DO-IN MASSAGENS. segunda edição, revista e ampliada WAKASARI TAKAONO DO-IN ALIVIANDO A DOR COM A PRESSÃO DOS DEDOS CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO NA FONTE

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DO-IN MASSAGENS. segunda edição, revista e ampliada WAKASARI TAKAONO DO-IN ALIVIANDO A DOR COM A PRESSÃO DOS DEDOS CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO NA FONTE"

Transcrição

1 DO-IN MASSAGENS segunda edição, revista e ampliada WAKASARI TAKAONO DO-IN ALIVIANDO A DOR COM A PRESSÃO DOS DEDOS CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO NA FONTE BIBLIOTECÁRIA RESPONSÁVEL: Eliane Gonçalves CRB-10/796 T136d TAKAONO, Wakasari Do-in : aliviando a dor com a pressão dos dedos! Wakasari Takaono. 2 ed. - Porto Alegre : Rígel, 1992

2 176 p. : ii. 1.Massagens. I.Título CDU ISBN ÍNDICES PARA CATÁLOGO SISTEMÁTICO Massagens MASSAGENS EDITORA RIGel Dores no pescoço 75 Dores nas costas 78 Dores nos rins 81 Dor ciática 84 Dores dos ombros 87 Dores do cotovelo 89 Dores do pulso 91 Dor nos quadris 93

3 Dores do joelho 95 Dores no tornozelo 98 Dores das pernas 101 Cãimbras 104 Nervosismo 106 Tremor e timidez 107 Insônia 110 Vertigens 113 Erupções na pele 115 Distúrbios da memória 117 SEGUNDA PARTE 119 As doenças funcionais 119 A fadiga e a falta de forças 121 Anemia 125 Esgotamento nervoso 128 Distúrbios na esfera sexual 130 Distúrbios do apetite 134 Fumo - álcool 137 Embriaguez 140 Síncope 142 Convulsões 144 Febre 146 Excesso de peso 149 Úlcera Crises do fígado 153 Distúrbios das vias urinárias 155

4 Dores da bexiga 158 Asma 161 Tosse 163 Distúrbios do ciclo menstrual 166 Dores cardíacas 169 Pé direito 171 Pé esquerdo 172 Conclusão 173 APRESENTAÇÃO Esta obra pretende demonstrar a importância que pode ser atribuida no dia-a-dia aos recursos naturais de nosso próprio corpo. Embora constantemente tenhamos a impressão de que o organismo humano é demasiado frágil, alvo fácil de todas as doenças e males, isto não é verdade. Os orientais ensinam, pelo contrário, que o corpo humano possui várias chaves naturais para o restabelecimento da saúde. Trata-se de pontos ou zonas, descobertas pelos chineses em tempos remotos, que têm propriedades verdadeiramente maravilhosas. O do-in é a milenar técnica oriental de estimular e canalizar a energia positiva através destes pontos ou zonas. Através da pressão dos dedos, rezam os ensinamentos desta disciplina, é possível aliviar a dor e o próprio corpo do cansaço e das energias negativas.

5 Assim como a medicina popular em nosso país se utiliza das plantas para restabelecer a saúde do organismo, no Oriente os pontos do corpo e os próprios dedos podem ser um poderoso remédio. Recomendamos que se faça bom uso dos procedimentos e técnicas descritos aqui. É preciso, sobretudo, não exagerar e nem descuidar dos exercícios e massagens. Assim, também, é muito importante que as dores persistentes e os problemas mais graves sejam resolvidos por um médico devidamente habilitado. Freqüentemente uma pequena dor pode ser o sintoma de uma doença oculta, e só um especialista poderá descobri-la. De resto, desejamos que nossos leitores desfrutem com sabedoria e satisfação de nossos ensinamentos. INTRODUÇÃO HISTÓRICA A MEDICINA ORIENTAL Mesmo nestes dias de comunicação de massa e distâncias encurtadas fantasticamente pela mídia, ainda nos surpreendemos com as diferenças entre as duas metades do mundo. Este confronto não se resume apenas ao falado contraste entre o hemisfério norte e o hemisfério sul - onde assistimos ao drama da opulência sobre a miséria. Pelo contrário, torna-se ainda mais temperada de mistério a relação entre o leste e o oeste - o ocidente e o oriente - onde, inclusive, acharam-se soluções

6 diversas da nossa para o conflito entre ricos e pobres. Um dos principais parâmetros desta diferenciação é a atitude dos orientais em relação a seu corpo, sua saúde, notadamente no que se refere à medicina arraigada nas diferentes regiões. Sabemos que a medicina chinesa - como o próprio Império que construiu a Grande Muralha - remonta, em nossos padrões ocidentais, à noite dos tempos. Dos excertos da História chinesa temos registros de fatos e procedimentos anteriores ao próprio advento da linguagem na Europa. De muitas coisas a civilização do Ocidente já se apropriou ao longo de todo o processo colonial - entre as quais poderíamos citar a pólvora e certos rudimentos religiosos. É crescente nos últimos tempos, também, o resgate das técnicas milenares da massagem, da acupuntura e de uma infinidade de artes marciais e filosofias a elas subjacentes. Esta obra apresenta noções básicas de um destes princípios - o do-in. Esta introdução, por sua vez, tem por obje- 9 tivo orientar o leitor em sua viagem ao Oriente em busca de saúde. Obviamente, é escassa a documentação sobre as práticas ancestrais das técnicas praticadas entre os chineses e hindus. Sabemos, entretanto, de obras capitais, como o Nei Jing, compilado por volta de 220 A.C. a pedido do imperador Huang-Ti, e que fazia menção a técnicas muito antigas de medicina que se pretendia revalorizar. Outras referências anteriores e desenvolvimentos efetuados mais tarde, ao longo de séculos de estudo e observação, produziram o conjunto de técnicas que só agora o Ocidente busca compreender.

7 Parte desse atraso histórico em recuperar o conhecimento oriental resulta do próprio processo de colonização e "ocidentalização" que sofreu aquele continente desde o século XVIII até meados do século XX. Apenas o nacionalismo das revoluções populares chinesas, por exemplo, fez com que se buscasse compatibilizar a medicina européia com os procedimentos herdados do passado cultural da China. Para compreender plenamente o princípio pelo qual se orientam as técnicas orientais de cura, é necessário compreendê-las como manifestações de uma filosofia subjacente e, em certa medida, até dogmáticas ou religiosas. Aí porque nossa civilização, acostumada ao isolamento entre ciência e espiritualidade, tem certa relutância em assimilar as contribuições do Oriente na área da saúde. É bastante conhecida a noção de universo dos orientais, que não dividem a Criação em espírito e matéria, como nós, mas vêem todas as coisas como expressões de uma complementação eterna e indispensável entre duas forças - o Ying e o Yang. Estas forças, complementares e intraduzíveis, poderiam ser expressas como dicotomias: água e fogo; noite e dia; frio e calor; feminino e masculino; preto e branco; introspecção e extrovertimento. Mesmo inexatas, estas comparações permitem uma idéia do todo representado pelo Ying e Yang, também freqüentemente descritos como os dois lados de uma mesma moeda cósmica. A integração entre as duas forças, segundo os orientais, seria responsável por um fluxo contínuo de energia no Universo. Havendo equilíbrio entre as partes, o mundo estaria também em harmonia. O corpo, por sua vez, sendo encarado como uma representação do Universo em menor escala, também deveria abrigar proporções equivalentes de Ying e Yang e, assim, viver em harmonia energética. Nesta concepção, a doença não seria

8 mais que uma perturbação na complementaridade entre as forças. Esta peculiar concepção oriental, por vezes tão difícil à compreensão de nosso pensamento racionalista, rege, entre outras disciplinas, o do-in. O corpo, como receptáculo e canal para transmissão de energia, é visto como composto de determinados meridianos ou pontos de entroncamento do fluxo vital, que, em determinados casos, formam nódulos ou imperfeições que barram o escoamento e produzem a doença. Ora, sobre estes trajetos existem pontos no total, mais alguns esparsos - que permitem modificar quantitativa e qualitativamente o escoamento da Energia, através da pressão dos dedos exercida em pontos perfeitamente escolhidos, para que seu curso normal se restabeleça e, em conseqüência disso, que a saúde reapareça. A partir deste pequeno resumo da medicina oriental já é possível perceber a grande diferença para com nossa tradição científica e médica. Neste lado do mundo preocupamo-nos principalmente com aspectos localizados e específicos da dor ou da doença. É o que autores modernos como Fritjof Kappra procuraram denunciar, chamando a atenção para o aspecto salutar que, na medicina do Oriente, é representado pela visão global do processo de desequilíbrio da energia. No Ocidente, corre-se o risco de reducionismo ao isolar-se sintomas e emoções - corpo e espírito, em última análise. Deste ponto-de-vista, falta-nos resgatar a tradição cultural do médico quase curandeiro, aquele que atenta para os mais profundos detalhes do Ser do paciente e percebe a fundo detalhes como o aspecto do rosto do doente, a 10 11

9 cor dos seus olhos e da sua pele; que examina milímetro a milímetro o indivíduo que vai tratar e lá descobre correspondências com os órgãos. Principalmente um médico que considere o corpo e a alma do cliente em sua totalidade, não o especialista que transfere imediatamente a mínima responsabilidade alheia a sua "área". É sempre útil lembrar, contudo, que muitos autores lembram a medicina oriental ao criticar o materialismo ocidental apenas para citar o caso de uma cultura alicerçada em outros pressupostos e atitudes. Deve-se ter em mente que o caminho seguido pelos diferentes povos resulta de um contexto histórico e social próprio a cada um e que, na maioria dos casos, só pode ser seguido naquelas condições. O grande psicólogo e pensador suíço Karl Jung, por exemplo, mesmo tendo sido um profundo estudioso do Oriente, sempre chamou a atenção para o fato de que cada povo deveria buscar seu próprio caminho rumo ao autoconhecimento. O interesse pela medicina chinesa não significa que a medicina clássica européia, essencialmente racional, seja inadequada à nossa civilização. Pelo contrário, a busca de alternativas apenas tem o objetivo de enriquecer o que já existe. O aprendizado e a evolução pressupõem mente aberta e receptiva. Pelo exposto acima percebemos a necessidade de experiências novas e, por outro lado, a inutilidade de qualquer mudança demasiadamente drástica. Nota-se, a partir de questões assim, o motivo pelo qual uma prática como o do-in suscita, agora e sempre, a incredulidade ou até a hostilidade de um grande número de terapeutas - e, ainda mais, de pesquisadores. Mesmo assim, podemos dizer que o debate está sempre aberto no Ocidente, a partir do grande número de pessoas e

10 especialistas que dedicam-se ou tomam contato com as técnicas orientais. Nesta edição, para melhor aproveitamento e apreciação das massagens apresentadas no corpo do livro, recomendamos a leitura atenta da advertência à página 15. Acrescentamos ao final, também, dois diagramas de pontos importantes de pressão localizados na sola dos pés. Com auxílio destes dois importantes apêndices será possível aproveitar ao máximo os ensinamentos e técnicas contidos nesta obra. Os editores ADVERTÊNCIA Como usar este guia: A massagem dos pontos chineses é uma técnica derivada da acupuntura. Em vez de agulhas, cujo uso está reservado exclusivamente aos médicos, é possível utilizar os próprios dedos e massagear os pontos com resultados idênticos aos de uma sessão de acupuntura. Esta técnica, aperfeiçoada especialmente pelos japoneses, oferece a possibilidade de agir, por si próprio e imediatamente, sobre as principais doenças. 1) Leia com atenção o índice, que remete em muitos casos de um ponto para outro, pois a mesma moléstia pode ser citada mais vezes com

11 diferentes nomes, como, por exemplo, dores estomacais, azia, acidez gástrica. 2) No transcurso da leitura deste livro alguém poderia estranhar o fato de que um mesmo ponto posa ser utilizado para curar moléstias totalmente diferentes. Dessa forma, o mesmo ponto pode agir sobre uma crise de hemorróidas e sobre problemas da memória. Este fato não deve levar a conclusões muito apressadas e a acusações de fantasias dos antigos chineses que descobriram as propriedades destes pontos milenares tais quais hoje são. A partir do momento em que a finalidade deste manual não é a de apresentar um estudo teórico e científico da acupuntura, diremos simplesmente que se trata de um fenômeno de correspondência de reflexos. Poderemos indicar, por analogia, o exemplo de uma conquista múltipla que permite unir num manancial de energia diversos pontos luminosos. 15 3) Advertimos que, em certos casos, é indispensável chamar urgentemente o médico, não esqueça desta advertência na ilusão falaz de se curar sozinho. Uma doença grave pode se esconder por trás de uma dor anódina: um trem pode esconder outro trem; assim, enquanto você alivia esta dor, permitirá que a doença se espalhe silenciosamente. A dor é freqüentemente uma campainha de alarme muito útil, pois nos adverte do perigo que nos ameaça. Dizemos portanto simplesmente que é bastante interessante poder aliviar as próprias dores com rapidez... à espera, porém, do médico, que é o único que tem a possibilidade de diagnosticar uma doença grave.

12 4) A obra está dividida em três partes. As duas primeiras dizem respeito às doenças facilmente curáveis através da massagem dos pontos chineses. A última oferece um quadro das doenças que é inútil tentar curar com esta técnica. Daremos, a respeito de cada doença, uma olhadela sobre outras possibilidades de cura que lhes são oferecidas. A massagem dos pontos chineses permite de fato obter um rápido alívio, mas se trata de uma ação sobre os sintomas. Para obter uma cura estável e definitiva, é preciso agir sobre a causa, o que requer o emprego de diversos métodos complementares entre si. 5) A massagem pode resultar ineficiente; este fato se deve à ação de tratamentos agressivos que você fez ou está fazendo: antibióticos, tranqüilizantes, cortisona. Estes medicamentos anestesiam suas possibilidades de reação ao estímulo manual. 6) E agora só resta começar. De que forma massagear os pontos? Basta utilizar a extremidade do polegar ou do indicador em correspondência com a ponta dos dedos localizada na proximidade imediata da unha. Faça pressão fortemente sobre o ponto e mantenha esta pressão por alguns segundos, cinco ou seis. Repita várias vezes seguidas. Quando um mesmo ponto se encontra sobre os dois lados do corpo, sobre as duas mãos, por exemplo, passar alternativamente de um para o outro. A pressão é realizada em sentido vertical. A - Sobre as partes carnosas se emprega preferentemente o polegar.

13 B - Sobre as partes duras se adota exclusivamente o indicador. Agora só resta lhes desejar felizes e rápidos sucessos PRIMEIRA PARTE Dores e pequenas moléstias comuns Trata-se de pequenas moléstias comuns, pequenas doenças e distúrbios de vários gêneros, mas que têm não obstante o inconveniente de chegar sem prévio aviso em determinados momentos da nossa atividade profissional e social e de envenenar nossa existência quando se repetem. De fato, pode ser muito desagradável ser atacado por uma forte dor de dentes antes de uma refeição importante ou de azia durante o repousante papo que encerra essa noitada: eis porque é importante conhecer pontos fáceis de encontrar, cômodos de utilizar, rapidamente eficazes. Esta primeira parte se propõe a fornecer estas indicações.

14 19 VOCÊ ESTÁ COM... DOR DE DENTES A dor de dentes não se descreve: sente-se. Digamos apenas que a dor pode manifestar-se em qualquer ponto da dentição e vir acompanhada de febre, enrubescimento e de inchação da maçã do rosto e também de contração da mandíbula. Nesse caso, estamos na presença de um abscesso e é inútil querer se curar sozinho. Você terá que recorrer ao dentista. A causa da dor pode ser a falta de flúor na alimentação e na água de beber, que provocam a cárie dentária, que também pode provir de uma escassa higiene oral ou do uso excessivo de açúcar. 21 A massagem para os casos de dor de dentes À espera do dentista, eis um ponto capaz de acalmar a dor. Para

15 encontrá-lo, abra inteiramente a "pinça" Constituída pelo polegar e o indicador: os prolongamentos do polegar e do indicador vão formar agora o vértice de um triângulo. Nosso ponto se encontra exatamente na massa carnosa contida neste vértice. Trata-se de um ponto sempre dolorido. É necessário massageá-lo profundamente em ambas as partes (na mão direita e na mão esquerda) Massagens em caso de dor de cabeça VOCÊ ESTÁ COM... DORES DE CABEÇA De nada adianta descrevê-las, todos conhecem estas dores que podem assumir as características mais diversas: cefaléias lancinantes, pontadas agudas, a impressão de se ser apertado por um torno, com todos os efeitos conseguintes: intolerância diante de ruídos e luzes, náuseas... As dores podem se localizar em pontos bem determinados do crânio: fronte, lados, alto da cabeça, têmporas, occipúcio, etc. É enorme a diversidade das causas, dentre as quais refeições muito pesadas, indigestão, intoxicação, cansaço nos olhos, excesso de fadiga intelectual, permanência em ambientes insuficientemente iluminados, perturbações atmosféricas (vento ou calor). Podem existir,

16 também, causas mais graves, que seria impossível enumerar. Ponto número 1 O ponto está localizado três dedos acima da dobra do pulso, num vácuo em que se sente pulsar a artéria radial. Trata-se de um ponto muito ativo que também encontraremos para outras doenças Ponto número 2 Dores de cabeça provenientes de uma moléstia biliar: veja crise no fígado. Dores de cabeça provenientes de moléstias do seio esfenoidal: veja sinusite. Dores de cabeça provenientes de uma artrose cervical: veja torcicolo. Ponto número 3 Quando pode ser praticada (é necessária a ajuda de alguém), a massagem das têmporas e da nuca é sempre eficaz. Este tipo de massagem deve ser realizado por uma pessoa delicada, com calma e doçura. Massagear primeiro as têmporas, esfericamente e procedendo sempre no sentido das agulhas do relógio, depois massagear a nuca, no

17 ponto exato em que os músculos se ligam aos ossos do crânio. VOCÊ TEM... NÁUSEAS E VÔMITOS O vômito pode indicar moléstias muito diferentes entre si. Pode tratar-se de intolerância alimentar diante de uma refeição muito abundante ou contendo substâncias nocivas: álcool, por exemplo. O vômito, neste caso, benéfico, por ser uma reação salutar do organismo. No entanto, nas doenças dos meios de transporte (doença de carro, doença de ar, doença de barco) ou no caso da mulher grávida, o vômito representa um fato desagradável derivado de um desequilíbrio do sistema nervoso, e se pode eliminar sem problemas. Como nem sempre se têm ao alcance da mão pílulas apropriadas, é bom dar a conhecer alguns pontos. O vômito pode indicar também doenças mais graves, que requerem uma intervenção oportuna do médico; nesses casos, porém, está associado a outros sintomas, como febre, dor de cabeça, diarréia, etc. O vômito, como o soluço, é uma contração reflexa do diafragma associada a uma contração brutal do estrato muscular do estômago, pelo qual o conteúdo deste último (alimentos ou simples bílis) é evacuado violentamente. Olhe bem o que você está comendo e evite viajar de navio

18 A massagem em caso de náuseas ou vômito Observe atentamente a dobra do pulso na parte da palma da mão. O ponto procurado se encontra sobre o antebraço, entre dois ossos, três dedos acima da dobra do pulso. 28 VOCÊ TEM... DORES DE OUVIDO As dores de ouvidos são atrozes e dão a impressão de uma ponta que penetra na cabeça. Freqüentemente associadas à febre, as dores de ouvido requerem a intervenção do médico. Uma simples corrente de ar pode causar uma inflamação banal desse frágil órgão representado pelo ouvido. Mas também uma viagem aérea ou na montanha, uma imersão sob a água podem provocar uma otite (por brusca criação da pressão que age sobre as superfícies dos tímpanos). Também as crianças têm freqüentemente dores de ouvidos na volta de um banho da piscina. Trata-se de uma otite, isto é, uma inflamação ou uma infecção das paredes do conduto auditivo. Mas do outro lado do tímpano pode existir pus, que somente o médico pode localizar, se servindo de um instrumento especial. Tome cuidado com os banhos em água contaminada (rios, praias, piscinas) e aprenda a comer menos açúcar. Aprenda e ensine a seus filhos a alimentar-se de maneira sadia. Acabe com o hábito de usar hastes flexíveis com pontas de algodão

19 (tipo cotonetes) para limpar o ouvido. Contente-se retirando as impurezas a nível do orifício externo. A espera do médico, você pode colocar compressas quentes sobre o ouvido e especialmente detrás do ouvido. Isso vai acalmar a dor e, tratando-se de um abscesso, vai apressar a maturação. 29 As massagens em caso de dores de ouvido Detrás do lóbulo da orelha existe uma protuberância óssea facilmente encontradiço. Nosso ponto se encontra correspondente mente à ligação do lóbulo, entre o próprio lóbulo e a protuberância. Ou então você pode utilizar os pontos da maçã do rosto indicados aqui embaixo (estão localizados ao nível da ligação do pavilhão auricular sobre a maçã do rosto) VOCÊ TEM... DORES NOS OLHOS

20 Vermelhidão dos olhos, lacrimação, abundante secreção de "matéria", impressão de ter areia sob as pálpebras, sensação de picadas ligeiras ou pontadas agudas. Em cada um dos casos, se a dor não acalmar com a massagem do ponto, é melhor mostrar o olho adoentado ao médico. De fato, embora a maior parte das vezes se trate apenas de uma banal conjuntivite, de uma inflamação, isto é, do tecido transparente que recobre o globo ocular, devida a um vírus ou a poeira, pode também acontecer que se trate de moléstias mais graves (corpos estranhos ao olho, glaucoma). O olho é um órgão muito exposto e tem uma solidez surpreendente. Considerando isto, quando é afetado por qualquer mal, reage como todos os tecidos inflamados, congestionando-se. As membranas que o revestem se tornam sensíveis e doloridas, entre outras coisas, à esfregação das pálpebras. Esta é a causa das três formas de queixa que ocorrem com maior freqüência; "o olho vermelho", "o olho irritado" e "o olho lacrimejante". A doença ataca sem avisar. Também neste caso, os banhos em águas dúbias (praias, piscinas) são freqüentemente sua causa. É bom conhecer outros meios naturais para combater as dores dos olhos (lavagem dos olhos ou aplicação de compressas com infusões vegetais). E naturalmente tome cuidado para que suas mãos ou rosto estejam sempre rigorosamente limpos, evite as luzes fortes, a poeira e a fuma- 32 ça, abstenha-se de ler ou escrever com luz artificial, use óculos filtrantes. Limpe o olho doente com água salgada preparada como se

21 segue: uma colherinha de sal numa tigela com água fervida morna. Coloque então sobre o olho uma compressa morna embebida com esta solução ou então com uma infusão de camomila. A massagem em caso de dor nos olhos O ponto se encontra no ângulo interno do olho, imediatamente próximo à raiz do nariz, num pequeno buraco ósseo. 33 VOCÊ TEM... DOR DE GARGANTA Quando se trata de simples irritações com sensação de palha fincada na garganta, ou então de irritações e de picadas fastidiosas com dificuldade de deglutição, a dor de garganta é fácil de curar com algum chá ou gargarejo. Quando, no entanto se trata de uma inflamação mais séria com amígdalas engrossadas e inchadas, acompanhada pelo aparecimento de pontos brancos na garganta e de febre, é melhor dirigir-se ao médico, pois pode se tratar de complicações cardíacas ou renais. A inflamação simples tem origem

22 num vírus, cuja procedência é variada: alimentar, atmosférica ou por transmissão direta (beijos na boca). Quando a infecção chegou, quando a doença é forte e provoca febre, a causa é certamente um micróbio. A mucosa inflamada da garganta se alarga, se torna frágil e sensível e prejudica. Atenção, as anginas repetitivas indicam um estado de saúde geral frágil. Adote uma alimentação sadia e use qualquer meio simples e natural para reforçar seu organismo (saiba nesse caso utilizar ajuizadamente o limão, o tomilho, o mel, o enfaixamento do pescoço, as cataplasmas e os gargarejos). 34 A massagem em caso de dor de garganta O ponto que empregaremos se encontra dobrando o cotovelo, precisamente na extremidade externa da dobra que se forma quando se dobra o antebraço. Sendo um ponto localizado num lugar bem carnoso, portanto massageie profundamente (ambos os braços). 35

23 VOCÊ ESTÁ COM... SINUSITE A sinusite provoca dores lancinantes ou então pontadas agudas a nível da testa ou das maçãs do rosto. Em caso de sinusite aguda, sobrevém a febre: neste caso, após massagear os pontos para acalmar a dor, é preciso chamar o médico. A sinusite é uma inflamação ou uma infecção dos seios da face. Estes seios são cavidades localizadas no osso da face. Quando a mucosa que reveste estas cavidades se inflama e o pus comaça a encher o seio, a cabeça se torna mais "pesada". Uma expressão popular descreve com uma imagem eficaz este estado: "ter a cabeça que nem uma melancia". Numerosas pessoas sofrem de sinusite crônica. Este fato indica um organismo infectado e invadido por toxinas (isto é, entulho de substâncias inúteis, que procuram sair para fora através de orifícios naturais como os seios). É preciso então "lavar-se" de todas estas toxinas com uma alimentação apropriada e se ajudando com métodos naturais (lavagem do nariz com água salgada, argilosa e misturada com suco de limão, cataplasmas com folhas de couve são, nestes casos, uma ajuda preciosa). 36 A massagem em caso de sinusite A nível de dobra nasolabial, a meio centímetro perto das

24 narinas, você vai encontrar um pequeno orifício: é lá que se encontra seu ponto. 37 VOCÊ TEM O... NARIZ OBSTRUÍDO NARIZ QUE GRUDA Pode se tratar de uma fastidiosa sensação de obstrução das narinas capaz de obrigar a respirar pela boca, neste caso, o nariz está seco. Ou então podemos estar na presença do caso oposto, com com abundante evacuação nasal e conseqüente grande uso de lenços. Trata-se, em ambos os casos, de uma inflamação das mucosas que revestem as narinas. No caso do nariz obstruído, as mucosas incham, se congestionam e fecham o conduto das narinas. No segundo caso, as mucosas segregam uma espécie de soro que pode transformar-se em pus. Na maior parte dos casos os olhos, o nariz e os seios da face foram atingidos ao mesmo tempo. É o clássico resfriado que se segue a um "golpe de frio" que permitiu que um vírus e um micróbio se infiltrassem nos nossos tecidos. Entende-se, então, por quê os pontos utilizados são os mesmos que os da sinusite. Tanto o nariz obstruído quanto o nariz que gruda constantemente ao longo do ano todo podem também representar

25 fenômenos de origem alérgica. Também neste caso, aqueles que conhecem o recurso da argila e da água misturada com limão nas lavagens do nariz, os benefícios das essências vegetais nas inalações e os alimentos ricos em vitamina C, frutos cítricos, salsa, groselha, poderão completar de forma excelente a cura com a automassagem. Dois conselhos para impedir que sobrevenham crises; para aqueles que se resfriam com facilidade, andar descalços, de manhã, sobre a grama úmida, por um tempo que vai de dez a quinze minutos. Aconselho, também, quando surgir a crise, que se façam alternativamente banhos de pés muito quentes e muito frios com a duração de três minutos cada um. A massagem em caso de distúrbios do nariz (catarro - obstrução nasal) Para curar o nariz obstruído ou o nariz que gruda, existe um único ponto acima da testa, logo detrás da orla de início dos cabelos (também esse um pequeno furo ósseo, facilmente encontradiço... especialmente nos carecas!) Também é possível se auxiliar com o ponto da sinusite

26 VOCÊ TEM... GRIPE (INFLUENZA) Universalmente conhecida, esta palavra reagrupa sintomas diversos que vão da simples sensação de mal-estar, com resfriamento e fraqueza geral (o "não passar bem") até o quadro bem conhecido constituído de febre e calafrios, de esgotamento e dor de cabeça. Se bem que todos conhecem a gripe, ninguém sabe exatamente que coisa ela é, nem sequer o médico. São acusados ainda os vírus, sempre os virus... chamados pelos nomes mais diversos: sugestivos (vírus Victória), exóticos (vírus de Hong-Kong) ou ainda mais bárbaros. A gripe é uma reação de defesa geral do organismo diante de um ataque viroso, pelo qual, longe de pretender a qualquer custo fazer parar a febre e as dores por meio de remédios, é muito melhor seguir o conselho dos nossos avós, conselho que é reconhecido como exato por mais de um médico e que é o seguinte: com a medicina, a gripe dura sete dias; sem a medicina, dura oito. Chás e drogas naturais, no lugar da aspirina, fazem maravilhas. Permitem, depois da doença, que a pessoa se sinta melhor, em vez de continuar arrastando durante semanas um estado de mal-estar. A massagem em casos de gripe Nas costas do pulso, três dedos acima do próprio pulso, entre os dois ossos do antebraço. Deve-se utilizar este ponto nos dois braços, o

27 mais oportunamente possível no início da doença. Nem sempre este ponto funciona. A gripe é um mal-estar geral do organismo e tratar um só ponto nem sempre é suficiente, mas por não se tratar de um tratamento de acupuntura, a utilização deste ponto pode ajudar a reforçar suas defesas contra o vírus VOCÊ ESTÁ COM... ROUQUIDÃO E AFONIA (PERDA DA VOZ) Num belo dia, a gente acorda sendo incapaz de pronunciar uma palavra, com a voz apagada e a sensação de ter a garganta fechada. Responsável por este fato é provavelmente uma corrente de ar frio à qual fomos involuntariamente expostos durante a noite. Acontece também que, depois de um esforço vocal intenso (caso dos cantores ou dos oradores), a voz se "quebre". Apesar disso devemos recomeçar a falar... ou a cantar. No caso de um golpe de frio, as cordas vocais congestionadas perderam a elasticidade natural e estão portanto incapacitadas para cumprir sua função, de fazer vibrar, com a sua contração, o ar que sai da laringe. No segundo caso, a congestão das cordas vocais se produz por causa de excesso de cansaço. De qualquer maneira o efeito sofrido é o

28 mesmo: "nada mais sai da garganta". Envolver a garganta numa toalha quente e úmida. Fazer gargarejos com essências vegetais. Os meios de cura não faltam. 42 A massagem em caso de rouquidão e afonia (perda da voz) O ponto em questão é o simétrico ao ponto da gripe. Procure a dobra do pulso (desta vez a partir da palma da mão) e meça três dedos partindo desta linha, sobre o antebraço. O ponto se encontra entre os dois ossos do antebraço. 43 2) Perda da voz (Afonia). A nível da planta do pé, entre as duas almofadinhas de carne. 44 VOCÊ ESTÁ COM...

29 SANGUE NO NARIZ Depois de uma exposição prolongada ao sol, ou então sem razão aparente, o nariz começa a sangrar. Muito freqüentemente não é mais do que um inconveniente de pouca importância, mas em alguns casos raros, atenção: este fato pode significar algo de sério. O excesso de calor provoca a dilatação da rede venosa da mucosa nasal. Na maior parte dos casos não existem causas precisas pelas quais o nariz comece a sangrar. É bom de qualquer maneira estar informado do fato de que uma hemorragia nasal, numa percentual mínima de casos, pode se dever a um pólipo do nariz ou indicar uma hipertensão arterial que é preciso confiar ao próprio médico. Quando o nariz começa a sangrar, aperte imediatamente com o polegar a narina que sangra, apoiando muito forte. É também possível colocar gelo sobre a nuca (enrolado num lenço ou pano) ou então mergulhar os pés numa bacia com água quente, com a finalidade de atrair o sangue para baixo. Finalmente os chineses utilizam um "truque" que dá resultados em nove de cada dez casos em que outros métodos fracassaram: este "truque" consiste em dar durante um período de cinco a dez minutos pancadinhas repetidas sobre a nuca (com o corte da mão, por exemplo). 45

www.cpsol.com.br TEMA 003 CONHEÇA E PREVINA AS DOENÇAS DO INVERNO

www.cpsol.com.br TEMA 003 CONHEÇA E PREVINA AS DOENÇAS DO INVERNO TEMA 003 CONHEÇA E PREVINA AS DOENÇAS DO INVERNO 1/8 O inverno chegou e junto com ele maiores problemas com as doenças respiratórias entre outras Isso não ocorre por acaso já que pé nesta estação onde

Leia mais

Sistema Digestivo - Função

Sistema Digestivo - Função Sistema Digestivo Fome Saciedade Sistema Digestivo - Função O organismo humano recebe os nutrientes através dos alimentos. Estes alimentos têm de ser transformados em substâncias utilizáveis, envolvendo

Leia mais

DORES DE CABEÇA E ENXAQUECA Sex, 28 de Agosto de 2009 19:57 - Última atualização Sáb, 21 de Agosto de 2010 19:16

DORES DE CABEÇA E ENXAQUECA Sex, 28 de Agosto de 2009 19:57 - Última atualização Sáb, 21 de Agosto de 2010 19:16 DORES DE CABEÇA E ENXAQUECA A tensão do dia a dia é a causa mais freqüente das dores de cabeça mas, elas poderem aparecer por diversas causas e não escolhem idade e sexo. Fique sabendo, lendo este artigo,

Leia mais

MASSAGEM DO-IN. Claudio Prieto - Elza Rodrigues Pinheiro Prieto. Site: www.massagemdoin.net. E-Mail: contato@massagemdoin.net

MASSAGEM DO-IN. Claudio Prieto - Elza Rodrigues Pinheiro Prieto. Site: www.massagemdoin.net. E-Mail: contato@massagemdoin.net MASSAGEM DO-IN Claudio Prieto - Elza Rodrigues Pinheiro Prieto Site: www.massagemdoin.net E-Mail: contato@massagemdoin.net O QUE É? O DO-IN é uma técnica de automassagem aplicada nos pontos energéticos

Leia mais

Cartilha. Doenças e Complicações. de Verão. Queimaduras solares. Desconforto. Micoses. Coceira. Desidratação. Fungos. Infecções. Ardência. Manchas.

Cartilha. Doenças e Complicações. de Verão. Queimaduras solares. Desconforto. Micoses. Coceira. Desidratação. Fungos. Infecções. Ardência. Manchas. Cartilha Doenças e Complicações de Verão Queimaduras solares. Desconforto. Micoses. Coceira. Desidratação. Fungos. Infecções. Ardência. Manchas. Devido às condições climáticas, diversas são as doenças

Leia mais

Homeopatia. Copyrights - Movimento Nacional de Valorização e Divulgação da Homeopatia mnvdh@terra.com.br 2

Homeopatia. Copyrights - Movimento Nacional de Valorização e Divulgação da Homeopatia mnvdh@terra.com.br 2 Homeopatia A Homeopatia é um sistema terapêutico baseado no princípio dos semelhantes (princípio parecido com o das vacinas) que cuida e trata de vários tipos de organismos (homem, animais e plantas) usando

Leia mais

Primeiros Socorros Volume I

Primeiros Socorros Volume I Manual Primeiros Socorros Volume I um Manual de Junho de 2008 Rua Braancamp, 52-4º 1250-051 Lisboa Tel. 212476500 geral@oportalsaude.com Copyright, todos os direitos reservados. Este Guia Técnico não pode

Leia mais

Primeiros socorros Material a ter na caixa de primeiros socorros:

Primeiros socorros Material a ter na caixa de primeiros socorros: Primeiros socorros Os primeiros socorros é o tratamento inicial dado a alguém que se magoou ou sofreu um acidente. Se o acidente for grave, não deves mexer na pessoa lesionada e chamar o 112, explicando-lhe

Leia mais

Lembrete: Antes de começar a copiar cada unidade, coloque o cabeçalho da escola e a data! CIÊNCIAS - UNIDADE 4 RESPIRAÇÃO E EXCREÇÃO

Lembrete: Antes de começar a copiar cada unidade, coloque o cabeçalho da escola e a data! CIÊNCIAS - UNIDADE 4 RESPIRAÇÃO E EXCREÇÃO Lembrete: Antes de começar a copiar cada unidade, coloque o cabeçalho da escola e a data! Use canetas coloridas ou escreva palavras destacadas, para facilitar na hora de estudar. E capriche! Não se esqueça

Leia mais

Seqüência completa de automassagem

Seqüência completa de automassagem Seqüência completa de automassagem Os exercícios descritos a seguir foram inspirados no livro Curso de Massagem Oriental, de Armando S. B. Austregésilo e podem ser feitos em casa, de manhã ou à tardinha.

Leia mais

A respiração ocorre dia e noite, sem parar. Nós podemos sobreviver determinado tempo sem alimentação, mas não conseguimos ficar sem respirar por mais

A respiração ocorre dia e noite, sem parar. Nós podemos sobreviver determinado tempo sem alimentação, mas não conseguimos ficar sem respirar por mais PROFESSORA NAIANE A respiração ocorre dia e noite, sem parar. Nós podemos sobreviver determinado tempo sem alimentação, mas não conseguimos ficar sem respirar por mais de alguns poucos minutos. Você sabe

Leia mais

Tudo sobre Detox em apenas 5 minutos mais 3 receitas Bônus

Tudo sobre Detox em apenas 5 minutos mais 3 receitas Bônus 2 Opa, aqui é Augusto Marmo idealizador do #Dietadafibra e neste e-book vou te mostrar um ponto chave para você atingir o seu peso ideal de forma fácil e saborosa. Eu utilizei os sucos detox para a desintoxicação

Leia mais

Problemas Gastro-Intestinais

Problemas Gastro-Intestinais Problemas Gastro-Intestinais Parâmetros Ocidentais Vômito; Dor na região abdominal, gástrica, etc. Gastrite, Úlcera, Diarréia, Prisão de ventre (constipação) Cólica, Vermes. Anamnese: Tipo de dor ou desconforto:

Leia mais

Aula 4: Sistema digestório

Aula 4: Sistema digestório Aula 4: Sistema digestório Sistema digestório As proteínas, lípideos e a maioria dos carboidratos contidos nos alimentos são formados por moléculas grandes demais para passar pela membrana plasmática e

Leia mais

Uma receita de iogurte

Uma receita de iogurte A U A UL LA Uma receita de iogurte O iogurte, um alimento comum em vários países do mundo, é produzido a partir do leite. Na industrialização desse produto empregam-se técnicas diversas para dar a consistência,

Leia mais

Primeiros Socorros. O que fazer imediatamente após acontecer um acidente?

Primeiros Socorros. O que fazer imediatamente após acontecer um acidente? Primeiros Socorros Dicas de Primeiros Socorros Você não precisa ser um socorrista experiente para conseguir ajudar alguém que se machucou no meio da natureza. Mas algumas coisas são fundamentais ter em

Leia mais

Gripe: o que você pode fazer. Cuidados em casa

Gripe: o que você pode fazer. Cuidados em casa Gripe: o que você pode fazer Cuidados em casa Para mais informações, confira: www.mass.gov/dph/flu Gripe: o que você pode fazer Cuidados em casa ÍNDICE: O que é a gripe? 2 Prevenção da gripe 6 Cuidados

Leia mais

Gripe Proteja-se! Faça Chuva ou faça Sol, vacine-se a partir de Outubro e até ao final do Inverno. Consulte o seu médico

Gripe Proteja-se! Faça Chuva ou faça Sol, vacine-se a partir de Outubro e até ao final do Inverno. Consulte o seu médico Gripe Proteja-se! Faça Chuva ou faça Sol, vacine-se a partir de Outubro e até ao final do Inverno. Consulte o seu médico Gripe Perguntas Frequentes Perguntas frequentes sobre a gripe sazonal O que é a

Leia mais

Acidentes domésticos podem ser prevenidos. Entre pediatras e especialistas da área de cuidados com as crianças, é senso comum que, se os responsáveis

Acidentes domésticos podem ser prevenidos. Entre pediatras e especialistas da área de cuidados com as crianças, é senso comum que, se os responsáveis Acidentes domésticos podem ser prevenidos. Entre pediatras e especialistas da área de cuidados com as crianças, é senso comum que, se os responsáveis tivessem mais orientações ou tomassem mais cuidado

Leia mais

Relaxar a musculatura dos braços. Entrelace os dedos de ambas as mãos com suas palmas para cima e levante os braços por 10 segundos.

Relaxar a musculatura dos braços. Entrelace os dedos de ambas as mãos com suas palmas para cima e levante os braços por 10 segundos. por Christian Haensell A flexibilidade do corpo e das juntas é controlada por vários fatores: estrutura óssea, massa muscular, tendões, ligamentos, e patologias (deformações, artroses, artrites, acidentes,

Leia mais

Caderno de Postura. Prof. Luiz Mello

Caderno de Postura. Prof. Luiz Mello Caderno de Postura Prof. Luiz Mello CADERNO DE POSTURA Este caderno de postura tem como objetivo demonstrar os principais pontos relacionados a maneira de como tocar violão e guitarra de uma maneira saudável,

Leia mais

O CALOR EXCESSIVO NO AMBIENTE DE TRABALHO A EXPOSIÇÃO AO CALOR PRODUZ REAÇÕES NO ORGANISMO

O CALOR EXCESSIVO NO AMBIENTE DE TRABALHO A EXPOSIÇÃO AO CALOR PRODUZ REAÇÕES NO ORGANISMO O CALOR EXCESSIVO NO AMBIENTE DE TRABALHO Muitos trabalhadores passam parte de sua jornada diária diante de fontes de calor. As pessoas que trabalham em fundições, siderúrgicas, padarias, - para citar

Leia mais

Frio» Recomendações gerais

Frio» Recomendações gerais No domicílio Antes do Inverno, verifique os equipamentos de aquecimento da sua casa; Se tiver lareira mande limpar a chaminé, se necessário; Mantenha a casa arejada, abrindo um pouco a janela/porta para

Leia mais

By Dr. Silvia Hartmann

By Dr. Silvia Hartmann The Emo trance Primer Portuguese By Dr. Silvia Hartmann Dra. Silvia Hartmann escreve: À medida em que nós estamos realizando novas e excitantes pesquisas; estudando aplicações especializadas e partindo

Leia mais

O que Realmente Funciona

O que Realmente Funciona Prisão de Ventre O mal conhecido como intestino preguiçoso, obstipação ou prisão de ventre atinge cerca de um em cada cinco pessoas. O tratamento é bastante simples, mas, na falta dele, a prisão de ventre

Leia mais

o Ressonar e a Apneia de Sono

o Ressonar e a Apneia de Sono o Ressonar e a Apneia de Sono sintomas diagnóstico tratamento O ressonar apesar de ser comum, fonte de brincadeiras e aceite como normal na população em geral é de facto uma perturbação que não deve ser

Leia mais

Conteúdo do curso de pedras quentes na Bergqvist Massagem e Treinamento

Conteúdo do curso de pedras quentes na Bergqvist Massagem e Treinamento Conteúdo do curso de pedras quentes na Bergqvist Massagem e Treinamento O que são pedras quentes? A massagem com pedras quentes é muito utilizada em terapias naturais ou complementares, como em consultórios

Leia mais

39 Por que ferver a água antes de beber?

39 Por que ferver a água antes de beber? A U A UL LA Por que ferver a água antes de beber? Todo ano seu Antônio viaja para o litoral com a família e enfrenta sempre os mesmos problemas: congestionamento na estrada, praias lotadas e sujas que,

Leia mais

OMENAX. Geolab Indústria Farmacêutica S/A Cápsula 20mg e 40mg

OMENAX. Geolab Indústria Farmacêutica S/A Cápsula 20mg e 40mg OMENAX Geolab Indústria Farmacêutica S/A Cápsula 20mg e 40mg tratar dispepsia, condição que causa acidez, azia, arrotos ou indigestão. Pode ser usado também para evitar sangramento do trato gastrintestinal

Leia mais

Bursite do Olécrano ou Bursite do Cotovelo

Bursite do Olécrano ou Bursite do Cotovelo INTRODUÇÃO Bursite do Olécrano ou Bursite do Cotovelo Bursite do olécrano é a inflamação de uma pequena bolsa com líquido na ponta do cotovelo. Essa inflamação pode causar muitos problemas no cotovelo.

Leia mais

RYODORAKU. Mensuração Diagnóstica Eletrônica POR DENISE DARIN

RYODORAKU. Mensuração Diagnóstica Eletrônica POR DENISE DARIN RYODORAKU Mensuração Diagnóstica Eletrônica POR DENISE DARIN SIGNIFICADO DO RYODORAKU Ryo significa boa, Do conduzir e Raku linha ou canal. Caminhos Permeáveis (Linha de boa eletrocondutividade). É um

Leia mais

VACINE-SE A PARTIR DE 1 DE OUTUBRO CONSULTE O SEU MÉDICO

VACINE-SE A PARTIR DE 1 DE OUTUBRO CONSULTE O SEU MÉDICO VACINE-SE A PARTIR DE 1 DE OUTUBRO CONSULTE O SEU MÉDICO Perguntas frequentes sobre a gripe sazonal O que é a gripe? É uma doença infecciosa aguda das vias respiratórias, causada pelo vírus da gripe. Em

Leia mais

COLÉGIO ALEXANDER FLEMING SISTEMA RESPIRATÓRIO. Profª Fernanda Toledo

COLÉGIO ALEXANDER FLEMING SISTEMA RESPIRATÓRIO. Profª Fernanda Toledo COLÉGIO ALEXANDER FLEMING SISTEMA RESPIRATÓRIO Profª Fernanda Toledo RECORDAR Qual a função do alimento em nosso corpo? Por quê comer????? Quando nascemos, uma das primeiras atitudes do nosso organismo

Leia mais

PRONTIDÃO ESCOLAR PREVENTIVA. Primeiros Socorros ABORDAGEM PRIMÁRIA RÁPIDA. Policial BM Espínola

PRONTIDÃO ESCOLAR PREVENTIVA. Primeiros Socorros ABORDAGEM PRIMÁRIA RÁPIDA. Policial BM Espínola PRONTIDÃO ESCOLAR PREVENTIVA Primeiros Socorros ABORDAGEM PRIMÁRIA RÁPIDA Policial BM Espínola LEMBRE-SE Antes de administrar cuidados de emergência, é preciso garantir condições de SEGURANÇA primeiramente

Leia mais

Programa RespirAr. Asma e bronquite sem crise. RespirAr

Programa RespirAr. Asma e bronquite sem crise. RespirAr Programa RespirAr. Asma e bronquite sem crise. RespirAr Prevenir é o melhor remédio para uma boa saúde, evitando-se as doenças e suas complicações. Problemas respiratórios, por exemplo, podem se tornar

Leia mais

SISTEMA CIRCULATÓRIO

SISTEMA CIRCULATÓRIO SISTEMA CIRCULATÓRIO FUNÇÕES DO SISTEMA CIRCULATÓRIO: Transporte de substâncias : * Nutrientes para as células. * Resíduos vindos das células. *Gases respiratórios. * Hormônios. OBS: O sangue também pode

Leia mais

SAÚDE.sempre. Gripe. newsletter. medidas de auto cuidado. Secretaria Regional dos Assuntos Sociais

SAÚDE.sempre. Gripe. newsletter. medidas de auto cuidado. Secretaria Regional dos Assuntos Sociais Janeiro * 2014 Instituto de Administração da Saúde e Assuntos Sociais, IP-RAM Gripe medidas de auto cuidado newsletter Secretaria Regional dos Assuntos Sociais Ficha Técnica Newsletter - Janeiro de 2014

Leia mais

Informações Básicas sobre o Novo Tipo de Influenza

Informações Básicas sobre o Novo Tipo de Influenza Informações Básicas sobre o Novo Tipo de Influenza 1 O que é o Novo Tipo de Influenza É o nome dado à doença causada pela presença do vírus da influenza A/H1N1, de origem suína, no corpo humano. Diz-se

Leia mais

DO PACIENTE RENAL Terapia de substituição renal

DO PACIENTE RENAL Terapia de substituição renal aminidicionário DO PACIENTE RENAL Terapia de substituição renal Ao paciente e seus familiares, este pequeno dicionário tem a intenção de ajudar no entendimento da doença que passou a fazer parte das suas

Leia mais

Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva

Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva Orientação para pacientes com Doença do Refluxo Gastroesofágico. O Que é Doença do Refluxo? Nas pessoas normais, o conteúdo do estômago (comida ou acido clorídrico)

Leia mais

Artigo especial: Os 8 piores hábitos alimentares.

Artigo especial: Os 8 piores hábitos alimentares. Artigo especial: Os 8 piores hábitos alimentares. Hábitos alimentares normalmente se referem a um amplo conceito de preferências, costumes e modos de comer, de um indivíduo ou população. Vários fatores

Leia mais

Corpo de Bombeiros. São Paulo

Corpo de Bombeiros. São Paulo Corpo de Bombeiros São Paulo NOÇÕES DE PRIMEIROS SOCORROS Acionamento do serviço de emergência Antes de iniciar qualquer procedimento, garanta sua segurança e acione o serviço de emergência. 193 192 Fonte:

Leia mais

Recuperação. Células tecidos órgãos sistemas. - As células são as menores unidades vivas e são formadas por três regiões:

Recuperação. Células tecidos órgãos sistemas. - As células são as menores unidades vivas e são formadas por três regiões: Recuperação Capítulo 01 - Níveis de organização Células tecidos órgãos sistemas - As células são as menores unidades vivas e são formadas por três regiões: A- Membrana Plasmática - Revestimento da célula;

Leia mais

Seu bebê chegou, conte com a gente. 1º mês de vida do recém-nascido.

Seu bebê chegou, conte com a gente. 1º mês de vida do recém-nascido. Seu bebê chegou, conte com a gente. 1º mês de vida do recém-nascido. A Fundação Fiat, por meio do Programa Vida Nova, elaborou este material com o intuito de relembrar para as mamães e papais as informações

Leia mais

Plano de Exercícios Para Segunda-Feira

Plano de Exercícios Para Segunda-Feira Plano de Exercícios Para Segunda-Feira ALONGAMENTO DA MUSCULATURA LATERAL DO PESCOÇO - Inclinar a cabeça ao máximo para a esquerda, alongando a mão direita para o solo - Alongar 20 segundos, em seguida

Leia mais

sobre pressão alta Dr. Decio Mion

sobre pressão alta Dr. Decio Mion sobre pressão alta Dr. Decio Mion 1 2 Saiba tudo sobre pressão alta Dr. Decio Mion Chefe da Unidade de Hipertensão do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP)

Leia mais

GESTOS QUE SALVAM Departamento de Formação em Emergência Médica janeiro de 2014

GESTOS QUE SALVAM Departamento de Formação em Emergência Médica janeiro de 2014 GESTOS QUE SALVAM Departamento de Formação em Emergência Médica janeiro de 2014 Gestos que Salvam O que fazer? EM CASO DE EMERGÊNCIA O QUE FAZER Número Europeu de Emergência LIGAR PARA O NÚMERO EUROPEU

Leia mais

Parasitoses - Ve V rminoses Prof. Tiago

Parasitoses - Ve V rminoses Prof. Tiago Parasitoses - Verminoses Prof. Tiago INTRODUÇÃO PLATELMINTOS E NEMATÓDEOS: RESPONSÁVEIS POR ALGUMAS PARASITOSES CONHECIDAS COMO VERMINOSES. TENÍASE E ESQUISTOSSOMOSE SÃO CAUSADAS POR PLATELMINTOS; ASCARIDÍASE

Leia mais

Centro Médico. Plínio de Mattos Pessoa

Centro Médico. Plínio de Mattos Pessoa Centro Médico O seu médico recomendou uma cirurgia para tratar doença do refluxo gastroesofágico. Mas o que isso realmente significa? Seu diafragma é um músculo que separa o tórax de seu abdômen e o ajuda

Leia mais

O que é afasia? Brasilian

O que é afasia? Brasilian O que é afasia? Brasilian Provavelmente você se deparou com afasia pela primeira vez há pouco tempo. No início afasia causa muitas dúvidas, como: o que é afasia, como esta ocorre, e quais problemas adicionais

Leia mais

Fazendo a digestão. A voz do professor. A voz do professor. De onde provém a energia necessária para o movimento dos automóveis?...

Fazendo a digestão. A voz do professor. A voz do professor. De onde provém a energia necessária para o movimento dos automóveis?... A U A UL LA Fazendo a digestão Atenção De onde provém a energia necessária para o movimento dos automóveis? Nosso corpo é semelhante a um carro. Como você acha que conseguimos energia para viver? Um corpo

Leia mais

Álcool e energéticos. Uma mistura perigosa. José Guerchon Camila Welikson Arnaldo Welikson Barbara Macedo Durão

Álcool e energéticos. Uma mistura perigosa. José Guerchon Camila Welikson Arnaldo Welikson Barbara Macedo Durão Álcool e energéticos. Uma mistura perigosa. José Guerchon Camila Welikson Arnaldo Welikson Barbara Macedo Durão Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 3.0 do Creative Commons.

Leia mais

PRIMEIROS SOCORROS. RECURSOS HUMANOS - PH/PHA Data: 28/03/2000 PESSOAS: NOSSA MELHOR ENERGIA

PRIMEIROS SOCORROS. RECURSOS HUMANOS - PH/PHA Data: 28/03/2000 PESSOAS: NOSSA MELHOR ENERGIA PRIMEIROS SOCORROS CONCEITO TRATAMENTO IMEDIATO E PROVISÓRIO CARACTERÍSTICAS DO SOCORRISTA CONHECIMENTO INICATIVA CONFIANÇA CRIATIVIDADE CALMA SOLIDARIEDADE ESTADO DE CHOQUE HIPOTENSÃO COM ACENTUADA BAIXA

Leia mais

INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA (IRC) Os Rins e suas funções.

INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA (IRC) Os Rins e suas funções. INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA (IRC) Os Rins e suas funções. Possuímos dois rins que têm cor vermelho-escura, forma de grão de feijão e medem cerca de 12 cm em uma pessoa adulta.localizam-se na parte posterior

Leia mais

SENADO FEDERAL PRESSÃO CONTROLADA SENADOR CLÉSIO ANDRADE

SENADO FEDERAL PRESSÃO CONTROLADA SENADOR CLÉSIO ANDRADE SENADO FEDERAL PRESSÃO CONTROLADA SENADOR CLÉSIO ANDRADE 2 Pressão controlada apresentação Chamada popularmente de pressão alta, a hipertensão é grave por dois motivos: não apresenta sintomas, ou seja,

Leia mais

Unidade 6 Locomoção ossos e músculos

Unidade 6 Locomoção ossos e músculos Sugestões de atividades Unidade 6 Locomoção ossos e músculos 8 CIÊNCIAS 1 Esqueleto humano 1. Observe a ilustração do esqueleto humano. Dê exemplos dos seguintes tipos de ossos que existem no corpo humano

Leia mais

Cefaleia crónica diária

Cefaleia crónica diária Cefaleia crónica diária Cefaleia crónica diária O que é a cefaleia crónica diária? Comecei a ter dores de cabeça que apareciam a meio da tarde. Conseguia continuar a trabalhar mas tinha dificuldade em

Leia mais

Passos para se proteger do Ébola enquanto aguarda por assistência Documento para a Guiné-Bissau

Passos para se proteger do Ébola enquanto aguarda por assistência Documento para a Guiné-Bissau Passos para se proteger do Ébola enquanto aguarda por assistência Documento para a Guiné-Bissau 1 Lembre-se de três coisas Não tocar Isole a pessoa doente Ligue para a linha de apoio 2 Se pensa que alguém

Leia mais

VIVER BEM OS RINS DO SEU FABRÍCIO AGENOR DOENÇAS RENAIS

VIVER BEM OS RINS DO SEU FABRÍCIO AGENOR DOENÇAS RENAIS VIVER BEM OS RINS DO SEU FABRÍCIO AGENOR DOENÇAS RENAIS Leia o código e assista a história de seu Fabrício Agenor. Este é o seu Fabrício Agenor. Ele sempre gostou de comidas pesadas e com muito tempero

Leia mais

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR FOLHETO INFORMATIVO: INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR Montelucaste Generis 10 mg Comprimidos Montelucaste de sódio Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento -Conserve este folheto. Pode

Leia mais

Doenças Respiratórias O QUE SÃO E COMO AS PREVENIR?

Doenças Respiratórias O QUE SÃO E COMO AS PREVENIR? Doenças Respiratórias O QUE SÃO E COMO AS PREVENIR? O NÚMERO DE PESSOAS AFETADAS POR DOENÇAS RESPIRATÓRIAS EVITÁVEIS NÃO PÁRA DE AUMENTAR. AS CRIANÇAS E OS MAIS VELHOS SÃO OS MAIS ATINGIDOS. SÃO DOENÇAS

Leia mais

Fonte: Jornal Carreira & Sucesso - 151ª Edição

Fonte: Jornal Carreira & Sucesso - 151ª Edição IDENTIFICANDO A DEPRESSÃO Querida Internauta, Lendo o que você nos escreveu, mesmo não sendo uma profissional da área de saúde, é possível identificar alguns sintomas de uma doença silenciosa - a Depressão.

Leia mais

Entendendo a lipodistrofia

Entendendo a lipodistrofia dicas POSITHIVAS Entendendo a lipodistrofia O que é a lipodistrofia? Lipodistrofia é quando o corpo passa a absorver e a distribuir as gorduras de maneira diferente. Diminui a gordura nas pernas, braços,

Leia mais

Alongamentos para a Parte Inferior das Costas e Quadril para Fazer em sua Mesa

Alongamentos para a Parte Inferior das Costas e Quadril para Fazer em sua Mesa Flexibilidade Total Saiba como Melhorar sua Flexibilidade através de Alongamentos Específicos por Joey Atlas Alongamentos para a Parte Inferior das Costas e Quadril para Fazer em sua Mesa Rotina de 6 minutos

Leia mais

Tudo sobre Detox em apenas 5 minutos mais 3 receitas Bônus

Tudo sobre Detox em apenas 5 minutos mais 3 receitas Bônus 2 Opa, aqui é Augusto Marmo idealizador do #Dietadafibra e neste e-book vou te mostrar um ponto chave para você atingir o seu peso ideal de forma fácil e saborosa. Eu utilizei os sucos detox para a desintoxicação

Leia mais

A importância do tratamento contra a aids

A importância do tratamento contra a aids dicas POSITHIVAS A importância do tratamento contra a aids Por que tomar os medicamentos (o coquetel) contra o HIV? A aids é uma doença que ainda não tem cura, mas tem tratamento. Tomando os remédios corretamente,

Leia mais

Frio ou gripe? Nao, aos antibióticos!

Frio ou gripe? Nao, aos antibióticos! Brochura de informação Usar mal um medicamento, este torna-se ineficaz! Frio ou gripe? Nao, aos antibióticos! z6creation.net Uma iniciativa europeia em matéria de saúde. Frio ou gripe? Nao, aos antibióticos!

Leia mais

05 Queimaduras em cozinhas

05 Queimaduras em cozinhas 05 Queimaduras em cozinhas As queimaduras mais comuns são as provocadas por líquidos e a maioria das vítimas são as crianças. O álcool líquido está envolvido em grande parte dos acidentes que provocam

Leia mais

Primeiros Socorros Volume III

Primeiros Socorros Volume III Manual Primeiros Socorros Volume III um Manual de Agosto de 2008 Rua Braancamp, 52-4º 1250-051 Lisboa Tel. 212476500 geral@oportalsaude.com Copyright, todos os direitos reservados. Este Manualnão pode

Leia mais

Os antibióticos - inúteis contra. os vírus! Não aos antibióticos contra os vírus

Os antibióticos - inúteis contra. os vírus! Não aos antibióticos contra os vírus Os antibióticos - inúteis contra os vírus! Não aos antibióticos contra os vírus Os antibióticos - inúteis contra os vírus! Uma doença infecciosa pode ser provocada por um VÍ- RUS, por uma BACTÉRIA ou por

Leia mais

DO PACIENTE RENAL Tratamento conservador

DO PACIENTE RENAL Tratamento conservador aminidicionário DO PACIENTE RENAL Tratamento conservador Ao paciente e seus familiares, este pequeno dicionário tem a intenção de ajudar no entendimento da doença que passou a fazer parte das suas vidas.

Leia mais

A brisa do mar está ótima!

A brisa do mar está ótima! A brisa do mar está ótima! Mais um fim de semana. Cristiana e Roberto vão à praia e convidam Maristela para tomar um pouco de ar fresco e de sol, e tirar o mofo! É verão e o sol já está bem quente. Mas

Leia mais

CHAKRAS. Corpo, Mente e Espírito em Equilíbrio

CHAKRAS. Corpo, Mente e Espírito em Equilíbrio CHAKRAS Corpo, Mente e Espírito em Equilíbrio 1 Manú CHAKRAS Corpo, Mente e Espírito em Equilíbrio 3 ÍNDICE Prólogo... 11 Energia... 14 Os Cinco Elementos em nosso Corpo Físico... 18 Relação dos Cinco

Leia mais

VALÊNCIAS FÍSICAS. 2. VELOCIDADE DE DESLOCAMENTO: Tempo que é requerido para ir de um ponto a outro o mais rapidamente possível.

VALÊNCIAS FÍSICAS. 2. VELOCIDADE DE DESLOCAMENTO: Tempo que é requerido para ir de um ponto a outro o mais rapidamente possível. VALÊNCIAS FÍSICAS RESISTÊNCIA AERÓBICA: Qualidade física que permite ao organismo executar uma atividade de baixa para média intensidade por um longo período de tempo. Depende basicamente do estado geral

Leia mais

Qualidade de vida laboral

Qualidade de vida laboral Qualidade de vida laboral Qualidade de vida laboral INTRODUÇÃO: Prevenir doenças ocupacionais (DORT Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho / LER Lesões por Esforços Repetitivos) decorrentes

Leia mais

TODAS AS COISAS TÊM SEU TEMPO. SALOMÃO

TODAS AS COISAS TÊM SEU TEMPO. SALOMÃO TODAS AS COISAS TÊM SEU TEMPO. SALOMÃO Fertilidade Natural: Reflexologia e Shiatsu CAPÍTULO 13 Reflexologia e Shiatsu O TOQUE DA FILOSOFIA ORIENTAL O indivíduo nasce, cresce, pode ser chamado de Maria,

Leia mais

1. FANTASIAR FAZ PARTE DA CRIAÇÃO. OS MITOS

1. FANTASIAR FAZ PARTE DA CRIAÇÃO. OS MITOS 1. FANTASIAR FAZ PARTE DA CRIAÇÃO. OS MITOS SÃO CRIADOS PELA IMAGINAÇÃO. Não há como vivermos sem mitos. Desde que o homem passou FATO a caminhar ereto e a rabiscar nas paredes das cavernas, ficou clara

Leia mais

A pessoa dependente do álcool, além de prejudicar a sua própria vida, acaba afetando a sua família, amigos e colegas de trabalho.

A pessoa dependente do álcool, além de prejudicar a sua própria vida, acaba afetando a sua família, amigos e colegas de trabalho. O que é Alcoolismo? Alcoolismo é a dependência do indivíduo ao álcool, considerada doença pela Organização Mundial da Saúde. O uso constante, descontrolado e progressivo de bebidas alcoólicas pode comprometer

Leia mais

Como lidar com os problemas de deglutição após um Acidente Vascular Cerebral (AVC)

Como lidar com os problemas de deglutição após um Acidente Vascular Cerebral (AVC) Como lidar com os problemas de deglutição após um Acidente Vascular Cerebral (AVC) How to Manage Swallowing Problems After a Stroke - Portuguese UHN Informação para pacientes e famílias Leia esta informação

Leia mais

Ficha Informativa da Área dos Conhecimentos

Ficha Informativa da Área dos Conhecimentos Ficha Informativa da Área dos Conhecimentos 1 Organização das Aulas Uma aula de Educação Física é composta por três partes sequenciais, cada uma com objetivos específicos. 1.1 Parte Inicial A parte inicial

Leia mais

FÉRIAS ESCOLARES ACIDENTES DOMÉSTICOS

FÉRIAS ESCOLARES ACIDENTES DOMÉSTICOS FÉRIAS ESCOLARES X ACIDENTES DOMÉSTICOS As férias escolares exigem mais cuidados com os acidentes domésticos porque as crianças ficam mais tempo em casa e isso aumenta o risco de ocorrerem acidentes que

Leia mais

detecção do cancro do cólon

detecção do cancro do cólon Um guia sobre a detecção do cancro do cólon Por que motivo devo fazer o exame de rastreio?...because...porque I have todos a eles lot dependem of cooking to do. de mim....because...porque I have as minhas

Leia mais

VIGILÂNCIA EM SAÚDE AMBIENTAL CIEVS- Centro de Informações Estratégicas em Saúde

VIGILÂNCIA EM SAÚDE AMBIENTAL CIEVS- Centro de Informações Estratégicas em Saúde VIGILÂNCIA EM SAÚDE AMBIENTAL CIEVS- Centro de Informações Estratégicas em Saúde Boletim de Alerta do VIGIAR Palmas 09 de setembro de 2014 RECOMENDAÇÕES PARA ENFRENTAR SITUAÇÕES DE A BAIXA UMIDADE RELATIVA

Leia mais

As causas das doenças

As causas das doenças CAPÍTULO 2 As causas das doenças As pessoas têm maneiras diferentes de explicar a causa duma doença. Um bebé está com diarreia. Mas porquê? Em certas comunidades, talve digam que isso aconteceu porque

Leia mais

Punção Venosa Periférica CONCEITO

Punção Venosa Periférica CONCEITO Punção Venosa Periférica CONCEITO É a criação de um acesso venoso periférico a fim de administrar soluções ou drogas diretamente na corrente sanguínea, para se obter uma ação imediata do medicamento. Preparar

Leia mais

Lição 5. Instrução Programada

Lição 5. Instrução Programada Instrução Programada Lição 5 Na lição anterior, estudamos a medida da intensidade de urna corrente e verificamos que existem materiais que se comportam de modo diferente em relação à eletricidade: os condutores

Leia mais

O QUE VOCÊ DEVE SABER SOBRE PÉ DIABÉTICO

O QUE VOCÊ DEVE SABER SOBRE PÉ DIABÉTICO O QUE VOCÊ DEVE SABER SOBRE PÉ DIABÉTICO PROBLEMAS CAUSADOS PELO DIABETES MELLITUS CORAÇÃO: Doença arterial coronariana e risco de infarto do miocárdio RINS: Nefropatia CÉREBRO: Acidente vascular cerebral

Leia mais

Centro Médico. Plínio de Mattos Pessoa

Centro Médico. Plínio de Mattos Pessoa Centro Médico Será solicitado que você coloque uma bata cirúrgica. Poderá receber um sedativo pela boca. Será então transferido para a mesa de operações. Você será submetido a uma anestesia peridural ou

Leia mais

DOENÇAS DO SISTEMA MUSCULAR ESQUELÉTICO. Claudia de Lima Witzel

DOENÇAS DO SISTEMA MUSCULAR ESQUELÉTICO. Claudia de Lima Witzel DOENÇAS DO SISTEMA MUSCULAR ESQUELÉTICO Claudia de Lima Witzel SISTEMA MUSCULAR O tecido muscular é de origem mesodérmica (camada média, das três camadas germinativas primárias do embrião, da qual derivam

Leia mais

Prof. Carolina C. T. Haddad. Instituto Bioethicus. Curso de Especialização em Acupuntura Veterinária PULSOLOGIA

Prof. Carolina C. T. Haddad. Instituto Bioethicus. Curso de Especialização em Acupuntura Veterinária PULSOLOGIA Instituto Bioethicus Curso de Especialização em Acupuntura Veterinária PULSOLOGIA A arte da palpação é de extrema importância dentro do exame semiológico da Medicina Veterinária Tradicional Chinesa e a

Leia mais

Nesta experiência vamos ver que o conceito de temperatura pode ser subjectivo.

Nesta experiência vamos ver que o conceito de temperatura pode ser subjectivo. Estudo do Meio Físico-Natural I P06 - Termodinâmica 1 Objectivo Realizar várias experiências relacionadas com termodinâmica. 2 Quente ou frio? Nesta experiência vamos ver que o conceito de temperatura

Leia mais

Quantas vezes o olho humano pisca, por minuto?

Quantas vezes o olho humano pisca, por minuto? Quantas vezes o olho humano pisca, por minuto? Em uma conversa, os interlocutores piscam uma média de 22 vezes por minuto. Quando alguém lê, a frequência desta piscadela se produz 12 a 15 vezes por minuto.

Leia mais

Introdução. Observando o ambiente

Introdução. Observando o ambiente Introdução A curiosidade natural do homem, o leva a explorar o ambiente que o cerca, observando, analisando, realizando experiências, procurando saber o porquê das coisas. Nesta atividade, exploradora

Leia mais

3 o ano Ensino Fundamental Data: / / Revisão de Ciências Nome: Leia este texto para resolver as questões propostas.

3 o ano Ensino Fundamental Data: / / Revisão de Ciências Nome: Leia este texto para resolver as questões propostas. 3 o ano Ensino Fundamental Data: / / Revisão de Ciências Nome: Leia este texto para resolver as questões propostas. 1) O nosso corpo se divide em cabeça, tronco e membros, mas existe uma estrutura, a menor

Leia mais

Direcção-Geral da Saúde Circular Informativa

Direcção-Geral da Saúde Circular Informativa Ministério da Saúde Direcção-Geral da Saúde Circular Informativa Assunto: Para: Contacto na DGS: Ondas de calor medidas de prevenção Recomendações dirigidas à população Conhecimento de todos os estabelecimentos

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação PROVA DE RECUPERAÇÃO ANUAL DE CIÊNCIAS

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação PROVA DE RECUPERAÇÃO ANUAL DE CIÊNCIAS COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 PROVA DE RECUPERAÇÃO ANUAL DE CIÊNCIAS Aluno(a): Nº Ano: 8º Turma: Data: / /2013 Nota: Professor(a): Karina Valor da Prova: 90 pontos MATUTINO: Orientações

Leia mais

Sobre o Processo de Morrer

Sobre o Processo de Morrer Sobre o Processo de Morrer Se você nunca viu alguém morrendo, poderá ter medo do que acontecerá, mas o momento de morte é normalmente sereno. Este folheto tem o objetivo de ajudá-lo. Encontre mais informações

Leia mais

Influenza. João Pedro Marins Brum Brito da Costa (Instituto ABEL) Orientador: André Assis (UFRJ Medicina)

Influenza. João Pedro Marins Brum Brito da Costa (Instituto ABEL) Orientador: André Assis (UFRJ Medicina) Influenza João Pedro Marins Brum Brito da Costa (Instituto ABEL) Orientador: André Assis (UFRJ Medicina) O que éinfluenza Também conhecida como gripe, a influenza éuma infecção do sistema respiratório

Leia mais