M A N U A L D O ADMINISTRADOR

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "M A N U A L D O ADMINISTRADOR"

Transcrição

1 M A N U A L D O ADMINISTRADOR O Sistema Eletrônico do Serviço de Informações ao Cidadão (e-sic) servirá de auxílio ao SIC (setor físico) para consulta via internet. E-SIC Versão 1.06

2 Sumário Introdução 2 Sobre o e-sic 3 Perfis do usuário 4 Cadastro dos perfis no e-sic 5 Responsáveis pelos recursos 8 Área de interesse 9 Motivo da prorrogação 11 Motivo do recurso 12 Configuração 15 Cadastros de pessoa 16 Atendendo aos pedidos 18 Consulta de pedidos 20 Respondendo ao pedido 23 Consulta de recursos 25 Atendimento ao recurso 26 Painel de controle 30 Suporte a dispositivos 31 1

3 A partir do dia 16 de maio de 2012, o Brasil passou a contar com mais um instrumento de transparência, a Lei federal n /11, que permite ao cidadão ter acesso a informação pública em tempo integral e sem restrições informação ativa. A Lei garante ao cidadão não só informação, mas um direito ao saber, o que fortalece a capacidade do indivíduo de conhecer outros direitos essenciais como saúde, educação e benefícios sociais. Além disso, a participação efetiva do cidadão garante uma gestão de qualidade, ao passo que quanto mais pessoas participam e colaboram para a mudança de uma nova cultura na aplicação correta dos gastos, mais ganhos serão revertidos para a população, através de serviços de qualidade. Com o advento da Lei Complementar N. 131/09, conhecida como Lei da Transparência Fiscal, o Brasil já havia dado um grande passo para a gestão transparente, obrigando diversas entidades a criarem seus Portais de Transparência, de forma que venham possibilitar ao cidadão obter dados discriminados dos gastos públicos, em tempo real e em meio eletrônico. Com a lei de acesso à informação o País consolidou definitivamente todas as informações necessárias para o cumprimento da democracia brasileira. Entretanto, a população poderá solicitar por meio de Sistemas de Informações ao Cidadão e-sic, as informações solicitadas e não contempladas nos Portais, que cada Entidade, obrigatoriamente, deverá disponibilizar em prazo não superior a 20(vinte) dias. Antes de iniciar o atendimento, aconselha-se que o usuário realize uma leitura criteriosa deste Manual e-sic, para que o atendimento às solicitações seja realizado de forma rápida e eficiente. Boa leitura! 2

4 O e-sic é um sistema que funciona na Internet e centraliza todos os pedidos de informação amparados pela Lei /2011 que forem dirigidos a diversas entidades. O sistema permite às entidades: Cadastrar equipe do SIC autorizada a usar o sistema; Acessar e responder as solicitações realizadas; Acompanhar os prazos para respostas; Solicitar prorrogação de prazo para resposta; Obter estatísticas de atendimento; Acompanhar e responder recursos; O sistema disponibilizado é somente para a entrada e saída dos pedidos de acesso, ou seja, os pedidos devem ser inseridos no sistema e suas respectivas respostas devem ser encaminhadas ao cidadão via sistema. É importante que todos os pedidos de acesso à informação realizados no âmbito da Lei /2011 sejam inseridas no Sistema, independente do meio utilizado para encaminhar a resposta. O sistema é a garantia que o solicitante tem de que os procedimentos previstos na lei serão atendidos. E, para o órgão, a segurança de que cumpriu seu papel. No decorrer do manual, serão detalhados os procedimentos adotados para a inserção da solicitação em cada modalidade de envio (carta, balcão, telefone etc.) Não é intenção desse manual entrar em detalhes acerca do que prevê a lei n /11; Ela foi planejada apenas para instruir os operadores do e-sic a atender as solicitações obedecendo o que prevê a lei. 3

5 Perfis do usuário Para utilizar o e-sic, os servidores precisam estar cadastrados no sistema em um dos perfis de usuário: gestor do e-sic, cadastrador ou respondente. Um Gestor do e-sic é responsável pela atualização dos dados do e-sic. Ele também é responsável por autorizar outros servidores a utilizarem o sistema na forma de cadastradores, respondentes ou gestores do e-sic. Um cadastrador é a pessoa responsável por cadastrar e gerenciar dados do e-sic necessários ao andamento das solicitações. Todos os itens presentes no menu de Cadastros auxiliares podem ser atualizados por esse perfil. Um cadastrador é autorizado a utilizar o sistema nesse perfil por um Gestor e-sic. Um respondente é uma pessoa que gerencia pedidos no sistema. Ela pode consultá-los, encaminhá-los, prorrogá-los, exportá-los para diferentes formatos e, é claro, respondê-los. Um respondente deverá ser autorizado pelo gestor e-sic a utilizar o sistema nesse perfil. 4

6 Cadastro dos perfis no e-sic O cadastramento ocorrerá da seguinte maneira: 1. A Aspec irá cadastrar um servidor com o perfil Gestor e-sic. 2. Esse Gestor e-sic irá cadastrar outros servidores com os perfis disponíveis. Quando uma pessoa é cadastrada, ela receberá uma senha no seu cadastrado. Para acessar o sistema pela primeira vez, ela usará o como identificador e a senha enviada nesse mesmo . A pessoa pode alterar sua senha, bem como seus dados cadastrais sempre que desejar. Após login no sistema, a tela principal é mostrada como a imagem abaixo. Para ver as opções do sistema, mova o cursor para a barra lateral esquerda e as opões serão apresentadas. 5

7 Para iniciar o cadastro de servidores do e-sic, acesse Administração -> Servidores do e-sic Em seguida uma lista de servidores é apresentada na tela. Nessa mesma tela é possível filtrar a lista pelo nome do servidor e ainda cadastrar novo servidor. 6

8 Na tela de cadastro temos os campos referentes a dados da pessoa do servidor e o seu e- mail que servirá de login para entrar no sistema. Após o cadastro, uma senha será enviada para esse . Nessa tela também será identificado as atribuições do servidor por meio do perfil. Outro aspecto importante é a informação de quais instâncias o servidor pode representar. É importante ressaltar que o servidor do e-sic, no caso, é um operador de sistema que pode apenas alimentar os dados com informação de responsabilidade de outro servidor ou autoridade. As instâncias representam pessoas ou órgãos a que um solicitante recorre no caso de gerar um recurso por não está satisfeito com a resposta dada a uma solicitação de informação. Um solicitante, pela lei, pode criar recurso em até três instâncias. Um servidor pode responder a esses recursos de acordo com as instâncias a que ele pode representar. Os dados referentes à pessoa podem ser alterados pelo servidor quando efetuar o login por meio de seu perfil. Para o gestor alterar outros dados, basta clicar no nome do servidor na tela de listagem dos servidores e então editar os dados e confirmar as alterações. 7

9 Responsáveis pelos recursos Para cadastrar os responsáveis diretos pelos recursos, vá ao menu de administração e realize os seguintes cadastros. 1. Autoridade superior: Essa autoridade é uma pessoa hierarquicamente superior aos servidores do e-sic. É essa pessoa que terá a responsabilidade das respostas aos recursos de primeira instância. 2. Autoridade máxima: Essa autoridade é uma pessoa responsável por um órgão hierarquicamente superior ao e-sic. É essa pessoa que terá a responsabilidade de responder aos recursos de segunda instância. 3. Comissão de avaliação: Grupo de até cincos pessoas responsável por analisar os recursos de terceira instância. Os dados cadastrais são equivalentes nos três formulários de preenchimento. A diferença é que a comissão poderá ter até cinco membros. Embora seja possível atribuir a resposta de recursos a outros operadores do e-sic, a responsabilidade pelas respostas são das pessoas informadas nesses cadastros. 8

10 Dados do membro da comissão Esses campos são iguais para o cadastro da autoridade superior e do responsável pelo órgão superior ao SIC. Área de interesse No menu de cadastros auxiliares existe a opção de cadastrar uma Área de interesse. Essa área de interesse é referente à solicitação de pedido onde um solicitante pode informar em que área da entidade o seu pedido faz referência. Ela pode ser utilizada na busca da resposta bem como poderá ser usada em estatística para compreender quais áreas da administração existe maior demanda por informação. Veja abaixo item no menu. Listagem das áreas de interesse. Nessa tela é possível editar um item cadastrado clicando no ícone editar na coluna de ações. 9

11 Na tela mostrada abaixo está os campos da área de interesse. Campos: 1. Nome: entre 3 e 80 caracteres 2. Descrição: até 300 caracteres 3. Ativo: informa se essa área de interesse será mostrada como opção no cadastro do pedido. Por algum motivo, uma determinada área de interesse pode não mais aparecer como opção para o usuário, mas como já foi utilizada antes, o item não pode ser excluído. Para isso basta usar esse campo. 10

12 Motivo da prorrogação No menu de cadastros auxiliares existe a opção de cadastrar um Motivo da prorrogação. Essa informação será usada se o e-sic necessitar prorrogar, dentro dos prazos da lei, uma resposta a um pedido de informação. Funciona como um repositório de justificativas para uso nas prorrogações. Veja abaixo item no menu. Listagem dos motivos da prorrogação. Nessa tela é possível editar um item cadastrado clicando na primeira coluna. Pode ainda criar novo motivo da prorrogação. 11

13 Na tela mostrada abaixo estão os campos do motivo da prorrogação. Campos: 1. Nome: entre 3 e 30 caracteres 2. Descrição: até 200 caracteres 3. Ativo: informa se esse motivo da prorrogação será mostrada como opção no cadastro do pedido. Por algum motivo, um determinado item não pode mais aparecer como opção para o usuário, mas como já foi utilizada antes, o item não pode ser excluído. Para isso basta usar esse campo. Motivo do recurso No menu de cadastros auxiliares existe a opção de cadastrar um Motivo do recurso. Essa informação será usada pelo solicitante caso queira recorrer de uma resposta a um pedido. Funciona como uma tipificação do motivo do recurso. Veja abaixo item no menu. 12

14 Listagem dos motivos do recurso. Nessa tela é possível editar um item cadastrado clicando na primeira coluna. Pode ainda criar novo motivo do recurso. Na tela mostrada abaixo estão os campos do motivo do recurso. Campos: 1. Nome: entre 5 e 150 caracteres 2. Descrição: até 200 caracteres 3. Ativo: informa se esse motivo do recurso será mostrado como opção no cadastro do recurso. Por algum motivo, um determinado item não pode aparecer como 13

15 opção para o usuário, mas como já foi utilizada antes, o item não pode ser excluído. Para isso basta usar esse campo. Configuração Para o correto funcionamento do e-sic o gestor deve inserir outros parâmetros. Na tela de configuração temos campos que serão usados para mostrar ao público como entrar em contato com o e-sic, seja por telefone, ou local físico. Outra categoria de campos e para mostrar os prazos disponíveis para o usuário entrar com recurso e para o e-sic responder ao pedido e aos recursos se houver. A definição dos prazos é dado por lei e portanto já são preenchidos quando da implantação do e-sic. Caso haja mudanças na legislação, é nesse local que os valores serão alterados. No caso do prazo de atendimento do pedido, o e-sic pode definir outro prazo, não superior ao prazo definido por lei, para agilizar a atendimento ao público. O último campo é para as entidades não públicas que não estão obrigadas a atender os prazos determinados por lei. 14

16 Tela de configuração Dados gerais Dados para atendimento 15

17 Cadastros de pessoa Para cada entrada no sistema que envolva informações de pessoas, é criado de forma direta ou indireta um cadastro de pessoa. Durante o cadastro de pedido, servidores ou usuário cidadão, um registro de pessoa é criado. Cada pessoa possui um CPF ou CNPJ único e portanto qualquer entrada de dados que use o CPF ou CNPJ já existente no cadastro, os dados serão associados a esse cadastro existente. Quando isso acontecer, o sistema informará. Além disso é possível cadastrar diretamente pessoas através do menu mostrado na imagem abaixo. A tela de consulta de pessoa está disponível nesse mesmo menu. A tela abaixo mostra o resultado da consulta. 16

18 Na coluna de ações, é possível detalhar os dados da pessoa e também excluir seus dados. Apenas dados referentes à pessoa serão mostrados. Se essa pessoa é um solicitante ou um servidor do e-sic, não será nessa tela que serão visualizados esses dados específicos. Segue nas próximas páginas as telas de cadastro de pessoa física e jurídica. 17

19 Atendendo os pedidos Ainda na tela principal do e-sic, é possível visualizar quantos pedidos e recursos estão sem resposta. Ao clicar no ícone de alerta, será mostrado solicitações cujo atendimento não foi iniciado. Essas solicitações podem ser novos pedidos ou novos recursos. No caso de novos pedidos, a solicitação de listagem mostrará uma tela como a seguinte. 18

20 Para iniciar o atendimento ao pedido, basta clicar na primeira coluna (Protocolo). No caso de recursos Para iniciar o atendimento ao recurso, basta clicar na primeiro coluna (Protocolo) 19

21 Consulta de pedidos Na tela de consulta de pedidos é possível pesquisar por pedidos com parâmetros chave para visualizar os pedidos. Para consultar um ou mais pedidos, podem ser usados os seguintes parâmetros: Texto no pedido: pedido que contém na descrição o texto informado; Nome do solicitante contém: pedido cujo solicitante possui o texto informado no seu nome completo; Protocolo: protocolo do pedido; CPF; CNPJ; Área de interesse; Prioridade; Situação; A tela de resutado da consulta é semelhante a listagem de pedidos em aberto. 20

22 Resultado da consulta de pedidos Para iniciar o atendimento basta selecionar o pedido clicando no número de protocolo desejado. Abaixo a tela com os dados do pedido selecionado. Assim que o pedido entrar em análise para que uma resposta seja dada, é preciso sinalizar isso para o sistema e o solicitante. Isso é feito clicando no botâo Iniciar atendimento. Em 21

23 seguida o status do pedido é alterado para Em análise e o solicitante recebe um informado a mudança da situação. Caso seja preciso prorrogar o prazo de entrega da resposta, a opção é Prorrogar. Na tela abaixo, o cadastro de uma prorrogação. Os novos prazos são criados automaticamente de acordo com o que foi definido na tela de configuração do e-sic. Todo pedido ao ser criado, recebe a prioridade normal. Para alterar isso, basta clicar no botão Alterar prioridade. Para salvar os dados em arquivo, use o botão Salvar em arquivo. Um arquivo PDF é criado e salvo. O botão Histórico mostra todas as situações do pedido ao longo do tempo. Após iniciar o atendimento, o botão Responder é mostrado. Observação: a prioridade é apenas uma informação interna. 22

24 Respondendo ao pedido O campo tipo informa a natureza da resposta. Além do campo complemento, que deve ser usado para descrever melhor a resposta, é possível anexar até 5 arquivos, que podem ser o conteúdo da solicitação do pedido. Após confirmar a resposta, um é enviado ao solicitante e o pedido passa a ter o estado de respondido. A partir de então, o solicitante terá alguns dias para entrar com o recurso de primeira instância, caso não esteja satisfeito como a resposta. O número de dias que o solicitante tem para isso é definido na tela de configuração do e-sic. Caso a entidade seja pública, esse prazo deve atender à lei de acesso à informação. 23

25 A seguir é apresentado uma tela com todas as informações do pedido e da resposta do pedido. Essa tela é a mesma apresentada sempre que consultar um protocolo já espondido. Na visualização do histórico, podemos acompanhar melhor sua evolução. Em cada evento que envolver um atendente, um link para seus dados estará disponível. 24

26 Consulta de recursos Na tela de consulta de recursos é possível pesquisar por recursos com parâmetros chaves para visualizar os pedidos. Para consultar um ou mais recursos, podem ser usados os seguintes parâmetros: Nome do solicitante contém: pedido cujo solicitante possui o texto informado no seu nome completo; Protocolo: protocolo do pedido; CPF; CNPJ; Motivo do recursos; Situação; Instância; A tela de resutado da consulta é semelhante a listagem de recursos em aberto. 25

27 Atendimento do recurso Para iniciar o atendimento, clicar no protocolo desejado na primeira coluna da tabela. Para iniciar o atendimento, clicar em Iniciar atendimento. 26

28 Após iniciar o atendimento, o solicitante é notificado via da situação do recurso. A tela seguinte apresenta os mesmos dados mais a opção de responder ao recurso. Para iniciar o cadastro da resposta clique em Responder. 27

29 O campo tipo informa a natureza da resposta. Além do campo complemento, que deve ser usado para descrever melhor a resposta, é possível anexar até 5 arquivos, que podem ser usado para embasar a resposta. Após confirmar a resposta, uma notificação por é enviada ao solicitante e o recurso passa a ter o estado de respondido. A partir de então, o solicitante terá alguns dias para entrar com o recurso de segunda instância, caso não esteja satisfeito como a resposta. O número de dias que o solicitante tem para isso é definido na tela de configuração do e-sic. Esse procedimento de entrar e responder ao recurso vai até a terceira instância. Após responder, a seguinte tela e mostrada: 28

30 29

31 Painel de controle O painel de controle é onde se pode visualizar, por meio de gráficos, a situação dos atendimentos. É por meio dele que se pode ter uma visão mais gerencial da atuação do e- SIC. 30

32 Suporte a dispositivos O e-sic, tanto no módulo do cidadão quanto no de administrador, foi projetado para ser compatível com vários tipos de dispositivos móveis. Seus elementos gráficos serão ajustados de acordo com o tamanho da tela do dispositivo e seus componentes funcionarão adequadamente. 31

Universidade Federal do Vale do São Francisco Sistema de Concursos

Universidade Federal do Vale do São Francisco Sistema de Concursos 1 - Introdução O sistema de concursos da UNIVASF é uma ferramenta desenvolvida pela Secretaria de Tecnologia da Informação (STI) que permite a inscrição de candidatos às vagas ofertadas pela UNIVASF. O

Leia mais

O Portal Service Desk está disponível no Intrallianz. Para acessá-lo, clique no banner abaixo do menu Minha Intrallianz, opção Portal Service Desk.

O Portal Service Desk está disponível no Intrallianz. Para acessá-lo, clique no banner abaixo do menu Minha Intrallianz, opção Portal Service Desk. Portal Service Desk Manual de Utilização Gestão de Serviços de TI ÍNDICE I. INTRODUÇÃO II. CONCEITOS BÁSICOS DO PORTAL III. PORTAL DO USUÁRIO a. ACESSO b. INÍCIO c. HISTÓRICO DE TICKETS IV. TICKETS a.

Leia mais

Versão 1.0

Versão 1.0 Versão 1.0 http://digifred.com.br/ Copyright Digifred Informática LTDA. Todos os direitos reservados. 1 Sumário 1. Introdução...3 2. Primeiro Acesso...4 3. Cadastro de Usuário...5 4. Funções do SIC...6

Leia mais

SISTEMA CERTORIGEM PERFIL EXPORTADOR

SISTEMA CERTORIGEM PERFIL EXPORTADOR SISTEMA CERTORIGEM PERFIL EXPORTADOR Fluxo de cadastro Acesso ao sistema: http://cacb.certorigem.com.br/federasul/ Criar pré-cadastro Fluxo de cadastro Preencher formulário do lado esquerdo com os dados

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÕES DO PORTAL CONTRACT

MANUAL DE ORIENTAÇÕES DO PORTAL CONTRACT MANUAL DE ORIENTAÇÕES DO PORTAL CONTRACT 1 BERNHOEFT AUDITORES GESTÃO DE RISCOS COM TERCEIROS MANUAL DO PORTAL: CONTRACT SÃO PAULO 2015 2 SUMÁRIO I. PORTAL: CONTRACT... 4 II. PÁGINA INICIAL... 5 CARREGAMENTO

Leia mais

Manual do Usuário Sistema de Ticket GlassControl

Manual do Usuário Sistema de Ticket GlassControl Manual do Usuário Sistema de Ticket GlassControl Versão 1.0 Atualizado: 14 de Julho de 2015 SF Informática Manual do Usuário Sistema de Ticket GlassControl 1 Sumário Introdução... 3 Casos de Uso... 3 Cadastro...

Leia mais

O Portal Service Desk está disponível no AllianzNet. Para acessá-lo, clique no banner abaixo do menu Minha Intrallianz, opção Portal Service Desk.

O Portal Service Desk está disponível no AllianzNet. Para acessá-lo, clique no banner abaixo do menu Minha Intrallianz, opção Portal Service Desk. Portal Service Desk Manual de Utilização Service Desk Allianz ÍNDICE I. INTRODUÇÃO II. CONCEITOS BÁSICOS DO PORTAL III. PORTAL DO USUÁRIO a. ACESSO b. INÍCIO c. LISTA DE TICKETS IV. TICKETS a. CRIAR TICKETS

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO Av. Prof. Moraes Rego, 1235, Cidade Universitária, Recife PE, CEP: Fone: (81)

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO Av. Prof. Moraes Rego, 1235, Cidade Universitária, Recife PE, CEP: Fone: (81) Sistema Módulo Perfil Papel PAINEL DE MEMORANDOS Essa funcionalidade centraliza algumas operações do módulo de protocolo que possuem relação com memorandos eletrônicos. O objetivo é tornar ágil o acesso

Leia mais

Portal CPE - Cartório Postal Eletrônico. Manual de Utilização

Portal CPE - Cartório Postal Eletrônico. Manual de Utilização Manual de Utilização Utilizar o Portal CPE (Cartório Postal Eletrônico) Para utilizar o Portal, acessar o link https://cartoriopostaleletronico.com.br/ Conforme Figura 1, o Portal pode ser acessado através

Leia mais

Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo

Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo Versão do Manual: 2.4 Versão do Aplicativo: 2.17.2 Conteúdo 1. Instalação do AFV...03 2. Configurações...04 3. Recebendo as tabelas...05

Leia mais

1. ACESSO MENU PRINCIPAL Página Inicial Botões no Topo da Tela Campos para Exibição... 4

1. ACESSO MENU PRINCIPAL Página Inicial Botões no Topo da Tela Campos para Exibição... 4 Página 1 de 17 SUMÁRIO 1. ACESSO... 2 2. MENU PRINCIPAL... 3 2.1 Página Inicial... 3 2.2 Botões no Topo da Tela... 4 2.3 Campos para Exibição... 4 2.4 Página da Turma... 5 3. MENU USUÁRIO... 5 3.1 Central

Leia mais

SIC - Serviço de Informação ao Cidadão

SIC - Serviço de Informação ao Cidadão SIC - Serviço de Informação ao Cidadão Manual do Usuário Versão 4 Índice 1. Introdução 3 2. Primeiro Acesso 4 3. Acesso ao Sistema 10 4. Dicas Para Registrar Um Pedido 11 5. Registre Seu Pedido 12 6. Consultar

Leia mais

Instruções para utilização da Agenda Médica Eletrônica

Instruções para utilização da Agenda Médica Eletrônica Instruções para utilização da Agenda Médica Eletrônica Sumá rio 1. Acesso aos Serviços Exclusivos...3 2. Acesso à Agenda...4 3. Inclusão de Horários de Atendimento...6 4. Informação de Ausência...10 5.

Leia mais

Manual de Utilização - FacGTO

Manual de Utilização - FacGTO Manual de Utilização - FacGTO Nesta parte, iremos disponibilizar um manual de utilização do FacGTO. 1 Objetivo: O módulo FacGTO, objetiva simplificar o processo de autorização de tratamentos odontológicos,

Leia mais

Manual de Utilização do Módulo Frota (SUAP)

Manual de Utilização do Módulo Frota (SUAP) Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba Reitoria / Coord. de Desenvolvimento e Gerenciamento de Sistemas Manual de Utilização do Módulo Frota (SUAP) Versão

Leia mais

MANUAL DE USUÁRIO. Versão 1.0 Servidor

MANUAL DE USUÁRIO. Versão 1.0 Servidor MANUAL DE USUÁRIO Versão 1.0 Servidor SUMÁRIO 1. Acesso ao Sistema... 4 1.1. Acesso (LOGIN)... 5 1.2. Cadastro... 6 2. Sistema 2.1. Visão Inicial... 10 2.2. Itens do Menu de Navegação... 11 2.3. Informações

Leia mais

Índice. Como acessar o sistema?...3. Painel...3. Nova Solicitação...4. Prazos...5. Anexar Arquivos...5. Ícones...6

Índice. Como acessar o sistema?...3. Painel...3. Nova Solicitação...4. Prazos...5. Anexar Arquivos...5. Ícones...6 Nova Versão Índice Como acessar o sistema?...3 Painel...3 Nova Solicitação...4 Prazos...5 Anexar Arquivos...5 Ícones...6 Notificação de alteração de status...6 Status...6 Enviando uma Mensagem...7 Avaliação...7

Leia mais

Icon Chamamos este processo de Efetuar Login no Sistema, pois com usuário e senha cadastrados é possível acessar o Automidia Service Management.

Icon Chamamos este processo de Efetuar Login no Sistema, pois com usuário e senha cadastrados é possível acessar o Automidia Service Management. Cliente Introdução Icon Este documento tem como objetivo apresentar as funcionalidades do módulo Automidia Service Management um aplicativo que permite a abertura e acompanhamento dos chamados abertos

Leia mais

SFA Sistema de Fortalecimento das Aprendizagens - SFA Manual Módulo do Professor Versão 01

SFA Sistema de Fortalecimento das Aprendizagens - SFA Manual Módulo do Professor Versão 01 Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco Secretaria Executiva de Gestão da Rede Gerência Geral de Tecnologia da Informação e Comunicação SFA Sistema de Fortalecimento das Aprendizagens - SFA Manual

Leia mais

SISTEMA DE DESEMPENHO DA NAVEGAÇÃO - SDN

SISTEMA DE DESEMPENHO DA NAVEGAÇÃO - SDN AGÊNCIA NACIONAL DE TRANSPORTES AQUAVIÁRIOS SUPERINTENDÊNCIA DE NAVEGAÇÃO INTERIOR Gerência de Desenvolvimento e Regulação da Navegação Interior SISTEMA DE DESEMPENHO DA NAVEGAÇÃO - SDN MANUAL DO USUÁRIO

Leia mais

OPERAÇÃO DA PLATAFORMA MANUAL PARA FORNECEDORES

OPERAÇÃO DA PLATAFORMA MANUAL PARA FORNECEDORES OPERAÇÃO DA PLATAFORMA MANUAL PARA FORNECEDORES Operação da plataforma ACESSO Tópicos desta sessão: Primeiro acesso Esqueci a senha Alteração de Cadastro Cadastrar ou alterar categorias PRIMEIRO ACESSO

Leia mais

Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo

Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo Gerabyte AFV (Automação de Força de Venda) Manual do Aplicativo Versão 2.18 1 Sumário 1 Instalação do AFV...3 2 Configurações do AFV...4 3 Recebendo as tabelas...6 4 Consultando clientes...6 5 Consultando

Leia mais

Manual de Apoio. Cadastro de Solicitação de Licenciamento Ambiental. Versão Janeiro /01/ :43

Manual de Apoio. Cadastro de Solicitação de Licenciamento Ambiental. Versão Janeiro /01/ :43 Manual de Apoio Cadastro de Solicitação de Licenciamento Ambiental Versão Janeiro.0 07 4/0/07-09:43 SOL - Solicitação Online de Licenciamento O empreendedor cadastra uma solicitação no SOL incluindo: Entrada

Leia mais

GESTÃO DE SERVIÇOS. Positivo Serviços Compartilhados Perfil de Solicitante

GESTÃO DE SERVIÇOS. Positivo Serviços Compartilhados Perfil de Solicitante GESTÃO DE SERVIÇOS Positivo Serviços Compartilhados Perfil de Solicitante 1 1. Apresentação 2. Acesso ao Sistema PSC - Primeiro acesso 3. Ambiente do Portal de Serviços PSC 4. Perfil Solicitante - Início

Leia mais

RioCard Saúde Presente

RioCard Saúde Presente Sumário 1) Acesso ao Sistema... 2 1.1) Esqueci minha senha... 2 1.2) Alteração de Senha... 3 1.3) Seleção de Perfil de Acesso e Local de Atendimento... 3 2) Home... 5 3) Menu Cadastro... 5 3.1) Cadastrar

Leia mais

Guia de Treinamento. SIPAC Módulo Almoxarifado. Requisitante de Material

Guia de Treinamento. SIPAC Módulo Almoxarifado. Requisitante de Material Guia de Treinamento SIPAC Módulo Almoxarifado Requisitante de Material Fevereiro 2014 SIPAC - Almoxarifado - Requisitante de Material O Sistema Integrado de Patrimônio, Administração e Contratos (SIPAC)

Leia mais

PROCAD Sistema Eletrônico de Processos Administrativos

PROCAD Sistema Eletrônico de Processos Administrativos PROCAD Sistema Eletrônico de Processos Administrativos MANUAL PARA USUÁRIOS O Sistema PROCAD é uma das soluções que compõem o SAT Sistema de Arrecadação Tributária. Este manual é um passo-a-passo para

Leia mais

PROTOCOLO ONLINE. Após realizar o login, na tela inicial, o aluno irá clicar em Educacional, para visualizar todas as funcionalidades acadêmicas.

PROTOCOLO ONLINE. Após realizar o login, na tela inicial, o aluno irá clicar em Educacional, para visualizar todas as funcionalidades acadêmicas. PROTOCOLO ONLINE Para acesso a nova funcionalidade do protocolo online e utilização da ferramenta, esse tutorial tem a finalidade de auxiliar no processo, de forma que o aluno consiga realizar todas as

Leia mais

Unimed de Araraquara Coop. De Trabalho Médico Manual XML TISS Unimedara

Unimed de Araraquara Coop. De Trabalho Médico Manual XML TISS Unimedara 1. Acesso ao Sistema Em seu navegador web digite: http://www.unimedara.com.br e clique no ícone do portal TISS como segue a imagem abaixo ou acesse http://tiss.unimedara.com.br:28081/htz/pages/welcome/welcome.jsf.

Leia mais

Como se origina um curso de especialização no SIGAA?

Como se origina um curso de especialização no SIGAA? SIGAA Manual de Usuário Gestor de Cursos Lato Sensu O Módulo Lato Sensu no SIGAA possibilita o gerenciamento das atividades acadêmicas dos cursos do tipo Especialização existentes na Instituição. A Pró-Reitoria

Leia mais

Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência PIBID MANUAL DE OPERAÇÃO

Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência PIBID MANUAL DE OPERAÇÃO GERINF - Gerência de Informática Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência PIBID MANUAL DE OPERAÇÃO Maio, 2016 Sumário 1. Introdução... 3 2. Apresentação do Sistema... 2-4 2.1 Botões de ação...

Leia mais

O acesso é realizado por login e senha oferecendo mais segurança a suas informações.

O acesso é realizado por login e senha oferecendo mais segurança a suas informações. Prezado Síndico, Seja bem-vindo ao Portal do Síndico, um portal digital desenvolvido para que você tenha informações sobre o empreendimento com mais facilidade e rapidez. Por meio do Portal do Síndico

Leia mais

Sumário 1. Inicializando o Sistema Arquitetura do Sistema Consulta Rápida de Veículos Informações Gerais...

Sumário 1. Inicializando o Sistema Arquitetura do Sistema Consulta Rápida de Veículos Informações Gerais... 1 Sumário 1. Inicializando o Sistema... 3 2. Arquitetura do Sistema... 5 2.1. Menu... 5 2.1.1. Detalhamento do Menu e Submenu... 5 2.2. Barra de Ferramentas... 6 2.2.1. Ações... 6 2.2.2. Crédito Disponível...

Leia mais

Consultório. Gestão de Consultórios Manual do Usuário. versão 1

Consultório. Gestão de Consultórios Manual do Usuário. versão 1 Consultório Gestão de Consultórios Manual do Usuário versão 1 Sumário Introdução 1 Operação básica do aplicativo 2 Formulários 2 Filtros de busca 2 Telas simples, consultas e relatórios 3 Parametrização

Leia mais

Nova. Tecnologia em Atendimento. Manual do usuário

Nova. Tecnologia em Atendimento. Manual do usuário Nova Tecnologia em Atendimento Manual do usuário Índice Introdução Arquitetura e Requisitos de Software Tela de Login Página Principal Acesso Fácil Funções Básicas Utilizando Filtros Solicitação de Serviço

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO PEDAGÓGICA Manual do Professor

SISTEMA DE GESTÃO PEDAGÓGICA Manual do Professor SISTEMA DE GESTÃO PEDAGÓGICA Manual do Professor SISTEMA DE GESTÃO PEDAGÓGICA Versão 1.0 1. Cadastro no sistema - Acesse o sistema pelo endereço: http://www.professor.ms.gov.br. - Clique no link na parte

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA Cartório 24 Horas

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA Cartório 24 Horas MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA Cartório 24 Horas INTRODUÇÃO A Extranet Cartório 24 Horas permite a solicitação de qualquer tipo de Certidão junto aos Cartórios e outros órgãos de todos os estados Brasileiros.

Leia mais

1 GLOSSÁRIO Área de TI Catálogo de serviços de TI Solicitante Chamado Formulário...

1 GLOSSÁRIO Área de TI Catálogo de serviços de TI Solicitante Chamado Formulário... Pág.: 1 de 21 SUMÁRIO 1 GLOSSÁRIO... 3 1.1 Área de TI... 3 1.2 Catálogo de serviços de TI... 3 1.3 Solicitante... 3 1.4 Chamado... 3 1.5 Formulário... 3 1.6 Situação do Chamado... 3 2 CATALOGO DE SERVIÇOS

Leia mais

MANUAL VTWEB CLIENT URBANO

MANUAL VTWEB CLIENT URBANO MANUAL VTWEB CLIENT URBANO Conteúdo... 2 1. Descrição... 3 2. Cadastro no sistema... 3 2.1. Pessoa Jurídica... 3 2.2. Pessoa Física... 5 2.3. Concluir o cadastro... 6 3. Acessar o sistema... 6 3.1. Autenticar

Leia mais

LISTAR MEMORANDOS RECEBIDOS

LISTAR MEMORANDOS RECEBIDOS Sistema Módulo Perfil Papel LISTAR MEMORANDOS RECEBIDOS Essa funcionalidade permite ao usuário consultar a lista de memorandos eletrônicos recebidos por ele no sistema, bem como realizar operações relacionadas

Leia mais

FATURAMENTO MANUAL RECURSO DE GLOSA TISS

FATURAMENTO MANUAL RECURSO DE GLOSA TISS FATURAMENTO FATURAMENTO MANUAL RECURSO DE GLOSA TISS COMO ACESSAR O SISTEMA 1. Acesse o site da Fundação Copel (www.fcopel.org.br) 2. No Portal do Prestador, clique em SAÚDE CONNECT 3.02 3. Digite seu

Leia mais

Manual do Sistema PUSH

Manual do Sistema PUSH Manual do Usuário Manual do Sistema PUSH PUSH Template Versão 1.1 SUMÁRIO 1. Introdução... 3 2. Criação de Conta... 4 3. Incluindo Processos... 6 4. Consultar/Excluir Processo... 7 Consulta... 7 Exclusão...

Leia mais

PORTAL DE TERCEIROS PRESTADORES DE SERVIÇOS

PORTAL DE TERCEIROS PRESTADORES DE SERVIÇOS PORTAL DE TERCEIROS PRESTADORES DE SERVIÇOS 1. Como Acessar Na internet, acesse o seguinte endereço: www.brf-br.com/terceiros Concluído o Pré-Cadastro, sua empresa poderá acessar o Portal através da senha

Leia mais

SISTEMA SEMEAR EDUCACIONAL MANUAL DE UTILIZAÇÃO. Semear Educacional - Sistema Municipal de Excelência ao Atendimento da Rede

SISTEMA SEMEAR EDUCACIONAL MANUAL DE UTILIZAÇÃO. Semear Educacional - Sistema Municipal de Excelência ao Atendimento da Rede SISTEMA SEMEAR EDUCACIONAL MANUAL DE UTILIZAÇÃO Semear Educacional - Sistema Municipal de Excelência ao Atendimento da Rede 11 Sumário 1 MÓDULO PROTOCOLO... 2 a. DOCUMENTAÇÃO... 2 b. PROCEDIMENTO... 6

Leia mais

Identificação da Empresa

Identificação da Empresa Identificação da Empresa MT-611-00001-14 Última Atualização 15/07/2016 I. Objetivos Após este módulo de capacitação você será capaz de: 1. Preencher em Identificação os dados básicos, itens e as localidades

Leia mais

MANUAL DO CREDENCIADO HEMODIÁLISE OU ONCOLOGIA

MANUAL DO CREDENCIADO HEMODIÁLISE OU ONCOLOGIA MANUAL DO CREDENCIADO HEMODIÁLISE OU ONCOLOGIA GALENUS SUMÁRIO 1. Introdução 3 2. Pedido Médico 3 3. Solicitação de Hemodiálise ou Oncologia 3 4. Gerenciar Autorizações 9 5. Integração de Autorizações

Leia mais

GESTÃO DA INFORMAÇÃO TECNOLOGIA

GESTÃO DA INFORMAÇÃO TECNOLOGIA Desenvolvimento: Lincoln Nakashima Revisão Técnica: Allan Gomes Cuypers Revisão Administrativa: Lidiane Garcia GESTÃO DA INFORMAÇÃO JULHO/2015 Página 1 de 18 Índice Sumário APRESENTAÇÃO... 3 1 Início...

Leia mais

Sistema PCMalotes Developed by: Bruno Lacerda All copyrights reserveds for Prado Chaves

Sistema PCMalotes Developed by: Bruno Lacerda All copyrights reserveds for Prado Chaves Sistema PCMalotes Developed by: Bruno Lacerda All copyrights reserveds for Prado Chaves Índice Manual PCMalote...1 Índice...2 Acesso ao Sistema...3 Cadastros...4 Empresa...4 Assessoria...5 Malotes...7

Leia mais

MANUAL e-sic GUIA DO SERVIDOR. Governo do Estado do Piauí

MANUAL e-sic GUIA DO SERVIDOR. Governo do Estado do Piauí MANUAL e-sic GUIA DO SERVIDOR Governo do Estado do Piauí 1 Conteúdo Introdução... 3 Sistema Eletrônico de Informação ao Cidadão (e-sic)... 4 Primeiro Acesso... 5 Cadastro...Erro! Indicador não definido.

Leia mais

MANUAL Pedidos On-Line

MANUAL Pedidos On-Line MANUAL Pedidos On-Line ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 O QUE É PEDIDOS ON-LINE... 3 QUEM PODE UTILIZAR... 3 COMO OBTER AUTORIZAÇÃO PARA ACESSO... 4 ACESSANDO O PEDIDOS ON-LINE... 5 COMO REGISTRAR UM PEDIDO... 7

Leia mais

MANUAL. Via Portal do Cidadão

MANUAL. Via Portal do Cidadão MANUAL Enviar Proposta de Licitações" Via Portal do Cidadão Para efetuar esta operação o usuário deverá acessar o portal balneariopicarras.atende.net rolar a página até o final, clicando na aba Enviar

Leia mais

A JL tem uma super novidade. para sua empresa!!!!

A JL tem uma super novidade. para sua empresa!!!! A JL tem uma super novidade para sua empresa!!!! Novo sistema de Gestão de Documentos chamado Área do Cliente muito mais fácil e mais completo que substituirá o Safe-doc a partir de 01/10/2015! Prezado

Leia mais

Manual de navegação ao Portal AMS TISS Auditores. Endereço: https://portalamstiss.petrobras.com.br

Manual de navegação ao Portal AMS TISS Auditores. Endereço: https://portalamstiss.petrobras.com.br Manual de navegação ao Portal AMS TISS Auditores Endereço: https://portalamstiss.petrobras.com.br Página Inicial Exclusiva para auditores. 2 Para efetuar seu primeiro login clique em: Como obter o primeiro

Leia mais

Apêndices. 1.1 Apêndice A: Manual do Usuário Acessando o Sistema

Apêndices. 1.1 Apêndice A: Manual do Usuário Acessando o Sistema Manual do Usuário Apêndices 1.1 Apêndice A: Manual do Usuário 1.1.1 Acessando o Sistema A aplicação está disponível e pode ser acessada pelo endereço www2.bcc.unifalmg.edu.br/ahp. A tela inicial da aplicação

Leia mais

Sumário 1) Acessando o portal prestador ) Emissão de Guias Guia de Consulta Guia de SP/SADT Guia de Solicitação de

Sumário 1) Acessando o portal prestador ) Emissão de Guias Guia de Consulta Guia de SP/SADT Guia de Solicitação de Sumário 1) Acessando o portal prestador... 3 2) Emissão de Guias... 5 2.1 Guia de Consulta... 5 2.2 Guia de SP/SADT... 8 2.3 Guia de Solicitação de internação... 11 2.4 Solicitação de prorrogação de internação...

Leia mais

SUBIR LISTAS DE S

SUBIR LISTAS DE  S SUBIR LISTAS DE E-MAILS SÉRIE MANUAIS DA FERRAMENTA ALL IN MAIL INTRODUÇÃO Para realizar seus envios pela All In Mail é necessário que você possua sua lista de contatos cadastrada em nosso sistema. Para

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO GEP Sistema de Gestão de Evolução de Prontuários Médicos

GUIA DO USUÁRIO GEP Sistema de Gestão de Evolução de Prontuários Médicos IBILCE UNESP 2014 GUIA DO USUÁRIO GEP Sistema de Gestão de Evolução de Prontuários Médicos Coordenação: Prof. Dr. Carlos Roberto Valêncio Resumo de Alterações Alteração Feita Responsável Data Documento

Leia mais

Manual Sistema de Gerenciamento dos Auxiliares da Justiça

Manual Sistema de Gerenciamento dos Auxiliares da Justiça 2016 Manual Sistema de Gerenciamento dos Auxiliares da Justiça MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE GERENCIAMENTO DOS AUXILIARES DA JUSTIÇA PÚBLICO EXTERNO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO STI

Leia mais

Índice. Parte I Informações Iniciais 1 Sobre o documento. Apresentação Home. Parte II. Nota Premiada. Cadastro. Entrar. Sorteio. Dúvidas.

Índice. Parte I Informações Iniciais 1 Sobre o documento. Apresentação Home. Parte II. Nota Premiada. Cadastro. Entrar. Sorteio. Dúvidas. Nota Premiada Índice Parte I Informações Iniciais 1 Sobre o documento Parte II 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 Apresentação Home Cadastro Entrar Sorteio Realizados A realizar Dúvidas Fale Conosco Legislação

Leia mais

Leilão Reverso - Monitor de Comercialização Proponente

Leilão Reverso - Monitor de Comercialização Proponente MT-212-00110-3 Última Atualização: 08/01/2015 Leilão Reverso - Monitor de Comercialização Proponente Índice I Como acessar um Leilão II Informações básicas III Anexos IV Painel de Lances V Envio de Lances

Leia mais

Treinamento do Sistema SIGRH Módulo Férias Perfil: Solicitação de agendamento de férias

Treinamento do Sistema SIGRH Módulo Férias Perfil: Solicitação de agendamento de férias 1 Treinamento do Sistema SIGRH Módulo Férias Perfil: Solicitação de agendamento de férias Maceió, setembro de 2012. 2 Histório de versões Versão 1.0-14/09/2012 Descrição: Versão inicial 3 Conteúdo 1.Conhecendo

Leia mais

Manual Coleção Interativa Papel Professor Versão 2.5.3

Manual Coleção Interativa Papel Professor Versão 2.5.3 Manual Coleção Interativa Papel Professor / 33 Manual Coleção Interativa Papel Professor Versão 2.5.3 Manual Coleção Interativa Papel Professor 2/ 33 Manual Coleção Interativa ACESSAR A COLEÇÃO INTERATIVA...

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA DE TRAMITAÇÃO DE DOCUMENTOS Versão 3.0

Leia mais

Manual Pessoa Jurídica DATAPROM DATAPROM. Sistema de Bilhetagem Eletrônica. Revisão 01 / Março Manual de Pessoa Jurídica. Pág.

Manual Pessoa Jurídica DATAPROM DATAPROM. Sistema de Bilhetagem Eletrônica. Revisão 01 / Março Manual de Pessoa Jurídica. Pág. Manual de Pessoa Jurídica Sistema de Bilhetagem Eletrônica DATAPROM Manual Pessoa Jurídica DATAPROM Revisão 01 / Março 2015 www.dataprom.com Pág. 1 Índice Introdução... 3 1. Login, Senha e Cadastro...

Leia mais

ATIVIDADES COMPLEMENTARES

ATIVIDADES COMPLEMENTARES ATIVIDADES COMPLEMENTARES 1 SUMÁRIO Apresentação... 3 Entrada no Portal / Login... 4 Contexto... 8 Pesquisa de alunos... 10 Pesquisa de Cursos / Habilitações... 12 Pesquisa de Atividades curriculares...

Leia mais

1. Página Inicial. 2. Validação de Beneficiário. 3. Planos atendidos. 4. Autorizações. 5. Faturamento Digitação do Faturamento

1. Página Inicial. 2. Validação de Beneficiário. 3. Planos atendidos. 4. Autorizações. 5. Faturamento Digitação do Faturamento manual manual sumário 1. Página Inicial 2. Validação de Beneficiário 3. Planos atendidos 4. Autorizações 5. Faturamento 5.1. Digitação do Faturamento 5.2. Envio de Arquivo XML 5.3. Informe de Rendimento

Leia mais

Portal dos Convênios - Siconv

Portal dos Convênios - Siconv MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios - Siconv Análise, Aprovação de Proposta/Plano

Leia mais

1 Após realizar login, clique sobre o item de menu [Receptivo] que está localizado no topo da tela.

1 Após realizar login, clique sobre o item de menu [Receptivo] que está localizado no topo da tela. Receptivo Como iniciar um atendimento? 1 Após realizar login, clique sobre o item de menu [Receptivo] que está localizado no topo da tela. 2 O sistema exibirá os quadros de avisos, ocorrências e eventos.

Leia mais

COLABORATIVO Ver 1 01 de Dezembro de 2016

COLABORATIVO Ver 1 01 de Dezembro de 2016 COLABORATIVO Ver 1 01 de Dezembro de 2016 Menu Colaborativo O CRM Senior prioriza o fluxo da informação na organização, onde possui agenda corporativa dos usuários, tarefas, eventos, recados e consulta

Leia mais

Manual de Utilização Aplicativo PIBE (Programa Institucional de Bolsas de Estágio)

Manual de Utilização Aplicativo PIBE (Programa Institucional de Bolsas de Estágio) UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO - PROPLAN SeTIC - SUPERINTENDÊNCIA DE GOVERNANÇA ELETRÔNICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO Manual de Utilização Aplicativo

Leia mais

Solicitação de Serviço

Solicitação de Serviço Solicitação de Serviço Agenda Acesso ao módulo Cadastro de solicitação de serviço Tipos de serviços Pesquisa e edição de solicitação Visualização de relatório de solicitação de serviço Acesso ao Módulo

Leia mais

ERROS CONHECIDOS. Usuário entrará em contato solicitando orientações de como alterar o servidor DNS que serve o seu domínio.

ERROS CONHECIDOS. Usuário entrará em contato solicitando orientações de como alterar o servidor DNS que serve o seu domínio. ERROS CONHECIDOS 372.009-S-002-N1 SOLICITAÇÃO DE ALTERAÇÃO DE DNS 1 / 6 Classificação Uso Restrito CATEGORIA: SOLICITAÇÃO / ADM SEGURANÇA / DNS Histórico das Revisões: Rev. Nº Data Descrição 00 26/06/08

Leia mais

Instruções de Acesso: Eventos Científicos. Departamento de TI da FACTHUS (Atualizado: 22/09/2016)

Instruções de Acesso: Eventos Científicos. Departamento de TI da FACTHUS (Atualizado: 22/09/2016) Instruções de Acesso: Eventos Científicos Primeiro Acesso No primeiro acesso informe os números do CPF e depois selecione a opção Prosseguir Se você for aluno da FACTHUS ao clicar na opção prosseguir preencha

Leia mais

Manual Espelho de NF para Serviços

Manual Espelho de NF para Serviços Manual Espelho de NF para Serviços Indice 1 Objetivo... 3 2 O Projeto e-suprir... 3 3 Introdução... 3 4 Informações Básicas... 4 4.1 Painel de Controle Vendas... 4 5 Acessando o Pedido... 5 5.1 Lista de

Leia mais

Bem Vindo ao Sistema ISSMAP

Bem Vindo ao Sistema ISSMAP Bem Vindo ao Sistema ISSMAP Portal de Emissão de Nota Fiscal de Serviço 1º Modulo: Cadastro no Sistema SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 ACESSO... 3 1. REALIZANDO CADASTRO NO SISTEMA... 4 1.1 Pessoa Física... 5

Leia mais

Manual Gerenciador de Aprendizagem Papel Professor Versão 2.5.3

Manual Gerenciador de Aprendizagem Papel Professor Versão 2.5.3 Manual GA, Papel Professor / 37 Manual Gerenciador de Aprendizagem Papel Professor Versão 2.5.3 Manual GA, Papel Professor 2/ 37 Manual Gerenciador de Aprendizagem ACESSAR O GERENCIADOR DE APRENDIZAGEM...

Leia mais

Tutorial para utilização do Sistema Calisto Nível: Operador

Tutorial para utilização do Sistema Calisto Nível: Operador Tutorial para utilização do Sistema Calisto Nível: Operador versão 1.0 Elaborado por: Informática Sistemas em agosto de 2012 Antonio Carlos de O. Macedo Evandro F. Gonçalves Luciana A. Carradori 1. PREFÁCIO

Leia mais

Sumário. 2 Primeiro acesso/trocar de senha 8

Sumário. 2 Primeiro acesso/trocar de senha 8 Manual do Usuário Sumário 1 Login 5 1.1 Entrar no sistema 5 1.2 Esqueci minha senha 5 1.3 Solicitar acesso 5 1.3.1 Tela de Solicitação de Acesso 6 1.3.2 Preencher informações do solicitar acesso 7 1.4

Leia mais

SIMAR UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA. Centro de Informática CPD. SIMAR Sistema de Compras de Materiais

SIMAR UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA. Centro de Informática CPD. SIMAR Sistema de Compras de Materiais SIMAR UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA Centro de Informática CPD SIMAR Sistema de Compras de Materiais SISTEMA DE COMPRAS DE MATERIAIS Manual de Funcionalidades do Sistema SIMAR. SUMÁRIO SISTEMA DE COMPRAS DE

Leia mais

Título: Configuração para emissão das Certidões Negativas de Débito - CND.

Título: Configuração para emissão das Certidões Negativas de Débito - CND. Título: Configuração para emissão das Certidões Negativas de Débito - CND. 1 LIBERAÇÃO DE USUÁRIOS DO ESCRITÓRIO: 1.1- Acesse o menu ATENDIMENTO, opção CONTROLE, opção USUÁRIOS e clique em USUÁRIOS DO

Leia mais

PORTAL CORPORATIVO CNA - MANUAL

PORTAL CORPORATIVO CNA - MANUAL SUMÁRIO 1. Sobre o Portal Corporativo... 2 2. Acessar o Portal Corporativo... 2 2.1. Acesso ao Portal... 2 2.2. Esqueceu a senha... 4 3. Áreas do Portal Corporativo... 5 3.1. Página Inicial... 5 3.2. Menu

Leia mais

MANUAL. Certificado de Origem Digital PERFIL EXPORTADOR. Versão

MANUAL. Certificado de Origem Digital PERFIL EXPORTADOR. Versão MANUAL Certificado de Origem Digital PERFIL EXPORTADOR Versão 2.2.15 Sumário 1. Inicializando no sistema... 3 2. Acessando o sistema... 4 3. Mensagem encaminhada pelo sistema.... 4 4. Emitindo um novo

Leia mais

MANUAL DO PORTAL ALUNO

MANUAL DO PORTAL ALUNO MANUAL DO PORTAL ALUNO http://portal.ibta.edu.br Sumário 1. Acesso... 3 1.1. Esqueci Minha Senha... 4 2. Contexto... 7 2.1. Alterar Contexto... 8 3. Contrato / Comunicados... 9 4. Menu Acadêmico... 10

Leia mais

Clique aqui para contratar o VS Emissor

Clique aqui para contratar o VS Emissor MANUAL VS EMISSOR Link para acesso 2 Após cadastrar os dados da empresa, acesse aqui Clique aqui para contratar o VS Emissor 1 - Clique aqui para iniciar seu cadastro Clique aqui para contratar o VS Emissor

Leia mais

Guia do Usuário. Portal Web: Foxwin-Acesso. Assunto: Guia do Usuário Portal Web. Produto: Foxwin-Acesso. Versão Doc.: 1.0

Guia do Usuário. Portal Web: Foxwin-Acesso. Assunto: Guia do Usuário Portal Web. Produto: Foxwin-Acesso. Versão Doc.: 1.0 Guia do Usuário Portal Web: Foxwin-Acesso Assunto: Guia do Usuário Portal Web Produto: Foxwin-Acesso Versão Doc.: 1.0 Data: 26/09/2017 ÍNDICE 1. Introdução ao Portal Web... 1 2. Solicitação do 1º acesso...

Leia mais

Manual do Sistema de Inscrições para o 25º SIICUSP. Pró-Reitoria de Pesquisa

Manual do Sistema de Inscrições para o 25º SIICUSP. Pró-Reitoria de Pesquisa Manual do Sistema de Inscrições para o 25º SIICUSP Pró-Reitoria de Pesquisa 2017 1 Sumário 1. Acesso de Aluno I. Acesso de Aluno Externo II. Acesso de Aluno USP III. Inscrição de Trabalho IV. Revisão do

Leia mais

PDE INTERATIVO 2013 MANUAL DE CADASTRO E GERENCIAMENTO DE USUÁRIOS

PDE INTERATIVO 2013 MANUAL DE CADASTRO E GERENCIAMENTO DE USUÁRIOS PDE INTERATIVO 2013 MANUAL DE CADASTRO E GERENCIAMENTO DE USUÁRIOS O cadastro dos usuários é a etapa que antecede a elaboração do PLANO DE DESENVOLVIMENTO DA ESCOLA, no PDE Interativo e precisa ser feito

Leia mais

Manual Balcão de Negócios para Usuários Administradores. Manual Balcão de Negócios para Usuários Administradores

Manual Balcão de Negócios para Usuários Administradores. Manual Balcão de Negócios para Usuários Administradores Manual Balcão de Negócios para AmazonIT Soluções em Tecnologia da Informação amazonit@amazonit.com.br (92) 3216-3884 3884 1 Funcionamento do Balcão de Negócios 2 Como entrar no balcão Para entrar no balcão

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO AO SISTEMA VISÃO DO FORNECEDOR V. 07/07/2016

MANUAL DO USUÁRIO AO SISTEMA VISÃO DO FORNECEDOR V. 07/07/2016 MANUAL DO USUÁRIO AO SISTEMA VISÃO DO FORNECEDOR V. 07/07/2016 ÍNDICE 1. SIGEC HOC APRESENTAÇÃO... 3 2. PRÉ-CADASTRO... 3 2.1. Gerar usuário e senha... 3 3. LOGIN NO SISTEMA PRÉ CADASTRO... 4 3.1. Recuperar

Leia mais

Pesquisa Atende Manual do Sistema 2017

Pesquisa Atende Manual do Sistema 2017 Pesquisa Atende Manual do Sistema 2017 SUMÁRIO Introdução: O que é o Pesquisa Atende? Selecione seu Perfil de Acesso: Docente Comissão de Pesquisa Remetente Externo Outras Instâncias de Aprovação (Presidente

Leia mais

MANUAL EXPLICATIVO DE MANUSEIO DAS EMPRESAS NA PLATAFORMA DO CONSUMIDOR.GOV

MANUAL EXPLICATIVO DE MANUSEIO DAS EMPRESAS NA PLATAFORMA DO CONSUMIDOR.GOV MANUAL EXPLICATIVO DE MANUSEIO DAS EMPRESAS NA PLATAFORMA DO CONSUMIDOR.GOV Após finalizar seu cadastro 1, caso o usuário queria acessar o sistema como representante da empresa, deve clicar no link Acesso

Leia mais

PROGRAMA ESPECIAL DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA DE PROFESSORES PARA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL MANUAL DO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM (AVA) TUTOR

PROGRAMA ESPECIAL DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA DE PROFESSORES PARA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL MANUAL DO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM (AVA) TUTOR PROGRAMA ESPECIAL DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA DE PROFESSORES PARA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL 2016 MANUAL DO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM (AVA) TUTOR Neste manual você encontrará tutoriais para as ferramentas

Leia mais

Novo Portal de Notas Fiscais

Novo Portal de Notas Fiscais Elektro Eletricidade e Serviços S.A. Rua Ary Antenor de Souza, 321, Jardim Nova América, CEP 13024-053 - Campinas/SP Novo Portal de Notas Fiscais Prezado fornecedor, Pensando na agilidade de atendimento

Leia mais

PORTAL DE COMPRAS PÚBLICAS GUIA DO ADMINISTRADOR PREGÃO ELETRÔNICO 07/JUNH0/2016

PORTAL DE COMPRAS PÚBLICAS GUIA DO ADMINISTRADOR PREGÃO ELETRÔNICO 07/JUNH0/2016 PORTAL DE COMPRAS PÚBLICAS GUIA DO ADMINISTRADOR PREGÃO ELETRÔNICO 07/JUNH0/2016 Versão 4.0 Ambiente de Homologação 07/06/2016 S U M Á R I O 1 APRESENTAÇÃO... 3 2 OBSERVAÇÕES IMPORTANTES... 3 3 SISTEMA...

Leia mais

SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE PROCESSOS PARA AVALIAÇÃO DO RSC

SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE PROCESSOS PARA AVALIAÇÃO DO RSC INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - DTI SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE PROCESSOS PARA AVALIAÇÃO

Leia mais

Manual Sistema de Gerenciamento dos Auxiliares da Justiça

Manual Sistema de Gerenciamento dos Auxiliares da Justiça 2016 Manual Sistema de Gerenciamento dos Auxiliares da Justiça MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE GERENCIAMENTO DOS AUXILIARES DA JUSTIÇA PÚBLICO EXTERNO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO STI

Leia mais

Agendamento de Entregas

Agendamento de Entregas Agendamento de Entregas MT-212-00143 - 2 Última Atualização 24/11/2014 I. Objetivos Após este módulo de capacitação você será capaz de: Solicitar um Agendamento de Entregas de Materiais; Acompanhar o andamento

Leia mais

SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA PROCEDIMENTOS VTWEB CLIENT PROCEDIMENTOS

SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA PROCEDIMENTOS VTWEB CLIENT PROCEDIMENTOS SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA PROCEDIMENTOS VTWEB CLIENT PROCEDIMENTOS Origem: ProUrbano Data de Criação: 22/03/2010 Ultima alteração: Versão: 1.3 Tipo de documento: PRO-V1. 0 Autor: Adriano

Leia mais

Aplicativo Mobile Usuário e Credenciada

Aplicativo Mobile Usuário e Credenciada Aplicativo Mobile Usuário e Credenciada Portal do Aplicativo O aplicativo conta com um portal web (http://app.valeshop.com.br/). No portal você encontra: links para download do aplicativo, mapa com rede

Leia mais