TECNOLOGIA FEITA FÁCIL SISTEMA ONLY HOTEL. Apresentação

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TECNOLOGIA FEITA FÁCIL SISTEMA ONLY HOTEL. Apresentação"

Transcrição

1

2 Apresentação O sistema ONLY HOTEL é um sistema de controlo de iluminação, estores, climatização e som ambiente concebido especialmente para hotéis. O sistema pode ser usado para o controlo dos quartos, salas de conferências, salas de massagens, ginásios e zonas comuns e inclui a aparelhagem de manobra com painéis tácteis ou botões de pressão com grafismo personalizado. A ligação ao sistema de Gestão Técnica Centralizada (GTC) permite a gestão de todos os parâmetros relevantes bem como a visualização do estado de todas as variáveis. O sistema ONLY HOTEL é totalmente personalizado permitindo soluções escalonadas feitas à medida de cada hotel. O protocolo de comunicação ONLY é aberto, portanto disponibilizado a custo zero, para total liberdade na integração com outros sistemas. O sistema ONLY HOTEL foi concebido para maior conforto dos clientes, maior economia de exploração e flexibilidade na gestão técnica do edifício.

3 Controlo de quartos O sistema ONLY HOTEL para o controlo do quarto consiste em módulos de comutação e/ou regulação de iluminação, estores, climatização e som que são comandados por painéis com sensores tácteis ou botões de pressão com grafismo personalizado, que substituem os tradicionais interruptores. É assim possível o controlo das luzes, estores, climatização e som no mesmo ponto de comando, permitindo por exemplo que o cliente controle as luzes e o ar condicionado de qualquer ponto do quarto. Obviamente que é necessário que o painel usado tenha os botões tácteis ou teclas de pressão necessários. É possível detectar a ocupação real do quarto através de um contacto magnético na porta e um ou 2 detectores de movimento dento do quarto ou WC: com o cartão introduzido no leitor, uma sequência PORTA MOVIMENTO quer dizer que o utilizador entrou no quarto, enquanto uma sequência MOVIMENTO PORTA quer dizer que o cliente saiu do quarto. Neste último caso o quarto será desligado mesmo que o cartão esteja no leitor. Se por exemplo ainda ficou alguém dentro do quarto a dormir, mal seja detectado movimento o quarto é imediatamente reposto no estado que estava quando o outro utilizador saiu do quarto. Consegue-se assim uma redução muito significativa de custos com climatização. Controlo de iluminação e estores O controlo de iluminação pode incluir comutação on/off e/ou regulação de fluxo, tanto com comando tradicional como por cenários (combinação de estados e níveis). A GTC pode definir o cenário de iluminação e posição do estore que será automaticamente seleccionado ao introduzir o cartão à chegada do cliente. Na GTC fica ainda disponível a informação se o cliente está no quarto ou não (cartão introduzido ou não) bem como qualquer violação ou avaria do sistema. Os estores também podem ser controlados de forma individual a partir da GTC. A temporização da iluminação à saída do quarto está também garantida.

4 Controlo de climatização O controlo de climatização do quarto é feito com um controlador do ventilo convector que recebe a informação da temperatura actual de um dos comandos ONLY do quarto. A sonda térmica pode estar está incluída num dos comandos da iluminação. Está obviamente prevista a entrada para o sensor de janela para desligar a climatização quando se abre a mesma. A GTC pode definir todos os parâmetros da climatização, nomeadamente: - temperatura mínima e máxima do quarto mesmo sem ocupação - temperatura ideal quando o cliente está no quarto - máximo desvio permitido ao cliente - ciclos permitidos (frio, quente ou ambos) - histerese para inversão do ciclo da máquina A GTC pode ainda ligar a climatização do quarto antes do cliente lá chegar ou desligar a climatização por exemplo quando o quarto se encontra desocupado. Ao sair do quarto, a climatização é imediatamente desligada, mesmo que haja temporização da iluminação, de forma a reduzir custos. A temperatura alvo é automaticamente reposta para o valor definido pelo hotel ao retirar o cartão do quarto. Som ambiente O sistema do quarto pode ser completado com som ambiente que pode ter como fonte a televisão, sintonizador FM local, entrada local e entrada remota. O sistema permite o controlo de volume independente para 2 zonas (ex. quarto e casa de banho) com controlo de graves, agudos e Loudness, com limitação de volume programável.

5 Controlo de zonas comuns O sistema ONLY HOTEL permite o controlo e visualização do estado da iluminação, estores, climatização e som ambiente das zonas comuns do hotel através da GTC. Iluminação e estores O controlo de iluminação das zonas comuns pode ser feito manualmente ou por calendarização na GTC ou ainda por detecção de movimento, com ou sem regulação de fluxo. Com regulação, obtém-se resultados de poupança de energia significativos, mantendo-se a iluminação no mínimo quando não há necessidade. O controlo de iluminação pode ser associado a detectores de movimento ou presença ou à imagem de câmaras de vídeo vigilância do sistema EXVA, podendo ligar-se ou aumentar-se a iluminação quando há detecção de movimento no espaço, podendo ainda ser gerados alarmes em caso de detecção de movimento em determinadas zonas com calendarização a espaços de 15 minutos. Por exemplo, a zona da piscina pode ser protegida das 20:00 às 07:00 da manhã, sendo automaticamente gerado um alarme (luz, indicação sonora, mensagem por , popup no ecrã, etc.) se for detectado qualquer movimento durante esse período. Climatização A temperatura das zonas comuns também pode ser controlada através de controladores de ventilo convectores ONLY ligados à GTC com sondas térmicas instaladas em cada espaço.

6 Som ambiente A solução de som para zonas comuns pode ser de vários tipos, nomeadamente recorrendo a colunas e amplificadores de 100V ou com colunas de baixa impedância com mini amplificadores acoplados. Propõem-se vários tipos de fonte e ainda a possibilidade de juntar posteriormente um sistema de evacuação ajudada por voz. Muito importante num sistema de som ambiente é a regulação automática do nível de som, fundamental para um som agradável. A ONLY tem para tal uma solução única no mercado. Controlo de salas de conferências Para as salas de conferências o sistema ONLY HOTEL permite a configuração dinâmica das salas tanto a partir da GTC como de comandos locais. Esse controlo pode incluir iluminação, telas de projecção, cortinados ou estores, som e climatização. Iluminação e estores As salas de conferências são frequentemente de configuração múltipla. Para maior comodidade e eficiência, a GTC pode configurar a iluminação de cada sala de acordo com o layout escolhido, associando ou separando grupos de luminárias de acordo com as necessidades. Cenários de iluminação permitem uma rápida adaptação da iluminação e demais sistemas ao momento da conferência.

7 Climatização As salas de conferências podem ter o controlo da temperatura localmente, sempre com parâmetros e limites estabelecidos pela GTC. O controlo pode ser integrado nos painéis de controlo da iluminação. Som ambiente As salas de conferências podem ter sistemas de conferências ligados ao sistema de som da sala com controlo independente para cada zona. SPA e salas de tratamento O SPA e salas de tratamento podem ter também o controlo de iluminação e climatização controlados pela ONLY com ligação à GTC. Para as salas de tratamento a ONLY propõe um sistema de som local para cada sala com 2 entradas locais e 1 entrada ligada ao som geral do SPA, sendo o design da unidade de som igual a comando de iluminação e climatização.

8 Conceito técnico O sistema ONLY HOTEL assenta num bus de comunicação com protocolo próprio e aberto que permite a comunicação entre os vários módulos do sistema e com a GTC. Este bus está isolado em vários pontos para que não haja propagação de defeitos entre as várias partes. No caso em que vários quadros se combinam para uma só ligação à GTC, distinguem-se o Bus da Coluna Montante, o Bus de cada Quadro de piso, o Bus de cada Piso e o Bus de cada Quarto. Assim por exemplo se houver uma avaria no bus de um piso, o resto do hotel não é afectado, nem mesmo os quartos desse piso. A ONLY propõe várias soluções de ligação à GTC que se adaptam a vários tipos e dimensão de hotel. Nesse sentido, pode haver uma só ou várias ligações do bus ONLY à GTC e esta ligação pode ser feita de várias maneiras e utilizando vários sistemas: - ligação do bus ONLY de um ou vários pisos por adaptador(es) Ethernet - ligação do bus ONLY de um ou vários pisos por adaptador(es) RS232 A visualização e controlo do hotel pode ser feita a partir de um software ONLY autónomo ou integrada num software de gestão mais abrangente, permitindo o mesmo tipo de funcionalidades de uma maneira ou outra.

9 COMANDO COMANDO COMANDO COMANDO Bus de quarto Bus coluna montante Bus de quadro Quadro Quarto Quadro Quarto Bus de piso Quadro de Piso COMANDO COMANDO COMANDO COMANDO Bus de quarto Bus de quadro Quadro Quarto Quadro Quarto Bus de piso Quadro de Piso

10 O bus da coluna montante permite a comunicação entre todos os quadros de piso, parciais ou principais. De cada quadro de piso sai um bus de piso que permite a comunicação entre o quadro de piso e os quadros dos quartos. QUADRO DE QUADRO DE QUADRO DE Bus de piso QUADRO DE PISO QUADRO DE QUADRO DE QUADRO DE Bus de piso Bus coluna montante QUADRO DE PISO Cada quadro de piso tem um isolador de bus à entrada e outro à saída. Dentro dos quadros de piso existe um bus de quadro que interliga os módulos do quadro. Bus de quadro Bus coluna montante ALIMENTADOR = SAÍDAS E ENTRADAS SAÌDAS E ENTRADAS ISOLADOR Bus de piso

11 Em cada quarto é criado um bus de quarto, independente do bus de piso, para a comunicação entre os módulos do quarto. MÓDULOS COMANDO Bus de piso 6A CONTROLADOR DE CONTROLADOR DE AVAC CO-HIN Bus de quarto Num ou mais pontos da instalação pode fazer-se uma ligação à GTC, tanto através de autómatos como através da rede informática, usando para tal um adaptador BUS-RS232 ou BUS-ETHENRNET. ADAPTADOR AUTÓMATO CARTA RS232 CABO RS232 BUS ONLY Com esta estrutura de bus, o sistema ONLY HOTEL apresenta uma robustez muito grande pois cada segmento de bus é galvanicamente isolado dos restantes, evitando que uma avaria num quarto tenha influência no resto do hotel.

12 Equipamentos A ONLY tem a seguinte gama de produtos específicos para quartos de hotel: Nome Descrição Montagem D-ROOMCTRL Controlador de quarto com 8 x On/Off e 3 entradas Calha DIN com alimentador de bus para quarto D-ACCTRL Controlador de ventilo convector Calha DIN D-SHUCTRL Comando de 1 estore Calha DIN CO-HIN Comando de entradas para teclados Caixa funda OT-HS Painel táctil com até 9 sensores CO-HIN OT-TS Painel táctil com até 9 sensores e sonda térmica CO-HIN OC-H4B Teclado de 4 botões de pressão CO-HIN Todos os outros produtos da ONLY podem ser combinados no sistema de hotel, não se listando aqui por serem mais de 100 referências. PF consultar a ONLY para soluções mais completas, nomeadamente com som ambiente. Para os quadros de piso a ONLY tem a seguinte gama de produtos: Nome Alimentação Função D-FDRV 230V~ Alimentador de bus de piso com ligação para coluna montante D-BUSCPL 230V~ Acoplador de 2 troços de bus com isolamento galvânico D-8OUT-3IN 230V~ Módulo on/off 8x10A D-010V 230V~ Módulo regulador de fluxo 0-10V D-FTC2E 230V~ Adaptador de bus para ETHERNET S-FCT V~ Adaptador de bus para RS232

13 Sistema de quarto O sistema ONLY HOTEL para o controlo dos quartos pode ser instalado autonomamente, mesmo sem ligação à GTC. Do ponto de vista de comutação, o sistema pode ser centralizado ou distribuído. Quer isto dizer que tanto se pode comutar as cargas centralmente num quadro eléctrico como se pode comutar as cargas nos pontos de comando. Comutação Centralizada Comutação Distribuída Obviamente, também é possível fazer uma comutação mista, fazendo-se parte da comutação no quadro e parte nos comandos distribuídos. A solução mais adequada é baseada num controlador de quarto D-ROOMCTRL que controla os sistemas do quarto e faz a interligação ao bus de piso. Esta unidade pode fazer a comutação ON/OFF de até 8 circuitos de iluminação e cria um bus de quarto que interliga os equipamentos do quadro e os comandos distribuídos que se situam tipicamente na entrada do quarto, na entrada da casa de banho e na cabeceira da cama. Nota importante: Uma vez que os comandos tácteis ou teclados ONLY têm teclas com gráficos explicativos da respectiva função, é conveniente estes serem instalados a 1.5 m do solo para permitir a sua correcta visualização. Isto não se aplica obviamente aos comandos de cabeceira. Um esquema típico de um quarto de hotel está ilustrado nas páginas seguintes.

14 Fase do contactor Janela L N Q J C Q N L Q B N L D-ACCTRL D-SHUCTRL D-ROOMCTRL C Porta Movimento Chave Comando contactor Ar condicionado VQ VF V1 V2 V3 CM M Painel Táctil OTC-TS B N L Painel Táctil OTC-HS B N L

15 Esquema de quadro do quarto single DO Q.G.P. FRIGO BAR COFRE CONTACTO CARTÃO CONTACTO PORTA DETECTOR MOVIMENTO ILUMINAÇÃO ENTRADA ILUMINAÇÃO LAVATÓRIO ILUMINAÇÃO WC ILUMINAÇÃO 1 ILUMINAÇÃO 2 ILUMINAÇÃO CABECEIRA ILUMINAÇÃO CABECEIRA ILUMINAÇÃO VARANDA COMANDO CONTACTOR CONTACTO JANELA AVAC BAIXA VELOCIDADE AVAC MÉDIA VELOCIDADE AVAC ALTA VELOCIDADE AVAC VÁLVULA QUENTE AVAC VÁLVULA FRIO COMANDOS TÁCTEIS C/ BUS Q BLACK-OUT ABRIR BLACK-OUT FECHAR TUG TUG WC Nota: a linha de bus tem de passar no interruptor diferencial por ser também uma linha activa D-ROOMCTRL (5M) D-ACCTRL (2M) D1SHU (2M) e pelo facto da corrente de retorno do bus ir pelo neutro. bus Q 1x10A 1x10A 1x16A 1x16A 1x6A 1x10A 1x10A 1x6A 1x10A do contactor 2x10A bus B 4x25A 30mA L,N,B

16 TUG TWC RES. contacto cartão Q B N L N Q CJ A1 1 TUG TWC RES. CP BE CC C D-ROOMCTRL D-ACCTRL VQ VF V1 V2 V3 L CONTACTOR A2 2 16A 16A 16A ventiloconvector BUS PISO FRIG TV RES. L N N IL1 IL2 AVAC ONLY CONT. FRIG TV RES DIFERENCIAL N 10A 10A 6A 10A 16A 16A 16A 16A Bus N L para comandos quarto

17 Zonas comuns Para as zonas comuns, o controlo da iluminação e climatização é feito com módulos de saídas e entradas instalados no quadro eléctrico. Somente as sondas térmicas, com ou sem possibilidade de controlo, são instaladas em caixa de aparelhagem nos locais convenientes para uma medida correcta da temperatura. Tipicamente, uma sonda térmica deve ser instalada a cerca de 1.5 metros do solo. O comando dos circuitos pode ser feito a partir da GTC, por detectores de movimento ou presença ligados a entradas ONLY e/ou por comandos instalados na parede. Os equipamentos para controlo das zonas comuns devem estar ligados ao bus de piso. Bus de quadro Bus coluna montante = ALIMENTADOR SAÌDAS E ENTRADAS SAÌDAS E ENTRADAS ISOLADOR Bus de piso Sonda térmica OTC-HT-DC B N L Sonda térmica OTC-HT-DC B N L L N B CJ CMD L N B CJ CMD D-ACCTRL M D-ACCTRL M

18

04-05-2010. Propósito. A ONLY foi criada com o objectivo de fornecer soluções de domótica simples para edifícios. ONLY 2010

04-05-2010. Propósito. A ONLY foi criada com o objectivo de fornecer soluções de domótica simples para edifícios. ONLY 2010 ONLY 2010 Propósito A ONLY foi criada com o objectivo de fornecer soluções de domótica simples para edifícios. 1 Integração A ONLY integra: Segurança Automação Climatização Som ambiente Exemplo: Um botão

Leia mais

ONLY formação técnica. Os sistemas ONLY Os produtos As funcionalidades Pormenores de instalação Resolução de problemas

ONLY formação técnica. Os sistemas ONLY Os produtos As funcionalidades Pormenores de instalação Resolução de problemas ONLY 2008 ONLY formação técnica Os sistemas ONLY Os produtos As funcionalidades Pormenores de instalação Resolução de problemas Agenda: Sistemas ONLY Automação Características Classes de produtos Actuadores

Leia mais

Sistema de domótica flexível. para eficiência energética, segurança e conforto

Sistema de domótica flexível. para eficiência energética, segurança e conforto Sistema de domótica flexível para eficiência energética, segurança e conforto AO RITMO DA SUA FAMÍLIA CONTROLO TOTAL DA SUA CASA 3 SAIR PARA O TRABALHO RAPIDAMENTE! Active o cenário Sair de casa. O sistema

Leia mais

MANUAL DO UTILIZADOR. www.only-pt.pt

MANUAL DO UTILIZADOR. www.only-pt.pt SISTEMA AUTOMAÇÃO DE AUTOMAÇÃO SEGURANÇA SOM MANUAL DO UTILIZADOR www.only-pt.pt INTRODUÇÃO... EQUIPAMENTOS... Princípio de funcionamento... 5 RAMAÇÃO... 6 ESCOLHA DO COMANDO PARA BOTÕES... 6 ASSOCIAÇÃO

Leia mais

SISTEMA DE CLIMATIZAÇÃO

SISTEMA DE CLIMATIZAÇÃO AUTOMAÇÃO SEGURANÇA SOM SISTEMA DE CLIMATIZAÇÃO MANUAL DO UTILIZADOR www.only-pt.pt INTRODUÇÃO... 4 EQUIPAMENTOS... 4 CONTROLOS E INDICAÇÕES... 5 CONFIGURAÇÃO ATRAVÉS DO OTC-CLIMA... 6 1. Ajuste de data

Leia mais

Sistema Modular Wireless

Sistema Modular Wireless Sistema Modular Wireless SEM PILHAS Enjoy a new lifestyle feeling! Bom dia! Este é o meu perfeito despertar! A iluminação entra suavemente no quarto, enquanto o dimmer temporizado aumenta gradualmente

Leia mais

sistema Com esta pode-se criar um sistema ajustado às necessidades dos clientes bem como aos seus estilos de vida.

sistema Com esta pode-se criar um sistema ajustado às necessidades dos clientes bem como aos seus estilos de vida. sistema O nosso inovador sistema utiliza a mais avançada tecnologia de inteligência distribuída, utilizando para o efeito, comunicações baseadas em CAN desenhadas para sistemas críticos. É um sistema revolucionário

Leia mais

Biblioteca de aplicações

Biblioteca de aplicações Biblioteca de aplicações Observação: as descrições que se seguem mostram as ligações que permitem aceder à aplicação correspondente. Se o software Zelio Soft 2 estiver instalado, clique uma vez na ligação

Leia mais

Software de aplicação Tebis

Software de aplicação Tebis 5 Software de aplicação Tebis TL304C V 1 x 4 entradas TL310A V 1 x 10 entradas TL302B V 1 x 2 entradas TL304B V 1 x 4 entradas Referência do produto TXA304 TXA310 TXB302 TXB304 Descrição Módulo 4 entradas

Leia mais

MANUAL DO UTILIZADOR. www.only-pt.pt

MANUAL DO UTILIZADOR. www.only-pt.pt SISTEMA AUTOMAÇÃO DE SOM SEGURANÇA SOM MANUAL DO UTILIZADOR www.only-pt.pt INTRODUÇÃO... 4 OTC-FMC-LCD e OTC-FM2Z-LCD... 4 Controlos e indicações... 5 Ligar /Desligar... 5 Controlo do volume... 5 Sintonizador

Leia mais

PIXELFORCE Representações, Lda Telf: 252 428 094 fax: 252 428 094 WWW.PIXELFORCE.PT

PIXELFORCE Representações, Lda Telf: 252 428 094 fax: 252 428 094 WWW.PIXELFORCE.PT PIXELFORCE Representações, Lda Telf: 252 428 094 fax: 252 428 094 WWW.PIXELFORCE.PT O próximo alvo pode ser a sua casa, durma tranquilo. A paz da mente é o conforto da segurança A Série Conforto da PIXELFORCE

Leia mais

CONVERTEMOS A TECNOLOGIA EM CONFORTO E SEGURANÇA

CONVERTEMOS A TECNOLOGIA EM CONFORTO E SEGURANÇA soluções hotéis CONVERTEMOS A TECNOLOGIA EM CONFORTO E SEGURANÇA Confiança: A segurança que só um grande grupo empresarial com presença em todo o mundo lhe pode oferecer. A Simon Holding, com quase 90

Leia mais

Eunice CRUZ Gestora de produto de Segurança e Sistemas de Gestão de Edifícios

Eunice CRUZ Gestora de produto de Segurança e Sistemas de Gestão de Edifícios Eunice CRUZ Gestora de produto de Segurança e Sistemas de Gestão de Edifícios Introdução à Solução de Gestão de Iluminação Legrand MUNDO MAIS VERDE... MUNDO MAIS VERDE... MUNDO MAIS VERDE... As práticas

Leia mais

Programas informáticos de aplicação Tebis

Programas informáticos de aplicação Tebis 5 Programas informáticos de aplicação Tebis Descrição dos produtos de entrada RF Referência do produto Designação do produto TR302 A / B 2 entradas a encastrar na pilha / sector RF TR304 A / B 4 entradas

Leia mais

Todo o conforto... em sua casa Conceitos Berker KNX

Todo o conforto... em sua casa Conceitos Berker KNX Todo o conforto... em sua casa Conceitos Berker KNX 2 Índice KNX, a norma mundial para a domótica Página 06 l 07 Berker KNX Página 08 l 09 Conforto Página 10 Segurança Página 11 Eficiência energética Página

Leia mais

Módulo de Alimentação de Controlo do Motor LQSE-4M-D Controlador de Motor CA 4 saídas. Unidade do. Painel de parede seetouch QSR.

Módulo de Alimentação de Controlo do Motor LQSE-4M-D Controlador de Motor CA 4 saídas. Unidade do. Painel de parede seetouch QSR. LUTRON Módulo de de Controlo do Motor Controlador de Motor CA 4 saídas Módulo de de Controlo do Motor O módulo de alimentação de controlo do motor consiste numa interface que disponibiliza a integração

Leia mais

AUTIN MARTIN BRUXELAS

AUTIN MARTIN BRUXELAS Domotica Com a domotica TELETASK, pode controlar a iluminação, cortinas, estores, tomadas, ar condicionado, audio, video, segurança... de forma simples por um qualquer botão de comando ou através da alta

Leia mais

MAPA DE PONTOS Diálogos por Protocolos. Analógica SA PRODUÇÃO DE FRIO E CALOR. kwh

MAPA DE PONTOS Diálogos por Protocolos. Analógica SA PRODUÇÃO DE FRIO E CALOR. kwh CHILLER BOMBA DE CALOR Ligação protocolo e interface Contacto seco Ordem de entrada de funcionamento Selecção de regime Contacto seco Alarme reagrupado Contacto seco Manómetro na entrada bar Manómetros

Leia mais

Prime IHC. Intelligent Home Control. Automação residencial com estilo, segurança e economia de energia.

Prime IHC. Intelligent Home Control. Automação residencial com estilo, segurança e economia de energia. Intelligent Home Control com estilo, segurança e economia de energia. Projetos inteligentes exigem um sistema de automação completo. Funcionamento do sistema. O funciona com entradas e saídas, controlando

Leia mais

SOLUÇÕES DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

SOLUÇÕES DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA SOLUÇÕES DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA JAVIER SEGOVIA DIRECTOR ESPANHA E PORTUGAL, LUTRON SÓNIA VIEGAS ENG.ª DE INTEGRAÇÃO SISTEMAS Em 1959, Joel S. Spira, fundador da empresa inventa o regulador de estado

Leia mais

Capacidades do Sistema

Capacidades do Sistema Capacidades do Sistema O dispositivo de Interface Modbus da Toshiba é capaz de monitorizar e controlar as funções de controlo dos sistemas de Ar Condicionado a ele ligados. Função Coniguração Monitor ON/OFF

Leia mais

Conteúdo do pacote. Lista de terminologia. Powerline Adapter

Conteúdo do pacote. Lista de terminologia. Powerline Adapter Powerline Adapter Note! Não expor o Powerline Adapter a temperaturas extremas. Não deixar o dispositivo sob a luz solar directa ou próximo a elementos aquecidos. Não usar o Powerline Adapter em ambientes

Leia mais

Independentemente se a sua casa é Tipo 1 ou Tipo 10, ela pode ter um cérebro, as soluções da control4 são ideais para novas construções ou casas já

Independentemente se a sua casa é Tipo 1 ou Tipo 10, ela pode ter um cérebro, as soluções da control4 são ideais para novas construções ou casas já SMART HOME Independentemente se a sua casa é Tipo 1 ou Tipo 10, ela pode ter um cérebro, as soluções da control4 são ideais para novas construções ou casas já existentes. VIVER A VIDA, AUTOMATICAMENTE

Leia mais

Solução de Aquecimento de Águas de Elevada Eficiência

Solução de Aquecimento de Águas de Elevada Eficiência Solução de Aquecimento de Águas de Elevada Eficiência Gama 04 Gama de 2013 O que é Therma V? 06 O que é Therma V? Vantagens Therma V 08 Elevada Eficiência Energética 10 Programação Semanal 12 Instalação

Leia mais

Gama de Sensores ABB i-bus KNX Tecnologia e design para uma domótica eficiente

Gama de Sensores ABB i-bus KNX Tecnologia e design para uma domótica eficiente Gama de Sensores ABB i-bus KNX Tecnologia e design para uma domótica eficiente ABB i-bus KNX Design 2 Sensores ABB i-bus KNX A integração dos sensores da ABB com a arquitetura do edifício e com o design

Leia mais

Conteúdo do pacote. Lista de terminologia. Powerline Adapter

Conteúdo do pacote. Lista de terminologia. Powerline Adapter Powerline Adapter Note! Não expor o Powerline Adapter a temperaturas extremas. Não deixar o dispositivo sob a luz solar directa ou próximo a elementos aquecidos. Não usar o Powerline Adapter em ambientes

Leia mais

Destaques. Um único sistema de controlo para segurança e conforto; Desempenho elevado e tecnologia de futuro da Siemens;

Destaques. Um único sistema de controlo para segurança e conforto; Desempenho elevado e tecnologia de futuro da Siemens; 1 Não há nada melhor do que saber que a sua família está em casa e em segurança. Agora imagine se pudesse melhorar a segurança e conforto do seu lar apenas com a instalação de um sistema Impossível? Então

Leia mais

marketing@tev.pt www.tev.pt

marketing@tev.pt www.tev.pt marketing@tev.pt www.tev.pt Propósito A ONLY foi criada com o objectivo de fornecer soluções tecnológicas simples para edifícios. Integração A ONLY integra no mesmo sistema: Segurança Automação Climatização

Leia mais

SOFTWARE. Equipamentos de gestão para controlo de acessos

SOFTWARE. Equipamentos de gestão para controlo de acessos SOFTWARE Fácil utilização. Ambiente Windows XP Profissional. Controle individual dos operadores com diferentes níveis de acesso. Registo de todas as entradas, pagamentos, saídas e de anomalias. Informação

Leia mais

Proudly made in Portugal. Dossier de Produto DP MGS P 04/2007 Sinta a Sua Segurança. O Sistema de Segurança MasterGuardian MGS foi concebido para proporcionar segurança, tranquilidade e conforto aos seus

Leia mais

Índice. 1 Sistema DaisaTest. 1. Porquê instalar um Sistema DaisaTest? 2. Funções de um Sistema DaisaTest. 3. Elementos de um Sistema DaisaTest

Índice. 1 Sistema DaisaTest. 1. Porquê instalar um Sistema DaisaTest? 2. Funções de um Sistema DaisaTest. 3. Elementos de um Sistema DaisaTest 1 Sistema DaisaTest Índice 1. Porquê instalar um Sistema DaisaTest? 2. Funções de um Sistema DaisaTest 3. Elementos de um Sistema DaisaTest 3.1 Instalação e guia para a cablagem 3.2 Luminárias de emergência

Leia mais

Soluções de Controlos de Iluminação para escritórios. Philips LightMaster maximiza o conforto e minimiza o consumo de energia com KNX.

Soluções de Controlos de Iluminação para escritórios. Philips LightMaster maximiza o conforto e minimiza o consumo de energia com KNX. Soluções de Controlos de Iluminação para escritórios Philips LightMaster maximiza o conforto e minimiza o consumo de energia com KNX. APRESENTAMOS A GAMA PHILIPS LIGHTMASTER Adicionar a experiência às

Leia mais

Eficiência energética Instalações automatizadas com ABB Niessen - KNX

Eficiência energética Instalações automatizadas com ABB Niessen - KNX Low Voltage Products Eficiência energética Os elevados preços da energia e as preocupações com as alterações climáticas produzidas pela intervenção humana colocaram a eficiência energética no topo das

Leia mais

Controle de acesso FINGER

Controle de acesso FINGER Controle de acesso FINGER MANUAL DE INSTRUÇÕES Sobre esse Guia Esse guia fornece somente instruções de instalação. Para obter informações sobre instruções de uso, favor ler o Manual do usuário.. ÍNDICE

Leia mais

GreenControl GreenHouse Control System Manual de InstaladorV6.0

GreenControl GreenHouse Control System Manual de InstaladorV6.0 GreenControl GreenHouse Control System Manual de InstaladorV6.0 ProBoard Engenharia Electrotécnica, Lda. Lugar das Caldas, nº12 Tel/Fax : +351 253 924 633 4730 457 Vila de Prado e-mail: info@proboard.pt

Leia mais

CAR - Control, Automation and Robotics Group

CAR - Control, Automation and Robotics Group CAR - Control, Automation and Robotics Group Desenvolvimento e implementação de um programa de monitorização e vídeo vigilância de um sistema de refrigeração Luís Ribeiro Supervisão: Prof.ª Filomena Soares

Leia mais

Software de aplicação Tebis

Software de aplicação Tebis Software de aplicação Tebis A faire Módulo 4-6-8-10 saídas ON/OFF Características elétricas/mecânicas: Ver manual do produto Referência do produto Designação do produto Ref. software de aplicação Produto

Leia mais

PAS816BTM. Central de Alarme Bi-Direccional & Acessórios INTRUSÃO ESPECIFICAÇÕES. Características distintivas:

PAS816BTM. Central de Alarme Bi-Direccional & Acessórios INTRUSÃO ESPECIFICAÇÕES. Características distintivas: PAS816BTM Características distintivas: - Central de alarme bi-direcional 8 zonas por cabo totalmente programáveis no painel de controle; - Expansível até 16 zonas através de módulos de expansão ou EXM800

Leia mais

INSTALAÇÕES AT E MT. SUBESTAÇÕES DE DISTRIBUIÇÃO

INSTALAÇÕES AT E MT. SUBESTAÇÕES DE DISTRIBUIÇÃO INSTALAÇÕES AT E MT. SUBESTAÇÕES DE DISTRIBUIÇÃO Sistemas de iluminação, tomadas interiores, extracção de fumos, ar condicionado, centrais de intrusão e incêndio Regras de execução Elaboração: GTRPT Homologação:

Leia mais

Sistemas automáticos de detecção de intrusão

Sistemas automáticos de detecção de intrusão EB 2,3 Ciclos de Gondomar AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE GONDOMAR Sistemas automáticos de detecção de intrusão A instalação de sistemas automáticos de detecção de intrusão é, hoje em dia, um facto generalizado

Leia mais

SISTEMAS PREDIAIS II. Automação Predial

SISTEMAS PREDIAIS II. Automação Predial PCC-2466 SISTEMAS PREDIAIS II Automação Predial Serviços dos Edifícios HIDRÁULICOS Água Fria; Água Gelada; Água Quente; Sistemas de Aquecimento (solar etc.); Esgotos Sanitários; Águas Pluviais; Drenagem

Leia mais

_ esquentadores solares a gás p.34. gama. solasis

_ esquentadores solares a gás p.34. gama. solasis _ esquentadores solares a gás p.34 gama solasis Esquentadores solares. Conforto com a máxima poupança. A Fagor, na sua constante busca de novas soluções que respeitem o ambiente, desenvolveu quatro modelos

Leia mais

Central de Detecção de Incêndio 4 Zonas Manual de Instalação

Central de Detecção de Incêndio 4 Zonas Manual de Instalação Central de Detecção de Incêndio 4 Zonas Manual de Instalação Características Quatro zonas com capacidade de teste/isolamento. Dois circuitos de alarme com possibilidade de isolamento. Fonte de alimentação

Leia mais

Promatrix 8000. A solução integrada para ProAudio, Instalação fixa. Deutsch

Promatrix 8000. A solução integrada para ProAudio, Instalação fixa. Deutsch Promatrix 8000 A solução integrada para ProAudio, Sistema de chamada e Evacuação por voz Instalação fixa Deutsch Pr o m a t r i x 8000 O Promatrix 8000 proporciona a melhor qualidade áudio, graças aos

Leia mais

ESQUENTADORES SENSOR GREEN

ESQUENTADORES SENSOR GREEN ESQUENTADORES SENSOR GREEN SOLUÇÕES DE ÁGUA QUENTE Índice A eficiência na produção de água quente em grandes quantidades 03 Aplicações e Utilizações 05 Benefícios para o Instalador 06 Líder em Tecnologia

Leia mais

EBS ETAP Central Battery Systems

EBS ETAP Central Battery Systems EBS ETAP Central Battery Systems A gama de EBS da ETAP faculta sistemas de bateria centrais para instalações de iluminação de emergência e os seus diversos produtos podem ser utilizados em grandes e pequenos

Leia mais

Alarme Aquecimento Quarto Sala Cozinha Garagem Presente Param. Mensagem

Alarme Aquecimento Quarto Sala Cozinha Garagem Presente Param. Mensagem Minha habitação Aplicação para telemóvel Manual de instalação e utilização PT Alarme Aquecimento Quarto Sala Cozinha Garagem Presente Mensagem Índice 1- Apresentação...............................................3

Leia mais

EXCELLUM. Sistema de controlo de iluminação e gestão de energia endereçável DALI. Excellum Network

EXCELLUM. Sistema de controlo de iluminação e gestão de energia endereçável DALI. Excellum Network EXCELLUM Excellum Network DALI Sistema de controlo de iluminação e gestão de energia endereçável O EXCELLUM COMBINA POUPANÇA COM CONFORTO NA ILUMINAÇÃO O Excellum é um sistema de controlo de iluminação

Leia mais

Software para a gestão dos chillers SEQUENCIADOR RHOSS

Software para a gestão dos chillers SEQUENCIADOR RHOSS 104 Software para a gestão dos chillers SEQUENCIADOR RHOSS Gestão de vários chillers em paralelo hidráulico Gestão do modo Verão/Inverno nas bombas de calor Gestão set-point do sistema Gestão dos parâmetros

Leia mais

Sistema inteligente de gestão de chaves e objectos de valor

Sistema inteligente de gestão de chaves e objectos de valor Sistema inteligente de gestão de chaves e objectos Onde estão as cópias de segurança das chaves? Quem foi a última pessoa a utilizar o carro? Quando foi a última vez que o técnico esteve na cave? RFid

Leia mais

Protecção contra sobretensões. Descarregadores de sobretensões

Protecção contra sobretensões. Descarregadores de sobretensões Protecção contra Descarregadores Protecção contra As podem muitas vezes causar danos irreparáveis nas instalações eléctricas, bem como, nos equipamentos eléctricos e electrónicos. Os descarregadores são

Leia mais

Telegestão energética

Telegestão energética . Gestor energético Telegestão energética. Gestor energético Tecnologia para a eficiência energética . Gestor energético Telegestão Energética Na CIRCUTOR, dedicámos mais de 35 anos ao fabrico e distribuição

Leia mais

Referência do modelo 3. Especificações 4. Antes de usar 5, 6. Peças e acessórios 7

Referência do modelo 3. Especificações 4. Antes de usar 5, 6. Peças e acessórios 7 Página Referência do modelo 3 Especificações 4 Antes de usar 5, 6 Peças e acessórios 7 Instalação 8, 9 Modo de operação para modelos mecânicos Modo de operação para modelos electrónicos 10, 11 12, 13 Drenagem

Leia mais

Access Professional Edition O sistema de controle de acesso flexível que cresce com o seu negócio

Access Professional Edition O sistema de controle de acesso flexível que cresce com o seu negócio Access Professional Edition O sistema de controle de acesso flexível que cresce com o seu negócio 2 Access Professional Edition: a solução de controle de acesso ideal para empresas de pequeno e médio porte

Leia mais

O papel da eficiência e inovação energética nos edifícios

O papel da eficiência e inovação energética nos edifícios O papel da eficiência e inovação energética nos edifícios Apresentação no INETI 25 Junho, 2012 A energia está associada à maioria dos actuais desafios de sustentabilidade Resíduos Aquecimento global Poluição

Leia mais

Sistema de Alarme Sem Fios por GSM

Sistema de Alarme Sem Fios por GSM Sistema de Alarme Sem Fios por GSM MANUAL DE INSTRUÇÕES v1.1 Sistema de Alarme Sem Fios por GSM - MANUAL DE INSTRUÇÕES 1 ÍNDICE 1. Introdução e Descrição 3 2. Características 5 3. Especificações Técnicas

Leia mais

APARELHOS DE ILUMINAÇÃO ELÉCTRICA E ACESSÓRIOS

APARELHOS DE ILUMINAÇÃO ELÉCTRICA E ACESSÓRIOS APARELHOS DE ILUMINAÇÃO ELÉCTRICA E ACESSÓRIOS Reguladores de fluxo luminoso Condições de instalação Elaboração: DTI Homologação: conforme despacho do CA de 2010-01-20 Edição: 1ª Emissão: EDP Distribuição

Leia mais

Aviso de confidencialidade

Aviso de confidencialidade Aviso de confidencialidade A informação que consta desta apresentação é confidencial. Qualquer forma de divulgação, reprodução, cópia ou distribuição total ou parcial da mesma é proibida, não podendo ser

Leia mais

www.caiado.pt Produtos Eltako

www.caiado.pt Produtos Eltako Produtos Eltako Os preços apresentados são unitários e não incluem IVA. Estes estão sujeitos a alteração, sem aviso prévio. A TEV2 não se responsabiliza por eventuais erros tipográficos ou de transmissão

Leia mais

Serviço duplo Theta BFC, SGE, SGS para capacidade de aquecimento de 20/30/40 kw

Serviço duplo Theta BFC, SGE, SGS para capacidade de aquecimento de 20/30/40 kw Serviço duplo heta BFC, SGE, SGS para capacidade de aquecimento de 20/30/40 kw Módulo para aquecimento através da instalação de água quente para uso doméstico Serpentina de placas com bomba de AQS, válvula

Leia mais

índice 1. Descrição do produto 2. Pautas de planeamento 3. Instalação 4. Módulos 0. Apresentação produto SimonVIT@

índice 1. Descrição do produto 2. Pautas de planeamento 3. Instalação 4. Módulos 0. Apresentação produto SimonVIT@ 0. Apresentação. O SimonVIT@ é o fruto da contínua investigação da Simon no âmbito das novas tecnologias aplicadas a moradias, edifícios, estabelecimentos comerciais, etc., para dar uma resposta inovadora

Leia mais

CENTRAL DETECÇÃO INCÊNDIO YAZIC. Modelo FP4-4 Zonas Programáveis MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO

CENTRAL DETECÇÃO INCÊNDIO YAZIC. Modelo FP4-4 Zonas Programáveis MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO CENTRAL DETECÇÃO INCÊNDIO YAZIC Modelo FP4-4 Zonas Programáveis MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO Introdução A FP4 é uma Central de Detecção de Incêndio Convencional, equipada com 4 zonas de detecção,

Leia mais

Localização do termostato 14 Posicionamento e instalação do sensor 14. Instalação eléctrica normal 15 Montagem do termostato na caixa de parede 16

Localização do termostato 14 Posicionamento e instalação do sensor 14. Instalação eléctrica normal 15 Montagem do termostato na caixa de parede 16 ÍNDICE INTRODUÇÃo 13 Especificações técnicas 14 POSICIONAMENTO DO TERMOSTATO E DO SENSOR 14 Localização do termostato 14 Posicionamento e instalação do sensor 14 INSTALAÇÃO 15 Instalação eléctrica normal

Leia mais

Acti 9. A eficiência que você merece

Acti 9. A eficiência que você merece Acti 9 A eficiência que você merece Acti 9, a eficiência que você merece Apresentação Acti 9, Eficiente Acti 9, Seguro Acti 9, Simples & inteligente Conclusão 2 40 Anos de experiência e atenção aos nossos

Leia mais

CLIMATIZAÇÃO. Relação de Entradas e Saídas

CLIMATIZAÇÃO. Relação de Entradas e Saídas CLIMATIZAÇÃO O exemplo apresentado aqui controla um sistema que envolve bombas, torres, chillers e fan-coils para climatização ambiente para conforto térmico. Pode-se montar controles para sistemas dos

Leia mais

Sistemas Terciários. Hotéis, Soluções Globais Soluções KNX adaptadas a cada área do hotel. Nuno Carvalho

Sistemas Terciários. Hotéis, Soluções Globais Soluções KNX adaptadas a cada área do hotel. Nuno Carvalho Sistemas Terciários Hotéis, Soluções Globais Soluções KNX adaptadas a cada área do hotel Nuno Carvalho Introduction Desafios dos edifícios Conforto Segurança Comunicação Eficiência energética Evolutivos

Leia mais

Guia Rápido do TVR 12

Guia Rápido do TVR 12 Guia Rápido do TVR 12 Figura 1: Ligações do painel traseiro 1. "Loop through" para um máximo de 16 câmaras analógicas (consoante o modelo de DVR). 2. Ligar a um dispositivo RS-232. 3. Ligar até quatro

Leia mais

CELSIUSNEXT WTD 24 AM E23 WTD 24 AM E31. Manual de instalação e utilização

CELSIUSNEXT WTD 24 AM E23 WTD 24 AM E31. Manual de instalação e utilização Manual de instalação e utilização CELSIUSNEXT 6720608913-00.1AL WTD 24 AM E23 WTD 24 AM E31 Ler as instruções de instalação antes de instalar o aparelho! Antes de colocar o aparelho em funcionamento, ler

Leia mais

Aquecimento eléctrico por fibra de carbono

Aquecimento eléctrico por fibra de carbono Aquecimento eléctrico por fibra de carbono Aquecimento eléctrico por fibra de carbono Pouco dispendioso Alta Tecnologia Ecológico Thermal Technology é uma empresa líder no desenvolvimento de tecnologias

Leia mais

VIESMANN VITOSOLIC. Dados técnicos VITOSOLIC 100 VITOSOLIC 200. Controlador para sistemas de energia solar

VIESMANN VITOSOLIC. Dados técnicos VITOSOLIC 100 VITOSOLIC 200. Controlador para sistemas de energia solar VIESMANN VITOSOLIC Controlador para sistemas de energia solar Nº de referência e preços: ver lista de preços VITOSOLIC 100 Controlador electrónico por diferença de temperatura Para sistemas com produção

Leia mais

Boletim Técnico Agosto / 2011

Boletim Técnico Agosto / 2011 Página 01/08 TÍTULO: INFORMATIVO DO NOVO CONTROLE REMOTO COM FIO PARA UNIDADES SPLITÃO 2 ESTÁGIOS SUMÁRIO Esta publicação visa informar o novo controle remoto com fio para as Unidades da Linha Splitão

Leia mais

automação residencial module neocontrol

automação residencial module neocontrol automação residencial module neocontrol 2014 www.neocontrol.com.br A Neocontrol S/A, indústria brasileira, oferece produtos e soluções para o mercado de automação residencial e predial. Com mais de 215

Leia mais

GESTRA. GESTRA Steam Systems. NRR 2-2e. Manual de Instruções 818464-00 Regulador de nível NRR 2-2e

GESTRA. GESTRA Steam Systems. NRR 2-2e. Manual de Instruções 818464-00 Regulador de nível NRR 2-2e GESTRA GESTRA Steam Systems Manual de Instruções 818464-00 Regulador de nível Dimensões Fig. 2 Fig. 1 Tampa transparente Rede (ver placa de características) Equipado com R m Regulador de esvaziamento Prefer

Leia mais

MANUAL DO UTILIZADOR. www.only-pt.pt

MANUAL DO UTILIZADOR. www.only-pt.pt SISTEMA AUTOMAÇÃO DE SEGURANÇA SOM MANUAL DO UTILIZADOR www.only-pt.pt INTRODUÇÃO... 4 INTRUSÃO zonas periféricas e interiores... 4 SEGURANÇA zonas 24 horas... 5 UNIDADES DO SISTEMA DE SEGURANÇA ONLY...

Leia mais

PERFIL PROFISSIONAL OPERADOR(A) DE ELECTRÓNICA. PERFIL PROFISSIONAL Operador/a de Electrónica Nível 2 CATÁLOGO NACIONAL DE QUALIFICAÇÕES 1/16

PERFIL PROFISSIONAL OPERADOR(A) DE ELECTRÓNICA. PERFIL PROFISSIONAL Operador/a de Electrónica Nível 2 CATÁLOGO NACIONAL DE QUALIFICAÇÕES 1/16 PERFIL PROFISSIONAL OPERADOR(A) DE ELECTRÓNICA PERFIL PROFISSIONAL Operador/a de Electrónica Nível 2 CATÁLOGO NACIONAL DE QUALIFICAÇÕES 1/16 ÁREA DE ACTIVIDADE - ELECTRÓNICA E AUTOMAÇÃO OBJECTIVO GLOBAL

Leia mais

CENTRAL DETECÇÃO INCÊNDIO YAZIC. Modelo FAP2 2 Zonas Programáveis MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO

CENTRAL DETECÇÃO INCÊNDIO YAZIC. Modelo FAP2 2 Zonas Programáveis MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO CENTRAL DETECÇÃO INCÊNDIO YAZIC Modelo FAP2 2 Zonas Programáveis MANUAL DE INSTALAÇÃO E PROGRAMAÇÃO Introdução A FAP2 é uma Central de Detecção de Incêndio Convencional, equipada com 2 zonas de detecção,

Leia mais

Passion for KNX innovation

Passion for KNX innovation Passion for KNX innovation Touch-MyDesign 2 ZVI-TMDP4 ZN1AC-UPFRCR (122.7 x 90.2 x 12 mm.) Touch-MyDesign é um pulsor KNX com botões capacitivos que satisfaz os requisitos de design de qualquer edifício,

Leia mais

Soluções permitem o monitoramento a distância das instalações da casa, visando redução de consumo e alto desempenho

Soluções permitem o monitoramento a distância das instalações da casa, visando redução de consumo e alto desempenho Casa do futuro Soluções permitem o monitoramento a distância das instalações da casa, visando redução de consumo e alto desempenho Por Heloisa Medeiros A rápida evolução de produtos e equipamentos eletrônicos

Leia mais

GUIA PARA A REABILITAÇÃO DOMÓTICA. comunicações, segurança e conforto. PROJETO Cooperar para Reabilitar da InovaDomus

GUIA PARA A REABILITAÇÃO DOMÓTICA. comunicações, segurança e conforto. PROJETO Cooperar para Reabilitar da InovaDomus GUIA PARA A REABILITAÇÃO DOMÓTICA comunicações, segurança e conforto PROJETO Cooperar para Reabilitar da InovaDomus Autoria do Relatório Consultoria RedeRia - Innovation, S.A. Índice 0. Preâmbulo 5 1.

Leia mais

Guia de Seleção Rápida Periféricos dos sistemas de alarme de incêndio LSN

Guia de Seleção Rápida Periféricos dos sistemas de alarme de incêndio LSN Rede de Segurança Local Caracte- rística Cablagem de ligação fácil Capacidade de configuração automática (modo de auto-aprendizagem) Programação de todas as configurações do dispositivo a partir do painel

Leia mais

CAPÍTULO 1 Introdução. Noções e Aplicabilidade de Sistemas Distribuídos.

CAPÍTULO 1 Introdução. Noções e Aplicabilidade de Sistemas Distribuídos. CAPÍTULO 1 Introdução. Noções e Aplicabilidade de Sistemas Distribuídos. José A. Fonseca, Setembro de 1999 1 Organização da Indústria A gestão e organização. O campo: Produção Manutenção Tipos de Indústria:

Leia mais

city-i-a Porta Técnica de Segurança

city-i-a Porta Técnica de Segurança city-i-a Porta Técnica de Segurança 1 city-i-a Porta Técnica de Segurança Fiabilidade, Segurança, Adaptabilidade, Funcionalidade, Simplicidade A city-i-a reinventa o conceito de porta técnica de segurança,

Leia mais

E se conseguisse reduzir os seus custos de energia até 20%?

E se conseguisse reduzir os seus custos de energia até 20%? E se conseguisse reduzir os seus custos de energia até 20%? Uma solução eficaz de Gestão Energética para o Retalho Eficiência Energética no Retalho Será que está a gastar mais em energia do que necessita?

Leia mais

Access Professional Edition O sistema de controle de acesso flexível que cresce com o seu negócio

Access Professional Edition O sistema de controle de acesso flexível que cresce com o seu negócio Access Professional Edition O sistema de controle de acesso flexível que cresce com o seu negócio 2 Access Professional Edition: a solução de controle de acesso ideal para empresas de pequeno e médio porte

Leia mais

Guia de Instalação, Programação e Funcionamento. Conteúdo. Bem-vindo! Programador Fácil de Programar (STPi)

Guia de Instalação, Programação e Funcionamento. Conteúdo. Bem-vindo! Programador Fácil de Programar (STPi) Bem-vindo Programador Fácil de Programar (STPi) Guia de Instalação, Programação e Funcionamento Obrigado por ter adquirido o programador Rain Bird fácil de programar Nas páginas seguintes, vai encontrar

Leia mais

Coluna vari-direccional Propagação do som na direcção certa

Coluna vari-direccional Propagação do som na direcção certa Coluna vari-direccional Propagação do som na direcção certa 2 Coluna vari-direccional da Bosch A última novidade em desempenho sonoro para ambientes de acústica difícil Qualidade de som ímpar e inteligibilidade

Leia mais

CALDEIRA MURAL A GÁS CM ACUMULAÇÃ DINÂMICA Conforto inteligente Agora com H-MD Alta modulação para um maior conforto e poupança Novo Acumulação dinâmica melhorada para o utilizador de água quente mais

Leia mais

Sumário. Detectores Automáticos. Iluminação de Emergência. Prof. Ivan Bottger

Sumário. Detectores Automáticos. Iluminação de Emergência. Prof. Ivan Bottger Sumário Detectores Automáticos Iluminação de Emergência Sumário Análise de riscos Resistência / Reação Atuação Detecção Extinção Retirada dos ocupantes Detectores Automáticos NBR 17240:2011 - Execução

Leia mais

Comandos. Comando domótico de 3 canais estéreo com sintonizador FM. Ecrã táctil. Sintonizador FM com RDS e 12 Memórias de FM.

Comandos. Comando domótico de 3 canais estéreo com sintonizador FM. Ecrã táctil. Sintonizador FM com RDS e 12 Memórias de FM. Para que tenha prazer ao desfrutar do sistema Comandos O comando é o seu principal ponto de acesso a todas as funcionalidades do sistema PRIMUS. Para isto a AKP desenhou e desenvolveu todos os seus comandos

Leia mais

INFO DIAG FERRAMENTAS DE DIAGNÓSTICO

INFO DIAG FERRAMENTAS DE DIAGNÓSTICO CITROËN DTAV INFO DIAG FERRAMENTAS DE DIAGNÓSTICO FILIAIS / IMPORTADORES / DR DISTRIBUIDOR DE VN CITROËN - Preparador de VN - Coordenador de Campanhas REPARADORES AUTORIZADOS CITROËN - Responsável pelo

Leia mais

INSTALAÇÕES AT E MT. SUBESTAÇÕES DE DISTRIBUIÇÃO

INSTALAÇÕES AT E MT. SUBESTAÇÕES DE DISTRIBUIÇÃO INSTALAÇÕES AT E MT. SUBESTAÇÕES DE DISTRIBUIÇÃO Função de automatismo: pesquisa de terras resistentes Especificação funcional Elaboração: INTS, ICTS, ISTS e DNT Homologação: conforme despacho CA de 2007-02-13

Leia mais

BPT E KNX: INTERLIGAÇÃO UNIVERSAL

BPT E KNX: INTERLIGAÇÃO UNIVERSAL BPT E KNX: INTERLIGAÇÃO UNIVERSAL Domótica Anti-intrusão 2 A DOMÓTICA E A ANTI-INTRUSÃO BPT ADOTAM A NORMA KNX A Bpt adota KNX, a norma mundial que permite a gestão automatizada e descentralizada dos sistemas

Leia mais

Regular a tensão com conforto. REGSys. com funções adicionais inteligentes: Nós efectuamos a regulação.

Regular a tensão com conforto. REGSys. com funções adicionais inteligentes: Nós efectuamos a regulação. Nós efectuamos a regulação. REGSys Regular a tensão com conforto com funções adicionais inteligentes: Registador Logbook Modo conversor Estatiscista Monitorização do transformador ParaGramer Programação

Leia mais

Solius 61 Manual de Instruções

Solius 61 Manual de Instruções Zona Industrial de Avintes, nº 103 4430 930 Avintes, V. N. de Gaia web: www.cirelius.pt e-mail: info@cirelius.pt tel: 227 843 817 fax: 227 843 819 Controlador Solar Solius 61 O controlador Solius 61 dispõe

Leia mais

MULTISYS. Caraterísticas:

MULTISYS. Caraterísticas: Caraterísticas: u Controla 508 zonas Electro-Fence u Controla 508 zonas Flexiguard u Controla o sistema SensorPoint u 2032 entradas de alarme usando ACUs u Comunicação RS485 u Comunicação TCP/IP de rede

Leia mais

Migrar para o Excel 2010

Migrar para o Excel 2010 Neste Guia Microsoft O aspecto do Microsoft Excel 2010 é muito diferente do Excel 2003, pelo que este guia foi criado para ajudar a minimizar a curva de aprendizagem. Continue a ler para conhecer as partes

Leia mais

Painel de Incêndio Convencional Série 500 Tão fácil como aprender o alfabeto

Painel de Incêndio Convencional Série 500 Tão fácil como aprender o alfabeto Painel de Incêndio Convencional Série 500 Tão fácil como aprender o alfabeto 2 Um Painel de Incêndio fácil de instalar, configurar, manter e utilizar. Ecrã LCD com indicação de estado para todas as zonas

Leia mais

RELATÓRIO DE ESTÁGIO HOSPITAL DOUTOR MANOEL CONSTÂNCIO INSTALAÇÕES TÉCNICAS. Mestrado em Manutenção Técnica de Edifícios

RELATÓRIO DE ESTÁGIO HOSPITAL DOUTOR MANOEL CONSTÂNCIO INSTALAÇÕES TÉCNICAS. Mestrado em Manutenção Técnica de Edifícios RELATÓRIO DE ESTÁGIO INSTALAÇÕES TÉCNICAS HOSPITAL DOUTOR MANOEL CONSTÂNCIO Mestrado em Manutenção Técnica de Edifícios Fernando Jorge Albino Varela de Oliveira Abrantes Dezembro 2014 ÍNDICE Objectivos

Leia mais

Referência do Modelo: 54311 Termóstato de Ambiente Electrónico, Programável. Manual de Instalação e Funcionamento

Referência do Modelo: 54311 Termóstato de Ambiente Electrónico, Programável. Manual de Instalação e Funcionamento Referência do Modelo: 54311 Termóstato de Ambiente Electrónico, Programável Manual de Instalação e Funcionamento www.chacon.be hotline@chacon.be Índice 1. Introdução...3 2. Características técnicas...6

Leia mais