ÍNDICE ESTACIONÁRIO CARTÕES DE VISITA APLICAÇÕES ASSINATURA DE

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ÍNDICE ESTACIONÁRIO CARTÕES DE VISITA APLICAÇÕES ASSINATURA DE E-MAIL"

Transcrição

1

2 ÍNDICE CONSTRUÇÃO DA MARCA O LOGÓTIPO ÁREA DE PROTECÇÃO ASSINATURA DIMENSÕES MÍNIMAS CORES INSTITUCIONAIS TIPOGRAFIA VERSÕES DA MARCA COMPORTAMENTO SOBRE FUNDOS FOTOGRÁFICOS USO INCORRECTO ESTACIONÁRIO CARTÕES DE VISITA APLICAÇÕES ASSINATURA DE

3 CONSTRUÇÃO DA MARCA

4 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 04 O logótipo é constituído pelo símbolo, a peça de puzzle, e o nome numa relação fixa. O LOGÓTIPO Esta é a versão Principal do logótipo da Mind Source, devendo, por isso, ser utilizada preferencialmente face a todas as outras. As suas proporções, cores e tipo de letra deverão ser integralmente respeitadas, de acordo com as regras adiante definidas. O logótipo é constituído pelo símbolo, a peça de puzzle, e o nome numa relação fixa, como exemplificado. Para garantir a consistência visual, o logótipo não deverá nunca ser redesenhado ou de alguma forma modificado. O logótipo terá de ser sempre reproduzido a partir da arte final original.

5 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 05 O espaço mínimo de protecção do logótipo recomendado deverá ter a dimensão do caracter O, como exemplificado. Esta área deverá estar livre de quaisquer interferências ÁREA DE PROTECÇÃO Deverá ser respeitada a área mínima de protecção ao redor do logótipo, uma área livre de interferência de outros elementos gráficos para preservar a sua integridade visual e legibilidade quando estiver posicionada junto a outros elementos gráficos tais como marcas, textos, etc. Esta área não deve conter nenhum texto ou outro elemento gráfico conferindo mais destaque e clareza à marca. O espaço livre mínimo ilustrado aplica-se a todas as versões da marca e sempre que possível, a margem deve ser aumentada para proteger o logótipo de qualquer outro elemento que esteja próximo e possa impedir ou influenciar a sua leitura e visibilidade.

6 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 06 A assinatura deve acompanhar o logótipo. Esta é a única versão possível de o logótipo se apresentar com assinatura. ASSINATURA Adicionalmente ao logótipo existe uma assinatura All the pieces to decide!. Esta assinatura coexiste com o logótipo numa relação e alinhamento fixos, conforme ilustrado. A assinatura foi cuidadosamente construída e refinada, não a altere ou recrie de modo algum. Não a componha em texto, utilize sempre a respetiva arte final.

7 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 07 Com assinatura Sem assinatura A dimensão mínima que o logótipo deverá ter é de 60 mm com assinatura e de 30 mm sem assinatura. 60 mm 30 mm DIMENSÕES MÍNIMAS A dimensão mínima do logótipo preserva a legibilidade e a integridade da marca. Estas métricas foram cuidadosamente estudada e não devem, em caso algum, ser violadas. Para garantir a legibilidade da reprodução em escalas variadas, recomenda-se que o logótipo não seja reproduzido em tamanho inferior a 60 mm com assinatura. Para dimensões reduzidas do logótipo deverá ser utilizado o logótipo sem assinatura. Com excepção deste caso, é sempre obrigatória a utilização do logótipo com a respectiva assinatura.

8 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 08 L A R A N J A P R E T O PANTONE 137 CVC CMYK RGB HEX ffa311 CMYK RGB HEX f20 As cores corporativas da Mind Source são o Laranja e o Preto CORES INSTITUCIONAIS As cores são um dos elementos mais importantes da identidade, e devem ser sempre reproduzidas o mais fidedignamente possível para assegurar a rápida identificação da marca. A paleta de cor corporativa da Mind Source deriva do logótipo Mind Source. As seguintes matizes foram cuidadosamente selecionadas de modo a manter a integridade da marca. Para uma reprodução consistente das cores Mind Source é indicada em acima a palete de cores que deve ser utilizada.

9 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 09 A fonte que compõem o logótipo da Mind Source é a Trajan Pro e a assinatura é composta pela fonte Swis721 BT. São estas as únicas fontes que podem ser utilizadas no logótipo. Trajan Pro ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVXZ abcdefghijklmnopqrstuvxz & Alitinci psuntius elendae licid ea cus sum repe que sincto od quatus, omnimpo rporerf erspellab il mi, aut est Ovid quid magnam sum inci di ullique non expelen Swis721 BT ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVXZ abcdefghijklmnopqrstuvxz & Alitinci psuntius elendae licid ea cus sum repe que sincto od quatus, omnimpo rporerf erspellab il mi, aut est Ovid quid magnam sum inci di ullique non expelen TIPOGRAFIA A fonte utilizada no logótipo é o Trajan Pro, em caixa alta. Para a assinatura All the Pieces to Decide! é utilizada a fonte Swis721 BT. A tipografia deverá ser sempre respeitada e nunca poderá ser substituida, expandida, condensada ou a esta serem aplicados efeitos especiais que distorçam o lettering original e, consequentemente, o logótipo no seu todo.

10 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 010 Versão Principal Policromática sobre fundo branco Versão Secundária Policromática sobre fundo preto Versão Branco Monocromática sobre fundo colorido Estão aqui apresentadas as diferentes versões do logótipo a aplicar consoante o fundo. Versão Grayscale Monocromática sobre fundo branco VERSÕES DA MARCA Consoante o fundo no qual o logótipo se insere há diferentes versões que devem ser aplicadas. A versão principal é utilizada sobre fundo brancos. A versão policromática com lettering branco é utilizada sobre fundos cinza ou preto. A versão a branco é utilizda sobre todo o tipo de fundos coloridos. Por último, a versão Grayscale apenas é utilizada quando o processo de impressão assim o exige.

11 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 011 Exemplo 1 a Utilização do logótipo em versão policromática sobre fundo fotográfico branco. COMPORTAMENTO SOBRE FUNDOS FOTOGRÁFICOS Aquando da utlização sobre fundos fotográficos, deverá ter-se em atenção que estes permitam a manutenção da legibilidade do logótipo, em qualquer uma das suas versões. As regras de utilização do logótipo sobre diferentes fundos aplicam-se também à utilização do logótipo sobre fundos fotográficos. No Exemplo 1 utiliza-se a versão original da marca sobre o fundo branco. No exemplo 2 utiliza-se a versão policromática da marca com o lettering a branco sobre o fundo preto. No exemplo 3 utiliza-se a versão monocromática a branco da marca sobre o fundo colorido.

12 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 012 Exemplo 1 b Utilização do logótipo em versão policromática sobre fundo fotográfico branco. COMPORTAMENTO SOBRE FUNDOS FOTOGRÁFICOS Aquando da utlização sobre fundos fotográficos, deverá ter-se em atenção que estes permitam a manutenção da legibilidade do logótipo, em qualquer uma das suas versões. As regras de utilização do logótipo sobre diferentes fundos aplicam-se também à utilização do logótipo sobre fundos fotográficos. No Exemplo 1 utiliza-se a versão original da marca sobre o fundo branco. No exemplo 2 utiliza-se a versão policromática da marca com o lettering a branco sobre o fundo preto. No exemplo 3 utiliza-se a versão monocromática a branco da marca sobre o fundo colorido.

13 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 013 Exemplo 2 a Utilização do logótipo em versão policromática com lettering branco sobre fundo fotográfico escuro. COMPORTAMENTO SOBRE FUNDOS FOTOGRÁFICOS Aquando da utlização sobre fundos fotográficos, deverá ter-se em atenção que estes permitam a manutenção da legibilidade do logótipo, em qualquer uma das suas versões. As regras de utilização do logótipo sobre diferentes fundos aplicam-se também à utilização do logótipo sobre fundos fotográficos. No Exemplo 1 utiliza-se a versão original da marca sobre o fundo branco. No exemplo 2 utiliza-se a versão policromática da marca com o lettering a branco sobre o fundo preto. No exemplo 3 utiliza-se a versão monocromática a branco da marca sobre o fundo colorido.

14 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 014 Exemplo 2 b Utilização do logótipo em versão policromática com lettering branco sobre fundo fotográfico escuro. COMPORTAMENTO SOBRE FUNDOS FOTOGRÁFICOS Aquando da utlização sobre fundos fotográficos, deverá ter-se em atenção que estes permitam a manutenção da legibilidade do logótipo, em qualquer uma das suas versões. As regras de utilização do logótipo sobre diferentes fundos aplicam-se também à utilização do logótipo sobre fundos fotográficos. No Exemplo 1 utiliza-se a versão original da marca sobre o fundo branco. No exemplo 2 utiliza-se a versão policromática da marca com o lettering a branco sobre o fundo preto. No exemplo 3 utiliza-se a versão monocromática a branco da marca sobre o fundo colorido.

15 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 015 Exemplo 3 a Utilização do logótipo em versão monocromática a branco sobre fundo fotográfico colorido. COMPORTAMENTO SOBRE FUNDOS FOTOGRÁFICOS Aquando da utlização sobre fundos fotográficos, deverá ter-se em atenção que estes permitam a manutenção da legibilidade do logótipo, em qualquer uma das suas versões. As regras de utilização do logótipo sobre diferentes fundos aplicam-se também à utilização do logótipo sobre fundos fotográficos. No Exemplo 1 utiliza-se a versão original da marca sobre o fundo branco. No exemplo 2 utiliza-se a versão policromática da marca com o lettering a branco sobre o fundo preto. No exemplo 3 utiliza-se a versão monocromática a branco da marca sobre o fundo colorido.

16 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 016 Exemplo 3 b Utilização do logótipo em versão monocromática a branco sobre fundo fotográfico colorido COMPORTAMENTO SOBRE FUNDOS FOTOGRÁFICOS Aquando da utlização sobre fundos fotográficos, deverá ter-se em atenção que estes permitam a manutenção da legibilidade do logótipo, em qualquer uma das suas versões. As regras de utilização do logótipo sobre diferentes fundos aplicam-se também à utilização do logótipo sobre fundos fotográficos. No Exemplo 1 utiliza-se a versão original da marca sobre o fundo branco. No exemplo 2 utiliza-se a versão policromática da marca com o lettering a branco sobre o fundo preto. No exemplo 3 utiliza-se a versão monocromática a branco da marca sobre o fundo colorido.

17 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 017 Utilização Correcta todos os elementos estão correctos MIND Utilização Incorrecta alteração da tipografia SOURCE Utilização Incorrecta ampliação desproporcional Utilização Incorrecta aplicação de rotações Estes são exemplos de utilizações incorrectas do logótipo. Utilização Incorrecta alteração da cor Utilização Incorrecta utilização do outline do logótipo USO INCORRECTO Estão aqui ilustradas representações incorrectas da marca que de modo algum podem acontecer. Em algum momento se deverá: fazer ampliações desproporcionais; alterar o lettering do logótipo; alterar as cores establecidas para o logótipo; aplicar rotações; utilizar o outline do logótipo; ou cccc.

18 ESTACIONÁRIO

19 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 019 CARTÕES DE VISITA Os cartões pessoais deverão ser criados a partir destas normas. As margens, tipo de letra, cor e colocação dos elementos deverão ser escrupulosamente respeitados.

20 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 020 APLICAÇÕES Existem múltiplos suportes para a aplicação da identidade Mind Source. Estão aqui apresentados um conjunto de exemplos desses suportes.

21 MANUAL D E I D ENTI D ADE VISUAL. 021 A tipografia que deve ser utilizada para o restante material, tal como a assinatura, é Candara. ASSINATURA DE A assinatura de deverá ter o formato acima ilustrado. O utilizador do não deverá em momento algum alterar as cores, posição ou dimensão dos elementos que copõem a assinatura.

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS ESCOLA SUPERIOR DE COMUNICAÇÃO SOCIAL MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS VERSÃO 1.0 > INTRODUÇÃO ESTE MANUAL APRESENTA AS REGRAS BÁSICAS DE UTILIZAÇÃO DA NOVA IDENTIDADE VISUAL DA ESCOLA SUPERIOR DE COMUNICAÇÃO

Leia mais

Manual de Normas Gráficas. COMPETE - Programa Operacional Factores de Competitividade

Manual de Normas Gráficas. COMPETE - Programa Operacional Factores de Competitividade Manual de Normas Gráficas COMPETE - Programa Operacional Factores de Competitividade > Índice A Marca 05 Identidade 06. Logótipo 08. Versões 09. Margem de Segurança 10. Dimensão Mínima 11. A Cor 12 Suportes

Leia mais

MANUAL DE NORMAS logótipo TORRES VEDRAS. AGENDA 21

MANUAL DE NORMAS logótipo TORRES VEDRAS. AGENDA 21 MANUAL DE NORMAS logótipo TORRES VEDRAS. AGENDA 21 MANUAL DE NORMAS logótipo TORRES VEDRAS. AGENDA 21 03. Valores da marca 04. Grelha de Construção do Logótipo e Margens de segurança 05. Escalas e Dimensões

Leia mais

I ntrodução. Todas as versões e aplicações que não estiverem aqui contempladas devem ser submetidos à aprovação prévia.

I ntrodução. Todas as versões e aplicações que não estiverem aqui contempladas devem ser submetidos à aprovação prévia. I ntrodução O símbolo-logotipo do LNEG é a face visível da sua identidade. Este manual tem como objectivo definir um conjunto de regras e recomendações que garantam uma aplicação correcta dessa marca.

Leia mais

M A N U A L D E NOR M A S

M A N U A L D E NOR M A S MANUAL DE NORMAS A Construção de uma Marca é o resultado de uma pesquisa apurada. A sua construção obedece a regras precisas, que asseguram o equilíbrio da sua composição. Qualquer alteração das proporções

Leia mais

CENTRO DE HISTÓRIA DA ARTE E INVESTIGAÇÃO ARTÍSTICA MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS

CENTRO DE HISTÓRIA DA ARTE E INVESTIGAÇÃO ARTÍSTICA MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS CYMK (coated euro) PANTONE (solid mate) RGB C 0% M 0% Y 0% K 10 0% C 0% M 0% Y 0% K 50% Pantone Black M 100% Pantone Black M 50% R 0% G 0% B 0% R 156% G 156 % B 156% UNIVERSO

Leia mais

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS CONTEÚDOS 01 RENOVAÇÃO DA MARCA 02 CONSTRUÇÃO DA MARCA 03 DIMENSÕES MÍNIMAS MARGEM MÍNIMA DE SEGURANÇA 04 05 06 CORES COMPORTAMENTOS SOBRE FUNDOS TIPOGRAFIA E RESPETIVOS ESTILOS

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual ÍNDICE 1. MARCA Apresentação... 04 Cores Institucionais... 05 Família Tipográfi ca... 06 Construção... 07 Versões... 08 Fantasia... 09 Grayscale... 10 Uma Cor... 11 Assinaturas...

Leia mais

Manual de Normas Gráficas MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS

Manual de Normas Gráficas MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS Manual de Normas Gráficas MANUAL 1 MANUAL 2 Manual de Normas Gráficas Este manual contém as regras básicas de utilização dos elementos fundamentais de design da marca Ceramics Portugal does it better e

Leia mais

Manual de Normas Gráficas

Manual de Normas Gráficas Manual de Normas Gráficas Introdução Este manual de normas gráficas constitui um guia dos elementos da identidade visual da, bem como, as respectivas normas para a sua correcta utilização e reprodução,

Leia mais

Manual de Identidade Junho de 2011

Manual de Identidade Junho de 2011 Manual de Identidade Junho de 2011 Índice Identidade Visual... 2 O que é a Identidade Visual... 2 Objectivos do Manual de Identidade Visual... 2 Marca... 3 Versão Preferencial... 4 Versão Auxiliar... 4

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Índice Apresentação 5 A Marca 7 Criação da Marca 8 Elementos 9 Tipografia 10 Cores 11 Redução Máxima 12 Área de Proteção 13 Grid de Construção 14 Versão Monocromática 15 Aplicação

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Objetivos Este manual estabelece as formas de comunicação e aplicação da marca Balada Segura para aumentar o seu reconhecimento e consistência para o público. A aplicação das

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual 2 Índice Apresentação A Marca Criação da Marca Elementos Tipografia Cores Redução Máxima Área de Proteção Grid de Construção Versão Monocromática Aplicação Aplicação - Fundo Preto Aplicação - Fundo Especial

Leia mais

Manual pra quê? O que move uma marca? Ela é movida pela CONFIANÇA E PERCEPÇÃO DE VALOR POR SEUS CONSUMIDORES.

Manual pra quê? O que move uma marca? Ela é movida pela CONFIANÇA E PERCEPÇÃO DE VALOR POR SEUS CONSUMIDORES. Manual pra quê? O que move uma marca? Ela é movida pela CONFIANÇA E PERCEPÇÃO DE VALOR POR SEUS CONSUMIDORES. E a marca HEAVYLOAD transmite essa confiança e, também, cria essa percepção! Em cada momento

Leia mais

A marca TURISMO DE PORTUGAL. Manual de Identidade Visual

A marca TURISMO DE PORTUGAL. Manual de Identidade Visual A marca TURISMO DE PORTUGAL Manual de Identidade Visual 01 INTRODUÇÃO Este manual explica os elementos básicos da identidade gráfica da marca Turismo de Portugal, para que possa ser usada de forma clara

Leia mais

Apresentação 3. Conceitos Básicos 4. Conceito da Marca 6

Apresentação 3. Conceitos Básicos 4. Conceito da Marca 6 Sumário Apresentação 3 Conceitos Básicos 4 O Clube 5 Conceito da Marca 6 Versões da Marca Assinatura Principal 7 Assinatura Secundária 8 Escala de Cinza 9 Colorida 9 Preto e Branco positivo 9 Preto e Branco

Leia mais

Município de. Madeira. Capital da Laurissilva

Município de. Madeira. Capital da Laurissilva Município de Introdução A forma sob qual a empresa se apresenta ao público, através do economato, sinalética, publicações, publicidade e material promocional, consistente. Daí a importância de um Manual

Leia mais

ÍNDICE. 1. Marca 1.1 Valores 1.2 Conceito visual

ÍNDICE. 1. Marca 1.1 Valores 1.2 Conceito visual 09.05.2013 ÍNDICE 1. Marca 1.1 Valores 1.2 Conceito visual 2. Elementos Visuais 2.1 Construção 2.2 Área de protecção 2.3 Dimensão mínima 2.4 Tipografia 2.5 Cores 2.6 Marca Registada 3. Assinatura 3.1 Conceito

Leia mais

TRANSBRASILEIRO CARGAS & MUDANÇAS

TRANSBRASILEIRO CARGAS & MUDANÇAS Manual de Identidade Visual INTRODUÇÃO AO MANUAL Respeitar às orientações deste manual significa respeitar a imagem da empresa, dentro e fora de sua corporação, e mostra como é importante a apresentação

Leia mais

manual de normas gráficas Centro de Informação Europeia Jacques Delors

manual de normas gráficas Centro de Informação Europeia Jacques Delors manual de normas gráficas Centro de Informação Europeia Jacques Delors índice Eurocid logótipos de marcas associadas conceito p.2 normas de utilização p.3 construção margens de segurança dimensões cores

Leia mais

Manual de Identidade Visual Golin Módulo II Guia Rápido de Utilização do Logotipo / Meios Digitais. Manual de Identidade Visual junho 2010

Manual de Identidade Visual Golin Módulo II Guia Rápido de Utilização do Logotipo / Meios Digitais. Manual de Identidade Visual junho 2010 1 Manual de Identidade Visual Golin Módulo II Guia Rápido de Utilização do Logotipo / Meios Digitais Manual de Identidade Visual junho 2010 Sumário 2 A marca 3 Introdução 4 Comunicação através de Símbolos

Leia mais

SUMÁRIO INTRODUÇÃO ELEMENTOS E PROPORÇÕES DA ASSINATURA HORIZONTAL VERSÕES DA ASSINATURA HORIZONTAL SÍMBOLO CHAPADO

SUMÁRIO INTRODUÇÃO ELEMENTOS E PROPORÇÕES DA ASSINATURA HORIZONTAL VERSÕES DA ASSINATURA HORIZONTAL SÍMBOLO CHAPADO SUMÁRIO INTRODUÇÃO ELEMENTOS E PROPORÇÕES DA ASSINATURA HORIZONTAL VERSÕES DA ASSINATURA HORIZONTAL SÍMBOLO CHAPADO ELEMENTOS E PROPORÇÕES DA ASSINATURA VERTICAL VERSÕES DA ASSINATURA VERTICAL SÍMBOLO

Leia mais

Manual de Identidade Visual Fiat Manual de Identidade Visual Fiat

Manual de Identidade Visual Fiat Manual de Identidade Visual Fiat Manual de Identidade Visual Fiat Manual de Identidade Visual Fiat De modo geral, a versão de logo preferida para uso é a versão fotográfica com sombra e brilho. Onde não for possível utilizar esta versão,

Leia mais

IDENTIDADE VISUAL Manual de Normas MANUAL DE IDENTIDADE CORPORATIVA. acm. acm ALTO COMISSARIADO PARA AS MIGRAÇÕES. acm

IDENTIDADE VISUAL Manual de Normas MANUAL DE IDENTIDADE CORPORATIVA. acm. acm ALTO COMISSARIADO PARA AS MIGRAÇÕES. acm A FUNÇÃO DO MANUAL A garantia da aplicação correta da identidade ACM é o objetivo da definição do conjunto de regras e recomendações constantes neste manual. Este documento descreve o logótipo, as cores,

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL DO FUNTTEL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL DO FUNTTEL 1 MARCA APRESENTAÇÃO CONHECENDO O LOGO Com o objetivo de unificar os padrões de comunicação visual e normatizar o uso da marca, foi criada a marca do FUNTTEL. O logo pode ser aplicado em duas versões:

Leia mais

Manual de Identidade Visual RIO +20

Manual de Identidade Visual RIO +20 Manual de Identidade Visual RIO +20 ÍNDICE Introdução 1. O selo 2. Aplicação principal 2.1. Construção 2.2. Aplicação em cores sólidas 2.3. Tons de cinza 2.4. Versões monocromáticas 2.5. Redução máxima

Leia mais

Manual da marca 2014

Manual da marca 2014 Manual da marca 2014 Índice 1. Marca 2. Elementos, versões e proporções 3. Área de reserva e redução 4. As cores da marca 4.1. Uso preferencial e versão PB 4.2. Cor complementar 5. Variação de fundos 6.

Leia mais

MAnual de normas. erasmus+ Ja

MAnual de normas. erasmus+ Ja IV.Manualde NormasdaMarca MAnual de normas erasmus+ Ja Um Futuro para ti. >>> índice A Marca >>> 05 Identidade >>> 06 Logótipo >>> 08 Versões >>> 09 Margem de Segurança >>> 10 Dimensão Mínima >>> 11 A

Leia mais

Uma empresa que já atua há tanto tempo no mercado de maneira tão sólida e vitoriosa precisa, através dos tempos, portar-se institucionalmente de um

Uma empresa que já atua há tanto tempo no mercado de maneira tão sólida e vitoriosa precisa, através dos tempos, portar-se institucionalmente de um Uma empresa que já atua há tanto tempo no mercado de maneira tão sólida e vitoriosa precisa, através dos tempos, portar-se institucionalmente de um modo que justifique e reafirme o seu lugar na vanguarda.

Leia mais

manual de identidade visual instituto fonte

manual de identidade visual instituto fonte manual de identidade visual instituto fonte por quê um manual de identidade visual é importante para o instituto fonte? Por uma razão de sentido. Faz sentido para nós conseguir comunicar, em um conjunto

Leia mais

MANUAL DA MARCA. Unilab Reitoria Consup Pró-Reitorias Biblioteca Coordenações EAD. Apresentação regras de aplicação e procedimentos

MANUAL DA MARCA. Unilab Reitoria Consup Pró-Reitorias Biblioteca Coordenações EAD. Apresentação regras de aplicação e procedimentos MANUAL DA MARCA Unilab Reitoria Consup Pró-Reitorias Biblioteca Coordenações EAD Apresentação regras de aplicação e procedimentos 1 ÍNDICE Introdução 03 Logomarca - Unilab Apresentação da Marca Estudo

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL INTRODUÇÃO A marca de uma empresa é seu símbolo mais importante. Através dela o público reconhece a presença da empresa, suas conquistas, sua tradição e seus ideais. Ela nos

Leia mais

02 Versões 03 Construção 04 Cor 05 Tipografia 06 07 08 09 10

02 Versões 03 Construção 04 Cor 05 Tipografia 06 07 08 09 10 19752005 PORTUGUESE ASSOCIATIONOF MANUAL NORMAS 01 Assinatura principal 02 Versões 03 Construção 04 Cor 05 Tipografia 06 07 08 09 10 Não é permitido Não é permitido Tamanho mínimo e margem de segurança

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Apresentação A marca é o maior patrimônio de uma empresa. Nela estão depositadas toda sua força e história. A forma como você escreve essa marca, acrescentando características

Leia mais

guia de aplicação da marca

guia de aplicação da marca guia de aplicação da marca Sumário 03 apresentação A marca mek Usos incorretos 04 a marca principal 12 o que não fazer 05 06 07 08 09 10 11 cores da marca variações - aplicações sobre fundos nas cores

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual 5 Apresentação da Marca A marca completa, com slogan, deve ser a versão utilizada preferencialmente. Já a versão marca simplificada, sem o slogan, só será utilizada quando não

Leia mais

MANUAL MANUAL DE USO DA MARCA SELO SOLAR

MANUAL MANUAL DE USO DA MARCA SELO SOLAR MANUAL MANUAL DE USO DA MARCA SELO SOLAR ÍNDICE 01. Uso do Manual 02. Construção da marca 03. Área de proteção 04. Dimensão minima 05. Especificações Cromáticas 06. Uso em monocromia 07. Tipografia 08.

Leia mais

Manual de Aplicação da Marca do BRB

Manual de Aplicação da Marca do BRB Manual de Aplicação da Marca do BRB Banco de Brasília Superintendência de Marketing Dezembro de 2011 Redução Para garantir que a marca do BRB esteja sempre legível e não apresente ruídos, foi estabelecido

Leia mais

MANUAL APLICAÇÃO LOGOTIPO LINTEC

MANUAL APLICAÇÃO LOGOTIPO LINTEC SUMÁRIO INTRODUÇÃO 03 APRESENTAÇÃO 04 VERSÃO INSTITUCIONAL 05 VERSÃO VERTICAL E HORIZONTAL 06 PRETO E BRANCO 07 PADRÕES CROMÁTICOS 08 MALHA CONSTRUTIVA 09 ÁREA DE PROTEÇÃO 10 REDUÇÃO MÁXIMA 11 APLICAÇÕES

Leia mais

ANEXO II MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

ANEXO II MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL ANEXO II MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL 1.1. Símbolo O símbolo Infraero é um importante elemento da identidade visual da empresa, contribuindo para transmitir os atributos de sua imagem. O deseno do símbolo

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Confiabilidade Confiabilidade será nossa palavra-chave: todas as nossas ações serão no sentido de conquistar o reconhecimento da OniSat como uma grande empresa na área de rastreamento.

Leia mais

Manual da Marca CORITIBA FOOT BALL CLUB

Manual da Marca CORITIBA FOOT BALL CLUB Manual da Marca CORITIBA FOOT BALL CLUB APRESENTAÇÃO Marca forte é o primeiro passo para se alcançar o sucesso. Mas, para ser forte, a marca precisa estar exposta corretamente, sem variações de formato

Leia mais

Sumário. conceito... apresentação... paleta de cores... escala de cinza... traço (p/b)... traço (cor)... tipologia... grid... redução máxima...

Sumário. conceito... apresentação... paleta de cores... escala de cinza... traço (p/b)... traço (cor)... tipologia... grid... redução máxima... manual da marca Sumário conceito... apresentação... paleta de cores... escala de cinza... traço (p/b)... traço (cor)... tipologia... grid... redução máxima... assinatura conjunta... aplicação sobre fundo

Leia mais

2013: Ano da Contabilidade no Brasil. Manual de aplicação da marca

2013: Ano da Contabilidade no Brasil. Manual de aplicação da marca Apresentação A profissão contábil é um ofício antigo, que evoluiu e continua evoluindo, mas a sociedade não tem consciência dessa visão histórica, nem mesmo da importância dessa profissão para os dias

Leia mais

Manual de identidade Programa Operacional de Assistência Técnica Fundo Social Europeu

Manual de identidade Programa Operacional de Assistência Técnica Fundo Social Europeu Manual de identidade Programa Operacional de Assistência Técnica Fundo Social Europeu nota prévia Este manual tem o objectivo de contribuir para uma coerente e eficaz comunicação da identidade POAT FSE

Leia mais

Enap. Manual de uso da marca

Enap. Manual de uso da marca Manual de uso da marca O símbolo transmite seriedade, objetividade e contemporaneidade compatíveis com a instituição e também continuidade em relação ao sinal de identificação anteriormente usado. O desenho

Leia mais

Manual de identidade. Centro de Informação Europeia Jacques Delors

Manual de identidade. Centro de Informação Europeia Jacques Delors Manual de identidade (CIEJD) Direcção-Geral dos Assuntos Europeus (DGAE) Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE) Autor: Carla Lopes design.avulso@gmail.com www.designavulso.blogspot.com Acesso em linha:

Leia mais

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS INTRODUÇÃO Este manual apresenta normas gráficas e estabelece regras de funcionalidade gráfica para o logótipo PUBLIRÁDIO. É um manual de consulta, que demonstra regras e cuidados a ter na sua reprodução

Leia mais

Uso correto da Marca ONS. versão 1.0 dezembro 2012

Uso correto da Marca ONS. versão 1.0 dezembro 2012 Uso correto da Marca ONS versão 1.0 dezembro 2012 O ONS desempenha com eficiência e eficácia seu papel no setor elétrico. A Marca ONS identifica e representa a organização e todos que a formam. Este documento

Leia mais

MANUAL DE USO E APLICAÇÃO DA MARCA

MANUAL DE USO E APLICAÇÃO DA MARCA MANUAL DE USO E APLICAÇÃO DA MARCA ÍNDICE 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 APRESENTAÇÃO DEFESA DA MARCA FAMÍLIA TIPOGRÁFICA PADRÃO CROMÁTICO APLICAÇÕES E VERSÕES LIMITES DE REDUÇÃO

Leia mais

manual de identidade visual

manual de identidade visual manual de identidade visual manual-perpart2.indd 1 índice 02 03 Apresentação A Marca 20 Papelaria Institucional Cartão de Visita I 04 A Marca 21 Cartão de Visita II 05 Logotipo 22 Envelope Ofício 06 Símbolo

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL VOLUME 1 - SISTEMA BÁSICO MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL GUIA PARA APLICAÇÃO DA IDENTIDADE VISUAL DO PROJETO TARAMANDAHY - FASE 2 1 MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL SISTEMA BÁSICO 2 REDESENHO DA MARCA TARAMANDAHY

Leia mais

JUNHO 2014 V.01 MARCA GUIMARÃES MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS

JUNHO 2014 V.01 MARCA GUIMARÃES MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS JUNHO 2014 V.01 MARCA GUIMARÃES MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS ÍNDICE 01. INTRODUÇÃO 02. IDENTIDADE MÚLTIPLA 03. MARCA INSTITUCIONAL 01. VERSÕES INSTITUCIONAIS 02. PATRIMÓNIO MUNDIAL 03. NOVAS VERSÕES 04. ESPAÇO

Leia mais

Guia de Uso DAMARCA V1.0 - Maio. 2011

Guia de Uso DAMARCA V1.0 - Maio. 2011 Guia de Uso DAMARCA V1.0 - Maio. 2011 Apresentação 3 Elementos da marca 4 Versões de uso preferencial 5 Cores 6 Aplicação em substrato metalizado 7 Versão degradê 8 Versões em P&B 9 Área de não interferência

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Ficha Técnica GRUPO FOCKINK PANAMBI - RS - BRASIL Setembro de 2003 LAYOUT E CONFECÇÃO DO MANUAL POR Marketing Grupo Fockink GRUPO FOCKINK 02 Índice Introdução ELEMENTOS INSTITUCIONAIS

Leia mais

Identidade Visual. 4Normas para a construção da Marca 4Utilizações corretas 4Aplicações em material Promocional

Identidade Visual. 4Normas para a construção da Marca 4Utilizações corretas 4Aplicações em material Promocional Identidade Visual 4Normas para a construção da Marca 4Utilizações corretas 4Aplicações em material Promocional ÍNDICE Introdução A Marca A Tipografia Um pouco da História... 03 Diagrama da Estrutura 04

Leia mais

manual de normas gráficas UNIVERSIDADE LUSÓFONA

manual de normas gráficas UNIVERSIDADE LUSÓFONA manual de normas gráficas UNIVERSIDDE LUSÓFON manual normas Os valores centrais da nossa Marca No início deste ano lectivo de 2014/2015, a Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias renova a sua

Leia mais

ni t núcleo de inovação tecnológica Manual de Identidade Visual NIT Mantiqueira

ni t núcleo de inovação tecnológica Manual de Identidade Visual NIT Mantiqueira ni t Manual de Identidade Visual NIT Mantiqueira março de 2015 Introdução A marca é o elemento central de uma identidade visual. Quando bem utilizada, torna-se o item primário para o reconhecimento de

Leia mais

Manual de Uso da Marca da Faculdade Sumaré. Marketing - Fevereiro de 2012

Manual de Uso da Marca da Faculdade Sumaré. Marketing - Fevereiro de 2012 Manual de Uso da Marca da Faculdade Sumaré Marketing - Fevereiro de 2012 A PROPOSTA Com o passar do tempo, as empresas conquistam espaço no mercado em que atuam e tornam-se mais conhecidas e respeitadas.

Leia mais

MANUAL. de Identidade Visual

MANUAL. de Identidade Visual MANUAL de Identidade Visual ÍNDICE APRESENTAÇÃO 1 ELEMENTOS Gráficos Logomarca...04 Malha Construtiva e Arejamento...05 Escala de Cores...06 USO da Marca 2 3 Material de Divulgação Institucional...08 Material

Leia mais

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS ÍNDICE Índice 2 Logótipo 3 Grelha de Construção 4 Margens de Segurança 5 Cores (positivo/negativo) 6 Fundos Gráficos 7 Tipografia 8 Proteção da Marca 9 Reduções Máximas 10 2 LOGÓTIPO

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Sumário Apresentação 3 Logotipo - Versões Cromáticas 4 Diagrama de Construção, Área de Reserva e Redução 5 Convivência com Outras Marcas 6 Patrocínio 7 Aplicações sobre Fundos 8 Aplicações Incorretas 9

Leia mais

Manual de Padronização

Manual de Padronização Manual de Padronização das Marcas EBC e seus veículos Novembro de 2013 1. Marca da EBC 4 1.1 Reduções mínimas 5 1.2 Aplicações da marca 6 1.3 Tipografia 7 1.4 Cor da marca 8 1.5 Usos Indevidos 9 2. Marca

Leia mais

Diretrizes para gestão da marca

Diretrizes para gestão da marca Diretrizes para gestão da marca O símbolo transmite brasilidade e fluidez, além de representar a evolução constante da Eletrobras, um movimento contínuo e dinâmico. O azul representa a água, que se renova

Leia mais

Resumo MANUAL DE MARCA. neodent.com.br/identidade-corporativa

Resumo MANUAL DE MARCA. neodent.com.br/identidade-corporativa neodent.com.br/identidade-corporativa MANUAL Resumo DE MARCA 01 a Componentes da marca Cores da marca As cores podem incitar uma emoção e evocar uma associação com a marca. A importância da cor não está

Leia mais

Manual de Identidade Visual Cotrijuc

Manual de Identidade Visual Cotrijuc Manual de Identidade Visual Cotrijuc Índice Padrão cromático Monocromia Negativo e Positivo Tons de cinza PB Malha Construtiva Dimensionamentos Limite de redução Aplicações sobre fundos Margem de segurança

Leia mais

embria Manual de identidade visual Normas e padrões de utilização

embria Manual de identidade visual Normas e padrões de utilização emia Manual de identidade visual Normas e padrões de utilização Índice 01 Navegue: Pag. 2 - A marca Pag. 3 - Utilizações incorretas da marca Pag. 4 - Reserva de integridade Pag. 5 - Versão quadricromia,

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual ÍNDICE 1. Marca 1.1 Apresentação 1.2 Versões de assinatura 1.2.1 Recomendações 1.3 Negativo e positivo 1.4 Escala de cinza 1.5 Versão não cromia 1.6 Área de proteção 1.7 Redução

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Marca Sumário 1. Apresentação 03 2. Uso do Manual 04 3. Componentes do Design 05 4. Logomarca 06 5. Assinatura 09 6. Área de Proteção 10 7. Alinhamento 11 8. Grade de Construção 12 9. Tipologia

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Introdução A logomarca Rio+20 - Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável - e o material de campanha foram desenhados pela Graphic Design Unit, nas Nações

Leia mais

Manual de uso da Marca do Governo Municipal de Londrina. Núcleo de Comunicação - 2013

Manual de uso da Marca do Governo Municipal de Londrina. Núcleo de Comunicação - 2013 1 Manual de uso da Marca do Governo Municipal de Londrina Núcleo de Comunicação - 2013 2 Índice 1 - Introdução 04 2 - Marca do Governo Municipal 05 3 - Zona de exclusão 06 4 - Reduções mínimas 07 5 - Variantes

Leia mais

Manual de Identidade Visual Diretrizes de uso e gestão da marca

Manual de Identidade Visual Diretrizes de uso e gestão da marca Manual de Identidade Visual Diretrizes de uso e gestão da marca Manual de Identidade Visual - 1 Um projeto de identidade visual tem o propósito de desenvolver a marca e os elementos gráficos que constituem

Leia mais

Manual de Identidade Visual. Laboratório de Experimentação Remota INE/CTC/UFSC

Manual de Identidade Visual. Laboratório de Experimentação Remota INE/CTC/UFSC Manual de Identidade Visual Laboratório de Experimentação Remota INE/CTC/UFSC 14 de maio de 2002 Este manual foi criado e desenvolvido por Guilherme Corrêa Meyer guilhermecmeyer@hotmail.com - 9121 9171

Leia mais

A Identidade Visual de uma empresa é um de seus principais patrimônios.

A Identidade Visual de uma empresa é um de seus principais patrimônios. Apresentação A Identidade Visual de uma empresa é um de seus principais patrimônios. É por meio dela que uma instituição apresenta, seus valores, sua filosofia, sua postura profis-sional, torna-se visível

Leia mais

Apresentação. Identidade Visual

Apresentação. Identidade Visual Apresentação Identidade Visual É o conjunto de elementos gráficos que compõem o universo da marca. Neste manual, apresentamos regras e orientações para utilizá-los de maneira coerente e consistente, transmitindo

Leia mais

Manual de uso da marca do Governo Federal. SECOM / PR Janeiro de 2015

Manual de uso da marca do Governo Federal. SECOM / PR Janeiro de 2015 Manual de uso da marca do Governo Federal SECOM / PR Manual de uso da marca do Governo Federal 1.1 Introdução 3 1.2 Logomarca do Governo Federal 4 1.3 Proporções e medições 5 1.4 Zona de eclusão 6 1.5

Leia mais

Manual de Aplicação da Marca

Manual de Aplicação da Marca ICIPAL - AD A MUNICIPAL - ADM A MUNICIPAL - ADMINI Manual de Aplicação da Marca ade n PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAMONTE Administração 2013/2016 cidade cidade nos nos 1 2 Manual de Aplicação da Marca Padronização

Leia mais

Padrões da Marca de Bandeira Maestro

Padrões da Marca de Bandeira Maestro ORIENTAÇÕES DA MARCA Padrões da Maestro Versión 8.0 Abril 2015 Maestro A Maestro pode aparecer apenas nas versões aprovadas. A escolha da versão depende da aplicação, das restrições orçamentárias, das

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL L INTRODUÇÃO A marca é a expressão da identidade de uma instituição diante do seu público. Por isso, é importante que todo tipo de comunicação da instituição utilize a identidade

Leia mais

Conceito Visual. Manual de aplicação de Marca

Conceito Visual. Manual de aplicação de Marca Conceito Visual Conceito Visual Qualidade e Durabilidade Principal característica a ser transmitida na comunicação, os produtos são feitos com alto padrão de qualidade e durabilidade, é o ponto mais forte

Leia mais

Uma empresa que já atua há tanto tempo no mercado de maneira tão sólida e vitoriosa precisa portar-se institucionalmente, através dos tempos, de um

Uma empresa que já atua há tanto tempo no mercado de maneira tão sólida e vitoriosa precisa portar-se institucionalmente, através dos tempos, de um Uma empresa que já atua há tanto tempo no mercado de maneira tão sólida e vitoriosa precisa portar-se institucionalmente, através dos tempos, de um modo que justifique e reafirme o seu lugar na vanguarda.

Leia mais

Aplicações da Logomarca Logomarca Preferencial - Assinatura Horizontal - Secretaria Logomarca Preferencial - Assinatura Vertical - Secretaria

Aplicações da Logomarca Logomarca Preferencial - Assinatura Horizontal - Secretaria Logomarca Preferencial - Assinatura Vertical - Secretaria Índice 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 Apresentação A logomarca da Prefeitura de Palmas Proporções e medições Zona de exclusão Redução mínima Variantes de cor Cores

Leia mais

Departamento de Engenharia Industrial MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

Departamento de Engenharia Industrial MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Engenharia Industrial MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Apresentação Introdução / Conceito 02 Área de Proteção 03 Versões 04 Aplicação Sobre Fundo Colorido 06 Aplicação Sobre Fundo Claro e/ou Escuro 07 Aplicação

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL ÍNDICE 1. MARCA Definições de Interesse... 03 Conceito... 04 Desenho... 06 Cores... 07 Tipografia... 08 Uso Incorreto da Marca... 09 Redução da Marca... 10 Versões Monocromáticas...

Leia mais

Manual de Identidade Visual. Marca Jogos Limpos

Manual de Identidade Visual. Marca Jogos Limpos Manual de Identidade Visual Marca Jogos Limpos Conceito Sinal gráfico que remete ao caule de uma muda de árvore, estruturado na Proporção Áurea. Essa proporção é facilmente encontrada na estrutura de inúmeras

Leia mais

Manual de Identidade Visual Governo do Estado do Rio Grande do Sul

Manual de Identidade Visual Governo do Estado do Rio Grande do Sul Manual de Identidade Visual Governo do Estado do Rio Grande do Sul todos pelo rio grande É com muita satisfação que apresentamos a nova forma de expressão do Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Daqui

Leia mais

A extensa região territorial que abrange a estrutura multicampi da Unoesc é fator de orgulho

A extensa região territorial que abrange a estrutura multicampi da Unoesc é fator de orgulho Manual de Marca Apresentação A marca da Unoesc foi desenvolvida a partir de um estudo baseado no perfil histórico representativo da instituição Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc), tomando

Leia mais

A marca de uma empresa é construída ao longo de sua existência e inclui seu nome, sua logomarca e identidade visual, suas peças de comunicação, seu

A marca de uma empresa é construída ao longo de sua existência e inclui seu nome, sua logomarca e identidade visual, suas peças de comunicação, seu A marca de uma empresa é construída ao longo de sua existência e inclui seu nome, sua logomarca e identidade visual, suas peças de comunicação, seu relacionamento com todos os públicos de interesse, seus

Leia mais

Manual de Identidade Corporativa

Manual de Identidade Corporativa Manual de Identidade Corporativa Identidade Corporativa O que é Identidade Corporativa Identidade Corporativa é o conjunto de imagens, símbolos, logotipos, cores, fontes e padrões gráficos que são definidos

Leia mais

REGULAMENTO DE DIVULGAÇÃO DO ESTATUTO DE ENTIDADE FORMADORA CERTIFICADA

REGULAMENTO DE DIVULGAÇÃO DO ESTATUTO DE ENTIDADE FORMADORA CERTIFICADA REGULAMENTO DE DIVULGAÇÃO DO ESTATUTO DE ENTIDADE FORMADORA CERTIFICADA Objetivo e âmbito de aplicação O presente regulamento define as regras de utilização do certificado que comprova a certificação da

Leia mais

Manual UnivFumec.qxd 29/10/2004 16:49 Page 1

Manual UnivFumec.qxd 29/10/2004 16:49 Page 1 Manual UnivFumec.qxd 29/10/2004 16:49 Page 1 1 Manual UnivFumec.qxd 29/10/2004 16:49 Page 2 MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL UNIVERSIDADE F U M E C 2 Manual UnivFumec.qxd 29/10/2004 16:49 Page 3 O maior patrimônio

Leia mais

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS DA ADMINISTRAÇÃO MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS DA ADMINISTRAÇÃO MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Sumário Identificação... Justificativa... Padrão Cromático... Malha Construtiva... Redução Máxima e Área de Proteção... Tipografia... Uso da Marca... Aplicações em Fundo Colorido...

Leia mais

Manual de Identidade Visual da Marca Fiat

Manual de Identidade Visual da Marca Fiat Manual de Identidade Visual da Marca Fiat Conceito A construção de um logo...é Em última instância o reflexo da integração da empresa que simboliza. Seu efeito depende consideravelmente da sua exposição

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL ÍNDICE CONSTRUÇÃO Versão preferencial... 03 Malha construtiva... 04 Cores institucionais... 05 USABILIDADE Área de não interferência... 06 Redução máxima... 07 Aplicações sobre

Leia mais

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS

MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS MANUAL DE NORMAS GRÁFICAS Este Manual, visa estabelecer e consolidar a identidade das marcas das empresas do GRUPO NETT, através de um conjunto de recomendações e especificações de normas essenciais. Seguir

Leia mais

Introdução. A cartilha visa uniformizar o uso da marca pelos órgãos municipais com regras e limites claros.

Introdução. A cartilha visa uniformizar o uso da marca pelos órgãos municipais com regras e limites claros. 1 1 Introdução O Núcleo de Comunicação da Prefeitura de Londrina apresenta nesta cartilha a marca da administração municipal, criada a partir do brasão oficial do município. A marca é uma modernização

Leia mais

Manual de Aplicação da Marca. Manual de Aplicação da Marca

Manual de Aplicação da Marca. Manual de Aplicação da Marca Manual de Aplicação da Marca 1 PROMOB SOFTWARE SOLUTIONS, NOSSA NOVA MARCA A Marca é a propriedade mais importante de uma empresa. Ela incorpora valores e orienta o seu crescimento. Uma Marca é mais que

Leia mais

Manual de Identidade Visual. FACEPE Manual de Identidade Visual 1

Manual de Identidade Visual. FACEPE Manual de Identidade Visual 1 Manual de Identidade Visual FACEPE Manual de Identidade Visual 1 1. MARCA Apresentação Aplicação Cores Institucionais Família Tipográfica Reprodução da Marca Usos Incorretos Redução Área de Respiro Aplicação

Leia mais