SEGUNDA REPÚBLICA A REVOLUÇÃO TRAÍDA GETÚLIO ASSUME E FICA A República Armada ( ) (Recapitulação)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SEGUNDA REPÚBLICA A REVOLUÇÃO TRAÍDA GETÚLIO ASSUME E FICA A República Armada ( ) (Recapitulação)"

Transcrição

1 Paulo Victorino SEGUNDA REPÚBLICA A REVOLUÇÃO TRAÍDA GETÚLIO ASSUME E FICA A República Armada ( ) (Recapitulação) A Proclamação da Independência (1822) - A Proclamação da República (1889) - Deodoro e Floriano ( ) - Revolução Federalista ( ) - Guerra de Canudos ( ) - Guerra da Vacina (1904) - A Revolta da Chibata (1910) - A Guerra do Contestado ( ) - A Revolta dos Tenentes (1922) - A Revolução Gaúcha (1923) - A Revolução Paulista (1924) - A Coluna Prestes ( ).

2 027 - O fim da Primeira República (1930) (República Velha) A marcha da Revolução - Imprevistos enfraquecem o comando - O levante no Rio Grande do Sul - O Cavalo de Troia - Relógios fora de sincronia - Do Sul, a marcha para o Rio de Janeiro - Do Nordeste, a marcha para o Sudeste - A Batalha de Itararé - Epílogo O naufrágio do "Titanic" (1930) (Um presidente é deposto) A Junta Militar - A interferência do Cardeal - O "Titanic"começa a afundar - O fim da Primeira República A revolução traída ( ) (Getúlio assume e fica) Instalação do novo governo (Junta Militar) - A participação popular da Revolução - As preocupações dos revolucionários - Faltava só um detalhe - A situação em São Paulo - A posse de Getúlio e as interventorias - Quem era Getúlio Vargas - Limpando a área (A Chefatura de Polícia) - Primeiras medidas do Governo - Recomposição das forças revolucionárias - O ataque ao "Diário Carioca" - O "empastelamento" do jornal.

3 063 - Revolução Constitucionalista (1932) (De São Paulo, para o Brasil) São Paulo queria separa-se do Brasil. Verdade? - As facções em confronto - Uma no cravo, outra na ferradura (a política de Getúlio Vargas) - O novo Código Eleitoral - Voltando ao caso de São Paulo (uma situação complicada) - Pela Constituição (os comícios) - A conspiração - Como tudo começou - O apoio esperado não vem - O fim da luta armada - Precisava haver revolução? Um sopro de democracia (1934) (A Constituição) Querem Constituinte? Toma Constituinte - Os representantes classistas - De volta ao passado - A eleição do Presidente - A sucessão ao governador de Minas - Solução à moda da casa - O caso do Estado do Rio de Janeiro - As eleições nos demais Estados A Intentona comunista (1935) (O que é fato e o que é boato) Um resumo dos acontecimentos - Os antecedentes - Ação Integralista Brasileira (AIB) - Aliança Nacional Libertadora (ANL) - A questão dos soldos militares - A questão dos cabos e sargentos - Conspiração em marcha - Getúlio sabia de tudo - Em Natal (Rio Grande do Norte), o movimento é antecipado - Recife (Pernambuco) seguiu na esteira de Natal - Tragédia na Praia Vermelha (Rio de Janeiro) - O outro lado da história.

4 119 - Vira, Vira, Vira... Virou! (1937) (A Constituição Descartável) O tribunal revolucionário - A ação policial - A caça aos "comunistas" - Prisão e julgamento de Prestes - Fechando o processo - Um novo capítulo na vida do país - Retrato de Góis Monteiro - A sucessão presidencial - O caso do Rio Grande do Sul - O candidato José Américo - O candidato Plínio Salgado - O candidato Armando de Sales - O Plano Cohen - Tudo está consumado O Levante (Putch) Integralista (1938) (Ataque ao Palácio Guanabara) Quem era Plínio Salgado - O golpe do Estado Novo - A Constituição do Estado Novo (Polaca) - A decepção dos Integralistas - Conspiração e Ação - Nem tudo deu certo - O levante, visto por Góis Monteiro - Reação aos ataques - Outra visão, de dentro do Palácio - Como se deu a invasão - A defesa improvisada - A espera angustiante - O desfecho, visto de dentro do Palácio - O destino dos revoltosos - Tratamentos diferenciados A Segunda Guerra Mundial ( ) (Posição do Brasil no conflito) A guerra começou com o acordo de paz - Inglaterra e França invadidas - Entre a cruz e a espada - O caso com a Inglaterra - O Brasil no sistema panamericano - A Quinta Coluna no Brasil - Nossos navios são bombardeados.

5 175 - Os "pracinhas" na guerra ( ) (A cobra fumou na Itália) Treinamento de oficiais - Mãos à obra - Nova vida em terra estranha - Prontos para a luta - A cobra está fumando - A FEB conhece sua primeira derrota - Primeiro ataque a Monte Castelo - Segundo ataque a Monte Castelo - Terceiro ataque a Monte Castelo - Enfim, Monte Castelo é nosso - Conquista de Castelnuovo - A tomada de Montese - Em Fornovo, a consagração - O desfecho da guerra Liberdade, ainda que tardia (O fim do Estado Novo) A trilha aberta pelos democratas - Manifesto dos Mineiros - Vencida a força da inércia - A entrevista de José Américo - Os movimentos conspiratórios - Simbiose entre Dutra e Góis - A Sociedade dos Amigos da América - Góis Monteiro volta ao Brasil - Góis e Dutra juntos outra vez - A outra face da conspiração - Os avanços registrados - A volta dos partidos políticos - A campanha eleitoral - O golpe que falhou - Os acontecimentos se precipitam - O desfecho - Considerações finais.

6

Crise econômica provocada pela quebra da bolsa de valores de Nova York 1929, O rompimento da república café-com-leite, com o apoio

Crise econômica provocada pela quebra da bolsa de valores de Nova York 1929, O rompimento da república café-com-leite, com o apoio A Era do populismo Professor: Márcio Gurgel Os antecedentes da revolução de 1930 o Crise econômica provocada pela quebra da bolsa de valores de Nova York 1929, o O rompimento da república café-com-leite,

Leia mais

Escola de Formação Política Miguel Arraes. Módulo I História da Formação Política Brasileira. Aula 3 O Pensamento Político Brasileiro

Escola de Formação Política Miguel Arraes. Módulo I História da Formação Política Brasileira. Aula 3 O Pensamento Político Brasileiro LINHA DO TEMPO Módulo I História da Formação Política Brasileira Aula 3 O Pensamento Político Brasileiro SEC XV SEC XVIII 1492 A chegada dos espanhóis na América Brasil Colônia (1500-1822) 1500 - A chegada

Leia mais

Era Vargas. Do Governo Provisório ao Estado Novo

Era Vargas. Do Governo Provisório ao Estado Novo Era Vargas Do Governo Provisório ao Estado Novo Períodos Governo provisório (1930-1934) Tomada de poder contra as oligarquias tradicionais Governo Constitucional (1934-1937) Período legalista entre dois

Leia mais

ola eu sou o Everton e vou falar do poder de vargas introdução vargas como era : o seu poder, como ele tomou posse e as tres fases politicas

ola eu sou o Everton e vou falar do poder de vargas introdução vargas como era : o seu poder, como ele tomou posse e as tres fases politicas ola eu sou o Everton e vou falar do poder de vargas introdução vargas como era : o seu poder, como ele tomou posse e as tres fases politicas O PODER DE VARGAS ERA : PROVISÓRIO, CONSTITUCIONAL e ESTADO

Leia mais

Revolução de 1930. Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições.

Revolução de 1930. Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições. Revolução de 1930 Revolução de 1930 Fatores: Crise de 1929. Movimento Tenentista. Resultado das eleições. Revolução de 1930 Responsável pelo fim da chamada Política café com leite Política café com leite

Leia mais

Era um oligarca Permaneceu 15 anos no poder Golpe de 30 Queda de Washington Luís Figura pública mais importante da história brasileira (sec.

Era um oligarca Permaneceu 15 anos no poder Golpe de 30 Queda de Washington Luís Figura pública mais importante da história brasileira (sec. Era Vargas (1930-1945) Getúlio Vargas Era um oligarca Permaneceu 15 anos no poder Golpe de 30 Queda de Washington Luís Figura pública mais importante da história brasileira (sec. XX) O governo de Vargas

Leia mais

História. Os primeiros anos da Era Vargas (1930-1937)

História. Os primeiros anos da Era Vargas (1930-1937) História Nono ano do ensino fundamental Escola José de Anchieta Os primeiros anos da Era Vargas (1930-1937) Reno Schmidt maio 2015 schmidt.reno@gmail.com renoschmidt.wordpress.com Onde estamos? Brasil

Leia mais

ERA VARGAS ( )

ERA VARGAS ( ) Antecedentes: ERA VARGAS (1930-1945) - República Oligárquica Crise política no Brasil - alternância entre São Paulo (maior economia) e Minas Gerais (maior colégio eleitoral) - (República do café com Leite)

Leia mais

Revisão República Brasileira

Revisão República Brasileira Revisão 2009 República Brasileira 09 Terminada a Segunda Guerra Mundial, o mundo descobriu horrorizado o assassinato de 6 milhões de judeus em campos de extermínio nazistas. O fato comoveu a opinião pública

Leia mais

PERÍODO COLONIAL

PERÍODO COLONIAL PERÍODO COLONIAL 1530-1808 POLÍTICA ADMINISTRATIVA 1º - SISTEMA DE CAPITANIAS HEREDITÁRIAS 1534-1548 2º SISTEMA DE GOVERNO GERAL 1548-1808 PERÍODO COLONIAL 1530-1808 ATIVIDADES ECONÔMICAS CICLO DO AÇÚCAR

Leia mais

32 q. Luís Farinha. O Reviralho. Revoltas Republicanas contra a Ditadura e o Estado Novo EDITORIAL ESTAMPA

32 q. Luís Farinha. O Reviralho. Revoltas Republicanas contra a Ditadura e o Estado Novo EDITORIAL ESTAMPA 32 q Luís Farinha O Reviralho Revoltas Republicanas contra a Ditadura e o Estado Novo 1926-1940 EDITORIAL ESTAMPA 1998 ÍNDICE NOTA PRÉVIA 13 INTRODUÇÃO 15 1. Porquê o estudo do tema? 15 2. Algumas considerações

Leia mais

1840 ATÉ 1889 POLÍTICA E MOVIMENTOS SOCIAIS PROF. FELIPE KLOVAN

1840 ATÉ 1889 POLÍTICA E MOVIMENTOS SOCIAIS PROF. FELIPE KLOVAN SEGUNDO REINADO 1840 ATÉ 1889 POLÍTICA E MOVIMENTOS SOCIAIS SEGUNDO REINADO Golpe da maioridade 1840 Novo gabinete do governo Liberal de curta existência. Conservadores retornam ainda no mesmo ano ao governo.

Leia mais

XVI. A Revolução de 1930

XVI. A Revolução de 1930 XVI. A Revolução de 1930 Queda da Bolsa de Valores de Nova York. A Crise do capitalismo e o Café. Desestruturação do poder tradicional. Consciência trabalhista. Problema de salário é caso de polícia. (Presidente

Leia mais

Brasil Republica parte 1 ( )

Brasil Republica parte 1 ( ) Brasil Republica parte 1 (1889-1945) O período que vai de 1889 a 1930 é conhecido como a República Velha. Este período da História do Brasil é marcado pelo domínio político das elites agrárias mineiras,

Leia mais

REPÚBLICA OLIGÁRQUICA - termo de origem grega governo dos melhores ou governo dos poucos,os mais ricos

REPÚBLICA OLIGÁRQUICA - termo de origem grega governo dos melhores ou governo dos poucos,os mais ricos REPÚBLICA OLIGÁRQUICA - termo de origem grega governo dos melhores ou governo dos poucos,os mais ricos A República Velha teve 13 Presidentes nesse período o poder foi dominado pela oligarquia cafeeira

Leia mais

Governo Provisório ( 1930/1934 ).

Governo Provisório ( 1930/1934 ). Aula 20 Era Vargas (1930/45) A chamada Era Vargas está dividida em três momentos: Governo Provisório, Governo Constitucional e Estado Novo. O período inaugurou um novo tipo de Estado, denominado Estado

Leia mais

O Império brasileiro participa da exposição Universal de Paris. 15 de junho Atentado contra d. Pedro II no Rio de Janeiro.

O Império brasileiro participa da exposição Universal de Paris. 15 de junho Atentado contra d. Pedro II no Rio de Janeiro. Cronologia 1889 O Império brasileiro participa da exposição Universal de Paris. 15 de junho Atentado contra d. Pedro II no Rio de Janeiro. 9 de novembro Baile da Ilha Fiscal. 15 de novembro Proclamação

Leia mais

BRASIL REPÚBLICA (1889 ) ERA VARGAS ( )

BRASIL REPÚBLICA (1889 ) ERA VARGAS ( ) PROF. JOÃO GABRIEL DA FONSECA joaogabriel_fonseca@hotmail.com ALIANÇA LIBERAL: MG, RS, PB Getúlio Vargas e João Pessoa (morto em 26/07/1930) PARTIDO REPUBLICANO PAULISTA: Júlio Prestes (SP) CONTEXTO EXTERNO:

Leia mais

História Rafael Av. Trimestral 09/04/14 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO

História Rafael Av. Trimestral 09/04/14 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 9º História Rafael Av. Trimestral 09/04/14 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1. Verifique, no cabeçalho desta prova, se seu nome, número e turma estão corretos. 2. Esta prova

Leia mais

TURMAS DE MEDICINA HISTÓRIA DO BRASIL PARA AS FACULDADES PARTICULARES. Professor Davidson Abdulah

TURMAS DE MEDICINA HISTÓRIA DO BRASIL PARA AS FACULDADES PARTICULARES. Professor Davidson Abdulah TURMAS DE MEDICINA HISTÓRIA DO BRASIL PARA AS FACULDADES PARTICULARES Professor Davidson Abdulah REINADO DE D. PEDRO I (1822-1831) POLÍTICA Reconhecimento da independência Guerras de consolidação territorial

Leia mais

BAILE DA ILHA FISCAL

BAILE DA ILHA FISCAL BAILE DA ILHA FISCAL A CAMINHO DA REPÚBLICA 1870 RIO DE JANEIRO fundação do Partido Republicano e lançamento do MANISFESTO REPUBLICANO por Quintino Bocaiúva SOMOS DA AMÉRICA E QUEREMOS SER AMERICANOS 1873

Leia mais

BRASIL REPÚBLICA (1889 ) ERA VARGAS ( ) Prof. David Nogueira

BRASIL REPÚBLICA (1889 ) ERA VARGAS ( ) Prof. David Nogueira O sistema oligárquico foi a base política da Primeira República (1889-1930). O poder era controlado por uma aliança entre as oligarquias paulista e mineira, que se expressava no revezamento de representantes

Leia mais

Avaliação da unidade II Pontuação: 7,5 pontos

Avaliação da unidade II Pontuação: 7,5 pontos Avaliação da unidade II Pontuação: 7,5 pontos QUESTÃO 01 (1,0 ponto) A Segunda Grande Guerra (1939-1945), a partir de 7 de dezembro de 1941, adquire um caráter mundial quando os a) ( ) russos tomam a iniciativa

Leia mais

Colégio Santa Dorotéia

Colégio Santa Dorotéia Colégio Santa Dorotéia Tema Transversal: Casa comum, nossa responsabilidade. Disciplina: História / ORIENTAÇÃO DE ESTUDOS - RECUPERAÇÃO Série: 5ª - Ensino Fundamental Aluno(a): N o : Turma: Professora:

Leia mais

dispunha sobre os poderes constituintes do Parlamento que seria eleito a 2 de Dezembro de 1945 e renomeava o Conselho Federal, que foi novamente chamado de Senado Federal. A dispunha sobre a proclamação

Leia mais

Era Vargas Prof. Lincoln Marques

Era Vargas Prof. Lincoln Marques Era Vargas 1930-1945 Prof. Lincoln Marques A dissidência oligárquica e a Aliança Liberal Aliança Liberal: Washington Luís rompe com esquema café-com-leite e lança candidato paulista (Júlio Prestes). Oligarquia

Leia mais

INTEIRATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA. AULA 11.1 Conteúdo: Anos 60 e Golpe Militar no Brasil

INTEIRATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA. AULA 11.1 Conteúdo: Anos 60 e Golpe Militar no Brasil 11.1 Conteúdo: Anos 60 e Golpe Militar no Brasil Habilidades: Analisar o contexto da década de 1960 no Brasil e o golpe civil-militar Governo Jânio Quadros (1961) Ascensão muito rápida na política Estilo

Leia mais

História 5 o ano Unidade 7

História 5 o ano Unidade 7 História 5 o ano Unidade 7 Nome: Unidade 7 Data: 1. A Revolução de 1930 ocorreu: ( ) durante a construção de Brasília. ( ) durante as eleições para a presidência do Brasil naquele ano. ( ) logo após a

Leia mais

REVOLUÇÃO FRANCESA. Professor Marcelo Pitana

REVOLUÇÃO FRANCESA. Professor Marcelo Pitana REVOLUÇÃO FRANCESA Professor Marcelo Pitana REVOLUÇÃO FRANCESA (1789 Queda da Bastilha) Antecedentes: - Ideais iluministas (liberais); - Abuso de poder da nobreza; - Pompa das cortes; - Déficit orçamentário;

Leia mais

O movimento integralista em petrópolis ( ) Alexandre Luís de Oliveira* Leandro Pereira Gonçalves**

O movimento integralista em petrópolis ( ) Alexandre Luís de Oliveira* Leandro Pereira Gonçalves** O movimento integralista em petrópolis (1933-1938) Alexandre Luís de Oliveira* Leandro Pereira Gonçalves** RESUMO status Palavras-chave: ABSTRACT 295 Keywords: 1 INTRODUÇÃO 296 Tribuna de Petrópolis, Jornal

Leia mais

UDESC 2016/2 HISTÓRIA. Comentário

UDESC 2016/2 HISTÓRIA. Comentário HISTÓRIA Questão tratou sobre movimentos que emergiram nos EUA dos anos 1960 e suas consequências na Europa e até mesmo no Brasil. I. Verdadeira. 1 II. Falsa. Os movimentos LGBT ocorreram a partir dos

Leia mais

BRASIL IMPÉRIO. Primeiro e Segundo Reinados. Prof. Rodrigo Toledo

BRASIL IMPÉRIO. Primeiro e Segundo Reinados. Prof. Rodrigo Toledo BRASIL IMPÉRIO Primeiro e Segundo Reinados Prof. Rodrigo Toledo PRIMEIRO REINADO Definição O primeiro Reinado do Brasil é o nome dado ao período em que D. Pedro I governou o Brasil como Imperador, entre

Leia mais

SUMÁRIO. Prefácio 19 Apresentação 22 Introdução 25 O que é Conscienciologia 31 JK HOMO SAPIENS AGENS A família Kubitschek de Oliveira 36

SUMÁRIO. Prefácio 19 Apresentação 22 Introdução 25 O que é Conscienciologia 31 JK HOMO SAPIENS AGENS A família Kubitschek de Oliveira 36 SUMÁRIO Prefácio 19 Apresentação 22 Introdução 25 O que é Conscienciologia 31 JK HOMO SAPIENS AGENS 35 01. A família Kubitschek de Oliveira 36 02. Na infância: maturidade precoce 40 03. Na juventude: senso

Leia mais

O grande silêncio aliado a revolta quanto ao resultado das eleições em Barra do Corda

O grande silêncio aliado a revolta quanto ao resultado das eleições em Barra do Corda O grande silêncio aliado a revolta quanto ao resultado das eleições em Barra do Corda Barra do Corda participou de um processo eleitoral neste ano de 2016 como nunca visto antes na história do município.

Leia mais

Segundo Reinado Guerra do Paraguai

Segundo Reinado Guerra do Paraguai Segundo Reinado Segundo Reinado Guerra do Paraguai A Guerra do Paraguai foi o maior conflito armado internacional ocorrido na América do Sul no século 19. Rivalidades platinas e a formação de Estados nacionais

Leia mais

Curso: Direito Constitucional I. Professor: Rosano Pierre Maieto

Curso: Direito Constitucional I. Professor: Rosano Pierre Maieto Tribunal de Contas do Município de São Paulo Escola Superior de Gestão e Contas Públicas Conselheiro Eurípedes Sales Curso: Direito Constitucional I Aula 1 História das Constituições Brasileiras Professor:

Leia mais

EMENTA ESCOLAR II Trimestre Ano 2016

EMENTA ESCOLAR II Trimestre Ano 2016 EMENTA ESCOLAR II Trimestre Ano 2016 Disciplina: História Professor: Rodrigo Bento Turma: 9º ano Ensino Fundamental II Data Conteúdo 16/maio CAPITULO VI A GRANDE DEPRESSÃO, O FASCISMO E O NAZISMO O fascismo

Leia mais

Período Democrático e o Golpe de 64

Período Democrático e o Golpe de 64 Período Democrático e o Golpe de 64 GUERRA FRIA (1945 1990) Estados Unidos X União Soviética Capitalismo X Socialismo Governo de Eurico Gaspar Dutra (1946 1950) Período do início da Guerra Fria Rompimento

Leia mais

República Velha ( ) - Proclamação da República em 15 de novembro de A monarquia é derrubada.

República Velha ( ) - Proclamação da República em 15 de novembro de A monarquia é derrubada. República Velha (1889-1930) - Proclamação da República em 15 de novembro de 1889. A monarquia é derrubada. - A República da Espada abrange os governos dos marechais Deodoro da Fonseca e Floriano Peixoto.

Leia mais

ROF.º OTTO TERRA BRASIL: 1º REINADO ( )

ROF.º OTTO TERRA BRASIL: 1º REINADO ( ) ROF.º OTTO TERRA BRASIL: 1º REINADO (1822-1831) Jean Baptiste Debret O RECONHECIMENTO INTERNACIONAL DO BRASIL INDEPENDENTE Estados Unidos da América A Doutrina Monroe (A América para os americanos )

Leia mais

Escola de Formação Política Miguel Arraes. Módulo I História da Formação Política Brasileira. Aula 2 A História do Brasil numa dimensão ética

Escola de Formação Política Miguel Arraes. Módulo I História da Formação Política Brasileira. Aula 2 A História do Brasil numa dimensão ética LINHA DO TEMPO Módulo I História da Formação Política Brasileira Aula 2 A História do Brasil numa dimensão ética SEC XV SEC XVIII 1492 A chegada dos espanhóis na América Brasil Colônia (1500-1822) 1500

Leia mais

Declínio das Oligarquias ( )

Declínio das Oligarquias ( ) Aula 37e 38 A República Oligárquica (1889-1930) Primeiros abalos do Regime Oligárquico (1909-1919) Setor 1601 1 A Presidência de Wenceslau Brás (1914-1918) 2 Novas Forças Socioeconômicas e Políticas 3

Leia mais

A realidade do operariado, Os movimentos sociais, 35

A realidade do operariado, Os movimentos sociais, 35 SUMÁRIO Introdução O que estudamos no 8 o ano 12 1. A burguesia no poder, 13 2. O Iluminismo, 13 3. A era das máquinas, 14 4. Nascem os Estados Unidos da América, 15 5. Lutas pela independência na América

Leia mais

Planejamento das Aulas de História º ano (Prof. Leandro)

Planejamento das Aulas de História º ano (Prof. Leandro) Planejamento das Aulas de História 2016 8º ano (Prof. Leandro) Fevereiro Aula Programada (As tensões na Colônia) Páginas Tarefa 1 As tensões na Colônia 10 e 11 Mapa Mental 2 A viradeira 12 Exerc. 1 a 5

Leia mais

2- POR QUE a família real portuguesa se mudou, em 1808, para sua colônia na

2- POR QUE a família real portuguesa se mudou, em 1808, para sua colônia na Atividade de Estudo Geo/História 5º ano Nome: 1- LIGUE os itens abaixo corretamente. 2- POR QUE a família real portuguesa se mudou, em 1808, para sua colônia na América? 3- ASSINALE as afirmativas erradas

Leia mais

A REDEMOCRATIZAÇÃO DO BRASIL ( )

A REDEMOCRATIZAÇÃO DO BRASIL ( ) A REDEMOCRATIZAÇÃO DO BRASIL (1945--1964) CENÁRIO POLÍTICO BRASILEIRO ENTRE 1945-1964 -Principais partidos políticos: *PSD:Partido Social Democrático.(JK) *UDN:União Democrática Nacional;(Jânio) *PTB:Partido

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN. b) Cite duas características do Estado Novo. Resposta: Ditadura, censura, nacionalismo, etc.

CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN. b) Cite duas características do Estado Novo. Resposta: Ditadura, censura, nacionalismo, etc. 2ª série Ens. Médio EXERCÍCIOS DE MONITORIA HISTÓRIA - OBJETIVA Professora: Higor David Lopes Prucoli 1. (Fuvest 1987) Como se expressa a ação do governo na economia brasileira no período do Estado Novo?

Leia mais

Guerra de Canudos foi uma revolta social ocorrida durante o governo de Prudente de Morais entre

Guerra de Canudos foi uma revolta social ocorrida durante o governo de Prudente de Morais entre Guerra de Canudos foi uma revolta social ocorrida durante o governo de Prudente de Morais entre 1893-1897 Onde aconteceu? Canudos um povoado no sertão da Bahia Arraial de Canudos Se a situação do Nordeste

Leia mais

[25 de Abril: Dia da Liberdade / 25. April: Nelkenrevolution]

[25 de Abril: Dia da Liberdade / 25. April: Nelkenrevolution] [25 de Abril: Dia da Liberdade / 25. April: Nelkenrevolution] 1. Observa as seguintes imagens. O que te sugerem? 2. Completa a seguinte frase. Para mim, a liberdade é II. 1. Lê atentamente o seguinte texto.

Leia mais

República Populista ( ) Profª Ms. Ariane Pereira

República Populista ( ) Profª Ms. Ariane Pereira República Populista (1945-1964) Profª Ms. Ariane Pereira O populismo na América Latina Brasil: Getúlio Vargas; Argentina: Perón; México: Cárdenas; Semelhança: política de conciliação de classes sociais

Leia mais

Associação Catarinense das Fundações Educacionais ACAFE PARECER RECURSO DISCIPLINA HISTÓRIA

Associação Catarinense das Fundações Educacionais ACAFE PARECER RECURSO DISCIPLINA HISTÓRIA 48) A OMS (Organização Mundial da Saúde) é uma das principais instituições do sistema ONU. Acerca dos problemas globais que envolvem a obesidade e as doenças dela decorrentes, todas as afirmações estão

Leia mais

REVOLUÇÃO FRANCESA MCC

REVOLUÇÃO FRANCESA MCC REVOLUÇÃO FRANCESA MCC REVOLUÇÃO FRANCESA. MOVIMENTO BURGUÊS França antes da revolução TEVE APOIO DO POVO Monarquia absolutista Economia capitalista.(costumes feudais) sociedade estamental. 1º Estado-

Leia mais

História 5 o ano Unidade 8

História 5 o ano Unidade 8 História 5 o ano Unidade 8 Nome: Unidade 8 Data: 1. Marque com um X as frases incorretas sobre a ditadura militar no Brasil. Em seguida, reescreva-as corretamente. ( ) durante a ditadura muitos partidos

Leia mais

CRISE E RUPTURA NA REPÚBLICA VELHA. Os últimos anos da República Velha

CRISE E RUPTURA NA REPÚBLICA VELHA. Os últimos anos da República Velha CRISE E RUPTURA NA REPÚBLICA VELHA Os últimos anos da República Velha Década de 1920 Brasil - as cidades cresciam e desenvolviam * Nos grandes centros urbanos, as ruas eram bem movimentadas, as pessoas

Leia mais

Prof. Thiago Oliveira

Prof. Thiago Oliveira Prof. Thiago Oliveira Depois da 2ª Guerra Mundial o Brasil passou por um período de grandes transformações no campo da política, economia e sociedade, superando o Estado Novo de Getúlio e experimentando

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE RONDÔNIA

TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE RONDÔNIA PATRULHA ELEITORAL TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE RONDÔNIA O Brasil tornou-se uma República em 1889, quando um golpe militar liderado pelo Marechal Deodoro da Fonseca tirou D. Pedro II do poder. No Brasil,

Leia mais

Uso contínuo preocupa Forças Armadas

Uso contínuo preocupa Forças Armadas Uso contínuo preocupa Forças Armadas BRASÍLIA Quando se fala de Exército, normalmente se pensa no combate a um elemento externo. No entanto, mais e mais as tropas federais vêm sendo chamadas para ações

Leia mais

Os anos 30: as incertezas do regime

Os anos 30: as incertezas do regime Os anos 30: as incertezas do regime Dulce Chaves Pandolfi* No dia 10 de novembro de 1937, o presidente da República Getulio Vargas, que havia assumido o poder em 1930, reuniu seu ministério e diante dos

Leia mais

Transição da condição colonial para o país livre

Transição da condição colonial para o país livre CUBA Transição da condição colonial para o país livre Cuba era uma ilha habitada por povos indígenas quando tornou-se uma colônia da Espanha em 1509. Após o esgotamento dos metais preciosos, a exploração

Leia mais

Alunos: Marco A. e Lucas Balparda Professora: Rafaela Turma: 992

Alunos: Marco A. e Lucas Balparda Professora: Rafaela Turma: 992 Alunos: Marco A. e Lucas Balparda Professora: Rafaela Turma: 992 O que foi? Foi o confronto entre o Exército Brasileiro e os integrantes de um movimento popular de fundo sócio-religioso liderado por Antônio

Leia mais

ILUMINISMO LUZ DA RAZÃO CONTRA AS TREVAS DA IGNORÂNCIA

ILUMINISMO LUZ DA RAZÃO CONTRA AS TREVAS DA IGNORÂNCIA ILUMINISMO LUZ DA RAZÃO CONTRA AS TREVAS DA IGNORÂNCIA Conceito: O Iluminismo foi um movimento ideológico do século XVIII, que defendeu a liberdade de expressão e o fim de todo regime opressor. O Iluminismo

Leia mais

REVOLUÇÃO AMERICANA

REVOLUÇÃO AMERICANA REVOLUÇÃO AMERICANA 1776-1781 CONTEXTO Crise do Antigo Regime na América. Expansão dos ideais Iluministas. Liberalismo político e econômico. Crítica ao Sistema Colonial Consolidação do Estado Burguês na

Leia mais

A REPÚBLICA ARMADA (DE DEODORO A WASHINGTON LUÍS)

A REPÚBLICA ARMADA (DE DEODORO A WASHINGTON LUÍS) 1 1889-1930 - PRIMEIRA REPÚBLICA A REPÚBLICA ARMADA (DE DEODORO A WASHINGTON LUÍS) 008 1889 - Assim nascia a República Antecedentes - A Abolição da Escravatura - A Questão Religiosa - A Questão Militar

Leia mais

História. Era Vargas. Professor Cássio Albernaz.

História. Era Vargas. Professor Cássio Albernaz. História Era Vargas Professor Cássio Albernaz www.acasadoconcurseiro.com.br História ERA VARGAS A Revolução de 1930 Eleição de 1930: a Aliança Liberal Durante a campanha pela sucessão Washington Luís

Leia mais

Século XVIII. Revolução francesa: o fim da Idade Moderna

Século XVIII. Revolução francesa: o fim da Idade Moderna Século XVIII Revolução francesa: o fim da Idade Moderna Marco inicial: tomada da Bastilha Assembleia Nacional Consituinte 1789-1792 Nova Constituição (liberal) para a França; Alta burguesia assume o comando

Leia mais

A República das Oligarquias

A República das Oligarquias A República das Oligarquias MÓDULO 08 - BRASIL Prof. Alan Carlos Ghedini www.inventandohistoria.com O que foi? Primeira fase civil da República, foi marcada por um domínio hegemônico do Partido Republicano

Leia mais

MOVIMENTOS SOCIAIS DA PRIMEIRA REPÚBLICA ( )

MOVIMENTOS SOCIAIS DA PRIMEIRA REPÚBLICA ( ) VÍDEOAULAS MOVIMENTOS SOCIAIS DA PRIMEIRA REPÚBLICA (1889 1930) - PROF. JOÃO GABRIEL DA FONSECA joaogabriel_fonseca@hotmail.com Conflitos sociais: Movimentos Messiânicos: Líderes religiosos. Guerra de

Leia mais

ERA VARGAS:

ERA VARGAS: Natal, RN / /2015 ALUNO: Nº SÉRIE/ANO: TURMA: TURNO: 9 M/V DISCIPLINA: TIPO DE ATIVIDADE: PROFESSOR(A): HISTÓRIA TEXTO COMPLEMENTAR 3º Trimestre DAIANNE ERA VARGAS: 1930-1945 I - GOVERNO PROVISÓRIO (1930-1934):

Leia mais

A nova centralização: o Estado Novo - II

A nova centralização: o Estado Novo - II A nova centralização: o Estado Novo - II A UU L AL A Na aula anterior, você viu como Getúlio Vargas organizou o regime do Estado Novo, em sua face política, cultural e social. Nesta aula, você verá em

Leia mais

QUARTA CONSTITUIÇÃO (A CONSTITUIÇÃO DO ESTADO NOVO)

QUARTA CONSTITUIÇÃO (A CONSTITUIÇÃO DO ESTADO NOVO) QUARTA CONSTITUIÇÃO (A CONSTITUIÇÃO DO ESTADO NOVO) NOME...Constituição dos Estados Unidos do Brasil DATA...10 de Novembro de 1937 ORIGEM...Outorgada DURAÇÃO...9 anos PREÂMBULO O Presidente da República

Leia mais

A República Oligárquica ( ): O Declínio das Oligarquias ( ) A Era Vargas ( ): O Processo de Industrialização

A República Oligárquica ( ): O Declínio das Oligarquias ( ) A Era Vargas ( ): O Processo de Industrialização Aula 39 e 40 A República Oligárquica (1889-1930): A Era Vargas (1930-1945): O Processo de Industrialização Setor 1601 1 A Presidência de Artur Bernardes (1922-1926) 2 A Presidência Washington Luís (1926-1930)

Leia mais

INTEIRATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA. AULA 7.1 Conteúdo: Era Vargas II

INTEIRATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA. AULA 7.1 Conteúdo: Era Vargas II 7.1 Conteúdo: Era Vargas II Habilidades: Contextualizar governo Vargas durante seu segundo mandato como Presidente A Volta da Democracia: Constituição de 1946; Influências da Guerra Fria; Marechal Dutra

Leia mais

Nota à 14 a Edição... 11 Introdução... 13

Nota à 14 a Edição... 11 Introdução... 13 sumário Nota à 14 a Edição................................................ 11 Introdução..................................................... 13 1. As Causas da Expansão Marítima e a Chegada dos Portugueses

Leia mais

Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados, a morte do ínclito jurista Miguel Reale, paulista de São Bento do Sapucaí, é lamentada pelo PRONA e

Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados, a morte do ínclito jurista Miguel Reale, paulista de São Bento do Sapucaí, é lamentada pelo PRONA e Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados, a morte do ínclito jurista Miguel Reale, paulista de São Bento do Sapucaí, é lamentada pelo PRONA e por muitas personalidades do mundo do Direito, da Política

Leia mais

Eleições Municipais Resultados das Eleições no 1º Turno

Eleições Municipais Resultados das Eleições no 1º Turno Eleições Municipais Resultados das Eleições no 1º Turno A Confederação Nacional de Municípios (CNM) dando seguimento a seus Estudos sobre as eleições municipais de 2016, apresenta os números dos candidatos

Leia mais

PRIMEIRA REPÚBLICA (1889-1930) * República da Espada (1889-1894) - militares no poder * República Oligárquica (1894-1930) cafeicultores no poder.

PRIMEIRA REPÚBLICA (1889-1930) * República da Espada (1889-1894) - militares no poder * República Oligárquica (1894-1930) cafeicultores no poder. PRIMEIRA REPÚBLICA (1889-1930) * República da Espada (1889-1894) - militares no poder * República Oligárquica (1894-1930) cafeicultores no poder. Vai da proclamação da República até a ascensão de Getúlio

Leia mais

HISTÓRIA 3 ANO PROF. AMAURY PIO PROF. EDUARDO GOMES ENSINO MÉDIO

HISTÓRIA 3 ANO PROF. AMAURY PIO PROF. EDUARDO GOMES ENSINO MÉDIO HISTÓRIA 3 ANO PROF. AMAURY PIO PROF. EDUARDO GOMES ENSINO MÉDIO CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade II A Guerra Fria e seu Contexto. 2 CONTEÚDOS E HABILIDADES Aula 6.2 Conteúdo II Guerra Mundial - causas.

Leia mais

À GLORIA DO SUPREMO ARQUITETO DO UNIVERSO. Peça de Arquitetura. A participação da Maçonaria e dos Maçons no Movimento Republicano. Antônio Carlos Rios

À GLORIA DO SUPREMO ARQUITETO DO UNIVERSO. Peça de Arquitetura. A participação da Maçonaria e dos Maçons no Movimento Republicano. Antônio Carlos Rios À GLORIA DO SUPREMO ARQUITETO DO UNIVERSO Peça de Arquitetura A participação da Maçonaria e dos Maçons no Movimento Republicano Antônio Carlos Rios Marechal Deodoro da Fonseca Iniciado na Maçonaria em

Leia mais

Era Vargas: mudando os rumos da história

Era Vargas: mudando os rumos da história Era Vargas: mudando os rumos da história Conteúdos que serão abordados: O início da era Vargas; Crise na República Velha; 1930: Golpe ou Revolução?; Governo ConsDtucional; Direita X Esquerda; Golpe de

Leia mais

TESTE DE AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL

TESTE DE AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL Agrupamento de Escolas de Arraiolos Escola EB 2,3/S Cunha Rivara de Arraiolos Ano Lectivo 2009/2010 HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL 6º Ano Teste de Avaliação nº 5 TESTE DE AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA

Leia mais

Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo FESPSP PROGRAMA DE DISCIPLINA

Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo FESPSP PROGRAMA DE DISCIPLINA 1 Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo FESPSP PROGRAMA DE DISCIPLINA No equilíbrio entre as várias partes do livro, dei maior peso à fase que se inicia nos fins do século XIX e vai até

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2016 ENSINO FUNDAMENTAL

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2016 ENSINO FUNDAMENTAL PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2016 ENSINO FUNDAMENTAL Professor(a): Eliza Muzzolon Ano/Turma(s): 9 A Disciplina: HISTÓRIA 1º TRIMESTRE - Dominação e resistência. - Industrialização e Imperialismo - A Primeira

Leia mais

REPÚBLICA VELHA (1889 1930) Disciplina: História. Professora: Daianne. Série: 9º ano.

REPÚBLICA VELHA (1889 1930) Disciplina: História. Professora: Daianne. Série: 9º ano. REPÚBLICA VELHA (1889 1930) Disciplina: História. Professora: Daianne. Série: 9º ano. PROJETOS DE REPÚBLICA MILITARES Relutava em convocar eleições para a Assembleia Constituinte; Queria um governo forte,

Leia mais

PROVA BIMESTRAL História

PROVA BIMESTRAL História 9 o ano 2 o bimestre PROVA BIMESTRAL História Escola: Nome: Turma: n o : Sobre a Revolução Russa de 1917, leia o texto a seguir e responda às questões 1 e 2. A reivindicação básica dos pobres da cidade

Leia mais

O Brasil e do Mundo. Professor Ulisses Mauro Lima historiaula.wordpress.com. (1918 e 1945) 1ª. Parte

O Brasil e do Mundo. Professor Ulisses Mauro Lima historiaula.wordpress.com. (1918 e 1945) 1ª. Parte O Brasil e do Mundo Professor Ulisses Mauro Lima historiaula.wordpress.com (1918 e 1945) 1ª. Parte Quando tudo começou... 1918 11 de novembro A Alemanha assina o armistício que põe fim a I Guerra Mundial;

Leia mais

Avaliação da unidade II Pontuação: 7,5 pontos

Avaliação da unidade II Pontuação: 7,5 pontos Avaliação da unidade II Pontuação: 7,5 pontos QUESTÃO 01 Descreva as principais características do populismo no Brasil: (valor 1,0) QUESTÃO 02 Após a Segunda Guerra Mundial, consolidou-se uma ordem político-econômica

Leia mais

DINÂMICA LOCAL INTERATIVA INTERATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES GEOGRAFIA AULA. Conteúdo: Geopolítica e Conflitos Entre os Séculos XIX e XX

DINÂMICA LOCAL INTERATIVA INTERATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES GEOGRAFIA AULA. Conteúdo: Geopolítica e Conflitos Entre os Séculos XIX e XX Conteúdo: Geopolítica e Conflitos Entre os Séculos XIX e XX Habilidade: Analisar a interferência na organização dos territórios a partir das guerras mundiais. Geopolítica e Território A Europa foi cenário

Leia mais

REVOLTAS DURANTE A REPÚBLICA VELHA

REVOLTAS DURANTE A REPÚBLICA VELHA REVOLTAS DURANTE A REPÚBLICA VELHA Unidade 2, Tema 2 e 3. Págs. 50 53 Personagem. Pág. 55 e 64 Ampliando Conhecimentos. Págs. 60-61 Conceitos Históricos. Pág. 65 Em foco. Págs. 66-71 GUERRA DE CANUDOS

Leia mais

História. divulgação. Comparativos curriculares. Material de. A coleção Ser Protagonista História e o currículo do Estado do Paraná.

História. divulgação. Comparativos curriculares. Material de. A coleção Ser Protagonista História e o currículo do Estado do Paraná. Comparativos curriculares SM História Ensino médio Material de divulgação de Edições SM A coleção Ser Protagonista História e o currículo do Estado do Paraná Apresentação Professor, Devido à inexistência

Leia mais

O CONSTITUCIONALISMO BRASILEIRO

O CONSTITUCIONALISMO BRASILEIRO O CONSTITUCIONALISMO BRASILEIRO Sumário Informações ao leitor...19 Capítulo I - SÍNTESE HISTÓRICA 1. Número de Constituições...25 2. Condições em que surgiu cada Constituição 2.1. Fase monárquica...25

Leia mais

Professores indicam dez livros para entender o golpe de 1964 e a ditadura

Professores indicam dez livros para entender o golpe de 1964 e a ditadura G1 - Portal de Notícias da Globo - SP 30/03/2014-13:02 Professores indicam dez livros para entender o golpe de 1964 e a ditadura A pedido do G1, pesquisadores listaram obras essenciais sobre o período.

Leia mais

29 A ordem liberal-democrática

29 A ordem liberal-democrática A U A UL LA A ordem liberal-democrática Abertura Na aula passada vimos que, em 1945, Vargas convocou eleições para a presidência da República. Mas o regime do Estado Novo chegou ao fim antes que elas se

Leia mais

AS INVASÕES NAPOLEONICAS DESDE A IDA DA FAMÍLIA REAL PARA 0 BRASIL ÀS LINHAS DE TORRES

AS INVASÕES NAPOLEONICAS DESDE A IDA DA FAMÍLIA REAL PARA 0 BRASIL ÀS LINHAS DE TORRES JOSÉ CUSTÓDIO MADALENO GERALDO SUB Hamburg A/561137 AS INVASÕES NAPOLEONICAS DESDE A IDA DA FAMÍLIA REAL PARA 0 BRASIL ÀS LINHAS DE TORRES 1807-1811 e d i t o r a ÍNDICE AGRADECIMENTOS 17 PRINCIPAIS SIGLAS

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO

INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 2º EM História Carol Av. Trimestral 27/05/15 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1. Verifique, no cabeçalho desta prova, se seu nome, número e turma estão corretos. 2. Esta prova

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE NOVO REPARTIMENTO

CÂMARA MUNICIPAL DE NOVO REPARTIMENTO CÂMARA MUNICIPAL DE NOVO REPARTIMENTO A Câmara Municipal, Câmara de Vereadores, ou Câmara Legislativa é o órgão legislativo da administração dos municípios, configurando-se como a assembleia de representantes

Leia mais

A ERA VARGAS 1930 A 1945

A ERA VARGAS 1930 A 1945 A ERA VARGAS 1930 A 1945 Quais foram as consequências da Revolução de 1930 Chegada da Aliança Liberal ao poder Fim da Política do Café com Leite As oligarquias dissidentes queriam participar do governo,

Leia mais

Revolução Russa 1917

Revolução Russa 1917 Revolução Russa 1917 1 A RÚSSIA PRÉ-REVOLUCIONÁRIA Economia Predominantemente rural (latifúndios) com vestígios do feudalismo, muito atrasado economicamente. Mais da metade do capital russo provinha de

Leia mais

BRASIL IMPÉRIO REVOLTAS REGENCIAIS. Professor: Edson Martins

BRASIL IMPÉRIO REVOLTAS REGENCIAIS. Professor: Edson Martins BRASIL IMPÉRIO REVOLTAS REGENCIAIS Professor: Edson Martins Cabanagem (1835 1840) A rebelião explodiu no Pará Causas: revolta dos liberais contra o presidente nomeado pelo governo regencial situação de

Leia mais

Pena de Morte: Devemos ou não defendê-la?

Pena de Morte: Devemos ou não defendê-la? BuscaLegis.ccj.ufsc.br Pena de Morte: Devemos ou não defendê-la? *Roberto Ramalho A pena de morte é um tema bastante controverso entre os estudiosos do Direito, da Criminologia, da Sociologia, da Medicina

Leia mais