Jornal do Sinsjustra. Plano de Carreira e Assédio Moral em debate. Reenquadramento será pago com conclusão de cálculos

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Jornal do Sinsjustra. Plano de Carreira e Assédio Moral em debate. Reenquadramento será pago com conclusão de cálculos"

Transcrição

1 Jornal do Sinsjustra Informativo do Sindicato dos Servidores da Justiça do Trabalho dos Estados de Rondônia e Acre Ano III Nº 12 - Maio de 2008 Plano de Carreira e Assédio Moral em debate Fátima Marissue e Ramiro Lopez tiram as dúvidas dos servidores da Justiça Federal Reenquadramento será pago com conclusão de cálculos O reenquadramento (Lei , de 15 de dezembro de 2006 artigo 22) dos servidores do Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região será efetivado logo que os cálculos dos direitos que cada um tem sejam concluídos pela Secretaria de Orçamento e Finanças da Instituição, A garantia foi dada no dia 7 de maio pela Juíza Maria Cesarineide de Souza Lima - no exercício da presidência do Sinsjustra na Plenária da Fenajufe Regional - à presidente do Sindicato dos Servidores da Justiça do Trabalho de Rondônia e Acre, Fátima Marissue Martins Rodrigues que, no dia 20 de maio, requereu oficialmente à SOF informações e o secretário Raimundo José Zacarias lhe garantiu concluir todo levantamento no prazo de 120 dias, beneficiando os concursados do ano de Convênios para Página 3 sindicalizados Página 2 Página 6 O Sinsjustra intensificou debate sobre o Plano de Carreira do Judiciário Federal, bem como sobre possíveis práticas de assédio moral no ambiente de trabalho, além de outras questões de interesse dos servidores. No período de 14 a 16 deste mês de maio, foram realizadas três grandes reuniões. A capital acreana, Rio Branco, sediou o primeiro encontro (dia 14); Porto Velho, capital de Rondônia, o segundo (dia 15), e Rolim de Moura, município de Rondônia, fechou a série (dia 16). Fátima Marissue e Ociney Sobreira, presidente e secretário-geral do Sinsju stra, coordenaram toda programação dos encontros. Ramiro Lopez, coordenador-geral da Fenajufe, proferiu palestras e dirimiu dúvidas, enquanto que João Bosco deu o apoio jurídico. Páginas 4 e 5 Plano Unimed com reajuste mínimo Como resultado de reuniões entre as diretorias do Sinsjustra e da Unimed, mantenedora dos planos de saúde de assistência médico-hospitalar, os servidores da Justiça do Trabalho de Rondônia e Acre, filiados ao Sinsjustra, tiveram a aplicação de reajuste mínimo 5,76% - índice autorizado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) em seus respectivos planos de saúde Unimed/Rondônia/ Nacionall. A proposta inicial para a correção era de 20,27%. Os novos valores serão cobrados a partir deste mês de maio de Página 7

2 Página 2 Jornal do Sinsjustra Maio 2008 Sinsjustra vislumbra possível prática de assédio moral Com o propósito de deliberar sobre processos administrativos e judiciais de interesse dos servidores, campanha nacional contra o assédio moral e outros assuntos do interesse da categoria, a diretoria do Sinsjustra (Sindicato dos Servidores da Justiça do Trabalho de Rondônia e Acre) realizou na noite de 25 do mês de abril, no município de Ariquemes (RO), no auditório do Velerius Palace Hotel, reunião com os sindicalizados que atuam na 3ª Circunscrição da Justiça do Trabalho da 14ª Região, que engloba as localidades de Ariquemes, Jaru, Machadinho do Oeste e Buritis. Durante o encontro, que durou cerca de três horas, foram relatadas aos dirigentes do Sinsjustra situações diversas que vêm acontecendo nas Varas do Trabalho daquela região do Estado de Rondônia. Os diretores do Sindicato, na ocasião, esclareceram a todos que o assédio moral consiste na exposição dos trabalhadores a situações humilhantes e constrangedoras, de menosprezo, inferioridade, culpabilidade, descrédito diante dos colegas e outras situações vexatórias e que, geralmente, as atitudes do assediador acontecem com certa freqüência, durante o horário de trabalho, ofendendo a dignidade ou integridade física do trabalhador e que, na maioria dos casos, o Na Plenária Nacional da Fenajufe O diretor do Departamento Jurídico do Sinsjustra, Eldo Oliveira da Silva, participou da XIV Plenária Nacional da Fenajufe. O evento, realizado no período de 28 a 30 de março, na cidade de Recife, no Estado de Pernambuco, serviu para discussão e deliberação da categoria sindical acerca de assuntos diversos, bem como houve o 1º Encontro Nacional sobre Plano de Carreira do Judiciário Federal. Eldo Oliveira da Silva assistiu a palestra proferida por Flávio Tonelli Assessor Técnico da Câmara dos Deputados - que defendeu a tese de que o Plano de Carreira deve se distinguir de plano salarial. Disse que o Plano deve estar inserido no papel do Estado e em relação à prestação de serviços à sociedade e deve criar critérios para o escalonamento de cargos. Como o Plano deve se criar critérios mais objetivos para cursos de aperfeiçoamento. Na exposição, o palestrante afirmou que o RJU Regime Jurídico Único - não sofreu revogação ou extinção. O que houve foi apenas uma emenda de redação no Congresso Nacional que acabou por mitigar sua eficácia ou alterar sua denominação. Mas o RJU ainda permanece em seus efeitos. assediador ocupa cargo de chefia e possui uma relação hierárquica quanto aos demais funcionários. Ante as explicações, vislumbrou-se a possibilidade de ocorrência da prática de constrangimento e assédio moral, bem como a banalização na prática de processos de sindicâncias contra servidores na 3ª Circunscrição, já que houve a colocação de que há servidores que estão demonstrando a perda do interesse pelo trabalho e se encontram desestabilizados emocionalmente, provocando o agravamento de moléstias já existentes e favorecendo o surgimento de novas doenças, refletindo no ambiente de trabalho. Diante de tais fatos, a diretoria do Sinsjustra, de imediato, procurou a presidência do Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região para dar conhecimento e pedir providências. Manteve contato com a Juíza Maria Cesarineide no exercício da presidência do TRT que prometeu levar a preocupação do Sinsjustra ao conhecimento do Juiz-Preidente, Carlos Lobo. A direção do Sindicato encaminhou o assunto para conhecimento da Fenajufe (Federação Nacional dos Servidores da Justiça Federal e do Ministério Público da União) para deliberação e adoção de providências cabíveis junto aos órgãos competentes. Eldo Oliveira participando da Plenária da Fenajufe Em relação à XIV Plenária Nacional da Fenajufe, o diretor do Sinsjustra destacou os temas debatidos pelas entidades sindicais filiadas (A ndes/sn, Fasubra S indical e Condsef), cujo propósito foi definir as diretrizes que devem nortear a construção do Plano de Carreira dos servidores do Judiciário Federal e MPU. O coordenar-geral da Fenajufe, Ramiro López, assegurou que o objetivo é finalizar uma proposta elaborada até novembro deste ano. Citou pontos de combate ao assédio moral e a perspectiva para ascensão funcional a servidores, fim de apadrinhamentos, jornada de 06 horas e respeitar as especificidades de certos segmentos da categoria. Manaus/AM vai sediar a XV Plenária. A data ainda será definida pela diretoria da Fenajufe. Expediente Jornal do Sindicato dos Servidores da Justiça do Trabalho dos Estados de Rondônia e Acre Ano 03 nº 12 Maio de 2008 DIRETORIA PRESIDENTE Fátima Marissue Martins Rodrigues VICE-PRESIDENTE Roberto Melo de Mesquita SECRETÁRIO GERAL Ociney Sobreira da Silveira 1º SECRETÁRIO Romão Garcia 2º SECRETÁRIO Estácio Trajano Borges 1º TESOUREIRO José Hélio dos Santos 2º TESOUREIRO Antônio Batista de Souza DEPARTAMENTO DE ASSISTÊNCIA E BENEFÍCIOS Amélia Eluminada Secotti Barioni Myrian Ribeiro de Queiroz DEPARTAMENTO DE CULTURA E PROMOÇÃO SOCIAL Roberto Carlos Moreira Sílvia Emília Miranda DEPARTAMENTO DE PATRIMÔNIO Orlandino de Souza Rego Reginaldo dos Reis Brito DEPARTAMENTO JURÍDICO Eldo Oliveira da Silva Raimundo Torres Filho DEPARTAMENTO DE INTERIOR Jorge Batista dos Santos Paulo Mesquita DEPARTAMENTO DE ESPORTE E LAZER Alexandre Passos Nascimento Sérgio de Matos Lima DEPARTAMENTO DE COMUNICAÇÃO E IMPRENSA Ana Rosa Demétrio Torres Glória Maria Martins Dore Jornalista: Carlos Neves de Araújo Reg. 040 DRT/RO Endereço: Sinsjustra RO/AC Rua José de Alencar, nº Aptº 103 Edifício Solar dos Guerreiros Porto Velho (RO) Centro. CEP Fone: (069)

3 Página 3 Jornal do Sinsjustra Maio 2008 REENQUADRAMENTO DOS SERVIDORES Pagamento depende da conclusão dos cálculos Assim que os cálculos dos direitos que cada um tem sejam concluídos pela Secretaria de Orçamento e Finanças da Instituição, o reenquadramento (Lei , de 15 de dezembro de 2006 artigo 22) dos servidores do Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região será efetivado. A garantia foi dada no dia 7 de maio pela Juíza Maria Cesarineide de Souza Lima - no exercício da presidência do Regional - à presidente do Sindicato dos Servidores da Justiça do Trabalho de Rondônia e Acre, Fátima Marissue Martins Rodrigues. Outros assuntos também foram tratados na mesma reunião, inclusive a possível prática de assédio moral em alguns setores do TRT. Quando da reunião com o Sinsjustra, de maneira categórica, a Juíza Maria Cesarineide garantiu à presidente Fátima Marissue, que esteve acompanhada do advogado João Bosco Vieira de Oliveira, assessor jurídico do Sinsjustra, que a verba destinada para o reenquadramento já está assegurada e que, de maneira alguma, poderá ser utilizada para pagamento de outra rubrica. O dinheiro tem destinação certa e os servidores podem ficar tranqüilos que o pagamento acontecerá quando da conclusão Juíza Maria Cesarineide, presidente Fátima Marissue e o advogado João Bosco Vieira dos cálculos que estão sendo realizados pela Secretaria de Orçamento e Finanças do próprio Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região. Fátima Marissue indagou sobre a possibilidade da realização de um mutirão para a conclusão dos cálculos o quanto antes. A Juíza Maria Cesarineide considerou interessante a proposta, mas adiantou que buscará informações junto à Secretaria de Orçamento e Finanças para saber sobre a viabilidade desse trabalho. A magistrada disse que se for possível, os cálculos poderão ser agilizados, com possibilidade até de valer-se de servidores de outros setores para a efetivação do trabalho. A presidente do Sinsjustra destacou que esta dificuldade haveria se estivessem falando de servidores alheios a cálculos. Tratando-se de contadores, matématicos etc., bastaria simplesmente, traçar diretrizes e fornecer dados para a realização dos trabalhos. No dia 20 de maio, o Sinsjsutra requereu informações oficiais ao SOF sobre qual previsão e quando se pretende pagar os beneficiados. Com relação a prática de assédio moral em órgãos do Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região, a presidente do Sinsjustra relatou a Juíza o encontro que teve com servidores no interior do Estado. Disse que os dirigentes do Sindicato tiveram ciência de situações diversas que vêm acontecendo em algumas Varas do Trabalho. Relatou ainda a presidente do Sinsjustra a preocupação da entidade sindical com a banalização na prática de processos de sindicâncias contra servidores na 3ª Circunscrição. Demonstrou a Juíza Maria Cesarineide preocupação com a situação apontada e se comprometeu a levar situação ao Juiz-Presidente Carlos Lôbo. O Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região obteve crédito suplementar na ordem de R$ 6,2 milhões, estando assim divididos: R$ 1,1 milhões para a Contribuição da União à Previdência dos Servidores e R$ 5,1 milhões para o Pagamento de Pessoal Ativo (GND 1 do Proj/ Ativ Apreciação de Causas na JT). No Diário Oficial da União de 14 de abril de 2008 consta a publicação da suplementação. Ocrédito suplementar, cujos critérios gerais foram autorizados pelo Ato Conjunto no 4, pela LDO 2008, LOA 2008 e pela Portaria 6 da SOF Secretaria de Orçamento Federal, tudo indica, é para a cobertura dos gastos do Reenquadramento, pois foram cancelados R$ 103,2 milhões do Orçamento do TST, sendo que a maior parte, R$ 88,4 milhões do Projeto/Atividade, denominado de pagamento de despesas decorrentes do enquadramento previsto no art. 22 da lei no , no âmbito do Poder Judiciario-Nacional A assessoria do Sinsjustra, através do economista Washignton Luiz Moura Lima, já havia constatado a existência da dotação para esse fim, previsto no PLOA Projeto de Lei Orçamentária Anual de R$ 89,0 milhões. Além do mais, a maioria dos Tribunais do Trabalho dos Estados brasileiros já efetuou o pagamento do reenquadramento. SOF garante conclusão dos cálculos em 120 dias Raimundo Zacarias coordena os cálculos para o reenquadramento O Secretário de Orçamento e Finanças, Raimundo José Zacarias da Costa, confirmou ao SINSJUSTRA, conforme antecipado pela Presidência do TRT da 14ª Região, que já estão sendo providenciados todos os cálculos relativos aos valores retroativos devidos aos servidores reenquadrados pelo art. 22, da lei de 15 de dezembro de 2006, concursados no ano de Raimundo José Zacarias esclareceu ainda que, devido à complexidade da apuração dos cálculos, que produzirão todos os efeitos legais e financeiros desde o ingresso do servidor no quadro de pessoal, foi concedido prazo de 120 dias para a conclusão dos trabalhos. Em função disso, foi colocado à disposição da SOF um servidor da Presidência, com conhecimento em folha de pagamento, para colaborar com os demais servidores da Secretaria de Orçamento e Finanças na realização específica dos cálculos, pois há interesse e vontade para que a efetivação do reenquadramento seja feita o quanto antes. Para melhor esclarecimento dos interessados, o secretário da SOF informou que os cálculos terão reflexos direto em outras vantagens do servidor, tais como: processos de pagamento de opções por cargo efetivo ou função comissionada integral por servidor (individual); anuênios; quintos; ações de treinamento; adicional de qualificação; substituição; URV Unidade Real de Valor no percentual 11,98%; vantagens absorvidas; reflexos nas férias e no 13.º salário. Os servidores que estão participando da elaboração dos cálculos, em ritmo de mutirão, não medem esforços e estão desempenhando suas atribuições com todo o empenho pessoal para que os levantamentos sejam concluídos antes do prazo estabelecido, disse Raimundo Zacarias ao assegurar que tão logo sejam concluídos os cálculos, a SOF não medirá esforços para efetuar o pagamento do reenquadramento dos servidores beneficiados pelo artigo 22 da lei /2006.

4 Página 4 Jornal do Sinsjustra Maio 2008 PLANO DE Sinsjustra e Fenajufe esclarecem propo O Sinsjustra (Sindicato dos Servidores da Justiça do Trabalho dos Estados de Rondônia e Acre) intensificou debate sobre o Plano d questões de interesse dos servidores do Judiciário Federal. No período de 14 a 16 deste mês de maio, foram realizadas três grandes reu e Rolim de Moura, município de Rondônia, fechou a série (dia 16). Fátima Marissue Martins Rodrigues e Ociney Sobreira da Silveira, presidente e secretário-geral do Sinsjustra, coordenaram toda necessários e oportunos aos servidores do Judiciário Federal, enquanto que o assessor jurídico do Sinsjustra, João Bosco Vieira de Oli Nas três cidades, amplos esclarecimentos sobre possíveis práticas de assédio moral no Judiciário Federal e profundo debate com Rodrigues, e pelo coordenador-geral da Fenajufe, Ramiro Lopez, aos servidores da Justiça do Trabalho de Rondônia e Acre e filiados d ASSÉDIO MORAL Os servidores que atuam em Rio Branco ouvem atentos as explicações A presidente Fátima Marissue esclarece sobre o assédio moral Fátima Marissue, na condição de presidente do Sinsjustra, abriu todas as reuniões. Ela falou sobre a possível prática do assédio moral no Judiciário Federal. De maneira clara, procurou informar aos servidores que essa prática consiste na exposição dos trabalhadores a situações humilhantes e constrangedoras, de menosprezo, inferioridade, culpabilidade, descrédito diante dos colegas e outras situações vexatórias. Destacou que, geralmente, as atitudes do assediador acontecem com certa freqüência, durante o horário de trabalho, ofendendo a dignidade ou integridade física do trabalhador. Na maioria dos casos, o assediador ocupa cargo de chefia e possui uma relação hierárquica quanto aos demais funcionários. A presidente do Sinsjustra esclareceu ainda que o Sindicato, nos distintos casos, só age com a permissão do servidor que se sentir assediado. Orientou para que os colegas de trabalho, na percepção de casos, não tomem partidos, mas que ajudem as partes atingidas. O assediador só se impõe sobre quem tem medo. Por isso, jamais demonstre fraqueza. Amanhã, você pode ser o próximo a ser assediado, alertou Fátima Marissue, ao explicar a diferença entre assédio moral e constrangimento. Alertou que ambos necessitam de testemunhas quando se impetra ação de reparo de dano. Em Porto Velho,os servidores debateram bastante as questões colocadas pelos palestrantes OUTROS ASS Tanto os dirigentes do Sinsjustra quanto o representante da Fenaj Federal. Por conta disso, nas três cidades (Rio Branco - AC; Porto Velho como se encontra a aplicação do Plano de Cargos e Salários; critérios de unificada no Judiciário Federal e massificação da campanha pela aprovaçã

5 Página 5 Jornal do Sinsjustra Maio 2008 CARREIRA posta aos servidores da Justiça Federal Plano de Carreira do Judiciário Federal e, também, sobre possíveis práticas de assédio moral no ambiente de trabalho, além de outras ndes reuniões. A capital acreana, Rio Branco, sediou o primeiro encontro (dia 14); Porto Velho, capital de Rondônia, o segundo (dia 15), am toda programação dos encontros. Ramiro Lopez, coordenador-geral da Fenajufe, proferiu palestras e efetuou os esclarecimentos ra de Oliveira, deu explicações pertinentes à área jurídica. te com relação a adoção ao Plano de Carreira do Judiciário Federal foram feitos pela presidente do Sinsjustra, Fátima Marissue Martins iliados do Sindjero, Ajuf e Sinsejeac. PLANO DE CARREIRA Os servidores de Rolim de Moura acompanham com atenção todas exposições Ramiro Lopez detalha a proposta do Plano de Carreira do Judiciário Com conhecimento de causa e bastante paciente, Ramiro Lopez explicou as razões que está levando a Fenajufe optar pelo Plano de Carreira no Judiciário Federal: ascensão funcional do servidor. O PCS (Plano de Cargos e Salários), que continua em vigor, define apenas três carreiras, sem a possibilidade de subida de categoria. O coordenador da Fenajufe, em suas palestras, abordou mais detalhadamente o Plano de Carreira do Judiciário Federal. Disse que, com a adoção dessa proposta, a ascensão funcional contemplará 80% dos servidores. Mas deixou claro que a aprovação do Plano de Carreira depende de alteração da Constituição ASSUNTOS da Fenajufe abriram o debate interativo com os servidores do Judiciário to Velho - RO, e Rolim de Moura -RO), houve aprofundos debates sobre ritérios de ocupação FC e CJ; ascensão funcional; Jornada de trabalho aprovação do PL 319/07. Federal. Isso nos forçará a trabalhar politicamente o assunto no Congresso Nacional. Não vejo dificuldade nisso, comentou. Ramiro Lopez ao esclarecer que já existe em tramitação do Congresso Nacional um Projeto de Emenda Constitucional que versa sobre a questão. Ele também observou que ainda há pessoas contra a ascensão funcional no Judiciário Federal. Na concepção de Ramiro Lopez, a discussão do Plano de Carreira é necessária no atual momento, pois sua efetivação só deverá acontecer em A definição da quantidade de cargos e suas atribuições ou, então, a opção por um único cargo, coisa que depende do entendimento do Supremo Tribunal Federal. Os critérios para se assumir cargos em comissão, que precisam ser restritos aos servidores de carreira. Salários justos para os cargos efetivos. Definição de onde deve haver cargos em comissão e a maior participação dos servidores do quadro efetivo na assunção desses cargos precisam ser exaustivamente debatidos antes para a inclusão no Plano da Carreira. Falou no fortalecimento dos sindicatos e comentou sobre a possibilidade da unificação dos diversos sindicatos da Justiça Federal com o propósito de diminuir gastos.

6 Página 6 Jornal do Sinsjustra Maio 2008 SINSJUSTRA CONVÊNIOS O Sinsjustra possui convênios com empresas dos mais diversos ramos para melhor atender seus associados e dependentes. A finalidade é disponibilizar a todos atendimento personalizado, sem burocracia e no menor espaço de tempo possível. Para facilitar a prestação dos serviços conveniados, o Sinsjustra solicita aos servidores da Justiça do Trabalho dos Estados de Rondônia e Acre a indicação, em seus respectivos municípios, das entidades com as quais tenham interesse na realização de outros convênios (nome da empresa, endereço e telefone), para as providências pertinentes. O objetivo é atender os associados e dependentes nos locais mais apropriados, não apenas nas capitais de Rondônia e do Acre. Os dados podem ser enviados por ou acessar a página e preencher o formulário existente. Empresas conveniadas: UNIMED Inclusão no plano Assegurada inclusão a parentes consangüíneos e parentes afins. Todas as inclusões serão realizadas com cumprimento dos prazos de carência legais: 60 (sessenta) dias para consultas e exames simples de rotina, 300 ( trezentos) dias para parto, 24 (vinte quatro) meses para doenças e lesões pré-existentes e 180 (cento e oitenta ) dias para os demais casos ( lei nº 9.656/98, artigo 12, inciso V) exceto nas situações amparadas em cláusulas contratuais. Plano Nacional Vip - Plano ambulatorial e hospitalar com obstetrícia regulamentado pela lei n /98, com cobertura geográfica nacional em regime de livre escolha, acomodação em apartamento, sem co-participação do beneficiário, na rede credenciada do Sistema UNIMED. UNIODONTO Atos cobertos pelos planos de restaurações, obturações e extração; profilaxia preventiva; tratamento e retratamento de canal tratamento gengival, cirurgias dentárias Aparelho Ortodôntico - A Uniodonto oferece a vantagem ao usuário não pagar pelo aparelho, custeando apenas a manutenção de 1/2 salário mínimo mensal e radiografias. Carência: 2 meses. Os atos não cobertos pelo plano possuem uma tabela diferenciada do particular. FARO - FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS, EXATAS E LETRAS DE RONDÔNIA Desconto de 20% no pagamento em cheque em todos os cursos de graduação e pós graduação e 10% de desconto no pagamento via boleto bancário. Basta solicitar ao Sinsjustra a declaração para obtenção do desconto. TIM - CELULAR Plano facilitado e tarifas melhores aos filiados. A TIM disponibiliza ao Sinsjustra um plano diferenciado denominado TIM CONTROLE, através do qual o associado adere a três tipos de franquias fixas sem excedentes: R$ 50,00 R$ 75,00 ou R$ 100,00. Quem controla o excedente é o próprio usuário. Ao alcançar a franquia contratada, não se efetua mais ligações, ficando a critério do usuário a comprar de cartões para recarga no comércio. O controle e fácil e o minuto é muito mais barato que no mercado. SKILL INGLÊS E ESPANHOL Curso de Inglês e espanhol em todos os níveis. UNIRON - UNIVERSIDADE INTERAMERICANA DE PORTO VELHO Cursos de graduação e pós-graduação ministrados pela UNIRON, UNIPEC e UNINTES com descontos especiais. Cursos de Graduação Bacharelado 20%. Cursos de Graduação Licenciatura 25%. Cursos de Graduação Tecnologia 15%. Cursos de Pós-Graduação oferecidos pela UNINTES 10% Fone:(69) Cursos oferecidos e respectivos descontos especiais: Gestão Empreendedora 25%, Pedagogia 25%, Arquitetura 25%, Jornalismo 30% e Direito 25%, desde que sejam no horário vespertino. ULBRA - UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL Desconto de 10% nas mensalidades até o vencimento aos associados e dependentes. A ELBRA oferece curso de graduação e pós-graduação. ADVOCACIA Drª Vanessa Azevedo Macêdo Descontos e condições especiais para os associados em qualquer dos serviços. End: rua Herbert de Azevedo, Olaria CEP: Porto Velho RO. Fone: cel COLÉGIO TERRA NOVA Desconto nas mensalidades 15% no período vespertino e 10% no período matutino. Ensino de Fundamental, Médio e preparatório ao vestibular. CURSO EXCELÊNCIA Descontos especiais para os sindicalizados em cursos preparatórios para concursos. Maiores informações SESI - SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA Descontos especiais nos serviços assistenciais do SESI: áreas de saúde, educação e lazer e também serviços educacionais de caráter técnico profissional e de qualificação. Os descontos são concedidos conforme tabela do SESI e SENAI. FGV - FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS Preços diferenciados nos cursos de pós-graduação a distância. FACULDADE SÃO LUCAS Sindicalizados e seus dependentes têm descontos especiais nos cursos de graduação oferecidos pela Faculdade São Lucas. Os alunos, para obter o benefício, devem apresentar declaração fornecida pelo Sinsjustra e ganharão os seguintes descontos: Administração (noturno) 20%, Administração Pública (noturno) 30%, Biomedicina (diurno) 20%, Ciências Biológicas (noturno) 20%, Fisioterapia (integral) 20%, Fonoaudiologia (noturno) 20%, Nutrição (diurno) 20%, Odontologia (integral) 20% e WEB (noturno) 20%. Obs: Os descontos são concedidos apenas para os alunos que estão ingressando no 1º semestre de RONDÔNIA SAT E REDE LFG Preços especiais aos associados e dependentes do Sinsjustra em Cursos Especiais e Específicos FACULDADE CATÓLICA DE RONDÔNIA - CLARETIANO Descontos de até 15% em cursos superiores e pós graduação à distância e presencial. Em Rondônia - Buritis - Centro Universitário Claretiano - fone Ji-Paraná - Paróquia São Sebastião - fone Porto Velho - Faculdade Católica de Rondônia - fone OU Rua Gonçalves Dias 290 centro. UNIDAS RENT A CAR Alugar um carro ficou mais fácil, na UNIDAS Rent a Car você tem 40% de desconto nas Locações diárias com Km livre, e 25% nas Locações mensais, sem contar na flexibilidade para pagamento: Parcelamento em 06 vezes sem juros em todos os cartões em qualquer Loja UNIDAS, e em 24 meses no Crediário BB na UNIDAS Porto Velho (sujeito a disponibilidade de limite). Reserva ou consulte pelo fone CNA Dedicado ao ensino de idiomas há mais de 30 anos, o CNA é hoje uma das maiores redes de franquias de escolas de línguas do País, com mais de 420 unidades.curso de Inglês ou Espanhol para o Básico 1 (Inglês) ou Mucho Gusto (Espanhol). Valor por estágio à R$ 750,00. Desconto Empresa 10% no estágio. Condições de pagamento à 6 parcelas iguais. Material Didático R$ 164,00. Condições de pagamento à vista

7 Página 7 Jornal do Sinsjustra Maio 2008 Sinsjustra discute manutenção do reajuste mínimo no Plano de Saúde da Unimed Os servidores da Justiça do Trabalho de Rondônia e Acre, filiados ao Sinsjustra, tiveram a aplica ção de rea juste mínimo 5,76% - índice au torizado pela Ag ência Na ciona l de Saú de Suplementar (ANS) em seus respectivos planos de saúde Unimed/Rondônia/Nacional. Os novos valores serão cobrados a partir deste mês de maio de Num a visão voltada para a responsabilidade social, o Sinsjustra, através do Núcleo de Assistência Social, organizou palestra sobre o tema Voluntários e Entidades Sociais com o um a ação de Responsabilidade Social. Ação voluntária Cerca de 33 entidades filantrópicas e servidores do TRT que integram ao programa Justiça Solidária prestigiaram o evento. Iluska Lobo (foto) foi a palestrante e, de maneira interativa, dialogou com os representantes das entidades, tendo como palco o auditório do Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região, em Porto Velho-Rondônia. Fátima Marissue Rodrigues, presidente do Sinsjustra, abriu a programação. Ela falou que o Sinsjustra, na defesa dos interesses dos servidores ativos e aposentados, possui projetos que os atendem, im plem entando ações de responsabilidade social que servem como complemento das atividades do Sindicato em relação a sua responsabilidade perante a comunidade de maneira geral. Durante a palestra, que durou mais de uma hora, Iluska Lobo abordou pontos de interesse geral tais como: o que é ação voluntária, como recrutar e principalmente como manter voluntários, lei dos voluntários e orientações. Ela, interagindo com os participantes do encontro, abriu espaço para que todos elaborassem questionamentos e fizessem relatos de suas práticas em relação a grupos de voluntários. Participaram da reunião os servidores do TRT da 14ª Região que integram a Justiça Solidária, Associação dos Moradores do Bairro Embratel, ACRIAR, Escola Dantas, ICEAL, Creche Comunitária Nossa Senhora Aparecida, AMAM, Obras Sociais Santa Marcelina, Escola Municipal Padre Geovani, Associação Comunitária e Creche Pato Donald, Comunidade S. V. Palloti, Amatec, Casa Família Rosetta, Centro Batista Moriá, Grupo Tucumã, Escola Marcelo Cândia, Apatox e Clube de Mães Miguel Ferreira. A aplicação dessa correção é resultado da posição assumida pela diretoria do Sinsjustra, que está irredutível quanto a majoração pretendida pela Unimed, mantenedora dos planos de saúde de assistência médico-hospitalar. A Unimed, com apresen tação de plan ilh as de receita ( R$ ,67) e custo (R$ ,56), levantadas no período de janeiro/2007 a dezembro/2007, analisou o desempenho financeiro do Plano Sinsjustra e apresentou déficit de R$ ,89, propondo a recomposição no percentual de 20,27%. Na defesa dos interesses dos sindicalizados, a diretoria do Sinsjustra fez ponderações e houve a aplicação do reajuste mínimo de 5,76%, em consonância aos índices autorizados pela ANS, ficando de comparar os gastos detalhados que motivou o alegado desequilíbrio financeiro entre os recebimentos e as despesas. A Unimed deseja a correção dos valores. Novos reun iões acontecerão porque o Sinsjustra quer assegurar a menor majoração possível aos seus sindicalizados. Novos valores do Plano de Saúde Com a aplicação do reajuste de 5,76% do Plano de Saúde Unimed/Rondônia/Nacional, os novos valores da s mensalidades dos sindicalizados do Sinsjustra, a partir de maio de 2008, são: Residentes no Acre e em Rondônia: De 00 18, valor com reajuste = R$ 176,92 De 19 39, valor com reajuste = R$ 189,38 De 40 58, valor com reajuste = R$ 202,62 Igual ou acima de 59 anos, valor com reajuste = R$ 215,87 Re side nt es fora da á re a do Acre e Rondônia: De 00 18, valor com reajuste = R$ 194,60 De 19 39, valor com reajuste = R$ 208,33 De 40 58, valor com reajuste = R$ 222,90 Igual ou acima de59 anos, valor com reajuste = R$ 237,46

8 Página 8 Jornal do Sinsjustra Maio 2008 Assessoria Jurídica defende e orienta os servidores Sob o comando do advogado João Bosco Vieira de Oliveira (foto), que possui uma equipe de especialistas, a Assessoria Jurídica do Sinsjustra tem desenvolvido firme e intenso trabalho na defesa dos interesses dos sindicalizados e do próprio Sindicato. Atuando com êxito desde maio de 2004, a Assessoria é vencedora de diversas ações tanto no âmbito administrativo (Processos Disciplinares) como na esfera Judicial. Com apoio da diretoria do Sinsjustra, João Bosco esclarece que a Assessoria Jurídica tem como objetivo atuar nos processos administrativos e judiciais em favor dos sindicalizados e no interesse do Sindicato, além de promover a assistência jurídica no acompanhamento dos processos administrativos de interesse do Sinsjustra, bem como nos casos de processos de sindicância e disciplinares envolvendo os seus sindicalizados, tomando medidas adequadas de interesse destes, sempre com o propósito de reclamar direitos entre outros. Orientações sobre assuntos diversos também são feitas aos servidores que procuram a Assessoria Jurídica. Nos Serviço social em prol dos sindicalizados Dentro da perspectiva de que o Serviço Social utiliza em suas intervenções instrumentos científicos das ciências humanas e sociais, o Sinsjustra implantou na estrutura organizacional do Sindicato o Núcleo de Assistência Social e, também, o Núcleo dos Aposentados, assim como a Ouvidoria Interna. A assistente social Daniele Regina Pacher (foto), que é responsável pelos serviços desenvolvidos, destaca que o objetivo de ambos é identificar e intervir sobre as questões sociais que permeiam as relações servidor x Sinsjustra. O Núcleo de Assistência tem em suas metas a aproximação e o fortalecimento nas relações entre os servidores ativos e inativos com o Sindicato. São desenvolvidas atividades baseadas na ética e na valorização do ser humano, promovendo a qualidade de vida. Atuamos com a perspectiva da realidade social, qual é constituída por demandas que são delineadas pela organização e pelo contexto que estão inseridos os servidores, comenta Daniele Pacher. fazemos presentes em todas as ações de interesse da categoria e do Sinsjustra, assegura. Com o propósito de orientar e defender os servidores, o Sinsjustra, através de sua Assessoria Jurídica, vem se fazendo presente em todos os processos administrativos instaurados. Tem apresentado defesa e recursos em todas as fases a que tramitam os processos, até a última instância administrativa. E, se for o caso, o Sinsjustra interpõe ação, na esfera Judicial, em defesa dos seus sindicalizados. O Programa de Orçamento Doméstico também faz parte do Núcleo Social. Ele envolve temas de controle, planejamento e racionalidades elementos que representam os pilares de uma vida financeira saudável -, orientando na preservação do equilíbrio econômico. Este serviço tem como objetivo conduzir o servidor sindicalizado a analisar e repensar seus métodos de controle financeiros, buscando aprimorá-los. Núcleo dos Aposentados - Realiza reuniões periódicas com palestrantes. Nos encontros são abordados temas diversos e passadas aos servidores informações jurídicas. Busca-se fortalecer a rede e a integração social do grupo, valorizando-se o segmento que tende a se afastar da organização após a aposentadoria Ouvidoria Interna - A Ouvidoria Interna é o espaço disponibilizado aos servidores. Tem como finalidade receber reclamações, denúncias, críticas, sugestões ou elogios. Ela almeja aproximar o Sinsjustra do filiado por meio de serviços de atendimento pessoal, tele-atendimento e Ouvidoria Virtual. O objetivo é proteger a categoria coletivamente. Entretanto, situações graves envolvendo sindicalizados, tais como abuso de poder por parte de superiores hierárquicos, extrapolação dos limites da urbanidade nas relações de trabalho, assédio moral, constrangimentos, etc., devem ser comunicados para adoção das providências cabíveis. Daniele Pacher ressalta que, em parceria com o Centro Claretiano, está sendo colocado em ação um programa que irá auxiliar dependentes dos servidores, de menor renda, do Tribunal Regional a terem acesso a um curso superior mediante condições diferenciadas e facilitadas. Servidor da Justiça do Trabalho fortaleça o Sinsjustra. Ele é o seu guardião. Filie-se!

LEI COMPLEMENTAR Nº 156 DE 14 DE JANEIRO DE 2010.

LEI COMPLEMENTAR Nº 156 DE 14 DE JANEIRO DE 2010. LEI COMPLEMENTAR Nº 156 DE 14 DE JANEIRO DE 2010. Dispõe sobre a transformação da Universidade Virtual do Estado de Roraima UNIVIRR, para a categoria de Fundação Pública e dá outras providências. O GOVERNADOR

Leia mais

Portaria nº 3156, de 5 de dezembro de 2013.

Portaria nº 3156, de 5 de dezembro de 2013. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 14ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais, CONSIDERANDO o Planejamento Estratégico Participativo em execução (2009/2014), aprovado pela Resolução Administrativa

Leia mais

PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE - PAS/SERPRO PERGUNTAS E RESPOSTAS

PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE - PAS/SERPRO PERGUNTAS E RESPOSTAS PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE - PAS/SERPRO PERGUNTAS E RESPOSTAS Para que todos os empregados possam ter suas dúvidas esclarecidas, os questionamentos recebidos pela Comissão Saúde serão respondidos

Leia mais

PLANO DE SAÚDE DO SERVIDOR CASU/UFMG INFORMAÇÕES PARA OS DOCENTES SOBRE O PROCESSO DE ADESÃO AO PLANO IFES III

PLANO DE SAÚDE DO SERVIDOR CASU/UFMG INFORMAÇÕES PARA OS DOCENTES SOBRE O PROCESSO DE ADESÃO AO PLANO IFES III PLANO DE SAÚDE DO SERVIDOR CASU/UFMG INFORMAÇÕES PARA OS DOCENTES SOBRE O PROCESSO DE ADESÃO AO PLANO IFES III Com esta mensagem, a Pró-Reitoria de Recursos Humanos da Universidade Federal de Minas Gerais

Leia mais

RESUMO DA 3ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO SUPERIOR EM 22 DE MAIO DE 2013

RESUMO DA 3ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO SUPERIOR EM 22 DE MAIO DE 2013 RESUMO DA 3ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO SUPERIOR EM 22 DE MAIO DE 2013 1 Expediente Retorno e ciência do parecer jurídico da Procuradoria Federal sobre a nova composição do Conselho Superior A Reitora

Leia mais

I - Técnico de Apoio Fazendário e Financeiro, integrando a categoria funcional de Profissional de Apoio Operacional;

I - Técnico de Apoio Fazendário e Financeiro, integrando a categoria funcional de Profissional de Apoio Operacional; (*) Os textos contidos nesta base de dados têm caráter meramente informativo. Somente os publicados no Diário Oficial estão aptos à produção de efeitos legais. ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL DECRETO Nº 10.609,

Leia mais

Apresentação. Prezado beneficiário,

Apresentação. Prezado beneficiário, LANOIII Apresentação Prezado beneficiário, Visando dar continuidade à prestação dos melhores serviços em saúde e promover uma melhor qualidade de vida ao beneficiário, a CompesaPrev apresenta o CompesaSaúde

Leia mais

SULAMÉRICA TRT 2ª REGIÃO / SP

SULAMÉRICA TRT 2ª REGIÃO / SP SULAMÉRICA TRT 2ª REGIÃO / SP 1. OBJETO: 1.1. A presente proposta tem por objeto disponibilizar seguros saúde da Sul América Seguros Saúde S.A., operadora registrada na Agência Nacional de Saúde Suplementar

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PROTOCOLO DE NEGOCIAÇÃO ENTRE A PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO E AS ENTIDADES REPRESENTATIVAS DOS SERVIDORES DA EDUCAÇÃO DO MUNICÍPIO

Leia mais

Câmara Municipal de Barueri. Conheça a Norma SA8000. Você faz parte!

Câmara Municipal de Barueri. Conheça a Norma SA8000. Você faz parte! Câmara Municipal de Barueri Conheça a Norma SA8000 Você faz parte! O que é a Norma SA 8000? A SA 8000 é uma norma internacional que visa aprimorar as condições do ambiente de trabalho e das relações da

Leia mais

Resolução nº 264/CONSEA, de 29 de agosto de 2011.

Resolução nº 264/CONSEA, de 29 de agosto de 2011. Resolução nº 264/CONSEA, de 29 de agosto de 2011. Estabelece critérios e normas para credenciamento de professores para prestação de serviço voluntário nos cursos da UNIR. O Presidente do Conselho Superior

Leia mais

Oficinas C Diálogo e atualização: metas do encontro de atualização apacitar, dialogar e atualizar. Essas foram as três metas principais do projeto Encontro de Atualização Administrativa, realizado pelo

Leia mais

MINAS GERAIS 12/04/2008. Diário do Judiciário. Portaria 2.176/2008

MINAS GERAIS 12/04/2008. Diário do Judiciário. Portaria 2.176/2008 MINAS GERAIS 12/04/2008 Diário do Judiciário Chefe de Gabinete: Dalmar Morais Duarte 11/04/2008 PRESIDÊNCIA Portaria 2.176/2008 Institucionaliza o Programa Conhecendo o Judiciário do Tribunal de Justiça.

Leia mais

LEI N 1.892/2008 Dá nova redação a Lei nº 1.580/2004

LEI N 1.892/2008 Dá nova redação a Lei nº 1.580/2004 LEI N 1.892/2008 Dá nova redação a Lei nº 1.580/2004 Povo do Município de Viçosa, por seus representantes legais, aprovou e eu, em seu nome, sanciono e promulgo a seguinte Lei: Das disposições Gerais Art.

Leia mais

DECRETO N 6.664 DE 05 DE MARÇO DE 1990

DECRETO N 6.664 DE 05 DE MARÇO DE 1990 DECRETO N 6.664 DE 05 DE MARÇO DE 1990 DISPÕE SOBRE ALTERAÇÃO DO ANEXO III DO DECRETO N 2.456, DE 24.09.1982. O GOVERNADOR DO ESTADO DO PARÁ, no uso de suas atribuições que lhe confere o art. 135, inciso

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO ATO CONJUNTO Nº 5, DE 24 DE FEVEREIRO DE 2014

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO ATO CONJUNTO Nº 5, DE 24 DE FEVEREIRO DE 2014 TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO ATO CONJUNTO Nº 5, DE 24 DE FEVEREIRO DE 2014 Estabelece procedimentos e prazos para abertura de créditos adicionais, no âmbito da

Leia mais

As diversas opções de aposentadoria para os Servidores Públicos Federais

As diversas opções de aposentadoria para os Servidores Públicos Federais As diversas opções de aposentadoria para os Servidores Públicos Federais Secretaria de Estudos, Pesquisas e Políticas Públicas e Secretaria de Formação Política e Sindical. SINDICATO DOS TRABALHADORES

Leia mais

PLANO DE SAÚDE CMBH INFORMAÇÕES AOS SERVIDORES

PLANO DE SAÚDE CMBH INFORMAÇÕES AOS SERVIDORES PLANO DE SAÚDE CMBH INFORMAÇÕES AOS SERVIDORES Até 2004 - assistência aos servidores por profissionais de saúde da CMBH Após 2004 - assistência aos servidores através do convênio com a BEPREM Lei 10107/2011

Leia mais

SOCIEDADE EDUCACIONAL DE MACEIÓ - SEMA FACULDADE DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS DE MACEIÓ REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA

SOCIEDADE EDUCACIONAL DE MACEIÓ - SEMA FACULDADE DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS DE MACEIÓ REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA SOCIEDADE EDUCACIONAL DE MACEIÓ - SEMA FACULDADE DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS DE MACEIÓ FAMA REGULAMENTO DO NÚCLEO DE PRÁTICA JURÍDICA Art. 1º - O Núcleo de Prática Jurídica (NPJ) da Faculdade de Ciências

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE COLEGIADO PLENO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE COLEGIADO PLENO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE COLEGIADO PLENO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 13/2010 Aprova o Regimento Interno do Núcleo de Inovação e Transferência de Tecnologia

Leia mais

PORTARIA CNMP-PRESI Nº 78, DE 9 DE JULHO DE 2015.

PORTARIA CNMP-PRESI Nº 78, DE 9 DE JULHO DE 2015. PORTARIA CNMP-PRESI Nº 78, DE 9 DE JULHO DE 2015. Dispõe sobre o Plano de Incentivo ao Estudo de Idioma Estrangeiro - PLI, do Conselho Nacional do Ministério Público. O PRESIDENTE DO CONSELHO NACIONAL

Leia mais

FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO CONSELHO DELIBERATIVO RESOLUÇÃO Nº 16, DE 8 DE JUNHO DE 2010

FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO CONSELHO DELIBERATIVO RESOLUÇÃO Nº 16, DE 8 DE JUNHO DE 2010 FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO CONSELHO DELIBERATIVO RESOLUÇÃO Nº 16, DE 8 DE JUNHO DE 2010 Altera a Resolução CD/FNDE nº 64, de 13 de dezembro de 2007, que estabelece os critérios e os

Leia mais

PORTARIA Nº 4.896, DE 17 DE NOVEMBRO DE 2005. (Republicação) (Texto compilado com as alterações da Portaria nº 2.592/2015)

PORTARIA Nº 4.896, DE 17 DE NOVEMBRO DE 2005. (Republicação) (Texto compilado com as alterações da Portaria nº 2.592/2015) PORTARIA Nº 4.896, DE 17 DE NOVEMBRO DE 2005. (Republicação) (Texto compilado com as alterações da Portaria nº 2.592/2015) Institui, no âmbito do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região, o Programa

Leia mais

POLÍTICA DE TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO

POLÍTICA DE TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO POLÍTICA DE TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO 1. Aplicação Esta política aplica-se a todos os colaboradores Técnico-administrativos, sejam vínculo CLT ou contrato de estágio. 2. Objetivo Estabelecer critérios

Leia mais

COLÉGIO ELIAS MOREIRA

COLÉGIO ELIAS MOREIRA COLÉGIO ELIAS MOREIRA O meu colégio transforma meu mundo. MATRÍCULAS 2014 INSTRUÇÕES PARA MATRÍCULAS Observe as instruções abaixo e veja os procedimentos recomendados acordo com sua situação ou necessida:

Leia mais

Empréstimo e cartão consignado

Empréstimo e cartão consignado outubro/2014 Empréstimo e cartão consignado direcionados a aposentados e pensionistas Todo aquele que recebe benefícios de aposentadoria ou pensão por morte pagos pela Previdência Social pode obter crédito

Leia mais

Reajuste Salarial. Cláusulas do PGCR

Reajuste Salarial. Cláusulas do PGCR PROPOSTA FINAL DO ONS PARA CELEBRAÇÃO DO ACT 2013/2014 FNE/FENTEC - CLÁUSULA 2ª INTERSINDICAL - CLÁUSULA 1ª Reajuste Salarial Reajustar os salários dos empregados com o acumulado do IPCA do período de

Leia mais

SECRETARIA DA JUSTIÇA E DA DEFESA DA CIDADANIA FUNDAÇÃO DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR DIRETORIA DE ESTUDOS E PESQUISAS

SECRETARIA DA JUSTIÇA E DA DEFESA DA CIDADANIA FUNDAÇÃO DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR DIRETORIA DE ESTUDOS E PESQUISAS Resultados dos estudos sobre a redução de taxas de juros praticadas por bancos públicos e privados. Orientações aos consumidores. Face aos diversos anúncios de redução de juros veiculados na mídia a partir

Leia mais

Cartilha de Extensão de Benefício do Plano Empresarial aos Beneficiários.

Cartilha de Extensão de Benefício do Plano Empresarial aos Beneficiários. Cartilha de Extensão de Benefício do Plano Empresarial aos Beneficiários. Contributários demitidos ou exonerados sem justa causa e/ou aposentados. www.saolucassaude.com.br 01_ DIREITOS E DEVERES DO BENEFICIÁRIO

Leia mais

PROCESSO Nº 23062.000509/12-59

PROCESSO Nº 23062.000509/12-59 Destaques da Proposta de Programa de Capacitação dos Servidores Técnico- Administrativos em Educação aprovados durante a 435ª Reunião do Conselho Diretor PROCESSO Nº 23062.000509/12-59 ALTERAÇÕES GERAIS

Leia mais

POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO FINANCEIRA VICE-DIRETORIA ADMINISTRATIVA

POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO FINANCEIRA VICE-DIRETORIA ADMINISTRATIVA POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO FINANCEIRA VICE-DIRETORIA ADMINISTRATIVA ABRIL 2011 1 1. APRESENTAÇÃO A expansão das atividades de ensino e melhoramento da infraestrutura física ofertada tem exigido da Faculdade

Leia mais

LEI MUNICIPAL Nº 545/2009.

LEI MUNICIPAL Nº 545/2009. LEI MUNICIPAL Nº 545/2009. EMENTA: INSTITUI O PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA, NA EMANCIPAÇÃO SUSTENTADA DAS FAMÍLIAS QUE VIVEM EM SITUAÇÃO DE EXTREMA POBREZA, CRIA O CONSELHO MUNICIPAL DE ACOMPANHAMENTO DO PROGRAMA,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA UNILA CONSELHO UNIVERSITÁRIO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA UNILA CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO CONSUN Nº 029 DE 1º DE OUTUBRO DE 2014 Aprova as Diretrizes da Política de Mobilidade Acadêmica da Universidade Federal da Integra ção Latino-Americana UNILA. O Conselho Universitário da Universidade

Leia mais

ADUFPB-SEÇÃO SINDICAL DO ANDES-SNSN PLANO DE SAUDE DOS DOCENTES Processo de negociação de longa duração 2006 Lei de Saúde do Servidor Planos de Autogestão 2007 Implantação do pagamento da contrapartida

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2010/2011

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2010/2011 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2010/2011 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ000055/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 13/01/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR070984/2010 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.112503/2010-92 DATA DO

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE LEI N. 1.099, DE 1º DE DEZEMBRO DE 1993 "Dispõe sobre a constituição do Conselho Estadual do Bem-Estar Social e a criação do Fundo Estadual a ele vinculado e dá outras providências." O GOVERNADOR DO ESTADO

Leia mais

MINUTA CONVÊNIO Nº 004/2010-TJAP

MINUTA CONVÊNIO Nº 004/2010-TJAP MINUTA CONVÊNIO Nº 004/2010-TJAP CONVÊNIO DE PARCERIA PARA CONSIGNAÇÃO EM FOLHA DE PAGAMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO AMAPÁ E O BANCO BMG S/A O, com sede em Macapá, Capital

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 439, DE 21 DE SETEMBRO DE 2010

RESOLUÇÃO Nº 439, DE 21 DE SETEMBRO DE 2010 Publicada no Diário da Justiça Eletrônico em 24/9/2010. RESOLUÇÃO Nº 439, DE 21 DE SETEMBRO DE 2010 Dispõe sobre a concessão de diárias e passagens no âmbito do Supremo Tribunal Federal. O PRESIDENTE DO

Leia mais

R E S O L V E: Art. 2º Os beneficiários do Plano de Saúde classificam-se em titulares e dependentes.

R E S O L V E: Art. 2º Os beneficiários do Plano de Saúde classificam-se em titulares e dependentes. PORTARIA TRT Nº. 4.896, de 17 de novembro de 2005. Institui, no âmbito do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região, o Programa de Assistência Médica Hospitalar e Ambulatorial. O PRESIDENTE DO TRIBUNAL

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE PRERROGATIVAS DA AMATRA XV

REGULAMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE PRERROGATIVAS DA AMATRA XV REGULAMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE PRERROGATIVAS DA AMATRA XV CAPÍTULO I DAS ATRIBUIÇÕES Art. 1º. Compete à Comissão de Prerrogativas a efetivação prática do disposto no inciso III do artigo 2º do Estatuto

Leia mais

EDITAL n. 252/2014. 9h30 às 11h30 13h30 às 20h 09/12/2014 UNESC - CENTAC (Central de Atendimento ao Acadêmico)

EDITAL n. 252/2014. 9h30 às 11h30 13h30 às 20h 09/12/2014 UNESC - CENTAC (Central de Atendimento ao Acadêmico) EDITAL n. 252/2014 Dispõe sobre matrícula para os candidatos aprovados no Concurso Vestibular ACAFE Verão/2015, 1º semestre, para os cursos da UNESC a seguir relacionados: Administração Bacharelado (matutino

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 152/2011

RESOLUÇÃO Nº 152/2011 RESOLUÇÃO Nº 152/2011 Dispõe sobre a concessão de diárias a Magistrados e servidores no âmbito do Poder Judiciário do Estado do Acre e dá outras providências. legais e, O TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO

Leia mais

PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DESCONTOS FPE UNIPINHAL - 2016 OBJETIVO

PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DESCONTOS FPE UNIPINHAL - 2016 OBJETIVO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DESCONTOS FPE UNIPINHAL - 2016 OBJETIVO O objetivo principal do programa de concessão de bolsas e descontos é proporcionar aos alunos a assistência necessária para a manutenção

Leia mais

FACULDADES DA FUNDAÇÃO DE ENSINO DE MOCOCA - FaFEM

FACULDADES DA FUNDAÇÃO DE ENSINO DE MOCOCA - FaFEM Portaria n. 012/2010. Estabelece as Normas e Regulamento da Ouvidoria das FAFEM. A Diretora das Faculdades da Fundação de Ensino de Mococa, no uso de suas atribuições regimentais, RESOLVE: regulamentar

Leia mais

LEI Nº 467 DE 26 DE MARÇO DE 2014.

LEI Nº 467 DE 26 DE MARÇO DE 2014. LEI Nº 467 DE 26 DE MARÇO DE 2014. DISPÕE SOBRE O SERVIÇO VOLUNTÁRIO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PREFEITO MUNICIPAL DE IRAMAIA, ESTADO DA BAHIA, no uso de suas atribuições legais, faz saber que a Câmara

Leia mais

Institucional Invest Oral

Institucional Invest Oral Institucional Invest Oral A Invest Oral Fundada em 2003, por nosso sócio fundado Dr. Fabio Loriato Calmon; possui grande expertise conquistada ao longo de seus 12 anos de existência; Uma empresa operadora

Leia mais

PORTARIA TRT 18ª GP/DG/SGPe Nº 066/2011 Dispõe sobre a estrutura da Escola Judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região e dá outras

PORTARIA TRT 18ª GP/DG/SGPe Nº 066/2011 Dispõe sobre a estrutura da Escola Judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região e dá outras PORTARIA TRT 18ª GP/DG/SGPe Nº 066/2011 Dispõe sobre a estrutura da Escola Judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região e dá outras providências. O DESEMBARGADOR-PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL

Leia mais

PLANO DE AÇÃO SINDICAL

PLANO DE AÇÃO SINDICAL PLANO DE LUTAS 1. Plano de carreira - Continua em pauta, reiniciar a discussão como TJ. ISONOMIA; 2. URV das pensionistas - Continua em pauta, TJ não aceita responsabilidade, ajuizamos ação; 3. Reajustes

Leia mais

PLANO DE TRABALHO CAMPUS DE FRANCISCO BELTRÃO QUATRIÊNIO 2016-2019

PLANO DE TRABALHO CAMPUS DE FRANCISCO BELTRÃO QUATRIÊNIO 2016-2019 PLANO DE TRABALHO CAMPUS DE FRANCISCO BELTRÃO QUATRIÊNIO 2016-2019 Candidato Gilmar Ribeiro de Mello SLOGAN: AÇÃO COLETIVA Página 1 INTRODUÇÃO Considerando as discussões realizadas com a comunidade interna

Leia mais

Cartilha Plano A. Índice

Cartilha Plano A. Índice Cartilha Plano A Cartilha Plano A Índice Apresentação A Previnorte Histórico Patrimônio Plano de Benefícios e Plano de Custeio Salário Real de Contribuição Jóia Requisitos exigidos para filiação à PREVINORTE

Leia mais

Proposta aprovada: utilizar as duas estratégias no esforço para aprovação do PL7027/2013.

Proposta aprovada: utilizar as duas estratégias no esforço para aprovação do PL7027/2013. RELATÓRIO DE SUELY SILVEIRA, COORDENADORA DO SINDJUFE Como afirmou o coordenador da FENAJUFE e servidor do TRE-GO, João Batista, a Fenajufe realizou intervenção junto ao TSE sobre a majoração do auxílio

Leia mais

PROJETO DE LEI N. O CONGRESSO NACIONAL decreta:

PROJETO DE LEI N. O CONGRESSO NACIONAL decreta: PROJETO DE LEI N Institui o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego PRONATEC, altera as Leis n. 7.998, de 11 de janeiro de 1990, n. 8.121, de 24 de julho de 1991 e n. 10.260, de 12 de julho

Leia mais

A Constituição Federal de 1988 estabeleceu:

A Constituição Federal de 1988 estabeleceu: A Constituição Federal de 1988 estabeleceu: Art. 8º É livre a associação profissional ou sindical, observado o seguinte: Art. 37º... VI - é garantido ao servidor público civil o direito à livre associação

Leia mais

Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL

Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL I - DO PROCESSO SELETIVO De ordem do Senhor Diretor e para conhecimento de todos os interessados, torno público que, no período indicado neste

Leia mais

9 SISTEMA DE CONTROLE INTERNO

9 SISTEMA DE CONTROLE INTERNO 9 SISTEMA DE CONTROLE INTERNO Ao sistema de controle interno, consoante o previsto nos arts. 70 e 74 da Constituição Federal, incumbe a fiscalização contábil, financeira, orçamentária, operacional e patrimonial,

Leia mais

COMUNICADO LEGISLATIVO Nº 1/2013. Projetos de Lei e Trâmites 1ª quinzena de novembro/2013

COMUNICADO LEGISLATIVO Nº 1/2013. Projetos de Lei e Trâmites 1ª quinzena de novembro/2013 Matérias na Câmara PEC 185/2012 Acrescenta parágrafos ao art. 37 da Constituição Federal para estabelecer data certa para a revisão geral anual da remuneração dos servidores públicos e dá outras providências.

Leia mais

Minuta do Capítulo 8 do PDI: Políticas de Atendimento aos Discentes

Minuta do Capítulo 8 do PDI: Políticas de Atendimento aos Discentes Minuta do Capítulo 8 do PDI: Políticas de Atendimento aos Discentes Elaborada pela Diretoria de Assuntos Estudantis 1 1 Esta minuta será apreciada pelo Colegiado de Ensino, Pesquisa e Extensão nos dias

Leia mais

DECRETO Nº 33530 DE 22 DE MARÇO DE 2011. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais e,

DECRETO Nº 33530 DE 22 DE MARÇO DE 2011. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais e, DECRETO Nº 33530 DE 22 DE MARÇO DE 2011. Cria a Central de Teleatendimento da PCRJ Central 1746, no âmbito da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas

Leia mais

PLANO SUPLEMENTAR. Material Explicativo Plano Suplementar 1

PLANO SUPLEMENTAR. Material Explicativo Plano Suplementar 1 PLANO SUPLEMENTAR Material Explicativo 1 Introdução A CitiPrevi oferece planos para o seu futuro! Recursos da Patrocinadora Plano Principal Benefício Definido Renda Vitalícia Programa Previdenciário CitiPrevi

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 11.350, DE 5 DE OUTUBRO DE 2006. Regulamenta o 5 o do art. 198 da Constituição, dispõe sobre o aproveitamento de pessoal amparado

Leia mais

MANUAL BOLSISTA. Núcleo de Atenção Solidária NAS

MANUAL BOLSISTA. Núcleo de Atenção Solidária NAS MANUAL DO BOLSISTA Núcleo de Atenção Solidária NAS Sumário 1 - Bolsa de Estudo... 2 2 - Tipos de Bolsas de Estudo... 2 - ProUni... 2 Eventuais Programas de Bolsas de Estudo:... 2 - Vestibular Social....

Leia mais

Metalúrgica JORBA Indústria e Comércio Ltda. Av. Emilio Giaquinto, 177 Parque Novo Mundo São Paulo SP CEP: 02181-110 Fone/Fax: (55-11) 2632-2611

Metalúrgica JORBA Indústria e Comércio Ltda. Av. Emilio Giaquinto, 177 Parque Novo Mundo São Paulo SP CEP: 02181-110 Fone/Fax: (55-11) 2632-2611 Metalúrgica JORBA Indústria e Comércio Ltda. Av. Emilio Giaquinto, 177 Parque Novo Mundo São Paulo SP CEP: 02181-110 Fone/Fax: (55-11) 2632-2611 CNPJ: 61.460.077/0001-39 / INSCR: 105.657.106.110 Gestão

Leia mais

ANEXO DE METAS FISCAIS AVALIAÇÃO DA SITUAÇÃO FINANCEIRA E ATUARIAL. (Artigo 4º 2º, inciso IV, alínea a da Lei Complementar nº 101/2000)

ANEXO DE METAS FISCAIS AVALIAÇÃO DA SITUAÇÃO FINANCEIRA E ATUARIAL. (Artigo 4º 2º, inciso IV, alínea a da Lei Complementar nº 101/2000) ANEXO DE METAS FISCAIS AVALIAÇÃO DA SITUAÇÃO FINANCEIRA E ATUARIAL (Artigo 4º 2º, inciso IV, alínea a da Lei Complementar nº 101/2000) PLANO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE LONDRINA

Leia mais

Manual do Padrinho. Projeto Adote um Município. Aperte enter para avançar

Manual do Padrinho. Projeto Adote um Município. Aperte enter para avançar Manual do Padrinho Projeto Adote um Município Aperte enter para avançar Caro Padrinho, Esse manual tem como objetivo passar orientações sobre o seu importante papel no âmbito do Projeto Adote um Município.

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DE ATUAÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA DA FUNDAÇÃO UNIPLAC DA NATUREZA, FINALIDADE E COMPOSIÇÃO

REGIMENTO INTERNO DE ATUAÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA DA FUNDAÇÃO UNIPLAC DA NATUREZA, FINALIDADE E COMPOSIÇÃO REGIMENTO INTERNO DE ATUAÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA DA FUNDAÇÃO UNIPLAC DA NATUREZA, FINALIDADE E COMPOSIÇÃO Art. 1º A Diretoria Executiva, subordinada ao Presidente da Fundação, é responsável pelas atividades

Leia mais

Relatório Controle Interno 2º. Quadrimestre 2015

Relatório Controle Interno 2º. Quadrimestre 2015 Relatório Controle Interno 2º. Quadrimestre 2015 1. APRESENTAÇÃO Nos termos do artigo 74 da Constituição Federal, artigo 59 da Lei Complementar nº. 59, artigos 63 a 66 da Lei Complementar nº. 33, de 28

Leia mais

MANUAL DE SERVIÇOS 1. PLANO DE ASSISTÊNCIA JURÍDICA FAMILIAR PAF

MANUAL DE SERVIÇOS 1. PLANO DE ASSISTÊNCIA JURÍDICA FAMILIAR PAF MANUAL DE SERVIÇOS 1. PLANO DE ASSISTÊNCIA JURÍDICA FAMILIAR PAF 1.1 SERVIÇOS PRESTADOS Souza & Evangelista Advocacia e Consultoria Jurídica propicia atividades jurídicas privativas de advogados nas vias

Leia mais

Ofício/CONDSEF Nº 193/2013. Brasília-DF, 7 de outubro de 2013.

Ofício/CONDSEF Nº 193/2013. Brasília-DF, 7 de outubro de 2013. Ofício/CONDSEF Nº 193/2013. Brasília-DF, 7 de outubro de 2013. Ilm.º Senhor SÉRGIO ARBULU MENDONÇA M.D. Secretário de Relações de Trabalho do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão MPOG. Nesta.

Leia mais

DIRETRIZES PARA A GESTÃO DAS ATIVIDADES DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO DO IFPB

DIRETRIZES PARA A GESTÃO DAS ATIVIDADES DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO DO IFPB Ministério da Educação Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Paraíba Pró-Reitoria de Ensino Pró-Reitoria de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação Pró-Reitoria de Extensão DIRETRIZES PARA A

Leia mais

QUANTO VALE O SEU TRABALHO? PARTE 2: HONORÁRIOS NUTRIS BRASIL

QUANTO VALE O SEU TRABALHO? PARTE 2: HONORÁRIOS NUTRIS BRASIL QUANTO VALE O SEU TRABALHO? PARTE 2: HONORÁRIOS NUTRIS BRASIL Por Profa.Dra. Cyllene de M.OC de Souza Dra em Ciência e Tecnologia de Alimentos (UFRRJ), Mestre em Vigilância Sanitária (INCQS-FIOCRUZ) Supervisora

Leia mais

TERMO DE ADESÃO A CONTRATO DE OPERAÇÃO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE. Associado: Endereço: CNPJ: Inscrição Estadual: Representante legal:

TERMO DE ADESÃO A CONTRATO DE OPERAÇÃO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE. Associado: Endereço: CNPJ: Inscrição Estadual: Representante legal: TERMO DE ADESÃO A CONTRATO DE OPERAÇÃO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE Associado: Endereço: CNPJ: Inscrição Estadual: CEP: Telefone: Representante legal: RG: CPF: 1. Por este termo, o associado

Leia mais

O valor do Piso Nacional do Magistério divulgado pelo MEC teve 27% de ganho real entre 2008 e 2014, média de 4,5% ao ano.

O valor do Piso Nacional do Magistério divulgado pelo MEC teve 27% de ganho real entre 2008 e 2014, média de 4,5% ao ano. QUAL SERÁ O VALOR DO PISO DO MAGISTÉRIO PARA 2014? * Lizeu Mazzioni 1. MEC: R$ 1.697,00: o ano começou novamente com a polêmica do novo valor do Piso Nacional do Magistério, que segundo interpretações

Leia mais

INFORMATIVO BOLSA DE ESTUDO SOCIAL 2016

INFORMATIVO BOLSA DE ESTUDO SOCIAL 2016 INFORMATIVO BOLSA DE ESTUDO SOCIAL 2016 Este formulário destina-se ao estudo socioeconômico familiar, para avaliar o processo de concessão de Bolsas Sociais para o ano letivo de 2016, visando atender os

Leia mais

POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DA PÓS-GRADUAÇÃO DA CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO E DOS PRINCÍPIOS

POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DA PÓS-GRADUAÇÃO DA CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO E DOS PRINCÍPIOS POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DA PÓS-GRADUAÇÃO DA CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO E DOS PRINCÍPIOS Art. 1. A Política de Assistência Estudantil da Pós-Graduação da UFGD é um arcabouço de princípios e diretrizes

Leia mais

RESOLUÇÃO N 007/2010 TCE

RESOLUÇÃO N 007/2010 TCE RESOLUÇÃO N 007/2010 TCE Disciplina o procedimento para concessão dos auxílios saúde e alimentação no âmbito do Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Norte, e dá outras providências. O TRIBUNAL

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 13/2013

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 13/2013 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 13/2013 Regulamenta o processo de implementação e avaliação da flexibilização para ajuste de jornada de trabalho

Leia mais

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº Dispõe sobre a criação do Conselho de Ética Pública e estabelece medidas de transparência e controle de atos de agentes políticos, dirigentes, empregados e servidores públicos.

Leia mais

SUBCHEFIA DE ASSUNTOS PARLAMENTARES

SUBCHEFIA DE ASSUNTOS PARLAMENTARES SUBCHEFIA DE ASSUNTOS PARLAMENTARES PROJETO DE LEI Institui o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego - PRONATEC; altera as Leis n os 7.998, de 11 de janeiro de 1990, que regula o Programa

Leia mais

ABONO DE PERMANÊNCIA E APOSENTADORIA DO PROFESSOR DA EDUCAÇÃO INFANTIL, DO ENSINO FUNDAMENTAL E DO ENSINO MÉDIO

ABONO DE PERMANÊNCIA E APOSENTADORIA DO PROFESSOR DA EDUCAÇÃO INFANTIL, DO ENSINO FUNDAMENTAL E DO ENSINO MÉDIO ABONO DE PERMANÊNCIA E APOSENTADORIA DO PROFESSOR DA EDUCAÇÃO INFANTIL, DO ENSINO FUNDAMENTAL E DO ENSINO MÉDIO VANIA MARIA DE SOUZA ALVARIM (Advogada, Estudante de pós-graduação em Direito Público, Mestre

Leia mais

POLÍTICA DE VOLUNTARIADO DA CEMIG SAÚDE

POLÍTICA DE VOLUNTARIADO DA CEMIG SAÚDE POLÍTICA DE VOLUNTARIADO DA CEMIG SAÚDE Av. Barbacena, 472 8º andar Barro Preto CEP: 30190-130 Belo Horizonte/MG Tel.: 3253.4917 E-mail: renata.gontijo@cemigsaude.org.br Portal Corporativo: www.cemigsaude.org.br

Leia mais

PROJETO DE CIDADANIA

PROJETO DE CIDADANIA PROJETO DE CIDADANIA PROJETO DE CIDADANIA A Anamatra A Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho Anamatra congrega cerca de 3.500 magistrados do trabalho de todo o país em torno de interesses

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL BOMBINHAS-SC

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL BOMBINHAS-SC LEI COMPLEMENTAR Nº 034, de 13 de dezembro de 2005. Institui o Plano de Carreira, Cargos e Vencimentos do Pessoal do Poder Legislativo do Município de Bombinhas e dá outras providências.. Júlio César Ribeiro,

Leia mais

EDITAL INTERCÂMBIO DE ATUALIZAÇÃO EM DIREITO

EDITAL INTERCÂMBIO DE ATUALIZAÇÃO EM DIREITO PODER JUDICIÁRIO DE PERNAMBUCO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE PERNAMBUCO EDITAL INTERCÂMBIO DE ATUALIZAÇÃO EM DIREITO O Presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Pernambuco no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DA FUNDAÇÃO INSTITUTO TECNOLÓGICO DE JOINVILLE - (FITEJ)

REGIMENTO INTERNO DA FUNDAÇÃO INSTITUTO TECNOLÓGICO DE JOINVILLE - (FITEJ) REGIMENTO INTERNO DA FUNDAÇÃO INSTITUTO TECNOLÓGICO DE JOINVILLE - (FITEJ) CAPÍTULO I NATUREZA E FINALIDADES Art 1º. A Fundação Instituto Tecnológico de Joinville, doravante denominada FITEJ, entidade

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 545, DE 22 DE JANEIRO DE 2015

RESOLUÇÃO Nº 545, DE 22 DE JANEIRO DE 2015 Publicada no Diário da Justiça Eletrônico, nº 17, em 27/1/2015. RESOLUÇÃO Nº 545, DE 22 DE JANEIRO DE 2015 Dispõe sobre a concessão de diárias e passagens no âmbito do Supremo Tribunal Federal. O PRESIDENTE

Leia mais

Manual do Candidato da Graduação. Processos Seletivos

Manual do Candidato da Graduação. Processos Seletivos 1 ESCOLA SUPERIOR NACIONAL DE SEGUROS Manual do Candidato da Graduação Processos Seletivos Rua Senador Dantas, 74 Térreo; 2º e 3º andares Centro Rio de Janeiro RJ Tel. 33801044 33801046 33801535 2 A Escola

Leia mais

SOBRE A RECOMPOSIÇÃO SALARIAL DOS SERVIDORES DO PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO

SOBRE A RECOMPOSIÇÃO SALARIAL DOS SERVIDORES DO PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO SOBRE A RECOMPOSIÇÃO SALARIAL DOS SERVIDORES DO PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO Os 120.000 servidores do Judiciário Federal no Brasil, familiares e amigos contam com seu apoio para a aprovação da recomposição

Leia mais

data PROJETO DE LEI N 8035/2010. 1 Supressiva 2. Substitutiva 3. Modificativa 4. Aditiva 5. Substitutivo global

data PROJETO DE LEI N 8035/2010. 1 Supressiva 2. Substitutiva 3. Modificativa 4. Aditiva 5. Substitutivo global Página Artigo: 6º Parágrafo: Único Inciso Alínea EMENDA MODIFICATIVA O parágrafo único do Artigo 6º do PL n 8035 de 2010, passa a ter a seguinte redação: Art. 6º... Parágrafo único. O Fórum Nacional de

Leia mais

RESOLUÇÃO nº08/2005. Art. 4º. A Ouvidoria será exercida por um Ouvidor, escolhido, de comum acordo, pela

RESOLUÇÃO nº08/2005. Art. 4º. A Ouvidoria será exercida por um Ouvidor, escolhido, de comum acordo, pela RESOLUÇÃO nº08/2005 Cria, no âmbito da FAMENE, a Ouvidoria, baixa normas para seu funcionamento, e dá outras providências. O Conselho Técnico Administrativo CTA da Faculdade de Medicina Nova Esperança

Leia mais

Medida Provisória nº de de 2008

Medida Provisória nº de de 2008 Medida Provisória nº de de 008 Dispõe sobre a criação da Gratificação de Desempenho de Atividade de Controle Interno e de Apoio Técnico ao Controle Interno no âmbito das Instituições Federais vinculadas

Leia mais

PROPOSTA DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ADVOCATÍCIOS

PROPOSTA DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ADVOCATÍCIOS PROPOSTA DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ADVOCATÍCIOS AÇÃO 245 - GAM GRATIFICAÇÃO POR ATIVIDADE DE MAGISTÉRIO - GAM PARA SERVIDORES APOSENTADOS DA SECRETARIA DA EDUCAÇÃO - QUADRO DO MAGISTÉRIO (EXCETO servidores

Leia mais

Tribunal Regional do Trabalho da 13ª Região Submissão de Trabalho para o II Encontro TRT's Norte/Nordeste

Tribunal Regional do Trabalho da 13ª Região Submissão de Trabalho para o II Encontro TRT's Norte/Nordeste Tribunal Regional do Trabalho da 13ª Região Submissão de Trabalho para o II Encontro TRT's Norte/Nordeste 1. Estrutura: a) Identificação do Órgão/Unidade: Tribunal Regional do Trabalho da 13ª Região /

Leia mais

CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO-CONSEPE

CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO-CONSEPE CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO-CONSEPE RESOLUÇÃO Nº 14/2008, DE 25 DE JULHO DE 2008 Regulamenta o planejamento, acompanhamento e registro das Atividades Complementares, necessárias à integralização

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA AJUIZAR AÇÃO DE RECUPERAÇÃO DE PERDAS NO FGTS

PROCEDIMENTOS PARA AJUIZAR AÇÃO DE RECUPERAÇÃO DE PERDAS NO FGTS PROCEDIMENTOS PARA AJUIZAR AÇÃO DE RECUPERAÇÃO DE PERDAS NO FGTS O Sindicato dos Administradores, dando continuidade aos procedimentos para ajuizar ação judicial contra a Caixa Econômica Federal, na Justiça

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia OUVIDORIA

Universidade Federal de Uberlândia OUVIDORIA Universidade Federal de Uberlândia OUVIDORIA 2008 Universidade Federal de Uberlândia Ouvidoria Avenida João Naves de Ávila, nº. 2121 Sala 14, Bloco 1A - Bairro Santa Mônica Uberlândia-MG CEP: 38400-902

Leia mais

RESOLUÇÃO CA Nº 0086/2009. CONSIDERANDO a implantação do Plano de Capacitação dos Agentes Universitários;

RESOLUÇÃO CA Nº 0086/2009. CONSIDERANDO a implantação do Plano de Capacitação dos Agentes Universitários; RESOLUÇÃO CA Nº 0086/2009 Regulamenta o afastamento do serviço para capacitação dos Agentes Universitários da Carreira Técnica Universitária e dá outras providências. CONSIDERANDO a implantação do Plano

Leia mais

LEI MUNICIPAL Nº 1191/2015, de 28-04-2015.

LEI MUNICIPAL Nº 1191/2015, de 28-04-2015. LEI MUNICIPAL Nº 1191/2015, de 28-04-2015. DISPÕE SOBRE O SISTEMA DE CONTROLE INTERNO DO MUNICÍPIO DE MORMAÇO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. LUÍS CARLOS MACHADO PREFEITO MUNICIPAL DE MORMAÇO, Estado do Rio

Leia mais

GABINETE DO PREFEITO

GABINETE DO PREFEITO LEI Nº. 1.193/2015 AUTOR: MESA DIRETORA SÚMULA: CRIA O CONSELHO E O FUNDO MUNICIPAL DE REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO SUSTENTÁVEL DO MUNICÍPIO DE ARIPUANÃ, ESTADO DE MATO GROSSO, E

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE. CAPÍTULO I Da Finalidade. CAPÍTULO II Dos Princípios, Objetivos e Metas Seção I Dos Princípios

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE. CAPÍTULO I Da Finalidade. CAPÍTULO II Dos Princípios, Objetivos e Metas Seção I Dos Princípios LEI N. 1.343, DE 21 DE JULHO DE 2000 Institui a Política Estadual do Idoso - PEI e dá outras providências. O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE seguinte Lei: FAÇO SABER que a Assembléia Legislativa do Estado

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 19ª REGIÃO SECRETARIA DO TRIBUNAL PLENO TRIBUNAL PLENO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 19ª REGIÃO SECRETARIA DO TRIBUNAL PLENO TRIBUNAL PLENO PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 19ª REGIÃO SECRETARIA DO TRIBUNAL PLENO TRIBUNAL PLENO RESOLUÇÃO ADMINISTRATIVA N. 02/2014 O PLENO DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO

Leia mais