A Evolução do Display para a Indústria de LED

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A Evolução do Display para a Indústria de LED"

Transcrição

1 A Evolução do Display para a Indústria de LED Victor Pellegrini Mammana Tel.: Fax: Ministério da Ciência Tecnologia e Inovação 1

2 Having an Idea You were born to be an inventor......then you had this nice idea of a new material, a new device, a new system... 2

3 Prototyping it How can you demonstrate the feasibility of your invention? You need a prototype! In order to have a prototype you need first to dominate a certain set of material synthesis and processing, assembling techniques, system modelling, etc... etc... 3

4 Manufacturing a Product Generating a successful product concept and manufacturing it is a totally different story... 4

5 The Puzzle An idea about using a new physical phenomena for something practical New product Brand Capital? R&D Infrastructure Supply R&D Alliances HR Market is only one piece of the puzzle Barrier Management Distribution 5

6 The Missing Link... Brand Capital Infrastructure Supply R&D Alliances HR Market Management Distribution Phase A: departs from non-linear insights. Commercial and industrial feasibility is not yet confirmed, but there is an perception of opportunity. Elements: solid scientific base, preliminary value assessment new materials/ designs, first lab samples, IP protection. Phase B: Demonstration of small series production = better means of communication with economic agents. Demonstrate tpromisses are feasible in terms of rationality. Starting point for the preparation for large scale production. Elements: pilot line, further value assessment, new production machines, IP protection. 6

7 Display de Cristal Líquido Liquid Crystal Display -LCD Módulo de Display de Cristal Líquido Moldura Frontal Filme Polarizador Filtro de Cor Cristal Líquido Matriz TFT em vidro Driver IC & PCBA etc. Filme Polarizador Filme Difusor Placa Difusora Moldura de Plástico Fonte de Luz (Backlight) Moldura de Fundo Placa de Controle Inversor Source: AUO 7

8 Cadeia Produtiva do Display de Cristal Líquido LCD 8

9 TV de LCD ou TV de LED? O que é um display ou TV de LCD? É um dispositivo que utiliza cristal líquido como chave óptica Ao final existem ou não TVs ou displays de LED? Sim Aplicação principal... Outdoor 9

10 LCD Consumo de energia / Perda de Luminância Perda de Luminância AMLCD Unidade de Controle Driver de Dados Driver da Porta BLU (backlight unit) BLU 5% da luz do BLU Polarizador frontal Vidro com ITO Filtro de cor (30%) Cristal líquido Matriz ativa (70%) Polarizador traseiro (40%) Placa guia de luz (60%) Eficiência de luz: 0,6 x 0,4 x 0,7 x 0,3 5% 10

11 LEDs in Display s backlight... Why? Diminuição do consumo de energia; Os LEDs cobrem uma gama de Optical Films LCD Panel Improved performace cores maior do que as CCFLs; Os LEDs têm uma eficiência maior do que as CCFLs; Diffuser Film RGB LEDs Displays Finos; Fonte de luz ambientalmente correta pois não contém Hg; Monitoramento localizado do brilho ao longo de toda a tela local dimming. 11

12 CCFL and LED LCD Backlight Units local & non local dimming LED full-array backlight with local dimming CCFL array backlight without local dimming LED edge-lit backlight with local dimming LED backlight allow local dimming and consequently improving image quality 12

13 Changes in LED applications over time Evolução da penetração dos backlight de LED em displays Em 2011, a penetração dos backlight de LED era de quase 100% para aplicações em small/medium LCDs (Mobile, PCs, etc.) e mais de 50% para aplicações em TVs. Na época já previa-se um aumento para as aplicações de LEDs em iluminação... Publicado em 24 agosto de

14 LED penetration Rates Comparison 2012 vs Yole LED Packaging Jan/2013 report 14

15 Evolução do Mercado de LED por aplicação (Displays & Lighting) 15

16 Displays no Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer TN-LCD Linha Piloto PDLC OLPC Demonstração da urna eletronica 00 Nanoestruturas Protótipo colorido de FED Estudo Etnográfico de Display Inicio da interação com HP Brasil PSCT PLED 05 HP Labs Palo Alto: NCED, NRED, NCRD, OLED OLEDs Plano Tecnológico: OLED Iluminação Inkjet TFEL Carteira digital HP Houston: External SolarPower 10 16

17 OBRIGADO Victor Pellegrini Mammana Diretor Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer CTI Rod. Dom Pedro I, km 143,6 - Campinas - SP - Brazil CEP: Tel: ; Elaborado por PPA 17

18 Title 18

O que é o Painel de LCD

O que é o Painel de LCD O que é o Painel de LCD O que é TFT (Thin Film Trnsistor) Conceito Matrix Ativa e Passiva Representação da Imagem no LCD Estrutura do LCD TFT Mecanismo de operação do LCD TFT Teoria de Operação Estrutura

Leia mais

Monitores. Tecnologias de Computadores. Trabalho realizado por: Universidade da Beira Interior. Prof.Pedro Araújo. -Diogo Fernandes nº27097

Monitores. Tecnologias de Computadores. Trabalho realizado por: Universidade da Beira Interior. Prof.Pedro Araújo. -Diogo Fernandes nº27097 Monitores Universidade da Beira Interior Tecnologias de Computadores Prof.Pedro Araújo Trabalho realizado por: -Diogo Fernandes nº27097 -Gonçalo Paiva nº26743 -Tiago Silva nº27144 Introdução Com o aparecimento

Leia mais

CONGRESSO SET 2012 FUCAPI

CONGRESSO SET 2012 FUCAPI CONGRESSO SET 2012 FUCAPI CONGRESSO SET 2012 TECNOLOGIA DE TELAS PARA RECEPTORES DE TV Características da FUCAPI FUCAPI é uma abreviatura para Fundação Centro de Análise, Pesquisa e Inovação Tecnológica;

Leia mais

IBM MobileFirst: Identificando e Capturando novas oportunidades de negócio

IBM MobileFirst: Identificando e Capturando novas oportunidades de negócio IBM MobileFirst: Identificando e Capturando novas oportunidades de negócio Eduardo Macedo Curro Gerente de Soluções de Mobilidade 2014 IBM Corporation 1 Quais são as principais tendências do mercado de

Leia mais

O sal não é todo igual Salt is not all equal

O sal não é todo igual Salt is not all equal O sal não é todo igual Salt is not all equal Flor de Sal A Flor de Sal é composta por cristais leves e frágeis, em forma de palheta, que se formam na superfície das pequenas salinas, criando uma fina película

Leia mais

CEFET-RS Curso de Eletrônica

CEFET-RS Curso de Eletrônica CEFET-RS Curso de Eletrônica 7 - Vídeo Profs. Roberta Nobre & Sandro Silva robertacnobre@gmail.com e sandro@cefetrs.tche.br Unidade 07.1 Vídeo Principal periférico de saída desde o final da década de 70;

Leia mais

Tecnologias e Sistemas de Informação

Tecnologias e Sistemas de Informação Tecnologias e Sistemas de Informação Tecnologias de computadores Trabalho realizado por: Carlos Aguilar nº 27886 Miguel Xavier nº 26705 Bruno Esteves nº 26975 ECRÃS Introdução Servem basicamente para mostrar

Leia mais

A ideia! Criar uma plataforma de prototipagem de componentes eletrônicos e sistemas de automação para leigos!

A ideia! Criar uma plataforma de prototipagem de componentes eletrônicos e sistemas de automação para leigos! Prof. Cláudio Oliveira Prof. Humberto Zanetti Prof. Júlio Vansan A ideia! Criar uma plataforma de prototipagem de componentes eletrônicos e sistemas de automação para leigos! 1 O que é Arduino? Uma plataforma

Leia mais

Prof. Cláudio Oliveira. Prof. Humberto Zanetti. Coordenador - Fatec Jundiaí. Professor - Fatec Jundiaí Coordenador - Etec de Itatiba

Prof. Cláudio Oliveira. Prof. Humberto Zanetti. Coordenador - Fatec Jundiaí. Professor - Fatec Jundiaí Coordenador - Etec de Itatiba Prof. Cláudio Oliveira Coordenador - Fatec Jundiaí Prof. Humberto Zanetti Professor - Fatec Jundiaí Coordenador - Etec de Itatiba A ideia! Criar uma plataforma de prototipagem de componentes eletrônicos

Leia mais

Interoperability through Web Services: Evaluating OGC Standards in Client Development for Spatial Data Infrastructures

Interoperability through Web Services: Evaluating OGC Standards in Client Development for Spatial Data Infrastructures GeoInfo - 2006 Interoperability through Web Services: Evaluating OGC Standards in Client Development for Spatial Data Infrastructures Leonardo Lacerda Alves Clodoveu A. Davis Jr. Information Systems Lab

Leia mais

Tecnologia em displays de cristal líquido

Tecnologia em displays de cristal líquido Tecnologia em displays de cristal líquido Médico-hospitalar Telecomunicações Controle de acesso Segurança Eletrônica Automação Comercial Automação Bancária Automação Residencial Automação Agrícola Automação

Leia mais

Monitores. Introdução

Monitores. Introdução Monitores Introdução Até os dias de hoje, o principal método para exibição de vídeos em computadores é o tradicional monitor CRT (Catodic Ray Tube - Tubo de Raios Catódicos). Comparando de uma forma grosseira,

Leia mais

Access Professional Edition 2.0

Access Professional Edition 2.0 Sistemas Access Professional Edition 2.0 Access Professional Edition 2.0 Controle de acesso compacto baseado na inovadora família de controladores AMC da Bosch Verificação Integrada por Vídeo Sistema multiusuário

Leia mais

LFD COMPARAÇÃO ENTRE LCD TV E LFD POR QUE LFD? -Conceito lados paralelos

LFD COMPARAÇÃO ENTRE LCD TV E LFD POR QUE LFD? -Conceito lados paralelos POR QUE LFD? LFD -Conceito lados paralelos -Display de grandes dimensões -Painéis informativos em áreas publicas -Entretenimento combinado com informações -Uso continuo por mais de 10 horas -Vários painéis

Leia mais

Em caso de dúvida, por favor, entre em contato com os seguintes dados em mãos: Modelo e Número de Série.

Em caso de dúvida, por favor, entre em contato com os seguintes dados em mãos: Modelo e Número de Série. 1 REV 01 08/15 Parabéns, você acaba de adquirir um produto REI. Em caso de dúvida, por favor, entre em contato com os seguintes dados em mãos: Modelo e Número de Série. www.reibrasil.com.br E-mail: sat@reibrasil.com.br

Leia mais

SME Instrument Perspectivas de um Avaliador

SME Instrument Perspectivas de um Avaliador SME Instrument Perspectivas de um Avaliador Pedro Portela Seminário Horizonte 2020 :Oportunidades para a Indústria, AIMMAP, 14/10/2014 Conteúdo Nota biográfica O que é SME Instrument SME Instrument é para

Leia mais

Equipe ATS. Mauro Borges Lemos - Presidente ABDI Mariano Laplane - Presidente CGEE. Coordenação Geral

Equipe ATS. Mauro Borges Lemos - Presidente ABDI Mariano Laplane - Presidente CGEE. Coordenação Geral TIC TIC 2 Equipe ATS Mauro Borges Lemos - Presidente ABDI Mariano Laplane - Presidente CGEE Coordenação Geral Maria Luisa Campos Machado Leal (ABDI) Marcio Miranda (CGEE) Coordenação Executiva Carla Ferreira

Leia mais

Vigilância Remota. Distância não faz diferença

Vigilância Remota. Distância não faz diferença Vigilância Remota Distância não faz diferença Para nossos clientes valiosos, Obrigado por escolher este produto. Você vai se surpreender com as úteis funções que este produto oferece, especialmente pelo

Leia mais

5- TABELA DE CONSUMO TÍPICO DE EQUIPAMENTOS

5- TABELA DE CONSUMO TÍPICO DE EQUIPAMENTOS ESTABILIZADORES DE TENSÃO 1- AO CLIENTE TS SHARA Primeiramente devemos parabenizá-lo pela escolha de um equipamento com a marca TS SHARA. Os estabilizadores TS SHARA se apresentam como uma solução quando

Leia mais

Manual de Apresentação de Dados REACH-IT

Manual de Apresentação de Dados REACH-IT Manual de Apresentação de Dados REACH-IT Parte 16 - Pedidos de Anexo I: Instruções para o modelo de documento justificativo de pedido de Versão 1.0 Página 1 de 7 Instruções Na IUCLID, por cada informação

Leia mais

TREINAMENTO LINHA INFORMÁTICA

TREINAMENTO LINHA INFORMÁTICA TREINAMENTO LINHA INFORMÁTICA Líder mundial em fabricação de monitores A MARCA 3º maior produtor global de TVs LCD/LED Primeira empresa a produzir TVs de LCD no Brasil 14 Fábricas no mundo, sendo 2 no

Leia mais

Câmera com Iluminador Infravermelho

Câmera com Iluminador Infravermelho Câmera com Iluminador Infravermelho Manual de Instruções 051118, VER.: 2.0, NO.: 040115 Obrigado por adquirir o nosso produto. Antes de operar esta unidade, por favor, leia este manual de instruções cuidadosamente

Leia mais

Software product lines. Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco

Software product lines. Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Software product lines Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Software product lines basic concepts Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Um produto www.usm.maine.edu

Leia mais

* Acesso à programação protegido por senha; * Alimentação: 90 a 240Vca (Fonte chaveada).

* Acesso à programação protegido por senha; * Alimentação: 90 a 240Vca (Fonte chaveada). PROGRAMADOR HORÁRIO MANUAL DE INSTRUÇÕES MTZ622R - 90~240VCA - P504 VERSÃO.0 ABRIL/202 * Acesso à programação protegido por senha; * Alimentação: 90 a 240Vca (Fonte chaveada). 3.2 DIMENSÕES PLACA IHM:

Leia mais

DICAS DE REPAROS EM INVERSORES DE LAMPADAS CCFL UTILIZADOS EM MONITORES E TVs LCD

DICAS DE REPAROS EM INVERSORES DE LAMPADAS CCFL UTILIZADOS EM MONITORES E TVs LCD DICAS DE REPAROS EM INVERSORES DE LAMPADAS CCFL UTILIZADOS EM MONITORES E TVs LCD Estas dicas são extensíveis a TVs e MONITORES que utilizam lâmpadas CCFL de retro-iluminação (Backlight). INVERTER OU PCI

Leia mais

Monitores Séries LG. LG Mobile Communications. Monitores LG E50 Series

Monitores Séries LG. LG Mobile Communications. Monitores LG E50 Series Monitores Séries LG LG Mobile Communications Monitores LG Tecnologia - Display LCD / LED Economize Dinheiro! Uma economia de 30% no seu bolso. Consome 30% menos energia. 1,7 cm A Natureza Agradece! Não

Leia mais

LCD (LiquidCrystal Display) Alex Vidigal Bastos www.decom.ufop.br/alex/ alexvbh@gmail.com

LCD (LiquidCrystal Display) Alex Vidigal Bastos www.decom.ufop.br/alex/ alexvbh@gmail.com LCD (LiquidCrystal Display) Alex Vidigal Bastos www.decom.ufop.br/alex/ alexvbh@gmail.com 1 Sumário Introdução Displays LCD Características dos Displays LCD Sobre o Hardware (LCD) Funções dos pinos do

Leia mais

Introdução à Tecnologia LCD

Introdução à Tecnologia LCD Introdução à Tecnologia LCD Elaborado por: -Alexandre Hoshiba -Manuel Costa -Mauricio Rizzi Objetivos: Prover conhecimentos sobre os princípios de funcionamento da tecnologia LCD assim como seus principais

Leia mais

15,6 18,5 19,5 21,5. Monitor LED Série 70. Simplificando a vida.

15,6 18,5 19,5 21,5. Monitor LED Série 70. Simplificando a vida. Intensamente LED. Incrivelmente inteligente. 15,6 18,5 19,5 21,5 Monitor LED Série 70 plificando a vida. Textura Hair Line Textura Hair Line Textura de aço escovado na moldura. Textura de fibras Textura

Leia mais

Monitores Profissionais LFD

Monitores Profissionais LFD Monitores Profissionais LFD A linha de Monitores LFD (Large Format Display) com tamanhos de 32, 40, 46" e 55 dispõe de alto MTBF, dissipação de calor interno, tecnologia de prevenção anti-marcas, bloqueio

Leia mais

DRIVING BOOK Back Offi ce Front Offi ce Online System

DRIVING BOOK Back Offi ce Front Offi ce Online System DRIVING BOOK Back Office Front Office Online System Front Office 1 2 Start Screen Front Office 1 - Next Activities 2 - Categories - Attention - Find Booking Display upcoming activities to have be- All

Leia mais

MANUAL BÁSICO DE INSTRUÇÕES

MANUAL BÁSICO DE INSTRUÇÕES MANUAL BÁSICO DE INSTRUÇÕES ANTES DE LIGAR O DISPOSITIVO, AJUSTE A CHAVE SELETORA DE TENSÃO, LOCALIZADA NA PARTE INTERNA DO APARELHO, CONFORME ILUSTRAÇÃO 13. 1 O display informa hora/minuto intercalado

Leia mais

Suporta os microcontroladores: R. Leonardo da Vinci, 883 - Campinas/SP CEP 13.077-009 F.: (19) 4141.3351 / 3304.1605

Suporta os microcontroladores: R. Leonardo da Vinci, 883 - Campinas/SP CEP 13.077-009 F.: (19) 4141.3351 / 3304.1605 Suporta os microcontroladores: PIC16F877A, PIC18F452, PIC18F4520, PIC18F4550, PIC 18F876A, PIC18F252, PIC18F2550 e outros com 28 e 40 pinos O Kit de desenvolvimento ACEPIC PRO V2.0 foi projetado tendo

Leia mais

MetaTrader 4/5 para Android. Guia de Utilização

MetaTrader 4/5 para Android. Guia de Utilização 1 MetaTrader 4/5 para Android Guia de Utilização 2 Conteúdo Como baixar o aplicativo MT4/ 5 App para Android... 3 Como logar à uma conta Real ou criar uma conta Demo... 3 1. Cotações... 4 a. Como adicionar

Leia mais

HMI Caracteristicas e extensões utilizando FT View ME v6.1 e PanelView Plus 6

HMI Caracteristicas e extensões utilizando FT View ME v6.1 e PanelView Plus 6 HMI Caracteristicas e extensões utilizando FT View ME v6.1 e PanelView Plus 6 Dangelo Ávila Gerente de Produto Email: dmavila@ra.rockwell.com Cel: (021) 98207-5700 PUBLIC PUBLIC - 5058-CO900H Agenda 1.

Leia mais

Estratégias Kodak para Brasil e Região. Emerson Stein

Estratégias Kodak para Brasil e Região. Emerson Stein Estratégias Kodak para Brasil e Região Emerson Stein Agenda Um pouco sobre a Kodak Mercado Gráfico Brasileiro Estratégias Kodak Planos de Crescimento no Brasil O mercado gráfico tem percebido uma maior

Leia mais

O Azul do Mar. The blue of the sea. Desfrute ao máximo todos os momentos. Enjoy every moment to the most

O Azul do Mar. The blue of the sea. Desfrute ao máximo todos os momentos. Enjoy every moment to the most O Azul do Mar Desfrute ao máximo todos os momentos Enjoy every moment to the most Localização geográfica privilegiada, diante das águas cristalinas do Atlântico e a poucos minutos de uma viagem pelo património

Leia mais

Marketing de Atribuição. P r o p r i e t a r y & C o n f i d e n t i a l

Marketing de Atribuição. P r o p r i e t a r y & C o n f i d e n t i a l Marketing de Atribuição O QUE É ATRIBUIÇÃO? Atribuição é a prática de alocar valor parcial para cada touch point (jogadores) durante a jornada do consumidor até a conversão (gol). - Econsultancy VALOR

Leia mais

FORD C-MAX + FORD GRAND C-MAX CMAX_Main_Cover_2012.25_V4.indd 1-3 03/11/2011 12:28

FORD C-MAX + FORD GRAND C-MAX CMAX_Main_Cover_2012.25_V4.indd 1-3 03/11/2011 12:28 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 12,999,976 km 9,136,765 km 1,276,765 km 499,892 km 245,066 km 112,907 km 36,765 km 24,159 km 7899 km 2408 km 76 km 12 14 16 9 10 1 8 12 7 3 1 6 2 5 4 3 11 18 20 21 22 23 24 26 28 30

Leia mais

36 Anais da Semana de Ciência e Tecnologia, Ouro Preto, v. 4, p. 1 120, 2012.

36 Anais da Semana de Ciência e Tecnologia, Ouro Preto, v. 4, p. 1 120, 2012. CONTROLE À DISTÂNCIA DE UM MOTOR UTILIZANDO RECURSOS DE VISÃO COMPUTACIONAL Matheus Henrique Almeida Nascimento 1, Gean Carlo Neves Correa 2, Cristiano Lúcio Cardoso Rodrigues 3 e Sílvia Grasiella Moreira

Leia mais

ISCC General Assembly 2011 Brussels, February 8, 2011

ISCC General Assembly 2011 Brussels, February 8, 2011 ISCC General Assembly 2011 Brussels, February 8, 2011 Sustainable Soy Production in Brasil the Case of Nova Mutum Lirio Lautenschlager-Mayor, Nova Mutum City - Brazil. SUSTAINABLE STANDARD PRODUCTION FOR

Leia mais

WLAN WIRELESS STATION. Manual do usuário MAIT0078R00

WLAN WIRELESS STATION. Manual do usuário MAIT0078R00 WIRELESS STATION MAIT0078R00 Manual do usuário 8 1 Especificações Técnicas PQPL-24XX CPE Proeletronic Frequência Ganho VSWR Relação Frente/costa OE/OH Polarização cruzada Impedância PQPL-2412 PQPL-2417

Leia mais

Tutorial de Monitores LCD. Por :jqs.eti.br

Tutorial de Monitores LCD. Por :jqs.eti.br Tutorial de Monitores LCD. Por :jqs.eti.br Os monitores de cristal líquido LCD ou LED se tornaram mais populares nos últimos anos e já substituiram os modelos tradicionais de tubo de imagem (CRT) com muitas

Leia mais

Cores. Judith Kelner Eduardo Albuquerque

Cores. Judith Kelner Eduardo Albuquerque Cores Judith Kelner Eduardo Albuquerque 18/08/2010 Fundamentos Absorção de Luzes Espaços de cores Imagem mono cromática requer apenas um número para indicar o brilho ou luminância de cada amostra espacial

Leia mais

VIRIO. Máquina de balancear vertical VIRIO10 VIRIO300

VIRIO. Máquina de balancear vertical VIRIO10 VIRIO300 Construção modular Tempos curtos de preparação Alta precisão Faixa de peso de 10 a 300 kg Unidade de acionamento variável e contínua Operação ergonômica Diversas aplicações possíveis Cobertura de proteção

Leia mais

TE-281 Modelagem Numérica Aplicada à Nanofotônica Aula 01 22 FEV 2016. RESUMO: Miscelânea Motivação

TE-281 Modelagem Numérica Aplicada à Nanofotônica Aula 01 22 FEV 2016. RESUMO: Miscelânea Motivação TE-281 Modelagem Numérica Aplicada à Nanofotônica Aula 01 22 FEV 2016 RESUMO: Miscelânea Motivação TE-281 Modelagem Numérica Aplicada à Nanofotônica Prof. VILSON Rosa de Almeida MOTIVAÇÃO GERAL (NANOFOTÔNICA):

Leia mais

Society Changing Needs in Advanced Materials

Society Changing Needs in Advanced Materials Society Changing Needs in Advanced Materials Evando Mirra de Paula e Silva UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais CGEE Rio de Janeiro, 26/07/2010 Available materials set a limit to the techniques

Leia mais

quarta-feira, 21 de novembro de 12

quarta-feira, 21 de novembro de 12 31.outubro.2012 Email Marketing na Era do Mobile First Está Preparado? Ricardo Longo ricardo@ftips.mobi @ricolongo quarta-feira, 21 de novembro de 12 O que eu estou fazendo aqui? quarta-feira, 21 de novembro

Leia mais

hdd enclosure caixa externa para disco rígido

hdd enclosure caixa externa para disco rígido hdd enclosure caixa externa para disco rígido USER S GUIDE SPECIFICATONS HDD Support: SATA 2.5 Material: Aluminium and plastics Input connections: SATA HDD Output connections: USB 3.0 (up to 5.0Gbps)

Leia mais

R-cam 1000 XS e R-cam 1300 XS

R-cam 1000 XS e R-cam 1300 XS Características gerais: R-cam 1000 XS e R-cam 1300 XS Equipamento completo para vídeo inspeção de poços e furos de sondagem com diâmetros de 3 até 16 Modelo R-cam 1000 XS: profundidade 1000 pés (300 metros)

Leia mais

Gerenciamento de projetos SMART GRID

Gerenciamento de projetos SMART GRID Gerenciamento de projetos SMART GRID OBJETIVO Em razão da (o): Grandiosidade e complexidade dos projetos SMART GRID Contexto econômico local e global vs. QUALIDADE dos serviços públicos. p Exigências de

Leia mais

ÍNDICE PORTUGUÊS INDEX ENGLISH

ÍNDICE PORTUGUÊS INDEX ENGLISH ÍNDICE PORTUGUÊS 1. Características... 2 2. Conteúdo da Embalagem... 3 3. Como usar o Receptor de TV Digital... 3 4. Tela de Vídeo... 6 5.Requisitos Mínimos... 6 6. Marcas Compatíveis... 8 INDEX ENGLISH

Leia mais

Multiplexação de Displays

Multiplexação de Displays Multiplexação de Displays D.T. e J.R.B./200 (revisão) E.T.M./2003 (revisão da parte experimental) E.T.M./200 (revisão) E.T.M./2006 (revisão) RESUMO Nesta experiência são apresentados alguns conceitos sobre

Leia mais

Revista Intellectus Ano VIII Nº. 21

Revista Intellectus Ano VIII Nº. 21 DIMENSIONAMENTO DE SISTEMAS FOTOVOLTAICOS COM DIFERENTES ACUMULADORES ELETROQUÍMICOS DE ENERGIA Comparative study of different batteries technology for photovoltaic systems DIAS JR., Luiz Eduardo Ferreira

Leia mais

Televisores LCD 20DL74/LC1510Z/LC2010Z Dicas de Reparo

Televisores LCD 20DL74/LC1510Z/LC2010Z Dicas de Reparo A 8/4/9 INFORMATIVO TÉCNICO TEC 7/9 Televisores LCD 2DL74/LC151Z/LC21Z Dicas de Reparo Este Informativo apresenta um conjunto de dicas de reparo baseado no Televisor LCD 2DL74, o mesmo serve também de

Leia mais

ILUMINAÇÃO NO BRASIL: TECNOLOGIAS, CENÁRIOS, INFRA-ESTRUTURA

ILUMINAÇÃO NO BRASIL: TECNOLOGIAS, CENÁRIOS, INFRA-ESTRUTURA ILUMINAÇÃO NO BRASIL: TECNOLOGIAS, CENÁRIOS, INFRA-ESTRUTURA Elvo Calixto Burini Junior Emerson Roberto Santos São Paulo, 10/Jun./2013, 12h40 min. 1 Área Total: 49.092 m 2 67 %: Área Verde, 32.874 m 2

Leia mais

Modelo GC 2109 T. Família GC 2009 Microcontrolado Indicador Digital de Temperatura 1/8 DIN - 98 x 50mm

Modelo GC 2109 T. Família GC 2009 Microcontrolado Indicador Digital de Temperatura 1/8 DIN - 98 x 50mm Modelo T Família GC 2009 Microcontrolado 1/8 DIN - 98 x 50mm Os Indicadores Digitais de Temperatura da Família GC 2009 são instrumentos precisos e compactos, baseados na moderna tecnologia dos microcontroladores,

Leia mais

Credenciamento de Luminárias LED

Credenciamento de Luminárias LED Credenciamento de Luminárias LED Credenciamento de Luminárias LED para apoio à PPP de IP em SP 03-junho-2015 Agenda Atividade Apresentação sobre a Metodologia de credenciamento Coffee-break (Agendar sala

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação. Por. Ana Margarida Nisa Vintém

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação. Por. Ana Margarida Nisa Vintém UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação Relatório de estágio apresentado à Universidade Católica Portuguesa para obtenção do

Leia mais

Step by step guide Activity #3 2015, january

Step by step guide Activity #3 2015, january BUSINESS SIMULATION GAME Step by step guide Activity #3 2015, january o que Cada membro da equipe fará:: Diretor Tarefa a fazer Tarefa que será feita em alguns casos PRESIDENTE Tarefa 3 DIRETOR DE MARKETING

Leia mais

MANUAL DE INSTRUCCIONES CONTROL REMOTO AA-5454

MANUAL DE INSTRUCCIONES CONTROL REMOTO AA-5454 MANUAL DE INSTRUCCIONES CONTROL REMOTO AA-5454 ESTIMADO CLIENTE Con el fin de que obtenga el mayor desempeño de su producto, por favor lea este manual de instrucciones cuidadosamente antes de comenzar

Leia mais

MATEMÁTICA REPLAY! matematicareplay.wordpress.com. Christine Córdula Dantas - 16/03/12. Números Racionais, Frações e Representações em Figuras

MATEMÁTICA REPLAY! matematicareplay.wordpress.com. Christine Córdula Dantas - 16/03/12. Números Racionais, Frações e Representações em Figuras MATEMÁTICA REPLAY! matematicareplay.wordpress.com Christine Córdula Dantas - 6/0/ Números Racionais, Frações e Representações em Figuras Definição : Números racionais são aqueles que podem ser escritos

Leia mais

INFORMÁTICA PARA ADMINISTRAÇÃO I

INFORMÁTICA PARA ADMINISTRAÇÃO I CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ INFORMÁTICA PARA ADMINISTRAÇÃO I Unidade II O usuário se comunica com o núcleo do computador (composto por CPU e memória principal) através de dispositivos de entrada

Leia mais

Instalação do encosto. Recursos. Como usar os tubos adaptadores. Estrutura do produto. Sistema de Som

Instalação do encosto. Recursos. Como usar os tubos adaptadores. Estrutura do produto. Sistema de Som MANUAL Instalação do encosto Sistema de Som Recursos Disponível em preto, cinza Hastes de montagem ajustáveis para encaixe em qualquer assento Hastes ajustáveis a partir de 4 polegadas de distância a 8

Leia mais

Prof. Célio Conrado 1

Prof. Célio Conrado 1 O usuário se comunica com o núcleo do computador (composto por CPU e memória principal) através de dispositivos de entrada e saída (dispositivos de E/S). Todo objeto que faz parte do sistema e tem por

Leia mais

Slide do Prof. Silvio Meira. http://www.innosight.com/documents/diprimer.pdf

Slide do Prof. Silvio Meira. http://www.innosight.com/documents/diprimer.pdf Slide do Prof. Silvio Meira http://www.innosight.com/documents/diprimer.pdf Slide do Prof. Silvio Meira http://www.innosight.com/documents/diprimer.pdf Slide do Prof. Silvio Meira Slide do Prof. Silvio

Leia mais

O PRíNCIPE FELIZ E OUTRAS HISTóRIAS (EDIçãO BILíNGUE) (PORTUGUESE EDITION) BY OSCAR WILDE

O PRíNCIPE FELIZ E OUTRAS HISTóRIAS (EDIçãO BILíNGUE) (PORTUGUESE EDITION) BY OSCAR WILDE Read Online and Download Ebook O PRíNCIPE FELIZ E OUTRAS HISTóRIAS (EDIçãO BILíNGUE) (PORTUGUESE EDITION) BY OSCAR WILDE DOWNLOAD EBOOK : O PRíNCIPE FELIZ E OUTRAS HISTóRIAS (EDIçãO Click link bellow and

Leia mais

Pedro Barquinha. e-mail: pmcb@fct.unl.pt

Pedro Barquinha. e-mail: pmcb@fct.unl.pt Óxidos(semi) (semi)condutores: uma(r) (r)evoluçãonaelectrónica Pedro Barquinha Departamentode Ciênciados Materiais, CENIMAT/I3N, Faculdadede Ciênciase TecnologiadaUniversidadeNova de Lisboa, Campus de

Leia mais

Televisores e Monitores de Plasma e LCD

Televisores e Monitores de Plasma e LCD Televisores e Monitores de Plasma e LCD Marcelo de Souza Freitas Mestrado em Telecomunicações Universidade Federal Fluminense (UFF) Niterói RJ Brasil msfreitas1@oi.com.br Resumo. Este artigo descreve o

Leia mais

Cap9) Circuitos Lógicos MSI

Cap9) Circuitos Lógicos MSI Cap9) Circuitos Lógicos MSI As informações e os dados são codificados em binário e são continuamente submetidos a diversas operações. Inúmeros CI s que realizam estas operações estão presentes na categoria

Leia mais

Cutting Behavior and Process Monitoring During Grinding of Ceramics Using CVD-Tools - GRINDADVCER -

Cutting Behavior and Process Monitoring During Grinding of Ceramics Using CVD-Tools - GRINDADVCER - Cutting Behavior and Process Monitoring During Grinding of Ceramics Using CVD-Tools - GRINDADVCER - Prof. Dr. Eng. Rodrigo Lima Stoeterau Structure Objectives Working team Working projects development

Leia mais

Design de Multimédia e Interacção

Design de Multimédia e Interacção índice 1. Interacção 1.1 Definições 2.1 Definições 2.2 Definições - diagrama 1 2.3 Definições - sumário 2.4 Princípios - diagrama 2 2.5 So, What is Interaction Design? Bibliografia 1. Interacção 1.1 Definições

Leia mais

Soluções para SMART CITIES. Nuno Alves

Soluções para SMART CITIES. Nuno Alves Soluções para SMART CITIES Nuno Alves Agenda Contexto Organizacional Conceito e Objetivos Intergraph Smart Cities 12/7/2014 2014 Intergraph Corporation 2 Intergraph Corporation Intergraph Intergraph helps

Leia mais

Áudio - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - Design - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Áudio - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - Design - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - LED LCD LM6700 (55 / 47 / 42 ) Diferenciais LG - - - - - - - - - - - - - - - - - - Smart TV: é o que há de mais avançado em Smart TV. Fácil de usar, possui a maior loja de aplicativos do mercado, com inúmeros

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE. Valmir Fernandes Junior. Detecção e Rastreamento de Íris para Implementação de Interface Homem- Computador

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE. Valmir Fernandes Junior. Detecção e Rastreamento de Íris para Implementação de Interface Homem- Computador UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Valmir Fernandes Junior Detecção e Rastreamento de Íris para Implementação de Interface Homem- Computador 1 VALMIR FERNANDES JUNIOR DETECÇÃO E RASTREAMENTO DE ÍRIS

Leia mais

Energy Intelligence. Tiago Fonseca Gerente de Produtos Controles Industriais, Sensores e Segurança PUBLIC

Energy Intelligence. Tiago Fonseca Gerente de Produtos Controles Industriais, Sensores e Segurança PUBLIC Energy Intelligence Tiago Fonseca Gerente de Produtos Controles Industriais, Sensores e Segurança PUBLIC PUBLIC - 5058-CO900H PUBLIC 2 Motivadores de uma Produção Sustentável Add this flow to next slide

Leia mais

ACESSO FÁCIL A MAIS DE 30 000 PRODUTOS PARA ENVIO NO PRÓPRIO DIA. ENTREGA GRATUITA PARA ENCOMENDAS SUPERIORES A 500 * S.28224 Bateria de 12 V

ACESSO FÁCIL A MAIS DE 30 000 PRODUTOS PARA ENVIO NO PRÓPRIO DIA. ENTREGA GRATUITA PARA ENCOMENDAS SUPERIORES A 500 * S.28224 Bateria de 12 V MAIO - AGOSTO DE 2012 ACESSO FÁCIL A MAIS DE 30 000 PRODUTOS PARA ENVIO NO PRÓPRIO DIA. ENTREGA GRATUITA PARA ENCOMENDAS SUPERIORES A 500 * CÂMARA RETROVISORA DIGITAL SEM FIOS TRACTORCAM O kit completo

Leia mais

Monitor ou TV com altíssima qualidade de imagem. A escollha é sua.

Monitor ou TV com altíssima qualidade de imagem. A escollha é sua. Monitor ou TV com altíssima qualidade de imagem. A escollha é sua. Full HD Receptor Digital HDMI Música Foto 2,5 Alta resolução e novo design para você usar como quiser. 2,5 2,5 Painel LED livre de Hg

Leia mais

XD20H/J EXcelenteDinâmica Diversidade Desenvolvimento. Machine Tool Division R&D Team

XD20H/J EXcelenteDinâmica Diversidade Desenvolvimento. Machine Tool Division R&D Team XD20H/J EXcelenteDinâmica Diversidade Desenvolvimento Machine Tool Division R&D Team Contents 1. 1. Objetivos do do Desenvolvimento 2. 2. Especificação 3. 3. Características 4. 4. Aplicação 2/19 Objetivos

Leia mais

Manual do Utilizador BenQ DC 5330 1.2.2. Traseira Vista LED de Energia/Flash Visor Monitor LCD TFT Botão do Zoom Botão do Monitor Botão de Cinco Lados 1.2.3. Superior Vista Botão de Energia Botão de Selecção

Leia mais

MT BOOKING SYSTEM BACKOFFICE. manual for management

MT BOOKING SYSTEM BACKOFFICE. manual for management MT BOOKING SYSTEM BACKOFFICE manual for management BACKOFFICE BACKOFFICE Últimas Reservas Latest Bookings 8 7 6 3 2 2 Configurações Configuration - pag. 3 Barcos Boats - pag.8 Pessoal Staff - pag.0 Agentes

Leia mais

RANDAL KULAIF. Vendas Corporativas

RANDAL KULAIF. Vendas Corporativas Produto Foto Descrição G4 Lampada Led G4 Bipino 1,5 Wa s Para Lustre E Pendentes - BRANCO FRIO - BRANCO QUENTE 110V G9 Lâmpada Led Halopim G9 - Para Lustres E Pendentes - 3w - opção Frio ou Quente - Ângulo

Leia mais

Wiki::Score A Collaborative Environment For Music Transcription And Publishing

Wiki::Score A Collaborative Environment For Music Transcription And Publishing Wiki::Score A Collaborative Environment For Music Transcription And Publishing J.J. Almeida 1 N.R. Carvalho 1 J.N. Oliveira 1 1 Department of Informatics, University of Minho {jj,narcarvalho,jno}@di.uminho.pt

Leia mais

Mesa redonda Impressão 3D e os desafios das Tecnologias Assistivas

Mesa redonda Impressão 3D e os desafios das Tecnologias Assistivas Mesa redonda Impressão 3D e os desafios das Tecnologias Assistivas Jorge Vicente Lopes da Silva Campinas 05/06/2014 Exemplo 1. Telefone celular simplificado (BLOB) para pessoas idosas Cat TA: 1 - Auxílio

Leia mais

APLICAÇÕES DE NEGÓCIOS KYOCERA. Presented By: Felipe Mori Departamento: Soluções/TI KYOCERA Document Solutions Brazil

APLICAÇÕES DE NEGÓCIOS KYOCERA. Presented By: Felipe Mori Departamento: Soluções/TI KYOCERA Document Solutions Brazil APLICAÇÕES DE NEGÓCIOS KYOCERA Presented By: Felipe Mori Departamento: Soluções/TI KYOCERA Document Solutions Brazil PORQUE UTILIZAR APLICAÇÕES DE NEGÓCIOS? Soluções em gestão de documentos Impressão para

Leia mais

Viagem a Serra da Estrella PDF

Viagem a Serra da Estrella PDF Viagem a Serra da Estrella PDF ==>Download: Viagem a Serra da Estrella PDF ebook Viagem a Serra da Estrella PDF - Are you searching for Viagem a Serra da Estrella Books? Now, you will be happy that at

Leia mais

Business Process Management «A Era da Agilidade»

Business Process Management «A Era da Agilidade» Business Process Management «A Era da Agilidade» Carlos Vasconcelos Pre Sales Manager cvasconcelos@datacomp.pt www.datacomp.pt Lisboa, 30 de Setembro de 2008 Evento IDC: BPM & BI Centro Cultural de Belém

Leia mais

EPUSP PCS 2011/2305/2355 Laboratório Digital. Displays

EPUSP PCS 2011/2305/2355 Laboratório Digital. Displays Displays Versão 2015 1. Displays em Circuitos Digitais É inegável a importância de displays, pois são muito utilizados nos mais variados equipamentos de todas as áreas, como por exemplo, de instrumentação

Leia mais

Manual de normas gráficas Graphic guidelines handbook 2008

Manual de normas gráficas Graphic guidelines handbook 2008 Manual de normas gráficas Graphic guidelines handbook 2008 Introdução Introduction Este documento fornece as normas para a correcta utilização e reprodução da Identidade Visual da Cavalum SGPS, S.A. Serve

Leia mais

Session 8 The Economy of Information and Information Strategy for e-business

Session 8 The Economy of Information and Information Strategy for e-business Session 8 The Economy of Information and Information Strategy for e-business Information economics Internet strategic positioning Price discrimination Versioning Price matching The future of B2C InformationManagement

Leia mais

Seu manual do usuário AMAZON AMZ TL50 http://pt.yourpdfguides.com/dref/2671490

Seu manual do usuário AMAZON AMZ TL50 http://pt.yourpdfguides.com/dref/2671490 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para AMAZON AMZ TL50. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a AMAZON AMZ TL50

Leia mais

Descrição Geral 04. Descrição Geral 05. Programação 06. Funcionamento 07. Funcionamento 08. Funcionamento 09. Funcionamento 10

Descrição Geral 04. Descrição Geral 05. Programação 06. Funcionamento 07. Funcionamento 08. Funcionamento 09. Funcionamento 10 Parabéns por ter adquirido um dos produtos da empresa Fertron, uma empresa que tem orgulho de ser brasileira, atendendo clientes em todo o território nacional e também em diversos países. Nossa meta é

Leia mais

Lançamento Philips Signage Solu3ons para o Mercado Brasileiro

Lançamento Philips Signage Solu3ons para o Mercado Brasileiro Lançamento Philips Signage Solu3ons para o Mercado Brasileiro Tendência de Crescimento do Mercado Global 9.000.000 8.000.000 7.000.000 29% 6.000.000 5.000.000 4.000.000 3.000.000 2.000.000 1.000.000 25%

Leia mais

Tese apresentada para obtenção do grau de Mestre em Engenharia Civil pela Universidade da Beira Interior, sobre a orientação de:

Tese apresentada para obtenção do grau de Mestre em Engenharia Civil pela Universidade da Beira Interior, sobre a orientação de: Tese apresentada para obtenção do grau de Mestre em Engenharia Civil pela Universidade da Beira Interior, sobre a orientação de: Prof. Doutor. João Carlos Gonçalves Lanzinha Prof. Auxiliar do Departamento

Leia mais

versão 2.0 do BABOK Cover this area with a picture related to your presentation. It can

versão 2.0 do BABOK Cover this area with a picture related to your presentation. It can Uma visão geral da versão 2.0 do BABOK Cover this area with a picture related to your presentation. It can be humorous. Make sure you look at the Notes Pages for more information about how to use the template.

Leia mais

A Solução de Reciclagem de Residuos de Eletrônicos da USP Perspectiva CEDIR & LASSU

A Solução de Reciclagem de Residuos de Eletrônicos da USP Perspectiva CEDIR & LASSU A Solução de Reciclagem de Residuos de Eletrônicos da USP Perspectiva CEDIR & LASSU Tereza Cristina M. B. Carvalho Coordenadora Geral CEDIR e LASSU/PCS/EPUSP Assessora de Projetos Especiais CTI -USP terezacarvalho@usp.br

Leia mais

siempre creciendo sempre a crescer forever growing

siempre creciendo sempre a crescer forever growing siempre creciendo sempre a crescer forever growing Inovar, crescer, valor e qualidade são atributos que cada vez mais têm que estar associados à ATZ, junto dos seus Clientes Empresários. Assim, no sentido

Leia mais

Matrix HDMI 4x2 Control EDID/RS232 (GB.42.2014)

Matrix HDMI 4x2 Control EDID/RS232 (GB.42.2014) Matrix HDMI 4x2 Control EDID/RS232 (GB.42.2014) Versão 2013.06.11 Você acaba de adquirir um produto AV LIFE!!! Não deixe de acessar nosso site www.avlife.com.br para ficar por dentro das novidades, assistir

Leia mais

Figura 01 Visão Geral da Placa

Figura 01 Visão Geral da Placa 1. Hardware O kit de FPGA é formado por periféricos que possibilitam sua interação com sinais de áudio, display gráfico e alfanumérico, comunicação serial e USB, codec de áudio, chaves para simulação e

Leia mais

COMO ESCREVER PARA O ENEM: ROTEIRO PARA UMA REDAçãO NOTA (PORTUGUESE EDITION) BY ARLETE SALVADOR

COMO ESCREVER PARA O ENEM: ROTEIRO PARA UMA REDAçãO NOTA (PORTUGUESE EDITION) BY ARLETE SALVADOR Read Online and Download Ebook COMO ESCREVER PARA O ENEM: ROTEIRO PARA UMA REDAçãO NOTA 1.000 (PORTUGUESE EDITION) BY ARLETE SALVADOR DOWNLOAD EBOOK : COMO ESCREVER PARA O ENEM: ROTEIRO PARA UMA SALVADOR

Leia mais