Concurso Banco do Brasil Informática

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Concurso Banco do Brasil 2007 - Informática"

Transcrição

1 Leia com Atenção: Antes de repassar a apostila para alguém lembre-se que isso é crime, lembre-se que foi necessário uma demanda muito grande de tempo para a sua elaboração. Você irá trabalhar em uma instituição financeira séria, onde não é permitido nenhum tipo de fraude, peço que pense nisso, ao enviar esta apostila para um amigo ou revender você já estará cometendo um crime. O Banco do Brasil não aceita este tipo de comportamento de seus funcionários. Escriturário

2 Índice Edital CONHECIMENTOS BÁSICOS DE INFORMÁTICA:...4 Noções Básicas de Informática...5 Hardware...5 Processador ou CPU...5 HD(Disco Rígido, Winchester)...5 Placa Mãe...6 Memória RAM...6 Windows xp...7 A Área de Trabalho...8 Windows Explorer...9 Painel de Controle...10 Adicionar hardware...10 Microsoft Word...11 A régua do Word...11 Quebras de Página e Seção...12 Quebras de página manuais e automáticas...12 Quebras de Seção...12 Microsoft Excel...14 Operadores de cálculos em fórmulas...15 Conceitos de internet...17 O que é a Internet?...17 De onde surgiu a Internet?...17 O que é possível fazer na Internet?...17 Uso da internet na Medicina...17 Dados Epidemiológicos...17 Livros-texto...18 Notícias e artigos científicos...18 Ferramentas de apoio à decisão...18 Tipos de conexão...18 Conexão por linha discada ou dial up...18 Banda Larga...18 Tipos de Conexão Banda Larga...18 Conceitos de Intranet...19 Conceitos de Extranet...19 Termos e siglas...20 ISP(Provedor de Acesso) Browser...20 Site...20 Escriturário

3 URL...20 Dial-UP...20 ADSL...20 PDA...21 O seu navegador...22 Internet Explorer da Microsoft...22 Os botões de navegação...22 Como procurar?...23 Seu gerenciador de Conheça botões do Outlook Express Conceitos de Proteção e Segurança...24 Trojan Horse ou Cavalo de Tróia...24 Vírus de computador...25 Firewall...25 Anti-pestes(anti-spyware)...25 Bibliografia...26 Provas...27 Ano: Escriturário

4 EDITAL 2007 CONHECIMENTOS BÁSICOS DE INFORMÁTICA: 1. Conceitos de Internet e de Intranet 2. Conceitos básicos e modos de utilização de tecnologias, ferramentas, aplicativos e procedimentos associados a Internet/Intranet Ferramentas e aplicativos comerciais de navegação, de correio eletrônico, de grupos de discussão, de busca e pesquisa Conceitos de protocolos, World Wide Web, organização de informação para uso na Internet, acesso a distância a computadores, transferência de informação e arquivos, aplicativos de áudio, vídeo, multimídia, uso da Internet na educação, negócios, medicina e outros domínios Conceitos de proteção e segurança Novas tecnologias. 3. Conceitos básicos e modos de utilização de tecnologias, ferramentas, aplicativos e procedimentos de informática: tipos de computadores, conceitos de hardware e de software Procedimentos, aplicativos e dispositivos para armazenamento de dados e para realização de cópia de segurança (backup) Conceitos de organização e de gerenciamento de arquivos, pastas e programas, instalação de periféricos Principais aplicativos comerciais para: edição de textos e planilhas, geração de material escrito, visual e sonoro. 4. Conceitos dos principais sistemas comerciais. Escriturário

5 NOÇÕES BÁSICAS DE INFORMÁTICA A informática pode ser dividida em duas partes básicas, que são. Hardware...Parte Física Software...Parte Lógica Hardware São todos os dispositivos de entrada, saída e armazenamento de dados, aquilo que é palpável, a grosso modo é aquilo que você pode tocar com sua mão. Vamos aprender sobre os principais hardware s do nosso computador. Processador ou CPU É considerado o cérebro do computador, porque é ele quem irá efetuar todo o tipo de requisição que o usuário fizer, desde um pequeno calculo até complexos problemas de matemática e engenharia por exemplo. HD(Disco Rígido, Winchester) É o disco onde as informações são gravadas fisicamente, também chamado de Winchester ou Disco Rígido (HARD DISK em Inglês), é uma memória de massa, o HD é independente que fonte de energia para manter os dados gravados, ou seja, você poderia desconectá-lo do computador e deixar desligado por tempo indeterminado, mesmo assim as informações nunca seriam perdidas, por isso dizemos que a informação é gravada fisicamente. Escriturário

6 Placa Mãe É a placa onde são ligadas todas as outras placas (Vídeo, Modem, Rede, Som, Etc..), por isso placa mãe ou motherboard (termo em inglês), ela possui pequenas fendas de cores diferentes chamadas SLOT s, cada SLOT tem uma função específica, existem slots para placas de vídeo, para placas de modem, etc., o SLOT pode ser identificado pela cor, que é diferente de um tipo de SLOT para outro. Memória RAM Random Access Memory ou Memória de Acesso Randômico (Aleatório), esta memória é utilizada como ponto intermediário entre o processador e o HD, as informações dos programas que estão em execução, bem como as que o usuário está inserindo, ficam armazenadas na memória RAM até que sejam definitivamente gravadas em disco rígido, a idéia de se ter uma memória intermediária surgiu da necessidade de velocidade de processamento, que se feita somente com Processador e HD ficaria muito lenta, pois tudo teria que ser gravado e apagado do disco sempre que se alterasse alguma coisa. Com a existência desta memória, a informação só será gravada em disco quando for solicitado. Logo ela é volátil, ou seja, sempre que desligamos o computador ela é apagada. Escriturário

7 A partir de agora vamos começar a estudar o WINDOWS XP, e desde já vamos começar a pensar de um modo diferente sobre este SISTEMA OPERACIONAL que foi desenvolvido baseado em tudo que já usamos no nosso dia-a-dia, então temos que aprender a interpretar o Windows e não decorar telas, menus, esquemas, etc.. Se você aprender a interpretar o que o sistema tem a oferecer, vai poder deduzir a maioria dos recursos do Windows. WINDOWS XP Imagem 1 Esta tela é a primeira que você verá ao iniciar o WINDOWS. É a TELA DE LOGON onde você deverá escolher o nome do usuário que irá usar o computador, nesse exemplo temos 2 usuários cadastrados no sistema, CIRANGELO e DEBORA, o logon existe para que usuários do mesmo computador possam fazer configurações diferentes sem que afetem as configurações de todo o sistema, sendo assim, cada pessoa que for usar terá uma área exclusiva só para ela, inclusive poderá protegê-la por senha, impedindo assim que outros usuários apaguem, alterem ou simplesmente leiam seus arquivos. Uma imagem é associada a cada usuário, como pode ser visualizado na Imagem 1, basta clicar com o mouse no nome de usuário escolhido e o sistema irá carregar as configurações pessoais do mesmo, caso o usuário tenha protegido o sistema por senha, no momento do clique, ela será solicitada. Após efetuar o clique, se os passos anteriores foram todos executados, será então apresentada a Imagem 2, Imagem 2 Escriturário

8 A ÁREA DE TRABALHO Lixeira: Os arquivos que você apaga de seu SISTEMA serão armazenados na LIXEIRA do WINDOWS até que você deseje eliminá-los definitivamente do seu HD. O espaço máximo permitido para arquivos na LIXEIRA é de 10% da capacidade de seu HD, ou seja, se seu HD é de 30GB, haverá 3GB de espaço máximo para a LIXEIRA. Para excluir os arquivos da LIXEIRA você pode clicar com o botão AUXILIAR do MOUSE sobre a LIXEIRA e após clicar no item de menu ESVAZIAR LIXEIRA. Relógio: Indica a data e hora do sistema. Ícone: ícone do arquivo Apostila.doc que foi gravado diretamente na área de trabalho. Ícone-Atalho: Atalho para o arquivo Apostila.doc, você pode identificar uma atalho pela seta existente no lado esquerdo do mesmo. Conexão: Indica se há uma conexão ativa. Volume: Indica se o som do computador está ativo ou não e pode ser usado também para alterar o volume dos sons. Barra de Tarefas: É a barra onde ficam os programas que estão abertos no momento, ou seja, as tarefas que estão sendo executadas. Imagem 3 ÍCONE: é uma representação gráfica de um arquivo, programa ou recurso do Windows, através dos ícones podemos saber muito sobre o que está ocorrendo com o sistema no momento, veja no exemplo a Lixeira. Lixeira com Documentos excluídos. Podemos notar que ela contém documentos excluídos somente olhando para ela, veja como seria se estivesse vazia. Lixeira Vazia. ÍCONE-ATALHO: É o mesmo que um ícone, mas apenas aponta para um arquivo, é utilizado para abrir programas ou arquivos com mais facilidade, sem precisar executar todo o caminho normal de abertura. RELÓGIO: Indica a data e hora do sistema e pode ser usado para ajustá-las. CONEXÃO: Indica se há uma conexão de Internet ou rede interna ativa. VOLUME: Indica se o som do computador está ativo ou não e pode ser usado também para alterar o volume dos sons. BARRA DE TAREFAS: O nome desta barra é muito sugestivo e fácil de lembrar, basta lembrarmos que tudo que vamos fazer no computador é na verdade uma tarefa. Se você recebe uma ordem de digitar um texto no Word (editor de textos), por exemplo, você acaba de receber uma tarefa a ser cumprida, sendo assim, ao abrir o Word, você estará começando a executar sua tarefa e ela ficará disponível nessa barra até que seja concluída. No exemplo da Imagem 3 você pode visualizar 3 tarefas em andamento, veja: Escriturário

9 Windows Explorer O Windows Explorer exibe a estrutura hierárquica de arquivos, pastas e unidades no computador. Ele também mostra as unidades de rede que foram mapeadas para letras de unidades do computador. Usando-o você pode copiar, mover, renomear e procurar por arquivos e pastas. Por exemplo, é possível abrir uma pasta que contenha um arquivo que você deseja copiar ou mover, e arrastar esse arquivo para outra pasta ou unidade. Há outros locais no Windows onde é possível exibir arquivos e pastas, e trabalhar com eles. Meus documentos é um local conveniente para armazenar documentos, elementos gráficos ou outros arquivos para acesso rápido. Também é possível exibir Meus locais de rede, que lista outros computadores conectados à sua rede local (LAN). Quando você exclui arquivos ou pastas do disco rígido, o Windows os coloca na Lixeira, onde é possível recuperá-los. Os arquivos excluídos de um disquete ou de uma unidade de rede são excluídos permanentemente e não são enviados para a Lixeira. Imagem 4 Voltar Retorna ao local anterior de navegação Avançar Navega ao local de onde você voltou. Propriedades Exibe as informações do arquivo/pasta, como: Data de criação, tamanho, etc.. Modos de Exibição Muda a forma de exibição dos ícones no lado direito do explorer. Veja as formas em tópico apropriado na próxima página. Acima Retorna um nível na hierarquia de pastas. Excluir Retorna um nível na hierarquia de pastas. Pesquisar Utilizado para fazer buscas de arquivos e pastas. Pastas Mostra/Oculta a parte esquerda do Explorer. Recortar CTRL+X Copiar CTRL+C Colar CTRL+V Desfazer Retorna a última ação que foi executada. Escriturário

10 Painel de Controle Use as sofisticadas ferramentas do Painel de controle para personalizar seu computador! Este é o local indicado para instalar novo hardware, adicionar e remover programas, alterar a aparência da tela e muito mais. Principais ferramentas do painel de controle. Adicionar hardware Em termos de facilidade de instalação, os dispositivos podem ser divididos em dois grupos: Plug and Play e não Plug and Play. A maioria dos dispositivos fabricados a partir de 1995 é Plug and Play. Plug and Play é um dispositivo que pode ser usado logo após ser conectado ao computador, sem precisar configurá-lo manualmente. Como saber se seu dispositivo é Plug and Play? Os dispositivos Plug and Play geralmente têm conectores com a seguinte aparência: A instalação de um dispositivo, seja ele Plug and Play ou não, geralmente envolve até três etapas: 1) Conectar ao computador. 2) Carregar os drivers de dispositivos adequados. Se o seu dispositivo for do tipo Plug and Play, é possível que essa etapa não seja necessária. 3) Configurar propriedades e configurações do dispositivo. Caso o seu dispositivo seja do tipo Plug and Play, essa etapa talvez não seja necessária. Escriturário

11 Barra de Menus MICROSOFT WORD Barra de Ferramentas Padrão Barra de Ferramentas de Formatação Régua Horizontal Recuos de Texto Régua Vertical Margens Barra de Status Reconhecendo a tela do Word. A régua do Word. Possui cores diferentes para podermos identificar qual a parte útil da nossa página e a parte reservada para margens. Veja: No desenho da régua acima, você pode observar uma grande parte branca da régua, esta é a parte útil de impressão, que possui neste exemplo 16,5 cm, você pode verificar também que do lado esquerdo da régua há uma parte cinza que tem tamanho de 3 cm e corresponde a margem esquerda da página e do lado direito vemos uma parte também cinza de 1,5 cm que corresponde a margem direita da página. Então se somarmos 16,5+3+1,5 temos 21 cm, que é a largura total da página. Anotações: Escriturário

12 Quebras de Página e Seção Quebras de página manuais e automáticas. Quando você preenche uma página com texto ou elementos gráficos, o Microsoft Word insere uma quebra de página automática e inicia uma nova página sempre que for necessário. Para forçar uma quebra de página em um local específico, você pode inserir uma quebra de página manual usando o menu Inserir/Quebra e selecionando Quebra de Página Quebra Automática Quebra Manual Quebras de Seção Marca inserida para exibir o fim de uma seção. Uma quebra de seção armazena os elementos de formatação de uma seção, como por exemplo, as margens, orientação de página, cabeçalhos e rodapés e a seqüência de números de páginas. Uma quebra de seção aparece como uma linha pontilhada que inclui as palavras quebra de seção. Os exemplos a seguir mostram os tipos de quebras de seção que você pode inserir. (Em cada ilustração, a linha pontilhada dupla representa uma quebra de seção.) Escriturário

13 Vamos a um exemplo prático do uso de Estilos. Imagine que precisamos escrever uma apostila como esta que você está lendo, ela possuirá títulos e subtítulos que deverão ter formatações iguais, certo? Por exemplo: Estes seriam os sub-títulos do documento. E a formatação é: Times New Roman, Tamanho 14. Matemática Números Reais Números Naturais Informática Word Excel Português Verbos Pronomes Estes seriam os títulos do documento. E a formatação é: Arial, Negrito, Itálico, Sublinhado, Tamanho 12. Mas imagine se precisássemos trocar a formatação (fonte, tamanho) dos títulos por exemplo, teríamos que fazer de um a um, seria um trabalho grande caso a apostila fosse muito extensa. Mas se você fez um estilo, basta mudar a formatação do estilo que todos os textos ligados a ele mudariam automaticamente. No nosso caso para os textos Matemática, Informática e Português, você pode criar um estilo chamado titulo e sempre que precisar mudar a formatação do texto, basta mudar este estilo. E para os textos Números Reais, Números Naturais, Word, Excel, Etc. você pode criar um estilo chamado sub-titulos e sempre que precisar mudar a formatação do texto, basta mudar este estilo. Fonte - Aqui é possível alterar o tipo de fonte do texto, ao clicar neste botão será apresentada à tela seguinte, onde basta selecionar uma fonte na lista. Aqui você seleciona a fonte que deseja usar no seu texto, existem várias fontes que já vêm instaladas e você pode adicionar novas fontes, pelo painel de controle do Windows. Escriturário

14 Barra de Menus MICROSOFT EXCEL Barra de Ferramentas Padrão Barra de Ferramentas de Formatação Barra de Formulas. Célula Selecionada. Barra de Status O Excel é formado por colunas e linhas, as COLUNAS são nomeadas com letras do alfabeto e as LINHAS por Números. São: 256 colunas linhas Esta é uma informação importante, não esqueça. Planilhas do Arquivo, o Excel sempre é iniciado com 3 planilhas, mas é possível inserir um total de 255 planilhas em um mesmo arquivo. Colunas Começa em A e vai até IV São usadas as letras do alfabeto Inglês, então não esqueça das letras K, W e Y. Então fica assim, A, B, C, D...Z, depois do Z começa em AA, AB, AC... e assim por diante até IV. Linhas Começa em 1 e vai até Células A interseção de uma coluna com uma linha forma uma referência ou endereço, composto da seguinte forma: Coluna A célula selecionada no nosso exemplo é referenciada através do endereço de Coluna C e Linha 3, Logo é C3, note que a coluna e a linha selecionadas estão em negrito. Escriturário

15 A propósito, você deve estar se perguntando o que é aquela barra ( / ) na fórmula, não é mesmo? Então vamos lá, no Excel usamos os seguintes operadores. Operadores de cálculos em fórmulas Os operadores especificam o tipo de cálculo que você deseja efetuar nos elementos de uma fórmula. O Microsoft Excel inclui quatro tipos diferentes de operadores de cálculo: aritméticos, de comparação, texto e referência. Operadores aritméticos Para efetuar operações matemáticas básicas, como adição, subtração ou multiplicação, combinam números e produzem resultados numéricos, use os seguintes operadores aritméticos. Operador Exemplo * Multiplicação =3*3 igual a 9 / Divisão =9/3 igual a 3 + Soma =3+3 igual a 6 - Subtração ou Negação =3-3 igual a 0 % Porcentagem =20% ^ Exponenciação =3^4 igual a 81 Operadores de comparação Você pode comparar dois valores com os seguintes operadores. Quando dois valores são comparados usando esses operadores, o resultado é um valor lógico, ou VERDADEIRO ou FALSO. Operador Exemplo > maior =5>3 igual a verdadeiro >= maior ou igual =5>5 igual a falso < menor =3<5 igual a verdadeiro <= menor ou igual =3<3 igual a falso <> diferente =3<>3 igual a verdadeiro Operador de concatenação de texto Use o 'E' comercial (&) para agrupar, ou concatenar, uma ou mais seqüências de caracteres de texto para produzir um único texto. Operador Exemplo & (E comercial) = Bra & sil igual a Brasil Operador de referência Operador Significa Exemplo : (dois-pontos) Operador de intervalo, que produz uma referência a todas as células entre duas referências, incluindo as duas referências =SOMA(B5:B8) significa de B5 até B8, isto envolve B5, B6, B7 e B8 ; (ponto-e-vírgula) Operador de união, que combina diversas referências em uma referência =SOMA(B5;B8) significa B5 e B8, somente as duas células. Escriturário

16 CONT.SE possui dois argumentos: o intervalo a ser verificado e o valor a ser usado no intervalo (o critério). =CONT.SE(intervalo;critério) Para Bonfim, a função (na célula B32) tem a seguinte aparência: =CONT.SE(A2:A26,A32) A função conta o número de vezes que o nome na célula A32 (o argumento critério) é exibido na lista de vendedores (A2:A26, o argumento intervalo). SOMASE A função de planilha SOMASE calcula a quantia total faturada por cada vendedor. A função de planilha SOMASE verifica um valor em um intervalo e soma todos os valores correspondentes em outro intervalo. SOMASE possui três argumentos: o intervalo a ser verificado, o valor a ser usado no intervalo (o critério) e o intervalo que contém os valores a serem somados. =SOMASE(intervalo;critério;intervalo_soma) Para Bonfim, a função (na célula C32) tem a seguinte aparência: =SOMASE(A2:A26,A32,B2:B26) A fórmula verifica o texto na célula A32 (o argumento critério) na lista Vendedor (A2:A26, o argumento intervalo) e soma as quantias correspondentes da coluna Renda total (B2:B26, o argumento intervalo_soma). A função de planilha SE Suponha que sua empresa determine bônus de vendas em uma escala, premiando cada 10 ou 15 por cento com base na quantia da fatura. Para saber qual dos dois valores usar, com base em uma condição que possa ser falsa ou verdadeira, use a função de planilha SE. A função de planilha SE retorna um bônus de 10% ou 15%, com base na quantia da fatura. A função de planilha SE verifica uma condição que pode ser verdadeira ou falsa. Se a condição for verdadeira, a função retornará um valor; se for falsa, a função retornará outro valor. A função possui três argumentos: a condição a ser verificada, o valor a ser retornado se a condição for verdadeira e o valor a ser retornado se a condição for falsa. =SE(teste_lógico,valor_se_verdadeiro,valor_se_falso) Para a fatura de R$ de Andrade, a função (na célula C4) tem a seguinte aparência: =SE(B4<10000,10%,15%) Escriturário

17 CONCEITOS DE INTERNET O que é a Internet? A Internet é uma gigantesca rede mundial de computadores, que inclui desde grandes computadores até palmtops e celulares. Esses equipamentos são interligados através de linhas comuns de telefone, linhas de comunicação privadas, cabos submarinos, canais de satélite e diversos outros meios de telecomunicação. Os computadores que compõem a Internet podem estar localizados em universidades, empresas, cooperativas, prefeituras e nas próprias residências. No Brasil, o número de pessoas e computadores ligados à Internet é ainda relativamente pequeno, mas deve crescer substancialmente ao longo dos próximos anos. Fazendo um paralelo com a estrutura de estradas de rodagem, a Internet funciona como uma rodovia pela qual a informação contida em textos, sons e imagens, podem trafegar em alta velocidade entre quaisquer computadores conectados a essa rede. E, por essa razão, é muitas vezes chamada da "super rodovia da informação". A Internet é um conglomerado de redes em escala mundial de milhões de computadores interligados pelo Protocolo de Internet que permite o acesso a informações e todo tipo de transferência de dados. A Internet é a principal das novas tecnologias de informação e comunicação (NTICs). Ao contrário do que normalmente se pensa, Internet não é sinónimo de World Wide Web. Esta é parte daquela, sendo a World Wide Web, que utiliza hipermídia na formação básica, um dos muitos serviços oferecidos na Internet. De acordo com dados de março de 2007, a Internet é usada por 16,9% da população mundial (em torno de 1,1 bilhão de pessoas). De onde surgiu a Internet? A tecnologia e conceitos fundamentais utilizados pela Internet surgiram de projetos conduzidos ao longo dos anos 60 pelo Departamento de Defesa dos Estados Unidos. Esses projetos visavam o desenvolvimento de uma rede de computadores para comunicação entre os principais centros militares de comando e controle que pudesse sobreviver a um possível ataque nuclear. Ao longo dos anos 70 e meados dos anos 80 muitas universidades conectaram-se a essa rede, o que moveu a determinação militarista do uso da rede para um fundamento mais cultural e acadêmico. Nos meados dos anos 80 a NSF - National Science Foundation dos EUA (algo como o CNPq do Brasil) constitui uma rede de fibra ótica de alta velocidade conectando centros de supercomputação localizados em pontos chave no EUA. Essa rede da NSF, chamada de "backbone da NSF", teve um papel fundamental no desenvolvimento da Internet nos últimos 10 anos por reduzir, substancialmente, o custo da comunicação de dados para as redes de computadores existentes, que foram amplamente estimuladas a se conectar ao "backbone" da NSF. O controle da "backbone" mantido pela NSF encerrou-se em abril de 1995, sendo passado, em sua grande totalidade, para o controle privado O que é possível fazer na Internet? Se, sob o ponto de vista físico a Internet é uma conexão entre redes, para o usuário ela aparece como um grupo de serviços disponíveis para a troca de informações entre computadores ou indivíduos conectados à Internet. Uso da internet na Medicina O uso da internet na medicina é bastante amplo, selecionei para vocês um texto encontrado na UNIFESP, a fim de dar uma noção muito ampla do uso da internet na medicina. O texto que segue foi retirado do site: Os principais pontos que podemos citar como usos da internet na medicina são: Dados Epidemiológicos Muito útil, facilitando pesquisas que de outra maneira exigiriam que se vasculhassem calhamaços de números e dados. Além disso, já que o usuário já se encontra no ambiente eletrônico, os dados encontrados podem ser facilmente convertidos em gráficos, se já não o estiverem. Ademais, a facilidade de centralizar os dados coletados também é indiscutível, bastando oferecer uma webpage confiável de uma instituição idônea para que os coletores de dados epidemiológicos coloquem as informações encontradas na rede. E não podemos nos esquecer que a Internet também pode se prestar como serviço de notificação de doenças, calamidades e afecções. Escriturário

18 Livros-texto É uma ferramenta utilizada pelo profissional de saúde em formação ou que queira se manter atualizado. Além disso, as referências clínicas podem ser de grande utilidade quando o médico se encontra com um caso de etiologia discutível ou indefinida. Notícias e artigos científicos Aí se encontra um dos maiores usos da Internet em Medicina, principalmente para o pesquisador. Ele facilita a pesquisa bibliográfica de trabalhos científicos, a ida às bibliotecas em busca destes artigos. Hoje em dia é impossível rever toda a literatura sobre um determinado assunto manualmente, e a Internet serve de ferramenta essencial. Não só o pesquisador tem sua vida profissional facilitada com estes usos da Internet. As notícias e artigos científicos devem ser uma constante na vida profissional do agente de saúde praticante em especial o médico. É impossível assinar todas as revistas que seriam úteis para um determinado especialista, e a Internet vem preencher esse vácuo. Ferramentas de apoio à decisão Trata-se de um uso da Internet ainda em formação, mas que promete ser um instrumento auxiliar que faça parte da seqüência história, exame físico e exames subsidiários. Ao descrever os dados informados pelo paciente, o programa de apoio à decisão pode fazer perguntas adicionais, pedir dados de exames físicos, sugerir exames subsidiários que se provarem os mais adequados segundo parâmetros como: padrão-ouro, ou invasibilidade, ou preço. Ele pode inclusive auxiliar a decisão terapêutica, dizendo quais são os padrões vigentes na instituição em que o profissional se encontra. Além disso, pode alertar o médico de interações medicamentosas, dosagens corrigidas e efeitos adversos. A crítica que se pode fazer é que um computador não pode substituir a prática médica, a experiência dos anos trabalhados em saúde, e o fato de que nenhum ser humano responderá da mesma maneira a uma patologia, investigação ou terapêutica, sendo, portanto necessário outro ser humano, capacitado em saúde, para adequar princípios padronizados àquele paciente. Tipos de conexão Métodos comuns de acesso doméstico à Internet incluem o acesso discado ou por banda larga por meio de cabos (como ADSL, ISDN), acesso dedicado, sem fio (Wi-Fi) por satélite ou por telefones celulares 3G. Locais públicos para acesso à grande rede incluem bibliotecas e cyber cafés, nos quais computadores conectados são disponibilizados para uso temporário. Existem também pontos de acesso em locais públicos, como aeroportos e cafés, acessíveis por meio de rede sem fio. Para isso, o usuário deve possuir um dispositivo cliente de acesso, tal qual um PDA ou laptop. O acesso pode ser restrito por senhas, para a comercialização do tempo de uso. Conexão por linha discada ou dial up É um tipo de acesso à Internet no qual uma pessoa usa um modem e uma linha telefónica para se ligar a um nó de uma rede de computadores ISP. A partir desse momento, o ISP encarrega-se de fazer o roteamento para a Internet. O dial-up geralmente usa o protocolos TCP/IP. Este tipo de acesso perde adeptos devido à massificação de acessos de banda larga, como xdsl e ligações por cabo. Banda Larga Banda larga é o nome usado para definir qualquer conexão acima da velocidade padrão dos modems analógicos (56 Kbps). Usando linhas analógicas convencionais, a velocidade máxima de conexão é de 56 Kbps. Para obter velocidade acima desta tem-se obrigatoriamente de optar por uma outra maneira de conexão do computador com o provedor. Atualmente existem inúmeras soluções no mercado. Tipos de Conexão Banda Larga ISDN/DSL Utilizam as redes de telefonia convencionais para transmitir dados em alta velocidade que variam de 256 Kbp/s (ISDN) até 24 Mbp/s (DSL). Bastante difundido no Brasil e Portugal através das grandes empresas de telefonia como Portugal Telecom e Brasil Telecom (com o BrTurbo), CTBC, Telefónica (com o speedy) e Telemar (com o Velox). Para uma rede de telefonia transmitir dados através destas tecnologias, ela precisa ser 100% digital, além das companhias de telefone adaptar uma aparelhagem que a viabilize a conexão. Requer do usuário um modem apropriado. É possível ampliar esta tecnologia desde que as redes sejam substituídas por cabo de fibra óptica. Escriturário

19 Cabo CATV Esta tecnologia utiliza as redes de transmissão de TV por cabo convencionais para transmitir dados em velocidades que variam de 256 Kbp/s a 24 Mbp/s. banda. Utiliza uma topologia de rede partilhada, onde todos os usuários partilham a mesma largura de CONCEITOS DE INTRANET Uma Intranet nada mais é do que uma internet particular, ou seja, as organizações (empresas, governos, órgãos públicos, etc.) se beneficiam da grande capacidade de interação da internet para agilizar seus processos internet. Uma intranet pode usar os mesmos recursos de uma internet tradicional, ou seja,: Correio Eletrônico Transferência de Arquivos (FTP) Listas de Distribuição WWW Acesso Remoto, etc. Na prática, uma intranet funciona da seguinte maneira: Uma empresa precisa que seus colaborados estejam constantemente informados sobre as ações da empresa, como promoções a clientes, eventos, etc. Para tal a empresa poderá desenvolver um portal de informações internas, ou seja, cada novidade que se precise divulgar aos colaboradores será publicada no portal (página, site, sitio) da empresa, assim não se faz necessário enviar circulares, memorandos, etc. aos colaboradores, pois cada informação nova poderá ser acessada na intranet, de qualquer computador da empresa que estiver conectado a ela. CONCEITOS DE EXTRANET A Extranet de uma empresa é a porção de sua rede de computadores que faz uso da Internet para partilhar com segurança parte do seu sistema de informação. Tomado o termo em seu sentido mais amplo, o conceito confunde-se com Intranet. Uma Extranet também pode ser vista como uma parte da empresa que é extendida a usuários externos ("rede extraempresa"), tais como representantes e clientes. Outro uso comum do termo Extranet se dá na designação da "parte privada" de um site, onde somente "usuários registrados" podem navegar, previamente autenticados por sua senha (como em sites de banco por exemplo). Uma extranet é uma intranet que pode ser acessada via Web por clientes ou outros usuários autorizados. Já uma intranet é uma rede restrita à empresa, que utiliza as mesmas tecnologias presentes na Internet, como , webpages, servidor FTP etc. A idéia de uma extranet é melhorar a comunicação entre os funcionários e parceiros além de acumular uma base de conhecimento que possa ajudar os funcionários a criar novas soluções. Escriturário

20 ISP(Provedor de Acesso) TERMOS E SIGLAS O provedor de acesso à Internet (em em inglês Internet Service Provider, ISP) oferece principalmente serviço de acesso à Internet, agregando a ele outros serviços relacionados, tais como " ", "hospedagem de sites" ou blogs, entre outros. Inicialmente como um serviço cobrado, com o tempo passou a ser oferecido também como serviço gratuito, por empresas que estruturaram um outro modelo de negócio. WWW World Wide Web. Sistema de hipermídia desenvolvido por Timothy Berners-Lee, em 1990, no CERN, é a mais importante aplicação da Internet. O termo é usado em geral como sinônimo de Internet; mas numa definição rígida, refere-se às aplicações da Rede que usam o HTTP, protocolo de transferência de hipertexto (baseado na linguagem HTML). Na prática, isso exclui a maior parte das aplicações de , de FTP (protocolo de transmissão de arquivos) e a Usenet, por exemplo. A World Wide Web (que significa "rede de alcance mundial", em inglês; também conhecida como Web e WWW) é um sistema de documentos em hipermídia interligados que é executado na Internet. Os documentos podem estar na forma de vídeos, sons, hipertextos e figuras. Para visualizar a informação, pode-se usar um programa de computador chamado navegador para descarregar informações (chamadas "documentos" ou "páginas") de servidores web (ou "sítios") e mostrá-los na tela do usuário. O usuário pode então seguir as hiperligações na página para outros documentos ou mesmo enviar informações de volta para o servidor para interagir com ele. O ato de seguir hiperligações é comumente chamado de "navegar" ou "surfar" na Web. Browser Também chamado navegador, é o programa que permite ao usuário ver as páginas da Internet. Site Sítio. Um site é uma localização na WWW. Utiliza-se a palavra para definir o conjunto total de páginas que ficam abaixo da URL inicial. URL Uniform Resource Locator ou Localizador de Recurso Uniforme. Trata-se do modo padrão para expressar uma localização na Internet, traduzido muitas vezes apenas por endereço. Por exemplo, para fazer o seu browser navegar até determinada página, você deve instruí-lo com a URL (endereço) dessa página, digitando, geralmente, no seguinte formato: Dial-UP A conexão dial-up é feita via telefone e modem. Neste caso, há um estabelecimento de uma chamada (telefônica - Dial) para um computador, através de um modem. É o tipo de acesso utilizado pelos usuários comuns. ADSL Comparada a outras formas de DSL, o ADSL tem a característica de que os dados podem ir mais rápido em uma direção do que na outra, assimetricamente, diferenciando-o de outros formatos. Os provedores geralmente anunciam o ADSL como um serviço para as pessoas conectarem-se à Internet num modo relativamente passivo: podendo usar velocidade mais rápida para o tempo de "download" e metade desta velocidade para "upload". Para o ADSL convencional, as taxas mínimas de download começam em 256 kbit/s, e geralmente atingem 9 Mbit/s dentro de 300 metros da central aonde está instalado o sistema. As taxas podem chegar a 52 Mbit/s dentro de 100 metros (o tão chamado VDSL). Taxas de upload começam em 64 kbit/s e geralmente atingem 256 kbit/s mas podem ir até 768 kbit/s. O nome ADSL Lite é às vezes usado para versões mais lentas. Escriturário

Informática. Rodrigo Schaeffer

Informática. Rodrigo Schaeffer Informática Rodrigo Schaeffer PREFEITURA DE PORTO ALEGRE- INFORMÁTICA Conceitos básicos de Word 2007; formatar, salvar e visualizar arquivos e documentos; alinhar, configurar página e abrir arquivos; copiar,

Leia mais

Informática. Informática. Valdir. Prof. Valdir

Informática. Informática. Valdir. Prof. Valdir Prof. Valdir Informática Informática Valdir Prof. Valdir Informática Informática PROVA DPF 2009 Julgue os itens subseqüentes, a respeito de Internet e intranet. Questão 36 36 - As intranets, por serem

Leia mais

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09 ÍNDICE Sobre o SabeTelemarketing 03 Ícones comuns à várias telas de gerenciamento Contato Verificar registros 09 Telas de cadastro e consultas 03 Menu Atalho Nova pessoa Incluir um novo cliente 06 Novo

Leia mais

TRE/MG (15/03/2008) CESPE QUESTÃO 6

TRE/MG (15/03/2008) CESPE QUESTÃO 6 TRE/MG (15/03/2008) CESPE QUESTÃO 6 Considerando a janela do Word 2003 ilustrada acima, que contém um documento em processo de edição no qual o título está selecionado, assinale a opção correta. A O parágrafo

Leia mais

Microsoft Internet Explorer. Browser/navegador/paginador

Microsoft Internet Explorer. Browser/navegador/paginador Microsoft Internet Explorer Browser/navegador/paginador Browser (Navegador) É um programa que habilita seus usuários a interagir com documentos HTML hospedados em um servidor web. São programas para navegar.

Leia mais

Projeto solidário para o ensino de Informática Básica

Projeto solidário para o ensino de Informática Básica Projeto solidário para o ensino de Informática Básica Parte 2 Sistema Operacional MS-Windows XP Créditos de desenvolvimento deste material: Revisão: Prof. MSc. Wagner Siqueira Cavalcante Um Sistema Operacional

Leia mais

Prova dos Correios - Comentada

Prova dos Correios - Comentada Unidade Zona Sul - (84) 3234-9923 Unidade Zona Norte (84) 3214-4595 www.premiumconcursos.com 1 Texto para as questões de 1 a 3 A figura abaixo ilustra uma janela do Microsoft Office Excel 2007 com uma

Leia mais

Informática Aplicada. Aula 2 Windows Vista. Professora: Cintia Caetano

Informática Aplicada. Aula 2 Windows Vista. Professora: Cintia Caetano Informática Aplicada Aula 2 Windows Vista Professora: Cintia Caetano AMBIENTE WINDOWS O Microsoft Windows é um sistema operacional que possui aparência e apresentação aperfeiçoadas para que o trabalho

Leia mais

Microsoft Office Excel

Microsoft Office Excel 1 Microsoft Office Excel Introdução ao Excel Um dos programas mais úteis em um escritório é, sem dúvida, o Microsoft Excel. Ele é uma planilha eletrônica que permite tabelar dados, organizar formulários,

Leia mais

LFG MAPS. INTERNET 08 questões

LFG MAPS. INTERNET 08 questões INTERNET 08 questões 1 - ( Prova: CESPE - 2009 - Polícia Federal - Agente Internet e intranet; Navegador Internet (Browser); ) Julgue os itens subsequentes, a respeito de Internet e intranet. LFG MAPS

Leia mais

SIMULADO Windows 7 Parte V

SIMULADO Windows 7 Parte V SIMULADO Windows 7 Parte V 1. O espaço reservado para a Lixeira do Windows pode ser aumentado ou diminuído clicando: a) Duplamente no ícone lixeira e selecionando Editar propriedades b) Duplamente no ícone

Leia mais

O Firewall do Windows vem incorporado ao Windows e é ativado automaticamente.

O Firewall do Windows vem incorporado ao Windows e é ativado automaticamente. Noções básicas sobre segurança e computação segura Se você se conecta à Internet, permite que outras pessoas usem seu computador ou compartilha arquivos com outros, deve tomar algumas medidas para proteger

Leia mais

Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP

Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP...1 Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP...1 Iniciando o Windows XP...2 Desligar o computador...3 Área de trabalho...3

Leia mais

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Neste capítulo nós iremos examinar as características da interface do gerenciador de arquivos Konqueror. Através dele realizaremos as principais operações com arquivos

Leia mais

Iniciação à Informática

Iniciação à Informática Meu computador e Windows Explorer Justificativa Toda informação ou dado trabalhado no computador, quando armazenado em uma unidade de disco, transforma-se em um arquivo. Saber manipular os arquivos através

Leia mais

SENAI São Lourenço do Oeste. Introdução à Informática. Adinan Southier Soares

SENAI São Lourenço do Oeste. Introdução à Informática. Adinan Southier Soares SENAI São Lourenço do Oeste Introdução à Informática Adinan Southier Soares Informações Gerais Objetivos: Introduzir os conceitos básicos da Informática e instruir os alunos com ferramentas computacionais

Leia mais

Requisitos Mínimos para instalação do Antivírus McAfee

Requisitos Mínimos para instalação do Antivírus McAfee Requisitos Mínimos para instalação do Antivírus McAfee Requisitos Mínimos do computador: Microsoft Windows 2000 (32 bits) com Service Pack 4 (SP4) ou superior, Windows XP (32 bits) com Service Pack 1 (SP1)

Leia mais

Tutorial do Iniciante. Excel Básico 2010

Tutorial do Iniciante. Excel Básico 2010 Tutorial do Iniciante Excel Básico 2010 O QUE HÁ DE NOVO O Microsoft Excel 2010 é um programa de edição de planilhas eletrônicas muito usado no mercado de trabalho para realizar diversas funções como;

Leia mais

AFRE. a. ( ) Instalando um programa gerenciador de carregamento, como o LILO ou o GRUB. a. ( ) Data Werehouse ; Internet ; Linux

AFRE. a. ( ) Instalando um programa gerenciador de carregamento, como o LILO ou o GRUB. a. ( ) Data Werehouse ; Internet ; Linux 1. De que forma é possível alterar a ordem dos dispositivos nos quais o computador procura, ao ser ligado, pelo sistema operacional para ser carregado? a. ( ) Instalando um programa gerenciador de carregamento,

Leia mais

Painel de Controle e Configurações

Painel de Controle e Configurações Painel de Controle e Configurações Painel de Controle FERRAMENTAS DO PAINEL DE CONTROLE: - Adicionar Hardware: Você pode usar Adicionar hardware para detectar e configurar dispositivos conectados ao seu

Leia mais

Informática básica Telecentro/Infocentro Acessa-SP

Informática básica Telecentro/Infocentro Acessa-SP Informática básica Telecentro/Infocentro Acessa-SP Aula de hoje: Periférico de entrada/saída, memória, vírus, Windows, barra tarefas. Prof: Lucas Aureo Guidastre Memória A memória RAM é um componente essencial

Leia mais

Painel de Controle Windows XP

Painel de Controle Windows XP Painel de Controle Windows XP Autor: Eduardo Gimenes Martorano Pág - 1 - APOSTILA PAINEL DE CONTROLE Pág - 2 - ÍNDICE INTRODUÇÃO:...4 PAINEL DE CONTROLE...4 TRABALHANDO COM O PAINEL DE CONTROLE:...4 ABRINDO

Leia mais

INTERNET OUTLOOK. 1. Considerando os conceitos e os modos de navegação na Internet, assinale a opção correta.

INTERNET OUTLOOK. 1. Considerando os conceitos e os modos de navegação na Internet, assinale a opção correta. Prof. Júlio César S. Ramos P á g i n a 1 INTERNET OUTLOOK 1. Considerando os conceitos e os modos de navegação na Internet, assinale a opção correta. A O Outlook Express permite criar grupo de pessoas

Leia mais

INTRODUÇÃO AO WINDOWS

INTRODUÇÃO AO WINDOWS INTRODUÇÃO AO WINDOWS Paulo José De Fazzio Júnior 1 Noções de Windows INICIANDO O WINDOWS...3 ÍCONES...4 BARRA DE TAREFAS...5 BOTÃO...5 ÁREA DE NOTIFICAÇÃO...5 BOTÃO INICIAR...6 INICIANDO PROGRAMAS...7

Leia mais

INFORMÁTICA PARA CONCURSOS

INFORMÁTICA PARA CONCURSOS INFORMÁTICA PARA CONCURSOS Prof. BRUNO GUILHEN Vídeo Aula VESTCON MÓDULO I - INTERNET Aula 01 O processo de Navegação na Internet. A CONEXÃO USUÁRIO PROVEDOR EMPRESA DE TELECOM On-Line A conexão pode ser

Leia mais

ÁREA DE TRABALHO. Área de Trabalho ou Desktop Na Área de trabalho encontramos os seguintes itens: Atalhos Barra de tarefas Botão iniciar

ÁREA DE TRABALHO. Área de Trabalho ou Desktop Na Área de trabalho encontramos os seguintes itens: Atalhos Barra de tarefas Botão iniciar WINDOWS XP Wagner de Oliveira ENTRANDO NO SISTEMA Quando um computador em que trabalham vários utilizadores é ligado, é necessário fazer login, mediante a escolha do nome de utilizador e a introdução da

Leia mais

CAPACIDADES DA RAM: CUIDADO COM ESTAS MEDIDAS, VOCÊ PRECISA SABER QUAL O ESPAÇO DESTA MEMÓRIA. 128 MB 256 MB 512 MB 1024 MB = 1 GB 2 GB

CAPACIDADES DA RAM: CUIDADO COM ESTAS MEDIDAS, VOCÊ PRECISA SABER QUAL O ESPAÇO DESTA MEMÓRIA. 128 MB 256 MB 512 MB 1024 MB = 1 GB 2 GB CAROS COLEGAS CONCURSEIROS, ESTAMOS NA RETA FINAL PARA A PROVA DO BANCO DO BRASIL E ESPERO QUE OS COMENTÁRIOS ABAIXO POSSAM SER DE GRANDE AUXÍLIO PARA A PROVA DE DOMINGO. HARDWARE: PREPARE-SE PARA 2 OU

Leia mais

O processo de Navegação na Internet APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN. O Internet Explorer INFORMÁTICA BÁSICA

O processo de Navegação na Internet APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN. O Internet Explorer INFORMÁTICA BÁSICA APRESENTAÇÃO DO CURSO Prof. BRUNO GUILHEN O processo de Navegação na Internet INFORMÁTICA BÁSICA A NAVEGAÇÃO Programas de Navegação ou Browser : Internet Explorer; O Internet Explorer Netscape Navigator;

Leia mais

Correio Eletrônico Outlook Express. Prof. Rafael www.facebook.com/rafampsilva rafampsilva@yahoo.com.br

Correio Eletrônico Outlook Express. Prof. Rafael www.facebook.com/rafampsilva rafampsilva@yahoo.com.br Correio Eletrônico Outlook Express Prof. Rafael www.facebook.com/rafampsilva rafampsilva@yahoo.com.br O Microsoft Outlook é o principal cliente de mensagens e colaboração para ajudá-lo a obter os melhores

Leia mais

Manual do Usuário Cyber Square

Manual do Usuário Cyber Square Manual do Usuário Cyber Square Criado dia 27 de março de 2015 as 12:14 Página 1 de 48 Bem-vindo ao Cyber Square Parabéns! Você está utilizando o Cyber Square, o mais avançado sistema para gerenciamento

Leia mais

GABARITO - B. manuel@carioca.br

GABARITO - B. manuel@carioca.br NOÇÕES DE INFORMÁTICA EDITORA FERREIRA PROVA MPRJ -TÉCNICO ADMINISTRATIVO - TADM NCE-UFRJ CORREÇÃO - GABARITO COMENTADO Considere que as questões a seguir referem-se a computadores com uma instalação padrão

Leia mais

Sinopse... 2. Saudação... 3. Internet... 6 a 11. Usenet... 12 a 13. Protocolo... 14 a 15. Navegador... 16 a 19. Web... 20

Sinopse... 2. Saudação... 3. Internet... 6 a 11. Usenet... 12 a 13. Protocolo... 14 a 15. Navegador... 16 a 19. Web... 20 ÍNDICE Sinopse... 2 Saudação... 3 Internet... 6 a 11 Usenet... 12 a 13 Protocolo... 14 a 15 Navegador... 16 a 19 Web... 20 Internet explorer... 21 a 27 Download.... 28 a 32 E-mail... 33 a 38 Exercícios...

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA COMPUTACIONAL INFORMÁTICA INSTRUMENTAL

PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA COMPUTACIONAL INFORMÁTICA INSTRUMENTAL PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA COMPUTACIONAL INFORMÁTICA INSTRUMENTAL Introdução Aula 03: Pacote Microsoft Office 2007 O Pacote Microsoft Office é um conjunto de aplicativos composto, principalmente, pelos

Leia mais

APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN www.brunoguilhen.com.br. Prof. BRUNO GUILHEN

APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN www.brunoguilhen.com.br. Prof. BRUNO GUILHEN APRESENTAÇÃO DO CURSO Prof. BRUNO GUILHEN www.brunoguilhen.com.br Prof. BRUNO GUILHEN MÓDULO I - INTERNET Aula 01 O processo de Navegação na Internet. O processo de Navegação na Internet A CONEXÃO USUÁRIO

Leia mais

EXERCÍCIOS SIMULADO ELABORADO PELO PROFESSOR ANDRÉ ALENCAR

EXERCÍCIOS SIMULADO ELABORADO PELO PROFESSOR ANDRÉ ALENCAR EXERCÍCIOS SIMULADO ELABORADO PELO PROFESSOR ANDRÉ ALENCAR Com base no Windows XP, na figura ao lado, julgue os itens que se seguem: 01- É possível afirmar que ao se clicar em O que mais devo saber sobre

Leia mais

EDITORA FERREIRA MP/RJ_EXERCÍCIOS 01

EDITORA FERREIRA MP/RJ_EXERCÍCIOS 01 EDITORA FERREIRA MP/RJ NCE EXERCÍCIOS 01 GABARITO COMENTADO 01 Ao se arrastar um arquivo da pasta C:\DADOS para a pasta D:\TEXTOS utilizando se o botão esquerdo do mouse no Windows Explorer: (A) o arquivo

Leia mais

MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007

MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007 MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007 MÓDULO - I APRESENTAÇÃO... 1 AMBIENTE DE TRABALHO... 2 A folha de cálculo... 2 O ambiente de trabalho do Excel... 3 Faixas de Opções do Excel... 4 - Guia

Leia mais

Curso Introdução à Educação Digital - Carga Horária: 40 horas (30 presenciais + 10 EaD)

Curso Introdução à Educação Digital - Carga Horária: 40 horas (30 presenciais + 10 EaD) ******* O que é Internet? Apesar de muitas vezes ser definida como a "grande rede mundial de computadores, na verdade compreende o conjunto de diversas redes de computadores que se comunicam e que permitem

Leia mais

Outlook 2003. Apresentação

Outlook 2003. Apresentação Outlook 2003 Apresentação O Microsoft Office Outlook 2003 é um programa de comunicação e gerenciador de informações pessoais que fornece um local unificado para o gerenciamento de e-mails, calendários,

Leia mais

CAPÍTULO IV Sistema Operacional Microsoft Windows XP

CAPÍTULO IV Sistema Operacional Microsoft Windows XP CAPÍTULO IV Sistema Operacional Microsoft Windows XP Sistemas Operacionais Sistemas Operacionais são programas que como o próprio nome diz tem a função de colocar o computador em operação. O sistema Operacional

Leia mais

Manual. Rev 2 - junho/07

Manual. Rev 2 - junho/07 Manual 1.Desbloquear o software ------------------------------------------------------------------02 2.Botões do programa- --------------------------------------------------------------------- 02 3. Configurações

Leia mais

O Windows também é um programa de computador, mas ele faz parte de um grupo de programas especiais: os Sistemas Operacionais.

O Windows também é um programa de computador, mas ele faz parte de um grupo de programas especiais: os Sistemas Operacionais. MICROSOFT WINDOWS O Windows também é um programa de computador, mas ele faz parte de um grupo de programas especiais: os Sistemas Operacionais. Apresentaremos a seguir o Windows 7 (uma das versões do Windows)

Leia mais

Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL

Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL Tutorial Hotmail Sobre o MSN Hotmail Acessando o Hotmail Como criar uma conta Efetuando o login Verificar mensagens Redigir

Leia mais

Microsoft Excel 2000. Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br. http://www.pcs.usp.br/~alan

Microsoft Excel 2000. Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br. http://www.pcs.usp.br/~alan Microsoft Excel 2000 Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br http://www.pcs.usp.br/~alan Microsoft Índice 1.0 Microsoft Excel 2000 3 1.1 Acessando o Excel 3 1.2 Como sair do Excel 3 1.3 Elementos da

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA - SC

TRIBUNAL DE JUSTIÇA - SC Texto para as questões de 1 a 3 3 - Ainda com relação à janela mostrada na figura, assinale a opção que indica uma forma correta de copiar o título Apresentação para o final do parágrafo terminado em do

Leia mais

Windows 7. Sistema Operacional

Windows 7. Sistema Operacional Windows 7 Sistema Operacional FCC - 2012 - TRE-SP - Técnico Judiciário O sistema operacional de um computador consiste em um a) conjunto de procedimentos programados, armazenados na CMOS, que é ativado

Leia mais

Banco do Brasil - Escriturário INFORMÁTICA

Banco do Brasil - Escriturário INFORMÁTICA Banco do Brasil - Escriturário INFORMÁTICA Nível de Importância INFORMÁTICA TEMA QTD % 1º Sistema Operacional 3 20% 2º Protocolos 2 3º Editor de Textos 2 4º Segurança da Informação 2 5º Planilhas eletrônicas

Leia mais

Informática. Informática. Valdir

Informática. Informática. Valdir Informática Informática Valdir Questão 21 A opção de alterar as configurações e aparência do Windows, inclusive a cor da área de trabalho e das janelas, instalação e configuração de hardware, software

Leia mais

CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA. Microsoft Windows XP

CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA. Microsoft Windows XP CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA Microsoft Windows XP William S. Rodrigues APRESENTAÇÃO WINDOWS XP PROFISSIONAL O Windows XP, desenvolvido pela Microsoft, é o Sistema Operacional mais conhecido e utilizado

Leia mais

Informática para Concursos 1 leitejuniorbr@yahoo.com.br

Informática para Concursos 1 leitejuniorbr@yahoo.com.br QUESTÕES TRE / TJ FCC 2007 CARGO: TÉCNICO JUDICIÁRIO ÁREA QUESTÃO 11 -. Com relação a hardware, é correto afirmar que: (A) Computadores com placas-mãe alimentadas por fontes ATX suportam o uso do comando

Leia mais

Gabarito - Windows 7-12/12/2014 AULA 01

Gabarito - Windows 7-12/12/2014 AULA 01 Gabarito - Windows 7-12/12/2014 AULA 01 1 1- O Windows Explorer é o navegador de arquivos do Windows. (Verdadeiro)2- O Windows é o navegador de arquivos do Windows Explorer. (Falso)3- O Windows Explorer

Leia mais

Pastas São indicadas pelo ícone correspondente a uma pasta suspensa.

Pastas São indicadas pelo ícone correspondente a uma pasta suspensa. Janela do Windows Explorer Logo abaixo dos componentes que já conhecemos (barra de título, barra de menus e barra de ferramentas), existe uma divisão vertical, é a exibição de todas as pastas. Modos de

Leia mais

Usando o Outlook MP Geral

Usando o Outlook MP Geral Usando o Outlook MP Geral Este guia descreve o uso do Outlook MP. Este guia é baseado no uso do Outlook MP em um PC executando o Windows 7. O Outlook MP pode ser usado em qualquer tipo de computador e

Leia mais

Área de Trabalho. Encontramos: Ìcones Botão Iniciar Barra de Tarefas

Área de Trabalho. Encontramos: Ìcones Botão Iniciar Barra de Tarefas Inicialização Tela de Logon Área de Trabalho Encontramos: Ìcones Botão Iniciar Barra de Tarefas Área de Trabalho Atalhos de Teclados Win + D = Mostrar Área de trabalho Win + M = Minimizar Tudo Win + R

Leia mais

Informática - Básico. Paulo Serrano GTTEC/CCUEC-Unicamp

Informática - Básico. Paulo Serrano GTTEC/CCUEC-Unicamp Informática - Básico Paulo Serrano GTTEC/CCUEC-Unicamp Índice Apresentação...06 Quais são as características do Windows?...07 Instalando o Windows...08 Aspectos Básicos...09 O que há na tela do Windows...10

Leia mais

Mozart de Melo Alves Júnior

Mozart de Melo Alves Júnior Mozart de Melo Alves Júnior WORD 2000 INTRODUÇÃO: O Word é um processador de texto com recursos de acentuação, formatação de parágrafo, estilo de letras diferentes, criação de tabelas, corretor ortográfico,

Leia mais

Word e Excel. Marque Certo ou Errado

Word e Excel. Marque Certo ou Errado A figura acima mostra uma janela do Word 2002, com um texto em processo de edição. Nesse texto, a expressão União Européia é o único trecho formatado como negrito e a palavra continente está selecionada.

Leia mais

Status. Barra de Título. Barra de Menu. Barra de. Ferramentas Padrão. Caixa de nomes. Barra de. Ferramentas de Formatação. Indicadores de Coluna

Status. Barra de Título. Barra de Menu. Barra de. Ferramentas Padrão. Caixa de nomes. Barra de. Ferramentas de Formatação. Indicadores de Coluna O que é uma planilha eletrônica? É um aplicativo que oferece recursos para manipular dados organizados em tabelas. A partir deles pode-se gerar gráficos facilitando a análise e interpretação dos dados

Leia mais

COMENTÁRIO PROVA DE INFORMÁTICA SERGIO ALABI LUCCI FILHO www.alabi.net ~ concurso@alabi.net

COMENTÁRIO PROVA DE INFORMÁTICA SERGIO ALABI LUCCI FILHO www.alabi.net ~ concurso@alabi.net COMENTÁRIO PROVA DE INFORMÁTICA SERGIO ALABI LUCCI FILHO www.alabi.net ~ concurso@alabi.net CARGO: TÉCNICO DE CONTROLE EXTERNO ÁREA: APOIO TÉCNICO E ADMINISTRATIVO ESPECIALIDADE: TÉCNICA ADMINISTRATIVA

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO DISTRITO FEDERAL

TRIBUNAL DE CONTAS DO DISTRITO FEDERAL TRIBUNAL DE CONTAS DO DISTRITO FEDERAL TÉCNICO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA E ANALISTA (EXCETO PARA O CARGO 4 e 8) GABARITO 1. (CESPE/2013/MPU/Conhecimentos Básicos para os cargos 34 e 35) Com a cloud computing,

Leia mais

1998-2009 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2009 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas poderá ter

Leia mais

TURMA RESOLUÇÃO DE QUESTÕES - TRT

TURMA RESOLUÇÃO DE QUESTÕES - TRT 1. Sistema Operacional Windows XP Dica: Atenção alunos, a maioria das questões sobre sistema operacional Windows XP em provas do CESPE são feitas sobre as seguintes opções: a) Cliques com o botão direito

Leia mais

QUESTÕES COMENTADAS PROVAS DE INFORMÁTICA BANCO DO BRASIL

QUESTÕES COMENTADAS PROVAS DE INFORMÁTICA BANCO DO BRASIL QUESTÕES COMENTADAS PROVAS DE INFORMÁTICA BANCO DO BRASIL BANCO DO BRASIL (Aplicação: 07/10/2001) CARGO: ESCRITURÁRIO 1 C 2 C ::::... QUESTÃO 33...:::: Outro modo de realizar a mesma operação com sucesso

Leia mais

Questões de Informática Banca CESPE - Ano: 2010 Caderno 2 Fontes: Provas da Banca CESPE

Questões de Informática Banca CESPE - Ano: 2010 Caderno 2 Fontes: Provas da Banca CESPE 1. ( ) Um computador pode ser protegido contra vírus por meio da instalação de software específicos como, por exemplo, Norton Anti-virus, McAfee Security Center e AVG, que identificam e eliminam os vírus.

Leia mais

Como acessar o novo webmail da Educação? Manual do Usuário. 15/9/2009 Gerencia de Suporte, Redes e Novas Tecnologias Claudia M.S.

Como acessar o novo webmail da Educação? Manual do Usuário. 15/9/2009 Gerencia de Suporte, Redes e Novas Tecnologias Claudia M.S. Como acessar o novo webmail da Educação? Manual do Usuário 15/9/2009 Gerencia de Suporte, Redes e Novas Tecnologias Claudia M.S. Tomaz IT.002 02 2/14 Como acessar o Webmail da Secretaria de Educação? Para

Leia mais

QUESTÕES SOBRE WINDOWS 7

QUESTÕES SOBRE WINDOWS 7 Informática Windows 7 QUESTÕES SOBRE WINDOWS 7 1) Considerando a figura exibida acima, ao repousar o ponteiro do mouse sobre o ícone doword, aparecerão três miniaturas, representando arquivos desse programa

Leia mais

Planilha Eletrônica. = Usado para iniciar fórmulas e funções. @ Somente no MS Excel permite iniciar funções. ^ Usado para expoente e raiz

Planilha Eletrônica. = Usado para iniciar fórmulas e funções. @ Somente no MS Excel permite iniciar funções. ^ Usado para expoente e raiz Planilha Eletrônica Planilha eletrônica é uma folha organizada em tabela na qual é realizado cálculos matemáticos, podendo ser simples ou complexos. A planilha eletrônica do Microsoft Office 2003 é um

Leia mais

A Estação da Evolução

A Estação da Evolução Microsoft Excel 2010, o que é isto? Micorsoft Excel é um programa do tipo planilha eletrônica. As planilhas eletrônicas são utilizadas pelas empresas pra a construção e controle onde a função principal

Leia mais

Para montar sua própria rede sem fio você precisará dos seguintes itens:

Para montar sua própria rede sem fio você precisará dos seguintes itens: Introdução: Muita gente não sabe que com o Windows XP ou o Windows Vista é possível montar uma rede sem fio em casa ou no escritório sem usar um roteador de banda larga ou um ponto de acesso (access point),

Leia mais

INFORMÁTICA 01. 02. 03. 04. 05.

INFORMÁTICA 01. 02. 03. 04. 05. INFORMÁTICA 01. Na Internet, os dois protocolos envolvidos no envio e recebimento de e-mail são: a) SMTP e POP b) WWW e HTTP c) SMTP e WWW d) FTP e WWW e) POP e FTP 02. O componente do Windows que é necessário

Leia mais

Manual do Usuário. E-DOC Peticionamento Eletrônico TST

Manual do Usuário. E-DOC Peticionamento Eletrônico TST E-DOC Peticionamento APRESENTAÇÃO O sistema E-DOC substituirá o atual sistema existente. Este sistema permitirá o controle de petições que utiliza certificado digital para autenticação de carga de documentos.

Leia mais

Como montar uma rede Wireless

Como montar uma rede Wireless Como montar uma rede Wireless Autor: Cristiane S. Carlos 1 2 Como Montar uma Rede Sem Fio sem Usar um Roteador de Banda Larga Introdução Muita gente não sabe que com o Windows XP ou o Windows Vista é possível

Leia mais

GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas

GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas GerNFe 1.0 Manual do usuário Página 1/13 GerNFe 1.0 Sistema de Gerenciador de Notas Fiscais Eletrônicas O programa GerNFe 1.0 tem como objetivo armazenar em local seguro e de maneira prática para pesquisa,

Leia mais

Manual de Uso Wordpress

Manual de Uso Wordpress Manual de Uso Wordpress Olá! Seja bem vindo ao igual. Agora você pode transmitir todas as notícias importantes da sua comunidade de forma mais simples e eficiente. Mas para que isso aconteça, primeiro

Leia mais

Continuação. 32. Inserir uma imagem da GALERIA CLIP-ART

Continuação. 32. Inserir uma imagem da GALERIA CLIP-ART Continuação 32. Inserir uma imagem da GALERIA CLIP-ART a) Vá para o primeiro slide da apresentação salva no item 31. b) Na guia PÁGINA INICIAL, clique no botão LAYOUT e selecione (clique) na opção TÍTULO

Leia mais

Prof. Ravel Silva (https://www.facebook.com/professorravelsilva) SIMULADO 01 PRF

Prof. Ravel Silva (https://www.facebook.com/professorravelsilva) SIMULADO 01 PRF Orientações aos alunos: 1. Este simulado visa auxiliar os alunos que estão se preparando para o cargo de Policial Rodoviário Federal. 2. O Simulado contém 10 questões estilo CESPE (Certo e Errado) sobre

Leia mais

Portal Contador Parceiro

Portal Contador Parceiro Portal Contador Parceiro Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa 1. Portal Contador Parceiro... 03 2. Acesso ao Portal... 04 3. Profissionais...11 4. Restrito...16 4.1 Perfil... 18 4.2 Artigos...

Leia mais

Versão 2.2.0 PIMACO AUTOADESIVOS LTDA. Assistente Pimaco + 2.2.0. Ajuda ao Usuário

Versão 2.2.0 PIMACO AUTOADESIVOS LTDA. Assistente Pimaco + 2.2.0. Ajuda ao Usuário Versão 2.2.0 PIMACO AUTOADESIVOS LTDA. Assistente Pimaco + 2.2.0 Ajuda ao Usuário A S S I S T E N T E P I M A C O + 2.2.0 Ajuda ao usuário Índice 1. BÁSICO 1 1. INICIANDO O APLICATIVO 2 2. O AMBIENTE DE

Leia mais

MALWARE. Spyware. Seguem algumas funcionalidades implementadas em spywares, que podem ter relação com o uso legítimo ou malicioso:

MALWARE. Spyware. Seguem algumas funcionalidades implementadas em spywares, que podem ter relação com o uso legítimo ou malicioso: MALWARE Spyware É o termo utilizado para se referir a uma grande categoria de software que tem o objetivo de monitorar atividades de um sistema e enviar as informações coletadas para terceiros. Seguem

Leia mais

ATA - Exercícios Informática Carlos Viana. 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor.

ATA - Exercícios Informática Carlos Viana. 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ATA - Exercícios Informática Carlos Viana 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ATA EXERCÍCIOS CARLOS VIANA 22 - ( ESAF - 2004 - MPU - Técnico Administrativo ) O

Leia mais

O processo de Navegação na Internet APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN. O Internet Explorer. www.brunoguilhen.com.br 1 INFORMÁTICA BÁSICA

O processo de Navegação na Internet APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN. O Internet Explorer. www.brunoguilhen.com.br 1 INFORMÁTICA BÁSICA APRESENTAÇÃO DO CURSO Prof. BRUNO GUILHEN O processo de Navegação na Internet INFORMÁTICA BÁSICA A NAVEGAÇÃO Programas de Navegação ou Browser : Internet Explorer; O Internet Explorer Netscape Navigator;

Leia mais

MICROSOFT WORD 2007. George Gomes Cabral

MICROSOFT WORD 2007. George Gomes Cabral MICROSOFT WORD 2007 George Gomes Cabral AMBIENTE DE TRABALHO 1. Barra de título 2. Aba (agrupa as antigas barras de menus e barra de ferramentas) 3. Botão do Office 4. Botão salvar 5. Botão de acesso à

Leia mais

Informática Básica. Internet Intranet Extranet

Informática Básica. Internet Intranet Extranet Informática Básica Internet Intranet Extranet Para começar... O que é Internet? Como a Internet nasceu? Como funciona a Internet? Serviços da Internet Considerações finais O que é Internet? Ah, essa eu

Leia mais

3) Na terminologia de domínios de um endereço para internet, COM significa: ( ) Comércio Eletrônico ( ) Arquivo executável ( ) Organização comercial

3) Na terminologia de domínios de um endereço para internet, COM significa: ( ) Comércio Eletrônico ( ) Arquivo executável ( ) Organização comercial Exercícios de Avaliação Internet Assinale a alternativa correta para as questões abaixo. 1) O serviço de procura ajuda-nos a encontrar documentos na World Wide Web. Dizemos ao serviço de pesquisa o que

Leia mais

16. Assinale a alternativa que NÃO apresenta uma vantagem dos Sistemas Operacionais com interface gráfica:

16. Assinale a alternativa que NÃO apresenta uma vantagem dos Sistemas Operacionais com interface gráfica: ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO 7 INFORMÁTICA QUESTÕES DE 16 A 35 16. Assinale a alternativa que NÃO apresenta uma vantagem dos Sistemas Operacionais com interface gráfica: a) Possibilita a ativação de vários

Leia mais

Aula 04 Word. Prof. Bruno Gomes bruno.gomes@ifrn.edu.br http://www.profbrunogomes.com.br/

Aula 04 Word. Prof. Bruno Gomes bruno.gomes@ifrn.edu.br http://www.profbrunogomes.com.br/ Aula 04 Word Prof. Bruno Gomes bruno.gomes@ifrn.edu.br http://www.profbrunogomes.com.br/ Agenda da Aula Editor de Texto - Word Microsoft Office Conjunto de aplicativos para escritório que contém programas

Leia mais

ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 3. A série... 3

ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 3. A série... 3 WORD 2007 E 2010 ÍNDICE ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 3 A série... 3 01 CAPTURAS DE TELA WORD 2010... 3 02 IMAGENS 2007/2010... 5 03 NOTAS DE RODAPÉ... 13 04 NUMERAÇÃO DE PÁGINAS... 15 05 CONTAR PALAVRAS...

Leia mais

1998-2009 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados.

1998-2009 Domínio Sistemas Ltda. Todos os direitos reservados. Saiba que este documento não poderá ser reproduzido, seja por meio eletrônico ou mecânico, sem a permissão expressa por escrito da Domínio Sistemas Ltda. Nesse caso, somente a Domínio Sistemas poderá ter

Leia mais

Questões de Concursos Tudo para você conquistar o seu cargo público

Questões de Concursos Tudo para você conquistar o seu cargo público Informática- Leandro Rangel, Analista Financeiro Contábil da AGU e professor do QConcursos.com 1- Q236949 CESGRANRIO - 2012 - Caixa - Técnico Bancário Em ambiente gráfico KDE, as diversas distribuições

Leia mais

Universidade Federal de Pelotas Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça CAVG Disciplina: Informática Apresentação Gráfica

Universidade Federal de Pelotas Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça CAVG Disciplina: Informática Apresentação Gráfica Apresentação Gráfica Microsoft Office Power Point 1 Sumário 1. MICROSOFT POWER POINT... 4 1.1. INICIANDO O MICROSOFT POWER POINT... 4 2. CONHECENDO A INTERFACE DO POWER POINT... 5 2.1. O DOCUMENTO DO POWER

Leia mais

Plano de Aula - Windows 8 - cód.5235 24 Horas/Aula

Plano de Aula - Windows 8 - cód.5235 24 Horas/Aula Plano de Aula - Windows 8 - cód.5235 24 Horas/Aula Aula 1 Capítulo 1 - Introdução ao Windows 8 Aula 2 1 - Introdução ao Windows 8 1.1. Novidades da Versão...21 1.2. Tela de Bloqueio...21 1.2.1. Personalizar

Leia mais

Dicas para usar melhor o Word 2007

Dicas para usar melhor o Word 2007 Dicas para usar melhor o Word 2007 Quem está acostumado (ou não) a trabalhar com o Word, não costuma ter todo o tempo do mundo disponível para descobrir as funcionalidades de versões recentemente lançadas.

Leia mais

Norton 360 Online Guia do Usuário

Norton 360 Online Guia do Usuário Guia do Usuário Norton 360 Online Guia do Usuário Documentação versão 1.0 Copyright 2007 Symantec Corporation. Todos os direitos reservados. O software licenciado e a documentação são considerados software

Leia mais

APOSTILA WORD BÁSICO

APOSTILA WORD BÁSICO APOSTILA WORD BÁSICO Apresentação O WORD é um editor de textos, que pertence ao Pacote Office da Microsoft. Suas principais características são: criação de textos, cartas, memorandos, documentos, mala

Leia mais

PROJETO INFORMÁTICA NA ESCOLA

PROJETO INFORMÁTICA NA ESCOLA EE Odilon Leite Ferraz PROJETO INFORMÁTICA NA ESCOLA AULA 1 APRESENTAÇÃO E INICIAÇÃO COM WINDOWS VISTA APRESENTAÇÃO E INICIAÇÃO COM WINDOWS VISTA Apresentação dos Estagiários Apresentação do Programa Acessa

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

ESET CYBER SECURITY PRO para Mac Guia de Inicialização Rápida. Clique aqui para fazer o download da versão mais recente deste documento

ESET CYBER SECURITY PRO para Mac Guia de Inicialização Rápida. Clique aqui para fazer o download da versão mais recente deste documento ESET CYBER SECURITY PRO para Mac Guia de Inicialização Rápida Clique aqui para fazer o download da versão mais recente deste documento ESET Cyber Security Pro fornece proteção de última geração para seu

Leia mais

MANUAL DE USO NA INTERNET PESSOA FÍSICA

MANUAL DE USO NA INTERNET PESSOA FÍSICA MANUAL DE USO NA INTERNET PESSOA FÍSICA APRESENTAÇÃO 1.Bem-vindo ao SICREDI Total Internet! Agora você encontra o SICREDI em casa, no trabalho ou onde você estiver. É o SICREDI Total Internet, cooperando

Leia mais

Flex. MANUAL DE USO DA FERRAMENTA FLEX O Flex como gerenciador de conteúdo

Flex. MANUAL DE USO DA FERRAMENTA FLEX O Flex como gerenciador de conteúdo 2011 MANUAL DE USO DA FERRAMENTA FLEX O Flex como gerenciador de conteúdo Aprenda como é simples utilizar a ferramenta Flex como seu gerenciador de conteúdo online. Flex Desenvolvido pela ExpandWEB 31/01/2011

Leia mais