em Edifícios Existentes

Certificação Energética em Edifícios Existentes Certificação Energética em Edifícios Existentes DATAS A definir (assim que seja atingido o número mínimo de inscrições) HORÁRIO Sábado, das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00 (inclui visita a um imóvel

Leia mais

Licença Especial Ciclomotores. 14 15 anos

Licença Especial Ciclomotores. 14 15 anos Licença Especial Ciclomotores 14 15 anos Licença Especial 50c.c. Destina-se a jovens com 14 ou 15 anos Destina-se a jovens com 14 ou 15 anos já feitos, com aptidão física e mental, com frequência mínima

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR DE CONTABILIDADE E ADMINISTRAÇÃO DE COIMBRA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA SERVIÇOS JURÍDICOS ANO LECTIVO 2012/2013

INSTITUTO SUPERIOR DE CONTABILIDADE E ADMINISTRAÇÃO DE COIMBRA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA SERVIÇOS JURÍDICOS ANO LECTIVO 2012/2013 INSTITUTO SUPERIOR DE CONTABILIDADE E ADMINISTRAÇÃO DE COIMBRA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA SERVIÇOS JURÍDICOS ANO LECTIVO 2012/2013 EDITAL 2ª Fase O Presidente do Instituto Superior de Contabilidade

Leia mais

Regulamento de Formação da B-Training, Consulting

Regulamento de Formação da B-Training, Consulting Regulamento de Formação da B-Training, Consulting Desde já seja bem-vindo à B-Training, Consulting! Agradecemos a sua preferência e desejamos que o Curso corresponda às suas expectativas e que obtenha

Leia mais

INSTITUTO POLITÉCNICO DE LEIRIA

INSTITUTO POLITÉCNICO DE LEIRIA INSTITUTO POLITÉCNICO DE LEIRIA FOR.CET Centro de Formação para Cursos de Especialização Tecnológica Regulamento de Funcionamento dos CET Capítulo I Acesso e Frequência Artigo 1º (Acesso e Frequência)

Leia mais

MESTRADO EM DIREITO E GESTÃO 2015/2016

MESTRADO EM DIREITO E GESTÃO 2015/2016 MESTRADO EM DIREITO E GESTÃO 2015/2016 VAGAS o 20 vagas para a candidatura na 1.ª fase o 20 vagas para a candidatura na 2.ª fase Na 1.ª fase aceitam-se candidaturas condicionadas de estudantes que comprovadamente

Leia mais

Manual do Fénix. Portal Secretaria da Escola Portal Conselho Científico Portal Direcção de Curso. Candidatura Online para o 2.

Manual do Fénix. Portal Secretaria da Escola Portal Conselho Científico Portal Direcção de Curso. Candidatura Online para o 2. Manual do Fénix Portal Secretaria da Escola Portal Conselho Científico Portal Direcção de Curso Candidatura Online para o 2. º Ciclo SI (Versão 1.0) Maio 2011 Este manual tem como objectivo auxiliar na

Leia mais

TÉCNICAS DE APOIO E FACILITAÇÃO DO PROCESSO CRIATIVO NAS ORGANIZAÇÕES

TÉCNICAS DE APOIO E FACILITAÇÃO DO PROCESSO CRIATIVO NAS ORGANIZAÇÕES TÉCNICAS DE APOIO E FACILITAÇÃO DO PROCESSO CRIATIVO NAS ORGANIZAÇÕES PROGRAMA AVANÇADO DESTINATÁRIOS Quadros intermédios e superiores em organizações dos setores privado e público; profissionais da formação;

Leia mais

Curso de Inglês Nível I

Curso de Inglês Nível I Curso de Inglês Nível I Enquadramento: A língua inglesa é, por excelência, a língua falada em todo o mundo, quer por questões sociais e económicas, quer por razões tecnológicas e académicas. Se se pretender

Leia mais

Último dia para efectuar o pagamento da inscrição 22-10-2015 22-10-2015 30-10-2015. Calendário. Total de Horas

Último dia para efectuar o pagamento da inscrição 22-10-2015 22-10-2015 30-10-2015. Calendário. Total de Horas Questões frequentes 1. O que é este Curso? Este Executive Education em Gestão de Marca, é um curso organizado pelo Centro de Formação Administração, Finanças e Banca AFB. É constituído por dez módulos

Leia mais

Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC. www.estagiostic.gov.pt

Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC. www.estagiostic.gov.pt Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC www.estagiostic.gov.pt 1 Índice 1 Introdução 3 1.1 Programa de Estágios TIC 3 1.2 Objectivo da plataforma 3 1.3 Perfis 4 1.3.1 Escola 4 1.3.2 Empresa 4 1.3.3

Leia mais

Personal Training. Guia de Curso. Nível III

Personal Training. Guia de Curso. Nível III Guia de Curso Personal Training Nível III Centro Estudos Fitness T.217 901 600 F.217 901 609 Índice Apresentação CEF...... 3 Cursos Nível III:... 3 Personal Training... 3 Publico Alvo... 3 Modalidade de

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DO FORMANDO E-LEARNING PQ.11.01/B 2014/03/31 Página 1 de 9

REGULAMENTO INTERNO DO FORMANDO E-LEARNING PQ.11.01/B 2014/03/31 Página 1 de 9 Página 1 de 9 1. APRESENTAÇÃO da ENTIDADE FORMADORA Fundado em 1996, o começou por ensinar informática a crianças e jovens, como franchisado da FUTUREKIDS em Vila Nova de Gaia, dando aulas no seu Centro

Leia mais

REGULAMENTO DO CURSO DE TREINADORES NÍVEL I

REGULAMENTO DO CURSO DE TREINADORES NÍVEL I FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE BASQUETEBOL ESCOLA NACIONAL DO BASQUETEBOL REGULAMENTO DO CURSO DE TREINADORES NÍVEL I O presente regulamento, aprovado pelo Conselho Nacional de Formação de Treinadores, rege a

Leia mais

// catálogo de FOrmaçãO

// catálogo de FOrmaçãO // catálogo de FOrmaçãO 2010 /2011 AF_cataĺogo_final.indd 1 // índice 3 CFT - CENTRO DE FORMAÇÃO TÉCNICA 5 Formação é peça fundamental! 6 ENERGIA SOLAR TÉRMICA (Profissionais de Distribuição) 7 ENERGIA

Leia mais

Instituto Ciências da Saúde. da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO

Instituto Ciências da Saúde. da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO Instituto Ciências da Saúde da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO 1 CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º (Objeto) O presente regulamento rege a mobilidade internacional

Leia mais

REGULAMENTO DA FORMAÇÃO

REGULAMENTO DA FORMAÇÃO REGULAMENTO DA FORMAÇÃO ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. OBJECTO E ÂMBITO DE APLICAÇÃO DO REGULAMENTO DA FORMAÇÃO... 3 3. POLÍTICA E ESTRATÉGIA DA ENTIDADE... 3 4. FORMAS E MÉTODOS DE SELECÇÃO... 4 4.1. Selecção

Leia mais

BOLSAS DO INSTITUTO IBERDROLA BRASIL. Convocatória para Estudos de Pós-Graduação em Energia e Meio Ambiente no Reino Unido

BOLSAS DO INSTITUTO IBERDROLA BRASIL. Convocatória para Estudos de Pós-Graduação em Energia e Meio Ambiente no Reino Unido BOLSAS DO INSTITUTO IBERDROLA BRASIL Convocatória para Estudos de Pós-Graduação em Energia e Meio Ambiente no Reino Unido Fevereiro de 2016 1 1. Apresentação O Grupo IBERDROLA quer reforçar a sua contribuição

Leia mais

CURSOS DE FORMAÇÃO Curso para Peritos Qualificados no Sistema de Certificação Energética

CURSOS DE FORMAÇÃO Curso para Peritos Qualificados no Sistema de Certificação Energética CURSOS DE FORMAÇÃO Curso para Peritos Qualificados no Sistema de Certificação Energética Módulo RSECE- Energia: Regulamento dos Sistemas Energéticos de Climatização em Edifícios No âmbito do desenvolvimento

Leia mais

O curso terá uma duração de 70 horas, repartidas por 4 módulos: Módulo 1 Contabilidade Financeira 25 horas

O curso terá uma duração de 70 horas, repartidas por 4 módulos: Módulo 1 Contabilidade Financeira 25 horas Índice 1. Apresentação, Destinatários e Objetivos... 3 1.1. Estrutura e Duração do Curso... 3 1.2. Coordenação e Equipa de Formadores... 4 2. Estrutura Funcional... 5 2.1. Custo... 5 2.2. Duração, Calendário

Leia mais

PRODER - Subprograma 3. ACÇÃO 3.1.2 - Criação e desenvolvimento de Microempresas DOCUMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE APOIO

PRODER - Subprograma 3. ACÇÃO 3.1.2 - Criação e desenvolvimento de Microempresas DOCUMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE APOIO PRODER - Subprograma 3 ACÇÃO 3.1.2 - Criação e desenvolvimento de Microempresas DOCUMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE APOIO DOCUMENTOS DO BENEFICIÁRIO 1 a 9 10 11 13 14 Declaração Geral de Compromisso

Leia mais

MISSÃO EMPRESARIAL AO CHILE SANTIAGO DO CHILE 01 a 06 de OUTUBRO 2016 2 DESCRIÇÃO:

MISSÃO EMPRESARIAL AO CHILE SANTIAGO DO CHILE 01 a 06 de OUTUBRO 2016 2 DESCRIÇÃO: 23 MISSÃO EMPRESARIAL AO CHILE SANTIAGO DO CHILE 01 a 06 de OUTUBRO 2016 2 DESCRIÇÃO: A Missão encontra-se integrada no Projeto Conjunto da AIDA, INOV_MARKET, que tem como principais objetivos promover

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO. Av. Costa Pinto, nº 440 2750-329 Cascais Tel: 21 482 15 21 Email: achupeta@sapo.pt

REGULAMENTO INTERNO. Av. Costa Pinto, nº 440 2750-329 Cascais Tel: 21 482 15 21 Email: achupeta@sapo.pt REGULAMENTO INTERNO Av. Costa Pinto, nº 440 2750-329 Cascais Tel: 21 482 15 21 Email: achupeta@sapo.pt OBJECTIVOS DA CHUPETA "Proporcionar o atendimento individualizado da criança num clima de segurança

Leia mais

BOLSAS DO INSTITUTO IBERDROLA BRASIL. Convocatória para Estudos de Pós-Graduação em Energia e Meio Ambiente na Espanha

BOLSAS DO INSTITUTO IBERDROLA BRASIL. Convocatória para Estudos de Pós-Graduação em Energia e Meio Ambiente na Espanha BOLSAS DO INSTITUTO IBERDROLA BRASIL Convocatória para Estudos de Pós-Graduação em Energia e Meio Ambiente na Espanha Fevereiro de 2016 1 1. Apresentação O Grupo IBERDROLA quer reforçar a sua contribuição

Leia mais

1. Apresentação. 2. Objetivos do Curso de Formação

1. Apresentação. 2. Objetivos do Curso de Formação Índice 1. Apresentação... 3 2. Objetivos do Curso de Formação... 3 2.1. Destinatários... 4 2.2. Modalidade e Forma de Organização da Formação:... 4 3. Plano de Estudos... 4 3.1. Coordenação do curso...

Leia mais

MESTRADOS. Artigo 1.º Criação A Escola Superior de Comunicação Social confere o grau de Mestre em Jornalismo.

MESTRADOS. Artigo 1.º Criação A Escola Superior de Comunicação Social confere o grau de Mestre em Jornalismo. MESTRADOS REGIME DE FREQUÊNCIA E AVALIAÇÃO JORNALISMO Artigo 1.º Criação A Escola Superior de Comunicação Social confere o grau de Mestre em Jornalismo. Artigo 2.º Destinatários O Mestrado em Jornalismo

Leia mais

FORMAÇÃO LIGADURAS FUNCIONAIS

FORMAÇÃO LIGADURAS FUNCIONAIS FORMAÇÃO LIGADURAS FUNCIONAIS INTRODUÇÃO As ligaduras funcionais são uma das técnicas mais utilizadas pelo Fisioterapeuta no contexto desportivo, no entanto a sua eficácia não se limita a este campo podendo

Leia mais

Técnico Auxiliar de Farmácia - Empower Up

Técnico Auxiliar de Farmácia - Empower Up Início Empower Up Equipa Consultoria Documentação» Contactos Empower Up» Formação» Técnico Auxiliar de Farmácia Técnico Auxiliar de Farmácia 240 horas AULAS TEÓRICAS E TEÓRICO-PRÁTICAS 160 ou 320 horas

Leia mais

Envie-nos os seus trabalhos jornalísticos sobre o sector rodoviário, publicados em 2011. Participe entre 1 de Novembro de 2011 e 31 de Janeiro de

Envie-nos os seus trabalhos jornalísticos sobre o sector rodoviário, publicados em 2011. Participe entre 1 de Novembro de 2011 e 31 de Janeiro de Envie-nos os seus trabalhos jornalísticos sobre o sector rodoviário, publicados em 2011. Participe entre 1 de Novembro de 2011 e 31 de Janeiro de 2012. ENQUADRAMENTO 2ºs PRÉMIOS DE JORNALISMO CEPSA ESTRADAS

Leia mais

1. Apresentação. 2. Objetivos do Curso de Formação

1. Apresentação. 2. Objetivos do Curso de Formação 1. Apresentação... 3 2. Objetivos do Curso de Formação... 3 2.1. Destinatários... 3 2.2. Modalidade e Forma de Organização da Formação:... 3 3. Plano de Estudos... 4 3.1. Coordenação do curso... 4 3.2.

Leia mais

EDITAL. 3. Grau que confere Mestre. 4. Destinatários. Página 1 de 6

EDITAL. 3. Grau que confere Mestre. 4. Destinatários. Página 1 de 6 EDITAL Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa do Instituto Politécnico de Lisboa Mestrado em Segurança e Higiene no Trabalho - Regime Especial 4.ª Edição Ano Letivo 2013/2014 A Escola Superior

Leia mais

Instituto de Educação

Instituto de Educação Instituto de Educação Universidade de Lisboa Oferta Formativa Pós-Graduada Doutoramento em Educação Especialização: Administração e Política Educacional Edição Instituto de Educação da Universidade de

Leia mais

Curso Nacional de Directores Técnicos F.P.S. 2014

Curso Nacional de Directores Técnicos F.P.S. 2014 Curso Nacional de Directores Técnicos F.P.S. 2014 I Inscrições De acordo com o projecto de formação de Recursos Humanos da F.P.S. para 2013-2017 irá decorrer em Peniche nos dias de 02, 03 e 04 de Julho

Leia mais

CONCURSO "IDEIA BRILHANTE"

CONCURSO IDEIA BRILHANTE CONCURSO "IDEIA BRILHANTE" REGULAMENTO DO CONCURSO Concorrentes 1ª Fase 2ª Fase 3ª Fase Vencedores Avaliação de ideias Avaliação de planos de negócio Apresentação do plano de negócios REGULAMENTO DE CONCURSO

Leia mais

Regulamento Geral da Formação

Regulamento Geral da Formação Regulamento Geral da Formação Índice 1.APRESENTAÇÃO... 4 1.1 OBJETIVO... 4 1.2. ÂMBITO... 4 1.3. APRESENTAÇÃO... 4 1.4. PÚBLICO-ALVO... 4 1.5. HORÁRIO ATENDIMENTO... 4 1.6. MODALIDADES DE FORMAÇÃO... 4

Leia mais

CRITÉRIOS DE PARTICIPAÇÃO NO PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS

CRITÉRIOS DE PARTICIPAÇÃO NO PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS O Diretor do Colégio Santo Agostinho - Leblon, no uso de suas atribuições regimentais e em consonância com a legislação em vigor, traz a público este Edital e estabelece as normas regentes para o Processo

Leia mais

Direcção Geral da Administração Pública. Processo de Selecção da 7ª Edição do Programa de Estágios Profissional na Administração Pública

Direcção Geral da Administração Pública. Processo de Selecção da 7ª Edição do Programa de Estágios Profissional na Administração Pública Direcção Geral da Administração Pública Processo de Selecção da 7ª Edição do Programa de Estágios Profissional na Administração Pública 1. Destinatários O Programa de Estágios Profissionais na Administração

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA G GESTÃO COMERCIAL. ÁREA DE FORMAÇÃO Enquadramento na organização/empresa PERFIL PROFISSIONAL

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA G GESTÃO COMERCIAL. ÁREA DE FORMAÇÃO Enquadramento na organização/empresa PERFIL PROFISSIONAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA G GESTÃO COMERCIAL ÁREA DE FORMAÇÃO Enquadramento na organização/empresa PERFIL PROFISSIONAL Técnico Especialista em Gestão Comercial LEGISLAÇÃO APLICÁVEL Decreto-lei

Leia mais

O COACHING NÃO SERVE! OS 5 MITOS SOBRE A APLICAÇÃO DO COACHING AOS COLABORADORES DE ELEVADO POTENCIAL (HP) WORKSHOP. Think, Create and Share

O COACHING NÃO SERVE! OS 5 MITOS SOBRE A APLICAÇÃO DO COACHING AOS COLABORADORES DE ELEVADO POTENCIAL (HP) WORKSHOP. Think, Create and Share O COACHING NÃO SERVE! OS 5 MITOS SOBRE A APLICAÇÃO DO COACHING AOS COLABORADORES DE ELEVADO POTENCIAL (HP) WORKSHOP DESTINATÁRIOS Gestores de Pessoas/ Líderes no âmbito de equipas e projetos. OBJETIVOS

Leia mais

Procedimento de Contratação. (artº 5º do CCP Contratação Excluída) Procedimento 5/2013

Procedimento de Contratação. (artº 5º do CCP Contratação Excluída) Procedimento 5/2013 Procedimento de Contratação (artº 5º do CCP Contratação Excluída) Procedimento 5/2013 Aquisição de Serviços de Consultores-formadores de Ligação e Especialistas para a execução do Projecto nº 084749/2012/831

Leia mais

REGULAMENTO DE PARTICIPAÇÃO EM ACÇÕES PROMOCIONAIS

REGULAMENTO DE PARTICIPAÇÃO EM ACÇÕES PROMOCIONAIS REGULAMENTO DE PARTICIPAÇÃO EM ACÇÕES PROMOCIONAIS IPIM - 1 - REGULAMENTO DE PARTICIPAÇÃO EM ACÇÕES PROMOCIONAIS INTRODUÇÃO No exercício das atribuições que lhe foram cometidas pelo número 2 do artigo

Leia mais

CURSO MASTER EM MESOTERAPIA

CURSO MASTER EM MESOTERAPIA CURSO MASTER EM MESOTERAPIA - 4ª edição - Curso Teórico-Prático www.apestetica.org CURSO MASTER EM MESOTERAPIA - 4ª edição O sector da Medicina em geral e da Medicina Estética em particular, está em constante

Leia mais

1. P: Quais são os requisitos para os candidatos ao Plano? R: O pedido é apresentado em nome de empresa comercial e preenche os seguintes requisitos:

1. P: Quais são os requisitos para os candidatos ao Plano? R: O pedido é apresentado em nome de empresa comercial e preenche os seguintes requisitos: P&R sobre o Plano de Apoio a Jovens Empreendedores As informações aqui prestadas servem apenas para efeitos de referência, não constituindo opiniões jurídicas, prevalecendo sempre os preceitos do Regulamento

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DA FORMAÇÃO DA NHK, LDA ÍNDICE

REGULAMENTO INTERNO DA FORMAÇÃO DA NHK, LDA ÍNDICE REGULAMENTO INTERNO DA FORMAÇÃO DA NHK, LDA ÍNDICE CAPITULO 01- Requisitos de Acesso e Formas de Inscrição.... 02 CAPITULO 02 - Critérios e Métodos de Seleção dos Formandos e Novos Formadores...03 2.1

Leia mais

INTERFURNITURE 2012. Acção Avignon 12 a 14 de Fevereiro de 2012. Formulário de Inscrição. Nome da empresa: Marca Pessoa de Contacto

INTERFURNITURE 2012. Acção Avignon 12 a 14 de Fevereiro de 2012. Formulário de Inscrição. Nome da empresa: Marca Pessoa de Contacto INTERFURNITURE 2012 Acção Avignon 12 a 14 de Fevereiro de 2012 Formulário de Inscrição DADOS EMPRESA Nome da empresa: Marca Pessoa de Contacto CAE (Ver. 3): NIF: Postos de trabalho: Freguesia: Concelho:

Leia mais

Avisos do Banco de Portugal. Aviso nº 2/2007

Avisos do Banco de Portugal. Aviso nº 2/2007 Avisos do Banco de Portugal Aviso nº 2/2007 O Aviso do Banco de Portugal nº 11/2005, de 13 de Julho, procedeu à alteração e sistematização dos requisitos necessários à abertura de contas de depósito bancário,

Leia mais

PROGRAMA CULTURA SOCIAL PROJETO FÉRIAS DESPORTIVAS 2016 NORMAS DE PARTICIPAÇÃO

PROGRAMA CULTURA SOCIAL PROJETO FÉRIAS DESPORTIVAS 2016 NORMAS DE PARTICIPAÇÃO PROGRAMA CULTURA SOCIAL PROJETO FÉRIAS DESPORTIVAS 2016 NORMAS DE PARTICIPAÇÃO I - PROMOÇÃO Este projeto encontra-se inserido no Programa Cultura Social, programa de Voluntariado e Ocupação de Tempos Livres

Leia mais

Regulamento Acredita Portugal Realize o seu Sonho

Regulamento Acredita Portugal Realize o seu Sonho Regulamento Acredita Portugal Realize o seu Sonho REGULAMENTO DA 4ª EDIÇÃO DO CONCURSO "BES REALIZE O SEU SONHO" Capítulo I - Introdução e Objetivos 1.º(Introdução e Objetivos) O Concurso Realize o Seu

Leia mais

Curso Regional de Juizes F.P.S. 2013

Curso Regional de Juizes F.P.S. 2013 Curso Regional de Juizes F.P.S. 2013 I Inscrições De acordo com o projecto de formação de Recursos Humanos da F.P.S. para 2013-2017 irá decorrer na Ericeira no fim de semana de 15 e 16 de Março um curso

Leia mais

GUIA PRÁTICO SUBSÍDIO DE DESEMPREGO - MONTANTE ÚNICO

GUIA PRÁTICO SUBSÍDIO DE DESEMPREGO - MONTANTE ÚNICO GUIA PRÁTICO SUBSÍDIO DE DESEMPREGO - MONTANTE ÚNICO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/10 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Subsídio de Desemprego Montante Único

Leia mais

REGULAMENTO MUNICIPAL DE APOIO E FINANCIAMENTO DO ASSOCIATIVISMO DESPORTIVO

REGULAMENTO MUNICIPAL DE APOIO E FINANCIAMENTO DO ASSOCIATIVISMO DESPORTIVO MUNICÍPIO DE S. PEDRO DO SUL GABINETE DE DESPORTO REGULAMENTO MUNICIPAL DE APOIO E FINANCIAMENTO DO ASSOCIATIVISMO DESPORTIVO REGULAMENTO MUNICIPAL DE APOIO E FINANCIAMENTO DO ASSOCIATIVISMO DESPORTIVO

Leia mais

Cartão de Crédito Consignado. Um excelente benefício para o Servidor

Cartão de Crédito Consignado. Um excelente benefício para o Servidor Cartão de Crédito Consignado Um excelente benefício para o Servidor Institucional O Banco Daycoval S/A, fundado em 1968, é um dos líderes de crédito para empresas, resultado obtido através da estratégia

Leia mais

CURSO MASTER EM MESOTERAPIA

CURSO MASTER EM MESOTERAPIA CURSO MASTER EM MESOTERAPIA - 3ª edição - Curso Teórico-Prático www.apestetica.org CURSO MASTER EM MESOTERAPIA - 3ª edição - O sector da Medicina em geral e da Medicina Estética em particular, está em

Leia mais

Caderneta de Estágio 2007/2008. Curso Tecnológico de Administração. Aluno: Marisa Daniela Antunes Santos, nº 9 da turma G, do 12º ano.

Caderneta de Estágio 2007/2008. Curso Tecnológico de Administração. Aluno: Marisa Daniela Antunes Santos, nº 9 da turma G, do 12º ano. Caderneta de Estágio 2007/2008 ESCOLA SECUNDÁRIA DE AMARES Curso Tecnológico de Administração Aluno:, nº 9 da turma G, do 12º ano. IDENTIFICAÇÃO DO ALUNO-FORMANDO Nome: Data de Nascimento: 26 02 1989 B.I.

Leia mais

INSTITUTO GEOGRÁFICO PORTUGUÊS

INSTITUTO GEOGRÁFICO PORTUGUÊS MINISTÉRIO DO AMBIENTE, DO ORDENAMENTO DO TERRITÓRIO E DO DESENVOLVIMENTO REGIONAL INSTITUTO GEOGRÁFICO PORTUGUÊS CONDIÇÕES E DOCUMENTAÇÃO PARA REQUERER CONCESSÃO / RENOVAÇÃO DE ALVARÁ PARA O EXERCÍCIO

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS. PERGUNTAS MAIS FREQUENTES (FAQs)

MANUAL DE PROCEDIMENTOS. PERGUNTAS MAIS FREQUENTES (FAQs) MANUAL DE PROCEDIMENTOS REGIME DE CANDIDATURA DE ATRIBUIÇÃO DOS TÍTULOS DE ESPECIALIDADE DO COLÉGIO DE BIOLOGIA HUMANA E SAÚDE (INSTRUÇÕES PARA O SECRETARIADO) PERGUNTAS MAIS FREQUENTES (FAQs) Gostaria

Leia mais

COMPORTAMENTOS ADITIVOS 3ª Edição LISBOA PÓS-GRADUAÇÃO EM INÍCIO 14 DE JANEIRO DESTINATÁRIOS// OBJETIVOS// COMPETÊNCIAS A ADQUIRIR//

COMPORTAMENTOS ADITIVOS 3ª Edição LISBOA PÓS-GRADUAÇÃO EM INÍCIO 14 DE JANEIRO DESTINATÁRIOS// OBJETIVOS// COMPETÊNCIAS A ADQUIRIR// PÓS-GRADUAÇÃO EM COMPORTAMENTOS ADITIVOS 3ª Edição INÍCIO 14 DE JANEIRO LISBOA CERTIFICAÇÕES PARCERIAS \\ DESTINATÁRIOS// Estudantes Universitários e Licenciados nas áreas da Psicologia, Criminologia,

Leia mais

Regulamento do Programa Inter-Universitário em Biologia de Plantas BioPlant

Regulamento do Programa Inter-Universitário em Biologia de Plantas BioPlant Regulamento do Programa Inter-Universitário em Biologia de Plantas BioPlant Artigo 1º Criação do Programa As Universidades do Minho, de Aveiro e do Porto, designadas por Universidades, instituem um Programa

Leia mais

REGULAMENTO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO AMBIENTAL

REGULAMENTO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO AMBIENTAL REGULAMENTO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO AMBIENTAL Artigo 1º (Natureza e âmbito de aplicação) 1. O presente Regulamento dá cumprimento ao estabelecido no Regulamento dos Cursos de Pós-Graduação

Leia mais

REGULAMENTO DA FORMAÇÃO E-LEARNING

REGULAMENTO DA FORMAÇÃO E-LEARNING REGULAMENTO DA FORMAÇÃO E-LEARNING AMETSIS CONSULTORES, UNIPESSOAL LDA Elaborado: Aprovado: Pg. 1 de 9 ÍNDICE 1.ENQUADRAMENTO... 3 2.UTILIZAÇÃO ÚNICA E INDIVIDUAL... 3 3.PUBLICITAÇÃO DOS CURSOS... 3 4.INSCRIÇÕES...

Leia mais

ÍNDICE. 1 - Disposições Gerais... 3. 2 - Ensino Básico... 4. 3 - Ensino Secundário... 4. 4 - Alunos com Necessidades Educativas Especiais...

ÍNDICE. 1 - Disposições Gerais... 3. 2 - Ensino Básico... 4. 3 - Ensino Secundário... 4. 4 - Alunos com Necessidades Educativas Especiais... MUNICÍPIO DE VILA FRANCA DE XIRA NORMAS DE PROCEDIMENTO DE CANDIDATURA AO SUBSÍDIO DE TRANSPORTE ÍNDICE 1 - Disposições Gerais... 3 2 - Ensino Básico... 4 3 - Ensino Secundário... 4 4 - Alunos com Necessidades

Leia mais

8500-(38) Diário da República, 1. a série N. o 242 19 de Dezembro de 2006 MINISTÉRIO DA JUSTIÇA

8500-(38) Diário da República, 1. a série N. o 242 19 de Dezembro de 2006 MINISTÉRIO DA JUSTIÇA 8500-(38) Diário da República, 1. a série N. o 242 19 de Dezembro de 2006 MINISTÉRIO DA JUSTIÇA Portaria n. o 1416-A/2006 de 19 de Dezembro O Decreto-Lei n. o 76-A/2006, de 29 de Março, aprovou um vasto

Leia mais

Fundação Leiria de Andrade

Fundação Leiria de Andrade Fundação Leiria de Andrade Seleção para o Curso de Especialização em Oftalmologia E d i t a l Nº 001/2011 A Fundação Leiria de Andrade, registrada no Conselho Nacional de Serviço Social sob o nº: 260.621

Leia mais

COMO PENSA, SENTE O CONSUMIDOR? CONTRIBUTOS DA PSICOLOGIA NO MARKETING PROGRAMA AVANÇADO. Think, Create and Share

COMO PENSA, SENTE O CONSUMIDOR? CONTRIBUTOS DA PSICOLOGIA NO MARKETING PROGRAMA AVANÇADO. Think, Create and Share COMO PENSA, SENTE O CONSUMIDOR? CONTRIBUTOS DA PSICOLOGIA NO MARKETING PROGRAMA AVANÇADO DESTINATÁRIOS Profissionais de gestão, marketing e publicidade, comunicação e vendas. OBJETIVOS O mercado nunca

Leia mais

Artigo 3º Bolsas de Investigação para Frequência de Estágios

Artigo 3º Bolsas de Investigação para Frequência de Estágios PROGRAMA OPERACIONAL DE VALORIZAÇÃO DO POTENCIAL HUMANO E COESÃO SOCIAL DA RAM EIXO I EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO FORMAÇÃO AVANÇADA DE RECURSOS HUMANOS REGULAMENTO DE FORMAÇÃO AVANÇADA E QUALIFICAÇÃO DE RECURSOS

Leia mais

FORMULÁRIO PROGRAMA DE APOIO A PROJECTOS NO PAÍS

FORMULÁRIO PROGRAMA DE APOIO A PROJECTOS NO PAÍS Comissão para as Alterações Climáticas Comité Executivo Fundo Português de Carbono FORMULÁRIO PROGRAMA DE APOIO A PROJECTOS NO PAÍS CANDIDATURA DE PROGRAMA [de acordo com o Anexo do Regulamento] Resumo

Leia mais

Normas Regulamentares do Curso de Jornalismo Comunicação e Cultura

Normas Regulamentares do Curso de Jornalismo Comunicação e Cultura 0 APROVADO POR: Conselho Técnico-Científico 20 10 2010 Data: / / 20 10 2010 Normas Regulamentares do Curso de Jornalismo Comunicação e Cultura 1. INTRODUÇÃO As presentes normas aplicam se aos cursos de

Leia mais

COMO SE PREPARAR PARA A CERTIFICAÇÃO PMP

COMO SE PREPARAR PARA A CERTIFICAÇÃO PMP COMO SE PREPARAR PARA A CERTIFICAÇÃO PMP Programa 2013 OBJETIVOS: A atividade de gerenciamento de projetos tem assumido um papel de destaque cada vez maior dentro das organizações em decorrência do aumento

Leia mais

1. Introdução... 3. 2. Plano de Estudos... 4. 3. Estrutura funcional... 9. 4. Processo de Candidatura... 12. 5.Apresentação dos Formadores...

1. Introdução... 3. 2. Plano de Estudos... 4. 3. Estrutura funcional... 9. 4. Processo de Candidatura... 12. 5.Apresentação dos Formadores... 1. Introdução... 3 1. 1. Objetivos... 3 1.2. Destinatários... 3 2. Plano de Estudos... 4 2.1. Coordenação do Curso... 4 2.2. Programa / Objetivos Específicos... 4 3. Estrutura funcional... 9 3.1. Custo...

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DE FUNCIONAMENTO DO SERVIÇO DE APOIO DOMICILIARIO

REGULAMENTO INTERNO DE FUNCIONAMENTO DO SERVIÇO DE APOIO DOMICILIARIO REGULAMENTO INTERNO DE FUNCIONAMENTO DO SERVIÇO DE APOIO DOMICILIARIO CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS NORMA I Âmbito de Aplicação O Centro Social e Polivalente de Ourentã, (C.S.P.O.) designado por Instituição

Leia mais

Pós-Graduação. Contabilidade e Finanças. Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica. Sines Tecnopolo. Edital 1ª Edição 2012

Pós-Graduação. Contabilidade e Finanças. Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica. Sines Tecnopolo. Edital 1ª Edição 2012 Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica Sines Tecnopolo Pós-Graduação Contabilidade e Finanças Edital 1ª Edição 2012 3ª Fase Enquadramento O Sines Tecnopolo apresenta, em parceria

Leia mais