Ref.: Política de uso de Internet e correio eletrônico

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Ref.: Política de uso de Internet e correio eletrônico"

Transcrição

1 Ref.: Política de uso de Internet e correio eletrônico Introdução A PROVÍNCIA LA SALLE BRASIL-CHILE, através de seu setor de Tecnologia da Informação, tem como objetivo o provimento de um serviço de qualidade, mantendo segurança, controle e disponibilidade dos recursos tecnológicos para seus usuários 1. Este documento contém normas que regem esta política e é um adendo ao contrato de Prestação de serviço estabelecido entre o usuário e a rede La Salle de ensino. A rede La Salle configurou seus serviços de Internet para prover um melhor acesso à Internet e seus serviços para o benefício dos colégios e seus funcionários. Este documento é projetado para assegurar que todos os usuários possam, de forma responsável, usar os serviços de Internet fornecidos pela rede de dados. O uso adequado dos recursos da internet, por parte da PROVÍNCIA LA SALLE BRASIL-CHILE, inserem-se no conceito de Responsabilidade Social a que esta se propõe, buscando com isso que seus colaboradores sejam parceiros. A Internet é disponibilizada aos colégios da rede La Salle com limitação de tráfego de dados 2. Esta limitação da capacidade de uso é resultado da negociação com empresas terceiras provedoras de acesso à internet. A 1 Define-se aqui o termo usuário, usado ao longo da política, como um utilizador dos recursos de Internet e s da rede La Salle. 2 Limite de transferência de informações envolvendo, por exemplo, internet e s.

2 gerência de TI, com a devida aprovação da Diretoria da rede, determinarão o acesso apropriado e o nível de segurança permitido aos usuários e montará controles ao acesso, segurança e todas as aplicações de Internet responsáveis para administrar estes controles. Responsabilidades As responsabilidades seguintes são definidas para os usuários: - O usuário é responsável pela segurança de sua conta e suas senhas; - O usuário tem que seguir as orientações dadas pelo administrador de sistema com respeito ao uso dos serviços; - A única pessoa permitida a usar uma conta é o usuário a quem aquela conta pertence; - O usuário tem consciência que os recursos de Internet como e link de acesso fornecido pela rede La Salle pertencem a mesma, podendo ser auditados quando necessário sem previa comunicação aos usuários. Não é permitido que o usuário: - Copie, transfira, examine, mude, ou apague qualquer informação ou programas que pertençam a outro usuário sem permissão expressa daquele usuário; - Copie, transfira, examine, mude, ou apague qualquer informação ou programas que pertençam a a rede La Salle sem permissão expressa da Administração; - Interfira de forma negativa com a operação do projeto de Internet e dos sistemas; - Envie ou encaminhe utilizando uma conta de origem que não possua recurso de análise e remoção de vírus de ; - Armazene, transmita, ou receba qualquer material de conteúdo obsceno, difamador, de natureza repetitiva, ou ilegal; - Copie quaisquer dados de computador ou software, a menos que autorizado pelo dono, protegido por direitos autorais; - Envie qualquer material para Internet que identifique o usuário e retrate a rede La Salle de uma maneira não profissional;

3 - Armazene arquivos (músicas, filmes, vídeos, fotos) não associados á instituição, em servidores de uso corporativo; - Faça qualquer tentativa para descobrir conta ou senha para outros usuários, ou para serviços para os quais acesso apropriado não foi autorizado; - Envie, ou encaminhe de natureza não profissional, para os demais usuários; - Execute e acesse links de s com origem desconhecida; - Envie ou encaminhe documentos anexos de maiores que a ferramenta Google Apps permite; - Abrir um arquivo recebido da Internet e s sem analise previa do antivírus; - Instalar software em qualquer computador sem a supervisão e consentimento do setor de TI; - Material sexualmente explícito, ou que contenha apologia a drogas, armas, discriminação de qualquer ordem, ou que ainda, quaisquer conteúdos ou temas contrariem a legislação pátria, não pode ser exposto, armazenado, distribuído, editado ou gravado através do uso dos recursos computacionais da rede corporativa; - Transporte software sem aprovação da compra das licenças exigidas; - Causar tráfego impróprio 3 na rede que congestione por longo tempo ou se ocupar de atividades inativas. É permitido que o usuário: - Receba acesso à internet e um correio eletrônico da rede La Salle para uso profissional; - Envie e recebe mensagens de com documentos anexos para propósitos profissionais; - Conecte e veja qualquer página na Internet com propósitos voltados para a missão da rede La Salle; - Carregue arquivos aprovados de locais da rede La Salle que são verificados pelo antivírus; - Utilize todas as ferramentas, softwares instalados e licenciados em seu computador para melhorar sua rotina de trabalho; 3 Download de arquivos maiores de 50 Mb (horário de expediente).

4 - Sendo do interesse da PROVÍNCIA LA SALLE BRASIL-CHILE que os seus empregados estejam bem informados, o uso de sites de notícias ou de serviços de notícias é aceitável, desde que o seu uso não comprometa o uso de banda da rede, nem perturbe o bom andamento dos trabalhos; - Utilizar a internet para atividades não relacionadas com os negócios durante o horário de almoço, ou fora do expediente, desde que dentro das regras de uso definidas nesta política. Exceto ao fornecimento de , a mesma política é aplicada aos alunos dos colégios que utilizam os laboratórios de informática, cabendo a monitoria dos laboratórios seu controle e responsabilidade. A PROVÍNCIA LA SALLE BRASIL-CHILE reafirma que o uso da Internet e s é uma ferramenta valiosa para seus negócios. Entretanto, o mau uso dessa facilidade pode ter impacto negativo sobre a produtividade dos funcionários e a própria reputação do negócio. Este se intensifica em redes organizacionais interligadas como da PROVÍNCIA LA SALLE BRASIL-CHILE, capazes de reunir instituições, de forma democrática e participativa, em torno de objetivos comuns. Em adição, todos os recursos tecnológicos da rede La Salle existem para o propósito exclusivo de seu negócio. Portanto, a instituição se dá ao direito de bloquear s com arquivos anexados de extensões vulneráveis como, por exemplo,.exe,.scr,.zip,.vbs,.pif, etc, monitorar o volume de tráfego na Internet e na rede, juntamente com os endereços web (http://) visitados. Também se reserva o direito de inspecionar qualquer arquivo armazenado na rede, estejam no disco local da estação ou nas áreas privadas da rede, visando assegurar o rígido cumprimento desta política. Assim, o que se aconselha é que prevaleça sempre nestas relações o principio do bom senso entre empregadores e empregados, no sentido de que o uso adequado da internet e meios eletrônicos sejam um fator de crescimento e aprimoramento profissional e que contribua de forma plena para a satisfação das atividades a que a empresa se destina.

5 Este documento é de uso exclusivo da PROVÍNCIA LA SALLE BRASIL- CHILE, que tem o direito de modificar este documento periodicamente, quando exigido, e notificar os usuários através de ou outro meio de comunicação.

6 Adendo a política de s Uso de O presente documento é um adendo a política de uso de Internet e correio eletrônico. Tem o objetivo de manter a qualidade e disponibilidade dos serviços de corporativo. Segue abaixo regras que expressam a política de uso de s quanto ao servidor de s corporativo da Rede La Salle: - Todo Irmão Lassalista, funcionário ou professor da rede La Salle tem direito a uma conta de s; Regra válida para todas as Mantidas e Mantenedoras; - As caixas postais de usuários do domínio lasalle.edu.br e lasalle.org.br são destinadas, exclusivamente, para atender aos interesses da Rede La Salle, sendo vedado seu uso para fins particulares; - O Supervisor Administrativo de cada colégio terá acesso para criar, modificar e excluir as contas de sua instituição, cabendo a este o direito de transferir a responsabilidade ao setor de informática; - A criação das contas terá o seguinte critério: - nome. sobrenome (org.br) - A Rede La Salle se reserva no direito de preservar seus equipamentos e recursos computacionais através da RECUSA do recebimento de mensagens cujos conteúdos não expressam o interesse da instituição, ou que possam colocar em risco o funcionamento dos sistemas, incluindo: 1 - Mensagens com arquivos anexados com extensões que possibilitem a propagação de virus: (.bat,.chm,.cmd,.dll,.dot,.elm,.exe,.hta,.inf,.js,.jse,.lnk,.pif,.scr,.vbs,.vxd). Esta lista está sujeita a alterações sem aviso prévio; 2 - Mensagens com códigos HTML com procedimentos (scripts) envolvendo alguma linguagem dinâmica (JavaScript, Java, ASP, C##, CGIs) ou de formulários HTML (FORM) devem ser evitadas e poderão ser

7 rejeitadas pelo sistema. Configure sua aplicação para enviar as mensagens unicamente no padrão TEXTO; 3 Mensagens oriundas de listas públicas de SPAM e acusadas pelas ferramentas do Google Apps. - Todas as mensagens são passíveis de monitoração e gravação quanto aos endereços de destino e origem (IP de origem, do remetente, IP de destino, E- mail do destinatário) e poderão ser usados para estabelecer critérios de RECUSA; - É disponibilizada uma ferramenta de uso corporativo, possibilitando a visualização e envio de s, cadastro de contatos e uso de uma agenda compartilhada; - Cada colégio terá direito para criar número ilimitado de ALIASES 4 desde que identifique sua Mantida; - Todo o acesso aos s serão pela Web; - s ou Aliases 1 de uso comum serão analisados e avaliados pela coordenação de TI da Mantenedora; - A Rede La Salle não se responsabiliza pelo conteúdo das mensagens de s armazenadas no servidor. A criação de Listas e Grupos deve ser a seguinte orientação: (edu.br), por exemplo, uma lista da equipe diretiva de determinada Mantida pode ser assim representada: Grupos não identificados da forma correta reserva o direito de remoção por parte dos administradores de Grupos da Rede. Junho de ALIASES são como apelidos ou direcionamentos de mensagens de um para outro.

Política de uso da Internet

Política de uso da Internet Política de uso da Internet Índice Introdução...02 Serviço...03 Responsabilidades...04 Uso desautorizado...05 Uso autorizado...06 Atividades disciplinares...07 Retratação...08 Declaração...09 Políticas

Leia mais

DTI DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

DTI DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DTI DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO POLÍTICA DE UTILIZAÇÃO DOS RECURSOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO ESPÍRITO SANTO 1 OBJETIVO: 1.1 A presente

Leia mais

Autores: Regina Mainente Ricardo Pereira da Silva Superintendente Controlador Interno Ano de 2015

Autores: Regina Mainente  Ricardo Pereira da Silva Superintendente Controlador Interno Ano de 2015 Autores: Regina Mainente Superintendente Ricardo Pereira da Silva Controlador Interno Ano de 2015 Índice 1. Apresentação... 03 2. Introdução... 04 3. Para que serve a Segurança da Informação... 05 4. Pilares

Leia mais

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO BASEADO NA NORMA ABNT 21:204.01-010 A Política de segurança da informação, na empresa Agiliza Promotora de Vendas, aplica-se a todos os funcionários, prestadores de

Leia mais

UTILIZAÇÃO DE RECURSOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO - TIC

UTILIZAÇÃO DE RECURSOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO - TIC Código: NO01 Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região Comitê de Segurança da Informação Secretaria de Tecnologia da Informação Núcleo de Segurança da Informação Revisão: 00 Vigência:20/04/2012 Classificação:

Leia mais

Hospedagem de Sites. Discurso difamatório distribuído através da Internet pode resultar em responsabilidade civil para o difamador.

Hospedagem de Sites. Discurso difamatório distribuído através da Internet pode resultar em responsabilidade civil para o difamador. Hospedagem de Sites 1. CONTEÚDO 1.1. CONTEÚDO NÃO PERMITIDO NOS SITES HOSPEDADOS Todos os serviços prestados pela Smart Host Web podem ser utilizados para fins legais. Transmissão, armazenamento ou apresentação

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DA BAHIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DA BAHIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DA BAHIA INSTRUÇÃO DO USO DA REDE DE COMPUTADORES DO CEFET-BA O Centro Federal de Educação Tecnológica da Bahia (CEFET-BA) possui uma rede

Leia mais

Normas e Procedimentos de Utilização da Rede

Normas e Procedimentos de Utilização da Rede Normas e Procedimentos de Utilização da Rede Setor Laboratório de TI Objetivo O objetivo maior do estabelecimento desta política é garantir a prestação de um serviço de rede de boa qualidade aos nossos

Leia mais

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO BASEADO NA NORMA ABNT 21:204.01-010 A Política de segurança da informação, na FK EQUIPAMENTOS, aplica-se a todos os funcionários, prestadores de serviços, sistemas e

Leia mais

REGULAMENTO PARA UTILIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DE REDE E EQUIPAMENTOS DE INFORMÁTICA

REGULAMENTO PARA UTILIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DE REDE E EQUIPAMENTOS DE INFORMÁTICA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE REGULAMENTO PARA UTILIZAÇÃO DOS SERVIÇOS DE REDE E EQUIPAMENTOS DE INFORMÁTICA O Campus Passo Fundo do Instituto Federal Sul-rio-grandense, através do Centro de Informática,

Leia mais

SISTEMA DE CONTROLES INTERNOS

SISTEMA DE CONTROLES INTERNOS POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO PO - PSI 1ª 1/9 ÍNDICE 1. OBJETIVO... 2 2. ALCANCE... 2 3. ÁREA GESTORA... 2 4. CONCEITOS/CRITÉRIOS GERAIS... 2 5. DIRETRIZES... 3 6. RESPONSABILIDADES... 3 6.1 Todos

Leia mais

Política de Uso Aceitável (PUA)

Política de Uso Aceitável (PUA) Política de Uso Aceitável (PUA) Este documento determina a política de Uso aceitável ("PUA") da e-hosting Internet, para cada cliente da e-hosting Internet e usuário da rede e/ou dos Internet Data Centers

Leia mais

POLÍTICA DE USO DE CORREIO ELETRÔNICO da SECRETARIA DA SAÚDE DO ESTADO DO CEARÁ

POLÍTICA DE USO DE CORREIO ELETRÔNICO da SECRETARIA DA SAÚDE DO ESTADO DO CEARÁ POLÍTICA DE USO DE CORREIO ELETRÔNICO da SECRETARIA DA SAÚDE DO ESTADO DO CEARÁ 1. OBJETIVO Definir os requisitos e as regras de segurança para o uso do correio eletrônico (e-mail) no âmbito da SESA (Secretaria

Leia mais

PORTARIA TRT 18ª GP/SGP Nº 034/2012 O DESEMBARGADOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais e

PORTARIA TRT 18ª GP/SGP Nº 034/2012 O DESEMBARGADOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais e PORTARIA TRT 18ª GP/SGP Nº 034/2012 O DESEMBARGADOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais e regulamentares, e tendo em vista o que consta do Processo

Leia mais

Política de Privacidade

Política de Privacidade Política de Privacidade Declaração de privacidade on-line da F. Hoffmann La-Roche AG Obrigado por visitar o Hotsite Accu-Ckek Connect! Na Roche entendemos que proteger a privacidade dos visitantes nos

Leia mais

MANUAL DE NORMAS DA EMBRAPA

MANUAL DE NORMAS DA EMBRAPA Sumário 1. Objetivo 2. Campo de aplicação 3. Documentos de Referência 4. Definições 5. Condições gerais 6. Condições de Acesso aos Recursos 7. Autenticação de Usuários 8. Recursos de Hardware e Software

Leia mais

Políticas de Segurança da Informação e Utilização de Recursos da Rede

Políticas de Segurança da Informação e Utilização de Recursos da Rede Políticas de Segurança da Informação e Utilização de Recursos da Rede Índice 1 Introdução... 3 2 Política de cadastro e senhas... 5 3 Política de Utilização da Internet... 7 4 Política de Utilização de

Leia mais

Que informações nós coletamos, e de que maneira?

Que informações nós coletamos, e de que maneira? Política de Privacidade Vivertz Esta é a política de privacidade da Affinion International Serviços de Fidelidade e Corretora de Seguros Ltda que dispõe as práticas de proteção à privacidade do serviço

Leia mais

REGULAMENTO E POLITICAS PARA O USO DA REDE DE COMPUTADORES DO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

REGULAMENTO E POLITICAS PARA O USO DA REDE DE COMPUTADORES DO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO REGULAMENTO E POLITICAS PARA O USO DA REDE DE COMPUTADORES DO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO 1. INTRODUÇÃO O presente documento define o regulamento para o uso apropriado da rede de computadores

Leia mais

FACULDADE CARLOS GOMES

FACULDADE CARLOS GOMES FACULDADE CARLOS GOMES MANTIDA PELA ARTE E MÚSICA LTDA. POLÍTICA DE USO DO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA FACULDADE CARLOS GOMES POLÍTICA DE USO DO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA E DA REDE Artigo 1º. Artigo 2º.

Leia mais

REGULAMENTO PARA USO DA REDE CORPORATIVA DE COMPUTADORES DA EMPRESA XX. Empresa XX LTDA

REGULAMENTO PARA USO DA REDE CORPORATIVA DE COMPUTADORES DA EMPRESA XX. Empresa XX LTDA 1 REGULAMENTO PARA USO DA REDE CORPORATIVA DE COMPUTADORES DA EMPRESA XX Empresa XX LTDA A EMPRESA XX LTDA, através de seu Comitê de Tecnologia da Informação, órgão responsável pela normatização e padronização

Leia mais

Assunto: Política de uso dos Recursos Computacionais SUMÁRIO ITEM TÓPICO _ PG I. OBJETIVO... 02 II. ABRANGÊNCIA... 02 III. RESPONSÁVEIS...

Assunto: Política de uso dos Recursos Computacionais SUMÁRIO ITEM TÓPICO _ PG I. OBJETIVO... 02 II. ABRANGÊNCIA... 02 III. RESPONSÁVEIS... PÁGINA: 1 SUMÁRIO ITEM TÓPICO _ PG I. OBJETIVO... 02 II. ABRANGÊNCIA... 02 III. RESPONSÁVEIS... 02 IV. CONCEITO... 02 1. Recursos computacionais... 02 2. Usuário... 03 V. ATRIBUIÇÕES... 03 VI. POLÍTICA

Leia mais

Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL

Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL Tutorial Hotmail Sobre o MSN Hotmail Acessando o Hotmail Como criar uma conta Efetuando o login Verificar mensagens Redigir

Leia mais

ORDEM DE SERVIÇO OS 002/DINFO/2014 29/10/2014. Art. 1º: Para fins de normatização da Política de Uso da Rede WIFI UERJ, com vistas a assegurar:

ORDEM DE SERVIÇO OS 002/DINFO/2014 29/10/2014. Art. 1º: Para fins de normatização da Política de Uso da Rede WIFI UERJ, com vistas a assegurar: A DIRETORIA DE INFORMÁTICA DINFO DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO -UERJ, no uso de suas atribuições legais, estabelece: Art. 1º: Para fins de normatização da Política de Uso da Rede WIFI UERJ,

Leia mais

Universidade de São Paulo Faculdade de Direito

Universidade de São Paulo Faculdade de Direito Universidade de São Paulo Faculdade de Direito Política de Segurança de Informação Classificação: Normas internas - Manual de Procedimentos Rev. 2.0 Data: 06/08/2014 Índice 1. Introdução... 3 2. Correio

Leia mais

Manual de Normas e Procedimentos de Segurança da Informação

Manual de Normas e Procedimentos de Segurança da Informação Manual de Normas e Procedimentos de Segurança da Informação Objetivo: Definir responsabilidades e orientar a conduta dos profissionais e usuários de informática da FECAP na utilização dos recursos computacionais,

Leia mais

O QUE? Dados pessoais e outras informações que coletamos sobre você.

O QUE? Dados pessoais e outras informações que coletamos sobre você. WECOMPANY Coworking POLÍTICA DE PRIVACIDADE Proteger a sua privacidade é importante para nós. Esta política de privacidade ("Política") descreve as nossas práticas relativas à coleta, uso e divulgação

Leia mais

Política de Utilização da Rede. Sua Empresa. Atualizado em 00/00/0000. Sua Empresa

Política de Utilização da Rede. Sua Empresa. Atualizado em 00/00/0000. Sua Empresa Atualizado em 00/00/0000 O objetivo é prestar aos funcionários serviços de rede de alta qualidade e ao mesmo tempo desenvolver um comportamento extremamente ético e profissional. Assim, para assegurar

Leia mais

PIG 001 Gestão de Recursos Humanos Data: 20/08/2013 Rev 00

PIG 001 Gestão de Recursos Humanos Data: 20/08/2013 Rev 00 PIG 001 Gestão de Recursos Humanos Data: 20/08/2013 Rev 00 01 02 PIG 001 Gestão de Recursos Humanos Data: 20/08/2013 Rev 00 PIG 001 Gestão de Recursos Humanos Data: 20/08/2013 Rev 00 03 04 PIG 001 Gestão

Leia mais

Política de Privacidade

Política de Privacidade Política de Privacidade Este documento tem por objetivo definir a Política de Privacidade da Bricon Security & IT Solutions, para regular a obtenção, o uso e a revelação das informações pessoais dos usuários

Leia mais

POLÍTICA DE UTILIZAÇÃO DA REDE/FEA

POLÍTICA DE UTILIZAÇÃO DA REDE/FEA POLÍTICA DE UTILIZAÇÃO DA REDE/FEA 1. OBJETIVO. A implantação de uma Política de Utilização de Rede, objetiva assegurar aos usuários da rede da FEA, não somente a prestação de serviços de alta qualidade,

Leia mais

Normas para o Administrador do serviço de e-mail

Normas para o Administrador do serviço de e-mail Normas para o Administrador do serviço de e-mail Os serviços de e-mails oferecidos pela USP - Universidade de São Paulo - impõem responsabilidades e obrigações a seus Administradores, com o objetivo de

Leia mais

POLÍTICA DO DEPARTAMENTO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

POLÍTICA DO DEPARTAMENTO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO POLÍTICA DO DEPARTAMENTO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Sumário POLÍTICA DE SEGURANÇA DE ACESSO A BENS DE INFORMAÇÃO.... 2 1 Política de segurança... 2 2 Dispositivos gerais... 3 2.1 Usuário de acesso e senha...

Leia mais

Cartilha de Segurança para Internet Checklist

Cartilha de Segurança para Internet Checklist Cartilha de Segurança para Internet Checklist NIC BR Security Office nbso@nic.br Versão 2.0 11 de março de 2003 Este checklist resume as principais recomendações contidas no documento intitulado Cartilha

Leia mais

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO (modelo )

POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO (modelo ) POLÍTICA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO (modelo ) A Política de segurança da informação, na A EMPRESA, aplica-se a todos os funcionários, prestadores de serviços, sistemas e serviços, incluindo trabalhos executados

Leia mais

Expresso Livre Correio Eletrônico

Expresso Livre Correio Eletrônico Expresso Livre Correio Eletrônico 1. EXPRESSO LIVRE Para fazer uso desta ferramenta de correio eletrônico acesse seu Navegador de Internet e digite o endereço eletrônico expresso.am.gov.br. Figura 1 A

Leia mais

Departamento de Tecnologia da Informação DTI Coordenadoria de Relacionamento com o Cliente CRC. Treinamento Básico do Correio Eletrônico

Departamento de Tecnologia da Informação DTI Coordenadoria de Relacionamento com o Cliente CRC. Treinamento Básico do Correio Eletrônico Departamento de Tecnologia da Informação DTI Coordenadoria de Relacionamento com o Cliente CRC Treinamento Básico do Correio Eletrônico Brasília Março de 2012 SUMÁRIO 1. Introdução... 3 1.1 Como acessar

Leia mais

REGULAMENTO PARA USO DA REDE CORPORATIVA DE COMPUTADORES DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS (UFPelNet)

REGULAMENTO PARA USO DA REDE CORPORATIVA DE COMPUTADORES DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS (UFPelNet) REGULAMENTO PARA USO DA REDE CORPORATIVA DE COMPUTADORES DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS (UFPelNet) A Universidade Federal de Pelotas (UFPel), através de seu Comitê de Tecnologia da Informação (PORTARIA

Leia mais

DECRETO Nº 52 DE 9 DE FEVEREIRO DE 2004

DECRETO Nº 52 DE 9 DE FEVEREIRO DE 2004 DECRETO Nº 52 DE 9 DE FEVEREIRO DE 2004 SÚMULA: Disciplina a utilização da rede de computadores, Internet e uso de E-mail, no âmbito da Prefeitura do Município de Londrina. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE LONDRINA,

Leia mais

FANORPI REGULAMENTO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA

FANORPI REGULAMENTO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA FANORPI REGULAMENTO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA Art. 1 O Laboratório de Informática destina-se aos acadêmicos e professores com prioridade de utilização aos acadêmicos. Art. 2 As atividades desempenhadas

Leia mais

POLÍTICA DE PRIVACIDADE DA DIXCURSOS (ANEXO AOS TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO SITE E CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS)

POLÍTICA DE PRIVACIDADE DA DIXCURSOS (ANEXO AOS TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO SITE E CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS) POLÍTICA DE PRIVACIDADE DA DIXCURSOS (ANEXO AOS TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO SITE E CONTRATAÇÃO DOS SERVIÇOS) 1. A aceitação a esta Política de Privacidade se dará com o clique no botão Eu aceito

Leia mais

POLÍTICA DE SEGURANÇA DE TI

POLÍTICA DE SEGURANÇA DE TI POLÍTICA DE SEGURANÇA DE TI 1 ÍNDICE 1. CONSIDERAÇÕES INICIAIS... 3 2. PROPÓSITO... 3 3. ABRANGÊNCIA... 3 4. DISPOSIÇÕES GERAIS... 4 5. DAS DISPOSIÇÕES ESPECÍFICAS... 6 6. DOS COMPROMISSOS... 8 7. DOS

Leia mais

Política de Privacidade da Golden Táxi Transportes Executivo. Sua Privacidade Na Golden Táxi Transportes Executivo. acredita que, como nosso

Política de Privacidade da Golden Táxi Transportes Executivo. Sua Privacidade Na Golden Táxi Transportes Executivo. acredita que, como nosso Política de Privacidade da Golden Táxi Transportes Executivo. Sua Privacidade Na Golden Táxi Transportes Executivo. acredita que, como nosso visitante on-line, você tem o direito de saber as práticas que

Leia mais

Tipos de pragas Virtuais; Como funciona os antivírus; Principais golpes virtuais; Profº Michel

Tipos de pragas Virtuais; Como funciona os antivírus; Principais golpes virtuais; Profº Michel Tipos de pragas Virtuais; Como funciona os antivírus; Principais golpes virtuais; Profº Michel Tipos de pragas virtuais 1 Vírus A mais simples e conhecida das ameaças. Esse programa malicioso pode ligar-se

Leia mais

MANUAL DO CLIENTE DE CONTAS DE EMAIL

MANUAL DO CLIENTE DE CONTAS DE EMAIL MANUAL DO CLIENTE DE CONTAS DE EMAIL Índice 1 Introdução 2 2 Contas de Emails 2 3 Conceitos do Serviço de Emails 2 4 Acesso Webmail 3 6 Alterar Senha Via Web 9 7 Solução de Problemas 10 ocedimento 11 8

Leia mais

Universidade Federal de Sergipe

Universidade Federal de Sergipe Universidade Federal de Sergipe Centro de Processamento de Dados Coordenação de Redes Regras de Acesso à Rede Sem Fio da UFS 1. DESCRIÇÃO A rede sem fio do projeto Wi-Fi UFS foi concebida para complementar

Leia mais

UTILIZAÇÃO DE RECURSOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO TIC

UTILIZAÇÃO DE RECURSOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO TIC Código: NO01 Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região Comissão de Segurança da Informação Núcleo de Governança Corporativa de TIC Setor de Segurança da Informação Revisão: 1.1 Vigência: 12/02/2016 Classificação:

Leia mais

7. CANCELAMENTO E REAJUSTES

7. CANCELAMENTO E REAJUSTES POLÍTICAS DE USO 1. Como nosso cliente, você terá responsabilidades legais e éticas quanto ao uso dos serviços. A K2TV se reserva ao direito de suspender ou cancelar o acesso à conta de um cliente a qualquer

Leia mais

3.2 SSI: formulário de Solicitação de Serviço à Informática - SSI, disponível na Intranet (Portal Corporativo Record).

3.2 SSI: formulário de Solicitação de Serviço à Informática - SSI, disponível na Intranet (Portal Corporativo Record). 1. OBJETIVOS Regulamentar o processo a ser seguido pelos usuários para liberação de ferramentas e recursos de Tecnologia da Informação, visando otimizar e agilizar as solicitações de forma que não gere

Leia mais

Manual para novos servidores da UTFPR-FB

Manual para novos servidores da UTFPR-FB Manual para novos servidores da UTFPR-FB Esse manual tem a finalidade de orientar novos servidores da UTFPR-FB no que se refere a utilização dos recursos de TI. Sejam bem vindos! CÂMPUS FRANCISCO BELTRÃO

Leia mais

Soluções de vídeos na Internet www.k2tv.com.br POLÍTICAS DE USO

Soluções de vídeos na Internet www.k2tv.com.br POLÍTICAS DE USO POLÍTICAS DE USO 1. Como nosso cliente, você terá responsabilidades legais e éticas quanto ao uso dos serviços. A K2TV se reserva ao direito de suspender ou cancelar o acesso a conta de um cliente a qualquer

Leia mais

C O N C E I T O E I M A G E M. Transparência nas Ações

C O N C E I T O E I M A G E M. Transparência nas Ações C O N C E I T O E I M A G E M. Transparência nas Ações 1. TERMOS GERAIS Este é um serviço de usuários de web ou mesmo de criação espontânea de grupos virtuais, destinado à troca de assuntos interligados

Leia mais

O uso e/ou acesso ao Site deverá ser feito de acordo com leis, regulamentos e normas vigentes no país, incluindo o Marco Civil da Internet.

O uso e/ou acesso ao Site deverá ser feito de acordo com leis, regulamentos e normas vigentes no país, incluindo o Marco Civil da Internet. POR FAVOR, LEIA ATENTAMENTE ESTES TERMOS DE USO E CONDIÇÕES DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO ( TERMOS ) ANTES DE USAR E/OU SER INSCRITO EM NOSSOS SITES (http://riskmanageracademy.modulo.com.br/ E http://education.modulo.com.br/lms/)

Leia mais

Termos Gerais e Condições de Uso. Versão Data: Janeiro de 2015. 1. O Serviço do Website

Termos Gerais e Condições de Uso. Versão Data: Janeiro de 2015. 1. O Serviço do Website Termos Gerais e Condições de Uso Versão Data: Janeiro de 2015 1. O Serviço do Website Bem-vindo à www.praticalone.com ( Website ), o portal de internet operado pela Pratical One Tecnologia da Informação

Leia mais

Informática Básica. Internet Intranet Extranet

Informática Básica. Internet Intranet Extranet Informática Básica Internet Intranet Extranet Para começar... O que é Internet? Como a Internet nasceu? Como funciona a Internet? Serviços da Internet Considerações finais O que é Internet? Ah, essa eu

Leia mais

WEBMAIL Política de Uso Aceitável

WEBMAIL Política de Uso Aceitável WEBMAIL Política de Uso Aceitável Bem-vindo ao Correio Eletrônico da UFJF. O Correio Eletrônico da UFJF (Correio-UFJF) foi criado para ajudá-lo em suas comunicações internas e/ou externas à Universidade.

Leia mais

REGULAMENTAÇÃO Nº 1, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2011.

REGULAMENTAÇÃO Nº 1, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2011. REGULAMENTAÇÃO Nº 1, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2011. Regulamenta o uso do correio eletrônico institucional e normatiza as regras para criação e exclusão de caixas postais institucionais. TÍTULO I DO OBJETIVO

Leia mais

ATA - Exercícios Informática Carlos Viana. 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor.

ATA - Exercícios Informática Carlos Viana. 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ATA - Exercícios Informática Carlos Viana 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ATA EXERCÍCIOS CARLOS VIANA 01 -Existem vários tipos de vírus de computadores, dentre

Leia mais

INTERNET OUTLOOK. 1. Considerando os conceitos e os modos de navegação na Internet, assinale a opção correta.

INTERNET OUTLOOK. 1. Considerando os conceitos e os modos de navegação na Internet, assinale a opção correta. Prof. Júlio César S. Ramos P á g i n a 1 INTERNET OUTLOOK 1. Considerando os conceitos e os modos de navegação na Internet, assinale a opção correta. A O Outlook Express permite criar grupo de pessoas

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSAD Nº 015/2010

DELIBERAÇÃO CONSAD Nº 015/2010 DELIBERAÇÃO CONSAD Nº 015/2010 Aprova o Regulamento para Políticas de Uso de Recursos de Tecnologia da Informação (TI) da Universidade de Taubaté. O CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO, na conformidade do disposto

Leia mais

Termos de Serviço do Porto Vias

Termos de Serviço do Porto Vias Termos de Serviço do Porto Vias Bem-vindo ao Porto Vias! O Porto Vias O Porto Vias é um serviço desenvolvido pela Porto Seguro para ajudar os usuários a escolherem o melhor trajeto entre os caminhos previamente

Leia mais

ORIENTAÇÕES SOBRE O USO DA INTERNET E

ORIENTAÇÕES SOBRE O USO DA INTERNET E ORIENTAÇÕES SOBRE O USO DA INTERNET E DO CORREIO ELECTRÓNICO NA SECRETARIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO CÓDIGO DE CONDUTA (VERSÃO 1.0 2005-12-09) Índice 1 INTRODUÇÃO...2 2 CÓDIGO DE CONDUTA...2 2.1 CONDIÇÕES GERAIS

Leia mais

LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA POLÍTICA DE USO DE FUNCIONAMENTO

LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA POLÍTICA DE USO DE FUNCIONAMENTO FACULDADE DE ENSINO SUPERIOR DO PIAUÍ - FACULDADE DE ENSINO SUPERIOR DO PIAUÍ Rua 1º de Maio Nº 2235/N Bairro Primavera Qualidade em Educação Teresina PI Brasil Fone:(86) 2107-2200 www.faespi.com.br/faespi.edu@gmail.com

Leia mais

Notícia de privacidade da Johnson Controls

Notícia de privacidade da Johnson Controls Notícia de privacidade da Johnson Controls A Johnson Controls, Inc. e companhias filiadas (coletivamente, Johnson Controls, nós ou nossa) respeitam sua privacidade e estão comprometidas em processar suas

Leia mais

DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SETOR DE ESTÚDIO E SUPORTE MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO WEBMAIL DA FTC EAD

DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SETOR DE ESTÚDIO E SUPORTE MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO WEBMAIL DA FTC EAD DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SETOR DE ESTÚDIO E SUPORTE MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO WEBMAIL DA FTC EAD Salvador Bahia Março/2010 MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO WEBMAIL Este manual contém a descrição das

Leia mais

TERMO DE HOSPEDAGEM DE SITES INSTRUMENTO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

TERMO DE HOSPEDAGEM DE SITES INSTRUMENTO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS TERMO DE HOSPEDAGEM DE SITES INSTRUMENTO PARTICULAR DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Pelo presente instrumento particular, de um lado a SARON TECNOLOGIAS, denominada CONTRATADA. E de outro lado o doravante CONTRATANTE,

Leia mais

Manual do Instar Mail Sumário

Manual do Instar Mail Sumário Manual do Instar Mail Sumário 1 - Apresentação do sistema... 2 2 - Menu cliente... 2 3 - Menu Importação... 5 4 - Menu Campanhas... 9 5 - Menu banco de arquivos... 16 6 - Menu agendamento... 16 7 - Menu

Leia mais

Dicas de Segurança no uso de Computadores Desktops

Dicas de Segurança no uso de Computadores Desktops Universidade Federal de Goiás Dicas de Segurança no uso de Computadores Desktops Jánison Calixto CERCOMP UFG Cronograma Introdução Conceitos Senhas Leitores de E-Mail Navegadores Anti-Vírus Firewall Backup

Leia mais

Contrato de Hospedagem de Domínio na Web Última atualização: 01/01/2012 versão 1.1

Contrato de Hospedagem de Domínio na Web Última atualização: 01/01/2012 versão 1.1 CONTRATANTE PESSOA JURÍDICA,. pessoa jurídica de direito privado, residente na cidade de ( ), à, nº, centro, inscrita no CPF sob o número.., neste ato representada na forma legal, doravante denominada

Leia mais

INFORMÁTICA APLICADA AULA 06 INTERNET

INFORMÁTICA APLICADA AULA 06 INTERNET UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO CURSO: Bacharelado em Ciências e Tecnologia INFORMÁTICA APLICADA AULA 06 INTERNET Profª Danielle Casillo SUMÁRIO O que é Internet Conceitos básicos de internet

Leia mais

GLADIADOR INTERNET CONTROLADA v.1.2.3.9

GLADIADOR INTERNET CONTROLADA v.1.2.3.9 GLADIADOR INTERNET CONTROLADA v.1.2.3.9 Pela grande necessidade de controlar a internet de diversos clientes, a NSC Soluções em Informática desenvolveu um novo produto capaz de gerenciar todos os recursos

Leia mais

NORMAS PARA UTILIZAÇÃO DA REDE SETUR

NORMAS PARA UTILIZAÇÃO DA REDE SETUR NORMAS PARA UTILIZAÇÃO DA REDE SETUR GETAD/TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 1-OBJETIVO Esta norma estabelece os critérios e procedimentos relacionados à utilização da REDE SETUR por todos os servidores, estagiários

Leia mais

Discurso difamatório distribuído através da Internet pode resultar em responsabilidade civil para o difamador.

Discurso difamatório distribuído através da Internet pode resultar em responsabilidade civil para o difamador. Termos 1.1. PUBLICIDADE E USO COMERCIAL É permitida a divulgação de publicidade e o uso comercial dos sites. 1.2. CONTEÚDO OFENSIVO Discurso difamatório distribuído através da Internet pode resultar em

Leia mais

Proteger as informações da empresa para a qual trabalhamos é um dever de todos nós!

Proteger as informações da empresa para a qual trabalhamos é um dever de todos nós! Prezado Colaborador, O conteúdo desta cartilha tem como objetivo compartilhar alguns conceitos relacionados ao tema Segurança da Informação. Além de dicas de como tratar os recursos e as informações corporativas

Leia mais

Acesse o Portal da Instituição (http://www.mp.sp.gov.br), e clique na figura.

Acesse o Portal da Instituição (http://www.mp.sp.gov.br), e clique na figura. Seja bem-vindo ao serviço de Correio Eletrônico do Portal do Ministério Público do Estado de São Paulo. O WEBMAIL é um serviço disponível no Portal do Ministério Público do Estado de São Paulo, que permite

Leia mais

FICHA DE CADASTRO DE USUÁRIO:

FICHA DE CADASTRO DE USUÁRIO: FICHA DE CADASTRO DE USUÁRIO: www.condominio-on-line.com Email: * CPF / CNPJ: * Nome: * Apelido: Morador: Proprietário [ ] Inquilino [ ] * Complemento: * Tel. Celular: (Visão - Síndico) Tel. Residencial:

Leia mais

FERRAMENTAS DE EMAIL Usada para visualizar emails (correio eletrônico).

FERRAMENTAS DE EMAIL Usada para visualizar emails (correio eletrônico). FERRAMENTAS DE EMAIL Usada para visualizar emails (correio eletrônico). CLIENTE DE EMAIL - OUTLOOK (Microsoft Office). - Outlook Express (Windows). - Mozilla Thunderbird (Soft Livre). - Eudora. - IncredMail.

Leia mais

versão 1.0 26/02/2010

versão 1.0 26/02/2010 Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal do Espírito Santo POLÍTICA DE USO DOS RECURSOS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO versão 1.0 26/02/2010 Pró-Reitoria

Leia mais

Correio Eletrônico Outlook Express. Prof. Rafael www.facebook.com/rafampsilva rafampsilva@yahoo.com.br

Correio Eletrônico Outlook Express. Prof. Rafael www.facebook.com/rafampsilva rafampsilva@yahoo.com.br Correio Eletrônico Outlook Express Prof. Rafael www.facebook.com/rafampsilva rafampsilva@yahoo.com.br O Microsoft Outlook é o principal cliente de mensagens e colaboração para ajudá-lo a obter os melhores

Leia mais

ORDEM DE SERVIÇO OS 004/DINFO/2013 05/11/2013

ORDEM DE SERVIÇO OS 004/DINFO/2013 05/11/2013 A DIRETORIA DE INFORMÁTICA DINFO DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UERJ, no uso de suas atribuições legais, estabelece: Art. 1º: Para fins de normatização da Política de Uso da Rede de Dados

Leia mais

Acesse a página inicial do NET Antivírus + Backup : www.netcombo.com.br/antivirus. Teremos 3 opções.

Acesse a página inicial do NET Antivírus + Backup : www.netcombo.com.br/antivirus. Teremos 3 opções. Acesse a página inicial do NET Antivírus + Backup : www.netcombo.com.br/antivirus. Teremos 3 opções. Esse box destina-se ao cliente que já efetuou o seu primeiro acesso e cadastrou um login e senha. Após

Leia mais

1. Regras relativas ao conteúdo dos sites hospedados

1. Regras relativas ao conteúdo dos sites hospedados 1. Regras relativas ao conteúdo dos sites hospedados 1.1.1 Os serviços prestados pela Level Server só poderão ser utilizados, pelo Cliente, para fins legais. Qualquer utilização feita em desacordo com

Leia mais

Guia de Atualização PROJURIS WEB 4.5. Manual do Técnico Atualização - ProJuris Web 4.5. Manual do Técnico Atualização - ProJuris Web 4.

Guia de Atualização PROJURIS WEB 4.5. Manual do Técnico Atualização - ProJuris Web 4.5. Manual do Técnico Atualização - ProJuris Web 4. Guia de Atualização PROJURIS WEB 4.5 Por: Fabio Pozzebon Soares Página 1 de 11 Sistema ProJuris é um conjunto de componentes 100% Web, nativamente integrados, e que possuem interface com vários idiomas,

Leia mais

Condições de utilização de nossos serviços. Por favor, esteja certo que atenda essas políticas de uso antes de contratar os nossos serviços.

Condições de utilização de nossos serviços. Por favor, esteja certo que atenda essas políticas de uso antes de contratar os nossos serviços. Condições de utilização de nossos serviços Por favor, esteja certo que atenda essas políticas de uso antes de contratar os nossos serviços. Como nosso cliente, você terá certas responsabilidades legais

Leia mais

TERMO DE USO DE SERVIÇO DE VALOR ADICIONADO (SVA)

TERMO DE USO DE SERVIÇO DE VALOR ADICIONADO (SVA) TERMO DE USO DE SERVIÇO DE VALOR ADICIONADO (SVA) Código do Serviço: 3110001 Nome do Serviço: SAN Cloud Mail Data de Publicação: 30-04-2013 Entrada em Vigor: 01-06-2013 Versão: 1.0000 Status: Publicado

Leia mais

MYBIKES, única e exclusiva proprietária dos domínios que utilizam a marca MYBIKES, como: "http://www.mybikes.com.br", e doravante denominada

MYBIKES, única e exclusiva proprietária dos domínios que utilizam a marca MYBIKES, como: http://www.mybikes.com.br, e doravante denominada MYBIKES, única e exclusiva proprietária dos domínios que utilizam a marca MYBIKES, como: "http://www.mybikes.com.br", e doravante denominada unicamente de, estabelece o presente instrumento, denominado

Leia mais

POLÍTICA DE UTILIZAÇÃO

POLÍTICA DE UTILIZAÇÃO POLÍTICA DE UTILIZAÇÃO A SLZ HOST é dedicada a fornecer um serviço de qualidade máxima. Os termos e condições que seguem são necessários para assegurar que nós possamos continuar fornecendo o melhor serviço

Leia mais

Regulamento Interno de Segurança da Informação ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO CEARÁ - ALCE. Revisão 02

Regulamento Interno de Segurança da Informação ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO CEARÁ - ALCE. Revisão 02 Regulamento Interno de Segurança da Informação ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO CEARÁ - ALCE Revisão 02 As informações contidas neste documento são restritas à ALCE, não podendo ser divulgadas a terceiros

Leia mais

NORMAS DE UTILIZAÇÃO DOS RECURSOS COMPUTACIONAIS E DE REDES

NORMAS DE UTILIZAÇÃO DOS RECURSOS COMPUTACIONAIS E DE REDES NORMAS DE UTILIZAÇÃO DOS RECURSOS COMPUTACIONAIS E DE REDES Sumário Sumário 1. DO OBJETIVO.................................... 3 2. DO PRINCÍPIO BÁSICO............................... 3 3. DAS DEFINIÇÕES..................................

Leia mais

Para os outros planos o suporte técnico limita se apenas à prestação do serviço de hospedagem de arquivos Web.

Para os outros planos o suporte técnico limita se apenas à prestação do serviço de hospedagem de arquivos Web. Termos e Condições Ao Contratante: Para o uso correto de nossos serviços é necessário um conhecimento prévio de informática, internet, protocolos e operações técnicas básicas, sendo o cliente responsável

Leia mais

Manual de Usuário do UnB Webmail Destinado aos usuários de e-mail da Universidade de Brasília MODO DINÂMICO

Manual de Usuário do UnB Webmail Destinado aos usuários de e-mail da Universidade de Brasília MODO DINÂMICO Destinado aos usuários de e-mail da Universidade de Brasília MODO DINÂMICO Elaboração: Equipe de Suporte Avançado do CPD SA/SRS/CPD/UnB suporte@unb.br Universidade de Brasília Brasília / 2014 Resumo A

Leia mais

Configuração do Outlook para o servidor da SET

Configuração do Outlook para o servidor da SET Configuração do Outlook para o servidor da SET Selecione Ferramentas + Contas... no seu Outlook Express. Clique no botão Adicionar + Email, para acrescentar uma nova conta, ou no botão Propriedades para

Leia mais

TERMO DE USO DE SERVIÇO DE VALOR ADICIONADO (SVA)

TERMO DE USO DE SERVIÇO DE VALOR ADICIONADO (SVA) TERMO DE USO DE SERVIÇO DE VALOR ADICIONADO (SVA) Código do Serviço: 3110001 Nome do Serviço: Data de Publicação: 30/04/2013 Entrada em Vigor: SAN CLOUD MAIL 01/06/2013 Versão: 1.0000 Status: Publicado

Leia mais

http://aurelio.net/vim/vim-basico.txt Entrar neste site/arquivo e estudar esse aplicativo Prof. Ricardo César de Carvalho

http://aurelio.net/vim/vim-basico.txt Entrar neste site/arquivo e estudar esse aplicativo Prof. Ricardo César de Carvalho vi http://aurelio.net/vim/vim-basico.txt Entrar neste site/arquivo e estudar esse aplicativo Administração de Redes de Computadores Resumo de Serviços em Rede Linux Controlador de Domínio Servidor DNS

Leia mais

USO DOS SERVIÇOS DE E-MAIL

USO DOS SERVIÇOS DE E-MAIL USO DOS SERVIÇOS DE E-MAIL 1. OBJETIVO Estabelecer responsabilidades e requisitos básicos de uso dos serviços de Correio Eletrônico, no ambiente de Tecnologia da Informação da CREMER S/A. 2. DEFINIÇÕES

Leia mais

Política de uso de dados

Política de uso de dados Política de uso de dados A política de dados ajudará você a entender como funciona as informações completadas na sua área Minhas Festas. I. Informações que recebemos e como são usadas Suas informações

Leia mais

CONDIÇÕES E TERMOS DE SERVIÇO E UTILIZAÇÃO "CloudSP" A CloudSP provê serviços de hospedagem compartilhada a clientes em todo o território brasileiro.

CONDIÇÕES E TERMOS DE SERVIÇO E UTILIZAÇÃO CloudSP A CloudSP provê serviços de hospedagem compartilhada a clientes em todo o território brasileiro. CONDIÇÕES E TERMOS DE SERVIÇO E UTILIZAÇÃO "CloudSP" A CloudSP provê serviços de hospedagem compartilhada a clientes em todo o território brasileiro. Temos a responsabilidade de proteger cada cliente e

Leia mais

ADENDO DE ACESSO À DEMONSTRAÇÃO DE CLOUD SERVICES DA ORACLE AO CONTRATO DA ORACLE PARTNERNETWORK

ADENDO DE ACESSO À DEMONSTRAÇÃO DE CLOUD SERVICES DA ORACLE AO CONTRATO DA ORACLE PARTNERNETWORK ROLE E LEIA ATENTAMENTE TODOS OS SEGUINTES TERMOS A SEGUIR ATÉ O FIM. ESTE DOCUMENTO É UM ADENDO AOS TERMOS DO CONTRATO DA ORACLE PARTNERNETWORK ENTRE VOCÊ E A ORACLE, E É UM CONTRATO LEGAL DEFININDO OS

Leia mais