VI JOGOS NACIONAIS DA MAGISTRATURA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "VI JOGOS NACIONAIS DA MAGISTRATURA"

Transcrição

1 VI JOGOS NACIONAIS DA MAGISTRATURA 19/04/2013 NORMAS DE SEGURANÇA E CONDUTA PARA UTILIZAÇÃO DO ESTANDE DE TIRO DO 2º BATALHÃO DE POLICIA DO EXERCITO 1. NÃO FAÇA BRINCADEIRA ou experiência com Arma de Fogo ou Munição; 2. Ao transportar Arma de Fogo na mão, faça na condição de DESMUNICIADA, DESCARREGADA e ABERTA; 3. Ao transportar Arma de Fogo em embalagem (Case, Mochila, Bolsa, etc.), faça na condição de DESMUNICIADA e DESCARREGADA; 4. Somente os militares e os integrantes da Equipe de Organização de Tiro poderão portar Armas de Fogo; 5. Respeite a sinalização e siga as orientações recebidas da Equipe de Organização de Tiro;

2 6. Ao entregar ou receber Arma de Fogo, faça na condição de DESMUNICIADA, DESCARREGADA e ABERTA; 7. NÃO APONTE ARMA DE FOGO, carregada ou descarregada, para pessoa ou objeto que você não deseja atingir. Caso seja infringido o usuário sera desclassificado da Prova de Tiro e imediatamente expulso do Estande de Tiro; 8. Caso o Atirador coloque em perigo sua própria vida ou de terceiros, sera desclassificado da Prova de Tiro e imediatamente expulso do Estande de Tiro; 9. Ao manusear armamento (municiar, desmuniciar, carregar, descarregar, alimentar, desalimentar, armar, desarmar, etc.) na Linha de Tiro, o cano da Arma de Fogo deve estar SEMPRE APONTADO PARA O PARA-BALAS, inclusive quando não estiver em uso; 10. Mantenha o DEDO FORA DO GATILHO ate que as miras estejam alinhadas ao alvo; 11. Não utilize substancia entorpecente (bebida alcoólica, medicação ou drogas ilícitas) ou qualquer outro produto que possa reduzir sua capacidade de raciocínio, atenção, reação, e coordenação, antes ou durante o uso de Arma de Fogo; 12. Não utilize, no seu corpo ou vestimenta, qualquer tipo de adorno (anel, aliança, pulseira, brinco, colar, etc.) na Linha de Tiro ou durante os tiros; 13. É obrigatório o uso de Equipamentos de Proteção Individual, como Vestimenta Adequada (Camisa, Calça e Botina), Óculos de Proteção e Protetor Auditivo; 14. Não sera permitido que o Atirador acesse o Estande de Tiro sem roupas adequadas a atividade; 15. Não utilize vestes (cachecol, echarpe, saia, etc.) que possam causar dificuldades no manuseio de Arma de Fogo ou acidentes durante a atividade de tiro; 16. Não utilize equipamentos ou apetrechos (lanterna, mochila, ferramentas, etc.) que possam causar dificuldades no manuseio de Arma de Fogo ou acidentes durante a atividade de tiro;

3 17. Durante qualquer Curso, Treinamento ou Competição, toda ação depende de ordem do responsável pela Linha de Tiro, AGUARDE O COMANDO. 18. Durante a sessão de tiros mantenha a atenção e disciplina, siga corretamente os procedimentos; 19. Conheça o funcionamento da Arma de Fogo e Munição que pretende manusear e atirar; 20. Não atire em direção as paredes ou em direção as barreiras que limitam o Estande de Tiro. Todos os tiros devem serem efetuados em direção ao Para-Balas; 21. Não atire em diagonal. Todos os tiros devem serem efetuados em ângulo reto, ou seja perpendicular ao Para-Balas; 22. USE SOMENTE A MUNIÇÃO INDICADA para a sua Arma de Fogo, conforme o Calibre Nominal, e evite munições velhas e com alteração no estojo ou no projétil; 23. Caso ocorra um Incidente de Tiro (falha de ignição, recuo anormal, estampido anormal, falha de alimentação, etc.), mantenha o cano da Arma de Fogo apontado para o alvo ou para-balas, NÃO ACIONE O GATILHO, e informe ao responsável pela Linha de Tiro, levantando a Mão-Fraca ; 24. O Atirador deve permanecer em silencio durante a Prova de Tiro, e quando se dirigir ao Diretor de Prova de Tiro deve fazer de forma educada e que não atrapalhe os demais competidores; 25. No âmbito do Estande de Tiro é proibido fazer uso de qualquer tipo de aparelho de comunicação (exemplo: Telefone, Tablet, etc.); 26. No âmbito do Estande de Tiro é proibido ingerir alimento ou bebida, fazer uso de medicação, e fumar; 27. O Atirador não pode ultrapassar a Linha de Tiro, que limita a Area do Atirador, caso ocorra sera desclassificado da Prova de Tiro;

4 28. Nunca acione o gatilho para testar sua Arma de Fogo antes de verificar se a mesma esta DESMUNICIADA e DESCARREGADA. E faça isso apontando para o Para-Balas ou Caixa de Areia; 29. Trate sempre todas as armas de fogo como se elas estivessem carregadas; 30. Observe se não há pessoas ou animais que possam ser atingidos no caso de você errar o alvo, inclusive atrás do alvo; 31. Evite atirar em superfícies rígidas ou liquidas, pois conforme o ângulo de incidência, pode haver um ricochete; 32. Em caso de suspeita de obstrução do cano, NÃO ACIONE O GATILHO, descarregue a arma de fogo e informe ao responsável pela Linha de Tiro; 33. Em caso de queda da Arma de Fogo, verifique se não houve danos ao mecanismo; 34. Quando sua Arma de Fogo necessitar de conserto ou manutenção dirijase a Armeiro capacitado e autorizado; 35. Sempre certifique-se de que sua Arma de Fogo esta desmuniciada e descarregada antes de limpa-la; 36. Mantenha a limpeza e a manutenção da sua arma de fogo em dia e sem excessos; 37. Não é permitido que pessoa MENOR DE IDADE, INIMPUTÁVEL e PORTADORA DE DEFICIÊNCIA MENTAL, acesse ou permaneça na Área do Estande de Tiro; 38. O Atirador (Competidor) so pode acessar e permanecer na Linha de Tiro se estiver gozando de Boa Saúde Física e Mental para a pratica de tiro e manuseio de Arma de Fogo.

5 DISPOSIÇOES GERAIS Este documento deve ser divulgado a todas as pessoas (militares, atiradores, convidados, etc.) que entrarão na Área do Estande de Tiro, do 2º Batalhão de Policia do Exercito; Este conjunto de normas e conduta deve ser respeitado por todas as pessoas, sem exceção. Os infratores serão penalizados conforme o entendimento do Diretor de Prova de Tiro. Na falta deste, fica o Oficial de Tiro, do 2º Batalhão de Policia do Exercito, como responsável pela Fiscalização e Controle; Em caso de duvidas, entre em contato com a Equipe de Organização de Tiro ou com o Oficial de Tiro do 2º Batalhão de Policia do Exercito. São Paulo, SP, 07 de abril de A. C. Abdalla Instrutor de Armamento e Tiro Contato de

Regulamento de Prova de Tiro. Numero 2/2013. Duelo de Balão

Regulamento de Prova de Tiro. Numero 2/2013. Duelo de Balão Regulamento de Prova de Tiro Numero 2/2013 Duelo de Balão FINALIDADE Regulamentar a Prova de Tiro Duelo de Balão no âmbito do Estande de Tiro do 2º Batalhão de Policia do Exercito. MODALIDADE Tiro Policial.

Leia mais

Carabina.22 à 25 metros

Carabina.22 à 25 metros Regulamento de Prova de Tiro Numero 3/2013 Carabina.22 à 25 metros FINALIDADE Regulamentar a Prova de Tiro Carabina.22 à 25 metros no âmbito do Estande de Tiro do 2º Batalhão de Policia do Exercito. MODALIDADE

Leia mais

Fuzil Militar de Combate

Fuzil Militar de Combate Regulamento de Prova de Tiro Numero 4/2013 Fuzil Militar de Combate FINALIDADE Regulamentar a Prova de Tiro Fuzil Militar de Combate no âmbito do Estande de Tiro do 2º Batalhão de Policia do Exercito.

Leia mais

Apostila para Candidatos Teste MEAF CETTAS - Carabina Tipo Puma / Winchester 92/94 Calibres. 38 Spl ou 44/40

Apostila para Candidatos Teste MEAF CETTAS - Carabina Tipo Puma / Winchester 92/94 Calibres. 38 Spl ou 44/40 Apostila para Candidatos Teste MEAF CETTAS - Carabina Tipo Puma / Winchester 92/94 Calibres. 38 Spl ou 44/40 NORMAS DE SEGURANÇA: 1. Somente aponte sua arma, carregada ou não, para onde pretenda atirar;

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS GUARDAS MUNICIPAIS DE CURITIBA GESTÃO 2009/ LAZER E SOCIAL 8º TORNEIO DE TIRO DA AGMUC CARACTERÍSTICA EVENTO...

ASSOCIAÇÃO DOS GUARDAS MUNICIPAIS DE CURITIBA GESTÃO 2009/ LAZER E SOCIAL 8º TORNEIO DE TIRO DA AGMUC CARACTERÍSTICA EVENTO... 8º TORNEIO DE TIRO DA CARACTERÍSTICA EVENTO...TORNEIO DE TIRO DATA...28/08/2010 - SÁBADO HORÁRIO...09:00 HS AS 15:00 HS LOCAL...CLUBE DE TIRO PONTA GROSSA - PR Nº DE PARTICIPANTES... 70 OBJETIVO O objetivo

Leia mais

REGULAMENTO DA COMPETIÇÃO CAMPEONATO NACIONAL DOS MAGISTRADOS ABRIL/2015 REGULAMENTO 02/2015 DUELO DE BALÃO

REGULAMENTO DA COMPETIÇÃO CAMPEONATO NACIONAL DOS MAGISTRADOS ABRIL/2015 REGULAMENTO 02/2015 DUELO DE BALÃO REGULAMENTO DA COMPETIÇÃO CAMPEONATO NACIONAL DOS MAGISTRADOS ABRIL/2015 REGULAMENTO 02/2015 DUELO DE BALÃO 1- DA FINALIDADE: Regulamentar a Prova de Tiro Duelo de Balão no âmbito do Estande de Tiro do

Leia mais

Manual de Instruções Rossi Dione Takedown

Manual de Instruções Rossi Dione Takedown Manual de Instruções Rossi Dione Takedown IMPORTANTE! Por favor, leia este manual de instruções antes de usar a sua carabina de pressão. Prezado cliente, obrigado por adquirir a carabina de pressão Rossi

Leia mais

Regulamento de Prova de Tiro Numero 1/2013. Duelo 20 segundos

Regulamento de Prova de Tiro Numero 1/2013. Duelo 20 segundos Regulamento de Prova de Tiro Numero 1/2013 Duelo 20 segundos FINALIDADE Regulamentar a Prova de Tiro Duelo 20 segundos no âmbito do Estande de Tiro do 2º Batalhão de Policia do Exercito. MODALIDADE Tiro

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO TIRO DE PISTOLA

REGULAMENTO ESPECÍFICO TIRO DE PISTOLA REGULAMENTO ESPECÍFICO TIRO DE PISTOLA I - DA FINALIDADE E DA PARTICIPAÇÃO Art. 1º - As regras aplicadas nodo I Jogos Nacionais de Integração dos PRF/2015, para as competição do Tiro Pistola será realizada

Leia mais

Seu rifle de pressão possui muitos recursos, que lhe dão grande manuseabilidade, precisão e diversão.

Seu rifle de pressão possui muitos recursos, que lhe dão grande manuseabilidade, precisão e diversão. Obrigado por escolher o MOD 125 Seu rifle de pressão possui muitos recursos, que lhe dão grande manuseabilidade, precisão e diversão. Corpo com longas ranhuras para montagem de suportes de luneta Cano

Leia mais

Regras. Tiro Rápido de Precisão (TRP)

Regras. Tiro Rápido de Precisão (TRP) Regras Tiro Rápido de Precisão (TRP) Atualização de Abril de 2015 Regulamento de Tiro Rápido de Precisão Atualização de Abril de 2015 1 - DA ARMA a. O comprimento do cano não deverá exceder a 6" (seis

Leia mais

CARABINA DE PRESSÃO DOMINATOR MANUAL DE INSTRUÇÕES LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR A SUA CARABINA DE PRESSÃO

CARABINA DE PRESSÃO DOMINATOR MANUAL DE INSTRUÇÕES LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR A SUA CARABINA DE PRESSÃO CARABINA DE PRESSÃO DOMINATOR OR MANUAL DE INSTRUÇÕES LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR A SUA CARABINA DE PRESSÃO Obrigado por escolher a carabina de pressão HATSAN modelo DOMINATOR. Use cuidadosamente esta

Leia mais

Campeonato. Portugal. Pistola Sport 9mm

Campeonato. Portugal. Pistola Sport 9mm Campeonato de Portugal de Pistola Sport 9mm Em vigor desde 01 de Janeiro de 2005 INTRODUÇÃO O Campeonato de Portugal com Armas de Ordenança perdeu as suas características próprias, as de um campeonato

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO REGULAMENTO DE PROVAS DE PISTOLA SPORT.45 ACP 10 DE NOVEMBRO DE 2010 FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO REGULAMENTO DE PROVAS DE PISTOLA SPORT.45 ACP Artigo 1º Âmbito do Regulamento

Leia mais

TEAM SIX BRAZIL ADVANCED TACTICAL TRAINING

TEAM SIX BRAZIL ADVANCED TACTICAL TRAINING MIAMI - FLORIDA - USA Local: Miami, Florida, USA. Período: 26 à 29 de setembro de. Duração: 04 (quatro) dias. Carga Horária: 32 horas (incluso City Tour). Anexo: Informações Adicionais. Sobre o Tema Desenvolvido

Leia mais

VIII Jogos Nacionais da Magistratura Fortaleza, 25 a 29 de outubro de 2017 Regulamento do Tiro Esportivo Clube de Tiro Gun House 27 de outubro de 2017

VIII Jogos Nacionais da Magistratura Fortaleza, 25 a 29 de outubro de 2017 Regulamento do Tiro Esportivo Clube de Tiro Gun House 27 de outubro de 2017 SUMÁRIO 1) Regulamento das Competições de Tiro Esportivo...02 2) Regulamento da Prova de Carabina Mira Aberta...04 3) Regulamento da Prova de Duelo 20 Segundos...07 4) Regulamento da Prova de IPSC...09

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO. Regulamento de Provas de Pistola Sport 9mm

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO. Regulamento de Provas de Pistola Sport 9mm FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO Instituição de Utilidade Pública por Decreto de 14/10/1929 Instituição de Utilidade Pública Desportiva (D.R. 288 de 11/12/1993) Oficial da Ordem Militar de Cristo Medalha de

Leia mais

REGULAMENTO PARA A UTILIZAÇÃO DO LABORATÓRIO DE ENFERMAGEM

REGULAMENTO PARA A UTILIZAÇÃO DO LABORATÓRIO DE ENFERMAGEM REGULAMENTO PARA A UTILIZAÇÃO DO LABORATÓRIO DE ENFERMAGEM TUPÃ/SP 2016 SUMÁRIO I DOS OBJETIVOS DO LABORATÓRIO DE ENFERMAGEM II DAS DISPOSIÇÕES GERAIS III DO FUNCIONAMENTO IV DOS DIREITOS E DEVERES DOS

Leia mais

REGULAMENTO DE TIRO PROVA DE PISTOLA DE COMBATE

REGULAMENTO DE TIRO PROVA DE PISTOLA DE COMBATE REGULAMENTO DE TIRO PROVA DE PISTOLA DE COMBATE EsEFEx Atualizado em 2015 1 PROVA DE PISTOLA DE COMBATE Art 1º - A prova de Pistola de Combate será realizada com armamento e munição de dotação do Exército

Leia mais

Carabina de Ar 25m. Local apropriado e com segurança que permita a colocação de alvos nas distancias de 10, 15, 20 e 25 metros.

Carabina de Ar 25m. Local apropriado e com segurança que permita a colocação de alvos nas distancias de 10, 15, 20 e 25 metros. Carabina de Ar 25m 1. Objetivo Regulamentar a prova de Carabina de Ar 25m do Tiro Virtual. 2. Desenvolvimento a. Estande e Distância Local apropriado e com segurança que permita a colocação de alvos nas

Leia mais

Carrinho Plataforma. MADEIRA 600 kg COMPENSADO 600 kg. Manual de Instruções Leia antes de usar. Imagens ilustrativas

Carrinho Plataforma. MADEIRA 600 kg COMPENSADO 600 kg. Manual de Instruções Leia antes de usar. Imagens ilustrativas Carrinho Plataforma MADEIRA 600 kg COMPENSADO 600 kg Imagens ilustrativas Manual de Instruções Leia antes de usar Manual de instruções 1. Orientações Gerais ATENÇÃO: LEIA TODOS OS AVISOS DE SEGURANÇA E

Leia mais

Regulamento para a utilização do Laboratório de. Anatomia

Regulamento para a utilização do Laboratório de. Anatomia Regulamento para a utilização do Laboratório de Anatomia 1 REGULAMENTO PARA A UTILIZAÇÃO DO LABORATÓRIO DE ANATOMIA HUMANA I. DOS OBJETIVOS DO LABORATÓRIO DE ANATOMIA HUMANA 1. Auxiliar o aluno na introdução

Leia mais

CARTILHA DE ARMAMENTO E TIRO APRESENTAÇÃO

CARTILHA DE ARMAMENTO E TIRO APRESENTAÇÃO CARTILHA DE ARMAMENTO E TIRO APRESENTAÇÃO Esta cartilha foi elaborada pelo Serviço de Armamento e Tiro da Academia Nacional de Polícia e pelo Serviço Nacional de Armas, tendo como objetivo principal fornecer

Leia mais

REGULAMENTO PARA A UTILIZAÇÃO DO LABORATÓRIO DE ENFERMAGEM

REGULAMENTO PARA A UTILIZAÇÃO DO LABORATÓRIO DE ENFERMAGEM REGULAMENTO PARA A UTILIZAÇÃO DO LABORATÓRIO DE ENFERMAGEM 2015 I. DOS OBJETIVOS DO LABORATÓRIO DE ENFERMAGEM 1. Auxiliar o aluno na introdução das práticas experimentais das disciplinas específicas de

Leia mais

PASSOS ATITUDE SSMA SEGURANÇA, SAÚDE E MEIO AMBIENTE. PArA QUe TOdOS NÓS TeNHAMOS SUCeSSO, VAMOS dar O PRIMEIRO PASSO!

PASSOS ATITUDE SSMA SEGURANÇA, SAÚDE E MEIO AMBIENTE. PArA QUe TOdOS NÓS TeNHAMOS SUCeSSO, VAMOS dar O PRIMEIRO PASSO! PASSOS DE ATITUDE SSMA SEGURANÇA, SAÚDE E MEIO AMBIENTE PArA QUe TOdOS NÓS TeNHAMOS SUCeSSO, VAMOS dar O PRIMEIRO PASSO! ÍNDICE Introdução Política de Segurança, Saúde e Meio Ambiente SSMA em caso de acidentes

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES MANUAL DE INSTRUÇÕES ASPIRADOR DE PÓ 1.200W Equipamento somente para uso doméstico. Obrigado por escolher um produto com a marca Tramontina. Por favor, leia o Manual de Instruções por completo antes de

Leia mais

V - Torneio Interno de Tiro de Precisão do Clube de Tiro Barra Bonita 2017

V - Torneio Interno de Tiro de Precisão do Clube de Tiro Barra Bonita 2017 V - Torneio Interno de Tiro de Precisão do Clube de Tiro Barra Bonita 2017 Finalidade - Implementar a realização de prova de carabina Mira Aberta (fogo central e circular), de Ar comprimido (4.5 e 5.5

Leia mais

CAPÍTULO I DAS NORMAS E PROCEDIMENTOS GERAIS

CAPÍTULO I DAS NORMAS E PROCEDIMENTOS GERAIS NORMAS PARA UTILIZAÇÃO DO LABORATÓRIO DE TOPOGRAFIA E GEODÉSIA CAPÍTULO I DAS NORMAS E PROCEDIMENTOS GERAIS Art. 1º - Este Regulamento normatiza o uso e funcionamento do Laboratório de Topografia e Geodésia

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES IMPORTANTE! Por favor, leia antes de utilizar! MANUAL DE INSTRUÇÕES NÃO ENGATILHE sua carabina de pressão até que tenha lido o manual de instruções e demais folhetos que acompanham o produto. 1 CUIDADOS

Leia mais

PROCEDIMENTO PARA ABASTECIMENTO DE EQUIPAMENTOS, MÁQUINAS E VEÍCULOS.

PROCEDIMENTO PARA ABASTECIMENTO DE EQUIPAMENTOS, MÁQUINAS E VEÍCULOS. Página: 1 / 7 SUMÁRIO DE REVISÕES Rev. Data DESCRIÇÃO E/OU ITENS REVISADOS 01 25/02/2014 Atualização do capítulo 04 referente ao Anexo AOR - Acompanhamento de Operações de Risco. 02 26/02/2014 Atualização

Leia mais

Furadeira de base magnética modelo CTYP-60

Furadeira de base magnética modelo CTYP-60 0 Furadeira de base magnética modelo CTYP-60 Instrução de operação: Para sua própria segurança, antes de utilizar o equipamento verifique a voltagem correta e cheque se todos os acessórios e peças estão

Leia mais

AUDIÊNCIA DIRIGIDA MINUTA DO RBAC 90

AUDIÊNCIA DIRIGIDA MINUTA DO RBAC 90 90.0AM Aplicabilidade SUBPARTE AM RBAC 90 ARMAS E MUNIÇÕES EMBARCADAS (a) Esta seção estabelece os requisitos aplicáveis aos órgãos e entes da Administração Pública que, em razão de suas atribuições legais

Leia mais

GLOCK G 25. Desmontagem e montagem. VÜ t ûé? ÑxáÖâ át x xätuéüt ûé

GLOCK G 25. Desmontagem e montagem. VÜ t ûé? ÑxáÖâ át x xätuéüt ûé GLOCK G 25 Desmontagem e montagem VÜ t ûé? ÑxáÖâ át x xätuéüt ûé 2016 Neste manual, iremos abordar a desmontagem e montagem completa da pistola Glock G25 calibre 380 ACP, dividido em 3 partes: Desmontagem

Leia mais

Furadeira de base magnética modelo CTYP-100

Furadeira de base magnética modelo CTYP-100 0 Furadeira de base magnética modelo CTYP-100 Instrução de operação: Para sua própria segurança, antes de utilizar o equipamento verifique a voltagem correta e cheque se todos os acessórios e peças estão

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO CARREGADOR DE BATERIA MODELO: KA-043

MANUAL DO USUÁRIO CARREGADOR DE BATERIA MODELO: KA-043 1 MANUAL DO USUÁRIO CARREGADOR DE BATERIA MODELO: KA-043 Neste manual você vai encontrar informações importantes a respeito do funcionamento do equipamento. Observe primeiramente os cuidados necessários

Leia mais

CÓDIGO DE COMPORTAMENTO DO CAÇADOR

CÓDIGO DE COMPORTAMENTO DO CAÇADOR CÓDIGO DE COMPORTAMENTO DO CAÇADOR A recomendação n.º 8-17 do Comité de Ministros reconhece que a fauna selvagem deve ser preservada para as gerações presentes e futuras pelo seu valor ecológico, económico,

Leia mais

Resumo da segurança do usuário

Resumo da segurança do usuário Impressora em cores Phaser 7300 Resumo da segurança do usuário Sua impressora e os produtos de consumo recomendados foram projetados e testados para atender a exigências de segurança rígidas. A atenção

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO CARREGADOR DE BATERIA ANALÓGICO

MANUAL DO USUÁRIO CARREGADOR DE BATERIA ANALÓGICO 1 MANUAL DO USUÁRIO CARREGADOR DE BATERIA ANALÓGICO MODELO: KA-078 2 APRESENTAÇÃO DO EQUIPAMENTO O CARREGADOR DE BATERIA ANALOGICO KA-078 é um equipamento voltado à recarga de baterias automotivas de fácil

Leia mais

CONTEÚDO CUIDADOS RETRABALHANDO QFP S ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MANUTENÇÃO GARANTIA DO PRODUTO... 06

CONTEÚDO CUIDADOS RETRABALHANDO QFP S ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MANUTENÇÃO GARANTIA DO PRODUTO... 06 0 ÍNDICE CONTEÚDO... 02 CUIDADOS... 02 RETRABALHANDO QFP S... 05 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS... 05 MANUTENÇÃO... 05 GARANTIA DO PRODUTO... 06 1 CONTEÚDO Observe abaixo os itens inclusos na embalagem: Item

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS VISÃO GERAL DO PRODUTO

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS VISÃO GERAL DO PRODUTO A Luminária de Mesa LED Touch SLM-102, é portátil, com design moderno, haste flexível e ideal para uso em escritório, dormitório, sendo indispensável para estudo, trabalho e leitura. Foi desenvolvida para

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ALÉM PARAÍBA INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO PROFESSORA NAIR FORTES ABU-MERHY REGULAMENTO DO LABORATÓRIO DE MEIO AMBIENTE

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ALÉM PARAÍBA INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO PROFESSORA NAIR FORTES ABU-MERHY REGULAMENTO DO LABORATÓRIO DE MEIO AMBIENTE FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ALÉM PARAÍBA INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO PROFESSORA NAIR FORTES ABU-MERHY REGULAMENTO DO LABORATÓRIO DE MEIO AMBIENTE ALÉM PARAÍBA 2012 CAPÍTULO I Da Finalidade Art.1. O Laboratório

Leia mais

é proibido invadir o gramado

é proibido invadir o gramado é proibido invadir o gramado evite condutas desrespeitosas ou que possam tirar o foco desportivo do evento. não cause danos ao patrimônio, às pessoas ou qualquer coisa, em qualquer tempo ou lugar do estádio.

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DO CAMPING FESTIVAL EDP VILAR DE MOUROS 2017

REGULAMENTO INTERNO DO CAMPING FESTIVAL EDP VILAR DE MOUROS 2017 REGULAMENTO INTERNO DO CAMPING FESTIVAL EDP VILAR DE MOUROS 2017 Introdução O uso das áreas de Camping estará subordinado a este regulamento e normas legais vigentes. Os campistas são responsáveis pelos

Leia mais

FUMO. É Proibido fumar em qualquer departamento da Empresa (escritório, produção, banheiros, depósitos, vestiários, refeitório etc).

FUMO. É Proibido fumar em qualquer departamento da Empresa (escritório, produção, banheiros, depósitos, vestiários, refeitório etc). FUMO É Proibido fumar em qualquer departamento da Empresa (escritório, produção, banheiros, depósitos, vestiários, refeitório etc). EPI EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL É obrigatório o uso dos equipamentos

Leia mais

- L E I A AT E N TA M E N T E A N T E S D E O P E R A R S E U F O G Ã O -

- L E I A AT E N TA M E N T E A N T E S D E O P E R A R S E U F O G Ã O - M A N U A L D E I N S T R U Ç Õ E S F o g ã o a L e n h a L a m b i a s e - L E I A AT E N TA M E N T E A N T E S D E O P E R A R S E U F O G Ã O - w w w. l a m b i a s e. c o m. b r MANUAL DE INSTRUÇÕES

Leia mais

Regulamento para inscrição na 11ª Semana da Música de Ouro Branco

Regulamento para inscrição na 11ª Semana da Música de Ouro Branco Regulamento para inscrição na 11ª Semana da Música de Ouro Branco 1. Inscrições e seleção 1.1 Para efetuar a inscrições para a 11ª Semana da Música de Ouro Branco, o candidato deverá acessar o site www.semanadamusica.com;

Leia mais

ADEGA DE VINHOS VCL-720

ADEGA DE VINHOS VCL-720 Manual de Instruções ADEGA DE VINHOS VCL-720 Leia atentamente as informações contidas neste manual antes de usar o aparelho. INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA: Antes de utilizar a adega, leia atentamente às instruções

Leia mais

CURSO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DA GUARDA MUNICIPAL DE GARANHUNS-2016

CURSO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DA GUARDA MUNICIPAL DE GARANHUNS-2016 CURSO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DA GUARDA MUNICIPAL DE GARANHUNS-2016 Provimento de cargos da Guarda Municipal de Garanhuns. Nome do candidato: Número de inscrição: Assinatura do candidato: PROVA MÓDULO

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO AQUECEDOR TERMOVENTILADOR AQC418 AQC419

MANUAL DO USUÁRIO AQUECEDOR TERMOVENTILADOR AQC418 AQC419 MANUAL DO USUÁRIO AQUECEDOR TERMOVENTILADOR AQC418 AQC419 Obrigado por adquirir o Aquecedor Termoventilador Cadence AQC418 AQC419, um produto de alta tecnologia, seguro e eficiente. É muito importante

Leia mais

*Imagens meramente ilustrativas LIXADEIRA ORBITAL. Manual de Instruções

*Imagens meramente ilustrativas LIXADEIRA ORBITAL. Manual de Instruções *Imagens meramente ilustrativas LIXADEIRA ORBITAL Manual de Instruções www.v8brasil.com.br 1. DADOS TÉCNICOS LIXADEIRA ORBITAL Modelo Velocidade sem carga Pressão de trabalho Entrada de ar 1/4 Disco de

Leia mais

Manual de Instruções PRENSA 2t TORVEL

Manual de Instruções PRENSA 2t TORVEL Manual de Instruções PRENSA 2t 1 Índice 1.0 Considerações Gerais...3 1.0 Instruções de recebimento...3 1.2 A segurança em foco...3, 4 e 5 2.1 Dados técnicos...5 2.1 Descrição do produto...6 3.0 Instruções

Leia mais

2. Composição e informações sobre os ingredientes

2. Composição e informações sobre os ingredientes Página: 1/5 1. Identificação do produto e da empresa Nome do produto: Nome da empresa: Cleusa Marques Malheiros EPP Endereço: Rua Papa Pio XII- Bairro:Industrial II Telefone: 19-33041002 Fax: 19-33041002

Leia mais

Procedimentos, Regras de Proteção e Segurança para Visitantes. ITT Industrial Process Salto, SP - Brasil

Procedimentos, Regras de Proteção e Segurança para Visitantes. ITT Industrial Process Salto, SP - Brasil Procedimentos, Regras de Proteção e Segurança para Visitantes ITT Industrial Process Salto, SP - Brasil Objetivos do Módulo O propósito deste módulo é familiarizar todos os visitantes com os objetivos

Leia mais

INFORMATIVO TÉCNICO. Nº 53 Atualizado em Dezembro de 2010.

INFORMATIVO TÉCNICO. Nº 53 Atualizado em Dezembro de 2010. INFORMATIVO TÉCNICO Nº 53 Atualizado em Dezembro de 2010. Pistola de Pressão CBC Life Style A Pistola de Pressão Life Style é resultado do compromisso da CBC com a constante evolução dos seus produtos

Leia mais

FEDERAÇÃO ESPIRITOSANTENSE DE TIRO PRÁTICO REGULAMENTO PARA O CAMPEONATO ESTADUAL DE SILHUETAS METALICAS

FEDERAÇÃO ESPIRITOSANTENSE DE TIRO PRÁTICO REGULAMENTO PARA O CAMPEONATO ESTADUAL DE SILHUETAS METALICAS 1 REGULAMENTO PARA O CAMPEONATO ESTADUAL DE SILHUETAS METALICAS 1. DISPOSIÇÕES GERAIS Este regulamento foi elaborado com o intuito de abranger de forma ampla, clara e simples todos os aspectos normativos,

Leia mais

Suporte de Fácil Fixação Nokia HH-20 e CR-114/115

Suporte de Fácil Fixação Nokia HH-20 e CR-114/115 Suporte de Fácil Fixação Nokia HH-20 e CR-114/115 B D C 1 A E Edição 2.0 A C D 2 G F E B 4 3 8 5 6 9 7 2010 Nokia. Todos os direitos reservados. Nokia, Nokia Connecting People e o logotipo Nokia Original

Leia mais

Controle de Qualidade de Alimentos 1º Módulo

Controle de Qualidade de Alimentos 1º Módulo VIVIAN PUPO DE OLIVEIRA MACHADO Nutricionista (Unoeste) Especialista em Saúde Coletiva (UEL) Especialista em Educação Inclusiva (Facol) Mestranda em Agronomia/Produção Vegetal (Unoeste) Controle de Qualidade

Leia mais

REGULAMENTO LABORATÓRIO DE AVALIAÇÃO NUTRICIONAL FACULDADES ESEFAP

REGULAMENTO LABORATÓRIO DE AVALIAÇÃO NUTRICIONAL FACULDADES ESEFAP REGULAMENTO LABORATÓRIO DE AVALIAÇÃO NUTRICIONAL FACULDADES ESEFAP Tupã, SP 2016 REGULAMENTO DO LABORATÓRIO DE AVALIAÇÃO NUTRICIONAL Define as normas internas de utilização do Laboratório de Avaliação

Leia mais

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA Obrigado por adquirir o Ventilador, modelos VTR500 503 505, um produto de alta tecnologia, seguro, eficiente, barato e econômico. É muito importante ler atentamente este manual de instruções, as informações

Leia mais

CURSO COMBATE URBANO

CURSO COMBATE URBANO CURSO COMBATE URBANO PLANO DE CURSO Local: TACTICAL SHOOTING CLUBE DE TIRO BOTUCATU - SP Data: dias 27 e 28 de Agosto de 2016. Instrutor parte prática: JAIRO INÁCIO Instrutor parte teórica: Arnaldo Adasz

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO E FUNCIONAMENTO

MANUAL DE OPERAÇÃO E FUNCIONAMENTO BARREIRA INFRAVERMELHO FEIXE ÚNICO D50-1 MANUAL DE OPERAÇÃO E FUNCIONAMENTO DECIBEL DESCRIÇÃO: A barreira I.V.A. feixe único D50-1 é recomendada em automações de portões, ao ser interrompida abre ou fecha

Leia mais

CARABINA DE PRESSÃO GALATIAN MANUAL DE INSTRUÇÕES LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR A SUA CARABINA DE PRESSÃO 1

CARABINA DE PRESSÃO GALATIAN MANUAL DE INSTRUÇÕES LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR A SUA CARABINA DE PRESSÃO 1 CARABINA DE PRESSÃO GALATIAN MANUAL DE INSTRUÇÕES LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR A SUA CARABINA DE PRESSÃO 1 Obrigado por escolher a carabina de pressão HATSAN GALATIAN. Use cuidadosamente esta carabina

Leia mais

Manual de instruções TAB-10C

Manual de instruções TAB-10C Manual de instruções TAB-10C010-232 Felicitações na compra do seu novo tablet! Este manual contém informações importantes de segurança e funcionamento, a fim de evitar acidentes! Por favor, leia este manual

Leia mais

Manual de Instruções TORVEL. Série CPT. Manual de Instruções CORTADOR DE PORCAS TORVEL

Manual de Instruções TORVEL. Série CPT. Manual de Instruções CORTADOR DE PORCAS TORVEL Manual de Instruções 1 Índice 1. Considerações Gerais...3 2. A Segurança em Foco...3 e 4 3. Descrição do Produto...5 e 6 4. Utilização do...7 5. Lista de Peças...7 e 8 2 1.0 Considerações Gerais 1.1 Instruções

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES Modelo M4-177 MANUAL DE INSTRUÇÕES ANTES DE USAR SEU RIFLE DE PRESSÃO, LEIA TODAS AS INSTRUÇÕES E ADVERTÊNCIAS CONTIDAS NESTE MANUAL DE INSTRUÇÕES. ADVERTÊNCIA: Não é um brinquedo. Este rifle de pressão

Leia mais

*Imagens meramente ilustrativas SOPRADOR TÉRMICO. Manual de Instruções

*Imagens meramente ilustrativas SOPRADOR TÉRMICO. Manual de Instruções *Imagens meramente ilustrativas SOPRADOR TÉRMICO Manual de Instruções 1. DADOS TÉCNICOS SOPRADOR TÉRMICO Modelo V8-ST-1800 V8-ST-2000 Tensão nominal 220V / mono 220V / mono Frequência 60Hz 60Hz Potência

Leia mais

e Desbaste Manual de Instruções Leia antes de usar Imagens ilustrativas

e Desbaste Manual de Instruções Leia antes de usar Imagens ilustrativas Discos de Corte e Desbaste Imagens ilustrativas Manual de Instruções Leia antes de usar Manual de instruções 1. Orientações Gerais ATENÇÃO: LEIA TODOS OS AVISOS DE SEGURANÇA E TODAS AS INSTRUÇÕES. Guarde

Leia mais

Confederação Brasileira de Tiro Esportivo Filiada a World Field Target Federation Regulamento das Provas de Field Target Atualizado em 26 de maio 2009

Confederação Brasileira de Tiro Esportivo Filiada a World Field Target Federation Regulamento das Provas de Field Target Atualizado em 26 de maio 2009 Regulamento Técnico do Field Target ÍNDICE 2. Desenvolvimento... 2 a) Provas... 2 b) Classes... 2 c) Armas, Munições e Acessórios... 2 d) Alvos... 3 e) Distâncias... 4 f) Posições... 4 g) Tempos... 4 i)

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Obrigado por adquirir a escova elétrica facial D-Clean Mini. Este manual deve ser guardado para consultas futuras.

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Obrigado por adquirir a escova elétrica facial D-Clean Mini. Este manual deve ser guardado para consultas futuras. MANUAL DE INSTRUÇÕES Obrigado por adquirir a escova elétrica facial D-Clean Mini. Este manual deve ser guardado para consultas futuras. 2 Esse produto contém: Aparelho 1 escova Manual de instrução Adaptador

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES CAFETEIRA ELÉTRICA CM-1058A

MANUAL DE INSTRUÇÕES CAFETEIRA ELÉTRICA CM-1058A MANUAL DE INSTRUÇÕES CAFETEIRA ELÉTRICA CM-1058A Parabéns pela sua compra! Esta Cafeteira Elétrica foi projetada para um funcionamento eficiente e seguro. Por favor, reserve alguns minutos para ler atentamente

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DOS LABORATÓRIOS DO CURSO DE ENGENHARIA FLORESTAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS REGIONAL JATAÍ CAPÍTULO I

REGIMENTO INTERNO DOS LABORATÓRIOS DO CURSO DE ENGENHARIA FLORESTAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS REGIONAL JATAÍ CAPÍTULO I REGIMENTO INTERNO DOS LABORATÓRIOS DO CURSO DE ENGENHARIA FLORESTAL DA Este regimento estabelece as normas de organização e funcionamento dos Laboratórios do Curso de Engenharia Florestal da Universidade

Leia mais

NORMAS INTERNAS DOS LABORATÓRIOS DE ENFERMAGEM

NORMAS INTERNAS DOS LABORATÓRIOS DE ENFERMAGEM MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA CAMPUS ANISIO TEIXEIRA-INSTITUTO MULTIDICIPLINAR EM SAÚDE COORDENAÇÃO GERAL DE LABORATÓRIOS NORMAS INTERNAS DOS LABORATÓRIOS DE ENFERMAGEM Define as

Leia mais

ESPINGARDA CBC MONOCANO 199.2

ESPINGARDA CBC MONOCANO 199.2 ESPINGARDA CBC MONOCANO 199.2 1. INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA ATENÇÃO: Antes de carregar a arma com munição, leia atentamente este manual. Aprenda como manusear sua arma com segurança. A não observação das

Leia mais

Manual do usuário NESCAFÉ DOLCE GUSTO BR gusto.com

Manual do usuário NESCAFÉ DOLCE GUSTO BR gusto.com BR Manual do usuário NESCAFÉ DOLCE GUSTO www.dolce gusto.com BR 0800 776 22 33 Visão geral 3 Gama de produtos Primeira utilização 6 Preparando uma bebida 7 Limpeza 9 10 Solução de problemas 11 Medidas

Leia mais

Art. 3º Votar e ser votado nas eleições do CTP apenas os sócios patrimoniais.

Art. 3º Votar e ser votado nas eleições do CTP apenas os sócios patrimoniais. REGIMENTO INTERNO DO CLUBE DE TIRO DO PIAUÍ INTRODUÇÃO: Obedecendo ao disposto no Art 64 Título V, capítulo IV do Estatuto do Clube de Tiro do Piauí - CTP, a diretoria ali formada, vem apresentar o presente

Leia mais

Prática de Proteção Radiológica

Prática de Proteção Radiológica Prática de Proteção Radiológica Dr. Almy A. R. Da Silva Físico Especialista em Proteção Radiológica SESMT - Superintendência de Saúde - Reitoria LICENCIAMENTO Registro de pessoa física para o preparo uso

Leia mais

CARABINA DE PRESSÃO PCP BT65 MANUAL DE INSTRUÇÕES LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR A SUA CARABINA DE PRESSÃO

CARABINA DE PRESSÃO PCP BT65 MANUAL DE INSTRUÇÕES LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR A SUA CARABINA DE PRESSÃO CARABINA DE PRESSÃO PCP BT65 MANUAL DE INSTRUÇÕES LEIA ESTE MANUAL ANTES DE USAR A SUA CARABINA DE PRESSÃO Obrigado por escolher a carabina de pressão HATSAN modelo BT65. Use cuidadosamente esta carabina

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO nº 15/2016 DEPARTAMENTO DE CONTRATOS DO IFSC

BOLETIM INFORMATIVO nº 15/2016 DEPARTAMENTO DE CONTRATOS DO IFSC BOLETIM INFORMATIVO nº 15/2016 DEPARTAMENTO DE CONTRATOS DO IFSC FISCALIZAÇÃO DO SERVIÇO DE VIGILÂNCIA PARTE II A PORTARIA Nº 3.233/2012-DG/DPF, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2012, da Direção Geral do Departamento

Leia mais

DIREÇÃO NACIONAL RECOMENDAÇÃO

DIREÇÃO NACIONAL RECOMENDAÇÃO MINISTERIO DA ADMINISTRAÇÃO INTERNA POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DIREÇÃO NACIONAL UNIDADE ORGÂNICA DE OPERAÇÕES E SEGURANÇA DEPARTAMENTO DE ARMAS E EXPLOSIVOS RECOMENDAÇÃO Procedimentos a adotar para a

Leia mais

Guia. Zeus. Rápido PGS-G719-3WB

Guia. Zeus. Rápido PGS-G719-3WB Guia Rápido Zeus PGS-G79-3WB SUMÁRIO Conferindo o seu Tablet Pegasus... Conhecendo o seu Tablet Pegasus... 2 Preparando o seu Tablet Pegasus para o º uso... 4 Carregar a bateria... 4 Ligar ou Desligar

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO INSTRUÇÃO E OPERAÇÃO DO CORTADOR ALUMINIUM

MANUAL DO USUÁRIO INSTRUÇÃO E OPERAÇÃO DO CORTADOR ALUMINIUM ATENÇÃO Antes de retirar o cortador da embalagem, leia atentamente este manual. MANUAL DO USUÁRIO INSTRUÇÃO E OPERAÇÃO DO CORTADOR ALUMINIUM ÍNDICE 1. PRECAUÇÕES 2. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 3. INSTRUÇÕES

Leia mais

REGULAMENTO CORRIDA DE RATOEIRAS

REGULAMENTO CORRIDA DE RATOEIRAS REGULAMENTO CORRIDA DE RATOEIRAS O concurso "Mouse TrapRace Corrida de Ratoeiras" trata-se de uma competição saudável entre as equipes participantes do Redentor Games Campos. DO OBJETIVO O concurso tem

Leia mais

Torneio de Tiro de Precisão

Torneio de Tiro de Precisão Torneio de Tiro de Precisão REGRAS GERAIS: Armas: Qualquer tipo de arma com mira aberta, desde que não seja dióptro de qualquer tipo, ou seja com ou sem lente. Não poderá ser usado nenhum tipo de mira

Leia mais

CAMINHONEIRORESPONSÁVEL. Volume 3

CAMINHONEIRORESPONSÁVEL. Volume 3 CAMINHONEIRORESPONSÁVEL Volume 3 SET/2012 2 CAMINHONEIRORESPONSÁVEL l Volume 3 Í Índice Capítulo 1 Dicas de Trânsito...3 Capítulo 2 Dicas de Alongamento...5 Capítulo 3 Saúde e Bem-estar...7 Capítulo 4

Leia mais

Normas Institucionais 1 REGULAMENTO E POLÍTICA DE USO DO ATELIÊ DO OBJETO. Eng. Umberto Palma FACULDADES OSWALDO CRUZ FAITER

Normas Institucionais 1 REGULAMENTO E POLÍTICA DE USO DO ATELIÊ DO OBJETO. Eng. Umberto Palma FACULDADES OSWALDO CRUZ FAITER 1 REGULAMENTO E POLÍTICA DE USO DO ATELIÊ DO OBJETO Eng. Umberto Palma FACULDADES OSWALDO CRUZ FAITER Faculdades Integradas Interamericanas FACULDADE DE DESENHO INDUSTRIAL DESIGN São Paulo / 2014 2 REGULAMENTO

Leia mais

MANUAL DE USUÁRIO AQUECEDOR ELÉTRICO

MANUAL DE USUÁRIO AQUECEDOR ELÉTRICO MANUAL DE USUÁRIO AQUECEDOR ELÉTRICO GAC15-12R GAC18-22R Característica de uso e do aparelho Os aquecedores elétricos da GREE foram projetados para proporcionar alto rendimento, com baixos custos de manutenção

Leia mais

TÉCNICAS DE INTERVENÇÃO POLICIAL

TÉCNICAS DE INTERVENÇÃO POLICIAL POLÍCIA MILITAR DA BAHIA COMANDO-GERAL TÉCNICAS DE INTERVENÇÃO POLICIAL Esta semana, trataremos de mais um importante tema de interesse policial militar, o qual precisa sempre ser revisto e debatido pelos

Leia mais

BEM-VINDO AO PARQUE INDUSTRIAL CHEMPARK DE DORMAGEN

BEM-VINDO AO PARQUE INDUSTRIAL CHEMPARK DE DORMAGEN BEM-VINDO AO PARQUE INDUSTRIAL CHEMPARK DE DORMAGEN Indicações de segurança Por favor, leia as presentes indicações de segurança antes de entrar em CHEMPARK e certifique-se de que as mesmas são cumpridas

Leia mais

DL Manual de Operação.

DL Manual de Operação. DL-3500 Manual de Operação Agradecemos por ter adquirido este produto Leia o manual por completo antes de utilizar o produto Guarde este manual para futuras referências www.dlock.com.br DL-3500 Manual

Leia mais

Regulamento Geral do Campeonato 2015

Regulamento Geral do Campeonato 2015 1) Data, Hora e Locais de Competição Regulamento Geral do Campeonato 2015 a) Data e Locais - Conforme publicado no site. Cada coordenador poderá definir se fará a competição em 1 ou 2 dias, devendo entrar

Leia mais

Regulamento de saque-rápido Atualização de julho de 2007

Regulamento de saque-rápido Atualização de julho de 2007 Regulamento de saque-rápido Atualização de julho de 2007 Capitulo 1. Organização. A parte executiva da organização da prova é composta de Diretor de Prova (Match Director); Chefe dos Árbitros (Chief Range

Leia mais

PROCEDIMENTO LISTA DE VERIFICAÇÃO SEGURANÇA OPERACIONAL - LVSO Página: 1 / /09/2014 Atualização do capitulo 04 aplicação para o CEATE.

PROCEDIMENTO LISTA DE VERIFICAÇÃO SEGURANÇA OPERACIONAL - LVSO Página: 1 / /09/2014 Atualização do capitulo 04 aplicação para o CEATE. SEGURANÇA OPERACIONAL - LVSO Página: 1 / 6 SUMÁRIO DE REVISÕES Rev. Data DESCRIÇÃO E/OU ITENS REVISADOS 01 25/02/2014 Atualização do capitulo 03. 02 26/02/2014 Atualização do capitulo 04 aplicação para

Leia mais

West-202. Manual de Instruções MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA MINI MÁQUINA DE COSTURA

West-202. Manual de Instruções MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA MINI MÁQUINA DE COSTURA West-202 Manual de Instruções MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA MINI MÁQUINA DE COSTURA Após abertura da caixa. 1- Retire a máquina da caixa. 2- Coloque o botão liga / desliga na posição "desligado" antes de

Leia mais

GARANTA SUA GARANTIA LEIA E COMPREENDA O MANUAL DE INSTRUÇÕES.

GARANTA SUA GARANTIA LEIA E COMPREENDA O MANUAL DE INSTRUÇÕES. GARANTA SUA GARANTIA LEIA E COMPREENDA O MANUAL DE INSTRUÇÕES. VERIFIQUE SE A TENSÃO DO APARELHO CORRESPONDE A DA TOMADA ONDE SERÁ LIGADO (127V ou 220V). ASPIRADOR DE PÓ E ÁGUA WORK10 INTRODUÇÃO Parabéns

Leia mais

Stage 1 OPEN PORTUGAL

Stage 1 OPEN PORTUGAL Stage 1 OPEN PORTUGAL - 2011 Posição inicial: Sentado na cadeira, voltado para o para balas principal, mãos nas marcas. Condição arma: arma no coldre descarregada. Procedimento da pista: Após o sinal sonoro

Leia mais

- Como funciona o CTI?

- Como funciona o CTI? - O que é e para que serve o CTI? A sigla CTI significa Centro de Terapia Intensiva, uma unidade que, como o nome diz, é destinada a proporcionar um tratamento intensivo a seus pacientes, contando com

Leia mais

10/ REV 0 SOMENTE PARA USO DOMÉSTICO. Manual de Instruções

10/ REV 0 SOMENTE PARA USO DOMÉSTICO. Manual de Instruções 10/12 912-09-05 780872 REV 0 SOMENTE PARA USO DOMÉSTICO Manual de Instruções INTRODUÇÃO Parabéns pela escolha do Hidromassageador Aqua Foot 2. Para garantir o melhor desempenho de seu produto, ler atentamente

Leia mais

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA

1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA [M03 11052010] 1 INSTRUÇÕES IMPORTANTES DE SEGURANÇA É muito importante que você leia atentamente todas as instruções contidas neste manual antes de utilizar o produto, pois elas garantirão sua segurança.

Leia mais

HIGIENE E SEGURANÇA NO TRABALHO Manuseio, Transporte e Armazenamento de Explosivos. Profª Engª M.Sc. Ana Lúcia de Oliveira Daré

HIGIENE E SEGURANÇA NO TRABALHO Manuseio, Transporte e Armazenamento de Explosivos. Profª Engª M.Sc. Ana Lúcia de Oliveira Daré HIGIENE E SEGURANÇA NO TRABALHO Manuseio, Transporte e Armazenamento de Explosivos Profª Engª M.Sc. Ana Lúcia de Oliveira Daré 1. Objetivo 2. Introdução 3. NR 19 Explosivos 3.1. Definição 3.2. Normas de

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO CHALEIRA ELÉTRICA CADENCE CEL310/311/312/313/314

MANUAL DO USUÁRIO CHALEIRA ELÉTRICA CADENCE CEL310/311/312/313/314 MANUAL DO USUÁRIO CHALEIRA ELÉTRICA CADENCE CEL310/311/312/313/314 Obrigado por adquirir a chaleira elétrica Cadence, um produto de alta tecnologia, seguro e eficiente. É Muito importante ler atentamente

Leia mais