SIMULADOR DE CÁLCULO DE DESAPOSENTAÇÃO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SIMULADOR DE CÁLCULO DE DESAPOSENTAÇÃO"

Transcrição

1 1

2 MANUAL IEPREV SIMULADOR DE CÁLCULO DE DESAPOSENTAÇÃO Esse sistema é aplicado para os segurados filiados ao INSS - Instituto Nacional do Seguro Social que, não obstante já tenham se aposentado, continuaram exercendo atividade remunerada e contribuindo para o Regime Geral de Previdência Social e assim com mais tempo de contribuição e idade mais avançada poderão obter um benefício mais vantajoso. É importante que o operador do Direito antes de ingressar com uma ação judicial requerendo a concessão de outro benefício em substituição ao primeiro tenha plena convicção de que o cálculo da segunda aposentadoria será mais vantajoso, evitando-se prejuízos aos seus clientes. Nesse sentido, recomenda-se solicitar ao cliente a relação dos salários-de-contribuição constantes do CNIS (CADASTRO NACIONAL DE INFORMAÇÕES SOCIAIS) para inserir as informações no simulador de cálculo e, desta forma, instruir a petição inicial, sobretudo uma ação mandamental, com os elementos de cálculo aptos a demonstrar a vantagem econômica ao segurado. Primeiro Passo Clicar no cálculo de Desaposentação. Nos campos presentes em, o usuário deverá preencher as principais informações cadastrais do segurado, com principal destaque para nome, a data de nascimento e data da primeira filiação ao INSS e sexo. 2

3 Clicar em Salvar e Continuar, caso queira salvar somente os dados do segurado em Lista de segurado Clicar em Salvar. Segundo Passo Nos campos presentes em Adicionar Informações para o Cálculo, o usuário deverá preencher Data do Início do primeiro Benefício DIB, Período para início de benefício, Espécie, Contribuição Primária, Contribuição Secundária e Carência os dois últimos se necessário. O usuário deverá ter extrema atenção para preencher o Tempo de Contribuição. Obs. Em tese deverá ser digitando nestes campos os valores base do cálculo do benefício concedido administrativamente que é o objeto da desaposentação que será substituído para os parâmetros de cálculo do segundo benefício solicitado na sequência. 3

4 Clicar em Inserir. Em seguida o usuário deverá preencher Data do Início do segundo Benefício DIB, seguindo o mesmo critério acima. Obs. Em tese deverá ser digitando nestes campos os valores base do cálculo do novo benefício a ser concedido judicialmente e que será o objeto da desaposentação que substituirá os parâmetros de cálculo do primeiro benefício solicitado anteriormente. 4

5 Clicar em Inserir. O preenchimento do tempo total contribuição deverá ser feito na atividade primária. Somente haverá preenchimento do campo da atividade secundária caso existam períodos concomitantes. Por exemplo: um segurado promoveu o recolhimento de 35 anos como empregado e simultaneamente contribuiu em outra atividade um período de 15 anos. Nessa hipótese, como se trata de períodos concomitantes deverá ser preenchido o período trabalhado na atividade secundária. 5

6 Terceiro Passo As informações inseridas anteriormente serão registradas na Tabela abaixo de Cálculos cadastrados. Você poderá inserir quantos grupos de cálculos quiser com variações de espécie (tipo de beneficio), Período para Início do Benefício, Tempo de Contribuição e Carência, no intuito de simular mais de uma possibilidade de Desaposentação para o mesmo segurado. Em Cálculos cadastrados serão apresentados quatro ícones: Clicar no ícone Inserir valores de Contribuição 6

7 Quarto Passo Nos campos presentes em Informar Valor de Contribuição serão inseridos todos os salários de contribuição do segurado. O painel de inserção permite que o usuário digite mês a mês ou digite vários períodos de uma única vez, desde que o salário-de-contribuição não tenha sofrido alterações. Exemplo: Para que o usuário digite mês a mês salários de contribuição variáveis: De: 07/1994 Ate: 07/1994 Valor: R$ 820,00 Tipo da Contribuição: Selecionar Primaria ou Secundária Clicar em Inserir Período. O sistema apresentara a tabela de Contribuição com o valor de R$ 820,00 preenchido no mês de julho de

8 Para inserir intervalos de tempo onde o salário de contribuição não sofreu alteração basta inserir o intervalo inteiro como no exemplo: De: 08/1994 Ate: 12/1996 Valor: R$ 1.300,00 Tipo da Contribuição: Selecionar Primaria ou Secundária Clicar em Inserir Período. 8

9 O sistema apresentara a tabela de Contribuição com o valor de R$ 1.300,00 preenchidos em todos os meses a partir de 08/1994 ate 12/1996. Inserir todos os salários até a última contribuição que no exemplo é dezembro de 2011 conforme a DIB do segundo beneficio de 01/12/2011. Clicar em. Para editar valores clicar no ícone, para excluir cálculos cadastrados clicar no ícone. Para visualizar o resultado do cálculo cadastrado clicar no ícone. Obs. Após apresentação da tabela o usuário poderá alterar manualmente qualquer valor diretamente na tabela. Importante ressaltar que a tabela de salário de contribuição será única para aquele grupo cadastrado, No caso em que se tenha de alterar os valores de salário de contribuição quando se cria outro grupo de cálculo, o sistema reutilizará os valores da tabela de salários de contribuição do grupo anterior, permitindo também edição dos valores. Quinto Passo Após clicar em Realizar Cálculo será exibido a pagina com os resultados com base nas duas DIB s cadastradas anteriormente, exibindo a RMI do primeiro e segundo benefícios. 9

10 10

11 Obs. Ao calcular uma aposentadoria o usuário terá a opção de calcular Sem a IN 45. Para aposentadoria especial, aposentadorias por idade e tempo de contribuição, inclusive de professor, com benefícios concedidos a partir de 11/08/2010 e filiação até 28/11/1999, no que diz respeito ao descarte dos 20% menores salários de contribuição, o IEPREV se fundamenta na Instrução Normativa - PRESIDENTE INSS nº 45 de , Art Caso o usuário não queira realizar o cálculo com base na Instrução Normativa acima, basta clicar no botão Sem a IN 45. O calculo será realizado com base na LEI Nº DE 24 DE JULHO DE 1991, Art. 29. Ressalta se que é de inteira responsabilidade do usuário a interpretação dessas leis para cada caso. O usuário também poderá encontrar as opções Mostrar reajuste administrativos, tendo necessidade ou interesse de fazer novos cálculos 11

12 ele deverá clicar em Informações de Cálculos e cadastrar novos cálculos. Clicar diretamente em Realizar Cálculo caso não haja necessidade de editar nem um salário de contribuição, pois os mesmos já estão registrados para o segurado anteriormente e será utilizado para todos os cálculos do mesmo segurado.segue imagem como exemplo Sexto Passo Para comparar as duas RMI s e saber os valores devidos clicar em Exportar para Atrasados, as informações do cálculo serão transferidas automaticamente para o link de Benefícios atrasados. 12

13 Não é necessário o preenchimento dos campos em branco. Clicar em Calcular Atrasados. O resultado do valor da Desaposentação poderá ser visualizado na Conclusão em Última Renda Mensal Judicialmente e no Resultado em Benefício devido e Benefício Recebido. Obs. Nesta página constará se o segurado tem, ou não, direito aos benefícios previdenciários selecionados, bem como o valor dos mesmos. Caso o usuário encontre qualquer incongruência no cálculo favor escrever imediatamente para o e- mail para que o problema seja solucionado. Ao fim de cada cálculo o usuário poderá clicar em visualizar para impressão. Para criar um novo segurado ou fazer buscas de segurados já cadastrados clicar em Selecionar segurado no fim da página de resultado, ou Criar/Buscar segurado no inicio da mesma página. 13

14 14

Governança da Informação BDQ: geração da PNI AV2 e AV3 GOVERNANÇA DA INFORMAÇÃO BDQ: GERAÇÃO DA PNI AV2 E AV3. Pá giná 1

Governança da Informação BDQ: geração da PNI AV2 e AV3 GOVERNANÇA DA INFORMAÇÃO BDQ: GERAÇÃO DA PNI AV2 E AV3. Pá giná 1 GOVERNANÇA DA INFORMAÇÃO BDQ: GERAÇÃO DA PNI AV2 E AV3 Pá giná 1 Sumá rio 1. Recomendáço es iniciáis 3 1.1 Sobre o Internet Explorer 11 4 2. Ingressár no sistemá 5 3. Gerár provás impressás (PNI) 6 3.1

Leia mais

Versão: VA_01_01 Data: 16.04.2013

Versão: VA_01_01 Data: 16.04.2013 Instruções para a consulta dos documentos digitais: Demonstrativo de Pagamento e Comprovantes de Rendimentos Pagos e de Imposto de Renda Retido no Sistema Vida Funcional On Line Versão: VA_01_01 Data:

Leia mais

WEBSITE LOJAS JOMÓVEIS

WEBSITE LOJAS JOMÓVEIS WEBSITE LOJAS JOMÓVEIS Manual d Usuári Elabrad pela W3 Autmaçã e Sistemas Infrmaçã de Prpriedade d Grup Jmóveis Este dcument, cm tdas as infrmações nele cntidas, é cnfidencial e de prpriedade d Grup Jmóveis,

Leia mais

Manual do Usuário (Perfil TJ) Sistema de Solicitação de Indicação

Manual do Usuário (Perfil TJ) Sistema de Solicitação de Indicação Manual do Usuário (Perfil TJ) Sistema de Solicitação de Indicação A Defensoria Pública do Estado, por meio de sua Assessoria de Convênios, comunica que desenvolveu sistema denominado Sistema de Solicitação

Leia mais

E S C O L A A L E M Ã C O R C O V A D O D E U T S C H E S C H U L E

E S C O L A A L E M Ã C O R C O V A D O D E U T S C H E S C H U L E www.eacorcovado.com.br - eacrio@eacorcovado.com.br - Tel. +55 21 2528-0400 - Fax +55 21 Inscrição de novos alunos na Escola Alemã Corcovado/Processo de Seleção Manual para inscrição online Sumário 1. Acessar

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL - PORTOCRED

ROTEIRO OPERACIONAL - PORTOCRED I - Site Portocred Para acessar o site Portocred, devemos entrar no link: extranet.portocred.com.br/cp e após clicar na opção Credito Pessoal Perto Check. *Lançar o usuário e a senha que serão informadas

Leia mais

Manual Cadastro Completo

Manual Cadastro Completo Manual Cadastro Completo Índice 1. Objetivo... 3 2. O Projeto e-suprir... 3 3. Fluxo do Processo de Cadastro... 3 4. Cadastro Simples... 4 5. Recebendo Usuário e Senha... 7 6. Cadastro Completo... 7 7.

Leia mais

Plataforma SMS Manual do Usuário

Plataforma SMS Manual do Usuário 1 - Logando no Sistema Acesse o site: http://paineldeenvioscom/painel/ Conforme tela abaixo Informe seu usuário e senha Caso você não se lembre da senha, informe seu usuário e em seguida clique no botão

Leia mais

Passo a Passo do Sistema de Cobrança do Banco do Nordeste

Passo a Passo do Sistema de Cobrança do Banco do Nordeste P á g i n a 1 Sistema de Cobrança Eletrônica para Clientes Passo a Passo do Sistema de Cobrança do Banco do Nordeste P á g i n a 2 INTRODUÇÃO I. Acessando o Sistema O Sistema de Cobrança Eletrônica para

Leia mais

Manual Operacional do Plenoweb

Manual Operacional do Plenoweb Manual Operacional do Plenoweb 1 Sumário 1. Introdução...3 2. Primeiro Acesso...4 2.1. Requisitos Mínimos...4 2.2. Tela inicial...4 2.3. Menus...5 3. Cadastro de Pessoa...7 4. Cadastro de Cotas...9 5.

Leia mais

Treinamento Sistema Folha Union Módulo III

Treinamento Sistema Folha Union Módulo III FOLHA DE PAGAMENTO MÓDULO III - MOVIMENTOS Folha Union> Vale transporte> Geração de movimento de Vale transporte Para que o sistema calcule o valor do vale transporte para o mês de referência é necessário

Leia mais

ÍNDICE 1. LOGIN 1. LOGIN 03. 2. PEDIDO DE ATACADO 03 2.1. Produtos de Atacado 04 3. PEDIDO DE LABORATÓRIO 06 4. CONSULTA 10 5.

ÍNDICE 1. LOGIN 1. LOGIN 03. 2. PEDIDO DE ATACADO 03 2.1. Produtos de Atacado 04 3. PEDIDO DE LABORATÓRIO 06 4. CONSULTA 10 5. 1. LOGIN ÍNDICE 1. LOGIN 03 2. PEDIDO DE ATACADO 03 2.1. Produtos de Atacado 04 3. PEDIDO DE LABORATÓRIO 06 4. CONSULTA 10 5. FINANCEIRO 10 6. EXTRATO 11 7. USUÁRIO 11 MANUAL DE configuração e utilização

Leia mais

Gerência de Operações

Gerência de Operações Gerência de Operações Versão Manual Solicitação de Atendimento Chat e Conexão Remota Índice 1. Solicitação de Atendimento Login... 3 2. Início do Chat.... 4 3. Conexão Remota... 7 4. Download....

Leia mais

Manual SIGA Sistema Integrado de Gestão da Arrecadação

Manual SIGA Sistema Integrado de Gestão da Arrecadação Manual SIGA Sistema Integrado de Gestão da Arrecadação Unidade de Desenvolvimento Associativo SUMÁRIO 1. CADASTRO DO SINDICATO 5 1.1 ALTERAÇÃO DOS DADOS CADASTRAIS DO SINDICATO 5 1.2 RESTRIÇÃO DE BASE

Leia mais

Procedimento Documentado. Sistema de Homologação de Cobrança. Versão 1.0. Departamento de Produtos e Serviços Página 1

Procedimento Documentado. Sistema de Homologação de Cobrança. Versão 1.0. Departamento de Produtos e Serviços Página 1 Procedimento Documentado Sistema de Homologação de Cobrança Versão 1.0 Departamento de Produtos e Serviços Página 1 Histórico Data Versão Descrição Responsável 14/03/2014 1.0 Criação do Procedimento Documentado

Leia mais

Passo a Passo Créditos Adicionais Digite o endereço no seu navegador de internet: www.spmd.maceio.al.gov.br/sisplagem/asp

Passo a Passo Créditos Adicionais Digite o endereço no seu navegador de internet: www.spmd.maceio.al.gov.br/sisplagem/asp 1 2 Passo a Passo Créditos Adicionais Digite o endereço no seu navegador de internet: www.spmd.maceio.al.gov.br/sisplagem/asp Para acessar ao sistema DIGITE CPF E SENHA. Clique em ENVIAR para entrar. Depois

Leia mais

GESTÃO DE MÉTRICAS. Sistema de Gestão de Métricas

GESTÃO DE MÉTRICAS. Sistema de Gestão de Métricas GESTÃO DE MÉTRICAS 2010 Sistema de Gestão de Métricas SUMÁRIO Sumá rio Introduçá o 1 Processos de Nego cios 2 Instáláçá o 3 Operáçá o 4 Mánutençá o 29 Informáço es de contáto 41 INTRODUÇÃO Introduçá o

Leia mais

CÁLCULOS JUDICIAIS FUNCIONALIDADES

CÁLCULOS JUDICIAIS FUNCIONALIDADES FUNCIONALIDADES Tabelas Cadastro de Tabelas Permite cadastrar os índices econômicos que serão utilizados nos modelos de correção monetária. Os índices podem ser mensais ou diários, podem ter aplicação

Leia mais

Cartilha do SISTEMA DE ATERMAÇÃO ONLINE SAO

Cartilha do SISTEMA DE ATERMAÇÃO ONLINE SAO Cartilha do SISTEMA DE ATERMAÇÃO ONLINE SAO Para o ajuizamento de ação no JEF e encaminhamento de manifestações/documentos para os JEFs, sem advogado, via internet. O mesmo atendimento que é feito no setor

Leia mais

Processo de envio de e-mail de marketing

Processo de envio de e-mail de marketing Prcess de envi de e-mail de marketing Intrduçã Visand um melhr gerenciament ns prcesss de marketing das empresas, fi desenvlvid uma nva funcinalidade para sistema TCar, que tem pr finalidade realizar envis

Leia mais

PARECER JURÍDICO- PREVIDENCIÁRIO

PARECER JURÍDICO- PREVIDENCIÁRIO PARECER JURÍDICO- PREVIDENCIÁRIO CONSIDERAÇÕES PRELIMINARES Cuida o presente trabalho de parecer cujo objeto consiste na análise da situação jurídico-previdenciária do consulente com o objetivo de lhe

Leia mais

Cartilha do SISTEMA DE ATERMAÇÃO ONLINE Para o ajuizamento de ação sem advogado, via internet.

Cartilha do SISTEMA DE ATERMAÇÃO ONLINE Para o ajuizamento de ação sem advogado, via internet. 1 Cartilha do SISTEMA DE ATERMAÇÃO ONLINE Para o ajuizamento de ação sem advogado, via internet. O Serviço de Atermação Online (SAO) é o novo jeito que você tem de buscar atendimento do Juizado Especial

Leia mais

PROCESSO JUDICIAL ELETRÔNICO PJe

PROCESSO JUDICIAL ELETRÔNICO PJe PROCESSO JUDICIAL ELETRÔNICO PJe TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO MANUAL DO SERVIDOR 1ºGRAU MÓDULO 1 Sumário 1 Acesso ao Sistema...3 2 Quadro de Aviso...4 3 Menu...8 3.1 Audiência...8 3.1.1 Tempo

Leia mais

TUTORIAL PARA IMPORTAÇÃO DE E-MAILS DE CONTAS UAB PARA CONTAS GMAIL

TUTORIAL PARA IMPORTAÇÃO DE E-MAILS DE CONTAS UAB PARA CONTAS GMAIL TUTORIAL PARA IMPORTAÇÃO DE E-MAILS DE CONTAS UAB PARA CONTAS GMAIL 2 Acesse a conta do Gmail para a qual você deseja copiar os e- mails de sua conta UAB e clique no ícone Configurações. No menu que se

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÂO E OPERAÇÃO DO SOFTWARE

MANUAL DE INSTALAÇÂO E OPERAÇÃO DO SOFTWARE MANUAL DE INSTALAÇÂO E OPERAÇÃO DO SOFTWARE SPEED Instalação e configuração Belo Horizonte Agosto - 2007 INTRODUÇÃO Bem vindo ao sistema de consultas SPEED! O software SPEED é um sistema indispensável

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SORE Sistema Online de Reservas de Equipamento. Toledo PR. Versão 2.0 - Atualização 26/01/2009 Depto de TI - FASUL Página 1

MANUAL DO USUÁRIO SORE Sistema Online de Reservas de Equipamento. Toledo PR. Versão 2.0 - Atualização 26/01/2009 Depto de TI - FASUL Página 1 MANUAL DO USUÁRIO SORE Sistema Online de Reservas de Equipamento Toledo PR Página 1 INDICE 1. O QUE É O SORE...3 2. COMO ACESSAR O SORE... 4 2.1. Obtendo um Usuário e Senha... 4 2.2. Acessando o SORE pelo

Leia mais

Inteiro Teor (869390)

Inteiro Teor (869390) : Acórdão Publicado no D.J.U. de 19/10/2005 EMENTA PREVIDENCIÁRIO. REVISÃO DA RMI. IRSM DE FEVEREIRO/94 (39,67%). NÃO RETENÇÃO DE IRRF. JUROS MORATÓRIOS. 1. Os salários de contribuição devem ser reajustados,

Leia mais

Cartilha de Procedimentos. Procuradoria Federal Especializada junto ao INSS. PFE INSS Goiânia

Cartilha de Procedimentos. Procuradoria Federal Especializada junto ao INSS. PFE INSS Goiânia ADVOCACIA GERAL DA UNIÃO PROCURADORIA GERAL FEDERAL PROCURADORIA FEDERAL ESPECIALIZADA INSS Cartilha de Procedimentos Procuradoria Federal Especializada junto ao INSS PFE INSS Goiânia Dezembro/2009 O INSS

Leia mais

Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária)

Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária) Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária) /curriculum Julho de 2008 Versão 1.1 1 Introdução O objectivo deste guia é auxiliar o utilizador da Plataforma

Leia mais

EXECUÇÃO FISCAL DA DÍVIDA ATIVA

EXECUÇÃO FISCAL DA DÍVIDA ATIVA Atualização: Novembro 2012 Página: 1 SIA 7.5 - Sistema Integrado de Arrecadação EXECUÇÃO FISCAL DA DÍVIDA ATIVA Atualização: Novembro 2012 Página: 2 FIORILLI SOC CIVIL LTDA.-SOFTWARE SIA 7.5 - Sistema

Leia mais

APOSTILA PARA O CURSO WCOBRANÇA COBRANÇA FÁCIL ALTERDATA

APOSTILA PARA O CURSO WCOBRANÇA COBRANÇA FÁCIL ALTERDATA Visão Estar posicionada entre as maiores e melhores provedoras de solução de gestão empresarial do Brasil. Missão Desenvolvimento e fornecimento de soluções e serviços através de softwares para tornar

Leia mais

Sistema de Controle de Bolsas e Auxílios - SCBA

Sistema de Controle de Bolsas e Auxílios - SCBA Sistema de Controle de Bolsas e Auxílios - SCBA Manual de Utilização Perfil Beneficiário 1. 2. Objetivo do Manual... 2 Siglas e Abreviações... 2 3. Perfil do Usuário... 2 4. Descrição Geral do Sistema...

Leia mais

www.brasilcard.net CLIQUE NO LINK ABAIXO PARA ACESSAR O SITE

www.brasilcard.net CLIQUE NO LINK ABAIXO PARA ACESSAR O SITE MANUAL WEB SITE CLIQUE NO LINK ABAIXO PARA ACESSAR O SITE www.brasilcard.net Solicite agora o seu Cartão! Conheça todas as vantagens de possuir o cartão sem complicação. Clique e confira! Seja um Credenciado!

Leia mais

NOVO SISTEMA SPC BRASIL MANUAL DE INSTRUÇÕES

NOVO SISTEMA SPC BRASIL MANUAL DE INSTRUÇÕES NOVO SISTEMA SPC BRASIL MANUAL DE INSTRUÇÕES 1 SUMÁRIO ACESSO GERAL ACESSANDO O SISTEMA... 3 ACESSANDO O MENU DE CONSULTAS... 5 Exemplos Práticos:... 7 1. Consulta SPC MIX... 7 2. Consulta SPC Master Jurídico...

Leia mais

CARTILHA. Solicitação de Produtos - Almoxarifado -

CARTILHA. Solicitação de Produtos - Almoxarifado - CARTILHA Solicitação de Produtos - Almoxarifado - Elaborada por: DIRETORIA DE PROCESSAMENTO DE DADOS - DIRPD UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA JUNHO/2007 SOLICITAÇÃO DE PRODUTOS Este procedimento tem

Leia mais

5.3.2. ACOMPANHAMENTO POTENCIAL DE VENDAS DE PEç AS

5.3.2. ACOMPANHAMENTO POTENCIAL DE VENDAS DE PEç AS 5.3.2. ACOMPANHAMENTO POTENCIAL DE VENDAS DE PEç AS 2 3 4 5 6 7 8 9 0 No relatório CLIENTES SEM VENDAS () são apresentados os dados detalhados dos Clientes sem vendas. Neste relatório, existem informações

Leia mais

Manual para Cadastro de Questões Prova Colegiada / Professor

Manual para Cadastro de Questões Prova Colegiada / Professor Manual para Cadastro de Questões Prova Colegiada / Professor CÓDIGO: 001 revisão 02. DATA DE PUBLICAÇÃO: 12/04/2010 INÍCIO DE VIGÊNCIA: 12/04/2010 DATA REVISÃO: 23/03/2011 Autor do Projeto: Thiago Galvão

Leia mais

Grupo de Apoio Manual de Usuário 09/05/2011 FAPESP

Grupo de Apoio Manual de Usuário 09/05/2011 FAPESP Grupo de Apoio Manual de Usuário FAPESP Conteúdo Introdução... 3 Manutenção de usuários de apoio... 3 Acesso à funcionalidade... 3 Inclusão de novo usuário... 4 Exclusão de usuários... 8 Acompanhar PC...

Leia mais

CONSIDERANDO O IRSM DE FEV/94 (39,67%) (em desenvolvimento)

CONSIDERANDO O IRSM DE FEV/94 (39,67%) (em desenvolvimento) MANUAL DO JUSPREV I - PROGRAMA PARA RECÁLCULO DA RMI CONSIDERANDO O IRSM DE FEV/94 (39,67%) (em desenvolvimento) 1 - INFORMAÇÕES GERAIS O JUSPREV I é um programa on-line desenvolvido no ano de 2004 num

Leia mais

Roteiro de acesso ao Autorizador do Plan-Assiste para autorização de procedimentos.

Roteiro de acesso ao Autorizador do Plan-Assiste para autorização de procedimentos. 1 - PRIMEIRO ACESSO AO AUTORIZADOR Tutorial Autorizador WEB Roteiro de acesso ao Autorizador do Plan-Assiste para autorização de procedimentos. 1.1. Acessar o endereço http://assiste.mpu.gov.br/autorizadorweb;

Leia mais

imprimir (http://pje.csjt.jus.br/manual/index.php?title=impressao_oficial_de_justiça&printable=yes)

imprimir (http://pje.csjt.jus.br/manual/index.php?title=impressao_oficial_de_justiça&printable=yes) Page 1 of 30 Impressao Oficial de justiça De PJe - Manual imprimir (http://pje.csjt.jus.br/manual/index.php?title=impressao_oficial_de_justiça&printable=yes) Tabela de conteúdo 1 Manual do Oficial de Justiça

Leia mais

Produção. Consórcio de Imóveis Sistema para venda de Consórcio Online

Produção. Consórcio de Imóveis Sistema para venda de Consórcio Online Produção Consórcio de Imóveis Sistema para venda de Consórcio Online Tela Inicial Para acessar o Sistema coloque o seu nome de usuário e a sua senha de acesso e clique Entrar. Caso você tenha esquecido

Leia mais

Comunidade Virtual de Disseminação e Aprendizagem-(ComViD@)

Comunidade Virtual de Disseminação e Aprendizagem-(ComViD@) PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL NO CEARÁ Núcleo Seccional da ESMAFE - 5ª Região no Ceará Comunidade Virtual de Disseminação e Aprendizagem-(ComViD@) AMBIENTAÇÃO NA PLATAFORMA 1. Cadastro 2. Preenchimento

Leia mais

Parte I CADASTRO DE SACADO

Parte I CADASTRO DE SACADO Sicoob Coopercred Módulo Cedente Manual do Usuário (versão 2) ÍNDICE Parte I Cadastro de Sacado... 1 Parte II Emissão de Títulos... 1 Emitindo título com registro... 2 Emitindo título sem registro... 3

Leia mais

Manual - Demonstrativos de Pagamento e Comprovantes de Rendimento

Manual - Demonstrativos de Pagamento e Comprovantes de Rendimento Manual - Demonstrativos de Pagamento e Comprovantes de Rendimento Versão: VA_04 Data: 26/06/2013 Este documento descreve as atividades e ações no Sistema de Gestão de Pessoas Administração de Pessoal VETORH

Leia mais

Primeiros Passos para o Simulador de Ações do FinanceDesktop. Parte A INICIANDO E CONFIGURANDO (5 passos)

Primeiros Passos para o Simulador de Ações do FinanceDesktop. Parte A INICIANDO E CONFIGURANDO (5 passos) Primeiros Passos para o Simulador de Ações do FinanceDesktop. Seja bem-vindo(a) ao Simulador de Ações FinanceDesktop. Seu propósito é oferecer um ambiente completo e fácil de usar que permita o registro

Leia mais

SUMÁRIO ACESSANDO O SISTEMA... 3 ACESSANDO O MENU DE CONSULTAS...6. Exemplos Práticos:...7. 1. Consulta SPC MIX...7

SUMÁRIO ACESSANDO O SISTEMA... 3 ACESSANDO O MENU DE CONSULTAS...6. Exemplos Práticos:...7. 1. Consulta SPC MIX...7 1 SUMÁRIO ACESSANDO O SISTEMA... 3 ACESSANDO O MENU DE CONSULTAS......6 Exemplos Práticos:...7 1. Consulta SPC MIX...7 2. Consulta SPC Master Jurídico...10 3. Consulta SPC Múltipla... 133 INCLUSÃO / EXCLUSÃO

Leia mais

Participantes. Passo a Passo Icatu Online -

Participantes. Passo a Passo Icatu Online - Participantes Passo a Passo Icatu Online - Participantes, Sejam bem vindos ao Icatu Online. Para a sua ajuda, formulamos esse passo a passo para que você navegue pelo nosso site com a máxima facilidade.

Leia mais

Sistema de Avaliação Institucional WEB SAI 2012 Orientações para Atividades de Primeiro Acesso

Sistema de Avaliação Institucional WEB SAI 2012 Orientações para Atividades de Primeiro Acesso Sistema de Avaliação Institucional WEB SAI 2012 Orientações para Atividades de Primeiro Acesso Orientação Geral Sistema de Avaliação Institucional Primeiro Acesso Página 1 Índice 1. Tela Inicial do Sistema

Leia mais

Formulário de Resíduos Sólidos - Armazenador

Formulário de Resíduos Sólidos - Armazenador Formulário de Resíduos Sólidos - Armazenador Quem deve preencher este formulário? Armazenadores de resíduos sólidos perigosos, que realizem atividades relacionadas no Anexo I da Instrução Normativa Ibama

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA MANUAL DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO VERSÃO 1.0

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA MANUAL DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO VERSÃO 1.0 MANUAL DE PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO VERSÃO 1.0 INTRODUÇÃO O Tribunal de Justiça deu mais um passo rumo à modernização do Poder Judiciário da Bahia. Trata-se do Sistema de Habilitação de Casamento via

Leia mais

Faculdade de Medicina de Marília Manual de acesso ao Demonstrativo de Pagamento de Salário dos Colaboradores

Faculdade de Medicina de Marília Manual de acesso ao Demonstrativo de Pagamento de Salário dos Colaboradores ACESSO AO DEMOSTRATIVO DE PAGAMENTO Para acessar o demonstrativo de pagamento, serão necessários os seguintes passos: 1º) Acesse o site da FAMEMA, vá em Área Funcionário localizado no canto superior direito,

Leia mais

Microsoft Office Outlook Web Access ABYARAIMOVEIS.COM.BR

Microsoft Office Outlook Web Access ABYARAIMOVEIS.COM.BR Microsoft Office Outlook Web Access ABYARAIMOVEIS.COM.BR 1 Índice: 01- Acesso ao WEBMAIL 02- Enviar uma mensagem 03- Anexar um arquivo em uma mensagem 04- Ler/Abrir uma mensagem 05- Responder uma mensagem

Leia mais

---------------- ------------------- ------------------- --------------------- ----------------------- --------

---------------- ------------------- ------------------- --------------------- ----------------------- -------- A/C: Área de Usuários (Abertura de Chamados ) Para ampla divulgação na SRRO!!! Visando agilizar os atendimentos foi disponibilizado varias formas de solicitação de chamados técnicos para a área de TI.

Leia mais

PROJUDI TJES Telefone: 3334-2201 e-mail: projudi@tjes.jus.br https://sistemas.tjes.jus.br/projudi. Sumário

PROJUDI TJES Telefone: 3334-2201 e-mail: projudi@tjes.jus.br https://sistemas.tjes.jus.br/projudi. Sumário Sumário 1- Recuperar Senha...1 2- Alterar Senha...2 3- Alteração Dados Pessoais...4 4- Revogar Certificado Digital...6 5- Criar Certificado Digital...7 1- Recuperar Senha Caso tenha perdido ou não lembre

Leia mais

FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE ENSINO DE PIRACICABA Centro de Pós-Graduação

FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE ENSINO DE PIRACICABA Centro de Pós-Graduação MANUAL DE INSCRIÇÃO Nesta primeira tela observar a inscrição referente ao CPG, que é o no primeiro quadro com descrição Abertos. Neste link é possível baixar o edital de inscrição antes de realiza-la.

Leia mais

Manual para Envio de Petição Inicial

Manual para Envio de Petição Inicial Manual para Envio de Petição Inicial 1. Após abrir a página do PROJUDI, digite seu usuário e senha 1.1. Para advogados o usuário é o cpf.adv (ex: 12345678900.adv) 1.2. Após digitar os dados (login e senha),

Leia mais

Procedimentos para Utilização do SAVI

Procedimentos para Utilização do SAVI Procedimentos para Utilização do SAVI 1. Acessando o sistema Para acessar o sistema é necessário ter instalado em seu sistema o navegador Firefox. Uma vez que ele esteja disponível acesse o link: HTTP://

Leia mais

Boas Vindas! O objetivo desse manual é apresentar para. você o Sistema Operacional do SPC Brasil, que tem a finalidade de instruir a utilização

Boas Vindas! O objetivo desse manual é apresentar para. você o Sistema Operacional do SPC Brasil, que tem a finalidade de instruir a utilização Sumário MANUAL SPC BRASIL... 4 1. PRIMEIRO ACESSO AO SISTEMA... 4 2. ESQUECEU A SENHA... 4 3. ALTERAÇAO NA SÍNTESE CADASTRAL DO CONSUMIDOR... 4 4. CONSULTAS... 5 4.1. Consulta Crédito PF/PJ... 5 4.2. Consulta

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SERGIPE Coordenadoria de Modernização, Suporte, Infraestrutura e Sistema

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SERGIPE Coordenadoria de Modernização, Suporte, Infraestrutura e Sistema TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SERGIPE Coordenadoria de Modernização, Suporte, Infraestrutura e Sistema MANUAL DO PROCESSO ELETRÔNICO Processos de Concessão de Benefícios Histórico da Revisão Data Versão

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL - PORTOCRED EMPRÉSTIMO PESSOAL COM GARANTIA DE CHEQUE I - Site Portocred

ROTEIRO OPERACIONAL - PORTOCRED EMPRÉSTIMO PESSOAL COM GARANTIA DE CHEQUE I - Site Portocred I - Site Portocred Para acessar o site Portocred, devemos entrar no link: extranet.portocred.com.br/cp e após clicar na opção Crédito Pessoal Perto Check. *Lançar o usuário e a senha que serão informadas

Leia mais

GUIA DE APOIO ÀS CANDIDATURAS

GUIA DE APOIO ÀS CANDIDATURAS GUIA DE APOIO ÀS CANDIDATURAS Recomendações Gerais para Preenchimento do Formulário de Candidatura: ANTES do preenchimento da candidatura: o que precisa saber/ fazer? Reunir informação: Consultar as Normas

Leia mais

PROCESSO JUDICIAL ELETRÔNICO PJe

PROCESSO JUDICIAL ELETRÔNICO PJe PROCESSO JUDICIAL ELETRÔNICO PJe TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO MANUAL DO SERVIDOR 1ºGRAU MÓDULO 4 Sumário 1 Processo3 11 Consulta3 111 Consulta de Processo3 112 Localização Tarefa21 113 Retificação

Leia mais

Manual de utilização do. sistema integrado de controle médico WWW.ISA.NET.BR

Manual de utilização do. sistema integrado de controle médico WWW.ISA.NET.BR Manual de utilização do sistema integrado de controle médico WWW.ISA.NET.BR Sistema integrado de controle médico Acesso... 3 Menu principal... 4 Cadastrar... 6 Cadastro de pacientes... 6 Convênios... 10

Leia mais

Elaborado por SIGA-EPT. Projeto SIGA-EPT: Manual do Usuário Almoxarifado

Elaborado por SIGA-EPT. Projeto SIGA-EPT: Manual do Usuário Almoxarifado Elaborado por SIGA-EPT Projeto SIGA-EPT: Manual do Usuário Almoxarifado Versão Dezembro - 2009 Sumário 1 Introdução 5 1.1 Entrando no sistema e repassando as opções................... 5 1.2 Administração......................................

Leia mais

ESTOQUE E PRODUTO Manual ESTATÍSTICA

ESTOQUE E PRODUTO Manual ESTATÍSTICA SISTEMA DE GESTÃO HDIAS HAMILTON DIAS (31) 8829.9195 8540.8872 www.hdias.com.br hamilton-dias@ig.com.br ESTOQUE E PRODUTO Manual ESTATÍSTICA Pagina 2 de 22 ÍNDICE Estatística Anual... 3 Estatística Anual...

Leia mais

Módulo de Acesso Remoto

Módulo de Acesso Remoto Módulo de Acesso Remoto Manual do Usuário Página 1 de 30 Índice 1. Introdução 3 1.1. Objetivos deste documento 3 2. Requisitos do Sistema 4 2.1. Acrobat Reader 4 2.2. Pop Up Liberados 4 3. Acesso ao Sistema

Leia mais

Porto Alegre, Agosto de 2014. Conta com a gente

Porto Alegre, Agosto de 2014. Conta com a gente Porto Alegre, Agosto de 2014 Conta com a gente Histórico de Revisões Deverão ser mantidos nessa seção os registros de toda evolução do documento (criação, alterações, etc.). Data Descrição Responsável

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC MANUAL DO CANDIDATO

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC MANUAL DO CANDIDATO MANUAL DO CANDIDATO Para participar do processo de credenciamento, acesse o site do Sebrae/SC em www.sebrae-sc.com.br, clique em Soluções deste Estado e depois clique em Seja consultor e/ou instrutor.

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÃO

PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÃO PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÃO Para se candidatar é necessário: Ter concluído o Ensino Médio na rede estadual ou municipal do Estado de São Paulo (onde deve ter cursado as três séries); Estar regularmente

Leia mais

Ministério da Cultura

Ministério da Cultura Ministério da Cultura MANUAL DO PROPONENTE: PRORROGAÇÃO DO PERÍODO DE CAPTAÇÃO VERSÃO 1.0 HISTÓRICO DE REVISÃO Data Versão Descrição Autor 26/03/2013 1.0 Criação do documento Aline Oliveira - MINC 3 ÍNDICE

Leia mais

MANUAL PORTAL ACADÊMICO

MANUAL PORTAL ACADÊMICO MANUAL PORTAL ACADÊMICO Sumário Sumário... 2 1. Apresentação... 3 2. Navegação no site da Escola do Legislativo... 4 3. Ministrante... 6 3.1.Cadastro de ministrante... 6 3.2. Preencher os campos... 7 3.3

Leia mais

O que é A SISTeL? O que é O CPqD PReV? Benefícios de risco Auxílio-doença Aposentadoria por invalidez, reversível em pensão

O que é A SISTeL? O que é O CPqD PReV? Benefícios de risco Auxílio-doença Aposentadoria por invalidez, reversível em pensão O que é A SISTEL? A Fundação Sistel de Seguridade Social foi criada em 1977 e possui expressiva experiência em Planos de Previdência Privada. A Sistel atua no desenvolvimento de soluções previdenciais

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Manual de Utilização Índice 1 Introdução...2 2 Acesso ao Sistema...3 3 Funcionamento Básico do Sistema...3 4 Tela Principal...4 4.1 Menu Atendimento...4 4.2 Menu Cadastros...5 4.2.1 Cadastro de Médicos...5

Leia mais

Serviço Público Federal Universidade Federal do Pará - UFPA Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação - CTIC S I E

Serviço Público Federal Universidade Federal do Pará - UFPA Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação - CTIC S I E Serviço Público Federal Universidade Federal do Pará - UFPA Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação - CTIC S I E SISTEMA DE INFORMAÇÕES PARA O ENSINO (*) Módulo CONTROLE ACADÊMICO Guia de Referência

Leia mais

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo em sua oficina. O sistema foi desenvolvido para ser utilizado

Leia mais

CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE SOFTWARE PLATAFORMA DE E-COMMERCE CO-BRANDED

CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE SOFTWARE PLATAFORMA DE E-COMMERCE CO-BRANDED CONTRATO DE LICENÇA DE USO DE SOFTWARE PLATAFORMA DE E-COMMERCE CO-BRANDED Pelo presente instrumento particular, entre as PARTES: De um lado, como LICENCIADO: LICENCIADO, conforme dados preenchidos pelo

Leia mais

Follow-Up Acompanhamento Eletrônico de Processos (versão 3.0) Manual do Sistema. 1. Como acessar o sistema Requisitos mínimos e compatibilidade

Follow-Up Acompanhamento Eletrônico de Processos (versão 3.0) Manual do Sistema. 1. Como acessar o sistema Requisitos mínimos e compatibilidade do Sistema Índice Página 1. Como acessar o sistema 1.1 Requisitos mínimos e compatibilidade 03 2. Como configurar o Sistema 2.1 Painel de Controle 2.2 Informando o nome da Comissária 2.3 Escolhendo a Cor

Leia mais

BI Citsmart Fornece orientações necessárias para instalação, configuração e utilização do BI Citsmart.

BI Citsmart Fornece orientações necessárias para instalação, configuração e utilização do BI Citsmart. 16/08/2013 BI Citsmart Fornece orientações necessárias para instalação, configuração e utilização do BI Citsmart. Versão 1.0 19/12/2014 Visão Resumida Data Criação 19/12/2014 Versão Documento 1.0 Projeto

Leia mais

Finalmente, esclarecemos que será mantido o limite de dois usuários por cada serventia, imposto pelo Provimento CGJ nº 23/2010.

Finalmente, esclarecemos que será mantido o limite de dois usuários por cada serventia, imposto pelo Provimento CGJ nº 23/2010. Informamos que a Coordenação da REDE INFOSEG estabeleceu novas normas de segurança para a concessão de acesso e cadastramento de usuários no referido programa. Desta forma, existe a necessidade de que

Leia mais

Consultório On-line. Tudo o que você precisa em um só lugar.

Consultório On-line. Tudo o que você precisa em um só lugar. Índice 1) Acesso ao sistema 2) Recepção do paciente 3) Envio do atendimento para faturamento: consulta médica ou procedimentos simples 4) Envio do atendimento para faturamento: procedimentos previamente

Leia mais

Manual do Sistema De Gestão Franquia. Ano 2011. Sistema de Gestão Franchising - TI

Manual do Sistema De Gestão Franquia. Ano 2011. Sistema de Gestão Franchising - TI Manual de Utilização do Sistema De Gestão Ano 2011 Página 1 Manual Franquia Sistema De Gestão TI Tecnologia de Informações Apresentação do Sistema O sistema MULTIGESTÃO é o sistema de gerenciamento das

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA 1 NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA TUTORIAL DE USO DA FERRAMENTA ANO 2012 2 Sumário 1 Nota Fiscal de Serviços eletrônica - NFS-e... 3 1.1 Considerações Iniciais... 3 1.2 Legislação... 3 1.3 Definição...

Leia mais

Locavia MANUAL DO USUÁRIO

Locavia MANUAL DO USUÁRIO Locavia MANUAL DO USUÁRIO INFO SISTEMAS DE INFORMÁTICA LTDA. Fone: (31) 2122-0888 Site: www.infosistemas.com.br e-mail: suporte@infosistemas.com.br MSN: suporte@infosistemas.com.br Skype: suporte_infosistemas

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR UPLOAD DE ARQUIVO TISS

MANUAL DO PRESTADOR UPLOAD DE ARQUIVO TISS MANUAL DO PRESTADOR UPLOAD DE ARQUIVO TISS 1 Sumário Introdução... 3 Funcionalidades... 3 Requisitos Necessários... 3 Acesso ao Upload de Arquivo TISS... 3 Upload de Arquivo TISS... 5 Erros mais frequentes

Leia mais

INFORMATIVO - CURRÍCULO WEB

INFORMATIVO - CURRÍCULO WEB INFORMATIVO - CURRÍCULO WEB As pessoas que pretendam trabalhar no SENAC/PE deverão cadastrar o currículo no Banco de Talentos da Instituição, de acordo com os cinco passos abaixo: 1º Acessar o site www.pe.senac.br/trabalheconosco

Leia mais

Saiba como fazer o cadastro no Simples Doméstico

Saiba como fazer o cadastro no Simples Doméstico Saiba como fazer o cadastro no Simples Doméstico Sistema exige habilidades mínimas com computador e internet. Contadores podem orientar empregadores O mês de outubro será de adaptações na rotina de quem

Leia mais

2. O cadastro é composto por quatro passos, sendo que, no primeiro, serão cadastrados dados pessoais, como: CPF, RG etc.

2. O cadastro é composto por quatro passos, sendo que, no primeiro, serão cadastrados dados pessoais, como: CPF, RG etc. Procedimento 1.1. Passo a Passo - Cadastro de Beneficiários 1. Primeiramente, deverá ser efetuado o cadastro do TITULAR do benefício. Somente após este preenchimento, será permitido cadastrar os dependentes.

Leia mais

P2D PRONTUÁRIO UNIVERSAL SISTEMA OFICIAL DO CBO CERTIFICADO PELO CFM-SBIS

P2D PRONTUÁRIO UNIVERSAL SISTEMA OFICIAL DO CBO CERTIFICADO PELO CFM-SBIS P2D PRONTUÁRIO UNIVERSAL SISTEMA OFICIAL DO CBO CERTIFICADO PELO CFM-SBIS Estamos comprometidos a ajudá-lo a criar um fluxo de trabalho prático com o P2D. Para tanto, preparamos essas 10 dicas com as melhores

Leia mais

Processo de Envio de email

Processo de Envio de email Processo de Envio de email Introdução O envio de documentos de forma eletrônica vem sendo muito utilizado, assim o envio de arquivos, relatórios, avisos, informações é realizado via e-mail. O sistema disponibiliza

Leia mais

Secretaria de Indústria, Comércio, Minas e Energia. Manual SIGINF. Prodeic

Secretaria de Indústria, Comércio, Minas e Energia. Manual SIGINF. Prodeic VIRTUTE PLUSQUAN AURO Secretaria de Indústria, Comércio, Minas e Energia Manual SIGINF Prodeic Cuiabá 2013 SOBRE O SIGINF O SIGINF - Sistema Gerencial de incentivos Fiscais é uma ferramenta Web que tem

Leia mais

Cadastro de solicitações com anexos

Cadastro de solicitações com anexos Cadastro de solicitações com O prestador poderá cadastrar as solicitações e incluir nas mesmas. Segue demonstrativo de cadastro de solicitações com anexo. Cadastro de solicitações com Acessar o site do

Leia mais

Universidade Federal de Roraima Diretoria de Tecnologia da Informação SIG Software e Consultoria em T.I

Universidade Federal de Roraima Diretoria de Tecnologia da Informação SIG Software e Consultoria em T.I SIGRH - FÉRIAS Manual de Solicitação de Férias Portal do Servidor Perfil Chefe de Unidade 1 Perfis Envolvidos Chefe de Unidade: Servidor responsável pela unidade. 2 Operações 2.1 Operações com Perfil Chefe

Leia mais

GUIA PASSO A PASSO PARA REALIZAR A VOTAÇÃO VIA INTERNET. [SISTEMA DE VOTAÇÃO ON-LINE CFC/CRCs] Sistema para eleições dos CRCs

GUIA PASSO A PASSO PARA REALIZAR A VOTAÇÃO VIA INTERNET. [SISTEMA DE VOTAÇÃO ON-LINE CFC/CRCs] Sistema para eleições dos CRCs GUIA PASSO A PASSO PARA REALIZAR A VOTAÇÃO VIA INTERNET [SISTEMA DE VOTAÇÃO ON-LINE CFC/CRCs] Sistema para eleições dos CRCs Sumário PROCEDIMENTOS PARA EFETUAR O PROCESSO DE VOTAÇÃO... 3 1. TROCA DE SENHA

Leia mais

Web Empresas. Agemed Saúde S/A. Versão 03

Web Empresas. Agemed Saúde S/A. Versão 03 2011 Versão 03 Web Empresas Agemed Saúde S/A. Esse documento tem como objetivo orientar as empresas contratantes do plano de saúde Agemed a utilizarem o ambiente Web para realização de movimentações cadastrais

Leia mais

Tutorial de Matrícula/Rematrícula Cursos Noturnos 2015-2:

Tutorial de Matrícula/Rematrícula Cursos Noturnos 2015-2: Tutorial de Matrícula/Rematrícula Cursos Noturnos 2015-2: Sumário 1. Acessando o Portal Acadêmico... 2 2. Impressão do boleto... 3 3. Acessando o ambiente de Matrícula/Rematrícula... 6 4. Impressão do

Leia mais

Manual do Fornecedor. Cadastro/Credenciamento, Solicitação e Consulta. Pessoa Física e Pessoa Jurídica

Manual do Fornecedor. Cadastro/Credenciamento, Solicitação e Consulta. Pessoa Física e Pessoa Jurídica MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS SicafWeb Sistema Unificado de Cadastramento de Fornecedores

Leia mais

Tutorial Simplificado E-contábil Módulo Escritório: Após logon com dados do escritório é apresentada a seguinte tela, referindo-se às boas vindas:

Tutorial Simplificado E-contábil Módulo Escritório: Após logon com dados do escritório é apresentada a seguinte tela, referindo-se às boas vindas: Tutorial Simplificado E-contábil Módulo Escritório: Após logon com dados do escritório é apresentada a seguinte tela, referindo-se às boas vindas: Note nesta tela o menu acima, os itens de comunicação

Leia mais

Tutorial para envio de comunicados

Tutorial para envio de comunicados Tutorial para envio de comunicados Conteúdo 1. Enviando comunicado para os alunos... 2 2. Verificando a situação do envio dos e-mails para os alunos... 4 3. Enviando comunicado para colaboradores e professores...

Leia mais

Os endereços eletrônicos para acesso ao sistema são: www.srh.ufscar.br link FÉRIAS ou http://200.9.84.129/ferias/index.html.

Os endereços eletrônicos para acesso ao sistema são: www.srh.ufscar.br link FÉRIAS ou http://200.9.84.129/ferias/index.html. Os endereços eletrônicos para acesso ao sistema são: www.srh.ufscar.br link FÉRIAS ou http://200.9.84.129/ferias/index.html. Para utilizar o Sistema de Controle de Férias você deverá estar cadastrado previamente

Leia mais