ESTÁGIO CURRICULAR I/II PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DE PROTÓTIPO COM JQUERY MOBILE E DELPHI

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ESTÁGIO CURRICULAR I/II PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DE PROTÓTIPO COM JQUERY MOBILE E DELPHI"

Transcrição

1 FÁBIO ALESSANDRE DE SOUZA ESTÁGIO CURRICULAR I/II PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DE PROTÓTIPO COM JQUERY MOBILE E DELPHI EMPRESA: SOFtran Informática do Transporte Ltda SETOR: Tecnologia SUPERVISOR: Cristiano Luiz de Carvalho ORIENTADOR: André Tavares da Silva TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS CENTRO DE CIÊNCIAS TECNOLÓGIAS - CCT UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA UDESC JOINVILLE SANTA CATARINA - BRASIL 05/2012 i

2 APROVADO EM.../.../... Professor André Tavares da Silva Doutor em Engenharia Elétrica - Unicamp Professor Orientador Professor Guilherme Koslovski Doutor em Informática ENS Lyon 2011 Professor Cláudio César de Sá Doutor em Ciências da Computação ITA 1997 Cristiano Luiz de Carvalho Supervisor da Concedente ii

3 Carimbo da Empresa UNIDADE CONCEDENTE Razão Social: SOFtran Informática do Transporte Ltda CNPJ: / Endereço: Av. Antônio Ramos Alvin, 892 Bairro: Floresta CEP: Cidade: Joinville UF: SC Fone: (47) Supervisor: Cristiano Luiz de Carvalho Cargo: Gerente Desenvolvimento ESTAGIÁRIO Nome : Fábio Alessandre de Souza Matrícula: Endereço: Rua Otto Boehm, 805 Apto 704 Bairro: América CEP: Cidade: Joinville UF: SC Fone: (47) Curso de : TADS - Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Título do Estágio: Período: 19/03/2012/ a 15/05/2012 Carga horária: 240 AVALIAÇÃO FINAL DO ESTÁGIO I/II PELO CENTRO DE CIÊNCIAS TECNOLÓGICAS Representada pelo Professor Orientador: André Tavares da Silva CONCEITO FINAL DO ESTÁGIO I/II Excelente (9,1 a 10) Muito Bom (8,1 a 9,0) Bom (7,1 a 8,0) Regular (5,0 a 7,0) Reprovado (0,0 a 4,9) NOTA ETG I (Média do Processo) NOTA ETG II (Média do Processo) Rubrica do Professor da Disciplina Joinville / / iii

4 Nome do Estagiário : Fábio Alessandre de Souza QUADRO I AVALIAÇÃO NOS ASPECTOS PROFISSIONAIS QUALIDADE DO TRABALHO: Considerando o possível. ENGENHOSIDADE: Capacidade de sugerir, projetar, executar modificações ou inovações. CONHECIMENTO: Demonstrado no desenvolvimento das atividades programadas. CUMPRIMENTO DAS TAREFAS: Considerar o volume de atividades dentro do padrão razoável. ESPÍRITO INQUISITIVO: Disposição demonstrada para aprender. INICIATIVA: No desenvolvimento das atividades. SOMA Pontos QUADRO II AVALIAÇÃO DOS ASPECTOS HUMANOS ASSIDUIDADE: Cumprimento do horário e ausência de faltas. DISCIPLINA: Observância das normas internas da Empresa. SOCIABILIDADE: Facilidade de se integrar com os outros no ambiente de trabalho. COOPERAÇÃO: Disposição para cooperar com os demais para atender as atividades. SENSO DE RESPONSABILIDADE: Zelo pelo material, equipamentos e bens da empresa. SOMA Pontos PONTUAÇÃO PARA O QUADRO I E II Sofrível - 1 ponto, Regular - 2 pontos, Bom - 3 pontos, Muito Bom - 4 pontos, Excelente - 5 pontos LIMITES PARA CONCEITUAÇÃO AVALIAÇÃO FINAL Pontos De 57 a SOFRÍVEL SOMA do Quadro I multiplicada por 7 De 102 a REGULAR SOMA do Quadro II multiplicada por 3 De 148 a BOM SOMA TOTAL De 195 a MUITO BOM De 241 a EXCELENTE Nome da Empresa: SOFtran Informática do Transporte Ltda Representada pelo Supervisor: Cristiano Luiz de Carvalho CONCEITO CONFORME SOMA TOTAL Rubrica do Supervisor da Empresa Local: Data : Carimbo da Empresa iv

5 UDESC UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA - UDESC CENTRO DE CIÊNCIAS TECNOLÓGICAS - CCT PLANO DE ESTÁGIO CURRICULAR I/II ESTAGIÁRIO Nome: Fábio Alessandre de Souza Matrícula: Endereço (Em Jlle): Rua Otto Boem, 805 Ap 704 Bairro: América CEP: Cidade: Joinville UF: SC Fone: (47) Endereço (Local estágio): Av. Antônio Ramos Alvin, 892 Bairro: Floresta CEP: Cidade: Joinville UF: SC Fone: (47) Regularmente matriculado no semestre: 2012/1 Curso: TADS Formatura (prevista) Semestre/Ano: 2012/1 UNIDADE CONCEDENTE Razão Social: SOFtran Informática do Transporte Ltda CNPJ: / Endereço: Av. Antônio Ramos Alvin, 892 Bairro: Floresta CEP: Cidade: Joinville UF: SC Fone: (47) Atividade Principal : Desenvolvimento de Softwares Supervisor: Cristiano Luiz de Carvalho Cargo: Gerente Desenv. Sistemas DADOS DO ESTÁGIO Área de atuação: Desenvolvimento Departamento de atuação: Tecnologia Fone: Ramal: 5569 Horário do estágio: 08:00 às 12:00 / 13:30 às 15:30 Total de horas: 240 Período: 19/03/2012 até 15/05/2012 Nome do Professor Orientador: : André Tavares da Silva Departamento: DCC Disciplina(s) simultânea(s) com o estágio Quantas: 0 Quais: OBJETIVO GERAL Pesquisa sobre a utilização da ferramenta de desenvolvimento Delphi com o framework JQuery Mobile para desenvolvimento de aplicativos Web voltados para utilização em dispositivos móveis, e desenvolvimento de um protótipo de aplicativo Web para automação comercial de empresas de transporte. v

6 ATIVIDADES OBJETIVO ESPECÍFICO HORAS Pesquisa Levantamento de informações sobre o funcionamento do framework JQuery Mobile e possibilidades de integração com a ferramenta RAD Delphi. 30 Análise de Requisitos Levantamento e documentação de requisitos do cliente e casos de uso para desenvolvimento do protótipo. 24 Desenvolvimento Implementação dos requisitos de sistema levantados, definição de classes, webservices, geração de fontes de programas. 144 Testes Funcionais e correções Simulações de utilização do software, com o objetivo de detectar anomalias no funcionamento das rotinas, e correção de erros encontrados durantes os testes. 30 Testes de Performance TOTAL Simulações em rotinas do aplicativo, com o objetivo de estressar o servidor de aplicação e SGBD buscando possíveis gargalos de performance Rubrica do Professor Orientador Rubrica do Comitê de Estágios Rubrica do Coordenador de Estágios Rubrica do Supervisor da Empresa Data: Data: Data: Data: Carimbo da Empresa vi

7 vii CRONOGRAMA FÍSICO E REAL Período (6 horas) ATIVIDADES Pesquisa P R Análise de Requisitos P R Desenvolvimento P R Testes Funcionais e Correções P R Testes de Performance P R

8 À minha esposa Melissa Aos meus filhos Luana e Felipe À minha mãe Edda Aos meus sócios Paulo e Karin viii

9 AGRADECIMENTOS Seria muito difícil relacionar todas as pessoas importantes que influenciaram de uma forma ou outra a realização deste trabalho, mas posso destacar: Minha mãe, real motivo por eu ter buscado a conclusão de minha graduação após tanto tempo. Minha esposa Melissa, e meus filhos Luana e Felipe, pelo seu amor e incentivo. E por suportar os momentos de mau humor após longas jornadas de trabalho e estudo. Meus sócios Paulo e Karin, pela amizade, honestidade e por me ensinarem tanto sobre tudo. O professor André Tavares da Silva, cuja aula sobre o framework JQuery despertou meu interesse em buscar mais conhecimento sobre o assunto, e por ser meu orientador neste estágio. Os professores em geral da UDESC Joinville, pela incessante busca de melhoria contínua para fornecer um estudo de qualidade. ix

10 SUMÁRIO AGRADECIMENTOS... IX SUMÁRIO... X RESUMO... XI INTRODUÇÃO OBJETIVOS Geral Específicos Justificativa ORGANIZAÇÃO DO ESTUDO A EMPRESA HISTÓRICO PRINCIPAIS PRODUTOS PRINCIPAIS CLIENTES CONSIDERAÇÕES GERAIS DESENVOLVIMENTO PESQUISA JQUERY MOBILE Características Plataformas Suportadas Principais Componentes DELPHI WebBroker Integração com JQuery Mobile PROTÓTIPO Requisitos Casos de Uso Modelagem de Dados Telas Testes funcionais e correções Testes de Performance CONSIDERAÇÕES FINAIS GLOSSÁRIO... XXXII REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS... XXXV x

11 RESUMO O presente relatório descreve as atividades realizadas nas disciplinas de Estágio Curricular Obrigatório I e II do curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas da Universidade do Estado de Santa Catarina, desempenhadas na empresa SOFtran Informática do Transporte Ltda no primeiro semestre de 2012, no departamento de Tecnologia. As atividades envolveram a pesquisa sobre o framework JQuery Mobile e sua possível integração com a ferramenta de desenvolvimento Delphi XE, além do desenvolvimento de um protótipo de automação comercial para empresas de transporte. O objetivo deste estágio não é terminar com um produto final para ser comercializado, mas servir como experimento para avaliação do protótipo criado, e dependendo dos resultados adotar ou não esta tecnologia para desenvolvimento dos produtos Mobile. Palavras-chave: SOFtran. Mobile. JQuery Mobile. Delphi XE.. xi

12 INTRODUÇÃO A SOFtran possui um ERP com recursos destinados a atender todas as necessidades de uma empresa de transportes e/ou logística. Grande parte do sistema é acessada por equipamentos desktop, porém algumas rotinas podem utilizar equipamentos como coletores de dados, celulares ou smartphones. Um exemplo para utilização de celulares é a baixa de entregas de mercadorias pelos motoristas que fazem os roteiros de entregas. Como SGBD s estão homologados o MSSQL Server e o ORACLE. Este relatório tem como finalidade principal detalhar as atividades realizadas pelo acadêmico Fábio Alessandre de Souza na pesquisa de meios para integrar a linguagem de desenvolvimento utilizada pela empresa com o framework JQuery Mobile, permitindo assim estender a utilização do sistema à dispositivos móveis, como tablet s e smartphones OBJETIVOS Geral Pesquisa sobre a utilização da ferramenta de desenvolvimento Delphi com o framework JQuery Mobile para desenvolvimento de aplicativos web voltados para utilização em dispositivos móveis, e desenvolvimento de um protótipo de aplicativo web para automação comercial de empresas de transporte Específicos. Levantamento de informações sobre o funcionamento do framework JQuery Mobile e possibilidades de integração com a ferramenta RAD Delphi. 12

13 . Levantamento e documentação de requisitos do cliente e casos de uso para desenvolvimento do protótipo.. Implementação dos requisitos de sistema levantados, definição de classes, webservices, geração de fontes de programas.. Simulações de utilização do software, com o objetivo de detectar anomalias no funcionamento das rotinas, e correção de erros encontrados durante os testes.. Simulações em rotinas do aplicativo com o objetivo de estressar o servidor de aplicação e SGBD buscando possíveis gargalos de performance Justificativa Os produtos SOFtran são desenvolvidos com a ferramenta Delphi, que apresenta uma grande produtividade, riqueza de recursos e curva de aprendizado bastante baixa. Porém, há tempos o mercado vem exigindo soluções que rodem na plataforma web. Isto fez a SOFtran investir em pesquisa e desenvolvimento de protótipos em ferramentas baseadas no.net e Java com o intuito de avaliar o grau de dificuldade de uma migração e linguagem. Porém, um levantamento mais aprofundado levou à conclusão de que o tempo necessário para migração de todos os fontes de programas já existentes na linguagem Delphi gerariam um custo muito alto sem um real benefício para a empresa e seus clientes. Alguns números que levaram a esta conclusão: o banco de dados utilizado pelo ERP possui mais de tabelas de dados, e mais de programas precisariam ser reescritos. Além disto, as grandes melhorias que a Embarcadero vem apresentando na ferramenta Delphi permitem que grande parte dos fontes de programas sejam utilizados com pouco ou nenhum ajuste para utilização de qualquer tecnologia existente. O sucesso do trabalho realizado neste estágio permitirá a utilização de grande parte dos fontes de programas para o desenvolvimento de aplicativos para plataformas 13

14 móveis e também para web, com um esforço muito mais reduzido, principalmente pela curva de aprendizado muito pequena para os programadores ORGANIZAÇÃO DO ESTUDO O relatório é apresentado em 3 capítulos assim descritos: Primeiro Capítulo: Mostra o objetivo geral, objetivos específicos, justificativa e a organização do estudo deste relatório. Segundo Capítulo: Mostra um breve histórico, características e principais clientes da empresa em que o estágio foi realizado. Terceiro Capítulo: Mostra o conteúdo desenvolvido pelo acadêmico, durante o estágio. Ao final do relatório são apresentadas as considerações gerais. 14

15 2. A EMPRESA 2.1. Histórico A SOFtran Informática do Transporte foi fundada em 12 de setembro de 1994, com o objetivo de desenvolver softwares e soluções para empresas de transportes. Em 2001 conquistou a certificação ISO 9001 pelo BVQI, em 2003 adequou-se à versão 2000 desta norma, e em 2012 iniciou um projeto para certificação pelas normas do MPS.BR. A empresa possui filial na cidade de São Paulo e pontos de apoio em Farroupilha (RS) e Curitiba (PR). Seus produtos são comercializados em todo o território nacional. Sua missão: Oferecer ao transportador e aos seus clientes tecnologia e conhecimento, aliados a um ERP específico para transporte e logística, que permitam automatizar os processos, aumentando qualidade, desempenho e lucratividade. Seus principais valores: Inovação, Responsabilidade Social, Ética, Transparência, Criatividade, Iniciativa e Compromisso Principais Produtos Os produtos abaixo relacionados compõem o ERP SOFtran, e permitem o controle de todos os processos de uma empresa de transportes e logística:. TMS (Transport Management System). Frota (Controle de Frotas de Veículos). Gestão Financeira. WMS (Warehouse Management System). Suprimentos. RH. Gestão Contábil Fiscal 15

16 . CRM. SPED. Portal Web. BI. Mobile. Automação de Depósito 2.3. Principais Clientes A SOFtran possui aproximadamente 130 clientes na área de transportes e logística, podendo destacar:. Transville Transportes e Serviços (Joinville, SC). Transmagna Transportes (Guaramirin, SC). Transportadora Plimor (Farroupilha, RS). Translovato Transportes (Caxias do Sul, RS). Transligue Transportes (Joinville, SC). SEQTRA Engenharia logística (Belo Horizonte, MG). Transportes MANN (Joinville, SC). SEKA Transportes (Rio Negrinho, SC). Risso Transportes (Barra Bonita, SP). Transportadora Ociani (Blumenau, SC). Transportes Diamante (Curitiba, PR). Expresso Joinvilense (Joinville, SC). Malta Transportes (Curitiba, PR). MTR Transportes (Blumenau, SC)]. Transportes Letsara (Ijuí, RS). Maringá Transportes (Maringá, PR). Matsuda (Maringá, PR) 16

17 2.4. Considerações Gerais A SOFtran conta atualmente com 60 funcionários, divididos nos departamentos administrativo, helpdesk, consultoria, vendas, desenvolvimento e tecnologia. Desde sua criação, a empresa focou seu trabalho no desenvolvimento de soluções para o setor de transporte e logística, tendo em sua equipe indivíduos com mais de 20 anos de experiência nesta área. A empresa mantém um departamento de tecnologia, que tem por principal objetivo pesquisar novas tecnologias que possam ser utilizadas para o desenvolvimento de soluções para o setor de atuação. Neste departamento foram executados os trabalhos deste estágio. 17

18 3. DESENVOLVIMENTO O objetivo deste estágio foi a pesquisa do framework JQuery Mobile, suas características e funcionalidades, visando a integração com a ferramenta de desenvolvimento Delphi, e o desenvolvimento de um protótipo de software para Automação Comercial de uma empresa de transportes, que servirá como laboratório para exercitar a implementação e avaliar a viabilidade de adoção deste modelo de desenvolvimento para o produto Mobile da SOFtran. O objetivo deste estágio não é criar um aplicativo completo para automação comercial, mas desenvolver algumas funcionalidades que permitam testar a produtividade, curva de aprendizado e qualidade do aplicativo gerado Pesquisa Nesta seção são mostradas as tecnologias utilizadas ao longo do estágio, Delphi e jquery Mobile JQuery Mobile O jquery Mobile é uma biblioteca JavaScript open source que visa simplificar a utilização do javascript em páginas HTML permitindo desenvolver rapidamente aplicativos com interfaces ricas e leves para dispositivos móveis, usando como base o HTML5. Foi construído a partir do jquery e o jquery UI Foundation, frameworks já consolidados no mercado de desenvolvimento de aplicativos web. O jquery foi projetado para rodar principalmente em navegadores desktop, no jquery Mobile foram adicionados vários recursos e elementos de interface com o usuário específicos para utilização em dispositivos móveis. 18

19 Características. Construído sobre códigos do jquery.. Compatível com a mais parte dos dispositivos móveis, tablets, e-readers e desktops.. Arquitetura modular, permitindo incluir somente recursos necessários para cada tipo de aplicação.. Compatível com o HTML 5.. Suporte a eventos de toque e mouse.. Poderoso suporte ao AJAX.. Excelente performance,. Facilidade em incluir suporte a temas nos aplicativos. A figura 1 mostra uma página padrão do jquery Mobile, normalmente utilizada como ponto de partida para o desenvolvimento de um aplicativo. A leitura das bibliotecas do jquery Mobile é feita na seção <head>. A interface é definida na seção <body> e é dividida em 3 partes: cabeçalho, corpo e rodapé da página. Figura 1. Modelo padrão de página no jquery Mobile 19

20 Plataformas Suportadas Um dos principais atrativos do JQuery Mobile é sua portabilidade, possuindo suporte para a grande maioria de desktops, smartphones, tablets e e-readers. A versão 1.1.0, última versão estável liberada quando o estágio foi feito, suporta os seguintes sistemas operacionais: IOS Android Blackberry Bada Windows Phone Palm WebOS Symbian Meego Principais Componentes Páginas e Diálogos Barras de Comandos Botões Formatação de conteúdo Elementos de formulário Delphi O Delphi é uma ferramenta RAD para desenvolvimento de aplicativos. Mais especificamente, é um compilador com uma IDE e uma linguagem de programação. Foi desenvolvido pela Borland, tendo sido lançado em 1995 e originalmente direcionado para o desenvolvimento de aplicativos para a plataforma Windows. É muito utilizado para o desenvolvimento de aplicações desktops, multicamadas e cliente servidor. Com o 20

21 tempo foram sendo incorporados à ferramenta vários recursos para desenvolvimento web. Em 2008, o Delphi foi vendido para a Embarcadero Tecnologies, que tem trabalhado muito na ferramenta e incorporando a ela muitos recursos WebBroker O WebBroker é uma tecnologia desenvolvida pela Borland que permite desenvolver em Delphi aplicativos que podem ser configurados junto à um servidor web para responder à requisições HTTP, gerando como resposta códigos HTML e JavaScript para a geração de páginas HTML estáticas ou dinâmicas. Isto permite a um programador Delphi utilizar todo o seu conhecimento da linguagem e o poder de grande parte dos componentes que compõem a ferramenta de desenvolvimento e também uma grande quantidade de componentes desenvolvidos por empresas parceiras da Embarcadero pelo mundo Integração com JQuery Mobile O WebBroker mostrou se uma tecnologia muito simples para gerar códigos HTML e JavaScript. Isto, associado à simplicidade de programação que o jquery Mobile oferece, mostrou-se uma solução muito interessante para a SOFtran por apresentar uma produtividade muito boa e de fácil aprendizagem por programadores Delphi. O WebBroker trabalha basicamente com actions, que são algo parecido com funções que atendem à requisições HTTP geradas pelo aplicativo no browser. A figura 2 mostra uma lista de actions definidas no protótipo. 21

22 Figura 2. Actions definidas no protótipo Quando a função de uma action é apresentar uma página web, podem ser definidos page producers, que são componentes do Delphi que montam o HTML e JavaScript que irão compor a página. A figura 3 mostra como isto é definido visualmente no ambiente da IDE do Delphi. Figura 3. IDE do Delphi, mostrando uma parte do aplicativo onde estão definidas as Page Producers Estes componentes page producers, quando acessados, disparam um evento no objeto, onde são montadas as sentenças HTML e jquery Mobile. A Figura 4 mostra o 22

23 código fonte de uma função definido em um evento do objeto que cria a seção body da página utilizando comandos do jquery Mobile. Figura 4. Montagem da seção body da página web. 3.2 Protótipo Para desenvolvimento de um protótipo para aplicação do conhecimento adquirido, escolhemos desenvolver parte de um aplicativo para automação comercial para empresas de transporte e logística, considerando necessidades já mencionadas por clientes que possuem representantes que fazem visitas a clientes, com o objetivo de oferecer o serviço de transporte de mercadorias. O departamento comercial de uma empresa de transportes tem muita necessidade de poder acessar remotamente informações contidas no ERP, para facilitar o processo de negociação Requisitos F1 Agenda de visitas Descrição: O aplicativo deve permitir que o representante consulte sua agenda de visitas agendadas no período, apresentando as seguintes informações: Data e hora prevista da visita, nome do cliente. Requisitos não Funcionais 23

24 Nome NF.1.1 Ordenação NF.1.2 Privacidade NF 1.3 Login Restrição O sistema deverá apresentar a agenda ordenada por data e hora da visita. O sistema apresentar somente informações do representante logado no aplicativo. Só serão permitidas consultas por um usuário logado no aplicativo F2 Histórico de carregamento Descrição: O aplicativo deve permitir que o representante consulte o histórico dos últimos 3 meses de carregamento de um cliente, apresentando as seguintes informações: mês/ano, peso carregado, valor do frete, peso médio por volume, valor médio de frete por conhecimento de frete. Requisitos não Funcionais Nome Restrição NF.1.1 Ordenação NF 1.2 Login O sistema deverá apresentar o histórico de carregamento dos últimos 3 meses, ordenados por mês de carregamento. Só serão permitidas consultas por um usuário logado no aplicativo F3 Consulta cadastro cliente Descrição: O aplicativo deve permitir que o representante consulte, pela seleção do nome do cliente em uma lista, os dados cadastrais como: CNPJ, Nome, Endereço, Cidade, UF, CEP, Telefone Requisitos não Funcionais Nome Restrição NF.1.1 Ordenação NF 1.2 Login O sistema deverá apresentar o histórico de carregamento dos últimos 3 meses, ordenados por mês de carregamento. Só serão permitidas consultas por um usuário logado no aplicativo F4 Consulta à localização geográfica do cliente Descrição: O aplicativo deve permitir que o representante possa visualizar em um mapa o endereço do cliente. Requisitos não Funcionais Nome Restrição NF.1.1 Login Só serão permitidas consultas por um usuário logado no aplicativo 24

25 3.2.2 Casos de Uso Nome Atores Descrição Referência Consulta agenda Representante O representante poderá selecionar de uma lista os compromissos agendados. F1 Consulta histórico de carregamento Representante O representante selecionará em uma lista o cliente a ser consultado, e então o aplicativo irá apresentar o histórico de carregamento de mercadorias. F2 Consulta cadastro cliente Representante O representante selecionará em uma lista o cliente a ser consultado, e então os dados do cliente serão apresentados. F3 Consulta localização geográfica do cliente Representante O representante selecionará em uma lista o cliente a ser consultado, e então será apresentando um mapa indicando a localização geográfica do cliente. F Modelagem de Dados A figura 5 mostra o modelo entidade-relacionamento relativo às tabelas de dados que foram utilizadas no desenvolvimento deste protótipo, e as colunas envolvidas. Figura 5. Modelo ER 25

26 Telas Abaixo seguem algumas telas do aplicativo para facilitar o entendimento do software que foi produzido como resultado deste estágio. Figura 6. Tela de Login Figura 7. Tela do menu geral 26

27 Figura 8. Seleção de Clientes Figura 9. Tela de localização do cliente 27

28 Testes funcionais e correções Com o objetivo de verificar o comportamento do aplicativo e possíveis falhas no desenvolvimento, foram feitos testes de funcionalidades de cada rotina, simulando a utilização em condições normais. Os testes foram realizados em uma estação de trabalho através de um simulador de smartphone, utilizando um plugin instalado no browser Chrome, chamado Smartphone Simulator. Além disto, foram realizados testes acessando o aplicativo a partir de um tablet Motorola Xoom e de um smartphone Samsung Galaxy SII, ambos através de uma conexão 3G. Também foi criado um Banco de Dados no SGBD MSSQL Server, que foi alimentado com dados fictícios de clientes, agenda de visitas, documentos fiscais emitidos e cadastro de representantes, utilizando para isto o sistema ERP. Pequenos bugs foram encontrados durante esta fase de testes, sendo devidamente corrigidos. A maioria dos erros tinha referência com ordem de navegação das páginas do aplicativo e ortografia. Apenas um erro levou mais tempo para ser corrigido, referente a um mau funcionamento das API s de mapas do Google, utilizadas para a tela da rotina de localização geográfica do cliente Testes de Performance Para os testes de performance do aplicativo, foi utilizada a ferramenta WAPT, na sua última versão disponível (7.5). O WAPT foi escolhido pela facilidade de sua utilização, devido à interface clara e intuitiva. Esta ferramenta permite gravar todas as URL s percorridas e todas as informações digitadas durante o acesso ao aplicativo através de um navegador web, para depois repetir todos os passos realizados como se fossem realizados simultaneamente por vários usuários. Isto permite uma estimativa da quantidade máxima de acessos simultâneos que o aplicativo pode suportar mantendo um tempo de resposta aceitável. A figura 10 mostra uma tela da ferramenta WAPT com os resultados de um teste com 50 usuários simultâneos acessando o aplicativo, simulando o acesso às telas do 28

29 aplicativo. O eixo X demonstra o tempo de execução (1 minuto), com um aumento gradativo da quantidade de usuários, iniciando em 1 e finalizando em 50. O eixo Y mostra o tempo de resposta médio de resposta das requisições, que marcaram o máximo de 0,35 segundos com 50 usuários. Figura 10. Tela de resultados do WAPT Isto não representa necessariamente o tempo máximo de resposta que o usuário pode experimentar quando utilizar o aplicativo em seu smartphone ou tablet na vida real, pois isto depende de muitos outros fatores, como qualidade do sinal da rede GPRS ou 3G utilizada, velocidade do processador do dispositivo utilizado, memória, entre outros. Como não temos domínio sobre estes fatores, podemos apenas garantir que o aplicativo estará respondendo rapidamente dentro de situações normais de utilização, e isto pode ser verificado nestes testes. Como ambiente de testes foi utilizado um servidor web instalado em uma máquina virtual, utilizando o recurso Hyper-V do Windows 2008 Server. Como estação rodando a ferramenta WAPT para simular as conexões de usuário foi utilizado um notebook. Abaixo seguem as características dos equipamentos: 29

30 Servidor: DELL PowerEdge núcleo de um processador Intel Xeon E5645, 2.4GHz Sistema Operacional Windows 2008 R2 Web Edition 64bits 2GB de memória RAM Microsoft Internet Information Server 7.5 Estação: Notebook Sony VAIO Processador Intel I5 2430M, 2,4GHz Sistema Operacional Windows 7 Professional 6GB de memória RAM 30

31 CONSIDERAÇÕES FINAIS O trabalho realizado neste estágio foi muito importante para avaliar a integração entre o Delphi e o jquery Mobile, no que diz respeito à produtividade no desenvolvimento, curva de aprendizado e qualidade do aplicativo desenvolvido. Chegamos à conclusão que a utilização destas ferramentas para o desenvolvimento de aplicativos para dispositivos móveis é viável para a empresa, pois permite a reutilização de códigos-fonte já existentes nas camadas de negócio do ERP, baixa curva de aprendizado, alta produtividade no desenvolvimento de programas e boa performance nas respostas do aplicativo desenvolvido. O conhecimento adquirido servirá de base para a criação de padrões para o desenvolvimento de aplicativos para plataformas móveis e desktop via web, que serão utilizados para o desenvolvimento de novos produtos da empresa. O jquery e o jquery Mobile continuarão a ser estudados, por ainda existem muitos recursos que podem ser utilizados, como integração do software com recursos dos dispositivos móveis como GPS, acelerômetro, câmera fotográfica, entre outros. 31

32 GLOSSÁRIO API Do inglês Application Programming Interface, é um conjunto de rotinas e padrões estabelecidos por um software para que este possa ser utilizado por outros softwares, sem a necessidade de conhecimento de sua implementação, mas apenas de seus serviços. AJAX Do inglês Asyncronous JavaScript and XML, é o uso de técnicas do JavaScript e XML, para tornar páginas web mais interativas com o usuário, utilizando-se de solicitações assíncronas ao servidor web. BDE Sigla para Borland Database Engine, é a camada de software responsável pela conectividade com SGBD s para versões mais antigas do Delphi. BORLAND Empresa de software americana americana que criou o Delphi. BUG Termo comumente utilizado para designar um defeito em um software. BVQI Sigla para Bureau Veritas Quality International, empresa privada que realiza certificações de empresas em normas como a ISO. DELPHI É uma ferramenta para desenvolvimento de software envolvendo compilador, IDE e uma linguagem de programação, originalmente criada pela Borland Software Corporation, e atualmente mantida pela Embarcadero Corp. ERP Sigla para Enterprise Resource Planning, são sistemas de informação que i ntegram todos os dados e processos de uma organização em um único sistema. FRAMEWORK xxxii

33 É um conjunto de classes e interfaces que colaboram para resolver um problema de software de uma família de problemas semelhantes. GOOGLE Empresa americana de software e serviços online, entre eles o sistema de pesquisa que leva o próprio nome da empresa, serviço de mapas GoogleMaps, entre outros. GPS Do inglês Global Positioning System, em português Sistema de Posicionamento Global, é um sistema de navegação orientado por satélites que fornece à um receptor móvel as coordenadas da posição geográfica do mesmo. IDE Do inglês Integrated Development Environment, ou Ambiente Integrado de desenvolvimento, é um programa de software que reúne características e ferramentas de apoio ao desenvolvimento de software com o objetivo de agilizar este processo. JQUERY É uma biblioteca JavaScript que permite um rápido desenvolvimento de aplicatvos web MPS.BR Sigla para Melhoria de Processos de Software Brasileiro, é um modelo de qualidade de processos para desenvolvimento de software, baseado no CMMI, nas normas ISO/IEC e ISO/IEC 15504, adaptados para a realidade do mercado de software brasileiro. MSSQL É um SGBD desenvolvido e comercializado pela Microsoft. ORACLE É um SGBD desenvolvido e comercializado pela Oracle Corporation. RAD Sigla para Rapid Application Development, ou Desenvolvimento Rápido de Aplicações em português. SGBD Sigla para Sistema Gerenciador de Banco de Dados, é um conjunto de programas de computador responsáveis pelo gerenciamento de uma base de dados. Seu xxxiii

ESTÁGIO CURRICULAR I e II SISTEMA DE MONITORAMENTO DE TI EM SOFTWARE LIVRE

ESTÁGIO CURRICULAR I e II SISTEMA DE MONITORAMENTO DE TI EM SOFTWARE LIVRE FERNANDO RODRIGO NASCIMENTO GUSE i ESTÁGIO CURRICULAR I e II SISTEMA DE MONITORAMENTO DE TI EM SOFTWARE LIVRE EMPRESA: Globalmind Serviços em Tecnologia da Informação LTDA. SETOR: Infra Estrutura SUPERVISOR:

Leia mais

GILMAR ARAUJO ESTÁGIO CURRICULAR I SUPORTE TI HOSPITALAR

GILMAR ARAUJO ESTÁGIO CURRICULAR I SUPORTE TI HOSPITALAR GILMAR ARAUJO ESTÁGIO CURRICULAR I SUPORTE TI HOSPITALAR EMPRESA: TRÍPLICE CONSULTORIA E SERVIÇOS LTDA. SETOR: INFORMÁTICA SUPERVISOR: RONALDO GUIZARDI ORIENTADOR: VILSON VIEIRA CURSO DE BACHARELADO EM

Leia mais

GILMAR ARAUJO ESTÁGIO CURRICULAR II ANÁLISE E SUPORTE EM TI HOSPITALAR

GILMAR ARAUJO ESTÁGIO CURRICULAR II ANÁLISE E SUPORTE EM TI HOSPITALAR GILMAR ARAUJO ESTÁGIO CURRICULAR II ANÁLISE E SUPORTE EM TI HOSPITALAR EMPRESA: TRÍPLICE CONSULTORIA E SERVIÇOS LTDA. SETOR: INFORMÁTICA SUPERVISOR: RONALDO GUIZARDI ORIENTADOR: VILSON VIEIRA CURSO DE

Leia mais

ESTÁGIO CURRICULAR I DETALHAMENTO DAS ATIVIDADES REALIZADAS DURANTE O ESTÁGIO CURRICULAR NA OPENCORE TECNOLOGIA EM SOFTWARE

ESTÁGIO CURRICULAR I DETALHAMENTO DAS ATIVIDADES REALIZADAS DURANTE O ESTÁGIO CURRICULAR NA OPENCORE TECNOLOGIA EM SOFTWARE BRUNO PEREIRA DAMASCENO ESTÁGIO CURRICULAR I DETALHAMENTO DAS ATIVIDADES REALIZADAS DURANTE O ESTÁGIO CURRICULAR NA OPENCORE TECNOLOGIA EM SOFTWARE EMPRESA: OPENCORE TECNOLOGIA EM SOFTWARE SETOR: DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Módulo I - Introdução. Faculdade Christus Sistemas de Informação 17/09/2010. Carlos Eugênio Torres Engenheiro de Informática http://cetorres.

Módulo I - Introdução. Faculdade Christus Sistemas de Informação 17/09/2010. Carlos Eugênio Torres Engenheiro de Informática http://cetorres. Módulo I - Introdução Aula 2 Carlos Eugênio Torres Engenheiro de Informática http://cetorres.com Faculdade Christus Sistemas de Informação 17/09/2010 Graduado em Ciência da Computação pela UFC, Brasil

Leia mais

ESTÁGIO CURRICULAR II SUPORTE E MONITORAMENTO

ESTÁGIO CURRICULAR II SUPORTE E MONITORAMENTO THALLES GRESCHECHEN ESTÁGIO CURRICULAR II SUPORTE E MONITORAMENTO EMPRESA: NEOGRID INFORMÁTICA S/A SETOR: SUPORTE E MONITORAMENTO SUPERVISOR: FÁBIO ROBERTO MENDES ORIENTADOR: PROF. GERSON VOLNEY LAGEMANN

Leia mais

ESTÁGIO CURRICULAR I e II CUSTOMIZAÇÃO MNT FROTA

ESTÁGIO CURRICULAR I e II CUSTOMIZAÇÃO MNT FROTA RAFAEL REINERT ESTÁGIO CURRICULAR I e II CUSTOMIZAÇÃO DO MNT FROTA EMPRESA: NG Informática SETOR: Desenvolvimento SUPERVISOR: Rafael Diogo Richter ORIENTADOR: Carlos Norberto Vetorazzi Júnior CURSO DE

Leia mais

O que é o Virto ERP? Onde sua empresa quer chegar? Apresentação. Modelo de funcionamento

O que é o Virto ERP? Onde sua empresa quer chegar? Apresentação. Modelo de funcionamento HOME O QUE É TOUR MÓDULOS POR QUE SOMOS DIFERENTES METODOLOGIA CLIENTES DÚVIDAS PREÇOS FALE CONOSCO Suporte Sou Cliente Onde sua empresa quer chegar? Sistemas de gestão precisam ajudar sua empresa a atingir

Leia mais

CAIO CÉSAR MAYER. ESTÁGIO CURRICULAR I e II DESENVOLVIMENTO DE APLICAÇÕES WEB EM C#.NET

CAIO CÉSAR MAYER. ESTÁGIO CURRICULAR I e II DESENVOLVIMENTO DE APLICAÇÕES WEB EM C#.NET CAIO CÉSAR MAYER ESTÁGIO CURRICULAR I e II DESENVOLVIMENTO DE APLICAÇÕES WEB EM C#.NET EMPRESA: SELBETTI GESTÃO DE DOCUMENTOS SETOR: DESENVOLVIMENTO SUPERVISOR: FABIANO PAUL ORIENTADOR: JORGE MANUEL LAGE

Leia mais

MURILO TONELLI DE OLIVEIRA RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR I E II JOINVILLE - SC

MURILO TONELLI DE OLIVEIRA RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR I E II JOINVILLE - SC MURILO TONELLI DE OLIVEIRA RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR I E II JOINVILLE - SC 2011 UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA UDESC CENTRO DE CIÊNCIAS TECNOLÓGICAS CCT DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS DA COMPUTAÇÃO

Leia mais

Portabilidade da Linha RM Versão 11.52

Portabilidade da Linha RM Versão 11.52 Portabilidade da Linha RM Versão 11.52 25/02/2014 Sumário 1. Portabilidade para Servidor de Banco de Dados... 3 2. Níveis de Compatibilidade entre Bancos de Dados... 4 3. Portabilidade para Servidor de

Leia mais

Índice EMPRESA... 03 ESPECIALIDADES... 03 TRABALHOS REALIZADOS... 04 PRODUTOS... 05 SERVIÇOS... 06

Índice EMPRESA... 03 ESPECIALIDADES... 03 TRABALHOS REALIZADOS... 04 PRODUTOS... 05 SERVIÇOS... 06 Apresentação Índice EMPRESA... 03 ESPECIALIDADES... 03 TRABALHOS REALIZADOS... 04 PRODUTOS... 05 SERVIÇOS... 06 2 EMPRESA CDN&T Informática e Suporte Ltda, empresa que atua a mais de 15 anos no mercado

Leia mais

ESTÁGIO CURRICULAR II DESENVOLVIMENTO E ADMINISTRAÇÃO DO BANCO DE DADOS

ESTÁGIO CURRICULAR II DESENVOLVIMENTO E ADMINISTRAÇÃO DO BANCO DE DADOS Bruno Luiz Corbani Garcia ESTÁGIO CURRICULAR II DESENVOLVIMENTO E ADMINISTRAÇÃO DO BANCO DE DADOS EMPRESA: Conceito W SETOR: Banco de Dados SUPERVISOR: Ademir da Cunha Junior ORIENTADOR: Edino Mariano

Leia mais

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ. Campus Ponta Grossa ANDRÉ LUIS CORDEIRO DE FARIA RELATÓRIO DE ESTÁGIO

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ. Campus Ponta Grossa ANDRÉ LUIS CORDEIRO DE FARIA RELATÓRIO DE ESTÁGIO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Campus Ponta Grossa ANDRÉ LUIS CORDEIRO DE FARIA RELATÓRIO DE ESTÁGIO Ponta Grossa 2012 ANDRÉ LUIS CORDEIRO DE FARIA RELATÓRIO DE ESTÁGIO Trabalho elaborado pelo

Leia mais

Banco de Dados de Músicas. Andre Lima Rocha Campos Osório Pereira Carvalho

Banco de Dados de Músicas. Andre Lima Rocha Campos Osório Pereira Carvalho Banco de Dados de Músicas Andre Lima Rocha Campos Osório Pereira Carvalho Definição Aplicação Web que oferece ao usuário um serviço de busca de músicas e informações relacionadas, como compositor, interprete,

Leia mais

ESTÁGIO CURRICULAR I e II PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DE FERRAMENTA QUE PERMITE VERIFICAR A RELAÇÃO ENTRE PERFIL DE EMPRESA E

ESTÁGIO CURRICULAR I e II PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DE FERRAMENTA QUE PERMITE VERIFICAR A RELAÇÃO ENTRE PERFIL DE EMPRESA E Guilherme Alexandre Sant'Ana ESTÁGIO CURRICULAR I e II PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DE FERRAMENTA QUE PERMITE VERIFICAR A RELAÇÃO ENTRE PERFIL DE EMPRESA E MODELO DE PROCESSO DE SOFTWARE EMPRESA: UNIVERSIDADE

Leia mais

DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 MANTER FUNCIONÁRIO RELEASE 4.1

DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 MANTER FUNCIONÁRIO RELEASE 4.1 DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 MANTER FUNCIONÁRIO RELEASE 4.1 SUMÁRIO DEFINIÇÃO DE REQUISITOS 4 1. INTRODUÇÃO 4 1.1 FINALIDADE 4 1.2 ESCOPO 4 1.3 DEFINIÇÕES, ACRÔNIMOS

Leia mais

UM FRAMEWORK PARA DESENVOLVIMENTO DE

UM FRAMEWORK PARA DESENVOLVIMENTO DE UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO CENTRO DE INFORMÁTICA UM FRAMEWORK PARA DESENVOLVIMENTO DE APLICATIVOS EM WINDOWS MOBILE. PROPOSTA DE TRABALHO DE GRADUAÇÃO Aluno:

Leia mais

ESTÁGIO CURRICULAR II SUPORTE TÉCNICO AOS CLIENTES DO SISTEMA DATASUL BUSINESS INTELLIGENCE

ESTÁGIO CURRICULAR II SUPORTE TÉCNICO AOS CLIENTES DO SISTEMA DATASUL BUSINESS INTELLIGENCE KÁTIA CRISTINA CARDOSO ESTÁGIO CURRICULAR II SUPORTE TÉCNICO AOS CLIENTES DO SISTEMA DATASUL BUSINESS INTELLIGENCE EMPRESA: Futura Soluções em Finanças Ltda. SETOR: Assistência Técnica - Suporte SUPERVISOR:

Leia mais

ESTÁGIO CURRICULAR I E II INTEGRAÇÃO DE DADOS ENTRE SISTEMA ERP INFOSALFER E SAGA WMS

ESTÁGIO CURRICULAR I E II INTEGRAÇÃO DE DADOS ENTRE SISTEMA ERP INFOSALFER E SAGA WMS MURILO CARLOS CARDOSO ESTÁGIO CURRICULAR I E II INTEGRAÇÃO DE DADOS ENTRE SISTEMA ERP INFOSALFER E SAGA WMS EMPRESA: LOJAS SALFER S.A SETOR: TI SUPERVISOR: FABIO ADRIANO DACORREGIO MEIER. ORIENTADOR: VALMOR

Leia mais

ESTÁGIO CURRICULAR I e II APRIMORAMENTO E MANUTENÇÃO DO SOFTWARE DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇO

ESTÁGIO CURRICULAR I e II APRIMORAMENTO E MANUTENÇÃO DO SOFTWARE DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇO EDUARDO KONESKI WESTPHAL ESTÁGIO CURRICULAR I e II APRIMORAMENTO E MANUTENÇÃO DO SOFTWARE DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇO EMPRESA: Conceito W SETOR: Desenvolvimento SUPERVISOR: José Alberto Nishi

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec: ETEC PROF MASSUYUKI KAWANO Código: 136 Município: TUPÃ Eixo Tecnológico: INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO Habilitação Profissional: Habilitação Profissional

Leia mais

Portabilidade da Linha RM Versão 11.40.0

Portabilidade da Linha RM Versão 11.40.0 Portabilidade da Linha RM Versão 11.40.0 Conteúdo Portabilidade para Servidor de Banco de Dados... 3 Níveis de Compatibilidade entre Bancos de Dados... 5 Portabilidade para Servidor de Aplicação... 6 Portabilidade

Leia mais

ANEXO 09 PERFIS PROFISSIONAIS MÍNIMOS

ANEXO 09 PERFIS PROFISSIONAIS MÍNIMOS ANEXO 09 PERFIS PROFISSIONAIS MÍNIMOS As qualificações técnicas exigidas para os profissionais que executarão os serviços contratados deverão ser comprovados por meio dos diplomas, certificados, registros

Leia mais

Portabilidade da Linha RM Versão 12.1.5

Portabilidade da Linha RM Versão 12.1.5 Portabilidade da Linha RM Versão 12.1.5 19/06/2015 1. Sumário INTRODUÇÃO... 2 1. PORTABILIDADE PARA SERVIDOR DE BANCO DE DADOS... 3 2. NIVEIS DE COMPATIBILIDADE ENTRE BANCOS DE DADOS... 5 4. PORTABILIDADE

Leia mais

TOPLAB VERSÃO WEB 3.0 Solução completa para o gerenciamento de laboratórios de análises clínicas Interface web

TOPLAB VERSÃO WEB 3.0 Solução completa para o gerenciamento de laboratórios de análises clínicas Interface web Página 01 TOPLAB VERSÃO WEB 3.0 Solução completa para o gerenciamento de laboratórios de análises clínicas Interface web Página 02 Plataforma O TOPLAB foi projetado para funcionar na web, nasceu 'respirando

Leia mais

Aquisição móvel de dados com Smartphones & Tablets

Aquisição móvel de dados com Smartphones & Tablets Aquisição móvel de dados com Smartphones & Tablets André Pereira Gerente de Marketing Técnico Mike Munhato Engenheiro de Marketing Técnico Por que as pessoas usam tablets? É fácil de carregar Interface

Leia mais

Santa Cruz do Sul, outubro de 2015.

Santa Cruz do Sul, outubro de 2015. MANUAL DO USUÁRIO Santa Cruz do Sul, outubro de 2015. Adilson Ben da Costa & Ederson Luis Posselt Programa de Pós-graduação em Sistemas e Processos Industriais, Universidade de Santa Cruz do Sul (UNISC),

Leia mais

Sistema de Automação Comercial de Pedidos

Sistema de Automação Comercial de Pedidos Termo de Abertura Sistema de Automação Comercial de Pedidos Cabana - Versão 1.0 Iteração 1.0- Release 1.0 Versão do Documento: 1.5 Histórico de Revisão Data Versão do Documento Descrição Autor 18/03/2011

Leia mais

Introdução ao Delphi. Introdução. Edições do Software. Capítulo 1. InforBRás - Informática Brasileira Ltda. O Que é o Delphi.

Introdução ao Delphi. Introdução. Edições do Software. Capítulo 1. InforBRás - Informática Brasileira Ltda. O Que é o Delphi. Capítulo 1 O Que é o Delphi Diferenças entre Delphi Client/Server do Delphi for Windows Características que compõem o Integrated Development Invironment (IDE) Como o Delphi se encaixa na família Borland

Leia mais

Resumo de TCC Desenvolvimento de um sistema ERP com foco nas tecnologias de software livre / código aberto

Resumo de TCC Desenvolvimento de um sistema ERP com foco nas tecnologias de software livre / código aberto UFSC - Universidade Federal de Santa Catarina CTC Centro Tecnológico INE Departamento de Informática e Estatística INE5631 Projetos I Prof. Renato Cislaghi Resumo de TCC Desenvolvimento de um sistema ERP

Leia mais

Fundamentos da Computação Móvel

Fundamentos da Computação Móvel Fundamentos da Computação Móvel (Plataformas Sistemas Operacionais e Desenvolvimento) Programação de Dispositivos Móveis Mauro Lopes Carvalho Silva Professor EBTT DAI Departamento de Informática Campus

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE UM APLICATIVO DO TIPO SECRETÁRIO VIRTUAL PARA A PLATAFORMA ANDROID

DESENVOLVIMENTO DE UM APLICATIVO DO TIPO SECRETÁRIO VIRTUAL PARA A PLATAFORMA ANDROID DESENVOLVIMENTO DE UM APLICATIVO DO TIPO SECRETÁRIO VIRTUAL PARA A PLATAFORMA ANDROID Maik Olher CHAVES 1 ; Daniela Costa Terra 2. 1 Graduado no curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas

Leia mais

INTERESSADOS DEVERÃO CADASTRAR CURRICULO NO SITE www.superato.com.br. TÉCNICO EM INFORMÁTICA

INTERESSADOS DEVERÃO CADASTRAR CURRICULO NO SITE www.superato.com.br. TÉCNICO EM INFORMÁTICA INTERESSADOS DEVERÃO CADASTRAR CURRICULO NO SITE www.superato.com.br. TÉCNICO EM INFORMÁTICA Estamos selecionando para CECRED - Cooperativa de Crédito de Blumenau. Cursando Sistemas da Informação ou Ciências

Leia mais

ISHIFT: Informação em Movimento

ISHIFT: Informação em Movimento ISHIFT: Informação em Movimento Contato: www.ishift.com.br +55 51 32798159 contato@ishift.com.br Somos uma empresa completa de produtos e serviços ligados à tecnologia, que procura apresentar soluções

Leia mais

ANEXO 05 ARQUITETURAS TECNOLÓGICAS PROCERGS

ANEXO 05 ARQUITETURAS TECNOLÓGICAS PROCERGS ANEXO 05 ARQUITETURAS TECNOLÓGICAS PROCERGS Este anexo apresenta uma visão geral das seguintes plataformas: 1. Plataforma Microsoft.NET - VB.NET e C#; 2. Plataforma JAVA; 3. Plataforma Android, ios e Windows

Leia mais

Figura 1 - Arquitetura multi-camadas do SIE

Figura 1 - Arquitetura multi-camadas do SIE Um estudo sobre os aspectos de desenvolvimento e distribuição do SIE Fernando Pires Barbosa¹, Equipe Técnica do SIE¹ ¹Centro de Processamento de Dados, Universidade Federal de Santa Maria fernando.barbosa@cpd.ufsm.br

Leia mais

Documento de Visão. Sistema de Ponto Eletrônico A2MEPonto. Versão 1.0

Documento de Visão. Sistema de Ponto Eletrônico A2MEPonto. Versão 1.0 Documento de Visão Sistema de Ponto Eletrônico A2MEPonto Versão 1.0 HISTÓRICO DE REVISÕES Data Versão Descrição Autor 23/10/2010 #1 Elaboração do documento. Eduardo Neto Versão 1.0 Documento de Visão A2ME

Leia mais

Requisitos de Hardware e Software Engeman. Versão 2015/01

Requisitos de Hardware e Software Engeman. Versão 2015/01 Requisitos de Hardware e Software Engeman Versão 2015/01 Requisitos de Software e Hardware para Funcionamento da Solução Engeman Este descritivo tem como objetivo especificar os requisitos de software

Leia mais

ESCOLHA UM TESTE PARA EXECUTAR

ESCOLHA UM TESTE PARA EXECUTAR ESCOLHA UM TESTE PARA EXECUTAR Acompanhe o ritmo de aceleração dos ciclos de lançamento. Descubra a automatização com um toque humano EXECUTE UM TESTE 26032015 Com a Borland, tanto analistas de negócios

Leia mais

Requisitos de Hardware e Software Engeman. Versão 2014/10

Requisitos de Hardware e Software Engeman. Versão 2014/10 Requisitos de Hardware e Software Engeman Versão 2014/10 Requisitos de Software e Hardware para Funcionamento da Solução Engeman Este descritivo tem como objetivo especificar os requisitos de software

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico ETEC MONSENHOR ANTONIO MAGLIANO Código: 088 Município: Garça Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional: Técnica de Nível Médio de

Leia mais

!!! Avaliação da Experiência de Uso Mobile. CEF, BB, Itaú e Bradesco

!!! Avaliação da Experiência de Uso Mobile. CEF, BB, Itaú e Bradesco Avaliação da Experiência de Uso Mobile CEF, BB, Itaú e Bradesco 1. Sumário Executivo 2. Resultados 3. Metodologia 4. Reações aos testes 1. Sumário Executivo No Brasil, há uma grande oportunidade para melhorar

Leia mais

Estudo de Viabilidade

Estudo de Viabilidade Universidade Federal de Pernambuco Ciência da Computação Especificação de Requisitos e Validação de Sistemas Professora: Carla Taciana Lima Lourenço Silva Schuenemann Estudo de Viabilidade Clínica médica

Leia mais

NeXT Web ERP Sistema de gestão empresarial Módulo Online consulta via Internet

NeXT Web ERP Sistema de gestão empresarial Módulo Online consulta via Internet NeXT Web ERP Sistema de gestão empresarial Módulo Online consulta via Internet Manual de utilização Outubro/2011 Página 1 de 16 Índice O que é o NeXT WEB ERP?...3 Como funciona?...4 Requisitos Técnicos...4

Leia mais

INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA

INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA O InterLIMS se apresenta

Leia mais

COORDENAÇÃO DE ESTÁGIO KIT ALUNO ESTÁGIO PASSO A PASSO

COORDENAÇÃO DE ESTÁGIO KIT ALUNO ESTÁGIO PASSO A PASSO COORDENAÇÃO DE ESTÁGIO KIT ALUNO ESTÁGIO PASSO A PASSO Maceió/2014 1º PASSO: PREENCHIMENTO DO CADASTRO DO ALUNO COORDENAÇÃO DE ESTÁGIOS CADASTRO DO ALUNO Curso: Período que Cursa: Matrícula: Nome Completo:

Leia mais

Frameworks para criação de Web Apps para o Ensino Mobile

Frameworks para criação de Web Apps para o Ensino Mobile 393 Frameworks para criação de Web Apps para o Ensino Mobile Lucas Zamim 1 Roberto Franciscatto 1 Evandro Preuss 1 1 Colégio Agrícola de Frederico Westphalen (CAFW) Universidade Federal de Santa Maria

Leia mais

ESTÁGIO CURRICULAR I e II DESENVOLVIMENTO, SUPORTE E ATENDIMENTO A PROGRAMAS ESPECÍFICOS PARA O ERP- DATASUL

ESTÁGIO CURRICULAR I e II DESENVOLVIMENTO, SUPORTE E ATENDIMENTO A PROGRAMAS ESPECÍFICOS PARA O ERP- DATASUL 1 NAJARA SILVANA MUCHON ESTÁGIO CURRICULAR I e II DESENVOLVIMENTO, SUPORTE E ATENDIMENTO A PROGRAMAS ESPECÍFICOS PARA O ERP- DATASUL EMPRESA: TNG SERVIÇOS DE INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO DE PROGRAMAS DE COMPUTADOR

Leia mais

DESENVOLVIMENTO EM DISPOSITIVOS MÓVEIS UTILIZANDO BANCO DE DADOS

DESENVOLVIMENTO EM DISPOSITIVOS MÓVEIS UTILIZANDO BANCO DE DADOS DESENVOLVIMENTO EM DISPOSITIVOS MÓVEIS UTILIZANDO BANCO DE DADOS Leandro Guilherme Gouvea 1, João Paulo Rodrigues 1, Wyllian Fressatti 1 1 Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil leandrog.gouvea@gmail.com,

Leia mais

INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa

INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa ACESSE Informações corporativas a partir de qualquer ponto de Internet baseado na configuração

Leia mais

Marcelo.augusto@Microsoft.com

Marcelo.augusto@Microsoft.com Marcelo.augusto@Microsoft.com Aplicativos Relatórios Painéis Consultas em linguagem natural Dispositivo móvel A plataforma de Dados da Microsoft Orquestração Gerenciamento de informações Processamento

Leia mais

INSTALAÇÃO DO MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2

INSTALAÇÃO DO MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2 INSTALAÇÃO DO MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2 Neste item aprenderemos a instalar o Microsoft SQL SERVER 2008 R2 e a fazer o Upgrade de versões anteriores do SQL SERVER 2008 R2. Também veremos as principais

Leia mais

Dê aos seus clientes a experiência que eles desejam

Dê aos seus clientes a experiência que eles desejam Dê aos seus clientes a experiência que eles desejam Avaliação da Experiência Mobile Companhias Aéreas 1. Sumário Executivo 2. Resultados 3. Método 4. Reações aos testes 1. Sumário Executivo No Brasil,

Leia mais

ALEXANDRE SCHEMES ESTÁGIO CURRICULAR II RELATÓRIO DE ATIVIDADES REALIZADAS PROJETO LAYOUTS FLEXÍVEIS

ALEXANDRE SCHEMES ESTÁGIO CURRICULAR II RELATÓRIO DE ATIVIDADES REALIZADAS PROJETO LAYOUTS FLEXÍVEIS ALEXANDRE SCHEMES ESTÁGIO CURRICULAR II RELATÓRIO DE ATIVIDADES REALIZADAS PROJETO LAYOUTS FLEXÍVEIS EMPRESA: Gesplan S.A. SETOR: Desenvolvimento SUPERVISOR: Jane Frankowiak ORIENTADOR: Marco Antonio Torrez

Leia mais

LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO DIREITO DO CIDADÃO

LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO DIREITO DO CIDADÃO DESCRIÇÃO DO SIGAI O SIGAI (Sistema Integrado de Gestão do Acesso à Informação) é uma solução de software que foi desenvolvida para automatizar os processos administrativos e operacionais visando a atender

Leia mais

A mais avançada plataforma de soluções de mobilidade do mercado, com diversas opções de aplicativos móveis para suas necessidades!

A mais avançada plataforma de soluções de mobilidade do mercado, com diversas opções de aplicativos móveis para suas necessidades! soluções de mobilidade do mercado, com diversas opções de aplicativos móveis para suas necessidades! EMPRESA: TREVISAN TECNOLOGIA Quem é a Trevisan Tecnologia? 17 anos de existência e 12 anos de experiência

Leia mais

DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 BAIXA DE CONTAS A PAGAR RELEASE 4.1

DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 BAIXA DE CONTAS A PAGAR RELEASE 4.1 DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 BAIXA DE CONTAS A PAGAR RELEASE 4.1 SUMÁRIO DEFINIÇÃO DE REQUISITOS 4 1. INTRODUÇÃO 4 1.1 FINALIDADE 4 1.2 ESCOPO 4 1.3 DEFINIÇÕES, ACRÔNIMOS

Leia mais

ESTÁGIO CURRICULAR DESENVOLVIMENTO DE CONTROLE DE ESTOQUE

ESTÁGIO CURRICULAR DESENVOLVIMENTO DE CONTROLE DE ESTOQUE VALTER JOSÉ ZIMMERMANN JÚNIOR ESTÁGIO CURRICULAR DESENVOLVIMENTO DE CONTROLE DE ESTOQUE EMPRESA: MALVA CONFECÇÕES IND. E COM. LTDA. SETOR: INFORMÁTICA SUPERVISOR: MARLUCE ZIMMERMANN ORIENTADOR: JORGE FERNANDES

Leia mais

Codificar Sistemas Tecnológicos

Codificar Sistemas Tecnológicos Codificar Sistemas Tecnológicos Especificação dos Requisitos do Software Sistema de gestão para a Empresa Cliente SlimSys Autor: Equipe Codificar Belo Horizonte MG Especificação dos Requisitos do Software

Leia mais

Apresentação Institucional. Ignacio Daniel Arias, Maio 2013

Apresentação Institucional. Ignacio Daniel Arias, Maio 2013 Apresentação Institucional Ignacio Daniel Arias, Maio 2013 Agenda - A Empresa - Infraestrutura - Equipe - Produtos e Serviços - Tecnologias - Clientes - Serviços e o MPS.BR A Empresa Historico A EliteSoft

Leia mais

Especificação do KAPP-PPCP

Especificação do KAPP-PPCP Especificação do KAPP-PPCP 1. ESTRUTURA DO SISTEMA... 4 1.1. Concepção... 4 2. FUNCIONALIDADE E MODO DE OPERAÇÃO... 5 3. TECNOLOGIA... 7 4. INTEGRAÇÃO E MIGRAÇÃO DE OUTROS SISTEMAS... 8 5. TELAS E RELATÓRIOS

Leia mais

Linguagem de Programação JAVA. Professora Michelle Nery Nomeclaturas

Linguagem de Programação JAVA. Professora Michelle Nery Nomeclaturas Linguagem de Programação JAVA Professora Michelle Nery Nomeclaturas Conteúdo Programático Nomeclaturas JDK JRE JEE JSE JME JVM Toolkits Swing AWT/SWT JDBC EJB JNI JSP Conteúdo Programático Nomenclatures

Leia mais

Manual do Usuário Características e recursos básicos Enterprise Resource Planning

Manual do Usuário Características e recursos básicos Enterprise Resource Planning Manual do Usuário Características e recursos básicos Enterprise Resource Planning www.pwi.com.br 1 Volpe Enterprise Resource Planning Este manual não pode, em parte ou no seu todo, ser copiado, fotocopiado,

Leia mais

Portabilidade da Linha RM Versão 11.40.0

Portabilidade da Linha RM Versão 11.40.0 Portabilidade da Linha RM Versão 11.40.0 Data Responsável Versão Doc. Observação 23/11/2012 Camilo Ribeiro da Silva 2 Revisão Conteúdo Portabilidade para Servidor de Banco de Dados... 3 Níveis de Compatibilidade

Leia mais

W4Mobile Operations Management System. Manual do Usuário Versão 1.3.3

W4Mobile Operations Management System. Manual do Usuário Versão 1.3.3 W4Mobile Operations Management System Manual do Usuário Versão 1.3.3 W4Mobile Team: + 55 31 3475 3594 E-mail: suporte@3ssistemas.com.br Este documento consiste em 27 páginas. Elaborado por: IT Applications

Leia mais

Pré-Projeto do Trabalho de Conclusão de Curso Tiago Garcia Pereira 1. INTRODUÇÃO

Pré-Projeto do Trabalho de Conclusão de Curso Tiago Garcia Pereira 1. INTRODUÇÃO UM PADRÃO ABERTO DE SOFTWARE PARA COMPUTAÇÃO MÓVEL: UM ESTUDO SOBRE GOOGLE ANDROID 1. INTRODUÇÃO O aumento do número usuários de dispositivos móveis atrai cada vez os desenvolvedores a produzir aplicações

Leia mais

Aplicativo para elaboração de questionários, coleta de respostas e análise de dados na área da saúde em dispositivos móveis

Aplicativo para elaboração de questionários, coleta de respostas e análise de dados na área da saúde em dispositivos móveis Aplicativo para elaboração de questionários, coleta de respostas e análise de dados na área da saúde em dispositivos móveis Visão Versão Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor 24/06/12

Leia mais

Sistema de Armazenamento de Dados Eleitorais - SisElege

Sistema de Armazenamento de Dados Eleitorais - SisElege Faculdade de Tecnologia Senac DF Sistema de Armazenamento de Dados Eleitorais - SisElege Documento de Visão Versão 4.0 Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor 05/09/2014 1.0 Versão Inicial do

Leia mais

Daniel Paulo de Assis

Daniel Paulo de Assis Daniel Paulo de Assis Brasileiro, solteiro, 32 anos Rua Dr. Seng, 100 Bela Vista - São Paulo SP Telefone: (11) 9-4991-5770 / (18) 9-9119-2006 E-mail: daniel@dpassis.com.br WebSite: dpassis.com.br Linkedin:

Leia mais

Criando Aulas Multimídia Interativa para Uso em Tablets

Criando Aulas Multimídia Interativa para Uso em Tablets Criando Aulas Multimídia Interativa para Uso em Tablets Celso Tatizana Diretor da Caltech Informática Ltda www.class.com.br class@class.com.br 018 3916-7800 Modelos para Criação de Aulas Multimídia Interativa

Leia mais

PLATAFORMA DE DESENVOLVIMENTO DE APLICATIVOS CORPORATIVOS

PLATAFORMA DE DESENVOLVIMENTO DE APLICATIVOS CORPORATIVOS PLATAFORMA DE DESENVOLVIMENTO DE APLICATIVOS CORPORATIVOS SUA EMPRESA PRECISA DE SOLUÇÕES MÓVEIS? O NOVO PERFIL DO CLIENTE Aumento do número de Smartphones com acesso a dados;" Migração de Buscas no PC

Leia mais

Manual de referência do HP Web Jetadmin Database Connector Plug-in

Manual de referência do HP Web Jetadmin Database Connector Plug-in Manual de referência do HP Web Jetadmin Database Connector Plug-in Aviso sobre direitos autorais 2004 Copyright Hewlett-Packard Development Company, L.P. A reprodução, adaptação ou tradução sem permissão

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO CONFIGURAÇÃO IDE ECLIPSE

MANUAL DE INSTALAÇÃO CONFIGURAÇÃO IDE ECLIPSE MANUAL DE INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO IDE ECLIPSE T1011 GUILHERME RODRIGUES Ano 2015 MANUAL DE INSTALAÇÃO E CONFIGURAÇÃO DA IDE ECLIPSE. Neste documento aborda como instalar e configurar a IDE eclipse para

Leia mais

CARTILHA DO SISTEMA DE CONFERÊNCIA WEB. Núcleo de Tecnologia da Informação da Comunicação

CARTILHA DO SISTEMA DE CONFERÊNCIA WEB. Núcleo de Tecnologia da Informação da Comunicação CARTILHA DO SISTEMA DE CONFERÊNCIA WEB Núcleo de Tecnologia da Informação da Comunicação 2011 UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA UNIPAMPA NÚCLEO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO NTIC CARTILHA DO

Leia mais

Autoria Web Apresentação e Visão Geral sobre a Web

Autoria Web Apresentação e Visão Geral sobre a Web Apresentação e Visão Geral sobre a Web Apresentação Thiago Miranda Email: mirandathiago@gmail.com Site: www.thiagomiranda.net Objetivos da Disciplina Conhecer os limites de atuação profissional em Web

Leia mais

Guia do Laboratório de Teste: Demonstre colaboração de Intranet com SharePoint Server 2013

Guia do Laboratório de Teste: Demonstre colaboração de Intranet com SharePoint Server 2013 Guia do Laboratório de Teste: Demonstre colaboração de Intranet com SharePoint Server 2013 Este documento é fornecido no estado em que se encontra. As informações e exibições expressas neste documento,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA COMPUTAÇÃO MÓVEL CONTROLE DE GASTOS PARA ORÇAMENTO DOMÉSTICO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA COMPUTAÇÃO MÓVEL CONTROLE DE GASTOS PARA ORÇAMENTO DOMÉSTICO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA COMPUTAÇÃO MÓVEL CONTROLE DE GASTOS PARA ORÇAMENTO DOMÉSTICO Fred Paulino Ferreira, Leonardo Couto, Renato Maia, Luiz G. Montanha Departamento

Leia mais

A MO BI LID ADE NO A PR E SEN TA ÇÃO MET ODO LO GIA PAS SO A PASSO DA COM EN DA ÇÕES COM PRA BRA SIL

A MO BI LID ADE NO A PR E SEN TA ÇÃO MET ODO LO GIA PAS SO A PASSO DA COM EN DA ÇÕES COM PRA BRA SIL D CE A PR E SEN TA ÇÃO MET ODO LO GIA A MO BI LID ADE NO PAS SO A PASSO DA COM PRA RE COM EN DA ÇÕES BRA SIL 2. 3. 4. 5. 1. A PR E SEN TA ÇÃO Nós acreditamos em testes reais. Acreditamos que o planejamento

Leia mais

MAPEAMENTO E LOCALIZAÇÃO DE REGIÕES DE INTERESSE UTILIZANDO REALIDADE AUMENTADA EM DISPOSITIVOS MÓVEIS COM PLATAFORMA ANDROID

MAPEAMENTO E LOCALIZAÇÃO DE REGIÕES DE INTERESSE UTILIZANDO REALIDADE AUMENTADA EM DISPOSITIVOS MÓVEIS COM PLATAFORMA ANDROID MAPEAMENTO E LOCALIZAÇÃO DE REGIÕES DE INTERESSE UTILIZANDO REALIDADE AUMENTADA EM DISPOSITIVOS MÓVEIS COM PLATAFORMA ANDROID Alessandro Teixeira de Andrade¹; Geazy Menezes² UFGD/FACET Caixa Postal 533,

Leia mais

EIMOBILE INSTITUIÇÕES DE ENSINO MOBILE

EIMOBILE INSTITUIÇÕES DE ENSINO MOBILE UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PELOTAS CENTRO POLITÉCNICO TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EIMOBILE INSTITUIÇÕES DE ENSINO MOBILE por Miguel Aguiar Barbosa Trabalho de curso II submetido como

Leia mais

O FUTURO DA SUA EMPRESA PASSA POR AQUI OMNES TECNOLOGIA

O FUTURO DA SUA EMPRESA PASSA POR AQUI OMNES TECNOLOGIA O FUTURO DA SUA EMPRESA PASSA POR AQUI OMNES TECNOLOGIA Como tudo começou GIDEONI SILVA CONSULTOR BI & CRM Analista de Sistemas e Green Belt Six Sigma Experiência de 15 anos em projetos executados de Business

Leia mais

DMS Documento de Modelagem de Sistema. Versão: 1.4

DMS Documento de Modelagem de Sistema. Versão: 1.4 DMS Documento de Modelagem de Sistema Versão: 1.4 VERANEIO Gibson Macedo Denis Carvalho Matheus Pedro Ingrid Cavalcanti Rafael Ribeiro Tabela de Revisões Versão Principais Autores da Versão Data de Término

Leia mais

CAPÍTULO 4. AG8 Informática

CAPÍTULO 4. AG8 Informática 2ª PARTE CAPÍTULO 4 Este capítulo têm como objetivo: 1. Tratar das etapas do projeto de um Website 2. Quais os profissionais envolvidos 3. Administração do site 4. Dicas para não cometer erros graves na

Leia mais

7 Utilização do Mobile Social Gateway

7 Utilização do Mobile Social Gateway 7 Utilização do Mobile Social Gateway Existem três atores envolvidos na arquitetura do Mobile Social Gateway: desenvolvedor do framework MoSoGw: é o responsável pelo desenvolvimento de novas features,

Leia mais

História e Evolução da Web. Aécio Costa

História e Evolução da Web. Aécio Costa Aécio Costa A História da Web O que estamos estudando? Período em anos que a tecnologia demorou para atingir 50 milhões de usuários 3 As dez tecnologias mais promissoras 4 A evolução da Web Web 1.0- Passado

Leia mais

Manual de Configuração e Utilização TabFisc Versão Mobile 09/2013 Pag. 1 MANUAL DE UTILIZAÇÃO TABLET VERSÃO MOBILE

Manual de Configuração e Utilização TabFisc Versão Mobile 09/2013 Pag. 1 MANUAL DE UTILIZAÇÃO TABLET VERSÃO MOBILE Pag. 1 MANUAL DE UTILIZAÇÃO TABLET VERSÃO MOBILE Pag. 2 INTRODUÇÃO Esse documento contém as instruções básicas para a utilização do TabFisc Versão Mobile (que permite ao fiscal a realização do seu trabalho

Leia mais

MAGREGISTER 1.0: GERADOR DE INTERFACES DE COLETAS DE DADOS PARA PDA S. Acadêmico: Gilson Chequeto Orientador: Adilson Vahldick

MAGREGISTER 1.0: GERADOR DE INTERFACES DE COLETAS DE DADOS PARA PDA S. Acadêmico: Gilson Chequeto Orientador: Adilson Vahldick MAGREGISTER 1.0: GERADOR DE INTERFACES DE COLETAS DE DADOS PARA PDA S Acadêmico: Gilson Chequeto Orientador: Adilson Vahldick Roteiro Introdução Objetivos do trabalho Fundamentação teórica Desenvolvimento

Leia mais

Processos (Threads,Virtualização e Migração de Código)

Processos (Threads,Virtualização e Migração de Código) Processos (Threads,Virtualização e Migração de Código) Roteiro Processos Threads Virtualização Migração de Código O que é um processo?! Processos são programas em execução. Processo Processo Processo tem

Leia mais

Automidia Service Management Provisionamento para o AD integrado ao Service Desk

Automidia Service Management Provisionamento para o AD integrado ao Service Desk Automidia Service Management Provisionamento para o AD integrado ao Service Desk Agenda Objetivos Agenda Histórico e Motivação 05 mins Características da Aplicação 20 mins Apresentação Software 15 mins

Leia mais

A Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais PRODEMGE

A Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais PRODEMGE Belo Horizonte, 06 de Maio de 2010 A Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais PRODEMGE Referente: CONSULTA PÚBLICA PARA CONTRATAÇÃO DE UMA SOLUÇÃO DE GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS DE

Leia mais

DIGIMAN. WTB Tecnologia 2009. www.wtb.com.br

DIGIMAN. WTB Tecnologia 2009. www.wtb.com.br DIGIMAN MANDADO JUDICIAL ELETRÔNICO Arquitetura WTB Tecnologia 2009 www.wtb.com.br Arquitetura de Software O sistema DIGIMAN é implementado em três camadas (apresentação, regras de negócio e armazém de

Leia mais

Portabilidade da Linha RM Versão 11.20.0

Portabilidade da Linha RM Versão 11.20.0 Portabilidade da Linha RM Versão 11.20.0 Conteúdo Portabilidade para Servidor de Banco de Dados... 3 Níveis de Compatibilidade entre Bancos de Dados... 5 Portabilidade para Servidor de Aplicação... 6 Portabilidade

Leia mais

TECNOLOGIAS GEOESPACIAIS INOVADORAS. Tecnologia. Geoprocessamento. Sistemas de Informações Geográficas. Sensoriamento Remoto. Geociências.

TECNOLOGIAS GEOESPACIAIS INOVADORAS. Tecnologia. Geoprocessamento. Sistemas de Informações Geográficas. Sensoriamento Remoto. Geociências. TECNOLOGIAS GEOESPACIAIS INOVADORAS Tecnologia Geoprocessamento Sistemas de Informações Geográficas Sensoriamento Remoto Geociências Geofísica www.hexgis.com PIONEIRISMO E INOVAÇÃO Idealizada a partir

Leia mais

Marcus Vinicius Cruz Xavier. Rascunho do trabalho de conclusão de curso

Marcus Vinicius Cruz Xavier. Rascunho do trabalho de conclusão de curso Universidade Federal de Santa Catarina Departamento de Informática e Estatística Curso de Bacharelado em Ciências da Computação Marcus Vinicius Cruz Xavier Rascunho do trabalho de conclusão de curso Título

Leia mais

PLATAFORMA URBANMOB Aplicativo para captura de trajetórias urbanas de objetos móveis

PLATAFORMA URBANMOB Aplicativo para captura de trajetórias urbanas de objetos móveis PLATAFORMA URBANMOB Aplicativo para captura de trajetórias urbanas de objetos móveis Gabriel Galvão da Gama 1 ; Reginaldo Rubens da Silva 2 ; Angelo Augusto Frozza 3 RESUMO Este artigo descreve um projeto

Leia mais

Eagle Rastreamento Veicular

Eagle Rastreamento Veicular Softech Software Brasil Ltda. Eagle Rastreamento Veicular Softech Tecnologia em Software Versão 1.4.0.0 13 2 Introdução Objetivo do manual de instruções O presente manual foi elaborado com o objetivo de

Leia mais

Informática :: Presencial

Informática :: Presencial MAPA DO PORTAL (HT T P: //WWW. PORT AL DAINDUST RIA. COM. B R/CNI/MAPADOSIT E /) SITES DO SISTEMA INDÚSTRIA (HT T P: //WWW. PORT AL DAINDUST RIA. COM. B R/CANAIS/) CONT AT O (HT T P: //WWW. PORT AL DAINDUST

Leia mais

AUTOR(ES): CARLOS ANTONIO PINHEIRO PINTO, ERMÍNIO PEDRAL SANTANA, GUILHERME CASSIANO DA SILVA

AUTOR(ES): CARLOS ANTONIO PINHEIRO PINTO, ERMÍNIO PEDRAL SANTANA, GUILHERME CASSIANO DA SILVA Anais do Conic-Semesp. Volume 1, 2013 - Faculdade Anhanguera de Campinas - Unidade 3. ISSN 2357-8904 TÍTULO: SISTEMA MÓVEL DE COMPRAS POR QR CODE CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: ENGENHARIAS E TECNOLOGIAS SUBÁREA:

Leia mais

Programação para Dispositivos Móveis

Programação para Dispositivos Móveis Programação para Dispositivos Móveis Fatec Ipiranga Análise e Desenvolvimento de Sistemas Aula 02 História do desenvolvimento de software para dispositivos móveis Dalton Martins dmartins@gmail.com São

Leia mais